domingo, 22 de maio de 2011

O DESEJO ARDENTE APÓS 20 ANOS JUNTOS

Eu pra minha cara metade: Você diria que você tá me desejando ardentemente neste exato momento?
Maridão, totalmente hesitante e com cara de que definitivamente só deseja ardentemente a cama, e sem acompanhantes: Ahn, eu diria que talvez eu...
Eu: Diria? Talvez? Tá colocando muitos obstáculos aí antes de responder, anjo!
Ele: Tá bom, sem talvez.
Eu: Então vou te perguntar de novo: Você diria que tá me desejando ardentemente?
Ele: Eu diria que...
Eu: Sem diria, amor! Seja definitivo!
Ele: Mas a sua pergunta tem diria...
Eu: Você pode responder sem diria. Vamulá, amor. Você consegue! Então: Você diria que tá me desejando ardentemente?
Ele: Hum, como que eu respondo isso sem diria?... (Após longa pausa, enquanto eu reviro os olhos:) TÔ!

Outros diálogos entre o maridão e eu (olha que eu já quis publicar um livro com esses diálogos, chamado Crônicas de Como o Amor é Estúpido, mas não encontrei editora): beijos, apelidos, exercício, loteria, herança, cheiros, educação, sensualidade, mais sensualidade, engano, energia, nova fonte de energia, dominó, romantismo, mini-kabongs, autoestima, reflexos, fidelidade, comunicação, efeito isidoro.

13 comentários:

Hamanndah disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
The Buk's On The Table disse...

Tô... Bem romântico! Acho o post 'fofo'!

Hamanndah disse...

Querida Lola

Que bonita a sua cumplicidade com o seu maridão. Tenho umas poucas divergências com você, mas adoro o casal lindo que você forma com seu par.

Quero ver agora os comentários rancorosos do pombo sujo e de Oliveira. Vão dizer, certamente, que seu maridão é um mangina só porque lhe trata com o carinho que você merece e que você também, mulher adulta e que valoriza quem a ama, dá para ele igualmente.

bjs
Hamanndah

.:*Mandy*:. disse...

Taí uma coisa que quero pra minha vida tbm. Muito fofo, Lola :D

Ana disse...

A-do-rei!

(Queria viver um amor assim: com "desejo ardente", interesse, senso de humor, cumplicidade... por 20 anos!!)

Roberta disse...

Rsrsrs Uma resposta simples e objetiva.

Letícia Simoni Junqueira disse...

Cheguei a ler o post pro meu marido, hahahahahaha! Muito bom!

Somnia Carvalho disse...

... e entao eu diria que depois de tantos dirias voce catapumba! virou pro lado e roncou??? rs.... hahaha

Tahiana disse...

20 anos juntos?! Puxa! Parabéns! Admiro quem consegue manter relacionamentos longos com bom humor e dedicação! bjs

Blanca disse...

Lindos! Parabéns <3

Blanca disse...

Mas e aí, Lola, ele já saiu da fase de sem-piadas-apaixonantes? Tomara que sim. :D

Edson Bueno de Camargo disse...

Eu dia que depois de trinta anos juntos ficamos um pouco mais lentos, diria que depois dos quarenta anos, a paixão precisa de um tempo para se manifestar.

Mas não é raro querer pegar minha mulher e dar o fora, para ficarmos só nós dois, o mundo atrapalha a concentração.

ana_alice disse...

lolinha, vc tinha q voltar a ser cupido. tenho certeza q um dos seus leitores homens, hetero, solteiros, pode ser a tampa da minha panela rss

se um dia vc abrir um espaço sentimental aqui no blog, me inscreverei