quarta-feira, 7 de julho de 2010

DILMA JÁ ERA MINHA CANDIDATA TRÊS ANOS ATRÁS

Ela parece um poste pra você? Dilma e Carlito em Joinville

O João comentou num post: "Lola, uma pergunta séria: com as declarações (!) que a Dilma te dado você acha realmente que ela tem condições de governar nosso país? Seja sincera. Ela não diz coisa com coisa! Não é possível que você ainda não tenha percebido isso!"

João, acho que você já tinha perguntado isso antes, dito algo sobre as declarações assombrosas da Dilma, sem ter dado um único exemplo. Sinceramente, não sei do que você está falando. Quero dizer, a mesma turma que insiste que o Lula é analfabeto e não sabe falar (embora ele seja o orador brasileiro mais carismático das últimas décadas) agora diz que a Dilma não diz coisa com coisa. Que a Dilma não tem o carisma do Lula, nenhuma novidade. Ninguém tem. Mas a Dilma fala bastante bem em público. Eu estive num pequeno comício em que ela falou. Foi em setembro de 2008, em Joinville. Ela (e o Patrus Ananias, e a Ideli Salvatti - vou usar fotos tiradas pelo maridão naquela ocasião para ilustrar este post. Clique para ampliá-las) estava lá para dar apoio ao Carlito, e já naquela época foi saudada pela militância ao som de "Olê olê olê olá, Dilma, Dilma" e "Brasil, urgente, Dilma presidente". E então ela discursou durante uma meia hora. Foi um discurso um pouco técnico às vezes, sem grande emoção, mas muito bom. Ela falou das diferenças do PT com os outros partidos, da Petrobrás, do Pré-Sal, das mudanças que estavam acontecendo, da necessidade de continuar o mesmo projeto... O maridão e minha mãe também foram ao comício e ficaram muito bem impressionados com ela. Dilma não leu, não tinha teleprompter nem nada, e falou bem. Foi um discurso informativo, cheio de dados, vindos de quem coordenava o governo e sabia do que falava. Ela foi aplaudidíssima. Lógico, todo mundo que estava lá era de esquerda e simpatizante do PT, mas sabe, essa é uma das principais diferenças entre nós e vocês - nós temos simpatizantes. Vocês têm cabos eleitorais, pagos por dia pra empunhar uma bandeira nos faróis das grandes cidades.
No final, várias pessoas cercaram Dilma (ela e o Carlito eram os astros do evento), e minha mãe até deu um abraço nela. Dilma precisou sair correndo, sem poder abraçar a todos e distribuir autógrafos, porque tinha um outro comício num outro estado. Era sábado.

Sempre lembro desse comício quando leio a direita dizer que Dilma é um poste, ou que não fala coisa com coisa, ou que Lula empurrou Dilma goela abaixo dos militantes do PT. Grandes bobagens da humanidade! Vejo Dilma como uma escolha natural do partido. Seria ela ou algum governador do PT, como o Jacques Wagner, da Bahia. Dilma foi, afinal, o principal nome da administração no segundo mandato de Lula. Enquanto a grande mídia dizia que Lula ia dar um golpe e instituir um terceiro mandato pra ele (sendo que ele nunca fez qualquer declaração nesse sentido, e quem mudou a constituição em proveito próprio foi aquele outro, o príncipe dos sociólogos), nós, simpatizantes do PT, discutíamos quem poderia ser seu sucessor. O nome do Patrus também aparecia, do Tarso Genro, do Mercadante, do Suplicy (o da Marina não, pois ela não era vista como uma ministra de peso, e nem o do Ciro, que não é nem nunca foi petista, e todos exigíamos um candidato próprio). A primeira vez que vi o nome da Dilma sendo contemplado foi no início de 2007, numa comunidade pró-Lula do orkut. Alguém, um militante ou simpatizante anônimo qualquer, escreveu “Dilma 2010”, e na hora eu pensei: putz, que ótima ideia! É isso aí, eu também quero votar na Dilma! Naquele mesmo momento conversei com o maridão sobre essa alternativa, e ele concordou que ela seria uma excelente candidata (e presidente). Claro que o fato d'ela ser mulher pesou no nosso entusiasmo. Os EUA estavam começando a ser tomados pela expectativa de ter ou um primeiro presidente negro (Obama), ou uma primeira presidente mulher (Hillary). Aliás, até hoje acho esquisito que não se fale nesse ineditismo de termos uma candidata mulher com chances reais. Marina é mulher, Heloisa Helena também (e foi ela a primeira mulher a disputar a presidência), mas vem de partidos nanicos, e não tinham, nem tem, chances de eleição.
Se aquele mini-comício em 2008 foi algum presságio, Carlito ganhou a prefeitura de Joinville, primeira vez na história que o PT conquistou a maior cidade de SC. Espero que tenhamos outra primeira vez em breve. Apesar de vocês.

29 comentários:

Anônimo disse...

queria saber a sua opniao do caso sorocaba...


http://www.destrambelhados.com/2010/07/06/video-do-caso-sorocaba-mulher-desmascara-amante-de-marido/

Ághata disse...

Estou torcendo pra Dilma ganhar no primeiro turno.
Muita expectativa pra eleição deste ano!

Rita disse...

E eu aqui pensando como vou fazer para ficar, justo agora, quase quatro meses sem TV ou jornal, porque não tenho estômago para ver a cara do Serra todo dia, nem ler e ouvir o tanto de baboseira que a mídia vai publicar esses dias. Alguma dica?

Beijos. Dilma2010, com força.

Rita

Luz! disse...

Esse negócio de dizer que o discurso da Dilma é assombroso etc etc é bem como vc falou: não se funda em nada, não se baseia em nada, e quem diz isso nunca traz exemplos. É só uma tentativa frustrada de dizer algo de impacto, de dizer uma mentira, pra ver se ela pega entre os mais desavisados ou que costumam aderir ao que ouvem sem investigar. Mas, enfim, não vai colar.


Lola, sou baiana, e acho que o Jaques Wagner não seria uma alternativa não. As coisas aqui ainda estão bem disputadas com a turma do carlismo. Não é fácil desassociar a Bahia dessa "tradição" que durou 16 anos. É preciso fortalecer muito mais o projeto diferente que tomou posse em 2006. E não havia outro nome além de Wagner pra isso.

Super beijo!

Lord Anderson disse...

Aproveitando o tema politica, peço licença para colocar aqui umas questões que ando pensando.

Lola, vc (e todo mundo que ler esse post)acha que temo cargos demais sendo decididos numa unica eleição?

Com tanta enfase dada aos candidatos a presidente e em menor monta aos de governador, a midia e a maioria da população parece prestar pouca atenção aos cargos legislativos.

Eleições separadas para executivo e legislativo ajudariam a diminuir o habito de boa parte do eleitorado de nem se lembrar em quem votou p/ deputados e senadores?

Lord Anderson disse...

AH, sim.

Oq vc acha da ideia de previas p/ TODO partido escolher seu candidato ao executivo?

Ajudaria na evolução da nossa democracia ou não teria tanta importancia?

lola aronovich disse...

AHHHH! Sem querer, publiquei um post (sobre a maldição das traças) ainda nem acabado (sem fotos, sem revisão) hoje! Sorry, tirei e vou publicar quando for apropriado. Salvei os dois comentários, da Ághata e da Rita, pra colocar na caixa de comentários quando eu voltar a publicar o post.
Desculpe a nossa falha!

Débora Lima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Débora Lima disse...

Dilma é grossa, Dilma é feia, Dilma tem cara de ditadora, é inexperiente, e só fala besteira...

A lista é tão grande... cansa ficar ouvindo esse tipo de baboseira. Eles não tem nada de verdade para reclamar dela, então ficam inventando, enfatizando e aumentando só leseiras. Tá mals a oposição dela, parecem crianças. Ja já a chamam de Boba Chata e Gorda! Opa, já fizeram isso...

"Brasil, urgente, Dilma presidente"
Adorei ;)

aiaiai disse...

BRASIL URGENTE! DILMA PRESIDENTE!

Adorei!!!!!!

Junior disse...

Lola,

Lembrando dessa eleição do Carlito, enquanto você estava por aqui, o que você achou da atuação dele como nosso prefeito aqui?

mahayana disse...

Gostaria que algumas das pessoas que dizem que a Dilma não fala nada com nada colocassem aqui link para vídeo em que isso acontece. Não digo isso em tom de "ra-rá, seu safado, prove agora!". É que tenho ouvido tanto esse tipo de coisa que gostaria de saber, de verdade, de onde veio.

Augusto disse...

Dá-lhe Dilm@!!!

aiaiai disse...

vou aproveitar o tema para reforçar uma ideia que lancei num comentário em outro post. Desde ontem já estão divulgados os nomes de candidatos para deputados estaduais/federais e senadores. Você já escolheu o seu?

Segue uma informação importante para quem quer votar consciente:

o tempo na tv/rádio é determinado pelo número de Deputados Federais que o partido tenha. Então, se a gente não quer depender de alianças com PMDB, tem que fazer campanha para os deputados federais do PT. Temos muitas opções, em geral, pessoas que militam no partido e que se alinham com as propostas de esquerda.
Ou seja, vamos reclamar, mas também vamos contribuir para mudar o cenário. Nós podemos fazer isso através do voto e da militância.
Que tal um post sobre os candidatos a deputado federal em cada estado?

Os candidatos já estão definidos. Seria legal a gente ampliar a campanha da dilma para que ela tenha uma base forte no congresso (camara e senado).

Anônimo disse...

É... mas a Secretaria da Educação anda um caos desde que o Carlito assumiu... E olha que eu votei nele.
Não tenho coordenação, as coisas estão a maior zona, Deus que me perdoe.
Sou professora, sei falar da minha área.Nós não estamos realmente felizes. Tem gente que já está com saudades até da administração anterior, que era uma bosta, autoritária, mas que pelo menos era organizada.

Riffael disse...

Lola, no site da Nova Brasil FM (uma emissora de rádio dããã) está rolando uma enquete intitulada "Você leva em consideração o nome do candidato a vice, na hora de votar?". Até o momento está 43% para sim e 57% para não. Estou postando pois me lembrei de um post seu sobre isso.

Carol Wayne disse...

Lola,

Desde que o PT começou a ter expressão nacional, o conceito de direita e esquerda praticamente acabou. Sobraram os petistas, os anti-petistas e aqueles que não são nada e votam no que fizer a campanha mais bonitinha (sim, isso ainda existe e eu conheço muitos).
Tento sempre ser imparcial com atitudes e elogiar o que acho bom e criticar o que acho ruim, independente de partido... mas a maioria não pensa e não age assim.
Quero mais que esses filhos de uma burguesia extinta, que viram seus "berços" perdendo lugar e significado nos últimos anos tenham que engolir mais 4, quiçá 8 anos de mandato. Dilma na cabeça!!!

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Eu também não concordo quando alguém fala que a Dilma não sabe falar em público e que não tem carisma ou simpatia.
Eu me emocionei naquela vez em que ela deu uma resposta sincera e intensa, naquela vez em que um deputado a questionou sobre a história da ditadura.
Outro dia, em um programa de televisão, ela colocou a Miriam Leitão no bolso, com educação, enquanto essa tentava fazer perguntas extremamente parciais e de um modo até grosseiro.
Acho que simpatia não deveria ser quesito em eleição (apesar que a gente sabe que é), mas se for pra avaliar a simpatia do Serra, Dilma e Marina saem na frente, disparadas.

Anônimo disse...

Quem pediu link mostrando que a Dilma não sabe falar sozinha 9ou, pelo menos, sem um teleprompter e MUITA edição de vídeo)?

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/

Anônimo disse...

"Quero mais que esses filhos de uma burguesia extinta, que viram seus "berços" perdendo lugar e significado nos últimos anos tenham que engolir mais 4, quiçá 8 anos de mandato."

Puta que pariu, você só pode estar falando da classe média, que paga bolsa família. Estamos a criar mais um estado falido pela política populista a exemplo dos EUA.

Me conta que burguesia é essa, me dá só um nome, de apenas um burguês falido. Vivemos num país em que não existe direita, bando de imbecis. É só dança de cadeiras.

Infelizmente, é nisso que dá esse senso de "entitlement", um bando de imbecis falando de um assunto que desconhecem totalmente.

Vão conversar sobre novela, que depois da asneira de votar na Dilma, pra variar não vão ter coragem de assumir a responsabilidade pela burrada.

Típico comportamento feminazi.

mahayana disse...

Continuo NÃO VENDO um vídeo da Dilma em que ela fala nada com nada. O que vi foi um vídeo que a equipe dela preparou, enquanto os outros candidatos responderam espontaneamente. Ponto negativo para a Dilma? Pode ser, mas será que isso é pior do que (não) responder pergunta inesperada de jornalista com "isso é trololó petista" ou "quem te disse isso?"?

No resto, sigo o mantra do not feed the troll.

=Maíra= disse...

Meu corpus de doutorado será composto por propagandas eleitorais e debates dos candidatos à presidência. Estou montando um piloto e peguei entrevistas dos candidatos dadas no rádio. Até então, analisei a fala da Dilma e não vi nada dessa incoerência de conteúdo que alegam aí. Inclusive é interessante como ela equilibra a fala do ponto de vista prosódico. A fala pausada, o riso em momentos de tensão e outros fatores apontam, na verdade, para uma coerência entre o que é dito e o como é dito.

É interessante ver as notícias dos jornais impressos do dia seguinte e perceber como distorceram o que foi dito por Dilma e a "picharam" por uma interpretação distorcida dada a uma pergunta claramente tendenciosa feita pelo jornalista (se for desdobrar, o comentário dá um post!).

Comecei a analisar o Serra agora. Vamos ver como ele se sai em termos prosódicos. Até agora, pouca variação na curva melódica (mau sinal pra quem quer convencer pela fala). Vamos ver no que dá no fim.

lola aronovich disse...

Pô, Maíra, esse seu tema é interessantíssimo! Adoraria publicar um guest post seu sobre o assunto.



E nem adianta eu narrar que vi a Dilma discursando pra um grupo, como foi esse mini-comício em Joinville, e que ela não estava usando teleprompter ou lendo ou qualquer coisa assim e, no entanto, falou muito bem. Minha observação pessoal não conta nada! O que conta é um vídeo editado com os "piores momentos da Dilma" - o que, diga-se de passagem, pode ser feito com qualquer candidato. Alás, com qualquer um, ponto.

Valney.gama disse...

Infelizmente, isso aqui virou guerra "Dilma-Lovers" e "Dilma-Haters".

Não seria melhor instruir os leitores daqui a pensarem por si mesmos?
Não estou dizendo que não está fazendo isso, mas é sempre bom reiterar, e claramente.
Eu, por exemplo, tenho vários motivos que me impedem de votar nos 3 candidatos principais à presidência: extremismo religioso de um, incerteza política de outro e até campanha 'suja' do terceiro.
Terei que esperar o debate cara a cara pra ver quem se dá bem ou mal (mesmo conhecendo as perguntas tendenciosas de emissoras de tv).

Acabo de rir lembrando do filme Waking Life, em que um personagem acaba dizendo: "É só você escolher: Quer o fantoche da esquerda ou o da direita?"

lola aronovich disse...

Valney, minhas leitoras e leitores são pessoas inteligentes, sabem pensar por si mesmas. Não preciso lembrá-las disso o tempo todo, né? Além disso, sabem que um post com título "Dilma já era minha candidata três anos atrás" representa a MINHA opinião, que é totalmente parcial e subjetiva, claro - como toda opinião.
Qualquer post sobre política partidária em qualquer lugar se transforma numa espécie de fla-flu, ainda mais na época de eleições. Quer dizer, qualquer post não, porque há blogs (geralmente os de direita) que não permitem comentários contrários à opinião do autor.
Essa é uma boa pergunta: existe blog de direita sem moderação de comentários? Not that I know of, mas tb, não conheço nem 1% dos blogs de direita...

João disse...

Há tempos não apareço por aqui e agora me surpreendo com um post motivado (?) por uma pergunta minha à Lola.

Primeiro: O pior cego é aquele que não quer ver. Se a Lola e as outras leitoras não querem ver os disparates da Dilma, aí já não há o que fazer. E se disem inteligentes! Imaginem se não fossem! Claro que não vou postar aqui nenhum endereço com os discursos ou entrevistas da Dilma. Se se acham tão inteligentes, que investiguem as falas de sua candidata. Qualquer texto ou vídeo postado aqui será rejeitado pelos seguidores da candidata, dizendo que foi montagem, que isso, que aquilo. Não aceitarão, simples assim.

Segundo: Lola, você vive azucrinando a classe média como se os benefícios com que que o Governo Federal compra os menos favorecidos fossem compostos por dinheiro fabricado por ele mesmo e não de impostos pagos por quem trabalha! Você é classe média; você trabalha, contribui com impostos. Essa sua reclamação constante sobre a pura existência da classe média depõe contra você. Você não percebe isso? Não é possível!

Terceiro: Que bom que apareceu pelo menos uma pessoa aqui nos comentários para confirmar que a administração petista em Joinville está longe, mas muito longe, de ser algo digno de elogio. (Eu já tinha lido no jornal sobre isso.) O PT queria há décadas assumir a prefeitura do município de Joinville porque ia melhorar tudo. Piorou quase tudo! Bela referência você fez. Mordeu a língua.

A baiana que baixou a bola do J. Wagner também contradiz seu texto. Lola, não deixe que sua empolgação cega tire sua coerência. Você é inteligente, mas a obsessão faz as pessoas dizerem bobagens. Como você faz frequentemente.

João disse...

Desculpem, saiu "disem" em vez de "dizem".

lola aronovich disse...

E eu me impressiono com vc, João. Vc faz uma pergunta dizendo que desta vez é sério, eu respondo, e, como vc não concorda com a minha resposta, vem dizer que o pior cego é o que não quer ver, que eu sou incoerente, que todas que votam na Dilma ou no PT são burras etc etc.
O governo compra os menos favorecidos com os programas, João? Sei. Vcs vem repetindo essa mesma ladainha sobre o Bolsa Família há uns 6 ou 7 anos. Um político do DEM disse até que é o maior programa de compra de votos no mundo. Vcs acham que é dar o peixe sem ensinar a pescar, que é populista, que faz pobre não querer mais trabalhar (o “mais” foi cortesia. Afinal, pra vcs, pobre NÃO trabalha! Quem sustenta o país é unicamente a classe média, certo?), que desse jeito fica difícil arranjar empregada... E aí, quando chega a eleição, chega tb uma dúvida razoável: o que o governo do PSDB/DEM vai fazer com um programa que, pra ele, é tudo de ruim? Mas não pode perguntar isso, porque é terrorismo eleitoral sugerir que o Serra vai acabar com um programa que ele e seus filiados passaram 6 anos xingando! E mais: o que vc acha do Serra ter anunciado que vai DOBRAR o Bolsa Família? Ué, vcs eram contra o programa, e agora são a favor?
Sobre o Carlito, ele teve um primeiro ano muito difícil, com vários tropeços. Mas tb, pudera: pegou uma prefeitura totalmente falida, corrupta até o fim. Qualquer pessoa que esteve mesmo que levemente conectada à prefeitura anterior (caso do Silvio, que por um período foi contratado pela Fundação Municipal de Esportes para jogar e lecionar xadrez) sabe dos escândalos. Foi uma roubalheira incrível mesmo. O Carlito primeiro está tendo que consertar o estrago, tampar todos os buracos deixados. Como, aliás, o Lula teve que fazer com os rombos do FHC (mas acho que havia menos corrupção, proporcionalmente falando, no Brasil do FHC que na Joinville dessa linda aliança tríplice entre PSDB/DEM/PMDB). Todo mundo sabe que o segundo mandato do Lula vem sendo infinitamente melhor que o primeiro.

Magali disse...

Lula é um molusco analfabeto. Dilma é feia e não fala coisa com coisa.

Gente, queria EU ser um molusco analfabeto como o Lula, ou ter tamanha inteligência e técnica como a Dilma.

É patético como insistem em "tacar o pau" no Lula sem fundamento algum - indo de frente à realidade já consolidada de que ele é um líder que tem um prestígio impressionante internacionalmente, como pouquissimos casos na história. Mas A GENTE é que é cega, né?! A impressão da comunidade internacional é melhor abafar, afinal, não ajuda no discursinho fajuto.

Eu tenho muito orgulho de ter votado em Lula, desde sempre. Tenho muito orgulho de tê-lo elegido. Tenho muito orgulho de tudo o que Lula fez ao Brasil. Perfeito? Não. Não me agradou em alguns pontos? Sim. Mas até meus pais não me agradam em algumas decisões. Não sou nenhuma extremista em achar que Lula é perfeito e seus mandatos foram indignos de quaisquer correções. Mas qual político fez melhor no Brasil? E qual líder, no mundo inteiro, em toda a história, fez tudo direito e ninguém fez critica alguma?

Eu tenho orgulho do meu presidente. E tenho ainda mais orgulho de quando escuto pessoas do meu convívio, que diriam "pobres", o exaltam e mostram como sua vida mudou, como tiveram oportunidade de crescer, nesse tempo em que o brilhante "molusco analfabeto" está aí no poder.

Aos críticos ao Bolsa Família: levantem as mãos aos céus por nunca precisarem ser beneficiados por uma política social dessa.
Só gente muito ignorante, alienada e egoísta para achar que isso é política de compra de votos (aliás, como se a direita não comprasse voto DESCARADAMENTE, NÉ?!)...
Essa assistência deu oportunidade, e um pé de dignidade, a muitos!!! Pra você talvez 100 reais não faça muita diferença... mas muito provavelmente você, crítico algoz, não precisa "sustentar" uma família com menos de um salário mínimo ao mês - ou não discursaria dessa forma.
Talvez você quisesse continuar pagando uma "merreca" para ter uma empregada doméstica, um jardineiro, um motorista, uma copeira... Aí inventam isso de Bolsa Família só pra estragar, né?! Porque assim, pô, eles não vão querer trabalhar por tão pouco, já que têm o Governo "dando" dinheiro a eles assim, de mão beijada...
Tão deixando os pobres preguiçosos, né?!

Me sinto enojada com pensamentos
tão elitistas e é triste saber que tanta gente não têm consciência do que é a disparidade social, a miséria... é mais confortável olhar pro mar e dizer que Dilma é feia e Lula fala "menas".


Só mais: não temos culpa de termos orgulho do nosso ícone, nosso líder, nosso presidente, e vocês da direita muito se esforçarem em fazer esquecer que FHC passou por ali no Planalto...


Dilma presidente. A depender de mim, no primeiro turno - marco que nem Lula conquistou!!