sexta-feira, 12 de abril de 2019

EU FESTEJO A CONDENAÇÃO DE GENTILI

O assunto nas redes sociais ontem era a condenação do reaça misógino, racista e homofóbico Danilo Gentili a seis meses e 28 dias de prisão em regime semiaberto por injúria à deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).
Em 2016 o reaça disfarçado de humorista publicou vários tuítes contra a deputada, como faz cotidianamente contra mulheres em geral (euzinha, a deputada Sâmia Bonfim, a youtuber Alexandra Gurgel, entre inúmeras outras). A intenção é sempre a de divulgar sua ideologia de direita contra ativistas e de atiçar seus milhões de seguidores a atazanarem a vida de mulheres que trabalham e não têm medo. Maria do Rosário então pediu, via notificação extrajudicial, que Gentili apagasse os tuítes com insultos chamando-a de falsa, cínica e nojenta. 
Qual foi a reação de Gentili? Um vídeo que quase todo mundo viu: alegando que paga o salário da deputada e que pode dizer o que quiser, ele rasgou a notificação, a esfregou nas suas partes íntimas, por baixo da calça, e concluiu, num show de misoginia: "Maria do Rosário, chegando minha cartinha, abre ela, tira o conteúdo, sinta aquele cheirinho do meu saco e abra a bunda e enfie bem no meio dela tudo isso aí que eu estou mandando agora pra você". 
Nada de muito chocante pra quem já fez "piada" discordando de Jair Bolsonaro e dizendo que a deputada merece sim ser estuprada
A juíza Maria Isabel do Prado, que decidiu pela condenação criminal de Gentili, justificou que a intenção do comediante não era humorística, e sim de insultar e humilhar. Ao receber a notificação, segundo ela, ele "poderia simplesmente ter discordado ou ter buscado a orientação jurídica de advogados para acionar pelo que entendesse ser seu direito", mas optou por gravar um vídeo "altamente reprovável e ofensivo". 
Alguma dúvida que esta juíza já deve estar recebendo ameaças de morte e estupro desde anteontem? A lógica é a mesma. Não tem a ver com humor. Tem a ver com misoginia, com poder e humilhação, com subjugar as mulheres. 
É óbvio ululante que Gentili não vai passar nem um minuto na cadeia. A pena será substituída por prestação de serviços comunitários e multa. Mas, se mantida a condenação, ele ao menos não será mais réu primário. Já é alguma coisa pra quem goza da impunidade faz tanto tempo. Por outro lado, a condenação está lhe dando muita publicidade. As buscas por seu nome no Google aumentaram 4.000% nas últimas 24 horas. E ele, assim como o presidente dele, é adepto do "falem mal mas falem de mim".
Gentili tem um longo histórico de atacar minorias. Seu humor não é o de criticar poderosos, muito menos o sistema, e sim de xingar ativistas e pessoas comuns. Em 2012, por exemplo, Thiago Ribeiro, um jovem redator negro, fez um vídeo em que juntou vários momentos racistas do humorista. Gentili lhe mandou um tuíte: "Sério, vamos esquecer isso... Quantas bananas vc quer pra deixar essa história pra lá?" 
Imagino que agora em 2019 isso seria interpretado como racismo, mas, cinco anos atrás, a 10a Vara Criminal da Justiça de SP absolveu o humorista porque não houve "intenção de ofender a vítima". 
Ah sim, tem mais um detalhe: Gentili, este defensor incansável da liberdade de expressão, conseguiu tirar o vídeo de Thiago do ar. 
Em 2013, Gentili fez piadas no seu programa de TV contra a maior doadora de leite do Brasil, Michele Maximino. Michele era uma mulher comum, casada, mãe de dois filhos, conservadora até, habitante de uma cidadezinha em Pernambuco, mas ela todos os dias dirigia 80 km para levar seu leite materno a Caruaru. Sua doação diária era responsável por 90% do banco de leite do hospital de lá. Ela não ganhava nada com isso, fora a certeza que fazia a coisa certa de ajudar outros bebês. 
Gentili achou divertido mostrar fotos de Michele em seu programa, falar das "tetas" dela, comparar o leite dela ao "leite" de um ator pornô, fazer montagem com uma das fotos, transformando-a em "Leite da Moça". 
Michele passou a ser hostilizada na sua cidade com menos de 25 mil habitantes, apelidada de "vaca do Gentili". Ela e a família tiveram que se mudar por virarem motivo de chacota. Ela processou Gentili, ganhou, ele recorreu o quanto pode, e agora em janeiro saiu a sentença definitiva: Gentili terá que indenizar Michele em 200 mil reais. O que deve representar, sei lá, metade do salário do humorista e apresentador em um mês?
Durante o processo da votação do impeachment de Dilma, em 2016, Gentili, para marcar seu posicionamento, achou engraçado questionar se a senadora negra e nordestina Regina Sousa (PT-PI) seria de fato senadora. "Senadora? Achei que fosse a tia do café", deixando claro seu racismo nada enrustido. 
A única ocasião em que Gentili pediu perdão por uma piada foi em 2011, quando escreveu um tuíte sobre os moradores de Higienópolis (onde há muitos judeus) serem contra o metrô no bairro ("Entendo os velhos de Higienópolis temerem o metrô. A última vez que eles chegaram perto de um vagão foram parar em Auschwitz"). A Band, sua emissora na época, sentiu a pressão dos patrocinadores e mandou ele se retratar. 
No mesmo dia do tuíte odioso, Gentili obedeceu, e disse em seu Twitter: "Minha intenção como comediante nunca foi trazer nenhum outro sentimento ao público q não fosse alegria. Peço perdão se falhei nesse meu objetivo com a piada q fiz essa tarde. Me coloco a disposição da comunidade Judaica para me redimir".
Nada de oferecer bananas a um negro que protesta contra racismo, ou de esfregar no saco a notificação de uma deputada mulher. Quando o alvo da piada é um grupo com poder econômico um pouco maior, a defesa da liberdade de expressão irrestrita some rapidinho. 
E por falar em liberdade de expressão, dói ver a maioria dos humoristas -- quase todos homens brancos e héteros -- defendendo Gentili. Eles raramente defendem os alvos das "piadas" do humorista, mas creem que o humor pode tudo, e que é censura condená-lo, ainda mais com uma sentença de prisão (imagino que eles saibam que Gentili não será preso, né?). 
Também vi gente se manifestando contra o "punitivismo" de prender alguém, ainda mais alguém tão inofensivo. Bem, vejamos: um carinha que nunca matou ninguém -- não estou falando de Gentili --, mas que faz fóruns anônimos festejando massacres e recrutando rapazes para cometê-los é inofensivo? 
Ou é só liberdade de expressão? Ao ser acusado, ele não pode alegar que foi tudo uma piada? E se eu ofender alguém, chamando-o de estuprador, e, ao ser processada, fizer um vídeo rasgando e esfregando o papel nas minhas partes íntimas? Tudo bem? No processo, eu posso alegar que só estava brincando, que não foi minha intenção insultar?
Acho que quem reclama do "punitivismo" na condenação de Gentili sabe que o sistema que prende e tortura uma mulher pobre por furtar uma lata de leite condensado num supermercado é o mesmo que permite que não seja preso um senador gravado pedindo dinheiro pra empresário corrupto e dizendo que mataria o primo se o delatasse. É também o mesmo sistema que permite que um humorista que faz carreira perseguindo mulheres e negros tenha no máximo que pagar uma parcelinha de seu salário se porventura for condenado.
Ironicamente, o público de Gentili é o mesmo que quer que eu vá presa por defender a legalização do aborto (acho que é meio a meio: metade me quer presa, metade me quer fuzilada). É o mesmo que celebra quando sou processada por misóginos que me ameaçam de morte e estupro e fazem de tudo pra destruir minha vida (Marcelo, ou "Psy", que passou cinco anos ininterruptos me ameaçando e atacando, e que finalmente foi condenado a 41 anos e está preso desde maio, já me processou duas vezes). Aliás, parte do público de Gentili é aquele composto por grupos neonazistas e misóginos que planejam e executam massacres em escolas e que veem o humorista como um dos seus. 
No Dogolachan, fórum anônimo de
Marcelo (Psy), em 2015
Por que será que os piores cidadãos de bem do Brasil (entre eles o  presidente fascista, que não deu um pio sobre a execução de um pai de família negro pelo exército, mas escreveu um tuíte se solidarizando com Gentili) identificam o stand-up bully como sendo da mesma trupe? Bom, em dezembro de 2015, quando o Profissão Repórter dedicou um programa à luta feminista contra os misóginos, chegando ao ponto de tentar entrevistar Marcelo, Gentili se posicionou. Não contra gangues que ameaçam mulheres e negros, mas contra mim -- como se algum dos onze boletins de ocorrência que fiz foi por alguém ter me chamado de gorda. 
Gentili tem um ódio todo especial por mulheres gordas (pode chamar de gordofobia, se preferir). 
Se você já foi gorda alguma vez no seu passado, como é o caso da candidata a vice-presidente Manuela D'Ávila, você será "zoada" pelo eterno "pior aluno da escola" (Gentili escreveu um livro glorificando o bullying. O livro virou filme com apoio da Lei Rouanet. Nossos impostos pagam campanha pró-bullying). Simples assim. 
A deputada federal Maria do Rosário, provavelmente a mulher mais atacada do Brasil (fazem ataques orquestrados até à filha menor de idade dela!) há anos, é fina demais para comemorar a condenação de Gentili. 
Mas eu festejo sim. É uma vitória coletiva de todas nós que somos frequentemente atacadas pelo humorista e seu séquito. E vale perguntar se Gentili mantém o que disse aos judeus ofendidos -- "minha intenção como comediante nunca foi trazer nenhum outro sentimento ao público que não fosse alegria". Qual é a alegria dessa gente em hostilizar mulheres, principalmente aquelas que não aceitam se calar?

131 comentários:

Anônimo disse...

Todo o meu apoio ao senhor Gentili! Irei fazer campanha para defender esse homem e impedi-lo de ir para a cadeia!

Gentili, estamos com você, em nome da liberdade de expressão! :-)

Maria Luísa disse...

Lola, excelente texto. Citou todas as atrocidades desse criminoso. Condenação de Gentili é uma vitória pra nós. Parabéns!

Anônimo disse...

Perfeito seu texto. Parabéns!

eliezer disse...

Lola, obrigado por esse texto, ver pessoas (inclusive de esquerda, como o PCO) defendendo a liberdade de expressao pra esse verme me dá ânsia. Ler esse texto me deu um animo em saber que não estamos errados em achar maravilhoso que, pelo menos, ele perca o réu primario. ♥️

Unknown disse...

Vai fazer campanha como, anônimo?

Se tu tem vergonha até de pôr teu nome aí?

Anônimo disse...

Eu fiquei chateada com essa quantia ínfima que o Gentili teve que pagar no caso Michele.
Não concordo com a prisão do Gentili, não porque eu me importe com ele, mas porque o pessoal da direita poderá sim usar o mesma medida contra a esquerda.
Para mim ele deveria ser obrigado a apagar o video e pagar uma indenização alta pelo que fez. O caso da Michele, na minha opinião, foi bem pior que o da Maria do Rosário.
A condenação prisional considero algo perigoso. Tem outras consequências. Poderá abrir precedentes contra a própria esquerda e ainda transformar esse imbecil em um mártir injustiçado dos idiotas da extrema direita.

Veja que a minha preocupação é quanto a liberdade de expressão e os prováveis desdobramentos negativos de uma condenação a prisão, mas o meu sentimento é de comemoração porque eu acho o Danilo um grande babaca misógino. E os que sempre riram das piadas de mau gosto que ele faz com mulheres são babacas misóginos iguais a ele. Minha comemoração tem a ver com as mulheres e não com a Maria do Rosário especificamente. Para mim, ela errou no caso do assassinato de Liana.
Não acho que a Maria do Rosário foi fina no meme. Ela foi irônica e cínica. Hahaha

Anônimo disse...

Ah, Lola eu não tinha assistido o vídeo da Maria falando sobre a prisão do Gentili. Pensava que seu posto era só uma foto que ela postou no Twitter com a cara entendida a respeito do assunto. Realmente ela foi fina.

Lola Aronovich disse...

Mascutroll é tão covarde que não apenas tem medo de por o nome ou o rosto como precisa fazer perfil fake de uma pessoa como a Jessica (do Canal das Bee). Só ser covarde não é suficiente, pelo jeito, tem que difamar uma pessoa que vc não gosta também. Duplamente covarde!

Hesha Roberto disse...

É verdade. Humorista é Gregorio que tira onda com poderosos e estruturas.
Se vc só mexe com "pequenos" vc é um covarde isso sim

Anônimo disse...

Só no Brasil mesmo. Aqui é pior rir de quem rouba do que roubar de quem ri.

#DaniloLivre

Unknown disse...

Lola parabéns ,cada palavra nos representa,festejo te la conhecido!

Tiago Pazos disse...

Muito esclarecedor esse post! Eu tinha assistido o vídeo no canal do YouTube do deputado estadual de São Paulo, o Arthur do Val, e tive uma impressão totalmente diferente do seu ponto de vista. Entretanto, nada como uma boa argumentação para a gente ver e entender que o buraco é muito mais embaixo do que uma simples falta de “liberdade de expressão”.

Marina disse...

Realmente ver parte da esquerda defendendo o Gentilli foi um soco na cara bem forte. Mas né, não to mais esperando mta coisa de pessoas como o Duvivier..
Como sempre seus textos são muito lúcidos Lola!Obrigada!

Anônimo disse...

A nem vale comentar a pessoa que vem até aqui pra falar alguma atrocidade..

E se tratando do Danilo Gentili tem que fazer pagar sim, usar todas as vias legais (que bem sabemos, vão ser suavizadas ou deixadas de lado ad eternum) e divulgar negativamente sim... é o basico.

Anônimo disse...

Ainda não levantei informação suficiente para construir minha opinião sobre esse caso específico... Mas admito que ver o tombo desse cretino fez o meu dia!

Parabéns pelo blog Lola! :D

titia disse...

Beleza! Vou soltar uns fogos e fazer uma festa na piscina cheia com as lágrimas dos mascus, incels, fascistas, minions, comentaristas anônimos de internet, trolls de blogs feministas, homens brancos héteros machistas e toda essa laia que só consegue transar pagando pra celebrar.

*Joga confetes e serpentinas*

Zhungarian disse...

Não podemos ser tolerantes com a intolerância. O fascista quer ter liberdade de expressão?
Pois que a tenha e arque com as consequências. O que não pode é um fascista fingir ser humorista para permanecer impune. Se ainda mantém um programa de TV é porque seus patrocinadores covardes compartilham de sua visão de mundo.

Anônimo disse...

Que esse cretino sofra mais algumas condenações por suas piadas, ou melhor, deboches infames.

Já vi muitos videos dele debochando do Bolsonaro, do Cabo Daciolo, do Jean Wyllys, do Temer, do Gilmar e ....mas só a Maria do Rosário processou e ganhou esse crápula.

Mulheres vamos a luta.

Ana Mendonça disse...

Prezada anônima, a questão da liberdade de expressão não é uma questão partidária ou ideológica. O exercício da liberdade de expressão responsável é pra todos, não tem viés algum. Todavia, que dela faz uso são pessoas e, infelizmente, pessoas de posicionamentos ideológicos diversos, inclusive de direita e de esquerda, faz uso irresponsáve, que passam a ser crimes. E todo crime deve ser reparado, independente de quem o pratique e suas ideologias. O fato de pessoas de direita cometerem e não serem passívevis de serem punidos pra evitar que o mesmo se faça com quem é de esquerda é inadimissível. Há uma intencionalidade corrosiva para o próprio pensamento de oposição à direita que, claramente, podem deslegitimar as lutas. Não sou a favor de violência de nenhum tipo, de quem quer que seja, de onde quer que venha ou queira ir.

Quanto à questão da Liana/Maria do Rosário, seria bom se informar melhor e não se alimentar das comidas envenendas da internet. Aconselho acompanhar essa entrevista do pai da própria Lian (no que se refere à Maria do Rosário) - https://ponte.org/votar-no-bolsonaro-e-falta-de-carater-dispara-advogado-que-teve-filha-estuprada-e-morta/

Crimes contra a honra, contra a dignidade devem sim, ser punidos, seja quem o tiver feito. A dosimetria quem sabe é o juiz que ele averigua o Código Penal.Ele nos traz circunstâncias atenuantes (como a confissão) e agravantes (como a reincidência), além de causas de diminuição e de aumento de pena, os quais podem interferir no total final da pena a ser aplicada.

A gente sabe o histórico do Danilo, não é? Fora os absurdos que nunca foram parar na justiça.

Agora, se ele não está satisfeito com a pena, que recorra.
Mas eu sou a favor de que ele seja ressocializado na cadeia, como qualquer pessoa cumprindo pena deveria ser. Também seria aprorpiado alicar justiça restaurativa com eles, embora não acredite muito na capacidade dele de repensar suas ações.

Yuri S. disse...

Se foi um debate público, não foi atoa. Muitos comediantes se manifestaram a favor da liberdade de expressão (e não em defesa do danilo gentili, como você falou), porque a lógica deles é: se isso pode acontecer com o danilo porque ele ofendeu uma deputada, o que impede que eu com um "bolsonaro vai tomar no cu" ou "bolsonaro é um idiota" não vá preso? Não tô dizendo que esse pensamento é certo ou errado, mas eu entendo eles. Agora o triste é ver que tanta gente da esquerda não se deu nem o trabalho de tentar entender esse posicionamento e já saiu "cancelando" comediantes, como o próprio Gregório Duvivier, que tem o programa dele que é baseado em xingar os conservadores. E mais, nesse programa, um pouco antes da eleição, ele fez um vídeo citando os motivos que votar no bolsonaro era uma furada. Enquanto isso, maior parte da esquerda tava tão preocupada em dizer que os eleitores do bolsonaro eram machistas, racistas e homofóbicos, que se esqueceram que a maioria dos brasileiros simplesmente não sabem como funciona o racismo, o machismo e a homofobia no Brasil. Maior parte do Brasil não vive no Quebrando Tabu, ou no blog da Lola. Então quando o bolsonaro pegou um negro, um gay e uma mulher pra campanha dele, esse argumento da esquerda caiu por terra. Pelo menos o Gregório tentou o diálogo, e se mais pessoas tivessem feito o mesmo, ao invés de terem ficado na defensiva o tempo todo, quem sabe o resultado da eleição não teria sido outro.
Danilo gentili é um lixo, e eu acho que a Maria do rosário tava totalmente no direito dela de processar ele. Agora eu não vejo motivo pra comemorar, até porque o danilo COM CERTEZA vai usar isso pra aumentar a paranoia de que a esquerda persegue as pessoas e é fascista. Ou seja, a esquerda caiu feito patinho na armadilha da direita. Mais uma vez.

Renan disse...

Olha, eu sou gordo e rio de piada sobre gordo. E conheço negro que ri de piada sobre negro, mulher que ri de piada sobre mulher, puta que ri de piada sobre puta (pode falar "puta" no sentido de mulher sexualmente liberal aqui ou isso é ofensivo?), nordestino que ri de piada sobre nordestino, gay que ri de piada sobre gay.

Na verdade, não apenas já ouvi mulher rindo de piada sobre mulher, mas também mulher fazendo piada sobre mulher e nordestino fazendo piada sobre nordestino.

As pessoas comuns costumam rir de si mesmas. Uma piada sobre alguém não é necessariamente uma piada contra alguém.

Sônia Zaninella disse...

Lola, parabéns pelo texto. Este moço é ridículo. Lembro da primeira vez que o vi, estávamos todos em casa e zapeando, coloquei em um canal onde acontecia a estréia do CQC, instantaneamente a família reprovou o perfil do gajo e desde então ele só nos tem trazido racismo, fascismo, misoginia e um histórico de fatos assustadores. Fico feliz pela condenação, ele não merecia outra coisa.

Anônimo disse...

Esse cara é um nojento. Assim de simples. Como já disseram acima, acho o caso da Michele muito pior já que ela não era uma pessoa pública.
Dito isso, eu não comemoraria. Ele não recebeu essa pena por ter injuriado a Maria do Rosário, ofendido mulheres ou ativistas. Ele recebeu essa pena por ter ofendido um papel emitido pela justiça. Só isso mesmo. Mais ou menos como o Rafinha Bastos que só foi condenado quando ofendeu a mina rica mulher de empresário.
Não tem avanço nenhum aí e não vai ensinar nada a ninguém, mas vai abrir a porta pra que qualquer crítica seja considerada injúria passível de prisão.

Anônimo disse...

Oi, Lola e pessoal dos comentários. Já ouvi falar muito do seu blog, já escutei entrevista em podcast e vi vídeo sobre seu trabalho. Apesar da vergonha de admitir, é a primeira vez que leio um texto seu. Mais uma vez por falarem bem dele, não por vontade própria. Agora, quero acompanhar todos os dias.
Sobre o assunto do Danilo, me entristece saber que durante tanto tempo ele se manteve impune de seus preconceitos e discurso de ódio disfaçados de humor. Ainda sobre o caso da Michele, a justiça pernambucana diminuiu a indenização para 80 mil reais. Depois não consegui encontrar como ficou o valor ou se ele e a emissora chegaram a pagar. Mas, como você apontou, dinheiro não é um problema para ele. Quando a punição é mais rígida (mesmo que não há de cumprir em regime fechado), ele reclama e faz um escarcéu como se fosse um muleque da 5a série. Pior que isso, já que conheci muitos meninos legais nesse período. Ainda acho que não é uma solução definitiva para o "comediante" botar a mão na consciência, porém é o começo. E espero que a cada ataque que ele faça, potencializado pelo poder da mídia, sofra as consequências.

Anônimo disse...

Onde xingar alguém de nojenta falsa , dizer que estupraria uma mulher, pegar uma notificação da justiça e passar na bunda e enviar de volta é piada? Onde ? Só aqui que um desclassificado desses tem apoiadores. Nunca seria permitido isso num país sério

Condenação mais do que justa, necessária

Anônimo disse...

Danojo Monstrili como o Mijair Bolsomijo tem uma milícia virtual atuante, pois seus admiradores, seguidores ameaçam, acuam, até tentam colocar vírus no computador ou celular de quem ousar mencionar os absurdos mesmo com provas cabais. Lamentavelmente isso só deu palco para um imbecil, provavelmente muito bem pago não apenas pelo SBT do SEnor Abravanel, mas é também usado(também muito bem pago) por algum contato do Bannon no Brasil para perpetuar o caos, medo, inércia. O cara admira o Alex Jones? Não duvido, pois ambos se parecem muito. Danojo Monstrili e seus monstrilinhos adestrados virtuais são como ele ou pior, pois colocam em prática o que muitas vezes o "chefinho" não tem coragem de fazer que é matar minorias ou pessoas vulneráveis. O Monstrili além de ser um ser repugnante é pedófilo, lembra do caso da Maisa quando estava com amigas da mesma idade dela e o mesmo veio com "elogios", porém foi repreendido e ficou na dele quando foi confirmada a idade de quinze anos da moça elogiada, fora a hipocrisia do degenerado, pois é viciado em cocaína, isso quem comentou foi uma amiga que trabalha no SBT e disse que o sujeito é o maior cafungueiro, nível Poécio Neves, agora esse o Bolsomijo defende e nada pronunciou a respeito de um pai de família morto no Rio de Janeiro com 80(oitenta) tiros do exército de extermínio de pobres, negros muito bem instruído e respaldado, mas é explicável, aquelas vidas nada significam para o Mijair e os três patetas filhos dele no poder. Danojo Monstrili e sua turba raivosa, violenta, virulenta sabem muito bem(ele mesmo sabe) que não faz humor e sim humilhação e quer liberdade total para continuar a humilhar a vontade negros, mulheres, gays, lésbicas, pessoas vulneráveis, nordestinos ou quem fugir de um padrão estabelecido por uma sociedade hipócrita, mesquinha.

Jan Ribeiro disse...

Curioso é que quem defende o Gentili se esconde, não tem nome nem rosto. Eu tenho preguiça dele e de tudo que o envolve. O elenco do programa inteiro é bem ruim, com todo respeito aos profissionais que trabalham nos bastidores e se esforçam para tudo aquilo ficar minimamente apresentável.

Lola nós temos muito o que comemorar mesmo. Que venham mais e mais condenações.

Anônimo disse...

A liberdade de expressão termina onde começa o insulto e a agressão. Esse boçal do NoGentili já ficou impune tempo demais.

Anônimo disse...

Cara sem graça. Acha que pode dizer o que bem entende das pessoas e destilar seu ódio contra quem não gosta. Dão muito espaço prá ele. Se fosse num país sério já teria tomado um pé na bunda. Tem que pagar pelo que fala e assumir suas reponsabilidades e ai não tem nada a ver com partidarismo poilítico ou ideologia. Quem se sentir ofendido tem mais é que pedir reparação mesmo.

Anônimo disse...

Nunca perdi meu tempo para assistir o programa desse sujeito. Por mim vai cumprir sua pena e sem dó

Anônimo disse...

Este cara quer isto mesmo, notoriedade. Falta talento, sobre soberba e arrogância. Quem perde tempo ouvindo/vendo um programa que este cara é condutor, me desculpe, merece ter o que tem..... nada de util.

Anônimo disse...

мєrєci∂α α ρrisãσ. ∂αทiℓσ ทãσ єsτá αciмα ∂α ℓєi. αℓiás єℓє só ρєทsα qυє é єทgrαçα∂σ. cσм σ sєυ ρsєυ∂σ нυмσr qυє só αgri∂є, σƒєท∂є, ∂єsρrєʑα αs ρєssσαs, єxєrcєท∂σ υм vєr∂α∂єirσ вυℓℓyทg є ทãσ нυмσr. єℓє αcнσυ qυє sєriα єทgrαçα∂σ rαsgαr α iทτiмαçãσ є єทƒiá-ℓα ทα cυєcα, σ τirσ sαiυ ρєℓα cυℓατrα.

Unknown disse...

Parabéns Lola! Belo trabalho! Obrigado por ajudar a desmascarar esse pseudo humorista. Esse cara merecia ir para a cadeia. O comportamento dele é criminoso.

Felipe Roberto Martins disse...

Somos Tod@s Lola e Somos Tod@s p/ Maria do Rosário.

Unknown disse...

Gentili é um verme e deve ser tratado como tal... Adoraria vê-lo em cana por uns dias... Pena que não será dessa vez...

Ana Mendonça disse...

Renan, o contexto do Danilo Gentili ultrapassa qualquer piadinha de mau gosto a que estamos (erroneamente) acostumados.
Não é porque nos acostumamos "a rir de nós mesmos" que está certo e precisa continuar assim, principalmente em situação mais agravadas.

Infelizmente, ainda vai demorar pra todos entenderem a abrangência dos crimes desse tipo na internet, veículo que proporciona a disseminação do ódio e massa de desinformados a brigar, a se degladiar uns com os outros em nome de políticos, ideologias, e esquecem o bom do que eh viver em harmonia.

A decepção com um governo não pode ser meio de ódio com pessoas que se posicionam diferente. Pensamentos contrários, polêmicas sempre vão existir, mas não precisam ser odientas contra pessoas.

Vejo uma massa unida em violência, desprezo e incitação a ódio se retroalimentando 24h por dia, incansavelmente.

Bom pro povo brasileiro isso? Desunião? É um povo partido em ódio que crescem frutos podres como já conhecemos na história mundial. É hora de ficarmos alertas.

Unknown disse...

Parabéns! Se a condenação tivesse o efeito desejado, o de educar, seria melhor ainda, mas conseguem inverter tudo, pela quantidade de gente achando um absurdo e 'se solidarizando'. Que alguns entendam e aprendam.

Anônimo disse...

Eu tbm fiquei feliz por esse sem graça se dar mal. Sujeito asqueroso. E quanto aos amiguinhos saírem para defendê-lo, nem é novidade. Os homens são assim entre eles.... É na saúde e na doença... Ô raça.

Meireana Dutra disse...

Que texto maravilhoso! Todos deveriam ler. Todos precisam entender. Amei! Obrigada!

Anônimo disse...

.-. me explica uma coisa, cadeia é o que ele realmente merece?saia da sua bolha e pense, ele merece cadeia?em um país onde um nóia que rouba seu celular e te mata fica livre... olha, naõ querai dizer isso, mas o dogola estava certo em alguns pontos.

PSYCHO disse...

Assisti a poucos programas mas sempre achei que disfarcado de humor agride mulheres, negros, homosexuais. Passou do ponto quando agrediu Maria do Rosário. Ainda bem que tenha sido sentenciado. Provavelmente não vai cumprir cadeia mas terá que fazer serviços comunitários. Tomara que seja em local onde se encontram mulheres, negros ou gay sofrendo as consequências de crimes cometidos contra os mesmos.

Laila disse...

O que houve com o Gregório, Marina? Não estou sabendo! Sempre achei que fosse um cara mais engajado... mas confesso que não acompanho de perto o trabalho dele também. Compartilha com a gente, por favor! Bjs.

angel garcia garcia junior disse...

Esse Sujeito precisa aprender a respeitar as pessoas e a Lei tem de ser pesada contra ele,é Abusado e tem de responder pelas Ofensas e Injúrias. Parabéns para a Justiça que condenou esse Valdevino.

Anônimo disse...

Fazer campanha para defender o machismo, ser contra o PT ou simplesmente paixão mesmo ?

Bela disse...

Eu também festejo. Ele fez por merecer. Não podemos relativizar a liberdade de expressão. Por causa disso, temos o governo que temos hoje bom Brasil. Me admira o pessoal da esquerda se posicionando contra essa condenação. Ainda não se deram conta de que estamos no meio de uma disputa de discurso e narrativas.

Alan Alriga disse...

😂😂😂😂😂😂😂😂
Amo os seus comentários titia

Unknown disse...

Excelente resposta dada a um covarde. Parabéns!

Alan Alriga disse...

O pior é saber que por mais piadas racistas, homofóbicas, etc... Que ele faça sempre vão ter famosos, tanto nacionais quanto internacionais que continuam indo no seu programa, enquanto isso ainda acontecer ele não vai mudar as suas atitudes.

Ps: Só assisti um vídeo de um trecho do programa dele no YouTube, quando a minha cantora favorita a Tarja Turunen foi ao programa dele.

Anônimo disse...

Isso tudo só está alavancando mais a popularidade dele. E ele está surfando na onda.

E no fim, 100 % de certeza que a sentença será reformada na 2a instância (é o que dizem os advogados no tt)

Unknown disse...

Texto excelente!

Jacke Frankenstein disse...

Matéria ótima e perspicaz, é um daqueles que tem que ser exposto por todas as suas escrotidoes, preconceitos... Comemoro sim, é muito triste saber o que houve com a moça doadora de leite, ainda bem que ela ganhou o processo. Maria do Rosário vem aguentando já há muito tempo as truculências desse babaca.

Anônimo disse...

Saudades da década de 90, quando o Didi zoava o Mussum, chamando ele de "macaco" em rede nacional num domingão às 10h da manhã, toda a família ria pra caramba ( inclusive o Mussum ), não tinha maldade naquilo, todos almoçavam tranquilamente e iam cada um seguir suas vidas. Hoje é um tal de ver maldade em tudo, um mimimi infindável, a patrulha do politicamente correto com sangue nos olhos... sério mesmo! Hj a sociedade está podre e tudo o que vc diz SERÁ usado contra vc, mesmo que vc se expresse na boa, sem maldade, ou mesmo que o "ofendido" não esteja nem aí, aparecerão centenas de "defensores do politicamente correto" para enquadrar o "criminoso". Tá chato viu? PQP!

Unknown disse...

Eu,homem branco e hetero também comemoro essa condenação, pena que que seja tão branda, esse cara é abjeto.

@valdemircrabi disse...

Só o Sr. Danilo ainda não entendeu porquê foi condenado. E agora paga de vítima. Coitadinho dele.
Me solidarizo com as vítimas desse babaca.

Excelente texto, Lola.

titia disse...

Obrigada, Alan Auriga. Sabe, eu realmente não entendo qual a o problema desse pessoal dizendo que a prisão do Gentili é injusta; ele infringiu leis e vai receber a punição determinada pelo código penal e pela constituição. Não tem nada de injusto nisso, injustiça seria ele não ser punido. E ainda dizem que bandido bom é bandido morto...

"mas o dogola estava certo em alguns pontos". O babaca diz isso e ainda quer ser levado a sério... não sei nem mais que profissional recomendar, médico, cientista, policial, veterinário, agente funerário...

Laís disse...

Excelente texto! Siga firma na luta!!

Juarez P. Furtado disse...

Excelente texto, Lola.
Importante listar todas as atrocidades feitas por esse cidadão.
Texto lucido e oportuno.

Nederski disse...

Primeiro, senhor "anônimo" leia algo que não seja post de rede social. Por exemlo, um livro que trate do direito à liberdade de expressão. Vai ficar perplexo ao descobrir que essa liberdade não é absoluta, e perde feio quando comparada ao direito à honra, reflexo da dignidade de uma pessoa, esse sim, um dos fundamentos de nossa Lei Maior (a Constituição, vou lhe ajudar explicando).

Anônimo disse...

O problema é que o politicamente correto não é uma cartilha, um manual onde vc aprende como não ofender as pessoas. O politicamente correto é uma organização de uma ideologia política. A patrulha do politicamente correto quer ter o monopólio da ofensa. A partir daí, não importa o quanto agressivi é o que vc diz, mas sim quem vc é quando vc diz algo ofensivo. Ex: quando o Gentili chama a Sâmia de gorda, isso é gordofobia para a patrulha. Mas quando ele chama a Joyce Hasselman de gorda, a patrulha se cala. Quando Bolsonaro fala algo ofensivo contra gays, a patrulha o chama de homofóbico. Mas quando o Haddad faz a mesma coisa contra o filho do Bolsonaro, a patrulha defende o Haddad. Jan Willys se indigna só se a ofensa vier de quem não faz parte da panelinha. Se vier, pode falar o que quiser que vc será defendido. E isso não iremos aceitar nunca!

lua mai disse...

Migo, Esse Mc n é parâmetro

lua mai disse...

Acho q o problema é o medo de q isso se more contra ele pq ai seriam o Bozo, o marreco, o Olavo processando ele por dizer verdades, n concordei com o posicoonamento, mas entendi o receio

Anônimo disse...

Tá achando ruim? Volta pros anos 90.
Antes de mais nada, o humor dos trapalhões era bom apesar dos deslizes claros de racismo e preconceito hoje inaceitáveis. Qualquer um que assistisse poderia perceber que não havia ódio ou intenção de ferir alguém. Com eles as pessoas podiam rir do seu próprio preconceito e do ridículo das situações. Eles também zombavam do branco machão e da mulher linda burra. De fato era humor de altíssima qualidade. Coisa que o Gentili não faz. O que dizem ser engraçado no Gentili é a intenção de humilhar o alvo das "piadas". Não tem humor nenhum. Ele não tem o menor talento para isso.
Os trapalhões era um programa de humor puro que mostrava personagens cômicos e levemente ou bastante preconceituosos como muitas pessoas são na vida real. Mas é impossível afirmar que o objetivo dos trapalhões fosse humilhar qualquer pessoa o que é exatamente o objetivo do Gentili.
Os trapalhões zoavam com todos: pobres, ricos, nordestinos, negros, brancos, mulher gorda ou magra. E na época era engraçado embora não fosse considerado politicamente incorreto ou "liberdade de expressão". Mas eles jamais tomaram qualquer um desses grupos como alvo do escárnio e do ódio com sua piadas. Isso é humor de verdade. Não essa bosta sem graça do Danilo.

Anônimo disse...

Vai lá ser amiguinho do dogola. Pelo menos vai despoluir o blog de sua presença.

Santiago disse...

Parabéns, excelente texto.
A perda da primariedade é a grande questão nessa condenação.
Pagar indenizações pra quem ganha valores como ele é pouco.
Gostaria muito q não fosse em regime aberto sua condenação.

Fernanda disse...

Parabéns pelo texto, Lolla!

Necessária exposição do histórico de crimes desse machista, racista e homofóbico que se esconde por trás da desculpa do "humor" e da "liberdade de expressão" para perpetrar ofensas e atrocidades.

Sua denúncia é extremamente necessária!

Anônimo disse...

Esperneia e chora então. É claro que achamos tão errado fazer piada com a gordura da Joice quanto com a da Sâmia. Mas ela é defensora do politicamente incorreto então ela que se foda quando for usado contra ela. E vcs que defendem tanto a ofensa grosseira, fodam-se quando forem as vítimas dela. Não movo um pé por vocês. Acho certo? Não. Mas não vale a pena defender quem acha que agredir os outros é bobagem.

Anônimo disse...

Liberdade de expressão não é absoluta.
Gentilli não o tem, e nem o queermuseu o teve. Algo mais do que justo.
Alegar crítica ao artista (em ambos os casos) é fascismo.

Rodrigo disse...

comentário parcelado, porque ultrapassou o limite de caracteres:
então, lola. lamento, mas discordo do seu texto. antes de mais nada, digo que concordo com tudo o que você falou do sujeito. é um babaca misógino, um racista, um comediante medíocre com mentalidade de quarta série. mas não acho que um sentença como essa seja motivo de comemoração. não, não se trata de "defender o gentili". não sei se tem gente fazendo isso, mas, se estão, é perda de tempo. homem branco e rico não vai preso por coisas assim, como você bem lembrou. a defesa, portanto, não é "do gentili", mas do direito de liberdade de expressão. ao contrário do que muita gente parece estar pensando, a liberdade de opinião e expressão inclui o direito de pensar bobagem e ser ofensivo. é um modo lastimável de exercer uma liberdade tão preciosa, mas é que certas pessoas optam por fazer. disso não se deve pensar que a liberdade de expressão é absoluta, claro que não. ela implica a responsabilização pelo que é expressado e a devida resposta
aqui entra em jogo a injúria. no nosso código penal ela é listada como "crime contra a honra", mas pode ser compreendida como crime de opinião. uma opinião ofensiva ainda é uma opinião. o problema aqui é que numa (ahem) democracia, uma pessoa seja ameaçada com privação de liberdade por ter uma opinião. não estou falando do gentili (que, concordamos, não está realmente sob esse risco), mas de todos nós. mencionaram acima o duvivier, que está também sendo processado por injúria, contra moro e bolsonaro. no caso dele, provavelmente nada aconteçerá de mais, pelos mesmos motivos (homem branco e rico, embora não sei se tanto quanto o gentili). mas e o restante de nós, que não somos uma coisa ou outra, ou nenhuma delas? jornalistas e ativistas políticos podem ser denunciados pelo mesmo crime, sem ter a mesma tranquilidade no trâmite e a mesma segurança quanto à sentença. vale a pena comemorar o emprego de um dispositivo penal tão anacrônico, apenas por ele estar sendo usado contra alguém desprezível desta vez? eu não penso assim. lembremos do caso da michele. ele fez piadas nojentas sobre ela, que lhe renderam um processo cível, favorável a ela, mas nada consolador. o valor foi ridículo se comparado ao dano decorrente da exposição e em vista do patrimônio do canalha. mas é importante lembrar que esse dano teve no gentili apenas um eliciador. foram as pessoas da própria cidade dela que o causaram. pessoas que apenas seguiram o exemplo dele e se acharam no direito de assediar uma moça que nem conheciam. dizer que ele arruinou a vida dela é uma meia-verdade, e adotar a punição dele como vitória é deixar de reconhecer que ele chegou onde chegou graças ao mau gosto do público que se identifica com ele, e que é maior do que gostaríamos de admitir

Rodrigo disse...

segunda parte do comentário:
agora, sobre a comemoração em si. comemorar a desgraça de um desafeto é compreensível, mas dificilmente elogiável. você fez uma comparação entre o gentili e o marcelo, e eu a achei pertinente, porque eu enxergo bons motivos para não comemorar a sentença do primeiro e comemorar a sentença do segundo. os primeiros motivos eu já mencionei, eis os segundos. marcelo, diferentemente do gentili (no caso da maria do rosário), cometeu crimes que vão além da injúria: associação criminosa, racismo, incitação ao crime etc. não há liberdade de expressão que justifique isso. falando em racismo, concordo que, no caso do thiago, gentili deveria ter sido condenado (judiciário permeável, como falei). sou da opinião de que discursos de ódio, como racismo, não se enquadram como simples opinião porque historicamente ramificam em ações violentas. mas, voltando à comemoração. marcelo era nocivo à sociedade de muitas maneiras, e sua conenação é comemorada como um alívio, embora modesto, já que a rede de que ele faz parte permanece ativa. mas e a condenação do gentili? ele é nocivo à sociedade? ou ele é expressão de um mal que é muito maior do que ele? de certo modo, ambos são. mas marcelo desempenhava um papel muito mais ativo na sustentação e propagação desse mal. ele sugeria assassinatos, atentados terroristas, recrutava e radicalizava homens frustrados. danilo conta piadas ruins que sequer são originais em seu reacionarismo. tem um repertório requentado de parente reacionário no almoço de família e age como um palhaço da turma que marca alvos para a chacota geral (eu não estava exagerando quando disse que ele tem mentalidade de quarta série). que alívio pode justificar a comemoração de uma condenação criminal dessa figura, salvo o alívio de quem foi vitimado? que uma vítima desenvolva sentimentos de hostilidade contra seu algoz, e você foi atacada tanto por um como por outro, é normal. e é ótimo que haja pessoas ao redor que se solidarizem com as vítimas. mas, quando a solidarização se transforma em identificação, temos um problema, pois passa a haver um interesse emocional na punição por parte não só da vítima, mas das demais pessoas também. observamos esse tipo de coisa frequentemente, quando, diante da prisão de algum marginal, a população refém do medo comemora, torce para apodrecer na cadeia. veja bem: falo de criminosos devidamente identificados e processados como manda a lei. e as pessoas comemoram. gentili é, neste momento, um criminoso devidamente identificado e processado como manda a lei. e, novamente, as pessoas comemoram. só que são outras as pessoas comemorando agora, e acho isso preocupante. no primeiro exemplo, as pessoas comemoram pelo ressentimento de viver com medo e se verem a todo momento como vítimas potenciais de todos os criminosos que aparecem nas notícias; no segundo, o ressentimento, imagino, vem da empatia com a vítima, que ao se tornar exagerada, leva aqueles que deveriam dar apoio a sentir como se eles mesmos tivessem sido feridos. mas qualquer que seja a causa, o ressentimento conduz em ambos os casos à mesma comemoração. e uma comemoração motivada pelo ressentimento não é verdadeiramente alegre, porque nos diminui
pra finalizar, uma pergunta: se todos sabemos que ele não será preso de fato; se todos sabemos que ele não servirá de exemplo agora mais que em situações anteriores; se todos sabemos que ele não vai parar de ser isso que é; se todos sabemos que o problema é maior do que um comediante ruim e que está no seio da sociedade que o valida; então o que há para comemorar nessa sentença?

Anônimo disse...

O problema não é vcs não defenderem quem vcs não gostam, como vc disse. O problemas é exatamente vcs se sentirem ofendidas onde NÃO HÁ OFENSA nenhuma! O problema é a ideologia do politicamente correto, que não existia antes e nunca deveria existir. Vcs criaram um monstro imaginário para combater, com o intuito de regular a sociedade pela régua de vcs. Tipo: ou vc concorda conosco ou vc é racista. E é aí que mora o problema! Querer medir e regular o mundo de acordo com a ideologia de vcs. Imaginem se trocarmos o politicamente correto pelo religiosamente correto, sendo que a régua seria a religião islâmica. 99% da população brasileira seria religiosamente incorreta e seria punida pela patrulha do religiosamente correto islâmico, o que seria 1% da população querendo controlar 99% da população "pecadora", por não se submeter à régua islâmica. Entenderam a gravidade e o erro desse "movimento politicamente correto?"

Unknown disse...

Quem quiser passar pano no cara, fazer o quê? Mas, limpar, limpa não!

titia disse...

12:03 qualquer que seja a droga que você está usando, pare. Já matou neurônios demais, seu cérebro já tá tão pequeno e ruim de serviço quanto o seu micropênis. E nem vem com mimimi politicamente correto pro meu lado, hein?

Engraçado, esse povo todo aqui defendendo o Bostili com certeza gritou "Bandido bom é bandido morto!" quando fazia campanha pro nazipalhaço, e agora que Bostili virou bandido (porque, sabe, ele INFRINGIU A LEI e quem infringe a lei é bandido) tão aqui defendendo... por que não são mais honestos e gritam que negro, pobre e favelado bom é negro, pobre e favelado morto? E que bandido bom é bandido rico?

Anabel Lee disse...

Depois dessa exposição de mau caratismo e escrotice ao extremo, quem quiser passar pano no cara... fazer o quê? Mas limpar, não limpa não! É muita sujeira!

Anônimo disse...

Não vão nos falar. Gentili, vou lhe ajudar ao máximo para defendemos a democracia e a liberdade de expressão.

Anônimo disse...

Gregório Duvivier humilha cristãos sistematicamente, e ninguém faz nenhuma nota de repúdio contra ele. Se ele deprecia a Damares Alves, é "condecorado" por pessoas como você. Por qual motivo ele, por exemplo, deve ser tido como livre para se expressar como bem entende? Já sei: é esquerdista e pró PT. Esse "dois pesos e duas medidas" que descredibiliza o seu texto. Lamento.

Anônimo disse...

Regojizei com a condenação de Gentili.

Regojizei com a condenação da Kéfera

Regojizei com a condenação do Paulo Herinque Amorim.

Aguardemos a conclusão do processo de Silas Malafaia contra Felipe Neto.

Quem abusa da liberdade de expressão, tem que pagar por esse abuso.

Dri Caldeira disse...

AI MEU DEUS!! Já posso morrer feliz! TEM PRINT MEU NO BLOG DA LOLA!!! E ainda mais zoando o misógino do Gentili! Todo castigo pra esse canalha é pouco!

Anônimo disse...

Excelente texto Lola!
Parabéns

Dri Caldeira disse...

Tá tudo errado. É regoZIjei. Causou impacto da forma errada.

Anônimo disse...

Anon 14:03 eu comentei em 13:19 de 12/04 e 12:22 de 13/04 de lém dessa resposta em 13:24 de 13/04.

Quero destacar o seguinte trecho no comentário do anonimo das 12:03 de 13/04:

'A partir daí, não importa o quanto agressivi é o que vc diz, mas sim quem vc é quando vc diz algo ofensivo. Ex: quando o Gentili chama a Sâmia de gorda, isso é gordofobia para a patrulha. Mas quando ele chama a Joyce Hasselman de gorda, a patrulha se cala.'

No fim deste comentário o autor diz que "isso não iremos aceitar nunca" referindo-se ao fato de supostamente a esquerda defender apenas a sua "panelinha".

Se você é o autor do comentário do qual eu destaquei o trecho, decida-se se está preocupado com o politicamente correto ou com o suposto descaso da esquerda com a Joice.
Se você diz que isso tudo é uma invenção da esquerda e que na verdade não há qualquer ofensa então não há do você reclamar da esquerda não ter defendido a Joice já que não houve qualquer ofensa.
Já se você admitir que humilhar, perseguir, xingar e ofender pessoas gratuitamente é, no mínimo questionável, incivilizado e grosseiro então sinta-se a vontade para defender a Joice. Se você não a defende não tem moral para cobrar que a esquerda defenda. Por sinal, esquerdistas já defenderam gente da direita que sofreu ofensas diversas vezes. Eu particularmente não me sinto motivada a defender quem fala que ser contra humilhar os outros é frescura politicamente correta. Mas os esquerdistas defendem sim.

(Continua)

José Kennedy disse...

Lola escreve o que não conseguimos dizer e expressar.
Não consigo comemorar porque o vejo faturando com a condenação, é capaz dele ter ganho nesta semana o suficiente para pagar duas ou três multas.

Anônimo disse...

É exatamente isso que digo sistematicamente aqui. Mas não adianta muito. Elas simplesmente não enxergam.

Anônimo disse...

(Continuação)

Agora destaco o seguinte trecho do seu comentário:

'Imaginem se trocarmos o politicamente correto pelo religiosamente correto, sendo que a régua seria a religião islâmica. 99% da população brasileira seria religiosamente incorreta e seria punida pela patrulha do religiosamente correto islâmico, o que seria 1% da população querendo controlar 99% da população "pecadora", por não se submeter à régua islâmica."

Eu acho que vocês criaram um monstro imaginário chamado politicamente correto para combater e estão deixando de enxergar o que está acontecendo do lado de vocês. O crime contra a honra já está nas leis e não foi criado pelo "politicamente correto". Do seu lado há cristãos tentando criminalizar a "cristofobia", seja lá o que isso signifique. Houve também tentativas de criminalizar quem apenas fizesse ativismo a favor da legalização do aborto. Isso mesmo que você está entendendo. Cristãos estavam tentando tornar crime o posicionamento de ser a favor do aborto. Recentemente um cristão tentou proibir o uso de anticoncepcionais julgados por ele como "abortivos". Se isso não é o "religiosamente correto" então o que é? Por que falar de uma régua da religião islâmica se isso não é a nossa realidade, sendo que já temos uma régua da religião cristã?

No mais a condenação do Gentili a prisão é algo que me preocupa nos mesmos termos que preocupa o Cauê Moura, o Gregório Duvivier, o Quebrando o Tabu. E se tentarem prender alguém, famoso ou não, por falar mal do Bolsonaro?
Condenações por crime contra a honra já acontecem há muito tempo. A discussão a respeito das implicações de uma prisão por crime contra honra agora tomou uma dimensão enorme. Há uma política é um ídolo troll famoso de direita envolvidos. Os argumentos dos esquerdistas preocupados com esta condenação são válidos. Eu odeio o Gentili. Sinto asco por ele desde o caso da Michele Maximino. Não quero que ele se transforme em um mártir "injustiçado" da extrema direita. Meu sentimento é de comemoração por ele ser um babaca misógino. Mas por motivos maiores eu prefiro uma punição que não seja a prisão.
Acho o Danilo uma péssima pessoa. Li uma entrevista da Michele em que ela disse que a única coisa que esperava era um pedido de desculpas do Gentili. Ele nunca sequer pediu desculpas em particular e também não quis indeniza-la. Essa mulher adoeceu por causa das humilhações dele. Portanto eu só me preocupo com as implicações dessa condenação, mas nenhum um pouco com o que está acontecendo com a pessoa Danilo Gentili. Óbvio que não vou defende-lo em conversas nas redes sociais ou na vida real.

Anônimo disse...

'sou da opinião de que discursos de ódio, como racismo, não se enquadram como simples opinião porque historicamente ramificam em ações violentas.'

Acredito que o caso do Gentili tais haver com injúria racial do que com racismo. São coisas diferentes.
Por que a injúria racial deve ser pior do que a injúria contra a mulher? A piada de Gentili incentivou que seus seguidores idiotas zombassem do Tiago assim como os moradores da cidade de Michele se sentiram incentivados a zombar dela. Não vejo o caso do Tiago como sendo pior do que o da Michele. Por fim os danos a ela foram bem maiores que ao Tiago. As pessoas tendem a minimizar tudo o que se faz contra as mulheres. Não acho uma boa ideia o Danilo ir para a cadeia por nenhum dos casos, mas de forma alguma a injúria racial é pior do que a injúria sofrida por Michele e acredito que o Gentili merecia punições maiores pelas coisas odiosas que faz.
Penso que uma pessoa pode ter uma opinião polêmica, mas isso é diferente de perseguir, humilhar e expor os outros.
Assistam aos vídeos do Luiz Felipe Pondé e vejam que ele muitas vezes tem opiniões ofensivas e desconfortáveis sobre mulheres, feminismo, esquerda e politicamente correto. Mas jamais me pareceu que ele pretendesse perseguir, expor, injuriar ou humilhar alguém. Não penso o mesmo a respeito do Gentili. Existem opiniões ofensivas e o crime contra a honra estabelecido em lei. O que é uma opinião ofensiva, o que é um crime contra a honra, o que uma piada?
Não me preocupa haver o crime contra a honra e sim a pena de prisão, que pode ser algo excessivo, que haja aí um político, pois há o poder do Estado envolvido, e que fiquei claro o que constitui um crime contra honra ou apenas uma opinião ofensiva.

Deixo aqui algo que vejo muito a direita que se diz liberal falar: que são a favor da liberdade com responsabilidade e que por isso são contra o aborto (encaram uma gravidez indesejada como um sinal de uso irresponsável da liberdade ao se ter uma relação sexual sem os cuidados de prevenção).
Ora, a liberdade de expressão também não implica em responsabilidade pelas consequências do que se diz? Não foram apenas os habitantes da cidade de Michele que lhe causaram danos. As palavras do Danilo sobre ela tambem. A liberdade de expressão não implica em responsabilidade pelo uso da mesma?

Anônimo disse...

Adorei seu texto. Não sabia de todas essas atrocidades de Gentilli. Condenação mais do q merecida. Achei pouco ainda.

Alan Alriga disse...

É a simples questão do "ele está no meu lado". Da mesma forma a família de um assaltante muitas vezes defende o bandido, os fãs dele fazem o mesmo, mesmo ele sendo o bandido.

A nossa sociedade está acostumada a agir dessa forma, de pensar dessa forma e isso é totalmente errado e não somente doloso para as partes envolvidas mas principalmente ao país como um todo, pois se reflete na política e sabemos muito bem quem realmente se ferra.

Mas séria ótimo poder recomendar o agente funerário para todos ฅ'ω'ฅ

Unknown disse...

Gentille usa disfarce de humorista, pra propagar os monstros que habitam sua mente. E recebe por isso, já que essa sociedade hipócrita endossa seus preconceitos.

Unknown disse...

Não esquecendo do dia em que ele permitiu que o acéfalo Alexandre Frota narrasse e encenasse um estupro com uma moça da platéia em seu programa...

Edna disse...

Quem for a uma rrepartiçao publica vera afixado a lei sobre desacato a agente publico na vigencia de suas funçoes. As açoes de Gentili ultrapassam a liberdade de expressao. Foi desacato, foi oextremista e ofensivo. Abre um caminho sem precedentes pois haverá o psicopata que, diante de qualquer contestaçao, pode ir às vias de fato no script, do roteiro das açoes que enviou por escrito. Formador de opinião, imagina tal piada praticada por alunos em escolas, universidade, ou qualquer pessoa que resolvesse cometer tal ato quando contestado? Nao colocou no bolso, mas deu uma conotaçao sexual agressiva, violenta. Onde há piada? Vai agora ter tempo para analisar e entender a diferença e entender que liberdade é tambem saber dizer nao.

Zé. disse...

É verdade, tudo é possível .Mas aí tem o contexto, alguém pode se sentir ofendido. No caso, o "homorista" usa um canal público para aChincalhar pessoas ou posicionamento político distorcendo o humor,usando uma narratia xula e nao está fazendo piada sobre si mesmo. É um Bossal sem utilidade.

Anônimo disse...

Excelente texto, Lola!!! PARABÉNS! Espero que a condenação desse cara seja confirmada nas próximas instâncias, apesar de a maioria dos tribunais ser compostas por homens brancos e héteros (alguns gays enrustidos homofobicos? Talvez). Esse cara representa bem a era medieval que estamos vivendo.

Anônimo disse...

Lola conheci hoje seu blog, através da Cynara (a melhor blogueira da atualidade). O que mais me chamou a atenção é que você foi na contramão inclusive da Cynara, no texto "Eu festejo a condenação de Gentili". E, mesmo um pouquinho contrariado, fui induzido a concordar que você tem razão no seu texto, ao contrário de minha respeitabilíssima Cynara.
Confesso que fiquei muito bem impressionado com sua argumentação, clareza e objetividade.
Estou agora lendo alguns outros textos seu. Então, a partir e hoje, estarei (sei que com muito prazer) te seguindo no Twitter.
Obrigado, Lola pelo prazer que vc me deu e certamente vai dar muito mais no futuro.
Vá em frente Lola. ESCREVA LOLA, ESCREVA!!! que estarei te seguindo.
Abraços,
JCA

Anônimo disse...

E o descerebrado do presidente , esse bozo imundo vai a público para apoiar ! Ridículo , indecente, indo contra as leis do país que ele preside!

Queria sugerir está hashtag pra subir no Twitter: # Bolsonaro DEIXA UM POUCO DE BURRICE pros outros nao seja tão guloso.

Anônimo disse...

Danilo é a cara do politicamente incorreto. É a sua antítese.

Os rótulos dados pela patrulha ideológica. Danilo fez questão de se-lo, exagerou e acabou dando onde deu.

Slavoj Zizek já havia advertido: "O uso indevido do politicamente correto jogará o povo no colo do populismo de direta". Não é que o desgraçado acertou.....





Anônimo disse...

Alguém aí acha que vai acontecer algo de ruim com o Danilo? pelo contrário, do jeito que as coisas são, ele além de não ir para a cadeia, vai ganhar ainda mais popularidade.

Anônimo disse...

Até onde entendi, a prisão seria por descumprimento de ordem judicial (para retirar o tuíte)não como resultado do processo dela em si. Ou seja, ele escolheu isso.

Rodrigo disse...

"Acredito que o caso do Gentili tais haver com injúria racial do que com racismo. São coisas diferentes.
Por que a injúria racial deve ser pior do que a injúria contra a mulher?"
a condenação dele foi por injúria à maria do rosário. se tivesse sido por injúria racial, minha opinião seria outra, pelos motivos que expus. sobre a diferença entre o caso do thiago e da michele, não é por eu achar que misoginia é menos grave que racismo, e sim por eu concordar com a criminalização do racismo/inúria racial, que já é um fato, enquanto misoginia (ou injúria misógina) não é. e quando eu fiz referência às consequências histórias de discursos de ódio como o racismo, verdadeiros genocídios me vieram à mente. no entanto, apesar de estar ciente de os crimes contra o gênero feminino se estenderem provavelmente desde o início da humanidade, não consigo lembrar de correspondentes ao holocausto, por exemplo. pode ter vindo disso a impressão de que eu considero o racismo "mais grave" que a misoginia. não acho. por outro lado, tanto no caso do thiago quanto no da michele, houve mais gente envolvida. como você observou, no caso dela foi inclusive mais grave, porque ela chegou a ser abordada na rua e precisou mudar de cidade. mas, mesmo assim, o gentili só pode ser visto, no máximo, como instigador. ele não deve responder pelo que outras pessoas fizeram, especialmente se elas fizeram isso por vontade própria, sem ser comandadas por ele. acho realmente lamentável que ela não tenha podido processar a todos (se ela o fez, que bom!, mas acho que não foi assim)

"Não me preocupa haver o crime contra a honra e sim a pena de prisão, que pode ser algo excessivo, que haja aí um político, pois há o poder do Estado envolvido, e que fiquei claro o que constitui um crime contra honra ou apenas uma opinião ofensiva."
você precisa decidir se concorda que existam crimes contra a honra (e portanto, puníveis de acordo com o código penal, incluindo privação de liberdade) ou se você considera que a contrapartida deva ser outra. se você prefere a segunda opção, então concordamos. existe o processo cível por injúria, e o freixo acabou de ganhar 110 mil cidadões daquele prego do mamãe falei. concordamos também que a liberdade de expressão tem a contrapartida da devida resposta (daí a proibição do anonimato). e se a resposta vier na forma de um processo cível por injúria, calúnia ou difamação, ótimo. isso não é ameaça à liberdade de expressão. quem falar que é, é desonesto. e só pra frisar: todos concordamos que gentili não corre risco real de ser preso (e, se for, não posso afirmar que sentirei pena num nível pessoal, especialmente por ele ter tido um papel tão ativo nessa condenação), mas num nível mais abstrato, é lamentável que exista esse tipo de dispositivo penal numa sociedade que quer ser democrática, porque pode ser usado contra outras pessoas que, diferentemente dele, podem não ter esse mesmo salvo-conduto (branco, rico etc)

Vinícius disse...

Desculpa, mas estão sim, colocar na cadeia alguém por injúria é desproporcional. Se fosse uma ação reparativa, seria razoável. Pagar metade do seu salário para albergues por exemplo. Uma esquerda punitiva e não reparativa é algo estranho

Anônimo disse...

Só sei que o Danilo Gentili esta sendo chamado para dar muitas entrevistas sobre sua condenação. E para quem precisa ficar debaixo dos holofotes ... Maria do Rosário e a juíza ajudaram em muito.

Suspeito, apenas suspeito, que o Danilo Gentili também esta festejando sua condenação e assim isso terá munição por uns dois ou três anos. Já esta até sendo chamado de "ícone do não politicamente correto"...

Anônimo disse...

Excelente texto, Lola, faz pensar. Não me parece um tema simples.

Zoar minorias e desprivilegiados deveria dar margem a indenizações e multas punitivas, mas ainda assim, acho prisão exagero (não falo do caso específico, em que a sentença de prisão será certamente convertida)

Desacato a autoridades já foi crime, mas pra mim é coisa de ditadura.

Zoar poderosos, privilegiados e maiorias deveria ter proteção especial em termos de liberdade de expressão, justamente porque esses grupos podem conseguir mobilizar o judiciário de formas que minorias e desprivilegiados não conseguem.

Maria do Rosário, que muito admiro, creio que só conseguiu a condenação de Gentili por sua posição privilegiada, de autoridade.

Parlamentar conseguindo coisas assim me lembra demais generais mandando prender civis por desacato, juízes mandando prender fiscais de trânsito por pará-los em blitz.

Não acho que se Jean Wyllys houvesse cuspido numa hipotética notificação extra-judicial recebida de alguém da família Bolsonaro ele deveria ser condenado à prisão por isso.

Tampouco me parece adequado condenar Gentili à prisão, nem pelos atos específicos, nem pelo conjunto da obra. Nojento que seja, parece-me que indenizações em esfera cível e, em casos excepcionais, multas punitivas seriam adequadas e eficientes, mas não por faltar com respeito a uma autoridade.

Autoridades inevitavelmente viram teto de vidro pra compensar o poder que recebem. Nojento ou ofensivo que é, tampouco acho que quem tenha colocado o adesivo da Dilma na entrada de combustível do carro mereça prisão. Temo o precedente.

-- Alexandre Oliva (anônimo SQN :-)

Anônimo disse...

O Danilo ia posar de vítima injustiçada. Isso já era esperado. Holofotes ele sempre teve. É famoso. Isso não aumenta a fama dele em nada. Ele pode festejar como for, mas o que importa é que eu estou comemorando ainda mais. Prisão é desnecessário, mas como isso me alegrou então foda-se.

Anônimo disse...

Prisão foi foda mesmo. Mas é tão bom ver misóginos nojentos se fodendo que eu estou rindo aqui mesmo considerando isso um erro. 😄😄😄😄😄😄😄

Anônimo disse...

Mais horrível do que essa condenação, é a comemoração da esquerda em torno dela.
Nunca a liberdade de expressão foi tão fragilizada.
São tempos sombrios.

Alícia

Anônimo disse...

Cara, eu só vi esse adesivo da Dilma na internet. Mas se eu visse no carro de alguém aqui na minha rua eu imprimiria e colaria em cima do rosto da Dilma a cara desse vizinho . É só imprimir uma foto do FB. Dai pegava essa foto e colava no muro da casa dele ou em algum poste perto da casa dele. O escroto ia virar a chacota da rua. Quem quer ser respeitado que trate os outros com respeito. Não tenho o mínimo respeito ou pena de imbecis como estes.

Anônimo disse...

Pessoal que comemora, já imaginou se o Bolsonaro aproveitasse o precedente e pedisse a prisão de todos que já xingaram/fizeram piadas com ele? Por mais que não aceite o discurso do Gentilli, lamento o que essa decisão representa.

Anônimo disse...

Devemos ser cautelosos ainda mais nesses raros momentos onde parece que as coisas estão do nosso lado. Essa gente tem planos bem definidos e estão dispostos a fazer "sacrifícios" para que isso os beneficiem no futuro. É bom lembrar que uma das premissas para a prisão do Lula, foi a prisão do Eduardo Cunha e curiosamente a esquerda comemorou a prisão dele assim como hoje comemora a prisão (que não ocorrerá) do Gentili. Hoje o Danilo é condenado, mas amanhã isso pode ser usado como desculpa para prender o Zé de Abreu e outras pessoas que confrontam o atual governo com humor.

Anônimo disse...

Poxa gente, essa foi a primeira vez que senti vergonha de ser de esquerda.
Isso é censura.
Eu detesto o "humor" do Danilo, acho ele um lixo, mas mandar prender por isso?

Anônimo disse...

A esquerda está comemorando o início do Heich Brasileiro, em termos de censura contra manifestações contrárias a autoridades. Comemorando o nascimento de uma víbora venenosa que irá distribuir picadas mortais em Beltrano e Sicrano. Comemorando o início do fim de suas liberdades. Triste não verem isso.

Anônimo disse...

Poxa gente, essa foi a primeira vez que senti vergonha de ser de esquerda.
Isso é censura.
Eu detesto o "humor" do Danilo, acho ele um lixo, mas mandar prender por isso?

Censura seria se ele fosse demitido por isso, seria se ele não tivesse mais participação em nenhum programa ou canal e suas "obras" fossem retiradas de circulação, no caso, houve um processo, com direito de defesa, com direito recorrer e ele continua podendo falar o que quiser, DESDE QUE NÃO COMETA UM CRIME CONTRA A HONRA.

Lara disse...

12:49 A prisão do Lula também foi fruto de um "um processo, com direito de defesa, com direito recorrer" e sabemos que isso não garantiu Justiça a ele! O que te faz pensar que se aceitarmos isso não haverá mais "processos" contra comentaristas, humoristas de esquerda? Prisão por opinião não existe, no máximo indenização e multa, temos que lutar por isso e não comemorar o contrário!

Anônimo disse...

Vendo pessoas comemorando isso só me vem à cabeça a fala de Padmé Amidala quando o Senado elege Palpatine como Imperador Supremo em A Vingaça dos Sith: "É assim que a liberdade morre. Com um estrondoso aplauso."

Anônimo disse...

Engraçado. Foi exatamente nisso que eu pensei quando as pessoas estavam na rua comemorando a eleição de Bozo . Quando as pessoas começaram a comemorar e pedir intervenção militar. É assim que a liberdade morre.
Seu sentido de liberdade, anon, está muito distorcido. É isso que dá ser um bolsonarista fanático: aprende a novilíngua.

Anônimo disse...

O Reich brasileiro começou com a eleição de Bolsonaro, o qual como Hitler, chegou ao poder democraticamente. O Reich se consolidou quando Bolsonaro ordenou a comemoração da ditadura. Antes de falar de falar merda olha o que o asno do teu presidente está fazendo, verme!

Anônimo disse...

E, estúpido, vai se informar na internet pois o caso do Danilo não inaugura absolutamente nada. Olha o que teu presidente fez com Gregório Duvivier.

Anônimo disse...

Advinha o que o Bolsonaro fez com o Gregório Duvivier!

Natália Ferreira disse...

Boa noite! Estou fazendo me Trabalho de Conclusão de Curso com um tema referente a imputação de responsabilidade à mulher vítima de crime sexual. Gostaria de saber se você tem algum material para compartilhar comigo.
Se puder entrar em contato comigo pela e-mail: natalia.aferreira1@gmail.com

att

Anônimo disse...

Não, Alicia. A coisa horrível é a condenação mesmo. E eu estou comemorando. Porque comemorar a prisão de canalha é algo irresistível.

Anônimo disse...

Talvez a "liberdade" morra, anon, porque existam pessoas toscas e infantis com o Gentili que insistem em fazer mal uso dela. As pessoas insultam a liberdade chamando de liberdade o que é apenas estupidez. Relaxa um pouco, colega. As coisas ainda vão piorar graças a quantidade de gente estúpida do lado da direita.

Anônimo disse...

Não é estranho que falem de liberdade de expressão para o Gentili, mas falem em prender professores "doutrinadores"? "Liberdade de expressão" só pro seu lado? Espere e veja a estupidez de exteeex direita destruir toda a liberdade por serem estupidos.

Marlon George disse...

Texto bom. Danilo teve o que merece: racista babaca

Anônimo disse...

O que que o Bolsonazi fez com o Gregório? Tô por fora!

Anônimo disse...

Já pensaram se fosse uma mulher humorista que chamasse um parlamentar de prostituto nojento, dissesse que ia estuprar o cara e esfregasse uma notificação judicial na vagina e na bunda, mandasse de volta pra ele e dissesse pro parlamentar enfiar a notificação no rabo . Imaginem o que aconteceria com essa mulher humorista? Conseguem ver o pessoal do papo de segunda e outros humoristas apoiando ela? Não né, iam apoiar a prisão dela. Vcs veriam hordas de homens querendo matar essa mulher humorista, querendo a punição, prisão dela a qualquer custo

Mulheres, acordem que a questão aqui é a velha violência contra a mulher,tipo, se foi contra uma mulher aí não é tão grave, não é pra isso tudo... Hipocritas


Anônimo disse...

Sim. Se fosse uma mulher, ainda mais de esquerda nenhum desses hipócritas que defendem o Gentili em nome da liberdade de expressão continuariam a fazer isso. Eu nem sequer imaginei essa situação de tão irreal que é. Mulheres jamais usam sua "liberdade de expressão" como o Danilo Hostilidade usa.

Anônimo disse...

Notificação extrajudicial. Se é extrajudicial, não é ordem judicial. Tá difícil ou quer que desenhe?

PABLO disse...

A LIBERDADE DE EXPRESSÃO TEM LIMITES COMO TUDO NESSA VIDA E NESSE MUNDO TEM, EU TENTO IMAGINAR A EDUCAÇÃO QUE ESSE MOÇO RECEBEU DOS PAIS, SE TEVE UMA FIGURA FEMININA EM SUA CRIAÇÃO A QUEM ELE DEVERIA PRESTAR RESPEITO E HONRA COMO MÃE! EU APRENDI QUE "BRINCADEIRA" NÃO PODE SER ENGRAÇADO PARA UMA CENTENA DE PESSOAS SE SE ESTA "BRINCADEIRA" FIZER UMA PESSOA CHORAR!!

PABLO disse...

A LIBERDADE DE EXPRESSÃO TEM LIMITES COMO TUDO NESSA VIDA E NESSE MUNDO TEM, EU TENTO IMAGINAR A EDUCAÇÃO QUE ESSE MOÇO RECEBEU DOS PAIS, SE TEVE UMA FIGURA FEMININA EM SUA CRIAÇÃO A QUEM ELE DEVERIA PRESTAR RESPEITO E HONRA COMO MÃE! EU APRENDI QUE "BRINCADEIRA" NÃO PODE SER ENGRAÇADO PARA UMA CENTENA DE PESSOAS SE ESTA "BRINCADEIRA" FIZER UMA PESSOA CHORAR!!

Anônimo disse...

raciocínio oligofrênico esse de comemorar a jurisprudência que cria precedente para, por exemplo, enjaular quem chama o bozo de fascista.

Anônimo disse...

Você é tão bem informado que não sabe que chamar alguém de facista já é passível de punição. Você nem sabe no quanto eu estou achando maravilhosa a condenação do Gentili a cadeia.

Anônimo disse...

Eu tenho certeza que o Gentili não foi partido. É impossível que uma mulher tenha parido aquilo. No mínimo ele foi cagado.

Rafael disse...

Está peevisto em lei a prisão, e outras medidas foram insuficientes para o Danilo.Quem disse que a condenação de Lula foi injusta?Vc leu o processo todo?Se ele recorreu e aceitou sua prisão por tabela reconhece a validade do sistema,de mais a mais não havia o que fazer no caso da Maria do Rosário,o sistema judicial não é perfeito mas é melhor que chamar o Danilo pra um duelo.

Alice disse...

A notificação extrajudicial era do Congresso Nacional,um poder republicano, em defesa da honra de um membro do Legislativo. Será que um cidadão pode publicamente esfregar no saco e zombar da correspondência oficial enviada pelo Poder Legislativo? Mas só pode fazer isso contra o Legislativo ou pode também contra o Poder Executivo? No caso do Gentili, a solidariedade do Bolsonaro contra a condenação dele é um desrespeito do Presidente da República ao Poder Legislativo, que o comediante afrontou no vídeo, e ao Poder Judiciário, representado na decisão da Juíza que sentenciou o comediante.