sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

YAY! CINCO ANOS DE BLOGUINHO!

Preciso de férias

Pessoas queridas, hoje comemoro o quinto ano do bloguinho. Impressionante! Cinco anos, como passou rápido! Parece que foi ontem (ok, anteontem) que eu estava em Detroit pro doutorado-sanduíche e comecei o blog, da forma mais despretensiosa possível (sem nem saber o que era print screen).
Bem, por algum motivo desconhecido, o bloguinho cresceu muito do ano passado pra cá. No primeiro semestre de 2012, a média de visitas por mês já estava bem altinha (184 mil, e 290 mil pageviews; em 2011 a média foi de 150 mil visitas/mês). Mas agora, no último semestre, de agosto pra cá, disparou pra 275 mil visitas por mês, e 420 mil pageviews. O que soa como um montão prum blog feminista escrito por alguém que não vive disso.
Nov 2012: 5 milhões de visitas.
Faz um ano, o blog tinha acabado de chegar a um total de 3 milhões de visitas e 5 milhões de pageviews (durante os quatro anos de existência). Agora está com 5,790 milhões e 9 milhões de pageviews. Ou seja, praticamente dobrou.
Desculpem se esse amontoado de números está chato. É que é uma forma de registrar pra mim mesma o andamento do blog. E também, eu até que gostaria de ver blogs que leio fazerem um balanço anual, mostrarem os números. O meu sitemeter fica aí aberto pra qualquer um ver. Quantos blogs fazem isso? E será que todos os blogs que falam em milhões de visitas estão contando a verdade? Mistérios, mistérios...
Sobre o dinheiro recebido com o blog, é melhor nem falar. Foi R$ 2,368 em 2011, contra R$ 1,537 em 2012. Isso aí é tudo comissão do Submarino. O negócio não estava indo tão mal, mas em julho o Submarino mudou o sistema e passou a dar calote em toda a blogosfera brasileira. O que me salvou foi o livro de crônicas de cinema que publiquei. Comprando a tiragem da editora pela metade do preço e vendendo pra vocês pelo preço de capa, tive um lucro de R$ 2,517. Espero que saia a segunda edição e que vocês façam o favor de adquirir todos os exemplares.    
Junho 2012, 100 mil comentários.
O blog tinha 80 mil comentários faz um ano, e hoje vai chegar a 130 mil. Opa, sério, tudo isso? 50 mil comentários em um ano? E isso deletando um monte de mascutroll (a partir de junho comecei a moderar comentários pela primeira vez em todos esses anos)? Pareceu muito, mas fiz o cálculo. Dividi esses 50 mil comentários publicados por 395 (o número de posts no ano passado), e deu uma média de 126 comentários por post. Então tá certo.
O número de seguidores do blog foi de 3,429 em janeiro do ano passado para 4,724 agora. Me parece um número formidável (o mínimo que cada um desses seguidorxs pão-duros miseráveis podia fazer seria comprar um livrinho meu, né?). 
No Twitter, fui de 7,351 pra 10,738, o que acho incrível. Jamais pensei que alcançaria dez mil seguidores no Twitter. Pô, eu não conheço 10 mil pessoas! Mas também não conhecia 7,351.
Putz, tá totalmente burocrático este post, né? É que são três da manhã e amanhã, que já é hoje, tenho aula cedíssimo. Minha inspiração no momento está fazendo zzzzz.
Hmm, vamos ver se dá pra melhorar o post. 2012 foi um ano mais calmo em matéria de ataques e ameaças que 2011. Dois líderes mascus sanctos foram presos em março (e continuam presos), e a situação foi se acalmando. Recentemente recebi um grande elogio de um professor, que acha que minha insistência em falar nos mascus impediu que um atentado à UnB se concretizasse. 
Eu bati tanto na tecla mascu que as bucas no Google pelo termo que eu inventei é maior que as buscas pelo termo masculinismo. Este gráfico é uma prova (clique para ampliá-lo).
Aliás, só descobri o Google Trends (que, pelo que vi, só funciona no Chrome) esses dias, e viciei. Ele não mostra o número de visitas de cada blog, só o número de vezes que cada blog/site é procurado no Google. Mas isso é equivalente ao número de visitas -- um blog popular recebe muitas buscas. 
Fiz um teste: fiz um gráfico com alguns dos maiores sites/blogs de política do Brasil. Todos eles vão dizer que seu auge de visitas foi em outubro de 2010, mês das eleições presidenciais. É quando eles estouraram nas buscas do Google também. É só ver o pico no número de buscas: outubro de 2006 e de 2010. (Claro que há problemas em se basear nas buscas como parâmetro de popularidade. Nem todas as pessoas problemáticas que digitam "Reinaldo Azevedo" no Google querem ir ao blog da Veja onde ele escreve. Deve haver gente que só quer mais informações sobre o reaça-mor.)
Ao pesquisar as buscas pro blog de ódio Silvio Koerich, percebe-se que seu auge se deu em dois momentos -- no final de 2011, quando o blog foi tão denunciado que "viralizou", e em março de 2012, quando dois dois mascus sanctos responsáveis pelo blog foram presos, o que foi destaque em toda a grande mídia. Aproveitei pra comparar o meu bloguinho com o blog de ódio e com outros fóruns mascus. 
Como a curiosidade é grande, quis ver como está o meu blog em relação a blogs feministas famosos no Brasil. É interessante porque o Trends pesquisa as buscas desde 2004 (comecei o blog em janeiro de 08, mas as buscas só chegaram no final daquele ano).
Claro que, comparado a alguns dos maiores sites do Brasil, meu bloguinho é minúsculo. Mas, neste gráfico, ele não parece estar meio próximo ao blog machista mais popular do país?
E, finalmente, quis comparar o meu blog com blogs feministas gigantescos. Fiz só por fazer, porque é ridículo comparar um blog que só pode ser lido por gente que entende português com blogs "internacionais", escritos na língua franca que é o inglês. Tanto que, no Trends, tem que mudar o país de "Brasil" pra "Worldwide" (em todo o mundo). Mas qual não foi minha surpresa ao ver que, atualmente, meu bloguinho não está muito atrás do Feministing?
E isso tudo graças a vocês, que são super gentis em aparecer aqui todo dia (ou quase -- fins de semana e feriados vocês não são lá muito assíduos), que fazem comentários inteligentes e divertidos, que enviam links, que sugerem pautas, que escrevem guest posts maravilhosos (já publiquei quase 250 desde o início do blog; 113 só em 2012) que ampliam a abrangência do blog. Super obrigada, de coração!
Tento retribuir escrevendo e indo aos lugares que me chamam. Em 2012 participei de trinta eventos, entre palestras, mesas-redondas e debates. Agora pra março tenho vários convites, nada confirmado ainda. O bom é que estarei de férias, então posso viajar à vontade. Vamos ver se de repente dá pra aceitar todos os convites e ir pra Ribeirão Preto, Franca, São Paulo, Joinville, Santa Maria, Sobral e São Luís.  
Bom, vamos ver até onde vai o blog. Cinco anos é uma eternidade na internet, e já já as pessoas se cansam de mim. Não sei se eu vou me cansar. Acho que minha maior crise de "Estou cansando. E se eu parar?" foi no final de 2010. Mas não foi nada muito grave. E aí, quando a gente está quase desistindo, vem uma jovem dizer que se assumiu feminista por causa do seu blog. Ou chega um aluno bonitinho e afirma: "Professor, your blog is awesome!"
Ou aparece um mascu pra afirmar que as feministas estão acabando com a família tradicional, e a prova definitiva é que a namorada não faz mingau pra ele. 
E nem acho que esse comentário foi o mais estúpido dos últimos tempos. Teve um outro, não lembro de qual troll, dizendo que todas as mulheres só estão com todos os homens por interesse financeiro. E o cara cita como prova a... Gisele Bundchen. Ao ser lembrado que a Gisele ganha mais que o marido, o astro de futebol americano Tom Brady, o mascu não se deu por vencido: "Ah... Então ela se casou com ele pra conseguir o Green Card".
Essas coisas animam a gente, sabe?

Bom, esses foram os posts mais comentados de 2012:

Uma zona de perigo chamada friendzone - maio, 653 com.
O masculinismo como ele é - maio, 603 com. 
Feministas, nos deem uma chance - junho, 505 com.
Minha impressão: Niemi vive - agosto, 438 com. 
Guest post: Meu namorado não queria, mas fiz um aborto - L., nov, 402 com.
Estupro, um culto à masculinidade - junho, 397 com.
Guest post: A crescente onda alfacista - Robson, março, 396 com.
Muito além dos fetos - março, 383 com. 
Uma imagem antológica - junho, 382 com.
Bingo da gordofobia - fev, 348 com.
Por um Brasil sem hipocrisia - set, 341 com.
Elba Ramalho pede proteção divina contra feministas - junho, 337 com. 
Cultura de estupro? Não, imagine! - agosto, 325 com.
Mascus, os garotos perdidos - junho, 319 com. 
Manifesto da libertação das gordas - março, 315 com.
Guest post: Machismo islâmico contra brasileira em Berlim - Livia, junho, 313 com. 
Toda maneira de amor vale a pena - nov, 311 com.
Depoimentos sobre anencefalia e bebês malformados - abril, 309 com.
Guest post: Aborto, além do pró-vida x pró-escolha - Amana, abril, 303 com. 
Os republicanos e o direito do estuprador criar seu filho - out, 298 com.
Guest post: Meu pai, meu monstro - M., maio, 295 com.
Início de justiça. Até que enfim! - março, 292 com. 
A partida de Niemi - agosto, 283 com. 
Karina Veiga vai à júri popular - dez, 282 com.
Duas ou três opiniões controversas sobre estupro - maio, 279 com.
Guest post: A escravidão da aparência, o machismo invisível - Ariane, março, 277 com. 
O cara que quis impressionar com jantar caro - junho, 273 com.  
Por que o caso Kristen Stewart é importante - set, 270 com.
A visão do sistema sobre mulheres, homens e sexo - maio, 269 com.
Critérios para ser uma gordinha feliz - março, 264 com.
Guest post: Brasileiros reclamam demais - Ana Paula, abril, 261 com. 
Guest post: Gordofobia que vem de casa - M., maio, 259 com.
Comissão científica incentiva meninas a não serem cientistas - junho, 254 com. 
Estupros como presente de aniversário - fev, 252 com.
Oscar: é agora! - fev, 251 com.
Mulher rodada: 10 km por ano - agosto, 242 com.
Guest post: Superei um casamento machista - C., abril, 241 com. 
Retrato falado de um mascu típico - dez, 238 com.
Tolerância zero para a intolerância - abril, 230 com.
Guest post: As várias possibilidades do BDSM - Daniela, abril, 238 com. 
Guest post: As olimpíadas e o incômodo masculino - Livia, agosto, 230 com. 
Como reagir diante de um aluno misógino? - nov, 229 com.
Guest post: Meu marido mascu - S., 228 com.
Danilo Gentili, o prostituto do riso - junho, 228 com.
Guest post: Como são os flertes na Suécia - José Tarcísio, março, 225 com.
Meninas adolescentes estupradas: culpa do fogo delas - agosto, 225 com. 
Algo de errado no mundo - março, 223 com.
Guest post: Tantas escolhas e eu fui estudar - Vanessa, março, 222 com. 
Guest post: Meu estuprador não sabe que me estuprou - M., out, 220 com.
As declarações feministas de Valesca Popozuda - junho, 219 com.
De mascu pra mascu: até as baratas fazem sexo - março, 217 com. (Deve ser o post mais engraçado que já escrevi sobre os mascus) 
Bullying mata Amanda Todd, 15 anos - out, 216 com.
Guest post: Fui estuprada e preciso de ajuda - A., maio, 216 com.
"Tenho 22 anos e sou virgem. Sou normal?" - agosto, 215 com. 
Jogue sua submissão no trono e dê a descarga - dez, 213 com.
Xuxa, minha solidariedade - maio, 213 com. 
Guest post: A dança do ventre na novela das oito - Rayara, junho, 208 com. 
O passado sexual condena (os inseguros) - julho, 208 com. 
Guest post: Direito de resposta da autora de Amely - Pryscila, out, 206 com.
Guest post: Refutando idiotices mascus contra a Marcha das Vadias - Ana, junho, 206 com.
Guest post: É xenofobia ser contra coreano comer carne de cachorro? - Mayara, março, 204 com.
Guest post: mulher que estuprou um homem - S., dez, 204 com.
Troll muda de vida - set, 201 com.
Guest post: Como virei ateu, um testemunho de não fé - Robson, fev, 200 com.
Deus, fique longe dos meus sapatos - abril, 199 com.
Preso por uma mulher - março, 199 com.
Mulheres odeiam sexo ou odeiam sexo com mascus, eis a questão - fev, 198 com.
Eu, maquiagem, e minha cara de pau lavada - maio, 197 com. 
Falta quanto pros mascus assumirem sua misoginia? - set, 195 com.
Isso é tão século 14... - set, 194 com.
Comentaristas estúpidos e seus clichês de todas as horas - junho, 193 com. 
Professora trabalha gênero na primeira série - março, 190 com.
Guest post: Vizinho que mata animais de estimação - Carla, abril, 189 com. 
Guest post: Quer que eu emagreça? Pergunte-me como - Ana, agosto, 188 com.
Entrevista com Anônimos.Bra sobre mascus sanctos - junho, 187 com.
Guest post: Bicho? Ajude as crianças com fome, ora - Fiori, março, 186 com.
A repercussão do protesto contra Nova Schin - agosto, 186 com.
Guest post: Nunca pertenci à Heterolândia - Linda, fev, 185 com. 
Guest post: Reagi à violência - C., nov, 184 com.
Em quem você vai votar? - set, 183 com.
Estupro no BBB12 - jan, 181 com.
A beleza das olimpíadas não tem que ser uma só - agosto, 179 com.
Até pesquisa à moda antiga mostra mudanças - junho, 176 com.
É possível virar lésbica? - abril, 175 com.
Insultar ou aplaudir Mulheres Ricas, o culto ao capitalismo - janeiro, 175 com.
Guest post: Homens de confiança não estupram - S., nov, 173 com.
Guest post: Padrão, esse moço bipolar - Blanca, fev, 173 com. 
Minha opinião sobre o Femen - agosto, 173 com. 
Monogamia rima com monotonia - set, 172 com. 
Virar mocinha, a pior punição - nov, 172 com.
Canetas Bic para mulheres, uma nova era para o feminismo - set, 171 com.
Guest post: Sim, sou alguém e sou feliz sem deus - Robson, jan, 170 com.
Crítica: Precisamos falar sobre Kevin / É a mãe - abril, 159 com.

72 comentários:

Anna disse...

parabéns por estes cinco anos de informação, boas polêmicas e humor!

Bruno S disse...

Parabéns.

Escrevi um grnade comentário e deu erro auqi.

Então retomo aos temas. Sinto falta da caixa de comentários sem moderação. Me parecia mais dinâmica.

Também me incomodo um pouco com o excesso de comentários sem assinatura em temas que não precisam de anonimato. A profusão de anônimos deixa o debate esquisito.

No mais,quando leio que o Submarino pagou R$ 1,537, fico pensando como te pagam só um pouco mais de um real e cinquenta centavos.

Espero que os 5 anos se tornem 10 ou 15.

Mariana disse...

Lola, parabéns! Espero que muitos mais anos venham por aí. Entro diariamente no seu blog e acredito que, como eu, muitos outros fazem o mesmo.

Lola, vc viu essa notícia?
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1220336-maternidade-tira-do-ar-texto-com-dica-para-alisar-cabelo-de-crianca.shtml

É sobre o blog de uma maternidade com dicas de como alisar cabelos de crianças!! #medo

Marina disse...

Lola, querida, parabéns! Tive a sorte de te ver por duas vezes em São Paulo em 2012, dias memoráveis! Ainda ontem comentei num post da Letícia (cem homens), em que ela contou a linda história sobre a primeira feminista da vida dela ter sido a mãe, e eu escrevi que a primeira da minha foi você. Obrigada! Obrigada! Obrigada! Um beijo cheio de admiração

Anônimo disse...

Parabéns, Lola!

senti necessidade de lembrar o mascutrollzinho #chatiado com a Gisele que qualquer pessoa que investe mais de 500 mil dólares em um negócio nos EUA tem direito a um greencard, e a Gisele, que ganha 28 milhões de dólares por ano, poderia tranquilamente comprar um Green Card pra ela.

Anônimo disse...

A Lola ta com cirose, deste ano não passa.

Anna disse...

Por que você não usa o Adsense? Ele já é integrado ao blogger, é só ativa-lo.
O Google Adsense continua sendo o mais confiável e o mais rentável do mundo.

jacmila disse...

Lola, parabens. Seu blog me tira da depressão - e por pouco meu guest post não entra na lista rs. Na minha "umilde" (já q sou tão exuberante rs) opinião seu blog é pra sempre ou até conquistarmos decência no tratamento às mulheres.
Vc cogita em dar um pulo em florianópolis ou baniu este lugar do teu itinerário geográfico? rs - é q quero te dar os parabens pessoalmente...

Iara disse...

Parabéns e vida longa e prospéra para seu blog!Fico muito feliz com a permanência do teu blog,primeiro porque sei que é um exercício de resistência muitas vezes e depois porque tenho visto comentários aqui e no twitter de meninas com menos de 14 anos,que já leem tem blog e começam a perceber o mundo que vivem.Isso é fundamental para a mudança que todas queremos,se eu tivesse tido acesso a um blog como o teu aos meus 14 anos minha vida teria sido diferente,teria sofrido 95% menos do que sofri,porque ignorância é a base de muitos sofrimentos,por isso pra mim teu blog é antes do que tudo um blog de salvação,de um futuro melhor,de mudanças e justiça.Que venham mais mil anos de blog!

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Parabéns, Lola! Você é uma pessoa que faz a diferença nas nossas vidas.
Tudo de bom pra vc e que venham não somente mais cinco, mas muito mais anos de boa informação, feminismo, ativismo, bom humor.
Bjus

Anônimo disse...

Lola, qual é a diferença entre visita e pageview?

Obrigada pelo blog, minha leitura diária!

Luci

Anônimo disse...

O que é bom dura pouco. Já o que há de podre na internet...

Teófilo disse...

Parabéns, Lola, e muito obrigado por manter este blog maravilhoso!

Anônimo disse...

Parabéns!

vcs viram essa noticia?

http://www.paulopes.com.br/2013/01/feto-nao-eh-gente-diz-hospital-catolico-acusado-de-negligencia.html#.UQKzdR1WyuI

Clarissa disse...

Lola, parabéns pelo blog e obrigada por ele também. Comecei a seguir o blog no inicio de 2011 e reparei no seu crescimento mais no final do ano passando quando eu não precisava mais digitar escreva lola no google pra te achar. Você já é a segunda busca que aparece para a palavra lola. Parabéns pelos 5 anos! Que venham outros cinco e muitos mais! =)

Carlos disse...

Tomara que você continue com seu blog independente de qualquer coisa, pois ele mostra o debate e vários pontos de vista. Apesar de alguns comentários meus serem censurados, eu acompanho sempre seu blog e comento em assuntos que eu tenho algum conhecimento.

Agora me mata uma curiosidade... por que você, às vezes, coloca uma postagem e logo em seguida apaga-a?

Fique sabendo que do google reader estão todas suas postagens, inclusive aquelas que você posta e depois apaga, hehehe. Abraço.

Caroles disse...

Oi Lola! Parabéns pelo aniversário :)
Mas... Ali do lado tem posts desde 1998! Por que só 5 anos?

lola aronovich disse...

Ah sim, Caroles. Tem posts aí do lado desde 1998. É que entre 98 e 2011 eu escrevia crônicas de cinema e outros textos pro jornal A Notícia, de SC. Quando comecei o blog, em 2008, tentei colocar os outros textos aqui, pra que eles ficassem disponíveis. É por isso que tem alguns (poucos) textos de 98 a 2000 (meu computador deu tilt em 00 e perdi muitos arquivos), e muitos de 01 a 07. Mas vc pode ver que eles praticamente não têm comentários, porque o blog não existia quando eles foram escritos.


Carlos, não é proposital eu colocar um post e logo em seguida apagá-la. É sem querer. É que a maior parte dos posts são agendados. Eu escrevo e deixo no sistema do blog, com uma data futura, pra mexer depois, ilustrar, colocar links... E muitas vezes eu esqueço que aquele post está agendado praquela data, e ele é publicado automaticamente, sem estar pronto. Eu evito publicar mais de um post por dia. Então, na maior vezes que aparecer mais de um post no mesmo dia, e este segundo post não está ilustrado, é provável que foi esquecimento meu.

lola aronovich disse...

Anna, não sei, acho que o Google AdSense polui um pouco os blogs, não acha? E também, ele é um AdSense sem Noção. Imagina eu escrever um post sobre aceitação do corpo, e aparece um monte de anúncio de dieta? Eu temo que isso aconteceria.


Luci, pelo pouco que sei, a diferença entre visita e pageview é que visita é quando vc entra no blog. A cada meia hora, acho, vale como uma nova visita, se vc der refresh. Pageview é no que vc clica dentro do blog. Por exemplo, vc clica pra entrar na caixa de comentários, isso vale como um pageview (ACHO, não tenho certeza). Se vc clica em algum link pra outro post meu dentro de um texto, isso vale um pageview. É meio por aí. Por isso que os pageviews sempre superam as visitas.

Carla Rizzotto disse...

Parabéns, Lola, sua linda! Você ainda precisa vir pra Curitiba!

Anônimo disse...

Parabéns e q venham + 5 anos!!!já pensou 10 anos? eu vou adorarr !! :)

Lord Anderson disse...


Lola, todo o sucesso do seu bloguinho é mais do que merecido.

Eu desejo que ele dure pelo menos mais 10 anos e que vc sempre tenha a disposição de mante-lo aqui pro delite e aprendizado dos seus leitores.

Parabens.


Charlotte Bonnell disse...

Oi Lola!
Parabéns pelo blog!
Sou sua fã desde outubro de 2012 e vc me ajudou a encarar o meio machista em que vivo e me descobrir feminista!
PS: eu te mandei um email tbm mas vc não respondeu rs (meu nome é iara e tenho 14 anos)bjos e td de bom =)

Sara disse...

Lola ja disse isso varias vezes, e nunca vou me cansar, alem de super interessante de se ler, pq vc aborda os mais diversos assuntos, nos informa, atualiza e ja me fez rir tanto q qse dou um vexâme.
Alem de tudo isso seu blog tem uma importância muito maior, vc faz denuncias seríssimas, que muitas vezes até a midia ignora ou simpelsmente camufla, sabe-se lá com q intenções.
Jamais vou esquecer do seu posicionamento indignado diante do descaso da midia diante daquele crime hediondo de Queimadas PB, muitas vezes é apenas atravéz do seu bloguinho (como vc displicentemente o chama) que tomamos conciência de muitas injustiças aqui no nosso Brasil e em muitas outras terras, pq da p ver pelos comentários q vc tem muitos leitores e comentaristas fora do Brasil, o q colabora em muito pra repercutir e esclarecer muitas das materias e denuncias q vc nos expõe aqui.
Espero q vc seja recompensada Lola por todo o bem q tem feito, sei tb q sou muito diferente de vc em vários aspectos, mas isso não impede a grande admiração q tenho por vc.
Sou sua fã, conte comigo e acho q falo em nome de muitos quando digo isso, força, ânimo e muito sucesso....

Charlotte Bonnell disse...

Oi Lola, Parabéns pelo blog!
Meu nome é Iara, tenho 14 anos e leio seu blog desde outubro de 2012!
Vc me fez descobrir que sou feminista e encarar muita coisa injusta, mto obrigada, de coração =)

Fernanda disse...

Parabéns Lolinha. Eu sou umx dessxs leitorxs que passaram a acessar o blog diariamente a partir de 2011. Tbm só escrevo Lola no cursor e já entra direto a pagina lilás \o/. Obrigada pelos posts e pelo compromisso. Nunca fiz um comentário aqui, embora sempre compartilhe os textos na rede social. Achei que aniversário de 5 anos (de sucesso) merecia um PARABÉNS digno. Então, mais uma vez, obrigada pela informação, a crítica e o humor.
Vc é maravilhosa e o bloquinho é o meu Nº1 de acesso diário.

Dunella disse...

Lola, parabéns!
Minha mãe dizia que você é o que você faz. E quanto você faz, Lola...
Descobri o seu blog pesquisando algo inteligente sobre racismo, para explicar de maneira simples a alguém porque é que os negros não têm "mania de perseguição", e encontrei o post genial "O privilégio branco, ao vivo e a cores". A partir daí, viciei. Te admiro demais: pela maneira como se expressa, pela velocidade de pensamento, pelo bom humor e, principalmente, pelo senso de humanidade, aguçadíssimo.(Estou chorando e me sentindo ridícula por isso, acho que depois que meu filho nasceu fiquei mole kkkk)
Me enrolei nas palavras, mas o que eu quero dizer mesmo é que, em meio ao racismo, machismo, ditadura religiosa em que eu vivo, é muito consolador vir aqui no seu espaço e descobrir que tem muita gente que não se conforma com o senso comum e que o mundo não está perdido. Porque muitas vezes eu estive perdida, Lola. E morro de medo do mundo que vou deixar para o meu bebê. Rolando as centenas de comentários que seu blog tem todos os dias, percebo que tem muita gente legal nesse mundo, e que é ótimo que essas pessoas se encontrem. Aproveito seu post de aniversário para dizer que te amo, como amo Alice Walker e amo Chico Buarque (divido ele com você, tá? Mas só um pouquinho... rs)
Beijo

Magalli Sampaio disse...

Lola, parabéns pelos 5 anos! Acho que não preciso dizer que sou sua fã, te admiro muito... essas coisas, né? Rs. Sou um dos novos seguidores do final de 2012 e pretendo ficar até o dia em que você não tiver cansado ainda de escrever. Tomara que não canse.

Nane disse...

Nossa, pulei de alegria quando li São Luís na sua lista de cidades. Venha Lola! Desconheço como funciona suas idas para outras cidades, como são financiadas. Mas se minha colaboração for necessária , quero que saiba que terei muito prazer em colaborar.
Parabéns pelos 5 anos de blog!
Leio todos os posts. Adoro demais.

Pandora disse...

Nossos blogs nasceram na mesma semana e completam ano praticamente juntos... Parabéns Lola, você e a turma que se junta em torno de você aqui tem sido uma ótima influencia para tod@s nós que queremos um mundo menos machista e precisamos de apoio psicológico e as vezes teórico também para enfrentar as chatices nossas de cada dia!!!

Sofia L.B. disse...

Parabéns, Lola!

Tomara que o seu desejo de continuar com o blog ainda dure muitos e muitos anos! Ele já faz parte da minha rotina, e é sempre com muito carinho que o leio.
Tudo de bom em dobro pra vc, viu?

Abraços.

pequena salome disse...

Parabéns Lola, fico muito emocionada com as estatísticas do seu blog. O feminismo ganha muito com você. E eu tenho uma enorme gratidão por aprender muito por aqui. Fica com o meu abraço, carinhosamente

Xênia

pequena salome disse...

Acho muito lindo e revolucionário saber que um blog feminista tem uma média de 275 mil acessos mês!! Gratidão Lola, eu aprendo muito com você!

Liana hc disse...

Lola, parabéns! :D Você criou um espaço muito bacana aqui e no qual tanta gente vem se identificando ao longo desses anos, te admiro pacas. Ótimo para as/os adolescentes (espero que crianças não fiquem por aqui lendo rsrs) que frequentam o blog, pois já têm um referencial, um lugar para se sentirem representados, desafiados, informados. Adoro também seu humor porque ninguém é de ferro, esse mundo tem as suas doideiras e rir de vez em quando é fundamental para manter a sanidade.

Luiza disse...

Parabéns pelos cinco anos de blog, Lola!

Você me ajudou muito na minha jornada pelo feminismo, e ainda ajuda.

Espero que você continue por muitos e muitos anos!

Cris N. disse...

Lola, sou uma das suas leitoras anônimas que nunca comenta, mas leio tudo, compartilho por email (às vezes tb pelo facebook) e acho seu blog de extrema importância. Sempre me acrescenta algo, me faz ver as coisas por outro ponto de vista, me informa sobre o que acontece por aí, enfim, espero que ele nunca acabe, pq, com certeza, estou longe de ser a única que pensa assim. Parabéns pelo blog, pela dedicação, pela luta feminista! O Brasil precisa de mais pessoas como você!

Rose disse...

Oi Lola, parabéns e obrigada. Depois que comecei a ler seu blog (e também os comentários) tive muitos "dias de Lola" e gostei! bjs

Ni disse...

Oi Lola,
Parabéns pelo blog, não lembro qdo comecei a ler, mas lembro que foi amor a primeira lida!
Aprendo mto aqui!
Beijos

Raziel von Sophia Imbuzeiro disse...

Parabéns, Lola! Continua firme e forte!


Ah, seria legal se viesses a escrever sobre... ISSO!

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/equilibrio/89812-meninas-de-exatas.shtml

Mirella disse...

Parabéns, Lola! Que venha muito mais sucesso.

Rosanna Andrade disse...

Oi Lola, conheci seu blog no inicio de 2011, e desde entao nao perco uma postagem (qdo nao leio no dia, vejo no Google reader). Acredito que ja li o blog por inteiro, desde o inicio, em umas madrugadas q virei... ele eh simplesmente viciante.
Ao contrario de muita gente, eu soh fui saber que ser feminista tem conotacao negativa para o senso comum aqui no blog. Qdo eu pensava em feministas lembrava da conquista do voto feminino, poder trabalhar fora e a revolucao sexual. Como isso poderia ser ruim?
Mas foi atraves do seu blog (q serviu d plataforma p q eu conhecesse outros tbm) q eu fui conhecer cultura de estupro, slut shaming, desobrigacao de perseguir padrao de beleza... e isso reduziu MUITO meu sofrimento e angustia perante a vida, sofrimento esse que por vezes eu nem entendia de onde vinha. Saber que em gde parte tudo era consequencia de construcoes de genero me aliviou; trouxe revolta tbm, por perceber que isso existe, mas me desobrigou de ser quem eu nao era/sou.

Por isso tudo, obrigada Lola.

P.S.: pode-se dizer que como vc eu tbm sou feminista desde criancinha. Com uns 10 anos eu brincava de inventar mundos fantasiosos, e criei um idioma proprio (bem simplinho). Mas um dos gdes detalhes foi a criacao de um pronome neutro para ser usado qdo houvesse o mesmo numero de homens e mulheres na frase... Se isso nao for ser feminista... xD

aisnet disse...

enhorabuena Lola, es magnifico el exito que tienes y como trabajas cada entrada . Te lo digo por que soy blogera también. Creo que tu trabajo es un servicio publico y que debería tener una recompensa económica para que lo pudieras hacer con tranquilidad . yo solo llevo 2 años y es un trabajo duro. Suerte y GRACIAS

Lilian Soares do Nascimento disse...

Parabéns, Lola! E obrigada mesmo por criar esse espaço! É maravilhoso!

Te acompanho desde 2009 e é com muito orgulho que me imagino como uma das formiguinhs disseminadoras do seu blog postando seus textos desde a época dos fóruns de orkut e agora tb pelo facebook!rs

Obrigada pelas palavras diárias de apoderamento! Beijos e vida longa ao blog! ;)

Ju disse...

Parabéns Lola, o blog é maravilhoso!

Valéria Fernandes disse...

Parabéns, Lola! Que venham os dez anos. :)

Flora Valls disse...

Parabéns pelo aniversário do blog, Lolinha! Torço muitíssimo pra que saia uma segunda edição do livro (estava super endividada à época do lançamento do primeiro e não pude comprá-lo) e que em breve tu receba um convite legal pra vir a Porto Alegre e eu poder te prestigiar pessoalmente! Beijo

Gabriele Albuquerque Silva disse...

Vida longa e próspera ao Escreva Lola Escreva!

Renata* disse...

Ê!! Espero que a Lola faça uma comemoraçãozinha hoje, nem que seja com um chocolatinho especial =]

Parabéns pelos 5 anos! Que sempre tenhas força e vontade pra que mais anos venham. O feminismo brasileiro precisa muito de blogs assim =]

Dree disse...

Só queria deixar meus parabéns. E que venham mais 5, mais 10, mais 20 anos de bloguinho, e que traga cada vez mais feministas para essa luta que é de todos.
E tomara que role uma segunda edição do livro de crônicas, dessa vez não deixo passar.

Anônimo disse...

Lolinha! Meus parabéns!!!

Que venham mais 10!


Link para uma leitura básica de cartaz: http://www.google.com.br/imgres?num=10&hl=pt-BR&tbo=d&biw=1024&bih=653&tbm=isch&tbnid=AuFR8F03OsA15M:&imgrefurl=http://www.plugou.com.br/novo-poster-de-tron-o-legado-homenageia-filme-original-de-1982/&docid=YTpslugn3_E7eM&imgurl=http://www.planetadisney.com.br/wp-content/uploads/2010/10/Tron_TronLegado.png&w=1203&h=841&ei=fzADUa3XLJOO9ATR0YCoBQ&zoom=1&ved=1t:3588,r:10,s:0,i:112&iact=rc&dur=2349&sig=101393026908004073736&page=1&tbnh=185&tbnw=269&start=0&ndsp=12&tx=126&ty=114

Dona do Sexo -Bonobo rules,Jaçanã forever disse...

Parabens e muito sucesso a frente.


Agora vi esse negocio do Trends,mas é so as buscas ne.Eu vi que um blog escrevinhador em uma materia disse que visita é na base de 30 mil por dia.Mas no trends o teu blog é mais procurado.

Acho que nao é tao certo esse dado que deram sobre esse outro blog, ou ele circula bastante quase sem buscas entre os esquerdistas.

Ana disse...

Lolaaaaa! Já viu isso aqui? http://liberal-atheist.tumblr.com/post/41452011478/hitler-came-to-power-against-the-strong-feminist
Gloria Steinem sendo diva!

Ana disse...

Ah, e parabéns! ;)

Ju disse...

Parabéns e obrigada por tudo.
:)

Vivi disse...

Parabéns Lola!!!!!
Que tenha vida longa, com boas discussões e muita luta feminista neste blog!

Fernanda Mychelle disse...

Super parabéns. Eu espero mesmo é que seu blog cresça ainda mais!

Nêmesis disse...

Parabéns, Lola.

Não faz muito tempo que eu conhece o seu blog, mas acompanho-o assiduamente desde então.

É incrível haver um blog feminista brasileiro com tanta representatividade quanto o seu.

Eu invejo o modo com que você se expressa. Você é muito clara nos seus textos e parte. muitas vezes, de questões cotidianas que são comuns à todas as mulheres. Seu blog é um excelente espaço para jovens mulheres que começam a questionar as relações de gênero,mas não se "encontram" nos textos acadêmicos.

Mais uma vez, meus parabéns.

Zâmike Zeny disse...

Oi, Lola! Sou leitor novo e pretendo suprimir o machismo por meio do feminismo. Graças ao seu "bloguinho" já mudei muito. Parabéns pelo blog e pelo ótimo "serviço" que tens feito. Parabéns pelo sucesso! E é isso aí, os mascutroll nos dão força para lutarmos por um mundo com menos desigualdade, e por que não, completamente igual para todos.

Dani Andrade disse...

Parabéns Lola! Continue sempre, teu blog é demais! Eu venho todo dia, não consigo ir dormir um dia sequer sem te ler.. obrigada, beijos!

diegomadias disse...

Lola, super parabéns!!!! você desempenha um papel muito importante de mediação entre o pensamento crítico-acadêmico e um público mais amplo (e de uma maneira consistente para os dois lados, o que poucos que se propõem a essa tarefa conseguem fazer). por favor, não pare! fica aqui meu comentariozinho para você lembrar na próxima crise "estou cansada, quero parar" (se houver). um beijo enorme de parabéns! ;)

Roxy Carmichael disse...

PARABÉNS LOLA!
que em 2013 você possa escrever sobre muitas conquistas de nós mulheres!
um brinde!

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Gostei da matéria postada pela Raziel. Sou de uma família em que a maioria das mulheres e homens vão pra área de exatas. Tenho um primo que é professor de matemática que diz a mesma coisa. Detalhe que ele dá aula em dois colégios, um só pra meninos e outro misto.
Mas achei o título sexista, poderiam colocar que "não são coisas só de menino". O só aí faz toda diferença.
O legal é a revolta de alguns comentaristas. Em comentários extremamente emocionais ficam batendo na tecla de como são mais racionais que as mulheres.

ANINHA disse...

Lolinha, parabéns por esse blog maravilhoso. Visito diariamente e salvo todos os links para ler ou reler quando estou offline.

Vc é uma pessoa inspiradora.

Parabéns,
felicidades,
muitos anos de bloguinho
e, principalmente, obrigada!

Robson Fernando de Souza disse...

Parabéns, Lolinha, por esse 2012 de tamanha ascensão =D E tenho muita honra de ter emplacado três guest posts entre os mais comentados do ano =D

Sou muito honrado por fazer parte da história do Escreva Lola Escreva, esse que é talvez o melhor blog feminista do Brasil. E admiro muito que Lola seja parte destacável da história do feminismo brasileiro.

Parabéns a Lolinha e a tod@s @s guest-posters!

Thaís disse...

No começo da semana mesmo eu tava vendo posts seus de 2010 (Sim, eu sou TÃO fã assim, li quase que post por post até chegar lá e pretendo continuar até o começo do blog), e percebi que já ia completar cinco anos!

Se eu não fosse uma desmemoriada, eu teria lembrando antes de você, em em?

Tudo de bom, Lolinha <3

Alec disse...

Ei Lola, você podia aproveitar e nos contar como começou sua história de amor e ódio pelos mascus, você participava da F&F?

Amana disse...

Querida Lola,
Parabéns!
Seu blog foi fundamental na minha educação feminista. Aqui, lendo seus posts sempre ótimos, perdi completamente a reserva de me afirmar mulher & feminista, professora & feminista, pesquisadora & feminsita.
Mudei radicalmente o foco dos meus estudos, colocando o gênero no centro das minhas discussões. Tenho lido muito, articulado ideias que nunca pensei que eram discutidas por aí com tanta complexidade, trocado, debatido, conversado...

Seu blog me ajudou a crescer, a repensar meus parâmetros, a definir prioridades, a refletir e dialogar com a diferença, a viver meu corpo e minha sexualidade de uma maneira diferente, mais assumida, mais prazerosa.

Obrigada por tudo! Você é muito, muito querida :)

beijo grande, de sua admiradora e leitora contumaz!

lola aronovich disse...

Gente querida, muitíssimo obrigada por todo o carinho. Agradeço de coração.


Ô Amaninha, ouvir todos esses elogios vindo de uma pessoa tão especial quanto vc me comove... Foi ótimo mesmo ter te conhecido no ano passado, no Rio. Espero que possamos realizar muitas outras coisas juntas.

Seus guest posts são um sucesso, assim como os do Robson! (e de várias outras pessoas). Só posso agradecer pela honra de vcs publicarem todos esses textos excelentes no meu humilde bloguinho!

Laura Girdwood disse...

Nossa Lola, e agora como eu fico? Tem muito post aí que eu não li! Vou ter que ficar até tarde acordada!

Cora disse...

Lola,

parabéns pelo blog e pela disposição em contradizer as tradições e o senso comum.

muita energia pra vc, pois há muito a ser feito ainda. q vc não se canse de inspirar novos inconformados e contestadores!

teu espaço é fantástico e vc merece o sucesso q conquistou!!

como disse a Fernanda, q o blog cresça ainda mais!

Anônimo disse...

parabens, lola. hoje em dia eu nao comento quase nunca, mas continuo sendo leitora assidua. beijo e vida longa a oq vc faz :)

bruno, tb sinto falta dos comentarios sem moderaçao, conversei com muita gente legal aqui, oq me ajudou bastante no começo, e q infelizmente nao tenho contato fora daqui. lembro agora da liana, da denise q usava a foto de um dedo, da ana, de uma carol (tinham varias)...

mas é um alivio chegar aqui e nao ver aquele monte de troll tosco

Sara disse...

Apesar de acompanhar o blog desde 2010, esse é o meu primeiro comentário e o que me mobilizou a dar as caras por aqui foi ler sobre o risco do cansaço e o fim do blog. Quero deixar registrado e aumentar o coro das que tiveram os modos de pensar e agir modificados pela leitura do blog. A capacidade de identificação, empatia e mobilização com os textos que são publicados por aqui é enorme! Você e os autores dos quest posts têm uma capacidade de comunicar e informar que é incrível. Digo isso porque descobri o blog quando participava de um coletivo feminista na faculdade (todas as meninas do grupo acompanhavam o blog). Por característica pessoais minhas, fui mais tocada pelas mensagens do blog do que pelos encontros que tive no grupo. Isso soa um pouco triste, eu pelo menos acho, preferia encontrar e conhecer gente no dia a dia e não só virtualmente, mas é mais uma manifestação a favor da importância de espaços como esses e de como virtualmente existe envolvimento real. Por mais férias e vida longa ao blog!