segunda-feira, 3 de março de 2014

UM ADESIVO OFENSIVO

O Flávio, um leitor querido que de vez em quando traduz alguns posts pra cá, viu este texto e decidiu gastar alguns minutos de seu tempo para demonstrar como a cultura de estupro segue firme e forte. 
Embora este caso tenha acontecido numa cidade americana no ano passado, ele levanta algumas perguntas: só mostrar uma imagem violenta, sem contextualizá-la, é suficiente para conscientizar a população? Uma imagem violenta é pra ser engraçada? Então, por que dizer que quem a critica não tem senso de humor?

Uma pequena empresa de marketing de Waco, Texas, queria divulgar sua divisão de adesivos e decidiu tentar uma tática que chamasse atenção. A empresa tirou uma foto de uma de suas funcionárias amarrada e jogada na traseira de uma picape e transformou-a em um adesivo muito realista que foi colocado na porta traseira de uma de suas caminhonetes e fez com que o veículo circulasse pela cidade.
O dono da empresa Hornet Signs, Brad Kolb – que foi quem teve a ideia – disse à estação de rádio de notícias KWTX que seu adesivo chamou um bocado de atenção para o negócio, embora tenha recebido algumas reações negativas. “Eu não esperava as reações que tivemos, nem coadunamos com esse tipo de coisa sob qualquer pretexto”.
É uma afirmação curiosa. Por um lado Kold disse que não tolera violência contra mulheres mas, por outro lado, concebeu e criou um adesivo para veículo ofensivo, ilustrando exatamente isso, e admite que apreciou o aumento nos negócios que isso propiciou.
Acontece que a imagem não traz nenhum alerta sobre o abuso contra mulheres; ao contrário, é usado sem qualquer comentário e tem a intenção de ser uma piada — porque a imagem de uma mulher espancada e amarrada é hilária.
Quando a imagem foi postada na página do Facebook da rádio KWTX, recebeu a esperada mistura de reações de ultraje e desgosto; alguns comentaristas acharam a imagem aterrorizante, e outros acusaram os críticos de não terem “senso de humor”. Outros ainda se perguntavam como explicar a imagem para seus filhos quando estivessem andando pela cidade e se deparassem com ela.
Apesar do adesivo da Hornet Sign ser absolutamente horrível, também está alinhado a uma miríade de outras empresas que gostam de ilustrar a brutalidade contra mulheres, e a apresentam de forma muito casual, frequentemente como a “punchline” de uma piada. 
Nos EUA e fora dele a violação de mulheres continua a ser um tema popular, não só na publicidade, mas em todas as formas de cultura popular.
A grande notícia não é que isso esteja acontecendo de novo, mas a resposta à questão: quando isso vai parar?

Isso me lembrou esta imagem (clique para ampliá-la) que circulou no FB.

44 comentários:

RavenClaw~ disse...

Meldels. Isso realmente deveria ser engraçado? Sorry, Hornet. You failed miserably.


Mas o do zumbi é legal.

Julia disse...

Engraçada mesmo é a imagem no fim do post. Geniais os comentários. Parabéns a quem criou.

Marcelo Mello disse...

https://www.youtube.com/watch?v=ziz407l9328

Toma isto, sua gorda do caralho. Guerra sintetizou tudo.

Liv disse...

Lola, quase nunca comento aqui, mas sou uma leitora assídua do seu blog há uns dois anos. Gosto muito, inclusive, de ler as discussões quase sempre bastante relevantes que acontecem aqui nos comentários.
Só estou deixando esse comentário meio vago agora porque infelizmente fui dar view pro vídeo ridículo que o mascu acabou de postar aqui, e minha gastrite já se manifestou de tanto incômodo que eu senti com aquele cara falando.

.. como você aguenta esses mascus?
Olha esse Marcelo Mello, numa segunda feira em pleno feriado, vem propagar ódio e rancor assim.

"Metendo a real".... mas em que realidade esses caras vivem? E como alguém que te xinga dessa maneira acha que tem moral para dizer qualquer coisa?

Continue com seu bloguinho sempre, por favor! Ele faz muito bem a muitas pessoas, tenho certeza.
Beijos!

Leila disse...

Olha, eu até tentei escutar esse vídeo, mas que coisa mais imbecil, tosco ao extremo. Mal feito, mal articulado e maluco. É só isso que vocês têm pra mostrar?

RavenClaw~ disse...

2 pessoas adicionaram ele aos círculos. Seria forever alonice?

Sara disse...

http://investik8.wordpress.com/2013/07/17/eden-a-sex-slaves-story/

A violência contra mulher ja esta tão banalizada que ja é até comercializada, alias com lucros astronômicos, recebi esse link e fiquei chocada com o q estão fazendo , é mais uma terrível vertente do tráfico de mulheres, mas estas nem são para ser prostitutas como já é comum, os canalhas sequestram jovens de várias partes do mundo, com o objetivo de serem estupradas, tive ânsia de vomito ao ler, pq parece q a maldade dos homens não tem limite, e não me venham dizer que são loucos ou pervertidos que fazem isso, pq se assim fosse esse tipo de comércio não daria tantos lucros para os monstros q o praticam. Aqueles q usam esses "serviços".e os que fornecem, são em número muito grande para que se possa tacha-los de doentes mentais.
Sei q tem homens decentes nesse mundo, eu mesma ja conheci vários, mas cada vez mais temo que eles são uma minoria, e que na verdade tem algo de muito podre no gênero masculino.
Fica cada dia mais difícil amar um homem, ainda mais qdo se vê do q eles são capazes de fazer com as mulheres.
Eu sinceramente ando descrente de q a violência contra as mulheres tenha fim, a cada dia q passa as noticias que chegam assustam e muitas vezes superam os piores filmes de terror.

Claudia Carvalho disse...

Engraçado ler o Marcelo falando sobre ad-hominem. E o que o Gustavo fez com a Lola foi o quê? Mas isso você não fala né...

Julia disse...

Que história horrível, Sara. Aqui no Brasil acontece parecido, só que as mulheres são enganadas e levadas pra fora do país pra se prostituir. Como foi mostrado na novela Salve Jorge. Tráfico de mulheres pra fim de prostituição é um problema mundial.

Sara disse...

Julia eu fiquei mal esses dias por ler essa postagem.
Chong Kim que foi a garota que depois de sofrimentos inacreditáveis, conseguiu escapar e fazer as denuncias.
A história dela foi filmada, mas acho q não chegou no Brasil ainda, e justamente o cartaz do filme contém uma imagem muito semelhante essa do post da Lola com o adesivo odioso que essa empresa de M.. esta usando para se promover.

RavenClaw~ disse...

Cruzes Sara. Só cruzes. Como pode? Nossa. Eu não tou conseguindo acreditar nisso. É tão... Tão... Mas tão horrível... Que não tou conseguindo acreditar.

Sara disse...

eu tb cheguei a pensar q era lenda da internet RavenClaw, tipo aquelas
Lolita Slave Toys, e outros "hoax"
Mas infelizmente essa garota foi raptada dentro dos Estados Unidos, hje ela da palestras, pra denunciar esse comércio imundo, e q me faz faz descrer da humanidade.

Bela Campoi disse...

Putz, abriram a porta do hospício, só pode! Gosto de ler os comentários, conhecer as opiniões alheias, mas tá me dando dor de barriga, sabe. Junte rasura de argumentos, sentimentos de ódio e o desejo insano de conquistar web-seguidores estúpidos e voilá: prato cheio pro meu asco. A Lola faz bem mesmo em moderar comentários no blog DELA! Volta logo, Lola!!! Pleaseeeeee

Julia disse...

Vou baixar esse filme, Sara. Pensava que essas coisas não aconteciam em países do dito primeiro mundo..

MCarolina disse...

Um bom jeito de mostrar que não tem graça nenhuma é ter que explicar o que o adesivo significa para uma criança, como dito no texto. Explique e olhe para a cara da criança.

Julia disse...

Realmente o cartaz é bem parecido com o adesivo. Chocante mesmo. Vou procurar esse filme pra assistir.

Julia disse...

É né? Então tá então, Fábio Mingau.

Sara disse...

Só se for na sua cabeça cheia de lixo fabinho mingau, se não existe cultura de estupro como essas verdadeiras industrias de trafico de mulheres se sustentam, se vc diz q só homens exceções é q estupram, haja homens exceções heimmm??? para traficar , para subjugar de mil maneiras, e os que usam desses serviços nojentos, juntando essa cambada de monstros, infelizmente da pra julgar SIM, que seu gênero tem alguma coisa de muito errado, fora toda a violência q espalham onde quer q andam, nem sei pq to perdendo meu tempo discutindo com um desequilibrado como vc.
Mas só pelos tristes exemplos que estão postando aqui, como vc e esse outro demente que acha a coisa mais normal do mundo é escravizar mulheres, ja da pra ter uma pálida idéia de como uma parte da macharada é calhorda no último grau.

jacmila disse...

Por outro lado tem um forum no imdb mostrando várias incongruências, abrindo a possibilidade da estoria da chong kim ser falsa

http://www.imdb.com/title/tt1734433/board/nest/214548197?ref_=tt_bd_1

Mas estou chocada até hj com os casos das moças trancafiadas por anos, uma delas pelo proprio pai, na austria...

Não se iludam mocinhas, a maioria esmagadora duzomi não é visceralmente contra a prostituição/escravas sexuais

realidade brochante

Julia disse...

Eu não acho que a historia é falsa. Acho que tentar deslegitimar o o que ela diz é o mesmo que fazem com outras vítimas. Pode ser que ela não tenha contado tudo porque depois ela passou a fazer parte da quadrilha, mas trafico de mulheres não é uma coisa tão absurda de existir pra as pessoas estarem duvidando.

Sara disse...

fabinho do mingau se pensa q me ofende me chamando de vagaba, tira o cavalinho da chuva seu machista, eu só prefiro o termo "vadia", e sou com muito orgulho, vou até na marcha todos os anos.
Quanto a minha vida particular, ela só diz respeito a mim mesma, mas posso apostar um braço, que é muito melhor e mais movimentada q a sua.
Quanto aos homens , o q mais vc quer que eu pense, tendo vc como um dos exemplos ??. Não precisa medir sua podridão com régua não, da pra sentir de longe o tamanho do estrago.

Anna Clara disse...

Nossa, como esse Fábio é chato!

Julia disse...

O Mingau chamou a gente de feia... E agora, como fica? Vamos aceitar uma afronta dessas? Não durmo hoje.

Ludmila Marques disse...

Acho engraçado pessoas que odeiam o blog e a Lola perderem tanto tempo aqui... Só Freud explica!! rsrs...

Carla Fonseca disse...

Lolinha, to com tanto dó de vc!!!! Pq a gente só tem q ver estes comentários ridículos aqui um dia na vida, mas vc q tem q moderar! Deve ser pesado! Mas não desista! E continue com excelente trabalho q tem feito!
Qto a mim, simplesmente não leio nada q o "Marcelo Mello" ou o "Fabio Henrique" escrevem e pronto.

renpmelo disse...

Eu achei bastante criativo e engraçado o adesivo, desculpem mas eu compraria :-)

Cristina Martins disse...

Don't feed the Trolls!
(Gente!, ignora! Só isso:
I G N O R A

RavenClaw~ disse...

Pois é Sara. O Lolita eu conheço. Não duvido que aconteça pq neh? Mas é mais inverossímil. Mas o que essa moça contou. Minha nossa. Deveria deixar qualquer um morto de raiva. Mas parece que tem gente q curte.

RavenClaw~ disse...

Fábio o qvc quis dizer então é que pq somos prostitutas, funkeiras, "facinhas" pra gringo, merecemos estupro, tortura e morte? Ahhhnnnnn legal vc hein?

Sara disse...

Gostava mais do dig din antigo, esse pelo menos me lembrava quando eu devia retocar meu botox kkkk, agora esses malcriados da vovó de agora, são verdadeiras metralhadoras de imbecilidades.
E olha marcelo vc mexeu com meus brios me chamando de traveco, como disse a Julinha que afronta, tb perdi o sono.

Cristina Martins disse...

Gente, na boa, na boa MESMO:
Vamos ignorar os Mascus Trollanders!
Assim, começou a ler a caixa de comentários, detectou um cometários MascuTroll, para de ler na hora! E ignora! Vamos nos ater ao CONTEÚDO DO POST! Que, aliás, é muito bom!
Eu, particularmente, achei CHOCANTE esse adesivo! O impacto que uma imagem tem sobre a mente humana é indiscutível e nesse caso em particular é uma imagem que tem, literalmente, uma grande visibilidade e circulação: trata-se de uma imagem colada em um automóvel ... A imagem de uma mulher totalmente subjugada sendo levada para o abate. Não me refiro ao ato sexual como abate, mas à VIOLÊNCIA SEXUAL. Eu não conhecia o adesivo, isso eve estar circulando muito pelo Facebook, mas, como estou há meses (e nem pretendo voltar ...) fora do Face, ainda não tinha visto.

La Mamacita disse...

Gente, eu sou a mãe da Lola e estou desolada porque não consegui deletar os trols como a Lola pediu. Não sou muito boa no pc e não sei por que não consigo entrar no escreva Lola escreva, com todas as instruções que a Lola deu. Vocês me desculpem, por favor. Estou nauseada com os comentários, esses caras são detestáveis. Obrigada pessoal, pela paciência. La Mamacita,

Sara disse...

marcelo xaropeta, vc pegou o bonde andando, se conhecesse esse blog saberia que não sou de esquerda, sei q ha muitas feministas alinhadas a essa ideologia, eu as respeito mas não faço parte, mas acho q o estado tem q punir SIM quem pratica o ódio.
Acho tb q vc esta com saudades da cadeia, (sabe-se lá pq, né???) e é pra lá q deve voltar.

Sara disse...

Marcelinho minha vida é bem movimentada e emocionante, mas a sua imaginação não fica atrás heimm??
Q mente fértil e criativa a sua, transborda ignorância e idiotices mil.
Mas não vou te tirar de seus devaneios, continue imaginando minhas aventuras por ai.

Jose disse...

Se fosse um homem amarrado, tudo bem.

Anônimo disse...

Vendo essas fotos me chocou muito. Lembrei de quando um tarado me estuprou e me amarrou. A foto da mulher cobrindo o rosto representando o quanto ela se envergonha de estar ali. É ultrajante e ainda tem gente que diz que é humorístico. Porque não colocou ela dirigindo? tinha que ser algo brutal? Um país em que crimes contra a mulher é de extrema bárbarie fazem esse tipo de propaganda. Não gostei.

LOVE GOTIC disse...

esse Fábio é minhgau mesmo, pois o cérebro dele não passa de uma sopa de pedra. Quanta ignorancia num homem só. Ele é tão ignorante que até o outro intolerante o chamou de idiota. Se enxerga Fábio mingau. Esses homens querem falar mal de mulher se nem ao menos se dão a honra de nos conhecer. Mulher não gosta de homem violento seus babacas se por ventura alguma se relaciona com um bandido não é porque ele é bandido é porque ele esta a tratando bem, seja pouco , mas tem algo de bom nele que faz a mulher querer estar com ele. Agora uns ridículos que nem vocês querem generalizar? Não nos intimida a brutalidade de vocês podem xingar, esperniar ou até mesmo adesivar minha foto toda surrada ou estrupiada ainda assim não abro mão do feminismo. Sou mulher me dou a esse luxo ok?

Anônimo disse...

Marcelo Mello, que vídeo de bosta, fiz questão de dar negativo. Se você não gosta de mulher, fio, o problema é seu. E a mulher que aguentar você tem que receber uma estatueta de burrice!
Quer falar sobre aparência? OH, Meu Deus, você é um deus grego! Fala sério. Você tem uma cara amassada e seu nariz parece um pinto. Feliz?
Lola, eu não sei como você aguenta esses mascus de merda.

-Lily

Anônimo disse...

Quem são esses mascu-trolls pra exigirem tanto beleza física e julgar tanto a aparência dos outros, eles não se enxergam não é? Que vergonha alheia! Mascus tribufus e retardados.

ThiagoE disse...

Eu considero esse adesivo como apologia á violência, principalmente por ele não ter nenhuma referência ou conscientização. A mensagem principal é a violência, não adianta tentar depois contextualizar que não vai passar de eufemismos.

O mesmo acontece com o cantar "vou cortar sua pica" de outro post.

Bom momento para alguns repensarem as posições extremas dentro ou fora do feminismo.

Anônimo disse...

À todos os mascus e suas opiniões:
Nobody Yes Door! [Ninguém Sim Porta] Eles falam de aparência como se fossem deuses.
O fato é que se fosse homem, todos iam se manifestar e achar horrível. Inclusive as feministas, o contrário do que os mascus afirmam, que feministas não se importam com homens. Como é mulher, aí pode. E depois dizem que feminismo é o contrário do machismo!
Eu me importo sim com os homens... Homens. Homens MACHISTAS, eu sinto muito, mas não, eu não me importo com o que aconteça com eles. Que morram. Por quê eu iria gostar de alguém que quer me oprimir?

Não sei se essa é atitude correta de uma feminista, mas simplesmente não consigo sentir nenhuma pena caso um estuprador é estuprado na cadeia. Até torço por isso. Tenho uma amiga que passou por isso [Ela é GORDA, o que comprova a teoria que nem só mulher 'dentro do padrão' é estuprada, pode acontecer com qualquer uma] e tenho ódio profundo desses nojentos! Vê-la passar por isso realmente mexeu comigo, e por isso, na minha visão, nada mais justo que o agressor experimentar o que ele causou.

Anna

Anônimo disse...

Imaginem se essa ideia de adesivo pega e os canalhas fazem adesivos de suas vítimas? Mulher estuprada, espancada, morta e humilhada? Se bem que não falta muito para isso acontecer tem uns monstros que filmam o estupro e as surras . E tem filmes grotescos. Vi uma completa insanidade no filme DOCE VINGANÇA 2. A mulher nua, acorrentada sofrendo múltiplos abusos e ainda tem um ridículo que a tortura com choques . É de chorar. Tem gente que pega as ideias para si . Agora fazer adesivo duma funcionária naquela situação amarrada visando lucro é muita bestialidade. Por quê este imbecil não colocou a foto dele?

Anônimo disse...

Esses criminosos não escolhem padrão. Essa história de que estupram só as bonitas e atraentes é uma piada. Basta ser mulher que já aparece um para assediar, olhar o decote, falar uma coisinha.

Liv disse...

Lola, perdoe-me de novo pelo "off-topic". Apesar de leitora assídua, ainda não lia o blog em 2011, não conhecia os mascus por nome. Uma coisa foi levando à outra, estava vendo uma entrevista sua no YT, que você fala do massacre do Realengo, achei seu post no blog sobre aquela época...
:(
Estou chocada.
Eu achando que eram moleques bobos que comentavam aqui, que dava até pra argumentar com eles.

Mas os 'masculinistas' são seres da pior espécie. Dá vontade de desistir de viver depois de saber de tudo isso.