terça-feira, 11 de agosto de 2009

RECADINHOS

Hoje é aniversário de conhecimento meu e do maridão. Aniversário de casamento a gente nem comemora, porque não é importante pra gente e a gente só se casou porque foi obrigada (porque é mil vezes mais fácil mostrar um papel do que provar que você mora junto com uma pessoa faz um tempão. E eu queria que ele fosse junto comigo pra Detroit durante meu doutorado-sanduíche. Aí casamos no papel. Faz dois anos). O que a gente comemora é o dia em que se conheceu, que foi praticamente quando começamos a namorar. E isso foi em 11 de agosto de 1990 (já descrevi toda a história sórdida aqui). Ou seja, meu deus, dezenove anos juntos! Será que a gente chega aos vinte? E, chegando, ganha o quê? Um bolo de chocolate, pelo menos. Dos enormes. Mãe, espero que você esteja lendo e tomando nota. Torta de frango também é bem-vinda. AHÁ! Só lembrei agora, depois de ler os comentários, e escrevi lá, mas vou compartilhar com vocês aqui. Quando o maridão tava no torneio em SP, uns dez dias atrás, ele conversou com um amigo que é dono do site HumorTadela. E o carinha, que me conhece não sei daonde, disse que o maridão levou "a menina mais bonita do xadrez de SP pro Sul". Lógico que eu e o maridão achamos a declaração uma gracinha, mas ela prova como as pessoas são equivocadas. Primeiro: fui eu que trouxe o maridão, então o menino mais bonito do xadrez de SP, aqui pro Sul. Segundo: como assim, "a menina mais bonita do xadrez de SP"? Só de SP? Só do xadrez? Minha beleza nunca foi assim tão reduzida!
Mas na minha cabeça não tem lugar pra absolutamente mais nada no momento fora o concurso. É terça que vem. Só posso dizer que na terça que vem que vem (daqui a duas semanas) eu serei uma pessoa mais feliz. Passando ou não passando, eu não precisarei mais tentar guardar datas, nomes, movimentos, características, termos técnicos etc etc de quinze pontos na minha cabecinha modelo 386. Não cabe mais nada. Eu fui tentar pagar um jantarzinho com cartão de crédito e esqueci a minha senha. É assim que tá o negócio, a que nível cheguei.
As chances de passar no concurso realmente são parcas. Só tenho uma chance, na realidade. Seguinte: na prova escrita, serão sorteados três pontos. Um deles obrigatoriamente de Literatura, um deles de Linguística, e um terceiro que pode ser tanto de um como de outro. Minha chance é que sejam sorteados dois pontinhos de Literatura. Quaisquer dois entre os oito possíveis, nem escolho mais. Pode cair Movimento Literário Irlandês, o que for, que qualquer pontinho de Literatura é mais interessante que os de Linguística. Então, se sortearem dois pontos de Literatura, e um de Linguística, e eu for muito bem nos de Lit, quem sabe os julgadores sintam que minha prova, como um todo, foi passável. E aí vem a outra prova, a didática, a oral. E aí, obviamente, tem que ser sorteado um ponto de Literatura. Mas olha, passando pra segunda prova, eu já fico hiper contente. É isso: se eu tiver essa sorte toda, tenho chances. Se eu pegar dois pontos de Linguística na primeira prova, não passo pra segunda fase. Simples assim.
Há outros fatores também. Até agora, dos quinze pontos, só preparei oito. Preciso correr pra bolar os outros sete. E “preparar” significa apenas ter anotações e um esqueminha. Mas depois ainda preciso decorar cada esquema, porque na prova escrita não vão dar tempo pra gente rever as anotações. E preciso estar minimamente inspirada no dia. O pior é que é a prova escrita será às oito da manhã. Eu funciono muito melhor depois do almoço, à tarde. De manhã sou meio zumbi.
Eu ia tirar uma foto do meu banheiro pra mostrar pra vocês. Coloquei numa parede cinco folhas, com o resumo de cinco dos quinze pontos, pra que eu pudesse olhar praquilo toda vez que eu fosse fazer xixi (e eu faço muito xixi, porque bebo uns oito litros de água por dia). Mas não deu, o banheiro deve ser úmido, ou o durex é antigo. Só sei que as folhas não ficaram grudadas na parede, como eu queria. Estão em cima da mesa, e eu as levo pra passear comigo. Ridículo. Isso não é vida.
Minhas amiguinhas de Fortaleza: na quarta, dia 19, eu já estarei mais tranquila, e vou querer conhecê-las. Precisamos marcar um lugar. Alguma dica? (a partir desta data, ficarei num hotel próximo à praia de Meireles).
E o vocês me dizem sobre o concurso mais legal, o de blogueiras? Por enquanto, recebi pouquíssimas inscrições. Vamulá, gente! O tema é maternidade. Enviem sugestões de posts sobre este tema. E um selinho, por favor? Mas não vou ter tempo de ver isso esta semana. Vou ter que deixar pra quando voltar de Fortaleza.
O bloguinho continua totalmente normal, com posts todos os dias, pré-agendados. Não precisam sumir. E, claro, assim que eu tiver notícias do concurso, eu escrevo aqui. Só sei que quero minha vida antiga de volta!

23 comentários:

Amanda disse...

Liga não Lolita! Vai ser uma semana dificil, eu sei, mas o resultado vai ser positivo de qualquer forma. Se você não passar, vai ganhar experiência pro proximo concurso, vai saber como tudo funciona, vai conhecer todas as taticas. E de quebra seus leitores vão se aproximar mais de você. A gente vai pensar, ei, a Lolinha é gente como a gente! Ela também não passa em concursos!

Tina Lopes disse...

Parabéns pro casal! Já comentei que eu tbm não comemoro o casamento, né? pelos mesmos motivos q vcs. Ah, sabe que ontem eu encontrei a Srta. T aqui em Curitiba? Tomamos um cafezinho rápido, eu ela e a Anne. Depois sonhei com vc (de novo!), que tinha vindo ficar na minha casa pra fazer o tal concurso. Estou torcendo demais por vc, viu. Bjk.

Masegui disse...

Parabéns, CM! Cê vai diretinho pro céu, sem fazer curva!

Ah, parabéns procê também, Lolinha.

lola aronovich disse...

Ah, que fofos que vcs são! Obrigada pelo carinho.
Ha ha, Amanda, acho que já provei por A+B pra vcs que eu sou "gente como a gente". Aliás, num patamar bem abaixo que boa parte das minhas leitoras(es).
Tina, sonhando comigo de novo? Tá virando obsessão, hein? Obrigada pela torcida. Da próxima vez que eu for pra Curitiba eu me encontro contigo, prometo!
Mario, no fundo, no fundo, eu sei que vc acha que o maridão é o maior felizardo! Inclusive, esqueci de colocar uma coisa no post (Freud explica). Lá no torneio em SP, faz uns dez dias, Silvio conversou com o dono do blog Mortadela, que eu não lembro quem seja, mas parece que ele me conheceu pessoalmente quando eu morava lá, muitos anos atrás. E o carinha disse pro maridão: "Você levou a menina mais bonita do xadrez de SP pro Sul". Claro que eu e o maridão achamos a declaração uma gracinha, mas ela mostra como as pessoas são mal-informadas. Primeiro: fui eu que trouxe o maridão pra cá, não o contrário. Segundo: como assim, "a menina mais bonita do xadrez de SP"? Eu diria que do Brasil, quiçá do mundo!

Camila disse...

Lolinha,
vai dar tudo certo...vai cair dois pontinhos de literatura pra vc. Tenho certeza que vc vai tirar de letra essas provas e vai acabar nos abandonando pra morar naquele lugar "horrivel" que é o Ceará..
POr mais que eu não queira que vc vá embora, eu vou estar torcendo para que tudo de certo nas provas... Ah.. e parabéns para vc e o para o Silvio. Toda a felicidade do mundo para vcs...

um super abraço..

Snorks disse...

Oi Lola, acompanho seu blog há algum tempo, mas essa é a primeira vez que faço um comentário. E na verdade talvez seja um comentário meio chato hehehe. É que em um outro post que você falou sobre o concurso me pareceu que você minorizou um pouco a importância do currículo e da entrevista. Não sei como é o sistema nas federais, mas no concurso para professor da USP este é o ponto com o maior peso. As provas têm peso 1 enquanto currículo e entrevista têm peso 3. Isso ocorre na USP por um fator histórico que remonta à época da ditadura. Como muitos professores foram desligados por motivos políticos, a universidade decidiu instituir esse peso ao currículo para salvaguardar o retorno desse pessoal. O que era para ser provisório ocorre até hoje (como muitas das políticas institucionais da USP), e se tornou comum um professor com uma prova e aula muito melhores perder o lugar para um "papa-certificados".
De qualquer maneira boa sorte no sorteio dos temas! E aproveita a viagem.
Parabéns pra vocês!
Beijo.

Andrea Cristina disse...

Essa foi a melhor: "Eu fui tentar pagar um jantarzinho com cartão de crédito e esqueci a minha senha. É assim que tá o negócio, a que nível cheguei." Bahhhhhh!!! uahuahuahuaha

Toda a sorte do mundo Lola!!! Que caiam só os pontos de literatura mesmo!!!

Sheryda Lopes disse...

Ó meu e-mail: sherrylopesz@yahoo.com.br

Me manda um que seu tel que eu mando meu cel p gente tentar fazer alguma coisa. Quero demais conhecer vc! O maridão vem? Também quero assistir a aulinha q é aberta. Quando é mesmo?

lola aronovich disse...

Rapidíssimo: obrigada, Camila. Se for a Camila de Floripa, tenho muito que agradecer mesmo! Todos os textos que vc xerocou pra mim... Super thanks!


Snorks, puxa, que coisa isso que vc falou da USP. É, dar um peso tão maior pro currículo que pras provas é um jeito de “manter a panelinha”. Bom, eu acho, imagino, que geralmente o desempenho nas provas deve acompanhar o currículo: se o cara é fera, tem um super currículo, com muita experiência em sala de aula, muitos artigos publicados (ou seja, o oposto de uma recém-doutora como eu), ele deve se sair bem nas provas. Imagina, se vc já deu 5 anos de aula sobre, sei lá, Mood and Modality, será muito mais fácil escrever sobre isso na prova escrita, e lecionar isso na didática, que pra uma pessoa como eu, que acabou de ler seu primeiro livro sobre o assunto. Mas talvez, justamente por isso, o currículo e as provas deveriam ter o mesmo peso. Na UFSC, recentemente, houve um concurso. E uma das candidatas era uma professora aposentada que queria voltar a dar aula. Super fera, referência na área, sabe? Lógico que foi pra ela a única vaga. E acho que tudo tinha o mesmo peso. Por outro lado, a prova de títulos, quando se analisa o currículo, costuma ser mais objetiva que as outras provas. Uma publicação em periódico tal vale tantos pontos. É tudo por pontos. Ou seja, não tenho opinião formada sobre o assunto... (na UFC tudo tem o mesmo peso).

lola aronovich disse...

Obrigada, Andrea! Mas não tem como fugir: vai cair ponto de Linguística sim. Espero que seja um só. Minha cabeça tá toda embaralhada...


Shery, o maridão não vai não. Ele tem que trabalhar. É uma pena, eu bem queria que ele fosse. A aulinha aberta será na sexta, dia 21 – SE houver! Quero dizer, só dá aula quem passa na primeira prova, a escrita, na terça. A gente só vai ficar sabendo na quinta de manhã se passou pra prova seguinte (a didática) ou não. Claro que se eu passar da primeira prova estarei nas nuvens, e avisarei pra vcs dia e horário da prova didática. Ah, também dá pra assistir às aulas dos outros candidatos (bom, só o público pode ver a aula, não os outros candidatos). Acho que a leitura das provas, terça à tarde, também é aberta a todos. Não tenho muita certeza, é tudo novidade pra mim.

lola aronovich disse...

Cavaquinha, respondendo aqui: saudades de vc, rapaz! Sinto falta dos seus comentários. Tomara que vc possa voltar a aparecer por aqui.


Agora com licença, pessoal, que vou estudar. Ainda não preparei ponto nenhum hoje, e pelos meus cálculos, pra preparar todos, tem que ser 1,5 por dia! Mas hoje li um artigo muito interessante sobre – pasmem! - Mood and Modality, e vou tentar ver se consigo preparar um ponto pouco técnico pra prova. Tem muito de gênero no texto, dá muito pano pra manga pra análises feministas. Mais pra frente eu tento escrever algo em português pra colocar aqui no bloguinho, porque é muito legal mesmo! Infelizmente eles enchem de termos técnicos que, francamente.... (isso que eu fiz se chama ellipsis, por sinal).

=draupadi= disse...

puxa, não vou negar, a parte q mais me chamou atenção no seu post foi "bebo uns oito litros de água por dia"
????????
eu me esfoooorço pra beber mais de um litro, mulher!!!!

e, sorte, muita sorte na prova! Estamos na torcida!

Lolla disse...

Parabéns pelo aniversário do amor, que é mais importante que o casamento em si. :) Eu adoro estudar, mas nunca pra passar em concurso. Não sou uma pessoa competitiva e detesto ser testada, mas fazer o quê, às vezes é preciso. Nunca grudei folhas no banheiro, mas já dormi com folhas debaixo do travesseiro porque li em algum lugar que auxiliava na fixação (qualquer desculpa pra não ter que, efetivamente, estudar). Boa sorte!

Sobre a janela, ela se chama skylight por aqui (acho que dá pra traduzir como clarabóia em português). Só a Maluca sai por ela, porque é ágil e consegue pular (Chantilly é mais gordinha e menos, digamos, atlética). E sabia que você se enganou? Gatos comem chocolate, sim. Já vi vários casos. Viu só, mau gosto existe até mesmo no reino animal, haha. ;)

Inagaki disse...

Parabéns para o casal. E boa sorte no concurso!

Kaká disse...

Parabéns! Torcida para cair esses dois pontos de literatura não vai faltar. :)

Cristine Martin disse...

Parabéns aos pombinhos, muita felicidade e uma aprovação no concurso! Ah, e um bolo de chocolate enooorme....

Beijos e boa sorte na prova, Lola!

Juliana Bittencourt disse...

Feliz aniversário de conhecimento e muuuuuuuuuuuito boa sorte no concurso!!!

E se o teu processador é 386, o meu é 286 (que por acaso é bem da época em que eu nasci)...

Somnia Carvalho disse...

Lolaaa,

haha... voce e toooom engraçada Lola!

para voce nao se sentir assim a criatura pior do mundo entenda que eu estou no nivel de voltar 5 a 6 vezes para pegar algo que esqueci de por na bolsa, todo santo dia, toda santa vez que saio...

Bom, sobre o concurso eu te desejo SOOOOORTE na escolha dos temas ai que vc possa cair com Literatura! Simmm! mas tenho ja certeza que vai rolar, to sentindo assim uma vibracaooooo!

e parabens pelos 19 anos! uau! 1990 foi um ano dificilimo pra mim... perdi 3 amigas... e veja so que pra voce havia sido de tanta mudanca!

beijoca e vou agora ver o concurso. Andei a semana toda viajando e to atrasada de novo!

Somnia Carvalho disse...

Lolaaaa,

aiiii que eu to tao emocionada!!!

acabei de ver o brabuleta na sua lista de "frequento sempre"

oi oi oi oi que presentao para o meu dia.

nem sei o quanto voce frequenta sempre, mas to super agradecida.

Voce e seu bloquinho sao meio viciantes. Eu as vezes nao tenho tempo pra passar em nenhum outro blog mas nao deixo de clicar aqui, nao e loucura! isso porque voce tem sempre novidades, sempre um causo, sempre uma ideia boa!

a-do-ro!

beijos e la no concurso, uma suuuuuper dica ultra mega espetacular: para relaxar, sente-se na cadeira e cruze as pernas. Isso e serio, um cara entendido no assunto certa vez deu uma palestra.

Cruze as pernas antes da aula e coloque as maos sobre as suas pernas. Feche os olhos e inspire contando ate 10 profundamente... expire bem devagar contando ate 20 (isso ja e coisa minha que aprendi no yoga)... a expiracao longa e a responsavel pelo relaxamento...

faca isso e a energia permanecera em voce, nao escapara e nao lhe deixara vulneravel...

isso se voce for o tipo que acredita em energias e tal... mas como voce sempre tem a sorte de encontrar bichinho de fruta, chocolate em tudo eu acho que com a respiracao o resto ta tudo garantido.. voce tera muita sorte!

beijsss

Giovanni Gouveia disse...

Felicidades aos pombos enxadristas...
Lola, minha vibe vai no sentido que vão cair 3 pontos sobre literatura, e todos sobre o rapazinho inglês que escreveu sobre gastronomia ("Homelete")

Somnia Carvalho disse...

Looola,

seguinte: lendo seu post sobre o concurso acabei meio que ficando inspirada. Comecei uma tela e já to quase acabando com o tema maternidade... não é nada demais e nada de novo.. eu queria mesmo pintar minha cunhada com meu sobrinho que nasceu esses dias e era prematuro... ja tava com a idéia na cabeça.

Bom, eu to fazendo pensando no selinho, caso alguem nao ofereca uma ideia melhor e diferente.

Terminando e eu gostando do resultado eu te mando e vou tentar inserir os dizeres do concurso na imagem... mas me manda seu email de algum jeito para eu primeiro passar para uma aprovacao, ok?

bjs

Adriana Calábria disse...

Lolinha
Parabéns pra vcs!
Eu pensei que só era eu quem colava folhinhas nos lugares mais insólitos rsrsrsrsrs!
No vestibular, eu colei espanhol por toda casa. Havia uma folhinha até no tanque de lavar roupa.
Nos últimos concursos foi um tal de direito administrativo e constitucional pela casa inteira...
Tudo passa, Lolinha! Mais uns dias e essa pressão toda vai ser coisa do passado.
Bjssss

Mi disse...

http://graphjam.com/2009/07/23/song-chart-memes-study/

presente pra ti, em homenagem ao concurso. LOL!