quarta-feira, 10 de outubro de 2012

CARTÓGRAFOS NÃO COMPREENDEM O CLITÓRIS

 South Park desenha o clitóris, esse órgão mítico

Como eu adoro minhas leitoras e leitores! Foi só eu pedir uma tradução do lindo poema de Nikki Finney sobre o clitóris que angariei três traduções, todas belíssimas! A da Calíope Corcovia vocês podem ver aqui, que ela deixou nos comentários. Adorei as palavras que Caio Graco escolheu para terminar a tradução do poema:

Na água
o desejo pode surgir,
honrando os níveis do mar,
ignorando os cartógrafos
presos na terra.

Na água,
o desejo recusa recuar

Mas vou reproduzir a tradução de Adriano Scandolara na íntegra. Ele trabalha com tradução, e tanto sua monografia quanto sua dissertação de mestrado são sobre poesia (de Shelley). Ele colabora com um blog de poemas, crítica e tradução, e seu último post foi sobre a magnífica Marianne Moore.

O clitóris
tem 9 cm dentro
da pélvis

Na maior parte amassado e escondido.

Novos estudos mostram
que a tímida curva
é mais longa
que o pênis,
mas como a África,
o continente,
seu mapa nunca bate com
o tamanho real.

Cartógrafos e outros, que ganham a vida
mapeando coisas importantes,
não querem que saibamos disso.

Em algumas mulheres,
o clitóris se estende,
desenrola,
8 pol.,
com de 2 a 3.5
pol., sem haste,
fora do corpo.

O maior clitóris já registrado
foi encontrado na baleia azul.

Na água
o desejo se eleva,
honra os níveis do mar,
ignora os encravados
cartógrafos.

Na água,
o desejo recusa o recuo.

Não tenho como agradecer a vocês, queridas pessoas que traduzem. Só sei que vou precisar muito da sua ajuda. Quero escrever um livro sobre como usar a literatura em língua inglesa (que é a minha área) e o cinema para tratar de assuntos de gênero na sala de aula. E, lógico, quero incluir muitos exemplos práticos. Já tenho vários romances e contos em mente, e alguns desses contos não têm tradução pro português. Gostaria de incluir, no livro, algumas traduções, para que as pessoas que não dominam o inglês possam acompanhar, só que pra isso preciso também ver a questão dos direitos autorais. 
Enfim, isso tudo está bem no comecinho. Ainda preciso apresentar um projeto de pesquisa. Mas quero que este seja o meu próximo projeto, algo bem didático, prático, e que possa servir de inspiração para debates sobre gênero. Não é algo imediato, é pros próximos dois anos, e não tenho editora interessada ainda. Mas é algo que quero muito fazer. E vou contar um monte com vocês -– como sempre -– pra traduções, sugestões e análises. 
Bom, sobre o poema em si, este tumblr (em inglês) tem poemas maravilhosos de poetas negrxs. Foi de lá que eu peguei o “Clitóris”. Amei a comparação entre a representação errada que os cartógrafos fazem da África com essa que os médicos fazem da anatomia feminina. O clitóris (odeio essa acentuação, prefiro clítoris; é como ter que falar rêcorde em vez de recórde) deve ser um dos órgãos menos estudados do corpo. Como ele só existe no corpo da mulher -- o negro do mundo, nas palavras de John Lennon --, como ele não serve pra reprodução (única função do ato sexual numa sociedade moralista), e como ele proporciona prazer a um gênero que é visto sem libido, e como a ciência foi durante séculos algo masculino, o clitóris vem sendo ignorado. 
Foi só no final da década de 1990 que uma urologista, a australiana Helen O'Connell, apontou: “O estudo do clitóris é dominado por fatores sociais. Alguns livros de anatomia ainda omitem a descrição do clitóris. Mas há páginas e mais páginas sobre a anatomia peniana”.
Acredite se quiser, foi só há três anos que pesquisadores franceses fizeram -– sem financiamento! -– a primeira sonografia em três dimensões do clitóris estimulado (que seria equivalente a um pênis ereto). Um dos pesquisadores atesta: “A literatura médica nos diz a verdade sobre nosso desprezo pelas mulheres”.
Descobriu-se, através desse estudo recente, que o clitóris é muito maior que se pensava, e que tecido erétil do clitóris estimulado encobre e envolve a vagina. O que era visto como um orgasmo vaginal é, na realidade, um orgasmo clitoriano interno. 
A falta de interesse no clitóris demonstra como não há nada de neutro na ciência. Estuda-se e pesquisa-se o que uma cultura e uma época consideram importante, o que dá dinheiro (Viagra, por exemplo). O clitóris merece duas meras páginas nos livros de anatomia atuais adotados por cirurgiões. “Uma verdadeira mutilação intelectual”, nas palavras do pesquisador francês.
E o que isso tem a ver com a África, além do fato de ser o continente onde a mutilação genital é mais praticada (o que não é mencionado pelo poema)? É que, assim como o estudo da anatomia, a cartografia também segue os interesses ideológicos e financeiros de quem a produz. Eu me lembro do meu espanto ao descobrir, quando era adolescente, que mapas mundi não são fotografias imparciais do planeta. Vocês já se perguntaram por que, num mapa, os países ricos aparecem em cima, e a maior parte dos mais pobres, como todo o continente sul-americano e africano, ficam em baixo? Ué, se o globo é redondo, por que retratar certos países como geograficamente superiores, e outros como inferiores?
Esta é uma visão eurocêntrica do mundo. Foram os navegadores europeus que fizeram os primeiros mapas. Por isso, nada mais natural -– pra eles –- do que colocar a Europa como centro do mundo, e lá em cima. O resto foi sendo incluído depois, perifericamente. O primeiro mapa “de ponta cabeça” foi publicado comercialmente pelo australiano Stuart McArthur, em 1979. Ele não só colocava a Austrália na parte de cima do globo, como também no centro. 
Mas quando vemos um mapa pensamos em verdades absolutas, certo? Não em construções arbitrárias. Desculpe decepcioná-los, mas o próprio tamanho dos continentes nos mapas também é distorcido. A projeção comum que se utiliza muda o tamanho. Afinal, uma esfera não pode ser representada numa superfície plana sem distorção. A verdade é que não há limites para o número possível de projeções de mapas. Então por que só um mapa mundi é vendido como real?
A projeção de Mercator é de 1569, e ela é muito útil pra navegação marítima. Mas, nessa projeção, a África fica do mesmo tamanho da Groelândia. Na vida real, o continente africano é nada menos que 14 vezes maior. Interessa a alguém mostrar que a África – o continente mais miserável do mundo -- é tão grande que, nela, caberiam EUA, China, Índia, México, e toda a minúscula Europa? Interessa a alguém falar do clitóris, o único órgão humano que existe unicamente para gerar prazer? Não, é melhor ignorar a África e o clitóris, escondê-los, fingir que seu tamanho é irrisório.
Tudo isso está no poema da americana Nikki Finney. Ela usa o exemplo da baleia azul e seu clitóris gigante para fazer a transição entre a realidade -– tal qual é construída e apresentada a nós –- e a realidade do corpo e da própria África. Os cartógrafos e anatomistas podem conter a África e o clitóris nos seus mapas e livros médicos, mas não podem conter seu potencial e poder. Algum dia, todo um continente, todo um gênero, irá se insurgir. E ninguém poderá nos deter.

88 comentários:

Mirella disse...

Ai que marmota de Satanás, imagine só.

Pare de dizer que tudo é uma construção social, Lola. É óbvio que os europeus são o centro do mundo e que os africanos são inferiores. Tá nos mapas, DÃÃÃ. Não interessa quem fez os mapas, é a verdade, é a história!
E o clitóris também é invenção! Não existe! É uma mentira do marxismo cultural que tenta desconstruir a idéia CLARA E ÓBVIA de que mulheres não sentem prazer e usam o sexo como arma - esses malditos seres inferiores. Afff, que absurdo. Mulheres possuem um órgão feito exclusivamente para o sexo e para o prazer? QUE ABSURDO. Todos sabem que o homem é que é o animal sexual da raça humana. Tudo o que essas mulheres dominadoras querem no sexo é serem submetidas, e não terem seus clitóris - inventados! - estimulados.


Este comentário foi patrocinado pela Euforia Pré-Feriado Inc. em associação à Ironia Ltd.

Dona do Sexo e sou Lolista rs disse...

Lola,as fotos que aparecem do planeta terra vista do universo sao como representa os mapas.Ou estou enganada?

Anônimo disse...

mulher gosta de sexo como meio, e não como fim !
Negar isto e ser ignorante perante a realidade !

Anônimo disse...

acho que gostei mais da tradução (?).

Bruna S. disse...

Oi Lola, tudo bem?

Gostaria de já me candidatar a "tradutora" auxiliar deste seu próximo projeto. Estudo inglês na faculdade e se vc quiser, estamos aí.

Um abraço, e parabéns pelo post!

Bruxinha disse...

Uau!! fiquei sem fôlego! amei o texto!

Anônimo disse...

Pronto, era so o que faltava, as feministas querendo provar que o critoris e maior que o penis !

Elas fazem de tudo para arrumar suas "namoradinhas"

aiaiai disse...

Eu queria que representassem os polos nos lados ia ficar muito mais divertido.

Sobre o clitoris, vou te contar...eu sempre senti (desde criança) prazer no clitores. Qd eu tinha lá pelos 18 anos, alguém me disse que isso era errado. Que mulheres q sentem mais prazer no clitores do que na vagina são imaturas (vejam bem, eu tinha 18 anos...).

Encanei com aquilo, muito. "será que o meu prazer é errado?"; "como faço p sentir + prazer na vagina do que no clitoris?"; "vou ter que esconder esse fato dos futuros namorados ou eles vão descobrir que eu sou imatura, oh my lord!!!"

Hoje, parece engraçado. Mas eu sofri durante um bom tempo por causa disso. Até que fui descobrindo que era uma estupidez sem tamanho. Foi em conversas com outras mulheres e homens, leitura de livros e, finalmente, a constatação de que o prazer é meu e eu sinto ele onde eu quiser!!!

Mas, pense, quantas mulheres ñ tiveram a oportunidade de se livrar desse absurdo espalhado como "fato" pela sociedade?

#freeclitoris!!!!

Bruno S disse...

Esse papo de clitóris me lembrou um piada que escutei já há bastante tempo.

Acho que resume a importância que boa parte de nossa sociedade dá a tal órgão.

"Clítoris ou clitóris? Lá no Norte mulher não tem essas coisas não. E, se tiver, entra na vara!"

Acho que um órgão que serve apenas para o prazer acaba sendo muito subversivo para nosso moralismo.

Anônimo disse...

eu to para ver uma mulher me provar que gosta de sexo tanto quanto um homem, tipo gostar do corpo do homem, mesmo, de ver um penis ereto, e que se dane, se ele e legal, feminista, bem sucedido, sentir vontade de dar para o cara sem se importar de onde que ele vem, ou para onde ele vai.

O dia que eu ver isto estarei convencido que mulher gosta de sexo tanto quanto nos !
Pois o que eu vejo e que a mulher não liga a minima para o corpo do homem, mas sim para o contexto fetichista em que ele esta envolvido !

abobrino disse...

Quando os europeus navegaram pelas redondezas, explorando e mapeando o mundo ao seu redor, é natural que as descobertas fossem colocadas à sua volta conforme fossem aparecendo. Alguém aqui, ao desenhar um mapa para uso próprio iria se colocar no canto dele? Não, colocar-se no centro é natural,pois ele é feito a partir do seu posicionamento.

E a representação de "ricos acima, pobres abaixo" é apenas coincidência, visto que ela é a mesma muito antes da maior parte dos países pobres serem mapeados. E para que a representação seja a mesma em qualquer lugar do mundo, facilitando a transmissão de dados, ela se mantém inclusive nas fotos do espaço.

Dona do Sexo -Bonobo rules,Jaçanã forever disse...

É,parece que estou enganada.Agora nao entendo mais é os fusos horarios...aff.rsrs

Anônimo disse...

Ei psiu , feministas lesbicas,vou contar um segredo, não precisam ficar inventando teorias mirabolantes para convencer as mulheres a se relacionarem com vocês, basta ganharem bem, e terem um bom destaque social, pois a sexualidade feminina e utilitarista !

Beatriz disse...

Oi Lola! Sou estudante de teatro, e, atendendo ao seu pedido de sugestões, acho que seria legal fazer uma análise da peça "A Megera Domada" de Shakespeare, que trata muito do confronto do poder feminino com o masculino.

Bjs

Drica Leal disse...

Lola, não acho que a ciência estude pouco a anatomia ou outras características biológicas femininas, só acho que os estudos e conclusões que existem não são divulgados, ou, quando são, são de forma superficial.

Alguém aí se lembra do estudos científico que descobriu que todos os seres humanos são do sexo feminino nas primeiras semanas de gestação? Ou seja, na espécia humana, a fêmea é o padrão da espécie. Trocando em miúdos, o ser humano deveria ser XX, mas uma adaptação faz com que os XY existam, eles seriam fêmeas adaptadas, grosseiramente falando. Essa teoria põe abaixo os mitos d criação do homem e outras baboseiras que justificam socialmente a supremacia masculina e a subjugação das mulheres. Mas é, claro, acho que a mídia e as publicações científicas não divulgaram isso como uma grande descoberta, com o impacto que deveria, só como algo trivial.

Pra mim, saber que o gênero sempre subjugado na verdade é o padrão da espécie tem um impacto muito grande, é uma idéia no mínimo desconfortável para um machista ou misógino saber que o tão idolatrado gênero masculino não existe por si só, mas o feminino sim.

Anônimo disse...

eu ligo (muito!) pro corpo do homem. eu acho que mulher não acaba fazendo sexo com qualquer um independente de contexto porque somos muito vulneráveis. A chance de o cara com quem a gente sai ser 1) babaca 2) violento 3) psico é muito grande. Agora, como vocês homens (mascus) conseguem transar mesmo com as mulheres que desprezam, eu fico pensando que o prazer de humilhar uma mulher, de fazê-la sentir-se usada, também é um contexto. Não é que vocês transem por transar, só pensando no corpo da mulher - vocês são doentes a ponto de sentir tesão em situações em que existe a possibilidade de humilhar uma mulher.

Drica Leal disse...

Aliás, apesar de não ser bióloga, geneticista, anatomista, etc, sempre me pareceu muito óbvio que a anatomia masculina é uma adaptação da feminina, principalmente depois dessa descoberta que todos os seres humanos a princípio são fêmeas.
Por exemplo, agora sabemos que o clitóris é praticamente do mesmo tamanho que o pênis. O pênis não poderia ser um clitóris externo? E os testículos, não corresponderiam aos ovários? Por que o saco escrotal tem uma espécie de cicatriz, como se já tivesse sido aberto? Até mesmo a próstata tem um correspondente feminino: as glândulas de Skene.

Se eu, uma leiga total, posso pensar nisso, vocês acham mesmo que os cientistas não devem já ter se perguntado essas coisas e estudado as respostas?

Anônimo disse...

Anônimo das 11:47, como uma mulher poderia te provar isso? E quem é você na night pra alguma mulher ter que te provar do que ela gosta ou desgosta?

Cada um e cada uma sabe de si. Se tu não acredita, problema teu. Fica aí batendo o pézinho dizendo que não acredita, enquanto a gente segue aproveitando a vida.

Luci

Elaine disse...

http://ribcagerebel.tumblr.com/post/33273905186/massive-trigger-warning-rape-instructions-to

Lola não tem nada a ver com o post,mas eu precisava deixar isso aqui pra você ver! To suando frio de nervoso porque tenho uma conhecida que ta nessa universidade e só de pensar dela estar andando por lá com esses cartazes rondando sem o menor pudor eu fico espumando aqui,PQP e ainda tem gente que fala que não vivemos em uma cultura de estupro! OLHE ISSO PELO AMOR DE ALÁ e me fale se isso não é incentivar estupro na cara dura! Lola por favor faça um alerta sobre isso,ta rolando um SIGNAL BOOST no tumblr.

Fernanda disse...

"Ou seja, na espécia humana, a fêmea é o padrão da espécie. Trocando em miúdos, o ser humano deveria ser XX, mas uma adaptação faz com que os XY existam, eles seriam fêmeas adaptadas, grosseiramente falando."

É, na verdade não é assim...a base realmente é feminina, mas assim: mulheres produzem gametas X (porque são XX) e homens produzem gametas X e gametas Y (porque são XY). Quando um de cada se juntam pode formar XX ou XY. A base é X, o Y importa para a formação de hormônios masculinos (que dá inicio a diferenciação do gênero).
Existem mulheres XY que não tem o Y ativado e então, bem, são mulheres biologicamente. Mas é impossível haver vida sem o X, só com o Y.

Tem bastante erro no que é divulgado inclusive pela cultura popular. Esse é um exemplo (pessoal geralmente sofre pra entender que quem determina o gênero é o gameta que vem do homem).
E muita gente acha que o "padrão" é ser mulher. ISSO NÃO EXISTE!! (na especie humana, ao menos). O que existe são 2 gêneros, que tem um pouco de variação genética.

É como falar que humanos são descendentes de macacos. NUNCA, totalmente errado!

Espero ter esclarecido, e não se ofenda, é que isso de padrão feminino tá BEM errado mesmo.

Anônimo disse...

Quando se encontra a química, se perde a razão.

Anônimo disse...

Mais um post,em que um monte de mascuCUZÃO afirmará que mulher não gosta de sexo e um MONTE de mulher refutará com exemplos pessoais,ai eles retrucarão e blá blá blá ...morro e não entendo essa necessidade de se "justificar" pra essas amebas do mundo mascuCUZÔnico.



Cética

Anônimo disse...

Adorei o poema. Pra mim, meu clitóris é mágico hehehe

Ah sim, vi essa notícia no site do O Globo e queria a opinião de vocês.
É sobre um restaurante na Austrália. Eles usam mictórios em forma de bocas femininas.

http://oglobo.globo.com/blogs/pagenotfound/posts/2012/10/10/restaurante-obrigado-retirar-mictorios-em-forma-de-boca-feminina-469598.asp

Mirella disse...

Mascus cantam um samba parecido com o Zeca Pagodinho:


"Você sabe o que é clitóris?
Nunca vi, nem comi eu só ouço falar..."

Anônimo disse...

Ai Lolinha adorei esse post, lindo mesmo! E eu fiquei encantada com este poema e os desdobramentos dele.

Beijos,

Karine

Anônimo disse...

Concordo com a Drica, eu acho a mulher humana bem mais completa que o homem humano, baste notar a capacidade de reprodução, na natureza muita fêmeas alias se reproduzem de forma autonoma,sem a necessidade deum macho, ou seja as fêmeas são bem mais necessárias para manutenção das especies !

Rita

Daniela disse...

Lindo, lindo, lindo!

Teresa Silva RJ disse...

Falando em clitóris e sugestões de filmes, indico esse filme que foi exibido no Festival do Rio. Eu não vi por que não tenho tempo nem saco de madrugar em fila por ingresso. Mas espero que saia em DVD ou na internet:

"Um dos filmes mais interessantes em cartaz no Festival do Rio é “Histeria”, terceiro trabalho da jovem e desconhecida diretora Tanya Wexler. É uma comédia de época que tematiza a invenção do vibrador, pelos britânicos, nos anos 1880, história real tratada em tom farsesco. Naquele tempo ainda era aceita como verdade absoluta a noção, que vinha da antiguidade clássica, segundo a qual os diversos graus de irritabilidade feminina correspondiam a estados de histeria (do grego hystéra — útero), uma doença que, dependendo da gravidade, podia levar à internação em manicômios."

Resto da coluna aqui http://oglobo.globo.com/cultura/histerica-6301535

Ana disse...

Meldels, a notícia do clitóris ser maior que o pênis despertou a IRA das pessoas!

Sério que precisa de toda esse revolta, caras? (ou é só uma única pessoa postando milhares de vezes? Se for: Filho, GET A LIFE).

Sim, as mulheres sentem muito prazer, gostam muito de sexo, o clitóris é enorme -- e daí? Quem se incomoda com isso precisa dar um pulinho no psicológo.

Eu já sabia disso (RÁRÁ). Vi num documentário do Home&Health ou coisa assim. Era apresentado pela Maggie Gyllenhaal, não lembro o título. Mas se não me engano vi essa mesma imagem aí do post no vídeo.

E é, também ODEIO "clitóris". Putz, "clítoris" soa muito melhor.

@Mirella
"Este comentário foi patrocinado pela Euforia Pré-Feriado Inc. em associação à Ironia Ltd."

... Rindo eternamente.

Mirella, onde é que você tá fazendo esse cursinho de humorista? Quero também.

Teresa Silva RJ disse...

Falando em clitóris e indicação de filmes, tem esse que foi exibido no Festival do Rio. Não vi, mas parece bom:

"Um dos filmes mais interessantes em cartaz no Festival do Rio é “Histeria”, terceiro trabalho da jovem e desconhecida diretora Tanya Wexler. É uma comédia de época que tematiza a invenção do vibrador, pelos britânicos, nos anos 1880, história real tratada em tom farsesco. Naquele tempo ainda era aceita como verdade absoluta a noção, que vinha da antiguidade clássica, segundo a qual os diversos graus de irritabilidade feminina correspondiam a estados de histeria (do grego hystéra — útero), uma doença que, dependendo da gravidade, podia levar à internação em manicômios."

Continuação da crônica aqui:
http://glo.bo/R14inD

Ana disse...

... Aqui, achei o documentário (em inglês): http://www.youtube.com/watch?v=RFpKCHO-iVE

Gabriela disse...

Pois é Drica Leal.Eu me lembro bem de ver isso no fantástico.De q até um certo ponto da gravidez todos são meninas e q sabe-se lá por de repente há um amadurecimento nos ovários e eles caem,descem.E é assim q o pênis começa a ser formado.Eles então são revestidos por uma pele q forma a bolsa escrotal.É um palpite meu agora,eu acho q o pênis é o clítoris.Se já se sabe q os testículos são os ovários é justo deduzir q o pênis é o clítoris,não? Isso não é divulgado porq vai contra muitas instituições poderosas.A Igreja Católica por exemplo.Seria o fim da teoria criacionista.

Ana disse...

@Drica Leal, Fernanda e Gabriela

"Pois é Drica Leal.Eu me lembro bem de ver isso no fantástico.De q até um certo ponto da gravidez todos são meninas"[2]

É, eu vi isso também.

Fernanda, só por curiosidade, você estudante/profissional relacionada à area de genética ou coisa assim? (fiquei com essa impressão quando li o comment).

Gabriela disse...

Eu preciso recomendar o filme Mozart’s Sister.É a biografia da irmã do Mozart.Resumindo ela era tão ou mais-nunca saberemos- talentosa quanto o irmão.Mas o machismo da época dizia q uma mulher era intelectualmente incapaz de compor.Ou seja ela teve suas asas podadas pela sociedade.O quanto perdemos?Que músicas maravilhosas nós perdemos?Ela não foi a única q perdeu.Toda a humanidade perdeu seu absurdo talento.E tem gente q ainda diz q o machismo é uma coisa boa.
Abaixo o link para dowload
http://www.omelhordatelona.biz/genero/drama/2315-mozarts-sister.html

Anônimo disse...

O clitóris corresponde ao pênis de certa maneira, sim. Tanto que em cirurgias de troca de sexo, as mulheres para terem "pênis", incham o clitóris. E fica parecendo um pênis mesmo hehe

Só que não serve para penetrar, pelo menos não até onde eu saiba. É mais de caráter psicológico, enfim...

E também existem mulheres que possuem o clitóris bem pra fora, que também lembra um pênis.

Anônimo disse...

Anônimo 11:47, prazer!

Te desafio a encontrar uma mulher bi/hetero que não se arrepie ou fique molhada com essa linda foto: (NSFW galera, é uma piroca)
http://25.media.tumblr.com/tumblr_m6ab1km60l1qe8jo4o1_500.jpg

O meu clitoris é um pouco maior que o normal, os mano pira

Lilian Soares do Nascimento disse...

"Você sabe o que é clitóris?
Nunca vi, nem comi eu só ouço falar..."

Mirella, quase morri de rir aqui!

Poema maravilhoso!

E é inacreditável como AINDA tem tanto cara apavorado com a possibilidade de mulheres sentirem prazer, de terem um órgão com essa exclusividade! Até mesmo em certos povoados miseráveis da África - sem acesso a educação - eles têm certeza disso e é por isso que mutilam os clítoris das meninas.

Agora... Pra quê tanto medo do prazer e contentamento alheio?

Jéssica disse...

@Fernanda

O que o gameta masculino definir o sexo tem a ver com o sexo feminino não ser o padrão?

Uma pessoa XX sempre nascerá mulher, mas uma pessoa XY, que deveria ser homem, se não receber hormônios masculinos o suficiente nascerá como uma mulher infértil e sem ciclo menstrual, ou como um hermafrodita.

Sara disse...

Lola é fora do tópico, mas achei muita canalhice a forma como essa noticia foi veiculada, mostrando um exemplo de governo RUIM de uma única mulher, dando a entender que governos geridos por mulher são deletérios as próprias mulheres.
O gente q não se cansa viuuuu!!!!

http://noticias.r7.com/internacional/noticias/quando-as-mulheres-prejudicam-outras-mulheres-20121005.html

Mirella disse...

aiaiai

morri com o #freeclitoris


Ana,

ahahahahahh toco vergonha =x

Na verdade eu faço parte de um grupo de estudo científico que observa mascus em cativeiro. Fazemos uma série de experimentos para entender sua estrutura cerebral. Eles são submetidos a elementos que sabemos não serem familiares a eles, tais como doses de sarcasmo e ironia. Os experimentos são intercalados com aulas de curta duração, pois eles não conseguem se concentrar em nada que não fale as palavras "friendzone", "cafa" ou "bonzinho" por muito tempo. É complicado. Semana passada demos uma boneca para cada um e pedimos que eles fizessem um pontinho com canetinha onde eles achavam que ficava o clitoris. Bom, depois de explicar o que era clitoris (pela terceira vez) o estudo não adiantou muito, pois as bonecas pareciam manequins de aculpuntura, com pontinhos pelo corpo todo.

Como diria Phoebe: I went too far, didn't I?

Priscila Boltão disse...

"eles seriam fêmeas adaptadas, grosseiramente falando"
REVOOOOLTA NO MUNDO MASCU!
hahaha
E tb pelo clítoris ser maior que o pênis. Srsly guys, a gente nem vê essa parte, q fica por dentro, então vcs fiquem tranquilos, se tamanho é TÃO importante pra vcs, a gente não tem como colocar do ladinho pra comparar. kkkk
E a coisa dos genes, eu tb conheço isso, q até uma altura, todos são fêmeas. Sim, o gameta masculino determina o sexo, mas ele só "ativa" depois de algumas semanas. Eu ia fazer um comentário relacionado a genética mas esqueci partes doq aprendi na escola e se eu disser algo errado vai ter gente pronta pro mimimi.
"E quem é você na night pra alguma mulher ter que te provar do que ela gosta ou desgosta?"
RI. DEMAIS.
Eu não entendo a fixação masculinista de achar que mulher não gosta de sexo. Sério? Sério???
Acho que eles vivem em um universo paralelo em que mulheres não se masturbam, não tem clítoris (tb acentuo no "i", "clitóris" me dá agonia) e só fazem sexo por necessidade social/afetiva.
Like, really?
"será que o meu prazer é errado?"
Aiaiai, eu tinha o MESMO medo, a mesma preocupação, quando comecei a aprender sobre sexo e masturbação e percebi que eu sentia muito mais estímulo no clítoris doq no canal vaginal. Eu pensava q tinha alguma coisa errada comigo, e nunca tive ngm pra conversar sobre o assunto. Só com a ajuda da internet q descobri q a única função desse maravilhoso botãozinho mágico era exclusivamente essa - dar prazer. Aí tranquilizei e entendi pq as lésbicas acham burras demais as pessoas que acham que elas precisam de um consolo pra se relacionar, aí tudo fez sentido kkkk
Ai gente, eu to rindo muito dessa caixa de comentários hj. Galere tá em ritmo de feriado já.

Sara disse...

Pois é Gabriela, não bastasse tudo q foi perdido, alguns machistas acusam as mulheres de não terem nenhum talento ou inteligencia, sendo q como vc mesma falou eramos podadas em TODAS AS NOSSAS POTENCIALIDADES.

Gabriela disse...

Sara
Sem mencionar aqueles q justificam a suposta superioridade intelectual masculina dizendo q na história os grandes inventores,cientistas,artistas,médicos e etc são todos homens.Eles esquecem q no decorrer da História nos foi negado o mais básico dos direitos.A alfabetização.E como estávamos ocupadas demais tipo sobrevivendo.E na verdade quantas mulheres foram sabotadas pela História?Um exemplo é a Hedy Lamarr.Uma atriz q simplesmente inventou o celular.Ela é tão lembrada quanto o sei lá Thomas Edison?As conquistas femininas são ignoradas e sabotadas deliberadamente desde sempre.

Carlos disse...

Bom questionamento sobre o mapa, nunca tinha pensado para pensar nisso, quem garante que norte (eua e europa) realmente é norte?

Colocando o globo de ponta a cabeça, antártida fica ao norte e ártico ao sul... mas será que o planeta não está assim frente ao Sol?

Lúcio disse...

"Não, é melhor ignorar a África e o clitóris, escondê-los, fingir que seu tamanho é irrisório."

E depois dizem que só homens se importam com o tamanho de orgãos sexuais... Não é você que já usou a expressão "que papo mais fálico" (acho que era algo sobre pessoas que se julgavam mais feministas que as outras, algo como "meu feminismo é maior que o seu")?É engraçado ler essas coisas agora.

Rose disse...

Gente, ta dificil pro MASCU: primeiro descobrem q o pênis está diminuindo, depois aprendem q a mulher tem um órgão exclusivo para o prazer e que existe pesquisa (bem avançada, inclusive)para o desenvolvimento de células sexuais a partir de células-tronco...sei não, mas acho q entrarão em extinção, afogados nas lágrimas de um deus chamado walita

yulia2 disse...

o pinto está encolhendo e o clitoris crescendo...

pqp
fujam pras colinas mascuzada

Mirella disse...

Lúcio, gostei muito do seu comentário, bem lúcido (um trocadilho, rs)!

Na verdade, acho que você tem um perfil bem legal para participar de um estudo científico do qual participo. Estaria interessado?

Por favor, se manifeste! Obrigada!

Carolina Guedes disse...

vocês viram? http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2012/10/10/menina-blogueira-baleada-pelo-taleba-recebe-novas-ameacas-no-paquistao.htm

Leio Lola Leio disse...

Justiça condena Estado a pagar R$ 250 mil de indenização a mulher torturada e estuprada por policiais na Grande Recife: http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2012/10/10/justica-condena-estado-a-pagar-r-250-mil-de-indenizacao-a-mulher-torturada-e-estuprada-por-policiais-na-grande-recife.htm

Anônimo disse...

Ei Lola!
Leio o blog há algum tempo, mas nunca comentei. Hoje fiquei sabendo desta lei e tive que vir aqui te perguntar, pois não lembro de ter visto isto nos seus posts. Não tem muito a ver com o post atual, mas você sabia que as mulheres só podem fazer laqueadura se pedirem autorização para o marido? Se forem solteiras não podem fazer porque não têm marido para autorizar. Fiquei chocada, não sabia disso, tomei conhecimento nesta reportagem http://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2012/05/31/interna_nacional,297588/ligadura-de-trompas-so-podera-ser-realizada-comr-autorizacao-do-marido.shtml#.UHXUr8xFLtU.facebook
Tem horas que dá vontade de sumir, viu?
Abraços

Laila disse...

Vai mudar alguma coisa se colocarem os continentes ao contrário no mapa? O mundo vai ser mais justo, as pessoas mais solidárias? Na verdade, foram os europeus que saíram navegando ao redor do mundo e é natural que suas "descobertas" fossem colocadas ao seu redor como BEM escreveu o "abobrino aí em cima.
Quanto ao clítoris ou clitóris, como queiram, não é/foi abordado na literatura por "decoro" feminino do passado. Algo assim como preservar as "partes mimosas" femininas hahahahaha. Tá certo, é social sem dúvida. Hoje em dia, isso não cabe mais. O clítoris deveria ser explorado a exaustão. Cantado em verso e prosa, dissecado, tema de discussão até no plenário. Garanto que vão descobrir mais funções desse órgão, muito mais que só um mero órgão de prazer.
Quando ao sexo feminino ser padrão eu discordo. O sexo feminino, XX é a BASE e não padrão. XX é feminino. XY pode ser feminino por causa do X. É masculino se tiver eventos relacionados que já escreveram aqui. Portanto, a base é feminina. A base precisou de uma célula (espermatozóide) para perpetuar a espécie. Assim surgiu o homem. Biológicamente, ambos se completam. Socialmente, sei lá. Cada um com seu cada um.

Anônimo disse...

E ! parece que os homens estão se tornando cada vez menos necessarios !kkk

Anônimo disse...

Drica leal, se no seu experimento com homens, a boneca usada para que os homens descrevessem os pontos eroticos femininos ficou toda "pintadinha" se deve ao fato de homens adorarem todo o copo feminino,apenas a imagem de uma bela mulher ja estimula sexualmente um homem, ao contrario de vocês que se colocarmos dez homens jovens nus num canto, e uma vitrine de sapatos em outro canto, e soltarmos uma mulher neste ambiente, elas irão para o lado da vitrine, sem pensar duas vezes, e sem olhar para o outro canto .

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Feministas falando de prazer, de sexo, de clitóris, de coisa boa e os mascus nessa única nota ressentida.
Como deve ser ruim vida de mascu.
É claro que vemos sexo como meio. Meio de ter orgasmo, prazer, de relaxar, ficar de bom humor.
Ô povo pra baixo que não relaxa nunca, nem diante de um texto maravilhoso e bem humorado (mesmo tocando em assuntos sérios) como esse.

Anônimo disse...

E a Ira dos mascus começa.... Fujam para as montanhas... ou não. Por que como disse a Rose, acho que agora que os mascuzinhos descobriram que os pênis andam diminuindo (ou que a maior parte dos homens começou a falar a verdade) e pasmem, avisem a NASA as mulheres tem um órgão exclusivo para o prazer AI MEU DEUS!!!!!! eles vão acabar morrendo afogados nas próprias lagrimas ou nas lagrimas do deus juicer kitchen revolution philips walita (hahahaha)

Será possível que nos realmente sentimos prazer? será que realmente gostamos de sexo ? hié hié não é pegadinha do malandro, SIM É REAL.

pausa para contagem dos mortos por que com certeza depois dessas revelações bombásticas vai ter muito mascu enfartando.

Moema L

Sara disse...

Infelizmente li mais essa noticia CAROLINA GUEDES, e te juro NUNCA vou conseguir entender como tem tanta gente q defende esses grupos islâmicos q praticam essas atrocidades lamentaveis e covardes, me desculpem , mas quem faz isso compactua com essas monstruosidades.

Anônimo disse...

Off topic.
A notícia é de 2009, mas uma celebridade britânica disse que não amamentava seu filho pois acreditava que seus seios eram apenas pra sexo.

Fiquei horrorizada ao ler isso.
Como assim?!?!?!
oO

Sara disse...

Anon 17.36, eu fiz essa operação ha 20 anos atras e tb fiquei extremamente indignada por isso, fui obrigada pelo médico a levar o mala do meu marido no consultório para que ele desse uma autorização para fazer a laqueadura, tentei argumentar com o médico pq ja havia sofrido tres abortos expontâneos e consequentes curetagens q são horriveis de se fazer, obviamente não queria mais engravidar, mas mesmo com esse histórico médico tive q levar o SENHOR MEU MARIDO , para autorizar essa operação, ele até autorizou mas bem de má vontade pois desejava mais filhos, mas ai o próprio médico o convenceu por causa das gestações que eu havia perdido.
Pensei q essa aberração nem existisse mais, mas pelo jeito nós mulheres ainda somos tratadas como INCAPAZES até mesmo de decidir se queremos ou não ser mães.

Sara disse...

deus juicer kitchen revolution philips walita [2]

kkkkkk, só aqui na Lola pra ler essas pérolas do humor .....

Anônimo disse...

Extra Extra

Suicídio em massa de mascus enloquecidos.
Testemunha disse que o grupo de mascus inconsoláveis e liderados por um tal guru Walita , cometeram suicídio em massa, após lerem no blog de uma tal feminista Lola, que as mulheres têm um órgäo específico para o prazer delas. Testemunha afirma: um saiu com um controle de vídeo game em umas das mäos gritando: não, não mulheres não tem prazer no sexo, Deus clonos me ajude!

Drica Leal disse...

Fernanda:

Não fico zangada não, como disse, sou leiga no assunto.

Bjo

Carla disse...

Para quem estava comentando se o clitóris é o correspondente do pênis, eu acredito que sim.Até porque temos um bom exemplo disso no mundo animal.Alguém aqui já ouviu falar do "pênis feminino" da hienas malhadas, então, aquilo é na verdade um clitóris externo, que mesmo parecendo muito um pênis não atrapalhou a reprodução da espécie

Anônimo disse...

Lola peço licença desta ótima postagem(os mascus devem estar se matando de ódio e frustação!kkkk, losers!).

Pessoal BOICOTEM a ridícula loja VISOU aquela que o funcionário desacatou a moça desferindo vários xingamentos e a mandando "procurar macho.
Pois bem, esta lojinha de bosta tá fazendo SUCESSO e mandaram um recado muito do abusado para a moça. Até a chamaram de "escrava". ELa tinha que meter um processo neses! Leiam neste link.

http://br.noticias.yahoo.com/blogs/vi-na-internet/loja-virtual-que-mandou-cliente-procurar-macho-comemora-193320721.html

Também li sobre a menina de 14 anos baleada covardemente pelos misóginos e covardes militantes do taleban. Melhores informações no link abaixo:

http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/bbc/2012-10-10/menina-de-14-anos-baleada-por-defender-direito-a-educacao-recebe-novas-ameacas.html


Sawl

Binha disse...

Adorei o post, lindo!

Cora disse...

Galera,

Em biologia existe o conceito de órgãos homólogos, isto é, órgãos que tem a mesma origem embriológica (o mesmo grupo de células do embrião é responsável pela formação das duas estruturas).

É o caso do clitóris e do pênis. Eles são estruturas homólogas. Aliás, o corpo humano é, grosso modo, igual para ambos os sexos. Assim, as estruturas que diferem anatomicamente em homens e mulheres são homólogas.

É assim para todo o sistema genital.

Então, vamos lá: são homólogos

- Ovários e testículos. Órgãos glandulares. Produzem gametas e hormônios femininos e masculinos, respectivamente. Ambos são regulados pelos mesmos hormônios (FSH e LH) produzidos na hipófise, uma glândula localizada no encéfalo.

- clitóris e pênis. o clitóris é um pequeno pênis, tem estrutura semelhante e também fica ereto durante a excitação.

- grandes lábios e saco escrotal.

- pequenos lábios e uretra distal (uretra é o canal urinário. a uretra distal seria a parte peniana da uretra).

- glândula de skene e próstata. A glândula de skene está relacionada com a mítica ejaculação feminina.

Para todas as demais estruturas dos sistemas genitais existem correspondentes em ambos os sexos, mas acredito ser detalhe demais para este espaço.

Os testículos ficam fora da cavidade do corpo, pois a temperatura ótima para a formação de espermatozoides saudáveis é ligeiramente mais baixa do que a temperatura corporal.

Como alguém disse aí pra cima, o fenótipo (aparência) feminino é o default, como se costuma dizer. Se nada de diferente acontecer, o organismo formado terá aparência feminina. Para o desenvolvimento das características sexuais primárias masculinas é necessária a atuação de um gene (denominado SRY) do cromossomo y, responsável pelo fator de determinação dos testículos, que promove a diferenciação das características masculinas, por isso a homologia. Se esse gene não se expressar, o fenótipo será feminino.

Pessoas, vamos deixar de bobagem, né? Não há pior ou melhor. Apenas diferentes.

Anônimo disse...

Lola, amo o seu blog. Mudou a minha vida e a minha perspectiva como mulher. Muito obrigada e um grande beijo!

Anônimo disse...

Meu deus, Lola, a notícia sobre a loja Visou é realmente absurda!

Como não tenho Facebook, não dá pra ir lá olhar, mas achei num site de notícias a troca de mensagens entre a cliente e a loja.

http://oglobo.globo.com/blogs/nasredes/posts/2012/09/12/visou-indelicada-464995.asp

Vou reproduzir aqui os impropérios proferidos pela loja (trocando os palavrões.. e olha que nem assim fica leve):

"Aproveita e leva isso pra eles: VAI SE F**** SUA COMUNISTAZINHA DE M****.
e não vamos enviar m**** nenhuma
vai transar sua mal comida do c******
nem foto põe de tão feia que deve ser"

"sua vagabundinha de m****! domingo à noite e você na internet? não tem um macho pra te comer não?
seu lixo"

Ahhhhh que vontade de matar o babaca que disse essas coisas!!! Que ódio!

Jana disse...

Deem uma olhada www.the-clitoris.com
Sempre podemos aprender mais. Achei muito bom.

Ju disse...

Uau! Meu mundo caiu. A ignorância é uma merda mesmo.
Alguém tem a imagem de um mapa com o Brasil no centro? Eu quero!

Luara Tanuri disse...

agradeço por esse post, Lola.

em minha experiência com o trabalho da terapia tântrica percebo quanta ignorância existe entre homens e mulheres sobre o clitóris.

No trabalho de adoração à yoni q faz parte do atendimento para mulheres, a grande celebridade é o clitóris. ele é o centro das atenções. Existem várias formas d se estimular o órgão e a mais importante é aquela q promove o descolamento do osso púbico. Por todos os motivos q já conhecemos, esse importantíssimo órgão feminino é, geralmente, atrofiado. É possível desenvolvê-lo com estímulos adequados. Em vez de pressionar, é melhor pegá-lo inteiro e puxar para longe do corpo, como na clássica manobra da masturbação no pênis. O clitóris é um órgão análogo ao pênis, a "única" diferença é q ele ñ tem a função para urinar e ejacular, mas só (só!) para o prazer sexual. Ele, o maravilhoso clitóris, é o responsável pelo fato das mulheres sentirem orgasmos mais intensos, mas longos e em maior número q os homens...

Anônimo disse...

Talvez o que mais impressiona no mundo moderno é a facilidade que as mulheres tem de fazer sexo com outras mulheres, a quantidade de mulheres que são bissexuais aumenta muito mais rápido do que a quantidade de homens que são gays ou bissexuais.
Isso ocorre porque a mulher acha que não precisa mais do homem.
Então ela quer experimentar novas emoções e ter “liberdade” pra fazer o que ela quiser,

Ju disse...

Será que se fosse o contrário, com um homem, essa loja teria tanto êxito? Tantas pessoas achando graça?

Lord Braska disse...

John sempre polemizando.
Querendo comparar negro com mulher, cada um é cada um, são situações distintas não há parâmetro objetivo medidor de sofrimento e privação humana, pelo menos até onde sei.
Concordo Clítoris soa bem melhor do que Clitóris.
No mais, não sou lá conservador, seja lá o que se entenda por isso ou moralista idem, mas não sou daqueles que adora poemas louvando ou descrevendo o Falo, porque com o Clitóris seria diferente.
Cada um com seu gosto, somos tão iguais e tão diferentes.

Anônimo disse...

Oi?É isso mesmo ?Um homem tem q me autorizar a fazer ou não fazer algo com meu corpo?Eu não quero ter filhos e não posso fazer algo sobre isso?Homens vcs precisam de autorização feminina para a vasectomia?Eu quero saber q argumentos sustentam essa Imbecilidade.
Tá aí algo precisa ser combatido.Abaixo assinado já!Não seria um objeto de protesto interessante?Uma blogagem coletiva faria o barulho necessário para chamar atenção das autoridades.

Raziel von Sophia disse...

Lola, por favor, ajuda a divulgar essa petição pelo fim da Imunidade Tributária Religiosa.

https://secure.avaaz.org/po/petition/Fim_da_imunidade_tributaria_religiosa

A maior contribuição que isso teria ao Feminismo, seria o corte de "verbas" dessas igrejas na luta contra os direitos das Mulheres e dos LGBT!

Anônimo disse...

esse texto está especialmente bonito. a poesia inundou até sua prosa, Lola. e o final, que grande final!

quando eu era criança, li uma tirinha da Mafalda, em que ela fazia esse questionamento: quem pode provar que esta estudada é a verdadeira posição do mapa?
e um questionamento é uma pequena porta que se abre pra encontrarmos tantas outras que ainda vamos abrir.

um abraço, Maria.

Priscila Boltão disse...

"Testemunha afirma: um saiu com um controle de vídeo game em umas das mäos gritando: não, não mulheres não tem prazer no sexo, Deus clonos me ajude!"
Quase caí aqui de tanto rir, Anon!

Cora, agradeço o esclarecimento. Eu curto saber mais dessas coisas de biologia, e isso é ótimo de saber pra mostrar que nem somos todos tão diferentes.

Eu gostaria que, em um mundo perfeito, pudessemos falar de clítoris - e de pênis também - sem gerar toda uma revolta. Se bem q a gente pode falar do pênis livremente, mas claro q seremos aí rotuladas de alguma coisa.

Anônimo disse...

Meu clítoris de 9cm é maior que muito pau por ai.


Deal with it.


E, guess what? Odeio sapatos. Se eu vejo um grupo de homem gostoso (e lembre-se que "gostoso" é subjetivo) peladinho num canto, eu arranco a roupa e caio na gandaia!

Mascus, deixem de ser frígidos, babes! Vão virar gente que vocês conseguem transar mais - e sem pagar.

Mihaelo disse...

Clítoris es español. Há muitas palavras nos dois idiomas com tonicidade e gênero diferentes.

Åsa Heuser - Uma Ateia Humanista disse...

Para quem duvida do tamanho do clitóris, procure no Youtube a série de videos "O Clitóris", em seis partes. Originalmente feita em francês como "Le clitoris ce cher inconnu" ('O Clitóris, essa ilustre desconhecida').

Anônimo disse...

Eu tô apaixonada por esse poema, se eu pudesse espalharia pelo mundo inteiro! Ele deveria ser impresso e colado em todos os postes da cidade.

Barbie Furtado disse...

A Sara falou que pra fazer laqueadura precisou da autorização do marido, e, sim, acho isso absurdo. Mas, só quero deixar registrado, que até onde eu sei, para o homem fazer vasectomia também precisa da autoprização da esposa se for casado. Pelo menos, nesse caso, existe a equivalência do absurdo!

Antonio disse...

Uma curiosidade, o clitóris das hienas é tão grande que é maior que o penis dos machos. Todos os bandos de hienas são dominados por uma fêmea e o macho de ranking mais alto está abaixo da fêmea de ranking mais baixo. E tem toda uma coisa de lamber os clitóris das superiores. Agora a parte curiosa, isso fez durante muito tempo, que os cientistas considerassem as hienas como sendo TODAS hermafroditas (na melhor das hipóteses) ou machos.

Cora disse...

É Priscila, nem somos mesmo. As diferenças são as necessárias pra procriação. Fecundação interna, mamíferos placentários... características biológicas que não determinam que um gênero subjugue outro, de forma alguma.

Temos muito de cultura no nosso modo de vida. E, nessa questão da sexualidade, muito da repressão imposta a todos e principalmente às mulheres ao longo dos milênios.

As diferenças físicas – tamanho, massa muscular, força física – foram usadas para que essa subjugação acontecesse, mas nada precisava ser assim. Sem a propriedade privada e a questão da linhagem paterna na transmissão dos bens, mulheres não teriam sido tão controladas e agredidas ao longo de toda a história da humanidade. É uma vergonha que tenha sido assim. E que muitos queiram que assim continue.

Mas muitas pessoas recusam essa variável cultural. Essa subordinação da mulher não é biológica e nem necessária pra vida em grupo.

As coisas já mudaram muito e continuarão mudando. As mulheres estão cada vez mais independentes e podem escolher como querem viver. Para desespero dos inseguros e ressentidos.

Cora disse...


Nossa!

Como essa conversa mole masculinista cansa! É o mesmo trololó sempre, credo!

Como minha avó dizia: vira o disco, gente!!

Depois esse povo ACHA que é racional.

putz!

o anon 11:47 10/10 disse a seguinte pérola:

(não custa lembrar que pérolas são produzidas por ostras, que, obviamente, têm cérebro de ostra)

“eu to para ver uma mulher me provar que gosta de sexo tanto quanto um homem, tipo gostar do corpo do homem, mesmo, de ver um penis ereto, e que se dane, se ele e legal, feminista, bem sucedido, sentir vontade de dar para o cara sem se importar de onde que ele vem, ou para onde ele vai.

O dia que eu ver isto estarei convencido que mulher gosta de sexo tanto quanto nos!”

*

Primeiro, é preciso lembrar os moçoilos que eles também têm preferências, que existem mulheres que os atraem mais e outras que os atraem menos e outras, ainda, que não lhes são atraentes. É preciso lembrar pra esses caras que eles escolhem, e que NÃO É VERDADE QUE SE INTERESSAM POR QUALQUER MULHER.

Segundo, é preciso lembrar que gostar de sexo NÃO É A MESMA COISA DE QUERER TRANSAR COM QUALQUER CRIATURA.

Gostassem tanto assim de sexo pelo sexo como gostam de vomitar por aí, não escolheriam tanto. TRANSARIAM COM QUALQUER MULHER. E isso NÃO ACONTECE. Afinal, o normal é que a gente escolha as pessoas com as quais nos relacionaremos.

Afinal, se eles não gostam de sexo com qualquer mulher e sim com mulheres que DESPERTEM O INTERESSE SEXUAL DELES, por que diabos uma mulher deveria querer transar com qualquer homem apenas por eles serem homens?

Qual a lógica disso?

Somente eles podem escolher?

E mais: uma vez que eles escolheram, a mulher escolhida não tem o direito de recusar? Porque é disso que se trata, na verdade.

Eles dizem que mulher não gosta de sexo todas as vezes em que não são escolhidos ou todas as vezes em que são recusados. Mas, a egolatria é tanta, que eles não percebem que recusam, não percebem que rejeitam sexo com um monte de mulheres!

Da mesma forma que mulheres rejeitam sexo com um tanto de homem.

O que é óbvio pra qualquer pessoa normal, isto é, TODOS NÓS TEMOS O DIREITO DE ESCOLHER NOSSOS PARCEIROS, parece não fazer sentido pra esse pessoal. Na cabeça egocêntrica desse povo, APENAS ELES TÊM DIREITO À ESCOLHA!

Mascuzinho querido, deixe as mulheres escolherem em paz. Se você escolhe, todos podem escolher.

Fetiche, meu lindo, é outra coisa.

Sabe qual a diferença que você não aceita? A maioria das mulheres transa com pessoas inteiras, com homens ou mulheres, cis ou trans, depende aí das preferências de cada uma, mas sempre com pessoas inteiras, completas. Com toda a pessoa, intelecto incluso.

Homens que são homens e não apenas caricaturas de homens, também transam com pessoas inteiras.

Agora, machistas e, principalmente, masculinistas se contentam com peitos e bundas, se contentam com partes de pessoas e, por isso, muitas vezes não suportam conversar com a mulher nem antes e nem depois do sexo. Por isso querem se mandar o mais rápido possível. Identificação zero. Envolvimento zero (e não tô falando de envolvimento amoroso, pra constituir família, não. tô falando do basicão, aquele afeto que resulta numa transa de verdade). E isso que vocês chamam de sexo, não é sexo não. Não é transa, não é algo que se fez a dois, nada disso. É apenas masturbação usando o corpo de outro. No fundo, vocês não têm ideia do que seja uma relação sexual de verdade.

E aí anon, no dia que você experimentar isso, um sexo DE VERDADE a gente volta a conversar, ok?

Leandro disse...

Eu não nego que mulheres também gostem de sexo, até porque elas também possuem o hormônio da libido: testosterona. Mas em proporção bem inferior.
Cora, o que o cara quis lhe dizer é quando um homem se atrai por uma mulher bonita (ou nem precisa ser bonita, se for mediana), ele não está nem aí se ela tem status fama, se é legal ou não, se é honesta ou nós, nós queremos sexo com ela. A mulher não. Ela quer que o homem faça de tudo para agradá-la. Quer cinema, quer dançar, quer isso, quer aquilo. Exceto se for um cara hiper-destacado, como o Tom Cruisse, se ele passa pela rua, chove de mulheres se atirando nele, não precisa de "atitude", vocês mesmo se atiram. Mas como eu falei, só se for um cara hiper-destacado para isso acontecer. Os homens medianos so sendo cafas profissionais, o rei mentira, entende? Só assim pra pegar todas... Mesmo assim não tem o harém do Tom Cruisse.

Cora disse...

Mais trololó masculinista, credo!

Quanta tosquice, oh, god!!

Vira o disco, cara.

Seguinte, lindinho, eu sei o que o cara quis dizer e contestei direitinho. Você pode não ter concordado, pois pensa toscamente como ele, mas a contestação do argumento tá muito bem feita e faz todo o sentido.

Agora seu comment:

Primeiro ponto, que será inútil tratar com você, mas fica pras outras pessoas: a libido feminina é regulada por hormônios femininos e não por hormônios masculinos. Parece lógico isso, não?

A testosterona é o hormônio responsável pelas características masculinas, incluindo aí, obviamente, a produção de gametas masculinos e regulação da libido.

Em mulheres, os estrógenos (hormônios femininos) regulam a libido. Por isso a contracepção hormonal pode diminuir a libido, precisando, então, de troca de pílula até acertar a que melhor efeito tem para a mulher.

Engraçado é que vocês acham a mulher diferente do homem em tudo, mas acham que a libido é regulada do mesmo jeito. Fazem isso pra desconsiderarem todo contexto social e cultural que existe pressionando a sexualidade feminina desde a adolescência, ainda hoje, apesar de toda a mudança comportamental (que vocês abominam, aliás, mais uma contradição masculinista).

Muitas vezes a mulher não transa, não por não terem desejo, mas por não terem oportunidade. Da mesma forma como acontece com vocês, que vivem se queixando.

Se a megan fox aparecesse, uma enxurrada de homens se atiraria em cima dela, da mesma forma como muitas mulheres se atirariam em cima do tom cruise (péssimo exemplo, cara, o tom cruise é broxante, se você quer saber. só por esse exemplo, dá pra dizer que você não entende nadica de mulher. duvido que tivesse muita gente se atirando em cima dele).

Como eu disse, as coisas funcionam praticamente do mesmo jeito pra todo mundo: tem gente que desperta interesse, outros que não despertam, pra homens e pra mulheres. nós aqui não queremos guardar homens em caixinha reducionista nenhuma. você e seus companheiros é que querem colocar todas as mulheres (e homens) na mesma caixinha de comportamento sexual estereotipado e caricatural.

Vocês também querem que a mulher faça tudo para agradá-los.

Quer continuar com ideias toscas? Quer continuar se queixando de mulheres? Problema seu. Siga em frente. Sinto, claro, pelas pobres mulheres que serão mal-tratadas por você, mas acho que elas sobreviverão. Mulher é forte pra caramba.

É como eu disse. Vocês acham que são os únicos com direito a escolher. E não são não. Cada mulher tem um critério e pode usá-lo sempre que quiser. Pode dispensar quem quiser, principalmente toscos incapazes de olhar pralém do próprio umbigo.

Outra coisa, vocês acham que seus critérios são mais justos, mais corretos, mais adequados, mais não sei o quê. E não são não. São critérios como são os das mulheres.

Aliás, pior, pois só olham pra superfície. Por isso saem correndo. Não há nenhuma identificação.

Sexo é algo que se faz com o outro. É troca. Vocês não gostam de sexo. Vocês gostam de masturbação usando o corpo de outra pessoa. E pra isso, qualquer um serve.

No dia que você conhecer e praticar sexo de verdade, a gente volta a conversar, ok?