domingo, 31 de agosto de 2014

LOLINHA SAUDÁVEL E CURSO DE EXTENSÃO

Faz uma semana que comi meu último chocolate! 
Talvez não seja o último da minha vida, mas gostaria que fosse o último por muito tempo. Faz anos que não fico tantos dias sem chocolate. E, pra ser sincera, tirando a quinta-feira, quando me deu uma compulsão (mas resisti), o resto da semana foi bastante tranquilo.
Além de tentar eliminar esse vício, comecei a fazer sucos toda manhã. O maridão, que ama sucos, tá adorando. Eu só bebo água, então tomar suco é um pouco de sacrifício. Mas os sucos que venho fazendo (vários com couve, limão, gengibre e maçã -- considerados os mais aptos a desintoxicar o fígado) não são ruins. Eu e o maridão tomamos sem açúcar ou adoçante, e sem coar. Numa boa.
Esta foi minha primeira semana pra uma vida mais saudável. Como já falei algumas vezes, fui diagnosticada com esteatose (gordura no fígado) dois anos atrás. De lá pra cá, fiz quase nada pra tentar reverter a situação. Mas agora vai! Preciso também fazer exercícios. Semana passada re-inaugurei a esteira aqui de casa. Só tive tempo pra andar um pouquinho na segunda e terça. 
E esta semana que começa agora será um inferno, cheia de compromissos e reuniões. Ah, pra aquecer, antes de pisar na esteira, faço Radio Taiso. Conhecem? Eu nunca tinha ouvido falar antes de um sansei, jogador de xadrez amigo do maridão, me contar. Creio que os japoneses, que têm a maior expectativa de vida do mundo, podem nos dar algumas lições sobre ser saudável.
Este post é só pra falar da minha nova vida (Lolinha, versão saudável -- ok, isso é injusto, já que na verdade sempre fui saudável, até chegar aos 45 anos) e também pra convidar o pessoal de Fortaleza a participar do meu curso de extensão, que começa na terça, dia 2. Eu ofereci o curso no semestre passado e foi muito bacana. 
Agora vou começar uma segunda parte, mas não precisa ter feito a primeira antes. É só que usarei textos e filmes diferentes. 
O curso é "Discutindo Gênero através do cinema e literatura", é grátis, e aberto a toda comunidade. Será na UFC (campus Benfica, Centro de Humanidades I), mas você não precisa ser alunx da universidade (mas, pra quem é estudante, vale certificado). É quinzenal (uma terça a cada duas semanas, das 11:30 às 13:30). Para se inscrever, é só me mandar um email: lolaescreva@gmail.com
Agora é só fazer tudo que tenho que fazer até amanhã...

47 comentários:

Mallagueta Pepper disse...

Atualmente estou seguindo o estilo de vida paleo, que tem feito muito bem pra mim. Não estou falando pra vc fazer o mesmo, mas seria interessante pesquisar.

Quando puder, dá uma olhada nesse blog aqui: Dieta Low-Carb e Paleolítica a meu ver, é o melhor blog em português sobre esse assunto, tem muita informação legal.

Eu é que não deixo meu sagrado chocolate de lado. Não é o cacau que faz mal a saúde, é a quantidade enorme de açúcar e gordura vegetal que eles colocam nos chocolates. Alguns nem deviam levar esse nome, porque são basicamente uma pasta gordurosa açucarada com leve sabor de chocolate.

Patty Kirsche disse...

Poxa Lola, eu também tive que cortar chocolate por causa da intolerância a lactose. Não parei completamente, de vez em quando como um pedacinho. Tem chocolate com leite de soja, mas também tenho problemas com a digestão do açúcar, então tenho que tomar cuidado mesmo. No leite (baixa lactose) estou usando cacau em pó! haha Dureza...

Que pena que o curso é em Fortaleza. Se fosse em São Paulo, eu faria. ;)

Anônimo disse...

Tem chocolate meio amargo com menos açúcar em excesso, não é amargo, só não tem aquela quantidade enorme de açúcar e tem o açúcar demerara que é muito bom tbm e mais natural e com menos conservantes que o açúcar branco. Mel também é bom. Até o chocolate industrializado que a maioria consome não seria tão ruim e prejudicial para a saúde se a maioria não consumisse em excesso. Nada em excesso faz bem pra ninguém e pode até causar uma dependência que de prazerosa não tem nada, pois a pessoa nunca vai estar satisfeita com o que consome e vai querer sempre mais infinitamente. Isso não é prazer, já é escravidão. Isso não é só com o chocolate industrializado, é com qualquer coisa. Nãoé porque uma pessoa não consomem excesso que signifique que seja desnutrida, oprimida pelo patriarcado machista e outras acusações preconceituosas e falaciosas que muitas feministas fazem. As feministas costumam criticar também mulheres que gostam de fazer atividades físicas regular, mas tem pessoas que gostam e não é nenhum sacrifício ou para agradar homens e muito menos em excesso. Costumam também de vez em quando atacar vegetarianos e mulheres que não consomem refrigerantes e bebidas alcoólicas. Não é porque uma pessoa não é igual a vcs que signifique que ela seja infeliz, oprimida e coisas do tipo. Não sejam mais tão preconceituosas.

Clara disse...

Lolinha, você bem que podia filmar seus cursos e colocar no youtube! =)
Sei que você é cheia de coisas pra fazer, mas dá essa ideia pros sortudos que vão ser seus alunos, as vezes eles se animam a ajudar..

Beijos!

robertamalmeida disse...

alguma pretensão de fazer o curso por EAD? gostaria muito depois de fazer este curso.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Um dos meus sonhos é você fazer um curso online.
Pena que é quinzenal. Se fosse mensal até que dava pra eu pensar em fazer.
Abçs e ótima semana pra vc.

Kittsu disse...

Nossa, anônimo das 18:50. você é um babaca. enfia um dedo na goela e arranca suas amídalas, vai.

Lola, você não precisa começar a tomar sucos pra ficar mais saudável. Na verdade, isso pode é piorar: frutas possuem açucar, açucar piora a esteatose. E quando fazemos um suco com frutas, acabamos ingerindo mais frutas do que se apenas as comêssemos. pode ficar só na água, sua "dieta líquida" está perfeita, não mexa nela!
www.paleodiario.com e www.paleoforwomen.com , este último é praticante e estudiosa da dieta paleolítica e de alta gordura/baixo carboidrato... e sabe o que mais? feminista. rs! Adoro esse último, tem um foco muito bom na saúde da mulher.
E esse vídeo aqui é longo, mas fala de forma resumida como viemos parar nesse protocolo estúpido que prega uma alimentação composta em 50% a 60% de carboidratos, que foi originada na FRAUDE científica: https://www.youtube.com/watch?v=EEsGvhqkQzI
As provas estão todas aí espalhadas em estudos e artigos.

normalidaderealidade disse...

Lolinha, boa sorte! :)

Parar de comer alguma coisa que a gente ama é super chato e pode deixar a gente maluquinho! Boa sorte mesmo, e vá ouvindo as dicas dos visitantes, às vezes rola coisa boa :)

Eu sigo a dieta do "eu não sei fazer dieta", então eu só fico olhando com curiosidade pra essas coisas. Vou até anotar o que rolar por aqui.

Raven Deschain disse...

As feministas costumam criticar também mulheres que gostam de fazer atividades físicas regular, mas tem pessoas que gostam e não é nenhum sacrifício ou para agradar homens e muito menos em excesso. Costumam também de vez em quando atacar vegetarianos e mulheres que não consomem refrigerantes e bebidas alcoólicas. Não é porque uma pessoa não é igual a vcs que signifique que ela seja infeliz, oprimida e coisas do tipo. Não sejam mais tão preconceituosas


... Oo dafuq did I just read?

normalidaderealidade disse...

Anon das 18:50 -

Não entendi nada. Pra mim, o feminismo body positive sempre encorajou o chamado "self care", e isso inclui cuidar da alimentação e cuidar da própria saúde, a diferença é que não tem julgamento nem cagação de regra pra quem não pode ou não quer fazer isso.

Raven Deschain disse...

Lola, o conselho do pessoal é válido. ^^ Tem chocolate meio amargo, sem lactose, com alto teor de cacau. Todos eles sem esse absurdo de açúcar e gordura e nem todos tem aquele preço absuuuuurdo.

Laurinha (Mulher modernex) disse...

Acho esse assunto de qual dieta é mais saudável tão complicado.
Tem hora que é difícil saber qual caminho seguir diante de tantas informações, muitas vezes uma contradizendo a outra..
Algumas pessoas comentaram sobre a Dieta paleolítica, dei uma olhada e é bem interessante. Mas aí tem a da pirâmide alimentar.
Uma fala o contrário da outra... E eu no meio com cara de boba, rsrs.

@dddrocha disse...

Eu já tinha visto sobre essa "ginástica" dos japas, e ri demais rsrs.
Lola, você vai conseguir ficar sem chocolate, fique tranquila. Mas a pior parte de toda e qualquer reeducação, é mantê-la a partir do 4° mês. Passado esse período, o resto vem fácil.

Kittsu disse...

Modernex, a pirâmide alimentar é fruto de uma fraude científica. todos os outros estudos, antes e depois, desde 1800 e bolinha, indicam a clara vantagem da restrição de carboidratos no tratamento da diabetes, obesidade e mais algumas outras condições.
Só existe tanta contradição exatamente pelo mesmo motivo que existe tanta violência obstétrica institucionalizada: Faculdades que ensinam dogmas ao invés de ciência e alunos que absorvem isso como verdade absoluta sem raciocinar nem questionar.

Anônimo disse...

Procurem um(a) profissional da área, ou seja, um nutricionista.

Ninguém constrói uma casa pegando um projeto no google... Não deveria se diagnosticar e medicar assim, nem seguir dietas sem acompanhamento ou orientação. Seja pra emagrecer, seja para tratar de uma doença. Tem gente que estuda 5 anos pra isso... cada um no seu quadrado.

haM disse...

Lola:

Assim como a Patty eu tenho intolerância a lactose, então chocolate em dias normais
está totalmente fora de cogitação.

Encontrei meu substituto ideal na alfarroba (http://mundodaalfarroba.blogspot.com.br/p/alfarroba-e-seus-beneficios.html). Não é chocolate, portanto gosto não é exatamente igual e sim, o preço é maior...mas pessoalmente acho gostoso e vale a pena experimentar.

É possível comprar em lojinhas de produtos naturais ou especializadas em restrições alimentares (celíacos, intolerantes e diabéticos). Espero que ajude!

Anônimo disse...

Pois é, né, levei tanto chega pra lá da D. Lola por causa das minhas 'dicas de dieta' e agora ela finalmente vai entrar nos eixos. Nada como um dia atrás do outro. Vlw Flws!

Anônimo disse...

Oi Lola

Eu e eu marido também gostamos dos sucos verdes!!! Também tinha o maior preconceito com os verdinhos, mas é bem bom, não é mesmo?!
Tenta colocar um pouquinho de aipo na mistura, dá um gostinho muito bom e além disso, aipo é um anti-inflamatório natural!
Se você sentir vontade de adoçar, não só o suco, mas café ou chá p. ex. (não sei se você toma café ou chá)você pode usar um pouquinho de mel ou açúcar de stévia, que é bem mais saudável que o açúcar normal.
Eu faço também muitos sucos "mistureba" - melancia, morango, manga e cenoura - fica MUITO gostoso. Como eu moro na Alemanha nem sempre eu acho frutas fresquinhas (ou por um preço pagável), então eu compro congelada...

Eu também estou tentando controlar o chocolate... é difícil demais viu?! O que eu faço as vezes é misturar pó de cacau (desses que se usa pra fazer bolo que não tem acúcar e gordura) com leite de soja com um pouquinho de stévia ou mel. Até que fica bom e dá uma controlada na "fissura por chocolate"

Estou torcendo pra você melhorar sua saúde! No começo vai ser difícil, mas você consegue e vale muito a pena!!! =D

Jane Doe

Anônimo disse...

É Lola, chega uma idade e um momento que vocês feministas vão perceber que as saradonas (e não as esqueléticas, que nunca foi padrão de beleza para homens, mas sim para mulheres e gays) não são somente bonitas e sexys (fizeram tudo pelo padrão de beleza estabelecido pela mídia capitalista e blá blá blá), mas viveram a maior parte da vida comendo bem, se exercitando e levando uma vida saudável. Vocês só percebem agora que já estão na capa, como a mídia capitalista prejudicou essas mulheres não? E quantas mulheres "o corpo é meu e faço o que quiser, bebo e fumo maconha, não me depilo e não vivo a ditadura da academia" amanhã estarão chorando com problemas de saúde não?

Manuela Perpetuo disse...

O cara larga mão de ser babaca pfvr?

Barbara O. disse...

Vixe... eu não me depilo... como estará minha saúde em vinte anos, ó ceus?! (homenagem ao an. 07:40)

Anônimo disse...

Pra pessoa que disse que uma dieta de baixos carboidratos é uma boa dieta... Vá ver um pouco de bioquímica básica. Carboidratos são metabolizados mais facilmente pelas células, gerando mais energia. É uma questão de "custo benefício ". Uma quantidade x de carbs gera uma quantidade de energia maior do que a mesma de proteína. Além do mais uma dieta altamente protéica acaba gerando alguns problemas, principalmente no ciclo da uréia. Gerando até problemas renais

Renata disse...

Gente, o comentário das 7:40 é engraçado demais!
Já não fosse tudo um besteirol sem tamanho, o que diabos se depilar tem a ver com saúde?

--

Bueno, não manjo muito de chocolate. Acho enjoativo. Não faço ideia de como é ter uma 'fissura' por determinado alimento, mas deve ser difícil! Força Lolinha! Seu fígado vai agradecer pelos cuidados, por ter certeza =D

Eu também tenho que cuidar da minha alimentação e às vezes é chato.
Tenho intolerância a glúten, alergia a leite, ovos, soja e frutos do mar. Sou vegan, então, muita coisa que me faria mal eu já não como há anos.
O glúten é meio mala de driblar. No começo foi muito difícil. Tudo tem essa joça. Já a soja foi fácil de deixar de lado =]

O negócio é reeducação alimentar. Depois que entendi a ideia da coisa, ficou mais fácil.

Anônimo disse...

Muito bom Lolinha!

Suco de couve faz muito bem. Tenho refluxo e o suco alivia melhor os sintomas do que a medicação que o gastro prescreveu.

E exercício enche o nosso corpo de endorfinas. Por isso que tem uma galera que vicia em exercício: porque ele realmente libera substâncias que viciam no nosso corpo (sentir prazer vicia --> exercícios aeróbicos liberam substância de prazer e bem-estar ---> exercício vicia. Muita gente discorda haha, mas quimicamente falando é verdade).

Força aí Lolinha!

Anônimo disse...

Manuela Perpetuo, uma boa educação alimentar e a prática regular de exercícios é essencial para qualquer um (homens e mulheres). Quanto maior a quantidade de músculos (conseguidos de forma natural e saudável) mais saudável você é, menos gordura, mais calorias necessárias para movimentar o corpo etc.. E vocês feministas acham bonito o "o corpo é meu e faço o que quiser". "Estou acima do peso mas me amo". "Bebo mesmo o corpo é meu".

Estão achando que câncer é fatalidade? Algumas vezes sim, mas muito pouco. Se assim não fosse, não haveriam gráficos com diferentes graus de incidências de câncer no mundo.

É a mesma coisa do cara machista que casa, e liga o f.., fica barrigudo de cerveja.

Uma coisa é a moda saudável (a mulher ou o homem serem malhados), outra é a das modelos esqueléticas.

Thomas disse...

Lola, não ouça o que esse tal de Kittsu tá falando.

Nós precisamos de açúcar e carboidrato, pois são as coisas que nos dão energia para as atividades físicas. E a melhor fonte de açúcar e carboidrato são as frutas. Você pode comer a quantidade de frutas que quiser, desde que você pratique atividades físicas com frequência. Inclusive, consumir muitas frutas é uma das maneiras mais saudáveis de se viver.

Tem muita gente que vive de dieta raw vegan, muitos que só consomem frutas sem o menor problema. Se duvidam, dão uma olhada no canal do youtube chamado "Freelee The Banana Girl". Ela e o namorado são atletas top, veganos e consomem muuuuitas frutas, principalmente bananas.

Esse lance de dieta paleolítica.... sinceramente eu não seguiria. Não faz sentido isso de dieta rica em gordura, quando o que de fato precisamos pra gerar energia pras nossas atividades físicas são os carboidratos. Mas vocês não precisam acreditar nas minhas palavras. Basta vocês olharem os maiores proponentes dessa dieta paleolítica, a maioria dos caras e das mulheres são gordos. Eu não seguiria dicas de dieta de alguém gordo. Agora vai ver a Banana Girl que falei pra vocês, a mina tá em forma física top, então essa é uma pessoa que tem minha atenção quando quer falar de dieta.

E já que estamos no assunto, alguém mais aí considera totalmente contraditório uma pessoa ser feminista mas não ser vegan?

Enfim. Lola, esse papo de não ter tempo pra malhar é balela, tá? Meus pais e minha vó diziam isso antes de meterem as caras, correrem atrás e se tornarem atletas competitivos em suas respectivas faixas de idade em corridas de rua. Basta você acordar cedo, pular na esteira e pronto, meia hora já resolve.

Raven Deschain disse...

Pra não dizer que é gordofóbico ele usa "magrelas" como exemplo. Haja

E ainda não explicou aonde que se depilar (ou não) faz mal pra saúde. Adoro esses comentaristas anônimos...

Anônimo disse...

"A dieta X é boa", "não, usa a dieta Y". Gente, a intenção é boa, mas acho que ela deveria procurar orientação médica/nutricional pra saber o que realmente é adequado pra ela.

Anônimo disse...

Gordofóbico? Então todos os profissionais de saúde são gordofóbicos (pois não há UM que diga que alguém com IMC irregular esteja bem de saúde)?

Eu comparei com as magrelas para dizer que, esteja acima do IMC (obesas) ou abaixo do IMC (magrelas), sua saúde corre perigo. Se não, sai rasgando diplomas de nutricionistas e médicos por aí.

A depilação eu só citei porque vai no pacote do "o corpo é meu e faço o que eu quero", e não que faz mal à saúde.

Anônimo disse...

Já rolou esse papo algumas vezes aqui no blog, mas continuo achando que não tem nada a ver.
A pessoa ser vegan porque é mais saudável e porque é contra mau trato de animais, é ótimo. Mas não entendo mesmo quererem relacionar uma luta que é pela equidade de homens e mulheres com veganismo.

Kittsu disse...

Anônimo das 10:52, o caminho metabólico não é algo tão simplista quanto você pressupõe.

Thomas, não conheço nenhum proponente da paleolítica de baixo carboidrato que não esteja magro ou emagrecendo. E de fato ela não precisa acreditar nem em mim nem em você: basta pesquisar e experimentar. A literatura é farta e coerente. Fruta não é ruim, mas não ajuda a emagrecer. E deficit calórico e exercício até emagrece. .. Mas com muito sofrimento que seria perfeitamente evitável.

Anônimo disse...

"o que diabos se depilar tem a ver com saúde?"
É pra ficar sexy e gostosona. E saudável, claro.
É muita preocupação com a saúde alheia.

Raven Deschain disse...

Mas anon esse papo me leva ao seguinte questionamento: O que caralhos vc tem a ver com isso afinal? Com a saúde das gordas, das magrelas, de quem não se depila, de quem só come cupcake ou qualquer outra coisa? A gente marcou consulta com vc?

E além do mais, o corpo é meu mesmo.

Anônimo disse...

E se os exames provarem que a tal pessoa com "IMC irregular" bem de saúde. Pois tenho provas que isso acontece com muita frequência.. pessoas gordas e até obesas muito bem de saúde. E aí, faz como?

Anônimo disse...

Lolinha, voce nunca foi saudável, só demorou 45 anos pra descobrir isso, coisa simples.

Anônimo disse...

Não é pressupor, estou me formando em biomedicina. Foi só um jeito de colocar em linhas gerais mesmo. Não da prw colocar todo o processo em uma caixa de comentários.

Anônimo disse...

Gente, vocês estão recomendando à Lola dieta de baixo carbo ou paleolítica mas isso não faz o menor sentido para ela.

O quadro da Lola e o objetivo da dieta que ela está fazendo são outros. Uma dieta de baixo carbo é espetacular para quem quer perder peso e a paleolítica é fantástica para atletas. No entanto, o propósito da dieta da Lola, de acordo com esse e outro post que li a respeito, não tem nada a ver com isso.

Uma dieta de baixo carbo iria justamente de encontro às recomendações que ela recebeu. Quase sempre essa dieta pressupõe uma ingestão grande de gordura e o fígado dela está pedindo descanso. A paleolítica poderia vir a cair na mesma situação e, mesmo que não fosse, ajudaria pouco àquilo que ela quer além de ser uma dieta um tanto difícil e que pode não valer a pena para quem tem o objetivo dela.

Lola, boa sorte e se cuida.

Anônimo disse...

Raven Deschain, então se ninguém tem nada a ver com a saúde do próximo, então pra que campanhas de AIDS, Câncer de Mama, contra o tabaco etc..? Que cada um se foda-se com sua saúde né?

E aliás, do mesmo jeito, que você se incomoda, o que vocês tem de ficar fazendo propaganda de "o corpo é meu e foda-se", "gordofobia" etc.. e estimulando as mulheres a aceitarem a obesidade? Depois que elas estiverem doentes duvido que vocês vão lá visitá-las.

Se realmente lutam pelas mulheres, estimulem elas a cuidarem da saúde, e não se f.. para seu próprio corpo.

Kittsu disse...

http://www.nytimes.com/2014/09/02/health/low-carb-vs-low-fat-diet.html?smid=tw-share&_r=0 o último estudo que eu vi... Apenas um dos vários.

Kittsu disse...

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21367948

Raven Deschain disse...

Huashua zé mané, cê se dá uma baita importância hein? O seu comentário anônimo nunca vai ter o mesmo alcance de uma campanha nacional contra o câncer de mama. Quanto a aceitação ela deve existir sim, pelo óbvio: Nem sempre quem é gordo ou magro ou feio ou cabeludo ou bombado é doente. De mais a mais, o corpo continua sendo meu. U jelly?

Anônimo disse...

Procure um(a) nutricionista!!!

Marcia Alvim disse...

Algumas marcas ( AMMA, MONAMA, PLANETA CACAU ...) de qualidade estão no mercado e vendem cacau PURO, cru e desidratado. É ótimo para colocar na vitamina ou fazer sobremesas. Quem quer evitar a lactose também há a opção de leites vegetais ( Leites de quinua, macadâmia, castanha do pará, coco, nozes, arroz.....

Anônimo disse...

Cara Raven, já que o corpo é seu, fique esperta que o congresso revogou a proibição de comercializar anfetaminas para emagrecer, como a ANVISA propôs e conseguiu por algum tempo. O médico sabe que o corpo é seu e vai receitar essas m. a quem solicitar, porque ele não tem nada a perder, assim como o congresso. Os lab farmacêuticos têm muito a ganhar às custas dos iradinhos como você.

Anônimo disse...

Lola, por favor, não dê atenção a esses comentários indicando dietas! Sei que são feitos na melhor das intenções, mas você precisa cuidar da sua saúde e essas pessoas são leigas. Procure um nutricionista, que é o profissional que mais entende de alimentação.

É bom reduzir o chocolate, mas "proibi-lo" só gera uma aura de objeto de desejo em torno dele que leva a compulsões em longo prazo. Quanto aos sucos verdes, eles têm lá suas vantagens em relação a não consumir legumes e verduras, mas o melhor seria mesmo você continuar tomando água e consumir a couve, as frutas (em quantidade adequada, sem exagero) e os demais alimentos sem processá-los no liquidificador/juicer. Acho sua mudança de atitude ótima, mas falta um pouco de orientação especializada. Procure um bom nutricionista e parabéns!

Anônimo disse...

.'Nem sempre quem é gordo ou magro ou feio ou cabeludo ou bombado é doente.'

Obesidade está sim relacionada ao RISCO de várias doenças.Ou vc não sabe o que é risco?

Denise Marinho disse...

Não desistam do chocolate antes de conhecer Valrhona!