sábado, 31 de agosto de 2013

GUEST POST: ME TORNEI FEMINISTA NAMORANDO UMA FEMINISTA

Quando Alexandre e sua namorada leram o post "Namoro uma feminista", debateram sobre ele (adoro quando casais discutem sobre textos meus!). A namorada do Alexandre então "sugeriu levemente" que ele escrevesse alguma coisa também. Tá aqui. 

Nasci no interior, em família de classe média, de pai rígido e conservador, e eu (caçula) não comecei diferente.
Passei por todos os treinamentos de homem. Aprendi a brigar desde os sete e lutei por minha honra várias vezes depois no colégio. 
Negligenciaram meu acesso à pornografia, engoli o choro desde meus cinco anos de idade, aguentei sem frescura todos os machucados, aos 17 arrumei trabalho, escolhi uma faculdade "que desse dinheiro". Lembro ainda que acreditava que "mulheres são frágeis", e que "em mulher não se bate nem com uma flor" -- o pedestal.
Descrevi não pra causar dó, mas pra figurar o treinamento-padrão, aquele que todo moleque depois dos 18 e que paga suas contas enche o peito para se dizer um homem, ao mesmo tempo que insiste que garotas "não passaram por tudo isso" e "não sabem como é [ter o orgulho remendado]".
Por anos a única coisa que não me direcionou nessa ignorância foi minha petulância de irmão mais novo de querer ser do contra.
Desde sempre questionei muitas coisas, mas só aos 21 que meu questionamento tendeu pro social, e aos 24 comecei a sair com minha atual namorada, feminista, riponga.
Não tenho nem ideia quanta coisa imbecil eu devo ter dito no início, pois minha referência eram as garotas feministas lá do colégio que viviam falando que "homem não presta" ou "homem é tudo igual", mas essa referência caiu na primeira conversa que tive com minha namorada.
Quanto mais ouvia, mais me sentia ignorante, e mais perguntava e ponderava. Minha namorada foi paciente ao respirar fundo no início e não sair batendo verbalmente, assim ela me dava um toque toda vez que notasse algo errado. "Isso é meio machista", ela até atenuava. Isso me deu oportunidade pra compreender posturas feministas na prática, aos poucos, e me acostumei a admitir minha ignorância e até perguntar "O que teria sido não-machista?".
Por tempos debatíamos desde apelação publicitária, violência, depilação, assédio, até cozinhar. No possível fui compreendendo algumas obrigações, privações e pressões que as mulheres sofrem, o histórico e a carga educacional tão negada pelos homens.
Naquele ponto planejávamos morar juntos num futuro breve, e minha namorada incentivou (pra não dizer obrigou) um plano esquecido meu de viver sozinho. Eu queria pela liberdade, e ela porque sabia que, por eu ter mãe coruja, não aprendi muito sobre cuidar de uma casa. Deu certo. Vivi cinco meses sozinho. Apesar de bem assessorado, passei por todos os estágios de limpeza, do crítico à faxina de redenção. Lavei box e fogão, vi que mais valia fazer xixi sentado que lavar tudo mais vezes. Aprendi a cozinhar um pouco, se bem que algumas comidas estragaram. Mas enfim, aprendi a fazer "a segunda jornada".
Aí comecei a notar o machismo a minha volta, e a ter que me segurar pra não me exaltar em conversas. Foi então que entendi a possibilidade de ser agente multiplicador. Comecei com meus amigos, testando frases como "e se você pega sua namorada também fazendo isso?".
Fui relembrado que não adianta chegar batendo, e que, se eu queria ser construtivo com o feminismo, eu teria que aprender a incutir nos outros o que eu estava aprendendo. Mantive em mente que outros homens ainda estavam no pós-"treinamento padrão", que é duro sim e às vezes fabrica monstros. Notei que infelizmente é dificílimo começar argumentando sobre a educação da mulher. Mas havia outros pontos que eu podia abordar positivamente em prol das mulheres.
Por exemplo, um amigo se queixou:
- Olhe essas contas... Sobra pra mim.
- Sua namorada não ajuda? Quanto ela ganha, posso saber? - perguntei.
- Ah, ela paga um jantar ou outro só. Tá ganhando 1,200 reais.
- Bom, você eu tenho certeza que ganha mais de 3 mil, vamos dizer, 3,500 reais. O salário dela com o seu dá R$ 4,700. A participação dela seria de 25%, isso é o justo que ela ajude, eu acho. Se ela paga uns jantares, digamos quatro por mês de 50 reais, dá 200, e pra cada valor desses dela você tem que pagar 600. Já pensou assim?
Passei a bater onde dói mais no homem, no bolso e no orgulho. Gosto de debater pesado, e sempre tentava apenas conversar, mas não perdia uma causa defendendo as mulheres. Batia conforme o que ouvia. Aprendi depois a pegar mais leve e que o melhor é dar uma única boa agulhada que faça o cidadão olhar pro canto e ponderar, pois é normal um tempo de assimilação, e querer agulhar duas ou três vezes só vai fazê-lo descartar todo o esforço pedagógico.
Hoje eu e minha namorada moramos juntos, debatemos responsabilidades com a casa, e procuramos proporção baseado no justo. Assim é também com o dinheiro, que não é de conta-conjunta. Seguimos desconstruindo deveres sexistas, cozinhamos e limpamos juntos, aprendo coisas de casa em que sou ruim, e ela se esforça para aprender contabilidade e mecânica do carro, por exemplo.
Sei que devo pecar em vários pontos ainda. Aos 28 anos ainda é difícil suprimir a carga cultural machista embutida e alimentada dia-a-dia.

108 comentários:

Ariane disse...

Palmas pra ele! :D
E pra ela, que "sem bater", conseguiu ajudar uma pessoa a se tornar melhor por meio da mudança de mentalidade :)

Morgana França disse...

Muito bom! É tão reconfortante saber que é possível sim, mudar uma pessoa para melhor. Isso sim é amor. Ela soube ser delicada, tornando dele um homem mais justo. Palmas para ele que também faz isso com os amigos. Estão de parabéns.

Anônimo disse...

A maioria dos machistas ao ouvir as coisas que a namorada dele começou a dizer a ele, ia revirar os olhos, achar tudo uma grande besteira, e as coisas que estamos cansados de saber. A diferença de uma pessoa de boa índole, inteligente e, nem digo mente aberta, mas mente não trancada, é essa: reflete sobre o que ouviu e se questiona se realmente ele não estaria errado. Bônus maior ainda por concluir que estava e ter mudado!

Anônimo disse...

Quero dizer uma coisa um pouco complicada que provavelmente muita gente vai discordar... Bom, claro que dou parabéns a ele por ter se aberto, por ter ouvido e por hoje tentar fazer diferente e parabéns a ela também por tanta paciência. Principalmente pra ela, pq ela não tinha essa obrigação. Pra mim eu não quero isso, muito obrigada. Quando e se tiver meus filhos sim, vou me sentir no dever de ensinar, mas namorado não. Acho legal a postura dela, mas a chance do cara se abrir assim e mudar não é muito grande e eu não quero ter essa responsabilidade. Ou encontro uma pessoa já sem tantos preconceitos, um cara que já superou essa educação machista ou fico só. Uma questão de opção, não uma critica a ela, espero que me entendam.

lola aronovich disse...

Mascus em fúria com este post! Já deletei vários comentários xingando o autor do guest post. Pra mascu, qualquer homem que ama sua namorada/esposa/amiga então nem se fala é um "mangina", mistura de man + vagina, termo que eles copiaram do masculinismo americano. Outros termos para qualquer homem que não manda na mulher é lambe-botas e CPS (Capitão Salva Putas). Enfim, todo mundo que passou um minuto em qualquer blog ou fórum mascu sabe disso.
Mas, pra mascus, ainda pior que ser um mangina é ser um homem feminista. Porque aí já é traição! Todo homem que é homem, segundo os mascus, devem lutar contra o feminismo. Jamais se tornar feminista!
Mascus continuam sem entender que TUDO que os aflige é consequência do machismo, não do feminismo. Exemplo: homem ter que pagar a conta num encontro. São feministas que defendem isso ou machismo? Homem ser valorizado pelo número de parceiras sexuais que tem ou teve -- coisa do feminismo ou do machismo? Xingar homem que tem bom relacionamento com mulheres de mangina -- machistas ou feministas?
E por aí vai. O pior é que os mascus assinam embaixo de TUDO que os oprime. É um "movimento" que nunca sai do lugar, porque seus participantes continuam sendo seus piores opressores.
Algo meio surreal, né?
Por isso o ódio que os guerreiros de um real demonstram a post como este.

Anônimo disse...

Amei esse guest post, o autor foi muito querido!! rs

Interessante pra gente refletir sobre nossas estratégias e a eficácia de mudar a mentalidade dos homens.

Anônimo disse...

deletou porque?está com medo da verdade?vc é uma ditadora que exclui postagens contrárias ao seu pensamento!e homem feminista é traidor sim!traidor da própria espécie porque apóiam um movimento que os odeia.

Anônimo disse...

Mascus em fúria com este post! Já deletei vários comentários xingando o autor do guest post.
-
ódio ou censura tua? fiz um post e vc obvaimente censurou ele.

Pra mascu, qualquer homem que ama sua namorada/esposa/amiga então nem se fala é um "mangina", mistura de man + vagina, termo que eles copiaram do masculinismo americano. Outros termos para qualquer homem que não manda na mulher é lambe-botas e CPS (Capitão Salva Putas). Enfim, todo mundo que passou um minuto em qualquer blog ou fórum mascu sabe disso.
Mas, pra mascus, ainda pior que ser um mangina é ser um homem feminista. Porque aí já é traição! Todo homem que é homem, segundo os mascus, devem lutar contra o feminismo. Jamais se tornar feminista!
Mascus continuam sem entender que TUDO que os aflige é consequência do machismo, não do feminismo. Exemplo: homem ter que pagar a conta num encontro. São feministas que defendem isso ou machismo?
-
Isso não nos aflige. A divisão eu trabalho e pago conta mulher fica em casa estaria ótima, supondo mulheres com os valores antigos, casando virgem e etc. O que é ridículo é ficar fazendo isso por uma mulher que trabalha, que é rodada, etc.

Homem ser valorizado pelo número de parceiras sexuais que tem ou teve -- coisa do feminismo ou do machismo?
-
Isso não é nenhum dos dois dona lola, isso é da natureza feminina, assim como é da minha natureza gostar de bunda grande, peito grande, etc... Preferências sexuais instintivas, afinal somos racionais mas não deixamos de ser animais só por isso.


Xingar homem que tem bom relacionamento com mulheres de mangina -- machistas ou feministas?
-
Um bom relacionamento? O cara faz piada com a situação de "oprimido" dele. Onde que é um bom relacionamento em que a pessoa tem que brincar com ser mandado pela outra? Isso, como disse no meu comentário anterior, eu fazia também. E cheguei à conclusão de que fazia pois era mais fácil NÃO assumir controle da minha vida. Ser submisso é mais fácil pois é livre de responsabilidade e decisões. Inconscientemente, me sentia fraco e incapaz de tomar decisões, o que me fazia me submeter a ser mandado. Claro que isso vinha com uma roupagem bonitinha de "democracia" mas no final das contas era do jeito dela, e eu ridiculamente ainda fazia piadas com isso.



E por aí vai. O pior é que os mascus assinam embaixo de TUDO que os oprime. É um "movimento" que nunca sai do lugar, porque seus participantes continuam sendo seus piores opressores.
Algo meio surreal, né?
Por isso o ódio que os guerreiros de um real demonstram a post como este.
-
Ódio é apego, como paixão. Quem fica "raivoso" só porque leu um texto de que discorda não é compreendeu nem o começo do que é a Real.

Não duvido que existam retardados que leram uma ou outra coisa nossa, distorceram e vem aqui trollar e falar merda espumando de raiva, mas não tente pintar como se essa fosse a filosofia masculinista ou da Real.

Além disso o movimento da real não sai do lugar? Crescemos cada dia mais. O feminismo existe há quanto tempo? A Real nasceu faz nem uma década.

Acredito que pintando o grupo da Real como "loucos" "agressivos" ou qualquer outra coisa dessa, vai acabar apenas se prejudicando pois seus leitores mais sérios e intelectualmente honestos irão checar os fatos e verão que o apego, o ódio e a violência ou ameaça dela são criticadas na Real, não incentivadas.

lola aronovich disse...

Sério, mascutroll? Porque vcs guerreiros de um real SIM que aceitam opiniões alheias, né? Nem homem super machista mas de esquerda vcs aceitam... Nem homem super machista e reaça mas que não compartilha 100% com o que vcs dizem vcs aceitam...
E vamos ver qual o movimento que odeia os homens. Vejamos... Um grupelho que faz eleição de "COB (Corno Otário Beta) do Mês", que chama homens de manginas, CSP, matrixianos, lambe-salto etc etc, que divide todos em homens em duas únicas categorias, alfas e betas, que odeia homens pobres e negros, que odeia gays (ou gays não são homens?), que adota como uma excelente estratégia de "salvação" de um homem empurrá-lo pro fundo do poço?...
Agora vamos comparar a como este bloguinho feminista odeia homens. Coloquem links pra posts que mostrem essa "misandria". Pô, eu não odeio nem mascus. Acho vcs risíveis.
Homem feminista é simplesmente uma pessoa inteligente que descobriu que o machismo também oprime os homens, e que o feminismo pode ser libertador. Só isso.
Mas mascus, continuem afundados na matrix do ódio que vcs cultivaram. E vcs têm blogs e fóruns (não muito frequentados, é verdade, ou agora que a Metendo a Real foi excluída do Facebook, vcs ainda se acham muito influentes? Exatamente como eu dizia: o masculinismo só tinha força no FB. Agora, nem isso) pra continuar pregando seu ódio. Por que tem que fazê-lo num blog feminista?

Anônimo disse...

Sério, mascutroll? Porque vcs guerreiros de um real SIM que aceitam opiniões alheias, né? Nem homem super machista mas de esquerda vcs aceitam... Nem homem super machista e reaça mas que não compartilha 100% com o que vcs dizem vcs aceitam...
E vamos ver qual o movimento que odeia os homens. Vejamos... Um grupelho que faz eleição de "COB (Corno Otário Beta) do Mês", que chama homens de manginas, CSP, matrixianos, lambe-salto etc etc, que divide todos em homens em duas únicas categorias, alfas e betas, que odeia homens pobres e negros, que odeia gays (ou gays não são homens?), que adota como uma excelente estratégia de "salvação" de um homem empurrá-lo pro fundo do poço?...
Agora vamos comparar a como este bloguinho feminista odeia homens. Coloquem links pra posts que mostrem essa "misandria". Pô, eu não odeio nem mascus. Acho vcs risíveis.
Homem feminista é simplesmente uma pessoa inteligente que descobriu que o machismo também oprime os homens, e que o feminismo pode ser libertador. Só isso.
Mas mascus, continuem afundados na matrix do ódio que vcs cultivaram. E vcs têm blogs e fóruns (não muito frequentados, é verdade, ou agora que a Metendo a Real foi excluída do Facebook, vcs ainda se acham muito influentes? Exatamente como eu dizia: o masculinismo só tinha força no FB. Agora, nem isso) pra continuar pregando seu ódio. Por que tem que fazê-lo num blog feminista?

__

Suponho que foi direcionado para o coitado que falou que "homem feminista é traidor", mas vou responder:

Primeiro, devemos definir o que é "machista". Se por isso você entende o esteriótipo agressivo, mau, que força alguém, geralmente mulher, a fazer algo ou viver uma situação, que usa de violência e etc, bem esses não somos nós.

E por machista é entender que uma mulher e um homem tem papéis diferentes e entender que o papel do homem é ser o chefe da casa, sim somos nós. Se por machista é entender que devemos evitar vadias, nunca aceitar que mulher mande em você, não ceder aos joguinhos emocionais, nunca prender, deixar livre e apenas observar se presta para relacionamento ou aplicar punição quando cabível (terminar, "dar gelo", etc.), sim somos nós.

Não acredito que homem feminista seja um "traidor". penso que seja um coitado, tenho pena, pois já segui por esse caminho e sei que eu, e muitos que vejo nese caminho, lá estão por problemas de auto estima, de não se sentir capazes de exercer seu papel como homem. Além disso são produtos do meio, que desincentiva a masculinidade, e coloca como sinônimos a macheza e o "machismo" como definido por vocês como agressões, coerção, e essas cosias que NÓS NÃO APROVAMOS NUNCA, apesar de isso não impedir, é claro, que loucos interpretem errado e usem como justiicativa, assim como usam QUALQUER COISA como jsutificativa, jogos, feminismo, Real, bíblia, etc.
Produto de uma sociedade que coloca como opostos ser machista no sentido de agressivo e etc que já falei e ser feminista, esquecendo o caminho da masculinidade verdadeira, sem coerção, com u comando ganho pelo respeito e pelo saber do chefe da família exercendo seu papel.

Anônimo disse...

Quanto ao COB, é apenas uma pequena descontração nossa, s.m.j.m você mesma já mencionou aqui um blog chamado "caras que não pegaríamos", algo semelhante. Normal fazer chacota, humor, piada, é saudável.

Não vejo problemas das classificações. Cria-se uma nova forma de pensar e ao mesmo tempo cria-se a necessidade de novos termos. Além disso, não há como negar, temos um senso de humor incrível.

Não odiamos gays, nem odiamos ninguém. Desaprovamos as condutas homossexuais e desaprovamos fortemente o chamado "gayzismo" e qualquer outro tipo de criação de privilégios e de divisão de cidadãos pelo estado. Somos também contra incentivar e colocar como normal a homossexualidade.

O que é diferente de ODIAR homossexuais ou a homossexualidade, agredir homossexuais, etc. Eu também não gosto de feminismo, de futebol, de rock de metaleiro, de maconheiros, nem por isso agrido nenhum deles. Como diz a frase célebre "uma coisa é uma coisa, outa coisa é outra coisa".

Odiar pobres e negros? Falso. Sem fundamento.

MaR foi excluída, sinceramente eu achei bom. MaR, na minha opinião tinha efeitos negativos. Pela natureza do facebook, o que você vê é "jogado na cara" dos seus amigos.

Assim o conhecimento realista, já demasiadamente simplificado, era jogado ao vento e isso começou a "seduzir" caras que não estavvam preparados para entender a filosofia, assim ESTOUROU o número de "juvenas" nos fóruns. Isso sem falar que para mim os proprios administradores do MaR eram juvenas que ainda não tinham saído da fase da revolta e as postagens eram de baixa qualidade parte em razão das características da rede social, parte em razão da moderação

Quanto ao cidadão ao qual você respondeu, suponho que ou ele seja um dos loucos que nada entenderam, ou ele é um juvena na fase da revolta. E revoltados sao assim, odeiam tudo e todos.

É natural, já passei por isso também. Com o tempo passa e a Real te torna um homem mais focado, calmo, tranquilo, equilibrado.

Pré-real eu discutia e berrava com a namorada. Quem sabe um dia não acabaria agredindo-a por ter feito algo que eu não aceitava ou por ela ter me provocado à isso, etc.

Pós-real passei a dominar a relação através da sabedoria, respeito e desapego. "Quer fazer, sair, faz. A vida é sua". Quer disutir? Não discuto, eu penso assim, se você concordar ótimo, se não seguimos nossos caminhos. A qualidade aumentou mil vezes. A paz aumentou. O respeito aumentou.

Eventualmente terminei pois ela era mãe solteira e porque o que ela já tinha feito denotava que não era digna de confiança, e percebi que eu não queria criar o filho alheio.

Perdoei tudo, não esqueci nada.

Isso é a Real. Desapego, não violência.

Depois da fase da revolta, eu não dou ordens. Eu informo o que penso e comunico a consequência. Simples assim. Aceita meu jeito quem quer, e me sinto muito mais feliz me relacionando assim. Sem a pressão de agradar mulher e sem a pressão de tentar "controlar" mulher.

Anônimo disse...


Apenas complementando, não dá para nos pintar assim lola, pois quem visitar os fóruns verá que a filosofia não é de agressão e coerção, mas sim o contrário.

Claro que tem membros idiotas, todo lugar tem, e nós com certeza temos bastante pois o que ensinamos é uma verdade dura e difícil de aceitar e depois de aceita de compreender e passar da revolta sobre isso. Não dá para exigir mais que isso de jovens de 18 anos humilhados a vida toda que vivem um stress filho da puta nessa sociedade contraditória, que mantém valores antigos distorcidos no que os prejudica e abraça dezenas de valores novos que os fodem, nesse "mercado sexual" em que a fêmea está com um poder absurdamente alto (saudoso SK e sua regra do 20%-80%).

O tempo vai passando e o juvena amadurece o conhecimento e entende. O tempo vai passando e vamos aperfeiçoando nosso material a fim que os novatos o compreendam mais fácil.

EU enxergo os nossos juvenis como os comunistas de faculdade. Revoltados, querem a revolução, usam camisa do Che, esbravejam e tal. Esse overexcitment vem com a juventude, e acredito que conseguimos em geral contornar o problema da junção do overexcitment com a revolta atual da situação de merda do homem matrixiano atual bastante rápido e eficientemente.

Ráisa Mendes disse...

"Anônimo disse...
deletou porque?está com medo da verdade?vc é uma ditadora que exclui postagens contrárias ao seu pensamento!e homem feminista é traidor sim!traidor da própria espécie porque apóiam um movimento que os odeia."




HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

Ráisa Mendes disse...

"Anônimo disse...
deletou porque?está com medo da verdade?vc é uma ditadora que exclui postagens contrárias ao seu pensamento!e homem feminista é traidor sim!traidor da própria espécie porque apóiam um movimento que os odeia."


HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!!


Se eles discordam do feminismo, pq continuam acessando o blog?

Anônimo disse...

Se eles discordam do feminismo, pq continuam acessando o blog?

_

Eu visito vez ou outra oras, comentei em uns 2 posts já.

Comento para expor meus pensamentos quando estou fim de expor, oras. Se fosse só para expressar concordância aqui simplesmente teria um botão de "like" e não teria área de comentários.

Alguns lugares são feitos para discussões entre pensadores de um mesmo grupo, como por exemplo nos nossos fóruns em que não aceitamos feministas e esquerdistas. Provavelmente existem fóruns feministas que bloqueiam não feministas.

Aqui nesse blog, a autora permite o comentário e discussões, logo é um lugar em que é "liberado" para opiniões diferentes. Se assim não fosse ela deletaria tudo que não fosse "feminista" dos comentários ou nem os aprovaria.

Anônimo disse...

Sei que não tenho poder de decisão num blog que não é meu, mas quero te pedir, Lola, pra não aprovar mais esses comentários dos mascutrolls. Tento ler toda a caixa de comentários pra ver diferentes pontos de vista dxs seus/suas leitorxs, e aprender um pouco com cada um/a mas acabo com medo de ler algo carregado de ódio. Mesmo que seja por comedy's sake, sinto-me MUITO mal ao ser exposta ao ponto de vista deles. E sei que não seria possível colocar um TW: HATE antes de cada comentário troll. Então, desculpa eu me meter, mas precisava te pedir isso. O último comentário mascu me fez lembrar una situação de abuso que passei e não respondi muito bem a esse trigger agora. Desculpa

Gilberto disse...

Esse post é granscismo puro. É o tal do "ao invés de atacar o inimigo, penetrar no território dele e subvertê-lo".
Esse post ou foi escrito pela Lola, ou foi escrito por um comunista querendo espalhar comunismo, e não lutar pelas mulheres.

Nívea Pacheco disse...

Juro que queria entender esses mascus que vivem a ruminar no seu blog. Deve ser o grupo de leitores mais assíduos....
Eu venho aqui porque gosto.
Quando abomino algo (o que é o caso deles em relação a esse espaço, se dúvida), simplesmente caio fora e esqueço.

Barbie Furtado disse...

Meu namorado é mais feminista que eu, isso é basicamente o que tenho a dizer. Porque sou feminista, acredito em direitos iguais para todos, salários iguais, posições iguais, mas na hora de trocar o garrafão de água em casa, eu sempre acabo falando pro meu irmão colocar "porque ele é o homem da casa". Tá, uso pra gerar argumento, mas é seguindo a mentalidade machista.

Meu namorado não tem dessas. Quase sinto vergonha na frente dele quando falo essas coisas.

Parabéns pro guest de hoje, pela cabeça aberta e por ter querido aprender e se tornando uma pessoa melhor. É de homens assim que o mundo precisa :)

Anônimo disse...

ZzzzZZZzzzZZz....

Por favor amigxs feministas, invadam a caixa de comentários pra gente começar logo uma conversa produtiva?!

Beatriz Oliveira disse...

Linda história.

Quanto aos mascus? Não ligue para eles, eles são tão irritadinhos assim porque não transam.

lola aronovich disse...

Anônima das 14:34, eu sei, querida, tem bastante gente que me pede pra não publicar comentários estúpidos. E desde junho do ano passado que eu modero o blog e deleto os mais exagerados. Mas eu considero que o espaço de comentários é um lugar pra debates. Na vida real, vamos nos deparar com um monte de visões assim -- idiotas, machistas, misóginas, racistas, transfóbicas, homofóbicas, gordofóbicas, etc etc --, e creio que temos que saber como confrontá-las. Sei que muita gente pensa que este blog é um espaço seguro, mas não é. Eu nunca disse que era. É um espaço de debate, de reflexões, de fazer pensar, de fazer rir também, de acolhimento também. Depende do post. Mas é por isso que não coloco avisos de "trigger warning". Desculpe se algo escrito nos comentários ou nos posts possa ser triggering. Eu recomendo que vc seja muito cuidadosa com comentários anônimos, que costumam ser os piores (90% dos comentários anônimos são de trolls, mas se eu cortasse essa opção de comentar anonimamente, também cortaria gente como vc, que obviamente não é troll, mas não quer se expor). Geralmente dá pra ver que o cara é mascu já na primeira linha. Pare de ler aí mesmo. Peço desculpas pelo blog não ser um lugar seguro. Há vários espaços feministas que são. Este nunca teve a pretensão de sê-lo.


Pois é, Gilberto, todos os guest posts (acho que já foram 360) publicados neste bloguinho foram escritos por mim. Eu tenho uma imaginação muito fértil e tempo de sobra. Além dos mais, não existe homem feminista, como todos sabemos.

Anônimo disse...

Show de bola o rapaz!!! A namorada dele também está de parabéns!!!!

Infelizmente cada vez mais só encontro feministas -agressivas, espantando adeptos e negando compartilhar o que já sabem com os homens e até com outras mulheres iguais a elas.

Anônimo disse...

Lola,olha isso

http://forum.bufalo.info/showthread.php?tid=4728&page=6

Olha o comentário de um mascus-John Oldman... ele sabe que os ensinamentos que eles pregam pode fazer com que qualquer cara ali repita o mesmo episódio de Realengo.Eles sabem que o que pregam pode gerar ódio.Eles tem noção disso,por isso usam o anonimato.Temos que denunciar,tirar print. Vamos denunciar no safernet

Anônimo disse...

Morrem de raiva mascus kkk

Anônimo disse...

"Infelizmente cada vez mais só encontro feministas -agressivas, espantando adeptos e negando compartilhar o que já sabem com os homens e até com outras mulheres iguais a elas."
peraí, gente, não é obrigação de ninguém ficar educando os outros. se vc tem paciência e quer, faça, que ótimo, mas não é algo pra todo mundo.

Anônimo disse...

Será que são as feministas que espalham raiva?...
http://canal.bufalo.info/2013/08/realmente-importa-que-haja-excecoes-por-ai/

http://canal.bufalo.info/2013/07/balzacas/

Vejam a escrita,o ódio,depreciando as mulheres.Esses blogs precisam ser denunciados.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Lola,olha isso

http://forum.bufalo.info/showthread.php?tid=4728&page=6

Olha o comentário de um mascus-John Oldman... ele sabe que os ensinamentos que eles pregam pode fazer com que qualquer cara ali repita o mesmo episódio de Realengo.Eles sabem que o que pregam pode gerar ódio.Eles tem noção disso,por isso usam o anonimato.Temos que denunciar,tirar print. Vamos denunciar no safernet
----

Disse você no anonimato.

O que não pode gerar ódio?

Tem gente que briga por futebol, não vai ter gente que vai criar ódio por causa de ter a realidade do mundo filho da puta esfregado na cara quando se depara com a Real?

Não tem feminista revoltada? Nem feminista no anonimato?

O anonimato é errado agora, querer proteger sua identidade por ter opiniões que vão contra o que a sociedade politicamente correta prega é errado?

Vamos censurar a troca livre de informações entre cidadãos que não sejam esquerdistas, feministas e outros istas que lhe agradem?

Bela democrata.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Gostei muito do post. Mas continuo achando que é dada muita importância a quem não merece nos comentários.
Já temos todo um mundo machista a nossa volta. Precisa mesmo dar voz aos machistas, e ainda dos piores, em um blog feminista? Pra quê mesmo?
Enfim.
Abçs Lola e bom fim de semana.

Anônimo disse...

Tudo bem que cada um tem sua opinião,cada um deu aqui.
Mas em vários blogs machistas e feministas exageram muito.já entrei em blogs em que criticam mulheres acima dos 30 chamando de acabadas,feias,velhas, em todo blog machista vejo isso,tanto que já se criou uma raiva contra mulheres mais velhas.
Criticam mulheres carreiristas mas os homens podem estudar e chegar aos 30 com dinheiro...

Cada um vive como quer.Se o cara não quer namorar mulher mais velha,carreirista,não vejo nada de errado,mas não precisa criar textos absurdos,chega ate ser cruéis.

Me refiro aos machistas mais revoltados.

Anônimo disse...

Mascus caiam fora daqui, vão viver sua vida. Eu não entro em forum/blog mascus pq me horripila a cultura de.vocês. fiquem na sua, não há nada que vcs possam gostar nesse blog. Eu e centenas de pessoas AMAMOS o bloguinho e a Lola. Cada um no seu quadrado. Vai procurar virgem submissa de vela acesa tá? E cortem o acesso dela a internet sob o risco dela despertar sobre essa proposta indecente de dominação de vcs.

Anônimo disse...

Lola, de onde vc arruma tanta paciência para aguentar esses idiotas mascus??? Vc vai para o ceu viva! Se erguer os braços para cima Deus puxa, cuidado! Vc é um anjo por manter.esse.blog e essa riqueza de posts. Adorei o autor e sua namorada. Pena que os mascus (que so acessaram seu blog 2x, claro) enfureceram. Tão fazendo o que aqui cambada???? Vao procurar sua turma.

Felix disse...

Acho que a Lola tem todo o direito de não publicar os comentários que ela não desejar NO BLOG DELA. Isso não é censura. O Blog é dela!

Sobre o post:

A natureza humana é plural. Especificamente, infelizmente, nos meus 25 anos de vida, quando fui feminista tive menos sucesso relativo com as mulheres do quando assumi posturas machistas (no sentido de cafajeste). Sendo mais direto: quando fui machista elas se apaixonaram e temiam me desapontar; quando fui feminista elas gostavam da minha companhia, me adoravam, mas me desrespeitavam. É isso.

Boa sorte para os homens feministas. E para aqueles que não tiverem sorte, que a ironia não vire tragédia.

Ráisa Mendes disse...

ô Anônimo 31 de agosto de 2013 14:18,

Você não acha realmente perda de tempo mascus entrarem em blogs feministas só para xingar?

Uma coisa é você expor uma opinião contrária, outra coisa é ficar propagando baixaria nos cometários.

Ditadora, vadia, vagabunda (esses dois últimos não apareceram nos posts autorizados, mas provavelmente tinha coisa assim nos deletados), pra quê isso? Pare de entrar então, pô!

Anônimo disse...

Todo mundo tem direito de contrariar,defender seu ponto de vista,ser contra o feminismo,mas chamar uma mulher de velha,acabada,feia,ai é demais.Vejo muito blog machista dizendo para que casar se a mulher vai ser um ser repugnante quando velha...sei que cada tem uma opinião,mas a falta de respeito impera.

Nat Muniz disse...

ai que preguiça infinita dos mascus nos comentários!

gente, don´t feed the trolls.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Todo mundo tem direito de contrariar,defender seu ponto de vista,ser contra o feminismo,mas chamar uma mulher de velha,acabada,feia,ai é demais.Vejo muito blog machista dizendo para que casar se a mulher vai ser um ser repugnante quando velha...sei que cada tem uma opinião,mas a falta de respeito impera.

31 DE AGOSTO DE 2013 19:03

--

A realidade é que homens em geral envelhecem melhor que mulheres. A realidade é que homens tem libido maior que a das mulheres. E a realidade é que, por questões evolucionárias e reprodutivas óbvias, o homem é atraído principalmente pelo corpo da mulher, já a mulher tem vários outros fatores que a atraem mais.

Isso é natural pois é o que nos fez sobreviver como espécie.

Dessa forma, é válido alertar os colegas que casando ele vai acabar com uma velha gorda e acabada do lado, o até no maximo entre os 40 e 50 anos. Muitas já começam a perder a beleza aos 30, enquanto poderia estar transando com de 18 anos, cheias de energia e safadeza, aquelas que ele não conseguia antes por ser um "beta".

Nada demais em falar isso oras. É a mais pura realidade que homens envelhecem melhor que mulheres. Só ver quantos sessentões são tidos como charmosos e conseguem mulheres novas e deliciosas e quantas sessentonas conseguem o mesmo.

Além disso é claro casar tem toda a parte de ter que suportar outra pessoa no longo prazo, e isso, sendo velha, nova, bonita, feia magra ou gorda é algo escrotíssimo.

E o tesão vai pra onde comendo a mesma mulher sempre?

Não conheço um que mantenha o tesão quando casado. Casamento é um inferno.

Foi uma vez para nunca mais!

Anônimo disse...

Li os posts que deixaram ai acima.Eu sou homem e concordo que de forma geral a mulher envelhece mais rápido,ma sempre tem exceção.
Apesar de preferir mulheres da minha idade(24 anos) conheço mulheres mais velhas que estão bem conservadas.
De forma geral concordo,mas não se aplica a todas mulheres e nem a todos os homens.Não sei pq criticar fisico de mulher,que caras são esses?

lola aronovich disse...

Ué, mascutroll das 19:26, se isso tudo que vc diz é tão natural, tão verdadeiro, tão óbvio, tão o que nos faz sobreviver como espécie... POR QUE DIABOS VCS TÊM QUE "ALERTAR OS COLEGAS"?! Sério mesmo que os homens (esses betas que o "movimento" da Real gosta tanto quer salvá-los) são tão estúpidos que, se um "movimento" que diz, entre muitas outras pérolas, que 20% dos homens pegam 80% das mulheres, não avisá-los, eles vão se extinguir? Aliás, é o contrário, né? Eles vão casar e se reproduzir?! E assim perpetuar a espécie fazendo algo que, sei lá, talvez seja visto como "é o que nos fez sobreviver como espécie"?
E olha, se tem uma coisa que feminista concorda com mascus é sobre o marriage strike de vcs. Ouçam o nosso coro: por favor, não casem! Não se reproduzam! Continuem tendo relacionamentos apenas com mulheres que aturam vcs pelo dinheiro!

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Lola, de onde vc arruma tanta paciência para aguentar esses idiotas mascus??? Vc vai para o ceu viva! Se erguer os braços para cima Deus puxa, cuidado! Vc é um anjo por manter.esse.blog e essa riqueza de posts. Adorei o autor e sua namorada. Pena que os mascus (que so acessaram seu blog 2x, claro) enfureceram. Tão fazendo o que aqui cambada???? Vao procurar sua turma.

31 de agosto de 2013 18:06

__

É preciso alertá-los pois os jovens vivem num deserto sexual, sendo inexperientes em relacionamentos. Então enontram uma mulher mais velha, mais vivida, mais "malandra" emocionalmente, que lhe dá o chamado "chá-de-buceta", lhe dá um tanto de carinho e pronto, o babacão está pronto para jogar seu futuro fora por uma mulher que deu a juventude aos cafajestes e agora quer arrumar um bonzinho para sossegar.

Vocês não sabem o que é o sofrimento do deserto sexual. O muleuqe adolescente por fora fala que é fodão que meteu ali e aqui que pega varias e tal, na verdade ele fica só na imaginação e é desprezado em detrimento dos chamados "alfas".

A regra do 20/80 é perfeitamente válida, qualquer beta que observar a dinâmica na sua faculdade, por exemplo, verá a comprovação disso.

Não sou troll trouxe argumentos sobre o assunto do post que até agora não foram atacados por ninguém, o único atacado fui eu.

Ademais, até gostaria de reproduzir, mas infelizmente o direito de família é ridículo nesse país, casar me traria uma insegurança jurídica gigantesca. E tem o fator principal: apesar de querer filhos, não quero tanto a ponto de me submeter a aguentar cohabitação. Não gosto nem de pensar nesse tipo de coisa.

Anônimo disse...

Não sou um homem feminista,mas desde quando vemos homens de 60 com novinhas no dia a dia?eu vejo famosos ricos na tv mas no dia a dia vemos casais com mesma idade.Pra que usar teoria para pegar mulher? acredito que este fórum perde credibilidade por causa disso,não sabem defender seus ideias,só sabem depreciar a mulher.O pai trocou a mãe de cada um deles por uma novinha? O nosso pais é um dos que mais discrimina idosos.Não importa se mulher envelhece mal ou se nós homens envelhecemos mais tarde,chegou na velhice são TODOS esquecidos pela sociedade.VÃO VIVER A REALIDADE.Desde quando ter 60 anos é mais valorizado que uma mulher ou um cara de 20,30? ...há homens que envelhecem mal há mulheres que envelhece bem mas vão continuar sendo chamados de velhos(as).VÃO VIVER,POR FAVOR.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Li os posts que deixaram ai acima.Eu sou homem e concordo que de forma geral a mulher envelhece mais rápido,ma sempre tem exceção.
Apesar de preferir mulheres da minha idade(24 anos) conheço mulheres mais velhas que estão bem conservadas.
De forma geral concordo,mas não se aplica a todas mulheres e nem a todos os homens.Não sei pq criticar fisico de mulher,que caras são esses?

31 de agosto de 2013 19:34

__

Sim amigo, é de forma geral. No geral, um homem e uma mulher de beleza mediana que se exercitam, alimentam trabalham, estudam e ganham dinheiro na mesma proporção durante a vida, a mulher será mais atraente para os homens que o homem para as mulheres até os 30 anos, por conta de sua beleza. Daí em diante, o homem ultrapassa pois sua beleza resiste ou até melhora com o tempo, e porque beleza é um fator muito menos importante no mecanismo de atração nos cérebros femininos.

Anônimo disse...

Ok,mulheres no geral envelhece pior,e vcs não querem casar querem viver com novinhas,mas quantas vcs pegam?

Anônimo disse...

Se todos os caras acham que mulher depois dos 30 ficam acabadas e feias deixem elas para mim kkkkkk
Amigos,parem com isso,vão caçar uma gostosa,ficar perdendo tempo criando teorias.Quem garante que depois dos 30 vão ficar bonitos,cheiso da grana? o que mais tem é homem e mulher tudo ferrado aos 30 tanto em beleza como em dinheiro.Em que mundo vcs vivem? parece comercial de axe.

Anônimo disse...

Não sou um homem feminista,mas desde quando vemos homens de 60 com novinhas no dia a dia?eu vejo famosos ricos na tv mas no dia a dia vemos casais com mesma idade.
Pra que usar teoria para pegar mulher? acredito que este fórum perde credibilidade por causa disso,não sabem defender seus ideias,só sabem depreciar a mulher.O pai trocou a mãe de cada um deles por uma novinha? O nosso pais é um dos que mais discrimina idosos.Não importa se mulher envelhece mal ou se nós homens envelhecemos mais tarde,chegou na velhice são TODOS esquecidos pela sociedade.VÃO VIVER A REALIDADE.Desde quando ter 60 anos é mais valorizado que uma mulher ou um cara de 20,30? ...há homens que envelhecem mal há mulheres que envelhece bem mas vão continuar sendo chamados de velhos(as).VÃO VIVER,POR FAVOR.
____

A Real não é "teoria pra pegar mulher". A Real é sobre o homem. A Real é para você PARAR de focar em mulher e focar em você. parar de brigar com mulher e terminar a relação que só te faz perder tempo e paciência. Parar de fazer merda e fazer coisas úteis.

Óbvio que dentro dos ônibus só haverão velhos com velhos e velhos sendo desprezados.

Isso sao velhos pobres. Pobres não são atraentes perante os olhos femininos, em geral.

Agora vá ver um sessentão professor universitário, juiz, diretor de empresa, médico e qualquer outra profissão de destaque.

Agora compare com uma mulher na mesma posição. Quem tem mais sex appeal? Te garanto que o homem come uma aluna/paciente diferente por semana se quiser. Já a mulher aos sessenta, muito muito dificilmente será desejada por algum homem abaixo de 60.

Anônimo disse...

Alertar que o cara vai acabar com uma velha e acabada do lado? O pai de vcs tem aguentando isso?

Vcs conhecem todas as mulheres casadas para afirmar ? todas vão ficar acabadas? e todos os velhos serão lindos e maravilhosos? pq então eu só vejo mulher brigar por um gostosão novinho? nunca vi mulher brigar por causa de um velho? como já disseram a cima,vão viver,só ficam no computador dar nisso.

Anônimo disse...


Anônimo Anônimo disse...
Se todos os caras acham que mulher depois dos 30 ficam acabadas e feias deixem elas para mim kkkkkk
Amigos,parem com isso,vão caçar uma gostosa,ficar perdendo tempo criando teorias.Quem garante que depois dos 30 vão ficar bonitos,cheiso da grana? o que mais tem é homem e mulher tudo ferrado aos 30 tanto em beleza como em dinheiro.Em que mundo vcs vivem? parece comercial de axe.

31 de agosto de 2013 20:05

__

As teorias foram criadas justamente para ajudar os que estão perdidos pensando em "caçar gostosa". A parte feminina da Real existe pois essa é a preocupação número UM de quase TODO HOMEM JOVEM. Então é preciso falar sobre isso para eles aprenderem a tirar o assunto "mulher" do caminho e colocar onde ele deve estar, na ala das "diversões e lazer".

Claro que não é garantido que aos 30 todos serão fodões.

Essa é uma data simbólica, pois a maior parte dos que conhecem a Real são jovens até os 20 anos, e 10 anos é um tempo razoável para entender a Real e parar de manginar e ficar correndo atrás de mulher e focar no seu desenvolvimento o suficiente para ir longe, passando num concurso público, entrando numa boa carreira de médico, engenheiro, advogado, etc.

DO amanha ninguém sabe, mas com certeza absoluta o cara que estuda, trabalha e malha tem mais chance de chegar bem tanto em aparencia/saude como eu dinheiro e status aos 30 anos do que o baladeiro que fica pensando em "caçar gostosa".

Anônimo disse...

O cara velho conseguirá pegar as novinhas interesseiras só por causa do dinheiro.Concordo que para nós homens é mais fácil.Mas se essa tal da real ensina parar de focar em mulher,pq os malucos ai querem ficar rico para pegar as novinhas de 18? continuam focando na mulherada.
Amigo,não acho errado não,só estou dizendo que pelos posts que deixaram acima,e links ai também estão esculachando as mulheres de velhas acabadas.O cidadão não tem mãe não? ai que eu acho que vcs perdem credibilidade.Se vcs querem enriquecer e pegar mulher,beleza,mas nos textos noto muita imaturidade e rancor também.Também gosto de mulher nova e gostosa,mas pretendo casar e sei que também vou envelhecer,não tem pq eu terminar com minha futura esposa por questão de beleza.Quem quer novinha e gostosa sempre não case.

Anônimo disse...

DO amanha ninguém sabe, mas com certeza absoluta o cara que estuda, trabalha e malha tem mais chance de chegar bem tanto em aparencia/saude como eu dinheiro e status aos 30 anos do que o baladeiro que fica pensando em "caçar gostosa".

Eu tenho 22 anos sou nova ainda.Agora se eu me cuido,estudo,malho também posso chegar bem aos 30.Mas vcs mascus sempre dizendo que mulher de 30 é acabada.Ok,velha todas serão mas acabada,não são todas.

Anônimo disse...

Concordo com Laurinha. Espaço de debate é uma coisa, convidar essa turma pra sentar é outra. Na vida real vemos sim diariamente, mas nao saímos com eles pra conversar.

Anônimo disse...

Caramba,um monte de camarada querendo pagar de comedor ,será mesmo que um pegador perderia tempo acessando blog? se eu fosse pegador nem saberia o que é internet. Não sou bonito,não tenho dinheiro,mas não fico na net pagando de gostosão.Homem de 60 com novinha kkkkkk só se for para dar uns pega pq levar para casa é chifre na certa.E só com dinheiro.Valeu Lola,cada comentário que vc tem que ler né.Se querem ser pegador pq reclamar que as mulheres estão safadas? viva as mulheres então

Anônimo disse...

Minha mãe tem 50 anos meu pai 52 e ela está bem melhor fisicamente.Eu tenho 30 e estou melhor que muitos caras da minha idade.Vcs ai de cima podem ate dizer que é de forma geral,mas há muita mulher por ai envelhecendo melhor que os homens

Anônimo disse...

Os mascus estão em fúria!! hahaha
Poxa, que lindo o post, que bonitinho esse casal... Desejo felicidades aos dois e espero ser assim também quando "crescer" e for dividir as coisas da vida com meu namorado. Me identifiquei muito com a história, já que meu namorado também tem mudado alguns pensamentos machistas ao longo dos 3 anos que estamos juntos :)

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Minha mãe tem 50 anos meu pai 52 e ela está bem melhor fisicamente.Eu tenho 30 e estou melhor que muitos caras da minha idade.Vcs ai de cima podem ate dizer que é de forma geral,mas há muita mulher por ai envelhecendo melhor que os homens

31 de agosto de 2013 20:50

__

Considerando vidas saudáveis e "genéticas" semelhantes, o homem envelhecerá melhor, é uma questão hormonal.

Claro que uma mulher que se cuida pratica exercícios e se alimenta bem envelhecerá melhor que um baladeiro que bebe fuma e não malha.

Além disso, os "trinta" são apenas um marco referencial. "the wall", como dizem os americanos, pode vir aos 35 ou 40 ou até 45. 30 é só um número estimado bonito para o início da decadência do poder de barganha feminino e o início do reinado do poder de barganha masculino.

Lola, postei algum outro comentário, em que falava sobre ainda não terem respondido meu comentário inicial sobre o tema do post e ele não foi publicado, porque isso?

Anônimo disse...

Casamento é muito difícil mesmo e MUITO mais dificil para as mulheres. O tesão da mulher pode acabar MUITO antes do que se imagina se o cara não respeita-la, se não trata-la bem. Vou rezar para que vc continue solteiro assim como todos os homens que seguem essa linha. Um milhão de vezes ficar só do que cair numa cilada dessas. Homens envelhecem melhor do que as mulheres?? Deve ser por isso que eles morrem primeiro ne? Porque estão melhores, mais saudáveis, suuuuper atraentes ate o fim da vida. Me poupe

Anônimo disse...

Um cara ai pagando de pegador,que é professor universitário e pega novinhas de 18,pera ai que eu vou rir

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk deve ser adolescente ou ter uns 20 poucos anos...valeu

Como eu escrevi acima " se eu fosse pegador nem saberia o que era internet" kkk

Pegador não perde tempo em blogs,forum,ainda mais Sábado a noite,deixem a mulherada ser feliz e fazer muito sexo mesmo.Futuramente quando estiverem velhos não vão querer novinhas? então,larguem a hipocrisia.Pegadores em blog feminista? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

chegar aos 30 ricos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Sou feio e pobre mesmo mas assumo sem vergonha.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Caramba,um monte de camarada querendo pagar de comedor ,será mesmo que um pegador perderia tempo acessando blog? se eu fosse pegador nem saberia o que é internet. Não sou bonito,não tenho dinheiro,mas não fico na net pagando de gostosão.Homem de 60 com novinha kkkkkk só se for para dar uns pega pq levar para casa é chifre na certa.E só com dinheiro.Valeu Lola,cada comentário que vc tem que ler né.Se querem ser pegador pq reclamar que as mulheres estão safadas? viva as mulheres então

31 de agosto de 2013 20:44
__

Esqueci de refutar o resto. Vamos lá: Como já disse, não é grana, é status, apesar dos dois se relacionarem.

Acho mais difícil um 60tão com status tomar chifre que um de 20 como ela sem status.

Além disso, meu negócio é sexo e "ficar", no longo prazo eu só quero distância.

Gostaria que fosse diferente, que vivessemos num mundo de mulheres honradas, estado pequeno, leis justas. Infelizmente não vivemos. Como não vou mudar o mundo, me adaptei à ele. Sexo casual, namoricos chamados de "ficar" com moças novas e bonitas, e todo o resto de bom que o dinheiro/status que eu sofri muito para ter tem a oferecer nesse mundo.

Anônimo disse...

O deserto não pode ser preenchido com uma moça da mesma idade? Nenhuma mulher quer o rapaz? Dificil eihn? Toda panela tem uma tampa. Daí pular para o argumento da mulher mais velha rodada que quer se.dar bem não cola não. Já vi cada casalzinho "beta" fofo que não compartilho dessa constatação. Mas não vamos entrar num acordo nunca porque essa realidade do.machismo.extremo é muito nova para mim (conheci aqui no.bloguinho). Me assusta essa forma de pensar.

L. G. Alves disse...

Meu namorado e eu também costumamos discutir os textos do teu blog, Lola.E acho que foi por causa destes textos (ora, certamente foi) que ele entrou neste "outro universo" que desconhecia. O pai dele também é pai rígido, conservador e machista. História até bastante parecida com
a do Alexandre. Ele passou por todo aquele "o treinamento-padrão".
"Quanto mais ouvia, mais me sentia ignorante, e mais perguntava e ponderava." Deve ser exatamente como ele se sentiu, rs Uma vez estávamos discutindo e ele me disse "Hoje sou feminista, amor" E eu ri porque foi tão natural e bonito. Não sei se ele é exatamente feminista ou se eu sou exatamente feminista. E às vezes penso que ele é mais feminista que eu :o Mas estamos aprendendo e tentando progredir.

Leandro disse...

"Amigos,parem com isso,vão caçar uma gostosa,ficar perdendo tempo criando teorias.Quem garante que depois dos 30 vão ficar bonitos,cheiso da grana? o que mais tem é homem e mulher tudo ferrado aos 30 tanto em beleza como em dinheiro.Em que mundo vcs vivem? parece comercial de axe."

Temos muito mais do que fazer e assuntos mais importantes e tratar do que ir "caçar uma gostosa". Mulher nunca deve ser prioridade na vida de um homem.

L. G. Alves disse...

"Não acredito que homem feminista seja um "traidor". penso que seja um coitado, tenho pena, pois já segui por esse caminho e sei que eu, e muitos que vejo nesse caminho, lá estão por problemas de auto estima, de não se sentir capazes de exercer seu papel como homem. "

Ah, tive que comentar pois foi engraçado o que este camarada postou, kkk Meu namorado não é um coitado e é exatamente por isso que estou com ele. Não tenho tesão por capacho. Ele tem opinião e sempre faz o que quer e diz o que pensa. Ele viaja, tem amigas (e eu sou ciumenta, mas ele tem sim), tem amigos, tem liberdade para fazer o que quiser. E eu idem. Sabe, eu até poderia ser uma dessas pessoas que "proíbem" o namorado de fazer o que quer ou acreditam que possuem este poder, mas isso é algo que só destrói a relação. Ninguém gosta de se sentir numa prisão sem muros.

Anônimo disse...

Logicamente nós generalizamos, mas a mlher envelhece MUITO pior que o homem, dadas as mesmas condições.

Se for fazer uma comparação entre as gostosinhas universitárias e os realistas então...

Pelo meu doutorado em "alunagostosade19anosgia", posso dizer que em geral elas são baladeiras, bebem demais, muitas fumam maconha, e estudam de menos. Claro que isso tem exceções, mas a regra das universitárias bonitas de hoje em dia é essa, tendo em vista que em geral tiveram tudo fácil na vida primeiro por serem cidadãs de primeiro escalão por serem mulheres, segundo por serem mulheres gostosas.

Não são todas.Meus tios são super companheiros se conheceram na academia,se cuidam bastante, mesma idade,e ela está bem melhor que ele.Vcs exageram muito.Já vi na internet muito mascus querendo comparar atrizes americanas que se encheram de Botox,se drogaram,com atores que souberam cuidar da saude.Pq não comparam os atores com famosas que também se cuidaram,como- claudia raia,jennifer aniston,paula toller...vcs tem cada post generalizando tudo.Vcs gostam de depreciar as mulheres,como já escreveram acima.

"homem envelhece mulher apodrece",ok TODOS homens envelhecem bem e TODAS as mulheres são acabadas.Ok machistas!

Anônimo disse...

Anônimo disse...
O deserto não pode ser preenchido com uma moça da mesma idade? Nenhuma mulher quer o rapaz? Dificil eihn? Toda panela tem uma tampa. Daí pular para o argumento da mulher mais velha rodada que quer se.dar bem não cola não. Já vi cada casalzinho "beta" fofo que não compartilho dessa constatação. Mas não vamos entrar num acordo nunca porque essa realidade do.machismo.extremo é muito nova para mim (conheci aqui no.bloguinho). Me assusta essa forma de pensar.

31 de agosto de 2013 21:17

___

Não tem nada de extremo sobre minha pessoa. Sou um cara super tranquilo. Faz MUITO tempo que não tenho uma discussão com uma mulher. Ciumes? Esqueci isso faz tempo. Aproveito o melhor e pronto. Quando alguma vem brigar comigo, explico calmamente e se não der jeito ignoro e pronto. Pra que bate bocas? Enfim, nada de extremo sobre minha personalidade, até meu TOC é bem controlado.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Um cara ai pagando de pegador,que é professor universitário e pega novinhas de 18,pera ai que eu vou rir

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk deve ser adolescente ou ter uns 20 poucos anos...valeu

Como eu escrevi acima " se eu fosse pegador nem saberia o que era internet" kkk

Pegador não perde tempo em blogs,forum,ainda mais Sábado a noite,deixem a mulherada ser feliz e fazer muito sexo mesmo.Futuramente quando estiverem velhos não vão querer novinhas? então,larguem a hipocrisia.Pegadores em blog feminista? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

chegar aos 30 ricos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Sou feio e pobre mesmo mas assumo sem vergonha.

31 de agosto de 2013 21:10
___

Não entendo porque do riso compulsivo.

Eu não sou pegador. Só que meu status me permite comer muitas mulheres. É diferente de viver em função disso. Hoje até tinha marcado, mas desmarquei porque bebi com amigos da época de faculdade ontem e estou um tanto estragado, aí fiquei o dia "perdendo tempo em blogs".

COmo eu disse, você acha isso porque dá muita importância a sexo, que é algo que pela sua descrição você não consegue muito.

É como quando você ganha o primeiro videogame, depois de anos pedindo ele. Eu ganhei um, já uma geração atrasada e usadinho, mas fiquei louco. Achava que se tivesse um ia jogar 24 horas por dia. Joguei horas e horas e horas no começo. Depois foi diminuindo, e foi virando só MAIS UMA das diversões. Eu não deixo nunca de marcar de fazer um churrasco por conta de mulher. Eu não deixo de ir brincar de piloto e fazer minhas cagadas na pista por causa de mulher.


Quando falo de chegar aos 30 "rico", não estou falando "eike batista" rico, e sim um cara que ganha 8-9mil por mês, tem casa e carro quitado, alguns investimentos, investe uma porcentagem todo mês. Isso qualquer um que se dedicar mesmo a partir dos 20 anos em vez de ficar focando a vida em mulher, consegue. Depois apriveita os louros o resto da vida.

E você acertou, tenho 20 e X anos sim. Ou agora precisa ter mais de 30 para ser professor ou ter um cargo de status qualquer?

Dedique-se, foque no desenvolvimento pessoal, e em 10 anos você pode estar melhor que eu. Você ainda tem a sorte de ter alguém te dizendo que não se foca em mulher suponho que antes de você fazer merda como cohabitar. Eu não tive essa sorte.

Nada como a paz de ser solteiro e ter o direito de passar a tarde "perdendo tempo" em blogs...

A sensação da liberdade é melhor que a sensação de estar com qualquer mulher. Pena que para muitos, o gosto do sabor da liberdade só é apreciado depois de sentir na pele a falta dela.

Rogério disse...

Cara, na boa. Você que namora uma feminista. Pense bem nisso. Pois será que é bom namorar uma mulher sem nenhuma feminilidade? Pois eu fico pensando: como deve ser namorar uma mulher que tem preguiça de cuidar da aparência (caso de TODAS as feministas) e que nunca fará nada para lhe agradar, pois qualquer coisa que ela fizer que lhe agrade é "machismo" (claro que eu não estou falando aqui em cursos de striptease, chá de lingerie, mas a Lola e/ou as demais feministas poderiam responder qual é o problema da esposa/namorada querer apimentar a relação com o marido/namorado?). Sério. Você quer uma mulher assim? Pense nisso.

lola aronovich disse...

Por que não aceitei boa parte dos seus comentários, mascutroll? Porque paciência tem limites. Nesta caixa de comentários temos todo o amplo vocabulário mascu: poder de barganha, alfa, beta, balzacas, chá de b*ceta e sei lá o que mais. Tá parecendo um fórum mascu, que horror. Mas vcs já tem seus espaços que, segundo vcs, estão CHEIOS de gente. LOTADOS. Ahan. Deve ser por isso que vcs agora deram pra reviver posts de mais de um ano atrás num dos fóruns, né? Porque agora que a Metendo a Real foi excluída no FB (como eu sempre disse: os mascus só estavam vivos por causa do FB), os fóruns ficaram às moscas.
E hoje eu li em algum blog mascu de finanças (esses blogs que não são declaradamente mascus, mas tem a mesma ideologia, e, aliás, atraem mais público que os blogs propriamente "realistas", talvez porque sejam mais honestos , do tipo "eu sei que sou um m*rda") que um dos últimos suspiros da Real, um sujeito que "inspirou" tantos mascus recentemente, era fake?! O tal do John Reese? Hahahaha, eu fico impressionada. Nos fóruns 50% das notícias que vcs comentam são falsas. E as outras 50% são pra dizer que, sei lá, vcs não pegariam uma Panicat porque o nível de vcs é mais alto. Vcs podem imaginar o que quem é de fora pensa de vcs ao ler essas coisas?
E "homem envelhece, mulher apodrece" é apenas um dos inúmeros exemplos da misoginia mascu. Mas não adianta. Vcs devem achar que falar que alguém apodrece não é ódio. É apenas "verdade".
Tô com nojinho de dirigir alguma palavra a algum mascu. Argh. É tipo falar com uma barata.

Anônimo disse...

Concordo com o exagero.Conheço muita mulher que envelheceram bem.
"Homem envelhece,mulher apodrece",vcs ate podem dizer essa frase podre de forma geral,mas sempre tem exceção.Tem homem que vive em balada,fuma,bebe e não vai envelhecer bem,como há mulheres que se cuidam e provavelmente chegarão apresentáveis na velhice.

Anônimo disse...

SINCERAMENTE!ódio gera ódio - gentileza gera gentileza. Simples assim!
Por algum motivo fui direcionada a esse blog, li o texto do "homem feminista" e a seguir todos os comentários...
Fico admirada em descobrir que no século 21 pessoas pregam ódio utilizando sobrenome de "feminismo" e "machismo"!
Tanto um quanto o outro produzem energias tremendamente carregadas e repulsivas!
Não buscam o ideal, o equilíbrio, porque alimentam esses dois poderes. E gostam disso.
Isso mesmo!

Sintetizo expressando que os dois movimentos dependem um ao outro e se retroalimentam. Isso ficou bem visível nesse espaço do blog.

Se querem mesmo PAZ e bons relacionamentos, repeitem a individualidade de cada um, não separem em dois grupos fechados, ai onde se encontra o ERRO.
Cada indivíduo tem suas vocações, seus pontos fortes,suas necessidades, suas fraquezas,preferências...independente se mulheres ou homens.

Aceitem de verdade a diversidade, as infinitas possibilidades.
Não rotulem, no final somo apenas um...um imenso UM.

Cuidado com os extremos.

Busquem o amor a todo instante.

Um imenso abraço em todos!


Anônimo disse...

Mulher apodrece kkkkkkkkkkkkk
Alessandra Negrini,43 anos com cara de 25 anos,que gostosa kkkkkk,esses caras tem um ódio mortal de mulher,está cheio de mulher ai de 30 melhores que caras de 30,mulher de 40 mais conservada que cara de 40.Eu faço academia e vejo ate mulheres melhores fisicamente que eu.Agora quem se preocupa com isso? ficar olhando se a mulher envelhece primeiro ou depois? a internet está cada dia pior.

Cara a cara quero ver um cara desses chegar para uma conhecida na rua e falar as merdas que escrevem aqui.

L. G. Alves disse...

Antes de dizer que homem envelhece melhor que mulher dê uma olhada critica ao redor. PESQUISE. As mulheres se cuidam BEM MAIS que os homens. Elas são as maiores consumidoras da industria de beleza. Mulher, geralmente, "vive" no salão de beleza, rs Já vi tantas mulheres, acima do peso ou não, bem melhores, fisicamente, que seus companheiros!E também mulheres com mais de 30 anos, meu caso, estão sempre se cuidando e procurando melhorar a aparência. Estamos numa cultura machista, alôooo. A mulher é mais cobrada portanto ELA SE CUIDA mais e melhor.

Anônimo disse...

Chega gente! Pq esses caras não vão comentar no fórum deles Lola?

Anônimo disse...

Blogger lola aronovich disse...
Por que não aceitei boa parte dos seus comentários, mascutroll? Porque paciência tem limites. Nesta caixa de comentários temos todo o amplo vocabulário mascu: poder de barganha, alfa, beta, balzacas, chá de b*ceta e sei lá o que mais. Tá parecendo um fórum mascu, que horror. Mas vcs já tem seus espaços que, segundo vcs, estão CHEIOS de gente. LOTADOS. Ahan. Deve ser por isso que vcs agora deram pra reviver posts de mais de um ano atrás num dos fóruns, né? Porque agora que a Metendo a Real foi excluída no FB (como eu sempre disse: os mascus só estavam vivos por causa do FB), os fóruns ficaram às moscas.
E hoje eu li em algum blog mascu de finanças (esses blogs que não são declaradamente mascus, mas tem a mesma ideologia, e, aliás, atraem mais público que os blogs propriamente "realistas", talvez porque sejam mais honestos , do tipo "eu sei que sou um m*rda") que um dos últimos suspiros da Real, um sujeito que "inspirou" tantos mascus recentemente, era fake?! O tal do John Reese? Hahahaha, eu fico impressionada. Nos fóruns 50% das notícias que vcs comentam são falsas. E as outras 50% são pra dizer que, sei lá, vcs não pegariam uma Panicat porque o nível de vcs é mais alto. Vcs podem imaginar o que quem é de fora pensa de vcs ao ler essas coisas?
E "homem envelhece, mulher apodrece" é apenas um dos inúmeros exemplos da misoginia mascu. Mas não adianta. Vcs devem achar que falar que alguém apodrece não é ódio. É apenas "verdade".
Tô com nojinho de dirigir alguma palavra a algum mascu. Argh. É tipo falar com uma barata.

__

Esqueci de falar: Não vejo misoginia. Onde está o ódio em falar que "apodreceu" no sentido de aparencia?

Sinceramente não vejo a relação entre ódio e essa frase.

E voltando ao assunto do post, ninguém vai querer responder minhas mensagens sobre o post? Acabamos desviando o assunto para o envelhecimento feminino x o masculino não sei porque.

Renata disse...

"aí(30 anos) em diante, o homem ultrapassa pois sua beleza resiste ou até melhora com o tempo"

"Te garanto que o homem (com mais de 60 anos e boa carreira) come uma aluna/paciente diferente por semana se quiser"

AHSUAHUSHUAHSUAHUSHAUSHAUSHUAHSUAHSUAHSUH

Amigo, você nunca esteve na faculdade, né?
Professor de 60 anos saindo com aluna de 17~20 anos?
haushuahsuahushaushaushaushuahsuahsuahsuahushauhsuahsuhaush

Independentemente dele ter uma boa carreira ou não, as graduandas olham pra ele e vem um vô de 60 anos que logo logo aposenta.

Só na sua cabeça oca que as garotas vão fazer fila pra sair com um cara velho só porque ele tem boa carreira. Sai do computador e vai dar uma volta na rua, olha o mundo e tenta perceber que gente nova sai com gente nova. Gente velha saindo com gente nova é exceção de novela.

E sinceramente cara, chegar aos 30 anos ganhando 8-9mil por mês, com casa e carro quitado, alguns investimentos, investindo uma porcentagem todo mês, construindo a própria carreira é impossível.
Você começa a ter retorno financeiro DEPOIS dos 30.
Aos trinta você ainda está quase tão fodido quanto estava aos 20.
Desculpa te desiludir.

Mas gostei do seu raciocínio, dá pra ver que você é um cara bem iludido, que não tem muita sorte com mulheres e espera que "depois dos 30 e uma boa carreira" as mulheres chovam no seu quintal.
Continua com esse pensamento que vai dar certo sim. Igual o presente do papai noel no final do ano por seu um bom menino.

--------

Ai, Lola.Vou até comprar seu livro pra te dar algum dinheiro, porque aguentar esse tipo de comentário genial todo dia de graça, ninguém merece.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Entrar em um blog feminista, ler um post legal, ir pros comentários esperando ler coisas que acrescentem e talvez um debate saudável e deparar com toda uma bíblia dos guerreiros de um real que fez muita gente desanimar do orkut há dois, três anos, quando eles trollavam tudo que era comunidade feminista.
Não entendo o porquê de se moderar comentários se é pra esse tipo de coisa ficar sendo publicada e tendo destaque em blog feminista. Já não tem lugares pra isso? Se for assim, talvez fosse melhor nem moderar comentários, que acaba dando no mesmo.
Acho mesmo muito frustante entrar em um blog feminista e ver esse tipo de coisa tendo destaque. Nas nossas casas entra quem a gente convida e se nessa esse tipo de voz vai ficar sendo reproduzida, não é um lugar que vou mais frequentar, por mais que eu adore o blog e a autora.
Desculpa o desabafo aí, Lola. Até.

Anônimo disse...

Lola,vc já deu muito atenção,se fosse no blog deles,já teriam nos banido.Não aceita mais não.Só de ler já me desanima,já postei e rebati mas não adianta.Não aceita mais não.

Duda Jorge ♫ disse...

Uma pergunta e uma conclusão: Por que não toma atitude de homem e comenta com nome e endereço, só sabe comentar anônimo? Você é covarde!!
OBS: Se disser que tem liberdade de falar como quer, ou seja, oculto, só reforça sua capacidade de não assumir uma postura.

lola aronovich disse...

Ah, Laurinha, não vai embora não! Vc é leitora antiga e querida! Vc sabe que grande parte dos comentários aqui no blog são muito bons. Eu pelo menos desconheço algum blog que tenha debates tão bacanas quanto os que acontecem por aqui nas caixas de comentários. Mas também há caixas que são decepcionantes, e esta com certeza é uma delas. Eu também esperava comentários interessantes que acrescentassem, mas infelizmente poucas dessas pessoas apareceram hoje (e aí me faz pensar se vale a pena publicar posts nos fins de semana, quando a frequência cai tanto). E o que eu deletei de comentário mascu não é brincadeira. Enfim, né, eu pensando em acabar com o blog, vc dizendo que vai abandonar o blog. Talvez seja o fim de um ciclo mesmo.


Renata, obrigada! Compra meu livro sim! É interessante como os mascus sonham que, quando passarem dos 30, vão compensar o total fracasso que são agora. Pena que são todos anônimos, então podem mentir à vontade, mas seria engraçado vê-los chegar ao número mágico -- 30 -- e notarem que não chove mulher pra cima deles. Ou chegar aos 40 e 50 e ver que tá cheio de mulher nova que nem olha pra eles. E não tem status ou dinheiro que mude isso. A verdade é o que a gente vê na rua: tem gente de todas as formas, todas as idades, todas as classes sociais, namorando. Parece que todo mundo menos mascus consegue "pegar" alguém.
Eu adoro este trecho do romance DESONRA (tá no final do post, mas o resto do post também fala do que a gente tá falando aqui): "Olhares que um dia correspondiam ao seu deslizavam como se passassem através dele". O protagonista é um professor universitário de 52 anos.

Sabrina disse...

Adorei!! Parabéns para a moça e para o rapaz! O rapaz foi muito feliz ao ficar aberto para o que a namorada tinha a dizer sobre suas condutas - ao contrário da maioria dos machistas, E a namorada também, ao dar toques homeopáticos, não sair logo brigando, como falou o autor do post.
Eu tento fazer isso com meu namorado machista, mas que aos poucos está mudando atitudes e revendo seus conceitos. O maior avanço foi semana retrasada, ele censurou um colega que usou o termo "vadia" para se referir as meninas que ficam na boate até fechar. Me encheu de orgulho.

Sabrina disse...

Lindo!! Parabéns aos dois! Ao autor do post por se permitir uma reflexão sobre seus conceitos e atitudes e à sua namorada, por, como falou o autor, não sair brigando já no início.
Também tento dar toques, sem elevar a voz, sem brigar, apenas para estabelecer um contraponto a cada comentário machista/homofobico/etc. que ouço de familiares, amigos, etc.
Meu namorado, bastante machista no início do namoro, mudou bastante suas atitudes (apesar de rebater muito o que falo). O ápice do avanço foi quando ele censurou um colega que usou o termo "vadia" para se referir as meninas que ficam até a boate fechar...

Anônimo disse...

Lola,hoje o bicho pegou...
Engraçado um comentário afirmando que se o cara casar vai ter uma mulher velha do lado.Não me diga?O homem não envelhece não? só a mulher fica velha? beleza segura casamento? acho engraçado que eles fazem textos criticando mulheres bonitas e jovens sendo que eles mesmos ligam tanto para beleza.

Duda Jorge ♫ disse...

Encontrar um homem disposto a refletir questões sobre sua masculinidade é muito difícil, porque há um medo de se sentir menos másculos por simplesmente, medo de descobrir uma nova pessoa. Totalmente inracional e até ignorante.
O que esse rapaz do post fez está ligado a sua capacidade de amar e de se pôr no lugar do outro. Algo que falta na humanidade independente do gênero. Namorei durante 4 anos com um rapaz machista, tão machista que nem se quer conhecia seu próprio corpo. Não tinha muita paciência de "dá murro em ponta de faca", então sempre brigavamos muito. Ele sempre criticou minha escolha de estudar Filosofia, quando quis experimentar dá aula, recebi mais críticas por escolher uma profissão que não ganha bem. Ele era DBA Junior e nem se esforça para crescer profissionalmente, mas acreditava que aquilo que sabia era suficiente. Quando comecei a segunda faculdade de psicologia, mais criticas vieram, então percebi que meu crescimento intelectivo e profissional o ameaçava. Com o tempo fui entendendo que nele sempre existiu com o irmão mais novo e já gerente uma competição, o machismo é uma competição entre os próprios homens, definir o macho alfa. E algo inconcebível para mim dentro da família, mas parece que é assim, dentro da sociedade machista. Não tive oportunidade de conversar com meu ex sobre situações que viviamos, o que me deixava confusa era, ele queria casar e ter filhos, não que eu não almeja o casamento e a maternidade, mas prefiro apostar na minha profissão, no meu crescimento como pessoa, viajar, conhecer pessoas nesse momento, no final fiquei como a mulher que não queria nada sério, quase uma vadia e ele terminou comigo. Demorei para organizar os últimos acontecimentos e acabei descobrindo que fui traida, mas passei mais de um ano com o sentimento que o erro foi meu.
Enfim, conhecer um homem que admiti refletir sobre suas atitudes consigo e com os outros é difícil. Ela, além de paciência teve sorte de encontrar alguém que não tem medo de mudar, e se tornar homem (fazendo uma alusão de Beauvoir)!

Anônimo disse...

Eles falam tanto em chegar aos 30,sendo que tem muito deles com 30 anos na mesma situação que tinham aos 20.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Lola, desculpa aí pelo drama, rs, é que tenho um certo trauma disso.
Participava de uma comunidade feminista há uns anos e todo dia era a mesma coisa, a gente tentando discutir alguma coisa e com a desculpa do "ui estão me censurando" todo dia uns dez desses aparecia repetindo as mesmas coisas, desviando o assunto, sem falar no tom arrogante ou raivoso, até que um moderador chegava, mas aí o estrago já tava feito, os assuntos já tinham sido desviados, a energia que poderia ter sido gasta em coisas mais interessantes tinha sido gasta nisso, até que o pessoal da comunidade foi se dispersando, o foco se perdendo. Não queria que isso acontecesse aqui.
E o "debate" não sai disso, é só ver o que aconteceu aqui. "É assim que as coisas funcionam", "Não, não são", "é sim", "não, não é". Não sai disso. Nunca vai sair.
Abçs e desculpa mais uma vez. Vou só pular o que não interessar e pronto, rs.

Anônimo disse...

"Só ver quantos sessentões são tidos como charmosos e conseguem mulheres novas e deliciosas"

ahahahahahahha

Aonde que não vejo? novela conta? ahahahha

Novinha querendo fama atrás de vovô?

Os caras com dinheiro que eu conheço estão com mulheres da mesma faixa etária,talvez pq não tenha necessidade de ficar se exibindo por ai como os idosos famosos.

Homens de 60 charmosos? os da tv né

Anônimo disse...

Quero aprender a ser paciente como sua namorada, pq eu chego na ignorância e grosseria na maioria das vezes. Já julgo o outro como burro e ignorante q não sabe olhar além do próprio nariz. E sei que isso não é bom.

Lillian disse...

Parabéns ao autor do post por ter se dado à chance de enxergar o mundo com outros olhos, e à namorada do autor pela paciência.

No mais, eu tenho pena, mas muita pena mesmo dos mascus. Todos me parecem com versões masculinas de protagonistas de comédias românticas: foram machucados no amor uma vez e agora ficam cheios de teorias sobre relacionamentos e cheios de ideias pré-concebidas sobre o sexo oposto para justificar suas frustrações - porém, tal como numa comediazinha sessão da tarde estrelada pela Katherine Heigl, um belo dia cairão na real (com o perdão do trocadilho) e se verão lindamente apaixonados por mulheres que poderão ser "barangas", "rodadas", "velhas", "carreiristas" ou tudo isso junto. Afinal, apesar das teorias, a única "realidade" é que ninguém manda no coração e nem escolhe por quem se apaixonar, e tem sido assim desde que o mundo é mundo.

Natália disse...

Meus parabéns ao autor do post. Não é fácil admitir que nossas ideias estão erradas, ainda mais quando elas sustentam nossos privilégios. Quem me dera meu pai e meu irmão tivessem essa disponibilidade para refletir e mudar. E meus parabéns² à namorada pela longanimidade! Seria legal se ela escrevesse um guest post para compartilhar sua sabedoria! rsrs.
E por favor pessoal, "Don't feed the trolls!"

Eva disse...

Engraçado que dos meus professores tiozões, todos no mesmo nível de carreira, só os bonitões arrancavam suspiro das alunas no primeiro ano. as tias bonitonas, da mesma faixa etária, também arrancavam suspiros. Outros e outras arrancavam suspiros com o tempo, porque a vastidão do conhecimento e a sabedoria é afrodisíaca para algumas pessoas, então calaboca mascutrolls e vão viver um pouco, ok?

___________

Fiquei mega feliz de ver que tem mais homem acordando ao ler outros comentários de moças que abriram os olhos de seus namorados.

Carol NLG disse...

Posso elogiar publicamente meu marido? :)

Também é feminista. Mesmo que não saiba, ou não admita. Divide comigo todas as tarefas de casa - DIVIDE, não ajuda.

Apóia integralmente o que decido fazer em termos de carreira. Mesmo que envolva se mudar pra um fim do mundo.

Ontem mesmo, jogando um videogame, parou pra comentar o tanto que o jogo era machista, ao colocar todas as personagens femininas em roupas mínimas e precisando ser salvas pelos homens "fortes".

Ah, pro mascu aí dizendo que aos 30 todo mundo fica rico e bonito, deixa eu te dizer: trabalhando JUNTOS, a tal independência financeira vem bem antes, viu? Hoje nós já temos nossos investimentos, somos concursados num ótimo concurso, com um salário razoável, enfim. Estamos no ponto de "colher os louros" como você colocou. E temos 26 anos. Será que vamos estragar em 4?

Anônimo disse...

Mascus, já pararam pra pensar no pq de vcs acharem que mulher envelhece pior que o homem? Vocês realmente acham que nós temos genes tão ruins (já que somos mulheres né- olha a misóginia aí gente!) e, por isso, "apodrecemos" ao invés de envelhecer?
Isso que vocês consideram como fatos inquestionáveis são frutos de uma carga histórica- cultural que impõe as mulheres um padrão de beleza como uma forma de reação às conquistas feministas da primeira geração. Uma forma de afastar mulheres, de um espaço antes tido como masculino, que começavam a entrar no mercado de trabalho, atingindo- nos econômica e psicologicamente. Assim, restavam- se empregos em funções que, não por coincidência, eram e ainda são bem mal remuneradas.
O domínio econômico sempre foi a maior justificativa de oprimir mulheres e manter o poder patriarcal destinado aos homens.A beleza (relacionada a juventude)é hoje imposta às mulheres como um instrumento de dominação, não somente econômica, mas psicológica.
---

Lola, querida, não gostaria que você terminasse com o blog. Essa é a primeira vez que eu comento, mas já acompanho o blog faz um ano acessando- o todos os dias.O que faz de você uma pessoa bem especial na minha vida. Estranho como alguém pode ser tão importante para outra sem nunca terem se visto, né?
Mas de qualquer forma, respeito o que você decidir e agradeço por tudo até hoje.

Anônimo disse...

Lola, eu amei o post, mas também estou desanimando mesmo com a caixa de comentários... O único lugar onde encontro mascus é aqui, adoro o blog mas tem dia em que penso duas vezes antes de ler os comentários. E tem montes de gente de que gosto, além de vc, tipo a Laurinha, o Lord Anderson, entre outros. Quando entra comentário de mascu é como se a gente estivesse discutindo um assunto super interessante e um doido subisse na mesa e começasse a berrar coisas nada a ver. Dá vontade de continuar o papo em outro lugar, e deixá-los berrando sozinhos.

Espero que tenha gostado do email sobre o Amado. Ou que não tenha gostado, mas que possamos discutir o assunto, literatura é algo fascinante, não?

Para o autor do post: o feminismo traz mesmo coisas boas para todos, né? E o bloguinho aqui fez muitas pessoas queridas se descobrirem feministas, passarem a questionar, a ler, a pesquisar mais. E a dar toques, como você aprendeu. O exemplo é a melhor ferramenta.

Juba

Anônimo disse...

kkkkkkkkk esses mascus são engraçados mesmo. Homem de 60 anos tem mais sex appeal? kkkkkk Quanta ingenuidade. Se um homem dessa idade consegue novinhas pode ter certeza que é por causa do dinheiro, e não de sex appeal kkkkk Ou vc vê por aí velhos pobres com novinhas? É cada uma viu!

Thiago Caires disse...

Como a L. G. Alves, minha companheira, disse aí em cima, eu me identifiquei bastante com a história do post. Fui criado em um meio machista e se não fosse a união da minha mente crítica com os conhecimentos sobre o feminismo que ela (a Luciana, minha amada) me trouxe, eu poderia ser um machista babaca e nem me dar conta disso.

Hoje me considero feminista e tento, assim como o autor do post, fazer com que o máximo de pessoas que conheço enxerguem toda essa questão. Notei, ao longo do tempo, que muita gente é realmente cega e ignorante aos problemas das mulheres (como eu mesmo era).

Concordo plenamente que faltam pessoas com paciência e bons argumentos para fazer algumas pessoas enxergarem que são machistas e que podem melhorar, como aconteceu comigo. Eu tento ser assim com as pessoas ao redor.

E, ao contrário do que disseram aí em cima, acho que é responsabilidade de todo feminista (mulher ou homem) tentar ser alguém mais evoluído que os machistas, ser mais paciente e tentar trazer as pessoas para a luz.

Infelizmente, como podemos ver nos comentários, existem alguns desses cidadães que não tem salvação não. Mas, cabe a nós buscar salvar o maior número deles, como acredito que a Lola faz muito bem através desse blog.

Vitória disse...

Me irrita profundamente quem tenta combater machismo com outro tipo de discriminação: o etarismo, e muitas vezes partindo do mesmo princípio machista desses mascus.

Se um mascu diz que homens de 60 anos (ou "velhos" como muitas aqui preferem dizer) conseguem "pegar as novinhas" ao contrário das mulheres da mesma idade, não é dizendo que é pq eles tem dinheiro que vamos combater o sexismo (aliás, esse argumento, além de etarista, é machista tb).

Quando é que as pessoas vão entender que os relacionamentos não tem padrão, não tem receita de bolo? O feminismo trabalha tanto para a desconstrução desses padrões e aí vem alguém sem nenhum senso crítico e caga tudo.

Da mesma forma que as pessoas se apaixonam independente de sexo, cor e classe social, elas tb se apaixonam independente da idade.

Entendo que todos nós temos preconceitos e que alguns estão tão enraizados que nem percebemos, mas precisamos nos policiar sempre.

Anônimo disse...

http://mundorealista.com/forum/viewtopic.php?f=14&t=330&p=6308#p6308

Lola,olha que triste ler isso.Estava uma amiga minha lendo isso,se sentiu mal depois de ler uma barbaridade dessa.
Vamos denunciar por favor, olha esses comentários racistas

Bela disse...

Renata,

infelizmente vou ter de te dizer que, ao tentar refutar o que o mascutroll disser, quem disse coisas erradas foi tu.

Explico:

1) "Amigo, você nunca esteve na faculdade, né?
Professor de 60 anos saindo com aluna de 17~20 anos?
haushuahsuahushaushaushaushuahsuahsuahsuahushauhsuahsuhaush

Independentemente dele ter uma boa carreira ou não, as graduandas olham pra ele e vem um vô de 60 anos que logo logo aposenta.

Só na sua cabeça oca que as garotas vão fazer fila pra sair com um cara velho só porque ele tem boa carreira. Sai do computador e vai dar uma volta na rua, olha o mundo e tenta perceber que gente nova sai com gente nova. Gente velha saindo com gente nova é exceção de novela."

Eu não sei que faculdade tu frequenta, mas estou me formando em Direito no final do ano e, no nosso meio, isso é muito comum. Estudo na federal, mas tenho amig@s na maioria das particulares da minha cidade e posso afirmar por presenciar isso desde o início do curso: no nosso meio, isso é mais do que comum. Há exemplos incontáveis de professores beirando a aposentadoria compulsória com um vasto rol de alunas no "currículo".

2) "E sinceramente cara, chegar aos 30 anos ganhando 8-9mil por mês, com casa e carro quitado, alguns investimentos, investindo uma porcentagem todo mês, construindo a própria carreira é impossível.
Você começa a ter retorno financeiro DEPOIS dos 30.
Aos trinta você ainda está quase tão fodido quanto estava aos 20.
Desculpa te desiludir."

Mas gostei do seu raciocínio, dá pra ver que você é um cara bem iludido, que não tem muita sorte com mulheres e espera que "depois dos 30 e uma boa carreira" as mulheres chovam no seu quintal.
Continua com esse pensamento que vai dar certo sim. Igual o presente do papai noel no final do ano por seu um bom menino.

De novo, não sei da tua vida, mas isso é plenamente possível sim. É só estudar e passar em concurso, há muitos de nível médio que pagam muito bem, os de nível superior nem se fala. Eu recém ingressei no serviço público e estou ganhando (míseros) três mil, mas em janeiro me bacharelo e meus vencimentos passam pra sete (tenho 23 anos). E meu namorado ganha dez mil há quase três anos, e tem a minha idade.

donadio disse...

Anônimo das 12:54,

deletou porque?está com medo da verdade?vc é uma ditadora que exclui postagens contrárias ao seu pensamento!

Não, filhote. Ela é a proprietária do blog, e tem todo o direito do mundo a excluir comentários de que ela não gosta.

e homem feminista é traidor sim!traidor da própria espécie porque apóiam um movimento que os odeia.

A "espécie" inclui homens e mulheres. Ou você esqueceu aquele papo sobre as formas naturais de sexo e reprodução?

Lola,

Pra mascu, qualquer homem que ama sua namorada/esposa/amiga então nem se fala é um "mangina"

A sutileza da dialética... homem que gosta de mulher é boiola; homem que é homem gosta....... de macho. Women are for sissies!

Anônimo disse...

Anônimo das 13:04, nem te conto o que a mulher tradicional, dona de casa e que casou virgem (maioria esmagadora das minhas vizinhas) faz enquanto os maridinhos mascus dela vão trabalhar. Aaaaaaaaaaaah a família conservadora é tão linda, né?!! ¬¬

Flavio Moreira disse...

A boa e velha empatia sumiu, mesmo, né, Lola? Quanto comentário agressivo.
Parabéns ao rapaz, parabéns à moça, o relato e a relação deles são inspiradores. Mostra que o mundo ainda tem saída.
Muita felicidade para vocês e continuem inspirando e ensinado os outros. Quando criamos pontes entre as pessoas, deixamos de ser ilhas e passamos a ser continentes.
abraços

Anônimo disse...

Na moral, li sobre uma garota ali que diz que não temos a obrigação de transformar ninguém em feminista e tal. Mas po, duvido que tenha UMA pessoa que tenha virado feminista da noite pro dia. Poderia até ter pensamentos feministas, mas não conseguia englobar tudo o que o feminismo engloba na cabeça. Eu sempre achei que homens e mulheres deveriam ter direitos e deveres iguais no trabalho e na casa, ainda mais tendo sido a única filha mulher e caçula, mas isso não me impedia de aos 14 anos chamar minhas coleguinhas de PUTA porque elas simplesmente ficavam com quem queriam, coisa que eu não fazia e então "não me atingia".
Estava justamente discutindo umas coisas assim com minha colega. Ninguém gosta de ser coagido, agredido verbalmente, humilhado, ignorado. A gente tem que ter sim a paciência de explicar pontos machistas pras pessoas que nos rodeiam (principalmente as mulheres que estão inseridas na sociedade machista sem perceber), ainda mais se for nosso namorado, uma pessoa que a gente ama, que com certeza tem motivo pra estar junto. Qual seria a solução se não tentar discutir, abrir a mente dele, mostrar com calma, argumentar? Ficar pra sempre com um machista, tentar encontrar um homem feminista from out to nowhere (se já é difícil pra mulheres perceberem a vantagem do feminismo, imagina homens que apesar da opressão ainda são os privilegiados nesse sistema?) ou viver pra sempre sozinha, se você for heterossexual? Esperar que as pessoas se convertam do nada? Que, como o autor do guest post mesmo disse, pessoas que tem a imagem do feminismo a partir de bruxas peludas odiadoras de homens simplesmente ignorem e xinguem de machistas as pessoas que de fato são, e não tentem ajuda-las a perceber o que está envolta delas? Lola, você mesma sempre fala que não acredita apenas em penalidade, mas em conversão. Do que adianta chamar um machista assim, e não mostrar pra ele o porquê? Ninguém jamais vai parar pra pensar em algo que lhe for gritado, jogado na cara. Alfinetada e conversa é a melhor maneira. E eu já to aplicando, quando antes eu simplesmente ignorava e tirava do meu caminho;.

Lígia

Mauricio Trindade Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alessandra Cougias Rossini disse...

Eu naturalmente me aproximei do feminismo. Meu namorado, há dois anos, e meu melhor amigo, há seis anos, assistiu a todo esse processo e acabou por acompanhar o raciocínio fácil de buscar se exercer feminista diariamente.

A verdade é que o raciocínio é realmente bem simples, busca-se a efetivação da igualdade de gêneros e a libertação, tanto da mulher, quanto do homem, dos padrões sociais impostos a esses.

Claro que o opressor pode não ver a lógica (proveito) nesse raciocínio (e mesmo muitas das mulheres que assumem, por seguir a cartilha, a postura de superior, o espaço de princesa digna de príncipe e por aí vai).

Não me admiro por uma mulher ajudar seu namorado a se tornar feminista. Me admiro uma feminista conseguir-se relacionar tão intimamente com um homem machista.

Penso muito nisso desde a organização da Marcha das Vadia na cidade de Ouro Preto, da qual fiz parte. No nosso ensaio convite (https://www.facebook.com/media/set/?set=a.216585341830197.1073741831.192103610945037&type=1) uma mulher havia tirado uma foto, que dia depois foi retirada da página, quando uma amiga nos pediu, alegando que o namorado da mesma não gostou. Ela nem ao menos teve coragem, ou pode, não sei bem, nos contatar.

É triste ver como nós buscamos tanto nossa liberdade, tentamos promovê-la, tentamos convidar, mas nos esbarramos nas próprias escolhas, no nosso próprio silêncio e nos nossos próprios fantasmas.

É triste tomarmos como a exceção aquele que muda pra melhor, aquele que entende e busca a igualdade, a liberdade e percebemos que o normal, que o esperado, é a atitude machista de recusar a reflexão, de dominar a mulher (com a arma que for, ainda é violência).

Anônimo disse...

Eu concordo com os mascus com esse negocio deles ficarem para titios. PQ a mulher que cair na mao de um bicho feroz desses esta perdida. A unica vantagem de terem pequenos relacionamentos com mocus e' pq ela ficara experiente e saber que tipo de homem ficar longe.

WICKED WOMAN disse...

Comecei a namorar há pouco mais de um mês e já vi grande diferença no comportamento do meu namorado. Ele nunca foi nada que passe perto de um mascu, mas de vez em quando soltava alguma piadinha sem graça. Hoje ele não faz mais esse tipo de coisa e ainda me apoia demais na luta pela igualdade, animou até de ir na marcha das vadias comigo. Talvez muita gente seja machista por falta de instruções mesmo, é uma carga cultural muito grande desde que nascemos.

Ana Lídia de Andrade disse...

Oi Lola!Parabéns pelo blog!Bem, enfim...alguns homens reagiram muito mal à postagem e pelo que percebi no teor dos comentários dos mesmos, estes homens sofreram alguma decepção amorosa e hoje pensam que a melhor solução para seus traumas emocionais é objetificar as pessoas.Penso que por isso eles focam tanto na questão física/biológica das relações, eles acham que cuidar do corpo e do sucesso profissional os livrarão das dores da vida.Eu sou mulher e já sofri decepções também, neste momento, por exemplo, não tenho sentido vontade de ter um relacionamento devido a uma experiência ruim,e nem por isso vou ficar na internet depreciando o sexo oposto!Isso não é racional!Não faz sentido!Decepção todo mundo passa, as pessoas brigam,as pessoas podem te rejeitar,antes de encontrar alguém que tem a ver com você, é bem provável que você encontre algumas que não combinam e pronto.Algumas coisas na vida fogem do nosso controle, montar um estilo de vida em que você está totalmente no comando é uma ilusão, ser o chefe da casa, ser rico, ter uma mulher submissa, jurar para você mesmo que as mulheres não têm o mesmo valor que você, que são todas burras e fúteis etc. nada disso vai te livrar das vicissitudes da vida.Agora, se mesmo sabendo de tudo isso, vocês quiserem continuar nessa, por favor, procurem mulheres (e blogs) que se adequem a isso e que concordem com esse estilo de vida, não deixem para revelar este lado no meio do relacionamento.Eu gostei muito do relato do namorado, ficaria muito feliz em encontrar um companheiro assim, inteligente, capaz de ouvir, entender e sair da zona de conforto.Isso demanda coragem!Parabéns!

Anônimo disse...

Pior que conheço muita gatinha de classe média que trocaria o gatinho da mesma idade pobre por um Roberto Justus da vida. Para a mulher que falou que ninguém pode ter uma casa própria e um carro próprio antes dos 30 anos ganhando 7.000 por mês, não concordo e a casa não precisa ser uma mansão e o carro não precisa ser importado e existe muitas formas de prestações a cada dia.

Anônimo disse...

Traidor da própria espécie?????? Entao nao foi uma mulher que te trouxe ao mundo???? Bom, já que ela nåo pertence À sua espécie então se vc não foi parido só pode ter sido cagado então!!!!! Afffff

Anônimo disse...

Concordo com vc, fui casada com um cara 15 anos. Ele ficou gordo, careca e nao dava mais tanto no coro. Um dia cansei e larguei. Agira estou nos meus 47 aninhos enxutinhos e catando uns gatinhos de 25 que por incrivel que possa parecer gostam de sair cmg. Detalhe não sou ricaça ganho o msm q eles kkkk