domingo, 31 de julho de 2011

UM BLOG PRA SE ACABAR DE RIR

Sexta descobri, através de uns tweets entre a Cristine e a Bianca, um blog fenomenal sobre como é fazer arte no Brasil. Tudo bem, como disseram as duas fofas citadas acima, o blog vale pra todo mundo que já fez um freela alguma vez na vida, seja escrevendo, traduzindo (como eu já fiz! Parei porque sou péssima tradutora), revisando (também já fiz, em outra reencarnação), trabalhando com informática, ou desenhando. Sempre vai ter alguém muito cara de pau achando que seu trabalho é um mero hobby e exigindo que você trabalhe de graça. Lógico que essas pessoas oferecerão algo em troca, como prestígio (afinal, você associou seu nome ao dela!) e oportunidade (no próximo serviço vamos te pagar sem falta, ou senão quando nosso negócio deslanchar).
Mas DiVasca trabalha com desenho e, como um dos seus sábios clientes em (im)potencial lhe disse, “Eu sou advogado e sei o quanto vale o dinheiro, não se pode cobrar isso por alguns desenhos”. DiVasca conta suas agruras como ilustrador e designer, e olha, este deve ser o segundo melhor blog de humor que conheço (os blogs mascus, desculpe, ainda são os que me provocam mais gargalhadas). Ele não só desenha divinamente, como escreve muito bem. Tanto que eu tava lá na faculdade vazia (servidores em greve, colegas ainda de férias ― as aulas começam amanhã!) e comecei a rir muito alto, e não consegui fazer quase nada do que fui fazer. Tem tanto post hilário, começando por este, “Eles podem te chamar pra uns freelas”, em que um senhor lhe pede um desenho de bebê pro chá do seu neto. É sempre triste ver um homem crescido gritar “Desenho completo, Chirrin!” pra tela do seu computador, mas ele mereceu.
Este cliente também é uma beleza. Todo mundo já conheceu um, né? Aquele que explorou outro e agora quer explorar você. Assim, ele diz pro Di: “to te mandando um rascunho que um menino fez, só que não terminou porque eu achei muito caro. Dá pra fazer em cima desse mesmo, cara? ahh e faz baratinho pra mim porque é super simples”.
Mas quando uma mulher pede pro nosso ilustrador fazer sete caricaturas pra uma nova editora em troca de “trabalhos futuros”, e ele diz: “Cecilia, você é impressionante”, e ela responde: “Obrigada, fofo”, aí eu já desconfio. Sei que tem muita gente sem nenhum simancol, mas tanto assim? DiVasca tenta esclarecer: “Eu faço um trabalho gratuitamente pra você e como pagamento me promete mais trabalhos gratuitos?”.
No post seguinte que li no blog minha inveja do Di chegou a níveis absurdos. Gente, por que eu não sei desenhar? Imagina o charme que é poder sacanear seus amigos, colegas e trolls com um infográfico! “Por que o Ribeiro chamou Paulo José a sua sala” é um clássico. Este é um post em cinco partes, que vai ficando cada vez mais surreal e engraçado. Não vou negar que a fixação do ilustrador com pir*cas e ânus não seja um tanto quanto homofóbica, mas não tenho como ficar brava com alguém que escreve “Super pir*ca mega blaster destroyer anal massacre 5.000 of death”. Imagina como deve ser ótimo você fazer um desenho do tipo “O que Di Vasca acha de Paulo José?”, um colega de escritório. Mas nada é mais engraçado do que quando a pobre vítima, Paulo José, envia seu próprio desenho por email pra todo o departamento. E ele recebe mensagens de volta do tipo “Vc num devia desenhar não”. Eu ri muito alto no “Aquilo é uma pá?”, e na descrição da moça que mandou aquele infográfico pro cliente sem ver. A parte seguinte é um email do chefe da agência. O assunto? “Perdemos uma conta”. Impagável. Ah, toda essa gandaia me lembrou tanto do meu tempo de redatora em agência de propaganda! Pena que não havia internet.
Di Viasca também tem uma resposta à altura pra quem pede um trabalho “pra ontem” (se bem que, como a Bianca ensinou, basta cobrar uma “taxa de urgência” que o cliente desiste da urgência na hora).
Este post “Um linkbuilding mútuo”, além de excelente, serve pra todas as vezes em que alguém nos pede um favor em troca de muitos contatos. Di responde a um rapaz: “Não me entenda mal, não é que eu não quero fazer o trabalho de graça pra você (estou com muita vontade mesmo) [...]. Concordo que o linkbuiding é bem melhor que dinheiro, mas acontece que eu tive uma experiência bem esquisita ao tentar adquirir uma geladeira dessa forma”. E lá vai ele relatar o chat com a atendente de telemarketing.
E o cartão de visitas que ele faz pra uma cliente? E a resposta à clássica pergunta (só o valor muda ao longo dos tempos) “O que podemos fazer com R$ 100?”.
Tem também este de uma ex-colega da facul que pede pra ele fazer a ilustração de despedida pro gatinho. Envolve um pouquinho de crueldade ilustrativa com o bichano, mas como não é real, não me ofendeu nem me alarmou. Eu acho o máximo como a colega no início pede um favor mega-fófis e sua linguagem vai se modificando. De repente ela tá falando palavrão. Olha, é ver pra crer, e pra chorar de rir. Depois vi nos comentários que o post é inspirado neste excelente post de um ilustrador australiano que mora nos EUA e já tem livro publicado e tal. Mas achei o do Di melhor por causa dessas modificações da linguagem da moça. Ela vira uma personagem mais real (olha eu começando a fazer crítica literária com uma troca de emails!).
Aliás, isso de criar um post escrevendo e respondendo emails parece muito promissor. Tentarei fazer algum dia. Nem preciso saber desenhar!
Bom, agora que já ajudei a divulgar o incrível blog do Di, não espero nada menos que ele faça uma total reformulação visual do meu bloguinho. Se ele topar, eu até indico ele no Twitter. Tenho muitos contatos, sabe? Uma oportunidade de ouro!

27 comentários:

Angi disse...

Lola!
Sei bem como é isso, e vou conhecer esse blog para dar umas risadas!
Então, atualmente sou mãe em tempo integral, e blogueira! Sou educadora física de formação, e ouvi cada uma, tu acredita que tinha gente que dizia para eu dar personal de graça, e ela seria minha "modelo", tipo que as pessoas veriam como funcionou para ela, e iriam me contratar!
Aii, cada um que pensa que a nossa profissão é hobbie...pô,vou tentar comprar no mercado em troca de aulas de ginástica tb, será que cola?
Bjs
bom domingo!
Adoro seu blog!

Evelini Andrade disse...

Eu morri rindo com o blog dele! Vira e mexe me aparece e-mail assim também. O mundo é cheio de gente sem noção, então, as histórias dele sendo ou não fictícias, é tudo verdade minha gente!

Jay Elle disse...

Muito bom, Lola!
Adorei a indicação :D

aiaiai disse...

eu já tinha visto na sexta, quando vc tuitou e adorei. Tb sou frella em tempo integral (até no domingo - com pausas p procrastinação kkkk)...então, sei bem como é isso.

Eu tenho uma piadinha q conto para pessoas sem simancol que me pedem parceria, tipo essa q vc pediu para o divasca (HEHEHE).

Eu digo: ah, uma parceria tipo a que a galinha propôs ao porco?

e a pessoa: como assim?

e eu: A galinha propôs ao porco iniciar uma parceria para produção de ovos com bacon...

se a pessoa não entender, nem perco tempo explicando.


kkkkkkkkkkkkkk

Ana disse...

Lola, meio off topic.
Mas você poderia relatar como anda a greve na UFCE? A imprensa claro não dá notícias

denise disse...

Poxa Lola essa foi demais, adoro desenhar e trabalhei com isso muito tempo, começei numa época que n havia computação grafica ainda, era tudo na raça, e os percalços que o Di Vasca relata , tb passei por alguns, mas ri tanto que me doeu a barriga, vc sempre indicando coisas boas pra gente, obrigada.

Gaia disse...

Adorei o blog Lola.
Sei bem como é. Arquitet@ também sofre...
Pra mim este é impagável. Me admira a cara de pau de algumas pessoas.

P. P. P. disse...

Um outro blog engraçado ...

http://manualpraticodebonsmodosemlivrarias.blogspot.com/

Gabriele disse...

To rindo muito aqui!!!

tamarafreire disse...

Realmente o blog é engraçadíssimo, mas não tô conseguindo engolir essas ilustrações com pênis entrando nos ânus dos outros. Ou pior, do ânus de alguém sangrando porque um pênis cheio de espinhos foi enfiado ali. A única coisa em que eu penso vendo esse desenho é em estupro. E aí perde toda a graça né...

Somnia Carvalho disse...

Lolissima nao consigo parar de ler os posts do luis e a culpada e voce! rs...

achei o blog de morrer de rir e ao mesmo tempo nao da para acreditar no conteudo e que tanta gente seja cara de pau de pedir trabalho gratuito para um artista!

Niemi Hyyrynen disse...

Tudo que eu vi nesse blog foi:

Pica de ferro

Pica com espinhos

Pica com glande exagerada

Pica peluda

E o que todas essas picas faziam?

Faziam o cu de alguem sangrar,

Onde esta a graça ? E principalmente onde esta o seu bom senso Lola?

Francamente...esse rapaz precisa se resolver sexualmente.

Di Vasca disse...

Obrigado Lola! pensei que nunca diria isso mas você merece este link building. Manda-me por e-mail o que precisas, vai... Grande abraço!(e o comentário acima me tirou mais risadas que os anos inteiros coletando os e-mails.. rsrs.. fazendo ou nao o cu de alguém sangrar)

bibi move disse...

animal- bom humor com a crua realidade das relações trabalhistas e do mercado da arte em geral.
valeu lola.

sumaro disse...

@Niemi Hyyrynen né por nada não, mas a Psicanálise explica a sua crítica: transferência.

Alguém aqui está observando picas demais...

Layana disse...

Já faz tempo que frequento a página da Lola, que é excelente. Adorei o Divasca também, pois acho que todo mundo recebe umas propostas indecentes na vida de uma forma ou de outra.
E por que só hoje eu escrevi? Porque acho muita sensibilidade a pessoa ficar chocada com as ilustrações da piroca voadora e da blaster 3.000. Está tudo no plano do desenho, ele desenhou o xingamento mais usado "vá tomar n..." oras. Não acho falta de noção da Lola, tinha que desenhar ele como? Na beira do rio pietra sentado e chorando?
Imagina quando ele desenhar o "vá pra merda" e o "vá pra puta que o paril" ou como dizem aqui no nordeste "vai cagar no mato e limpar o cú com urtiga". Seria impagável.

lola aronovich disse...

Ana, não sei nada da greve na UFCE, até porque trabalho na Federal. Mas sei que os servidores na UFC estão em greve. Falei com o nosso secretário, e ele disse que provavelmente voltariam ao trabalho em breve. A questão é reajuste salarial e tentativa (totalmente equivocada!) de querer privatizar hospitais universitários.


Tamara e Niemi, entendo vcs. Também não gosto muito disso. Esse tipo de humor em que a pior coisa que pode acontecer com um homem é ser penetrado analmente é homofóbico sim. Mas também acho que tá tudo dentro do contexto do desenho. São pirocas voadoras. Mega ultra blaster anal massacre of death. Não existem de verdade.

Angélica disse...

Ah, as agruras da vida de freela!

Lola, eu gostei tanto do blog que li inteiro assim que conheci. Tive sérias dores de barriga rindo da história do chá de bebê.

Agora, sobre as pirocas, eu concordo contigo e com a Layana, tá no contexto. O que ele fez foi ilustrar literalmente (no melhor estilo "entendeu ou quer que eu desenhe?") que o personagem ia levar uma "comida de rabo" do chefe quando este descobrisse o que o cara tinha feito de errado.

Grosseiro? Pode ser, mas eu acompanhei os capítulos da história, ri com todos e tô louca pra saber o final, ahahahah...

Juliana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juliana disse...

Bom dia, Lola! O senso de humor do Di Vasca é realmente inacreditável. Sem contar com o talento para as ilustrações.
Beijo!

PS: Ah! Você já viu a notícia sobre a inclusão do feminocídio no código penal da Cidade do México?
http://www.cartacapital.com.br/internacional/cidade-do-mexico-cria-lei-contra-%E2%80%9Cfeminicidio%E2%80%9D
Bom mesmo seria que essa inclusão não fosse necessária, mas como a realidade ainda se distancia muito disso, não deixa de ser uma boa notícia.

Daní Montper disse...

Lola, não sei se te agradeço ou brigo contigo pela indicação do blog, pois deixei de trabalhar por mais de uma hora só porque não consegui parar de ler os posts do DiVasca...

Morri de rir, até mesmo com as tirinhas neuróticas das pirocas voadoras! Carajos com alas! rsrs

Ele tem uma criatividade incrível e é um poço de ironia = amei.

Raquel Dunn disse...

Lola, ontem fiquei um tempao lendo esse blog e nao conseguia para de rir. Amo ironias e esse rapaz eh master nelas...kkkkkkkk Fora as ilustracoes.....Acho q das q eu li ate agora a mais merecida foi a do bicho-papao..kkkkkkkkk. Sem contar os infograficos do Paulo Jose.

Flávio Brito™ disse...

Muito sem graça...

elen mars disse...

obrigado lola! eu ri muito com esse blog,ele sacaneia muito os "profissionais".

como tem gente folgada e abusada né?! querem explorar o cara e ainda acham q eles q são profissionais.
e aqueles q dizem q é muito simples,então, n precisa pagar ou pagar pouco.
se é tão fácil,pq n desenham eles mesmos?

só n gostei do cara sendo violentado pelo pênis voador,mas o resto é muito bom.

Ângela disse...

Eu só li o e-mail e vi o desenho do bebê alienígena.
Foi de chorar de rir no ato!
Vou voltar, com certeza.

Aurelio Coelho disse...

Terminei de ler todos os artigos do Blog. Realmente um primor de trabalho.

O cara sabe o valor que tem.

Eu ri até chorar com a história do bebê de braços abertos.

Não ria nessa intensidade a muiiiiiiiiiiiiito tempo.

Anônimo disse...

Thank you for sharing your thoughts. I truly appreciate your efforts and I am waiting for your further post thank you once again.


Look at my blog post: plus de retweet