segunda-feira, 30 de agosto de 2010

OPOSIÇÃO SEM RUMO APELA PRA HUMOR VIOLENTO

Esta é uma montagem, já que ninguém acredita que mulheres sairiam à rua para fazer uma manifestação pela morte violenta da Dilma. E há gente nojenta em todos os partidos, embora eu acredite piamente que há muito mais nojentos do lado de lá do que de cá. Pelo menos não tenho lido emails distribuídos por comitês petistas xingando o Serra de “prostituto de terroristas”, sabe? Mas o que mais chama a atenção é que um grupo tucano de mulheres, o Mobiliza, divulgue e apoie uma foto (ou devemos dizer causa?) dessas. A Cynthia e a Maria Frô disseram o que eu queria falar sobre o assunto.
Acho que não é possível fazer humor em cima de algo tão horripilante como o caso Eliza. Talvez seja possível rir da explicação que os tucanos vão tentar dar pra justificar a foto. De repente é a mesma que o Prof. Hariovaldo inventou pra explicar como o programa eleitoral do Serra pôs fotos do candidato com seu maior rival político, o Lula: guerrilheiros venezeluanos treinados em Cuba invadiram a produtora de vídeo da campanha de Serra e forçaram que as fotos fossem exibidas. Vamos esperar o que o Mobiliza diz pra legitimar essa atrocidade. Certamente devem ter sido petralhas que hackearam o Twitter tucano.

22 comentários:

Lord Anderson disse...

Eu só discordo do termo humor usado no titulo.

Para mim isso não é humor de maneira nenhuma. Nem na categoria de humor negro entra.

Apelação puro e simples.

Jux disse...

Loláxima... a gente estava careca de saber que esse seria um recurso utilizado pela Oposição-reaça.
Ainda acho que demorou pra sair esse tipo de porcaria na mídia.

Infelizmente, esse tipo de manifestação baseada na violência é típica de quem padece de um repertório mínimo, digno para sustentar um debate. Na falta de argumentos pautados em raciocínio lógico, bom senso, fatos e coerência, vale o grito e a porrada, afinal, "se não sei argumentar, opto por usar a força para fazer calar". Scheiβe!

Wonderwoman disse...

É realmente trágica a situação. Não bastasse a gravidade de tudo que circunda a historia do caso Eliza, a incitação da violência contra a mulher como mote de campanha é simplesmente deplorável. E pra fechar o cerco de absurdos, levar o link ao twitter...
Essa campanha revelou o quanto o Brasil é sexista.

Bruno Stern disse...

Humor?
Me parece mais desespero mesmo.

cronicasurbanas disse...

De um mau gosto que eu vou te contar... Recebi esse email mais de uma vez, e de gente que eu nunca imaginei que fosse achar isso 'divertido'. Enfim. Coincidentemente, falei sobre o tema hoje lá no blog...
boa semana
Mônica

Clara Gurgel disse...

Meio mórbido achar graça nisso,não?! Quanto tempo desperdiçado...

Anônimo disse...

São os "aloprados" fazendo escola...
Na verdade, a diferença entre quem fez a faixa idiota e os responsáveis pelas compras de dossiê contra o PSDB, escândalos do dinheiro na cueca e mensalão é que estes, apesar de estarem intimamente ligados ao PT (ou até terem ocupado a cúpula do partido), são apenas "aloprados" e o Presidente Lula nunca soube do que ocorria; já a pessoa da faixa, que nem se sabe em qual candidato vai votar,com "certeza" a confeccionou a mando do Serra...tsc, tsc

Pentacúspide disse...

ah, não! pode ser de mau gosto, mas que tem piada, ai tem.

eu quero lá saber do estado da política no brasil, mas, lola, não achas discriminatório achar que mulheres deveriam apoiar dilma só porque ela é mulher?

Cris disse...

Lola, tomei um baita susto com essa faixa...o q é isso, meu Deus????

Jujumeo disse...

Realmente um humor descabido. O problema da liberdade de expressão é oq se faz com ela. Nossa liberdade tem sido usada da pior maneira faz tempo.

Jux concordo que as pessoas que fazem essas coisas são indignas de discussão mas vc citou a falta de bom senso d quem fez e com isso eu discordo. Infelizmente o bom senso desse povo é esse mesmo: de não argumentar e usar a força. Pelo menos do pessoal de SP não importando a classe, cor ou pensamento (a) político.

Wonderwoman a Dilma ganhando ou não, não mostra que o brasil está ou não deixando de ser sexista. O povo brasileiro é machista e ponto. o machismo é algo que tem a ver com a formação, religiões e doutrinas machistas e educação no geral. Para deixar de ser sexista temos que olhar nosso semelhante independente do sexo como um igual. Quase tudo aqui (e no mundo, antes que me atirem pedras) indica o contrário.

Nesse tema...
Lola, uma pergunta: O que vc achou do Lula defender a candidatura do Netinho de Paula? Gostaria de ler sua opinião.

Jux disse...

Lola!
Então, o que quer que norteie as investidas reaças nem dá pra chamar de "bom senso", certo?
Beijukiss!

Jux disse...

sorry, o comentário anterior é uma réplica pra vc, Jujumeo!

=)

Jujumeo disse...

Realmente Jux. Creio que pra uma pessoa saber oq é "bom" ela tem que ter consiência que é o "mau". Esse tipo de "brincadeira" ou "humor" na verdade é falta de senso.

Mas no país que estamos (na verdade no mundo)todos nós já sabiamos que iriam ter comentários sobre um candidato ser mulher. Desde a mais simples brincadeiras até a agressão verbal. Acredito que se fosse uma mulher de outro partido que estivesse mais em voga na mídia, aconteceria a mesma coisa. Tanto quanto o fato de Obama ser negro, certas pessoas seriam racistas com ele não importando se ele é democrata ou republicano. A falta de senso é complicado.
Tem gente que chama o pessoal do interior de caipira e coisas parecidas. Nossa sociedade é muito classissista, ainda acho que pra muita gente o negro não é uma cor de pele, mais uma classe social, assim que tem gente que trata a mulher como uma classe social. É um comportamento bizarro mas se prestar atenção verá. Uma mulher que aparenta posses tbm é tratada muito diferente de uma que não tem. Exemplo Erundina e Marta. cada uma agredida verbalmente por um motivo diferente, uma por ser nordestina e outra, acusada de ser uma "lesbica militante gay". Eu não gostei da administração de nenhuma das duas na minha cidade mais pode ter certeza que não tem nada a ver com isso. Assim como não ví um bom administrador homem na prefeitura e no governo.
Assim como não votarei na Dilma mas nada tem a ver com o motivo de ela ser mulher.
desculpe os comentários enormes, tentarei me conter.

XD

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Também vi o post da Maria Frô. É realmente ridículo uma coisa dessas e na minha opinião, queima o filme de quem apóia uma palhaçada dessas, um tiro no pé.
Infelizmente violência contra a mulher pra esse povinho vira é piada. Quando a gente digita assistir filme, no google, ele costuma completar com assistir filme pornô eliza, provavelmente pelo tanto de gente que procurou por isso, pra ver e depois falar: mas olha o que ela fazia também...
Ridículo!

Mariana. disse...

Além de ser 'inconveniente' fazer 'humor' com histórias como a da Elíza, tem o fato do machismo todo, né?

Mas eu não acho que devemos atribuir isso aos opositores reaças, como se todos que votassem no psdb fossem pessoas sem criticidade, cérebro, e conservadores. Não devemos atribuir isso - muito menos - ao próprio psdb. EU atribuo a quem disse e a quem reproduziu. bando de idiotas.

aiaiai disse...

mariana,

ninguem atribuiu nada ao psdb...a foto foi divulgada por meio do tuiter da campanha de mulheres do PSDB

João disse...

"o que mais chama a atenção é que um grupo tucano de mulheres, o Mobiliza, divulgue e apoie uma foto (ou devemos dizer causa?) dessas."

Aiaiai, "tucano" é ou não é o adjetivo usado para referência ao psdb? Se não é isso que o texto da Lola diz, então preciso estudar interpretação de texto...

Ághata disse...

Gente, a Faixa é Montagem!!!

Giovanni Gouveia disse...

JOão, o "Mobiliza" é o "Mobiliza mulher PSDB", com todas as letras, não é insinuação não.
Aqui, ó: http://twitter.com/mobilizamulher/status/22205256883

Pentacúspide disse...

Jujumeo, dizes: "Mas no país que estamos (na verdade no mundo)todos nós já sabiamos que iriam ter comentários sobre um candidato ser mulher."

E eu discordo redonda, quadrada e todas-as-figuras-geometricamente de ti. Não na parte em que referiste ao Brasil, mas naquela em disseste: o mundo.

Em 1992, no meu país, Guiné-Bissau, uma mulher candidatou-se à presidência da república, e voltou a fazê-lo várias vezes, mulheres foram várias vezes nomeadas ministras, votadas deputadas e dirigido cargos políticos de grande relevância, mas nunca, nunca, mesmo nunca, houve uma reacção deste género, nem nunca ninguém (olha a quantidade de negação) disse que elas eram incapazes por serem mulheres. E olha que estou a falar de um país africano do "quinto" mundo.

As mulheres da minha terra são educadas para fisgar um bom marido, porque quando não o conseguem fazer acabam por ser elas a trabalhar para sustentar o marido. E apesar da nossa sociedade ser masculina, valoriza-se muito o trabalho das mulheres e nunca é-lhes negado importância.

É verdade que muitos não mandam as filhas para a escola, porque como o país é pobre, e a escola nem sempre garante o futuro que se almeja e a sobrevivência acontece no dia-a-dia com ajuda do trabalho infantil também para muitas famílias, essas não conseguem ver mais longe, e impedem as suas crianças de ir à escola e põem-nas a vender na rua. E isso, não só para as meninas. Porém quando têm que escolher entre mandar um menino e uma menina, mandam o menino e dizem à menina: "vais encontrar um homem para te sustentar, mas nenhuma mulher vai sustentar um homem, por isso tens de te sacrificar para o teu irmão."

Em suma, não, não e não, nem em todo o mundo as reacções à candidatura de uma mulher acontece assim.

Jujumeo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jujumeo disse...

Penta: Que bom, fico feliz em saber que não é no mundo todo.

Mas eu digo o mundo pq quase sempre quando discuto as coisas aqui e falo "que no brasil é assim ou assado" vem alguém e diz: "-ah mais em tal lugar na esbornia tbm acontece". Eu nunca saí do Brasil e admito que oq conheço do mundo lá fora é de ouvir falar, e oq tenho ouvido falar é que existe mais desrespeito a mulher do que respeito. Acho que o lugar que vc mora realmente é um oasis de respeito, mesmo que seja pelos motivos errados.