quarta-feira, 19 de agosto de 2009

NOTÍCIAS DE FORTALEZA

Queridas pessoas legais,
Boas notícias! Mas antes vou matar vocês de suspense, porque eu sou assim, cruel.
Então, minha vida não é fácil. Eu fui viajar na segunda cedo, pra chegar a Fortaleza às 13 horas e poder estudar e mais ou menos dormir cedo pro concurso, que começaria às 8 da matina ontem. Pois bem, o aeroporto de Navegantes estava fechado devido à neblina, e a Azul, por ser uma empresa nova (e muito boa, gostei, e fiquei sabendo que já alcançou a marca de um milhão de passageiros), só tem dois horários por dia de Campinas pra Fortaleza: pela manhã, que era o vôo que eu iria pegar, e... à noite! Eles me colocaram num bom hotel em Campinas, comi do bom e do melhor, mas nada compensa chegar numa cidade às duas da manhã pra fazer uma prova que exige enorme concentração poucas horas depois! Dormi pouco e mal, e como de domingo pra segunda já tinham sido menos de 4 horas de sono... bom, faz dois dias que durmo quase nada. Mas a adrenalina fala mais alto e acorda a gente nessas horas difíceis!
Aí ontem (terça), eu pensei, irresponsavalmente, que a pousada era perto da universidade, e peguei um táxi às 7:30. Péssima ideia, viu? Não façam isso. Cheguei faltando três minutos pra prova. Se eu chegasse depois, adeus concurso. E eu perguntando pra todo mundo no campus: “Aonde é o departamento de Línguas Estrangeiras?”. E claro que nessas horas ninguém sabe.
Mas aí tive a primeira boa notícia. Lembram que eu dizia que se caíssem dois pontos de Linguística e só um de Literatura, eu não teria a menor chance? Pois é. Mas, chegando lá, a banca disse que seriam sorteados um ponto de Linguística e dois de Literatura, aleluia! Achei justo porque, afinal, eles tiveram um concurso outro dia só pra Linguística.
Minha felicidade foi imensa. E os pontos sorteados ainda foram bons. De Linguística, qualquer um dos sete eu teria enormes dificuldades (to put it mildly; adoro essa expressão, como a traduzo pro português?), mas acho que o item sorteado foi o menos piorzinho. Foi o dois, from sentence to text, sobre a noção do que é texto. Eu tinha preparado o ponto usando uns dois artigos de Linguística Funcional Sistêmica (sei lá como é isso em português, em inglês é Systemic Funcional Linguistics) que eu achei bastante interessantes. Aí, pra Literatura, os pontos sorteados foram o onze, sobre o Movimento Literário Irlandês (não se sintam mal, eu também não sabia nada a respeito, mas me preparei), e como foi o último ponto de Literatura que estudei – ahn, no domingo –, estava bem fresquinho na minha mente. E o outro ponto foi o doze, que não poderia ser melhor, sobre contos (esse era o mais livre que tinha, porque cada candidato podia escolher um conto pra analisar e falar dele no contexto do gênero literário). Eu escrevi, escrevi, minhas mãos doeram, quase não acabei, não deu tempo pra revisar, mas... fui bem, foram treze páginas. Pelo menos eu me lembrei de tudo que queria lembrar. No almoço, depois da prova, liguei pro maridão pra avisar que fui bem. Ele, minha mãe e os gatinhos devem estar pulando de felicidade até agora (os gatinhos, imagino, porque devem ter sido jogados pra cima no meio da euforia).
Aí à tarde foi a hora da leitura das provas, em sessão pública. É legal ouvir o que seus “concorrentes” escreveram. Quer dizer, legal em termos. Eu estava muito mais confiante antes de ouvir os outros textos. Que bom que eu não sou da banca, porque eu passaria quase todos os doze candidatos que apareceram. Claro, teve um ou outro que visivelmente não se preparou e escreveu qualquer abobrinha pra encher linguiça. Dava pra notar. Mas a maior parte fez um excelente trabalho. Eu calculo que, pra próxima fase, a da prova didática, devem passar pelo menos a metade. Espero que eu seja uma das seis. Um dos candidatos, que é professor da Universidade de Roraima faz tempo, claramente se destacou. Esse vai passar fácil, com a maior nota, não tenho dúvida. E duvido que ele não passe na prova didática, porque o cara é fera.
Como eu havia dito antes, há três doutores (uma delas, moizinha), três doutorandos, e o resto é mestre. Na prática, não sei se isso significa grande coisa. Mas se espera que os três doutores, por terem estudado quatro anos a mais que os mestres, saibam mais sobre um determinado assunto, e possam dar melhores aulas (lógico, nem tudo é tão simples, há exceções, mas a princípio é isso). Assim como se espera que um doutor com vasta experiência em sala de aula, como é o caso do carinha de Roraima, esteja muito melhor preparado que uma recém-doutora. No caso dele, realmente deu pra ver a diferença. No meu caso e no do outro doutor, não tenho tanta certeza. Mas eu gostei que o outro doutor veio me dizer que minha prova estava muito boa (por coincidência, os três doutores são da UFSC, mas eu não os conhecia).
Ficarei extremamente decepcionada se eu não passar pra próxima etapa. Acho que passo. Aí o meu medo é que, pra prova didática, sorteiem um ponto de Linguística. Porque como dar uma hora de aula sobre um tema que, até o mês passado, eu nem sabia do que se tratava? E é nisso que entra a segunda excelente notícia do dia: a banca me disse que o candidato pode escolher se quer ter o ponto sorteado em Linguística ou Literatura! Claro que dei pulos de felicidade, né? Devo ter batido com a cabeça no teto. Agora tem que esperar até quinta de manhã pra saber o resultado. Ah, e uma coisa meio estranha, que pra mim é novidade (já que este é meu primeiro concurso): na quinta, às oito da manhã (se chegar atrasado tá fora; logicamente que vou sair do hotel com uma hora de antecedência), logo após o resultado, é feito um sorteio entre as pessoas que passaram pra segunda fase. Pra ver quem vai ser sorteado primeiro, segundo, terceiro etc. Eu pensei que iam sortear pra todo mundo na mesma hora, mas não é assim. Como neste concurso sorteia-se um ponto por candidato (não o mesmo ponto pra todos, como já vi em outros editais), e é necessário que haja igualdade de condições (ou seja, que todos tenham igualmente 24 horas pra preparar a aula), vão sortear um ponto pro primeiro candidato às 9 horas, um pro segundo às 10 horas, e assim por diante. Ou seja, se eu passar, e se eu for a última a ser sorteada, vou ficar um tempão na faculade na quinta, esperando. Mas vamos ver o que acontece. Por enquanto tá indo tudo muito bem. Não posso nem dar minha reclamadinha básica como de costume. Humpf!
E aí, minhas queridas leitoras de Fortaleza? Vamos nos encontrar? Realmente não posso na quinta, porque, se eu passar pra prova didática, estarei preparando a aula feito uma louca bem na quinta à noite. Tudo indica, toc toc, que eu vá passar, e que ficarei aqui em Fortaleza até terça de manhãzinha pra esperar o resultado final (que sai na segunda, no final da tarde). Portanto, se pra vocês for melhor se encontrar no final de semana, estou às ordens. Não sei nem o que vou ficar fazendo na cidade durante o final de semana, sans maridão (meu francês é excelente, como vocês podem ver; eu devia ter feito doutorado em Literatura em Língua Francesa). Então, uma leitora recomendou que a gente se encontrasse no Dragão do Mar. Eu não sei onde é, mas vamos lá, vamos tentar marcar alguma coisa. Conto com a iniciativa de vocês.
E assim que eu souber se eu passei e quando será a minha prova didática, que é aberta ao público, eu aviso pra vocês.
Abração, obrigada pela torcida, e vamuquivamu!

28 comentários:

Anônimo disse...

Lola, não posso deixar de parabenizá-la pelo excelente desempenho nesta primeira etapa. Que bom que você ficou contente com o que realizou. Isso é muito importante. E você achou que seus concorrentes foram muito bem. Isso quer dizer que, se você não passar, pelo menos não terá havido favorecimentos. Assim espero. Boa sorte. Márcia.

Bárbara - Αφροδίτη disse...

Parabéns, Lolaa!! \o/

Arrasou! :DDD

Não que eu já não soubesse que você iria se sair muito bem na prova, claro. HAHAHA...

Estamos todos torcendo por você!

\o/

Beijão!
Venha para São Paulo! :'(

Babi :]

Anderson disse...

Estou bem longe de Fortaleza, mas mantenho a torcida por vc.

Va sem medo e com confiança.

Go Lola, go.

L. M. de Souza disse...

linguistica sistemico-funcional, foi o que vi por aí nos congressos de linguistica. não basta passar, tem que ficar em primeiro ou entre os tres primeiros, vai que alguém não quer a vaga? enfim, acredito que os competentes não precisam de sorte, só de oportunidade. de qualquer forma, boa sorte pra vc.

Giovanni Gouveia disse...

Hey ya,

Pena que não caiu nada sobre a tal Lost generation, pra vc discorrer sobre a Ilha de Lost ;)

Continuamos aqui na torcida, Lola, acordando assustado no meio da noite preocupados.

Thanks God que tá tudo indo como combinado

Claudinei disse...

Parabéns, Lola. Tenho absoluta certeza de que vais passar pra próxima fase! a torcida garante. Agora, só um detalhe: se você quiser realmente fazer suspense não pode colocar justo na primeira linha que são boas notícias, não é?

Christina Frenzel disse...

Lola, LÓ_GE_CO que você passou, dear, não tenho dúvidas a respeito!!!

Dê notícias e curta um pouquinho de Fortaleza, vai no Croco Beach se esparramar ao sol!

Beijos

Deborah disse...

Lola, por favor veja: Esse colunista da folha diz que as candidatas a cargos políticos tem de ser mais femininas e menos agressivas: http://marcelocoelho.folha.blog.uol.com.br/arch2009-08-16_2009-08-22.html#2009_08-18_13_34_03-10759959-0

Túlio disse...

Lola, parabéns pelo seu desempenho! Tô muito feliz por vc.

Dedos cruzados pra próxima fase.

Anônimo disse...

BLZA LOLAAAAAAAAA!
Tamu aqui torcendo.Quero ir conhecer Fortaleza quando vc estiver aí já lecionando eheheheh
Fatima/Laguna

Fabiana disse...

Parabéns, tô aqui torcendo por vc.

iaeeee disse...

parabéns lola! estou na torcida!
^^

Deborah disse...

Fiquei muito feliz!!!!!
Torço por você ^^

Neander disse...

Ando pensando e pensando e pensando diariamente em que tema escolher para fazer mestrado, e linguística é algo que me interessa.

Às vezes fico horas na frente do pc lendo sobre a formação de várias línguas, principalmente o romeno, o português e o galego!


Parabéns pra ti... e boa sorte na quinta!

Tina Lopes disse...

Lola, bandida, quer me matar de ansiedade? Parece minha mãe dando notícia ruim. Parabéns, amiga, tenho super intuição de que vc vai conseguir. E olha, nem sempre esses doutores decolam - estou sendo otimista, quero dizer. Bjk!

Andie disse...

Parabens e boa sorte, Lola! Essa historia de concursos me assusta muito, e quanto mais eu fico sabendo dos processos seletivos para professores, mais fico feliz de nao querer essa area! :)
Espero que tudo de certinho! Mantenha a calma e o otimismo!

Ana Paula disse...

Parabéns Lola. Que bom que deu certo e eles sortearam as coisas do jeito que vc queria!!!

Agora o que eu faria em Fortaleza? Passaria o dia todo deitada na praia tomando sol, bebendo uma cervejinha gelada e comendo frutos do mar, ou seja, nada que vc curte!! Vamos trocar de lugar? Eu vou pra Fortaleza e vc vem pro Colorado!

Andrea Cristina disse...

Lolaaaaaaaaaaa
Estou felicíssimaaaaaa!!!
Se eu tivesse um gatinho eu o jogaria pra cima de tanta felicidade! uahauuahaauha
Depois de tantas boas notícias nada mais pode dar errado!
Boa sorte e bom passeio aí! Aproveite!
Um grande abraço!

Danda disse...

Que bom que esta indo tudo bem, Lola! Você merece muito! Já estou com inveja de seus futuros alunos que teram a oportunidade de ter aula com você. Quisera eu ter tido uma professora tão mente aberta, interessada e preparada tecnicamente quanto você (além das histórias extras do maridão, gatos e cia que devem rolar entre as aulas rsrsrs).

Bruna disse...

Ah, Lola! Deveria ter prestado um concurso para a UFBA aqui em "Salvadô", aí eu poderia te conhecer. :)
Meu primeiro comentário no seu bloguinho, só quero dizer que eu também dei pulinhos de alegria ao saber que foi bem! Estava torcendo por ti!

Flávio Amaral disse...

"Que bom que esta indo tudo bem, Lola! Você merece muito! Já estou com inveja de seus futuros alunos que teram a oportunidade de ter aula com você. Quisera eu ter tido uma professora tão mente aberta, interessada e preparada tecnicamente quanto você (além das histórias extras do maridão, gatos e cia que devem rolar entre as aulas (...)" (2).

Resolvi copiar porque esse comentário exprime com precisão meu sentimento. Estou na torcida.

aiaiai disse...

Força na Peruca!!!!
Eu também to com inveja dos seus futuros alunos.

Bárbara Dayrell disse...

oi Lola!
Parabens pela primeira etapa! Estou torcendo por você!!! Como dizem aqui, "ich drucke dir die Daunen" (ago como estou fazendo figa pra você).
Abraco

Bel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bel disse...

Eu tô na agonia da mudança, mas não podia deixar de vir aqui saber como foram as coisas ontem e continuar na torcida!

Parabéns é pouco... ah, mas é a palavra que temos, né? Que Deus te abençoe na continuidade das provas!

Iolanda disse...

Oi Lola. Também gostaria de conhecer pessoalmente e acho o Dragão do Mar uma boa opção. É um Centro Cultural na Praia de Iracema. De qualquer ponto da cidade é fácil chegar lá. A gente poderia marcar no sábado a tarde, em frente aos cinemas, próximo ao planetário. O que você acha? E vocês, leitoras da Lola?

Sheila disse...

Como escrevi no e-mial, estou só aguardando contato, liguei no hotel mas acho que vc já havia ido para a UFC. Estou muito feliz por ter sido melhor do que o que você esperava. E que bom que você gostou do hotel! Abs!

La Mamacita disse...

Ai, ai, ai ai, meu amor,
Só você pra me deixar impressionada, flabbergasted, boquiaberta, atônita, embasbacada, estupefata, admirada, comovida e pasma mas não surpresa, pois nós torcíamos e queríamos que você estivesse tranquila e calma pra escrever e responder o que você bem tinha estudado. Fui fazer o que a bela Andrea sugiriu que era jogar os gatinhos pra o ar pra comemorar. Tudo bem com o Calvin que caiu nos meus braços de barriga pra cima e foi devidamente mordido e beijado, como ele gosta. Mas com a Blanche não funcionou: ela me fulminou com seu olhar 45 e ficou com os olhos grandes de coruja de reprovação. Mesmo assim, estamos todos festivos, alegres, tolinhos, rindo a toa. Toda a turma no Dragão do Mar, hein, que inveja...E toda a torcida do blog, tó comovida. Como não sei se você vai poder ler,e donde, mando e-mail tambem. Te amo e te amo. La Mamacita