sexta-feira, 2 de agosto de 2013

COISAS QUE NINGUÉM DIZ PARA MENINAS GORDAS

A Lígia encontrou um post em inglês, recomendado por uma amiga, e perguntou se eu queria que ela o traduzisse. Claro, né? O texto é ótimo, e quem sabe inglês pode lê-lo aqui no original. As belíssimas fotos foram tiradas do Body Image. Super obrigada, Lígia, pela dica e pela tradução!
Há coisas que nunca são ditas para garotas gordas. Então eu vou dizer:
Todo mundo tem dobrinhas quando se curva. Todo mundo. Vamos deixar isso claro logo de cara. Nos últimos meses, mais de trinta mulheres, das mais magricelas até as mais gordinhas, se deitaram nuas na minha cama. Eu geralmente pedia que elas abraçassem seus joelhos, e vocês não vão acreditar: todas tinham dobrinhas na barriga. 
Nenhuma saiu ilesa. Até uma modelo, medindo 1,80 de altura, tinha dobrinhas na barriga. As fotos que mostravam a barriga das fotografadas se tornaram minhas preferidas de todo o projeto... Então pare de achar que as dobrinhas na barriga são uma coisa ruim, e tente aceitar (ou até mesmo amar) as suas.
Quando as pessoas disserem “você é linda”, acredite. Eu costumo não acreditar, e isso é uma vergonha. 
Quando as pessoas te fazem um elogio genuíno, é porque é isso que elas veem. Tente não achar que elas estão erradas. Elas veem você como um todo; nós vemos nossos defeitos. Acredite nelas.
Braços que balançam são uma vergonha”. Não são, não, vá se f*der. Não, não você. As pessoas que nos dizem isso.
“Você não é deslumbrante apesar do seu corpo. Você é deslumbrante por causa do seu corpo”. Há uma grande diferença aí. Eu cresci numa cultura que classifica mulheres pouco atraentes como “espíritos especiais”. Essa é uma categorização degradante, que implica que a única coisa de valor é o interior das mulheres. Claro que nós todas somos muito mais que nossos corpos, mas nossos corpos também são uma parte bonita do que nós somos. A beleza vem de dentro e de fora. Eu acredito firmemente na ideia de que toda e qualquer pessoa é bonita e, portanto, o interior é a parte mais reveladora quando se trata da verdadeira “beleza”.
Você não precisa malhar todos os dias para se sentir bem consigo mesma. Muita gente acredita que pessoas gordas precisam se exercitar o máximo possível para provar que estão decididas a se tornar menos gordas. Como se aceitar nosso corpo como ele é fosse um pecado mortal. Claro que o exercício físico tem diversos benefícios para o corpo e para a mente, mas você não precisa se esforçar para mudar seu corpo a menos que essa seja a sua vontade. Você não precisa mudar o seu corpo para se sentir bem. E ponto final.
Você pode se apaixonar por si mesma. Essa vai ser a coisa mais assustadora que você irá fazer, mas tudo bem. Porque essa também será a mais fantástica experiência que você terá na vida (mesmo que gradual). Isso não é ser narcisista ou convencida. É simplesmente libertador.
Tudo bem também se você não se amar todos os dias. Nós passamos nossa vida inteira internalizando mensagens de que ser gorda não é legal. 
Sofremos a vida inteira uma lavagem cerebral que nos faz odiar ser quem somos. Demora pra gente conseguir pensar de outra maneira; não vai acontecer de um dia para o outro. Se dê o direito de chorar, soluçar, gritar, atirar coisas. Mas então se levante e siga em frente, porque você é uma guerreira.
Todo mundo tem um peito maior que o outro. Se você tiver um peito grande, eles serão ainda mais diferentes entre si. Não se preocupe, isso é completamente normal.
Há pessoas que preferem mulheres gordas. Antes eu achava que o melhor que eu podia fazer seria encontrar alguém que aceitasse o fato de eu ser gorda. Mas então descobri que não somente existem pessoas que adoram mulheres gordas, mas que existem MUITAS pessoas que preferem as gordas. Não se conforme com um parceirx que meramente aceite seu corpo. Você tem o direito (e milhares de oportunidades) de achar alguém que se apaixone pelo seu corpo. Você merece ser idolatrada, moça!
Mulheres gordas transam com caras gostosos o tempo todo. Eu sei que “gostoso” é um termo relativo, mas vamos falar aqui daquele tipo universal de homem gostoso. Sabe, aquele que “as gordas não merecem?” Infelizmente vocês sabem do que eu estou falando. O fato de mulheres gordas transarem com caras gostosos foi uma das maiores descobertas que eu já fiz. Antigamente eu achava que o número de pessoas que me achariam atraente seria muito pequeno, então eu me contentaria com qualquer um que me achasse atraente. Afinal, por que um cara convencionalmente bonito iria gostar de uma garota gorda? 
Acontece que por meio da internet, de festas e eventos, eu acabei descobrindo centenas de homens que brigariam para transar comigo. De repente, eu é quem estava escolhendo com que eu queria transar. A ideia de que pessoas com corpos “atípicos” não podem se juntar com aquelas “tipicamente atraentes” é falsa. As pessoas precisam saber que todos os tipos de corpos podem ficar juntos.
Ficar por cima na hora do sexo não vai machucar o cara. Confie em mim, esse medo é totalmente falso.
Vestir o que você quiser é um ato político. Participe da revolução. Jogue todas as regras de estilo pela janela. Use roupas justas, listras horizontais, calças skinny, leggings, blusas transparentes, biquínis... use aquilo que te faz feliz.
Você é linda! Eu sei que você não se sente a criatura mais bonita desse mundo. Eu sei que isso é difícil. Eu sei que essa é uma batalha diária. Mas que se f*da o padrão fascista que foi estabelecido. Assim que você parar de olhar para as modelos absurdamente magras e passar a olhar para VOCÊ, você passará a gostar de si mesma como você é. Pare de procurar defeitos em você. Você é perfeita. Você é mais do que suficiente. Você é a melhor coisa que já te aconteceu. Você é linda.

105 comentários:

Adriana disse...

Lindo esse post. Lindo mesmo.
Mas acho que as meninas magras, que se preocupam com a aparência ALHEIA deveriam e muito ler esse texto.
Elas fazem a vida das gordinhas um inferno tbm.
Não suporto ouvir minha cunhada dizendo: "nossa, que menina gorda" ou "ela ta linda pq ela ta bem magra e sarada", como se tipo, se vc está "acima do peso" (QUE PESO???) vc nao pudesse ser feliz, ser amada e se amar.
Muitas vezes as gordinhas se aceitam, mas as magras detonam a nossa autoestima!
EXPERIÊNCIA PRÓPRIA.

otomes disse...

Apenas declarando que, se não aparecer gordofobia disfarçada de preocupação com a saúde nesse post ficarei muito feliz.


aliás ótimo texto, todos deveriam lê-lo.

Flavio Moreira disse...

Bonito e emocionante.
Tantas pessoas precisam ler isso, não só as gordas.
É bom ver que existem pessoas quebrando paradigmas que se cristalizaram através dos tempos e da ignorância coletiva.
É maravilhoso ver atitudes libertadoras como a da autora e das pessoas que posaram para ela.
Levantou meu astral e pôs um sorriso no meu rosto. Vou compartilhar com os amigos o mais rápido possível!

Thaís B disse...

Adriana, concordo com você sobre as magras que julgam as gordinhas, e pode ter certeza que esse tipo de mulher/garota magra é tão ou mais neurótica com seu corpo quanto a gordinha que elas hostilizam. Conheço várias assim.

Eu sempre fui magrinha, só por um período curto tive bastante barriga e falo para minhas amigas gordas "mano, se você tá saudável, o resto que se dane! Quilos a mais ou a menos não fazem diferença!" porque é justamente o que eu penso. Pena que ainda vejo muitas tentando desesperadamente ser magras porque quase todos a sua volta falam como se magreza fosse sinônimo de beleza.

Lembro de um programa NEFANDO chamado Bridalplasty, o qual várias noivas competiam por uma plástica no corpo inteiro e a cada competição por programa elas ganhavam uma cirurgia plástica na parte do corpo que elas queriam. 90% do programa era constituído de mulheres gordas chorando para ficarem magras, e uma delas com pouquíssima auto-estima. E elas eram BONITAS!!! Eu ficava assustada com esse show de horrores, principalmente por tratarem uma cirurgia plástica como uma coisinha simples sem riscos. Dava para ver que as mulheres sofriam mas ficava com um ar de que tudo isso compensava. Só que não!!!!!!

Amelie disse...

(tô comentando com meu perfil do google, mas eu sou a Lígia, que enviou o texto)

Que bom que você publicou, Lola, obrigada! Realmente muito bom o texto!

Assim que eu li achei que valia a pena traduzir e te mandar, para que mais gente pudesse ler!

Como comentei no e-mail, sou magra, nunca tive tendência a engordar, mas acho que nós mulheres somos pressionadas a acharmos que temos que mudar nosso corpo, seja porque somos muito magras, muito gordas, porque nossos peitos são pequenos, ou caídos, ou porque nossos cabelos não são lisos ou nossos olhos claros (ou milhares de coisas que fazem parte do que somos, mas que aprendemos a enxergar como defeitos).

Qualquer texto que ajuda a nós mulheres a enxergarmos o quão bonitas somos, do jeitinho que somos, é algo que eu sempre vou gostar e compartilhar!!

Bjinhos!

Amelie disse...

Ah, e obrigada pela seleção de fotos (lindas, né?) e as ajeitadinhas no texto tb!

Vitória disse...

Adriana

Sou magra e nunca julguei gorda nenhuma. Agora já fui muito julgada pelas gordas por estar "magra demais", inclusive no colégio quem organizava todo um bullying contra mim era uma menina gorda complexada com o seu próprio peso, e tentava descontar em quem não tinha nada a ver (ou seja: EU).

Da mesma forma que existem magras estúpidas querendo cuidar do corpo alheio, tb existe o contrário. Perdi as contas de quantas vezes eu ouvi que tinha que engordar pois estava feia.

Unknown disse...

ué a gorda pode procurar homens gostosos,mais o homem que diz que não suporta gorda é preconceituoso?
porque ela não diz que os homens obesos também são lindos?ela só quer galãs lindos?
esse mimimi de gorda é insuportável.eu sou baixinho quase um anão(tenho 1.70) e por causa disso sou desprezado pelas mulheres e nem por isso fico de mimimi postando textos sobre isso.eu apenas aprendo a lidar com isso e sigo em frente.

Adriana disse...

Vitória

Eu falei de magras que perseguem gordas, justamente porque o texto trata de mulheres que são consideradas acima do peso, meio óbvio neh.
Não faria sentido eu postar o quanto as magras sofrem por serem magras.

Adriana disse...

Mas V. Senhoria investe seu tempo no blog, lê o guest post todinho e ainda por cima comenta
Se vc realmente não se importasse, não investiria seu tempo no blog da Lola.

Adriana disse...

João Neto

Se isso te irrita tanto, pq vc vem pro blog, le e publica???
Vá fazer outra coisa. Insultar as pessoas não vai fazer q elas concordem com esse pensamento pequeno seu.
Senta la no teu cantinho e chora bem baixinho q eh pra ngm te ouvir

lica disse...

Delícia de post!

Julia disse...

João Neto, porque posta comentários que provam que vc é um idiota se poderia ficar quieto e deixar as pessoas em dúvida?

Quer que eu te prove que vc é um imbecil? Lá vai:

Caso 1:
"Porque colocaram essa fotos dessa gorda bonita e não tão gorda assim?
Respondo: porque gorda de verdade e feia e nojenta."

Vc disse que a gorda da foto era bonita depois disse que gorda é feia.

Caso 2:
"Lola; quem não é mãe não pode dar opinião sobre filhos, gravidez ou abortos."

Já você que não é mãe, visto que é homem, pode dar opinião, né?


Agora que está provado por A+B que vc é um mentecapto, recolha-se a sua insignificância e nos poupe de ler seus comentários estúpidos, ou seja, VAZA DAQUI MANÉ!

Adriana disse...

João Neto

Não me irrita, e nunca vai me irritar. Porque as pessoas tem que ser hostilizadas por causa de peso, cor, opção sexual??? porque o vida de outra pessoa incomoda tanto os outros?
porque perder tempo se preocupado com a (in)felicidade alheia?
Não vejo absolutamente nada de errado em simplesmente aceitar e respeitar o outro da forma que ele é.
Só temos uma única vida, um única oportunidade, que passa muito rápido. É bobagem investir essa vida com ódio, com preconceito e desamor ao próximo.
Vc nao tem que amar gordxs, magrxs... mas só respeite e tente se solidarizar com a condução do outro.

Julia disse...

kkkkkkkkkkkkk
To morrendo de rir com o anão de 1,70.

Eu sou uma anã, com meu 1,60 e não sabia.







Mentira que eu tenho 1,58 :)
Sempre lamento meu potencial pra ser ginasta não aproveitado.

mebarak ludgero disse...

Tenho pena de doentes mentais como esse iceman e o outro babaca que não lembro o nome.
Raciocinar para eles é quase impossível.

mebarak ludgero disse...

To morrendo de pena do anão de 1,70 kkkkkkkkkkkkkk só rindo mesmo.

Julia disse...

O outro babaca chama-se Thomas.

Minhoca Manca disse...

"Mulheres gordas transam com caras gostosos o tempo todo."
Ah tá... Transar com homem gordo elas não querem, né fofas?
Da mesma forma que existem os homens gostosos, "daquele tipo universal de homem gostoso" tb existem as mulheres gostosas, e elas não são gordas...

É óbvio que o texto foi escrito por uma gorda traumatizada com seu corpo, que resolveu fingir que se ama e mostrar pro mundo que ela é feliz assim. Um mecanismo psicológico de autodefesa. (...Já dizia Freud...)
A pessoa que escreveu o texto se dispôs a perder seu tempo p provar q td mundo tem dobrinhas, inclusive as mulheres magras. Isso mostra o quão baixa era a alto estima dela por conta disso. Alias, não é td mundo q tem "dobrinhas". Dobrinhas é coisa de magra, as gordas já passaram da fase da "dobrinha" faz tempo... Vamos deixar isso claro logo de cara.

Não estou de maneira alguma dizendo que é certo maltratar as pessoas pela sua aparência, muito menos que ser bonita vale mais do que ter bom caráter, por exemplo. É claro que as pessoas valem muito mais pelo seu conteúdo do que pela sua aparência, porém isso não significa que a aparência não seja um fator importante.
Ninguém é obrigada a se enquadrar no padrão de beleza imposto pela sociedade, mas quem realmente é feliz com sua aparência e se ama de verdade não fica tentando provar isso pros outros com posts e comentários recalcados e "politicamente corretos" como se fosse bonito ser gorda, pq NÃO é! É feio, é descuido, é relaxo.
Mas é mais fácil fazer mimimi na internet do que fechar a boca, fazer exercícios e emagrecer...

Andressa Andrade disse...

Arrasou, Lola! Feminismo é isso: libertário para todxs!

Glau Penha disse...

Essa postagem me veio a mente esse link:

http://papagaiobicudo.blogspot.com.br/2013/07/gaby-amarantos-aparece-de-biquini-de.html?showComment=1375471293225#c7575649347033651821

Cecilia disse...

Gordas ou magras, cada uma com o seu perfil. Só não podemos perder de vista os valores que cada mulher tem. Que as dobrinhas apareçam, mas que não impeçam de amar e de ser amada...

hidelvanise disse...

"O post é legal mas gostaria de saber qual o truque da autora para conseguir transar com todos os caras gostosos que ela quer. Eu não sou gorda nem magríssima e não consigo transar com qq cara que eu queira. Gostaria de saber qual o truque."

Ms.Minna, também achei que ela exagerou um pouco. Mas acho que essa coisas da paquera e da "conquista" tem mais a ver com a personalidade mesmo. Tem gente que se dá melhor com isso e não depende tanto da aparência, pode acreditar. Só que eu acho importante destacar que ficar com várias pessoas pode ser legal para alguns e outros não, quero dizer, não é o mais importante pra se sentir bem. Senão fica parecendo que se a pessoa não consegue isso, não é boa o bastante. A pessoa pode ser linda e mesmo assim, ser mais tímida ou mais ocupada com outras coisas, daí ela é muito jovem ainda, lê isso e vai se sentir como? Vai achar que tem algum problema. Pois eu acho que é difícil mesmo conquistar todo mundo que se quer. As outras pessoas tem seus próprios gostos, são comprometidas, estão em outra, e além disso, quantos caras "gostosos" do jeito que ela fala existem? Fora das academias badaladas são poucos. A maioria dos homens e das mulheres são apenas normais, estão fora do padrão (que na verdade é bem irreal pra ser chamado de padrão) e o que importa mesmo são as afinidades entre as pessoas. E pra falar a verdade que tipo de menina quer ficar só com caras “gostosos”, rs. Acho que mais um jeito de falar mesmo da autora, ao dizer que é possível.

Marcelo H. Marotta disse...

O texto é bom, mas peca ligeiramente pelo que ele condena.

Eu sou um homem gordo, e tenho muita dificuldade de encontrar parceiras, e tenho certeza que não é por causa da minha personalidade, que muitas vezes é rabugenta. Então, quando o texto fala que as mulheres gordas também podem conseguir ficar com homens "gostosos", morreu o argumento todo do texto ai, nessa incapacidade de ver que um homem como eu, que nunca vou ser um Brad Pitt na vida, simplesmente porque eu gosto de ter o corpo do jeito que tenho, grandão, também pode ser bastante prazeroso para uma parceira. Então, quer desconstruir preconceitos, desconstrua, mas não pare na metade do caminho.

Luisa disse...

Engraçado que nunca vi em lugar nenhum alguém achar problemas homens gordos ficando com mulheres gostosas... aliás, é até moda em tv americana, com mil comédias fazendo o estilo "fat guy, skinny wife".

Luisa disse...

ah, e mais uma coisa, lembrem que o texto é uma tradução gente, acho que o gostosos deve ter vindo de "hot guys" que é basicamente caras atraentes, não necessariamente estilo Paulo Zulu...

Aline disse...

Cara, eu adorei o post. E acho super gostoso um cara gordinho. O gostoso é relativo demais. O que a mídia diz que é gostoso é outra história.
Tem bastante mulher considerada gostosa com caras "normais" ou considerados feios pela mídia e o contrário também acontece, por que beleza é relativa.
Tem um cara ai que disse que é praticamente um anão com 1,70. Meu marido tem 1,68m, é bem magro, nem um pouco musculoso e longe do padrão de gostoso. Mas eu acho ele gostoso, não me importo com a altura(sou bem mais alta que ele)e isso não muda em nada no meu tesão.
Eu já fui magra demais, mas sempre sai com os caras que eu queria(claro que nem com todos mas com a grande maioria), quando não estava em um relacionamento monogâmico. Isso tem haver com se deixar aberta a oportunidades e não com o seu corpo.
Beijos.

2edoissao5 disse...

estou acima do meu peso mais de 10kg, sou casada com um homem lindo e 10 anos mais novo, acho que vou guardar esse post e ler todos os dias!

Thomas disse...

Luisa disse...
Engraçado que nunca vi em lugar nenhum alguém achar problemas homens gordos ficando com mulheres gostosas... aliás, é até moda em tv americana, com mil comédias fazendo o estilo "fat guy, skinny wife".



Falou tudo, "comédias". Faz parte da piada o protagonista ser gordo e a mulher gostosinha. Sem contar que a maioria dos comediantes estão fora do padrão de beleza mesmo, a maioria é gordinho ou magricela nerd, não teria como ser muito diferente.

Agora, fica mais difícil achar mil dramas sérios com o protagonista gordo e a namorada gostosinha.

hidelvanise disse...

"Eu sei que “gostoso” é um termo relativo, mas vamos falar aqui daquele tipo universal de homem gostoso. Sabe, aquele que “as gordas não merecem?” Infelizmente vocês sabem do que eu estou falando."

mebarak ludgero disse...

Alguem reparou q o texto é de uma mulher ? Como é que tem gente esperando que ela fale sobre homens gordos? a gente sabe q eles tb sofrem preconceito mas só eles podem falar com propriedade sobre o que passam.
E ela n disse q só pega gostosos e sim q mulheres gordas tb são capazes de ficar com homens q estejam dentro do padrão de beleza.
Mas pensar n é o forte dos babacas q comentam aqui com esse mimi de que só é gordo quem quer,magro n fica doente,ninguém acha gordos bonitos...

Amelie disse...

Ela está falando, sim, no texto, de homens gostosos, no sentido daqueles que são os tradicionamente chamados de gostosos.

Mas ela não disse que só fica com esses caras o que não ficaria com um homem gordo.

Ela só está dizendo que é possível para as meninas gordas ficarem com qualquer tipo de cara, inclusive os chamados "gostosos".

Amelie disse...

não tinha visto, mas o (a?) mebarak ludgero disse exatamente a mesma coisa que eu...

Amelie disse...

Ah, e fiquei com dó do anão de 1,70.

Veronica disse...

"Mulheres gordas transam com caras gostosos o tempo todo."


Menos, um pouco menos.... ficou um pouco estranho aí.

Luan disse...

Post ótimo. As vezes o Photoshop não dá a dimensão real do corpo humano.



Para o anão de 1,70m: Michael J Fox tem 1,63m. Al Pacino 1,65m. Jack Black 1,68m. Robert Downey 1,70m.


Luana disse...

"Mulheres gordas transam com caras gostosos o tempo todo."
Menos, um pouco menos.... ficou um pouco estranho aí.

-----------

Ficou?

Eu estava 15 quilos acima do peso e namorava um cara com um corpo espetacular. Era bem humorado e interessante também.
Claro que tem muito homem que (dentro do padrão ou não) que acham que beleza só existe com 55 quilos. A questão é pq mulheres bem resolvidas gostariam de sair com alguém assim?

Vitória disse...

Pois é Adriana, só acho muito estranho chegar colocando outras mulheres como algozes, sendo que a sociedade inteira é gordofóbica e tem padrões de beleza surreais. Homens e mulheres, magros ou não, julgam pessoas fora do padrão de beleza. Achei meio nada a ver querer denunciar as "mulheres magras malvadas que julgam as gordas". Pior que vc nem falou que são algumas que fazem isso, vc colocou de forma completamente generalizante.

Ro disse...

Eu tenho uma filha gorda... É e o meu orgulho, o melhor de mim.
Nasceu com quatro quilos, a criança mais linda do berçário...
Sempre foi acima do padrão, chamava atenção por sua beleza e tamanho. Mamou no peito até um ano e dois meses. Sua primeira refeição sólida foi aos oito meses. Sua alimentação foi sempre saudável...Sua estrutura é assim. Gosta de comer, sem compulsão, só por prazer...
Passou por todos os bullyngs possíveis e insuportáveis da escola.
Como mãe, sempre a aceitei e incentivei. Suas qualidades sempre foram reverenciadas por mim, mas os comentários negativos, inclusive da família, pesavam mais, no momento confuso infância /adolescência...
Um dia conheceu este blog e se entendeu...
Hoje tem 19 anos, acima do peso e imensamente feliz. Está na universidade, realizada.
A gordura está no cérebro gordo de uma sociedade hipócrita...
A Lola, meu agradecimento de mãe e a certeza que sempre estarás em meus melhores pensamentos...
Minha filha é uma obra prima, o melhor de mim....
O resto... É só o resto...

L. G. Alves disse...

Não se conforme com um parceira que meramente aceite seu corpo. Você tem o direito (e milhares de oportunidades) de achar alguém que se apaixone pelo seu corpo. Você merece ser idolatradO, moçO! Olha como fica diferente. Eu não concordo que por ser uma pessoa gorda ou magra ou mediana tenha que ser idolatrada. Que bobagem. Meu namorado é gordo. Eu sempre me preocupo com a saúde dele. Depois de tantos conselhos ele tem preferido comidas menos gordurosas e tem evitado muito açúcar e sal. A pessoa precisa cuidar de sua saúde, se pretende viver bem., não é? Caso contrário pode cair de boca nos fast food e seja o que deuls quiser. Não tem nada pior do que viver cheia de problemas de saúde sem poder fazer o que gosta. E não apenas pessoas gordas tem problemas assim. Eu estou com problemas por causa do que tenho comido e bebido.

Ana Carolina disse...

Alguns comentários:

"ain mas as mulheres gordas não querem os homens gordos, né?"

Porque os homens gordos estão todos querendo as mulheres gordas, né? Opa, não, né.

"o anão de 1,70m"
Claro, porque vivemos num país que a média de altura de mulheres é 1,80m, né. Conheço POUQUÍSSIMAS mulheres com mais de 1,70, fikdik.

Sabem, tiveram dois caras na vida com quem relacionei que me chamaram de gorda (detalhe: NÃO ERA, IMC abaixo de 25 e tudo). Coincidentemente, os dois maiores canalhas com quem me relacionei na vida. E sim, acho que as duas coisas têm tudo a ver uma com a outra.

Camille disse...

Falam em gorda mas colocam fotos de obesas morbidas! Isso nao è legal para saude!

Caroles disse...

Que lindo esse texto. É muito difícil se aceitar... Meu maior problema, maior do que gordurinhas, dobras e etc são minhas estrias. Tenho estrias na barriga e eu acho que são as coisas mais feias e horrendas que alguém pode ter - porque são em mim. Em outras pessoas é tipo "ah, sim, estrias". Em mim são motivo pra transar de blusa. Já fiquei madrugadas chorando por causa disso. É tão burro, mas é um sofrimento grande, faz com quem eu me ache inteiramente feia e triste. Sei lá, e fútil, além de tudo haha :(

Caroles disse...

A ideia que as pessoas têm de "obeso mórbido" é meio errada né? Tem que ver isso aí.

Em nenhum momento no texto ela diz que não fica com caras fora do padrão. Ela só disse que mulheres gordas também podem atrair caras padrão. Por que ela disse isso? Hm, vocês não leram sobre a polêmica do seriado "Girls" (da qual ela falou no texto)? Só porque a protagonista ficou com um cara padrão (sei lá nem acho tão bonito, mas ok), foi um auê de gente no mundo todo dizendo que "isso nunca aconteceria". Porque pro mundo gordofóbico em que vivemos, isso é IMPOSSÍVEL, nem passa pela cabeça das pessoas. Um cara padrão supostamente pode ficar com quiser (isso também não é verdade), e vai escolher ficar com uma GORDA? AH, JAMAIS! É isso que pessoas pensam. Parem de mimimi. Parem de dizer que o texto disse coisas que não disse só pra desmerecê-lo. Bah, falta de senso.

E quanto ao cara de 1,70m e o cara gordo: homens sofrem também, ninguém disse que não. Mas é como já falaram, quem escreveu o texto foi uma MULHER, ela não vai falar dos problemas pelos quais os homens passam!

Todo mundo aí falando que isso de gente gorda se relacionando com gente padrão não existe, andem na rua por umas horas no dia olhando pros lados. Fica a dica. Beijos.

L. G. Alves disse...

No mundo real em que eu vivo este tal homem gostoso que ela parece se gabar de ter ficado (me poupe, né?) diz, em geral, que ficou com aquela "gorda" ou "gordinha" porque ela era fácil e fazia de tudo na cama. Já ouvi e li comentários até piores. Ele namora ou tem relacionamento sério com a gorda? Ele a aceita como é fora da cama? El a respeita? Ele a apresenta para os amigos e familiares? Ele a elogia fora da cama?

Amelie disse...

Ah, pára, né, Caroles?

Te conheci pessoalmente (sou a Lígia de DC!) e vc é super lindona (você e seus gatos, que eu não conheço pessoalmente mas admiro pelo Facebook... hehehe)!

Bjinhos!

Luisa disse...

Eu fico abismada com a galera aqui que precisa PROVAR que a pessoa que escreveu tá mentindo. É como se o mundo delas fosse desabar se realmente for possível ser gordinha e feliz. E até, em muitos casos, saudável.

Aliás esse argumento da saúde é a coisa mais bizarra. A obsessão em comer melhor deu licença pra todo mundo virar polícia da alimentação alheia. Sério, de verdade: não.é.da.sua.conta. Agora senta ali no cantinho vai.

Caroles disse...

@L.G. Alves
Credo, moça. Em que mundo tu vive? Um mundo bem triste né? Com que pessoas tu convive? Sério, por favor. Nem vou comentar a coisa de "fazia de tudo na cama". HAHAHA bom pra quem faz, né? Tem muita gordinha por aí namorando, casando, sendo feliz pra sempre com caras padrão (e caras fora do padrão também, antes que alguém fale alguma coisa). Te liberta. Tenta ficar feliz pelos outros. Teu mundo não vai cair porque mulheres que tu não considera bonitas ficam com caras que tu considera bonitos. Tem homem pra todo mundo, e mulher pra todo mundo também. Deixa a galera ser feliz. Respira fundo. Isso aí.

@Lígia
hahahaha que fofinha! Sim tenho meus problemas mas na maior parte do tempo fico tipo "whatevs". Flô e Bowie mandam um miau ;)

Thaís B disse...

Pessoal precisa se desprender do conceito errôneo de que gordo não tem boa saúde. Nem todo gordo vai ficar obeso, seria o mesmo que dizer que todo magro vai virar anoréxico.
E já vi sim gordinhas com caras padrão, assim como o inverso.
No cursinho que eu fiz, conheci dois casais em que ambas garotas eram gordas e os rapazes magros. E no aniversário de uma amiga minha, uma colega magrinha dela levou o namorado que eram bem gordo.
Sei que existe muitos homens que curtem gordinhas, mas como nossa sociedade diz que gorda não é bonita, ficam com vergonha de assumir. Triste.

L. G. Alves disse...

Pára tudo. Quando eu falei que mulheres gordas são feias? Não possível que a pessoa não compreenda a leitura. Difícil, hein? Tenho amigas acima do peso e elas são belas e usam a roupa que querem, sem se importar com opinião alheia. E eu vivo no mundo real. Já ouvi e li muita coisa nestes anos. E quem disse que "fazia de tudo na cama" não fui eu. Estou repassando o que foi dito e o que li, assim como Lola faz quando posta sobre os comentários machistas. Se você não gostou, problema seu :) Eu fico muito feliz quando encontro pessoas que estão sendo respeitadas e amadas como são. E não, eu não preciso "me libertar". Não me sinto presa :)

Caroles disse...

@L.G Alves
Poxa, então tu deveria te expressar melhor. Vai pra uma amiga gordinha tua e diz pra elas que se um cara bonito se interessar por elas não é porque ele REALMENTE tá a fim, porque afinal de contas ATÉ PARECE que isso aconteceria. Na real eles só tão chegando nelas pq elas devem ser fáceis ou "fazer de tudo na cama".
Foi isso que tu disse. Se tu não acha isso, que bom, mas tu te expressou mal.

Unknown disse...

Luan,a diferença é que esses caras são ricos e famosos,logo eles poderiam ter 1,50 que as mulheres não ligariam.
Ana carolina,apesar de poucas mulheres ter mais de 1,70,ainda sim a maioria usa saltos e com isso ficam maior que eu,e por conta disso me desprezam e dizem que o homem para ser atraente precisa no minimo ter 1,80e olha que estou falando mulheres normais,não estou falando de grandes "beldades

Beatriz Correa disse...

Pros mimizentos falando que mulher não gosta de homem gordo:

Tenho amigos gordos em relacionamentos lindos com mulheres "padrão", assim como tenho amigas gordas que saem com caras ditos atraentes. Sem contar meu próprio caso, onde as duas melhores transas da minha vida foram com caras gordos - um deles meu namorado atual.

Por favor, parem de jogar a culpa de seus problemas de autoestima nos outros, procurem alguém q ame vcs independente de seu corpo - embora pareça, NÃO É difícil - e sejam felizes!!


*excluí o outro comentário pq tinha um erro, sorry ;)

Andréa Fazzio disse...

Como mulher, glorifico qualquer tentativa de desconstruir paradigmas e procurar amenizar opressão sobre nós mulheres - sobretudo no que se refere aos padrões estéticos. O problema é esse radicalismo inverso e isso quebra toda a argumentação.

Super concordo com o Marcelo ao dizer que se quebrem preconceitos, mas sem parar na metade do caminho.

Assim que terminei de ler pensei na máxima de Nietzsche de 'se libertar das próprias prisões'. Parece-me que a autora busca romper com as barreiras opressoras de padrões estéticos impostos por uma sociedade narcisista, mas se prende num preconceito inverso demonizando meninas magras.

A questão pra mim é quebrar paradigmas, SEJA ELE QUAL FOR. Se você é gorda, OK; se é magra, OK TAMBÉM! O texto peca ao ser panfletário demais, exatamente por valorizar um padrão.

Caroles disse...

Até reli o texto e não entendi onde ela fala qualquer coisa de ruim sobre mulheres magras.

Heloisa disse...

Lindo texto. A sociedade tenta nos empurrar goela abaixo que o jogo da conquista é uma ciência exata, e que se você for loira, dos olhos azuis, tiver 1,80m e 50 kg, por regra todos os homens se apaixonarão por você. E se você não for nada disso, pode esquecer: sua chance de arrumar alguém é zero.

Na prática, as regras da atração são tão subjetivas e inexplicáveis quanto a vida. Tem cara que se amarra em mina de cabelo azul, tem alemão que curte negra, tem alta que gosta de baixinho, tem jogador de basquete que gosta de baixinha, tem gordo que gosta de magra, gorda que gosta de magro... enfim, a grande verdade é que, ao contrário do que a mídia faz parecer, todo mundo pode se arranjar sendo exatamente do jeito que é.

No mais, eu fico impressionada com a gordofobia das pessoas disfarçada de "preocupação com saúde". Nem todo obeso tem problemas de saúde, assim como nem todo magro é saudável. Temos uma infinidade de maus hábitos, mas não vejo ninguém pegando no pé de quem dorme pouco ou se estressa muito com o mesmo afinco que pegam no pé dos gordinhos. E se estressar pode ser mil vezes pior do que exagerar na comida.

aquarela surrealista disse...

Uau!gostei do texto todo,mas muito desta frase"voce é a melhor coisa que te aconteceu"...ri bastante no trecho"vá se f33dr,não,não voce,mas as pessoas que nos falam.....

Eu também passo por fases em que me aceito,outras em que brigo comigo no espelho...não tem jeito,o negócio acho que é o equilíbrio...e quando você está "se achando",e teus colegas de trabalho te destroem com olhares e indiretas??Temos um longo caminho pela frente,mas não dá pra se odiar por ser gorda!temos que nos amar,mesmo nos dias em que acordamos inchadas de tpm,rsrs...

Thomas Michael disse...

Eu vou colocar isto da forma mais sincera possivel.

O texto promove valores positivos. O que faz uma pessoa feliz não pode ser criticado. Em termos de felicidade, obesidade é detalhe.

Mas agora, o texto da a impressão de impor gosto para os homens. Não sou obrigado de gostar de mulheres com este morfotipo, puxa! Se não me sinto atraido porque você é assim, o direito é todo meu. Não vou faltar com o respeito, respeito a sua dignidade, mas sinceramente direi não porque não me sinto atraido! Isto não é paradigma, ou construção social. Eu sei quais são os meus instintos.

As relações amorosas que eu tive foram com mulheres que não eram top models, mas eram sexy. Existe uma grande diferença entre ser sexy e ser bonita.

Não estamos nem ai se vocês são gordas ou não, mas sim se eu me sino atraido ou não. E sim, existem homens perdidamente atraidos por mulheres mais roliças. Pare de dictar gostos, e comecem a promover boas qualidades.

Ximena disse...

Lola, dê uma olhada em mais um editorial conservador e apelativo do maior jornal do Paraná: http://www.gazetadopovo.com.br/opiniao/conteudo.phtml?tl=1&id=1396359&tit=Mais-brechas-para-o-aborto

Deninha disse...

Simplesmente amei o texto! Meu namorado sempre chama minha barriguinha de amortecedor do amor! É possível sim ser amada exatamente do jeito q somos! E se por algum motivo alguém quiser mudar seu jeito de ser, essa pessoa não te merece! O lema da minha vida sempre foi: QUEM NÃO ME AMA, NÃO ME MERECE!

bruno disse...

As fotos estão de embrulhar o estômago. A cidadã come até quase explodir e depois quer que todos achem bonito esse horror.
Não que eu defenda a aparência esquelética de certas modelos, mas carregar quilos de gordura nas laterais do corpo, além de prejudicar a saúde, é pavoroso sim!

Luisa disse...

Bruno, pavoroso é você. As fotos são lindas. Se você não vê beleza em NENHUMA delas, talvez seja o momento de repensar de onde vem tanta raiva a um corpo mais volumoso.

Maria Fernanda Lamim disse...

Lindo o texto. Padroes de beleza, nao importa quais, so geram baixa auto-estima. O ideal e cada um apreciar o que gosta (nos outros e em si mesmos).
Agora, moco de 1,70, sinto tr dizer, mas vc esta andando com as mulheres erradas. Eu tenho 1,72 e ja namorei tres homens de 1,65 (um de cada vez, rs). Meu namorado atual tem menos de 1,80. As vezes eu acho que esse lance de altura e um preconceito mais de vcs do que nosso..

Amelie disse...

O texto não impõe em nenhum lugar que homens tem que gostar de mulheres gordas. Aliás, por favor, se alguém puder citar a parte em que ela fala isso, eu agradeço, porque eu não consegui achar (e olha que eu li o texto umas cinco vezes e fiz a tradução).

A única coisa que ela fala é que, ao contrário do que muita gente acha, tem muito homem que gosta de mulher gorda.

Também não achei a parte em que ela fala mal das magras. Eu tenho 1,60 e 50kg. Sou bem magra. E não senti que o texto estivesse contra mim.

Ela está falando sobre ser gorda, e está falando sobre mulheres gordas, porque ela é gorda. Há oportunidades para que alguém que queira escrever para as magras (mas aí é tipo "dia do homem" - é óbvio que as gordas sentem muito mais pressão para mudarem o que são do que as magrinhas).

Enfim.

bruno disse...

Luisa,

A pele fica flácida, as gorduras abdominais caem sobre as ancas, tudo fica excessivamente mole e desarmônico. Sem falar dos problemas de circulação, cardíacos, distúrbios do colesterol, etc...

Imagina, então, uma das moçoilas das fotos num vestido justo, num tubinho, numa minissaia... Só mesmo o termo pavoroso para definir tal imagem.

Mas se você também está acima do peso, não quis te ofender. Nem mesmo quis provocar a proprietária do blogue que, de acordo suas fotos, é mais cheinha. Só acho muito mais bacana assumir que tal silhueta não é legal e domar os excessos, pois um corpo rechonchudo nasce (sempre!) de um desiquilíbrio alimentar. Simples assim.

Obesidade é doença (física e, muitas vezes, emocional) e precisa ser tratada e controlada tal como a diabetes ou a pressão alta. Mais uma vez, não quero dizer que o padrão magérrimo em voga seja o certo (pois também encerra um tipo de desiquilíbrio muito sério), mas há medidas que são, sim, adequadas a cada altura e biotipo. Ou seja, sempre haverá mulheres e homens plus size, mas, quando as banhas começam a cair pela lateral do corpo, há, sim, um problema a ser enfrentado!

Vitória disse...

Caroles

Não é o texto que fala sobre as mulheres magras, mas sim a comentarista Adriana que generalizou no primeiro comentário, falando que as magras que perseguem as gordas. Me cansa essa mania de algumas pessoas quererem colocar mulheres magras X mulheres gordas, como se fossem eternas concorrentes.

Vitória disse...

Caroles

Só agora vi o comentário da Andrea, pensava que vc estava falando do que a Adriana escreveu acima. Foi mal.

Luisa disse...

Bruno,
Você não é médico dessas moças. É entre elas e seu médico seus eventuais problemas de saúde. Não sei se você reparou, mas as fotos mostram diversos níveis de obesidade, algumas as quais ao menos ao meu olhar leigo não deveriam nem ser chamadas de obesa.

Agora sobre a sua "não quero ofender, mas já ofendendo": quando você chama alguém de pavaroso, sim, você está ofendendo, sem a menor sombra de dúvida. Quando você qualifica como pavoroso todo um grupo de pessoas, você está ofendendo muita gente e, assim, a toa. Eu tenho certeza que TODA pessoa gorda no mundo, a essa altura do campeonato, já tá CARECA de saber de todos os problemas de saúde que tem ou podem ter por causa disso. Elas não precisam que a sociedade inteira as lembre disso constantemente.

Você não vive a vida delas, você não sabe o percurso que elas passaram pra chegar até aqui. Talvez comam muito, ou simplesmente, tiveram filhos e não conseguiram perder o peso depois. Talvez tenham problemas hormonais que as impede de emagrecer. Talvez não tenham tempo pra se exercitar (ah sim, "sempre se acha tempo" volta aqui e diz isso depois de que você for uma mulher com dupla jornada de trabalho). Talvez sejam algumas daquelas pessoas que comem quando estram tristes. Talvez nada disso e simplesmente tem muita dificuldade controlando o apetite. Ou talvez consigam, mas o sistema delas é geneticamente programado pra acumular mais gordurinhas. Não importa. De verdade, não importa. Repito: a saúde delas é entre elas e o médico delas. E não é só porque não tão na forma padrão que não podemos encontrar beleza. E é isso que eu falei: se você só enxerga beleza no padrão, precisa rever seus conceitos.

Thiago disse...

Não sou troll, adoro o blog e me policio sempre para treinar o meu olhar para idferentes perspectivas e realidades, mas esse post é péssimo. PÉSSIMO. Um lixo contraditório.

Façam o seguinte exercício. Leiam os exemplos abaixo e vejam se eles são razoáveis.

"O dinheiro não importa, você pode ser muito feliz sem dinheiro, não deixe a sociedade te moldar para querer ter dinheiro. Eu costumava achar que,por ser pobre, eu estava fadado a só me relacionar com pobres, mas fiz alguns amigos ricos na internet e vou para suas festas chiques e ando as vezes de iate, o que referenda minha felicidade"

Ou

"A cor da pele não importa. Sou negro, e sou muito feliz por ser negro, e nao deixe a sociedade dizer o contrário para você. Eu costumava achar que, por ser negro, eu só me relacionaria com negros, caboclos, mamelucos, mas descobri na internet que existem várias branquelinhas brigando para transar com o negão, Como loirinhas com frequencia e por isso eu sou feliz."

Pareçem razoáveis? No texto, transar com os hot guys (não gordos) é o cume, o que corrobora, ratifica, sanciona e coroa a felicidade da gordinha ( não-hot-girl) que em tese não se importa com a hotness do mundo. (Mas que precisa da chancela e carimbo dos hot guys para se aceitar).

Não nos deixemos cegar pela patrulha da normalidade, mas não abracemos sem crítica tudo que parece se opor a ela.

O inimigo do meu inimigo as vezes é só outro inimigo.

Anna disse...

Com os comentários liberados, alguns fazem a festa por aqui, q pena escolherem um texto assim para atirar pedras (um texto de uma mulher gorda bem resolvida entre zilhares sobre mulheres magras? Estão querendo me obrigar a gostar de gordas!! Uma mulher gorda falando de caras gostosos? Opressão aos homens fora do padrão! Mulher gorda feliz? ou é mentirosa ou os caras a enganam!). Podiam poupar tempo e ir direto pro Reddit deixar esses comentários inteligentes, que desafiam o senso comum

--


Sobre o texto em si, achei muito bonito, assim como as fotos:) E pra quem falou mais acima q chiaram com o casal de girls, é interessante como isso nunca acontece quando é ao contrário né?

bruno disse...

Luisa,

Em sua resposta, você assume que há problema ("já tá CARECA de saber de todos os problemas de saúde que tem ou podem ter por causa disso"), certo?

A diferença é que, em sua visão, tal questão se restringe ao mundo privado (paciente e médico). Não, não concordo, pois se trata de um problema de saúde pública. Crianças são levadas todos os anos a assumir um silhueta desproporcional por irresponsabilidade de adultos, muitas vezes motivados por meras questões estéticas (do tipo "como está fortinh*, que fofinh*").

Por isso, acredito que devemos, sim, nos posicionar e, em minha opinião, não se deve fazer apologia a um problema (ou um distúrbio, que pode e deve ser controlado) como se estivéssemos falando de cor da pele, ou identidade sexual.

Enfim, trata-se de um equívoco pensar em "aceitação", ou apenas no combate a possíveis "gordofobias", mas de oferecer TRATAMENTO para que essas pessoas superem seus estados TRANSITÓRIOS, capiche?

(ps: digo isso tudo como alguém que já pesou 123kg, perdeu mais de 40kg, melhorou todos os seus indicadores de saúde e, acredite, é feliz e sem mais as desculpas que só justificavam muita preguiça e indolência consigo mesmo)

;-)

bruno disse...

Luisa,

Mais uma coisa... sim, eu era pavoroso também!

Marie disse...

Concordo, sou gorda por opção, acho feio demais minha barriga estuprando o jeans, mas eu amo comer, então vou disfarçando maquiada, penteada, cheirosa, empetecada. Acho lindo ser magra e já fui por longos anos de minha existência, até gerar, eu se fosse homem ñ casaria com uma gorda se pudesse ser feliz igualmente com uma magra. As gordinhas q me desculpem mais ser gorda é o ó, e comprar roupa então? Vivo comprando pra quando emagrecer, rs rs rs ser magra é tudo de bom e mais um pouco, vista um belo biquine numa magra e o mesmo num poço de banha... Sorry, sem comparação! Rs rs rs óóóó céus, q realidade doída. E a gordona ñ deve buscar só o gostosão, vá com um gordão q ele desaba antes de te satisfazer, fatoooooo! Bjs beje

Marie disse...

Aplausos a sua observação!

Marie disse...

Ai Thiago, para vc o Oscar da legitimidade!

Veronica disse...

Ri da Marie kkkkkkkkkkkkkkk

Bom, não pensem q é trollagem, pq inclusive até já comentei parciamente sobre isso naquele post onde a menina dizia que o noivo não a procurava mais depois que ela engordou.

Falando de mim, depois de problemas diversos, passei 2 anos gorda. Foram 2 anos em q eu comia em travessas, macarrão, doce, tudo ...

Pq resolvi emagrecer? Pq me achava horrorosa nua. E não adianta dizer que não influencia, mas deu uma baita diferença na hora do sexo.
Meu marido continuou o mesmo, nunca reclamou, mais eu sentia dificuldade em fazer certas coisas pq eu estava enorme.

Claro q sentar no parceiro não vai machucá-lo, porém com menos 30 kg, dá pra sentir muito mais prazer!! !!! Encaixa tudo muito mais gostoso.

Chegou ao ponto, em que eu pensei em me separar, pq não estava mais sentindo prazer como antes. Mas eu amava (amo) muito o meu marido, ele é maravilhoso.

Daí que veio o incentivo para emagrecer. Mais magra, essa MINHA dificuldade na hora do sexo passou e ficou tudo bem.
Eu quase fiz a imensa besteira de transar com outro homem achando q tinha perdido o desejo pelo meu marido. Isso foi muito sério.

Felizmente, não cometi essa loucura, mais foi por pouco...


Veronica disse...

*perdi 30 kg entre janeiro e maio .

donadio disse...

"eu sou baixinho quase um anão(tenho 1.70) e por causa disso sou desprezado pelas mulheres e nem por isso fico de mimimi postando textos sobre isso.eu apenas aprendo a lidar com isso e sigo em frente."

Bicho, eu tenho 1m60, 55 anos, e estou acima do peso.

E não sou "desprezado pelas mulheres", de jeito nenhum. Sera que vc não está querendo dizer "modelos e atrizes de TV" quando diz "mulheres"?

Essas não nos dão bola porque simplesmente não convivem com a gente, não porque não nos achem fisicamente interessantes.

Luisa disse...

Hahahha, Marie e Donadio, quero ser vocês quando eu crescer.

Bruno, eu já entendi a muito tempo seu posicionamento. Eu só acho que é MUITO mais perigoso para a saúde de alguém odiar o próprio corpo do que qualquer coisa que a gordura possa trazer. Especialmente para mulheres, que são ensinadas a vida toda que valem tanto quanto seus corpos são desejáveis. Acho lamentável que você também se achava "pavoroso". Pergunta pra galera que usa o argumento da saúde: fumar faz mau a saúde. Fumar em público estimula fumarem. Quando vocês veem alguém fumando, vocês gritam pra pessoa "Ei, seu nojento asqueroso fumante! Seu hábito é pavoroso!"

Porque nunca na minha vida eu vi isso acontecer. Já com pessoas (especialmente mulheres) gordas, acontece diariamente.

Eu já ouvi diversas frases do tipo: "ah, não vou sair hoje, estou me sentindo muito gorda." ou então "nossa, não vou na academia de manhã, é na hora das gordinhas" Alguma dessas coisas tem a ver com saúde? Não. Tem a ver com padrões impostos. Feio é ser intolerante e cruel e incentivar as pessoas a se odiarem. O resto, é ser apenas humano.

donadio disse...

"Hahahha, Marie e Donadio, quero ser vocês quando eu crescer."

Luísa, se vc crescer mto não vai poder ser eu.

Caroles disse...

Bah isso aí de o sexo ser melhor FISICAMENTE pra quem é magro... Por favor, hein. Pode ser que não fosse tão bom porque faltava auto confiança, mas fisicamente não. Bah.

Aline disse...

Eu já fui magra, magérrima, com 1,72 eu pesava MENOS de 50Kg. E eu comia bastante, fazia exercícios físicos naturalmente, usando bike pra ir pra escola e como eu estudava em uma escola agrícola, eu fazia muita atividade física(capinar, rastelar, cuidar de animais, horta, etc), fiz de tudo para engordar um pouco, alcancei os 58Kg com muito sacrifício, e me mantive assim por alguns anos. Mas eu vivia doente, tinha gripe sempre, vivia com dor de garganta, tinha gastrite, hipoglicemia, tinha problemas na coluna(tive tuberculose óssea quando criança), tinha pouco alongamento(não conseguia colocar as mãos no tornozelo sem dobrar os joelhos) mas um bom condicionamento respiratório e meu IMC estava dentro do ideal, até que sofri um acidente e fiquei 6 meses sem andar. Engordei 30 e poucos quilos. Entrei em depressão e não conseguia perder peso, mas coincidentemente eu não ficava mais doente, não tinha resfriados, minha gastrite melhorou muito e minha menstruação regulou e eu parei de ter cólicas fortes, mas psicologicamente era uma tortura, não conseguia achar roupas para comprar, me sentia feia, etc.
Resolvi, como tantas outras pessoas emagrecer, com o seguinte pensamente(idiota): f**a-se a minha saúde eu quero é ser magra, eu emagrecia 1 ou 2 Kg e engordava mais, comecei a ter problemas de saúde(a maioria psicológicos) por ficar muito tempo sem comer, por fazer exercícios demais, e pelo stress. Fui ao médico e comecei a tomar remédio para depressão e com a ajuda da médica comecei a me aceitar e ficar de bem comigo. Comecei a comer melhor(por saúde mesmo) e não emagreci. Fui a um outro médico que sem exame nenhum disse que eu PRECISAVA emagrecer 30 kg e me passou sibutramina, eu tomei por uma semana e tive vontade de me matar(de verdade) procurei a psiquiatra que me proibiu de tomar essa remédio, que se eu já tinha depressão esse dai ia piorar. Ela me indicou uma outra pessoa, que fez exames e viu que estava tudo normal: colesterol, triglicérides, diabetes, etc e disse que eu não precisava emagrecer para ter saúde, mas que eu precisava continuar me alimentando bem para não ter problemas futuros e que isso não implicaria em emagrecer especificamente. Me deu algumas dicas e viu que eu estava com um hormônio descontrolado, o estrogêneo. Me passou um remédio para controlar esse hormônio e eu continuei me alimentando bem(comendo direito, vária vezes ao dia), EXATAMENTE como eu fazia antes e emagreci 16 kg.
Uma amiga me levou para faze uma aula de pilates e eu adorei e passei a fazer, logo depois comecei a fazer ioga e meu peso subiu.
Eu não sou magra, estou no limite do IMC "normal". Dependendo do dia, se estou mais inchada chego a ficar acima desse imc "normal".
Mas mandei um dane-se para esse IMC: eu pratico exercícios que gosto(pilates, ioga, saio para passear com as minhas cachorras, melhorei minha flexibilidade) como o que gosto, de maneira regrada, sem excessos, com vitaminas, minerais, carboidratos, proteínas, gorduras e as vezes até coisas sem valor nutricional nenhum(como refrigerantes) e minha saúde está ótima. Ainda sou considerada gorda por muitas pessoas. Alguns diriam que sou obesa, pois estou fora dos padrões e todo mundo que está fora é obeso.
Estou feliz e não tem nada haver com meu peso e sim com minha qualidade de vida.
Por que as pessoas acham que todo mundo que é gordo é doente, não pratica exercícios ou não come direito?
Já vi estudos que dizem que os gordos com problema de saúde são aqueles que já passaram pelo efeito rebote ou que tentam emagrecer a todo custo, detonando a saúde.
Comer bem, se movimentar e se gostar são os segredos para a saúde e felicidade. Se privar de coisas que gosta não te fará feliz e muitas vezes, nem mais magro.
Quando eu digo comer bem é ingerir tudo que nosso corpo precisa, todos os nutrientes, incluindo a gordura.
Quando falo em se movimentar, não é só praticar esportes ou ir para a academia, é sair para passear a pé, caminhar um pouco, se alongar(principalmente quem trabalha em escritório ou com computador), isso ajuda a não sentir dores musculares, etc.

Wellington Fernando disse...

Essa postagem ficou uma fofura! rs) Brincadeiras à parte, o importante, para mim, é que cada um seja feliz com o corpo que possui. É preferível ser um gordo feliz a um magro frustrado, afinal, a massa corporal é determinada em grande parte pela nossa genética. Porém, há de lembrar que a obesidade é um dos fatores de risco para doenças cardiovasculares, então mais do que a aparência, é preciso relevar a importância da nossa saúde. O que precisa ser combatido é, no meu entender, o preconceito que pessoas "acima do peso" sofrem. É preciso entender que a beleza é um conceito subjetivo e que não vivemos para agradar a visão dos outros.

FeifisPrince disse...

Quando me diziam, vc tem os olhos mais bonitos da mesa, eu achava uma afronta! Caracas, sempre fui bonita, e qdo não era tenham certeza que o dia não estava bom.
Meu pai um dia me disse> vc nunca será padrão! Seja vc! Exótica, diferente. Não tenha vergonha de seu corpo, de seu traseiro empinando ( na época a magreza reinava, o cabelo tinha que ser liso!), mas todas ouvimos esta história hj em dia, de novo.....
Então parei de fazer 'touca', alisar com pasta guarniery e , grata Gal! deixei os cachos e parei de cortar a cabeleira!
Namorei caras lindos!!!! Todos menos um. Casei com quem quis,amada e cantada em prosa e verso, pintada em inúmeros quadros e tirando esse calor menopáusico que me atormenta de madrugada, vou bem, obrigada. Cuido da saúde, faço Pilates que é o que gosto e a neuro recomenda para a coluna e a gordice nunca me deixou doente, mas as dietas (3) que fiz deixaram sequelas e a última, uma tuberculose de 3 anos em tratamento. Mas faz mto tempo e não moro mais no passado.
Garotas gordas são lindas. Sempre serão e a liberdade de ser, usar, amar é incontestável. Vida!!! É para td mundo.

Anne Dalez disse...

Achei lindo o texto... engracado, este negocio de se sentir inferior por ser gorda eh coisa de brasileiro.. Aqui no Reino unido onde vivo, vejo mulheres acima do peso, com dobrinhas e dobronas, com homens maravilhosos e ricos o tempo todo...Nem todo gordo eh doente, eh ignorancia dizer isto. E acho a pressao pra ser magra super estressante.. by the way, eu tenho 1.75 e 70 kg, e sempre tem alguem me dizendo pra emagrecer, mesmo eu nao sendo gorda. Nem ligo...

Fernanda Lacerda disse...

Lola olha que super legal #sóquenão o comentário desse colunista do IG sobre as mulheres gordinhas

http://colunistas.ig.com.br/machoalfa/2010/01/14/minha-amiga-e-bonitnha-e-gordinha-e-nao-arranja-ninguem/

Feminista capitalista disse...

Já fui gorda, pesei mais de 90 quilos, hoje cerca de 26 quilos a menos, estou magra, porque não aguentei a pressão (era adolescente na época em que agordei) e decidi emagracer,mas as críticas a meu corpo não pararam, agora insistem que estou muito magra,que não tenho muita bunda, que minha perna é fina, que deveria engordar, que estou esquelética.... UM SACO, no entanto estou cagando e andando,porque a magreza era o que queria e estabeleci como meta, agora que consegui, não há machista adorador de padrões que vá mandar no meu corpo ou me convencer a engordar um quilo sequer. Hoje em dia posso tomar sorvete, comer o quiser, sem as pessoas ficarem me olhando com um sorrisinho no canto da boca,me condendando, porque quando era gorda notava, as pessoas me censurando, me fazendo tortura psicológica, não podia comer em paz,um saco total, ainda hoje em dia sempre tem aquela tia intrometida que não pode ver a gente feliz com um chocolate na boca e diz : ''Cuidado pra não engordar hein..'''
¬¬

E sim, nada a ver esse troço de garotas gordas serem indesejadas, ou não poderem ficar com homens dentro dos padrões, isso É RÍDICULO, comprovo isso com minha melhor amiga que é gorda,bem gorda desde sempre é muito paquerada,as vezes por caras feios, as vezes por bonitos, e ela quase sempre se mete em roubada, porque essa sociedade de merda a fez acreditar que ela,por ser gorda, jamais será feliz ou desejada,e por isso deve se contentar com qualquer um que aparece e se oferece pra ela, rídiculo isso,me revolta.

A sociedade discrimina as gordas, só pra minar a auto-estima delas, e claro,obter mais controle sobre as pessoas.

------

Ah o anão de 1,70 me comoveu coitado.... SÓ QUE NÃO.

'Anão', tenho um amigo menor que eu e minha melhor amiga,que deve ter 1,71 ou 1,72 e nunca teve problemas em ficar com qualquer mulher, isso porque ele não é nenhum princípe encantado, outro detalhe existem vários homens menores que ele tipo assim 1,65/1,66 no máximo que fazem sucesso com as mulheres, portanto não venha com esse coitadismo como desculpa pra sua timidez e falta de habilidade total entre as mulheres.

Eu mesma, não ligo,nunca liguei pra altura de ninguém,pra mim tanto faz se o cara tem 160cm de altura ou quase 200, se me atrair atraiu e eu não fico desejando que a altura dele fosse diferente. Acontece que quem se importa com isso são os próprios homens que acham que sempre tem que ser maiores que as mulheres,senão não vale, tenho praticamente um 1,80 de altura e detesto homens que dizem que mulher grande não deve usar salto pra não ficar muito maior que eles.

ADORO salto alto e sempre vou adorar, inclsuive os de 10/12 centímetros, e se algum homem achar ruim,quero que ele vá se f*der, não vou trocar meus saltos por comphania masculina nenhuma,ainda mais se for a comphania de um homenzinho que acha que toda mulher tem que ter exatos 1,60 e pesar no máximo 50 quilinhos.(será que é pra ficar mais fácil dele dar umas porradas nela? isso sempre me intrigou)

¬¬

Anna disse...

(Mais um comentário, deslogada dessa vez)

Esse tumblr me fez pensar no texto :)

http://fuckyeahfatchicksskinnyguys.tumblr.com/

(o tumblr reúne meninas gordas q namoram caras magrelos ou ''sarados'' para os q não acham possível :D)

Anônimo disse...

Legal, mas eu não fico com gorda, não tenho o mínimo de atração. Fico com negras, loiras, baixas, etc... Mas gorda nunca me interessou, acho muito feio. Não tem condições. Engraçado que sou chamado de preconceituoso, mas ela não se aceita, e fica caçando magros e sarados que a esnobam. E depois fica de relativismo para não admitir que não prefere um gordo...tsc, tsc, tsc. Gordas e suas auto- afirmações....

Anônimo disse...

Olhem que legal esta matéria, meninxs : http://thesocietypages.org/socimages/2013/01/23/too-fat-too-skinny/

eliminar cupins na zona sul disse...

adorei o blog

alisson toledo disse...

EU NAO TROCO UMA GORDINHA NEM POR UM CAMINHAO CHEIO DE MAGRINHAS ,AS GORDINHA SAO LINDAS

Anônimo disse...

O que?Cara,isso só pode ser piada,ou vc é estremamente burro mesmo!Desculpe a franqueza,mas tem pessoas com quem ñ da pra usar meio termo...pela tua limitação mental,deduzo que vc é desse tipo!É o seguinte:existem pessoas de todos os tipos,INDEPENDENTE DO QUE COMAM!Conheço muitos magros que comem muuuito mais que eu,isso é da natureza.Claro,se vc tivesse um mínimo de
inteligência,seria desnecessário explicar isso.Quem inventou essa coisa de bonito ou feio,foi a sociedade,jamais a natureza.E ela vai continuar criando pessoas de todos os tamanhos,pesos e cores,independente de padrões estipulados por nós.Ñ estou dizendo aqui,que ñ
temos nossos próprios gostos
pessoais,e que isso ñ é afetado pelo que é considerado bonito.Claro que
isso molda nossas escolhas
pessoais,o que é normal,negar
isso seria hipocrisia.Afinal,é assim que aprendemos.Agora,que vc e muitos aqui,falaram muitas asneiras baseados apenas em tais padrões inventados,é inegável!Sempre existirão gordos e magros,saudáveis ou ñ.Gordura ñ é atestado de doença,assim como magreza ñ é sinônimo de saúde.Nunca.Nem todo magro come pouco,nem todo gordo come muito.Se vc nasceu assim,e está feliz,prq deveria se esforçar pra emagrecer?Agora pense no contrário,aliás,como já foi um dia,e se as pessoas gordas é que fossem consideradas bonitas?Inclusive,em um passado nem tão distante assim,ser gordo era sinônimo de ser saudável.E aí,será que estaríamos discutindo aqui a 'preguiça' desses magros em comer?Será que que as pessoas naturalmente magras deveriam se esforçar horrores,pra tentar se encaixar?Tenho certeza que sim,e choveriam comentários do tipo,'ñ engordam prq ñ querem(como se fossem obrigados a querer!),esses magrelos doentes!
Bem,pra finalizar,entendam:seu gosto,sua opinião pessoal NÃO são a verdade absoluta!Fato.Se fosse assim,ñ nasceriam gordos,gordos ñ envelheceriam,morreriam todos jovens,doentes,e os que sobrevivessem viveriam em depressão,sozinhos,isolados,sem nunca terem sido amados...enfim,só nos restaria o suícidio,nós,gordos infelizes.Só que ñ!
Mas façam o seguinte,ñ reclamem com a gente,reclamem com a natureza,essa "burra" que nos fez assim.Ela deve estar muito cega mesmo,que ainda ñ parou de "fabricar" gordos...Será que ainda ñ percebeu que somente os magros são saudáveis,bonitos capazes?Magros são sempre lindos,nunca adoecem,ñ ficam tristes,e a alto estima então,oh,é alta mesmo!Sempre.Pois é,vai entender essa natureza...Prq mesmo ela insiste em variedades de estilos?E esses gordos que teimam em existir,aff!
Sem mais.
Ana Paula.

Anônimo disse...

Corrigindo:auto-estima.

ana paula

curtidas instagram disse...

Muito bom o post amei vou sempre visitar seu blog !!

Anônimo disse...

Mo legal me emocionei nunca confiei em mim em todo a minha gordura gueria morrer d vergonha ao vistir uma roupa justa agora to confiante

seguidores no instagram disse...

muito bom , adorei o blog, muito legal o post !

Adolescente anonima disse...

Meu fio como vc veio parar aqui??? Por que se nao liga e nao fica de mimimi por que veio ler isso daqui??

USA SALTO ALTO QUE TU ALCANSA O CEU BJUS FUI!!!

Adolescente anonima disse...

HUMM....E MERMO??

BEM EM PRIMEIRO LUGAR....A GORDA FICA MAGRA A HORA QUE QUISER,EU VI A HISTORIA DE UMA MISS POBREEE QUE FICOU MAGRA SENDO QUE ELA ERA MUITO GORDA E AI???

ALEM DE QUE SO POR QUE SOU GORDA EU SOU UM MONSTRO???
OH NAOOO ESQUECI AS MULHERES GORDAS NAO SAO SERES HUMANOS SAO UMA OUTRA ESPECIE DE ANIMAIS??????

Adolescente anonima disse...

UMA PERGUNTA AOS RIDICULOS JULGANDO ESSE TEXTO
BEM PRA COMENTAR TIVERAM DE LER EXATO??
SERA QUE NAO LERAM LA EM CIMA QUE A AMIGA DA LIGIA ACHOU O TEXTO NUM SITE E PASSOU A LOLA??
ELA NAO ESCREVEU O TEXTO SEUS BURROS ENTAO PAREM DE JULGA-LA COMO SE ELA ESTIVESSE PENSADO,E TRATADO DESSE TEXTO COMO SE FOSSE ELA QUE TIVESSE INVENTADO E MAIS SEI QUE ELA SENTE O QUE ESTA AI E NOS TAMBEM AS MAGRAS PODEM FICAR GORDAS E NINGUEM VAI VIVER PARA SEMPRE ALGUM DIA VAMOS MORRER EA IMAGEM NAO VAI MUDAR E NEM "CANCELAR" A MORTE

Anônimo disse...

Eu também achei lindo essa mensagens me animei bastante com isso. Ontem fui descriminada por um homem ate então ele queria me conhecer muito, apos eu perguntar se não teria problema nenhum ele ficar com uma gordinha ele perguntou porque, se eu não era gordinha, foi que entendi que ele só tinha visto fotos antigas minha que eu realmente era magra e bem atraente, ei mandei uma de gordinha e ele simplesmente desapareceu do bate papo que estávamos, ele deixou claramente que uma mulher gorda não era capaz de satisfaze-lo ou até mesmo faze-lo feliz.....Mas agora me animei bastante e sei que somente um homem sem preconceitos me aceitara , me amara, e me fara muito feliz.OBRIGADO POR ESSA MSG RICA DE EXPERIENCIAS

Anônimo disse...

Sou gorda passei por muita descriminaçao.Estou cansada de ver pessoas covardes .Nao sei oq eh perfeiçao para as pessoas. Todos temos algum defeito e nao cabe a nos julgar oq eh certo ou errado em outra pessoa. Sou contra qualquer tipo de preconceito ou descriminaçao.

Anônimo disse...

Gente eu sou magrinha branquinha e tenho cabelo liso e castanho escuro e muito mas muitos.homens dao em cima de mim, sou noiva e mesmo assim os homens me olham descaradamente e dao em cima em.redes sociais e etc. Eu nao sei se.as gordinhas tb levam tanta cantada mas eu nao acho bonito a mulher promiscua. Eu sempre.dei mtos.foras e nunca.fiz.sexo com desconhecidos ou com ficantes. So com meu noivo e meu ex.que namorei 3 anos . Entao isso vai.de.mulher para mulher essa autora do texto acha o maximo ficar com caras gostosos e eu nunca fiz isso. eu quero alguem que me trate bem. me ame e seja romantico. os meus namorados sao quase sempre.ciumentos e me paparicam muito pois é isso que procuro um homem que. me trate bem e como uma princesa. Eu sou meio mimada e muito dificil de.levar para cama.so.depois de um namoro.serio.e meses entao muitos.homens nao tiveram paciencia comigo, mas eu sou assim. Eu acho que homem quer é vagina e pronto nao importa tanto se eh gorda ou magra. As mulheres eh que devem.se valorizar e ser tratadas como princesas isso sim.rs Eu nao procuro beleza.no homem e sim vejo a forma como ele me trata mas nao sinto atracao por gordos.
Sim.eu nunca falei mal.de.uma.mulher gorda mas ja teve gente que era gorda ou cbeinha e fazia dieta notrabalho mas iziam.que eu precisava engordar eu notava que era puro.despeito isso me deixava triste pois.sempre trato.todos com respeito mas sei me.defender tb pois quem muito fala escuta tb. Tem gordinhas que falam besteiras para tentar deixar uma magrinha para baixo sim.e.naacho certo isso. Eu nao fico para baixo pois como.disse tem mto homem dando em cima de mim e eles querem eh vagina agora os que te amam vao te tratar bem e te dar tudo. Fica a dica : mulheres se valorizem!

Anônimo disse...

Olha li seu comentario ... vc é um imbecil.

Elisama Bertochi disse...

Verdade... Estou passando por isso...me sinto assim como VC descreveu.