sexta-feira, 27 de novembro de 2015

VIRGINDADE, UMA CONSTRUÇÃO SOCIAL

Baile da pureza, cerimônia bastante comum nos EUA

Meu querido Flávio me enviou este texto interessante de Wagatwe Wanjuki publicado na Upworthy, que tem muito a ver com este outro, sobre os "juramentos de pureza".

O certificado de pureza de uma mulher viralizou nos EUA. É hora de conversar sobre essa coisa de "virgindade". Parece que o papo sobre virgindade não vai desaparecer. Então vamos colocar as coisas em pratos limpos.
Você é virgem? Certo, a questão pode parecer simples à primeira vista...
Não. Não tão rápido. Quando escarafunchamos o significado real de "virgindade", a coisa fica um pouco mais complicada.
Do mesmo jeito que aconteceu com essa foto que viralizou. Observe: É apenas uma jovem radiante em seu vestido de casamento ao lado do pai em seu grande dia. Não. Não tão rápido. Olhe mais de perto...
Ambos seguram um “certificado de pureza” fornecido pelo médico dela. Agora, eu não estou aqui para criticar o fato de que Brelyn Bowman alcançou um objetivo que era muito importante para ela. Mas tem alguma coisa esquisita em relação à dimensão desse objetivo.
É o seguinte: É impossível “provar” que alguém é virgem usando um teste de hímen.  A base para o teste de Bowman foi saber se seu hímen -– uma membrana no canal vaginal -– ainda estava intacto. Embora tenha funcionado para ela, esse teste já foi desmoralizado há muito tempo como ferramenta para determinar se alguém já fez sexo.
Há duas grandes questões aqui: primeiro, nem todos os hímens são criados iguais. Algumas pessoas nascem com hímens que não estão intactos. E, segundo, mesmo que alguém nasça com ele intacto, o hímen pode romper-se devido a uma variedade de atividades não-sexuais, como andar a cavalo ou ginástica.
Rápido, alguém tire a moça desse cavalo ou ela vai inutilizar todos os obsoletos testes de virgindade!
Ok, então o teste de hímen não funciona. O que funciona?
Espere! Segure esse boi porque estamos colocando-o antes dos carros.
Não existe uma definição estabelecida do que seja a virgindade. As pessoas normalmente dizem  que virgem é alguém que nunca praticou sexo. Mas o que conta como sexo?
Sexo oral conta? Intercurso anal? Convencionalmente, as pessoas tendem a crer que somente a relação pênis-na -vagina conta. Mas então... gays e lésbicas são sempre virgens? E as pessoas que têm outros tipos de contato sexual?
Teste de virgindade é uma afronta
à dignidade de uma mulher
Eu não culparia você por estar coçando a cabeça agora porque tudo isso parece complicado e confuso.
É difícil analisar isso porque a virgindade não é um estado biológico. É uma construção social.
Pense: a valorização da virgindade só afeta mulheres. Não há testes para pessoas sem vagina. Isso porque a virgindade e a pureza sexual emergiram em tempos remotos como uma forma de controlar o comportamento das mulheres. E percebemos isso em todos os padrões duplos que existem entre homens e mulheres.
Apesar de não ser possível provar a virgindade, ela ainda é usada como forma de medir a chamada “pureza” de uma mulher.
Veja o fenômeno dos bailes da pureza: a “santidade” de uma garota é prometida a um protetor masculino (pai) até que seja (presumivelmente) entregue a um marido. (A possibilidade de mulheres jovens jamais se relacionarem com um homem ou se casarem? Impossível).
Não há nada errado em escolher esperar para ter sexo. Mas vamos nos certificar de que damos às pessoas jovens informações factuais que as ajudem a tomar essa decisão. Fornecer educação sexual abrangente, que poderia explicar que um teste de hímen não é uma forma precisa de testar a virgindade, poderia ser um bom começo. Comparar pessoas que têm múltiplos parceiros sexuais à goma de mascar não fornece a base apropriada para se tomar uma decisão amplamente informada.
Um estudo de Harvard revelou que a educação baseada na abstinência não faz um estudante menos propenso a ter uma relação sexual antes do casamento. As chances de haver sexo são as mesmas, mas com menos probabilidade de que métodos contraceptivos sejam usados na primeira relação. Sabe o que de fato ajuda os alunos a adiar o sexo (e a usar métodos contraceptivos desde o início)? Educação sexual abrangente.
Contemple o poder da informação!
A noção integral de que a “pureza” de uma mulher — e consequentemente seu valor — está vinculada a ela ter feito sexo ou não é simplesmente equivocada.
Como diz Jessica Valenti, autora do livro O Mito da Pureza:
"O mito da pureza é a mentira de que a sexualidade das mulheres tem alguma influência sobre quem somos e sobre o quanto somos pessoas boas. Porque, sério, eu acho que todos sabemos que mulheres jovens são muito mais do que se elas fazem sexo ou não. Nós realmente deveríamos ensinar às nossas filhas que nossa capacidade de sermos boas pessoas é baseada em inteligência, compaixão, bondade — e não no que fazemos com nossos corpos".
Não estou julgando Bowman por sua decisão. Em vez disso, dirijo meu julgamento a uma sociedade que perpetua a desinformação sobre sexo e nossos corpos.

121 comentários:

Flavio Moreira disse...

Lo,a, por favor, corrija a frase sobre os bois para "Estamos colocando-os na frente DOS CARROS" - acabei não vendo isso na correção (shit!).

donadio disse...

Deveria ser "o carro antes dos bois"; os bois antes dos carros é... como deveria ser.

Flavio Moreira disse...

Isso aí, Donadio. Obrigado. Eu não estou nos meus melhores dias (rs)...

Anônimo disse...

Absurdo reduzir a mulher a um hímen, é como que nada do que ela realmente é contasse ou fosse levada em consideração....
Reduzem a mulher a um hímem, depois a digitos numa balança, a ser ou não malhada.... Cadê a valorização do que realmente importa?

Já vi moças se manterem virgens até o casamento, algumas igreja aqui no Brasil afirmam que isso é sim necessário e rola uma fiscalização foda em cima da garota, elas se casam e são praticamente estupradas pelos maridos... Afinal perder a virgindade e estar preparada pra isso não tem nd haver com realizar uma cerimonia de casamento... E bem ngm cobra ou repreende o cara por ser ou não virgem, ou por exigir que sua mulher perca a virgindade no dia em que se casaram...

Anônimo disse...

Diva

Sinceramente fico chocada que o país considerado a "potencial mundial" tenha um nível de misoginia similar à países árabes!

Casei virgem e me arrependo muito! Meu ex marido era péssimo! O considerava um "príncipe encantado" porque era médico e de boa família, e realmente tivr uma educação conservadora.
Agora se eu sofri pela típica educação tradicional, imagina como a vida dessas meninas que são OBRIGADAS a se manterem virgens até o casamento não deve se tornar um inferno depois?!
Se tornarão mulheres frígidas, sem personalidade, parideiras (afinal sexo na religião é só pra procriação), capachos de maridos infiéis e agressivos.
Esses "bailes de pureza" são mutilação genital feita por lavagem cerebral, dominação e massacre da alto estima!
Esses bailes é uma forma covarde de mutilar sem faça, futuras mulheres que irão acreditar que não valem nada sem a aprovação do marido e da sociedade.
Pra que ninguém me intérprete mal, não sou contra mulheres adultas optarem por casar virgem, mas que mulheres sejam adestradas e dominadas desde a infância pra que casem virgem acreditando que este é o ÚNICO objetivo na vida de uma mulher!
Lamentável o que fazem com essas meninas. Nem parece que é país de "Primeiro Mundo"!

Anônimo disse...

Diva

Quis dizer "mutilar sem faca" corretor de celular kk

Vicky_ disse...

Como eu havia dito, qualquer homem que julga uma mulher por uma película resquício do período embrionário, não serve nem pra vizinho.
Concordo com a Diva, essa é uma das mutilações genitais femininas que temos no ocidente, esses caras da foto nem pra ser responsáveis servem.

J.M. disse...

Como é de praxe imitar o que há de mais podre nos states, não é de se admirar que em breve esses bailes bizarros comecem a se prpliferar em muitas igrejas por aqui...

Anônimo disse...

Eu lembro do merdinha do Bill Maher comparando amamentação a masturbação, chamando mulheres que amamentavam de pedófilas e incestuosas... mas, pra variar, é pra limpar a própria barra; os pedófilos incestuosos são esses homens aí. Porra, sério que essa gente não vê nada de mais em gente LEVANDO AS FILHAS VESTIDAS DE NOIVA DIANTE DE UM MONTE DE TESTEMUNHAS PRA QUE ELAS FAÇAM VOTOS DE FIDELIDADE SEXUAL AO PRÓPRIO PAI?! Sério que esses pais e mães bostas não veem o quanto isso é doentio? O quanto isso é nojento? Pelo amor dos céus, como é que o governo americano não faz nada? São MENINAS DE 4 A 15 ANOS FAZENDO VOTO DE FIDELIDADE SEXUAL AO PRÓPRIO PAI, INDUZIDAS POR ESSES MESMOS PAIS INCESTUOSOS E PEDÓFILOS!

Porra, vou ficar uma semana vomitando.

P.S. só pra dar um desgosto aos machistas e mascus.

O hímen não existe pra indicar virgindade, tanto que existem mulheres que nascem (isso aí, NASCEM) sem hímen e existem hímens que não se rompem por mais que a mulher transe. O hímen existe pra proteger fêmeas imaturas de infecções ginecológicas. Quando a dona é impúbere, o hímen é grosso e muito resistente; à medida que a dona cresce e vai adquirindo defesas no organismo, quando a flora e a acidez vaginais se desenvolvem, o hímen vai afinando e ficando frágil. Tão frágil que andar a cavalo pode rompê-lo.

Porcas, lhamas, lêmures e chimpanzés também tem hímen. As elefantas tem um hímen que não se rompe no acasalamento, apenas no nascimento do filhote. O hímen complacente, o que não se rompe com a penetração, só pdoe ser extraído por ciruria. Quando uma virgem transa relaxada e excitada, ela não sente dor nem sangra. A presença de sangue e a dor não provam que a mulher era virgem; provam apenas que o homem é péssimo de cama, não conseguiu excitar a coitada o suficiente pra que ela fique relaxada e lubrificada. E fingir virgindade é a coisa mais fácil do mundo.

Podem chorar, mascus.

Anônimo disse...

Se a pessoa quer ser virgem é uma opção dela, porém ficar comprovando através de um certificado além de exercer uma pressão social parece apenas um bem, um produto para consumo que deve ser exposto. Claro que a obrigação de casar virgem parece ser uma imposição injusta, uma forma de controle. Cadê o noivo com o atestado de pureza? Machismo e consumismo.

Vicky_ disse...

Anon, concordo completamente, baile de pureza é um nojo, igual aqueles pais da Bíblia que estupravam as filhas e depois as vendiam ao primeiro desgraçado que passasse pela porta.

Proibição, somente. Esses pais vêem a filha como um objeto/território, vêem outros homens como adversários, e as mulheres/meninas só perdem com isso.

Anônimo disse...

13:43 uma músiquinha pra o SEU BAILE Ó:


https://youtu.be/QLOY6s53-5k

Anônimo disse...

13:43 vagina não cria calo nem alarga, seu ignorante que nunca chegou a dez metros de uma xota. E se tem meninos de 20 anos tomando viagra é porque o machismo exige deles uma performance que eles não tem e fazem uma pressão horrenda, não permite que o rapaz simplesmente relaxe e goze com quem quiser, como quiser e quando quiser. Pra variar é culpa do machismo.

"Correção do passado"? Quer dizer que você vem num blog contra qualquer tipo de cobrança sexual sobre mulheres admitir que é um desses pedófilos incestuosos que exigiria fidelidade sexual da sua filha? Ah, e isso enquanto seu filho pode comer quem quiser e depois é só jogar a "vadia" na rua? Nesse caso, só tenho a lhe dizer: MORRA, seu pedófilo doente desgraçado.

Anônimo disse...

13:50 ninguém aqui nesse bloguinho feminista está interessado com vc vai se relacionar.

ENTÃO, PEGA SUA OPINIÃO E VÁ SE FUDER, junto com o perdedor 13:43. Que aliás devem ser a mesma merda.

pra vc tbm tá bom:
https://youtu.be/QLOY6s53-5k

Anônimo disse...

uhullllllllllllllllllllllllllll somos a revolução, cada dia mais apoiadas pela mídia, pela política, PELAS MULHERES. Mulheres que estão pensando, analisando, se revoltando contra essa bosta de merda escrota de machismo e do patriarcado que está com os dias contados.

É apenas uma questão de tempo em que 90% das mulheres serão feministas... quiçá 100%.
COMO EU AMO O FEMINISMO que me libertou, me curou, me salvou.
Milito incessantemente no trabalho, em casa, no whatssap, na vida.
que orgulho entrar num instagram de uma validadora de machismo e ver quantas mulheres de todas as idades combatendo e dando a cara pra bater pelo feminismo. LINDO DE SE VER!!!!!

LEMBREM-SE, SÓ ESTAMOS COMEÇANDO..... seremos feministas até o último fio de cabelo.

Anônimo disse...

Anônimo das 13:58, vou esclarecer alguns pontos:

Primeiro, sua visão da "mulher brasileira" é machista e preconceituosa!
Eu acredito que essa visão é dada pelos homens brasileiros que estão entre os mais misoginia do Mundo!
Homens que sequer aceitam que mulheres trabalhem fora e sejam independentes.

E aliás mulher não se "come" este é só um termo misógino empregado desde que mulheres tiveram direito de se separar e ter vida social!
Você falou que relações frustadas fazem mulheres esperar muito do marido, mas casei virgem e esperei muito do meu ex marido.
Aliás vejo vários casos de mulheres que casaram virgens e que traíram seus maridos(o que não foi meu caso, eu larguei ele porque este não valia nada!), e a maioria das mulheres que tiveram alguma experiência são fiéis e amorosas com seus companheiros.
Sobre o "quem não é virgem tem inveja de quem não abriu as pernas" te afirmo, eu morria de inveja das mulheres livres e felizes, enquanto eu tinha perdido a virgindade com meu marido que foi violento na minha primeira vez!
Você afirma que sendo homem perdeu virgindade sendo um homem de 28, mas isso foi ESCOLHA sua! Escolha da qual NÃO tive!
Meu primeiro marido tinha tudo várias mulheres e ele foi meu primeiro porque minha família botou pressão ora eu casar com ele.
E é isso que falamos de ESCOLHAS.
Homens e mulheres podem escolher ter relacionamentos estáveis ou casuais ou serem virgens, mas NÃO é o caso dessa matéria!
Aqui falamos de MENINAS entre 4 a 13 anos OBRIGADAS por seus pais a assinarem um compromisso de virgindade. Estamos falando da crueldade da IMPOSIÇÃO.
E essa imposição não acontece com os garotos.

Anônimo disse...

Anônimo convencido das 14:22

Você tem razão só as decadentes e rejeitadas irão querer ter algo com um fracassado como você!

Eu por exemplo namoro um HOMEM de verdade algo que nunca será pois é só um moleque chorão, punheteiro de porão e que a mamãe prepara Todynho.
Eu tb vou continuar enterrando a alto estima de balzacos que tomam Todynho da mamãe, de velhos metidos a garotão, de gordos nerds que se acham gostosos e de pais solteiros que largam seus filhos porque não são homens suficientes pra cuidar deles!

Já que mulher tem tantos defeitos arruma um macho pra te fazer feliz. Tchau.

Anônimo disse...

Shuashuashua escroto fracassado fingindo que namora alguém que não seja sua própria mão

Anônimo disse...

Anon 14:28

Sou 'fracassado' profissionalmente, geneticamente sou alguem superior... tenho visibilidade por eu proprio! Por isso que decadentes ou rejeitadas tanto me querem. So pra te informar... moro sozinho ha 2 anos, antes morava apenas com meu irmao. Nao moro com pai ou mae ha quase 7 anos. Nao adianta tentar me diminuir pra 'abaixar' minha autoestima, pra ver se uma decadente ou rejeitada me fisga. Essa tatica nao funcionara contra mim.

Anônimo disse...

Anônimo das 14:43, não sossega né mona?! Kk

Geneticamente superior?!! WTF!
Porque tem um pedaço de carne inútil e mucho entre as pernas? Só por isso vc se acha "geneticamente superior"?!! Iu porque sua mãezinha falou que vc é superior e vc... Acreditou? Kkk
Não tem decadente nem rejeitada aqui não viado!! Decadente e rejeitada só as mulheres que vc pagou pra ficarem com um imbecil fracassado como você.
Para de zoar as moças daqui pra fazer bonito pra algum mascu viadinho como vc.
Vai caçar uma rola e seja felizzz! Kkk

Anônimo disse...

Você tá estressado por que ainda não engoliu minha rola.

Sentindo falta desse teu rabo

Joe Testosterona

Anônimo disse...

Eu já disse isso em outra publicação e vou repetir, esses bailes de pureza são imitação das cerimônias vestais da Roma antiga

Rafael disse...

Flavio e Donadio, o texto está certo.

"colocar o carro na frente dos bois" é um termo comum no interior e é derivado do Carro de Boi, que é uma espécie de Carroça 2.0, que possui em sua frente uma haste chamada canga onde se prendem geralmente dois bois. O boi sempre vem na frente do carro, pois é ele quem o puxa.

Inverter essa lógica, é colocar o carro na frente dos bois. Por isso sua frase está correta.

Anônimo disse...

Anon 14:49

Geneticamente superior = bons genes = bonito e forte! Mulher 'geneticamente superior' = bons genes = bonita e gostosa.

Se nao tem decadente ou rejeitada aqui, entao sao lesbicas! Nunca paguei pra mulher nenhuma, muito pelo ao contrario, uma vez 1 quarentona me pagou 200 reais pra transar com ela (obvio que nao foi pelo sexo em si, e sim por esperança que tivessemos algo mais serio).

Pode me chamar de gay / viado, nao vou ficar com balzacas, feias, gordas e/ou maes solteiras. Tatica de intimidaçao nao funcionara contra mim!

Rafael Cherem disse...

Blog da Lola é um pasto vasto para trolls, aqui eles se alimentam à vontade,basta pedirem, sempre tem uma feminista e/ou participante pronta para dar quitutes aos trolls. Parabéns para vocês

Quanto ao assunto do tópico, coisa de gente religiosa, não esperemos coerência, lógica ou bom senso.Mulher com experiência sexual é muito melhor, só virjões que pensam diferente.

Anônimo disse...

Mascu viajadão das 14:57 a gente não liga. Acredite, estamos é felizes porque tantas mulheres incríveis vão se livrar de você, e torcendo pro aniversário de 30 chegar logo assim viramos balzacas e saímos da mira dos losers de um real.


Ah, aproveita e me diz o que foi isso que tu fumou. A onda parece ser bem legal.

Anônimo disse...

Migo, "geneticamente superior" é só seu personagem no The Sims.

Pode cacarejar a vontade, mascu a gente já sabe como é que é. Não queremos que você fique com "rejeitadas e decadentes", queremos é que você não fique com mulher nenhuma porque ninguém merece aturar um lixo feito você.

Anônimo disse...

Anônimo tu é chato cara, pqp!!

Você ser "bonito, forte" bom isso é o que você diz.

Eu dou hétero, casada com um homem gostoso, gentil e inteligente.
Ambos somos balzacos, kk,e muito felizes.
Mas te garanto muito homem prefere mulheres como Jennifer Aniston, Beyoncé, etc a garotinhas insonsas e sem qualidades.

Pode falar o que quiser, achar que mulher que não te quer é "lésbica", etc, que sua existência continuará sendo ridícula.

Eu não vou ficar com velho metido a garotão, com feios, gordos e pais solteiros ou pra vc mulher não pode escolher? Ou vc é tão inseguro de achar que homem tem que exigir panicat de cu rosa e mulher tem que ficar com qualquer MERDA tipo...você?!
Para de causar mona, vc já encheu ok?

Bizzys disse...

Concordo em tudo com a anônima das 13:20. É assustador que exista um ritual em que as filhas devem jurar fidelidade sexual aos pais. Assustador e nojento.

Às vezes me dá um desânimo, parece que quanto mais o feminismo avança e várias mulheres lutem contra as opressões do patriarcado, mais aumentam as modinhas conservadoras e o backlash, vide essa moda dos bailes, anéis e certificados de pureza. Que doença.

Anônimo disse...

Oi Bizzys

Tb acho tudo isso absurdo beirando o medieval, mas faço uma observação.
NÃO que eu defenda o "anel de pureza" mas tanto meninas quanto meninos que usam, tem que cumprir promessa de castidade, é voluntário, geralmente adolescentes que participam do lance do anel.
Mas os bailes e certificados são totalmente misóginos porque são apenas pra garotas e estas são OBRIGADAS a participar, o que considero uma violação contra liberdade indivídual e livre árbitrio da menina.

Anônimo disse...

O que tem contra mãe solteira??

Anônimo disse...

Querido(a)...

A questão não é o que esse fracassado bebedor de Todynho da mamãe e punheteiro de porão tem contra mães solteiras, o problema é o que ele tem contra as mulheres em geral!
Ele é um mal resolvido, isso todas estamos vendo.

Kal da Casa de El disse...

Acho bonita a ideia de virgindade, uma moça ou rapaz se preservar até estar com a pessoa "certa" para iniciar sua vida sexual. Só não gosto da imposição, acho que vale a orientação por parte dos pais, sem a normatização e a fiscalização por parte da comunidade, isso é questão de foro intimo. Não li nada no texto que indique pedofilia e incesto, o pai nesses casos citados seria um guardião, alguém que poe a mão no fogo pela filha, não um beneficiário da sexualidade dela. É babaquice? Claro que é, mas não é incesto pedofilia coisa nenhuma.

Anônimo disse...

Kal da casa de el, a sexualidade é da filha, não do pai dela. O pai da mulher não tem que guardar porra nenhuma porque a vagina da filha não é propriedade dele pro cara guardar. Que coisa doente um homem ser obcecado pelo que a filha faz da própria vagina. E botar a mão no fogo pela filha por que? Voltamos à idade média onde o caráter e a honestidade de uma mulher são atestados pela virgindade, pelo "pouco uso" da vagina? De acordo com esse seu ponto de vista, o pai vai se orgulhar de vender "produto lacrado"? Kal, de um jeito ou de outro é o pai se beneficiando da sexualidade da filha SIM e isso é nojento.


Mas é sério que você não vê nada de errado em meninas de 4 a 15 anos vestidas de noiva se postarem diante de um monte de testemunhas e fazer votos de fidelidade sexual ao pai? Não vê a pedofilia e o incesto embutidos nesse ritual asqueroso? Não vê adultos tirando vantagem do desconhecimento das meninas sobre o que elas estão prometendo pra usar a sexualidade dela a seu favor? Sério, você não vê nada de errado nisso aí?

Anônimo disse...

Nossa, então você acha a Emma Watson feia?

Anônimo disse...

Mas falando sério, você deve conhecer poucas feministas ou ter um padrão distorcido.. Pois conheço muitas feministas ''mulher atraente heterossexual nova feminista!'', vocês que não querem ver. Devem desdenhar dessas porque sabem que sendo machistas não tem chance alguma com elas.
E você dizer que uma mulher é feia é questão pessoal, pra você pode ser feia, pra outros pode ser uma gata!

Anônimo disse...

Qualquer feminista ficaria linda ao olhar de vocês se usassem maquiagens, roupas, truques que as celebridades usam...Mas vocês só conseguem ver o casco mesmo, não sabem apreciar a beleza natural da mulher mais.

Anônimo disse...

"E você dizer que uma mulher é feia é questão pessoal, pra você pode ser feia, pra outros pode ser uma gata!"

Desde criança sabemos o que é bonitx ou nao, me lembro que quando criança, gostava de visitar meus parentes mais bonitos (por parte de mae).

Usam a falacia de que 'a beleza estao nos olhos de quem ve', porem pessoas feias nao veem beleza entre si!

"Qualquer feminista ficaria linda ao olhar de vocês se usassem maquiagens, roupas, truques que as celebridades usam...Mas vocês só conseguem ver o casco mesmo, não sabem apreciar a beleza natural da mulher mais."

E tu acha que elas nao tentaram isso antes? So que viram que nao adianta, e se rebelaram contra esse truque artificial.

Bizzys disse...

15:16,

Meu problema com o anel de pureza é que, por mais que seja para meninos e meninas, e sua utilização voluntária, é uma coisa muito "pública", entende? Um "olha aqui, eu sou casto!!!"

Lembro que um tempo atrás era moda entre atores/cantores mirins da Disney usarem esses anéis, e eles influenciaram muita gente a usar também. E não sei até que ponto essa moda foi influência da família deles, dos produtores, dos agentes... E os garotos e garotas usaram por causa dos ídolos. Acho que esse anel é uma coisa bem complicada de usar sem pensar, principalmente quem vem de família conservadora, porque se você um dia quiser desistir, é uma promessa pública que você fez, e as pessoas são sim muito chatas e vão cobrar.

Anônimo disse...

Anon 16:20, não tem nada de perfeito em não haver bebida alcóolica.

Anônimo disse...

16:07 e vão continuar sendo um sonho, SÓ um sonho pra você, porque mulher nenhuma te quer. Se alguma coitada comete o erro de ficar com você por uma noite, ela é que se arrepende e agradece aos céus por não te ver nunca mais. Não esqueça que você é um mascu, e isso significa que mulher nenhuma te quer: bonita, feia, gorda, magra, loura, morena, branca, negra, jovem, madura, virgem, experiente; mulher nenhuma te quer.

Zero disse...

é inegável que na questão "virgindade" as mulheres são vistas como uma "embalagem".

- tirou o lacre, perdeu o valor. (não adianta dizer que é "mimimi de feminista feia" - o ás na manga de todo "debatedor").

é algo grotesco, um pensamento teoricamente incompatível com o mundo atual, porém na pratica tem muita força.

nada deve ser imposto "na porrada", nem virgindade, nem sexo.

Anônimo disse...

Zero concordo com sua opinião!

Essa comparação nojenta de mulher com embalagem tava acontecendo no Facebook, muitas garotas reclamaram e pararam de colocar, mas é ridículo mesmo, homem que compara mulher com embalagem não sabe nada de mulher.

E realmente, nada tem que ser imposto, cada um vive do seu jeito desde que não imponha aos outros, tá td bem.

Anônimo disse...

Oi Bizzys

Menina valeu por explicar. Concordo com seu ponto de vista, eu achava que o anel.era mais democrático que as outras imposições, mas tem a questão de que a cabeça de uma pessoa sempre muda com o tempo e que realmente os(as) jovens que prometem acabam sendo cobrados.

Zero disse...

16:41

e depois de ser "embalagem", mulher vira "porta" ou "pneu". quem nunca ouviu essas comparações grotescas ?

infelizmente redes sociais no brasil tem ajudado a fortalecer essas besteiras...

Anônimo disse...

O mito do "felizes para sempre", a romantização do casamento(homem e mulher) como instituição indissolúvel, a monogamia como instrumento de controle que só beneficia os homens. Pegue tudo isso, misture bem e o que temos? O "amor romântico", cultuado e endeusado séculos a fora, imortalizado nos livros e vendido na grande mídia, empresas e afins. Tudo isso pra nos manter no cabresto, adestradas, submissas ao modelo patriarcal.

Segundo a lógica do 'amor romântico', a mulher só será plenamente feliz com seu príncipe encantado do lado, mesmo que esse príncipe na realidade seja um sapo. O amor romântico é heteronormativo, ignora as variadas formas de amar, ignora que uma mulher pode amar outra mulher. Ignora também que uma mulher possa se realizar sozinha.

O amor romântico faz a mulher se dedicar 100% a relação, esquecendo carreira, sonhos e amor próprio. O amor das estórias de contos de fadas, ensina que mulheres não podem ser independentes, que as mesmas sempre irão precisar de um homem que as proteja e zele por elas. Isso faz com que muitas de nós desacreditemos nas nossas capacidades.

O conceito de familia(HomemXMulherXFilhos) é valorizado, vide os contos onde a princesa casa com o principe, tem muitos filhos e é feliz para sempre. O que esses contos não nos mostram é: o que aconteceu com as princesas enquanto estão sendo "felizes para sempre"? Não contam a versão em que elas estão dando duro para criar os filhos, enquanto os tais príncipes estão lá curtindo horas de descanso, reclamando do almoço que não sai. Reclamando que elas não se cuidam(aparência) mais como antes, que vão procurar fora o que não tem em casa. Isso os livros, filmes, novelas não contam. Por quê será? Porque é exatamente isso que o patriarcado quer, nos vender uma mentira, um mito para que possamos passar a vida a tentar nos enquadrar nele, nem que pra isso tenhamos de aceitar passivamente os abusos de uma relação heteronormativa real e no fim de tudo, nos culparmos caso algo saia errado. Afinal a culpa sempre recai sobre nós, a falha é considerada sempre da mulher, somos nós a termos de nos esforçar para mantermos um relacionamento.

O amor romântico coloca mulheres em competição, os próprios contos ensinam isso. Há sempre a vilã invejosa que quer atrapalhar o romance perfeito da mocinha. Homens se transformam em troféus a serem disputados. Enquanto a gente se engalfinha, se odeia por eles, os mesmos se beneficiam disso, "Olha só, duas mulheres me disputando. To podendo, hein?! Se der vou pegar é as duas." e nisso eles vão se aproveitando da situação.

Se eu ficasse aqui dizendo o câncer que a romantização do amor é na vida das mulheres, meus dedos iam cair, pois exemplos não faltam. Só peço que leiam e reflitam sobre isso. É esse tipo de relação que vocês querem? É tão dificil assim imaginar a vida de vocês sem essas "amarras" disfarçadas de romance Shakespeariano? Pensem!

Anônimo disse...

A heterossexualidade se sua romantização castrativa e um das armas mais eficazes do patriarcado na dominância de mulheres.

Kal da Casa de El disse...

Anônimo que não sabe interpretar um texto quando lê

Qual parte de "não gosto da imposição" você não entendeu? Qual parte de "sem a normatização e a fiscalização por parte da comunidade" Você não entendeu? Eu não disse que ele tem que guardar nada, mas segundo o que eu entendi do texto é isso que ele faz na condição de pai, se não houve contato sexual entre o adulto e a criança/adolescente então não tem pedofilia coisa nenhuma, mesma que esteja subentendido. Daqui a pouco vai dizer que existe estupro por pensamento. E não é o meu ponto de vista, não fale como se eu endossasse isso, nem me conhece. Deixei bem claro que acho bonita a ideia de virgindade tanto para garotas quanto garotos, desde que seja uma orientação dos pais e não uma imposição, que precise ser ritualizada e fiscalizada pela comunidade. É claro que a sexualidade é delas e ninguém deveria ter nada a ver com isso, disse "botar a mão no fogo" porque na pratica é isso que eles fazem, a criança assume o compromisso e o pai se responsabiliza por faze-la cumprir. Mas se quer saber o meu ponto de vista, é muito simples: Eu não agiria dessa forma, é difícil lidar com o fato de que os filhos tem sexualidade e as possíveis consequências disso, mas entre o controle tirânico e a total liberdade, que na pratica é tão prejudicial quanto, existe a confiança. Infelizmente não são todos os pais que sabem lidar com isso de forma madura e esclarecida, daí cria-se esses rituais bizarros. Da forma como eu vejo, sexo é bom e quase todo mundo gosta, mas também tem o lado ruim das doenças e gravidez indesejada, principalmente na adolescência, o ideal é que os jovens se contenham o máximo que for possivel, estudem e se preparem para a vida adulta que não é nada fácil, ainda mais com filhos não planejados, uma vez feito isso começariam a vida sexual de forma mais saudável. Só deixando claro que estou falando de orientação e não de imposição, ou compromisso com a comunidade que nada tem a ver com isso.

francine disse...

Concordo com vc! Saber esperar tb pode ser um ato de responsabilidade. Eu sou feminista e discordo, por exemplo, de determinadas propostas onde a liberdade sexual não tem limites, tudo tem limites na vida. Alguns discursos acabam me fazendo sentir acuada, como se eu fosse uma pobre vitima do patriarcado que não escolheu ser virgem simplesmente porque quis

Anônimo disse...

eu acho incrivel esses omi que acham que mulher de 30 tá desesperada ou que é rejeitada

Nao da pra falar por mim, que nao estava mais solteira ao chegar nos 30 (e mesmo assim vez por outra ainda esbarro com chatonildos que nao entendem que nao estou solteira, e que mesmo que estivesse, nao teriam chance)

Mas o que eu conheço de mulher de 40, 50 e algumas até beirando os 60... solteiras, divorciadas e viúvas...que sao incomodadas por homens (desde a faixa dos 20 até senhores de mais ou menos 70)...não tá no gibi...(incomodadas mesmo, algumas a ponto de deixarem de frequentar algum algum para evitar encontrar determinada pessoa)

desde galanteios inconvenientes, até propostas de namoros ou casamentos, passando por aqueles que nao entendem um NAO e ficam insistindo

Para as menininhas que acham que o problema vai diminuir com a idade,
sinto informar, mas continua. (ao menos no que eu tenho notado)

Anônimo disse...

O que é "primeiro mundo" prá VC "Diva"? Ir prá balada toda semana e cada uma dela transar com um cara diferente?Este é o seu conceito de liberdade?Se é continua fazendo....entretanto, há pessoas que preferem a virgindade e elas não tem o direito?Elas tem que ser do seu jeito para ser primeiro mundo?Digamos que elas escolheram ser o segundo...terceiro....Se VC acredita no que pensa por que se preocupa com o que os outros pensam?Querer que todos pensem como VC não é uma forma de opressão? Morei oito anos com uma mulher que não fazia trabalhos domésticos que me trocou por homens que exigiam que ela fizesse...e ai?Desde que o mundo é mundo sempre existiram todos os tipos de modelos sociais para todos os tipos de gostos.Antes da Lola aparecer por aqui já exigia a Bete Friedman na década de 60...70 que influenciava as mulheres mas terminou sua carreira de feminista falando que tanto o homem quanto a mulher são escravos e vitimas.Li por aqui vcs dizerem que nos homens impedidos vcs de estudar mas ao mesmo tempo citam Marie Curie e Ada Lovelace que fizeram historia .Mas se não tinham o direito de estudar como elas conseguiram?Se VFS viajassem no tempo há 300 anos atrás não havia pelo que lutar...não existia o automóvel e faculdade era matemática...física que aos olhos da maioria não tinha utilidade alguma.A vida esta passando e VcS estão perdendo tempo com protestos .

Anônimo disse...

Interessante.....a Diva fala de primeiro mundo mas os States não são o primeiro mundo?

Anônimo disse...

Do que VC está falando? Quem é 13:43 ?

Anônimo disse...

Eu acredito que este culto a virgindade e fruto da cultura machista, mas não somente no sentimento de posse sobre o corpo da mulher( que devidamente existe no patriarcado) mas sim em uma crise de consciência machista(Um pequeno ranço de humanidade neles acredito) que lhes diz que o toque masculino e sujo e degradante, portanto uma mulher tocada por um homem na visão subconsciente deles se torna tão suja quanto eles, e de natureza tão degradante quanto a deles.

Anônimo disse...

Kal, pedófilos fazem outras coisas além de simplesmente estuprar. Leia um guest post chamado "Meu pai, pediatra, fez exame ginecológico em mim". O pai da autora era um pedófilo incestuoso cujo único ato físico foi enfiar o dedo na vagina da filha de 12 anos com a desculpa de fazer um exame ginecológico. Mas o abuso não se restringiu a isso; veja tudo que esse 'pai' fez à filha. As cobranças. A destruição da auto estima. As humilhações e proibições. A ameaça de matar a filha. Tudo pra que ela não conhecesse um garoto e se apaixonasse, não deixasse de ser "pura" pra ele, pro próprio pai. Muitos pedófilos por aí se contentam em manter a vítima virgem, esperando pra ser deflorada por eles-por medo das consequências de agir. Mas não são menos pedófilos e incestuosos por nunca terem estuprado, e suas vítmas não sofrem menos pelo abuso não ter sido físico.

Orientação sobre sexo e intimidação pra reprimir a sexualidade são coisas bem diferentes. Se você tem filhos, espero que saiba a diferença entre os dois. A maioria dos pais não sabem.

clarissa disse...

Mas, gente... Que loucura... Pior é que continua-se a criar meninas achando que não fazer sexo significa alguma coisa a mais do que inexperiência... Assim como acho que meninxs de 5 a 15 anos não deviam fazer sexo por conta da imaturidade, elxs também não deveriam prometer virgindade a ninguém!! Até pq o que você faz com o seu corpo é da sua conta, de mais ninguém...
Tenho 2 meninas de 5 e 9 anos, dia desses a pequena perguntou se eu tinha feito sexo com o pai delas para engravidar... Eu respondi lógico, ué... e ficou nisso
A mais velha me perguntou a seguir se eu tinha feito sexo só com o pai dela... eu disse, lógico que não! "Então como você não teve outros filhos? " Eu expliquei que humanos fazem sexo por diversão, para estreitar laços, para demonstrar afeto... que a gente só engravida se quiser, quando quiser...A menina me olha e dispara: "como os bonobos, então? mamãe, vc sabia que 40% das girafas são homossexuais??" Santo Discovery Wild... acho que está salvando milhares de pequenas mentes da ignorância... E tornando mais fácil a arte de educar as crianças...

Kal da Casa de El disse...

Anônimo

Eu li esse guest post, o que ele fez se encaixa no que eu disse, houve um contato, uma intenção bem clara. No caso desses do ritual, o controle da sexualidade delas tem mais a ver com controle de natalidade, me parece que eles querem direcionar com quem elas vão se relacionar e quando, mas não que irão eles mesmos ficar com elas. Muitas seitas cristãs imitam o que as antigas comunidades judaicas faziam com relação a sexualidade, é sabido que a virgindade era (e ainda é em muitas comunidades) uma moeda de troca, isso naquela época e contexto fazia algum sentido, hoje não. Sem que apareçam casos como o do guest post mencionado por você, envolvendo esses ritualistas, não dá para afirmar que seja a mesma coisa. E sim tenho filhos e filhas, dois adolescente e três jovens adultos, sei muito bem a diferença entre uma coisa e outra, uma vez que foram muito bem orientados, só posso confiar que farão a coisa certa, porque certo e errado existem ao contrário do que pregam os pós-modernos.

Anônimo disse...

Meus pais juram até hoje que eu casei virgem. Ô dó.

Kal da Casa de El disse...

clarissa

Bonobos fazem sexo com os próprios filhotes, macho com macho, fêmea com fêmea e ninguém é de ninguém, eles não são exemplo de nada que não seja suruba e pedofilia, pura e simplesmente. Isso sem mencionar os casos de canibalismo que pouco são divulgados para não manchar a imagem dos bichinhos. Não é porque um comportamento é natural, pois ocorre na natureza, que ele seja um bom exemplo a ser seguido por seres humanos. Veja por exemplo os mascus que ficam mencionando leões e outros animais, para justificar violência e dominação, eles só esquecem que os machos tem o dever de proteger as fêmeas e os filhotes, do ataque de outros machos e auxiliar no abate de grandes presas, ou seja, esses caras acham que formar um harém é tudo que conta. A meu ver, animais dão mais exemplos do que não fazer, que o contrário.

Anônimo disse...

Kal... controle de natalidade? Se esses doentes estivessem preocupados com controle de natalidade levariam a filha no ginecologista pra aprender a usar e tomar anticoncepcional; ensinariam a se impor e jamais aceitar transar sem camisinha; ensinariam os filhos a usar sempre camisinha e a não deixar pra lá porque "não quer chupar bala com papel". Isso é fixação sexual nas vaginas das meninas, tesão no controle dos corpos dessas meninas. Você leu o post que eu comentei e viu todo o abuso não físico que o pai cometeu contra a autora? Não, eu sei que não leu, estava preocupado demais em reforçar o velho estereótipo de que sem toque não existe abuso sexual e justificar a interferência paterna na sexualidade dos filhos.

Quer saber? Voltamos a conversar quando você ao menos LER o post. Eu não tenho mais saco pra pegar marmanjo pela mãozinha e ensinar o bê a bá do abuso sexual. Você pode descobrir sozinho, se puder suportar a verdade. E a verdade é que abuso sexual não precisa ser físico nem envolver toques pra ser real e extremamente danoso. Sua cabeça está apegada a padrões tão antigos quanto esses exames ridículos e ineficientes de virgindade que a Lola citou no post. E você precisa mudar isso.

Pesquise. Vamos, Kal, eu te desafio a pelo menos LER o post que eu comentei. Vamos, faça jus ao personagem cujo nome você pegou emprestado e seja corajoso. Vá lá e leia.

Ah, e na natureza macho não protege fêmeas e filhotes não, colega. Pelo contrário: as fêmeas tem que estar sempre alertas pra proteger os filhotes de outros machos. Na natureza, os machos somem assim que acaba o acasalamento e deixam a fêmea sozinha com os filhotes. Machos matam os filhotes de outros machos pra que a fêmea entre no cio de novo e ele possa substituir os filhotes mortos pelos próprios. Sabe quais são as únicas espécies animais em que os machos realmente cuidam dos filhotes? Bonobos, avestruzes e cavalos marinhos. Todo o resto se lixa pras fêmeas e pros filhotes. Inclusive o macho humano, na maioria das vezes.

Kal da Casa de El disse...

Anônimo

Primeiramente não estou justificando o que eles fazem ou deixam de fazer com suas filhas, que isso fique bem claro. Antes de dizer que pode ser controle da natalidade, expliquei que nem todos os pais sabem lidar com o fato de que seus filhos tem sexualidade, no caso o que você disse sobre ginecologista seria o ideal, mas não é assim que muitos lidam, infelizmente. Eu li o guest post na época que foi publicado e o seu resumo foi mais do que suficiente para me lembrar do que se trata.

"estava preocupado demais em reforçar o velho estereótipo de que sem toque não existe abuso sexual e justificar a interferência paterna na sexualidade dos filhos".

Não tenho essa preocupação, porque é obvio ululante que estupro por pensamento não existe. Por mais absurdo que possa ser e de fato é, um pai sentir atração sexual por uma filha, se ele não a tocar, contrário do caso da menina do guest, abuso não é, é tara, é perversão. Se um cara passa uma cantada numa menina na rua e ela não gosta, ele pode ser chamado de babaca, escroto ou qualquer outra coisa, menos de estuprador, porque palavras não estupram. E não justifiquei interferência paterna coisa nenhuma, deixei bem claro o que penso sobre isso em todos os meus comentários.

Estou certo que você precisa estudar interpretação de texto e muita lógica formal, para não cair na tentação de distorcer de modo tão grosseiro as respostas que te dão. No caso você pode aprender o que são falácias, começando com a do espantalho, que usou bastante nas suas respostas e ad hominem também, para se concentrar nos argumentos e não no interlocutor. Outra dica é não acreditar em tudo que assistir em documentários de natureza selvagem, eles são docudrama, ou seja, não é exatamente mentira e nem verdade, são horas de gravação, roteirizada e editada para ser atraente para o publico. Vou repetir para ver se você decora e não esquece NÃO EXISTE ESTUPRO POR PENSAMENTO. E mais, você é muito arrogante por achar que estava me ensinando alguma coisa, não lhe pedi lições sobre nada, nem a ninguém aqui. Eu sei muito bem o que é um abuso, porque quando criança eu sofri uma tentativa por parte de um canalha que se dizia amigo da minha família, sei também por ter trabalhado com vitimas reais na época em que eu era um perito criminal. Então não me venha com sua empáfia achando que me conhece, porque não sabe nada sobre mim e meus valores. Guarde os seus desafios para os da sua laia, eu não sou desses. E por ultimo, quando você tiver um doutorado e um pós doutorado em biologia, mais maturidade intelectual, aí eu volto a te dar atenção, até lá... Passar bem!

Anônimo disse...

Tem um certo jogador de futebol aí que colocou câmera 24hs no quarto da filha adolescente, muito bonita por sinal. A pedofilia é sempre institucionalizada quando vem de homens e geralmente dão o nome de "preocupação de pai".

Anônimo disse...

"Guarde os seus desafios para os da sua laia, eu não sou desses. E por ultimo, quando você tiver um doutorado e um pós doutorado em biologia, mais maturidade intelectual, aí eu volto a te dar atenção, até lá... Passar bem! "

hahahahahaha na internet todo mundo tem PhD, é policia, faz medicina e anda de Camaro!
volta pro the sims amicow

Kal da Casa de El disse...

Ps: se por "abuso sexual sem toque" estivesse falando sobre abuso psicológico, aí sim eu concordaria, porque o que não falta nesse blog são relatos sobre isso. Mas não, a incapacidade de definir os próprios termos é tamanha que só com muita leitura de dicionário resolveria.

Kal da Casa de El disse...

A pessoa assiste Discovery Channel e acha que sabe tudo sobre vida selvagem, é tipo ativista de sofá achando que vai derrubar o governo comentando no Facebook, ou feminista achando que está salvando mulheres com sua "sororidade" seletiva. KKKKKKK

CeticaSsa disse...

essa conversa de virgindade... é tanta agonia c isso e na verdade eu acho q ninguém liga. Por conta do meu trabalho, canso de ouvir homens falarem que "se for bonitinha e PASSEADINHA, ta tudo certo... e nem acho q isso é pq homi quer a "puta na cama", essa é a história dos escrotos pra mesa do bar. Vejo mais uma questão de insegurança mesmo, pouca gente quer lidar c virgem q precise de professor, ser professor é angustiante, pow. Eu mesma já pulei fora de um cara q veio com "ooopa, vai me ensinar", eu gosto de decidir o q fazer c todo mundo participando, essa posição de autoridade é muita pressão, kkkkk.
Sobre o clubinho da pureza, concordo c o Rafael: "coisa de gente religiosa, não esperemos coerência, lógica ou bom senso". E serve tbm pra mascu falar mal de mulher, o que ninguém liga também.

Anônimo disse...

Obrigada por me mostrar suas prioridades e sua arrogância, Kal da casa de el. Obrigada por me mostrar que você não está disposto a abrir a cabeça e pensar. Obrigada por me mostrar que quando é confrontado com fatos que te tiram do seu mundinho confortável você relincha e sai dando coice feito mula chucra. Obrigada por me mostrar que quando confrontado com os ataques mais sutis do machismo, sua prioridade é defender macho conservador e não ter empatia com as vítimas. Obrigada por me mostrar que você só está disposto a dialogar com quem concorda com você e tem cuidado com o seu ego de algodão.

Me mostra que eu não devo perder meu tempo com você, um machista enrustido que vem posar de compreensivo pra ganhar biscoito.

Ah, se você ao menos assistisse documentários sobre vida animal saberia muito bem como os machos na antureza se comportam. Mas nem isso você faz, pelo visto.

Passar bem :) De mim você não ganha nem migalha de pão, quanto mais um bsicoitinho.

Anônimo disse...

09:06 como eu disse no comentário anterior, porcas, lhamas, lêmures, chimpanzés e elefantas tem hímen. Cadê os tratados mascus sobre como porcas "rodadas" não servem pra casar? Cadê os dados do Instituto de Pesquisa Mascu As Vozes Me Disseram sobre como chimpanzés virgens são mais fiéis e honradas? Cadê Os cálculos pra quilometragem das lhamas rodadas? Cadê os anéis de castidade pras lêmurs? Os bailes de pureza pras elefantas? Mascus, mascus, sempre querendo bancar os engraçadinhos e falhando... desiste, cara, vocês só fazem sucesso com humor involuntário mesmo.

Anônimo disse...

Calma, não é assim.
Os porcos, leões e chimpanzés não se importam se a fêmea é rodada por que eles não têm a instituição chamada casamento, onde o macho tem responsabilidad e sobre a família e tem que sustentar os filhotes.

O papel Dos porcos, leões e chimpanzés machos Na perpetuação da espécie é apenas o de virar os olhinhos, depois é a fêmea quem tem o papel de parir e cuidar dos filhotes.

Vicky_ disse...

Kal de Casa de El, se toca, você sabe que é um homem de meia idade, que nadou em privilégios, é economicamente estável, e mesmo assim, AMA disse como mulher se sente e o que é ou não assédio.

Uma dica: PENSA antes de comentar, indivíduo.
Se tocou que só nesse post tem TRÊS mulheres dizendo que você não sabe bem do que está falando?
Uma pessoa pode estar errada, mas quando várias pessoas estão te dizendo isso, você é bem problemático. Humilde é necessária, no seu caso, fundamental.

Isso, continua falando pra moça que o pai dela não a assediou, que é coisa da cabeça dela.

Anônimo disse...

Eu recomendo não dar atenção para esse Kal de Casa de El. Ele é o antigo Donathien, trocou o apelido, mas quando começou a comentar no blog, tinha um milhão de postagens masculinistas no perfil do Google +. É só mais um machista pagando de feministo esclarecidão, não se enganem, não confiem e nem percam tempo debatendo com esse tipo. Não vai dar em nada.

Vicky_ disse...

Óbvio, ele fala mal de "ativismo de sofá", afinal, usar avatar de bombado e falar que caso é machismo e qual não, sendo homem, ajuda muito mais a causa. Ele não é totalmente escroto, mas não entendo essa gente dizendo que ele é esclarecido, não entendo mesmo.
Parece que ele não entende que o mundo não é tão pequeno quanto o que ele vivenciou, achando "se guardar" pra "pessoa amada" bonitinho. Isso não deveria ser nem bonito nem feio, mas um conjunto de fatores históricos da pessoa.

Anônimo disse...

Casamento, anon mascu das 10:00? Puxa, é por isso que mulher casada nunca apanha, nunca passa necessidades, nunca é estuprada, nunca fica sem dinheiro pra comprar comida enquanto o marido bebe, nunca falta nada pras crianças, elas nunca apanham quase até morrer, nunca ficam com fome, nunca sofrem negligência emocional do papai, né? Ah, é por causa do casamento também que nenhuma mulher casada e fiel tem AIDS, e nem de longe elas são o maior grupo de risco do Brasil.

Alguém já te disse que você, sei lá, talvez precise... tirar a cabeça de dentro da bunda?

Kal da Casa de El disse...

Anônima analfabeta funcional

Eu peguei leve com você em respeito a Lola que é dona do blog, mas serei mais sincero dessa vez: Além de ser incapaz de entender o que eu disse, você faz questão de distorcer minhas palavras, que estão aí para quem quiser ver, você é desonesta até a medula e muito burra por sinal. Eu sim estou disposto a dialogar com tem pensa diferente, mas não vou abrir mo dos meus valores e de minha liberdade de consciência, apenas para massagear seu frágil ego. Não preciso agradar quem quer que seja, muito menos um tipinho escroto igual a você, respeito pessoas que se dão o respeito, não é o seu caso, obviamente. Você, ao contrário da dona do blog e de muitos que aqui comentam, não tem caráter e maturidade intelectual para debater qualquer assunto que seja, sinto asco por gente igual a você. Você é mentirosa, me acusa de defender coisas que eu deixei bem claro que não defendo, por mim se for comprovado que esses caras abusam de suas filhas, quero mais se fodam mesmo, tem mais é que ir para cadeia. No entanto, eu preciso de mais elementos do que a sua mera suposição de corporativista de gênero, preciso de provas irrefutáveis para acusar alguém. Você fala de empatia pelas "vitimas" e eu te pergunto quais "vitimas"? Não vi nenhum crime sendo relatado, quando muito um ritual bizarro, anacrônico e inútil, se comparado com a boa e velha orientação/confiança. Com relação aos animais, vou explicar para ver se você entende de uma vez. Mencionei apenas os leões que são animais gregários, cuja dinâmica é assim: um macho alfa/dominante + um ou mais machos betas/submissos, que podem ser seus irmãos mais novos ou filhotes, convivem com fêmeas e filhotes, somente o macho alfa copula com as fêmeas, essas por sua vez caçam o alimento do grupo, enquanto os machos ficam na espera, quando a presa é um animal muito grande, os machos que são os mais fortes do grupo, ajudam no abate, eles sãos sempre os primeiros a comer, quando leões machos solteiros aparecem, os machos devem proteger suas fêmeas e seus filhotes, do ataque dos outros, vindo em muitos casos a morrer fazendo isso. Entendeu ou quer que eu desenhe para você? Não falei sobre todos os machos na natureza e como eles se comportam, deixa de ser burra caralho! E mais, só mencionei isso para ilustrar que ficar pegando animais como exemplo de moralidade é coisa de gente idiota, temos na nossa própria especie exemplos bem melhores e mais próximo da nossa realidade, o que não é o seu caso, obvio. Então vai estudar e deixa de ser burra, porra!

Kal da Casa de El disse...

Vicky

"disse como mulher se sente e o que é ou não assédio"

Copie o trecho do meu comentário onde disse tamanha sandice. Eu disse que não é abuso sexual se não tiver contato físico, caso contrário seria estupro por pensamento e isso não existe. Pode sim ser assédio, pode ser abuso psicológico, é abuso sexual quando toca nas partes intimas de criança sim, mas dizer que é pedofilia apenas porque a menina fez uma promessa de permanecer virgem e seu pai se coloca responsável por isso, aí já insanidade e desonestidade intelectual da parte de quem afirma isso. Acho bonito sim, jovens preservarem sua virgindade, qual o problema? Por acaso eu obriguei alguém a fazer isso? Não. Nunca. E jamais obrigaria. Não gosta de mim? Foda-se. Não gosto de você também, então vê se me erra.

Para besta acéfala incapaz de inventar um nome

"Eu recomendo não dar atenção para esse Kal de Casa de El."
_Não faço questão da sua atenção. "Ele é o antigo Donathien, trocou o apelido, mas quando começou a comentar no blog, tinha um milhão de postagens masculinistas no perfil do Google +."
_Seja o que você chama de "masculinista" eu sempre comentei sobre religião e ateísmo, meu perfil é publico para quem quiser ver, não escondo o penso, pouco me importa se não gosta. "É só mais um machista pagando de feministo esclarecidão,
_ Feministo uma ova, não sou desses não, não me castrei e nem pretendo, para agradar menininhas escrotas pagando de moderninhas, sou mais eu. Não estou enganando ninguém, mas para pessoas que se dizem empoderadas vocês são bem fraquinhas mentalmente, não suportam o contraditório, acham que todo mundo precisa concordar com tudo que dizem, caso contrário é machista. Que seja então, discordo e digo o porquê, se não aceita problema seu. "Não vai dar em nada."
_Com gente igual a você não vai mesmo, mas não lamento.
"não se enganem, não confiem e nem percam tempo debatendo com esse tipo." Amem, irmãs?" Disse a pastora para seu rebanho de ovelhas. kkkkkkkk

Death disse...

Só queria entender por que o outra hora centrado Donatien está atacando as anons e a Vicky usando termos pejorativos, se referindo a elas com diminutivos (tática velha de homens para desmerecer mulheres) e etc e tal, justo ele que critica tanto o "ad hominem". Será que ironicamente pelo fato de ter sua opinião confrontada?

Feministo, sendo feministo, sempre muito educado até a hora que alguém discorda dele.

Kal da Casa de El disse...

Death

Você é capaz de entender que fui atacado primeiro e que apenas reagi a uma injusta agressão? Não preciso que alguém concorde comigo, já debati com a Raven e a Márcia Baratto e foi de boa, porque elas souberam atacar apenas os meus argumentos e não a minha pessoa. Discordo de algumas opiniões da Lola e ela provavelmente das minhas, mas o respeito é mutuo e continuará sendo assim.
"Feministo, sendo feministo, sempre muito educado até a hora que alguém discorda dele."

De onde você tirou a ideia de que sou feministo/feminista? Por acaso você leu algum comentário meu dizendo coisas como: "o machismo estrutural na sociedade" "isso é estratégia do patriarcado" "estou desconstruindo meu machismo" "ou vocês mulheres deveriam fazer..."? Não sou feminista, nem masculinista, os opostos que se atraem. Sou mais eu, apenas.

Só esclarecendo

Eu uso um nome fácil de reconhecer e um avatar, se não gosta de mim me ignore, simples assim. Se discorda e quer debater comigo, acho ótimo, mas se atenha aos argumentos e não a minha pessoa, só respeito quem me respeita e ninguém mais. Eu não estou aqui para fazer amigos e tomar chá com bolinhos, nem para agradar ninguém. Eu gosto do blog, me interesso pelos assuntos aqui tratados e vou continuar frequentando, aceita que doi menos.

Death disse...

"Você é capaz de entender que fui atacado primeiro e que apenas reagi a uma injusta agressão?"

Da anon eu não sei, mas a Vicky pelo que diz deve ter no máximo 16 anos, coisa assim. Você é o adulto aqui, deveria agir mais de acordo com a idade. Isso de "professora ela me xingou primeiro" é demais.

"Não sou feminista, nem masculinista, os opostos que se atraem. Sou mais eu, apenas."

Isso geralmente vem de pessoas machistas, de direita ou de masculinistas. Sorry.

"Eu gosto do blog, me interesso pelos assuntos aqui tratados e vou continuar frequentando, aceita que doi menos."

Não sou a Lola, mesmo que quisesse não poderia te proibir de frequentar o blog, faça como quiser. Mas estranho alguém que cobra serenidade e respeito dos outros agir dessa maneira.

Repito, você só é educado quando as pessoas estão a um certo nível concordando contigo, qualquer pessoa que discorde de você com mais veemência e já se altera. Ficou defendendo uma posição no post que mais de uma mulher mostrou a princípio de forma educada que não era a melhor interpretação e dai tomou pra si um ar de autoritarismo e deboche.

Anônimo disse...

Mais um mascu se revelou. Nunca falha, a máscara sempre cai.

Anônimo disse...

Apesar da poluição visual na caixa de comentários, tô morrendo de rir aqui vendo o Donatien soltar fogo pelo cu por causa de duas respostinhas meio atravessadas. E desfiando todo o rosário mascu em (patética) defesa própria.

Anônimo disse...

não suportam o contraditório, acham que todo mundo precisa concordar com tudo que dizem, caso contrário é machista

Igual a você, que saiu soltando os cachorros e xingando de tudo o que é nome as mulheres que não concordaram com o que você escreveu. Só dei uma dica para as comentaristas, afinal, a vida é muito melhor quando não perdemos tempo lendo chorume de mascu na internet. Discutir com homens do seu tipo não adianta porque vocês sempre vão hostilizar mulheres que discordam das suas sagradas opiniões. Que mal tem em avisar isso para as demais leitoras? Eu não discuto com mascu sabendo que é mascu, e sei que outras também não gostam de perder tempo. Não dei ordem nenhuma, só uma dica. Se as outras vão continuar gastando tempo discutindo com macho otário, escolha delas. Eu não vou. Por isso, adeus. E saiba que você pode até pagar de esclarecido, mas não é todo mundo que você engana.

Anônimo disse...

"Tem um certo jogador de futebol aí que colocou câmera 24hs no quarto da filha adolescente, muito bonita por sinal. A pedofilia é sempre institucionalizada quando vem de homens e geralmente dão o nome de "preocupação de pai"."

Renato Gaúcho né?

Pior que dá entrevista falando disso e dá risada. Tipo o Jô, falando que teve sonhos eróticos com a Maitê Proença quando ela tinha 9 anos de idade. E todo mundo ri, aplaude, depois fica gritando no Facebook ainnn pedofilia somostodosvalentina.

Nossa sociedade é nojenta e não, pedofilia não é doença, parem de chamar de doença um comportamento que só atinge homem e só vitima crianças, especialmente as do sexo feminino.

Anônimo disse...

"Anônimo disse...

Casamento, anon mascu das 10:00? Puxa, é por isso que mulher casada nunca apanha, nunca passa necessidades, nunca é estuprada, nunca fica sem dinheiro pra comprar comida enquanto o marido bebe, nunca falta nada pras crianças, elas nunca apanham quase até morrer, nunca ficam com fome, nunca sofrem negligência emocional do papai, né? Ah, é por causa do casamento também que nenhuma mulher casada e fiel tem AIDS, e nem de longe elas são o maior grupo de risco do Brasil.

Alguém já te disse que você, sei lá, talvez precise... tirar a cabeça de dentro da bunda?
"
CALMA.
Olha,as casadas que conheço são muito bem casadas sim, obrigado. Maridos presentes, e tal... não necessariamente ricos, mas conseguem sustentar uma família.

E qual o problema com um ou outro beber?? nós homens sofremos muita pressão no trabalho, as vezes precisamos de uma cervejinha para relaxar. Agora, depois de um dia cheio, chegar em casa e ver ela tudo bagunçada é dose pra qualquer marido, né?

A gente precisa descansar também, o simples fato de sermos mais fortes não significa que somos IMORTAIS.

Anônimo disse...

Anon mascu das 14:48 eu digo e repito: você precisar urgentemente tirar a cabeça de dentro da bunda. Pra ontem. Vou lá buscar um KY e um pé de cabra pra te ajudar.

Anônimo disse...

olha anônima das 14:57, eu estava tentando ser educado, mas aqui isso é meio difícil.
É a intolerância dos "tolerantes".

Não preciso buscar um KY não, eu tenho aqui e uso muito pra comer minha namorada, a gente faz um sexo rápido e gostoso. Lide com isso.

Anônimo disse...

Porra Anônimo das 15:00, vc falou algo que não acredito!!

Tua boneca inflável fala?! Só boneca inflável pra dar pra um imbecil como vc, nem puta ia te querer por maior que fosse teu dinheiro.

Te aconselho a passa KY no teu rabo toda vez que fizer troca troca com seus amiguinhos mascus, ok?

Anônimo disse...

15:00, vamos fazer de conta que eu acredito que você tem namorada *injetando chá de cogumelo diretamente no olho pra fazer essa suspensão da realidade*.

Como disse a grande Rhonda Rousey (sei lá como se escreve o nome dela) se você tá usando KY significa qe você é preguiçoso. Mulher tem lubrificação natural, salvo alguns problemas de saúde específicos nenhuma mulher precisa de KY pra transar, precisa é de um sujeito competente que saiba o que fazer na cama. Além de idiota, mascu e babaca você é folgado e ruim de serviço.

*Efeito do chá de cogumelo passando*

Mascu com namorada? KKKKKKKKKK!! De qual vídeo do pornhub ela veio?

Anônimo disse...

Anônimo das 18:45 ficou irritada santa?! kkkk

Nossa, boneca inflável cara da porra essa tua hein?! kkk
Pra ficar com um merda como vc só sendo puta muito da cara pra ficar com um perdedor como vc.

Cair na lábia? kkk, tem mulher que se sujeita a qualquer LIXO tipo você. Tenho certeza que só garota de programa que topa ficar com um merda como vc.

E não adianta bancar de machão, vc e seus amiguinhos ficam vomitando macheza, se achando superiores às mulheres, mas vocês se amam e adoram um bom troca troca isso sim.
Sei muito bem a realidade de machistinha arrotador de virilidade que elogia macho e esculacha mulheres, é porque são tudo viado enrustido que se amam.
Lide com isso, porra!

Anônimo disse...

"Minha "boneca inflável" fala sim! Ela também chupa, dá, faz comida, faxina e lava e passa minhas roupas.

Eu e meus amigos não precisamos de KY quando saímos não, pois o que mais gostamos de fazer é ir pro bar tomar uma gelada e mexer com as cocotinhas que passam por ali!! só aí sim, seria desejável o KY pro motel. Admito que não é muito fácil elas caírem na nossa lábia, mas quando caem... é pá e bola.. ali tem jogo!!"

Passa o link pra essa expansão do The Sims pra gente baixar amigo! Flw, flw

Anônimo disse...

"Nossa sociedade é nojenta e não, pedofilia não é doença, parem de chamar de doença um comportamento que só atinge homem e só vitima crianças, especialmente as do sexo feminino."

COLÍRIO PARA MEUS OLHOS CANSADOS!

Chamar pedófilo de doente e estuprador de doente 1. tira a responsabilidade dessas pessoas, 2. joga a responsabilidade na vítima, 3. nega que existe uma cultura totalmente permissiva para esses dois comportamentos. Porque convenhamos, esse auê todo que se tem antipedofilia na internet não tem 0,000000000000000000000001% de correspondência no mundo fora da internet, se tivesse não teriam casos e casos e mais casos, isso os que aparecem né fora os que ainda não se sabe. Legal essa doença que só dá em homem. Só que não.

Rafael disse...

Eu acho que seria melhor tratar pedofilia como doença.

Juridicamente é bem mais fácil de deixar o cara apodrecer preso se ele for maluco. Manicômio não tem progressão de regime nem semi-aberto.

Vide o caso do Xampinha. Se fosse só pelo crime, estaria na rua há tempos.

Anônimo disse...

"Eu acho que seria melhor tratar pedofilia como doença."

Claro, um homem não poderia achar outra coisa.

Rafael disse...

Anônima, o meu comentário foi curto. Coisa de 5 linhas. Não dá trabalho lê-lo todo.

O que você sugere? Que trate como crime e o criminoso saia em 2 anos????

Volto a me reportar ao exemplo do Xampinha. Se não sabe do que se trata, google está aí para isso.

Roberto disse...

A festa é brega, o certificado é ridículo, mas a castidade continua sendo bela, e o que é belo pode ser celebrado. Não é completente definível e nem equivale à dignidade de uma pessoa, mas a castidade é bonita em si. Acostumamos tanto com pais ausentes que nos espantamos com a capacidade dos presentes de celebrar a família e a castidade que a faz possível.

É óbvio que não é sobre o hímem, mas sobre ser prudente em relação ao sexo.

Difícil criticar a "imposição" da castidade pelos pais a partir de um ambiente que de alguma forma faz o mesmo com a promiscuidade. Esse blog simplesmente está aquém de um fórum em que isso poderia ser feito. Substitua o pai por uma ideóloga, a castidade pelo "tô nem aí", adiciona uma boa dose de dissimulação e você vê que o feminismo é o baile acontecendo no cerimonial vizinho.

Anônimo disse...

Roberto acho que você não entendeu este post!!

Não estamos criticando escolhas, criticamis a IMPOSIÇÃO!
Filhas não precisam ser tratadas como "bichinhos" e sim como pessoas, como seres humanos.
Porque estes bailes da pureza não Sá feitos também pra garotos?
Porque países ditos "evoluídos" aceitam que meninas sejam oprimidas e castrados psicologicamente por bailes e ações como estas?
Porque em pleno século XXI ainda vale o "piroca do meu filho liberada pra enterrar", " grutinha da minha filha só o marido vai entrar".
Porque meninas e mulheres ainda são vistas como PROPRIEDADE passada do pai pro marido invés de um ser humano com vontades próprias.
Me responder aí de firma inteligente que vou considerar sua opinião, se não continuarei te achando um babaca machista que vem como mimimi de "promiscuidade" só pra que mulheres sejam castradas psicologicamente.

Anônimo disse...

Sylvie

Roberto seu discurso é BURRO e furado!

Eu casei virgem! Meu ex marido me traiu, agrediu e me tratou pior que capacho!
Mulher casar virgem não é garantia de felicidade pra ela e nem garantia de fidelidade pro homem. Uma conhecida minha tb casou virgem e chifrou marudo dela com meio mundo!

Casei virgem por imposição e fui muito infeliz agora sou feliz pra cacete porque não preciso de macho pra dizer como devo agir e como devo ser feliz!

Pais wuerem ser bons com as folhas? As orientem, as eduquem, as amém e respeitem assim como seus filhos homens.
Filha não é "objeto, propriedade" pra ser cuidado!
Pais que obrigam filhas a "ailes de pureza", "certificados" e outras merdas, ou são pedófilos querendo abusar das filhas, ou são país inseguros, canalhas e misóginos querendo usar filha como moeda de troca pra algum marido rico, ou são pais muito MERDAS que não conseguem enxergar suas filhas como SERES HUMANOS! Sem mais.

Roberto disse...

Anon. 12:09, vou responder às perguntas, mas vou pular suas afirmações pra poupar nosso tempo.

1. Porque garotos não engravidam e porque a beleza na castidade do homem, apesar de existir, é bem inferior à da mulher. Um motivo objetivo imutável e um motivo subjetivo cristalizado numa cultura que levou o que era objetivo a sério. "Ah, e os métodos anticoncepcionais?" Falham, são esquecidos, preteridos, etc., etc. É justo, é certo, é bom o suficiente pra você? Tanto faz. É o que eles pensam para fazer o que fazem, e pronto.

2. Os países "evoluídos" são aqueles com o cristianismo encravado na cultura, e os EUA foram pioneiros no capitalismo através de uma mentalidade protestante puritana: altamente eficiente nos negócios e altamente religiosa. Ainda assim, é um país onde floresceu feminismo e até jornais para criticar os "bailes", o que me deixa cético em relação a "castração psicológica" de fato. Pra uma menina sorridente daquela entrar na faculdade e se desligar do conservadorismo da família é um pulo. Fica tranquila.


Sylvie

Nada é garantia de nada. Nem o conservadorismo religioso e nem o feminismo. Acontece que o primeiro gera filhos o suficiente para continuar uma civilização, e a trancos e barrancos, permanecer para contar história. O segundo é um "momento" esperando pra sumir.

Sobre o seu exemplo: ser traído não é ruim? Traição é promiscuidade. Como defender uma cultura que despreza a castidade fará melhor para as outras mulheres que ainda tem a chance de ter um casamento bacana? Defenda a castidade na educação dos meninos também (veja o movimento "Eu escolhi esperar" no Brasil), ótimo, mas feminismo pra nivelar todos por baixo? É uma vingança contra o mundo pelo o que te aconteceu.

Anônimo disse...

Sylvie

Roberto, mais uma vez vc não entende NADA que escrevi.

Ser casto ou não deve ser ESCOLHA não IMPOSIÇÃO!
Meninos e meninas podem ser vastos se quiserem, homens e mulheres tb podem ser, homens e mulheres adultos também podem NÃO ser castos se quiserem, desde que não afete a vontade e consensualidade de outras pessoas.

Não quero me "vingar do Mundo" como vc erroneamente achou! Quero um Mundo melhor, de pessoas esclarecidas e mulheres com mesmos direitos e direitos não falo só a nível sexual, mas de várias outras coisas.
Liberdade(falo disso nso de promiscuidade) não é "nivelar por baixo" é democracia.

Roberto disse...

Outra coisa:

Eu sei do argumento: "o problema não é a castidade em si, é a imposição dela e de qualquer outra coisa". Acontece que no feminismo, isso não é honrado. A maioria do que é dito em colunas, blogs e livros, e pelo próprio exemplo pessoal dos intelectuais que criam isso é em apologia à promiscuidade.

De Beauvoir arrumou um "voyeur" relaxado como marido e manteve vários relacionamentos paralelos.

Foucault morreu de AIDS enquanto falava que essa doença era uma "invenção" do sistema.

A Lola é casada há décadas mas se gaba do seu passado promíscuo em Cabo Frio (?) para "dar o exemplo" às leitoras.

A pessoa precisa de feminismo para ser promíscua. Pra ser casto, existem outros suportes, e esses suportes independem da luta política se hoje, por isso não servem aos progressistas.

Falam que é um problema a garota ser "propriedade" da família. Mas carai, de que família vocês saíram? Eu prefiro 1.000 vezes respeitar os meus país do que me ligar a qualquer movimento obscuro de rua. Eu sei que na primeira situação a minha dignidade e bem estar vem em primeiro, enquanto a segunda é uma roleta russa.

Anônimo disse...

Roberto: apoiado, você tem razão.

Carolina Valamiel Dias disse...

Lugar de mulher é onde ela quiser, até no baile da pureza!

Anônimo disse...

Conservadores: querem uma virgem como esposa mas se deitam com putas. Roberto, conte para sua esposa que você dorme com uma vadia. Se bem que essa sua mulher deve ser tão burra....

Anônimo disse...

Carolina, fique calada e volte a ler a biblia, na parte que fala para as fieis se calarem na igreja.

Anônimo disse...

E se uma mulher quiser ser virgem para o resto da vida e ter filhas por inseminação artificial? Vai ser aplaudida pela igreja? Porque convenhamos, o problema não é o sexo, mas fazer sexo com homens. Uma mulher so pode see considerada suja por perder a virgindade porque ela dormiu junto com a podridão, como uma fruta podre que contamina a outra. Os homens não querem que as mulheres percam a virgindade com outros homens porque sabem que são de um sexo sujo, com excessao de si proprios. Ao mesmo tempo, seria muito ruim que todas as mulheres seguissem a risca a virgindade e nunca fizessem sexo. Mas atualmente não é necessario ter um home ao lado para ter filho...

Roberto disse...

Anon, 16:23

Bom, eu não sou casado, mas é fácil imaginar que uma mulher hipotética é burra, não é?


Anon, 16:27

Nietzsche chamou o cristianismo de "fraco" por ser "feminino". Errou na primeira e acertou na segunda: as mulheres foram as primeiras a agarrarem com unhas e dentes a Igreja Católica, e são as que levam famílias inteiras para o pentecostalismo das periferias brasileiras.

Por quê? Estão loooucas? Gaslaiti nelas!

Anônimo disse...

Facil é imaginar que uma mulher que aceite sair com você é burra. E não, o cristianismono, nunca foi feminino, nenhuma das religiões monoteistas são. Os primeiros cristões eram em sua maioria pobres mas não especificamente mulheres. A igreja odeia em sua essencia a mulher, por gerar vida, algo que os homens não podem fazer.

Anônimo disse...

Puta que pariu esse meu xará é muito burro!

O post fala do erro da imposição e do acerto das escolhas e ele distorce falando de "promiscuidade"!
Sem falar que tá claro que essas famílias desses ridículos bailes da pureza tratam essas garotas como PROPRIEDADE, mas nas intimidades esses chefes de família devem ir tudo pra puteiro levando os filhos homens juntos!

Robert

Roberto disse...

Anon, 17:43

Ai, que ofensa, meu orgulho garanhão está sangrando baldes agora. :D

É claro que os primeiros cristãos não eram só mulheres, nenhum fenômeno humano poderia ser, mas ao longo da institucionalização da religião, a mulher foi muito crucial. Não é nem um argumento histórico, saíam de casa e vão aos cultos e missas. Tem mais mulher do que homem em qualquer idade. Vocês não queriam "protagonismo"? Tá aí um.

O clero católico é todo masculino? Mudem de religião. Não mudaram, moças? Como vocês são burrinhas. :DD


Robert

Eu sei que o post fala disso, e "isso" está errado. Famílias fazem milhões de escolhas por si próprias, e quando ela calha de ser a castidade, vira "imposição". O que esse discurso pretende? Resguardar a promiscuidade ("resguardar", :D)

Agora, você e outros comentaristas estão dizendo que ESTÁ CLARO que: os país são pedófilos, os pais são putanheiros, os filhos homens da família são metelões que acompanham o pai no puteiro. Que isso, hein? Nem a colunista da matéria fez um vôo tão algo. Tudo é possível, mas nada está claro.

Responsabilidade legal de menores não é "propriedade". Ainda mais na cultura anglo-saxã, mãe do governo civil, da abolição da escravidão e do liberalismo. Posso ser um pai e levar meu filho no churrasco do MST e convencê-lo de fazer uma apresentação carregando uma bandeira do movimento ao som de Geraldo Vandré. Rola?

Roberto disse...

Ainda para Anon, 17:43:

Ah, onde você viu que a Igreja "odeia as mulheres fazedoras de vida"?

Uma das primeiras heresias derrubadas pela Igreja foi justamente o gnosticismo, que acreditava que nascer era cair no domínio de um deus mau. A Igreja ama e respeita a vida irrestritamente, e logo, ama a mulher. É verdade que a filosofia hebraica é repleta de desconfiança com o "gênio feminino", Eva, mas Nossa Senhora, Maria, é mulher e é objeto de profundo respeito pelo seu papel de Mãe.

No dia que uma feminista amar outra mulher como a mais humilde beata ama Maria, ficarei surpreso.

E bem, feminismo é justamente uma revolta contra o que é inescapável na mulher. Aquela tal de Tiburi chama a gravidez de "problema fisiológico", e daí vocês já podem ver quem são as verdadeiras ressentidas com a "fazeção de vida".

Anônimo disse...

"Revolta inescapavel da mulher ", então nenhuma mulher vai escapar do estupro? Bem, todos os homens são estupradores em potenciais que não tiveram a oportunidade, mas no futuro a ciencia pode dar um jeito. Ah, falando de virgem maria, oque os conservadores diriam sobre as mulheres que ficam eternamente virgens, não se casam com homens e tem filhas por inseminação artificial? Se a mulher gera a vida, deus é mulher. Partenogenese manda lembranças.

Anônimo disse...

Deus É mulher. Não existe pai, o importante é e sempre foi a mãe. Tanto na natureza quanto para a sociedade o macho é dispensavel para a familia.

Anônimo disse...

No dia em que algum homem realmente amar uma mulher EU É que vou ficar surpresa. A essencia masculina é igual o estado Islamico enter outros terroristas: destruir, matar e estuprar. São a escoria da humanidade. Se todos morressem...aborto de meninos parece interesante nesse sentido,pelo menos a violência cairia.

Roberto disse...

Anon, 18:46

Sim. A possibilidade de estupro nunca vai ser eliminada. Matem todos os homens e verão as mulheres serem estupradas por outras mulheres, como nos presídios femininos.

Sobre a virgem enamorada de um banco de esperma: um conservador acharia meio besta recorrer a um meio caro, frágil e sem graça enquanto ela poderia arrumar um marido e fazer um sexo gostoso. Se não quer homem, vá trabalhar em um orfanato. Muitas Santas saíram daí e os conservadores respeitam isso.

Deus não é mulher. Nem homem. Ele é mulher e homem, quando estão um para o outro. Leiam "Teologia do Corpo" do Papa João Paulo II.

Roberto disse...

Anon 18:58.

Uhum. Muito difícil qualquer pessoa realmente amar a outra. Isso inclui tranquilamente um homem amar uma mulher.

Mas se destruição é uma essência masculina, quem vai conduzir os abortos em massa de meninos?

Anônimo disse...

Se deus existir, segundo a natureza, seria mulher porque o homem que necessita dela e não o contrario. Foda-se a teologia patriarcal. Partenogenese traz lembranças

Anônimo disse...

A possibilidade de estupro nunca vai ser eliminada porque todos os homens sao estupradores em potencial. Todos. Só não o fazem por falta de oportunidade.

Roberto disse...

Anon. 19:24

Boa sorte e boa noite, Xena.


Anon. 19:27

Deus estaria acima da natureza, que inversão ingênua, mesmo para um agnóstico.


Bom, como parece que "sobrei" com as radfem aqui nos comentários, vou vazar.

Boa noite para você também e Salve Maria.

+

Anônimo disse...

Deus não estaria acima da natureza. A deus seria a natureza. E ela é mulher por assim dizer.

Ezco Musaos disse...

Mascuzão Roberto, se o feminismo critica a imposição da virgindade é porque esse é a exigência imposto pelo machismo de "homens" escrotos como você às mulheres. E sim, a imposição da "promiscuidade" (que pela ideologia dominante só é errada pra mulheres, por que será, né?) também é ruim, aqui mesmo neste blog há posts sobre isso.

Anônimo disse...

Pessoal, ignorem o mascu Roberto. Ele é muito obviamente a nova identidade do Donatien Cuzin de Fogueira e só veio aqui pra encher o saco. Já demos ibope o suficiente pra ele, pode deixar.

Anônimo disse...

Roberto, seu deus é um canalha