sexta-feira, 16 de julho de 2010

A ARTE E O HUMOR DOS POSTERS MISTURADOS

Junção de Bruxa de Blair com Wallace e Gromit dá nisso.

Isso deve ser antigo, mas, como sempre sou a última a saber, só fui descobrir agora. É um site com movie mashups, ou seja, combinações de dois filmes num só poster. Amei! Há umas trinta páginas com dez combinações em cada, e tem muita porcaria, claro, e coisas malfeitas e toscas, mas os posters criativos me deixaram rindo durante horas. Selecionei os meus favoritos, mas acho que vou ter que separá-los em dois posts.
Só que fiquei num dilema. Muitas das minhas leitoras são jovens, praticamente recém-nascidas, e talvez não conheçam alguns desses filmes. Sei que é estranho, mas este semestre um dos meus aluninhos revelou que nunca tinha ouvido falar de Rocky. Rocky, gente! Ando notando que praticamente todas as minhas referências culturais são totalmente alienígenas pros jovens de hoje, e isso é muito triste. Não é só por mim, não. Não é só que isso me faça sentir muito velhinha. Apenas que, sei lá, eu nasci depois (muuuuito depois, suas malvadas!) de 1939, e mesmo assim sei tudo sobre E o Vento Levou. Tenho ciência de que a civilização começou um pouquinho antes de eu nascer.
Tá, mas qual o meu dilema neste caso? É se explico ou não pra vocês quais dois filmes estão sendo misturados. Por um lado, será um insulto à inteligência de quem manja de cinema, e é sempre um balde de água fria explicar a piada. Por outro, talvez alguns de vocês não conheçam muitos desses filmes e, quem sabe, passem a ter curiosidade em conhecê-los. Portanto, decidi colocar umas legendinhas. Com o perdão para quem acha que estou subestimando sua inteligência.
O que mais me fascina é perceber como tantos desses poster são icônicos. Quando a gente pensa em design de créditos e posters, geralmente acredita que essa arte acabou com a morte do mestre Saul Bass em 1996 (seu último trabalho relevante foi para Cassino, mas vocês precisam ver os créditos de Um Corpo que Cai, Psicose, O Homem do Braço de Ouro, entre outros). Mas não. Tem um monte de poster que fica na nossa cabeça pra sempre. E é desse conhecimento prévio que dependemos pra ver a graça nesses movie mashups.Por exemplo, esta junção de Jurassic Park com Apocalypse Now está impecável. Simplesmente trocaram os helicópteros ao som de Wagner por dinossauros. E, por falar em Coppola, que tal esta de O Poderoso Chefão com Pinóquio? A mão manipulando marionetes é a marca registrada do Chefão, mas faz todo sentido quando pensamos no que o Gepeto precisa fazer com o Pinóquio. Ok. Matei a piada, né?A capa de ET todo mundo conhece, até quem nasceu depois de 1982. Mas muitos esquecem que o ET na realidade é um alienígena, e nem todos os aliens são bonzinhos como o Phone Home. Logo, basta trocar o ET na bicicleta pelo monstro da franquia Aliens e temos um poster muito sutil. Tá, talvez sutil não seja exatamente a palavra que vocês queriam. Mas notem o detalhe das letras do título com pontinhos, como na capa de E.T.Mesmo alguns projetos mal executados funcionam pela ideia. Como este, que mistura Amnésia (um grande filme do Christopher Nolan), em que o protagonista é incapaz de fazer novas memórias, e o título Cara, Cadê meu Carro? A mistura faz ainda mais sentido quando a gente pensa que o Guy Pierce está sempre andando de carro em Amnésia (geralmente sem saber de quem é o carro), e que a cena mais engraçada é quando ele nota que está correndo, e demora pra descobrir se ele está perseguindo um homem ou sendo perseguido por ele. Este aqui, que junta Psicopata Americano com Laranja Mecânica, também é tosco, mas vamos admitir que os dois personagens têm muito em comum. Gostei como os criadores do poster trocam os interesses de Alex, que adora Beethoven, pelos de Patrick Bateman, fã de Huey Lewis & The News. E tem uns que o designer não precisa se esforçar tanto porque é tudo óbvio. Este que une Foi Apenas um Sonho com Titanic, por exemplo. Ambos os filmes têm os mesmos astros, Kate Winslet e Leonardo Di Caprio, mas vários críticos notaram que, se Jack e Rose tivessem continuado juntos, quem sabe a rotina do casamento faria com que os dois pombinhos desaguassem no inferno que é Apenas um Sonho? Alguns não funcionam bem em português, como este que junta o hilário Dr. Fantástico, do Kubrick, com Simplesmente Amor. É que em inglês é Dr. Strangelove e Love Actually, daí fica fácil juntar. Mas reparem como o design repete o de Simplesmente Amor, que realmente tem um elenco estelar (Hugh Grant, Colin Firth, Alan Rickman, Rodrigo Santoro, e deve ter alguma mulher aí também, já que é uma comédia romântica, mas quem estava prestando atenção?). Só que, ao invés dos vários nomes, no do Dr. Fantástico fica Peter Sellers pra tudo. Perfeito. Adoro este que mistura Quero Ser John Malkovich com Spartacus. Ele só é engraçado pra quem lembra do momento mais comovente do épico de 1960 do Kubrick, quando os soldados romanos declaram que vão poupar a vida dos escravos rebeldes se eles apontarem quem é seu líder, Spartacus. E um a um, cada um dos escravos vai se levantando e gritando “I am Spartacus!”. Acho que prefiro ser Spartacus que John Malkovich. Quer dizer... Pra mim não dá nem pra comparar a relevância dos dois filmes.
E aí, qual desses mashups você mais gostou?
Mais mashups, esses de humor negro, aqui.

17 comentários:

Lord Anderson disse...

Oh, Lola, realmente muito legal.

Gostei mais da sutileza da fusão Alien e ET e do boneco de madeira com o Padrinho.

Ficaram otimo.

Umrae disse...

Entrei no site para ver. Tem uns que mesmo óbvios, são hilários: o Batman-Drácula, o de Star Wars com James Bond, Simpsons com Sr. dos Anéis, o texto do Trainspotting feito letreiro do Star Wars, etc.
A escolha de misturar Harry Potter e Indiana Jones ficou esquisita, mas a montagem ficou perfeita.
Teve vários casos em que eu tive que olhar nos comentários porque não identifiquei, mas eu também quase não lembro de pôsteres de filme.
Mas bem legal a dica.

Dea disse...

Bom dia, Lola,
eu, nascida, em 1986, conhecia todas as referências. Mas entendo suas frustações com alunos que nunca viram Rocky. minha irmã tem amigos de 18 anos, entrando pra faculdade agora, que nunca viram Curtindo a Vida Adoidado.
Enfim, eu vim aqui foi agradecer. Eu estava trabalhando, aí resolver ler seu post logo aqui no trabalho mesmo, e você me fez lembrar dessa cena tão maravilhosa de Spartacus.
(minha mãe sempre achou isso esquisito, porque ela gosta é do Michael, mas eu sempre achei o Kirk o mais charmoso dos Douglas.)
Obrigada.

Juliana disse...

Lola, precisei ler todas as suas explicações. Conheço coisas que vieram antes de mim ( kkkk), mas não sou boa em reconhecer cartazes de filmes.

Concordo com o Lord Anderson : Achei geniais o do ET e o do Pinóquio misturado com Poderoso Chefão.
Ainda não assisti ao poderoso chefão. Uma heresia,né?

Aliás, passei o dia de ontem lendo alguns de seus posts sobre filmes! Lola, juro que senti vontade de te estrangular, quando detonou 500 dias com Ela. Eu gosto tanto do filme, mas agora só consigo pensar no quanto vc espinafrou o coitado. kkkkkk

beijo

Borboletas nos Olhos disse...

Spartacus...fez todo sentido e eu gosto muito, muito, de épicos. E sim, com 35 anos e lecionando em Universidade sinto que estou num universo paralelo, pois às vezes nem professores/colegas entendem quando falo de Mogambo, Condessa Descalça, Laura, Suplício de uma saudade...

cronicasurbanas disse...

Esses mashups são geniais, das coisas mais criativas que a gente vê por aí na rede. Os programas hoje permitem junções perfeitas, não só de imagens, mas também de áudio e vídeo. Vocês já viram este aqui, misturando uma música do Jackson 5 com uma do Black Eyed Peas? A criatividade do pessoal (quando usada para fins pacíficos, kkk...) é realmente sensacional.
abraço
Mônica

mari + poesia disse...

Lola,apesar de muitos destes filmes não serem de minha época,eu curto bastante e já assisti alguns desses.Curti muito o mash up do Alien e do Spartacus rsrs.
Excelente post!
Beijos

Riffael disse...

Gostei dos mashups, principalmente por descobrir que não sou tão ignorante em relação aos filmes.

Vivien Morgato : disse...

ahhahaha...gostei de vários, mas adorei o último, que me remete à minha cena predileta de Spártacus, cena que é - já era? não sei - um clichê adorável ( a saber, a cena que todos se levantam e gritam "Eu soui Spártacus!", ui, me dá um treco).

Quanto a suposta desculpa da idade - que muitos sacanas usam...rs..- outro dia foi realmente engraçado: em uma festa, a mulher de um primo não conhecia nenhuma música da Betania, e eu sabia, segundo ela por ser muiiito, muiiiito mais velha ( sem comentários...rs).
O curioso é que ela sabia toooodas do bom e velho Roberto Carlos, mesmo sendo músicas "muiiiiito" velhas.
Agora falta de cultura virou juventude, né? eu, heim.


Beijocas, post saboroso, como sempre.

Flávia disse...

Lola!

Muuuuitooo bom!

O poster do Dr. Fantástico é hilário mesmo! Fiquei pensando em Simplesmente Amor com o Peter Seller fazendo vários papéis...

Não seria divertido?

Hugo disse...

Como se fossem só os filmes... Livro, então, eu já perdi as esperanças. Fiquei abismado com a história de um amigo que, ao assistir uma aula de Direito da UFRJ, descobriu algo impressionante.

O professor tentava explicar que não há direito se não houver sociedade, e propôs um exemplo: "Imagina, gente, o Robinson Crusoé." Cara de interrogação geral. Só UMA pessoa na turma toda fazia idéia de quem ou o quê seria Robinson Crusoé. E olha que virou filme, e nem faz tanto tempo assim.

As novas gerações parecem ter cada vez menos interesse em conhecer o que as precedeu. E isso gera uma perda muito triste, na minha opinião. Mas admito que não reconheci alguns dos posters.

E Spartacus é genial, sem dúvidas. O filme todo, e a cena que você descreve, são parte integrante do conceito de 'épico'.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Ih, Lola... fiquei olhando os cartazes antes de ler sua explicações, mas em quase todos eu só reconhecia um filme, com exceção do cartaz de Titanic e Foi apenas um sonho e de ET com Alien...
"Eu quero ser Jonh Malkovich" eu já assisti, mas como não me lembrava do pôster, a ficha não caiu antes de ler, rsrs...
Mas de qualquer forma achei bem legal, vou dar uma olhada no site, ver se consigo reconhecer mais alguns.

Abçs e bom fim de semana!

Kaká disse...

Dude where's my car com Amnésia é ótimooo!

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Dei uma olhada no site e morri de rir com o cartaz de Meu pé esquerdo com o de Jogos Mortais. Muito legal!
Vi alguns com Sex and City e fiquei imaginando que seria legal se fizessem uma fusão com Carrie, a Estranha (se é que não fizeram, porque não vi todos).

Giovanni Gouveia disse...

A fala final de Spartacus é:
"Eu voltarei, e serei milhões"...

Mário Marinato disse...

Achei sensacional o de Jurassic Park com Apocalypse Now. Mantém todo o clima do poster original, ao ponto de as mudanças passarem até despercebidas sem uma leitura mais atenta, ao mesmo tempo em que dá todo o clima de aventura de um parque de dinossauros.

Fantástico.

=Maíra= disse...

O do Jurassic Park e o do Pinocchio são geniais! Ah, e nasci depois de 1982, mas saquei todos os pôsteres, se isso te consola de alguma forma...