quarta-feira, 10 de junho de 2020

UMA SOBREMESA EXTRAVAGANTE DE ANIVERSÁRIO

Pessoas queridas, meu aniversário foi dia 6 de junho. Fiz 53 anos. Não precisam falar "parabéns" nem nada. Todo mundo que soube já falou no Twitter durante o final de semana.
Mas prometi colocar aqui umas fotos. E umas receitas.
É que cometi uma extravagância, dessas que a gente comete uma vez na vida. Eu tava com essa ideia, e decidi fazer: uma sobremesa dupla, gigante.
Pro prato principal, fiz uma torta salgada com massa de batata que tinha feito no dia das mães, e minha mãe adorou. É muito fácil de fazer, faz no liquidificador. 
Os ingredientes pra massa são: 2 batatas médias cozidas, sem casca (cerca de 400g), 2 xícaras de leite, 1 xícara de óleo, 1 colher sopa de manteiga, 4 ovos, e 2 xícaras de farinha de trigo com fermento, sal, temperos. É só ir colocando tudo no liqui, deixando a farinha por último. Quando estiver tudo bem misturado, colocar metade do copo do liquidificador numa forma grande. 
Aí colocar o recheio que vocês quiserem. 
Pode ser só legumes e verduras, pra quem é vegetariano, ou carne, ou frango. Eu coloquei 200 gramas de presunto, 200 gramas de queijo mussarella, queijo coalho, milho, tomate, cebola e azeitonas. Quando tiver o recheio, cubra com o que sobrou da massa do liqui. Aí é só colocar numa forma untada (eu unto só com óleo mesmo) durante 40 minutos ou uma hora. (agora que vi que já fiz um post com esta receita!)
A novidade é que minha mãe deu um nome pra essa torta salgada, que eu só chamava de torta salgada com massa de batata. Ela chama de "Sara Lee", porque, segundo minha mãe, tem um toque do sul dos EUA. Sei lá.
Tá, mas e a sobremesa absurdamente exagerada? Bom, tem aquela torta de chocolate amargo do Viena, cuja receita eu já passei pra vocês. É simples porque são apenas cinco ingredientes: 9 ovos (o mais trabalhoso é separar a clara da gema), 270 gramas de açúcar, 270 gramas de chocolate em pó, 270 gramas de manteiga derretida, e uma colher de sopa de conhaque. Só!
Bata as claras em neve e vá juntando os ingredientes aos poucos na batedeira, sem parar de bater: primeiro o açúcar, depois as gemas, uma a uma, depois o chocolate em pó, e finalmente a manteiga derretida. Tem que ficar uma massa homogênea, escura, bonita. Eu coloco um pouquinho de café e cacau (por exemplo: 200 gramas de chocolate em pó que já vem na caixinha, e os 70 restantes de cacau e café) pra ficar ainda mais amargo.
O grande truque é separar uma xícara dessa massa. Vc vai colocar uma colher de conhaque, misturar, e este será sua cobertura no final. Prático, não?
Coloque a massa numa forma untada e leve ao forno por cerca de 20 minutos. Tem que ficar mole no meio. Quando esfriar, despejar aquela xícara que você separou por cima da torta. Pronto. Só levar pra geladeira. 
O negócio é que eu inventei de fazer um pavê de chocolate e café por cima da torta. Preciso falar como se faz um pavê? Preciso, porque tem gente que não sabe cozinhar nada. Eu uso bolacha Maria de chocolate em vez de biscoito champanhe, que é o mais usado. Preciso de mais ou menos um pacote e meio. Pode ser redondo ou retangular. 
Também uso dois chocolates amargos, duas caixinhas de creme de leite, uma lata de leite condensado, café, baunilha, e conhaque. Pego dois potes. Num deles, misturo o leite condensado com o café e a baunilha, e acrescento mais leite. Noutro, derreto o chocolate no microondas, misturo com o creme de leite e o conhaque. 
E vou fazendo camadas das bolachas (sempre colocar um pouquinho no leite antes de colocar na forma) com as duas coberturas.
Pavê não vai ao forno nem nada. Basta levar a geladeira por várias horas antes de servir, pra ficar mais durinho. Minha dica é usar uma forma com tampa, pro líquido todo não evaporar na geladeira (eu acho que evapora).
Minha mistura de torta de chocolate com pavê ficou meio estranha. Olha a cara da minha mãe quando fui servir:

Mas lógico que ficou boa. Tente fazer e me diga!

9 comentários:

Sofia disse...

Nossa, Lola, que delícias!
Ah, e sei que vc falou que não precisa mandar parabéns, mas não acompanho o Twitter: feliz aniversário! Tudo de ótimo em dobro pra vc <3

Alan Alriga disse...

Parabéns Lolinha, eu não sabia porque eu não uso Twitter por ser muito tóxico.
Bem quero lhe desejar tudo de bom nessa vida, afinal você merecê pelo tanto que você luta diariamente.
  🔥🔥🔥
🔥🔥🔥🔥
┊┊┊╭┻┻┻┻┻┻┻┻╮┊┊┊
┊┊┊┃╱╲╱╲╱╲╱╲┃┊┊┊
┊┊╭┻━━━━━━━━┻╮┊┊
┊┊┃╱╲╱╲╱╲╱╲╱╲┃┊┊
╱▔┗━━━━━━━━━━┛▔╲
~ⓗⓐⓟⓟⓨ
ⓑⓘⓡⓣⓗⓓⓐⓨ

。゚゚・。・゚゚。
゚。 。゚
 ゚・。・゚

Unknown disse...

Parabéns

Felipe Roberto Martins disse...

Feliz aniversário Lola querida!!! Saúde, Paz e ForaBozo!!! :). Abraços.

titia disse...

Parabéns Lola! É, eu sou chatinha mesmo. Saúde, paz, felicidades e que os mascus vão todos presos.

Anônimo disse...

Parabéns, Lola!!🎂🎂🎂🍰🍰🍰🎉🎉🎉🎊🎊🎊

Anônimo disse...

Parabéns, Lola! Vou testar essas receitas por aqui durante o período de distanciamento.

Kasturba disse...

Ai, meu Deus, e agora que eu to morrendo de vontade de comer essa sobremesa???
Preciso urgente achar uma versão vegana para isso aí...
Como eu não tenho twitter, não percebi que seu aniversário havia passado. Então vou dizer: Parabéns, Lola!!!! Você é minha musa inspiradora feminista. Desejo muitas felicidades na sua vida, sempre!!! Força e coragem nem preciso desejar, porque você tem de sobra.
Beijos, beijos!!!

Ah, ainda sonho em te conhecer pessoalmente. Qualquer hora eu consigo!!! :)

Anônimo disse...

Eita, eita, espera um instante. Vc usou LEITE? Agenda nazista oculta finalmente revelada.