domingo, 25 de outubro de 2015

APLAUSOS PARA O TEMA DA REDAÇÃO DO ENEM

A esta altura você já deve ter visto que ontem caiu no Enem uma questão relacionada a Simone de Beauvoir.

Se ontem já foi um dia triste pros reaças e machistas, hoje piorou. O tema da redação do Enem foi: "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira".
É um tema excelente, até porque não fala só da violência contra a mulher, ou das causas dessa violência, mas da sua persistência. Engloba vários pontos sobre o assunto. E não é um tema necessariamente feminista.
Óbvio que o combate à violência contra a mulher é uma das principais pautas feministas, mas isso não quer dizer que a séria praga da violência contra a mulher (que o secretário geral da ONU chamou de pandemia) deve ser combatido apenas por feministas. Esta violência é uma realidade que afeta a todxs. Não é possível sonhar com um mundo melhor sem lutar pelo fim desta violência.
Porém, num ano tão péssimo quanto 2015, quando todos os retrocessos possíveis e imagináveis estão sendo passados na Câmara, quando os reaças tanto lutaram contra a "ideologia de gênero" (para eles, sinônimo de destruição da família, da moral e dos bons costumes), a redação do Enem é pra ser comemorada. Porque a violência contra a mulher seria um dos temas mais discutidos se crianças e adolescentes pudessem ter aulas sobre questões de gênero nas escolas.

E claro que, se tem feminista comemorando (e como tem!), tá cheio de reaça praticamente pedindo CPI pelo Enem fazer uma prova tão "esquerdista".

Quem lê este bloguinho e outros sites feministas, quem questiona o status quo, quem pensa em mudanças, certamente foi bem na prova do Enem. Fico imaginando a dureza que deve ser pra um machista redigir trinta linhas sobre um tema que ele passou o ano negando que exista.
Compartilho com vocês alguns dos tuítes mais bacanas que cruzaram pelo meu caminho sobre a prova do Enem.

E, a pedidos, um novo meme...
E alguns outros que fiz ontem, principalmente depois de saber que Bolsonaro e Feliciano condenaram a doutrinação feminista do Enem. Sem dúvida foi um dia muito divertido.









351 comentários:

1 – 200 de 351   Recentes›   Mais recentes»
Anônimo disse...

Ou seja. Ou vc é feminista na marra ou é reprovado, não tem mais liberdade de escolha.

A ditadura Hitleriana feminista começou.

Vicky_ disse...

Também muito feliz por viver o dia em que Causas Femininas são disserminadas pelo ENEM. <3
Continuem chorando, Minorias não seram mais varridas pra debaixo do tapete.

------------

Off Topic

Raven, você já teve ou tem um Tumblr? u.u
Acho que achei RavenCrawn, cê gosta de Gravity Falls, viu, menina.

lola aronovich disse...

Mascuzão das 15:52, combater a violência contra a mulher ou falar sobre ela não é uma questão (apenas) feminista. É dever de toda a sociedade. Vc pode ser um otário machista e ainda assim ser contra a violência contra a mulher, não pode?
E "ditadura hitleriana" é piada. Vcs mascus é que são todos neonazis, não nós feministas. Então eu sempre encaro "feminazi" como um elogio, se é vindo de vcs.

Anônimo disse...

Nada a ver anônimo, mesmo que uma pessoa faça uma redação anti feminista ela vai passar se fizer uma boa dissertação. Não é a idéia que importa, é a coesão do texto, a capacidade argumentativa, a capacidade de estruturar uma redação. Sou péssima em português e etc pq sou de exatas, mas no vestibular que eu passei foi assim.

Anônimo disse...

Eu acho nobre o tema. Sou contra qualquer tipo de violencia.

Vicky_ disse...

Vish, agora que me toquei (de novo) que esses trolls vivem no F5 em Blog Feminista, até quando eu acho que sou a primeira a comentar, tem uns cinco que já postaram, Cês devem ter todo o tempo livre do mundo, caramba. 눈_눈

Vão lá fazer o ENEM e tentar uma faculdade.

Jonas Klein disse...

Olá Lola

Eu ate achei bem interessante o enem abordar este assunto da violência contra as mulheres, agora talvez eu esteja sendo muito pessimista, mas não acredito que tratar deste assunto desta forma vá trazer alguma evolução significativa para a sociedade, quando se pensa na violência contra as mulheres. Mas se o tema violência de modo geral fosse abordado na no ensino fundamental como tema obrigatório, ai sim acho que teríamos uma diminuição significativa da violência contra todas as pessoas.

Boa tarde

Samantha disse...

Depois de uma semana tensa, onde vimos o país andar a passos largos para o retrocesso, ver que uma prova como o ENEM ter um tema feminista me consola.

Mas não me tranquiliza.

Demos muitos passos para trás nesse dia para um passo para a frente me acalmar. Estamos apenas começando, mas esse jogo está longe de virar.

Vicky_ disse...

Lola, perdão, você apagou meu primeiro comentário?

Eli disse...

Anônimo das 16:11, sair do tema da redação anula a própria, anula também se você for contra os direitos humanos de alguém. Ou seja, mascus vão ter que dissertar sobre a violência contra a mulher sem negar os direitos humanos destas. Chola mais, mascuzada.

Anônimo disse...

Não, só caiu que vai ter feminista sim e que vocês vão TER QUE NOS ENGOLIR!!! KKKKKKKKKKKKKK

DIA HISTÓRICO.

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...


Vejam bem, a gente já sabia e avisava há tempos: MACHISTAS NÃO PASSARÃO!!!!KKKKKKKKKK
Ah e CHORO É LIVRE!!!!! BUÁ...

DIA HISTÓRICO PORRA!

Anônimo disse...

Jonas Klein, mas pedir uma questão falando de Simone de Beauvoir e uma redação sobre violência contra a mulher é uma forma de "forçar" os colégios a tratar do assunto, afinal, grande parte das escolas hoje em dia, infelizmente, só tratam em sala de aula o que cai no ENEM/vestibular...
Não é uma solução, mas é um começo.

Valéria Fernandes disse...

A semana passada foi um intensivão para a redação do ENEM. Show de horrores e violência contra mulheres (*e meninas*). Bastava ser um/a candidato/a atento às atualidades e correr para o abraço. De resto, foi uma lavada de alma. Aliás, uma prova muito equilibrada, citando autores e autoras de várias vertentes, obviamente, os bobões e monstrinhos que habitam as redes sociais só irão falar em doutrinação e em Simone de Beauvoir. Espero, muito, muito, muito mesmo, que a safra de novos/as calouros/as nas universidades públicas seja uma das melhores dos últimos tempos. De resto, é beijinho no ombro para as inimigas. ;)

Anônimo disse...

Valéria, será que os monstrinhos vão ao menos escrever "Beauvoir" direito? kkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Respondendo. Lola eu não sou mascuzão e nem machista e sou contra qualquer tipo de violencia e ofereço a outra face se quiser. Mas eu sou contra qualquer movimento influenciando na politica ou na educação.

Anônimo disse...

genteeeeeeeeeeeee...para tudo !!!!
o que é esse primeiro comentário ???

nossa !!! agora bater em mulher é liberdade de escolha ??????

Ma disse...

Em suma, o anônimo das 16:45 é autoritário minha gente, já que 'movimento algum' pode debater e influenciar a educação, a não ser aquele que ele considera correto, que é o dos reacionários que não querem nenhum debate. Ah vá...

Avisando aí os machistas: sou professora de direito constitucional e para passar na minha prova tem saber defender a legitimidade da escolha do aborto, senão vai fazer a matéria novamente. Simples assim.

O Enem é só o começo...

Anônimo disse...

Eu sou Anon das 17 hs

e desculpa se eu entendi errado...
mas nao precisa ter muito conhecimento de feminismo pra fazer uma redação sobre a violencia contra a mulher.

E falar que é "doutrinação na marra" nao é nao.... fica parecendo que é contra a discussao e o combate da violencia. Desculpa se entendi errado, mas me passou essa impressao.
Pra falar sobre violencia contra a mulher vc nem precisa ser feminista.

lola aronovich disse...

Desculpa, Vicky, tinha apagado seu comentário sim. Agora taí.

Anônimo disse...

Mas nós machistas sacamos tudo dessas besteiras kkkk... Quem não sabe são os homens que não conhecem sobre feminismo ou machismo kkkk...

Só passarão feministas e nos machistas kkkkk...

E a dilma tá bem, né? Kkkkk

J.M. disse...

"Mas eu sou contra qualquer movimento influenciando na politica ou na educação."

---> Porque apenas feministas conhecem e sofrem a violência contra a mulher. Porque esse tema só interessa ao feminismo, né? Imposição de dogmas religiosos nas escolas, como vem acontecendo a torto e a direito? Contra isso certamente não se deve dar um pio...

J.M. disse...

"Mas nós machistas sacamos tudo dessas besteiras kkkk..."

---> Saca mesmo, mascuzão? Se vocês entendessem mesmo de violência contra a mulher, não seriam esses seres escrotos que são.

Leh disse...

Esses idiotas ja chegaram aqui? É muito amor.

Anônimo disse...

O corpo é da mulher, ela dá pra quem quiser! Inclusive outra mulher que, né, é claro que essa outra mulher é feminista e lésbica kkkk

Anônimo disse...

Anônimo25 de outubro de 2015 16:39
Mas nos machistas sacamos tudo dessas besteiras kkkk... Quem não sabe são os homens que não conhecem sobre feminismo ou machismo kkkk...

Só passarão feministas e nos machistas kkkkk...

E a dilma tá bem, né? Kkkkk

Responder

Leh disse...

Caralho, como eu sinto vontade de dar um tiro nesses imbecis.

Zero disse...

falando serio, de boa, queria entender uma coisa. se vocês são donos de uma convicção inabalável, como podem se sentir tão frágeis a "doutrina" oposta ?

falo serio mesmo. eu sou ateu, já lidei com assuntos religiosos no meu tempo de escola, sou o único ateu da família e nunca mesmo me senti "doutrinado" por ninguém. e olha que influencia não faltou.

sobre a questão da Beauvior, é simples de entender. e sei que vocês entenderam, mas preferem ficar provocando. sinceramente não creio que vocês precisem se reduzir a isso, a uma pessoa imatura que fica provocando quem discorda dela. fazer piada ? ok,, todos fazem com algo um dia. mas ficar o dia inteiro nisso, como uma criança (e até mesmo crianças sabem parar).

ninguém ridiculariza vocês como pessoa, e sim essa atitude imatura. vocês que começam com isso.

quer dialogar ? beleza. mas já chegar com "MEComunista" e "doutrinação feminazi" não é dialogo, não espere ser levado a serio por qualquer pessoa desse jeito.

tu tem filhos e acha que eles podem estar sendo confundidos na escola ? pergunte o que ele está estudando, tire duvidas dele, pesquise algo com ele. será extremamente proveitoso a ambos, ficar xingando mulher na internet não. ; )

Camila Bezerra disse...

Foi uma delícia de ver, pelo menis faz as pessoas pensarem. Quem for escrever besteira mascu, ficará para trás. Pelo menos isso.

Leh disse...

Vi conservadores falando que isso de doutrinação é bobagem.

Prova de que ainda existem bom senso.

Anônimo disse...

Machista no enem mas e os homi, vai lavar louça, falta de pica.

Anônimo disse...

Machistas não passarão

Anônimo disse...

Olha, só pra parar essa discussão, eu sou nasci sim, mas nas redações e provas é só eu responder o contrário do que eu penso e aí eu passo em tudo ahahhaha

Leh disse...

Anônimo Anônimo disse...
Mas vc acha que nós Mascus vamos ficar falando coisas sérias na redação, né? Jajajajjaa

Acordem queridas, nós seremos um dos primeiros a passar, juntos com nossas queridas feministas kkkkk beijinho no ombro kkkk

25 de outubro de 2015 17:49

BANDO DE CUZÃO

Anônimo disse...

Sobre machistas no enem
Machista
machist
machi
mach
ma
Molho chiplote e barbecue senhor?

Anônimo disse...

kkkkkkkkkk rindo até 2020 desses bbacas tendo que engolir um tema FODA desses caladinhos!!!
Muito, muito foda.

#CHUPAmachistinhaDEMERDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Anônimo disse...

Então você só é machista quando convém?
e a laje já bateu?

Anônimo disse...

Claro que sou machista só nas partes boas, né? Igual vcs que são feminista toda hora, menos na hora que chega a conta kkkkk

Anônimo disse...

O cara se tu é machista e se acha certo pq não dizer o que pensa?
ou sabe que tá errado...
esses caras não batem bem da bola

Anônimo disse...

Se não for sarcasmo, pode "cholar" mais kkk

Anônimo disse...

Ta bom, vou diZer o que penso, só Pq vc pediu com seriedade, ok? Penso que vcs podiam pagar a conta de vez em quando também kkkkkk

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

BOA 18:03 KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

Aham mulher de hoje em dia não divide conta né, não sei como as famílias brasileiras sobrevivem só com o salário masculino.
jumento

Jonas Klein disse...

Anon 18:02


"O cara se tu é machista e se acha certo pq não dizer o que pensa?
ou sabe que tá errado...
esses caras não batem bem da bola"

Ufaaa, ate que enfim ache alguém que concorda comigo que


MACHISMO E UMA DOENÇA MENTAL



Anônimo disse...

Se preparem que tem mais, vai ter muito mais a ditadura femazi gayzista começou

Anônimo disse...


machista é mulher ao contrário kkkk
esses caras são piada

Anônimo disse...

E que foda o G1 dando cobertura total ao tema da redação do ENEM 2015 e não abrindo comentários.... KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
tEM HOMI SE RASGANDO PRA VER SE DO LADO DO AVESSO AGUENTA MAIS, KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

agora
coloca feminismo é falta de rola
e toma zero na redação

aposto que vão falar frases clichês seus vaselina

Anônimo disse...

18:15 olha o argumento dessas porras kkkkkk
chola maisssssssssssssssssssss kkkkkkkkk

Anônimo disse...

18:16
morre que passa

Anônimo disse...

machista paga a conta com a rola

Anônimo disse...

É lógico que não vou dizer que feminismo é falta de rola, né?

Vou dizer que feminismo é algo lindo, que não se nasce mulher, que o aborto devia ser liberado, pois do jeito que tá só as ricas fazem, vou dizer que o capitalismo é a fonte de todos os males kkkkkk

Anônimo disse...

vcs não falam pq sabem que estão errados, seus putos!

Ma disse...

Anônimo das 18:15 para caras como você, não mesmo. Quem disse que lhe aguentar é tarefa gratuita?

Anônimo disse...

sei sim
puto tem que ficar com puta mesmo, é o destino.

Anônimo disse...

mas é isso aí querido 18:32 nós vamos continuar dando pra todos, pra qualquer um, MENOS PRA VC.
vai chora mais.kkkk

Anônimo disse...

É lógico que não vou falar que machismo é falta de xota né (porque rolas vocês se dividem entre vocês mascuzinhos kk).

Vou dizer que machismo é lindo, que ser homem é tudo e ser mulher é nada, que mulher tem que ficar em casa, que o aborto não deve ser liberado porque se a mulher engravida e o homem larga "foda-se" ela e o filho, que não tem nada demais dizer "vou te comer" pra meninas de 11 e 12 anos, que ameaçar meninas e mulheres de estupro não tem nada demais, que matar mulher não tem nada demais, que estuprara crianças e mulheres não tem nada demais.
Realmente países onde a misoginia reinam são de primeiro mundo(que o digam as "felizes" indianas, congolesas e árabes).
Ps: caso não tenha notado estou sendo sarcástica.

Anônimo disse...

kkkkkkkkkk então estamos quites porque eu ja pisei em muita cabeça de machista. E todos pagaram a conta. Ou vc acha que ia aguentar um machista de merda de graça?
Jamé. kkkk querido!

Anônimo disse...

enrabou teu macho

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk chola mais kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Mas a diferença entre eu e vcs é que minha bunda continua virgem kkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

esses machistas adoram ser arrombados...

Anônimo disse...

acabei de descobrir que a gente não tem vagina , so podemos dar o ku logo somos omis
nossa esses homis são tão otário kkkkk

Anônimo disse...

Anon 17:59

Tem muita mulher que ate pagaria a conta na boa e dividir mais ainda, mas para que isso acontecer os homens precisariam topar de boa, que a mulher pagasse a dela ou a conta toda, só que isso a maioria dos homens não faz (pq não quer), e quem tem experiência com homem sabe do que estou falando.


No mais o choro ta liberado.

Anônimo disse...

Então bunda virgem aproveita a deixa, vaza e vai tomar no cu!

Anônimo disse...

mas começa assim mesmo
daqui a pouco ce tá dando a bunda
já acha que mulher não tem vagina kkkkk

Anônimo disse...

Eu não pago a conta não, na hora de usufruir da boa parte do feminismo eles querem.

Anônimo disse...

hoje é um péssimo dia pra ser machista kkk

Anônimo disse...

VIRGEM PRA Q? SE DAR É BOM DEMAIS.... MENOS PRA VIRJÃO FEITO VC, BOQUETEIRO, DESEMPREGADO.

Anônimo disse...

caralho, quanto machista chorando hoje por aqui... tá lindo, chorem mais. O choro é livre.

Anônimo disse...

Virou bate papo essa caixa de comentários?

Anônimo disse...

A você errou rude. Se nem sociedade, juristas ou parlamento concorda sobre um tema, como que você vai associar desempenho acadêmico com defesa de uma posição específica?

Suponho que o seu colega de departamento seja um reação. Você acharia legal que ele dando a mêsna matéria adotasse a posição oposta de que pra passar na matéria teria que se defender o direito à vida?

Anônimo disse...

Tua bunda misógino das 18:43 já viu muita rola!!
Já te comi hehe.

Anônimo disse...

Uma minoria de validadora dá a bunda e os babacas machistas acham que "todas dão" (isso inclui a mãe deles tb kk).
São tão misóginos que tem nojo de xota e fixam falando de cu.
Bando de viado enrustido.

Anônimo disse...

A mulher fazer anal a torna validador?
Eu pensei que o feminismo defendesse a liberdade sexual das mulheres, o que cada uma faz ou deixa de fazer deveria ser problema pessoal de cada mulher

Anônimo disse...

eles desvirtuam o post pq o Enem sambou na cara deles. e dicam falando de ku, são uns merdas mesmos
Chupa@!
Enem sambou

Anônimo disse...

Macho preocupado com liberdade sexual de mulher cri cri cri
ah vão tomar cha de rola


o enem tombou e vem essas antas falar de bunda

Anônimo disse...

Vai se iludindo mascuzinho.

Sociedades pobres e machistas estão caindo.
Chola mais santa!! Chola mais.

Anônimo disse...

eu sou a favor de vcs liberarem o rabo de vcs já que tão nervosos, viva a liberdade sexual do cu dos machos.
#destranca o cu machos

J.M. disse...

Anon 19:05, ótimo comentário... :)

Anônimo disse...

Homens machistas gostam de sexo anal porque assim acham que estão humilhando a mulher

Anônimo disse...

Fui olhar os comentários do G1 e olha, recomendo pra rir um pouco. Só tem nego da ''ditadura feminazi comunista gayzista e abortista'' chorando lá

Anônimo disse...

ENEM não e uma prova, não e um exame, e um exercício de submissão ideológica.

Não e baseado em conteúdo cientifico, mas sim em em opiniões e achismos de quem tenta tornar a ideologia que segue hegemônica, nem que o aluno discorde, ele tem que marcar o que o aparelhamento ideológico lhe obriga para passar senão e reprovado, esta "prova" não passa hoje de patrulha de pensamento, não tem mais credibilidade alguma.

Anônimo disse...

A ação forçada sem dialogo vai forçar a reação, o Bllackslash

Anônimo disse...

Temos que admitir que todos machistas e misóginos já deram suas bundas!!
São todos odiadores de mulher! Não chupam xotas, só querem boquete e enrabar à força pra chegarem em reuniões mascus, reclamarem das mulheres e darem as bundas uns pros outros.
Durmam com esse barulho. :)

Anônimo disse...

É ai que vale a pena vc ter um mínimo da malandragem da arte da interpretação (não só de texto, mas a das Artes Cênicas, saca?). Escrevi o que já li por aqui, que tem que ser discutido nas escolas e blá, blá, blá. Não concordo que a violência contra a mulher seja institucionalizada. Acho que a violência em geral é institucionalizada. Mas, óbvio que não escrevi isso na redação.

Graças ao blog da dona Lola vou tirar uns 800 fácil. Valew XD.

Anônimo disse...

Aparelho ideológico não interessa!!! Interessa que a cada 1 hora e 30 minutos uma mulher é morta por violência masculina neste país. Então se não querem se conscientizar de boa vontade, que seja assim, de uma forma contundente, substancial que ficara marcada para sempre na história do combate da violência contra a mulher.

Muito, muito gratificante isso, ainda mais porque acertou em cheio a jugular do machismo, os jovens em formação que podem mudar todo esse quadro de horrores pelos quais passamos diuturnamente.

Vão ter que engolir, a seco, que essa prova do enem existiu mesmo, doa a quem doer.
Sem precedentes. Milhões de pessoas, maioria gigante de jovens tendo que pensar, refletir sobre a violência contra a mulher!!!
Que seja o início do fim de tantas atrocidades... #feminismoevida

Anônimo disse...

Coisa é certa esses mascus são misóginos que tem não só ódio como NOJO de mulher!
Antes não eram machos pra chupar, agira nem penetrar a vagina querem, só falam de enrabar porque é mais fácil gostar de penetrar anus pra não admitir que tem NOJO de mulher e gostam de machos isso sim, é só relatarem como enaltecem o sexo masculino.
Os gays são machos, os mascus é que são viados!!

J.M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Bom é o governo da Índia que aplaude meninas de 2 e 5 anos serem estupradas(porque para os trastes indianos não basta mais estuprar adolescentes e mulheres) e proibir o documentário sobre a moça estudante de Medicina que morreu depois de estupro coletivo.
Esse é um bom governo(sarcasmo mode on)!

J.M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
J.M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
J.M. disse...

"Não e baseado em conteúdo cientifico, mas sim em em opiniões e achismos de quem tenta tornar a ideologia que segue hegemônica"

---> E a ideologia defendida por você é a que incentiva o machismo, a misoginia e a violência contra a mulher tão aplaudidas por "gente" da tua laia, não é? É duro para vocês, reaças misóginos (desculpem a redundância) ver pluralismo de ideias numa prova com esta abrangência, não é? Deve ser muito frustrante ver questões relativas a direitos humanos num exame como esse em um período político tão favorável à ideologia neofascista de vocês. Pode chorar mesmo, neofascista.

Anônimo disse...

Homens machistas gostam de forçar anal porque não só tem ódio como tem nojo.
Como são enrustidos querem passar longeee da vagina!

Anônimo disse...

Quis dizer que eles tem ódio e nojo de mulher.
São uns enrustidos mal amados.

Anônimo disse...

"A única feminista virgem que conheço é o zero"


ahahahaha, essa foi ótima!

Anônimo disse...

Que isso jovem, que ódio é esse nesse coraçãozinho? Sentai ai e vamos conversar...

Anônimo disse...

Excelente, esta forçação de barra vai fazer as pessoas terem repulsa do que quer limitar suas liberdades de pensamento, o tiro vai sair pela culatra.

Anônimo disse...

ENEM não e uma prova, não e um exame, e um exercício de submissão ideológica.

Não e baseado em conteúdo cientifico, mas sim em em opiniões e achismos de quem tenta tornar a ideologia que segue hegemônica, nem que o aluno discorde, ele tem que marcar o que o aparelhamento ideológico lhe obriga para passar senão e reprovado, esta "prova" não passa hoje de patrulha de pensamento, não tem mais credibilidade alguma.

Anônimo disse...

Anon das 19:49
Como assim gays são machos? Vc ta louca minha filha

Anônimo disse...

Textos que começarem com "não sou machista mas" já estarão automaticamente eliminados segundo INEP
"E uma boa forma de nossos educadores pouparem tempo com a avaliação das provas, os alunos já são reprovados antes de saírem da sala"
Explicou porta voz
_
Democrático e técnica a valiação não?

Anônimo disse...

Deve ter sido tãooooooooooooooooooooooooooooo difícil para ~certas pessoas~ não poderem destacar uma frasezinha só da grande Simone e terem que ler o contexto todo.... que dó viu.

Anônimo disse...

Hi, hi, hi. Que zueira nessa caixa de comentários.

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

J.M. disse...

Tá, mascu das 20:04. Não é enchendo a caixa de spam que você validará teu "argumento". Vai chorar no teu G1 e outros portais de notícias. Aqui isso não cola.

Anônimo disse...

CHOREM MAIS, BOLSONARETES
Quero ver a machistada toda zerando a redação e reclamando que as feminazis roubaram a vaga

Anônimo disse...

Mais do que mascus que odeiam mulher, eles são sim, com certeza fio. Kk

Anônimo disse...

Quem acha que redação do Enem é lugar de discussão política tem mais que levar zero mesmo. É só escrever o que eles querem ler e pronto.

Bela Campoi disse...

Foi mesmo catártico, Lola! É tão importante trazer à tona esse tema e o ENEM provocou isso. Hoje sou mais otimista...!

Anônimo disse...

Eu to rindo alto do chorume despejado na páginas do bolsonaro e do feliciano kkkkkkkkkkkk
aiai "cholem" mais seus merdas, vcs que tanto contribuem para as taxas altíssimas de violência contra a mulher!! e aprendam que a violência é uma realidade

Anônimo disse...

E VAI SER COMBATIDA. DOA A QUEM DOER.

Anônimo disse...

O fato do homem ser hetero, cristão,branco e ter uma boa condição financeira o torna alvo de um ódio gratuito por certos setores militantes, devemos julgar as pessoas pelo seu caráter, falo isso poiscna Universidade Federal que estudo me sinto muito perseguido, sendo que nunca manifestei nenhuma opinião de extrema direita, apenas pelo fato de eu ser eu, isso é preconceito

Karine Wisniewski disse...

Se tivessem câmeras nas salas, iam ver meu sorrisão quando li o tema da redação. Serio, abri um sorriso de felicidade na hora, primeiro Enem que fiz, e foi um tema que conheço bem :)
E realmente, muito positivo fazer jovens refletirem sobre essa questão. Achei bacana demais

Anônimo disse...

Vamos ver se no próximo trote não vai ter "rodeio de gorda" e mulher abusada. Se tiver o filtro anti machismo não funcionou.

Anônimo disse...

CHORA MAIS 20h21 CHORA COM GOSTO, PQ ISSO SÓ PROVA Q ESTAMOS NO CAMINHO CERTO, OTÁRIO.
AH E NÃO SEI SE JÁ FALARAM, MAS POR DESENCARGO, AÍ VAI: O CHORO É LIVRE! KKKKK

Anônimo disse...

Pq vc tá gritando? E pq a raiva gratuita pelo cara?

Anônimo disse...

Existe uma forma eficaz de se combater violência contra mulher, e mulher ficar longe de homem o máximo possível. E não me venham com "aaain mas nem todo home.." Todo homem sim.

E feminismo não surte efeito neles, e bobagem tentar ensinar algo a quem não tem capacidade e absorver, homens não tem empatia por mulher e nunca terão.

Parabéns ao ministério da educação, esta medida vai ajudar a separar o "joio do trigo" eu quero ver as universidades federais com quase 100 de alunas mulheres, e quero ver o resultado disto daqui a alguns anos em forma de empoderamento e emancipação, com mulheres em cargos de chefia do estado, libertando outras mulheres com politicas publicas voltadas para outras mulheres.

Aos defeituosos de gene que sobre a vala da mediocridade social.

Anônimo disse...

É sério isso?

Anônimo disse...

20:32 RAIVA, MUITA RAIVA... E VAI TER RAIVA SIM ENQUANTO EXISTIRAM MISÓGINOS E MACHISTAS NESSE MUNDO.
MAS HOJE MEU GRITO É DE ALEGRIA... VAI TER FEMINISMO SIMMMMMMMMMM... E É PRA CHEGAR CHEGANDO, COMO FOI NESSE ENEM LACRADORRRRRRRRR...MAIS DE 8 MILHÕES DE JOVENS DISCUTINDO, PENSANDO E REFLETINDO SOBRE AS MERDAS QUE FAZEM. EU VOU GRITAR MESMO E MUITO.
ENTENDEU OU QUER QUE EU DESENHE??? KKKKKKK CHORA, MACHISTA DE MERDA!!!

Anônimo disse...

E teve mais! Recebi esse whatsapp hoje:
"Os coxinhas e a elite fétida deste País devem ter vomitado na prova do Enem ao verem fragmentos de textos e concepções das idéias de Paulo Freire (o disseminador de ideias revolucionárias para as camadas populares), Milton Santos (Geógrafo Negro!), David Harvey (seguidor das ideias Marxistas), Sergio Buarque de Holanda (falando dos interesses particulares que imperam na esfera pública), Ziraldo com suas caricaturas para criticar um dos piores momentos da historiografia brasileira (a praga da Ditadura Militar tanto requisitado pelos coxinhas!), Zizek com um texto ácido sobre imperialismo carnificina norte-americano, e o ponto máximo Simone de Beauvoir ao citar "Ninguém nasce mulher: torna-se mulher". Questão de gênero para um tapa na cara da Família conservadora. Será que os coxinhas elite-fascistas para não dá o braço a torcer pontuaram questões discordantes? O ENEM é Socialista! O ENEM é cubano! (risos!)"
Espero que quem tem noção da realidade entenda o tom irônico e de felicidade do texto. ...

Anônimo disse...

*MERDAS QUE OS MACHISTAS FAZEM. BJ NO OMBRO

Anônimo disse...

Sim, o machismo merece nosso desagravo, mas em nenhum momento o cara se mostrou machista; só pq ele tem as as características que ele disse ele merece seu ódio?

Damares disse...

Eu presto medicina, leio o seu blog e fiz a redação hoje, imagina a minha felicidade em ver esse tema sendo abordado Lola ❤️

Anônimo disse...

Não importa se o homem é branco, preto, azul, com bolinhas ou transparente (que não se vê pq não interessa kkk). Importa é se ele é machista ou não. E isso vamos combater sempre, doa a quem dor.

Anônimo disse...

Lindo de se ver, quanto menos homem em universidades mais seguras elas se tornarão para quem realmente precisa, nós mulheres. :D

Anônimo disse...

Anon das 17:18
Continue se iludindo com isso, querido. Como vcs machistas sempre se iludiram de que possuem alguma importancia relevante no mundo. Especialmente no das mulheres.
Beijinho de luz no seu ombro recalcado. ;*

Anônimo disse...

Quando eu li o tema hoje me lembrei na hora desse blog.
Obrigado por me dar munição pra escrever o texto Lola, certeza que tiro 900 ou perto disso.

Anônimo disse...

Imaginando a cara dos machões tentando desconstruir seus conceitos para serem menos cretinos na prova!!! Prevejo muuuuuitos zeros, quase a totalidade de zeros pra homarada... rsrsrsrsrsrs!

Anônimo disse...

É uma forma do enem dizer "quer fazer uma faculdade? Vai virar gente primeiro e menos homem"
kkkkk, lindo dia.

Anônimo disse...

Ano que vem no ENEM:
"Uma mulher sem um homem, e como um peixe sem bicicleta"
Gloria Stein

kkkk, quanto mais mulheres livres mais lindo o mundo, homens aceitem que doí menos vocês são coisa do passado, a futuro somos nós entre nós, irmãs entre irmãs.

Anônimo disse...

Machistas não passarão Emoticon heart

Anônimo disse...

Gente, trabalhei como fiscal no ENEM e vcs não fazem ideia da quantidade de homens que saíram sem fazer a redação kkkkkkkk Melhor que cotas não é mesmo? lol

Anônimo disse...

Adorei!

#machistasnãopassarão

Anônimo disse...

É preciso ser gente pra entrar na faculdade, machistas não tem vez.

Anônimo disse...

Anon das 20:21
Realmente hoje o nosso perfil é o verdadeiro perseguido da sociedade, eu também sofro muito preconceito, dá para ver o ódio gratuito nessa caixa de comentários.

Anônimo disse...

se tá vendo o ódio gratuito, o que tá fazendo aqui?
masoquista?? kkk vaza, porra.

Anônimo disse...

Já imaginaram que com esse ENEM teremos o maior número de mulheres entrando na universidade da história do Brasil?

E imaginem as consequências disso: menos homens escrotos na universidade significa a diminuição de estupros dentro dos campi, menos assedio, menos heteronormativismo.
E depois mais pesquisadoras mulheres, agora empoderadas, e depois mais professoras mudando a realidade,e depois a quase totalidade de cargos públicos ocupados por mulheres que irão dar preferencia mais que necessária nas politicas publicas para mulheres e crianças, mas autonomia feminina na sociedade, que vai torna-las menos propensas a aproximação com homens a relacionamentos abusivos com eles

Isto e pura revolução em andamento meninas. imaginem a paz de aulas de aulas somente de meninas discutindo assuntos de gênero e se apoiando? Sonho.

Anônimo disse...

"Pai o que e biologia?"

"Não sei filhx, sou tua mãe"

Anônimo disse...

Anônimo das 20:07 ele deveria ser eliminado mesmo, pq o pedido é por uma DISSERTAÇÃO. O senhor devia saber que em dissertação não se usa primeira pessoa. Chola mais.

Jonas Klein disse...

Olha gente apouco me passou um negocio pela cabeça, e acho que sem querer descobri o porque o governo propôs este tema da violência contra a mulher como tema de redação do enem.

E que o governo quer desviar atenção da população dos assuntos políticos e econômicos do pais, ao como se sabe que o assunto violência conterá mulher gera muita discussão, ainda mais com tema sendo levantado desta forma, se o governo queria achou uma boa distração para as massas.

Anônimo disse...

realmente, violência generalizada e institucionalizada contra a mulher é distração...distração que mata, violenta, silencia, que desumaniza. Tá serto.
Não sei sinceramente o que esse misógino machista desse jonas ainda faz por aqui.
Você é simplesmente rídiculo. sempre achei, agora tive certeza.

Anônimo disse...

Onde VC dá aula mesmo?Sou mulher,faço Direito,sou contra o aborto e esse sua postura é totalmente abusiva,só ficará igualitária se fizer como o colega acima falou:pra passar na sua prova o aluno TAMBÉM tem que saber defender a legitimidade do direito á vida.
Fala de fascismo,liberdade de escolha,liberdade de expressão e quer tolher os direitos do aluno a terem suas próprias opiniões??!!
A mesma moeda tem duas faces!!Defendo a liberdade de expressão e não a coação de alunos no livre pensar das suas idéias.
Coloca o rosto no sol porque a OAB precisa saber que alunos estão sendo coagidos!!!

fernanda melo disse...

Gente é preocupante o numero de pessoas que não sabe nem interpretar um texto. Gente o que tem a ver com ideologia de gênero a questão da Simone de Beauvoir? Nada. Eles histericos levando a frase no sentido literal. Nunca pensei que veria tanta gente com medo de feministas e gays. Pior foi o face do Feliciano ( pra que que eu fui entrar) e do Bolsonaro. Gente. Nunca pensei que fosse tão serio isso. Mas levando em conta o que o Cunha fez essa semana eu acho que sim a coisa é muito preocupantw

fernanda melo disse...

Se a coisa continuar do jeito que esta vai ter muito retrocesso. Por que tem gente que apoia as ideias do Feliciano e do Bolsonaro

Anônimo disse...

Feministas comemorando que nenhum homem vai passar no ENEM por conta deu ma redação, filhona homem mente pra te comer o tempo todo, você acha que vamos perder tempo em mentir para um pedaço de papel.

Anônimo disse...

Hahahaha
É verdade, se o homem mente para ter sexo com uma mulher pq ele não vai mentir em uma redação

Anônimo disse...

Coloca o rosto no sol porque a OAB precisa saber que alunos estão sendo coagidos!!!
-
Exatamente, isto e cerceamento de opinião, quer dizer que se o aluno não concordar com o posicionamento PURAMENTE IDEOLÓGICO dos responsáveis por isto eles devem ter suas vidas educacionais prejudicadas? Desde quando se defende igualdade com patrulha ideológica?

Anônimo disse...

É um ótimo tema e um tapa na cara IMENSO pra sociedade.
Porém o Enem tá muito elitista. Vamos sair da bolha da internet e ver que fora daqui, a maioria não conhece militância nem os autores trabalhados.

Jonas Klein disse...

Anons 21:36 e 21:45

Eu não uso mascara, pois tenho coragem para dizer o que penso e assumir a responsabilidade por isso, e que eu não sou mais criança nem adolescente, para acreditar em numa casualidade destas sem ficar com duvidas, pois e muita casualidade que em 13 anos e só agora o governo federal petista, resolve levanta esta discussão no enem.

Eu não disse que discutir este assunto não e importante, mas justo agora quando o governo atravessa a sua pior crise, e de ficar com pulga atrás da orelha.

Anônimo disse...

Afff, sou obrigado a concordar com o Jonas, estamos no maior escândalo de corrupção do mundo, o governo tá numa crise seríssima, e não cai nada disso nas questões??? Isso é manipulação.

Alana disse...

"Excelente, esta forçação de barra vai fazer as pessoas terem repulsa do que quer limitar suas liberdades de pensamento, o tiro vai sair pela culatra."

Como assim uma redação dissertativo-argumentativa sobre um problema social tãããão recorrente é uma "forçação de barra que vai fazer pessoas terem repulsa do que quer limitar sua liberdade de pensamento"? Não é algo exclusivamente feminista.

E pra quem acha que expor/debater temas tipicamente feministas não dá em nada, esse blog mudou minha vida.

Anônimo disse...

E pra quem acha que expor/debater temas tipicamente feministas não dá em nada, esse blog mudou minha vida. (2)

Anônimo disse...

Vamos falar de violência domestica.
Vc sabe que violência domestica não e só babaca que bate em mulher não sabe? Há índices alarmantes sobre violência domestica contra crianças e idosos também, e advinha que são as maiores algozes destas violências? Surprise surprise, MULHERES, que são as maiorias das cuidadoras, mas nem por isto vou considerar toda mulher como agressora de crianças e idosos nem tachar como "cultura de espancamento de cranças e idosos" mas sim como indivíduos que comentem ou não ações de violência.
E isto o que vocês coletivistas fanáticos não entendem, ate porque seguem o com´portamento de manada ideológico.

Anônimo disse...

E pra quem acha que expor/debater temas tipicamente feministas não dá em nada, esse blog mudou minha vida. (3)

Anônimo disse...

Violência contra a mulher é tão grave que morrem mais homens assassinados pela parceira(o) que o contrário mas a manipulação na apresentação dos dados sempre se sujeita à narrativa ideológica.

Anônimo disse...

moças, meninas, mulheres, irmãs, esse é o ínicio da revolução... estamos no caminho certo!!!

Anônimo disse...

Indo para o ENEM:
http://www.lmmt.com.br/site2015/wp-content/uploads/2015/09/jon-snow.jpg
Voltando do ENEM
http://s2.glbimg.com/fXz-0z39j16yKEopS9pfh-BYHYk=/620x0/s.glbimg.com/jo/eg/f/original/2014/10/07/dsc7814.jpg

Anônimo disse...

Nossa "machão" das 21:50!

Tão esperto vc. Sqn!
Querido só bobas, otárias e sem amor próprio são enganadas por tipinhos se caráter como vc.
Se vc acha homem tão maravilhoso e superior pq não cada com um seu enrustido?
Andam mentindo muito pra vc hein? Se é que vc me entende kkk.

Anônimo disse...

"Ninguém nasce mulher,torna-se mulher"
" é o conjunto da civilização que elabora um PRODUTO INTERMEDIARIO entre o macho eo castrado"


Eu NASCI mulher,não me tornei mulher, tenho hormônio s femininos,órgãos genitais femininos e não sou produto intermediário coisíssima nenhuma.

Qualquer pessoa escreve o que quer,eu posso escrever um livro falando que ninguém nasce assexuado, que todo mundo nasce hermafrodita, ou que nós somos descendentes das baratas.
Taty

Alana disse...

Ai, ai, ai

"Ninguém nasce mulher: torna-se mulher. Nenhum destino biológico, psíquico, econômico define a forma que a fêmea humana assume no seio da sociedade; é o conjunto da civilização que elabora esse produto intermediário entre o macho e o castrado que qualificam de feminino."

Aí o tão falado trecho de O segundo sexo, por Beauvoir

Sabe interpretar isso aí? Dica: não é tanto sobre ter hormônios femininos, orgãos genitais femininos e coisa e tal.

Por acaso você é bem versada em teorias feministas, Taty?

Anônimo disse...

O próximo passo vai ser a adoção do artigo neutro x na prova do ENEM

Anônimo disse...

Fiz a redação do enem hoje e dissertei: o porquê da própria pergunta ser sexista? Nós vivemos em sociedade,somos homens,mulheres,crianças,idosos,homossexuais.
E a violência contra os idosos?contra as crianças?contra os homens?contra os jovens?contra os professores?
A violência de um modo geral,persiste por causa das nossas leis fracas,conheço pessoas que cometeram crimes terríveis,inclusive sequestro de criança,e já estão livres,leves e soltas.
Conheço uma pessoa que sequestrou uma criança,a criança morreu e ele só ficou 5 anos preso!! e hoje está terminando a faculdade de Direito.
Leis fracas,polícia enxuga gelo,menores de idade sem punição,tudo isso contribui para uma explosão de violência no geral.
Levantei outro ponto no meu questionamento:e a violência da mulher agressora?
Suzana Richtofen que é mulher, já está em liberdade.Qual é a mensagem que o judiciário está passando pra sociedade brasileira?Um crime famoso e a assassina já está solta.
Enfim,se pegarmos os números da SSP veremos que a violência atinge a nós todos,inclusive homens ,como meu vizinho que chegando na porta de casa em Diadema foi assaltado e baleado.
Sou contra todo tipo de violência, não importando se é mulher,homem,criança,idoso etc
E espero que os próximos temas sejam bem mais abrangentes porque a culpa da violência é,principalmente, do nosso judiciário e dos direitos humanos que tratam bandido como coitado.
Foi mais ou menos isso que escrevi,e tenho certeza que todos podem dar suas opinioes, sem serem coagidos ou taxados disso e daquilo.
. Taty

Anônimo disse...

Vc vai ser reprovada, não escreveu o que eles queriam ler

lola aronovich disse...

Parabéns, mascutaty, com certeza vc passou! Da próxima vez, só pra melhorar um pouquinho sua nota (que deve ser zero), se alguém perguntar: "Quais os efeitos danosos das jujubas amarelas?", procure NÃO responder com "E as jujubas verdes? E as jujubas vermelhas?". Algumas pessoas injustas e bolivaristas podem achar que vc fugiu da pergunta...

J.M. disse...

Esses reaças e mascus não tem a mínima noção do que seja um tema específico de redação. Machismo é mesmo um problema mental...

J.M. disse...

*têm

J.M. disse...

"Exatamente, isto e cerceamento de opinião, quer dizer que se o aluno não concordar com o posicionamento PURAMENTE IDEOLÓGICO dos responsáveis por isto eles devem ter suas vidas educacionais prejudicadas? Desde quando se defende igualdade com patrulha ideológica?"

---> Discutir um problema social gravíssimo é patrulha ideológica? De onde vocês, misóginos, tiram tanta falta de noção? Na redação você deve expressar seus conhecimentos sobre o tema proposto. Se o que você sabe sobre violência contra a mulher são apenas absurdos das páginas de olavetes, bolsonaretes e de colunistas da Veja, faça bom uso dessas "informações". Mas esteja preparado para receber uma nota à altura.

Anônimo disse...

Eu vou ter um prazer tão grande em dar zero pra quem tentar mudar de assunto ou defender a violência contra mulheres. Não vejo a hora!

Anônimo disse...

As pessoas falam como se o ENEM fosse uma entidade determinante na sociedade, como se as pessoas que discordam do tema da redação fossem reprovar por isso.
Eu defendi ferrenhamente o sistema socialista enquanto participava das aulas e debates em sala de aula desde o ensino médio mas no mundo real acho uma ideia ridícula e fantasiosa, assim como muitos temas referentes ao feminismo e outros movimentos.
Isso não quer dizer que discordo ou concordo com este tema específico do ENEM, só quero dizer que mentir e dizer o que os avaliadores querem ouvir é uma prática comum a muitos alunos e eles não vão necessariamente pensar daquele jeito.
Além do mais, não creio que discorrer sobre a violência contra a mulher ajude muito, ninguém (normal) nunca vai dizer que é a favor da violência, mesmo que chegue em casa batendo na mulher, dando cascudo no filho e chutando o cachorro.

Rafael disse...

Jonas, você podia alfabetizar-se politicamente antes de ficar vomitando besteira aqui.

O assunto é pertinente e eu diria até mais importante que qualquer escândalo de corrupção.

Da corrupção, temos tratado. O Brasil hoje investiga, pune e recupera dinheiro desviado, mesmo que tenha sido apenas contra um determinado grupo político. Mesmo que seja contra o lado contra o qual eu mais me identifico. Um avanço inegável comparado às atrocidades cometidas nos anos 90 sem sequer haver reverberação na mídia, quiçá uma simples denúncia.

Da violência, mesmo com todos os avanços, parece que ainda estamos arranhando a superfície de um problema gravíssimo.

Vitor Rodrigo disse...

A prova não tratou em momento algum sobre feminismo. Você claramente não sabe o que é feminismo. A prova tratou de uma Realidade brasileira constatada. A violência contra a mulher existe e protagoniza os casos de violência doméstica que é considerado um problema de saúde pública no nosso país (e isso foi somente uma exemplificação, a violência contra a mulher não se limita a a violencia domestica, nem de perto). Conheça a realidade em que vive, saia da bolha. O enem não tratou sobre feminismo e sim sobre cidadânia.

Anônimo disse...

MEC - Ministério da Educação Comunista

Anônimo disse...

Eu sou mulher e faço contrário: Desejo que todos: homens e mulheres,gays e transsexuais passem e conquistem seus objetivos.
Ah de quem é a frase :Mais amor por favor!
Aposto que foi uma das que colocaram fotinha colorida no face e agora fica desejando o mal dos outros.

Anônimo disse...

"Olha gente apouco me passou um negocio pela cabeça, e acho que sem querer descobri o porque o governo propôs este tema da violência contra a mulher como tema de redação do enem.

E que o governo quer desviar atenção da população dos assuntos políticos e econômicos do pais, ao como se sabe que o assunto violência conterá mulher gera muita discussão, ainda mais com tema sendo levantado desta forma, se o governo queria achou uma boa distração para as massas."

Cara, pela primeira vez eu concordo totalmente com um comentário seu.

Anônimo disse...

Pra quem não acredita em privilégio cis tá aí, podem chorar radfems mas a prova foi EXTREMAMENTE transfóbica e condizente com a mentalidade de ostra da nossa sociedade.

Anônimo disse...

MEC - Ministério da Educação Cis

Anônimo disse...

De onde os machistas tiraram que a Simone de Beauvoir era ativista em favor da pedofilia? Achei uma cacetada de textos sobre isso mas tudo de site de direita, gostaria que alguém mais engajado no movimento me explicasse isso.

Anônimo disse...

Um menos parcial que encontrei foi na Folha de São Paulo

http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u20490.shtml

"O programa dos ecologistas alemães comportava até os anos 80 uma demanda de legalização das relações sexuais dos adultos com os menores, segundo o "Le Figaro" que, por outra parte indica que, em 1977, personalidades de esquerda _entre eles Simone de Beauvoir, Jean Paul Sartre e os atuais ministros Jack Lang e Bernard Kouchner_ assinaram um manifesto protestando porque três homens haviam sido condenados por terem mantido relações com crianças de 12 a 13 anos. O documento pedia que se modificasse a lei sobre os menores."

É duro saber o que é propaganda de direita e o que é verdade na internet.

Anônimo disse...

Feminismo = Pelo fim da violência contra a mulher.
Igualdade= pelo fim da violência contra todos.

Anônimo disse...

Este ENEM vai se importante para diminuir os casos horrendos estupros na universidades federais,se quem estupra é homem, quanto menos homem, menos estupros. Estatística.

Boobjuggler_Thundercunt disse...

Povo acha que violência contra mulher é só espancamento. "Só homem doente faz isso", me engana que eu gosto, é só abrir qualquer portal de notícia pra ver que o que não deve faltar é homem doente no mundo então, essa doença tá associada ao cromossomo Y? E ainda que essa é uma violência mais evidente, mas e as outras?

Violência contra mulher é ganhar menos que homem no mesmo cargo e função, o que representa que a mulher precisa trabalhar de um ano que um homem para ganhar o mesmo que ele. Dupla jornada é violência contra mulher, cerceamento na prática dos direitos reprodutivos também ou alguém aqui acha que uma mulher com mais de 25 anos e sem filhos consegue fazer laqueadura no Brasil, mesmo a lei autorizado?

É também, na prática, estar a 2cm de não conseguir realizar o atendimento de emergência posterior a um estupro com profilaxia da gravidez, que no andar da carruagem o seu Cunha vai votar e revotar até aprovar essa merda e impedir, na prática, que mulheres EVITEM FAZER ABORTO, gente vocês têm noção da incoerência que é defender a "vida" (do feto somente) e ao mesmo tempo querer impedir que uma mulher ESTUPRADA evite ter que realizar um aborto depois?

E falando em aborto "legal", violência contra mulher também é ter que viajar milhares de KM até São Paulo pra tentar atendimento porque suas cidades de origem recusaram o procedimento, permitido pela lei, com médicos alegando "problemas de consciência" e exigindo autorizações que a justiça mesmo não existe, inventando requisitos que não existem na lei.

Violência contra mulher é o que aconteceu com a Valentina, e com todas as Valentinas do Brasil, qual mulher não sabe que com 6, 7, 8 anos você já não recebe cantadas, passadas de mão e tem seu corpo como coisa absolutamente vergonhosa e invadível? No momento em que se diz para crianças que roupas curtas distraem meninos, você ensina desde criança que de homens não é necessário cobrar nenhum controle e de mulheres, mesmo crianças, ainda que se controlem e se cubram e se escondam o fato de terem nascido mulheres já é um pecado em si mesmo.

Estupro coletivo? Violência. Revenge Porn? Violência. Aliás esse último tanto é violência que as pessoas não compartilham só a foto das mulheres nuas ou fazendo sexo e sim isso mais o perfil do facebook, do Twitter, onde mora, onde estuda... se o objetivo fosse apenas ver corpos, não haveria necessidade disso não é? Mas fazem porque o propósito é humilhar e destruir a vida de mulheres, mesmo as muito jovens.

Ser uma mulher casada e estar em idade fértil desfavorece a pessoa na hora de arrumar um emprego porque toda uma cultura machista presume que mãe é mãe mas pai é só babá eventual que cuida de vez em quando. Violência também.

Mulher NÃO TEM a mesma liberdade de ir e vir que um homem. A um homem nunca se pergunta o que ele estava vestindo e por que não estava acompanhado de alguém. Na imprensa, o nome das pessoas que estupram homens aparece e na manchete nunca se fala em SUPOSTO estupro ou SUPOSTO estuprador. A palavra de um homem tem valor imediato enquanto que a de uma mulher, vale menos inclusive à luz das autoridades policiais que não raro dissuadem o registro de queixa e o seguimento de inquéritos.

A falta de noção básica sobre os fundamentos do consentimento é violência contra a mulher também.

Inventa-se toda uma tecnologia pra homem não ter o seu corpo invadido na hora de um exame retal mas mulher que se dane, pode arreganhar desde que nasceu e se reclamar é frescura.

Histeria, anorgasmia, doenças inventadas com remédios inventados. Manda mais violência que tá pouco.

Esse Enem foi uma necessidade para a juventude brasileira mas quem de fato foi colocado à prova foi a sociedade.

Jonas Klein disse...

Lola sem querer abusar da sua boa vontade mas talvez já abusando, eu te agradeceria de coração de você apagasse o comentário da anon 25 de outubro de 2015 21:45

E que esta pessoa me fez uma acusação que para mim particularmente e muito grave, eu ate sou aberto a criticas mas aquilo foi demais, e você já me conhece a mais de um ano, e sabe que o que esta anon disse não me descreve em nada.

Anônimo disse...

Na sala que eu fiz a prova entre dezenas de meninas só tinha quatro homens, lindo de se ver, somente pela educação podemos empoderar nossas manas e construir uma sociedade melhor para mulheres viverem.
Hoje já mais da metade dos alunos de curso superior são mulheres, com medidas assim o numero só tende a melhorar ainda mais

Anônimo disse...

Jonas aqui tu e peixe fora d´água babaca, ta bom que uma feminista vai apagar o comentário de outra feminista para privilegiar um homem.

fernanda melo disse...

Sem mais

Mila disse...

Concordo com o tuíte acima. Não é preciso ser feminista para ver a realidade da violência doméstica. Teve que criar lei para tornar as penas menos brandas, para aumentar as denúncias e diminuir a retirada de queixas. Atualidades básicas.

Em tempo, muita gente reclamou da "orientação ideológica" da prova. Sério? Nos processos seletivos que fiz, a gente teve de saber de Santo Agostinho a Marx; Aristóteles, Sócrates, Platão, Hume, Adam Smith, Keynes e nenhum esquerdista nunca ficou tanto de mimimi com a diversidade de pensamentos que tivemos de tratar.

No mais, haja balde para tantas male tears dessa prova. Dava pra encher a Cantareira.

Anônimo disse...

Na sala que eu fiz a prova entre dezenas de meninas só tinha quatro homens,
+++
Um sonho S2 S2

Anônimo disse...

realmente, violência generalizada e institucionalizada contra a mulher é distração...distração que mata, violenta, silencia, que desumaniza. Tá serto.
Não sei sinceramente o que esse misógino machista desse jonas ainda faz por aqui.
Você é simplesmente rídiculo. sempre achei, agora tive certeza. (2) clap, clap, clap.

lola aronovich disse...

Jonas, embora eu não te considere um "misógino machista", como escreveu x comentarista das 21:45, a pessoa tem o direito de achar isso. Se vc não concorda com isso, ignore.

Anônimo disse...

Chororô, chororô, chororô... incrível a quantidade de mascu chateadinho porque isso não é sobre uszómi machistas e o quanto eles sofrem porque as mulheres não querem dar pra eles, o governo não lhes dá bolsa panicat, nem cotas pra comprar camaros nem derrubam cargos públicos nos seus colos pra eles ficarem ricos sem trabalhar. Bom, que se explodam de raiva até só restarem os pedacinhos. Ninguém liga pro que eles querem.

E olha as velhas figuras aparecendo aqui! O cara dizendo que homens morrem mais que mulheres nas mãos dos cônjuges (cof cof, mentira, cof cof|) é o tal do Alberto, que vivia com aquele papo furado de 6% vs 40%? Ele voltou só pra aporrinhar? E o mascu das 21:47, com sua escrita inconfundível, tentando se passar por mulher estudante de direito? KKKKKKKKKK! Esse foi o post da nostalgia, os ex-trolls voltaram só pra reclamar que finalmente alguém está prestando atenção no problema da violência contra a mulher e eles vão perder os privilégios de negar que violência contra a mulher existe e praticá-la sem serem punidos. Chorem, mascus, chorem que hoje eu quero encher minha piscina de male tears!

Claudia disse...

Boobjuggler_Thundercunt, perfeita sua postagem. Especialmente o "Esse Enem foi uma necessidade para a juventude brasileira mas quem de fato foi colocado à prova foi a sociedade." Lindo <3

Anônimo disse...

"Jonas, embora eu não te considere um "misógino machista", como escreveu x comentarista das 21:45, a pessoa tem o direito de achar isso. Se vc não concorda com isso, ignore"

Legalmente falando você tem responsabilidade civil sobre os comentários aqui postados. Em especial, os que não há como identificar o autor.

André disse...

"Eu NASCI mulher,não me tornei mulher, tenho hormônio s femininos,órgãos genitais femininos e não sou produto intermediário coisíssima nenhuma." Taty

Isso me lembrou aquele filme: Nasceu Burro, Não Aprendeu Nada e Esqueceu a Metade.

André disse...

Jonas,

A discussão de gênero nas escolas foi defenestrada por reaças conservadores, o Cunha está tentando aprovar umas sharias aí no congresso, babacas de todos os tipos promovendo o Bozomito, a imprensa está cada vez mais reaça e você não acha razoável o tema da redação? Aí é chamado de ridículo e misógino e quer censurar uma feminista num blog feminista? Se não concorda com 21:45 não prove que ela está certa.

Anônimo disse...

Acho que é o contrário anônima 19:08,na Dinamarca,o país mais feminista do mundo,e o país onde a mulher ganha igual ou mais que um homem, o governo está implorando desesperado para a população ter filhos.
Se eles abrirem as porteiras pros muslim,com certeza em pouco tempo serão substituídos.

Jack Salvatore disse...

Ok mas quantos % das mulheres no Brasil já apanharam? de todas, to falando de todas mesmo, engraçado que esses dados a mi´dia nunca divulga

André disse...

9:17,

É verdade. Mas como enquadrar a 21:45? Ridículo, machista e misógino não são crimes então caberia no máximo a injúria ou difamação, embora talvez se possa tentar uma exceção da verdade. Vai ter que usar uma ameaça mais forte que essa para apagar o comentário da 21:45.

André disse...

Jack Salvatore,

Tudo indica que você cabulou a aula hoje. Seus pais estão sabendo? Pelo seu comentário você não tá podendo deixar de ir na escola não.

André disse...

09:53,

Acabei ficando confuso. É pra parar com as viadagens e esquerdismos em geral ou é para continuar?

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 351   Recentes› Mais recentes»