terça-feira, 2 de outubro de 2012

SEXY E MTV, LIVREM-SE DOS INTERMEDIÁRIOS

"Essa é uma coisa podre pra se dizer!"

Qual a diferença entre o Testosterona e os mascus? Um tem patrocínio da MTV e ganha dinheiro com um site misógino disfarçado de humor. Os outros praticam sua misoginia diária se escondendo por trás do anonimato e de avatares de super-heróis.
Outro dia publiquei uns comentários tirados de um desses fóruns mostrando como os mascus não gostavam do Testô e nem eram solidários aos ataques que o pobre vem sofrendo -– ataques com os quais você pode e deve colaborar, assinando esta petição que será entregue ao presidente da MTV, pedindo que a emissora pare de patrocinar conteúdos preconceituosos, e esta também.
Mas eis que descubro que existem mascus que gostam do Testô, apesar dos pesares (eles não gostam da Acid Girl e de que o site “não adote posições incisivas”): “Acontece que muitos descobriram a Real [como vários mascus se denominam, Guerreiros da Real, ou guerreiros de um real, como são mais conhecidos] por lá. Várias vezes, vi matérias sendo publicadas em um fórum extinto nosso que dias depois saíam no blog supracitado. Às vezes no dia seguinte. Não foram poucas não”.
Outro acrescentou: “Também acredito que os 'humoristas' do Testosterona fiquem parasitando o ambiente da real, os textos são chupados mesmo, quando não é cópia literal, dá p/ ver que é a mesma ideia maquiada com outras palavras”.
Quer dizer, o Testô copia mesmo o conteúdo de blogs e fóruns de misóginos, na maior cara dura. A gente já sabia. Lembra o blog de ódio que recebeu setenta mil denúncias e cujos líderes continuam presos (graças! Dois habeas corpus já foram recusados)? Testô vivia copiando posts deles, compartilhando links, tuitando. Claro, mascus juram que o blog original (que por sua conta copiava o conteúdo de blogs mascus americanos) foi hackeado. Mas sempre foi misógino. É como eu sempre digo: só muda a intensidade do ódio.
Em maio, Testô promoveu um concurso no seu blog procurando um estagiário que fizesse seu “estilo de humor machista”. Quem ganhasse se integraria à equipe (claro que o Testô não é tocado apenas pelo Edu), teria que produzir três a cinco posts por semana pro site e receberia 600 reais por mês.
Alguns mascus ficaram tentados a participar. O administrador de um dos fóruns disse: “Pena q eu não tenho tempo, senão eu ia tentar me infiltrar lá”. Outro moderador escreveu: “Eu curto muito as tirinhas, inclusive já divulguei muitas delas aqui”.
Não é uma graça como um misógino fica alimentando o outro?
Mas o que fez o Testô ganhar moral entre os mascus foi o texto que ele publicou semana passada na revista Sexy. Parece que ele é colunista da revista, e parece que pra ser colunista de revista pode escrever mal pracarai e soltar todo tipo de preconceitos. E, claro, plagiar os maiores fracassados da internet.
O nome do texto publicado? “Como funciona a cabeça de uma feminista -– Quando a carência e a TPM desencadeiam uma revolução”. Segue o texto, tudo sic:
Outro dia enquanto alternava entre pornografia e futebol na tevê, eu acabei parando numa reportagem sobre os líderes revolucionários na Ásia e me peguei pensando nessas pessoas insanas que querem mudar o mundo só pra se livrar do seu trabalho. Veja bem, líderes políticos querem controlar o seu povo e ficar rico às custas dele, é até compreensível, mas e as feministas que querem mudar o curso natural da vida só pra se livrar de lavar a louça na pia? Desde os tempos de Eva a mulher é responsável por tarefas triviais, cuidar do seu lar e amar o seu marido, moleza né? Cabe ao homem prover o sustento da família, lutar em guerras, tomar decisões importantes e governar o mundo, justo. Aí alguma revolucionária de meia tigela durante a TPM resolve lutar por direitos iguais e abdicam dessa regalia. Mas não é só isso, mulher não dá ponto sem nó, elas só querem os direitos iguais, mas não os deveres. Feminista não quer se alistar no exército, muito menos consertar o chuveiro ou trocar o pneu do carro. A feminista é só uma espertinha que ta com preguiça de varrer a casa e fazer o almoço e que usa essa balela de direitos iguais pra fazer o que elas mais gostam: encher o nosso saco. Então meu amigo, anote, além de oportunismo, feminismo nada mais é do uma tentativa desesperada das mulheres de chamar atenção dos homens, fique esperto.
Né? Incrível como o cara saca tudo de feminismo. Foi exatamente assim que aconteceu: a gente acordou num mau dia, cansou de lavar prato, e decidiu sair pra fazer uma revolução! Somos definitivamente ingratas com o patriarcado. E, de quebra, ainda diminuímos o bilau dos caras!
Óbvio, todo mundo sabe que TPM e carência causam essa doença chamada feminismo. Testô também podia nos informar o que causa a misoginia.
O administrador de um fórum mascu gostou mais ou menos: “Isso aí deve ser uma retaliação [ao Testô estar sendo “achincalhado por umas feminazis”]. Se bem que isso é bem feijão com arroz do anti femismo [sic]. Mera análise superficial da praga q é o feminazismo. Mas tá valendo, se sai numa revista de grande circulação”.
O que Testô publicou na sua coluna é tudo que mascus e demais machistas sempre falaram do feminismo. Não é apenas o básico do básico –- é tudo, porque não têm mais o que dizer, só esses chavões de sempre. Aliás, falavam a mesma coisa das sufragistas, as mulheres que conquistaram o direito universal ao voto. Nem originais os caras conseguem ser. 
Mas o que me chama a atenção é o Testô ter que chupar tudo dos mascus. Tudo. As mesmas ideias, muitas vezes os mesmos posts. Tá certo que os mascus são hilários (não é intencional), mas, sei lá, se Edu e sua equipe ganham dinheiro com o site e com a coluna, não poderiam pelo menos tentar redigir algo que não fosse cópia? Por que a MTV e a Sexy não se livram dos intermediários e contratam diretamente os mascus? Além de serem mais engraçados, eles gastariam toda a grana com garotas de programa, já que não recebem nem bom dia das “civis” (é assim que eles dividem todas as mulheres do mundo, incluindo suas mães: entre profissionais e civis). 
E ontem foi dia de outro humorista, Danilo Gentili, se destacar. Um tuiteiro negro colocou no seu Facebook um vídeo em que aponta o racismo de Gentili. E o ex-CQC decidiu responder assim:
Chamar negro de macaco é uma velha tática de Gentili. Pra ele, isso não é racismo, porque raças não existem, logo, racismo também não. Em 2009 ele comparou jogadores de futebol a King Kong. Diante dos protestos, escreveu um longo texto em que falava besteiras como "Peço que não sejam racistas comigo, por favor. Não é só porque sou branco que eu escravizei um negro" e "Alguém pode me dar uma explicação razoável por que posso chamar gay de veado, gordo de baleia, branco de lagartixa, mas nunca um negro de macaco?"
Gentili tem uma legião de fãs (quase quatro milhões de seguidores no Twitter). Pra ser fã de um cara desses, tem que se pensar parecido. Muitos deles foram azucrinar LasombraRibeiro, o rapaz negro que o ídolo tinha insultado antes. Ele está colecionando dezenas de printscreens de ofensas racistas, e promete denunciar todos os "piadistas". Muita força pra ele.
E isso que racismo é crime inafiançável desde 1989! Se as pessoas se sentem tão à vontade para serem abertamente racistas em nome do humor, não vão ter mesmo vergonha nenhuma de serem estupidamente preconceituosas com mulheres, gays e trans*. Não é só que gente como Testô e Gentili, entre outros, não sejam cortados por serem preconceituosos. Eles são recompensados. Ganham dinheiro com o preconceito. Não é que eles tenham espaço na mídia apesar de serem preconceituosos. Têm espaço na mídia por serem preconceituosos. 
Esta sexta, 5/10, às 14 h, participarei da mesa Censura e Humor. Divulguei erroneamente que o evento vai ser na ECA-USP, mas, na realidade, será no Centro Cultural Marques de Melo (R. Joaquim Antunes, 711, Pinheiros, SP). Faz parte do Seminário A Censura em Debate, iniciado ontem (veja aqui a programação e inscreva-se), organizado pelo Núcleo de Pesquisa em Comunicação e Censura, da ECA-USP. Acho que vai ser interessante.

90 comentários:

Anônimo disse...

O blog dos Mascus está cada vez com menos pessoas Lola,tem sempre uma meia dúzia de membros online.De noite na hora do pico tem uns 20 no máximo online e olhe lá.Agora eles vão liberar o Fórum de novo para qualquer um poder ler e postar se estiver registrado,acho que tomaram essa idéia devido ao número muito pequeno de membros.

Bruno S disse...

Fico na dúvida de quem é pior. Se é a celebridade que faz a piada racista ou a manada de seguidores que repetem a agressão ao cara que o questionou.

Anônimo disse...

Assim que o Emersom mijão sair da cadeia ( no Brasil nem homicidio mantem vagabundos preso, quanto mais abobrinhas em blogs clonados) você sabe que ele irá atras de você ne Lola ? sabe que ele deve ta bem revoltado ( mais que antes)

Ou acha que ele se recuperou, e sairá de la um simpatizante feminista ? kkkkkkkkkkk

Alex disse...

Lola,
Algumas vezes passo por aqui. Discordei de grande parte das coisas que li. Não de sua causa, mas dos argumentos. A discordância e a divergência são coisas boas, tanto que vira e mexe eu leio você.

Por vezes, acho algumas ideias autoritárias. É o que eu acharia desta de boicote.
Até ler todo o resto da postagem. São coisas chocantes, realmente. Que extravasam o bom ou o mau gosto. Que extrapolam a liberdade que todos temos de pensar e falar besteiras, porque estas são "pérolas" criminosas. O conteúdo do print, então, é estarrecedor. Como é assombroso que isso se dê publica e desavergonhadamente, como se esse comportamento pudesse ser aceitável e normal.
Um abraço!


Anônimo disse...

cuidado feministas, quando vocês erguem muito a cabeça se achando superiores, esquece-se de olhar para o chão e tropeçam

Anônimo disse...

olha lola,eu estou apoiando as petições para a mtv se livrar do horroroso testosterona,mas na real isso não vai adiantar muita coisa.pelo oq eu soube a parte de mídia digital da mtv esta bem enfraquecida(assim como toda a emissora né), então tirar ele de la não vai ser difícil(vaaarios blogs sairam/foram dispensados do portal da mtv nos últimos .alias o próprio "portal" deixou de existir,hj eh basicamente soh um site sobre a programação da emissora e algumas noticias musicais). o problema eh que esse estupido arrumara outro portal logo logo.vai pra um uol,ig,r7 da vida.pq o blog eh famoso,simples.
eh soh ver o caso do gentilli e do r. bastos,duas das piores figuras da internet,que hj estão na tv e considerados gênios por MTAS pessoas.o importante hj eh ter publico.tem que ter uma medida mais forte contra esse cara.

(desculpe os erros de portugues,estou no pior teclado do mundo!)
ass:Tayna

Anônimo disse...

não somos a favor de licença paternidade, pois sabemos que não se criam homens e meninas honrados/as com vadiagem, mas sim com bons exemplos de trabalho e dedicação.
não somos a favor do fim do serviço militar obrigatorio pois sabemos que uma patria se faz com direitos e DEVERES, e um exercito precisa encontrar legitimidade em todos os seus cidadãos, e não ser uma tropa de " mercenarios"

Lord Anderson disse...

O humor é algo essencial emuito importante pra sociedade, por isso mesmo o pessoal mais reaceonario e preconceituoso corre pra se esconder atraz dele.


E os grandes e corajosos mascus fazendo as suas ameaças anonimas de sempre.

Anônimo disse...

ele e machista, você e feminista?

Então não censure, para não se contradizer, dialogue !

aiaiai disse...

Bom, ainda bem que também existem homens que compreendem o feminismo e participam ativamente para a gente conseguir a igualdade, né?

Quero recomendar a todos aqui que leiam e espalhem o maravilhoso texto q o Alex Castro publicou hoje no site papo de homem.

O nome é "Feminismo para homens - um curso rápido". Daí, qd um comentarista disse que devia chamar "Feminismo pra todos" ele respondeu: " quem sou eu pra dizer para as mulheres o que é o feminismo?"

http://papodehomem.com.br/feminismo/

Carolina Guedes disse...

a aiaiai já fez o que vim aqui fazer, então só vou reiterar que achei o post mt didático e boa a iniciativa. :)

Anne disse...

Só lembrando que feminismo e machismo não é a mesma coisa.

Anônimo disse...

Oi Lola, hoje lembrei de você.
Estava vindo pro trabalho e um senhor de mais idade se aproximou no sentido contrário e falou uma coisa tipo: "quero te chupar...".
Quase imediatamente enchi ele de casacadas e o chamei de abobado. O cara seguiu, nem olhou p trás... depois comecei a tremer. Nunca fiz isso, mas hj não sei, me deu um nojo. Me senti agredida.
Ele tomou uma surra de casaco... certamente vai fazer de novo, mas pelo menos de mim ele levou. Pena que eu não tinha uma sombrinha p dar nele. Cara escroto.
Bjks

Anônimo disse...

Lola, hoje fizeram uma curta reportagem sobre o aumento de 25% dos casos de estupros em Campinas no jornal da EPTV. Colocaram um jegue de um policial militar para dar "dicas de como prevenir estupro". Ele disse para evitarmos praças e ruas escuras e tomar cuidado com a roupa porque "chama atenção". Minha ficha nem caiu ainda, tá difícil de acreditar no que eu vi. Pessoas de Campinas vamos reagir.

Sara disse...

O texto do Alex é ótimo mesmo, mas deu muito a impressão de que ele é um leitor assíduo da Lola AIAIAI...

Anônimo disse...

Eu comecei com um solução bem mais simples pra o problema do testosterona. Denunciá-lo ao Google Adsense. Conteúdo com apologia à violência, sexismo e racismo é contra a política deles, e se você perde sua conta Google Adsense, amigo.. não consegue outra. Aí, realmente, mesmo após a saída do hormoninho da MTV, podemos garantir que ele pode continuar sendo misógino o quanto quiser: mas não vai mais ganhar dinheiro com isso. Aqui o link para fazer a denúncia ao google adsense https://support.google.com/adsense/bin/static.py?hl=pt-BR&ts=1190500&page=ts.cs&ctx=as2&rd=1

Anônimo disse...

eu noto em todos ops posts aqui uma fixação que feministas tem com estupro, credo! isso é doença

Bismarck disse...


Tudo que a autora falou sobre os fóruns masculinistas é pura verdade.

Eu participei de um fórum desses por algumas semanas. Fui expulso porque, em um debate, os usuários estavam questionando os méritos de uma garota que desenvolveu um sofware que gerou milhoes em investimentos.

Os caras, absurdamente e sem nenhuma prova objetiva, estavam dizendo que ela conseguiu aquilo porque deve ter dormindo com fulano ou beltrano, deve ter se aproveitado dessa ou daquela lei feminista inconstitucinal, ou simplesmente porque a vida dela é mais fácil que a dos outros.

Eu retruquei afirmando que é justo nós falarmos mal e criticarmos as mulheres melancias da vida, que ganham muito dinheiro apenas para mostrar a bunda. Mas criticar, ou duvidar dos méritos, de uma garota que desenvolve algo útil e difícil só porque se trata de uma mulher, aí já é misoginia.

Fui bombardeado de todas as formas, xingado, vilipendiado da pior forma, me ameaçaram até de agressao física. Eu continuei debatendo até o fim. Entao, veio o fundador do fórum, um sujeito que atendia pelo vulgo de "Major Lobo Honrado", e me baniu, com a justificativa de que eu era uma feminista disfarçada haha.

Os caras sao misóginos, sao escravos das mulheres, só pensam em mulheres, querem, a todo custo, fazer as mulheres sofrerem por nao escolherem a eles e por nao dar moral para eles.

Lobo Mau disse...

Lolinha, é verdade, o Edu no início do blog dele copiava vários textos do antigo blog do Silvio Koerich.
E o Silvio original copiava vários textos do blog do Roissy, um blog americanos. Eu acompanho isso desde sempre e digo que é verdade.
Agora eu vou te contar uma novidade, tem uma líder feminista que adora usar ironia e acusar os outros de plágio, só que as idéias dela são todas copiadas de um cara chamado Stuart Hall, ela tanbém fez toda fama coiando uma outra pessoa. Portanto eu aconselharia aos leitores do blog dela: Livrem-se dos intermediários e leiam Stuart Hall.

PS: mascus estudam muito mais do que você imagina.

Anônimo disse...

o rapper emicida também esta fazendo um protesto contra or racismo no zorra total

http://noticias.bol.uol.com.br/entretenimento/2012/10/01/rapper-emicida-protesta-contra-personagem-do-quotzorra-totalquot.jhtm

Priscila Boltão disse...

hahaha gente tipo todo mundo leu o texto do papo de homem hoje e quase morreu de emoção e veio aqui divulgar. Eu tb.
Sobre os guerreiros de um real, eu fico triste de ver eles usaram heróis (e anti heróis como o deadpool) tão legais pra esconder sua misoginia. Péssimo, péssimo.
Olhe, to até sem humor já pra esse machismo horroroso de todo dia. Sério, chegou num ponto que eu falo "tá bom, tá bom, mas vai ser machista longe de mim, oquei?"
Eu não sei como pode o recalque dessas pessoas ser assim.
Olhe, eu já disse isso. Eu não tenho vida sexual ativa, sofri abuso, não namoro, sou constantemente oprimida por não viver caçando homem, sou rejeitada toda vez q me apaixono e, ah, pra ajudar tenho "corpão" então não posso usar nada um cadinho justo ou exposto que passo de encalhada a vadia. E nem por isso tô pregando ódio por aí. Tô cuidando da minha vida, dos meus amigos, dos meus objetivos e mandando um foda-se bem grande pra sociedade que quer me oprimir e me dizer que nada é mais importante que eu arrumar um dono - não um amor, um dono mesmo. Eu realmente não entendo qual a dificuldade de crescer como ser humano, seja homem, mulher ou qualquer coisa possível, em vez de ficar de mimimi pq sua coleguinha do primário te deu um fora dez anos atrás.

Anônimo disse...

PARA Anônimo das 11:44

Cuidado machistas, quando vocês abrem a boca ou digitam seus textos de ódio, exalam um forte odor vindo do cérebro de vcs que invés de massa encefálica, tem...cocô!


Sawl

Anônimo disse...

PARA mal informado Anônimo das 11:57.

O Edu é machista, a Lola é feminista.
O Edu prega o ódio às mulheres, a Lola prega direitos(e também deveres) iguais a homens e mulheres.
O Edu deseja que a sociedade volte ao tempo em que mulher fique trancada em casa cuidando dos filhos, do marido, sem direito a estudar nem votar e nem trabalhar, e claro, aguentando calada surras, estupros e traições do seu "bondoso" marido.
A Loa deseja que homens e mulheres se amem, se respeitem, e se unam para tornar uma sociedade melhor, mais justa.

Então não compare para não se contradizer. ESTUDE antes de passar atestado de ignorância!
ps: vc falou em "diálogo" mas mascus misóginos, não aceitam diálogo com mulher porque eles as odeiam, simples.


Sawl

Lord Anderson disse...

"eu noto em todos ops posts aqui uma fixação que feministas tem com estupro, credo! isso é doença"


Claro anonimo, praticar estupro não é doença, fazer piada sobre estupro, defender estuprador, culpar a vitima, nada disso é doença.

Denunciar e combater estupro é que te incomoda.

Anônimo disse...

PARA RIDÍCULO Anônimo das 13:16

Não são as feministas que tem "fixação" com estupro. São TODAS as mulheres! E não se trata de "fixação"(seu ignorante) e sim de medo porque vivemos em uma cultura latina e machista que culpa a vítima, enaltece o criminoso e ainda fazem "piadinhas" em cima do sofrimento das vítimas.
E até os homens tb tem medo de estupro, porque quando um cara vai pra cadeia o maior medo dele não é ser morto e sim ser estuprado. Estupro é o crime mais covarde que uma pessoa pode cometer contra outra.
Ser tão ignorante como vc deve ser doença, credo!

Sawl

AngieB disse...

Sério que isso foi publicado numa coluna da Sexy? O.o Caraca, a coisa é mais ridicula que eu pensei, 1o pela qualidade e criatividade do texto, 2o por alguem ainda se expor assim achando que nao vai parecer ...putz nem sei como adjtivar... 3o por uma revista se dispor a publicar algo tao infantil.
Ok, uma coisa é voce criticar um movimento, outra é dar uma coluna assim de presente provando os pontos que o movimento feminista tanto fala.
Lola, as duas petiçoes estao assinadas. bjos!

Anônimo disse...

Na boa, acho que este Edu tem problemas sério em relação a sua sexualidade.
ELe NÃO odeia as feministas, ele ODEIA as mulheres em geral!
Este cara é um baita hipócrita, misógino e COVARDE!
Para a Rede CBN alegou que "nunca postou nada fazendo apologia de violência contra a mulher, que nunca postou nada contras mulheres,mimimi", no entanto seus posts neste ridículo blog e seu medíocre, machista e ridículo texto na revista Sexy(que devia se envergonhar de postar um texto tão mal escrito e com informações mentirosas sobre o surgimento do feminismo) mostram que ele realmente é.
É tão covarde que se esconde atrás de um "pseudo-humor" para pregar ódio, discriminação e violência contra as mulheres!
Imagina os meninos pequenos lendo o blog dele, como eles irão tratar as meninas que são suas colegas e amigas? Vocês acham que eles as respeitarão?!
Imaginem a geração de homens frustados e misóginos que este imbecil ajudará a formar!
Será que este Edu tem mãe? Se tiver, coitada dela!
Em um post alguém alegou que ele é casado.
Sério se um homem horroroso(não só por fora, o que dependendodo caráter do homem é irrelevante; como por dentro, principalmente, tb), misógino e ignorante desse tipo for CASADO, a mulher deve ser: doente mental, ter uma baita baixo alto estima, NENHUM amor próprio, deve ser uma criatura que deve viver à base de remédios para a cabeça, rsrs!
A MTV e a Sexy deviam ter VERGONHA e parar de bancar um CRIMINOSO desses! Criminoso porque ele faz apologia aberta à violência física, moral e sexual contra as mulheres.
O Marcelo do imfame "Blg do Silvio Koerich" pelo menos é um doente mental misógino assumido, não um covarde da pior espécie que usa o humor para espalhar o ódio!
Para os "liberais e adeptos do politicamente incorreto" é fácil vomitar que o politicamente correto tá acabando com o humor, mas, eles não sabem que o humor reacionário e preconceituoso não é inovador, é antigo.
Nazistas usavam o humor para ofender judeus e negros, senhores de escravos e "Pseudo-cientistas" comparavam negros e macacos, e coronéis e empresários de décadas anteriores humilhavam suas esposas as comparando com jumentas e alegando que não tinham inteligência para viverem sem eles.
Enfim, o humor reacionário não é usado por pessoas inteligentes e sim por preconceituosos ignorantes.

Ps: detesto o pseudo-humor do Rafinha Bastos e do Danilo Gentilli, quanto ao rapaz que foi ofendido pelo twiter pelo Gentilli, ele tinha que meter um processo neste cara.

Sawl

Bruna F disse...

É terrível saber que um programa da MTV, que obviamente tem muito mais visibilidade do que os blogs tem um conteúdo tão podre, baseado naqueles textos obscuros mas lamentáveis. Que baixo nível! Seria muito bom se os mascus continuassem na obscuridade mas a coisa tá mais ficando grave, porque infelizmente vai contaminar mais pessoas. :(
E esse texto na revista, que manjado!Ridículo.. e o pior é imaginar as pessoas que vão acreditar piamente no que ele fala! Triste

Anônimo disse...

Lola, começou porque o lasombraribeiro colocou este vídeo no ar(https://www.facebook.com/lasombra.ribeiro/posts/513319105364487) e deixou o Danilo Gentili bem irritado. Colocou o dedo na ferida...

Anônimo disse...

muita tristeza de ler este post. como ainda tem gente que publica coisa assim? não têm mãe, irmã... não reclamam, se homens, de coisas que o machismo impõe a eles como homens... enfim... triste. muito triste.

Thaís disse...

Lola, não sei se é lá muito relevante, mas esta é a tal "piada" a qual o moço reagiu contra o Danilo Gentili: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=145118132300476&set=a.112557645556525.25599.100004068711088&type=1&theater

Letícia Rodrigues disse...

Sou leiga em direito, mas acredito que o lasombraribeiro poderia processar o Gentile por injúria racial. Eis o que eu achei sobre o assunto na internet:

"O Código Penal brasileiro, em seu art. 140, § 3º, regula o crime de injúria racial, que vem a ser atribuição de qualidade negativa à pessoa ofendida com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem."

Injúria qualificada pelo preconceito:

O agente atribui qualidade negativa.

Crime prescritível.
Afiançável.

Ação penal pública condicionada à representação, conforme a Lei nº 12.033/2009.

Racismo (Lei nº 7.716/89):

O agente segrega a vítima, privando-a do convívio digno.

Crime imprescritível.

Inafiançável.

Ação penal pública incondicionada

http://www.geledes.org.br/racismo-preconceito/defenda-se/15649-racismo-e-injuria-racial

Dani disse...

Olha que legal, Lola: http://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/bbc/2012/10/02/barco-para-abortos-holandes-fara-1-visita-a-pais-muculmano.htm

Anônimo disse...

quem tem medo do lobo mal, lobo mal, lobo mal, quem tem medo do lobo mal...

Anônimo disse...

Viva a mediocridade reinante em nosso país!

Danilo Gentilli - racista e anti-semita: tem programa na televisão e legião de alienados fãs.

Rafinha Bastos - machista: tem programa na televisão e legião de alienados fãs.

Edu "Testerosterona"(o cara não é homem, nem pra postar sua foto REAL, Ô bicho feio! Nem para postar seu nome real) - misógino e racista: blog patrocinado pela MTV, texto publicado em revista e legião de fãs(todos homens misóginos, recalcados, mal amados e frustados como ele).

Enfim, quanto mais PODRE, PRECONCEITUOSO e REPULSIVO melhor! Ganha blog patrocinado, programa de tv e um bando de babacas carregando bandeiras de "humor politicamente incorreto"(que eles próprios sabem que é humor reacionário e preconceituoso).

Quanto ao Edu, tanto ÓDIO e REPULSA de mulher(na boa ele supera até o Rafinha, não sou fã deste, mas, ele até ELOGIOU a seleção feminina de vôlei e até disse que a seleção masculina tinha que ter o talento das meninas, pra quem não acredita é só ir no site da Redetv e procurar o "Notícias da Semana" do SNL, ps: apesar de mostrar um leve crescimento mental, continuo não gostando do pseudo-humor do cara) deve ser indício de alguma questão sexual dele MAL RESOLVIDA!
Sujeito DOENTE, CANALHA E COVARDE disfarçado de humorista e ainda ganhando dinheiro e fãs babacas por este país!


Sawl

Letícia Rodrigues disse...

Uma coisa que eu não entendo é pq artistas negros como Seu Jorge e MV Bill, que vivem discursando contra o racismo, aceitaram ir ao programa do Gentile depois dele ter dito que não vê nada de errado em chamar negros de macacos. Prefiro acreditar que eles não sabiam nada sobre a polêmica.

Letícia Rodrigues disse...

Cada vez que ouço falar do Emicida passo a admira-lo mais. Trecho do texto dele sobre o Zorra Total:

"Estamos em um momento delicadíssimo na história do Brasil, Discute-se sobre o Racismo na obra de Monteiro Lobato, Cria-se um Plano de prevenção a violência contra a juventude negra porém um ataque contra a Etnia que mais trabalhou por este país passa despercebido desta forma, como uma piada, o mesmo tipo de piada que foi hospederia durante todos estes séculos da doença que é o Racismo ( e só o dono da dor sabe o quanto dói ), em um Brasil que tornou crime o racismo (vitória!) mas conseguiu humilhar cada um dos que um dia tentaram denunciar algum caso de Discriminação racial (derrota!) tornando sua própria lei, uma irônica punhalada que faz o sangue preto rico em sofrimento continuar correndo invisível por nossas ruas.


Deixo aqui meu desprezo a este "humorista" que aproveita-se da triste situação em que esta sociedade doente colocou nossas mães/irmãs/esposas/amigas. E maior ainda é minha tristeza com nossos irmãos Pretos/Brancos/Índios que não conseguem identificar tamanha violência racial adentrando suas casas.

Muita Força as Mulheres Pretas, as nossas lindas Mulheres pretas!
Jamais se esqueçam de onde vem os diamantes Mulheres pretas!

Emicida"

Pena que por esse texto podemos entender que não se pode esperar muito da lei em casos de racismo...

Pedro Gonzalez disse...

Esse negocio de machismo e feminismo pra mim sinceramente são puras balelas e está atrelado ao que escreverei a seguir... Existem pessoas feias e bonitas no mundo... as bonitas se dao bem, as feias as vezes, com muita inteligencia e labia... é assim q se resume o mundo hoje em dia(basta olhar e reparar), se voce for uma mulher "bonita" ou um homem "bonito" o mundo pra voce ja sera 200% mais facil... agora se for feio, gordo, "cabelo ruim", etc vai ter que ralar muito e muito na vida tanto emocionalmente e principalmente financeiramente... basicamente se for feio seja rico que nao terá problema, e que os bonitos continuem desfrutando do seu mundo... pois o mundo é dos bonitos, e nao adianta falar em padrao de beleza, o padrao esta inserido na nossa mente, ja faz parte das nossas vidas e nao vai mudar, vai piorar apenas... com padroes ou sem padroes, quando passa uma pessoa(homens e mulheres) bonita sabemos que é bonita, quando passa uma feia sabemos que é feia...sei lá é uma teoria minha, baseada em mim e no que eu vejo no meu dia a dia da minha vida a muitos e muitosss anos ja..

Gabriel disse...

Não conhecia esse site, o Testosterona, e confesso que me surpreendi pelo extremo mau gosto das postagens. É explicitamente machista com piadas e montagens ridículas. Eu ia dizer que ao invés de ser o blog do "macho moderno" lá tá mais para o blog do "adolescente tardio", mas acho que nem na adolescência eu passei perto de ser tão ridículo quanto ele.

Luan disse...

Como é isso? Pode fazer ofensa racial sem qualquer problema no Brasil agora ? Vergonhoso!

A verdade é que o Danilo Gentilli precisa da polêmica. O programa dele é irrelevante, o Twitter no geral vem perdendo força a cada dia. Sem controvérsias ele não tem nada.


Agora sobre o testosterona acho válido denunciar para o Google Adsense.
Se bem que uma coluna na revista mais baranga do Brasil, revista essa que caras sem internet compram para verem fotos de gosto duvidoso, não é lá grande coisa...

Anônimo disse...

PARA Gabriel

Há pouco tempo eu tb não conhecia o tal "Testosterona", soube através do blog da Lola.
O cara é um sujeito doente, mal resolvido intelectualmente e sexualmente e feio até dizer chega(quando o cara é bacana a beleza, ou falta dela, chega a ser irrelevante, quer dizer para muitas mulheres como eu) e que despeja seu ódio e frustações em cima das mulheres.
O tal "macho moderno" tá mais pra "homem das cavernas mal resolvido",kkkkk. Ele não só ofende as mulheres como ofende também os próprios homens ao GENERALIZAR alegando que todo "macho" é: misógino, ignorante, agressivo, trata mulher como lixo e que violenta suas namoradas e esposas quando elas não estão dispostas a fazer sexo.
O que irrita mais, é que um canal de tv(MTV) e uma revista masculina(Sexy, alguns podem alegar que se trata de uma revista masculina, mas, meu marido compra a Playboy e os artigos são inteligentes e nunca vi nenhum texto de cunho misógino como foi publicado na Sexy) banquem este cara!
Enfim, não sei qual o problema deste cara, mas, eu gostei da sua opinião. AO contrário dele, vc mostra que é um homem inteligente.
Abraço a todos que são contra qualquer tipo de preconceito.



Sawl

Luan disse...

Pedro Gonzalez

Isso que você descreveu é a série Beverly Hills 90210. No mundo real há muitas outras nuances e realidades.

Existem pessoas tão focadas em sobreviver e alimentar os filhos que não podem parar para pensar se são ou não são bonitos.
No mundo real a beleza padronizada de todos, um dia vai embora, e ngm morre por causa disso.
Fora de um mundinho pequeno e fútil as pessoas têm relacionamentos, carreiras e uma vida que envolve muito mais que ter cabelo loiro e liso.

Anônimo disse...

Boa crítica, Lola. Parabéns.

Estou bastante preocupado com o rumo que as coisas estão tomando. Há cada vez mais pessoas - inclusive leitores desse blog - incapazes de estabelecer laços de empatia com quem pensa ou age diferente.

Em toda a europa os movimentos neonazistas ganham mais e mais força.

No Brasil, na primeira crise econômica, a coisa ficará bem feia.

Acho que teremos tempos sombrios pela frente.

Anne disse...

Posso confessar uma coisa? eu também não sei por que comparar uma pessoa negra a um macaco é racismo...assim, não me odeiem, explico, se chamar um cara branco de macaco é racismo do mesmo jeito? é que eu gosto de primatas, gosto de animais.Sei lá...fico confusa as vezes.

lola aronovich disse...

Tudo bem, Anne, perguntar desse jeito não ofende. É o contexto da coisa. Se você chamar branco de macaco, você não será racista, até porque o pessoal vai te olhar com uma cara de “o que ela andou fumando?”. O negócio é que durante séculos negros foram comparados a macacos, como se não tivessem evoluído, como se fossem elos perdidos, um monte de baboseira. Durante muitos anos houve inclusive a ciência para dar suporte a essas ideias racistas. E, por mais que eu ache macacos lindos, comparar todo um grupo de pessoas a animais não é legal. A maior parte dos insultos que usam animais eu acho inúteis. Ninguém chama de “barata”, esse sim um animal hediondo. Não me ofendo quando me chamam de baleia, porque baleia é uma graça. Hipópotama, idem. Mas eu não sou burra (outra injustiça especista chamar um animal tão inteligente, o burro, pra ser sinônimo de idiota), e sei que quando alguém me chama de baleia está querendo me ofender. E quando alguém chama um negro de macaco, pode apostar que o cara sabe muito bem que aquilo é uma ofensa.

Jéssica disse...

@Anne

Embora você goste de macacos, a maioria das pessoas é extremamente especista e considera macacos seres inferiores e burros, e associa negros com macacos justamente para diminuí-los.
Sobre se chamar um branco de macaco é ser racista, olha, dizer que brancos sofrem racismo já é um absurdo por si só, então essa comparação não faz sentido.

Anne disse...

Entendi Lola, é o contexto todo da coisa...

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Acho que se esse cara está fazendo de tudo pra incomodar feministas, e de quebra, várias mulheres, é porque está mesmo incomodado de ser questionado por seu machismo e sua misoginia.

Anônimo disse...

Esse texto aí da semana passada é um plágio. Ou então o Eduardo Testosterona é chaner... mas é claro que deve ser. O discurso deles é facilmente detectável. É tanta imbecilidade agregada que fico sem entender como podem pessoas inteligentes de verdade serem verdadeiramente doutrinadas pelo que dizem adolescentes obcecados.
Aliás, vejo, por muitos posts seus que você também conhece esse fórum pavoroso. Só não sei por que você segue a política deles de não falar sobre.

Aqui quem vos fala é uma feminista que namora um chaner e hoje mesmo teve um atrito horroroso com ele por causa de machismo.

Karoline disse...

Acho engraçado como esses mascus têm certeza de que o mundo sempre foi divido entre os machos provedores dominantes e as mulheres que cuidavam do lar, acreditando piamente que aquela história do homem arrastando a mulher pelo cabelo na idade da pedra era de verdade.

Gabriela disse...

Eu tenho mais raiva desses pseudo-humoristas do q dos mascus em si.Por mais hediondo q seja seu discurso eles assumem oq falam.O pior tipo de pessoa q vc pode encontrar é esse tipo covarde.Fala a merda q quer e depois tira o rabo da reta alegando se tratar apenas de uma brincadeira.É uma piada sabe.Vc q é mal-humorada.O pior é q funciona.Já me encontrei em situações em q ao exigir uma retratação por algo racista ou machista q foi dito foi elevada a categoria de vilã.A CHATA.A CHATA Q NÃO GOSTA DE PIADAS.
É muito interessante ver tipinhos como essa "barata"-pronto lola;acabei de chamar alguém assim- falando sobre lutar em guerras.O camarada não tem nem coragem de se identificar, seja com uma foto ou com seu real nome,vive se escondendo atrás de um certo humor e vem falar de lutar guerras?Esse seria o tipíco desertor q se esconderia na casa da mamãe.E tortura?O quanto vcs acham q ele aguentaria para não entregar um parceiro?Ele venderia tudo sem ser tocado.Apenas por medo.Por mais nojentas q as baratas sejam,por mais q pareçam ter super poderes;porq ô bicho ruim de morrer,por mais q nos sentimos ameaçadas a sua presença sabemos oq devemos fazer... Esmaga-lás.MASCUS,Edutestosterona,esses assim chamados humoristas,são apenas baratas.Vamos exterminá-las.

Rodrigo disse...

Isso de contexto é muito importante e TEM que ser levado em consideração quando se utiliza determinados adjetivos. Sou gay e tenho amigos que me chamam de viado e bicha direto, mas eu levo na brincadeira, xingo de volta, rio, porque sei que eles não utilizam essas palavras com o mesmo tom que um homofóbico utilizaria. Da mesma forma, dificilmente eu iria ficar calado se um desconhecido se referisse com esses termos a mim porque, o unico motivo pelo qual alguem que nao nutre qualquer afeição por mim(pelo fato de nao conhecê-lo) fosse usá-las, seria unicamente com o motivo de ofender. E daí toda a situação já muda. E pior ainda quando se é uma figura pública cujas palavras tem um alcance imensurável na população. O mínimo que se pode exigir de uma pessoa dessa é bom senso (mas nem isso as vezes).

Rodrigo disse...

postei dois comentários semelhantes achando que o primeiro nao tinha sido enviado, mas agora que vi que a moderação dos comentários está ativada. Se quiser pode postar os dois, ou só o primeiro, ou só o segundo =D ou nenhum.

Anne disse...

@Jéssica
Claro flor, ser branco dá uma folga muito boa na vida, só quis saber mesmo se o problema era com o pobre animal...
Eu nem achava (não entendia)que era racismo com negro, muito menos com branco, por isso eu perguntei...
Mas tudo bem, consegui ver pela ótica da lola e faz sentido...

Ághata disse...

Cara, olhando bem, o Edu testosterona parece com Ichabod Crane - um personagem da Disney, do desenho do Cavaleiro sem cabeça.
Alguém assistiu esse desenho?

http://3.bp.blogspot.com/_i77jBahIPvQ/SqW8vOuPeEI/AAAAAAAAAys/vW81jVNsdaw/s400/Ichabod.jpg

Dona do Sexo e sou Lolista rs disse...

O danilo é eugenista.

lee disse...

Lola, sempre achava seus textos sobre os mascus exagerados. Mordo a língua (infelizmente). Vi dois candidatos mascus nessa eleição

Sphynx disse...

Esse texto do Testosterona parece coisa escrita por um adolescente de 14 anos depois de levar um fora da garota popular do colégio.

Sobre o Gentilli, já vi gente aí pela internet defendendo que o que ele disse não foi racismo. Sempre brancos, esses que parecem nunca ver racismo em nada, interessante.

Raysa disse...

Gente! Adorei o meme do búfalo! HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA quem fez? Alguém por favor faça uma página do fb

Letícia Rodrigues disse...

Os eugenistas defendiam que as "raças humanas" haviam evoluído uma das outras. Que os brancos haviam evoluído dos asiáticos, que haviam evoluído dos índios, que haviam evoluído dos negros. Ou seja, os brancos seriam a raça mais evoluída da face da terra, enquanto os negros seriam a mais inferior, e por isso estariam mais próximos dos macacos que todos os outros seres humanos. Essa pseudo-ciência foi tida como verdade científica por todo o ocidente no final do século XIX e no início do século XX, sendo inclusive ensinada em faculdades, e só entrou em decadência depois do Holocausto. Mais ainda existem, hoje em dia, cientistas que defendem a ideia de supremacia racial.

A associação de negros a macacos é indissociável da ideia de inferioridade racial. Chamar negros de macacos é declarar que acredita que eles fazem parte de uma raça inferior, ou seja, é se declarar racista.

Já brancos serem chamados de macacos é o tipo da coisa que simplesmente não acontece, já que nunca se construiu qualquer significado para essa associação.

Gustavo disse...

Luan, quero entender mais sobre padrão de beleza.
Até onde eu sei, o feminismo é uma luta por igualdade, e liberdade, ou seja, se a moça quer se adequar aos padrões, ela está usando da sua liberdade para se adequar, caso não queira, ela usa da sua liberdade para não se adequar, até ae ok.
Só não entendo uma coisa(e não é ironia), se um sujeito gosta de moças "morenas de cabelo liso" por exemplo, ele não está oprimindo as demais mulheres (loiras, japonesas,negras), ele está usando da liberdade de escolha dele.
Vc disse sobre "futilidade" e o q é isso? desejo sexual é futilidade? se uma pessoa, se sente atraído por um determinado tipo de pessoa, isso é futilidade?

Koppe disse...

Outro dia enquanto alternava entre pornografia e futebol na tevê,
Tenho pena de quem precisa reforçar pra si mesmo um estereótipo tão superficial e já falido de masculinidade. É como se ele precisasse justificar o uso de uma TV, já que um "homem de verdade" não estaria assistindo outra coisa.

eu acabei parando numa reportagem sobre os líderes revolucionários na Ásia e me peguei pensando nessas pessoas insanas que querem mudar o mundo só pra se livrar do seu trabalho.
Se não fossem por pessoas insanas que cometem essa insanidade de querer mudar o mundo, a vida de todo mundo hoje estaria muito pior. Abolir a escravatura já foi vista como uma idéia insana; parar de jogar pessoas numa arena com leões já foi visto como idéia insana; todo mundo poder escolher a pessoa com quem vai se casar já foi visto como idéia insana... a lista é bem grande. E nem todo mundo faz isso por vagabundagem, se o Sr. Testosterona não sabe, muita gente quer cometer tal insanidade de mudar o mundo para corrigir injustiças.

Veja bem, líderes políticos querem controlar o seu povo e ficar rico às custas dele, é até compreensível, mas e as feministas que querem mudar o curso natural da vida só pra se livrar de lavar a louça na pia?
Primeiro, que não sei qual "curso natural da vida" é esse que ele está falando. Segundo, que seres humanos possuem raciocínio, o que faz com que não sejamos condenados a seguir coisas que a Natureza determina se não forem convenientes, e isso cada indivíduo é que deve decidir por conta própria. Terceiro, que é uma simplificação desonesta reduzir a questão toda a uma simples obrigação de lavar a louça.

Desde os tempos de Eva a mulher é responsável por tarefas triviais, cuidar do seu lar e amar o seu marido, moleza né?
O velho truque de dizer que antigamente era tudo um paraíso e todos eram felizes. Só tem essa visão do passado quem não o conhece de verdade.

Cabe ao homem prover o sustento da família,
Fazendo assim a mulher ficar refém desse sustento, afinal não tendo acesso a renda ela tem que escolher entre ficar com o homem ou abandoná-lo e passar fome. É comum homens inseguros (que os mascus chamam de "beta") terem fantasias com formas de manter uma mulher dependente deles, mesmo que seja contra a vontade dela. Não digo que seja o caso do autor do texto, entendam como quiserem.

lutar em guerras,
Guerras são feitas por homens e para homens. Quando tivermos mulheres causando, decidindo e comandando guerras, também vamos ter mulheres morrendo em massa nos campos de batalha. Sinal de evolução humana seria o contrário, os homens pararem com isso e ninguém mais morrer na guerra, mas isso parece uma utopia muito distante da nossa realidade.

tomar decisões importantes e governar o mundo, justo.
"Justo" na opinião dos homens que governavam e tomavam essas decisões, claro...

Aí alguma revolucionária de meia tigela durante a TPM
Ah, sim, claro... tudo começou por causa de uma mulher só, e não por causa da vontade de inúmeras delas de lutarem contra uma situação que consideravam injusta. Faz o seguinte: usa tua mente masculina super-evoluída e superior e constrói uma máquina do tempo, pra voltar no passado e dar a essa tal mulher algum remédio que anule os efeitos da TPM, mudando o curso da história e criando assim o mundo perfeito, harmônico e patriarcal que tu tanto sonha...

resolve lutar por direitos iguais e abdicam dessa regalia.
Casamentos forçados, estupros, repressão da sexualidade, espancamentos, ser tratadas como propriedade... realmente era muita regalia, não sei como pôde passar pela cabeça de alguém a idéia de abdicar de tudo isso.

Koppe disse...

Mas não é só isso, mulher não dá ponto sem nó, elas só querem os direitos iguais, mas não os deveres.
Se nem os direitos foram igualados ainda, quer que já se tenha resolvido os deveres, assim no mais, por mágica? E também, querer impor deveres iguais para as mulheres deve ser uma luta nossa, dos homens, se acharmos que estamos sendo injustiçados, e não ficar cobrando das feministas que lutem uma luta que não é delas. Mas quase não vejo homens lutando por isso, em compensação vejo muitos agindo para que elas não tenham direitos iguais. Eu não me sinto injustiçado pelas conquistas do feminismo, mas recomendo aos que se sentem assim que decidam o que querem antes de começarem a fazer exigências.

Feminista não quer se alistar no exército,
Até hoje nunca vi nenhuma feminista protestando contra a presença de mulheres nas Forças Armadas. Até fiquei curioso, gostaria que me mandassem o link de algum texto de feminista contra isso. Já os antifeministas eu já vi, e não foram poucas vezes, dizendo que Forças Armadas "não são lugar para mulheres" e reclamando que ao permitir a presença de mulheres na caserna estão tirando o lugar de homens. No mais, eu acho que prestar serviço militar deveria ser considerado um direito, e deveria sim ser permitido às mulheres.

muito menos consertar o chuveiro ou trocar o pneu do carro.
Essa parte é tão tosca que nem dá vontade de comentar... mas, num mundo mais igualitário ninguém veria problema algum se uma mulher quisesse trabalhar como eletricista ou borracheira.

A feminista é só uma espertinha que ta com preguiça de varrer a casa e fazer o almoço e que usa essa balela de direitos iguais pra fazer o que elas mais gostam: encher o nosso saco.
Até hoje nunca tinha visto alguém fazer tão pouco caso da idéia de direitos iguais, uma das noções mais importantes que a humanidade já teve. Fora isso, se as mulheres querem trocar tarefas tão fáceis como varrer a casa e fazer o almoço pelas tarefas tão difíceis que eram obrigações dos homens, a gente não devia estar comemorando em vez de ficar choramingando?

Então meu amigo, anote, além de oportunismo, feminismo nada mais é do uma tentativa desesperada das mulheres de chamar atenção dos homens, fique esperto.
É, porque na cabeça tão reduzida do autor desse texto, a única vontade das mulheres, o único desejo que elas têm nesse mundo, é chamar a atenção dos homens... sorte nossa, que elas fazem isso através de movimentos políticos e sociais, entrada no mercado de trabalho, lutas e reivindicações em vez de usar a tática da tijolada na cabeça que o blog dele sugeriu que façamos com elas. Acho que quem devia ficar esperta mesmo são as mulheres que convivem com esse cidadão.

Priscila Daniele disse...

Comentário in off:

esse link é de um video que tentei fazer sobre racismo infantil...

estou divulgando aqui para quem puder assistir..

obrigada

link:

http://www.youtube.com/watch?v=k4JihY0Bdqc

Gustavo disse...

Pedro Gonzalez:
Certa vez , vi uma frase em algum livro :
"só acha que o dinheiro resolve tudo, quem nunca teve dinheiro".

Vou te contar uma história pessoal:
Eu gosto de metal,dentro do nosso meio existem padrões também (ser tattuado, cabeludo, ser músico), e eu não sou NADA disso, e isso não me impede de gostar da música.
Além disso sou pobre, trabalhei por meses, fazendo hora extra de domingo a domingo, pra realizar um sonho: Ver o Iron Maiden de pertinho.
Gastei 300 reais no ingresso(deixei de comprar muitas coisas q eu necessitava pra isso).
Era março, um calor dos infernos e todos nós de camisetas pretas,queimando mesmo.
TODOS os homens começaram a tirar suas camisas, até ae tudo bem,até a hora q eu tirei (sou um cara , com corpo musculoso, "dentro dos padrões")Não fiz isso com intuito de "me achar o bonitão", nem de "ser admirado " pelas mulheres, fiz pq estava quente...
Percebi que começaram a jogar latinhas, e garrafas em mim (eu estava na área vip, e as garrafas vinham da área comum),
Para minha surpresa, começaram a me xingar, de "play boy","Viado" e dae pra pior...
Uma amiga minha estava próxima deles, após o show ela foi me contar, que quando tirei a camisa, umas moças me chamaram de "gostoso", e aquilo irritou profundamente os caras, e eles QUERIAM ME AGREDIR, depois do show!.
Agora eu te pergunto, será q todo "bonito/bonita" tem uma vida fácil?

Gustavo disse...

Pedro Gonzalez
Outra histórinha:
Certa vez, eu estava desempregado, e me ofereceram um trabalho temporário de garçom em uma convenção.
Era um trabalho de uma semana, pagariam por dia,eu deveria sair oferecendo bebidas/comidas, para os clientes(de uma imobiliária).
Bem, trabalhei um dia, no dia seguinte falaram que eu tinha perdido o trabalho porque eu estava "causando" demais.
Segundo eles depois de eu oferecer comida/bebida para um casal,o marido da pessoa ficou com ciúmes, e reclamou com o vendedor, dizendo que haviam contratado go go boys pra trabalhar, e que isso era de muito mal gosto.

Letícia Rodrigues disse...

Rodrigo, suas colocações são bem interessantes. Gays são chamados de "viados" pq veados machos tem um comportamento homossexual. Ou seja, quando se chama um gay de "viado" se está apenas dizendo que o gay é gay. Se essa atitude vai ser ofensiva ou não, isso pode variar de acordo com o contexto, embora na nossa sociedade homofóbica o termo geralmente seja usado de forma ofensiva.
Tenho amigos gays que se referem a si mesmos, aos próprios namorados, e a amigos deles que também são gays usando o termo "viado" de forma carinhosa. Ao mesmo tempo, para homofóbicos que vêem a homossexualidade como algo repulsivo, "viado" é o pior xingamento de todos.
Já dizer que gays são pedófilos, por exemplo, é algo extremamente homofóbico em qualquer contexto.

Chamar um negro de "crioulo" também pode ser um tratamento carinhoso ou ofensa racial, dependendo do contexto. "Crioulo" é uma palavra de origem africana, nome de dialeto falado em Cabo Verde. Chamar um negro de crioulo é associa-lo a cultura africana. Mas os racistas usam a palavra como xingamento.
Já chamar negros de macacos é uma atitude racista em qualquer contexto.
Concordo com tudo o que vc disse, só achei válido fazer essas considerações.

Letícia Rodrigues disse...

Ainda sobre a questão de contexto e ofensas: Tenho um amigo gay que odeia o filme Bambi. O motivo? Ele sofreu bullying na escola, como a maioria dos gays, e uma das ofensas que sofria era ser chamado de Bambi. O personagem Bambi ser uma gracinha não fez com que ele sofresse menos com o Bullying.

Mariana disse...

Lola,
vc viu que aquela "banda" new hit conseguiu habeas corpus?

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2012/10/02/mp-denuncia-os-nove-integrantes-da-banda-new-hit-por-estupro-de-adolescentes-grupo-consegue-habeas-corpus.htm

Tenso...

Samira B disse...

Me assustei com o texto dele! Foi publicado na sexy? Que horror , parece ter sido escrito por uma criança de 10 anos...

Luiza disse...

Lola, eu já chamei mascu de barata aqui no blog o/

Mas estou reconsiderando o termo, porque as baratas servem de alimento para certas criaturas, enquanto os mascus... bem, não servem pra nada.

Rodrigo disse...

Letícia concordo em gênero número e grau o/. Muito interessante a origem do termo crioulo e viado, por sinal haha

Cora disse...

foi um adulto que escreveu esse texto?

adultos revisaram e aceitaram publicar esse texto numa revista para adultos?

sério mesmo?

até meus amigos mais sem noção da época da adolescência achariam esse texto ridículo.

inacreditável!!!

depois pessoal pergunta porque não tenho muita fé na humanidade...

séc. xxi e tem gente que ainda está neste estágio!

chega dar dó!

ô coitado!!

Cora disse...

Emicida está cada dia melhor, mais politizado, mais contundente nas críticas.

ele não faz meu estilo de música preferido, mas confesso que tudo que ouvi dele eu gostei muito.

já os "novos" humoristas, ao contrário... cada dia mais preconceituosos e patéticos, confundindo transgressão com agressão.

triste, triste...

assisti alguns programas desse gentili, aqueles em que ele acha que tá entrevistando. uns logo do início. sofríveis. abandonei. há uns meses resolvi assistir mais alguns (sempre na net, não tenho tv), pra ver se ele tinha aprendido a entrevistar.

dei um azar danado. escolhi um com o neto (nem me perguntem porquê). no final, me entra uma "professora" que tirava uma peça de roupa a cada erro cometido por eles (nem lembro direito, foi vergonhoso). aí eu vi que não valia mesmo a pena. mais do mesmo. usar mulheres com pouca roupa pra conseguir audiência.

transgressão mandou lembrança.

e eu nunca mais acessei o programa.

Katia disse...

Lolinha sua linda, tá sabendo do bafão?

O site Papo de Homem publicou um texto gigante e bonitinho sobre o feminismo, tem umas besteiras lá mas no geral, dá pra salvar.

http://papodehomem.com.br/feminismo

Só que tem um lado bastante sinistro envolvendo o Cabana, grupo de sei lá o que patrocinado pelo PdH, e a Letícia do Cem Homens conta tudo aqui:

http://cemhomens.com/2012/10/papo-de-babaca/

E no Twitter ela revelou inclusive que a menina atacada pelos MARGINAIS gordofóbicos inclusive cogitou suicídio.

Bacana né? "Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço".

Esse mundo tá perdido mesmo............

Cachorro disse...

Olá.
Gostaria de só deixar uma coisa aqui.

Não generalizem, há negros com preconceitos com brancos, e MUITOS. Porquê esse fato nunca é abordado?
É sempre o negro a vítima, não entendo isso.

Also, porquê vocês se ofendem tanto com homens escolhendo mulheres, quando, vocês que tem a opção de escolha de ficar ou não com certo homem, não somos nós que escolhemos e sim vocês.

Mihaelo disse...

Originalmente apenas os negros que nasciam aqui na América eram crioulos(isto é, nativo do local onde nasceu). Muito interessante que no restante do Brasil, crioulo passou a ser sinônimo de negro e não de nativo do local, como ocorre no restante da América Latina e no Rio Grande do Sul, que é uma exceção ao restante do país, já que aqui compartilhamos parte do dialeto gaúcho-platino com os dois países vizinhos.

Leio Lola Leio disse...

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2012/10/02/mp-denuncia-os-nove-integrantes-da-banda-new-hit-por-estupro-de-adolescentes-grupo-consegue-habeas-corpus.htm

Lola, a Banda New Hit que estuprou em seu ônibus 2 meninas de 16 anos recebeu habeas corpus. Seria possível você falar sobre isso? Sei que você tem ZILHARES de assuntos a tratar e pedidos também, mas esse caso é tão absurdo e me parece que se não se falar sobre ele agora, maiores são as chances desses rapazes saírem impunes quanto ao(s) crime(s) que cometeram e ainda serem sucesso entre o público com a idade das meninas que eles estupraram. Ai, dá até tristeza...

Rose disse...

É o ciclo misógino, racista e homofóbico:usando foruns, paginas ou blogues fechados o mascu faz a apologia explícita à violência (em todos os níveis) de gênero, homofobia e racismo. Usando as citações dos mascus, os chamados novos humoristas transgressores do politicamente correto, com sua notória capacidade de memetizar o sofrimento alheio e, sob o viés do humor, distribui, compartilha e ganha adeptos ou defensores do discurso de ódio.Esse discurso, em geral, faz surgir uma polêmica entre pessoas que se sentem ofendidas com o discurso e as que se sentem ofendidas com as críticas ao discurso (normalmente nessa fase muitos defendem ou acusam o "humorista" esquecendo o discurso de ódio que gerou a ~polêmica~). Com a polêmica gerada, alguns da mídia mais "sofisticada" fazem matérias sobre o ~polêmico humorista~ e a perseguição que ele sofre dos intolerantes ( que somos nós, os ofendidos)a partir desse momento, tudo que ele fala, (seguido de um rsrs)é brilhantemente engraçado, gênio ou transgressor e verdadeiro. Então os mascus, aqueles do começo do ciclo, se espelham nas palavras e piadas do novo ídolo para criar mais discursos de apologia ao ódio, a violência...

Letícia Rodrigues disse...

De fato, Mihael, me lembro de ter estudado na escola que, nas colônias espanholas, os espanhóis eram chamados de chapetones, e os filhos de espanhóis nascidos na América eram chamados de crioulos.

Ao mesmo tempo existem línguas chamadas "crioulo", faladas até hoje em países africanos como Cabo Verde. Tive uma colega de Cabo verde na faculdade que falava o crioulo cabo-verdiano.
Talvez justamente por serem línguas criadas pelos nativos africanos com base no Português elas tenham sido chamadas de "línguas crioulas", o que talvez queira dizer, justamente, língua nativa, ou língua dos nativos. E talvez crioulo tenha se tornado sinônimo de negro no Brasil por causa dos africanos que falavam crioulo que vieram para cá. Mas não tenho certeza, estou especulando.

Eis o que a Wikipédia diz sobre as "línguas crioulas":

"Uma língua crioula nasce no contexto de uma comunidade que se tornou tão culturalmente diversificada que não é possível adoptar para o conjunto dessa comunidade nenhuma das várias línguas naturais faladas por cada falante. Contextos deste género existiram, por exemplo, durante os descobrimentos portugueses, quando escravos das mais variadas origens eram separados das suas famílias e reunidos aleatoriamente em fazendas e roças coloniais. Estas comunidades não tinham a oportunidade de aprender correctamente a língua do colonizador e desenvolviam um pidgin, isto é, um sistema linguístico rudimentar, com palavras baseadas na língua do colonizador. Este sistema permitia estabelecer uma comunicação mínima quer entre os membros da comunidade, quer entre estes e os colonos."

lola aronovich disse...

Simplesmente brilhante, Paulo. Deletei seu comentário porque quero transformá-lo em guest post. Em breve. Se quiser me enviar mais alguma informação sua por email pra eu incluir... lolaescreva@gmail.com

Anna disse...

Esse Danilo Gentili é tão corajoso que correu para apagar a piada de Higienópolis, a pedido do Marcelo Taz. Ficaram com medo de perder anunciantes.

Sergio Masa disse...

http://www.mises.org.br/Subject.aspx?id=39 bons artigos sobre o tema 'discriminação'.

yulia2 disse...

po o russo lá que ta leiloando a virgindade só tá recebendo propostas
de homens....

Letícia Rodrigues disse...

O Gentili conseguiu tirar o vídeo do lasombraribeiro do youtube e apagou o post racista do twitter, mas o rapaz denunciou Gentile e seus fans mesmo assim:

"O redator Thiago Ribeiro, 29 anos, estava cansado dos ataques à comunidade negra realizados pelo comediante Danilo Gentili, quando editou e postou no Youtube um vídeo que enfatiza o conteúdo racista veiculado nas "piadas" do humorista da TV Bandeirantes.

Em sete horas, o vídeo obteve 800 visualizações, inclusive uma visualização do próprio Gentili, que conseguiu tirar o vídeo do Youtube por meio da cláusula de uso de imagem.

Fora do Youtube, mas ainda no Twitter e Facebook, o vídeo que rendeu muitos comentários foi o primeiro passo da ação que Ribeiro planejava. Ele escreveu uma carta-denúncia que cita trechos do programa televiso de Gentili intitulado "Agora é tarde", que seria apresentada às autoridades e à TV Bandeirantes.

No último domingo, via seu perfil no Twitter (@LasombraRibeiro), Thiago interpelou Gentili sobre o conteúdo da carta e recebeu a seguinte resposta: "Sério @LasombraRibeiro vamos esquecer isso... Quantas bananas você quer pra deixar essa história pra lá?".

Após alguns minutos, Gentili apagou o post, mas Ribeiro já havia salvado a imagem. Depois da mensagem do comediante, seus seguidores começaram também a agredir e reforçar o teor racista do comentário de Gentili com frases como: "Indo levar umas bananas pro @Lasombraribeiro para ele ficar quieto", do perfil de @BiahNunes_; "(Sic) CHICOTADAS NELE pfvr", escrito por @jaqporra e "Ele nem é tão negro, ele sabe fazer um Twitter e sabe tirar print" de @RaquelRangel0.

Esse último zombava de um comentário de Thiago Ribeiro que afirmava estar com todas as telas com as provocações racistas salvas. Todos os prints podem ser vistos na página do Facebook de Thiago.

Na segunda-feira, Ribeiro enviou uma denúncia ao Ministério Público de São Paulo e à Policia Federal sobre o ocorrido. Na terça-feira, foi à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania e à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, onde foi feito o Boletim de Ocorrência. Thiago apresentou sua carta-denúncia, bem como os prints das agressões que sofreu na madrugada por Danilo Gentili e seus seguidores.

Ele também foi contatado por pessoas que trabalham junto à deputada estadual Leci Brandão para formalizar denúncia na Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. "Tudo o que eu posso fazer, eu tenho feito. Cabe à Justiça impedir que Gentili continue rindo de nós. Temos que protestar contra esses humoristas racistas que acham que estão acima da lei", afirmou Ribeiro em sua carta-denúncia."

http://www.geledes.org.br/racismo-preconceito/racismo-no-brasil/15760-a-certeza-da-impunidade-danilo-gentili-oferece-bananas-a-internauta-negro-pelo-twitter

yulia2 disse...

que revista é essa que o cururu escreveu?

Cardoso Tardelli disse...

Alguns mascus me lembram a regra paulistana do "dorme-acorda-trabalha-dorme..." e da consequente imperceptibilidade das coisas que lhe passam sobre as faces. Os argumentos mesquinhos dos rapazes são dignos de risos (seja na revista ou no dia-a-dia). São como aqueles plenos trabalhadores de uma ideia vã que, ao cansar do corpo, dormem, acordam, trabalham a ideia rasa, e dormem novamente, sem ver que o Feminismo ao qual eles se referem não é o Feminismo que eles desejam que fosse, um dia o foi, pois o atual, meus caros e caras, transcende qualquer questão casa/trabalho, apesar de ser evidente. É arte, por mulheres, política, por mulheres, fé, por mulheres, esporte, por mulheres. Só muitos de nós - homens e até algumas poucas mulheres - não percebemos, quando envoltos nas vãs percepções dos olhos tortos - o quão vasto se vai o campo benéfico do feminismo. Abraços.

Stefanie disse...

Pessoalmente não vejo problema em comparar negros com macacos.
Todos nós - brancos, amarelos, vermelhos, e macacos - dividimos o mesmo ancestral. E macacos são lindos, e MUITO inteligentes.
Mas isso talvez seja porque eu sou branca, e bióloga, e só sei onde aperta o MEU sapato.
Até que alguém me informe, devo cometer várias gafes.
Depois, peço desculpas, e mudo meu comportamento.

Quando o Danilo Gentili fez a comparação com o King Kong não achei grande coisa - nem grande piada, nem grande ofensa - mas muitos se manifestaram.
Teoricamente, antes ele não sabia, e foi devidamente informado.
Desta vez ele, não só sabia, como reforçou ao oferecer banana.
Antes ele só fez uma piada ruim. Agora foi má fé.

PS: Alguém tem o e-mail da Sexy? MAnda aí. Vamos mostrar para a revista o quanto foi infeliz a coluna do Testudo. Inclusive porque esse ataque frontal à mulher e ao feminismo é tudo o que uma revista como a Sexy não deveria querer. Ser contra a liberdade - inclusive sexual - da mulher deve ser ruim para os negócios, né?

Ray disse...

Não tem como fazer um abaixo assinado para fazer cair esse blog machista? Temos como denunciá-los de algum modo? Deveria haver uma lei anti-misoginia tal como a lei anti-racismo!

Kiliar'Ki disse...

Gostei de parte do post e entendo sua posição, mas, quando se referindo ao Gentilli, é humor negro, a função é justamente ir ao extremo do ser humano e mostrar o quando o pensamento preconceituoso é escroto (se acompanhasse o trabalho dele veria que o cara vive "se contradizendo" com "opniões" prós e contra, a verdade é que é só uma personagem. É tolice levar como verdade esse tipo de humor(por mais que ele possa pisar no calo quando fala de algo que é pessoal) tanto denecrindo quem o prática como apoiando oque é dito (apesar de eu concordar que esses humoristas deviam ser mais especificos e fazer de uma forma que seu "papel" soe como uma critica, mas infelizmente ou nao tem capacidade de atuação ou preferem viver de polemica)