sábado, 13 de junho de 2009

MAIS DIÁLOGOS DE LASCAR

Ah, eu adoro esses diálogos entre o maridão e eu. Da época em que ele ainda tinha senso de humor, quando os dinossauros dominavam a Terra... Opa. Apaga essa última parte, que revela mais do que eu gostaria sobre a minha idade também.

Vai aí mais uma nova rodada de diálogos muito estranhos entre eu e o maridão. Quero dizer, a minha parte não é estranha, é absolutamente normal, sábia até. Mas a parte que cabe ao maridão...
Eu: "Amore, se prepara! Descobri que um beijo ardente de dez segundos queima montes de calorias".
Ele: "Acho que pegar ônibus queima mais".
Eu: "Não, amor, acho que não. Então, a gente se beija e eu emagreço".
Ele: "Não sei como alguém que come uma barra de chocolate por dia pode falar em querer emagrecer".
Eu: "Vamulá, amor. Pra cem gramas de chocolate, são necessários 45 beijos".
Ele: "Pega ônibus!".
Eu: "As minhas barras têm 200 gramas. Isso dá 90 beijos".
Ele: "Ônibus!".
Eu: "Eu acho que a gente consegue se dar 90 beijos ardentes por dia".
Ele, em pânico: "Por dia?! Não por mês?!".
Outro dia, uma aluna adolescente dele ligou, o que gerou uma pequena crise de ciúmes.
Ele, se explicando: "Ela ligou precisando de amor e carinho. Morreu uma amiga dela e ela está abatida".
Eu: "Eu também tô abatida".
Ele: "Você nem conhecia a pessoa".
Eu: "Amor, eu também quero atenção".
Ele: "Sei que você tem um coração do tamanho do mundo, mas se abalar pela morte de alguém que você não conhece tá cheirando à TPM".
Eu: "Tô me lixando pra pessoa! Eu preciso de carinho!".
Mas nada feito. Quando um não quer, dois... Você sabe. Hoje mesmo acordei e falei pra ele: "Você viu como o cachorrinho dorme encostado em mim?".
Ele: "Não vi nada disso. Ele tava era encostado com as patinhas em mim".
Eu: "Você nem tava aqui na cama agora!".
Ele: "Ah, agora!.. Agora pode ser. Vai ver que quando eu me levantei o cachorrinho se encostou na primeira coisa inanimada que encontrou pelo caminho".
Eu: "Coisa inanimada?! Não gosto de ser tratada assim!".
Ele: "Ô minha flor, fala com ele...".
E finalmente, em homenagem às férias, termino com este diálogo.
Eu: "Férias! Que bom! A gente vai descansar, fazer amor o tempo todo...".
Ele: "Anjo, é uma coisa ou outra. Você decide".

De volta para o presente: Férias? Que férias? Tô precisando de umas urgentemente!

21 comentários:

Masegui disse...

Eu já disse que o CM é o meu herói?

asnalfa disse...

Muito bom o diálogo. Bem que o Woody Allen deveria ler seu blog pra re-aprender a fazer dialógos assim tao engracados! Mas vc dise que o maridao está sem graça.... perdeu o encanto? Acho que deve ser queda de hormonio.... deve estar na andropausa... aconselho-te a levar no medico..

Mila disse...

Que beleza de maridão...

Huahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahuahua!!

disse...

Imaginei o maridão nas férias de chinelão e pijamas listrados....
Maravilha!!!
rsrsrs
Beijos

dannah5 disse...

humm... aqui nao tem mais amor nao!heheh ja passou da fase!

Eu nao tenho essa paciencia nao!hehehe

beijocas

Dai disse...

adoro a série 'comédias da vida privada de Dolores & Carlinhos. bolo de rir. beijocas!

Amanda disse...

Esse maridão é uma figura! To começando a anotar as pérolas do meu tbm, ele não é engraçado assim de proposito, mas como não é brasileiro sai com cada uma em português sem querer que compete até com o bom humor do maridão!

Cris Prates disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Giovanni Gouveia disse...

Aí eu concordo,ou descanso ou fuqui fuqui, as duas coisas são antagônicas, embora a última seja assaz relaxante...

P.S> Reeditado por estar com login de minha wife...

Madrecita disse...

pôxa Lola ele podia ser mais carinhoso né? vc tem é que vestir uma roupa preta pintar as unhas e a boca de vermelho e dizer que vai sair pra descansar srsrsrsrsrsrs quero ver! bjs e sortes

Fogo-na-Roupa disse...

Eh, la' em casa...

lola aronovich disse...

HOJE vc ainda não tinha dito isso, Mario.


Asn, como pode um menino de 24 anos saber algo de andropausa?! Pior é que acho que ele tá bem na fase mesmo...

lola aronovich disse...

Mila, obrigada. Quer procê?


Rê, ha ha! O maridão não tem pijama listrado! Aliás, nem pijama tem. Ele improvisa uma roupa pra dormir. (roupa furada é o que ele mais tem, então...).

lola aronovich disse...

Dannah5, eu tô perdendo essa paciência! O amor de um casal dura quantos anos? Cinco?


Dai, que Carlinhos?! Carlinhos foi um grande amigo da infância. O maridão se chama Silvio. Silvinho, quando eu não tô brava com ele.

lola aronovich disse...

Amanda, é ótimo anotar, porque se não a gente se esquece dessas pérolas. Ainda mais com maridão que não fala português direito!


Gio, todo homem que aparece por aqui tem que dar razão ao maridão?! Ô confraria dos espadas! (e o que vc está fazendo na internet aos sábados?).

lola aronovich disse...

Madrecita, se eu pintasse as unhas pela primeira vez na vida e a boca de vermelho, o pessoal me internava! Eu não chegaria até a porta!


Fogo-na-Roupa, lá na sua casa é melhor, é? E vem no blog das outras contar vantagem! (brincadeira, tá? Pode contar).

Αφροδίτη disse...

UHAUHUHAUHAHUHUAHUAUHUHA...

Geeente eu ri demais!!!

Parabéns pelo maridão comediante! :D

beijão!

Αφροδίτη disse...

E a propósito, meu nome é Bárbara! :D

Respondendo a resposta do post anterior.

dannah5 disse...

Lola, olha o amor em si ainda resiste, apesar de rolar umas raquetadas e sapatadas de vez em quando!hehe O negocio de chamar de amorrr... mozinho eh q ja foi pras cucuias, agora se chamar pelo nome ele ja esta no lucro pq tem uns animais que parecem muito com ele as vezes!Heheh

Aqui o tempo fecha facil!hehehe Mas tbm olha so, rola tpm, espaguete nos moveis, fraldas, pouco sono... hehe

Honeymoon is over! :D

beijocas pra vcs

Lari ;) disse...

SKAOKSOA ri muito. adorei *-*

Fogo-na-Roupa disse...

Pois e', Lolitcha, alguns maridos tem cerebro demais... uns jogam xadrez, outros sao cientistas... E se a gente apresentasse um pro outro, e nos duas simbora pra Italia?