terça-feira, 27 de outubro de 2015

GUEST POST: OUTUBRO ROSA, PARA VENCER AS ESTATÍSTICAS

Pedi um texto pra Jamile sobre o Outubro Rosa (opa, esta semana o mês acaba) e ela me enviou este:

Estamos no mês de outubro, o Outubro Rosa, mês de intensas campanhas mundiais de prevenção e combate ao câncer de mama. Nesse mês, usamos laço rosa (no meu trabalho todo ano eles dão um lacinho rosa pra todos usarem), mamografias são feitas gratuitamente e com mais facilidade -- sem necessitar de pedido médico -- em vários lugares (aqui em Porto Velho estavam marcando no shopping!), a galera vai pra rua distribuir panfleto com informações importantíssimas. Isso sem contar nos locais que iluminam os monumentos com luz rosa. Tudo isso pra CONSCIENTIZAR sobre o assunto.
A ideia de criar um mês dedicado à prevenção e cura do câncer de mama surgiu nos Estados Unidos, quando a Fundação Susan G. Komen for the Cure lançou o laço cor de rosa e o distribuiu aos participantes da Primeira Corrida pela Cura, em Nova Iorque, no ano de 1990. Em 1997, entidades das cidades americanas de Yuba e Lodi começaram efetivamente a comemorar e fomentar ações voltadas a prevenção do câncer de mama e chamaram de Outubro Rosa.
No Brasil, a primeira iniciativa ao Outubro Rosa foi a iluminação (em rosa) do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista, em São Paulo. Em outubro de 2009, as iniciativas espalharam-se pelo Brasil e hoje empresas, órgão públicos, entidades e a sociedade no geral participam.
A importância desse evento mundial? De acordo com o Instituto Oncoguia, o câncer de mama é o tipo de câncer que mais acomete mulheres no mundo. Em termos de Brasil, os números também assustam: mais de 12 mil mulheres morrem por ano em decorrência da doença. 
O câncer de mama é a maior causa de morte feminina por câncer, apesar de ter 95% de chances de cura quando descoberto no estágio inicial. Pronto! Ta explicada a relevância da campanha: se descobrirmos no início, ele não será mais a maior causa de morte por câncer em nós mulheres.
Segundo o INCA -– Instituto Nacional do Câncer -- os objetivos da campanha são: fortalecer as recomendações para o diagnóstico precoce e rastreamento de câncer de mama indicadas pelo Ministério da Saúde, desmistificando crenças em relação à doença e às formas de redução de risco e de detecção precoce.
Ainda conforme o INCA, os eixos da campanha são:
- Divulgar informações gerais sobre câncer de mama;
- Promover o conhecimento e estimular a postura de atenção das mulheres em relação às suas mamas e à necessidade de investigação oportuna das alterações suspeitas (Estratégia de Conscientização);
- Informar sobre as recomendações nacionais para o rastreamento e os benefícios e os riscos da mamografia de rotina, possibilitando que a mulher tenha mais segurança para decidir sobre a realização do exame. 
Por isso, mulheres, além de realizarmos o autoexame, vamos fazer o rastreamento mamográfico (que deve ser feito anualmente por mulheres com mais de 40 anos). Ele é necessário por que é o único exame capaz de detectar tumores de 1mm, impossíveis de sentir com o toque. De acordo com a médica Linei Urban, comprovadamente, a mamografia ajuda a salvar vidas! Ela lembra um estudo publicado recentemente pelo British Journal of Cancer, estimando que com o exame é possível evitar 1.121 mortes a cada 100 mil mulheres, entre 50 a 74 anos. É muita coisa. 
Portanto, mulheres, vamos nos cuidar! Devemos nos alimentar de maneira saudável, não fumar, não fazer o uso excessivo de bebida alcoólica, praticar atividades físicas. Tudo isso aliado a consultas anuais com ginecologista e as mamografias vão nos ajudar a vencer as estatísticas.

68 comentários:

Anônimo disse...

eu vou falar uma coisa que pode parecer insensível, já que nunca tive câncer...(mas nao é, juro)

mas quando vejo a luta de pessoas contra essa doença, eu percebo (de modo geral, nao em todos) como as pessoas sao tao focadas na aparência...Nao estou falando do doente, mas dos que os cercam. Já vi muitos casos de pais, esposos, filhos, parentes e amigos falando "e agora ? ela vai ficar sem cabelo?"

A pessoa deve estar passando por tantas mudanças: medicamentos que causam outros efeitos colaterais fortes, incerteza quanto a vida, rotina hospitalar, as vezes ficar longe do trabalho e dos filhos, internações , tendo que adiar sonhos, etc.... e o primeiro pensando de alguém de fora vai ser sobre o cabelo ?

Uma vez "conheci", através da internet, uma adolescente que estava enfrentando o câncer...uma guerreira, super otimista e alto astral. E ela fez uma postagem que provavelmente ela teria que amputar uma perna, ela parecia conformada, nao ficou pedindo pra isso nao acontecer...mas os comentários focavam "Deus vai te salvar e você nao vai precisar amputar a perna", "Eu creio no milagre e você nao vai precisar amputar a perna"... a maioria dos comentários eram desse tipo, quando acho que a pessoa precisava ouvir "vou rezar pra voce enfrentar isso da melhor forma possível" , "conheço pessoas que amputaram uma perna e que continuam fazendo suas atividades diárias normalmente", "estaremos com vc. se precisar de ajuda, nos avise" , "conheço alguem que passou por isso. quer entrar em contato?", etc. e mensagens desse tipo. Bom, pro desfecho... a menina nao precisou amputar a perna, pois nem a amputação a sararia da doença... e uns meses depois ela faleceu. Pq as pessoas focavam tanto na aparência dela ? ela já sabia que essa seria a melhor alternativa pra ela...eu, se estivesse no lugar dela, me deprimiria de ver que, para tantas pessoas, mesmo diante da morte, a preocupação com um membro nao vital estava acima de qq coisa.

Rafael disse...

16:33, existem muitas pessoas que são discretas. Eu, particularmente, gosto que os outros saibam o mínimo da minha vida.

Ficar jovem e careca, carimba na cara do cidadão: "TEM CANCER".

Além de incomodar, abre espaço para curiosos e sem-noção, tornando a vida da pessoa ainda mais difícil. A todo momento a pessoa é lembrada de sua enfermidade.

Anônimo disse...

Rafael,

eu sou o Anon do primeiro comentário.

Eu entendo que quem está passando pela doença pode se incomodar com isso, um dos motivos é isso mesmo que vc escreveu.

Só nao entendo as pessoas de fora ficarem focando nisso. A pessoa vai perder cabelo (na quase totalidade dos casos). Um estranho falar: "coitada! tá sem cabelo" , "espero que cresça cabelo logo" , "nossa...o cabelo dela era bonitoooo".... só vai acentuar ainda mais o impacto.

Eu nunca tive câncer, mas já tive queimadura de segundo e terceiro grau,
e na época do tratamento, o preocupação de muitas pessoas era "se iria ficar marcas"...qd na verdade, era a ultima das minhas preocupações. Até hoje, quando olho as marcas, eu lembro das frases e penso "será que essas marcas sao tao horríveis assim"... pois lembro daqueles comentários.

Rafael disse...

16:56, entendo que pode ser algo menor, mas mesmo em mulheres libertas da opressão, seu corpo, sua vaidade tem um peso considerável. O cabelo faz parte do corpo. Desenha a aparência. Perdê-lo é como se fosse uma mutilação temporária.

No nosso caso, perder cabelo é até parte da vida. Eu já tenho poucos. rs. Ninguém liga pra cabelo de homem. Mas para uma mulher, perder o cabelo, ou quiçá, a mama tem um impacto. Impacto forte.

O argumento do cabelo pode ser estendido à mamas. Pode-se viver sem, mas é uma agressão quando são removidas.

Anônimo disse...

Rafael,

eu entendo tudo o que vc disse.
O que eu to querendo dizer é...o que ajuda alguém de fora falar isso ?
Sim, é apego...falar de vaidade, essas coisas...é apego.

Mas eu entendo o doente sentir isso. Ele pode sentir o que ele quiser. Ele está passando por aquilo.

Mas se eu to tao preocupada com ele... pq eu tenho que falar "ah, que pena ! vai perder o cabelo!" , " ahhh..tomara que nao tenha que retirar a mama"... pq eu tenho que falar isso ? A pessoa provavelmente vai perder o cabelo, a pessoa corre risco de ter que retirar a mama... e daí as minhas frases só estao reforçando como é triste perder o cabelo e a mama.

Sei lá,
tente se imaginar que vc precisar amputar uma mao...
nao é vital, mas pode te fazer falta,
e daí, em meio de N sofrimentos que vc deve estar passando: doença (ou acidente), medicamentos, internação, saudade da familia, ter que adiar sonhos... vem alguém e fala "tomara que vc nao perca a mao". Vc sabe que vai perder. Pra que ouvir isso ???

Rafael disse...

17:08, simples, porque o mundo tá cheio de gente sem noção. Familiares principalmente.

E seguindo seu exemplo, ainda vai ter um energúmeno que após a amputação vai olhar e perguntar: "Puxa, você perdeu a mão?" e valeria responder: "Não, o delivery de manicure veio buscar, mas já devolve". kkkkkk

Muita gente não sabe que a melhor forma de lidar com certos assuntos é justamente não saturar. Se não vai ajudar, fica quieto. Mas a vida é diferente. As pessoas gostam de falar, muita gente se obriga a ter sempre uma palavra para dizer e isso deve incomodar muito, muito um doente de câncer.

Lygia disse...

Só uma correção:

O rastreamento preconizado pelo INCA é mamografia a cada 2 anos em mulheres acima de 50 anos!
O rastreamento descrito no texto é o proposto pela FEBRASGO (Sociedade Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia), e o ministério da Saúde ainda não adota ele.
Ou seja, o SUS utiliza o rastreamento d o INCA!

Mas isso é pro RASTREAMENTO. Pra mulheres com alto risco de câncer ou com sintoma, não importa a idade, ok?

Sófia disse...

Entendo vc anôn 17:08 e concordo com o seu argumento. Não sei explicar mas somos compelidos a agir dessa forma, acredito que ninguém que fale algo do tipo "estou rezando pra vc ficar bem, pra não perder sua mão" está querendo entristecer a pessoa enferma, é o jeito muitas vezes da pessoa falar "olha eu tô aqui, e estou com vc, quero te ajudar"...Eu quando vejo alguém que eu amo enfermo fico sem saber como agir, da vontade de tirar tudo que a pessoa ta passando mas vc sabe que não tem jeito, então imagina-se que falar algo como vc ja citou seja reconfortante...Nem sempre as palavras saem da forma como gostaríamos.

É parecido quando alguém esta de luto, vc sabe que a pessoa esta sofrendo, e quer ajudá-la de alguma forma, muitos dizem "agora ele esta no céu", "esta num lugar muito melhor", e etc. Na maioria das vezes nenhuma dessas palavras vai surtir efeito algum, para a pessoa que esta de luto, a presença de alguém ali demonstrando solidariedade vale muito mais que qqr palavra.

Então é isso, nem sempre palavras confortam, mas na maioria das vezes as utilizamos nesse sentido sem perceber q elas podem surtir o efeito contrário.

Agora quem fica falando "Aaaa que pena vai perder cabelo, retirar a mama, e etc..." é falta de sensibilidade mesmo, desavisado, temos que focar em coisas boas e não ficar reforçando algo que já esta sendo difícil para pessoa enfrentar.

Kittsu disse...

Como sou a favor do consentimento informado, vou apontar para a existência de estudos indicando que a mamografia pode ocasionar o diagnóstico equivocado de tumores malignos e causar o sobretratamento, bem como que a importância desse equipamento é superestimada e que pode ser substituído com segurança por outros métodos.

Anônimo disse...

também acho um show de vaidades essa história de cortar o cabelo pra fazer peruca.
Claro que, se isso ajuda quem está enfrentando a doença, ótima, que se faça perucas entao. Se é o que eles querem, ótimo !

Mas ressalto dois pontos:
- já pensou em doar o dinheiro do corte de cabelo pra pesquisas sobre a doença ? ou para ongs que de alguma forma ajuda os doentes durante o tratamento ? (nao estou falando o que cada um deve fazer com seu dinheiro...só estou mostrando como colocam a vaidade antes).

- acho isso um show de vaidades. A pessoa vai, faz um corte bonito, coloca a foto nova no facebook pra todo mundo curtir...e outra foto das medeixas que vai doar pra todo mundo ver como é solidária e desapegada. Se é tao desapegada assim, pq nao cortou o cabelo inteiro ? Outro dia vi no face uma menininha de 7 ou 8 anos que pediu pra cortar todo o cabelo (todo...ficar careca), pq a amiguinha tava com cancer. Acho que ela doou o cabelo cortado. Mas olha que linda. A menininha de 7 ou 8 anos se despiu da vaidade. E um bando de marmanjo só fazendo corte estiloso e pagando de solidário.


Eu nao tenho nada conta doar as medeixas, como eu disse, se está fazendo bem para os pacientes, que se fazem perucas entao. Mas o alarde em torno disso mostra que a aparencia é sempre o principal " ah... mas o paciente quer cabelos" , ok. eu vou estar do lado do paciente. Mas cada vez que a sociedade falar "vamos fazer perucas, porque, olha só , perderam os cabelos...o que vai ser deles agora ?" é dar reforço pra que eles se sintam mal nessa ausência de cabelos.

E se alguém aqui estiver passando por tratamento, quero que saibam...o cabelo nao altera a beleza de vcs, vcs continuam lindas. Vejo videos no youtube de crianças e adolescentes lindissimas lutando com tanta garra e com tanto otimismo e leveza, que pra mim, a beleza delas nem se altera na ausencia de cabelo. Sao pessoas lindas.

Bela Campoi disse...

Conheço uma mulher que teve câncer de mama e se curou. A médica dela falou sobre os anti-transpirantes, que são cancerígenos; a partir de então, só uso desodorante (tenho paranóia com isso e vejo os rótulos sempre e observo que há poucos no mercado.) Sobre os agrotóxicos, altamente concerígenos, o Brasil é uma vergonha mesmo: abusamos. Indústrias farmacêutica e de emplementos agrícolas, eis os responsáveis!

Anônimo disse...

Liberdade demais é isso aqui ó:
para vc jaque pinto pequeno,
SEU ARROMBADO PERDEDOR DE MERDA.
NÓS VAMOS DOMINAR O MUNDO.
AGUARDE QUE O QUE É SEU TÁ GUARDADO.
TÚ DEVE SER UM FRANGO DAQUELES BEM ESPINHENTO, QUE TODO DIA IMPLORA DINHEIRO PRA MÃE, PRA ELA DAR UM POUCO MAIS QUE O DINHEIRINHO DO BUZÃO KKKK...
PUNHETEIRO QUE NUNCA DEU UMA.
VIRJÃO DOS INFERNOS. KKKKKKKKKKK
TOMOU A REAL? AGORA VAI TOMAR NO CÚ.

Anônimo disse...

Jack Salvatore, sua mãe sabe que invés de parir um homem, um ser humano, ela pariu um lixo misógino!

Já que odeia tanto mulher, e adora tanto machos, vai arrumar uma rola!

Já que vai nas reuniões de seus amiguinhos mascus viados, rola não vai te faltar.

Anônimo disse...

Um corte de cabelo é 20 reais, e uma peruca é quanto? Então não faz sentido doar o dinheiro do corte e continuar com cabelo, não ajuda nada.
Se acha ruim os que cortam pra doar, deve achar horrível as que cultuam longos cabelos e não pensam em doá-los, mas talvez se essas doem a quantia do dinheiro do corte, você ache ok?
Meio sem sentido.
E você já tá careca? Ou tá esperando crescer pra raspar e doar?
Sei que existem exibidos que postam no face, mas, deixa, pelo menos estão fazendo algo de útil com esse exibicionismo.

Anônimo disse...

Anônimo das 19:48

Você e seus amigos mascus já são um CÂNCER em qualquer sociedade!!
Você que é misógino VIADO!!
Você e seus amigos pestes só sabem odiar não só mulheres como odiarem o Mundo inteiro!
Tenho pena da sua mãe que pariu um LIXO misógino e cheio de ódio como você!!
Você deve ter ódio até dela!
Não vou desejar que você e seus amigos morram de câncer, desejo que morram entalhados com pirocas gigantes em seus rabos!
Você e seus amigos misóginos se fodam com seu ódio, ignorância e preconceito!

Só não como esse teu cu arrombado, porque ele tá muito sujo, já teve muito mascu viadinho que coneu teu rabo!

Foda-se você

Ass: Tonhão Pé de Mesa

Anônimo disse...

Você deve ser completamente livre de vaidade e ostentar uma bela careca luminosa pra fazer mimimi com quem doa os cabelos né?

Anônimo disse...

Desculpem o off-topic, mas não podia deixar de falar.
o site pro impechemeant está no ar e dizem que tem mais de um milhão de assinaturas.
Que absurdo, com que parâmetros pretendem retirar do poder um presidenta que foi eleita democraticamente??
ah já sei, é porque é uma mulher que está no poder. Vão colocar quem? REAecinho??
Muita injustiça!

Anônimo disse...

Não se preocupe 20:21 é questão de tempo das tuas mulheres virarem feministas...
questão de pouco tempo.
Não vê o Enem, ninguém podia imaginar...
imagine o que ainda podemos fazer!!
Quem sabe uma delas, não olhe teu histórico de sites e caiam aqui...
Uma vez aqui, mano, já era. Vira mana na certa!!!!!
fica frio, logo logo conheceremos suas mulheres, e saiba, serão muito, mas muito bem recebidas. Pode crer. Mostraremos pra elas o que é um mundo maravilhoso longe de machistas e misóginos feito você.

Ansiosa!

saudações.

Vadias.com

Anônimo disse...

Sabe o problema do câncer?Industrialização de alimentos.Minha avó morreu com 102 anos e meu avô com 100 lá no interior da Paraíba sem assistência medica.Frango recebe hormônios para engordar e gado também....que porcaria comemos?No passado era tudo natural...fui criado com suco de frutas hoje temos refrigerante ou suco químico alem de garrafas pets jogadas nos rios.Acredito que mais dia menos dia vamos ter que resgatar contumes do passado se quisermos sobreviver.Alguns paises que se acham desenvolvidos adotaram o aborto...controle de natalidade ...e hoje são uma população velha sem futuro.O mesmo acontece com aqueles que se alimentam na rua ou com comidas industrializadas para desfrutarem de suas liberdades....doenças....e mais doenças.Vivemos a época da liberdade...da emancipação...e da morte tambem

Anônimo disse...

Anon das 20:05 e 20:06

como disse, NAO estou falando pra ninguém deixar de fazer (onde eu falei isso ?? que preguiça explicar)

eu quis dizer (e disse) que as pessoas estao muito mais preocupadas com a aparencia do que com o doente em si (e a doença). Cade as campanhas de arrecadacao pra pesquisas e pras outras ongs que trabalham com prevencao ou qq coisa que nao enfoquem a estetica ?? (ah, sim, eu ja doei, mas nao coloquei no facebook nao).

e qt ostentar a careca luminosa...nao ostento ainda, quem sabe um dia. Mas ostento um monte de cicatriz de queimadura, pra vc que falou com tanto deboche no seu comentario.

E mais uma vez, achei que tinha deixado claro, mas...NAO ESTOU CRITICANDO O DOENTE que quer usar peruca ou nao...estou criticando a sociedade que incentiva essa paranoia com a aparenca...e que no momento de fragilidade, que poderia ajudar em tantas formas, fica focando so na aparencia das pessoas.

Anônimo disse...

20:55 VIEMOS PRA DESTRUIR A PORRA TODA...KKK
qual delas? primeiro, o mundo machista que hoje você conhece, e logo não existira mais.
Nós somos o futuro, a revolução, o emponderamento.
Vamos fazer ainda muito barulho, vamos nos libertar, vamos gritar a plenos pulmões: somos feministas, vamos mudar o mundo e temos muito orgulho disso.

sddçs

VADIAS.COM

fernanda melo disse...

Gente é verdade que anticoncepcional causa câncer? E que o fato de não amamentar também. Vi isso em algum lugar não lembro onde

Anônimo disse...

Que eu saiba as 2 coisas aumentam a probabilidade de ter câncer.
É assim: eles pegam um grupo de mulheres, observam e calculam. Aí concluem que a incidência de câncer é maior nas que não amamentaram.
No caso do anticoncepcional, é hormônio! E os cânceres de colo de útero e de mama são influenciados por esses hormônios.

Rafael disse...

Para quem quiser ajudar as pesquisas pela cura do câncer (eu sei, cânceres), pode começar doando processamento do computador.

A IBM disponibiliza um software que usa tempo de processamento ocioso do computador para formar um supercomputador distribuído, servindo para simulações de centros de pesquisa envolvidos com o tema.

Mais info em https://www.worldcommunitygrid.org/

Lygia disse...

Fernanda, o anticoncepcional tem pouco efeito na maior incidência de câncer devido a pequena quantidade de hormônio. O que está comprovadamente associado é a terapia de reposição hormonal pra mulheres na pós-menopausa ou que precisaram tirar os ovários. Uma das contra indicações absolutas é alto risco para câncer de mama.

Já a amamentação reduz os riscos de câncer, mas nao amamentar não tem muita evidência de que aumente realmente o risco.

Anônimo disse...

De que adianta outubro rosa,se a saúde está no vermelho???

Rafael disse...

Anon 23:41, você tem razão. Bom mesmo era na época de FHC, com orçamento 1/5 do atual. Tá "serto".

Dá uma zapeada no site da ONU/OMS e da CIA (sim, a CIA tem uma excelente área de indicadores estatísticos sobre países). Nossa saúde está ruim? Está, mas melhorou MUITO perto da inexistência que era antes. Números não mentem, principalmente indicadores relativos à saúde de mulheres e crianças.

Mas cuidado! O PT tem muito poder sobre a CIA, aquela vendida. Certamente tá pagando o Obama para maquiar números.

Anônimo disse...

Ninguém comentando sobre o fato da mamografia ser um método ultrapassado e que dói pra caralho. Pra homem já inventaram exame de próstata sem toque retal, mas investir em melhorar métodos de diagnóstico pra mulheres, pra que né? Mulher é bixo que aguenta dor mesmo

Anônimo disse...

Prevenção de verdade é veganismo. Mas claaaro que isso fica de fora do discurso!

Anônimo disse...

#somostodasbiscates #COMMUITOORGULHO kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

AGORA VAI TOMAR NO CÚ 07:54

Rafael disse...

Negativo. O toque ainda é o meio mais seguro. O exame PSA é um complemento.

Anônimo disse...

Lola, tá correndo um boato de que hackers vão fazer um ataque contra algumas páginas racistas e de ódio, estão dizendo também que vão revelar a identidade dos donos de algumas páginas, incluindo a blogosfera de "finanças", como o pobretão, madruga investimentos, mestre centavos, etc. Quero ver a máscara deles caírem,pois eles propagam seu ódio por meio de avatares e pseudônimos, quero ver após esse escândalo a valentia deles no teclado.

Guerreira Feminista

Anônimo disse...

Lola, novamente esse otário loser mandando acessar o tal site.
Está cheio de vírus.
Por favor apague.

Anônimo disse...

Bom dia,

Daqui a pouco vão escorrer litros de male tears sobre o investimento no câncer de mama. Mas queria chamar a atenção para alguns aspectos. Não sei vcs da cidade grande, mas no meu interiorzão, a campanha ainda não surtiu efeitos. Poucos médicos, ginecologistas escassos, falta de informação, machismo - SIM! Tem homem metido a machão que não quer que médico veja a mulher pelada. Aparelhos de mamografia, então... As coisas melhoraram um pouco com um médico cubano que está aqui na cidade e por causa da empresa em que eu trabalho que se instalou na cidade, trazendo demandas.

A.

Anônimo disse...

anon das 09:21
quero ver quando a identidade dele ser revelada em breve, como disse a Guerreira Feminista as 09:06, quero ver ele escrever essas opiniões de cara limpa, pior que o blogroll dele também vai ser revelado.
P.S; Lola como vc deixa esses babacas comentarem aqui

Anônimo disse...

09:25,
Como assim? Identidade revelada em breve?
Ele vai revelar? Ou nós vamos descobrir?
Não estou sabendo de nada disso.

Anônimo disse...

Você ainda não entendeu:

#somostodasbiscates #COMMUITOORGULHO kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

AGORA VAI TOMAR NO CÚ DE NOVO.

Anônimo disse...

Vai vc, 09:32. Vc gosta.

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkk

é isso aí fazemos o que queremos e damos pra quem quisermos, o cu ou não. Menos pra otários perdedores desempregados como você.

#SOMOS TODAS BISCATES
#VADIAS


Não tem jeito perdedozinho de merda. A lola não vai parar e ela tem uma legião giganteca de fâs, de admidadoras que estão dispostar de lutar a té o último fio de cabelo por ela.
NÃO DUVIDE.

agora toma no cú mais uma vez! kkkkkkk

Anônimo disse...

*LEGIÃO GIGANTESCA DE FÂS, DE ADMIRADORAS, QUE ESTÃO DISPOSTAS A LUTAR POR ELA ATÉ O ÚLTIMO MACHISTA MISÓGINO DE MERDA SUMIR DA FACE DA TERRA.

#BISCATONACOMORGULHOMESMO

Anônimo disse...

Sobre a campanha do outubro rosa em si:

http://lugardemulher.com.br/problematizando-o-outubro-rosa/

Jay

Anônimo disse...

A gente da o cu pra quem a gente quiser, não entendeu não anta?
vou desenhar...

............./´¯/)............(\¯`\
............/....//........... ..\\....\
.........../....//............ ...\\....\
...../´¯/..../´¯\.........../¯ `\....\¯`\
.././.../..../..../.|_......_| .\....\....\.\.\..
(.(....(....(..../.)..).. ( ..(.. \....)....)..).)
.\................\/.../....\. ..\/.............../
..\................. /........\................../
....\..............(.......... ).............../

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Eles estão com inveja até dos homens que a Lola fez sexo? Eles queriam estar no lugar de um dos dois, não é possível.

Marjorie disse...

Qual a razão desse povo louco ter tanta obsessão com cú?

Kittsu disse...

Ninguém mais desconfiou que esse #soubiscate, #vadia e merdas do tipo são mascutários empurrando modinha criada por eles? Abobados...

Anônimo disse...

Gente,o assunto é seríiiiiissimo sobre câncer de mama ,pqp que povo sem noção, vão se xingar em outro lugar,o post está sendo desvirtuado e mulheres que precisam ser ajudadas,desistem de ler porque duas criaturas acéfalas e mal educadas ficam de birrinha se xingando em comentá rios falando em cu.
Ah me poupe por isso que esse país não vai pra frente,brasileiro é mal educado,preguiçoso,não respeita a dor dos outros.

Anônimo disse...

Não são não. Fui eu que respondi.

Estou cansada mesmo de ler todo dia sobre não poder fazer o que eu quero, sobre como a sexualidade feminina é restringida, maculada e execrada constantemente, seja na vida, em grupos de whatsap, na internet, no blog.
Desculpe se de algum modo soou de forma grosseira. Acho que a linguagem inteligível para esses projetos de humanos é talvez a mais adequada.

Mas é que cansa sabe, cansa muito e quem sabe assim eles entendam.
Tem um ditado popular que pode explicar isso: EM ROMA COMO OS ROMANOS.

A você Lola o meu mais sincero respeito e admiração sempre. E sim por você eu lutaria mesmo, com todas as armas possíveis!!

OBRIAGADA POR TUDO
Fernanda B.


Anônimo disse...

Desculpem o desvirtuamento do post. Mas é que estou exausta mesmo de ser achincalhada todos os dias, inclusive aqui. hoje explodi mesmo!!!

Desculpe Lola.

Obrigada sempre,
FERNANDA

Anônimo disse...

Fernanda, compreendo a sua revolta.
Eles juram que nos chamar de vadias é uma grande ofensa. Hahahah, try next time, pequenos padawans. Confessem que estão a morrer de recalque.

Marta disse...

Pq a mamografia ainda é o exame de escolha para rastreio de cancar de mama? Pq ele é o únic exame capaz de identificar lesões de microcalcificação, que são altamente sugestivas de malignidade. A ultrassonografia de mama é um bom exame, sobretudo em mulheres jovens com a mama mais densa, porém não substitui a mamografia por causa das microcalcificações.
Mamografia não dá diagnostico de câncer de mama! A mamografia é exame de rastreio, quem vai dar diagnostico de câncer é o histopatologico.

Raven Deschain disse...

18 e 23... Aqui em Curitiba, pelo menos os salões que vc corta pra doar não cobram o corte. E só cortam se for joãozinho.

Se for pra vc continuar com o cabelo pela bunda e doar 3 cm, eles orientam a nem doar, então.

Anônimo disse...

Voces sabem que a mamografia causa lesões e por isso ela não é recomendada a mulheres mais jovens? Que a ressonância magnética é o exame mais adequado, mas ninguém vai falar isso pra você? Que o papanicolau só detecta quando há alterações no colo uterino, mas que a captura híbrida detecta não só com certeza se há ou não infecção por HPV (a responsável por 100% dos casos de câncer do colo de útero) mas também qual o tipo do vírus, se dos mais ou menos agressivos e ANTES de qualquer lesão existir? Não sabia? Parabéns por ter nascido mulher, por ter essas informações sonegadas de você e por ter que aceitar o que uma medicina criada por homens te faz engolir como verdade absoluta!

Anônimo disse...

Raven...
adorei essa noticia de Curitiba !!!
que legal mesmo !!!

na cidade de onde eu vim cobram o corte sim, onde moro atualmente eu nao sei...
mas ainda nao vi ninguem que cortou joaozinho nao...
todo mundo fazendo um corte descolado e pagando de solidario no face pra ganhar like.

Eu ja sabia das informacoes repassadas pelo anon de 12 e 57,
mas enquanto o foco for o cabelo,
essas informacoes vao ficar em segundo plano.

Nao quero que me entendam mal, eu nao estou criticando um paciente de querer uma peruca,
eu estou criticando a sociedade que foca na aparencia, e num momento que a pessoa precisa se concentrar em mil outros problemas, a sociedade ja a induziu a se concentrar na aparencia.

eu vejo muitas campanhas pra cortar o cabelo, pra arrecadar dinheiro ora fazer perucas e comprar lencos..
mas nao vejo quase nenhuma campanha pra arrecadar dinheiro pras pesquisas, tanto pra cura qt pra melhor diagnostico....Eu sei que essas pesquisas existem, mas campanha pra arrecadar dinheiro pra isso, eu nao vejo.

Anônimo disse...

Mas não é a sociedade focar na aparência! Um paciente não quer ser "um paciente" 24 horas por dia, quer ser lido como uma pessoa saudável quando vai fazer suas coisas e não ter que encarar o inevitável olhar de pena das pessoas! É muito difícil entender isso?

Lygia disse...

Anonimoda 12:57, ou anônimo da "captura híbrida". É bem cansativo ter vc falando sempre a mesma besteira em todo post.

Sério, para de distribuir informações erradas! Vc não tá ajudando ninguém a não ser os laboratórios que fazem o exame!

A captura hibrida (ou PCR), não exclui a necessidade do papanicolau. A captura hibrida nao é um bom exame de rastreio, porque aproximadamente 100% das mulheres entram em contato co o vírus, e 80% eliminam o virus sozinhas!! Serio que vc quer submeter 80% da população feminina a cauterizaçao uterina A TOA e acha que isso que é bacana?
Porque o virus não tem cura. Vai fazer o que com a captura hibrida?

Pelo amor dos deuses. O papanicolau não é o exame mais confortável do mundo, mas ainda é o melhor exame de rastreio, com pouquíssimos falsos positivos!

Marta disse...

Anonimo 12:57
Quando vc estabelece um exame de rastreamento para determinada doença vc busca a detecção na fase pré-clínica. A decisão de realizar o rastreamento de uma doença em uma população sempre avalia custos e benefícios. No câncer de mama, os benefícios potenciais são redução da mortalidade e número de anos de vida ganhos. Já os custos estão relacionados a aspectos financeiros e a eventuais malefícios do exame, tais como exposição à radiação e ansiedade quanto ao resultado. Há também a possibilidade de exames falso-positivos.
Mamografia não previne câncer de mama, mamografia serve para diagnostico precoce da doença.É um exame de sensibilidade de 60% a 90%. Ela é utilizada para rastreamento em mulheres acima de 40 anos, em razão da sua alta sensibilidade, baixo custo e pequena exposição à radiação.
A ressonância magnética que permite o estudo da vascularização das lesões mediante a administração intravenosa de contraste. A RM apresenta maior sensibilidade (94% a 99%), porém, tem grande variação da especificidade (37% a 86%), portanto apresentando maior numero de falsos positivos, além de ser um exame muto caro, o que iria dificultar o acesso se por acaso ele fosse definido como primeiro exame de triagem. Ou seja, é um bom exame SIM, mas é um bom exame para ser realizado com uma boa indicação, junto com a mamografia e outros métodos diagnósticos.
Vc falou que mamografia pode causar lesão em mulheres jovens, e você tem razão. Por isso a mamografia não é um bom exame para essas mulheres, até mesmo pq além de machucar essas mulheres geralmente tem mamas mais densas, e essa densidade glandular de mulheres jovens diminui a eficacia do próprio exame, por isso normalmente para mulheres jovens normalmente se pede de início uma ultrassonografia de mama. Agora rastreio de câncer de mulheres jovens só é feito com indicação, ou seja, nas mulheres que apresentam mais chance de ter um câncer de mama precoce (normalmente mais relacionado com histórico familiar).
Lembrando que gente já tem dificuldades para universalizar o rastreio com a mamografia, imagina um rastreio com ressonância magnética, ai sim que ninguém ia ter acesso rápido o suficiente aos exames, o que riria retardar o diagnostico precoce. Talvez um dia, com a avanço das técnicas e padronização destas e com a diminuição de custos a gente consiga ter uma diretriz que diga que a ressonância magnética é o primeiro método para rastreio de câncer de mama, porém essa ainda não é a realidade de nenhum lugar do mundo.

Marta disse...

Agora quanto ao câncer de colo de útero, digamos que se estabeleça esse rastreio de massa com a captura híbrida, detectando a infecção por HPV antes de qualquer lesão existir e tipificando o subtipo de vírus a infectar a mulher, o que a gente ia fazer com essa informação? Ainda não existe nenhum remédio capaz de curar a mulher da infecção por HPV, logo existiriam duas condutas possíveis: a) Acompanhamento clínico da mulher infectada ou b) amputação do colo uterino.
Nada justifica amputação de colo uterino em massa pq o câncer de colo uterino tá longe de er uma doença super agressiva tal qual o câncer de mama. Ou seja, o diagnostico precoce é super possível e a evolução com cura, nesses casos também. A conduta universal ia acabar sendo então o acompanhamento clínico das mulheres, o que não ia diferir muito do que já é efeito com o papanicolau. Apenas que, ao conhecer-se portadora do HPV subtipo 16 ou 18, a mulher estaria exposta a uma carga de ansiedade muito grande, a meu ver desnecessariamente. Ou seja, o método de captura hibrida em massa ia aumentar os custos de saúde pública e gerar ansiedade sem resultar a diminuição significativa de morbimortalidade de doença.
Lembrando que, no Brasil, o câncer de colo e útero AINDA É um problema de saúde publica importante pq grande parte das mulheres não tem acesso ao preventivo anual, que essa câncer demora até 20 anos para causar doença, ou seja, o papanicolau tendo sido realizado nesse intervalo de tempo poderia perfeitamente ter detectado a doença precoce, mesmo após o aparecimento das primeiras lesões. Em países em que esse acompanhamento é realizado de maneira universal e assídua esse câncer já não representa um problema de saúde publica tão grande quanto no Brasil. Sem contar que hj há vacina para os subtipos mais agressivos de doença (sendo que isso não diminui a necessidade do preventivo, pois outros tipos de HPV embora menos relacionados ao aparecimento de cancer podem também causar a doença).

Anônimo disse...

14 e 02

a culpa nao eh do paciente.
eh da sociedade que foca na aparencia.
pq as pessoas encaram com pena, como vc estah dizendo ? pq a sociedade foca na aparencia

eu convivo com cicatrizes, e sei o que sao esses olhares... e eh muito mais que pena... a sociedade cobra que vc esteja no padrao, inclusive qd passou por algum problema. Muitas pessoas me olham com nojo e depois me ~indicam um dermato que poderia dar um jeito nelas~... se elas estao tao preocupadas comigo, nao poderia evitar o olhar de nojo, constrangimento ? vc nao imagina o tanto de pessoas que ja falaram ~nao sei como vc consegue conviver com isso~.... pqp...cm assim ? as cicatrizes nao me limitam...pq eu nao conseguiria conviver com elas ? vc acha que pessoas assim estao realmente dispostas a ajudar ?
e sim, talvez, em algum lugar, algum dermato poderia dar um jeito nelas, mais eu nao vou gastar 1 centavo pra que as pessoas me aceitem no padrao que elas querem... eu sou assim e pronto. dificil de entender ?

Rafael disse...

Po galera, vamos parar de viagem, né? Já tá foda de conseguir mamógrafos suficientes e em todos os lugares e a pessoa vem falar em ressonância magnética? É sério?

A gente mora no Brasil, tá?

Um aparelho de ressonância custa US$ 1.500.000,00. Mais um custo elevadíssimo em manutenção, das bobinas, principalmente.

Um aparelho de mamografia custa US$ 15.000,00. O custo de manutenção é baixíssimo.

Sério que você quer convencer a trocar um pelo outro?

Quer trocar o "bom" possível pelo "excelente" utópico????

Mariana disse...

Sobre a questão da vaidade, vejo que mais uma vez as pessoas estão culpando o indivíduo, quando a culpa recai sobre toda uma cultura da vaidade.

Uma mulher acometida por câncer de mama está debilitada em todos os aspectos, físicos e psicológicos, então não custa amenizar isso (se for da vontade dela, claro), no sentido de melhorar a aparência física.

Cabelos são um componente importante na auto avaliação de beleza de qualquer mulher (ok, não todas, mas a maioria é sim atingida pela imagem que a mídia vende).

Pondero que realmente é chato quando você está com uma doença grave, com risco de vida, e as pessoas se preocupam com a aparência.

Eu tenho uma experiência pessoal sobre isso.
Em agosto de 2013 descobri um tumor no fígado. Estava no auge da minha solteirisse, linda e loira, curtindo a vida. Num belo dia senti uma dor abissal na região do estômago, daquelas que você pede pra morrer. Veio sem aviso nenhum. Passei a madrugada delirando de dor (delirando mesmo, não desejo essa dor pra ninguém no mundo, os médicos falaram que é umas dez vezes pior que dor causada por pedra no rim, que é uma das piores).

Fui internada, descobriram o nódulo depois de alguns dias (diagnóstico difícil e raro), benigno felizmente, causado por uso de anticoncepcional prolongadamente (AINDA QUERO FAZER UM POST SOBRE ISSO LOLA!!! DEIXA POR FAVOR - O USO INDISCRIMINADO DE PILULA ANTICONCEPCIONAL). Enfim. Teria que operar porque o tal nódulo tinha sangrado (o sangue ficou contido no fígado, que se expandiu tres vezes o tamanho normal, por isso a dor absurda), e poderia sangrar de novo (tendo consequências piores).


A cirurgia iria duarar umas dez horas e rasgar metade da minha barriga. O risco de morte era considerável. E só o que as pessoas me perguntavam era a cicatriz.

Ok, eu não a queria, mas o mais importante era mesmo continuar viva. Fomos pra são paulo, operar com o melhor médico, lá no sírio libanês, porque aqui na minha cidade simplesmente ninguém fazia essa cirurgia.

Chegando lá o médico disse que eu teria que tirar metade do meu fígado numa cirurgia de 13 horas, mas seria por videolaparoscopia (o corte seria apenas como o da cesária, para retirar o fígado em si, mas a cirurgia quase n deixou sinal). As pessoas ficaram bem felizes com isso (eu também, claro), mas longe de ser a minha prioridade a dos meus pais...

Enfim, deu tudo certo no final, mas é realmente incrível, agora que parei pra pensar, no quanto as pessoas se importam com a aparência (e eu me incluo) mesmo em momentos em que a vida corre risco iminente.

C. Pirlo disse...

Só acho que não me parece humano negar a uma mulher que passou por um tratamento de câncer de mama uma cirurgia reparadora dos seios ou uma peruca para usar nos cabelos. O estigma para com a pessoa que passa por esse tipo de coisa é assustador. Mas concordo que deve haver sim, uma problematização do pq a beleza está acima da saúde. Por exemplo, quando a Andressa Urach teve aquele problema com o hidrogel, geral surgiu comentando que ela ia ficar mais feia, que ia ficar cheia de cicatriz. A mesma coisa vejo com meninas que passaram por acidentes ou crimes e ficaram "desfiguradas", de gente, principalmente jovem que diz que era melhor ter morrido que ficar com uma aparência feia.

Anônimo disse...

Eu fui a Anonima das cicatrizes e que criticou as pessoas focarem na aparencia

nossa ! falei mil vezes a mesma coisa ! deixei tudo explicado ! mas ainda assim leio ~estao culpando o doente..~ , ~nao me parece humano negar uma peruca~..

leiam minhas postagens !!! eu disse que entendo todo o sentimento e vontade do paciente inclusive escrevi ~ se ele quer uma peruca, ok. ~. Se alguem me pedisse isso, sim, daria dinheiro pra ajudar. Mas enquanto campanhas, eu previro doar meu dinheiro para pesquisas ou para ongs que prestam assistencia aos doentes.

Nao tenho contra a pessoar usar peruca, ou lencinho, ou qq coisa. Inclusive, eu tenho cicatriz, e nao tenho nada contra (e nem poderia ter) em quem tem cicatriz e resolve fazer tratamentos para abranda-las. A vida nao eh minha. E cada um faz o que quer com sua vida.

Eu critiquei o enfoque que a sociedade da pra aparencia. Como a Mariana disse, ela estava com um problema grave e as pessoas se preocupavam com o tamanho da cicatriz.

Eu critico isso pq, acho que diante de tantos problemas que o paciente tem que lidar, a aparencia so passa a ser mais um problema pq a sociedade faz com que seja, inclusive com alguns comentarios desse post que debocharam perguntando se eu ostentaria minha careca luminosa

Anônimo disse...

O problema é toda mulher deveria fazer esse exame ,mais o governo só foca em grupo de aalto risco (pessoas mais velhas),toda mulher deveria fazer esses exames para prevenir mesmo que não tenha ninguém na familia

Lygia disse...

Eu desisto depois dessa das 17:48, sério mesmo... É muita preguiça de pensar!

Marta, obrigada pela resposta perfeita sobre o que é rastreamento! Muitos aplausos! Hoje fico por aqui! Cansei.

C. Pirlo disse...

Como vc citou parte do meu comentário, acho que é bom esclarecer que eu não acho que estão culpando o doente. Se vc entender a segunda parte do meu comentário estou problematizando igualzinho a vc. Só q reitero q essas coisas devem ser discutidas alheia ao doente, pois neste momento de fragilidade ele não precisa disso

Anônimo disse...

Nao estou no Brasil, nao vi essa campanha. Moro na Alemanha e aqui o que eu li (no consultório da minha gineco que btw divide com médicos especialistas em cancer de Mama) foi uma reportagem alertando para o risco de se procurara desesperadamente cancer de maam em mulheres fora do grupo de risco. Que isso leva a muitos falso-positivos e estatísticamente nao faz diferenca positiva na vida dessas mulheres )lembrando, fora do grupo de risco). Nao se fala nem em auto-exame por aqui.
As mamas sao examinadas no exame anual (junto com o papanicolau) e é isso.

Anônimo disse...

Mas não é focar na aparência pra "ficar bonito", se as pessoas sabem que você tem uma doença grave elas vão ficar com pena, isso é absolutamente esperado.

Essa preocupação com cicatriz e mastectomia é um problemas, mas colocar uma peruca para poder viver sem olhares de condescendência e perguntas desnecessárias vai muito além da vaidade.

Anônimo disse...

"A captura hibrida (ou PCR), não exclui a necessidade do papanicolau. A captura hibrida nao é um bom exame de rastreio, porque aproximadamente 100% das mulheres entram em contato co o vírus, e 80% eliminam o virus sozinhas!! Serio que vc quer submeter 80% da população feminina a cauterizaçao uterina A TOA e acha que isso que é bacana?
Porque o virus não tem cura. Vai fazer o que com a captura hibrida?

Pelo amor dos deuses. O papanicolau não é o exame mais confortável do mundo, mas ainda é o melhor exame de rastreio, com pouquíssimos falsos positivos!"

Espero que você não seja da área médica pra falar uma merda dessas.
Papanicolau é exame com ALTÍSSIMO índice de falha porque a leitura é HUMANA. A captura híbrida não depende de interpretação humana nos resultados. E SEM HPV NÃO TEM CÂNCER DE ÚTERO. Volte pra faculdade.