domingo, 5 de outubro de 2014

É HOJE QUE VOCÊ VAI VOTAR NUMA FEMINISTA

Semana passada, fazendo hora num aeroporto, vi a manchete de alguma revista: faltando poucos dias pras eleições, uma quantidade assombrosa de eleitorxs (80 ou 90%) ainda não sabia em quem votar para deputadxs estadual e federal.
Se você ainda não tem um nome, faça um favor: vote numa feminista. E, se você já tem, mas a pessoa é de um partido de direita, ou é homem, considere mudar de ideia e votar numa mulher. Não, pela enésima vez, nada de votar numa mulher simplesmente por ela ser mulher, mas pense: o Brasil é uma nação muito atrasada na sua representatividade feminina. Mesmo que tenhamos uma presidenta no poder (pela primeira vez, não custa lembrar), mesmo que exista a possibilidade de duas candidatas se enfrentarem no segundo turno, mesmo que tenhamos algumas ministras e pouquíssimas governadoras e prefeitas (no mundo, apenas 10% dos países são presididos por mulheres), no nosso Congresso não chegamos a 9% de mulheres. O certo, se existisse igualdade, seria 50%. 
É fundamental ter mais mulheres para podermos ter projetos e leis que são de extrema importância pras mulheres. Isso não é questão de opinião, é fato: homens não costumam prestar atenção em "assuntos de mulheres" (por exemplo: creches, violência doméstica, estupro, violência obstétrica, autonomia sobre o próprio corpo, direitos reprodutivos etc). Se quisermos avançar nessas questões, que são fundamentais não só para as mulheres, mas para a sociedade como um todo, precisamos de mais mulheres no nosso legislativo.
E, óbvio: mulheres feministas, empenhadas nessas lutas históricas.
Então, fiquei horas fazendo uma vasta pesquisa pra poder indicar pelo menos uma candidata (mulher cis ou trans) pra você em cada estado. 
Vários nomes eu tirei da página no FB Vote numa Feminista; outros, do VoteLGBT (campanha com trilha sonora belíssima da Karina Buhr). Mas nem nessas excelentes páginas havia candidatas para cada estado, então procurei mulheres de esquerda aqui. Além disso, pedi sugestões (e fui atendida) às pessoas queridas do Twitter. Ah, aqui também tem uma página bem bacana que recomenda candidatos segundo algumas afinidades com você. (e mil desculpas pelas candidatas que esqueci; definitivamente, não é uma lista completa. Inclua outros nomes nos comentários).
Votar em candidatas feministas é o primeiro passo. As poucas que conseguirem ser eleitas devem ser cobradas (assim como qualquer outro candidato). Mas fico feliz que exista tanta gente boa por todo o país. E feliz também por conhecer várias dessas mulheres incríveis pessoalmente, em congressos pelo Brasil. Sem dúvida, mulher que luta é o que não falta. 

Acre
- Estadual
Anne Caroline (PT, 13444)
- Federal
Ana Morais (PSOL, 5012)

Alagoas 
- Estadual
Amelia Fernandes (PT, 13111)
Lu Araújo (PSTU, 16123)
- Federal
Iraci Batista (PSOL, 5001)
Maria da Glória (PSOL, 5005)

Amapá
- Estadual
Ane Melo (PSTU, 16016)
Angela Cantuária (PT, 13500)
- Federal
Cleonice (PSOL, 5026)
Dalva Figueiredo (PT, 1313)

Amazonas
- Estadual
Alessandra Campêlo (PCdoB, 65123)
Ana Botelho (PSOL, 50150)
- Federal
Alcineide Silva (PT, 1321)
Cristiane Sales (PT, 1312)
Dora Santos (PSOL, 5000)

Bahia
- Estadual
Alfina Ninha (PCdoB, 65601)
Amélia Patrícia (PT, 13576)
Carol Sales (PSTU, 16420)
Cristina Guerreira (PSOL, 50555)
Georgina Alves (PT, 13729)
- Federal
Alice Portugal (PCdoB, 6522)
Gabriela Mota (PSTU, 1620)
Moema Gramacho (PT, 1363)
Sidinea Pedreira (PSOL, 5099)
Zilmar Averita (PSOL, 5005)

Ceará
- Estadual
Jaci Marques (PSOL, 50420)
Silvia Cavalleire (PCdoB, 65651), minha candidata
- Federal
Adelita Monteiro (PSOL, 5000)
Alba Cristina (PT, 1351)
Cecilia Feitoza (PSOL, 5001)
Celia Romero (PT, 1350)
Francicele Cândido (PSOL, 5012)
Luizianne Lins (PT, 1313), minha candidata
Nivânia (PSTU, 1699)
Pamela (PSTU, 1601)
Santana (PSTU, 1617)
Soraya Tupinambá (PSOL, 5030)
- Senadora: Raquel Dias (PSTU, 161), minha candidata

DF 
- Estadual
Karina Sena (PT, 13001)

Maninha (PSOL, 50050)
Olgamir Amancia (PCdoB, 65180)
Rejane Pitanga (PT, 13213)
- Federal
Erika Kokay (PT, 1331)
Mácia Teixeira (PSTU, 1616)
Maria Lúcia Fattorelli (PSOL, 5050)

Espírito Santo
- Estadual
Ana Rita (PT, 13456)
-Federal
Iriny Lopes (PT, 1333)
Mariana Gava (PSOL, 5030)

Goiás
- Estadual
Angelita (PT, 13132)
Débora Evellyn (PCdoB, 65120)
Hellen Carvalho (PSTU, 16123)
- Federal
Naudia Faedo (PT, 1300)

Maranhão
- Estadual
Pâmela Maranhão (PT, 13024)
- Federal
Aline Maria (PSOL, 5051)
Ana Santos (PT, 1340)
Chaguinha Diniz (PT, 1312)

Mato Grosso
- Estadual
Ana Clesia (PT, 13131)
Rozanil Guimarães (PSOL, 50333)
-Federal
Jusci Ribeiro (PT, 1333)
Professora Sandra (PCdoB, 6565)

Mato Grosso do Sul

- Estadual 
Dandara Lima (PSTU, 16016)
Jéssica (PT, 13078)
- Federal
Maria Felix (PT, 1314)

Minas Gerais
- Estadual
Érica Coletti (PSOL, 50150)
Rana (PSOL, 50200)
Vanessa Portugal (PSTU, 16123)
- Federal
Izabella Lourença (PSTU, 1610)
Jô Moraes (PCdoB, 6565)
Maria (PSOL, 5050)
Sara Azevedo (PSOL, 5015)

Pará
- Estadual
Sandra Batista (PCdoB, 65789)
- Federal
Ana Júlia (PT, 1314)

Paraíba
- Estadual
Célia Pereira (PT, 13666)
Estela (PSB, 40000)
Marlene Alves (PCdoB, 65656)
- Federal
Janete Guedes (PSOL, 5001)
Maria das Graças (PT, 1301)

Paraná
- Estadual
Anaterra Viana (PT, 13040)
Bianca Zanetti (PSTU, 16167)
Professora Josete (PT, 13613)
Xênia Mello (PSOL, 50069)

- Federal
Leticia Lanz (PSOL, 5070)
Mel Campus (PSOL, 5055)
Professora Marlei (PT, 1313)

Pernambuco
- Estadual
Laura Gomes (PSB, 40240)
Teresa Leitão (PT, 13613)
- Federal
Fabiana Honório (PSOL, 5022)
Luciana Santos (PCdoB, 6510)
Raphaela Carvalho (PSTU, 1616)
Rosa Dário (PT, 13013)

Piauí 
- Estadual 
Flora Izabel (PT, 13678)
Yara Ferry (PSTU, 16161)
- Federal
Jullyane Teixeira (PSTU, 1616)

Rio de Janeiro
- Estadual
Ivone Pita (PSOL, 50005)
Mia Malafaia (PCdoB, 65077)
Patrícia Santiago (PSTU, 16000)
- Federal
Cris Brasil (PT, 1342)
Jandira Feghali (PCdoB, 6565)
Mari Cris (PSOL, 5090)

Rio Grande do Norte
- Estadual 
Day Nascimento (PT, 13600)
Tássia Lopes (PSOL, 50505)
- Federal
Eliana (PT, 1314)
Gessica Regis (PSTU, 1616)

Rio Grande do Sul
 - Estadual 
Ana Affonso (PT, 13813)
Clarissa Sommer (PSOL, 50888)
Laura Sito (PT, 13300)
Luisa Stern (PT, 13163)
Manuela Dávila (PCdoB, 65656)
Sofia Cavedon (PT, 13400)
- Federal
Maria do Rosário (PT, 1370)
Paula Alves (PSOL, 5020)


Rondônia
- Estadual 
Antonia de Melo (PCdoB, 65081)
- Federal
Claudia do Posto (PT, 1313)
Fátima Cleide (PT, 1321)

Roraima
- Estadual
Delegada Celia (PT, 13100)
- Federal
Elzilene Liborio (PT, 1300)
Erica Marques (PSOL, 5050)

Santa Catarina
- Estadual 
Ana Paula (PT, 13313)
Georgia Faust (PSOL, 50050)
- Federal 
Angela Albino (PCdoB, 6565)
Gabriela Santetti (PSTU, 1616)
Juliana Torralba (PSOL, 5020)

São Paulo
- Estadual
Arielli (PSTU, 16000)
Bel Sá (PT, 13124)
Gil Lima (PSOL, 50210)
Iara Bernardi (PT, 13010)
Isa Penna (PSOL, 50083)
Laura Leal (PSTU, 16066)
Leci Brandão (PCdoB, 65035)
Raquel Guzzo (PSOL, 50600)
Vanessa Gravino (PSOL, 50015)
- Federal 
Janete Pietá (PT, 1387)
Lenina (PCB, 2100)
Luiza Erundina (PSB, 4021)
Mariana Conti (PSOL, 5088)
Rachel Moreno (PT, 1317)

Sergipe 
- Estadual
Babi (PSOL, 50123)
Mery Gatto (PSTU, 16016)
- Federal
Vera Lúcia (PSTU, 1616)
Vanessa Gomes (PCdoB, 6599)


Tocantins
- Estadual
Edilma Vieira (PT, 13300)
- Federal
Lucia Viana (PSOL, 5033)

E não esqueça: pode levar cola. É muito número pra decorar (cinco candidatas diferentes).

81 comentários:

Anônimo disse...

É Manuela e Maria do Rosário na cabeça... Eu pensei em votar na Clarissa Sommer, mas não curti as postagens dela no facebook...

Anônimo disse...

Po lolinha, tinha que ter publicado isso ontem ou sexta. Muita gente indecisa vai votar hoje cedo sem abrir esse blog =\

Anônimo disse...

Lamento, depois de ler num blog ai sobre voto em lista eu não voto em pessoas e sim em partidos. E o choro é livre.

DEATH ADDER disse...

votarei no Aecio por motivos egoístas, o comunismo pioraria bastante minha situaçaõ, iria perder o direito da minha família ter dois apartamentos, iria perder o direito de cursar uma faculdade particular e ainda seria forçado a trabalho. alem do apartamento que vivo ser invadido por favelados que vão querer morar aqui tambem.

é ate melhor viver no capitalismo/democracia e se suicidar aos 60 ou 70 anos do que viver a vida inteira como um escravo no comunismo

acima de tudo sou um individualista, egoísta, e penso apenas em mim e foda-se os outros.

Anônimo disse...

Eu estou decepcionado com você e vou parar de ler seu blog. Você não deu nenhum espaço para homens feministas nessa campanha. Cada vez fico mais convencido de que O SEU feminismo não é sobre igualdade, é sobre a hegemonia da mulher.

Anônimo disse...

Lola, não vou parar de ler seu blog, nem nada do tipo, mas podia ter rolado um espacinho também pra homens como o Jean Wyllys e o Chico Alencar...

Eu sou homem e longe de mim ditar como o feminismo deve se portar, mas, por mais que sejam homens, eles têm uma luta que também se baseia nisso.

Dito isso, digo que votei em uma candidata mulher: na nossa presidenta Dilma.

Aécio Never. Marina mais Never.

lola aronovich disse...

Anon das 9:27, há muitos homens que são ótimos candidatos, muitos com propostas feministas. Mas há muitas mulheres assim também, então por que não votar NELAS? Afinal, homens já são 91% do Congresso. Cadê a nossa representatividade? Pense nisso: o PSOL tem 3 deputados federais, todos muito bons. Mas todos são homens.
Eu quero também ser representada por mulheres. Isso é pedir demais?

Anônimo disse...

Então você poderia fazer assim: para cada 4 mulheres que você indica, você também indica um homem feminista. Assim as coisas se equilibram. Isso é pedir demais?
Quem está dizendo isso não sou eu, as próprias feministas de vanguarda concordam comigo, veja:http://www.vanityfair.com/vf-hollywood/2014/09/emma-watson-un-speech-feminism

O que é mais valioso? Transformar uma mulher em feminista ou transformar um machista em feminista?
Eu digo isso porque eu faço parte do movimento negro. Muito mais poderoso que colocar ódio na cabeça de um irmão negro é ensinar um racista a respeitar pessoas de cor. Mas pra fazer isso eu preciso sair da minha toca.
As pessoas que vêm aqui e frequentam seu blog já são feministas, e você parece gostar de se esconder nesse clubinho. Isso é ULTRAPASSADO. Não se constrói mais nenhum movimento assim, não se derruba sistemas assim.

Fabiola de Oliveira disse...

Lola: Hoje vou de Maria do Rosário e Manuela, mas tb temos a Fernanda Melchionna para deputada estadual (50500) aqui no RS. Para Presidenta eu super vou de Luciana Genro!!

lola aronovich disse...

Pelamor, anon. Quando tivermos 50% de mulheres na política, aí sim eu indico um homem pra cada mulher. Mas, enquanto nosso Congresso não tiver nem 9% de mulheres, não voto mais em homem pra deputado estadual ou federal, apesar de existirem nomes excelentes.
Eu também concordo com o discurso da Emma Watson. Aliás, é o discurso que venho fazendo há anos. Pra mudar o mundo, precisamos dos homens. Mas precisamos também das mulheres. No momento, o Brasil é número 131 na lista de países em matéria de representatividade de mulheres. É vergonhoso. Mudar isso é prioridade. Aliás, se vc entende o discurso da Emma Watson, verá que ela está também indiretamente falando pra homens votarem em mulheres, pra se envolverem em "assuntos de mulheres", pra serem feministas, pra ajudarem a criar a igualdade de gênero.
E meu blog não é lido apenas por feministas. Eu recebo montes de emails dizendo que era preconceituoso antes de conhecer este e outros blogs, e que hoje é feminista. Se vc conhece meu blog, verá que eu nunca digo que feminismo é um clubinho seleto onde homens não entram. Inclusive, várias feministas radicais me criticam por causa disso.

Anônimo disse...

"O certo, se existisse igualdade, seria 50%. "
É sério isso?? Sério que ninguém viu nada errado neste argumento??

Julia disse...

To indo votar em 5 feministas agora.
Bjus, Brasil!

Anônimo disse...

Senti falta de Alice Portugal (Dep. Federal -BA) e Jandira Fegali (Dep. Federal -RJ) que junto a Jô Moraes, Manuela D'Ávila, Luciana Santos que foram citadas empenharam firmemente as bandeiras dos direitos das mulheres! A bancada federal do PCdoB é a que dava maior protagonismo às mulheres,onde Manuela e Luciana já forma lideres do partido, além de liderar comissões importantes como a de Cultura por Jandira...

Sara disse...

vou lá fazer meu papel nessa farsa armada por esses politicos e comprada com todo o tipo de corrupção e medidas eleitoreiras, para q eles continuem no poder ad eternum, e com toda fachada de legitimidade, ja lutei contra uma ditadura e vou lutar contra essa tb...

Anônimo disse...

Lola, sou o das 9:27 (não o das 10:17).

Seu argumento faz sentido sim :) Não é pedir demais! Mas quero crer que em poucos anos a representatividade feminina aumente sim, e que tenhamos todos lutando pelo direito de todos!

Embora tenha votado em candidatos homens, um deles sendo o Jean, estou na torcida pra nossas candidatas feministas também, especialmente pela Ivone Pita e pela Jandira Feghali! Confio no teu gosto, até pra política!

E estamos juntxs!

Anônimo disse...

Lola, obrigada pela lista! Aqui no RJ está extremamente difícil encontrar candidatas feministas ): Para os cargos que não encontrei - senador, governador e dep. federal (maioria dos cargos e de maior relevância)- vou votar por ideologia, no PSOL. Mas acredito que ainda que estejamos em uma posição minoritária, é importante demonstrar apoio aos candidatos que levam nossa bandeira, já que é só assim que podemos fortalecer nossa representação. Enfim, se há poucas mulheres feministas, no mundo da política, nesta fase de candidatura, imagine no congresso, eleitas efetivamente. Temos que mudar isso, Lola! Por isso eu entendi exatamente a sua mensagem com essa lista. Não se trata de excluir candidatos homens com pauta feminista, até porque eles serão votados de qualquer maneira, por total impossibilidade de se votar em uma candidata mulher, feminista, que é uma categoria quase inexistente e ainda insipiente. Ah, desculpe, não ia dizer isso, mas perdi a paciência dessa vez lendo os comentários... não aguento mais esse mimimi e chororo iuzomista... É sempre assim: "mas iuzomi??"! "Uzomi" são a maioria esmagadora na política e em todos os meios do qual podem continuar a extrair benefícios para o gênero. A verdade é que este blog é um dos poucos espaços que temos para discutir sobre as opressões e violências de que somos vítimas todos os dias, em todos os momentos e lugares. Se quisermos mudar isto, é fundamental discutir a representatividade feminista e votar em candidatas, mulheres, feministas, que sentem na pele os suplícios a que somos submetidas e silenciadas. Desculpem, mas parece que tão somente ter empatia não está sendo suficiente. #prontofalei

Anônimo disse...

Eu falei "para cada 4 candidatas feministas, você poderia incluir 1 homem feminista".
Quem falou em 50% foi você, você já deturpou o que eu disse. No seu blog você indicou 100% mulheres cis ou trans.
O que você escreveu está aí, cabe as suas leitoras julgarem, elas são inteligentes e vão saber enxergar quem está defendendo hegemonia e quem está defendendo igualdade.
Você conhece a série "The Community"? Sugiro que você assista ao episódio: "Aerodynamics of Gender".
A fraternidade só vira igualdade quando todos são permitidos participar dela. Basta você excluir uma pessoa para ela virar discurso de ódio.

Mari Lee disse...

Aqui em São Paulo votei na Misa Boito (13031) para deputada estadual e na Erika Kokay (1331) para reeleição como cargo de deputada federal. Ambas são feministas e apoiam os direitos da comunidade LGBTT.

lola aronovich disse...

Anon das 10:49, foi mal aí, não conhecia o trabalho de Alice Portugal (PCdoB - Bahia). Claro que ela merece estar na lista! Já a incluí. Agora, a Jandira Feghali já estava lá, vc que não viu direito. Não sou do Rio, mas ela é muito conhecida, e há muitos, muitos anos.


Anon das 10:30, em vez de falar "É sério isso? Sério que ninguém viu nada errado nesse argumento?", porque vc não explica, de forma educada, o que há de errado no argumento? Se não fica parecendo que vc só tá querendo trollar.

Patty Kirsche disse...

Você se esqueceu da Arielli Tavares Moreira 16000.

Anônimo disse...

Não sou feminista mas antes políticos feministas do que esses políticos religiosos querendo impor uma teocracia e atrasar tudo. Votaria em feministas só pra me proteger deles, se não houvesse mais escolhas.

Rodrigo disse...

Infelizmente eu fui votar antes de ver a lista. Sou de SC e teria votado na Ana Paula, mas votei na Joana Angelita (estadual) e na Suzane Lima (federal), ambas do PT.
Pena que eu não consigo fazer com que ninguém aqui de casa entenda a importância disso (exceto minha mãe), fazer o que...

Rodrigo Antonio Toso disse...

Errata pequena, mas acho importante apontar: a Professora Sandra, do Mato Grosso, está concorrendo como candidata a deputada federal, não estadual. :-)

Juliana disse...

Ai que raiva, acabei de votar! Votei em legenda.O problema é que dessas candidatas ak do AM, eu conhecia algumas daquela lista do facebook, mas não achei em canto nenhum, suas propostas,só dizia que elas são feministas...eu acredito mas queria ver seus projetos.
Anon que citou Community, colega a série já fez várias referencias toscas sobre feminismo, e nesse episódio as garotas se comportam como se estivessem em um clubinho contra machinhos. Normal, é assim que o senso comum(ignorância) vê o feminismo. É como aquele episódio que a Britta acha que acompanhar as amigas ao banheiro é uma atitude feministazzzz.
Não dá pra usar a série como referência de jeito nenhum.

Karina disse...

Aahh Tava querendo tanto esse post <3

Julia disse...

Cê ta de sacanagem, né?

Patty Kirsche disse...

Bom, já votei:

Isa Penna 50083
Rachel Moreno 1317
Eduardo Suplicy 131
Alexandre Padilha 13
Dilma Rousseff 13

Meus pais vão usar minha colinha, mas minha mana queria distribuir as deputadas entre PSOL e PSTU. Aí eu indiquei pra ela a Arielli 16000 e a Mariana Conti 5088.

Sinceramente, espero que todas essas deputadas sejam eleitas. Dói no coração ver o pessoal chegando sem candidato à escola e aceitando votar aleatoriamente no primeiro santinho que recebe. :(

Evelyn Perez disse...

Está complicado essas eleições, não temos tanta representação feminina, nem tanta opção, foi difícil escolher Governador e Senador pra São Paulo por exemplo, em meio a tantos candidatos que fizeram pouco ou candidatos contraditórios. Estou tentando votar em feministas, mas temos poucas opções e não me simpatizo tanto com a frente esquerda pelo fato de que na teoria tudo é muito bonito, mas na prática não existe nenhum país que a esquerda funcione tão bem, prefiro votar em centro-direita, ou uma direita mais liberal, pois também não concordo com o Estado interferir na escolha individual. Hoje a economia de direita é mais válida, pois praticamente o mundo inteiro é capitalista, infelizmente sempre vai ter pessoas com mais renda que as outras, cabe a nós ajudarmos o próximo e tentar compensar essas injustiças individualmente, acho muito difícil o estado fazer esse trabalho. =/

Anônimo disse...

Falar uma porcentagem específica é absurdo, é normal que exista uma uma diferença numérica, colocar 50% como um ideal para a igualdade é absurdo.
Sei que a discrepância entre população feminina e candidatas é grande, só que se tivéssemos realmente igualdade, poderiamos ter 40% de mulheres e 60% de homens, ou até 57% de mulheres e 43% de homens, a ambos os resultados não significariam algo errado, pelo contrário, só conseguiríamos ser metade cravada, se tivesse algum tipo de controle, mas nesse caso, isso feriria nossa democracia...

O Anon das 10:30

Evelyn Perez disse...

Vou votar em Damaris Moura para Deputada Federal em SP, ela é presidente da OAB em liberdade religiosa. Antes que me critiquem pelo título 'liberdade religiosa', a liberdade religiosa protege a não crença também, já que estado laico não é ateu. Achei interessante que ela protege minorias e também tem um combate forte contra a violência doméstica. Vi uma palestra dela e achei super legal, já que ela também falou que tem algumas coisas que discorda da bancada religiosa, já que a religião não pode nos obrigar nas escolhas individuais. Espero que ela ganhe =D

lola aronovich disse...

Patty, querida, vai doer muito ver o Suplicy deixar o Senado, depois de tantos anos. E ainda por cima vão colocar o Serra no lugar! Argh! Tenho grande admiração pelo Suplicy. Inclusive, eu tive uma bandeira do PT autografada pelo Suplicy, acho que em 1989. Ah, adicionei o nome da Arielli pra lista. O rosto dela e muito familiar, eu devo ter visto a menina no 1o Congresso do Movimentos Mulheres em Luta.


Anon, quando a participação da mulher na política chegar aos 40% (algo que provavelmente não vai acontecer durante a minha vida, a menos que tenhamos voto em lista alterando gênero, ou algo assim), aí a gente conversa se 50% é absurdo. Por enquanto, o que me parece absurdo mesmo é 9%, que é a nossa realidade. Então 50% é um ótimo parâmetro pra mim.

Anônimo disse...

A Lola já desenhou que entre um homem feminista e uma mulher feminista vai preferir a mulher feminista, porque homens já são 91% no congresso.
E ainda tem gente que não quer entender...
Outro dia vi um desses exemplares masculinos no face da Clara Averbuck e a falta de noção era a mesma.
O cara se sentia injustiçado porque queria fazer parte de um conselho que discutia problemas de mulheres, tinha só umas cinco vagas e ele exigia que uma das vagas fosse dele, ignorando que mulher já é pouco ouvida e dessa forma estaria retirando a chance de uma mulher feminista ter a sua chance.
Não entendo esses homens "feministas" que não enxergam o apagamento feminino histórico e ficam jogando pedra em feminista que não quer dar palco pra ele.
No fim das contas, fazem o mesmo serviço que muito machista por aí.

Anônimo disse...

Lolinha, você é PTista é ???
Beijo no coração, e desde já muito obrigada.

Anônimo disse...

É exatamente o contrário. A Britta não vai ao banheiro com as meninas porque ela acha que isso é atitude de mulher machista. Como ela é feminista, ela não acompanha essas atitudes que a sociedade diria que são "típicas de mulher".
No final, ela se rende e vai ao banheiro porque uma amiga estava precisando dela. O moral da história é que não precisa seguir um padrão para ser feminista. O mais importante é ser solidário com os outros. Se ser feminista significa abrir mão da solidariedade, então você está no caminho errado.

A série critica todos os esteriótipos modernos: a cristã, a esquerdista, o nerd. Ninguém escapa.
Feminista não é santa. Feminista também pode ser esteriotipada. Por isso, fiquem atentas, vocês podem estar caindo num esteriótipo.
Quanto mais você se acha imune a um esteriótipo, mais isso é sinal de que você se encaixa perfeitamente nele.

lola aronovich disse...

Anon das 15:25, não, não sou petista. Quero dizer, nunca fui filiada ao PT ou a nenhum outro partido. Mas sou eleitora do PT (e também de outros partidos de esquerda) faz muito, muito tempo. Minha juventude está muito associada ao PT. Eu nunca batalhei tanto em alguma campanha como em 89 por Lula. Eu fazia panfletagem por minha conta e risco. Aliás, eu que fazia os panfletos. Naquela época fui a muitos comícios, inclusive fui sozinha (eu morava em SP) pro Rio pra participar do comício da Candelária, que reuniu Lula e Brizola (que eu também admirava muito antes d'ele ser contra o impeachment do Collor). Naquela época não existia militante pago do PT. A gente comprava a bandeira, a camiseta, a estrelinha... Muito diferente de hoje. Era um outro partido. Lula era uma outra pessoa (é só ver as imagens dele na época -- ele nunca sorria!).
QUASE conseguimos chegar lá em 89. A diferença no 2o turno entre Lula e Collor foi minúscula. Mas pro PT ganhar em 2003 teve que se comprometer bastante. Eu me lembro do pessoal decepcionado já em 2003. A gente lutou durante 20 anos pra eleger um partido de esquerda e já tinha gente de esquerda dizendo "não voto mais no PT" após poucos meses de governo!
Tenho sérias dúvidas se algum dia os outros partidos de esquerda conseguirão ganhar uma eleição pra presidente...

Anônimo disse...

Fiz minha pesquisa aqui, no Vote numa Feminista e no #voteLGBT: Todd Tomorrow, Mariana Conti, Suplicy, Padilha e Luciana (voto de protesto e reconhecimento - ela conseguiu chegar a um nível de popularidade muito bom, apesar dos pesares - daqui a 4 anos, Luciana poderia vir como candidata ao senado, seria demais e pavimentaria o caminho pra presidência.)

Segundo turno é Dilma, sem dúvida.

Anônimo disse...

Vote em uma feminista/mulher,isso é sexismo e ponto.
Quer combater sexismo com sexismo.
Se fosse o contrário seria machismo e sexismo.

E votar somente em feministas? Quer dizer que as outras mulheres cagam e andam para os problemas femininos? Tenha dó!

Patty Kirsche disse...

Puxa Lola, nem me fale... 24 anos de senado e tirar o Suplicy pra colocar o Serra... São Paulo é o Texas do Brasil, não tem o que dizer.

A Arielli é aluna da FFLCH e faz parte do DCE; é bastante engajada. É bem provável que você a tenha visto mesmo.

Sobre as eleições de 1989 só posso dizer que o Collor ter sido eleito foi um crime contra a humanidade. O Lula tinha que ter sido eleito ali, mas não foi por causa do terrorismo sobre "comunismo". Aff... No final o dinheiro de todo mundo foi confiscado, e o Brasil passou por aquele arrocho infernal. Engraçado porque o Collor dizia que o Lula ia confiscar tudo, que coisa...

Anônimo disse...

É, Lola, infelizmente o PT já não pode mais ser chamado de partido de esquerda (na minha humilde opinião).
Apesar de não gostar mais do PT, eu votei no Suplicy, gosto muito dele!É realmente muito triste que o Serra é que vá ficar no senado!
Entre as mulheres que você indicou para votar em São Paulo, relato com orgulho que votei na Luisa Erundina!

Anônimo disse...

Na Dilma eu não votei nem a pau!O que ela fez de melhorias concretas para o Brasil?Eu votei sim foi na Marina, com certeza ela representa muito mais o povo brasileiro do que a Dilma!
E, Lola, se você afirmou que se decepcionou com a Dilma, por que votar nela outra vez?

Anônimo disse...

rsrsrsrsrsrs
Sexismo não é a gente ter menos de 10% de mulheres no congresso.´
Sexismo é a gente querer votar em mulher pra poder mudar essa situação, segundo uma pessoa aí em cima.

Cada vez mais orgulho de ser feminista, porque quem não é, solta umas pérolas como essa...

vivian disse...

É óbvio que tem que indicar mulheres!
Por mais mulheres - pelas mulheres - na política.

Já existe um lugar onde os homens tem 91% da representatividade, e se chama REALIDADE.

Mas que reclamação sem fundamento, caramba.

Está certíssima Lola! Duas deputadas tiveram meu voto, além da Luciana, claro! Agradecidíssima pela tua lista =)

Anônimo disse...

Lola, não sei se já falaram aí (é muito comentário pra ler), e sei que não tem como vc saber da realidade de todos os estados.

Mas olha, eu sou paraense e a Ana Júlia já foi governadora aqui. O governo dela foi tão ruim, tão ruim, ela quebro o estado de tal maneira que nem os petistas votam mais nela.

Mas ó, você esqueceu da Marinor, mulher, do PSOL e já mostrou várias vezes que luta pelas minorias. Não sei se ela se auto denomina feminista, mas a luta dela é sim pelas mulheres e minorias.

Foi nela que eu votei hoje :)

Anônimo disse...

Daqui a 4 anos não tem eleição pra senador, o mandato é de 8 anos. Se a Luciana quiser, se candidata a deputada ou governadora do RS.

Anônimo disse...

Veja como é hoje e como ficará a composição partidária da Câmara dos Deputados a partir de 1o de fevereiro, data de início da nova legislatura.

Partido – Número atual de deputados – Total de eleitos

PT – 88 – 70
PMDB – 71 – 66
PSDB – 44 – 55
PP – 40 – 37
PSD – 45 – 37
PR – 32 – 34
PSB – 24 – 34
PTB – 18 – 26
DEM – 28 – 22
PRB – 10 – 20
PDT – 18 – 19
SD – 22 – 16
PSC – 12 – 12
Pros – 20 – 11
PPS – 6 – 10
PCdoB – 15 – 9
PV – 8 – 8
Psol – 3 – 5
PHS – nenhum – 4
PEN – 1 – 3
PMN – 3 – 3
PTN – nenhum – 3
PRP – 2 – 2
PTC – nenhum – 2
PSDC – nenhum – 2
PRTB – nenhum – 1
PSL – nenhum – 1
PTdoB – 3 – 1

Anônimo disse...

Manoela e Maria do Rosário se elegeram. =)

Anônimo disse...

Anonimo Disse:
"Daqui a 4 anos não tem eleição pra senador, o mandato é de 8 anos. Se a Luciana quiser, se candidata a deputada ou governadora do RS."


Eleição para senador tem a cada 4 anos.
Nestas eleições foram escolhidos 1 por estado e na próxima serão escolhidos 2.



Anônimo disse...

Vai ter post sobre essa nova classe média que agora se acha rica e está votando em partidos de direita, ao menos até o Aécio ferrar com eles novamente?

Anônimo disse...

"Vai ter post sobre essa nova classe média que agora se acha rica e está votando em partidos de direita, ao menos até o Aécio ferrar com eles novamente?"

Que bom que você já está considerando o Aécio como presidente.

Anônimo disse...

a classe média viaja na maionese.... Seria um bom tema para post

Anônimo disse...

Cris disse:

Comentando só para apoiar o anônimo
6 de outubro de 2014 11:28.

" Vai ter post sobre essa nova classe média que agora se acha rica e está votando em partidos de direita, ao menos até o Aécio ferrar com eles novamente?" ²

DEATH ADDER disse...

''Vai ter post sobre essa nova classe média que agora se acha rica e está votando em partidos de direita, ao menos até o Aécio ferrar com eles novamente?''

tem classe media que conseguiu comprar apartamento na barra(elite do rio), tu acha que quem é proprietario de um apartamento de 2 milhões vai querer comunismo e perder o direito de lucrar com um aluguel por exemplo? voce é inocente demais. eu tenho multiplas personalidades mas se tem uma coisa que eu nunca fui é ser comunista. eu sou eu, sou um individualista e egoísta. penso em mim e dane-se os outros.

comunismo é lixo mesmo. sigo o pensamento de lavey. comunismo é a mentalidade dos escravos inferiores. e pra quem me conhece pessoalmente, eu vou logo dizendo que naõ acredito em doenças psíquicas, comigo naõ tem essa de vitimismo. odeio nazismo, nietzsche e comunismo. minha filosofia de vida é egoísmo puro e ódio a todos, eu não preciso da companhia das pessoas, eu busco apenas prazer só isso. seria terrível se a favelada do morro fosse morar na minha casa, como acontece em cuba.

o mundo é cada um por si. se voce feminista comunista, não percebe isso, voce é inocente demais ha ha ha.

Verô! disse...

Foram eleitas para federal:

Erika Kokay
Alice Portugal
Moema Gramacho
Luiziane Lins
Jandira Feghali
Maria do Rosário
Luiza Erundina
Luciana Santos

Oito, não é o ideal, mas o resultado não é tão ruim. Talvez eu tenha deixado passar alguma, então vale conferir outra vez. Também não conferi para as deputadas estaduais...

Ah, o PSOL elegeu cinco deputados federais, todos homens, mas com certeza aliados!

Mas infelizmente, em termos gerais, nosso congresso continua muito conservador :(

Ana Fernandes disse...

Lola, francamente não acredito nessa onda de direita que estamos vivendo...parece que ao inves de irmos em frente, nós estamos recuando cada vez mais. Eu estudo medicina, numa faculdade particular com bolsa PROUNI de 100%, e vejo colegas também com bolsa ou FIES votando em PSDB.. Eu me sinto diariamente sem voz, mesmo no facebook eu temo dizer o que eu penso (tenho que manter em segredo que voto no PT, q voto na Dilma) se eu não quiser ser atacada por todos os lados (mesmo professores)...Eu não sei mais o que fazer...sinto que a cada dia me acovardo mais, eu não pertenço àquela faculdade (cheia de facistas, mimados, odiosos), e mesmo assim me calo diante das asneiras, me calo por medo, e isso me consome. Queria ter coragem de falar o que eu penso...

Anônimo disse...

A classe média sonha em ser rica. Infelizmente, poucos são investidores honrados e conscientes, a maioria é um bando de gastões exibidos que quer comprar carro e apartamento a prazo para ostentar.


Eu sou o verdadeiro classe média bacana consciente, poupador que ajuda o povo pobre ao ficar cada mês mais um pouquinho rico.

Pretendo estudar para concurso e ganhar muito mais, comprar casa de aluguel, mas sem comprar carro e sem ostentar.


Como meu desejo sexual é hiperpoderoso, eu sei que ajudarei a todas as mulheres a ter mais orgasmos com minha performance fantástica na cama.

Se as feministas apoiam as lésbicas devem também apoiar os homens e mulheres heteros que tem o desejo sexual hiperpoderoso e que tem o direito de fazer mais sexo.


Anônimo disse...

Deveria haver mais discussão sobre toda a sociedade, sobre nossa cultura, sobre os impostos, sobre os meios de comunicação, sobre o preconceito dos que acusam os outros de preconceito.


Muitos homens sonham com mulheres bissexuais, mas ficam com medo de propor isso às parceiras, por exemplo. Muitas mulheres têm desejo sexual hiperpoderos e sofrem preconceito das próprias mulheres. Em outros casos, algumas mulheres gostam de ofecerer aventuras aos maridos e não podem ter com quem conversar.


O que se nota no espectro político do Congresso é que há pouco incentivo ao sexo vigoroso, não há projetos de lei, nem discussão sobre ajuda a pessoas com mais energia.

Vivemos a ditadura dos brochas e das frígidas.

Crl disse...

Oh Maionese (DEATH ADDER), senta lá vai. Não é porque você é egoísta e o caralho a quatro que quer dizer que o resto do mundo também é. Sobe um pouco esses olhos e perceba que seu umbigo não define o funcionamento do universo.

Cão do Mato disse...

"São Paulo é o Texas do Brasil"... Como pegam no pé de São Paulo, hein? E o Rio, que elegeu Bolsonaro, como deputado mais votado do Estado?

Anônimo disse...

O bom individualismo pode produzir alguns ganhos para a sociedade. Se todos agirem bem e pensarem mais, nascerão menos crianças, por exemplo, haverá mais vagas nas escolas, haverá mais tranquilidade.


Anônimo disse...

Faltou a Dayse do PSTU Rio de Janeiro. Votei nela e na Patrícia Santiago como deputada estadual. Por que não colocaram a Dayse na lista? Ela é negra e feminista e manda super bem, tem ótimas idéias, sinto falta até nas comunidades feministas como indicação para voto, não vejo ela sendo citada. Mas agora já foi, fica para a próxima a dica no RJ

Anônimo disse...

São Paulo tem muitos playboys e candidatos a playboys que só olham para as Ferraris, uns burgueses bocós que se acham os mais poderosos do Brasil.


Muitos paulistas babacas acreditam que o país deve alguma coisa a eles. Como o Rio debocha e tá pouco se lixando por termos a praia urbana mais bonita do mundo, ipanema, eles ficam mordidos.


A tendência do Brasil é haver polarizações na Direita e na Esquerda, por isso as eleições devem ser muito disputadas daqui para a frente.

E o Bolsonaro quer ser candidato a presidente. Imaginem ele como o fundador de uma dinastia com osBush, nos EUA....


De outro lado, no verdadeiro poder, a mídia, temos a Globo apoiando os gays e o aborto, timidamente no jornal, para concorrer com a REcord do Bispo do Dinheiro. O Brasil vai ver mudanças.

Anônimo disse...

Alice Portugal foi reeleita! :)

Domingos Tavares disse...

@Cão do Mato
Mas São Paulo - entre outros candidatos - elegeu:

- Marco Feliciano (quase 400 mil votos)
- Tiririca (mais de 1 milhão de votos)
- Celso Russomano (o mais votado, com 1,5 milhões de votos)
- Eduardo Bolsonaro (filho do Jair Bolsonaro, com mais de 80 mil votos)

Por último e não menos importante:

- Paulo Maluf (com mais de 200 mil votos), que foi barrado pela lei do ficha limpa e os paulistas votaram nele mesmo assim.

Como não pensar que paulista vote mal?

Anônimo disse...

Desculpa Lola, mas quando vi a Ana Paula Lima na sua lista de Santa Catarina, chorei!
Ela e se marido (que é ex-prefeito da minha antiga cidade, Blumenau) fizeram e aconteceram na prefeitura. Roubaram a torto e a direito e nada foi feito. A cidade entrou num estado de decadência bem crítica. Grandes indústrias deixaram de investir lá por má gestão da prefeitura.
Não é pq ela é mulher que é uma boa candidata. Se informe antes, na boa.

Adriana A.

Domingos Tavares disse...

@Mari Lee
Aqui em São Paulo votei na Misa Boito (13031) para deputada estadual e na Erika Kokay (1331) para reeleição como cargo de deputada federal. Ambas são feministas e apoiam os direitos da comunidade LGBTT.

Mas a Erika Kokay não era candidata à reeleição no Distrito Federal?

E ela inclusive foi reeleita. BTW, eu votei nela e sou do quadradinho do planalto central.

Anônimo disse...

Acho que os paulistas trabalham muito e não conseguem ter tempo para um sexo hiperpoderoso e cheio de vigor, podem ver que no Rio e nos outros estados temos mais orgasmos e mais felicidade.

Anônimo disse...

Ana Fernandes,

na UFF passo (passamos) exatamente o mesmo que você.Você não está só,infelizmente temos que encará-los.Não aceite gratuitamente os absurdos que vê e escuta.

Dá desânimo mesmo...

Anônimo disse...

Sudeste elegendo Tiriricas, Malufs e Bolsonaros da vida e ainda tenho que ler ofensas ao Norte e Nordeste por votarem mais em Dilma.

Anônimo disse...

"Que bom que você já está considerando o Aécio como presidente."

Infelizmente acredito que ele ganha. Acho que eu não seria muito afetada, mas meu lado obscuro quer muito ver a cara desse pessoal ao se lascar quando o PSDB voltar ao poder.

E eu respeito mais o maluco que disse que vota no Aécio porque é melhor pro umbigo dele do que quem grita DITADURA PETRALHAAA MORTE AO PTTTT QUALQUER UM MENOS O PTTT GAAAAAH (90% dos eleitores do Aécio) sem ter nem ideia de como é um macaquinho de circo amestrado.

normalidaderealidade disse...

Votei na Xenia! :)


Ah, eu sou estudante, bolsista de federal, e eu estou tentando explicar pra minha família que, se eu cheguei onde cheguei, com certeza não foi pelo PSDB. Meus amigos também. Aécio não diz nada sobre educação, puxa vida. Nós, estudantes, precisamos de um sistema que continua se expandindo - e olha que você tá ouvindo isso de uma estudante que, na graduação, protestou contra o REUNI (não por querer que educação fosse um privilégio, mas por preocupações com a infra-estrutura). Agora é o REUNI que possibilita que eu viva a vida que levo.

Eu preferia um governo mais à esquerda? Claro. Mas não sou boba de achar que PT e PSDB são a mesma coisa.

Anônimo disse...

O PSDB vai ferrar o povo, anotem....

Anônimo disse...

Domingos Tavares,

Você só esqueceu de mencionar que Feliciano e Maluf são queridos aliados da Dilma, que tb é aliada de olha só, do Collor, ele mesmo. Não voto no Aécio nem morta, mas Dilma tá muito dificil de engolir tb. Acho que o PT precisa se repensar, pq o que essa eleição mostrou foi que 53% da população não acha Dilma a melhor escolha num primeiro momento (33% Aecio+ 20% marina)

Domingos Tavares disse...

@Anom das 17h16
O PSC saiu da base aliada do governo Dilma. Não antes de eles fazerem o estrago em 2013, mas o Feliciano - e seu partido - são da oposição hoje. Ou seja, são Aécio.

Já o Maluf e o Collor eu concordo com você. E tem toda a corja do PMDB junto, que eu acho difícil de engolir. Aliás, eu sempre disse que votar no PMDB seja contra a minha religião por causa das sujeiras deles. Tanto que minha escolha de voto para presidente foi bem fácil: Luciana Genro.

Mas o Aécio também não ajuda. Fora o fato de que o PSDB é o partido com mais candidaturas impugnadas, ele próprio é centro em alguns escândalos de corrupção. Aécioporto, o desvio de 4,5 bilhões da saúde em Minas, as concessões desenfreadas de benefícios fiscais, o envolvimento com a família Perrella, a censura sobre a imprensa mineira...

Não que a Dilma seja santa, mas ela me parece uma opção "menos pior de ruim", mesmo com o escândalo da Petrobrás, com os mensalões e com todos os escândalos que pipocam todos os dias na mídia e o apoio peemedebista e dos coronéis.

Penso em anular meu voto, mas quando penso nos anos de governo FHC e no que o próprio Aécio fez em Minas Gerais, até sinto vontade de votar na Dilma. E se for pensar que o Lobão vai sair do país se a Dilma for reeleita... É... Preciso votar na Dilma. =)

Anônimo disse...

vai a merda lola !!!
eu que escolho em quem eu voto, fique com a tua sujestão pra vc mesma.

Anônimo disse...

Ô, seu escroto, a Lola escreve o que ela quer aqui. O seu choro é livre, bebê.

Anônimo disse...

Sempre voto em deputados comprometidos com causas animais, mas me arrependi depois de ter votado em um deles. Vou considerar melhor da próxima, e, se não tiver certeza de que há candidatos comprometidos mesmo (porque é uma causa importante pra mim), vou votar, certamente em uma candidata feminista. Já votei na Luciana no primeiro turno, meu melhor voto na vida! E vou na Dilmão no segundo.

Anônimo disse...

para o odiador de paulista lá em cima:

bolsonaro nao foi eleito aqui tsá?
se informe direitinho tá bom? boa sorte!

pq odiar nordestino é feio, odiar paulista é cool, sqNUNCA. é escroto do mesmo jeito. aprendam a respeitar, e nao se adquire respeito formando um novo foco de ódio, transferindo de um para outro.

Anônimo disse...

Anônimo disse...

São Paulo tem muitos playboys e candidatos a playboys que só olham para as Ferraris, uns burgueses bocós que se acham os mais poderosos do Brasil.


Muitos paulistas babacas acreditam que o país deve alguma coisa a eles. Como o Rio debocha e tá pouco se lixando por termos a praia urbana mais bonita do mundo, ipanema, eles ficam mordidos.


A tendência do Brasil é haver polarizações na Direita e na Esquerda, por isso as eleições devem ser muito disputadas daqui para a frente.

E o Bolsonaro quer ser candidato a presidente. Imaginem ele como o fundador de uma dinastia com osBush, nos EUA....


De outro lado, no verdadeiro poder, a mídia, temos a Globo apoiando os gays e o aborto, timidamente no jornal, para concorrer com a REcord do Bispo do Dinheiro. O Brasil vai ver mudanças.


mais um paulista hater, o novo passatempos do braseooo, que rancor é esse fio? sabia que a maioria dos pualistas nem andam de ferrari? ficou surpreso? pois é, pq no mundo que eu vivo, paulista se fode muito, trabalha cerca de 10, 11, 12, horas por dia, passa umas4, 5, 6 no transito, impostos atras de impostos, o custo de vida nessa cidade é uma piada, naos ei que novela vc anda assistindo pra achar que a galera aqui é tudo playboy e vive de ferrari. ou que rancor é esse. tao ignorante qto esse povo que acha que todo nordestino nao trabalha.

entende? é tudo generalização burra, bacaca, odiosa, de gente que desconhece pessoas e a realidade, só reproduz oq a massa fala.

e mais uma vez, bolsonaro nem sequer foi eleito aqui. parem de falar tanta porcaria

Anônimo disse...


"São Paulo é o Texas do Brasil"...

Meu Deus, com essa, paro até de querer argumentar. é o povo que defende paz, amor, respeito bla bla
mas morte aos paulistas.

donadio disse...

"Aqui em São Paulo votei na Misa Boito (13031) para deputada estadual e na Erika Kokay (1331) para reeleição como cargo de deputada federal."

A Érika Kokay foi candidata (aliás eleita, com meu voto) aqui em Brasília.

Anônimo disse...

Viram ai a merda que fizeram com o brasil nessas eleicoes de 2014, né?

Agora aguenta. quero que dilma fique ate 2018 pra aprenderem a votar.