quinta-feira, 2 de abril de 2015

"O MACHISMO PODE NOS VENCER?"

A G. me enviou este relato:

Lola, sou mais uma leitora assídua do seu blog, que se descobriu feminista através dele. Também descobri que fui estuprada, e em uma situação em que a sociedade está mais do que acostumada a passar a mão da cabeça do agressor e encontrar todas as desculpas no comportamento da vítima. Foi difícil ter clareza total do que aconteceu, e por diversas vezes me peguei pensando em como poderia ter evitado se não tivesse aceitado a carona da pessoa errada ou se me portasse como uma garota mais recatada. 
Graças à terapia, meu psicólogo feminista, amigxs feministas, teu blog, e algumas leituras especializadas, estou, finalmente, depois de dez meses conseguindo sair de um buraco de culpa e medo que cavei em torno de mim. Posso dizer que graças a tudo isso também sou uma nova pessoa, com várias feridas, mas muito mais forte e questionadora. 
Após uma balada me vi chegando em casa nervosa e tremendo, sem entender que aquele sexo não tinha sido algo casual com um desconhecido. Não estava bêbada, peguei carona por que quis com um cara que tinha sido legal. Eu sabia sim que algo poderia acontecer entre a gente e nem por isso estava com medo. Meu medo surgiu e meu corpo foi marcado no momento em que ele me puxou para o seu quarto e após vários nãos e vezes que tentei levantar da cama, ele fez o que achava que eu estava lá para fazer. 
Pois bem, tenho uma amiga que diz que o feminismo é igual a um portal: uma vez atravessado, nada na sua vida será visto da mesma forma. E concordo com ela. Desde que passei a entender as desigualdades e imposições do patriarcado, não consigo ver filmes, escutar músicas, consumir produtos e conversar com as pessoas, sem fazer ao menos mentalmente conclusões sobre o nível de esclarecimento daquilo.
E infelizmente tenho me magoado muito com isso, Lola! Às vezes não sei se sou eu que estou exagerando demais, ou se realmente uma grande maioria das pessoas (dentre elas, muitas queridas) são tão cegas.
Nessas últimas semanas aconteceram fatos que me deixaram desgastada mentalmente e sem saber até que ponto terei paciência e força para conseguir defender meu ponto de vista feminista. Deixe-me explicar.
Sou estudante de publicidade, e no meu curso temos uma matéria chamada Publicidade e Sociedade, que deve discutir as interações que a publicidade têm com o público e os consumidores. A disciplina é dada por uma professora, mulher, branca, que no pedestal da sua ignorância é capaz de afirmar com a boca cheia que as manifestações contrárias dos consumidores (aqui falamos de redes sociais e da ação do CONAR) sobre propagandas que usam de estereótipos como tática de campanha, acabam deixando a publicidade muito chata e sem criatividade. 
Para mim falta de criatividade é há mais de 50 anos vermos campanhas de cerveja usando o corpo feminino para vender. Na última segunda-feira eu e mais uma amiga apresentamos um seminário de um livro do antropólogo Everardo Rocha, que trata do consumo e explica como a publicidade de produtos de beleza primeiro desconstrói a imagem da mulher fragmentando-a em partes "doentes" (a pele seca, o cabelo quebradiço) para depois apresentar o produto como agente corretor da doença, e empoderador da voz da mulher. 
Durante a apresentação do seminário vimos um desinteresse geral da turma e da professora, que passou boa parte da nossa fala mexendo em seu iPad. Também defendemos que produtos de beleza são capazes de vender e conquistar um público cativo tratando a mulher como ela realmente é, e aqui usamos o exemplo da Dove e da sua campanha pela Real Beleza
Na aula seguinte, a professora fez questão de levar um artigo apresentado em um congresso de comunicação que dizia como a Dove estava tão mais interessada em aumentar seus lucros do que valorizar realmente a beleza natural feminina. GENTE! Quem aqui disse que a Dove não quer lucros? 
Parece que a pessoa que escreveu esse artigo estava assustada pela marca não estar distribuindo sabonetes e cremes hidratantes de graça, e que logicamente isso invalida todo o caráter inovador e não convencional do posicionamento da empresa. Depois disso, resolvi para o bem da minha saúde cardíaca não manifestar mais qualquer opinião nessa disciplina.
A segunda situação foi durante um jantar com duas amigas do tempo do colégio. Uma delas estuda em uma faculdade que organizou uma calourada onde uma estudante foi fotografada e filmada no banheiro fazendo sexo oral em um rapaz. Depois de me contarem a história elas soltaram diversas frases jogando toda a culpa na garota, e não no acéfalo que registrou tudo e espalhou através do whatsapp para a cidade inteira. Coisas como "ela estava no banheiro MASCULINO", "mulher hoje em dia não pode confiar em homem nenhum não", "fiquei sabendo que ela até tem filho e que tem foto dela no Facebook beijando uma garota". 
A gota d'agua foi quando uma delas disse "E diz que ela continua indo à aula normalmente, como se nada tivesse acontecido". Minha filha, o que você queria? Que ela abandonasse o curso e fosse viver como garota de programa (ah, isso também foi levantado) em Marte? Que ela se reclusasse em casa e nunca mais fosse vista em festas, se arrependendo todos os dias do seu comportamento de "vadia"? Ou que ela se suicidasse como tantas garotas que são vítimas desse tipo de crime?
Optei por ficar calada e escutar toda a história com cara de paisagem para o nosso jantar não ser um grande sushi de climão. Na minha cabeça passava um filminho sobre como o homem do caso devia estar se gabando, e como nada sobre a vida pessoal dele havia sido questionado. Ele estava ali porque quis, exercendo livremente sua sexualidade, como papai ensinou e como a sociedade dita e compactua.
Lola, o que me deixa mais magoada não é nem ver que histórias assim são comuns, mas que eu, assumidamente feminista, estou me cansando de discutir pensamentos assim. Ultimamente tenho tido mais sono do que vontade de mudar o mundo.

Minha resposta: G., querida, não vou mentir e te dizer que não cansa, porque claro que cansa. É muita hipocrisia, muita violência, e os machistas (e também as machistas) não dão trégua. Nessas horas em que você já não aguenta mais, tente relaxar, desligar a cabeça (sei como é difícil!), e ficar uns dias sem lutar. 
Não creio que o machismo tenha qualquer chance de vencer um movimento organizado, que existe há tantas décadas e que engaja um monte de gente, mas certamente muitas feministas se esgotam, porque o prejuízo na vida pessoal pode ser grande. No entanto, a gente refresca a mente e volta. O desejo de mudar o mundo, a certeza de que estamos fazendo a coisa certa, é muito maior que tudo. 

96 comentários:

Paula disse...

da série: "é isso que acontece quando não se coloca figuras ao longo do texto"????

Danilo disse...

Creio que o mundo sempre terá uma estrutura machista. Eu noto que o poder do machismo é muito forte, tanto que, está destruindo lentamente o corporativismo feminista e isso fica evidente nas redes sociais.

Em outras palavras, o feminismo não têm forças o suficiente para combater a estrutura machista do mundo. Por isso, acho uma perda de tempo feministas se alucinarem achando que podem "destruir o patriarcalismo", isto não vai acontecer.

Algumas causas feministas serão atendidas. Mas o "enredo" do mundo sempre será machista.



Anônimo disse...

> Faz críticas à industria dos cosméticos
> Fala sobre cabelo e pele secos serem pregados como um problema
> Diz ser contra a ditadura da beleza, mas usa cosméticos e duvido muito que sairia de casa com cabelo e pele secos
> incoerência

Bizzys disse...

Caro anônimo que acha que lê mentes:

Como você tem certeza de que ela usa cosméticos, está escrito no texto? Ou é só porque ela e mulher, e "toda mulher usa cosméticos"? E por quê você acha que ela não sairia de casa com o cabelo e a pele secos? É porque "nenhuma mulher que se preze sai assim de casa?"

Sem contar que só porque uma pessoa usa cosméticos ela está proibida de criticar a ditadura da beleza, por acaso? Tá escrito isso onde na constituição, hein?

Anônimo disse...

Sem dúvidas o feminismo irá sucumbir. Era importante quando mulheres não tinham direitos, mas agora está numa onda de lutar por coisas totalmente sem sentido. O grande problema do feminismo é lutar sempre em favor das mulheres o que coloca os homens em posição de vilão. Se existe um problema pelo qual homens e mulheres passam, o feminismo só foca no lado feminino e ainda coloca o homem como o causador do problema. A resistência contra o movimento cresce mais e mais, as pessoas estão começando a enxergar que é errado fazer isso. Assédio é errado, estupro é errado? SIM! Mas porquê segurar uma bandeira que só protege 50% da população e ainda demoniza os outros 50% pra lutar contra isso?? Lutem por seres humanos, independente de gênero, talvez assim o movimento possa ser levado mais a sério. Agora me respondam, qual direito legalmente garantido que um homem tem e uma mulher não tem? Muito pelo contrário, existem leis focadas somente em mulheres, isso é desigualdade.

Bizzys disse...

Sobre o texto em si:

Tem dias que cansa mesmo. Parece que, quanto mais a gente bate na mesma tecla, mas as pessoas insistem em falar/fazer coisas machistas, mas acho que estamos avançando, ainda que lentamente.

Usando a publicidade mesmo como exemplo, hoje em dia as mulheres criticam muito mais as propagandas machistas, que nos objetificam. Protestos feministas até conseguem tirar algumas peças machistas de circulação, como aquela propaganda da Skol.

Nós, mulheres, estamos aprendendo que podemos ser sim ouvidas na sociedade, ainda precisamos fazer muito barulho, mas acho que estamos progredindo. Só é importante não desistir de lutar.

Anônimo disse...

Pele seca é uma doença. Pele seca. Seca. A maioria das pessoas não tem pele seca. Eu tenho pele seca e não conheço pessoalmente nenhuma outra pessoa que tenha pele seca também. Deve ser por isso que a grande indústria de cosméticos não fábrica produtos para pele seca. Nem as populares tipo Dove, nem as chiquesinhas tipo L´occitane. Essas marcas fabricam loções hidratantes para quem tem pele normal, umas mais oleosas, outras menos, mas não para quem tem pele seca. Quem tem pele seca, que é sim uma doença dermatológica pois causa dor e sofrimento, utiliza outro tipo de produto, que custa caro e nem tem propaganda.

Anônimo disse...

Não se preocupem, Homens heterossexuais estão extintos em mais duas gerações, logo vocês estarão livres do que tanto detestam :)

Anônimo disse...


a) Nada me irrita mais do que um homem reclamando que o feminismo os coloca como os vilões da estória, o feminismo é uma luta pela igualdade de direitos e condições.

b)A questão dos salários é um grande problema, porque nós mulheres temos que ganhar menos, se muitas vezes, até temos mais estudo.

c) Nós temos que lutar por leis que nos beneficiem, esqueçam de tentar dialogar com os machistas, eles não vão mudar,

Anônimo disse...

Cansa, viu. É só vir na caixa de comentários pra ver. Gente dizendo que "somos todos humanos", sério, que argumento mais medíocre, preguiçoso. Gente que pega só uma parte do texto e ainda usa isso pra criticar a autora. Gente dizendo que é "mimimi" (to pegando ódio dessa expressão).
Não desista, moça, e não acredite quando algum imbecil disser que o feminismo vai cair. Não vai. Está crescendo, em passos pequenos, mas está.

Anônimo disse...

ai autora.. te entendo tão bem, mas tão bem que fiquei até com dó de mim por tabela! :-)

Tem hora que cansa tanto, que dá vontade de sumir. E sumo. não venho no blog da Lola, não leio jornal, só entro em blog de moda... tudo é coloridoe lindo. Mas aí descanso e volto pra ativa. DUas AMIGAS minhas chamando a outra de puta na minha frente, e sem falar nada do homem? Olha, aí é u caso sim de questionar. " a eh? e porque chupar pinto é ruim e ter pinto chupado é bom?". Pergunte na lata. QUero ver a pessoa responder sem se enrolar.

Agora, na faculade tem hora que é mais duficil mesmo, e de rependte é melhor calar a boca. Mas para duas amigas, poxa,s e vc não fala para elas, vai falar para quem?

Nunca esqueci, tinha 17 anos e nem sabia que era femnista, mas vi meu namorado e os amigso deles tirando sarro de uma menina porque ela tinha feito "um boquete" para um dos meninos do grupo. chamanod ela de puta, boca de veludo e tal.. ai eu disse " e dai? eu tb chupo o fulano. A namorada de vcs não? "

Fica todo mundo com cara de tacho. Se fosse hoje eu os chamaria de crianças ridicilas, e falaria que ele é um puto, de ter deixado a menina chupa-lo.

Sei que tem hora que cansa. MAs dai a gente descansa e retoma a luta.

Yara

Anônimo disse...

O Mundo em 2030.

Durante o governo odo presidente Jean Wullis, foi sancionado o projeto de lei que cria cotas de 30% para gays nas repartições publicas, assim como já eram atendidas Mulheres 30% e negros 30%, assim se chegou ao consenso de equidade no setor publico.

Todos os meios de produção foram estatizados durante o governo do presidente João Pedro Stedile, o ex lider do MST, sucessor de Lula, governoua partir de 2022, também acabou com o conceito de propriedade privada burguesa, em seu discurso;
"Tudo pelo estado, nada contra o estado, nada fora do estado"

O aborto legal e seguro ate o 5° mês de gestação, foi aprovado em 2018, como grande avanço de saúde publica, com o avanço da medicina, se pode eliminar o parasita ate este estágio sem muitos problemas para a mulher.

Medicos que lutavam contra o procedimento abortivo,e se recusam atender os casos por questões pessoais religiosas, terão seus registros cassados segundo o governo Popular Socialista do Brasil, O governo alega que a medicina deve ser laica,assim como o estado e a sociedade.

O exercito Brasileiro foi dissolvido,durante o terceiro mandato do presidente Lula, de acordo com a nova constituição, a guarda do país fica a cargo, da Forças revolucionarias Populares do campo, (antigo MST) que lutaram na expropriação e eliminação da burguesia.

O Governo considera quem ganha ate 350 rais, como nova classe média,e disse que vai taxar grandes fortunas, acima de mil reais, em 40%

Grupos progressistas e feministas, consideram a polemica em torno da relação incestuosa entre mãe e filho, na novela do canal estatal, um resquício da sociedade machista, afirmando que o conceito de família burguesa, e uma construção social opressora, que persiste mesmo com os avanços dos ultimos anos.O Musico Tico Santa Cruz ( O Chico Buarque do novo seculo) afirmou que "Todo forma de amor vale a pena"

Os movimento feministas, comemoram o anuncio do governo, de 95% de investimento de verbas federai, para saúde da mulher. Os grupos de defesa dos direitos do homens,que reclamam da medida, tiveram a resposta e lideres feministas no congresso:
"Estes mascus reclamam demais, o governo federal investe muito nos ultimos anos, na questão do combate ao testosterona também"

Devido a baixa taxa de natalidade, e envelhecimento da população economicamente ativa, o governo afirmou que vai intensificar o programa de imigração de trabalhadores da Africa, Oriente Médio e America latina.
Especialistas apontam uma epidemia de abortos como causa, que o governo rebate como direito fundamental adquirido pela mulher.

As policias estaduais foram desmilitarizadas, e depois extintas, sendo substituídas por inspetores de bairro, ou milicias proletárias, o governo considera um avanço, apesar do numero recorde de 140 mil homicídios no ano de 2029, o governo vê avanço, e diz que o investimento maciço em educação vai mudar este quadro.
"2 mai 2 igual a quatro e o que tira os jovens do crime, e não leis burguesas, disse o presidente João Pedro Stedile.

A democratização da mídia, em 2018, que cassou concessões de canais abertos, e estatizou a informação em favor do povo, vai ser estendida para os canais fechados disse o governo central, os canais internacionais, serão desautorizados no país, ´por serem considerados de conteudo golpista e anti revolucionário.

A lei que torna a palavra a mulher, sem necessidade de investigação ou julgamento, como afirmativa nos casos de violência domestica e sexual, foi sancionada em 2023, e considerada um avanço por instituições de direitos das humanas do mundo todo.

A feministas comemoram comemoram os 5 anos de implantação do novo metodo de ensino curricular do MEC, com a inclusão das matérias, de feminismo, desconstrução do machismo/masculinidade.

Anônimo disse...

"A exploração do homem pelo homem, começou com a exploração da mulher pelo homem"
Karl Marx.

Somente em uma sociedade igualitária socialista/comunista, se pode combater o machismo de verdade.

Anônimo disse...

Bizzys, eu discordo de seu ponto. O problema da propaganda da SKOL, por exemplo, foi estimular o "não aceitar um não como resposta", o que é um absurdo sem tamanho. Será que os homens que fizeram esta propaganda sequer pensaram em suas filhas, mães, tias, etc? Agora, objetificar, eu discordo. Ta cheio de homem que se mata para ter um corpo "bom", também e que ganha dinheiro com isto. Só existem mais mulheres ganhando dinheiro com o corpo, porque a sociedade reprime a sexualidade feminina, mas estimula a masculina.
-
Meu tio me levou num Cabaré, quando tinha 15 anos e não queria que minha irmã de 17 anos saísse com amigas tarde.
-
Se você for ver no público LGBT, consomem bastante materiais pornográficos e ninguém taxa critica a indústria porno homossexual, como critica a indústria heterossexual pela "objetificação".
-
Se existe uma mulher anoréxica, existe um homem com vigorexia. Pra cada mulher que usa espartilho, existe um homem andando com uma caneleira pesada por de baixo das calças, pra ganhar músculo e perder peso. Assim como existem mulheres consumindo medicamentos proibidos, pra perder peso, existem homens consumindo anabolizantes.
-

Julia disse...

12:21 ainda é uma história melhor que Crepúsculo!

B. disse...

"Somente em uma sociedade igualitária socialista/comunista, se pode combater o machismo de verdade."

Tô cada vez menos acreditando nisso. Eu simpatizo com o socialismo, mas entre feminismo e socialismo, mil vezes feminismo.

Bizzys disse...

Anônimo das 12:36, você está equivocadíssimo.

Não se trata de as mulheres ganharem mais dinheiro com o corpo porque a sexualidade feminina é reprimida.O corpo feminino é objetificado o tempo inteiro em propagandas, ele é usado para vender os produtos. Não é raro ver propagandas mostrando apenas as partes femininas "que interessam" (peitos, bunda, pernas). Geralmente a mulher nas propagandas é mostrada como "algo que você vai ganhar se tiver o produto X". A mulher não é tratada como um ser humano, mas como um brinde que vem junto com o produto anunciado.

Por mais que a sexualidade feminina não fosse reprimida, eu duvido que os homens seriam desumanizados a esse ponto em anúncios.

Não posso falar sobre a indústria pornô gay, já que não consumo nada do tipo. Mas pergunto: em filmes pornôs desse tipo os homens são tratados do mesmo jeito que as mulheres na pornografia mainstream? Porque em geral nos filmes pornô as mulheres só são tratadas como um "buraco", muitos filmes são violentos, elas estão ali apenas para que os homens possam gozar, etc e tal. E o pior é que, os homens aprendem com a pornografia que as mulheres gostam e devem fazer tudo o que é mostrado nos filmes. É um assunto bem polêmico, mas na minha opinião, filmes pornô desumanizam a mulher e ensinam os homens (principalmente os mais jovens) a fazer o mesmo.

E a grande maioria das pessoas que têm transtornos alimentares/de imagem corporal é mulher e jovem. É certo que os casos de vigorexia estão aumentando, mas de jeito nenhum estão na proporção 1:1. Justamente porque as mulheres sofrem uma pressão muito maior para ter um corpo perfeito - corpo este que é exibido à exaustão pela mídia, em propagandas e afins.

Anônimo disse...

Cansa mesmos, viu?!
Agora mesmo, lendo alguns comentários aqui, tive vontade de desembarcar do planeta Terra e pegar o primeiro ônibus espacial para Júpiter!!!

O triste é que, não importa o quanto vocês explique, exemplifique, mude de perspectiva, tente fazer a criatura se colocar no lugar da vítima, SEMPRE haverá gente imbecil que não entende ou não muda por que NÃO QUER!!!
E com esse tipo de energúmenx não vale a pena perder tempo e energia.


Jane Doe

Mila disse...

Infelizmente, a professora pode estar com uma visão equivocada dos fatos. Quando eu fiz algumas matérias de publicidade, éramos estimulados a sair dos clichês (mulher e cerveka, gente se beijando em comercial de clichê etc). Em relação à publicidade "polêmica" (Risqué, Marisa, etc), as reações por meio das redes sociais devem servir de alerta aos profissionais de comunicação que não estamos no tempo da agulha hipodérmica, ou seja, não somos mais os "deuses" que ditam tendências e sabem o que o público quer sem pesquisa de mercado.
É difícil desafiar estruturas que conferem poder e privilégios. A situação há anos já foi pior (minha avó, por exemplo, foi proibida de estudar por ser mulher e negra), e com as mudanças na sociedade, já conseguimos mudar muita coisa.
Não creio que vou mudar o mundo, mas se eu puder contribuir para o empoderamento de mais uma mulher, já é o bastante.

Anônimo disse...

Melhor que 50 tons de cinza!

Kittsu disse...

Terminei de ler "o mundo em 2030" com as bochechas doendo. manda esse roteiro pro History Channel fazer um documentário!

Cara. Uniformes escolares obrigatoriamente com estampa do rosto de che guevara. Multidões rezando e fazendo preces ao Grande Lider. Os homens relegados ao papel que seria das mulheres em 1900, especialmente agora que a tecnologia que permitia que homens gestassem e parissem se tornou obrigatório a todo homem, que agora é o detentor obrigatório dos cuidados com o lar e com as crias. Religiões ilegais (neohomopaganismo) foram criadas para cultuar o Deus da Fecundidade Masculina e a força do útero dos homens em gerar vida e popular a terra - o que entrava em conflito direto com o Cristiananismo, a vertente idológica para-religiosa oficial brasileira, que celebra Cristiana - aquela que morreu na Revolução anti-burguesa para salvar a todas nós.

hahahaha

D Stoffel disse...

Nossa é tanto assunto, ainda bem que se descobriu feminista realmente é um portal sem volta pra mim, infelizmente estupro é mais comum do que se pensa inclusive o conjugal que é pouco falado, aí quando os homens dizem NOT ALL MEN, será mesmo o mesmo? homem que diz que não faz violência pode não perceber mas na pratica fomos ensinados(a) incluo mulheres, a tal, e todo homem é ensinado a ver a mulher como um objeto, inferior, e logo a ter comportamento machista, aquele cara que diz que não estupra as vezes praticou o estupro conjugal, forçou a mulher ou chantageou a fazer sexo, viu vídeos, fez piadas, slutshaming,ameaçou...
isso em si já é violência algumas são normalizadas, até dizem que é o tal instinto entre outros babados.
Por tanto esse nem todo homem não existe enquanto o machismo tiver naquele homem, e em toda a classe.

D Stoffel disse...

Feminismo não tem força porque muitos que precisam dele ainda não o são, se todas as minorias se juntassem e parassem de ser machistas principalmente mulheres e gays, seria quase o fim, afinal quem seria machista só o homem, o homem negro ia se ver em desvantagem e provavelmente também ia cair fora. Só sobraria o homem cis branco hetero sendo machista. Como alguns homens se veriam em desvantagem (afinal o machismo é prejudicial a eles) tbm sairiam do machismo no final a maioria ia vencer e só ia ficar alguns bebezoes que odeiam mulheres, seria perfect se todos se unissem.

Sobre a propaganda da skol nojenta é aquela da verão vai verão vem?? pq se for vou comemorar achei nojentaaaa.

Pra finalizar tem uma pag chamada boicote a marcas machistas mt boa lá tem algumas pra a gente parar de seguir.

Jonas Klein disse...

Olá.

Vou pontuar algumas coisas aqui.

1 - "e por diversas vezes me peguei pensando em como poderia ter evitado se não tivesse aceitado a carona da pessoa errada ou se me portasse como uma garota mais recatada."

Quem errou foi ele não e você, veja se você não aceita a carona o cara fica dizendo ou pensando, que você esta recusando, por pré-julgar ele como não sendo uma pessoa confiável, e ate com razão penso eu, pois eu não aceito pré-julgamento.

2 - "Meu medo surgiu e meu corpo foi marcado no momento em que ele me puxou para o seu quarto e após vários nãos e vezes que tentei levantar da cama, ele fez o que achava que eu estava lá para fazer." dize não a um estuprador e a coisa mais inútil do mundo, e grita por socorro não resolve muitas vezes (na maioria eu acho) não resolve também, agora quebra os dentes do cara com um soco, fura um olho dele com de o dedo (na falta de outro objeto perfurante), quebra o pé de pé com uma pisada, isso funciona muito bem, e como e legitima defesa não da nada.

E inda tem gente que acha errado, quando eu digo que toda mulher deveria artes marciais para a sua defesa pessoal se um dia isso for necessário.

Antes que eu esqueça o tarado foi denunciado a policia? Pois e o correto quando se trata de violência sexual ou física.

Para fecha tópico, eu vou citar uma frase que gosto muito:

ESTUPRADOR BOM E ESTUPRADOPR MORTO.

Chupa essa turminha dos direitos humanos (dos manos só), e puxa sados de bandidos.

3 - "A disciplina é dada por uma professora, mulher, branca, que no pedestal da sua ignorância é capaz de afirmar com a boca cheia que as manifestações contrárias dos consumidores (aqui falamos de redes sociais e da ação do CONAR) sobre propagandas que usam de estereótipos como tática de campanha, acabam deixando a publicidade muito chata e sem criatividade."


1 que tem haver o fato da sua professo ser branca com a historia? Será que este detalhe interessa alguma coisa?

2 quanto as manifestações contrarias dos consumidores, sobre as propagandas com estereótipos. Quando a isso esse assunto para mim e delicado, pois eu trabalho com marketing e propaganda. Agora eu discordo da sua professora, acho que falta de criatividade e você pensar que depende de estereótipos, para fazer uma boa propaganda.

A questão propaganda de massa e uma coisa muito poderosa, por isso deve se usar com muito cuidado, tanto eu acho que propaganda e humor jamais podem se misturar, pois qualquer erro numa publicidade pode destruir uma marca, também não acho adequado se usar frases com mais de um entendimento possível, estereótipos então nem se fala, pois isso sempre incomoda alguém além de trazer problemas.

E não que esteja querendo te assustar, mas e bom você ler este artigo, para ter uma ideia de como são as coisas funcionam no ambiente das empresas que trabalham com publicidade, para assim se preparar bem.

http://www.papodehomem.com.br/machismo-e-a-regra-da-casa

E lamentável relato do texto, mas ele mostra uma realidade a ser mudada.

4 - "Depois de me contarem a história elas soltaram diversas frases jogando toda a culpa na garota, e não no acéfalo que registrou tudo e espalhou através do whatsapp para a cidade inteira."

Esse anencefálico sem vergonha foi denunciado a polícia? Deveria ter sido, pois expor intimidade de uma pessoa sem autorização e crime. Quanto aos comentários idiotas feitos sobre garota, isso mostra que tanto homens quanto mulheres, ainda precisão melhorar muito no que se refere ao respeito com os outros.

Boa tarde

Anônimo disse...

Gente a da risqué foi o uó
tipo ... fez o jantar, ...ligou,... disse eu te amo.

gente é de morrer tavam até zuando no twitter paulo aí não clitolis

Anônimo disse...



E daí é bom que os homens virem gays e tenha mais lésbicas, eu moro em goiania e aqui é conhecida como gayania, a terra onde homem feio fica com mulher bonita por falta de homem, , quer saber vou achar ruim não a verdade é que a maioria dos homens não gostam de mulheres, e não nos satisfazem na cama, seria ótimo se tivesse mais mulheres do lado colorido da força. Elas são mais carinhosas! * *

Bizzys disse...

D Stoffel, essa propaganda da Verão é da Itaipava. A da Skol saiu na época de carnaval, é essa aqui:

http://www.revistaforum.com.br/blog/2015/02/propaganda-de-carnaval-da-skol-e-alvo-de-criticas-feministas/

Essa propaganda nojenta da Itaipava é um exemplo perfeito de objetificação: close nos peitos da moça, close na saia voando com o vento, a moça desfilando... E a cerveja lá, avisando que se um cara beber itaipava ele também vai ter UMA Verão. Podre.

Anônimo disse...

tiana

claro que essa fixação por sexo anal ia acabar com a hetrossexualidade.
homem que gosta de xxt hj em dia tá raro.

Desculpe foi um desabafo

Anônimo disse...


Uma vez me disseram q filmar sexo virou uma obrigação sexual isso me assustou e qm goste disso problema mas eu ñ quero ser filmada até pke sei das intenções e de boas o inferno tah cheio

mariana rabello disse...


Respondendo a anônima é verdade dizem que mulher não gosta de sexo mas eu acho que são os homens que não gostam de mulheres, senão porquê 60% não sentem orgasmo. Eu também ia gostar de ter mulher virando sapatão, mas eu ia ficar em dúvida entre a feminina e masculina pois gosto dos dois tipos.

Anônimo disse...

O machismo é tão grave que tem que existir leis pra proteger mulheres de homens

e jonas eu sou a favor de educarem homens a não serem agressivos a respeitarem mulheres afinal muito homem também luta ia aí ia virar uma guerra e homem é mais forte que mulher meu caro.

Anônimo disse...

Agora me respondam, qual direito legalmente garantido que um homem tem e uma mulher não tem? Muito pelo contrário, existem leis focadas somente em mulheres, isso é desigualdade.

Deus santo, qual licença maternidade, não se alistar, se aposentar mais cedo, lei maria da penha, pagar menos na balada kkkkkkkkkkkk
é isso?

-afinal o dever de cuidar do bebê é da mãe.
-alistar mulher é o sexo frágil esqueceu?
-aposentar ainda não tenho respostas mas talvez seja o homem aguenta mais, ou a mulher se acaba mais devido a tripla jornada.
-maria da penha é legal ter uma lei porque várias mulheres são espancadas só por serem mulheres.
-pagar menos na balada pra se presa fácil de jovens idiotas que só querem pegar o maior número possível de vadias como eles chamam, e depois contar pros amiguinhos suas aventuras.
-e ter cota no plenário nem vale né porque mulher quase nunca é eleita mesmo, e ainda ganha menos.

ufa mulheres somos realmente o ser privilégiado
ganhamos mais que os homens,não somos rotuladas,objetificadas, estupradas,mortas pelos parceiros,mutiladas,presas em casa, não temos a sexualidade reprimida,podemos usar a roupa que quiser não precisamos ter medo, somos o foco no sexo, se formos galinhas é porque é o nosso instinto, se traimos também,quando envelhecemos ficamos charmosas,podemos abortar, maternidade facultativa.
São tantos os privilégios que eu tenho até vergonha de ser feminista pobres homens sofrem o pão que demo amassa e ainda queremos mais.

Cintia Galbiati Ramos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jonas Klein disse...

Danilo

Apesar da mágoa eu ate vou te dar uma resposta educada.

Eu não acho que machismo seja tão forte assim dentro da sociedade, e que as pessoas machistas ou moralistas tipo extremista (que não são iguais, mas se parecem muito às vezes) são muito barulhentas, ai aparenta serem muitas mesmo, e também preciso levar em conta que movimento feminista usa estratégias muito ineficientes, tanto que maioria das pessoas nem sabe ao certo que feminismo e das poucas que sabem muitas tem uma visão distorcida do feminismo...


Anon 15:11

As coisas não são tão simples assim, pois existem muitos psicopatas por ai que não adianta querer ensina eles a respeitarem as mulheres, pois jamais vai aprender fazer isso, além disso ate homens que sabem respeitar as mulheres, se estiverem sob o efeito de muito álcool ou drogas, podem acabar agredindo fisicamente ou estuprando uma mulher, por não estarem em sã consciência.

Por isso e muito importante que as mulheres saibam aprendam se defender desde puberdade, usando artes marciais e sempre andando algo que efetivamente possa ser usado como arma (mesmo que não seja uma arma de fogo).

Agora quanto ao caso da autora do texto, talvez o cara ate não seja estuprador por intensão, pode ser que ele tenha achado na hora que moça queria sexo, mas estava se fazendo de difícil, ai ele não respeito o não dela, aqui tem problema tem muita mulher que mesmo querendo sexo diz não para se fazer de difícil, e todo homem sabe disso, ai tem cara que estupra mesmo, por achar que mulher esta mentindo quando diz não querer sexo.

(Eu quando uma mulher me diz que não quer sexo comigo, eu nem fico insistindo, no máximo pergunto o porque da negativa.)

Por isso as mulheres devem dizer não, só quando não querem mesmo transa, ai se cara não respeita o não dela, elas devem fazer o cara larga elas nem que seja na bala, facada, porrada, chute etc.

Quanto ao fato dos homes na media serem mais fortes as que mulheres, quando você conhece e treino as técnicas de defesa pessoal, o fato de ter que enfrenta um oponente mais alto e forte se torna algo quase que irrelevante, ate pessoa armadas podem ser vencidas dependendo da situação.

Acho que fico tudo bem explicado né?



Anônimo disse...

Eu acho que as mulheres se fazem de dificil, mas na hora do sexo não, acho que talvez seja insegurança ou timidez, mas se fazer de difícil na hora de transar acho difícil, talvez os homens não gostem de ouvir não e inventem certas desculpas,normalmente quando uma mulher diz não ela está insegura ou ela realmente quer dizer não, eu acho que antes de fazer sexo o casal tem que conversar pra depois não haver decepções.

Anônimo disse...

Sim jonas é pra isso que existem leis a favor das mulheres mal aplicadas diga-se de passagem, mas se os homens aprendessem que as mulheres não são objetos do seu prazer, e sim seres humanos, haveria menos estupros.

Você acha que as mulheres não usam artifícios como spray de pimenta muito comum nos Eua, além disso as mulheres poderiam até se defender mas as crianças ainda ficam vulneráveis, então o que fazer com esses homens que abusam de crianças como elas poderiam se defender.

Anônimo disse...

Enquanto tivermos uma quantidade mínima que seja de feministas no mundo; enquanto ainda tivermos empatia pelo próximo não deixando que o patriarcado nos oprima e nos domine; enquanto lutarmos pelo o que é nosso por direito; enquanto não nos rendermos, o machismo JAMAIS VENCERÁ.
Enquanto tiver uma única pessoa lutando, o feminismo não será vencido.
Tentarão nos derrubar, mas não conseguirão.
Mil cairão a tua direita, dez mil a tua esquerda... Mas o feminismo jamais cairá.
O movimento feminista ganha cada vez mais força, de maneira lenta... mas está cada vez mais forte. Por isso os mascus opressores estão desesperados querendo invalidar nosso movimento.
Mas só lamento, não conseguirão.

Pepper.

Anônimo disse...

Por isso os mascus opressores estão desesperados querendo invalidar nosso movimento.

Pois é,só mascu é contra feminismo,só que não.
Somos muitos contra esse movimento hipócrita,que de igualdade n quer nada.

Anônimo disse...

história mal contada,a mulher ta no banheiro provavelmente fechado e n viu ninguém filmando,tirando foto?
só se a pessoa fosse invisível.

Anônimo disse...

Li uma matéria mais ou menos relacionada e fiquei muito feliz...

http://musica.uol.com.br/noticias/redacao/2015/04/02/girl-power-no-sertanejo.htm

Achei que as meninas acertaram bem... falam sobre não cultivar rivalidade e inimizade entre as mulheres e tudo!

Dá uma pontinha de esperança.

Anônimo disse...

Acho bom terem iniciativas como as da Dove... mas é meio hipócrita sim... eles também são a marca que diz que 'axila não é suvado', que nunca foi tratado como pele e que agora você pode usar um produto revolucionário (que eles inventaram) que clareia sua axila...

Gente... tem padrão até pra cor de suvaco agora...

Anônimo disse...

Falando ainda de entretenimento (postei o negócio do sertanejo), gostei de ver o filme "Jogos Vorazes".

Achei hiper feminista!! A protagonista é uma menina forte, física e emocionalmente falando. E a história não gira em torno de romances e meninos, mas sim de uma revolução contra o 'sistema' que ela inicia meio sem querer.

Acho uma ruptura significativa com os livros e filmes voltados para o público feminino. E tem feito um sucesso muuuuuito grande!

Anônimo disse...

O machismo elitista é invencivel, e a lola (ingenuamente) colabora com isso!

Lola, antes eu achava que tu era patrocinada por alguma elite, mas percebi em alguns comentarios anteriores, que tu é manipulada ou muito ingenua.

O que tu acha de homens ricos trocar de namoradas / esposas assim que essas envelhecem por uma mais nova? Mesmo que tal mulher envelhecida, pegue metade dos bens e a situaçao psicologica (de ser trocada por uma mais nova)? Mesmo com uma boa conta bancaria recheada, ela nao conseguira conseguir um homem mais velho e mais rico do que ela, pois esse vai preferir uma atraente e nova!

Joane Farias Nogueira disse...

Ahhhhhhhh..... essa gente que acha que direitos se resumem só a leis.
SQN.

Julia disse...

Qualquer história é melhor que 50 tons de cinza.

Julia disse...

O que é que tu fuma?

Joane Farias Nogueira disse...

Anônimo2 de abril de 2015 12:36 Tentando descobrir quem validou esses padroes...

Joane Farias Nogueira disse...

Bizzys ainda esperando algum homem ou mulher chamando um homem de vadio por se expor ou culpando os homens pela " ditadura da beleza" que uzomi passam.

Joane Farias Nogueira disse...

O mundo em 2030...
Deus te ouca, querido.

Joane Farias Nogueira disse...

O mundo em 2030...
Deus te ouca, querido.

Joane Farias Nogueira disse...

Nao acrediti q o homem negro se veria em desvantagem
Ele esta em desvatagem em relacao ao homen branco, mas isso ao garantiria q ele visse o machismo. Resolvido o problema dele como homem, como garantir q ele vera a questao do genero? So se eu acreditar q apenas brancos sao machistas.

Joane Farias Nogueira disse...

Anônimo2 de abril de 2015 15:32
Fico fazendo as contas...
Um homem e uma mulher, ambos tiveram suas carteiras assinadas com 20 anos. Sao necessarios , para o homem, 35 anos de contribuicao. Ou é necessario , para o homem, ter 65 anos para se aposentar.
Se a regra fosse igual para todos, ambos se aposentariam aos 55 ou aos 60 anos. Agora, sabendo q a mulher para de trabalhar em media 5 anos para cuidar de filhos e parentes, com quantos anos essa mulher vai se aposentar? Tanto por idade quanto por tempo de contribuicao?

Raven Deschain disse...

O que é que tu fuma(2)?

Joane Farias Nogueira disse...

Anônimo2 de abril de 2015 19:36
Quando vc pensa que nunca vai aprender nada que nao seja machisra em uma religiao... vieram as testemunhas de Jeova me dando varias licoes valiosas , uma delas foi: sua mulher te poupa varios gasto,gastos com arrumadeira, lavadeira, passadeira, babá, cozinheira e etc.
E eu me pergunto, vc ai se queixar do patrimonio que ela ajudou a construir? E to aqui, deprimidissima, me lamentando pelas poucad mulheres que nao conseguiram ficar milionariad com o divorcio. Coitada delas...

Anônimo disse...


Tem muita gente que luta contra esse movimento podre chamado machismo também, uma ideologia que põe alguém acima de alguém só pode ser doentia, acorda, enquanto machismo existir haverá feminismo. E VCS SERÃO EXTINTOS

Anônimo disse...

Machista que é machista morre na guerra.

Anônimo disse...

Somos muitos contra esse movimento hipócrita,que de igualdade n quer nada.

ah porque o machismo com certeza tras igualdade sqñ.

ah vão xupar pau de macho em outro lugar.
vagabundos

Anônimo disse...

Não,machismo n tem nada de bom,nem quer igualdade,muito menos o feminismo querida.
Movimento que se vale de mentiras,adora padrão duplo de julgamento,geralmente só o homem sai como monstro,mesmo que uma mulher se comporte do mesmo jeito,parece bastante com machismo ao contrário.

Anônimo disse...

Não sei porque gostam da campanha da Dove,pela beleza real,sério? Só vi mulheres magras,algumas cheinhas,nenhuma com celulite,estria,flacidez...Realmente é a beleza real,talvez de 1% das mulheres.

Anônimo disse...

As mulheres estão estudando cada vez mais para se tornam trabalhadoras mais qualificadas.Até mesmo em paises arabes esse fenômeno acontece, como os 80% dos universitarios são mulheres no Irã.Com isso,cada vez mais as mulheres vão lutar pressionar cada vez mais o governo e as empresas para ter salários mais igualitários. Vejo que o machismo acaba ou diminui consideravelmente quando as mulheres começarem (e já esta acontecendo) a não se casarem com homens machistas,que não dividam as tarefas domesticas,violentos etc. Visto que até os mascus não querem se relacionar,a tendencia é de que o mundo vai ficar cada vez mais feminista, simplesmente porque as mães e pais feministas vão educar os seus filhos e filhas com a mentalidade deles. Os caras que odeiam mulheres podem até se envolverem com prostitutas, mas não vão se reproduzir com elas e muito menos cuidar de criança( eles mesmos defendem mariage strike). Ja as mulheres que não possuem parceiros, podem fazer apenas uma inseminação artificial.

Anônimo disse...

Olha isso. Saiu agora no Buzzfeed

http://www.buzzfeed.com/alexandreorrico/jovem-e-agredido-ao-tentar-defender-travesti-em-protesto?utm_term=.toGKDpP7R#.csbw3rbY0

Anônimo disse...

Joane, se tu conhece algum(a) psicologo(a) pergunta a ele(a), como sao suas pacientes que o(a) procuram por terem sido trocadas por uma mulher mais nova... depois disso tire suas proprias conclusoes.

Anon 19:36

Mary Janne disse...

Lola, faça um post sobre isso, por favor! Olha a legenda do jornal
https://www.facebook.com/ImprensaFeminista/photos/a.719656958126594.1073741828.715534091872214/860938053998483/?type=1&theater

Fátima disse...

Vocês já pararam pra pensar que muitas coisas discutidas aqui, acabam confundido a luta de cada gênero como "falha de caráter"?

Ser feminista não é uma falha de caráter. Ser machista também não é.

Dar o golpe da barriga é falha de caráter. Estuprar mulheres é falta de caráter.

Sou mulher e feminista, mas acho que em alguns momentos as coisas aqui excedem o limite.

De tanto ver/ler coisas que a Lola fala sobre os tais "mascus",decidi dar uma olhada em um desses blogs.

Existe sim essa misoginia gratuita e absurda; existe sim essa caracterização imaginária da mulher como "objeto".
É tudo muito horrível, muita mente fechada, muito ego em torno do próprio pênis.

Porém, existe um aspecto que merece ser evidenciado: o egocentrismo a respeito da "evolução interior".

Parece brincadeira constatar que os homens desses blogs "dão valor" a esse tipo de coisa, pois é exatamente esse tipo de comportamento que nós, mulheres, devíamos ter.

Sou mulher e feminista, Lola. Adoro o seu blog, mas você não acha que esse seu "feminismo de blog" poderia ser mais "transcendental"?

MrDissidiaFan disse...

Anon das 21:54, achei seu comentário extremamente homofóbico. Não se combate um preconceito com outro.

No seu caso, machismo com homofobia.

Trollesio Divino, o Mais que Demais. (que homem fabuloso) disse...

Ao Forrest Gump das 12:21..

seria até mais engraçada a tua historia se não tivesse a palavra aborto 216 vezes, e não puxasse o saco de crente.

tá no caminho, filho (da puta).

e vê se não erra tantas palavras também, mas foi engraçado.

nota 6 (e te contenta, bagual velho)

Anônimo disse...

Então vamos falar de propaganda,lembram a da Old Spice? Que com bom humor, fez uma satira sobre o resgate da masculinidade?é claro que as feministas ficariam ofendidas com um comercial que dignifica o homem.
Bom para elas é comercial de homem lavando banheiro de quatro enquanto a esposa pisa em cima dizendo que ela é quem manda.
Bom para elas é comercial dizendo que homem é “tudo igual”, “tudo cafajeste” e “tudo palhaço”.
Comercial de homem usando coleira como se fosse cachorro, de homem se fazendo de idiota e construindo quarto pra sogra no lugar do “recanto do guerreiro” só porque a mulher mandou.
Bom para elas é comercial de margarina com uma família sem pai, pois homem é figura dispensável e mera carteira ambulante, pagador de pensão.
Esse comercial da Old Spice as ofende, mas não por ser um comercial machista. As ofende porque o prazer e orgulho feminista não está em dignificar a mulher, mas em rebaixar o homem.

Fábio disse...

Lola disse em seu twitter que Alckmin deveria ter morrido junto com o filho.

http://www.criticapolitica.org/2015/04/blogueira-feminista-diz-que-nao-apenas.html#more

Anônimo disse...

afffff, quanto female tears...

Interessa não disse...

Olha o que a feminista com cheiro de queijo parmesão disse sobre uma vida. Ela luta por um mundo melhor depois dos expurgos. É quase uma Stalin de saias com tireóides problemáticas.

http://www.criticapolitica.org/2015/04/blogueira-feminista-diz-que-nao-apenas.html#more

Raven Deschain disse...

Não, idiota. Bom pra nós são cos comerciais americanos do Old Spice, que são com o Terry Crews e são só engraçados, sem precisar ofender ninguém.

Anônimo disse...

Não. O feminismo não é uma luta por igualdade, é uma luta pela dominação das mulheres sobre os homens e talvez a destruição desses últimos.

Anônimo disse...

Pra quem "não chora por reaças" tudo é possível.

Vamos qual será o post de 3 de abril de 2015.

Beatriz disse...

Decepcionada com sua falta de respeito à dor da família Alckimin. Nunca fui de ter muita afinidade com o discurso feminista, mas sempre gostei de ler seu blogue, Lola. Só que depois dessa, pretendo manter distância.

Só escrevo aqui porque acho que só apagar o post não resolve. Você deve desculpas públicas pelo horror que publicou no Twitter: "deveria ter morrido o pai reaça dele também"

LAMENTÁVEL!!!!

Luiza Bairros disse...

Vergonha é de vcs que acreditam em qualquer fake de internet. A lola não se manifestou sobre a morte do filho do alckimim

Julia disse...

Que comercial da Old Spice é esse? Ta falando dos americanos?

Raven Deschain disse...

Os americanos sim, Julia.

Anônimo disse...

Não, não americanos, mas sim o brasileiro, com o ator da globo. Vcs gostam do americano, por ele ridicularizar a imagem masculina, como eu disse acima.
E a quem aquele comercial ofendeu Raven? (Niemi) Si falava sobre homens, não tinga nenhuma referência as mulheres nem nada feminino
Sua resposta só confirma o que eu disse.

Raven Deschain disse...

Eu tinha entendido que vc falou do brasileiro, idiota. Vc é que não entendeu que eu estava falando do americano, releia, pls.

Ofendeu bastante gente, sua besta.

Afinal, desodorante do homem-homem? Sério? E os homens-bichas? E as mulheres que gostam de desodorante masculino? E os homens que acham essa construção da masculinidade imbecil? Pq, afinal de contas, ela é?

Sem contar o próprio comercial, com aquelas mulheres servindo de chaveiro, enquanto o homem-homem, sei lá, joga sinuca, que aí sim, é coisa de macho, e que são completamente ingnoradas quando os caras ouvem o 'chamado da hombridade'? Isso não é tratar os próprios caras, o público alvo, como imbecil? Sua análise do comercial é rasa e burra.

Raven Deschain disse...

Ah detalhe: pq o americano ridiculariza a imagem masculina? Pq o Terry Crews é negro?

Pq ele tá de sunguinha? Desculpe, mas me gusta pai do Chris de sunga. Me gusta, mesmo.

Os comercias são sarristas. Homem que é homem não é engraçado? Não pode?

Vai caçar o caminhão que vc caiu.

Julia disse...

É.. Não tem jeito. Gente de direita ou é mau caráter ou é burra mesmo..

Anônimo disse...

E Raven, realmente não tem nada a ver, comerciais onde o senso comum e "Mulher poderosa, homem palhaço e adestrado"
Vou te contar um segredo Raven Nieemi, homens não estão a disposição para o seu humor, não são bichinhos adestrados para a senhora achar graça enquanto joga amendoim, não somos brinquedos.
Agora va encher uma lage.

Raven Deschain disse...

1- não e tendi porra nenhuma.
2- who the fuck is nieemi?

Julia disse...

Ele acha que você é a falecida Niemi!!
Mas que eu saiba a Niemi não era adestradora..

Raven Deschain disse...

Aquela Niemi que era troll? Só ouvi falar.

Quando cheguei aqui ela já tinha sumido.

Anônimo disse...

Onde pula pra 2030?

Trollesio BraZil, o viril baronil disse...

enquanto lá fora se discute problemas reais, aqui se discute o que uma propaganda tosca pode fazer na cabeça das pessoas (que são dementes, pois se manipulam por comerciais)

ESSE É O BRAZZZZIL! ESSE É MEU PAÍS! QUE ORGULHO!

depois a Lola Aronovich não entende porque nem todos ''amam esse país maravilhoso''.

Anônimo disse...

Se liga Niemi, não ta enganando ninguém.

Joane Farias Nogueira disse...

Faca essa pesquisa tb. Sua experiencia pessoal nao conta como argumento p nada. O que swra q vou encontrar? Mulheres felizes poq finalmente vao enriquecer? Me poupa.

Joane Farias Nogueira disse...

Trollesio Brasil como se td nao fizesse parte da mesma coisa. Objetificacao feminina=violencia contra mulher. Os comerciais sao sintomas claros de uma doenca social chamada misoginia. Se isso nao é problema serio o suficiente, nao sei o q é.

Trollesio, agora sério.. disse...

Joane, um comercial só se torna tudo isso em um país de imbecis que formam opinião com propaganda de cerveja. apesar da ironia deixei claro isso....

já vi um chorão dizendo uma vez que pornô também objetifica e desqualifica o homem mais que a mulher, porque os caras dos filmes tem pau grande e o resto dos homens não (ele fala por ele)... ou seja, sempre há uma ''interpretação'' conveniente..

a mídia só se arrisca de tal maneira porque sabe que seu publico alvo, e seu país, é composto por retardados, e qualquer critica, de qualquer lado, será tachado de vitimismo...

misoginia existe e é um comportamento podre e influenciado nas cabeças de mongoloides braZileiros...

nunca me deixei levar por opinião alheia, leio todo tipo de merda e não formo ou mudo de opinião quanto a isto...

Anônimo disse...

Galera isso é uma causa perdida... o feminismo só foi útil quando as mulheres não tinham direito, fato

Aliás, desafio qualquer uma/um vocês a me mostrarem no mapa mundi pelo menos UMA localidade regida por uma "sociedade matriarcal" que tenha dado certo... simplesmente não existe

Anônimo disse...

Completando o comentário acima.. quis dizer quando as mulheres não direito A NADA, nem ao voto, nem a trabalhar, a se casar com quem o pai mandasse, etc

Agora todos os direitos que os homens tem as mulheres também tem... Então o que querem mais? só tá faltando criar a bolsa-mulher no Brasil

Julia disse...

Depois dos últimos comentários eu declaro oficialmente encerrado o feminismo no Brasil. Somos todas ingratas com o patriarcado, esse sistema que deu super certo graças a toda escravidão, exploração e desgraça que provocou no mundo.

Bolsa-mulher não vai ter não, mas podiam criar o bolsa-otário para dar pra você, pro seu pai e pro seu avô (de ambos os lados).
Que tal?

Anônimo disse...

Alguns homens falam que as mulheres nunca vão conseguir seus direitos e por isso elas devem desistir, outros dizem que as mulheres ja conseguiram e por isso devem desistir.
Vai entender esses homens...

Anônimo disse...

A sociedade minoica,cicladica, os celtas,iroquences, sociedade elamita e até as icamiabas segundo alguns autores. Pronto, desafiei você anomino 17:55.