domingo, 5 de agosto de 2012

TENHO UMA HALTEROFILISTA DE 18 ANOS COMO ÍDOLA

A halterofilista inglesa Zoe Smith, de 18 anos, levantou 118 quilos nas Olimpíadas, o dobro de seu peso. Mas, como você pode imaginar, mulheres halterofilistas não têm vida fácil, já que força geralmente é sinônimo de masculinidade, e músculos numa mulher automaticamente a transformam numa ogra lésbica. No seu blog, Zoe respondeu aos tweets que chamavam seus músculos de não atraentes e não femininos (minha tradução): 
“Não levantamos peso para ficarmos gostosas, principalmente para os gostos de caras dessa laia. O que os faz pensar que nós sequer queremos que eles nos achem atraentes? Se vc acha, muito obrigada, estamos lisonjeadas. Mas se vc não acha, por que vc precisa dar sua opinião em primeiro lugar, e o que faz com que vc pense que nós damos a mínima que vc, pessoalmente, não nos acha atraentes? O que vc quer que façamos? Devemos parar de levantar peso, mudar nossa dieta para nos livrar dos nossos músculos 'masculinos', e nos tornar donas de casa na esperança que um dia vc nos veja favoravelmente e nós possamos ter uma chance com vc? Porque vc é claramente o homem mais gentil e mais atraente a engrandecer a Terra com a sua presença”. 
Brilhante, Zoe! E não preciso dizer que isso não vale só pra halterofilistas ou pra atletas em geral. Vale pra todas nós mulheres. Quem determinou que estamos aqui pra participarmos de concursos de beleza e adornar o mundo? Quem dá a mínima se você não me acha bonita e gostosa? Sua opinião não diz nada sobre mim. Diz sobre você.
E mais uma mensagem da sábia Zoe pros haters: “Eu acabei de completar as Olimpíadas. E vcs, trolls, o que têm feito da vida?”. Ídola!

119 comentários:

Shoujofan disse...

Mandou muito bem a menina.

aiaiai disse...

Delícia!

Anônimo disse...

Exemplo de vida! Queria que as meninas de hoje se inspirassem nela e não em tantas outras que só passam a mensagem de 'você só será amada se for bonita'.

Dayane disse...

Maravilhosa! O legal é que ela é tão jovem e já tem essa cabeça!Parabéns pra ela =)!

Lord Anderson disse...

hehehehehe.

Mostrando que tb é inteligente e rapida na resposta.

Anônimo disse...

Há que salientar as boas maneiras da atleta britânica que fez uso NENHUM de grosseria ao contestar aos que a criticaram.

Anônimo disse...

Pra quem pensa que somente mulher alta marca presença, a atleta tem menos de 1,60 de altura (1,59).

carolinapaiva disse...

Virei fã também!
Torcerei pra ela em 2016 certo.

M disse...

Ótima resposta! Inteligente e segura!


Mas nem todo mundo sabe como lidar com os trolls. Tem muita gente (e muito atleta nessa olimpíada)que acha que a opinião cheia de ódio de determinadas pessoas valem alguma coisa.

Luiz Prata disse...

Uma resposta sensata, precisa e direta ao ponto.
Gostei.

Blanca disse...

Uma coisa que eu detesto é quando o pessoal tá assistindo vôlei feminino e comenta, "nossa, elas ficam ombrudas, né?". Pô, cês tem quantos anos, seis? Nego tá cansado de saber que praticar vôlei em nível profissional aumenta a musculatura dos ombros. O mesmo com esportes com nado, etc. Eles fazem as gurias terem ombro largo e seios "menores". Só as que têm seios naturalmente avantajados ficam com o seio que a sociedade acha bacana.

Como se as mulheres esportistas tivessem chorando de desejo por opinião alheia.

Então é isso, sabe. Mulheres fazem os esporte que quiserem, e isso vai fazer seus corpos ficarem diferente do padrão, fim. Achou espantoso? Volta pra creche.

@fabiano9 disse...

Dificil achar o video dela no youtube, hein. Só achei esse: http://www.youtube.com/watch?v=1iU9ZJeSIt8

Alguem tem um link melhor?

Anônimo disse...

e a communication começa a desandar aqui... Zoe ensinou nada?

Luiza disse...

Depois dessa resposta, quem a criticou devia se matar da forma mais dolorosa possível, porque passou muita vergonha.

E é isso aí, garota. Parabéns e boa sorte na carreira!

Lays, mãe e tudo o mais. disse...

Virei fã dessa menina!!!!

Anônimo disse...

@fabiano9
há vários vídeos com Zoe Smith.

vai aqui www.youtube.com
no campo de busca vc apenas entra Zoe Smith

e vai aparecer um lista de vídeos para seu deleite e de quem mais se interessar

e aproveito pra te enviar
http://vimeo.com/10159017
(nada a ver com o assunto, mas acabo de chegar lá através de clicar no nome de alguém que comentou aqui)

Anônimo disse...

Clap clap clap =)


Lana

Anônimo disse...

eu uso o Google para uns 25% das minhas pesquisas isso incluindo que eu busco a página do Google específca no idioma que eu quero encontrar a matéra como por exemplo www.google.fr para resultados em francês unicamente e outras fontes que uso:
www.youtube.com
www.wikipedia.org em três ou quatro idiomas, quase sempre começando pelo inglês
www.cade.com.br qdo quero páginas unicamente em português
e outras fontes que no Brasil nao se interessariam.

agora o pessoal já sabe que o resultado de uma busca varia de computador para computador, pois o resultado é personalizado... se eu quiser encontrar o mesmo resultado que outra pessoa encontra (cujo resultado eu sei), entao tenho de acrescentar alguma/s/ palavra/s especificando mais ou menos o resultado que busco.

se alguém tiver alguma dica de pesquisa pra compartir, vou apreciar.

Anônimo disse...

Claro que na Wikipedia há uma página em inglês sobre Zoe Smith e pasmem... traduzida somente para o português (mas nao completa como em inglês.

Claudia disse...

Gente, o blog dela eh otimo: http://zoepablosmith.wordpress.com/

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=3HKrXS_YaWE&feature=fvwrel
Zoe Smith, 16 anos, dando uma entrevista de 8 minutos em 2010 qdo competiu na Índia.

Anônimo disse...

she's cute/ela é bunitinha
http://www.youtube.com/watch?v=EMuCsX_6EFw&feature=endscreen

Anônimo disse...

Zoe Smith é adorável
http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&v=75t-toazGeg&NR=1

Anônimo disse...

Nossa, que garota inteligente!
Fiquei abismada com a sua eloquência e como defende seu ponto de vista com tamanha razão.
Virei fã tb !
Bia

lelê disse...

Nossa, tanto tempo procurei por coisas boas pra ler na blogosfera, e te encontrei agora :D

Que alegria pra esse domingo tri triste que fez hoje! \o/

Luiz Prata disse...

Ainda sobre atletas britânicas e seus exemplos de vida: Joanna Roswell, que ainda na infância teve alopecia, uma doença que fez cair os pelos do corpo.
http://olimpiadas.uol.com.br/noticias/redacao/2012/08/05/campea-olimpica-britanica-careca-supera-problemas-de-autoestima-e-se-torna-inspiracao.htm

Bruxinha disse...

Admirável!

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Palmas pra ela! Tão nova e já tão consciente.
Às vezes fico imaginando como seria o mundo se as mulheres saíssem por aí dizendo a todos os homens que encontram, o que pensam a respeito da aparência deles, pra elogiar ou criticar. Passar de pedra à vidraça...

Anônimo disse...

Adorei a resposta dela,so não viro fan pois não curto esportes( exceção as lutas), pq de resto seria fan! nem ligo se mulher tem musculos ou não,afinal se não fosse pra ter a natureza não permitiria ne? Acredito que todo esse preconceito com mulheres musculosas é um medo machista de ser obrigado a submissão,e digo mais isso é uma tentativa de evitar que mulheres possam se defender de homems... que acham?


ass arthur nerd e fan da lola

Siena disse...

Li essa resposta dela umas duas vezes de tão bem escrito e bonito que foi tudo que ela falou.
Não sabia que ela só tem 18 anos!

Anônimo disse...

ai, lola, lavei a alma! =) eu que falei dela nos outros comentários.

sério. eu era uma menina que se achava horrível, minha mãe fazia questão de dizer isso sempre. branca demais, ruiva demais, alta demais. tudo demais. me achava defeituosa,pra vc ter ideia.

entrei pra academia há mais de 11 anos pq o ortopedista mandou e fui chorando. de lá até hj, descobri que existem MIL tipos de corpos e todos saudáveis e válidos. por mais que a mídia diga que ir pra academia é querer ser panicat, existem mil tipos de mulheres lá dentro e cada uma do seu jeito e com seus objetivos. eu tive problemas com comida, com autoaceitação e, incrivelmente, a academia me salvou. me fez aprender a comer, a entender meu corpo e a gostar do que eu sou mesmo com todos os meus defeitos.

tive vida acadêmica e até hj brigo pra dizer que não sou burra qdo alguém sabe que eu treino religiosamente. e pego peso de homem. =) como já foi dito e eu sempre digo, a natureza não permitiria se, dado o estímulo, nossos músculos não crescessem.

no meu caso, sinto os músculos como uma concretização de um desejo interior de força. eu amo me sentir forte.

e aí acontecem duas coisas: ou alguém me para e fala que eu tenho que parar pq tô ficando forte demais (existe uma medida de força até o qual uma mulher pode ir?) ou então assumem que estou na academia pra pegar macho. uma mulher me disse há uns meses pra eu ir de cabelo solto pra academia pq tá cheio de cara solteiro lá. oi? briguei com essa. o pior é que já se reproduziu.

uma coisa que acho importante é que todo mundo sabe que quem treina seriamente tem que COMER. dietas de fome servem pra controle das mulheres. qdo a gente que levanta peso diz que tá de dieta, na verdade, a coisa é baseada em macronutrientes ou com algum foco (perda de gordura, ganho de massa magra), mas nunca morrer de fome.

e, além de tudo, depois de não ter respostas muito boas com remédio nenhum, o treino mais intenso dos últimos anos me salva todo santo dia. me ajuda a tratar a depressão em grande parte (pq atualmente estou com um acompanhamento de médico com uma coisa que me fez efeito)e eu só vou parar qdo morrer.

que as pessoas entendam que cada um faz do próprio corpo o que bem entender. e que todos os corpos são válidos e todas as pessoas têm sentimentos. e que entendam de uma vez por todas que uma mulher pode fazer coisas sem ter em mente conseguir homem.

lolinha, sinta-se abraçada, amei começar minha semana com um post seu sobre esse assunto. mesmo mesmo. beijo enorme e obrigada.

Anônimo disse...

Acho que vou começar a fazer um diário sobre as coisas boas que aprendo ou que descubro ou redescubro via este blog.

Houve uma época, há mais de 10 anos, qdo eu fazia um Diário da Gratitude e isso foi uma ideia da Oprah Winfrey pra gente escrever todos os dias antes de dormir 5 coisas a que temos de agradecer e podiam ser as coisas mais simples como ouvir o cantar de um pássaro ou apenas ver um pássaro e se a gente tivesse mais de 5 coisas, ótimo. Vocês nao imaginam o bem que isso faz, pois a gente fica se ligando somente em coisas boas e positivas pra ter pra agradecer ao final do dia.

Outra prática que comecei há pouco tempo e já noto o bem que me faz é fazer uma breve oraçao antes da refeiçao... quem puxa a oraçao é
^gmeu marido que sabe decor e salteado uma prece católica... e eu puxo mentalmente umas palavras mais... a oraçao é em agradecimento pelo alimento e o que eu noto é que vou ficando mais focada no valor das coisas. Se Deus existe ou nao existe, nao faço a mínima; apenas acho legal entrar no clima. E agradeço pelos dois post de hoje e os bons comentários tb. Boa noite a vcs e Zeus abençoe.

Mariane disse...

Caraleeeo... kkkkkkkkkkkkkkk
Depois de ter recebido uma dessas, eu cancelava minha conta no Twitter! u.ú

Fatality! Zoe Wins.

Dri Alves disse...

Quisera eu aos 18 ter essa mentalidade, sofreria bem menos.
Mas antes tarde do que nunca!
Belo exemplo!

Rose disse...

Adorei a postura dela. Não tem nem o que comentar, a não ser Parabéns pra ela que soube neutralizar, com inteligência, esse bando de frustrados com a própria vida.
Fica a dica:

"Zoemos" os trolls das nossas vidas!

Grão da Noite disse...

Esse post me lembrou a Gabby Douglas. Ela foi a grande campeã da ginástica mas nem isso foi suficiente pra que não prestassem atenção no cabelo dela. Pelo que li aqui na internet, as críticas ao cabelo dela vieram principalmente de mulheres negras como ela. Pois é. Realmente críticas falam bem mais de quem as faz do que de quem é alvo delas. No caso das críticas a Gabby Douglas, são um disfarce para a baixa autoestima de muitas mulheres negras americanas (estou falando das americanas porque foi lá nos EUA que as críticas ao cabelo de Gabby se concentraram, mas isso é geral, obviamente), que acham que precisam de um cabelo alisado na chapinha ou na progressiva pra ser vistas como bonitas. E nem com chapinha e progressiva são vistas como bonitas por muitos, pois não há chapinha ou progressiva que dê jeito no "gosto pessoal". As mulheres realmente são muito crueis umas com as outras. E muitas nem percebem isso. Introjetaram o preconceito tão profundamente que já se tornaram cegas pra ele. Já a Zoe merece os parabéns pelo empoderamento. Tem mais é que desprezar a coerção social nas suas formas negativas.

Anônimo disse...

Até parece que ela está fazendo halterofilismo unica e exclusivamente pra arranjar um bom marido, porque, afinal, é só nisso que as mulheres pensam. Dói demais para os homens constatar que a vida de uma boa maioria das mulheres não gira em torno do maravilhoso falo masculino. Mas a impressão que dá é que os homens SÓ pensam nas mulheres. O TEMPO TODO.

Sara disse...

quero entrar no fãn club, essa garota vai longe...

larajacoby disse...

Nossa Lola, que perfeita a resposta dela aos machismos do esporte... sou da área da educação física e procuro "investigar" um pouco da imagem feminina no esporte. E você é minha ídola bloggística :-) tem um link de um texto que fiz que fala um pouco sobre essa relação mulher-mídia esportiva...

http://larajacoby.wordpress.com/2012/08/02/a-longa-jornada-da-mulher-no-esporte/

Anônimo disse...

Zoe eu te amo



Cética.

Lucas disse...

Nossa, mandou muito a moça.

E fugindo um pouco do assunto, divulgando uma notícia excelente do IG sobre a misoginia no mundo gamer,pras nerds de plantão!

http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/nyt/2012-08-06/mulheres-lutam-contra-assedio-sexual-em-jogos-online.html

Beijos pra todo mundo.

Julia Codas disse...

Sabe, o que tá ficando dessas olimpíadas para mim, Lola? Que o machismo não dá trégua nem tempo para gente respirar. Desde o início, na abertura um dos comentaristas de Record não parava de comentar como as atletas são bonitas (quase todas que ele falou eram mulheres brancas) e quando a outra comentarista falou que ele não parava de comentar isso, ele falou que ela também podia falar sobre os homens que ela achava bonitos.. E parece que a resposta é sempre essa "ok, se a gente objetifica as mulheres é só vocês fazerem o mesmo com os homens", tanto é que não só tem a página das musas das olimpíadas, mas também dos musos. O engraçado é que até agora eu não vi uma notícia que fosse "muso das olimpíadas perde/ganha a prova", não vi uma notícia falando "atleta de tal esporte chama atenção por sua beleza". Agora, é difícil achar alguma notícia sobre uma atleta mulher que em nenhum momento fale sobre a beleza ou descuido dela em relação a aparência dela. Isso se a notícia não for só sobre isso. Poxa, temos um evento incrível acontecendo, com atletas dando o melhor de si, e o que a gente repara? Se a atleta é bonita, arrumada, simpática, depilada, etc, etc.. Isso sem contar quando não aparecem comentários racistas no meio disso tudo, porque aparentemente, mulher bonita tem que ser branca e loira, se tiver a pele mais escura, tem que ter traços europeus, por favor, né gente?

Danizy Costa disse...

Genial!

Danizy Costa disse...

Ela está certíssima!

Anônimo disse...

07:18 sobre a crítca que mulheres fizeram contra o cabelo da atleta olímpica negra americana Gabby Douglas. -- "Realmente críticas falam bem mais de quem as faz do que de quem é alvo delas."

Huan Icaro Piran disse...

Ela pratica um esporte de ponta, que exige uma dedicação excepcional para conseguir se equiparar as demais competidoras e um esforço imensurável para superar. Só isso bastaria minha admiração, apesar de minhas ressalvas ao evento em si (por conta de situações de politica e patriotismo que o envolvem e não se enquadram em minhas concepções), mas ainda consegue ser inteligente e articulada em uma resposta, mesmo sendo tão jovem. Admiro ela por isso, muito mesmo!

Não serei hipócrita contudo. Tenho certo medo de mulheres fortes (como de qualquer pessoa forte) devido a eu ser um magrela.

Sobre conceitos de beleza. Tem quem goste de mulheres fortes, tem quem goste de homens fracos, tem quem goste de praticamente qualquer coisa, não aceitar isso é tapar os olhos para o mundo, ou como diria minha noiva "para cada pé cansado tem um chinelo velho que encaixa!".

Alias, beleza é relativa, varia dos olhos de quem vê.

Huan Icaro Piran disse...

Lucas, eu tinha visto essa hoje cedo. Fiquei horrorizado, mas não surpreso. Infelizmente já vi muita palhaçada no meio gamer.

Joel Bueno disse...

Além de tudo, a menina é linda. Quem esculhambou com ela tem mais preconceito que visão. Quem sabe não tem um racismozinho, também?

Anônimo disse...

objetificação (assim mesmo?) de pessoas na publicidade... http://stophatingyourbody.tumblr.com/post/28837780127/fsufeminist-super-eklectic1-the-sexual

miss m disse...

Me lembra o caso da gabby douglas. A garota fez história na ginástica, mas os haters de plantão só sabem falar do cabelo dela- Como se ela tivesse q estar "linda e impecável" o tempo todo porque" estava representando o país". E n digo q foram "principalmente mulheres negras" foi uma coisa geral ao meu ver e pelo q tenho lido nas páginas gringas que sigo. Mas sim, também mulheres negras- que acho que era uma ótima hora de falar sobre preconceito a cabelo afro, seja alisado, seja não alisado, porque de qq maneira vc sofre algum tipo de preconceito alguma hora- mas o pessoal achou melhor ficar de mimi. Palhaçada pura. E o pior é a imprensa americana pentelhando a garota lá em londres por causa disso. Espero q ela n perca o foco e ganhe mais medalhas para desespero dos hatters!

http://www.huffingtonpost.com/2012/08/05/gabby-douglas-hair-olympics-2012_n_1743897.html?utm_hp_ref=style

Anônimo disse...

joel, não sei se é pq tô mais velha e mais atenta a essas coisas, mas o que eu andei vendo de racismo nesses jogos...

Anônimo disse...

hahah, huan, mulheres fortes não saem atacando ninguém! nem homens magrinhos! mas já escapei de estupro por ser mais forte que o cara. hj em dia me arrepio só de pensar que, se eu fosse um pouco mais fraca, ele teria me estuprado.

Anônimo disse...

miss m, o negócio é que o "linda e impecável" normalmente significa cabelo alisado. pra uma mulher estar arrumada, na maioria das vezes, ela tem que estar de cabelo alisado. e, gente, fala sério, né? a menina tá lá pulando, suando... ela tem mais é que usar o cabelo como ela bem entender, já que o que tá sendo julgado não é o corte de cabelo ou penteado. mas é só reflexo de uma sociedade em que negro só é tido como bonito se tem traços caucasianos. é o fim do mundo mesmo.

eu tentei achar aqui, mas li tbem de uma dupla de vôlei de praia... que elas queriam ser reconhecidas pelo jogo, não pelos corpos. pq uma era mais fininha e a outra mais cheinha. em vez de usarem o exemplo pra mostrar a diversidade, não. já foram criticar e falar de corpo. é o fim. a pessoa se mata e treinar e o principal ainda é o formato do corpo.

isso pra não falar em closes nas bundas das jogadoras de vôlei de praia e indoors.

DanielSan disse...

Lola,acho que seria interessante você falar sobre o assunto que está na mensagem do Lucas.

P.S..também moro em Fortaleza, adoro essa terra.Abraço!

Huan Icaro Piran disse...

"hahah, huan, mulheres fortes não saem atacando ninguém! nem homens magrinhos! mas já escapei de estupro por ser mais forte que o cara. hj em dia me arrepio só de pensar que, se eu fosse um pouco mais fraca, ele teria me estuprado."

Eu sei disso, mas tenho uma noia antiga com "pessoas" fortes que ainda estou trabalhando.
Sobre o caso de estupro, fico feliz que ser mais forte a tenha ajudado. Eu sempre estimulo minhas amigas a praticar alguma arte marcial por conta desse tipo de coisa, mesmo que em um mundo ideal (no qual infelizmente não vivemos) não deveriam ocorrer tais situações, pois nós homens não deveriam fazer isso (mesmo que eu em particular não faça e repudie).
Lamento por você ter de passar por esse tipo de situação.

Carol M disse...

Pois é, parece que tem homem que se incomoda qd vê que mulheres têm muitos outros interesses além dos homens. A objetificação e o padrão de beleza são formas de tentar nos convencer a ficar em função da opinião masculina 24x7. Nojento.

Anônimo disse...

é, carol. se estuda demais:"não vai casar nunca". se tem um esporte:"quer ficar gostosa pra pegar homem". se tem um hobby:"quer conhecer homens".

bem verdade que a gente sabe que machismo não é exclusividade masculina e muitas mulheres só fazem coisas em função de homem. se vc reparar, homens costumam ter o futebolzinho da semana, o happy hour com os amigos... e muita mulher só sai de casa se o programa incluir conhecer homens. estou generalizando MUITO, até pq eu não sou assim e conheço gente que não é. mas a maioria é. bom, basta ver como revistas femininas se proliferam com chamadas de como pegar seu homem e conhecer homens por aí.

Anônimo disse...

Huan Icaro Piran, você é um cara de opiniões muito legais! Parabéns!!

Huan Icaro Piran disse...

"Huan Icaro Piran, você é um cara de opiniões muito legais! Parabéns!!"

Grato, mas tudo o que eu queria era poder viver em um mundo mais coerente...

Anônimo disse...

Os pais da atleta queriam que ela fosse uma ginasta e ficaram surpresos qdo descobriram que a filha estava praticando levantamento de peso e isso foi sugerido pelo/a trainador/a que ela tinha na categoria ginástica. Eu achei a Zoe com maneiras bem feminina sim. E ela se destacou pelas boas maneiras como respondeu aos homens criticoes.

Letícia Rodrigues disse...

Obrigado por ter linkado a matéria aqui Lucas, é muito interessante.

Acho que o ponto principal é que parece que a comunidade dos jogos on line está caminhando para se tornar algo melhor pq todos estão assumindo as suas responsabilidades: a microsoft, os patrocinadores, homens profissionais da área.

É o contrario do que acontece de quando falamos em mídia machista, e todo mundo tira o corpo fora, ninguém é responsável por nada. Sempre aquele papo de que era só uma piada, era ficção, não tem relação com a realidade.

Na discussão sobre a questão dos jogos on line o papo é outro.

Eis o posicionamento de um patrocinador:

"Mesmo assim, Tom Cannon, cofundador do maior torneio de jogo de luta, o EVO, tirou o patrocínio de sua empresa da série semanal da LevelUp, dizendo que "não podemos continuar a permitir que este tipo de comentário ignorante e desrespeitoso continue sem punição". "Este tipo de coisa não é uma piada ou algo momentâneo", disse ele. "É algo que precisamos corrigir."

E a de um designer de jogos:

"Durante muito tempo, as pessoas viram o mundo dos videogames como um passatempo infantil e nós, como uma indústria, também apoiávamos esta ideia", disse Portnow, que irá falar em um painel numa convenção de jogos no final deste mês chamado de "O fim do assédio nos jogos".

"Mas isso já não se aplica ao mundo atual", acrescentou. "Somos um meio de massa real e acabamos exercendo um efeito sobre a cultura. Temos que dar um passo além dessa ideia de que nada do que podemos fazer pode ter um efeito negativo ou até mesmo machucar as pessoas.”

O título da matéria é "Mulheres lutam contra assédio sexual em jogos on line", mas o melhor é perceber que não existem só mulheres nessa luta.

Dayane disse...

Achei ela uma gracinha ^^, tbm a achei bem nos padrões "feminina"

Anônimo disse...

Huan Icaro Piran, vamos todos viver nesse mundo mais coerente, sou otimista. O mundo só pode evoluir, ir pra frente, e são mtas as conquistas até agora.

Temos que ir acreditando e fazendo a nossa parte.

Liana hc disse...

Adorei a resposta dela. Muito articulada, foi direto ao ponto. Eu sempre aproveito este tipo de situação para mostrar para a minha filha exemplos práticos de garotas e mulheres que estão por aí simplesmente vivendo suas vidas e seguindo com seus objetivos. E aproveito para criticar as posturas preconceituosas que tanto tem por aí. O esporte tem um impacto muito positivo tanto para o indivíduo quanto para o social. Exemplos como o da Zoe Smith são um alento.

Anônimo disse...

nem sempre as mais lindas mulheres de Hollywood são loiras
http://www.youtube.com/watch?v=-QlSgOtHNHo&feature=related

Skadi disse...

A Samantha Wright também é linda e não tem a menor vergonha de ser quem é =)

http://www.buzzfeed.com/ryanhatesthis/the-internet-has-a-huge-crush-on-this-female-weigh

Huan Icaro Piran disse...

"Huan Icaro Piran, vamos todos viver nesse mundo mais coerente, sou otimista. O mundo só pode evoluir, ir pra frente, e são mtas as conquistas até agora."

Temo ser niilista demais para acreditar nisso, em um mundo ideal alcançável em tão pouco tempo. Respeito sua crença contudo, eu amaria de coração viver em um mundo ideal. Até lá, vou continuar tentando viver da forma mais coerente possível, tentar semear para que alguém algum dia talvez desfrute de tal mundo...

bruna disse...

Linda! Agora faltou um post sobre a chinesa que arrasou nas piscinas e foi criticada por "nadar mais rápido que os homens nesta categoria". Lolíssima, não sei se ela fosse americana se os comentários seriam feitos assim, tão abertamente. Porque mulher e oriental é demais para os masculinistas eurocêntricos de plantão não acha?
beijos

EneidaMelo disse...

Bruna, você tem o link dessa crítica?

Eu só cheguei a ver nota comentando que nos últimos 50 metros ela foi mais rápida que os homens, e se perguntando se ela poderia competir com eles. Mas não vi críticas.

Flávia disse...

Olimpíadas me dá depressão. O desrespeito a que as atletas são sujeitadas é tanto que sinceramente tem hora que eu sinto vontade de sentar e chorar. Que merda de mundo. Escrevemos sobre o caso da Gaby Douglas lá no Ativismo e quando eu percebi já estava deprimida de novo com o caso da Destinee Hooker, que está sendo o destaque da equipe de vôlei norte-americana mas tem sido paulatinamente desrespeitada online por conta do nome dela: http://twitchy.com/2012/08/01/destinee-hooker-to-haters-i-love-my-name-and-at-least-you-know-it/

Parece que as pessoas não conseguem resistir à pretensa impunidade de falar as coisas mais absurdas online. O mundo é troll. :(

Anônimo disse...

Destinee Hooker - há pais a quem falta simancol ao escolher o nome da cria. Mas a moça em questao já está grandinha o suficiente para cuidar desses ataques pois certamente sofre esse bullying pelo nome há muitos anos.

Fatima disse...

A australiana foi criticada por ñ se depilar; já as brasileiras foram criticadas por um colega de profissão por se 'preocuparem muito com a depilação". É para depilar ou não é?

carolinapaiva disse...

Hooker é o sobrenome dela, não foi mera escolha dos pais. Ela seria zoada mesmo se o nome fosse diferente.
Aliás, isso de implicar com o nome da pessoa é tão 1ª série... É impressão minha ou as pessoas tem cada vez menos vergonha de mostrar sua idiotice para o mundo?
Primeiro, implicam com o cabelo da ginasta americana, depois isso?

Anônimo disse...

"É para depilar ou não é?" é pra cada uma fazer do seu próprio corpo o que bem entender sem ter que ser sempre alvo de críticas por parte de pessoas que não têm o direito de dizer o que a mulher tem ou não que fazer. que saco. os corpos são milimetricamente avaliados! vai ver se implicam tanto com os homens!

Anônimo disse...

e, carolinapaiva, acostume-se que o mundo é assim. acontecesse que tendo o sobrenome Hooker os pais deram-lhe o nome Destinee que quer dizer Destinada, percebe de onde vem a piada? nao estou endossando a piada e simplesmente te dizendo que o mundo é assim e qdo vc conseguir mudar, conta pra gente.

Anônimo disse...

Lá em Londres criticaram várias atletas estrangeiras e uma brasileira entrou numa troca de twitter baxaria. As estrangeiras pelo visto souberam cuidar da crítica sem piorar o ocorrido. Agora umas mariapicuinha ficam cheias de lorotas aqui nos comentários a troco de nada, apenas pra expressar que as pessoas isso e aquilo... ah! eu falei maria... me perdoem ou me apedrejam?

além do mais as tais críticas sobre cabelo, depilaçao, nado rápido, afins, essas críticas de que tratam aqui nao sao prejudiciais e até dao maior notoriedade para as atletas.

Anônimo disse...

"essas críticas de que tratam aqui nao sao prejudiciais e até dao maior notoriedade para as atletas."

claro. porque atletas realmente precisam disso.

Anônimo disse...

Oi lola, queria saber por que essa mania de tentar controlar o corpo feminino. Concordo plenamente com a anônima que disse que se não fosse pra mulheres terem músculos não seria possível desenvolvelos ! Acredito que beleza é uma mentira feita pra tentar controlar as pessoas... pra mim o limite da mulher é o mesmo do homem,a onde a pessoa quiser! Se você se apaixona por uma mulher ou homem com músculos bem,se não amém! Huan se a pessoa for sua amiga ela num vai te bater ne? quanto a parte dos games é verdade,tenho amigas que usam avatar masculino por isso? oque vc acha desse esquema ,de meninas terem que fingir ser homens apenas pra jogar? tem muita mulher mais forte, rápida,inteligente, habilidosa,gamer e etc que eu! Tenho uma amiga que faz 7 artes marciais diferentes,e sonha ser uma grande campeã um dia... Ela é muito forte mesmo. lembro que um garoto chegou apalpando os seios dela no primeiro dia de aula ,ela bateu nele e todos os meninos pararam de falar com ela menos eu... ela me pediu em namoro,mas eu sou assexual,se não fosse namorava ela, afinal somos bem amigos.. Uma vez ela me carregou de um bairro a outro pq eu tinha dado mal jeito na perna,ou seja uma amiga forte não e ruim,e bom!


Ass arthur nerd e fan da lola

Anônimo disse...

Há qto tempo em nao ouvia a expressao "da sua laia" (principalmente para os gostos de caras dessa laia) e foi um relax pra mim ler sua traduçao, Lola.

Anônimo disse...

Miss DH tuitou: "People can be so cruel but at the end of the day it only makes you stronger. Ignore ignorance and focus on what God has for you. --Destinee Hooker 4 aug 2012

--As pessoas conseguem ser tao crueis, mas no final do dia isso serve apenas pra te fazer mais forte. Ignore ignorância e foque naquilo que Deus tem para você.

É agora bola pra frente, bola pra cima. Let bygones be bygones. Deixe o que passou para trás... Deixe o passado no passado.

Anônimo disse...

http://twitter.com/destineehooker
se quiserem ler os tuits da Destinee Hooker... ela menciona Deus várias vezes, em agradecimento... pq machucar, machuca nao.

Anônimo disse...

Acho muito legal que nos nomes em inglês há muitos nomes que servem para os dois sexos (há poucos em português)... alguns nomes sao mais usados para garotas como Lesley, Kelly, e outros que nao me lembro no momento... bem, o segundo nome da Destinee é Dante. achei o máximo! ah ela nasceu na Alemanha.. San Antonio, cidade onde ela mora no Texas, é um charme só! e as mulheres lá tem voz ativa histórica, pois no século 19 as mulheres se reuniram para salvar um rio e hoje é a coisa mais linda a calçada em cada lado do rio, cheio de restaurants e lojas e outras lojas. esse rio atrai bastante turismo en San Antonio, TX.

Anônimo disse...

Anônimo disse..."essas críticas de que tratam aqui nao sao prejudiciais e até dao maior notoriedade para as atletas."

claro. porque atletas realmente precisam disso.
6 de agosto de 2012 22:15

elas precisam da notoriedade e muito!!!

carolinapaiva disse...

Anônimo 21:38

Ah, então a gente não pode falar nada porque o mundo é assim mesmo, né? Senso crítico pra quê, relax e deixa a vida te levar maninho!
Um viva ao fatalismo e ao comodismo.

roseanjos disse...

É o reflexo da futilidade em massa.
Não se olha o desempenho das atletas, mas sim seus corpos, cabelos, raça... como se esporte fosse concurso de miss. Coisa que acho abominável. Não sei como ainda existem mulheres que se sujeitam a uma coisa dessas.

Sonho dos homens:
-mulher bonita, não para eles, mas sim para mostrar para os amigos.
-submissa, mulher que pensa e mostra opinião não serve.
-que goste de trabalhos domésticos, para substituir a mãe deles na servidão
-que goste de sexo, mas que nunca tenha feito sexo.

É só isso que eles querem. ;)

Anônimo disse...

nada isso, linapaiva, nao é um viva ao fatalismo e ao comodismo. apenas temos de ter o bom senso pra saber que assuntos merecem ser vasculhados. no caso das atletas, Lola abordou o assunto --que achei legal, pois as atletas deram bom exemplo nas respostas e na postura mantida e Lola nao fez um carnaval-- e no meu comentário eu me referi ao excesso que comentaristas fazem aqui tomando as dores das atletas que sao pessoas que sabem e podem se defender, cuidar do assunto. as próprias atletas após darem a devida importância ao texto, deixam o assunto pra lá. está bem citar o ocorrido, mas nao é preciso sensacionalizar.

o post sobre parteiras e doulas, isso sim é para ser escarafunchado pq afeta vidas de mulheres que nem sempre, sozinhas, teriam voz ativa. o assunto parteiras e doulas até merece um protesto se as gestantes nao se sentem ouvidas.

existe uma grande diferença entre a pessoa que está fora se envolver no assunto do meu primeiro parágrafo e no assunto do segundo parágrafo.
=====

a propósito achei ótimo que uma atleta grega tenha sido barrada dos Jogos Olímpicos após uma tuitada racista sobre os africanos que estao vivendo na Grécia... nao sei bem se o comentário foi racista, mas foi ofensivo o suficente pra moça nao ser escalada para os jogos.

vc se melindra facilmnente e isso vai fazer sua vida difícil e espero que eu dizer que vc se melindra facilmente e isso vai fazer sua vida difícil tb nao seja motivo pra vc se exaltar, OK? Axê! Zeus é mais... se meu comentário passar no crivo.

Anônimo disse...

e muitos ficam inseguros se a mulher gosta de sexo... é pra gostar mas nao muiiiiiiiiiiiiiittttoooo... pelo menos nao tanto qto eles... rs...

Ravel disse...

Eu não teria nada contra namorar com uma mulher mais forte do que eu. Assim pelomenos quando o meu carro desse o prego eu botava ela pra empurar.

Julia disse...

"vc se melindra facilmnente e isso vai fazer sua vida difícil"

Ou seja o nosso amigo anônimo aqui quer que vc pare de se preocupar com essas coisas banais, Lola, essa coisa de machismo e tal, as coisas sempre foram assim, vc já deveria estar acostumada.

Como eu li naquele forum de gamers pavoroso cujo link vc passou no twitter "se o mundo é machista, fazer o quê?"

Só respirando fundo mesmo. Ás vezes sinto vontade de sentar na calçada e chorar tbm, Flávia.

Mas eu vim aqui mesmo me candidatar para presidente do fã-clube da Zoe. Te amo, Zoe!! :)

Anônimo disse...

lola, olha essa comunidade que legal, tudo a ver com esse tema https://www.facebook.com/pages/The-Body-Is-Not-an-Apology/201907573156278

Anônimo disse...

Ae, Lola, sugestão: Faz um post sobre crossdressing.

Anônimo disse...

Bando de machistoides ignorantes, porque estes seres não fazem por nos, o que fazemos por eles diariamente ?
nos ignorem por favor, eu nem olho para homem, nem noto a existencia inútil deles,nem olho para homem nenhum, retribuam por favor please ?!!

Anônimo disse...

O blog já abordou crossdressing qdo fiquei sabendo do Laerte, cartunista brasileiro... e fui escurraçada por algum comentário e mais tarde, alguém que decorou e memorizou forever meu comentário, chegou a uma conclusao maldita: sou preconceituosa e discrimino e julgo e lá vai que até sou troll...

Anônimo disse...

Anônimo disse... Bando de machistoides ignorantes, porque estes seres não fazem por nos, o que fazemos por eles diariamente?
nos ignorem por favor, eu nem olho para homem, nem noto a existencia inútil deles, nem olho para homem nenhum, retribuam por favor please ?!!
7 de agosto de 2012 12:35

>>>Valha-nos Padim Cirço que a carga de ódio das 12:35 pode ser letal. Que Zeus abençoe os Silvios da vida, né Lola?

Anônimo disse...

Quer peito e coxa? Compra um frango !! machistas malditos !!

Anônimo disse...

Por que é mais fácil analisar um homem do que uma mulher?
Porque quando precisam fazer uma regressão à infância, os homens já estão lá.

Anônimo disse...

por seculos fomos oprimidas e tivemos nossos talentos podados, mas neste novo seculo a mulher esta destinada ao comando da humanidade, uma nova humanidade, mais igualitaria e justa para todos os que tem uma visão humana, e os homens naturalmente, ou se adaptam a nova realidade, ou serão segregrados se continuarem com esta visão opressora e machista do mundo, e assim como os neandertais, estarão fadados a extinção,o novo homem sera mais integro e feminilizado, ou seja mais humano.
Já somos maioria nas universidades, em alguns anos seremos maioria nos postos de trabalho mais relevantes, aos machistas somente restará cargos de produção braçal, por uma escolha deles mesmo, que insistem em ter uma postura retrograda.

Anônimo disse...

meu marido diz que gostaria de ter ficado pra sempre na infância, assim como no Complexo de Peter Pan... meu adorável marido.

Anônimo disse...

13:37 vc sabe qtas mulheres (juízas) fazem parte da Suprema Corte Brasileira?

carolinapaiva disse...

Anônimo 00:40

Engana-se se acha que eu me "melindro" fácil. Constatar um fato (de que as pessoas não se importam em mostrar sua idiotice na internet) não é tomar as dores dos outros. Ter empatia não é sensacionalizar. Menos, ok?
Acho que quem está se exaltando aqui com os comentários é você, que se sensibiliza fácil com qualquer frase posta com maior convicção.
:P

Anônimo disse...

Para Anon que acha que machistas retornarão ao trabalho braçal, lembre-se de que muitos cientistas em várias áreas (saúde, informática...) são homens machistas mesmo que vc não o saiba e se o sabe não sabe o qto machista eles realmente são e Steve Jobs foi um deles. Ele não apenas negou a paternidade da filha que nasceu antes dele ser SJ, como chegou ao cúmulo de dizer para o juiz que ele não poderia ser o pai da menina pois ele era estéril... a mãe da menina fôra a namorada dele dos tempos da adolescência. Ele só reconheceu a paternidade somente qdo a filha já era adolescente e ele estaria com a imagem muito comprometida diante da mídia dado o império que ele, SJ, criou.

E ele nunca foi rejeitado pelo pai... foi posto para adoção não por vontade do pai e sim pela mãe coagida pelo pai dela.

Huan Icaro Piran disse...

Anônima 13:37

...só para não dizerem que eu nunca olhei um argumento com ressalvas aqui (os de mascus eu normalmente faço troça)

1- Os neandertais não foram extintos plenamente, nós temos muitas pessoas com traços genéticos deles, o que prova que eles foram absorvidos. Mesmo eles se adaptaram...

2- Você não representa uma nova humanidade "melhor, maior e mais" do que a atual, pois nasceu na atual e mesmo que refute n coisas ainda é reflexo de seu tempo. A teoria do "super homem" (no caso de super mulher, mas o termo original é esse, apesar de eu preferir "super humano" por ser mais coerente) presente em seu argumento foi refutado pela filosofia tem um tempo já.

3- Segregação é uma forma de opressão. Fazer isso em nome do feminismo torna ele igual ao machismo.

4- Ninguém esta destinado a comandar, isso tende a ser uma falacia fascista...

5- Ninguém me comanda, homem ou mulher. Sou livre, quem tentar provar o contrario pode achar meu endereço no google. Já disse a um mascus em outro post e repito agora, "se vier eu até preparo um café"

6- Mais mulheres que homens na faculdade não é um fator bom ou ruim. A possibilidade de igualdade é que é algo altamente louvável.

7- Trabalho braçal é honesto e digno quando não se tem escolha e foi com ele que custeei a faculdade (que por ficar desempregado ainda não terminei). Alem disso, esta excluindo moralmente por tabela quem por falta de opções sobrevive através de seu trabalho braçal algo que, seja homem, seja mulher é um problema social serio demais para ser tratado levianamente.

Minha revolta é a tendencia fascista em seu argumento. No mais, concordo com o fato de que os machistas são dinossauros que de uma forma ou de outra vão acabar excluídos pelos seus atos. Vejo eles no futuro como os neo-nazi de hj.

Anônimo disse...

linapaiva, Zeus te abençõe e aprenda a obter resultados que poderão ser alcançados sem estardalhaço, como a Zoe e a Gabby o fizeram e passaram a lição pra frente. Não busque trollagem em todas as opiniões diferentes da sua.

Anônimo disse...

3. Segregação é uma forma de opressão. Fazer isso em nome do feminismo torna ele igual ao machismo. --16:57

Nao é raro o acusador assumir a imagem do acusado (Pigmaleao na jogada) e isso vemos em muitos comentários feministas aqui, aliás sao comentários num blog feminista por mulheres que se dizem feministas mas na verdade causam detrimento ao feminismo (me refiro aos comentários tipo "hoje o machismo pode mais, mas amanha quem vai poder mais é o feminismo e vamos mostrar que seremos como vcs machistas sao hoje... algo assim) e que Lola volta e meia salienta e alerta nao ser o propósito que ela envisiona (?) para o feminismo. Mas a pressao contrária é grande!

carolinapaiva disse...

Anônimo 17:05

Mania de perseguição faz mal à saúde, que Zeus te abençoe amigs :P

Erres Errantes disse...

Excelente resposta da atleta. Seu discurso cai como uma luva para 99% das mulheres, que obvimante não correspondem ao padrão de beleza imposto.

Anônimo disse...

Um tapa na cara do machismo!

Huan Icaro Piran disse...

"Nao é raro o acusador assumir a imagem do acusado (Pigmaleao na jogada) e isso vemos em muitos comentários feministas aqui, aliás sao comentários num blog feminista por mulheres que se dizem feministas mas na verdade causam detrimento ao feminismo (me refiro aos comentários tipo "hoje o machismo pode mais, mas amanha quem vai poder mais é o feminismo e vamos mostrar que seremos como vcs machistas sao hoje... algo assim) e que Lola volta e meia salienta e alerta nao ser o propósito que ela envisiona (?) para o feminismo. Mas a pressao contrária é grande!"

Concordo com a Erres Errantes em cada virgula!
Queria ter sido tão articulado quanto vc Anonima 17:21

^^

Anônimo disse...

Huan, eu acho que vc se expressa muito bem! Agradeço pelas suas palavras qto ao meu comentário das 17:21 e acho que vc se expressa muito bem, aliás meu comentário foi originado do que senti e pensei ao ler o item 3 do seu anteriormente escrito.

Uma pena que com frequência os ânimos se alteram aqui qdo as ideias entre as feministas se chocam e nem sempre elas sabem lidar adequadamente com isso. Um abraço.

Huan Icaro Piran disse...

Anonima 22:28

Acho triste que alguém tenha de ocultar seu gênero na internet e nos games. Vira e meche eu compro briga com alguém, seja por defender alguém que não sabe como lutar com isso, seja apoiando quem luta.
Particularmente, nos RPGs online que jogo, sou mediano, não tenho tempo e paciência para praticar e algumas amigas minhas simplesmente jogam no modo rolo compressor. Eu me divirto jogando com elas, seja com elas ou contra elas.

Anônimo disse...

Olha, sou um homem jovem de 22 anos, e sou misógino, mais isso não significa q eu seja um "mascu machista que atira no prórpio pé" como a maioria dos otários q se dizem "masculinistas". Eu sei o que relamente é a misoginia, e sei que se trata de algo antagônico ao machismo.
Particularmente eu sinto atração por mulheres que fazem as coisas, que não temem, sou faixa preta em taekwondo e na academia aonde pratico existem muitas mulheres, a maioria que dar uma de "princesinha", quer bater nos homens com todoa a força e exigem moderação ao batermos nelas, sinto NOJO dessas mulheres, podem ser do tipo que chamam de "gostosas", meninas "novas", mais é sério, eu não ficaria com uma delas nem que me pagassem.
Como misógino sou contra o q o machismo chama de "feminino", sou contra a fraqueza q dizem q as mulheres têm, sei q tem menos força, mais na realidade não é bem como dizem. Muitos me chamam de homosssexual por ser assim, tenho atração por mulheres fortes, que não temem atividades de cunho físico pesado justamente pq elas são o oposto do ideal das "princesinhas".
ACREDITE, EU EXISTO! E AINDA POR CIMA NÃO GOSTO DE FUTEBOL....

Anônimo disse...

SOU HOMEM, ODEIO MULHERES FRACAS E ADORO AS FORTES, ISSO É VERDADE MESMO!
SOU ANORMAL POR ISSO?

Anônimo disse...

para os mascus vc é anormal por declarar isso. para nós mulheres vc é nosso sonho de viver bem, de igual para igual.

EneidaMelo disse...

Anônimo das 12:09,

Qual a sua definição de misoginia? Porque acho que você não sabe o que é.

Anônimo disse...

EneidaMelo.
Sou o anônimo q mencionou, vou lhe responder, MISOGINIA, é o ódio pelo FEMININO. Um misógino odeia conversas de mulher sobre futilidades, odeia o q a mulher tem como objetivos na vida, odeia todas as características comportamentais "típicamente femininas".
De acordo com o sociólogo Allan G. Johnson, "a misoginia é uma atitude cultural de ódio às mulheres porque elas são femininas."
Aqueles típicos "mascus" de internet não sabem o q é misoginia, eles sim atiram contra sí mesmos ao pregarem machismo....
Para um misógino de verdade seria ótimo q mulheres fossem como homens, com excessão das diferenças físicas do corpo, afinal um misógino não é necessáriamente homossexual.
Um misógino simplesmente gostaria q mulheres agissem como homens, pois não toleram suas características comportamentais tidas "femininas"(fraqueza e sentimentalidade excessiva como exemplos).
Conseguí te explicar?
Machista: defende valores conservadores da sociedade como a feminilidade, defendem q a mulher fique em casa e só o marido trabalhe por exemplo.
Misógino: Odeia a feminilidade em sí, é o oposto do machista neste ponto. O misógino detesta a feminilidade a tal ponto de acreditar q os homossexuais são felizes pq satisfazem suas necessidades sexuais com homens ao invéz de terem q se sacrificar insistindo com mulheres.
É o suficiente?

Anônimo disse...

EneidaMelo
Só uma observação, o misógino não se importo q a mulher trabalhe DESDE QUE não seja um alto cargo na sociedade, pois para uma misógino a mulher não tem capacidade para tomar as decisões corretas, não é racional e simplesmente colabora apenas para a destruição de tudo o q o homem constrói.
Talvez essa seja uma semelhança com o machismo, misóginos tb não aceitariam mulheres generais por exemplo.
Para um misógino, a mulher é responsável pela maioria das desgraças da humanidade pq ela induz o homem a erro como no caso trazido pela própria Bíblia referente a Andão e Eva.
Sou misógino declarado e assumo tudo isso NA CARA DURA MESMO, não tenho vergonha disso como têm os "mascus".
Normalmente a misoginia é algo mais presente em homens, mais tb existem mulheres misóginas por incrível q pareça eu já ví. Assim como tb existe uma minoria de homens misândricos, algo q tem muito mais mulheres no meio.

EneidaMelo disse...

A misoginia inclui machismo, por ver mulheres como inferiores.

Mas, sim, misóginos não gostam de mulheres. No máximo, gostam de se masturbar dentro delas.

Anônimo disse...

EneidaMelo

Não inclui machismo, pois um misógino não se predispõe a proteger as mulheres como fazem os machistas, misóginos não querem sustentar mulheres em casa como querem os machistas, além de outras diferenças.
Existem misóginos machistas? R:Sim, inclusive a grande maioria.
É possível misoginia sem machismo? R:Sim, é o meu caso.

EneidaMelo disse...

O machismo tem várias facetas. A misoginia é uma delas.