domingo, 23 de janeiro de 2011

TRÊS ANOS DE BLOGUINHO

Oi, gente querida e fofinha! Este post precisa ser rápido (mas, só pra variar, não vai ser), porque estou correndo e é mais pra marcar o terceiro aniversário do bloguinho. Pois é, faz exatamente três anos que comecei o blog (e agora que me toquei: ontem faz 3 anos que Heath Ledger morreu). Sei que todo santo ano eu digo que não sei até quando irá o blog, ou pelo menos que não sei se conseguirei manter o ritmo insano de um post (dos grandinhos, daqueles que o pessoal diz que ninguém mais lê na internet) por dia. Por algum milagre da natureza, ou alguma loucura minha, em 2010 foram 386 posts, menos que em 2009 (468) ,e muito menos que em 08 (645), mas superando a média de um por dia. Os posts de 1998 a 2007, pra quem não sabe, são textos que eu ou publiquei no jornal onde escrevo há treze anos, o A Notícia, de Santa Catarina, ou no site pra que colaborei entre 2000 e 2007, o Lost Art. Como todos os textos são meus, eu trouxe pra cá. Mas é por isso que a maior parte deles não têm comentários — porque não foram publicados em “tempo real”.
Em outubro de 2010 o blog atingiu a linda marca de um milhão de visitas, e, em dezembro (acho), a de dois milhões de page views. Desde que entrei no Twitter, no final de agosto (estou agora com 1.728 seguidores, sigo umas 168 pessoas, e já escrevi ridículos 4,500 tweets), as visitas do blog subiram bastante e se consolidaram acima das 2 mil por dia. Claro que o semestre eleitoral também ajuda. Todo blog que escreveu sobre as eleições, suponho, recebeu mais visitas que o normal.
No ano passado, neste mesmo bat-espaço, o blog tinha 481 seguidores (que são essas fotinhas aí do lado). Agora tá mais que o dobro, com 1,155. Eu queria poder ver todas as mil e poucas fotos, mas não sei como. E também não faço ideia do número de pessoas que acompanham o blog através de feed.
Apesar de não dar mesmo pra ficar rica com o blog, eu gosto muito daqui. Às vezes me canso um pouquinho, porque tem um pessoal sem noção que não é necessariamente troll, é só que não aprende mesmo. Às vezes a “obrigação” de escrever um post todo dia cansa também, se bem que geralmente muita coisa me inspira e assunto não falta. O que falta é tempo. Ano passado foi meu primeiro ano como professora universitária contratada e tal, e foi ótimo, adorei as aulas, participei de vários congressos, mas publicar, publicar trabalho acadêmico mesmo, foi quase nada. E tem aquele provérbio, “publish or perish” (publique ou morra; por isso o cartum ao lado é atualmente meu favorito). Então, não sei se, eu não tivesse o blog, eu me dedicaria mais ao meu trabalho ou jogaria horas fora fazendo qualquer outra coisa. Desconfio que seria mais o segundo caso. Mas este ano, definitivamente, não vou fazer o possível e o impossível pra escrever um post por dia. Até porque em julho vou tirar férias na faculdade, e quero viajar e ficar longe da internet por algumas semanas. Repouso absoluto! Acho que isso é importante pra eu ter vontade de continuar com o bloguinho.
O ano do blog foi excelente. Além do crescimento, o concurso de blogueiras sobre a origem do feminismo de cada uma foi um sucesso, com 32 posts inscritos e quase 1,500 votos. Também publiquei 21 guest posts, com visões e experiências diferentes das minhas. E colaborei para eleger a primeira presidenta do Brasil.
99% das pessoas que comentam aqui, que se comunicam comigo no Twitter, que
me mandam emails, são maravilhosas. E é pra vocês que eu escrevo. Seria absurdo escrever pro 1%. Não vou mentir: lógico que adoro saber que influencio algumas pessoas, que faço com que algumas vejam alguma coisa por um outro ângulo, que ajudo a abrir a cabeça (aliás, reitero o convite pra quem mora em Fortaleza: vou dar um curso de crítica à mídia na UFC. É grátis e aberto a quem quiser). E lógico que estou ciente da minha insignificância. Não sou nenhuma celebridade, e a repercussão de um blog médio (acho que com mais de 100 mil page views por mês já dá pra chamar de médio, né?) como o meu é limitadíssima. Mas tenho certeza que contribuo pra mudar o mundo — assim como tod@s que tentam desmontar o senso comum.
Bom, gente, deixa eu ver (manualmente!) quais foram os posts mais comentados de 2010. Imagino que existam ferramentas que digam isso, mas eu só conheço indo de post em post. É interessante ver a diversidade de assuntos.

Posts mais comentados:

Não culpo marinistas, só acho vocês uns bobões - outubro, 157 comentários.
Da série Comentários Cretinos - abril, 139 com.

Não tem homofobia no Brasil - novembro, 136 com.
Não somos homofóbicos - novembro, 122 com.
Meu reino por uma vassoura - março, 116 com.

Pode vir quente que estamos fervendo, segundo turno - outubro, 115 com.
Quero que os alarmes de carro morram - novembro, 110 com.

A nossa mídia é tão imparcial - abril, 100 com.
Queridos jovens, - novembro, 98 com.
Impressões sobre o MTV Debate - setembro, 93 com.
A pior noite da minha vida? - janeiro, 93 com.
O negro na novela brasileira - setembro, 89 com.

Saga Crepúsculo é machista, feminista, ambas ou nenhuma das anteriores? - julho, 89 com.
Importantíssimo: o golpe dos dois documentos para votar - agosto, 88 com.
O amor é lindo - abril, 88 com.

Psicologia evolucionista? Só rindo - fevereiro, 87 com.
Mentiram pra mim: ter filhos não traz felicidade - julho, 85 com.
A família brasileira corre perigo. E a gente também - setembro, 84 com.

Eu não mudo de lado - outubro, 83 com.
Quer parar de ser chamado de homofóbico? Pergunte-me como - fevereiro, 83 com.
Rodeio de gordas: o preconceito dá um passinho à frente - outubro, 82 com.
As nossas práticas e as deles - outubro, 82 com.
Lolinha ri e recebe pedradas - maio, 82 com.
Olha quem manda aqui - abril, 82 com.
Por essa vcs não esperavam: eu falando de BBB - janeiro, 81 com.

De quem é o abuso de autoridade? - dezembro, 79 com.
Não confie num blog cheio de erros primários - junho, 79 com.
Cansei de ver 'De volta à Idade Média, a missão' - outubro, 78 com.
Blogueiras invisíveis? Culpa nossa, de quem mais? - novembro, 76 com.
Não é feio! É apenas sujo, doente e perigoso - agosto, 76 com.
Alguns esclarecimentos da grossa aqui - abril, 75 com.
Homem, faça a sua parte - novembro, 74 com.
Circuncidar ou não circuncidar, eis a questão - março, 72 com.

Posts ignorados, com o menor número de comentários:
Quanto poupar pra se aposentar, o mistério - julho, 9 com.
Coronel Landa, uma questão de presença - junho, 9 com.
Efeito Isidoro - janeiro, 9 com.

Dennis Hopper, (outro) rebelde sem causa - maio, 8 com.
Silêncio: crânios dialogando - fevereiro, 8 com.
Um título desonroso pra África do Sul - fevereiro, 8 com.
Algumas imagens marcantes da década - dezembro, 7 com.
Naufraga a chapa imbatível da capilaridade nacional - junho, 7 com.
Os queijos árabes que nunca fiz - janeiro, 7 com.
Prova definitiva que eles não têm noção - outubro, 6 com.
Um bolo para seu pai - agosto, 6 com.
Diálogo perdido no computador - maio, 6 com.
Eu amo meu marido - outubro, 4 com.

35 comentários:

Ramiro Catelan disse...

Meus parabéns, Lola! Como já disse antes, gosto muitíssimo do teu blog e entro nele praticamente todos os dias. Que venham mais e mais anos.

Beijos,
Ramiro Catelan
http://twitter.com/ramiro_fc

Deise Luz disse...

Parabéns Lola!

Não comento muito por aqui, mas acompanho o blog quase que diariamente. Adoro! E conheci outros blogs que hoje são especiais pra mim por meio do seu.

Confesso que só de ler a parte do "não sei até quando continuarei com o blog" dá um friozinho na barriga. Ai, me apeguei demais a essa espaço!

Abraços!

Alan Raspante disse...

Lola, acho que já tem um ano e meio que acompanho o teu blog, um bom tempo já....e bem, nunca me ocorreu de comentar: sempre entro, leio e caio fora! rs

Não me pergunte o motivo.

Enfim, achei uma bo oportunidade comentar agora, neste momento que creio, é impotante pra você.

Parabéns pelo aniversário do blog e espero imensamente que o blog cresça mais e mais e claro, tenha uma vida longa.

Parabéns pelo excelente trabalho feito aqui!

[]s

Caso me esqueçam disse...

quanta modestia nesse post! mas como auto-elogio realmente nao pega bem pra ninguem, por mais que, no seu caso, fosse admissivel, a gente fala por aqui, em coro:

vida longa pro blog da lola! :D

(viu? elogio de graaaatis) :)

beijo, lola!

Carina Prates disse...

Prabéns, Lola. Você é muito importante na blogosfera.

Lord Anderson disse...

Poxa, lola que dure pelo menos mais 30 anos, rs

Tem me feito muito bem visitar esse blog, conhecer tanta gente legal.

Abrir a mente, questionar os padrões...

Melhorar enquanto pessoa.

como disse a amiga ai em cima:

vida longa pro blog da lola! :D

Isabela Campoi disse...

"Parabéns, Lola. Você é muito importante na blogosfera." (2)

Dona Aninha disse...

Lola, te conheci por indicação de amigos queridos - uma, seguidora sua - e frequentemente não comento, mas seus posts viram debate na minha sala de trabalho!
Adoro!
Sucesso, vc e linda, sua linda! hehehe Beijão!

Vera Silva disse...

Cheguei aqui há algum tempo pelo blog do Miguel do Rosário, mas não conseguia comentar por não ter uma identidade que era aceita.
Quero cumprimentá-la pelo aniversário do blog e pelo seu feminismo vivido e consciente. Também sou feminista desde o tempo em que lia Carmem da Silva na Claúdia (pois é, a Cláudia já foi uma revista boa) e ler o que você escreve é um refrigério e ajuda a termos força e a continuar a combater.
Mandei seu post sobre o efeito colateral do Bolsa Família para várias amigas que também são feministas vividas e conscientes. É um post fantástico.
Diminua um pouco o ritmo, mas não pare. Seus posts são tão bons que os efeitos permitem muitas reflexões e ações. Então podem ser dia-sim, dia não.

Leila Silva disse...

Parabéns! E tomara que continue por um bom tempo, ainda que não seja um post por dia.
abraço

Ana disse...

Parabéns! ^^

Sheryda Lopes disse...

Adoro muito seu blog, e agora mais ainda! Acredito que eu e Poto completamos 3 anos de namoro hj? Ligação cósmica!

Borboletas nos Olhos disse...

Parabéns pela longevidade e encanto do blog. Venho aqui todos os dias.
"vida longa pro blog da lola! (2)"

sayron disse...

parabens pelos 3 anos do blog lola, descobri-o esse ano e frequento sempre,saiba que além de informar quem lê, voce contribui para uma visao mais sensata dos acontecimentos. Nada de largar o blog hein?

nelsonalvespinto disse...

Parabéns, Lola.

Conheci seu blog pelo twitter. Um post bem equlibrado sobre as intervenções da globo nas eleições.

Escrever é vício. Eu te sugiro diminuir pra três tópicos por semana. Ou mesmo dois. Note que vários posts recentes tem debates fluindo.

Diego Cesar disse...

Parabéns pelos 3 anos de blog!! Acho todos os seus textos insights superbacanas. Virei fã do blog desde que encontrei por acaso, durante uma ida ao lab da faculdade. Eu que gosto do tema marketing online e estudei blogs pra fins de marketing, vejo seu espaço como um exemplo ativo de blog de sucesso e blogueira influente. Fora isso, vc parece ser uma pessoa muito bacana e mente aberta. Mesmo pela tela do pc percebemos isso. Seus leitores não irão te abandonar, não importa seu número de posts. Continue com o blogging; ele foi fetio pra e por pessoas como vc, com ideias válidas e opiniões fortes. Again: Parabéns pelos 3!!!

Lud disse...

Parabéns, Lola! Junto-me ao coro daquelas que aprenderam muito com o seu blogue. Argumentar de maneira fina foi uma delas (antes eu gostava de bater a mão na mesa e rosnar "Idiotas!").
Beijos!

Lua** disse...

Conheci o "Escreva Lola Escreva" há mais de um ano e o acessava de vez em quando. De uns seis meses pra cá passei a visitá-lo praticamente todo dia (admito que a tensão do período eleitoral me aproximou do blog). Sou uma leitora silenciosa, pouco comento, mas estou sempre presente.

Admiro a sua dedicação com o blog e a sua postura ético-política. Parabéns!

Adriana disse...

Parabéns, Lola, e MUITO OBRIGADA por todas essas horas preciosas que você usa para escrever esse excelente blog! Teu trabalho é absolutamente maravilhoso.

Falando nisso, estou curiosa com a lista dos teus melhores filmes da década! Estou apostando que no meio tem um Tarantino (Kill Bill ou Inglourious Basterds), um dos Coen (No country for old men) e, talvez, Avatar...

Um beijo, linda, e mais uma vez parabéns!

Anônimo disse...

Lola, faça umas listas especiais. seus dez diretores favoritos de sempre, músicos, bandas, livros.. Que tal?

Mari Biddle disse...

Oi, Lola, parabens!

Ja recomendei seu blog pra tanta gente pois acho um desperdicio quem nao 'le' vc.

Muitos e muitos anos ao bloguinho!

bjs

Teresa Silva disse...

Parabéns pela data Lola!

Deixa eu te pentelhar com um link :) . Olha a cara de pau do ex-marido da Maria da Penha nessa entrevista, negando todas as violências que cometeu contra ela

http://www.istoe.com.br/reportagens/121068_A+MARIA+DA+PENHA+ME+TRANSFORMOU+NUM+MONSTRO+?pathImagens=&path=&actualArea=internalPage

@snoopy_xxx disse...

Lolinha, muito obrigado por existir. Seu blog é maravilhoso e eu cresci muto como pessoa lendo os seus posts. E viva a internet que nos possibilita conhecer pessoas tão interessantes.
Um grande abraço e um ótimo 2011 pra ti!

Laetitia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Laetitia disse...

Parabéns, Lolinha! Seu blog é um dos melhores que conheço, em matéria de atualização, de temas em debate e, claro, de NÍVEL dos debates. Isso é muito importante...

O blog foi extremamente útil para fortalecer o meu conhecimento do feminismo e, mais que isso, para resgatar o feminismo que sempre existiu dentro de mim. É assim que se faz uma revolução: alimentando os corações que já nasceram revolucionários. :)

Um abração!

Koppe disse...

Parabéns pelo excelente trabalho, um blog essencial que vale a pena ler. Espero que dure uns 30 ou 40 anos.

"vida longa pro blog da Lola!" (4)

Marcio Macedo (Kibe) disse...

Hello Lola,
Parabéns pelos três anos!
Abraço do Kibe.

maria claudia disse...

A questão do blog ser pequeno ou não não importa, aliás, 70% da economia nacional é movida pelas pequenas empresas, então porque um blog pequeno não é importante?
O que acontece é uma desvalorização das pessoas que trabalham em empresas pequenas, ou ganham pouco, e também escrevem em blogs "pequenos". Quem escreve em blog deveria ter mais valor, pois também devemos ser uns 70% de anonimos que tem blog. Nós movimentamos a internet, não os grandes, é isso que deveriamos entender. Abraços.

maria disse...

A questão do blog ser pequeno ou não não importa, aliás, 70% da economia nacional é movida pelas pequenas empresas, então porque um blog pequeno não é importante?
O que acontece é uma desvalorização das pessoas que trabalham em empresas pequenas, ou ganham pouco, e também escrevem em blogs "pequenos". Quem escreve em blog deveria ter mais valor, pois também devemos ser uns 70% de anonimos que tem blog. Nós movimentamos a internet, não os grandes, é isso que deveriamos entender. Abraços.

Tanize Monnerat disse...

Só para engrossar o coro:
PARABÉNS!!!

Tenha certeza que seus posts são sempre lidos com carinho (mesmo que sejam muito grandes para o atual padrão da internet). Eles sempre me fazem refletir, mesmo que não concorde com tudo.

Continue firme, que nos estaremos aqui!!

Fabio Salvador disse...

ô Lola,
sobre "textos grandinhos que dizem que hoje ninguém lê mais na Internet", sabe que eu também estranho esse fenômeno: os especialistas dizem que ninguém lê textos longos. Mas em todo blog que eu vou (incluindo o meu), são os calhamaços que despertam o maior número de comentários.

maiacat disse...

parabéns! faz tempo que não comento aqui, mas sigo sempre acompanhando o blog, que com certeza é mto importante pra mta gente. sempre leio por aí que o seu blog ajudou mtos a abrirem os olhos, a se informarem, enfim! obrigada por tê-lo mantido até agora, mesmo com o tempo corrido e suas outras obrigações.

Leonardo Couto disse...

com todos esses números e referências a si mesma, você ainda jura que não é EGOMANÍACA?

Carolina disse...

Lola,
não sou "comentadeira". Nunca havia comentado nada no seu blog antes. Todavia, esse post me compele: amo seu blog. Leio os posts diariamente. Quando tenho um pouquinho mais de tempo, fico fuçando os posts mais antigos, ou as referências. Seu blog é muito, muito agradável, interessante e estimulante. Eu queria é ter pessoas do meu convívio com quem eu pudesse compartilhar seus posts todos os dias. Enfim, é fato: seu blog faz meu dia mais interessante, e me faz, sim, mais feliz. Obrigada por utilizar seu tempo e esforço escrevendo o blog.

lola aronovich disse...

Ah, que amor! Muito obrigada pela mensagem, Carol! Sério, é muito bom ouvir isso de vez em quando...
Agradeço demais aos parabéns de todo mundo. Gostaria de ter tempo pra responder a cada um, mas não dá mesmo. Mas é gratificante escrever pra um pessoal tão simpático e querido assim. (tirando o sujeito aí de cima que me chama de megalomaníaca por eu mostrar números do MEU blog).
Muitíssimo obrigada, gente!