sexta-feira, 27 de março de 2009

AINDA NA FASE ORAL

Só pra exemplificar o fascínio que os americanos têm por seios. Este anúncio hiper machista da rede de fast food Arby's foi veiculado na revista Sports Illustrated de fevereiro, que é tipo a nossa Placar: uma publicação para o público predominantemente masculino. Lindo, né? É uma beleza ver nossos seios (que têm outro propósito no mundo além de despertar o tesão dos homens) comparados a hamburgers de fast food. O anúncio diz "Já já vamos dar a você algo que realmente o fará babar". E a primeira frase no texto é "What a tease" ("Que provocação!"). Tease é como são chamadas as mulheres que só provocam os homens, sem intenção de transar com eles (eu falei de cockteasers em Vestida para Matar). Os homens mais misóginos acreditam que todas as mulheres são cockteasers. É por isso que andamos de minissaia, pra provocar (tease) os pênis (cock).
O anúncio també
m reforça a suspeita cada vez mais comprovada que comer carne é algo viril, másculo. Sabe como é: mulheres comem salada, homens comem churrasco. E não é mera coincidência que a palavra vaca se refira tanto ao animal quanto à mulher, ou que, sexualmente falando, homem come, mulher é comida. Tem um artigo interessante, em inglês, chamado "Vegetarianismo como Feminismo: Carne como Símbolo da Dominação Masculina". A vegetariana e feminista Carol J. Adams já escreveu dois livros sobre o assunto (tô louca pra ler): A Pornografia da Carne e A Política Sexual da Carne. Ela inventou o termo antropornografia, que é mostrar animais como prostitutas, pedindo para serem comidos.
Pois é, certas nacionalidades parecem não ter saído ainda da fase oral.


Ah, vi aqui essa frase perspicaz atribuída ao Dráuzio Varella (mas que já foi negada por ele) que tem a ver com o post: “Atualmente investem-se cinco vezes mais em silicone para mulher e em Viagra para homem do que em remédios para a cura do mal de Alzheimer. Daqui a alguns anos teremos velhinhas de seios firmes e velhinhos de pênis duros, mas eles não se lembrarão para que servem”.

27 comentários:

Ollie disse...

Ah, eu adorei essa frase do dr. Drauzio. :)
É bem por aí, mesmo. Pessoal mais preocupado com a aparência e a vida sexual do que com a saúde.

Anônimo disse...

Lola eu já conhecia a frase mas não sabia que era do Dráuzio.Adorei saber que é dele.
Gostei do papo sobre ingerir carne.
Se a gente para um pouquinho a rotina do dia a dia e pensa nos modos e hábitos que temos para nos alimentar ficamos pasmados...
Adoro peixe e adoro pescar mas sempre fotografo os peixes que pescamos e fico com peninha deles.
São tão lindos... mas são tão saborosos! Achei muito tola a propaganda da "fase oral" e até porque alem de imbecil seria antropofágica, senão excludente, sobremaneira.
Fatima. Laguna

Tina Lopes disse...

Lola, o Dráuzio Varella já negou a autoria dessa frase. Li há poucos dias, numa matéria sobre perfis fake e e-mails de corrente. Vou tentar achar e te deixo o link.

Tina Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tina Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tina Lopes disse...

http://www1.folha.uol.com.br
/folha/informatica/
ult124u509013.shtml

Srta.T disse...

Hunf, sou mais "viril" e "máscula" que muito homem quando vou a um churrasco, aposto.

Chris disse...

Olha, esta frase do Drauzio Varella bem que poderia ilustrar um resumão dos século XXI, não?


Beijos

Rosangela disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Sheryda Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sheryda Lopes disse...

Sem querer fazer inversões de gênero...

Tecnicamente falando, que come somos nós, né?

asnalfa disse...

Fazer o quê Lola... o mundo é assim.

lola aronovich disse...

Ollie, eu tb adorei a frase. Mas aí a Tina mandou o link de um artigo com o Drauzio dizendo que a frase não é dele e que jamais diria tal grosseria, nem em mesa de bar. Ué, vc achou a frase grosseira?


Pois é, Fátima, não é dele a frase. Ah, seus hábitos alimentares realmente não combinam com os meus. Primeiro sua ojeriza pelo manjar dos deuses, chocolate. Agora essa paixão por peixe... Vc sabe que eu não como nada do mar, né? (Só avisando pra quando eu finalmente for na sua casa vc não me servir peixe e, sei lá, quindim de sobremesa).

lola aronovich disse...

Tina, obrigada por avisar. Já corrigi. Mas vc entendeu a revolta dele com a frase? Entendo que ele fique revoltado por não ser o autor, mas a frase é muito boa!


Srta T, shame on you! Devia ficar só comendo saladinha. Voracidade não é uma característica respeitável pra uma dama. (Ah, quando eu vou a um rodízio!... Faço o maior estrago).

lola aronovich disse...

Sheryda, olhando por esse ângulo, faz todo sentido. É pra isso que temos a vagina dentada, não?


Asnalfa, mudar o mundo nem pensar?

Tina Lopes disse...

Ah, o Drauzio é todo elegantinho, não fala pinto duro. Tipo aquele professor de autoescola que eu tive, que disse que quando um aluno dele "cometia infrações" na rua (em vez de cagada), ele ficava "com o pênis ereto". Fino. (por essas é que demorei anos pra dirigir)

Anônimo disse...

Peraí Lola: nada é tão lindo, cheiroso e saboroso quanto o chocolate, certo? Ocorre que o meu organismo rejeita é o acúcar. SEMPRE que eu como açúcar sinto cólicas e a barriga "desanda". O mesmo acontece quando eu como carne vermelha. Logo que casamos fomos morar numa casa com churrasqueira e o marido fazia churrasco direto.
Levei alguns anos para descobrir que aquelas cólicas matinais e o intestino no estilo "escrita fina" eram da carne vermelha. Quando vou a festas fujo daqueles lindos filés ao molho madeira, hummmmm e
de tortas e docinhos pois são um veneno pra mim.A lactose é outra porcaria, embora nada seja mais saboroso do que um bom queijo derretido. Frutas, legumes, cereais, leite de soja e frutos do mar são tudibom pra minha barriguinha. Credo me deu fome! Bj da Fatima

Srta.T disse...

Nada contra saladinhas (algumas são até muito bem-vindas), mas uma carninha mal passada me tira do sério (devo ser meio primitiva mesmo, pelo tamanho dos meus sisos...).

Mas sério que você não come nada que venha do mar? É alergia ou não gosta mesmo?
Eu já sou o contrário: se nadou, eu como.

Finito Carneiro disse...

Ahhh... mas convenhamos que foi uma puta jogada de publicidade, né?

Me deu vontade de consumir esses hambúrgueres... ahahah

Anônimo disse...

Jogada de publicidade para quem? Você por um acaso consegue sequer pensar nesta pergunta antes de fazer um comentário deste tipo?

Ana disse...

Eu como qualquer coisa que não se mexa, a não ser camarão, pq sou alérgica. Jamais seria vegan, tentei e tudo que consegui foi coleterol nas nuvens (o mundo é estranho mesmo) e problemas intestinais surreais.

Agora, não houve BOIcoite - horrível o trocadilho - à essa marca? Quandl a Skol colocou aquela coisa idiota das cabines no ar, escrevemos, chateamos e o trem não foi pro ar, não.

Aqui onde eu moro,em Wonderland, ninguém aceita eu ser gorda e não ter problema de saúde nenhum. Uma colega já tentou me convencer a fazer cirurgia plástica para parecer mais saudável (???). Outra fez plástica na perereca pra parecer mais nova.

Ok, cada roca com seu fuso, cada povo com seu uso, a perereca é dela e tá paga. Agora, não podiam deixar a minha em paz? o.O

Abs

Milla disse...

Olá, Lola!
Nossa, eu já vi várias feministas falando em discriminação sexual e consumo de carne, que tem uma ligação nisso tudo (mera coincidência que mulher é sempre comparada e vista como carne e homens é que fazem churrasco - única coisa que homem cozinha...?)

Beijos!
Seu blog continuam excelente!!

PS: Morri de rir com sua crítica de Watchmen!!! XDDDD

Santiago disse...

Aanalfa:

Na Lololândia tudo é possivel com coversa mole.

Santiago disse...

Lola:

Agora eu tenho uma chance de te explicar o que é preconceito.

O seu presidente, não somente é ignorante, mas também é racisata.

Declaração do Lula " A crise atual é dos brancos de olhos azuis".

A crise não foi feita por uma raça, mas por indivíduos. O que ele declarou é racismo puro, punível com pena de prisão, se ele não tivesse o cargo que tem.



Isso é preconceito. Entendeu?

Eu não acho o Lula ignorante porque é nordestino, mas sim porque ele não estudou quando não podia e não estuda quando pode por preguiça; isso o torna um analfabeto, e não ser um político pobre, vindo do nordeste.
Reafirmo: não é por ser nordestino que ele é burro, até porque há nordestinos inteligentíssimos, e até gênios, como Rui Barbosa e João Gilberto respectivamente, que são baianos.

O Lula é burro, porque é burro mesmo. Essa declaração sobre os culpados da crise é de uma burrice atroz. O que é assustador é que é uma burrice política, coisa que ele deveria dominar. Até você queria ter umas aulas de ciências políticas com ele!

Você queria ter uma aula de política com ele? Nossa!

Pela sua inteligência, acho que você está certa; quem sabe você aprendesse a ser mais “esperta”, como ele.
.

Santiago disse...

Equeci de perguntar:

Ou só é racismo, e preconceito, quando se fala contra negros?

Ollie disse...

Lola, eu não achei nem um pouco.
Porém, algumas pessoas sentem-se desconfortáveis ao abordarem o assunto sexo publicamente e talvez seja isso o que ele considere "grosseria".

L. M. de Souza disse...

caraca, tá cheio de misoginia no filme: a heroína lésbica é assassinada, os outros envelhecem; a cena do estupro o comediante diz: prq mais vc estaria usando uma roupa assim? mesmo sendo heroína ela precisa de um homem pra resgata-la. achei o filme uma bosta enquanto cinema, mas a história é mais profundo do que aparenta, e na verdade os heróis são anti-herois: imperfeitos, problemáticos, maníacos. pra usar uma palavra meio clichê no mundo acadêmico a história 'desconstroi' o herói de comic book como ele é apresentado nos classicos: homem aranha, superman, etc. no fundo, ao invés de salvarem o planeta, foram eles quem fizeram a cagada. e o 'vilão' não tem que parecer mau, prq ele não é um cara mau, se não me engano alguem diz que ele nunca matou ninguém, e ele nao quer conquistar o mundo, ele quer a paz, desejo estranho pra um vilão mau.