terça-feira, 4 de maio de 2021

O TERRÍVEL MASSACRE DE SAUDADES TEM LIGAÇÃO COM GRUPOS TERRORISTAS?

Hoje por volta das 10 da manhã Saudades, uma pequena cidade de 10 mil habitantes no Oeste de Santa Catarina, acompanhou cenas de terror: um rapaz de 18 anos invadiu à escola-creche Aquarela, onde estudavam bebês de 6 meses a 2 anos de idade, e matou três deles e duas professoras.

As primeiras informações diziam que o assassino, Fabiano Kipper Mai, usava uma adaga e tinha 14 anos. Depois houve a correção de que ele tem 18 anos e usou um facão. Mas ainda há muitas notícias desencontradas. O rapaz tentou se matar após o massacre e foi levado em estado grave ao hospital, perguntando quantas vítimas tinha feito. Ainda há uma outra criança que foi atingida. 

A primeira pessoa a ser esfaqueada foi a professora Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, que trabalhava há uma década na escola. Fabiano a seguiu até uma sala onde estavam quatro crianças e a agente educacional Mirla Renner, 20 anos, que, além de trabalhar na escola, era estudante de Engenharia Química na Udesc, em Pinhalzinho. Keli e dois bebês morreram no local. Mirla e outra criança foram levadas com vida ao hospital, mas não resistiram. Um delegado comentou o que aconteceu.

As informações que tenho até agora são as que estão nos sites. Uma leitora me enviou alguns áudios que circulam na região, mas não há nada de conclusivo. Num deles, uma mulher diz que Fabiano respondeu a um desafio de um jogo (Free Fire?) de "quem era o mais corajoso". Também circula o boato de que o pai do assassino se enforcou. 

Recebi até agora três emails, dois através do servidor Protonmail (que desde fevereiro 2017 é responsável por 9 em cada 10 ameaças no Brasil a ativistas, políticos e celebridades), e um do Guerrillamail. O destinatário de um dos emails, "MatemDoloresAronovich", termina com "A próxima a ser morta será você, Jjabba. Já tô com o contato de um pé de pato aí de Fortaleza, se f*de aí!". 

Outro diz: "Olá, Lola. Você já deve estar sabendo do ato de um dos confrades da [chan que eu nunca ouvi falar] no município Saudades, no Oeste de SC, gostaríamos de deixar bem claro as nossas intenções quanto ao ato. Primeiramente, temos que ressaltar que fazemos de tudo pra honrar o nosso recinto, e qualquer ato é válido em vosso nome. Segundo, que nós somos treinados para agir sem remorso, não temos medo e não nos acovardamos, esse é apenas o primeiro de um dos atentados relacionados ao nome da [chan desconhecido], o camarada em questão era conhecido no nosso recinto como Charada, ele já organizava isso a pelo menos uns 6 meses porém não estava determinado realmente a por em prática seu plano, então alguns camaradas (um deles você já conhece por estar relacionado a [um chan que me mandou ameaças em fevereiro] e no caso SOL) resolveram encoraja-lo e ele certamente será bem recompensado por isso. Enfim, o charada é menor de idade e sabemos que não vai dar em muita coisa, é mais uma vitória para nós, e mais uma vitória espiritual para nosso camarada".

Como sabemos que Fabiano não é menor de idade, creio que podemos descartar as outras ridículas e covardes bravatas do email. 

O terceiro email diz: "Boa tarde, o que ocorreu hoje na manhã de terça-feira em uma escola de SC é apenas um exemplo de nossa fúria, fazemos parte de uma legião de soldados dispostos a matar e a morrer. Somos quase invisíveis na web, não subestime nos encontrar. O que estamos dispostos a fazer é exterminar LGBT's, mulheres, exclusivamente feministas, negros e esquerdistas. Cada um de nós morreremos como mártires, assim esperamos, este não foi o último atentado, isto nada mais é do que o que chamamos de 'Seleção Natural'. Temos todos os motivos para fazer isso, apenas estamos nos aprimorando. Kipper nosso mais novo herói nacional espero que alcance o paraíso, Death seu mentor lhe instruiu o caminho certo, Kipper um garoto inocente, introvertido e com tendências suicidas que acabou encontrando o caminho e conhecendo a verdade, hoje pode se intitular como um homem sancto e puro. Este é apenas o começo de nossa fúria".

Ou seja, o que não falta é fórum anônimo misógino reivindicando a autoria do massacre. Que os chans celebram a chacina na creche e saúdam Fabiano como novo herói, não há dúvida. Resta saber se algum deles ajudou a planejar o ataque. Encorajamentos genéricos para que rapazes que pensam em se matar cometam atentados (e só depois se matem ou sejam mortos pela polícia, o que se chama "suicide by cop") são frequentes nos chans. Esse tópico (abaixo, clique para ampliar), por exemplo, é de um chan em fevereiro.

Não sabemos se o massacre de hoje está ligado a outros. O dia 7 de abril marcou dez anos do massacre de Realengo (estou devendo um texto sobre isso). 
No dia 13 de março muitos incels (celibatários involuntários, vulgos mascus virjões) comemoraram dois anos do massacre de Suzano, que foi planejado num chan. Eu costumo dizer que, como felizmente não tivemos novos massacres em escolas -- até hoje -- de lá pra cá, os misóginos andavam frustrados, pois depois de Suzano, e com Bolsonaro eleito (um fascista que prometeu acesso fácil a armas de fogo), a expectativa deles é que haveria muitos atentados. 

Porém, 2021 parece ter começado com tudo. São pelo menos três casos terríveis em um curto espaço de tempo: o gamer que matou Sol em SP em fevereiro, o "amigo de longa data" que matou Patrícia em João Pessoa semana passada, e agora esse massacre na creche em SC. As polícias precisam investigar seriamente o perfil dos assassinos, os lugares que eles frequentavam na internet, as semelhanças entre os casos. 

E, como vivemos pedindo, as polícias precisam monitorar os chans, que há muito deixaram de ser apenas espaços anônimos em que os usuários trocam frustrações e imagens violentas e misóginas para se transformarem em criadouros de terroristas. Senão, casos hediondos como os de Realengo, Suzano e Saudades (que nome!) continuarão a se repetir. E ninguém fora os rambos da internet quer isso.

40 comentários:

Ademar J. disse...

Grande texto!! Mas a tristeza e revolta contra esta nova covardia!!!

Anônimo disse...

Tem mais de 50 grupos de whatsapp que se intitulam chans e que não são fóruns...

Anônimo disse...

Nossa que vermes "corajosos", matar bebês em creches.
invadir batalhão do BOPE ou academia de MMA com uma faca cadê?

Robson Otto Aguiar disse...

Desgraçada. Vai tomar no seu CU, arrombada!
Sempre usando tragédias pra se promover ,porca aidetica. Seu caso é de internação psiquiatrica ou MORTE. Espero que vc pegue COVID e vá para os quintos dos infernos.

Anônimo disse...

esqueceu de colocar no modo anônimo Robson?

Anônimo disse...

São tão corajosos que só atacam pessoas indefesas kkkkk
Patéticos...

Anônimo disse...

Chora bebê

Anônimo disse...

Promover? Olha mais um doido se policia

Anônimo disse...

Acho impressionante tu ter coragem de falar tanta merda sem ser no modo anônimo

Gabriel Neves disse...

PF já pode dar uma olhadinha nesse comentário do Robson ai. Tá muito revoltadinho o fracassado.

Anônimo disse...

Porcotto tá puto kkkk

Anônimo disse...

Tem certeza qie ela precisa de cuidados? Um texto sem sentido, acusações absurdas, assédio... Criminoso.

Anônimo disse...

A Polícia precisa se reciclar. O q precisamos é de um governo q J vista em segurança pública e não em liberar armas.

titia disse...

A polícia já devia estar monitorando esses psicopatas há muito tempo, mas isso aqui é Brasil, né? Enquanto só morrer mulher e pobre é assunto de menor importância. Só quando a pressão for grande demais é que a polícia vai investigar. Enquanto isso, é distância, denúncia e expor esses desgraçados pra todo mundo que for possível. Quem puder exponha eles pra mãe, pro chefe, pros amigos, pra namorada (se tiverem). Eles murcham a crista na hora quando são confrontados pelas merdas que falam.

E 21:16 concordo plenamente om você. Se acham os machões mas só matam quem não pode se defender, querem provar macheza invadam o Vivendas da Barra Pesada e matem os milicianos.

Vai morrer que você ganha mais, Robson. Vai lamber um respirador de um paciente de covid-19 e ponha fim a essa sua vida de miséria e inutilidade já que você é frouxo demais pra mudá-la.

Macuzada e incelzada geral, se vocês estão com preguiça de melhorar suas vidas, morram. Essas são as únicas opções que vocês tem: fiquem quietos na sua infelicidade, levantema bunda suja do sofá, tomem banho e mudem de vida ou então morram. Não tem uma quarta alternativa. Não tem quarta via. Fiquem quietos na sua infelicidade, mudem de vida ou morram. E se decidirem morrer, vão em paz que não fazem falta nenhuma.

Anônimo disse...

Infelizmente a PF está muito ocupada indo atrás de quem ousa criticar o Inominável. Crimes mais sérios são deixados para serem investigados depois.

Anônimo disse...

Chora bebê? Quero ver você preso!!!!

Anônimo disse...

Enquanto a mulherada não nos aceitar como somos mais casos como esse vão ocorrer o choro é livre dolores hahaha

Anônimo disse...

O crime hediondo, grotesco ocorrido em Saudades/SC tem conexão com os massacres do Realengo, Suzano e a morte da Luciana em Penapolis/SP, entre tantos outros como da Ingrid/Sol para citar um exemplo? Sim e todos tem algo em comum: frequentadores assíduos de fóruns anônimos, blogs e páginas de conteúdo violento ou misógino(podem ser ambos). São pessoas facilmente influenciáveis, tem complexo de inferioridade, pouco ou nada comunicativos, então se refugiam Onde são aceitos ou se consideram assim, tem mentes doentias que precisam de um estalo ou meia palavra para cometer uma atrocidade. Muito triste, pior ainda é ler no YouTube quando tem a cobertura jornalística e mencionam sobre fóruns anônimos e deep web a fúria de muitos comentaristas, geralmente no anonimato como aconteceu com o assassino das crianças em Saudades/SC, Suzano/SP, Rio de Janeiro/RJ, quando a pessoa faz um comentário virulento ou verborragico sem identificação no YouTube principalmente pode crer que ali tem um criminoso, assassino, uma mente perturbada ou doentia, também um sociopata ou psicopata. Pessoas covardes também, pois incutem, incitam alguém a cometer um crime e depois comemoram.

Anônimo disse...

Titia

O rapaz que cometeu o crime pode ser um incel, mascu, afinal frequentava o ambiente online desses seres, conforme a reportagem da Bandeirantes existe uma investigação muito séria e querem se aprofundar nesse submundo para chegarem em quem o criminoso tem contatos, amizades, vínculos, mas tem um problema, muitos frequentadores, administradores de fóruns anônimos, páginas ou blogs de conteúdo violento, deep web são especialistas, tem formação ou bons conhecimentos em tecnologia da informação.

Anônimo disse...

"Cada um de nós morreremos como mártires"

A unica coisa assustadora nesses textos é a forma com que eles assassinam o português

Anônimo disse...

Esses assassinos/terroristas passam a imagem que são valentes e heróis, mas é justamente o contrário.

Matar bebês indefesos é o ápice da covardia. E ele também maltratava animais.

Anônimo disse...

Foi uma boa aqueles rapazes terem impedido esse idiota de se matar, tem que deixá-lo vivo mesmo.
COlocar numa cela e sofrer lá.

Anônimo disse...

Digam não a política antimaniconoal. Lugar de louco e no hospício.

Kasturba disse...

Eu tenho um primo, um garoto de 14 anos, que tenho muito medo que acabe nesse submundo...
Ele foi uma criança muito doce, desde sempre. Carinhoso, apegado à família, preocupado com o bem estar de todos. Sempre foi gordinho, e por isso sempre sofreu bullying na escola. Mora só com a mãe e avó (ninguém sabe o paradeiro do pai). Depois que entrou na adolescência, ficou cada vez mais tímido e reservado...
Ele ainda é um menino muito educado, mas se antes eu tinha um relacionamento bem próximo a ele, hoje não consigo conversar mais que 1min, pois ele não me dá abertura. Fica horas por dia no computador e não tenho ideia do que está fazendo...
Pra completar, a mãe e avó são bolsonaristas, então sempre deram a ele uma educação bem machista...
Não tem nada nas atitudes dele que me façam acreditar que ele seja um mau menino... pelo contrário, como eu falei, ele é um garoto doce, educado, tímido e reservado. Mas acho que o perfil dele se encaixa bastante no perfil de meninos vulneráveis ao assédio desses chans (menino sem pai, criado pela avó, sofre bullying, tímido, passa o dia dentro do quarto). Tenho muito medo que ele acabe tendo contato on-line com esse tipo de gente, e acabe entrando nessa "seita".

O aniversário dele está chegando, é pensei em dar algum livro pra ele, adequado à faixa etária, que fale um pouco sobre feminismo, sobre a luta das mulheres, para ele aprender um pouco sobre esse outro lado... Mas não pode ser nada muito escancarado, pois a mãe e avó podem achar que eu quero transformar o menino em "esquerdista"...
Alguém tem uma boa sugestão de leitura para um rapaz de 14 anos??

Kasturba disse...

Ps.: não comentei nada sobre o fato narrado no texto porque eu estou literalmente em choque. Não consigo entender como alguém pode ser cruel a ponto de matar bebês em uma creche, e como outros alguéns conseguem ver algum tipo de sentido nisso.

Acredito que, independente da pauta que se esteja defendendo, existem limites que nunca deveriam ser ultrapassados. BEBÊS!!!! Brincando na creche!!! É simplesmente inacreditável. Por mais que esses babacas tenham uma visão totalmente deturpada do mundo e achem que suas reinvidicações fazem algum sentido, ainda assim matar BEBÊS nunca vai passar de uma covardia injustificada.

Penso no meu filho, que está nesse exato momento na creche, brincando inocentemente com seus amiguinhos, e só consigo pensar em chorar... É uma tristeza, uma angústia e um ódio tão grande que sinto, que é até difícil explicar..

Anônimo disse...

Digam não à política antimanicomial. Lugar de louco É no hospício.
E, posso estar enganado, mas duvido que a família não perceba que um cara desses não tem todos os parafusos bem apertados. De repente seria o caso de responsabilizar.

Anônimo disse...

Kasturba

Lamentavelmente a geração de seu primo é visual e muitos dispensam a leitura de livros, principalmente físicos, por isso o quadro atual no Brasil, brasileiros não tinham o hábito da leitura, depois do computador e smartphone piorou, mas faça uma tentativa. Eu quando tinha 14, 15 anos lia escondido as revistas em quadrinhos Chiclete com Banana, Circo, Animal, Mil perigos, etc e tinham textos interessantes sobre escritores, cineastas como suas obras. Vou dar algumas dicas, mas talvez você encontre para comprar online em sebos virtuais ou veja a disponibilidade digital também. Segue a lista :

Fernão Capelo Gaivota - Richard Bach
Passou, já era e Outsiders - Susan E Hinton
O pão nu - Mohamed Choukri
Cidades mortas - Monteiro Lobato

Anônimo disse...

Vai peidar na água, incel

Anônimo disse...

A Menina que Roubava Livros.
Eu justificaria, mas você não pediu... RSRSRS

Anônimo disse...

Caramba, apontar o dedo para um assassino dizendo que ele é GAMER é muita canalhice. Porque há muito gamers que não são assassinos, depois, ele conhecia a vítima ANTES de jogarem games juntos. Depois, a vítima era GAMER também. Aliás, a maior parte do público gamer é composto por MULHERES. Sim, basta fazer uma simples pesquisa sem levantar a bunda da cadeira.
Depois, dá se importância à áudios de whats app! Caramba! Áudios de whats app para falar de um assassino cuja parte mais importante o artigo IGNORA: estudar essas pessoas e descobrir formas de alcançá-las ANTES que massacres aconteçam. Isso é caso de saúde mental e preciso de políticas públicas. O que esse blog está fazendo é apontar o dedo e condenar sem ter a mínima base pra isso. A autora ainda usa o caso das crianças mortas para falar de si mesma e como sofre ataques de chans (que podem não ter NADA a ver com isso). Isso é assunto de saúde pública, vamos dar mais atenção à saúde mental das pessoas para que não aja mais ninguém jogando outras pessoas da plataforma de metrô ou atacando gente a esmo.

titia disse...

Kasturba esse seu primo talvez precise de terapia. Além dele sofrer bullying na escola, é altamente provável que a mãe e a avó (sendo ambas machistas e bolsonaristas) cometam agressões psicológicas contra ele a fim de fazer ele "virar homem". Meu pai é bolsonarista e sempre cometeu violência psicológica contra os filhos para nos moldar no que ele achava correto, e quando eu comecei a sofrer bullying ele não ajudou nada. Dizia que os bullies só queriam ser meus amiguinhos e eu é que estava errada por ter uma personalidade introspectiva e retraída.

Então talvez ele precise dessa ajuda. Se ele algum dia der abertura, incentive-o a falar sobre os seus problemas, mantenha segredo do que ele lhe contar, deixe claro que não vai julgá-lo por ser diferente do que os outros querem e sugira terapia. Se você sofreu algum episódio de bullying, talvez falar sobre o assunto faça seu primo entender que tem alguém que o entende e que talvez ele possa falar com você.

11:42 os homens não são assim. Os psicopatas são assim. Se você é um psicopata, seu lugar é trancado numa cela pro resto da vida ou então numa vala. E no caso de vocês, mascus do dogolachan e outras abominações do tipo, podem matar metade desse país que vão morrer virgens, isolados e completamente desprezados pelas mulheres. Não vai haver nenhum outro desfecho pra vocês. Comprem bonecas infláveis ou casem com seus parças do chan que passa porque vocês vão morrer e nenhuma mulher vai querer vocês.

13:00 não duvido que aja muitos especialistas em tecnologia entre os mascus incels mas pelo que já vi por aí, a maioria é tipo o Marmelo que não sabe nem falsificar a data de um post. E creio que boa parte dos peritos que trabalham em instituições é melhor profissional e mais entendido que os babacas dos chans, mas enquanto só morrer mulher e pobre a polícia federal não se mexe. Brasil, né?

Mihaelo disse...

Kasturba: eu recomendaria o livro "Eu sou Malala", a autobiografia da estudante secundarista paquistanesa que ganhou o prêmio Nobel, em sua causa pelo direito de gurias estudarem.

Que o criminoso de Saudades é um mascu que participava de chans, não há a menor dúvida!! Só a polícia política do Bozo que não sabe disso, pois como bem disse o anônimo das 9:46, a PF está muito ocupada com inquéritos políticos baseados na LSN da ditadura, contra os adversários do "cara da casa de vidro"!!!

Anônimo disse...

A Wikinet já fez um artigo idolatrando o desgraçado. Esse aí é o site que deveria servir de ponto de partida para investigar a corja channer. Suposta "wiki satírica" cuja ideia de "humor" é chamar mulheres de "depósitos de p***a" e celebrar atos de violência cometidos por incels e masculinistas. Não é de admirar que o Marcelo Valle é praticamente um deus lá. Por isso Wikinet é perfeita para começar a investigar essa rede de criminosos que se acham os todo-poderosos atrás do anonimato.

Anônimo disse...

Existe uma organização criminosa no Brasil que usa a ferramenta Pegasus do Grupo NSO para infectar dispositivos em troca de pagamento, incitar o terrorismo, chantagear pessoas, produzir pornografia ilegal e auxiliar em assassinatos.


Eles também têm outros malwares avançados, como implantes UEFI e até implantes persistentes para o Kindle e Raspberry Pi.


Além disso, eles usam reconhecimento facial e de voz através de câmeras e microfones invadidos, seja de locais público ou privados.


O Brasil não fará nada para detê-los. Só o FBI, a CIA e a NSA podem detê-los.


Se você conhece algum pesquisador de segurança que queira reverter as façanhas que eles estão usando, estou mais do que disposto a ajudá-los.


Se você quer uma história sobre como eles operam, eu estou disposto a trabalhar com você para expô-los.

Kasturba disse...

Obrigada pela indicação!

Kasturba disse...

Titia, com certeza terapia seria muito bom pra ele. Mas eu não tenho esse tipo de liberdade com a mãe dele, pra sugerir algo assim... vou tentar me aproximar mais. Ele realmente é um menino muito querido pra mim.

Kasturba disse...

Fiquei curiosa... já li esse livro há um tempo, mas não lembro muito...
O que ele tem a ver com feminismo?

Kasturba disse...

Esse meu primo é bastante estudioso... acho que ele gosta de ler sim (pelo menos até algum tempo atrás ele gostava)
Obrigada pelas indicações.

Anônimo disse...

Nem todo louco é perigoso. Os perigosos inclusive ficam em manicômio judiciário pra sempre.

Kasturba disse...

Bem, nem todos os "loucos perigosos" cometem crimes...
Eu tive um tio esquizofrênico grau bem avançado. Ele tinha quase 2 metros de altura, super forte, e viveu um tempo com meus avós, idosos...
Ele já tentou colocar fogo na casa, já se jogou da janela do apartamento... Ele era um perigo pra ele mesmo, para meus avós e para vizinhos também...
Infelizmente, foi internado em uma clínica, e passou os últimos anos de vida lá. Meus avós não tinham condições de continuar cuidando dele... :(

Nunca me aprofundei muito nesse tema, e a princípio parece ser uma luta justa, a política antimaniconial. Mas como ficariam casos tipo do meu tio? A família que teria que "se virar" pra assumir o parente??