sábado, 22 de agosto de 2009

MESTRADO NA UFSC

Então. As etapas pra seleção de mestrado, pelo menos mestrado em Língua Inglesa na UFSC, são as seguintes: primeiro você escreve um pré-projeto, dentro de alguma linha de pesquisa da PGI (Pós-Graduação em Inglês), que pode ser em Literatura ou Linguística (vários campos dentro de cada uma dessas áreas). Este pré-projeto deve ser entregue até o final de outubro, com carta de recomendação e vários outros documentos. Eles mandam uma cartinha dizendo se o seu projeto foi ou não aceito (o assunto da crônica abaixo). No começo de dezembro acontecem duas provas escritas, uma em Literatura, outra em Linguística. É no mesmo dia e pode levar dicionário inglês-português, se quiser (é tudo em inglês; mais pra frente publicarei uma crônica sobre essas provas). Se você tirar no mínimo 7 em cada uma, passa pra prova oral, que é uma entrevista de uns dez, quinze minutos, onde você terá que responder perguntas de uma banca. As perguntas podem ser sobre seu projeto, sobre as provas escritas, ou mais pessoais, depende de cada banca. Em uma semana, dez dias, sai o resultado final, com as notas das três provas. Se você ficar entre os oito primeiros, tem boas chances de receber bolsa (atualmente no valor de R$ 1,200 mensais). Mas não vai poder trabalhar, nem morar em outro lugar que não seja Floripa. Bom, também não vai ter muito tempo pra qualquer outra coisa que não seja o mestrado. As aulas começam em março e, se tudo correr bem, em 22 meses você é mestre. E aí, quem se habilita? Eu totalmente recomendo o curso. Os editais dos concursos estão pedindo cada vez mais graduação e doutorado na mesma área, mas, pro mestrado, a gente ainda tem liberdade pra escolher o curso que mais nos apetece. Ok. A crônica abaixo é de novembro de 2002, quando eu ainda não sabia nada disso.

HOMOLOGADA É A MÃE!

No alto da minha ansiedade, recebi uma carta estranhésima. Dizia assim: "Prezado(a) Senhor(a): (eu). A Coordenadoria do Curso de Pós-Graduação em Letras/Inglês e Literatura Correspondente da UFSC informa que recebeu a sua inscrição para o exame de seleção, nível mestrado, e, salientamos que ela foi homologada (x) / não homologada ( )." Segue-se uma enorme lista de documentos e, no final, a frase: "Informamos, outrossim, que as datas dos exames de seleção também estão confirmadas".
Quando a li, não entendi nada. Ela significava que meus documentos estavam ok ou que eu havia passado pra próxima etapa? E que diabos é "homologada"? Tudo bem, com "homo" no meio tinha de ser coisa boa, mas... Comentei o assunto com várias pessoas, e cada uma tinha uma opinião divergente. Muitos dias depois, descobri que sim, a carta significa que a fase seguinte de aprovação (três provas!) espera impacientemente por mim.
Agora, algumas perguntas que não querem calar: por que eles não redigem uma carta mais clara? Por que usam termos consagrados da burocracia como "homologado" e "outrossim"? E, principalmente, por que eles não mandam uma cartinha colorida e festiva que corresponda às expectativas? Imagina, eu aqui, desesperada, aguardando uma resposta, e eles enviam um pedaço de papel frio e sem vida. Tenho sugestões de melhora. Pra começar, o tipo de letra. Não precisa ser sempre Times New Roman ou Arial corpo 12. Cadê a criatividade? Outra coisa: que tal desenhar umas florzinhas, uns coraçõezinhos nos "is" pra comemorar?
Claro que o essencial é a gente rasgar o envelope e encontrar um imenso "Parabéns, você conseguiu!" logo de cara. Acho que também é de bom tom eles mandarem uma bandinha junto. O carteiro entrega a carta e a bandinha toca músicas de carnaval. Rojões eu dispenso, os cães odeiam. Mas balões são ótimos, desde que não estourem. Serpentina e confete grudam no cabelo, então talvez não dêem certo. E eles não podem se esquecer do buffet de chocolate, lógico.

9 comentários:

Andrea Cristina disse...

"por que eles não mandam uma cartinha colorida e festiva que corresponda às expectativas?"

Tive essa sensação quando passei no vestibular da graduação da UFSC. Mandaram uma cartinha, escaneei e está aqui: http://www.orkut.com.br/Main#AlbumZoom.aspx?uid=11808210533574966445&pid=1238363599183&aid=1238337498$pid=1238363599183 Não tem nada de homologada e outrossim, mas me fez muita falta o cartão em 3D (Sabe aqueles que você desdobra e salta do meio do cartão alguma figura) e podia ter aquelas musiquinhas de parabéns. Algo assim. A gente bem que merece, nao essas cartas confusas e monótonas. hehehe

Abração!!!

Alcyone Coelho, disse...

Entao, querida isso significa q vc ta perto de mudar de mala e cuia p o CE?

Deise disse...

Olá!

Encontrei seu blog por acaso ao pesquisar informações sobre o processo de seleção do Mestrado em Língua Inglesa da UFSC.
Acabei lendo alguns de seus posts e confesso que amei!!! Sendo de humor e habilidades discursivas realmente são uma bela combinação!

Gostaria de saber se você poderia dar algumas informações sobre o pré-projeto...o que eles avaliam...como deve ser esquematizado, etc.

Se puder me ajudar, agradeço imensamente!

Meu e-mail é: deise.caldart@hotmail.com

Um abraço,

Deise

viagra online disse...

Eu sou um estudante de um programa de mestrado em literatura Inglês que é muito interessante, mas eu acho que seria fascinante estudar Linguística também.

Felipe Coura disse...

Olá, bom dia!
Se não conseguir bolsa, vc sabe me informar quanto é a média do valor da mensalidade do mestrado na UFSC?

Felipe Coura disse...

Olá, bom dia!
Gostaria de saber se os mestrados na UFSC são realmente gratuitos, no meu caso, em Linguística. E se as aulas acontecem geralmente todos os dias. Muito obrigado.
Abraço.

lola aronovich disse...

Oi, Felipe. A UFSC é uma universidade pública e gratuita; logo, não há mensalidades. É só passar na seleção de mestrado e começar a estudar lá. Só tem que respeitar os prazos. A seleção é anual, geralmente o prazo de inscrição é até final de outubro, as provas acontecem no início de dezembro, e o ano começa em março.
Aqui a página da Pós-Graduação em Inglês da UFSC. Boa sorte!

lola aronovich disse...

Sobre as aulas serem todos os dias, depende muito do semestre. Geralmente são uns 3 dias por semana de muita aula (manhã e tarde), então fica difícil trabalhar. Além disso, é preciso encontrar tempo pra leitura, já que a leitura é intensa mesmo. Por isso é que é complicado fazer esse mestrado e trabalhar ao mesmo tempo. Mas, fora as 8 bolsas por ano oferecidas aos mestrandos (os primeiros colocados no exame de seleção), é possível dar aula de inglês na UFSC e ganhar dinheiro, o suficiente pra se manter, desde que vc seja bem econômico. De qualquer jeito, vc só poderá fazer o exame em dezembro do ano que vem. Recomendo que vc se prepare muito bem, entre em contato com seu possível orientador, vá desde já pensando num pré-projeto de pesquisa (o futuro orientador pode ajudar bastante nisso), e passe na seleção entre os primeiros colocados.

Felipe Coura disse...

Lola, muitíssimo obrigado pelas informações. Foram muito úteis para mim. Vou me preparar sim. E já sei quem eu gostaria que fosse minha orientadora. Grande abraço!!!
Att.
Felipe C.