segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

ZIKA VÍRUS, PMB, PROFISSÃO REPÓRTER E ZEZÉ: NOTAS DE SEGUNDA

Estou muito, muito sem tempo! Final de ano é sempre absurdo, mas agora exageraram. Além das aulas, provas, papers pra corrigir, ainda tenho que escrever três artigos.
Não que escrever post com notinhas seja mais rápido, mas vou tentar. Vamulá.
O que estou lendo sobre o vírus zika é simplesmente assustador. 
Já foram registrados este ano 1.761 casos de microcefalia (em que o cérebro não se desenvolve; em 90% dos casos, o bebê, quando nascer, terá algum tipo de problema mental. A doença não tem cura) em recém-nascidos no Brasil (lembrando que não se pode requerer aborto legal se houver detecção da microcefalia no feto; é diferente de fetos anencéfalos, em que o aborto legal é permitido). O vírus da zika é transmitido pelo Aedes aegypti, o mesmo mosquito da dengue. 
O presidente da Sociedade Brasileira de Dengue, Artur Timerman, alerta que a situação é dramática. Para ele, "não há a menor dúvida" de que os casos de microcefalia são causados pela Zika: "Eu entendo a gravidade do que vou falar, mas temos que falar para as mulheres evitarem a gravidez agora até que a gente tenha a real dimensão do problema". 
Ele diz que as campanhas do governo para que as pessoas não deixem água parada são como "apagar o incêndio com copo de água". Fumigar com DDT não funciona, segundo ele (os mosquitos são resistentes), nem citronela. Ele recomenda usar repelentes à base de Icaridina e roupas como calça e blusa de manga longa e meia (no verão?!): 
"A gente vai ter que torcer para o vírus do zika ser só um vírus e não ser como a dengue, que são quatro. E para o zika não ter mutação. Porque isso vai facilitar se fazer a vacina. A dengue são quatro sorotipos. A vacina é muito boa para um sorotipo, mas não serve muito para outro. Ninguém sabe se o zika tem só um sorotipo e que não sofre mutação. Temos que torcer para isso". 
O especialista Thomaz Gollop afirma que, se sua irmã ou filha planejassem uma gravidez, ele aconselharia: "Não engravide agora de jeito nenhum". Pelo menos por alguns meses, "até que o panorama desta epidemia esteja mais bem delineado. É uma medida preventiva". Mas ele salienta que ainda não há certezas, apenas suposições de relação entre a infecção Zika vírus e a microcefalia. 
Se as matérias acima já são de causar pânico, este post quase me fez pular pela janela. A fonte não identificada confirma o cenário: "um surto de uma doença que está cada vez mais fora de controle, que causa sequelas gravíssimas e irreversíveis em seu bebê, transmitida por um mosquito, que pode estar em qualquer lugar". 
Já a antropóloga Débora Diniz descarta a histeria
"Já foi eugenia, agora é prevenção. Cada tempo teria sua biopolítica e seus inimigos do bem-estar, permitam-me lembrar Michel Foucault. O infeliz da vez é o zika vírus; e, com pouca originalidade, a população são os úteros das mulheres". Para ela, a "relação" entre zika vírus e microcefalia não significa muita coisa, pois há diferença entre causa e relação. 
Ela estranha "como uma hipótese, um único caso de relação comprovada, pode ter sido suficiente para um alerta de saúde pública com consequências importantes para as mulheres. E não quaisquer mulheres, mas as pobres e nordestinas". E conclui: "A única prevenção ao zika vírus é o controle do mosquito. O resto é política de saúde para amadores". 
Espero que ela esteja certa. 

Pra calar a boca de quem diz que o
Partido das Mulheres Brasileiras não
tem mulheres! Viram como essas
moças apresentam a legenda?
Já desconfiávamos, mas agora é oficial: o Partido da Mulher Brasileira é uma piada. Desde o início, desde a criação da 35a legenda política brasileira, vimos que era conservador e anti-feminista -- e, convenhamos, um partido pró-mulher que seja anti-feminista já é uma contradição em termos. Mas eu esperava que, no mínimo, seria um partido cheio de mulheres, certo? Que nada! 
Hoje o PMB tem vinte deputados -- 18 homens e duas mulheres. Adquiriu seu primeiro senador, Hélio José, vindo do PSD. 
Não bastasse ser reaça, Hélio foi acusado de abusar sexualmente da sobrinha. Sua fala ao assumir ecoa a total falta de simancol de seus colegas: "O que seria de nós, homens, se não fosse uma mulher para estar do lado, para nos trazer alegria e prazer?" (O Guardian publicou uma ótima matéria sobre o PMB, dizendo que ele já é -- pasmem! -- o décimo maior partido brasileiro).
Semana passada estive em uma Roda de Diálogo muito interessante no Museu Nacional, em Brasília, organizada pelo CFEMEA. No final, uma moça fez algumas perguntas sobre o que pode ser feito para aumentar a pífia representatividade das mulheres na nossa esfera política: deveríamos todas nos filiar ao PMB, ou insistir na criação de um partido feminista? 
Respondi que filiação ao PMB estava fora de cogitação, mas que eu via com bons olhos o sonho de Márcia Tiburi, o PartidA. Claro que qualquer projeto esbarra nos obstáculos financeiros. Mas eu acho que seria ótimo ter um partido feminista

Comecei a escrever uma notinha sobre a proposta do Mistério da Fazenda de equiparar a idade de aposentadoria da mulher ao do homem, mas já deu uma notona. Prometo publicar um texto ainda esta semana sobre isso. Além do mais, estou tendo problemas com a internet, que não permite abrir vários links. Você também?

Ela parece estar muito feliz
Não sei nem se merece uma notinha. O artista sertanejo Zezé Di Camargo filmou a namorada passando sua roupa e disse: "Gente, isso que é mulher: bonita e prendada! Cuidando de mim, olha que maravilha! E ainda está sorrindo!"
A matéria onde esta pérola foi publicada ainda nos dá um pouco mais de informação sobre a felizarda Graciele Lacerda. 
Olha o verbo, assume. WTF?
Ela parece ser "adepta da Criolipólise, um procedimento que congela a gordura localizada e depois elimina". Too much information, gente!
Mas o pior foi o pai de três explicar que talvez reverta a vasectomia para atender o desejo da namorada: "Graciele é jovem, e o sonho de toda mulher é ser mãe um dia". 
Nunca foi sonho meu ser mãe, ô Zezé! E tenho certeza que não é o sonho de muitas mulheres. 

Amanhã, terça à noite, parece que às 23:50 (como fica pra gente que não tem horário de verão?), o Profissão Repórter será sobre feminismo! 
Ainda bem que não foi terça passada, porque senão eu teria perdido tudo (estava voltando de viagem). Sei que televisão é bem superficial, que o programa é curto e que há várias pautas. Mas vamos torcer para que mostrem um pouquinho da minha luta. 
Se aparecer um décimo do que foi a mesa-redonda maravilhosa em Quixadá (falamos de gênero em pleno sertão cearense!), já terá valido a pena. E sei que Guilherme e Ricardo (esses rapazes simpáticos na foto que tiramos aqui em casa) trabalharam muito. Tomara que esse trabalho ajude a diminuir a impunidade dos misóginos que perseguem ativistas.

79 comentários:

Anônimo disse...

Esse Zezé não cansa de ser um imbecil. Por isso que nem o irmão, Luciano, suporta ele.

Quanto a esse partido - PMB - não basta fazerem política para prejudicar mulheres agora vai querer fazê-las embaixo de uma siga que supostamente seria das mulheres.

E há pessoas que ainda dizem que o Feminismo é que é o problema.
Já estou ansiosa pra ver o Profissão Repórter. Chega logo, terça-feira!

Anônimo disse...

Eu vi a chamada do Profissão Reporter! Vi o Marcelo correndo!!! Vai ser hilário!!! E o Emerson estava comentando no G1, dizendo que o programa deveria falar que feministas tb cometem crimes de ódio... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
Parabéns Lola!!!!!
Viu só, Marcelo banana, o que seu plano do cebolinha fez com a Lola? Ela ficou ainda mais famosa e querida!!
Amamos vc Lola!

Anônimo disse...

Engraçado isso de partido feminista, no passado tbm acharam boa ideia um partido nazista, e os varios evangélicos. E hj bemos no que isso dá !
Melhor seria cobrar o governo que representasse a todos, isso de um partido para cada causa não funciona.

Anna

Anônimo disse...

Já tá com medo, "Anno"? kkkkkk

Como feminismo assusta esse gente...


Eu não vi o Marcelo correndo na propaganda. Vou ligar a tv só pra ver isso quando passar de novo kkkk

Anônimo disse...

Eu tb vi o Marcelo!! Ele fala algo que não dá para entender e o Repórter vai atrás dele... rsrsrsrsrs

Anônimo disse...

Channers fracassados só falharam em 2015, se fuderam nerds escrotos, tanto o cenário BR quanto o gringo só andam perdendo. Já as feministas cada vez mais ganhando visibilidade.

Anônimo disse...

Eu AMO a Débora Diniz só que infelizmente, neste único e especial caso, ela está bastante equivocada.

Anônimo disse...

A diferença, "Anna"", é que o feminismo não quer tirar direitos de ninguém, pelo contrário, quer dar direitos a seres humanos. Eu sei que pra você e pra sua laia mulher não é ser humano, mas pra vocês eu tenho apenas a palavrinha que começa com F...

Se existe mesmo uma relação entre o zika e a microcefalia, não é melhor prevenir e simplesmente combater o desgraçado do mosquito? Se bem que o problema do brasileiro é que não adianta você combater o mosquito se o seu vizinho tá se lixando pra saúde dos outros e tem praticamente uma criação extensiva de mosquito em casa.

Uau, quer dizer que Marcelo Marmelo simplesmente correu da raia feito o pedófilo cagão que ele é? Mas não era ele que elogiava todos os dias a própria macheza e coragem aqui no blog? Puxa, isso eu farei questão de assistir e comentar.

Você vê o quanto uma pessoa é egocêntrica a um nível quase psicopata quando tira uma foto daquelas e diz que a moça está feliz servindo de escrava pra um marmanjão de fraldas.

E viva a mesa redonda.

Anônimo disse...

Sobre o zika, a gente precisa levar em consideração que 1. as pessoas relutam em permitir que agentes de saúde entrem em suas casas para detectar e combater os focos do mosquito, 2. não foi "um único caso" de comprovação que ensejou o alerta dos órgãos de saúde, 3. aborto não é legalizado no Brasil e ter filho deficiente não é brincadeira. Acho prudente evitar sim. Mas eu concordo 100% com a crítica que a coisa tá estrategicamente localizada, sendo que o mosquito transmissor tá no país inteiro.

Anônimo disse...

Sylvie

Esse Zezé DI Camargo é um imbecil, sem talento e completo boçal!
Chifrou a ex mulher VÁRIAS vezes, mas só foi a Zilú dar uma puladinha de cerca pra ficar tachando a mulher de "vadia" em tudo que foi site!
E junto com essa golpista novinha(desculpa mas não sou delicada com validadora interesseira) são um casal muito ridículo.
E sobre a afirmação "toda mulher quer casar", ele sabe tanto de mulher quanto eu sei de coleópteros!
Primeiro MUITAS mulheres NEM pensam em ter filhos.
Segundo, muitas que decidem ter um, em boa parte das vezes recorre à fertilização e bancos de esperma, não precisa aturar macho escroto e babaca como ele!
Sem falar que mesmo as mulheres que decidem ter filhos NÃO abrem mão da carreira diferente da vigarista interesseira da namorada dele, porque essa tem toda razão pra querer ficar grávida dele e ficar dando uma de "Amélia ridícula": nada como um velho rico e trouxa pra bancar uma validadora interesseira, sem caráter e amor próprio.

Anônimo disse...

Por favor meninas me respondam
meu "namorado" veio com um papo estranho de que não gostava de fazer oral, será que eu termino? Não quero ficar sem o meu prazer, detalhe ele só não gosta de fazer de receber ele gosta aí que eu não quis mais ficar com ele. Eu tô querendo terminar, eu quero um homem que me complete e não isso... Eu não queria chegar ao ponto de ter que terminar por sexo mas entre meu prazer e ele eu prefiro meu prazer.

Anônimo disse...

Texto muito bom. Mas...

"A doença (sic) não tem cura." Me parece que a Lola NÃO sabe diferenciar doença de malformação congênita. Segue um artigo da Wikipédia para a Lola refrescar a cabeça dela:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Malforma%C3%A7%C3%A3o_cong%C3%A9nita

Anônimo disse...

17:02, você não é obrigada a nada. Termine.
E se chegar alguma falando "ain, converse com ele blábláblá" ignore. Ele não quer fazer e não é obrigado. E você não é obrigada a ficar com ele. Que cada um vá pro seu canto.

Anônimo disse...

Lola, perto do Oscar não esquece, dá um jeito: cinema! 2015 o ano mais feminista e lésbico do Oscar! A garota dinamarquesa(transgenero), Carol, Freeheld (os dois com temática lésbica), Sufraggetes, Mad Max e talvez esteja esquecendo de mais algum... Daria um excelente post

Anônimo disse...

Sylvie

Anônima querida, dê um ultimato neste namorado!

Teve um ex namorado que queria fazer anal em mim, e ficava me perturbando, até que cheguei pra ele e falei "você come minha bunda e como a tua, tenho um dildo maravilhoso, macio, grande, enfio gostoso em vc e depois vc enfia seu pau em mim", e o que aconteceu? Deu ataque de pelanca e terminou comigo, kkk. Teve outros que também só queriam que eu fizesse oral mas não queriam fazer em mim, mandei pra PQP e não fiz!
Mas aí a escolha é sua garota! NINGUÉM tem que te obrigar a fazer nada que não queira, mas se vir com suposta "obrigação", manda ele te chupar, se ele não quiser manda ele se fuder! Se ele terminar com vc, agradeça, se livrou de um babaca! Pronto.
Tenha certeza um dia vc vai achar um cara bacana, que tope trocar fantasias e fetiches em comum. Relação de de prazer pra apenas UM dos integrantes, NÃO DÁ CERTO!!

Anônimo disse...

Sobre o sexo oral, acho que ninguém é obrigado. Se não gosta de enfiar a boca, a masturbação pode ocorrer com as mãos. Agora se tem muita má vontade ou falta de respeito pelas vontades e limites do próximo, melhor terminar.

Anônimo disse...

Filmei a chamada que aparece o Marcelo! Vou mandar para a Lola...rs

Anônimo disse...

Achei que tinha postado, se aparecer duplicado peço desculpas.

"Chifrou a ex mulher VÁRIAS vezes, mas só foi a Zilú dar uma puladinha de cerca pra ficar tachando a mulher de "vadia" em tudo que foi site!
E junto com essa golpista novinha(desculpa mas não sou delicada com validadora interesseira) são um casal muito ridículo."

Cadê a sororidade, flor?
Ninguém colocou arma na cabeça de ninguém nessa história.

Vadia, puta, interesseira, golpista, isso tudo tá nas definições do patriarcado, vamos atualizar.

Anônimo disse...

Muito obrigada meninas eu penso o mesmo chega de ser ignorada no sexo. É pq isso aconteceu hoje então fiquei com a mente perturbada e sem ter com quem contar.

Desculpe anonima que reclamou eu só queria confirmar que estava certa, não reclamei só achei estranho, pensei que ele não gostava do próprio sexo oral e não que só não gostava de dar prazer aff. Vim aqui pq sei que isso ocorre e precisamos dos conselhos umas das outras, feminismo é isso também.

Anônimo disse...

Mas voltando ao assunto, eu vi a chamada na Globo gritei logo seu nome Lola, pena que vai começar tarde, eu só vi que vc falava de ameaças.

Anônimo disse...

Melhor tirar dúvidas das manas do que responder mascu que fala de homem utilitário não acha? Nem todo mundo tem apoio não. Tá pensando que a gente acha amiga feminista em qualquer esquina.

Anônimo disse...

"lembrando que não se pode requerer aborto legal se houver detecção da microcefalia no feto; é diferente de fetos anencéfalos, em que o aborto legal é permitido"

O que é um absurdo medieval para manter o corpo feminino como encubadora, eu deveria escolher o que, quando e como algo pode ou não ser gerado no meu ventre, o machismo obriga mulheres em pleno Sec. XXI a gerar crianças defeituosas apenas como punição por ela ser mulher.

Anônimo disse...

Quando começou a aparecer notícias sobre o zika vírus, sua relação com microcefalia e os alertas que no momento pode ser perigoso engravidar eu pensei: Quanto tempo vai demorar para alguém começar a dizer que isso é um ataque aos direitos reprodutivos?

Sério, quando se trata de maternidade parece que alguém abre as portas do hospício e ter uma conversa racional sobre isso é impossível. É tudo sobre unicórnios saltitantes, elefantes rosas, pastos verdejantes e anjos tocando trombeta.
Caracas, meu... isso é um problema sério!!! estamos falando de deficiência sérias que PODEM SER EVITADAS!!!
Também gosto da Débora Diniz, mas putamerda - ninguém está falando em castrar essas mulheres com um cutelo, nem mesmo forçá-las a não engravidar. Daqui alguns poucos meses talvez já haja uma resposta definitiva, quem sabe mesmo uma solução para o problema.

O que se está sugerindo é MINIMIZAR riscos!!!! É para o bem dessas mulheres e para bem dos futuros filhos delas!!!

Usem a lógica, porra!!!

PS: espero viver até o dia em que uma afronta aos direitos de não reproduzir seja tratada com a mesma fúria!!!

Jane Doe

Anônimo disse...

É claro, Anna, é exatamente isso que o feminismo busca: vamos dividir pessoas em três grupos - o primeiro vai direto para a câmara de gás e depois os corpos serão queimados em valas coletivas no meio da rua; o segundo vai para um campo de trabalhos forçados e o terceiro vai ser cobaia em experimentos médicos.

Meu chapéu, mal posso esperar por esse dia...

Jane Doe

Anônimo disse...

Eu quero ver essa chamada! Tem na internet?

Anônimo disse...

Qual a qualidade de vida que uma criança com microcefalia vai ter? Vai ser uma eterna dependente de cuidados não?

Anônimo disse...

Mil elogios à linda e virtuosa mulher do Zeze e que ela seja muito feliz no amor e no casamento e consiga o filho se é esse for o sonho dela. O resto é conversa de quem trabalha tomando conta da vida alheia.

Anônimo disse...

Em nenhum momento eu disse que mulher não é ser humano, concordo que direitos devem ser buscados e aplicados na pratica.
Mas me incomoda 1 partido para cada seguimento, creio ser mais eficaz cobrar dos governantes representatividade para todos.
Pela sua postura, nem perco meu tempo respondendo seu f..
É por atitudes assim que as pessoas se afastam doovimento.
Anna.

Danielle Jardim disse...

Lola,Tenho 38 anos e já fui machista um dia, há mais de 15 anos. Eu acho que foi tempo até demais. Até que comecei a me relacionar com pessoas preocupadas, antenadas e engajadas com várias causas entre elas o feminismo e a homofobia. Minha mãe, falecida, era gay e viveu por 20 e poucos anos com uma mulher. Ela era completamente independente e bem posicionada profissionalmente ocupando um cargo de alto escalão no Banco do Brasil, porém, ela nunca se assumiu e se afundou seriamente no alcoolismo, morrendo de cirrose no mais alto grau com 59 anos, o que me devastou. Desde que me "libertei da Matrix", ha muito tempo, seus textos sobre feminismo e patriarcado foram a coisa mais incrível, esclarecedora, poderosa, didática sem ser chata que eu já vi até aqui. Já li muitas coisas sobre o assunto desde então mas este pequeno grande blog, pode ter certeza é boa morada ! Descobri coisas que não tinha nem ideia e não consigo mais me conformar com esse mundo absurdamente masculino em que nem eles e nem elas tem a menor ideia do que acontece.Somos oprimidas, em toda parte, de todas as formas, visível e invisivelmente , violenta ou pacificamente, por estranhos, parentes , amigos e nem sabemos disso. Continue Lola , continue, escrevendo e fazendo barulho. Você tem muito poder e nos faz ver isso. Por isso tem sido tão atacada, eles te temem e eu te admiro cada vez mais. OBRIGADA !!!!!

Anônimo disse...

Métodos falham e ninguém tem culpa de gravidez nao planejada

Mas... com essa novidade do zika, com mais perguntas do que respostas...
qual o alarde de esperar ?
Hoje encontrei com uma conhecida que reclamou que queria planejar um filho para o ano que vem...mas que está com medo.
Eu reclamo é se me faltar saúde, se me faltar comida, se me faltar casa, se me faltar segurança, etc.

filho nao é algo essencial na vida de alguém. Ninguém vai morrer se nao tiver um filho.

Por que as pessoas colocam tanto nas suas proprias cabeças que precisam de um filho pra ser feliz ?

Se é um sonho, eu também gostaria de fazer uma viagem de meses, de ter uma casa na praia, e de ter um salario melhor... Mas nada disso é essencial na minha vida. E nao vou ficar infeliz em nao ter.

É realmente uma pergunta para as pessoas que querem engravidar (seja hoje, ano que vem, ou em um futuro)... voces ficariam realmente tristes se nao pudessem, por qualquer motivo, ter filhos ? Porque ?

Anônimo disse...

17:27 a moça simplesmente fez uma pergunta, uma pergunta pertinente ao feminismo já que a sexualidade feminina é desvalorizada, reprimida e mulheres são ensinadas a dar prazer ao homem do jeito que ele quiser e jamais cobrarem prazer pra si mesmas. Desvirtuar é vir aqui com "mimimi ouszómi morre mais no trânsito", "mimimi uszómi são coitadinhos porque as mulheres não querem dar pra eles", "mimimi uszómi sofrem porque as feminazis não querem resolver os problemas deles". Enfim.

"Anna" você tem sete anos? Se tiver sete anos aí sim eu te pego pela mãozinha e te explico bem detalhadinho. Mas se você-depois de marmanja-não se dá ao trabalho de ler um texto do blog pra entender por que é preciso mais mulheres feministas na política não venha encher meu saco chorando que a feminazi feia, boba e cara de mamão não quis te pegar pela mãozinha e mastigar os textinhos pra você.

Anônimo disse...

Gente, a Sarah Winter reapareceu com uma história de que se curou do feminismo, vocês viram isso?
Leila

Anônimo disse...

Eu sinto falta de um grupo pras mulheres conversarem, aqui só pode falar do post. E nós mulheres precisamos nos apoiar e receber palavras, as vezes uma palavra muda tudo.

Anônimo disse...

zezé di camargo o que leva filhinho pro puteiro e acha isso o máximo.

Moça da dúvida eu espero que vc não veja mais essa pessoa, se ele nao quer fazer outro faz, manda ele chupar um canavial quem sabe não e disso que ele gosta.

Anônimo disse...

Lolinha quero te ver nesse programa, pena que passa tão tarde.

Persona Grata disse...

"Por que as principais cagadas do país começam no nordeste", babaca preconceituoso?

Sem conspiração e essas besteiras, por lá todo mundo sabe que usaram o Nordeste como laboratório, soltaram milhares de mosquitos geneticamente modificados em algumas cidades, é fato. Fizeram testes para tentar erradicar a dengue, não deu certo. E virou essa merda ai.

http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/2013-10-10/mosquitos-de-laboratorio-se-espalham-no-nordeste-em-ofensiva-contra-a-dengue.html

http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2014/04/brasil-libera-producao-de-inseto-transgenico-que-combate-dengue.html

Anônimo disse...

Pode não ser o zika vírus, mas algum fator está provocando microcefalia.
Se os profissionais da saúde orientam as mulheres a não terem filhos no momento eles estão preocupados com a saúde e não com o controle dos dos corpos, e eles muito menos são agentes da sociedade machista, hetero, cristã e opressora, então a antropóloga do artigo tá forçando um pouco a Barra.
Se uma mulher decidir engravidar agora ela não será punida pelo Estado, portanto essa maluca tá falando besteira, aliás ela mal deve saber da área dela e fica dando pitaco na área dos outros

Camila disse...

Essa chamada que aparecia o Marcelo estava no facebook... O repórter gritava: Marcelo!!!! E ele nervoso falava bem rápido algo que não dava para entender direito. O vídeo começava falando assim: HOJE no Profissão Repórter... Eu e mais algumas pessoas perguntamos se não era na terça, então tiraram o vídeo...

Anônimo disse...

Pessoal, o vídeo com o Marcelo está no facebook novamente!

lola disse...

Queria ver o Marcelo correndo do repórter e babando em vez de falar. É bem a descrição que fazem dele mesmo. Bom, gente, é amanhã. Quem perder (porque é tarde mesmo) pode ver aqui depois. Eu vou ver quando passar, mas não será ao mesmo tempo por causa do horário de verão, certo?

Julia disse...

Eu vou ver duas vezes. Na tv e no site hehehe
Faltam 24h.

Anônimo disse...

O problema do número 1 que tu apontou é que pelo menos no meu bairro (em Porto Alegre/RS) muitos agentes são assaltados e espancados por terceiros que usam as roupas, crachás e tudo. Ai eles tem aproveitado pra roubar a casa de gente que mora sozinha, de idosos, de crianças que ficam em casa sozinhas ... É meio complicado abrir a porta pra um "estranho" na situação que Porto Alegre tá. Felizmente eu dei sorte, outros vizinhos tiveram eletrônicos, carros, etc roubados. :/

Anônimo disse...

O reporter pergunta: Você não tem medo de ser preso de novo, Marcelo?
O Marcelo, nervoso resmunga: Se eu for, vou sair logo logo

Julia disse...

Eu não vi isso. Só vi a Lola na propaganda e saí correndo pra chamar minha irmã kkkkkkkk

Anônimo disse...

Gente!!!! Que cara de louco tem o Marcelo! O que será que ele está achando disso? Lola, muita força!!!

Anônimo disse...

Julia, está na facebook!

Julia disse...

Achei lá! Pena que o programa é curto.

Anônimo disse...

eu vou comentar aqui pq nao aguento mais ver tamanha sacanagem. tem uma @ no twitter que está pegando pesadíssimo com meninas que tem uma posição pró-aborto. Ela escolhe as mais novas,sobretudo, para printar coisas e difamar, constranger e expor as moças.
E faz o mesmo, sendo gordofóbica.
tá HORRIVEL de ver, ja denunciei no TT e nada aconteceu.
gostaria de pedir a voces alguma ajuda, nem sei como, mas achei por bem trazer o problema pra cá.(como se vc nao tivesse ja o bastante, ne, Lola?) mas está me fazendo MUITO MAL. e as meninas também, creio.
vejam https://twitter.com/Julylsantos/with_replies

Anônimo disse...

Na verdade tenho 23, e não te perguntei nada tão pouco explicação, que pena que vcs só gostam de ouvir coro para suas opiniões, pq é debatendo e discutindo que se chega a consenso e atitudes que levam a mudança.
Pega outra pela mão, bjs !!
Anna.

Anônimo disse...

Anna, "cobrar o governo que representasse a todos" todos nós cobramos mas acaba que não funciona. O fato de você ter comparado o partido feminista ao nazista não pesa ao seu favor. Você acha que não é uma boa ideia ter partido feminista, nós achamos que é. Principalmente porque as pautas importante para as mulheres são sempre deixadas de lado.

É chato que haja uma boa iniciativa e vir gente pra colocar defeito ou agourar.

Anônimo disse...

""Anônimo Anônimo disse... Lola, escreva sobre aquela vaca da Sara Winter pra já. Sei que você tá ocupada, mas tipo, urgente. Now! 15 de dezembro de 2015 02:34""

Por que dar mais visibilidade para essa cidadã? Ela só faz merda e existem assuntos muito mais importantes a serem debatidos do que a cagada mais recente dela. Ela não conseguiu virar a líder e heroína do feminismo que queria, deixem ela virar a musa dos reaças se ela quiser, posar nua para revistas, etc. A liberdade dela fazer e dizer o que quiser se complementa com a nossa de não dar a mínima para ela.

Sei que esse PMB (que devia se chamar PAB - Partido das Amélias Brasileiras) é uma bosta, nem para piada serve porque não tem graça.

A PartidA parece uma boa idéia, mas até agora não consegui entender direito. Talvez eu seja ignorante demais, mas me parece que a idealizadora Marcia Tiburi não sabe responder em palavras simples e que qualquer pessoa possa entender, tudo que eu acho sobre PartidA são enormes paredes de texto que dão voltas e mais voltas mas parecem algo difícil de entender e de aplicar na prática, no mundo real...

Anônimo disse...

Sou feminista de carteirinha e acho esse partidA uma piada. Melhor que o tal do Partido da Mulher (Cristã) Brasileira, mas uma piada mesmo assim. Um antro de prolixidade. Excesso de Tumblr e falta de objetividade.

Anônimo disse...

Sobre o zika vírus, bem, por mais que eu admire profundamente o trabalho de Débora Diniz, acredito que neste caso em especial ela perdeu uma chance de ajudar.

É preciso levar em conta também que nos lugares mais afetados o combate ao mosquito fica mais difícil por falta de saneamento básico. Não dá pra controlar foco de mosquito em locais em que as pessoas vivem na mais completa miséria. Não é "higienismo" ou "eugenia" falar que as mulheres deveriam postergar a gravidez até o surto passar, é fato! Aborto não é legal no Brasil e o tal do governo não vai ajudar em nada as mães, as famílias e aos próprios deficientes que jamais viverão uma vida de total autonomia.

Atualmente resido em São Paulo e por aqui também vejo muita pobreza e muitos locais sem acesso a água tratada e rede de esgoto mas os números estão aí, se em determinados locais os casos de microcefalia estão aparecendo mais que os outros, é nesses locais que a emergência está. Apenas não podemos esquecer que hoje em dia não só as pessoas viajam mas as doenças também então na hora que a coisa se instalar no Sul e no Sudeste, a recomendação será idêntica.

Anônimo disse...

Chamar uma outra mulher de "vaca" só porque ela está exercendo a liberdade de dar suas opiniões não é nem um pouco alinhado com o feminismo e sim com o patriarcado.

Anônimo disse...

O Partido da "Mulher" Brasileira é a prova que representatividade não é colocar "mulheres" no nome, pintar as coisas de rosa ou só numericamente encher uma sala de mulheres (coisa que eles não conseguem fazer, diga-se). Migrar para uma nova legenda favorece politicos em algumas situações e na prática gente, homem ou mulher tanto faz, o que precisa ser feito é ver a IDEOLOGIA que a pessoa segue e principalmente QUEM FINANCIA tal pessoa, o mais determinante fator na política brasileira para descobrir o verdadeiro alinhamento do político em questão.

Bela porcaria colocar 30 mulheres em uma sala e as 30 terem a mentalidade de uma Sheherazade da vida. Não é por aí. Por mim poderiam ser 100 homens alinhados com o feminismo, mas isso também tá difícil de ver.

O PartidA é um embrião ainda, vamos ver se não vai acabar em aborto por conta das atuais guerras ideológicas que estão rachando o feminismo, para a felicidade do sistema patriarcal (incrível como a socialização feminina funciona até em quem dela tem consciência).

donadio disse...

"Por favor meninas me respondam
meu "namorado" veio com um papo estranho de que não gostava de fazer oral, será que eu termino? Não quero ficar sem o meu prazer, detalhe ele só não gosta de fazer de receber ele gosta aí que eu não quis mais ficar com ele. Eu tô querendo terminar, eu quero um homem que me complete e não isso... Eu não queria chegar ao ponto de ter que terminar por sexo mas entre meu prazer e ele eu prefiro meu prazer.
"

Não sou menina, mas como não vi nenhum palpite sensato, vou por minha colher onde não fui chamado.

Sua vida sexual é sua. Não faça dela um experimento "democrático"; uns vão falar para você terminar, outros para não terminar, mas ninguém vai chorar por você se você tomar uma decisão e depois se arrepender.

Se o seu namorado não manda em você, por que completos estranhos deveriam mandar?

donadio disse...

"me incomoda 1 partido para cada seguimento, creio ser mais eficaz cobrar dos governantes representatividade para todos."

Mas como seria essa "representatividade para todos"?

As pessoas têm interesses divergentes, muitas vezes incompatíveis. Como um único partido vai representar todos esses interesses ao mesmo tempo?

donadio disse...

"aquela vaca da Sara Winter"

Olha, eu também não gosto da Sara Winter. Mas essa maneira de se referir a ela, me desculpa, mas é machismo em estado puro.

Anônimo disse...

A antropologa perdeu uma grande chance de ficar calada,esqueceu fatores como saneamento básico,falta de saneamento básico,característicos nas áreas afetadas.
Porque não se filiar ao PMB?

lola disse...

É, gente, não dá pra chamar mulher alguma de vaca, piranha, etc etc. Deletei o comentário. Mas vou falar da Sara sim. Só preciso arranjar um tempinho, o que não está fácil.


Alguém falou sobre uma tal de Julysantos. Não sei se foi na caixa de comentários deste post ou de outro. Twitter é bom porque é só bloquear, então essa moça/senhora já está bloqueada faz tempo. Ela é da turminha da 4a série B, da galera mais lixo do Twitter. É o tipo de mulher que quer se enturmar a todo custo com um monte de misógino, então precisa provar frequentemente pra eles que é tão misógina quanto. Ela se esforça, mas falha sempre. Enfim, é só não dar atenção que ninguém dá atenção.

Anônimo disse...

Lola, como profissional de saúde para mim a epidemia de microcefalia tem gravidade semelhante á disseminação da AIDS nos anos 80, é algo MUITO grave,vai marcar famílias e diria que toda uma geração.Agora combater o mosquito, realmente é praticamente impossível, minha gente; acho que são necessárias ações mais agressivas da população e do poder público, mas acredito que o desenvolvimento de vacina seja um modo muito mais efetivo de combater a epidemia.Sugerir que a mulher evite a gravidez é cuidar da saúde pública ; agora achar que isso é querer controlar a vida reprodutiva da mulher é muito mimimismo, né?
Nat

B. disse...

Gente, pq tão falando que a namorada do Zezé tá infeliz ali? Se ela topou filmar passando roupa...será que ela tb não "curte" isso? Vivo batendo nessa tecla aqui: não adianta só educarmos os homens se tem mulheres que gostam do machismo e gostam de "servir aos homens". Horrível dizer isso, mas tem mulher que nem quer ser "salva", não sei se me fiz entender. De qq jeito, não gosto nada desse Zezé, cara chato! (pra não dizer outra coisa)

B. disse...

"Sem conspiração e essas besteiras, por lá todo mundo sabe que usaram o Nordeste como laboratório, soltaram milhares de mosquitos geneticamente modificados em algumas cidades, é fato. "

Os mosquitos podem ter escapado, mas acreditar que um grupo de cientistas malvadões soltou os mosquitos ali para "eugenizar" já é demais, muita teoria da conspiração.

B. disse...

"Sou feminista de carteirinha e acho esse partidA uma piada. Melhor que o tal do Partido da Mulher (Cristã) Brasileira, mas uma piada mesmo assim. Um antro de prolixidade. Excesso de Tumblr e falta de objetividade."


Acho a mesma coisa.

Anônimo disse...

E qual partido político não é um antro de prolixidade?

Anônimo disse...

Donadio, a moça pediu opinião de mulher. Você não tem que se intrometer pra dar conselho ruim.

Anônimo disse...

Zika vírus: mais um motivo pra pôr fim de vez na penetração. Todo esse sofrimento poderia ser evitado se praticasse penetração apenas para reprodução. Bem, no caso nem isso agora. Ai, ai, lembrei da Shulamith Firestone e seu desejo futurístico de úteros artificiais para que as mulheres deixassem de ser vistas apenas como seres uterinos. Há males que vem para o bem.

Zrs disse...

Pois é, vivo em uma região onde lidamos com o mosquito da dengue há pelo menos uns 20 anos, com uma porcentagem maior de afetados, e estado crítico, há uns 5.
Já tive inúmeras dengues, de vários tipos, é como a malária no norte.
A incidência do mosquito aumenta não só devido as condicões sanitárias e a falta de cuidados com a água parada, mas, também, devido ao aumento do desmatamento (campos abertos para a monocultura extensiva e criação de gado, áreas abertas para urbanização, etc).
O Fumacê de nada resolve, aqui vive tendo campanhas, galera abre as portas para fiscalização, revira tudo e , a cada ano, a situacao se complica ainda mais (com o surgimento de formas mais letais do vírus)
Agora temos o Zika e o Chikungunya, ou seja, salve-se quem puder.

E Jane, tô com você, falou tudo!

Anônimo disse...

Pq q n pode chamar mulher de vaca? Eu chamo homem de porco.

Anônimo disse...

existe algum prejuizo economico para o país se as pessoas evitarem gravidez até sabermos mais sobre o zika ?

Anônimo disse...

"prejuízo econômico", criatura?
Nós estamos preocupadas com os prejuízos às mulheres.

Eu acho muito mais prejudicial engravidar agora e correr o risco de ter uma bebê com microcefalia e ter que passar o resto da vida cuidando de um semi-incapaz.

Anônimo disse...

Lola, por favor, o artigo da antropóloga não tem pé nem cabeça. Você tem uma doença nova, pesada, com conseqüências desconhecidas e ela vai lá e sugere que isso está inserido na superestrutura do patriarcado e não sei o quê? É muito importante que a gente entenda que a natureza, mosquitos, vírus, não está nem aí para as nossas discussõezinhas sociais e humanas. Mas muita gente acredita nessas conspirações estapafúrdias, filme de ficção científica, homem-aranha, mutantes e tal, então tem que ter muito cuidado antes de propagar esse tipo de coisa. Ou alguém acha realmente que assim que saiu a notícia dos casos de microcefalia o Conselho Médico Patriarcal do Mau se reuniu e desenvolveu uma nova estratégia de controle do útero feminino e de eugenia das populações negras do nordeste? Aliás, já tem casos no sudeste, um hospital de Limeira teve um aumento de casos. E o Aedis é bem democrático, as epidemias de dengue se propagam por todas as classes sociais, cores e gêneros. Esse é um assunto muito sério e retratações a respeito dessas coisas são importantes, Lola, e lá em cima nos posts, não aqui no comentário 437.

Unknown disse...

Parabéns pela iniciativa. Sói uma transexual e acho muito importante isto. Lola Deus a abençoe. ROSANAH CHERRY

donadio disse...

"Pq q n pode chamar mulher de vaca? Eu chamo homem de porco."

Quando você chama um homem de porco, ou uma mulher de porca, você está fazendo exatamente a mesma coisa: dizendo que são pessoas sujas, anti-higiênicas.

É o mesmo para burro e burra ou chato e chata: não há diferença implícita no gênero.

Já quando você chama uma mulher de vaca, há uma implicação de promiscuidade sexual que inexiste ao chamar um homem de boi. Quando você chama um homem de boi, ou você está fazendo um elogio (é um cara que trabalha duro, sem reclamar) ou você está insultando a mulher dele (é um cara que usa chifres, portanto cuja mulher é promíscua). É por isso que é um insulto de gênero, entende?

Camila Lobo disse...

Lola, foi maravilhoso o programa ontem, queria que tivesse mais tempo falando sobre a sua militância no feminismo, mas tudo bem, foi muito válido! Sobre o Marcelo, que asco desse doente misógino imbecil, dando uma de cachorro louco, devia ter sido preso por ameaça, em flagrante, mas a Justiça nesse Brasil é uma merda, não podemos esperar muito! O próprio juiz federal falou com um ar de tristeza sobre o regime de progressão, que permitiu que os dois porcos misóginos saíssem da cadeia em pouco mais de um ano. Que ódio!
Além disso, coroaram a reportagem com o racismo contra os dois repórteres, só pra disseminarem a certeza de que eles conseguem ser sempre piores, a maldade never ends.
Enfim, Lolinha, minha mãe que é socióloga já tinha ouvido falar d vc pq ela é amiga do Renato Roseno (é isso mesmo?) e ela disse que ele adora você!

Beijocas!

Anônimo disse...

"E qual partido político não é um antro de prolixidade?"

Mas esse é claramente o Partido dos Teóricos de Gênero do Tumblr.

opa perdão, partid@ d@s teóric@s de gêner@ d@ Tumblr.

ou partide des teorikes du gênere de tumblre

ah, deu pra entender a ideia.


Meus dois centavos: quando você fala sobre feminismo, não se pode falar pra um clubinho. Tem mulher que nunca nem ouviu falar direito o que é feminismo, você não pode ficar usando de um linguajar esdrúxulo, acadêmio, jargonado que só vai comunicar com um grupo muito restrito de pessoas.

Reparem que os conservadores fazem o extremo oposto: falam com o povão, na lingua do povão, aos berros que o povão entende.

No lugar de dar murro em ponta de faca, seria bem mais interessante começar a OBSERVAR esse povo e tentar aprender uma coisa ou duas com eles.

Anônimo disse...

Então, 13:39. A Marcia Tiburi é uma filósofa. Duvido muito que ela fale na linguagem do Tumblr, que eu não frequento, mas que pelo incômodo que causa só posso acreditar que as feministas que postam lá estão fazendo um ótimo trabalho.

Anônimo disse...

Ai, Lola, sei que as ameaças são algo pra ser levado a sério, mas depois de ver a cara dos cara que te ameaçam no Profissão Repórter tive apenas uma reação: rachar o bico de rir! Tá na cara que são homens super frustrados e medrosos, nem raiva consegui sentir no momento, só vontade de rir e piedade mesmo. Quero te desejar muita força. Estou ilhada em uma família machista e conservadora e num meio profissional extremamente difícil também nesse aspecto. Me sinto politicamente só muitas e muitas vezes. Mas graças a mulheres como você, fortes, lindas, corajosas e especialmente lúcidas que leio na internet coloco a cabeça pra cima e sigo em frente. Força! :)

Anônimo disse...

"Então, 13:39. A Marcia Tiburi é uma filósofa."

Ser filósofo(a) e ser prolixo(a) não são consequências lógicas. Dá pra ser filósofo(a) e saber, ao mesmo tempo, comunicar suas ideias com extrema clareza.

Quem não sabe explicar algo em linguagem simples muito provavelmente não domina tanto assim a matéria de que trata.