sábado, 28 de março de 2009

RIR PRA NÃO CHORAR?

Eu nunca coloco aqui algo tão longo que peguei de outro lugar, mas esta entrevista está tão engraçada (se não fosse trágica) que não pude resistir. Vi ontem no blog do Luis Nassif. Ele pegou da Folha. É que, pouco tempo atrás, nosso ex-presidente FHC criticou os funcionários-fantasmas do Senado. E Mônica Bergamo foi atrás e, depois de muitas tentativas frustradas, conseguiu falar com uma. Logo a filha do FHC, Luciana Cardoso, que é secretária parlamentar. Meu comentário favorito entre os mais de cento e poucos no blog do Nassif é um que diz "Assim o Otavinho enfarta", referindo-se a Otavio Frias Filho, dono da Folha. Pois é, que chato um jornal que acabou de inventar que a ditadura militar brasileira foi uma "ditabranda" e que, como toda a grande mídia, está em campanha para a eleição do Serra em 2010, dar tanta munição ao inimigo. O inimigo parece ser a gente, o povo brasileiro.

"O Senado é uma bagunça" - Mônica Bergamo

Funcionária do Senado para cuidar “dos arquivos” do senador Heráclito Fortes (DEM-PI), Luciana Cardoso, filha do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, diz que prefere trabalhar em casa já que o Senado “é uma bagunça”. A coluna telefonou por três dias para o gabinete, mas não a encontrou. Na última tentativa, anteontem, a ligação foi transferida para a casa de Luciana, que ocupa o cargo de secretária parlamentar. Abaixo, um resumo da conversa:

FOLHA - Quais são suas atribuições no Senado?
LUCIANA CARDOSO - Eu cuido de umas coisas pessoais do senador. Coisas de campanha, organizar tudo para ele.

FOLHA - Em 2006, você estava organizando os arquivos dele.
LUCIANA - É, então, faz parte dessas coisas. Esse projeto não termina nunca. Enquanto uma pessoa dessa é política, é política. O arquivo é inacabável. É um serviço que eternamente continuará, a não ser que eu saia de lá.

FOLHA - Recebeu horas extras em janeiro, durante o recesso?
LUCIANA - Não sei te dizer se eu recebi em janeiro, se não recebi em janeiro. Normalmente, quando o gabinete recebe, eu recebo. Acho que o gabinete recebeu. Se o senador mandar, devolvo [o dinheiro]. Quem manda pra mim é o senador.

FOLHA - E qual é o seu salário?
LUCIANA - Salário de secretária parlamentar, amor! Descobre aí. Sou uma pessoa como todo mundo. Por acaso, sou filha do meu pai, não é? Talvez só tenha o sobrenome errado.

FOLHA - Cumpre horário?
LUCIANA - Trabalho mais em casa, na casa do senador. Como faço coisas particulares e aquele Senado é uma bagunça e o gabinete é mínimo, eu vou lá de vez em quando. Você já entrou no gabinete do senador? Cabe não, meu filho! É um trem mínimo e a bagunça, eterna. Trabalham lá milhões de pessoas. Mas se o senador ligar agora e falar “vem aqui”, eu vou lá.

FOLHA - E o que ele te pediu nesta semana?
LUCIANA - “Cê” não acha que eu vou te contar o que eu tô fazendo pro senador! Pensa bem, que eu não nasci ontem! Preste bem atenção: se eu estou te dizendo que são coisas particulares, que eu nem faço lá porque não é pra ficar na boca de todo mundo, eu vou te contar?

11 comentários:

Vitor Ferreira disse...

COnversinha de comadre...

Anônimo disse...

@#T% ki @%&i# !!! Fatima/Laguna

asnalfa disse...

Será q ela tem curso superior???
Bom... tá na cara que é cargo pra roubar dinheiro do povo.. e que linguajar horrivel que essa mulher tem!
Acho que ela nunca pisou no gabinete dela....

Lúcia Soares disse...

Eu já duvido um pouco dessa conversa. Sendo ela filha de Ruth Cardoso, me pareceu estranho o linguajar dela. Chamar de "amor"...sei não. Pra mim, ela é uma mulher fina, como a mãe o foi. Não sei porque, mas não acredito nesse diálogo. Quanto a trabalhar pro governo, nada demais. Sendo filha de quem é, o pai, acho que eles mamam bem nas tetas do governo. Todo mundo malha o Lula - não sou lulista! - mas FHC não é nenhum santo.Há tanta podridão nesse país que mais uma menos uma, pouco se dá a nós, que não fazemos nada pra mudar isso! Tristemente, reconheço, já não acredito em mais nada e em mais ninguém. (Do governo, obviamente...)

Ana Rute disse...

"Mas se o senador ligar agora e falar “vem aqui”, eu vou lá."
haha

Santiago disse...

Lola:

A petralha é ignorante e burra. A turma do Fernando Henrique não se sabe, se é ignorante (pelas oportunidades que tiveram, não deveriam ser); mas são burros de dar dó. Essa filha do tal Fernando nasceu com acefalia. Puxou o pai, (que chamou os aposentados de vagabundos) ou imita o Lula (crise dos brancos de olhos azuis) para dar uma entrevista dessas.

Tina Lopes disse...

Lúcia, a Folha não publica nada sem ter gravado a conversa. Ainda mais tão pessoal e justamente por estar cheia de cacoetes e falta de educação. Pode acreditar, não basta "berço".

Samantha disse...

Que ridicula.
Minha mae mal terminou o Ensino Medio e converso muito melhor que esse "ser".Imagina se minha mae fosse a Ruth Cardoso.
Realmente, nao basta berco. É a Idiocracy, Lola...

Milla disse...

Meo deos...

Masegui disse...

O FHC é um FDP!

anacris disse...

minha nossa! só rindo mesmo, ela nem sabe quanto que recebeu em janeiro... quero uma vida assim, de não precisar me preocupar com besteirinhas, como salário! hahaha