terça-feira, 23 de outubro de 2018

SOBRE A CAMPANHA MAIS SUJA E CORRUPTA DA HISTÓRIA DAS ELEIÇÕES BRASILEIRAS

Na quarta à noite, um dia antes da reportagem da Folha sobre o Caixa 2 de Bolsonaro, eu publiquei um tuíte referente a uma conversa que o maridão teve com um colega de trabalho na escola.
O colega contou que a mãe dele, que sempre votara no PT, só este ano passou a ter WhatsApp. E aí ela viu um vídeo falado em árabe, mas com legendas em português, da Cruz Vermelha com pacotes de dólares sendo distribuídos para o PT comprar voto nas eleições brasileiras. O professor ainda tentou argumentar: "Mas mãe, o PT compra voto no Brasil pagando em dólar?" Não teve jeito: a senhora nunca mais votará "nessa corja do PT".
Pense nas coisas mais ridículas. Tipo: se Haddad ganhar, todas as igrejas serão fechadas, todos os presos serão soltos, sua poupança será confiscada. Pense no maior guru da extrema direita brazuca associando Haddad à pedofilia e incesto. Aí Haddad vai à Justiça exigindo que os 21 posts caluniosos que Olavão escreveu sejam retirados. Pense no ministro negando, alegando que é só "liberdade de expressão".
Pense no mesmo ministro acatando a exigência da campanha de Bolso e forçando o PT a não associá-lo mais à tortura. Estamos falando de um fascista que durante 28 anos fez inúmeras declarações defendendo a tortura e louvando um torturador que enfiava ratos nas vaginas das mulheres que ele torturava. Fazer montagens com camiseta da Manu tá liberado, mas espalhar a verdade sobre Bolso não pode.
Eu sou mais velhinha, então acompanhei de perto as eleições desde 1989, antes da internet, quando tudo era no papel (lembro do inferno que era a apuração dos votos em cédula; levava dias e havia inúmeras fraudes e brigas). Lembro quando eram distribuídos, muitas vezes na boca de urna, os panfletos apócrifos. Eram calúnias e difamações covardes, pois nunca vinham assinadas. Você podia inventar mil e uma mentiras sobre um candidato sem dizer quem você era, quais seus interesses. Isso era crime. É crime ainda.
Na época não existia o termo fake news, notícias falsas. Mas dá na mesma, ou quase. Imagine os panfletos apócrifos multiplicados à enésima potência, como percebeu a jornalista Cynara Menezes. É exatamente o que temos hoje. Milhares de mentiras divulgadas sem parar, todos os dias, durante semanas, meses, inclusive no mesmo dia da eleição. Com uma vantagem adicional. Imagine se aqueles panfletos apócrifos na boca de urna fossem entregues por um amigo seu, parente, vizinho, alguém que você conhece e confia. Você estaria mais ou menos propenso a acreditar nas mentiras impressas naquele papel?
Pois é, é esse o encanto das fake news divulgadas pelo WhatsApp, como explicou bem o Pirula em um vídeo. Aquela notícia não vem de instituições, não vem de um comitê eleitoral, não vem do governo, não vem da mídia. Vem do seu tio, seu pai, sua vó, sua irmã. Traduzindo: as notícias falsas ganham mais força, porque vem das mãos de quem você conhece. As redes se encarregam de desacreditar toda a mídia tradicional. De repente, Veja, The Economist, New York Times, Fox News, enfim, qualquer veículo que ousou falar mal de Bolso é comuna. 
Num vídeo muito didático de um youtuber que eu não conhecia, Slow, ele explica bem o fenômeno de como disparos de mensagens caluniosas podem ganhar eleições (algo parecido ao post famoso sobre sua tia não ser fascista, ela só está sendo manipulada). Foram feitos vários experimentos sociais para ver como enganar as pessoas, e tanto a vitória da direita na Brexit quanto a eleição do Trump são creditadas a essas novas ferramentas. Uma grande base de dados mostra o seu perfil e o o quanto você é suscetível a fake news. E aí eles te bombardeiam. Nos EUA isso só foi descoberto depois das eleições, e você sabe o escândalo que foi. A Cambridge Analytica teve que fechar, e Mark Zuckerberg foi chamado pra depor no Senado. 
Diz Slow: "É óbvio, se você tem em mãos um mecanismo que é capaz de empurrar uma campanha presidencial, mais do que isso, moldar a forma como a população tá pensando sobre algum assunto, é uma ferramenta extremamente valiosa, assim como muito perigosa". Slow diz que sabe que o mundo vive uma onda conservadora, mas "utilizar uma ferramenta tecnológica pra radicalizar as pessoas propositalmente através de notícias falsas e tendenciosas pra fazer com que as pessoas queiram eleger líderes de extrema direita, já tá tropeçando no aceitável das questões éticas". 
Se Bolso tivesse vencido já no primeiro turno, não ficaríamos sabendo de sua campanha suja e corrupta (já que doações por empresas são proibidas, ainda mais sem que isso seja declarado). Lembra como a gente não entendia como Bolso disparou poucos dias antes do primeiro turno? Como ele subiu tanto? O nosso belíssimo movimento #EleNao deu errado? Foi o apoio de Edir Macedo? Que nada, acima de tudo, o que pesou mesmo foram os disparos de mensagens, todos feitas para difamar seu adversário. Uma das fake news que rolou era que, se você votasse em Bolso mas em candidatos de outros partidos para os outros cargos, seu voto seria anulado. Isso pode explicar por que candidatos a senador e governador que apareciam em quarto lugar nas pesquisas acabaram sendo eleitos.
Eleitores de Bolso: tipo este nível
de ignorância
É preciso entender que os eleitores de Bolso realmente são os mais ignorantes. Eles são os que mais se "informam" através do WhatsApp. Os que mais caem nas mentiras. Eles vem recebendo lavagem cerebral há tempos. Não é algo de um dia pro outro, nem trabalho de formiguinha. "Não é possível chegar a tanta gente como Bolsonaro chegou sem uma estrutura forte, com grande financiamento por trás", diz a diretora da agência de fact-checking Aos Fatos
Ontem a maior rede pró-Bolsonaro do Facebook foi excluída após denúncia do Estadão. Eram 68 páginas e 43 contas com nomes falsos controladas pelo grupo RFA (Raposo Fernandes Associados). Só no último mês, essas contas tiveram quase 13 milhões de interações no FB, o que é mais que têm Neymar e Madonna. Imagina o tanto de estrago que essas verdadeiras usinas de fake news já causaram.
Mas por que a demora de seis meses pra desmantelar uma armação tão óbvia? Em abril, a jornalista Helena Borges investigou como a RFA trabalhava. Chegou a ir ao endereço onde a RFA estaria registrada (não existia). Um dos sites especialistas em fake news, a "Folha Política", cria da RFA, tinha suas matérias assinadas por "Lígia Ferreira". A jornalista descobriu que Lígia é uma menina de 5 anos, filha do casal dono da RFA. A reportagem saiu na revista Época em abril. Reportagem de capa. Meio ano pro FB tomar providências!
Ish, será que a campanha do Bolsonaro sabe?
Na sexta, foi divulgado um estudo feito pela FGV que aponta o aumento de robôs pró-Bolso agora no segundo turno. 
Se o número já era absurdamente alto, agora está mais insuportável ainda. De todos os tuítes gerados por robôs, quase 71% beneficiam o fascista. De cada 7 tuítes favoráveis a ele, 5 são escritos por máquinas, não por humanos. Eu sempre dizia que, felizmente, robôs não votam. Mas certamente podem influenciar uma eleição. Se durante o primeiro turno bolsobots foram capazes de colocar e manter um assunto no topo dos TTs do Twitter, agora com o aumento de robôs eles podem monopolizar quase todos os trending topics. Ou seja: eles pautam o Twitter (e o Twitter permite. E o TSE). 
Ontem à tarde teve a coletiva de imprensa do Tribunal Superior Eleitoral. Antes não tivesse acontecido. Vai entrar como um dos grandes momentos de vergonha nacional junto com aquela sessão de impeachment da Dilma em que deputados corruptos votaram "sim" em nome de Deus, da família, de torturador... Era melhor quando a gente se perguntava #EagoraTSE ou "Quem demora mais pra se posicionar: Anitta ou TSE?"
Bolso com um dos seus doadores de
campanha, o dono da Havan
Foi uma tristeza infinita ver ministro dizendo que fake news não influenciou eleição (outro ministro já havia dito isso antes do escândalo), que fake news já existe desde os tempos de Adão e Eva, comparando fake news a fofocas trocadas por vizinhos, e basicamente passando pano pro Caixa 2 do Bolsonaro. Eu ainda acho que o TSE vai investigar as fake news sim. E vai acabar absolvendo Bolso e condenado Haddad por aliar tortura e final do décimo-terceiro salário ao fascista.
Pra ter uma ideia de como tá tudo dominado ("com o Supremo, com tudo"), a ministra Rosa Weber foi perguntada sobre a declaração do deputado Eduardo Bolsonaro. Durante uma aula em junho de 2018, o filho de Bolso disse que, se o STF tentar impugnar a candidatura do pai "por qualquer motivo", é fácil fechar o STF e prender ministro, é só mandar "um soldado e um cabo". A ministra achou apenas a declaração "inadequada".
Se você quer entender como tudo é construído por profissionais, vamos a um estudo de caso. No sábado, no comício em Fortaleza, um homem, aluno da Unilab (uma bela universidade federal em Redenção, CE, criada por Haddad para valorizar a interação entre o Brasil e países africanos de língua portuguesa), deu uma bíblia a Haddad. Eu estava lá e vi a cena. O cara, visivelmente comovido, falou em nome de vários evangélicos, e Haddad recebeu o presente com muito carinho.
Eis que no domingo já tinha um youtuber fazendo um vídeo sobre como Haddad jogou no lixo a bíblia que ganhou. Não era qualquer youtuber -- é um jovem chamado André que foi o deputado estadual mais votado no Ceará. Filiado ao partido de Bolso. Por um mistério divino, ele -- logo ele, um inimigo declarado do PT -- encontrou a bíblia dada a Haddad na praça do comício em Fortaleza, no lixo. 
Era a mesma bíblia, porque estava com dedicatória do rapaz da Unilab.
A campanha de Bolso, da qual André faz parte, pautou que deveriam ser feitos dezenas de vídeos mostrando como aquele comuna imundo do Haddad despreza a bíblia sagrada, a ponto de jogá-la no lixo. Haddad disse em vídeo que a bíblia havia sido colocada dentro de uma sacola que foi furtada no palanque, junto a um celular de um assessor que também estava na sacola.
Imagina o que deve estar rolando no Whats, ou talvez no Telegram, que é pra onde vários bolsominions migraram depois que o WhatsApp desabilitou milhares de contas. A fake news deve ser que Haddad queimou a bíblia no palanque num ritual satânico, suponho.
E aí ontem à noite, o que está em primeiríssimo lugar nos Trending Topics do Twitter? A tag #HaddadNãoÉCristão, alavancando com todo vapor a ladainha da bíblia jogada no lixo. 
E é mera coincidência, claro, que toda essa pauta tenha surgido exatamente no mesmo dia em que Marina (finalmente) declara seu apoio a Haddad. Se Marina ainda tem alguma influência de voto, é justamente junto ao eleitor evangélico. Aquele mesmo que está sendo bombardeado por mentiras de que o comuna Haddad e sua vice Manu vão fechar igrejas e queimar bíblias.
Dá pra começar a ver como o jogo é sujo? De quebra, monopolizar a opinião pública em cima de uma fake news como a bíblia jogada no lixo tira o foco de assuntos espinhosos pra Bolsonaro, como a declaração de seu filho sobre fechar o STF, a desculpa de Bolso, chamando um parlamentar de 34 anos de "garoto", o discurso de Bolso domingo na Paulista dizendo que seus adversários "ou vão para fora ou vão para a cadeia," a descoberta que seu vice foi ele mesmo um torturador (não foi!), e a notícia de que sua equipe econômica quer cobrar mensalidade na universidade pública. 
Desta forma, ninguém discute propostas de governo. Passa-se o tempo desmentindo fake news. E é uma prévia do que será o governo Bolso, se ele ganhar: no dia da privatização da Petrobrás, por exemplo, ele fará alguma declaração absurdamente escandalosa ou acusará Lula de qualquer coisa. E todo mundo vai gastar energia falando sobre isso, e não sobre dar uma empresa nacional de mão beijada pros gringos.
Falta muito pouco pro dia 28, menos de cem horas. Mas acredito que ainda dá pra virar. Precisamos

UPDATE em 24/10: Elineudo, estudante da Unilab que deu a bíblia a Haddad no sábado, o presenteou com outra bíblia (veja vídeo): "É que eles perceberam que aquele encontro no Ceará foi impactante". Mas pode ter certeza que os bolsominions seguirão com a mentira da bíblia jogada no lixo, e não a verdade de bíblia que some misteriosamente do palanque e aparece nas mãos de um deputado estadual do partido de Bolso. 

49 comentários:

Anônimo disse...

Infelizmente a esquerda petista foi propagadora dessa mesma sujeira. A esquerda precisa URGENTEMENTE fazer uma autocrítica, como Ciro orientou. Eu não vi uma única fake news partindo de Ciro que teve uma campanha limpa, mas do PT vi várias, infelizmente não sou cego. Ambos os lados estão loucos. O Brasil perderá

Gregor Samsa disse...

Ótimo post,Lola. Força!

Anônimo disse...

São muitas Fake News, e eu recebi um vídeo ontem que dizia:

"Poucos antes do dia das eleições, Haddad e Manuella sofreram um ataque de um homem branco e vestido com a camisa do Bolsonaro.
O agressor, um lutador contratado pelo PT, realmente usaria de violência física em ambos para causar sérios hematomas e com isso causar um certo furor contra Bolsonaro."

E o vídeo mais idiota que já vi.

1 - O PT não precisa usar deste subterfúgio para demonstrar que o Bolsonaro prega a violência.

2 - Se o fato acontecer realmente, os idiotas vão dizer que não teve nenhuma motivação política e que o autor das agressões é um "lobo solitário".

3 - Ou vão alegar que foi "bem feito" pois, afinal, Haddad prega o desencarceramento.

Mais um dos devaneios dos bozonazistas.

Anônimo disse...

Cite aqui quais foram as fake news espalhadas pelo PT. Gostaria mt de saber. Quem espalha fake news sempre foi a direita. Quem comemora a morte de pessoas tbm.Quem faz apologia a crimes e tortura idem. Nunca vou esquecer os comentários nojentos no dia da morte da Marisa. Não gosto nem de pensar no que essa gente iria postar se fosse o Haddad o esfaqueado. O PT tem infinitos defeitos p vc comentar. Não é necesserário inventar. Vou aguardar aqui vc enumerar as fake news espalhadas pela esquerda. Tô curiosa.

Anônimo disse...

É fantástica a quantidade de gente que pede pro PT fazer autocrítica, mas não pede o mesmo pra Bolso, o qual prega a violência política, a tortura e a ditadura. Hipocrisia se vê por aqui.

Anônimo disse...

Caetano Veloso foi verdadeiro profeta quando fez a música "O cu do mundo", resumo do Brasil:

O furto, o estupro, o rapto pútrido
O fétido seqüestro
O adjetivo esdrúxulo em U
Onde o cujo faz a curva
(O cu do mundo, esse nosso sítio)
O crime estúpido, o criminoso só
Substantivo, comum
O fruto espúrio reluz
À subsombra desumana dos linchadores
A mais triste nação
Na época mais podre
Compõe-se de possíveis
Grupos de linchadores

Claramc disse...

Lola, adoro seus textos.
Corrijo no entanto a informação de que Mourão foi torturador:

https://veja.abril.com.br/politica/geraldo-azevedo-pede-desculpas-por-acusar-mourao-de-ser-torturador/

Não que isso diminua a gravidade dos fatos narrados, mas acredito que seja importante corrigir.

Anônimo disse...

Por acaso, espalhar em rede nacional que o General Mourão torturou o cantor Geraldo Azevedo, não é disseminar fake news?

Anônimo disse...

Nos últimos meses tenho atualizado minhas definições de decepção diariamente. Nunca imaginei que uma piada de mal gosto, fétida e abominável feito o bolso fosse tomar a proporção que tomou. Me sinto triste, decepcionado, adoeci, teve dias que não me reconheci. Não reconheço mais meus familiares, que em sua totalidade estão ajudando a eleger um monstro. Sei que muitos deles são ignorantes, manipulados, simplesmente odiosos a um fantasma de Pt comunista ou algo assim, mas isso não me deixa menos decepcionado com eles. Percebi que meus familiares e grande parte da sociedade é odiosa, muito mais que eu imaginava. Odiosos e ignorantes, ovelhinhas raivosas de whatsapp. Estão diminuindo sua humanidade, parecem cegos a toda e qualquer posicionamento nocivo do bolso. Tenho esperanças de que podemos virar os resultados prévios, o que seria realmente lindo e entraria para a história (de um jeito bom, pois do jeito ruim já entramos). Nunca imaginei que as pessoas poderiam se corromper com tão pouco, acreditar em “notícias” que escorrem falsidade pelas bordas. Educação faz realmente muuuita falta, senso crítico é artigo de luxo. Esses dias vi uma mensagem dizendo que o Brasil se divide em dois lados, um em que todos sabem que estão fodidos e outro lado que ainda não sabe que vai se foder bonito com todo mundo. Eu sinto muita pena do Brasil, com tantos recursos, estar onde está. Tenho medo da mistura absurda de religião na nossa política. Tenho medo de que o Brasil se torne algo como Gilead. Só me resta lutar como puder e ter esperanças, mesmo que só pra me manter são diante de tantas asneiras que vejo. Um lugar onde a violência e a intolerância cresce feito mato e a maioria aplaude, isso tá ficando desumano demais. Espero que com o tempo bolso se afunde na própria merda – e não nos leve junto. Mas fico bem triste quando percebo que já esperava ele se afundar desde o início da campanha, com debates e etc., e olha a espiral de desgraça que se criou.
Força, amigos e amigas!

Anônimo disse...

Vcs eleitores do Bozo que estão aqui tão preocupados com a nota do Azevedo e do Mourão deviam ir lá assistir de novo o lixo do seu candidato ameaçando pessoas e apropria ordem democrática no discurso da paulista e o vejam tb o vídeo do asqueroso filho dele sobre o STF. Mas isso é tudo fake , não é grave né? Retardados ou de ma, o resultado pro Brasil vai ser o mesmo, atraso e ignorância

Anônimo disse...

nosso belíssimo movimento #EleNao deu errado?

Sim! Deu. Fato !

Anônimo disse...

Bolsonaro não precisa fazer isso, porque não é necessário. Você espera mudança da parte dele?

Anônimo disse...

... para fechar o STF bastam um soldado e um cabo... ( Flavio Bolsonaro)

Essa falta de criatividade só poderia ser do filho do fascista. Esse idiota copiou uma frase do Jânio Quadros:

“Por alguns segundos pensei em fechar o Congresso. E ter-me-iam bastado um cabo e dois soldados,”

Qualquer semelhança não é mera coincidência.

Anônimo disse...

Cite aqui quais foram as fake news espalhadas pelo PT.

1 - “Bolsonaro nunca teve nenhuma importância no Exército. Mas o Mourão foi, ele próprio, torturador. O Geraldo Azevedo falou isso."
(https://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,haddad-chama-general-mourao-de-torturador,70002559627)

2 - Comercial do PT acusa Marina de andar com “gente da ditadura”
https://www.brasil247.com/pt/247/poder/155437/Comercial-do-PT-acusa-Marina-de-andar-com-%E2%80%9Cgente-da-ditadura%E2%80%9D.htm

3 - Lula admite que mentia para obter vantagens
https://www.youtube.com/watch?v=xI1upb0fymk

Anônimo disse...

E o Doria na suruba? kkkkkk

Anônimo disse...

Filhinho de papai tem mais e que pagar mensalidade em federais e estaduais sim, e não estudar de graça as custas de uma maioria de pobres que paga muito imposto sobre consumo neste país, consumo ate de comida e remédios e taxado aqui em Banânia. A gratuidade tem que ficar para quem não tem condições.

Anônimo disse...

É triste mas a gente verifica que mais da metade da população adulta do país é um lixo, pessoas odiosas como se viu na Paulista, homofóbicas, racistas e misóginas.

Que apoiam a tortura e o extermínio do outro, do diferente. Sem um pingo de dignidade ou decoro.

Mas se dizem religiosos, os hipocritas. Se Deus existisse mesmo fulminava todos eles

Anônimo disse...

Esse segundo turno podia estar sendo decidido entre Ciro x Amoedo. Debates RACIONAIS de alto nível. Ciro com seu projeto nacional desenvolvimentista. Amoedo com sua proposta liberal, de privatizações e livre mercado. Os dois trazendo propostas concretas de médio e longo prazo para o Brasil.

Mas há o fator FANATISMO, fascistas x petralhas. Campanhas baseadas em ódio e mentiras, propostas ficam de lado. O país insiste em não amadurecer, a paixão prevalece. No país do futebol dá o óbvio. Parecem preferir um personagem, um salvador da pátria, um Deus pra liderar o Brasil. Não um presidente.

TJ disse...

Anônimo das 15:42, faço minhas as suas palavras. Abracos.

Anônimo disse...

Bravo! Sábias palavras! Avante!

Anônimo disse...

Isso é o coiso:

https://blogdacidadania.com.br/2018/10/domesticas-comentam-fala-de-bolsonaro-contra-os-direitos-delas/

Fim dos direitos trabalhistas (que podem amarelar com a carteira de trabalho escravo), fim do MEC, fim do respeito às listas tríplice, engavetador-general-da-república, reitores biônicos nas universidades e institutos federais…

Felipe Roberto Martins disse...

Oi Lola...

Tdb?

Confesso que estou cansado e espero que domingo as notícias sejam boas:).

Gostaria de escrever que uma parte das pessoas que votaram no Bolso... estão tristes c/ a esquerda, chateadas c/ o PT, enfim..., mas eu não acho, penso e sinto isto não.

Infelizmente, a percepção que tenho é que parte destes eleitores se conectam com as atrocidades/ barbaridades que Bolson fala, pensa, isto é, uma parte deste eleitorado é sim: ...racista, sexista, homofóbica, gordofóbica, preconceituosa ao extremo, fundamentalista, contra índios, negros, pobres, lgbtqi+, entre um montão de coisa horrível.

Esta parte me dá medo porque são pessoas ruins mesmo, com ou sem, o Bolso e agora só encontraram voz e estão falando.

Abraços, Haddad vira o jogo domingo!!!

Anônimo disse...

Fato

Anônimo disse...

Legítimo representante da família tradicional brasileira... xxxxhttp://frentao.com.br/video-pela-familia-doria-candidato-de-bolsonaro-na-maior-orgia-com-prostitutas/xxxx

Avascon Silva disse...

Queria acreditar em virada mas não acredito. Seria o mesmo que esperar que um atleta sem dopping vencesse um com dopping. Não bastassem as fake news, hoje é o julgamento de Palloci pelo TRF4. A pá de cal na campanha de Haddad. Estou bastante desanimado. Ontem ouvi uma conversa que me deixou perturbado. Os chamados poderes constituídos (Ministério Público, Judiciário, Polícia Militar) não acreditam mais na possibilidade de combate ao narcotráfico à luz das regras da Constituição e demais leis. Muitos promotores, juízes e PMs de alto coturno vão votar em Bolsonaro com a expectativa de que o combate às facções criminosas se dê pelo extermínio. Eles sabem que a sociedade civil vai sofrer horrores, de que são exemplos os incêndios a ônibus. Mas as autoridades públicas já estão vendo esses efeitos colaterais como um mal necessário e menor. Por outro lado, um dos piores cenários que Steven Levitsky prevê pra um governo Bolsonaro é o de que a violência da reação das facções, nessa luta livre entre estado e narcotráfico, com a sociedade civil no meio, seja usada como justificativa pra a supressão de direitos e liberdades civis, iniciando-se uma ditadura no Brasil com a aquiescência de boa parte da população . Essa questão do combate ao narcotráfico vai acabar drenando a democracia e os recursos públicos no Brasil , e num clima de guerra civil pior do que aquele em que vivemos. Recursos da educação e da saúde vão ser tragados pela segurança pública . E, claro, vai ser pra aí que a corrupção vai se deslocar. Depois dessa conversa que ouvi ontem, acho que vai ser esse o futuro do Brasil, e em pouco tempo. Direitos e liberdades civis sendo suprimidos. Educação e saúde ainda piores do que atualmente. A corrupção solta na segurança pública. Protestos e reivindicações que ocorram sendo sufocados com extrema violência. Pautas morais discutidas e eventualmente aprovadas no legislativo, como o estatuto da família, censura nas escolas, pra combater a ideologia de gênero... Acho que vai ser nessa direção que iremos ladeira a baixo, cada vez mais pra baixo...

Anônimo disse...

O brasileiro médio na verdade é cruel, arrogante, gosta de agredir, violentar, humilhar, matar. Sobretudo humilhar que é o esporte nacional acima do futebol, essa identificação massiva vem daí. O brasileiro é um tipo que acha que sabe todas e faz tudo, ultimamente tem caído muito baixo e mesmo assim segue sendo ''os caras''. A maioria não ouve e se ouve, responde com outra coisa totalmente diametral à sua pergunta. O brasileiro tem o ego maior que a ciência.

Sempre me questiono aonde eles querem chegar. Tem algo errado aí. Observe quando entrevistam o coiso, a reação que ele têm defensiva e exagerada, isso esta nas ruas há muito tempo. É reflexo do reflexo e veja como ele utiliza linguajar de baixa frequência, pois isso comunica com os de baixo (incluindo ricos ignorantes e cafonas) e os de baixo diz: ''aquele lá de cima é um dos nossos, fala como a gente, e assim nós ele não tá nem aí pra nada e pra ninguém, ele só para a sua máfia de canalhas, assim como nós''. Esse é o jogo.

Anônimo disse...

Os promotores, juízes e pm's que votam no bozo nem se importam tanto assim com as facções criminosas, muitos deles são apenas vendidos, corruptos e envolvidos com essas facções através de propinas. Só querem exterminar favelados.

Anônimo disse...

Não existe ideologia de gênero e sim identidade de gênero.

Anônimo disse...

Vai ser engraçado ver quem estuda em universidade federal e vota no bozo (ou preferiu votar nulo/branco), tendo que pagar mensalidade. Quero ver qual vai ser o critério de ''rico'' pro bozo, deve ser renda a partir de R$ 3.000,00. Nem quero saber qual o critério de ''classe média''.

donadio disse...

a desculpa de Bolsonaro, chamando um parlamentar de 34 anos de "garoto"

Ou seja, redução da idade penal é para os filhos dos outros.

Para os filhos dele, aumento da maioridade penal para 35 anos no mínimo.

Anônimo disse...

Caso fosse esse o resultado haveria troca de idéias e propostas entre ambos e não a baixaria atual, mas não somos uma Argentina, Chile, Uruguai e sim uma republiqueta de bananas com desesperados, ignorantes cegos pelo fundamentalismo religiosista de um lado e gente mesquinha com complexo de superioridade do outro.

Anônimo disse...

Perfeito o seu comentário e o brasileiro , principalmente o pertencente à "classe média " é o que mais egocêntrico e vem com aquele famoso bordão : você sabe com quem está falando? ". Brasileiro quando tem oportunidade humilha, subestima, subjuga com ares de um complexo de superioridade mesquinho. É aquela frase "não pode ver ninguém bamba que empurra para cair. ". Isso vem de um passado em que foi incutida a ignorância e escravização , vem deste o "descobrimento " . Infelizmente por aqui tudo começou errado e a tendência é permanecer assim devido a inércia e desunião do povo.

Anônimo disse...

Falando em sujeira, a suástica budista era realmente fake =/

Tem gente que quer ajudar e só atrapalha, pqp e a polícia deixou pra dar esse resultado agora, na semana do segundo turno. Sei não...

Anônimo disse...

"Ou seja, redução da idade penal é para os filhos dos outros. "
Os filhos desses outros precisam ser pobres ou de quem o contradiz, discorda , questiona. Caso sejam filhos de poderosos ou das bancadas que o apoiam ficará por isso mesmo como sempre, ou claro caso sejam filhos de seus capangas só estavam a cumprir o dever como todo cidadão de bem e foi mal interpretado.

Anônimo disse...

E por um acaso a polícia tinha que esperar a eleição passar para desfazer uma fake news?

Anônimo disse...

Lolinha eu concordo que essa deve ser a campanha mais imunda de todos os tempos, porém a gente precisa fazer uma crítica sim e computar 3 fatos importantes, 3 fake news importantes:

1. As pixações feitas em uma determinada igreja foram feitas por pessoas antibolsonaro
2. A suástica cravada na barriga da garota foi feita por ela mesma
3. Mais de 70% das pessoas pesquisadas pelo Ibope não receberam fake news pelo Whatsapp

Nessa hora, mais do que nunca, precisamos nos agarrar à VERDADE
verdade, retidão, correição, valores que infelizmente estão se perdendo

Eu fico triste de estarmos nessa situação mas simplesmente não se pode deixar a ética de lado então é hora de quem errou assumir seus erros e a responsabilidade por eles

NÓS SOMOS MUITO MELHORES QUE AS FAKE NEWS!

Anônimo disse...

Os espanhóis quando começaram a explorar a América descobriram que os nativos estavam além da idade do metal que era ouro, prata, cobre, mas tinham bons conhecimentos em astronomia e saneamento, enquanto os nativos do que hoje é o Brasil estavam na pedra lascada, acredito que em breve haverão as guerras religiosas como na Idade Média na Europa, dentro de uns mil anos e com muita sorte, pois será necessária, seremos uma civilização. Acho bom.

Anônimo disse...

Oi, bolsonarista. Eu recebo fakebews dos bolsominions o tempo todo. A do kit gay é a campeã. Tambem tem a do Haddad pedofilo e outros absurdos. Não se pode deixar a ética de lado então é bom quem está do outro lado assumir seus erros e responsabilidade por eles, mas é claro que isso nunca, né?! Eu não estou me importando nem um pouco em desmentir fakenews contra Bolsonaro. Se o lado dele pode mentir o outro também pode, ,né? Direitos iguais. Ah, houve suástica pintada em igreja também? Que pena que eu não sabia. Queria ter compartilhado essa no meu Facebook e depois fingir que sou inocente . Se os bolsominions podem, eu também posso, né? claro que não somos melhores que fakebews. É fakenews acima de todos!

titia disse...

Essa gente vota nele mesmo sabendo de tudo isso porque não presta mesmo. Um exemplo é o meu pai. É dono de microempresa e estava com uns apertos financeiros em um momento, um funcionário dele (almoxarife, ganha mínimo) estava com algum dinheiro sobrando e ofereceu emprestar... a reação do meu pai? "Quem é um merda desse pra falar em me emprestar dinheiro?". Era apenas o cara que mesmo sendo centenas de reais mais pobre é mais digno e rico em humanidade que você, velho babaca! (Não, eu não disse isso a ele. Mas é a verdade).

Ele SABE que o Bozonazi não presta. Sabe. Ele acompanhou todos os casos, todos os discursos e ameaças, todas as fake news e trapaças... mas ainda assim vai votar nele porque além de ser classista, medíocre, violento, ignorante, gostar de humilhar os outros e mesquinho, não é seguro o suficiente da própria masculinidade e quer um extermínio de homossexuais. E, mano, a minha irmã é lésbica, ele está defendendo gente que quer MATAR a filha dele por causa de EGO. COMO alguém assim consegue se iludir por dois minutos que é uma boa pessoa? Pior é que ele é evangélico, vive falando de Deus, de Jesus, mas o voto dele vai contra tudo que Jesus pregou.

É cegueira e perversidade demais. Eu simplesmente não consigo entender.

Hoje estava vendo o vídeo de um gay que declarou guerra aos bozominions, dizendo que não vai ficar com medo, que porte de arma é pra todo mundo e se os enrustidos raivosos vierem pra cima dele, ele e as outras pocs vão se defender sim. Apoiei, disse que bozominion tem mais é que ir pra vala mesmo porque nenhum presta, e aí o cara de pau do meu pai diz que eu tenho que moderar meus modos e ser menos agressiva. Sendo que apenas uns dias atrás eu e minha irmã conversamos com ele sobre o risco que Bozonazi representa pra nós duas, eu como mulher feminista e ela como lésbica, os riscos de sermos estupradas e mortas por um desses loucos armados, e sabe o que ele respondeu? Que se isso acontecesse seria um 'mal necessário' pra botar o país em ordem. Ele LITERALMENTE disse que se as filhas dele fossem estupradas e/ou mortas por causa do ódio que esse louco prega não seria importante pq um monte de gente já está morrendo por aí.

E isso porque ele não gosta de gays, porque não suporta a ideia de ser forçado a tratar gays como gente, como cidadãos iguais a ele em direitos e importância social. Agora, me expliquem: como um ser humano bosta como esse, a ponto de dar mais valor ao ego do que à vida e à integridade física e dignidade humana das próprias FILHAS, poderia ser convencido a votar de forma racional? Não adianta! Essa gente q vota em Bozo simplesmente NÃO PRESTA!

Anônimo disse...

Boa tarde Lola, tudo bem?

Hebert, do Rio de Janeiro.

Uma passadinha rápida por aqui, pra transcrever um comentário feito,
por Anônimo ( 23 de outubro de 2018 19:45 ), que me chamou atenção.

Algo que diz respeito ao fato de que Haviam candidatos dos mais variados,
até pra anti-petistas.

"Independente de Ciro x Amoedo ( citados no texto), creio que seja algo que trata de assuntos seríssimos, que precisam urgentemente estar acima dos nossos gosto pessoais, preferências ou do que mais nos agrada. Faz tempo que sinto esta impressão.

Anônimo Anônimo disse...
Esse segundo turno podia estar sendo decidido entre Ciro x Amoedo. Debates RACIONAIS de alto nível. Ciro com seu projeto nacional desenvolvimentista. Amoedo com sua proposta liberal, de privatizações e livre mercado. Os dois trazendo propostas concretas de médio e longo prazo para o Brasil.

Mas há o fator FANATISMO, fascistas x petralhas. Campanhas baseadas em ódio e mentiras, propostas ficam de lado. O país insiste em não amadurecer, a paixão prevalece. No país do futebol dá o óbvio. Parecem preferir um personagem, um salvador da pátria, um Deus pra liderar o Brasil. Não um presidente."

23 de outubro de 2018 19:45

Independente de Ciro x Amoedo ( citados no texto), creio que seja algo que trata de assuntos seríssimos, que precisam urgentemente estar acima dos nossos gosto pessoais, preferências ou do que mais nos agrada. Faz tempo que sinto esta impressão.

Não sei de quem se trata, mas parabéns a Você.
Também acho que urna, não pode servir de "saco de pancada".

donadio disse...

Supostas "fake news" que teriam sido divulgadas pela campanha do PT:

1 - “Bolsonaro nunca teve nenhuma importância no Exército. Mas o Mourão foi, ele próprio, torturador. O Geraldo Azevedo falou isso."
(https://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,haddad-chama-general-mourao-de-torturador,70002559627)


Bom, o Bolsonaro nunca foi mais do que capitão, então a relevância dele no Exército nunca foi das maiores.

E o Geraldo Azevedo de fato acusou o Mourão de ter participado na tortura que ele, Azevedo, sofreu. Ele estava errado, reconheceu o erro e pediu desculpas. Ninguém até hoje pediu desculpas a ele por tê-lo torturado.

Ele errou. Mas ele foi torturado, barbaramente, e isso não é fake news. Centenas de outras pessoas foram barbaramente torturadas em centros de tortura mantidos pelas Forças Armadas. E isso não é fake news. E o Bolsonaro já se manifestou, mais de uma vez, a favor da tortura. E isso não é fake news. E o Mourão é candidato a vice na chapa do Bolsonaro, e isso não é fake news. E o Mourão não parece ter colocado como condição para aceitar a candidatura a vice o repúdio do Bolsonaro às suas declarações favoráveis à tortura. E isso não é fake news. Nem o Mourão, ao que eu saiba, repudiou publicamente a prática de tortura contra prisioneiros políticos pelas Forças Armadas. E isso não é fake news.

Em resumo, tem mais verdades nisso que você chama de fake news do que na campanha eleitoral inteirinha do Bolsonaro.

2 - Comercial do PT acusa Marina de andar com “gente da ditadura”
https://www.brasil247.com/pt/247/poder/155437/Comercial-do-PT-acusa-Marina-de-andar-com-%E2%80%9Cgente-da-ditadura%E2%80%9D.htm


Puxa, foi necessário ir até 2014 para cavocar algo parecido com fake news por parte do PT?

E como isso foi fake news? Ela subiu no palanque com essas pessoas, e essas pessoas eram notoriamente ligadas à ditadura. Não tem mentira nenhuma aí. Você pode talvez alegar que houve hipocrisia, na medida em que a Dilma também subiu no palanque com criaturas da mesma laia. Mas era a campanha de Marina que se apresentava como algo "novo" e imaculado, totalmente desvinculado dos velhos vícios da política brasileira - e isso, naturalmente, não era verdade.

Enquanto isso, a campanha de Bolsonaro é toda ela baseada em mentiras as mais disparatadas. Não são enganos de alguém que, submetido a tortura das mais violentas, confundiu um torturador com outro. Não são críticas políticas talvez hipócritas de quem critica os outros mas faz a mesma coisa.

São invencionices deliberadas, que os iniciadores sabem muito bem que são mentiras, e espalham assim mesmo. E não são só mentiras, são mentiras caluniosas, que atribuem a pessoas sabidamente inocentes crimes que elas não cometeram.

Cristiane Lira disse...

Eu recebi várias fakenews todos os dias. Incluidas aí as do kit gay e do Haddad pedófilo. Fora as teorias da conspiração relativas a URSAL. Teve um vídeo bizarro que falava que todos os 9 candidatos, com exceção de Daciolo e Bolsonaro, eram agentes da URSAL. E o pior é que até gente com curso universitário e de classe média acreditaram nisso. Não tenho a menor ideia de onde surgem essas fakenews. Vem encaminhadas em forma de corrente. Algumas com uma ordem: REPASSEM SEM DÓ!!!!!!
Se ouve mesmo caixa 2, o que acho bastante provável, terá de ser investigado. É crime e tem que ser punido.
Mas não acredito que o povo é totalmente ignorante e manipulado. Muitos aqui se recusam a ouvir qualquer informação negativa sobre o "mito". E os que ouviram preferem o mito mesmo assim. Escolheram o "mito" apesar de todas as outras opções. São responsáveis pela escolha que fizeram.

Anônimo disse...

Não acrescentaria mais nada!

Anônimo disse...

Neste caso eu estaria com seguindo dormir com certa tranquilidade...

Anônimo disse...

infelizmente, olavo de carvalho será o novo ministro da cultura: https://www.youtube.com/watch?v=Q-oJUvIheC0

ADEUS BRASIL

Ozair Maia disse...

Fim de ano chegando, natal, festa, alegria... Tenho uma mensagem ao trabalhador brasileiro. Não a todo trabalhador; somente àquele assalariado. Aproveite o seu 13º! Pode ser o último. E suas férias!? Estão próximas? Aproveite também!

Anônimo disse...

Nada contra autodidatas, pois Machado de Assis foi um e é reconhecido mundialmente como escritor devido suas obras literárias, forma de escrita, abordagem temática, porém o metido a filósofo não teve educação formal leu vários livros, absorveu tudo conforme a realidade e interesses desonestos, mesquinhos, amargurados com tendência a megalomania , violência, prepotência e está aí privilegiado por um monstro criado e alimentado por ele pronto para a destruição e o tal "filósofo " se importa? Não , pois quem será destruído é quem discorda, questiona, contradiz ele , o coiso e a turba raivosa fanática e violenta a espreita, só a esperar o resultado das eleições para concretizar o banho de sangue. Tudo isso começou com um sujeito que estudou até a terceira série do atual ensino básico, cambalacheiro metido a filósofo ministro da educação, brasileiro merece isso mesmo, pois é muito fácil ser feito de trouxa, basta ver a quantidade de gente estúpida e sem noção a se matricular em cursos para enriquecer online, gastam a rescisão ou economias nisso para depois ficar a ver navios, marreta é chapéu de otário.

Anônimo disse...

Estou muito preocupada com o rumo que o Brasil vai tomar. Se o Bolsonaro ganhar vai ser horrível, pois vão continuar com sua fabrica de fake news enganado as pessoas e vamos perder o pouco de direito que temos.

Anônimo disse...

Fake news..disparo via whatsapp é crime? Ok. Uso de email corporativo tb. Segue um exemplo...

https://www.google.com.br/amp/s/politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,bandeirantes-usa-e-mails-corporativo-para-fazer-campanha-de-mara-gabrilli,70002554991.amp