domingo, 19 de agosto de 2012

JÁ OUVIU FALAR DO MEU LIVRINHO?

Faz um tempão (duas semanas) que não imploro pra que você compre meu livro. E, se eu não falo dele, você esquece e não compra mesmo. Em julho, quando comecei a anunciá-lo, vendi 115 exemplares. Mas este mês de agosto tá devagar, quase parando: só treze até agora. Portanto, tenho um montão de livro pra vender ainda. Mais de sessenta! Mas a galera é muito otimista, e quase todo email que recebo ultimamente supõe que já vendi tudinho.
Vou incluir algumas fotos e depoimentos de leitoras e leitores que compraram o livro pra ver se te inspiro.
 
Da famosa escritora Clara Averbuck: “eu gosto muito dos seus textos e acho a sua atuação FUNDAMENTAL, especialmente para as meninas mais novas que acham que não precisa mais existir feminismo. aprendo muito com você, de verdade.”

Do José Tarcísio, que cursa mestrado em Física na Europa e já escreveu este primoroso guest post: “Li em um dia e adorei a leitura, a sua maneira de escrever é bem fluida e fez com que eu não tivesse vontade nenhuma de parar. Confesso que em alguns textos minha opinião é completamente divergente da sua e fiquei bem tentando a te enviar um e-mail pra discutir um pouco mais, mas acabei desistindo. Como você mesmo disse, você dá as suas opiniões sobre os filmes (e o faz de maneira magistral), e opiniões nem sempre são iguais. No mais só posso dizer que a leitura é muito prazerosa e não vejo a hora de você lançar outro livro pra poder ler.”
 
Da Rafinha, estudante de Artes Cênicas no Espírito Santo: “Sou apaixonada por cinema, muito mesmo, e sempre que posso leio seu blog, tanto os posts quanto as críticas. Quando vi a oportunidade de comprar seu livro de crônicas, fiquei empolgadíssima. Adoro o seu jeito de escrever, a leitura fica mais gostosa, interessante, divertida. Estou ainda no comecinho, pois estou lendo vários livros, além dos textos da facul, mas estou amando. E por amar artes, e principalmente cinema, através de seus textos, assumi uma postura mais crítica acerca daquilo que assisto. Isso me engradece muito, como pessoa e como profissional. É lógico que nas minhas leituras por aí, carrego meu noivo, Gabriel, para ler e discutir comigo. Aliás, foi ele quem comprou o livro para mim, pois sabe que sou sua fãzona. Super recomendo seu livro. COMPREM! COMPREM! COMPREM! Vale muito a pena!”
 
E pessoal de Fortaleza, não se esqueçam: dia 14 de setembro tá quase chegando. Marquem aí na sua agenda pra comparecer à noite de autógrafos na Livraria Cultura.
Domingo que vem devo ir pra Campinas, pra uma palestra numa escola e outra na Unicamp (o pessoal hiper querido da Unicamp já não deve me aguentar mais: será minha terceira vez lá), ambas na segunda-feira, dia 27/8. E agora fui convidada pra um seminário da ECA-USP para início de outubro. Claro que eu vou.
Pretendo levar alguns livrinhos pra vender nesses lugares de alto nível, mas é sempre muito corrido, e nem sempre dá pra escrever uma dedicatória bacana. Então recomendo que você compre seu exemplar pela internet mesmo. Todos os livros têm chegado, até os enviados por registro módico. Só um não foi entregue porque o carteiro foi até o apê da pessoa três vezes e não encontrou ninguém. Mas mesmo esse livro voltou pra mim e já o enviei novamente (agora o prédio tem porteiro).
Faço minhas as palavras da Rafinha: Comprem! Comprem! Comprem!

21 comentários:

sam disse...

E Lola, você não vinha pra Curitiba agora em agosto, não? :O

Anônimo disse...

Não esqueça de nos avisar a data exata do seminário na ECA-USP, por favor! :)

lola aronovich disse...

Pois é, fui convidada alguns meses atrás pela PUC-PR para uma palestra em Curitiba no segundo semestre, não lembro quando (era agosto?). Infelizmente, não conseguiram a verba para pagar passagem e hospedagem. Pelo jeito a mesma coisa vai acontecer com a FGV, que queria que eu fosse pra SP no início de setembro. Até agora, nenhum convite de universidade privada deu certo... Pena, porque eu queria muito ir pra Curitiba. Já deve ter 3 ou 4 anos que não piso aí.

LOVE MAKES A FAMILY disse...

Lola, acabei de ter enviar um e-mail para te pedir as coordenadas. Eu era uma leitora do blog que acreditava que você já tinha vendido tudo.

Bjs e estou no aguardo pra comprar esta semana,
A.!

Lidiane Dutra disse...

Estou aguardando o meu ansiosamente!

Marina Oliveira disse...

Olá, Lola! Creio que é a primeira vez que estou comentando no seu blog, apesar de acompanhá-lo já há um tempo... O meu comentário não tem muito a ver com o post, mas não sei se você ainda veria se eu o colocasse em algum post mais antigo. Bem, você deixa bem claro nos seus textos a tolerância quanto as diferenças no pensamento feminista e tal, de que se a pessoa se considera feminista, então ela o é, etc. Bom, numa reportagem que saiu na Veja, uma feminista e socióloga inglesa promulga umas ideias que me deixaram um tanto estarrecida e não entendi como tais ideias pudessem contribuir para melhorar a vida das mulheres. Na verdade, o único ponto de concordância entre o que ela dizia e o que leio sobre feminismo era a defesa de não ter problema em uma mulher não ter filhos. O resto, deu até asco. Confesso que me sinto um tanto relutante em enxergar a socióloga como feminista, já que, aparentemente, o único argumento dela para classificá-la como feminista é que ela sempre quis o melhor para as mulheres, o que me pareceu um tanto sexista. Será que você poderia ler a tal reportagem e fazer algum comentário sobre? Aqui está o link: http://veja.abril.com.br/noticia/ciencia/pesquisadora-faz-feminismo-as-avessas

Rose disse...

Sabia que meus pais até hoje riem de mim por causa da sua dedicatória? Pois é, eles falam: até a Lola já sabe que você é assim, ensimesmada e acha que sabemos o que está pensando rsrs
Mas quer saber? EU ADOREI cada palavra que disse (e eles também, mas eles são chatinhos)O livro é delicioso de ler, adorei mesmo Assisti alguns filmes só depois que li as críticas e olha que nem curto cinema.
Pessoas COMPREM o livro!Assim a Lola escreve outro logo :)

Jordana disse...

Meu coraçãozinho sempre bate mais acelerado quando vejo citação a Clara Averbuck por aí. divíssima <3

lola aronovich disse...

Lidiane, querida, o seu foi mandado na sexta. Esta semana deve chegar aí no Rio Grande.


Rose, manda uma foto sua com o livro, please! (seus pais bravos podem estar na foto).

lola aronovich disse...

Marina, sei de qual entrevista você está falando. Não escrevi sobre ela, mas a Laurinha escreveu um guest post.


Anônimo das 21:33, acho que o seminário na ECA-USP será dia 5 de outubro, mas não se preocupe que quando a data se aproximar, eu aviso.

jessica disse...

Poxa Lola, que legal...

Ja adorava a Clara Averbuck...agora entao adoro mais.

Fernanda disse...

Lola,
Te mandei um e-mail com minha foto com o livro. Demorei, eu sei. Mas ainda está em tempo, né? :)
Beijo!

Mihaelo disse...

Buenas Lola, o livro sem dúvida deve ser bom e para a maioria dos brasileiros é a unica maneira de ler todos os textos de um blog muito volumoso(visto que a internet 3G ou a fixa de 1MB são muito lentas e travam ou caem com frequência impossibilitando o uso por muitas horas), mas eu jamais compro livros por reembolso postal, é muito trabalhoso ter que ir ao CDD que fica bem longe de casa(2 ônibus), por isso prefiro sempre adquiri-los em feiras de livros, em congressos ou nos sebos ou briques das cidades que visito.Sempre anoto os livros que pretendo comprar e à medida que os vou encontrando ou tenha disponibilidade financeira os compro.

Bruno S disse...

Já comprei e li o livro faz um tempão.

O único problema do livro é que por ter uma formatação pouco convencional ele acaba ficando meio escondido na minha estante de livros.

De resto, recomendo a quem ainda não tem.

lola aronovich disse...

Mihaelo, este blog não cabe nem numa enciclopédia! São mais de 2600 posts não muito curtinhos. Mas no livro há várias das minhas mais divertidas crônicas de cinema. E vc não precisa comprar por reembolso postal. É só depositar ou transferir R$ 30 (ou R$ 26,30 por registro módico) pra minha conta no Banco do Brasil ou Santander e me mandar um email com seu endereço, o comprovante, e algumas linhas pra eu poder escrever uma dedicatória personalizada. Vc nem precisa sair de casa.


Bruno, é, o formato dele às vezes não é muito fácil de caber no envelope dos correios... Já peguei um lote de envelopes que era alguns cm menor que o normal e olha, foi um sufoco...

AleCarrijo disse...

Também aguardo ansiosamente pelo meu livro...bjs Lola

Anônimo disse...

Lola, mídia machista? Tá aqui, ó: http://g1.globo.com/pop-arte/cinema/noticia/2012/08/cadinho-da-vida-real-sergipano-administra-2-mulheres-ha-43-anos.html

Anônimo disse...

não há como saber com certeza se uma unica célula de um zigoto ja tem consciencia/alma

não há como saber se um feto de 8 meses anencéfalo tem consciencia/alma/vida

Assim como não da para provar cientificamente que eu mesma ou qualquer um de vcs tenha qualquer uma dessas coisas,pois a ciencia não tem uma definição para isso e muito menos testes precisos pra atestar isso

o fato de ninguém saber exatamente se um feto de poucos dias ou um feto anencefalo em qualquer estágio é vivo é,na verdade,um bom motivo para que NÃO abortar

Se vc não souber se uma arma esta carregad ou não vc a usaria para atirar em seu filho?ou então...se vc sabe que sua arma esta carregada vc a usa para atirar se vc não estiver vendo quem esta na sua frente?

A resposta para as 2 perguntas é não!!

Lilian Soares do Nascimento disse...

Oi Lola!! Te enviei um email de agradecimento pelo livro! Não sabia das fotos até ler esse texto. Acho que perdi alguma coisa... rs

Então resolvi enviar agora. Espero que possa contribuir! Sou aquela do porta retrato. Do presente surpresa, presente-tortura! To me remoendo aqui! hahaha

Parabéns pelo seu dom! Eu que também amo escrever admiro demais o seu talento!

Beijo!!

Somnia Carvalho disse...

Lolissima, infelizmente eu ando tão sem tempo para conseguir levar meu blog como devia e ler o seu como eu queria!

aqui vai o link do post que eu havia escrito em maio para divuglar seu livro e falar do nosso encontro que para mim foi quase mágico! serio!

um beijo enorme! escreve outros que eu compro!
http://borboletapequeninanasuecia.blogspot.com.br/2012/08/a-lola-somnia-e-historia-de-um-livro.html

AleCarrijo disse...

Lola querida...que surpresa deliciosa chegar em casa depois de um dia cheio e ser (auto) "presenteada" com seu livro...rs...chegou ontem mas o zelador só entregou hoje.
Enfim, adorei o formato, a capa, a dedicatória... e vou começar a ler hoje mesmo. Ah, e amadurecer a ideia de escrever um guest post!

Um abração
:-))