quinta-feira, 31 de maio de 2012

O PRECONCEITO NÃO TE DÁ ASAS

Gente, estou viajando direto. Direto mesmo. Agora serão três domingos consecutivos que viajo. E pego o que compram pra mim, sem grandes preferências: Gol, Tam, Azul, Avianca. E, até agora, na minha vida, nunca voei num avião pilotado por uma mulher. Tudo bem, é apenas minha experiência pessoal, mas algo me diz que ainda são pouquíssimas as pilotos mulheres.
Segundo o Sindicato Nacional dos Aeronautas, parece haver cerca de cem comandantes mulheres em voos brasileiros. Eu é que nunca dei sorte de voar com alguma. Mas teve um passageiro que, na semana passada, no aeroporto de Confins (BH), pelas linhas aéreas Trip, calhou de ser pilotado por uma mulher. E o que fez o grande mentecapto? Falou, em alto e mau tom, que se recusaria a voar com uma comandante, que se soubesse que a piloto era mulher, não teria embarcado, e que só iria voar porque precisava ir pra Palmas, onde vegeta.
Houve tumulto. O voo atrasou mais de uma hora. O sujeito foi pra frente fazer discurso. A boa notícia é que ele foi vaiado pelos demais passageiros. A notícia melhor ainda é que, como você já deve ter lido, ele foi expulso da aeronave.
Exagero? Não mesmo. Pense se, antes de sentar, um passageiro vê de soslaio que o piloto do avião é um negro. Aí o cliente começa a manifestar seu desagravo por ter que voar com um negro. Não seria racismo da pior espécie? O cara iria preso, porque, felizmente, racismo é crime no Brasil. Machismo, ainda não. Mas o princípio da discriminação é o mesmo.
Dias depois, a piloto Betânia Porto Pinto, que tem quase vinte anos de carreira, justificou sua decisão: determinou a retirada do passageiro por uma questão de segurança. “Se acontece qualquer coisa, uma rajada, se acontece uma turbulência, que ele sinta desconfortávele e entra em pânico, ele pode colocar um avião com 100 pessoas inteiro em pânico dentro da aeronave”. A polícia teve que ser chamada pra tirar o machista.
Já vi algo parecido acontecer. Em 2004, quando eu e o maridão fomos pra Moscou jogar um torneio de xadrez, no voo de Buenos Aires pra Paris, presenciamos uma situação inusitada. O voo da Air France já estava atrasado, mas os passageiros, a maior parte russos, estavam bem ativos. Alguns deles não queriam que o avião decolasse até que chegasse um amigo. Seguiu-se uma discussão acalorada entre o piloto francês, que saiu de sua cabine, e alguns russos. A gente não conseguiu acompanhar tudo, porque nosso francês não é fluente em barracos, e porque nosso russo é inexistente. Só sabemos que o piloto ordenou que aqueles passageiros se retirassem do avião. E eles se negaram. E ele chamou a polícia. E entraram dezenas de policiais franceses no avião (nem cabe um monte de policial naqueles corredores estreitos). E só depois de mais discussão entre a polícia e os russos é que os russos saíram e o avião decolou.
Passageiros exaltados podem ser perigosos num voo. Não precisa ser gênio pra entender isso. Mas acho que, no caso do machistóide, a questão de segurança é secundária. O cara deveria ser expulso por machismo explícito mesmo.
Um empresário que estava presente no voo de BH para Palmas disse que o passageiro “levou uma vaia e desceu tranquilo, sorridente, como se nada houvesse acontecido. Um preconceito que eu nunca vi igual”. O empresário não conhece os mascus.
Por falar neles, é óbvio ululante que eles deram toda razão ao machista. Disseram que era um absurdo mulher pilotando, que eles também se recusariam voar. Ameaçaram promover um boicote contra a Trip (boicote de meia dúzia de anônimos com avatar de superherói e que provavelmente nunca entraram num avião na vida. É, ia funcionar! De fato abalaria o mercado aéreo). Acham que esta é a prova de que vivemos numa ditadura matriarcal. Afinal, não podem nem mais se manifestar em paz, discriminando uma pessoa que está trabalhando...
Um mascu foi a um fórum de aviadores profissionais botar as asinhas de fora. Chegou carregado com toda a misoginia que lhe é peculiar e foi devidamente defenestrado. Palmas para os aviadores, que sabem que mulher dirige tão bem quanto homem. Por enquanto, elas são apenas 2% do total de pilotos. Mas o número tem crescido a cada ano. Gelson Fochesato, presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, diz: “Temos mulheres pilotas há mais de 40 anos. Nunca houve nenhum tipo de discriminação ou questionamento a respeito disso. Esse passageiro chegou de Marte ontem e não sabe o que está fazendo. Nem empresa aérea de mundo árabe tem esse tipo de coisa. Nós repudiamos essa postura e incentivamos que mulheres venham a somar na aviação brasileira".
É uma lástima que, em pleno século 21, ainda exista gente tão retrógrada a ponto de duvidar da capacidade profissional de uma mulher. Um dos vários comentários machistas de leitores em fóruns de jornais dizia: “Nem dirigir carro elas sabem direito....avião então, tô fora....devem se prostituir em pleno voo”. Por favor, alguma comandante dá uma carona de avião pra esse mascu e o joga lá de cima sem paráquedas? Grata.

119 comentários:

Hamanndah disse...

Querida Lola

Que bom ter a honra de ser a primeira a comentar!

Oh, meu Deus, o preconceito destes mascus é tão ridículo

Mesmo meu pai, que já morreu e nasceu em 30, defendeu a tese de mestrado dele baseado num trabalho feito pela matemática Amélie Noether, no século XIX

até o machista do meu tio me disse que não se importaria de viajar num avião pilotado por uma mulher, "contanto que ela não direcione o jato para o edifício do ex-marido", usando a ironia machista ridícula dele,mas mesmo ele, o homem mais machista da família, é menos machista que este passageiro de avião ridículo que merece uma passagem só de ida para o passado distante, onde ele, certamente, iria se sentir muito bem....podendo caçar mulher com pau, arrastar pelos cabelos, mas também teria que disputar com homens muito mais fortes

Parece até que o machismo também não é ruim para os próprios machistas...

bjs

Clara Morais disse...

Quequequeuqeuqueque,

Que coisaaa... Mas foi boa a reação do pessoal, no fantástico até apareceu um piloto da força aérea falando que eles têm muito orgulho das pilotas de lá... Ele deu uma risadinha de escárnio do barraquinho do cara ^^ Quem sabe assim o pessoal se convence de que machismo ainda existe, é foda, é absurdo, e, acima de tudo, é estapafúrdio de ridículo, hahaha.

isa disse...

lola, não sei se você chegou a ler essa noticia nos grandes portais...
o que mais chocava não era nem a reação do passageiro, mas sim a quantidade de ''rafinhas bastos'' nos comentários se achando o máximo com piadas do tipo ''OPA NÃO SABIA QUE FOGÃO VOAVA'' ou ''ESSE AVIÃO TINHA 4 OU 6 BOCAS????'' e similares... AOS MONTES... e com várias ''curtidas''.
fiquei pensando a que ponto chegou o ''humor'' por aqui pra acharem isso SUPER engraçadão sabe?!

Cris Chagas disse...

Adorei - como sempre - o post! kkkk
Tem horas que eu penso que vivo em outro mundo (graças a Deus!)... Ter gente que ainda pensa/age assim... pra mim é SURREAL. Mas o pior é que é mesmo bem real...

Parabéns pelo o blog! Sempre leio, mas acho q só postei comentário 1 vez.

abs

obs: estou começando um novo blog,pretendo compartilhar minha experiência enfrentando um câncer de mama, se quiser, "apareça":

http://dofundodopeito.blogspot.com.br

Sara disse...

Lola A D O R E I sua ultima frase, alias queria eu mesma jogar um desse pra se espatifar aqui embaixo.

Anônimo disse...

Há 2 anos e meio viajo 1 vez por mês (ida e volta com escala) e peguei um voo pilotado por mulher apenas uma vez, não lembro se foi da TAM ou da Trip. Pousou melhor que MUITO homem! Já peguei cada barbeiragem em pouso... aff.

Isabel SFF disse...

Também nunca voei com piloto mulher (até prq só peguei uns 2 vôos na minha vida), mas fiquei muito feliz pelo machistóide ter sido vaiado e expulso do avião. Que venham muitas outras reações contra o machismo.

Esse post me lembrou uma reportagem que li e que vai dar deixar machistóides e mascus se corroendo: http://extra.globo.com/noticias/rio/empresas-de-onibus-dao-preferencia-mulheres-ao-volante-5032368.html

Elisa disse...

Machismo é uma praga, os machistas acreditam mulher sempre é inferior, até nas profissões ditas " femininas" (chefe de cozinha, etc). A comandante fez o certo em retira-lo, e poderia ter feito muito mais.

Maria Valéria disse...

Toda vez que pego um vôo escuto gente falando se o piloto e barbeiro ou nao, fico rindo sozinha, porque nao entendo nada desse assunto,,.kkkk

Mas mudando o rumo da conversa, umas 4 ou 5 vezes já peguei taxista mulher, alguém daqui já teve a mesma experiência???
Achei muito legal,dirigiram bem, mas me senti meio estranha dado o inusitado da situação... Hehehe.parece que esta se tornando cada vez mais comum mulher taxista, o que eu nao via ate uns dez anos atras,

Anônimo disse...

Para o mundo que eu quero descer!

Se o mundo for pilotado por uma mulher capaz acabar em 2012 mesmo

Anônimo disse...

Fui em um vôo São Paulo - Londrina com uma comandante mulher na Gol e foi um vôo maravilhoso, super tranquilo. (neste fui como passageira).

Sou comissária e tenho boas noticias: cada vez mais mulheres fazem o curso de piloto, principalmente entre as comissárias, que já estão na aérea e recebem incentivo.

NORA PEIXOTO disse...

Lola, fato como este me deixa deprimida, arrasada pra mais da conta. TAnto esforço que fazemos para provar que somos capazes e um merdinha metido vira notícia com uma destas! É de chorar. Digo que isso acontece, parece-me pelas nossas bandas porque ainda não estamos civilizados e socializados o suficiente. Eu viajei duas vezes já, vôo internacional, com pilotas: uma era cia aérea holandeza, a outra era inglesa. Fiquei orgulhosa. Quase fui na cabine cumprimentá-la tão orgulhosa eu fiquei. E o mais emocionante: eram duas mulheronas altas, elegantes e de fechar as portas do comércio de tão bonitas. Arre! Vingança boa pra quem olhar com desconfiança!

Gabriele Albuquerque Silva disse...

Deprimente.

aiaiai disse...

adorei o post e o título é dos melhores!!!
Eu viajo muito e nunca peguei uma pilota ou nunca percebi.

Anônimo disse...

Eu tenho pena dos mascuzões de hoje em dia. Mulheres estão em maior número nas universidades, um infinito número de famílias são chefiadas por mulheres, nossa presidenta é mulher e a discriminação de gênero está prestes a virar crime. Só lhes resta chorar junto com seus amiguinhos do call of duty e pagarem de fortões na internet enquanto tomam o Toddynho que a vovó levou a eles com todo amor e carinho. E claro, masturbarem-se, porque que mulher hoje em dia aguenta um tipinho desses...

Anônimo disse...

Mas mudando o rumo da conversa, umas 4 ou 5 vezes já peguei taxista mulher, alguém daqui já teve a mesma experiência???

O que não falta é mulher taxista em São Paulo... taxista, motorista de ônibus, vans, caminhões... deixou de ser surpreendente pra todo mundo, eu acho.

Tem uma empresa de vans que contrata APENAS motoristas femininas.

Anônimo disse...

"Parece até que o machismo também não é ruim para os próprios machistas..."

Sem a menor dúvida que o machismo é horrivel também para os machistas, mas como eles são burros, não percebem isso e ficam perpetuando o inglório.

Não vejo A HORA da misoginia virar crime no Brasil, junto com qualquer outro discurso de ódio. Vai ser divertidíssimo.

Anônimo disse...

"...alguma comandante dá uma carona de avião pra esse mascu e o joga lá de cima sem paráquedas? Grata."

Barbaridade!

Depois os tais mascus é quem são os doentes.

Anônimo disse...

Tem que jogar mesmo, e jogar no mar ainda que é pra virar comida de camarão. Menos um merda no mundo é sempre uma coisa boa.

Anônimo disse...

uma coisa que me deixa "#chateada" é que o cara foi posto pra fora apenas por ter perturbado o vôo, e até aí trata-se de uma medida de segurança comum a qualquer companhia aérea do planeta.

quando que discursos machistas e misóginos passarão a ter o mesmo peso que uma acusação de racismo, por exemplo?

todo mundo leva o racismo a sério. Se eu sair por aí gritando que "pretos devem morrer" é fato que alguma coisa horrível acontecerá comigo em questão de minutos, mas se um cara sai gritando que mulheres são vadias, o que acontece? Nada, é capaz de ganhar uns tapinhas nas costas.

o "Papo de Homem" é um dos sites mais machistas do Brasil e ninguém tira eles do ar, por que será?

agora faço eu um blog "papo de mulher" nos mesmos moldes preconceituosos que os deles que a coisa não fica um mês online.

como lidar?

Ana disse...

Não é que eu não me indigne com os caras que acham que mulher não pode pilotar, mas é que esse pensamento é tão descaradamente patético (sério, quem leva uma conversa dessas a sério hoje em dia?), que eu quase dou de ombros.

Tipo, filinho, você é muito BURRO. E tá alardeando isso pra todo mundo, achando que tá fazendo grande coisa. É de rir... Só pra avisar, todo mundo te acha ridículo #FICADICA :D

O princípio vale pros dois lados. Dizer que existe 'coisa de mulher' e 'coisa de homem' e que um gênero não pode fazer isso ou aquilo é bobagem. Então se me aparece mulher dizendo que homem não pode fazer atividade A ou B tão bem como uma mulher só pq é XY, eu acho tão ridículo quanto um machista falando. Sabe quando você não tem certeza se chora de rir ou de desgosto? Poisé.

Anônimo disse...

tenho 2 pilotos na família e sei que até passageiros meio exaltados de pileque são impedidos de voar exatamente por conta de segurança da maioria.

pois bem. se eles não aceitam voar com mulheres, deviam deixar claro que não aceitariam sangue de mulheres em caso de necessidade de doação, não aceitariam ser operados por mulheres, não aceitariam grana de impostos gerada pela renda de mulheres e por aí vai. como já disseram, é tão ridículo, mas tão idiota e infantilóide!

sabe, qdo o calo aperta, qdo eles são forçados a crescer e ter vida de adulto, aí as coisas mudam um pouco. continuam machistas e idiotas, mas percebem que não conseguem se isolar do resto da humanidade.

queria ver como é a vida de um mascu de 70 anos. eles existem? ou crescem antes? conseguem viver sem mulher e odiando gays do mesmo jeito? viram anjos, já que são assexuados?

Anônimo disse...

13:36 - pelo menos alguém teve prazer nessa história, né, mascuzinho? e não foi vc!

Sil Teixeira disse...

Anônimo das 13:36,

Você não teve ter NENHUMA noção de quanto a aviação no nosso país é difícil. Já é extremamente difícil para um homem sem grandes condições financeiras ingressar na carreira de piloto, imagine uma mulher tendo que provar todos os dias que ela "merece" estar nesse posto.

Primeiro que não é uma profissão popular entre as mulheres, então as mulheres que querem seguir carreira na aviação tem PAIXÃO pelo o que fazem e estudam muito, muito mesmo. Você pensa que é igual tirar carteira de motorista? Não.

Outra coisa, o seguro de carro para mulher tem um valor mais baixo do que comparado ao dos homens, sabe por quê? Como diz meu namorado "homem acha que carro é a extensão do pinto". Vendo por esse ponto seria até MAIS SEGURO voar com uma mulher pilotando.

Fer Tiberio disse...

Ah é pra rir mesmo!?

Isso me lembra de uma imagem que vi no facebook algumas vezes. Uma foto de uma astronauta mulher com os dizeres (em ingles) "Mulher astronauta, porque os sanduíches não vão se fazer sozinhos lá em cima".

Embora de tanta raiva a gente ria (eu tb ri!), é revoltante ver idéias como essa sendo espalhadas por aí!

Giulia disse...

Ô anônimo ai de cima, deixa eu te dizer uma coisa: Eu confiaria plenamente em um avião pilotado por uma mulher, porque sei que deve ter sido bem mais dificil pra ela chegar onde chegou do que para um homem. Para conquistar espaço em um meio machista, ela deve ter o dobro de capacidade do que um piloto normal.

Camila Fernandes disse...

Eu também nunca viajei em um avião pilotado por uma mulher, mas não fiz tantas viagens assim.

Quanto a motoristas de táxis, o número de mulheres tem crescido, também. E espero que continue crescendo já que, pelo menos aqui em Minas, esse serviço anda em falta - e nem estamos falando das necessidades para a alardeada Copa, mas para o consumo médio da capital. Tem aumentado também o número de motoristas do sexo femino em ônibus urbanos e de viagem. Aí eu notei no dia-a-dia mesmo, já que ando bem mais de ônibus que de avião. rs

Falando nisso, a última viagem que eu fiz tinha dois comissários de bordo e uma comissária. A equipe era ótima. @s três muito educados, profissionais e pacientes. Os passageiros foram muito bem atendidos, pelo que eu observei. E era carnaval, o avião estava lotado, cheio de crianças muito fofas que não paravam quietas, rs. Tinha até dois passageiros em cadeiras de rodas.
Comissári@ de bordo, pelo que eu vejo - e os filmes holywoodianos reforçam isso - é uma profissão predominantemente feminina. É legal ver que, assim como no exemplo do post, essas barreiras estão sendo ultrapassadas.

Off: ainda no meu exercício de usar o @, Lola, seguindo seus conselhos do post anterior sobre isso.

Anônimo disse...

ai, gente, nem dá pra argumentar com mascu. eu tenho pena desses seres bobinhos. a vida vai tomando conta. não é pra gente levar a sério comentários como o dele. não alimentem os animais e vamos discutir outras coisas aqui.

Camila Fernandes disse...

E que notícia horrorosa era aquela no Twitter, Lola, do menino que sofreu violência na escola por ser bailarino? Eu acho a dança uma arte tão linda, teria o maior orgulho se um filho meu quisesse seguir essa carreira, ainda mais demonstrando paixão desde pequeno. Não consigo conceber tamanha ignorância por parte das pessoas - todos: alunos e seus pais, professores, a direção.

Anônimo disse...

Cadê alguma prova que masculinistas apoiaram o cara?

Não tem vergonha de mentir não? Como que alguém que diz ter um phd age dessa forma?

Carol disse...

Já peguei avião pilotado por mulher, uma vez só. Da Tam. Já peguei taxistas mulheres também. Normal. Mas às vezes a gente percebe como o machismo está grudado na gente, mesmo pensando muito sobre isso. Há umas duas semanas, nos Estados Unidos, peguei uma van que saía do aeroporto e passava nos hotéis da cidade. A van era guiada por uma moça, mas foi um homem que colocou minha mala no porta malas. Na hora de descer no hotel, acabei achando estranho o fato de ser uma moça a descarregar a mala (e ela era petite), então tirei minha mala eu mesma (sou bem grandinha). Se fosse um homem menor do que eu (não é tão difícil), eu provavelmente não teria tirado minha própria mala.

Babi Dayrell disse...

Tenho muito orgulho em saber que a primeira pilotA de Uberlândia, cidade onde morei a maior parte da minha vida, foi a mae de uma das melhores amigas da minha mae. Acho o máximo! E isso ha muuuitos anos, hein, a senhora ja tem os seus 80 anos! E pensar que até hoje temos que aguentar esse tipo de comentários irracionais como o desse infeliz...

Anônimo disse...

carol, isso é engraçado. eu sou mulher e mais alta e mais forte que muito cara que eu conheço. aí muitos ainda insistem em me "ajudar" sendo que eu não preciso de ajuda! claro que gentileza é uma coisa, mas, se eu tô bem, tô carregando tudo direitinho... por que eu teria que ter um homem pra carregar pra mim? os caras ficam meio desnorteados.

mas eu mesma ajudo outras mulheres (ontem mesmo ajudei uma menina que não tava conseguindo abrir um negócio)e até homens, por que não, né? uma vez um ajuda aqui, outra vez eu ajudo ali...

yulia2 disse...

esse salci fufu

yulia2 disse...

faço votos de que essa besta tenha tomado umas cacetadas na salinha do aeroporto. otário.

Becx disse...

" boicote de meia dúzia de anônimos com avatar de super herói" lol a Lola me mata de rir! Amo demais, abraço a todos!

Anônimo disse...

becx, eles vivem num mundo à parte. realidade ali passou longe.

Yssy disse...

Meu, os fóruns dos portais de notícia são muito assustadores. Os comentários para essa notícia me chocaram muito, até no avião o imbecil foi vaiado, mas no anonimato da Internet muita gente colocou as asinhas de fora e saiu vomitando comentários machistas e toscos.
No momento, os comentários que estão me chocando são os relacionados ao bloqueio de imagens no Facebook de mulheres sem blusa na Marcha das Vadias. A quantidade de pessoas (homens e mulheres) soltando absurdos como "com os peitos caídos desse jeito tem que esconder mesmo", ou "vai pôr silicone antes de tirar a blusa" me enoja.
A vantagem é que esse tipo de coisa escancara - para aqueles que querem ver, claro - o mundo machista em que a gente ainda vive, e como o feminismo não só se justifica, mas é uma necessidade urgente e imensa na vida de tod@s nós!

lola aronovich disse...

Oi, mascu anônimo! Vc perguntou: “Cadê alguma prova que masculinistas apoiaram o cara? Não tem vergonha de mentir não? Como que alguém que diz ter um phd age dessa forma?”
Bom, só um exemplinho rápido. Um tweet de um mascu (ou não é mascu? Ninguém é mascu, aí fica difícil provar, né? Mas o cara aparece no Homens Realistas, nos printscreens que ocasionalmente me são enviados), retuitado por um dos administradores de um dos fórum, o Arlindaoviril! Não sei... pregar boicote contra a empresa que expulsou o machistóide não soa como apoio ao machistóide pra vc? (desculpe se há muitas palavras nesta frase).
Eu não minto, filho. E eu “não digo ter um phd”... eu tenho um phd! Agora vai tomar seu Toddynho com calmante.

Teofilo Tostes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

lola, acabei de receber no tumblr:

"Playing the woman game, the game of artifice and self-annihilation, is serious business".

http://thenewinquiry.com/essays/model-behavior/

Anônimo disse...

"arlindão viril". hahahahha. eu morro de rir.

Anônimo disse...

"desculpe se há muitas palavras nesta frase" Não faz isso Lola, vou ficar sem ar de tanto rir kkkkkkkkk

Anônimo disse...

o arlindão viril faz sucesso com as feminazis, rsrsrsrs, deve fazer parte dos seus sonhos eroticos,
onde ele depila seus suvacos cabeludos kkkkkkkkkk

Luiza disse...

Ainda acho que é Arlinda, o viril.

*mija de tanto rir*

Anônimo disse...

luiza - HAHAHAHAHAHAHAHHAH, morri!

lola aronovich disse...

Te asseguro, mascutroll, que nenhum mascu faz parte dos sonhos eróticos de feministas. É meio o contrário, entende? Pensar em mascu é bem brochante. E me diga, o Arlindaoviril deplila o sovaco cabeludo dele?


Outro mascutroll que eu deletei, e que disse: “Lola, então a frase de um indivíduo é suficiente para caracterizar a imagem de um movimento? […] Pior ainda, um pedido de boicote não é nem perto um pedido para demitir a comandante”.
Uau, eu não sabia que vcs mascus tinham um movimento! Vcs mesmos vivem dizendo que não existe masculinismo no Brasil... Ninguém é mascu, todo mundo se ofende ao ser chamado de mascu. E sério que não rolou nenhum tópico nos fóruns mascus falando que o passageiro machista é um exemplo e que vcs também não voariam com comandantes mulheres e que homens honrados que são deveriam boicotar a Trip? A psicopatia de vcs é tamanha que vc falou em “demitir a comandante”! Desculpe, nem tinha pensado nisso. Não posso acreditar que, além de defenderem um passageiro machista (que tenho certeza absoluta que vcs fizeram), vcs pensaram em pedir a Trip para DEMITIR A PILOTO! Por favor, façam isso. E me mandem uma cópia da carta que mandar a Trip.

Anônimo disse...

misandria? eu adoro o blog da lola e adoro homens! mas HOMENS, com caps lock mesmo. pq mascuzinho tá longe de ser homem. que dó que eu tenho desses guris que nunca vão crescer pra saber como é ser homem.

Anônimo disse...

17:01 - censura? isso é um blog. blogs são coisas pessoais. ela deixa aqui o que considera saudável numa duscussão. mesmo que a pessoa não concorde com alguma ideia, a discussão é saudável. ódio, preconceito e afins não acrescentam nada.

Anônimo disse...

17:03 - tá bem inteirado do que um "homem feminista" faz. eu tbem gosto muito. e nem todos se depilam, tá? me apresenta aí alguns qeu vc conhece.

Anônimo disse...

17:09 - faça um blog e poste tudo qeu vc quiser nele. blogs são coisas pessoais. ela deixa aqui o que ela achar que deve. censura seria proibir vc de se expressar. existem vários meios de vc se expressar. faça um blog vc tbem! esse seu argumento de censura tá me dando vergonha alheia.

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkktomando ar kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Merini disse...

Como a Ana disse (http://escrevalolaescreva.blogspot.com/2012/05/o-preconceito-nao-te-da-asas.html?showComment=1338480814370#c5484572668161347730) sempre existe aquele povo que conceitua as coisas como coisas de meninos e coisas de meninas. Inclusive existem livros infanto-juvenis que apontam claramente essas diferenças. Enquanto não mudarmos o que ensinamos aos nossos filhos, sobrinhos, netos, temo que as coisas tendem a piorar. Infelizmente, o pensamento machista está tão enraizado em alguns mascus que eu sinto ser impossível mudar o modo 'operandis' deles. Espero mesmo que a nossa sociedade mude e perceba que as mulheres tem capacidade para muitas coisas e se não fossem as mulheres não existiria ninguém nesse mundo. Afinal, acredito que ninguém aqui nasceu por brotamento ou cissiparidade, muito menos os mascus.

Iara disse...

Eu nunca parei para pensar nisso, quem pilota ou não um avião .Em geral me preocupa mais o tempo e a previsão.
Mas se eu estivesse nesse voo, eu teria dado muita risada.Porque chegamos a um ponto do machismo que sua falta de conteudo começa a ser engraçada.
O cara foi lá na frente e não disse nada , apenas rosnou algumas coisas, sem fundamento, sem argumento,é impressionante como o discurso machista é vazio e sem sentido.
De qualquer jeito deveria ter saido sim algemado, sem direito a fiança e demostraçoes públicas de machismo deveriam ser consideradas pela lei como incitação ao crime.
Agora sair dando risada deveria ser considerado desacato a lei,assim de grão em grão,o sujeito ia pegar uns meses de cadeia.Mas enfim, eu aqui de novo sonhando.

Anônimo disse...

iara, é sonhando que a gente chega lá. e, sim, esses machistinhas são ridículos. eu só não relaxaria e ficaria rindo enqto como pipoca pq, infelizmente, são tão alucinados que muitas vezes matam.

Scandella disse...

Anon das 17:09... Seja sincero, você não quis dizer "Fico impressionado com a quantidade de 'afirmações' aceitas pelos freqüentadores do site.", você quis dizer "Fico impressionado com a quantidade de pessoas que simplesmente não concordam comigo, apesar de me achar absolutamente correto".

fabio disse...

eu queria ver se este demente estivesse numa mesa de cirurgia, a a unica cirurgiã fosse mulher, se ele levantaria segurando as tripas e iria embora, sociedade sexista e foda, como se todos nos homens e mulheres não fossemos a mesma especie.

-
parabens as forças armadas brasileiras, ( da qual fiz parte com orgulho 2°BPE) que estão mudando sua mentalidade, e recrutando não somente nossos homens honrados, mas tambem nossas mulheres honradas, somos todos brasileiros, com direitos e DEVERES iguais, BRASIL ACIMA DE TUDO, ABAIXO SOMENTE DE DEUS

Cláudio disse...

Foi um absurdo o comportamento desse cara, porém eu também não embarcaria por questão de bom senso e lógica, se maioria dos acidentes de carro que seja uma motorista, é ocasionado com o veículo andando devagar ou até estacionando, imagina uma mulher com um avião que vai a trocentos quilômetros por hora?

Este indivíduo poderia apenas não embarcar e não fazer todo este barulho, eu entraria na aeronave e quando visse a mulher, perguntaria: "É tu que vai pilotar?", ela respondendo sim, eu inventaria uma dor forte no peito e não embarcaria.

Anônimo disse...

maria valéria, peguei uma taxista mulher uma vez qdo morei em sp. ela percebeu que eu ia e voltava de táxi todos os dias e foi uma fofa: qdo a gente tava perto do flat onde morei, ela disse "vc só vai pagar até aqui. agora vou te mostrar onde fazer compras, onde pegar ônibus e qual ônibus pegar". sério, uma fofa, uma gracinha!

deve ter um monte, mas aqui onde moro uso carro e nunca reparei em quem dirige táxis. mas deve ter. e, qdo entrei no carro dela, não me surpreendeu o fato de ela ser mulher.

Anônimo disse...

"porque a Lola saiu deletando tudo nunca saberemos"

hahaha, que dó. vai chorar no cantinho?

Ana disse...

Anônimo 14:18,

Desculpa, mas chegar aqui e tascar um 'tem vergonha de mentir não?' é discutir polidamente?

Sinceramente agora, pelo teu jeito de escrever (que apesar de agressivo é muito melhor do o que a gente costuma receber dos mascus) suspeito que você esteja tentando defender uma causa séria de verdade. Até porque, pelo que entendi, você NÃO é simpático ao cara que acha que mulher não pode pilotar (ou é? :O).

Mas mesmo que sua inteção seja boa, não te expressastes muito bem, não. Se você não tivesse sido tão... seco, talvez fosse mais fácil ouvir o que você tem pra falar. Pensa o seguinte, chegar jogando pedra pra defender o masculinismo não deixa boas impressões, pq a gente tá cansado de ver isso acontecendo aqui... Desse jeito você parece só outro masculinista maluco ._.

Olha, tenho notado um aumento de caras que vem aqui pra defender o masculinismo, e dizer que aquele punhado de loucos horrendos que a gente conhece não representa o movimento. Esses costumam ser mais educados e eu até acho o argumento válido, pq realmente tem feminista que fala besteira, por exemplo (isso não dá pra negar, todo movimento tem uns doidos). Mas se for esse o caso, o masculinismo tem uma grande pedra no sapato, porque os mascus doidos que ficam falando barbaridades tomaram conta de representação do grupo. Se o masculinismo sério existe, acho que precisa se organizar, começar a aparecer e divulgar a parte positiva do movimento. No pé que as coisas estão hoje fica bem difícil dar crédito a qualquer um que se intitule mascu (principalmente se já chega atirando pedra). Pq logo vem à cabeça o monte de coisas horrorosas que já fizeram a gente engolir.

Fato é que a Lola NÃO inventa NADA do que ela diz, a gente tá cansado de ser agredido por masculinistas completamente alienados. Acho totalmente válido ter pé atrás :\

E... espero que meu texto não soe muito autoritário. A gente tá bem acostumado com o povo que chega querendo ditar como a gente deve guiar com o movimento feminista, e juro (JURO, Anonimo) que não quero fazer isso com você(s). Não é essa a intenção. Eu to tentando ajudar, acho que se tem masculinistas aí que são diferentes dos loucos que a gente conhece, então eles precisam aparecer. Porque até agora o movimento só mostrou sua face ruim.

E pessoas, vou deixar claro que não estou manifestando simpatia aos mascus malucos. Só suspeito que pode haver um movimento sério perdido aí em algum lugar (não custa sonhar!). E se ele existir, quero mais é que ganhe espaço( e espero que seja útil pra discutir igualdade de gênero e o prejuízo que machismo traz a todos). Só isso. Pensei que talvez esse cara só precisasse de um toque (Sério, 'não tem vergonha de mentir não?' não ajudou a tua causa :/ E o negócio do PhD foi bem ruim também).

Ah é, e usar um nome facilitaria muito as coisas :D

Anônimo disse...

"bom senso e lógica", ah é? sua lógica e seu bom senso, né, cláudio? troféu joinha pra vc.

fabio disse...

deve ter um monte, mas aqui onde moro uso carro e nunca reparei em quem dirige táxis. mas deve ter. e, qdo entrei no carro dela, não me surpreendeu o fato de ela ser mulher.

-
e nem deve ficar surpresa, e um trabalho, não uma afirmação sexual de genero, o trabalho dignifica o homem e a mulher...
..e dividir a conta de vez em quando tambem, kkkk

Anônimo disse...

"e dividir a conta de vez em quando tambem, kkkk"

não acho isso engraçado.

Ana disse...

Ai, o comentário era pro cara das 14 E OITO! Ops.

Ah é, eu cheguei a ver o comentário do cara que disse que boicote não era nem de perto pedir pra demitir. Um tremendo tiro no pé, pq QUALQUER TIPO de apoio ao maluco do post é ruim, beeem ruim. Tanto boicote quanto pedir pra demitir a piloto são coisas absurdas, não vejo diferença nenhuma aí. Viu só, não dá pra levar a sério alguém que diga isso!!!

E sobre meu último comment, que eu fiquei roendo as unhas pensando se postava ou não, talvez valha lembrar que não sou só eu que adoraria conhecer um masculinismo sério, diferente da maluquice que a gente costuma ver. A Lola mesmo vive falando das causas que o masculinismo podia defender e como ele poderia ser útil (podia falar da paranóia ridícula que alguns tem com o exame de câncer de próstata, por exemplo).

lola aronovich disse...

Não acredito que eu, ocupadíssima, vou fazer isso, mas como tem um mascutroll muito carente por aqui hoje (e como não tenho os bons modos que a Ana), lá vai. Vou colocar aqui todos os comentários do escrotossauro (ele se considera polido) que eu deletei, na íntegra (os outros anteriores a esse não foram deletados):
Coment.1 “Lola, então a frase de um indivíduo é suficiente para caracterizar a imagem de um movimento? Você entende que isso deveria ser válido para outros grupos, como feministas. Mas feminista que fala besteira não é feminista certo? Pior ainda, um pedido de boicote não é nem perto um pedido para demitir a comandante. Se você tem um Phd deveria agir de forma mais correta. Fico impressionado com essas opiniões ofensivas, com um posicionamento irredutível ao não admitir qualquer possibilidade que possa estremecer sua ideologia. Digo isso porque faço mestrado em economia aqui na UFSC e pela qualidade da universidade imaginava que saíam pessoas melhores daqui.”
Coment.2 “Que coisa, outra temporada de censura. Basta vir um argumento lógico e essa Lola não aguenta e como você disse que recebe print screens, fica salvo o que tentei discutir polidamente. Tentarei levar seu site para as pessoas da pós graduação em literatura aqui pela UFSC. Até o momento as mulheres do mestrado com quem conversei ficaram impressionadas com a sua falta controle com tantas afirmações com poucas provas (algo que alguém com Phd deveria estar acostumado a evitar). Vamos ver o que falarão no doutorado.”
Coment. 3“Lola, Deletando os comentário você pode dizer o que quiser e as pessoas não vão poder conferir, típica estratégia de censura e ditadura. Não volta nas minhas palavras, tenho o printiscreen e não disse quaisquer besteiras nas quais você insiste. Eu não me ofendo de ser chamado de masculinista, mas da mesmo forma que ofereço respeito de chamar de feminista em vez de feminazi, imaginaria que seria recíproco em vez de ser chamado de mascu. Só mostra como seu Phd não agregou nada para você como pessoa”.
Coment. 4“Anonimo 17:04, a Lola responde posts que ela deletou, então você não sabe o que estava escrito. Como você pode saber se a resposta dela faz algum sentido sequer? Tudo que postei está longe de ser ofensivo, tenho os printscreens pra mostrar. Controle de informação é censura, que ela diga então que a discussão não é livre nem democrática então. Porém fica a pergunta, como idéias podem ser discutidas se tem um controle contra qualquer oposição logicamente fundamentada?”
Coment. 5“Anonimo 17:09, entendo. Duas coisas então: 1- pede pra ela retirar "Apareça sempre e sinta-se em casa." então. 2- Espero que você perceba uma grande quantidade de desinformação que esse site traz. Fico impressionado com a quantidade de "afirmações" aceitas pelos freqüentadores do site. Me envergonho de pessoas com alto nível de educação realizarem esse tipo de coisa.”

lola aronovich disse...

Então, mascutroll, e é a última vez que me dirijo a vc, porque realmente tenho mais o que fazer, é o seguinte: não, vc não tem liberdade pra vir aqui me insultar (“vc diz que é phd”, “você mente”, “[vc tem] falta de controle” etc etc). O “apareça sempre e sinta-se em casa” obviamente não se refere a trolls como vc. Vcs já têm bastante espaço pra falar as besteiras de vcs em lugares apropriados (blogs e fóruns mascus). Acredite, vir num blog feminista querer convencer alguém de que vcs não são completamente doentes é um pouco difícil e improdutivo. Falar com mascus é improdutivo porque, pra começar, NINGUÉM SE ASSUME MASCU. Vc vem aqui defender um “movimento”, e nem assim tem a coragem de dizer ser masculinista. Pelo contrário, se ofende ao ser visto assim.
Volte lá pras pós-graduandas em lit aí na UFSC e mostre os ideais que vc defende. Sério, fale na cara mesmo, sem rodeios. E aí me avise se elas acharem que, de fato, o masculinismo tem ótimas ideias.
Agora que vc já recebeu sua cotinha de atenção, SUMA. Seus comentários serão todos deletados daqui pra frente. Não tenho o menor respeito nem por vc, nem pelos seus coleguinhas, nem pelo seu “movimento” de ódio.

E desculpe, Ana, talvez vc não seja ingênua, talvez vc apenas não conheça direito os mascus, como eu e outras comentaristas aqui conhecemos. Não existe masculinismo sério. Nem aqui nem no mundo. Dá uma olhada no site que os mascus daqui consideram “sério”, quase um porta-voz do movimento, o A Voice For Men, e veja se eles falam alguma coisa inteligente. Eles são todos iguais. É o que vivo repetindo: a única coisa que os difere entre si é a intensidade do ódio que sentem contra as mulheres.

Anônimo disse...

aeeee Lola hoje teve com quem brincar.

Anônimo disse...

o que as feministas ainda não entenderam, e que somos muitos,hoje já existem dois blogs e perfis masculinistas, para cada feminista na rede, seu desespero e evidente feminista, pois a semente já foi plantada, a revolução silenciosa já começou, não há como para-la

Anônimo disse...

"o que as feministas ainda não entenderam, e que somos muitos,hoje já existem dois blogs e perfis masculinistas".

e vc veio aqui fazer...?

Anônimo disse...

18:29 - fazendo o passivo-agressivo.

Anônimo disse...

18:33 - "vocês" quem? nem sou feminista.

"simples fato de questionar" não. vc chegou cheio de pedras. e não venha fazer o passivo-agressivo pq vc sabe muito bem que falar que a lola disse ser phd é querer jogar uma pitada de ironia ali. vc é mais inteligente que isso, gostaria de acreditar.

Iara disse...

Anonimo

Eu não disse que esses machistinhas não matam e eu estava rindo e comendo pipoca,mas o que eu li sobre este caso especifico ,da pessoa reclamar da mulher que pilotava, eu achei engraçado sim, de tão patetico.
Lógico que o machismo mata, estupra, joga as mulheres de comida aos cachorros, sequestra, trafica, sei de tudo isso,mas neste caso mesmo eu achei simplesmente uma demonstraçaõ barata do machismo, dei risada sim pela infantilidade,pela precariedade dos argumentos e pelo show patetico que este machinho deu.
Não me refiro ao que os machista podem fazer fisicamente, no mundo material,mas no discurso, nos argumentos, eu acho eles tão absurdos e tão vazios que em geral dou muita risada quando leio os comentários ,parecem que todos esses mascus passaram por uma lobotomia.
Não tiro a seriedade das ameaças e sei da loucura humana,mas escrevendo eles não tem eira nem beira, são totalmente descartáveis e primários nas suas conclusões que beiram a loucura.

Anônimo disse...

iara, eu estava concordando com vc.

Ana disse...

18:28, vc é um exemplo perfeito de mascu maluco. Me aparece aqui dizendo que estamos em pânico... Pq a tua luta masculinista não é por direito nenhum, é contra feministas, né? Obrigada por deixar claro teu posicionamento.

Ainda que o masculinismo seja a coisa horrenda que a gente conhece (to esperando comprovarem o contrário), ninguém teria medo de um fracassado com um pensamento desses.

Lola, estou olhando o Voice for men. Mas o site é grande, me reservo a deixar minha opinião pra mais tarde.

Só uma dica, o vídeo da menina dizendo que as mulheres são os seres mais privilegiados que já andaram no planeta não ajuda. EM NADA. E o outro texto de um carinha dizendo que apenas uma minoria das vítimas femininas diz a verdade também é bem ruim. Tem ainda uma parede de featured offenders, coincidentemente só fotos de mulheres...

Mas estou olhando.

Anônimo disse...

fabio, você é o bruno do flamengo? tá parecendo. graças a decisão de abandonar aquela que vocês engravidaram ou à decisão de obrigá-las a abortar, justamente visando se eximirem da responsabilidade de sustentar a criança (criar, nunca), é que tantos abortos acabam ocorrendo.

fabio disse...

sei que orelato de homens pouco importa para mulheres, mas l vai;
-
tempos atras uma antiga namorada por quem eu era muito paixonado, tirou um filho meu, eu so fiquei sabendo tempos depois, por uma amiga em comum, quando lhe perguntei depois o porque, ele repondeu que eu era pobre e muito novo, somente um militar de primeira classe, mme senti não um ser humano, mas sim uma peça utilitaria naquele momento,

Anônimo disse...

18:44 - já que tem "alta estima por pessoas com alto nível de educação", melhore sua autoestima e aprenda a usar crase. beijão.

Anônimo disse...

Ana,

faz um guest post então mostrando o que tem de tão horrendo no Voice for Men.

Anônimo disse...

"tempos atras uma antiga namorada por quem eu era muito paixonado, tirou um filho meu, eu so fiquei sabendo tempos depois"

e vc tava super presente na vida dela pra saber disso pela amiga, né? gente, vou morrer de dó do mais novo mascu do pedaço.

Anônimo disse...

fábio, se eu fosse ela e soubesse que vc é assim, eu teria tido prazer de não ter tido filho seu.

Anônimo disse...

18:51 - é exatamente por homens como o fábio que atualmente a justiça tá abarrotada de pedidos de exames de dna, né? e que agora a recusa de se fazer o exame aponta que ele é o pai. vcs estão cobertos de razão.

um monte de mascu apaixonado (mas, péra, até onde os mascus falam, eles não gostam de mulher)querendo ser papai.

Shoujofan disse...

Lola, belíssimo post. Eu realmente torço para que o número de pilotas aumente. Já há militares da primeira turma da AFA comandando Hércules da FAB, também. E eu acho muito bom que um número cada vez maior de meninas possam hoje sonhar em ser piloto (*o feminino ainda embola um pouco, porque é incomum*). Ser piloto nesse país é muito caro ainda. As taxas pagas são altíssimas e isso exclui muita gente. Daí eu ter enfatizado a FAB que é o caminho de muitos garotos e, desde alguns anos, garotas, também.

O que eu acho engraçado são os comentaristas em sites por aí considerarem exercício de liberdade de expressão desqualificar um profissional por ser mulher. Já li que vivemos em uma ditadura... :P Queria que qualquer pessoa pudesse escolher sua profissão sem que fosse alvo de preconceitos de qualquer origem. Essa notícia, a ação da polícia e do sindicato e das associações de aeronautas mostrou que esse nosso mundinho ainda tem jeito.

Ana disse...

18:33, eu fiz um baita de um comment pra conversar sobre a tua opinião, e você vem acusar que a gente não quer discutir? Que a gente não dá espaço pra quem discorda? Ai! :O

E eu te disse, vc foi agressivo. Isso não é só questionar, é já chegar acusando :)

Desculpa, eu não entendi o teu ponto sobre o aborto anular a pensão... Se uma mulher decide ter um filho ela não pode cobrar pensão, é isso? Pq ela podia ter abortado, aí como não abortou então agora o filho é todo responsabilidade só dela? Isso é injusto, não? A criança que nasce é filha dos dois, 50% dna do pai e 50% dna da mae, os dois fizeram, os dois tem que ter responsabilidade!

Lola, sei que você não quer mais o cara aqui, mas eu não consegui ficar de bico fechado quando ele disse que a gente não admite quem discorda :X Vou ficar quietinha agora.

Anônimo disse...

anão - http://www.jb.com.br/pais/noticias/2012/05/25/stm-mantem-pena-de-controlador-de-voo-do-desastre-da-gol-em-2006/

erros existem dos dois lados. e agora? vamos proibir tbem os controladores homens? dã.

Anônimo disse...

19:00 - filho de mascu... melhor não tê-los. preferiria abortar e eu ainda teria vergonha de ter tido algum relacionamento com o cara.

Luiz Prata disse...

É ridículo que hoje em dia ainda haja quem atribua desempenho profissional a um determinado sexo.
Não há nenhum fundamento lógico que justifique tamanho preconceito.

Maria Valéria: Também viajei com taxistas e motoristas de ônibus mulheres, e foi tranquilo.

blogdomaurosilva disse...

“As mulheres são até mais metódicas do que os pilotos e nunca saem do que está escrito no manual. Não quer dizer que os homens são irresponsáveis, mas eles são mais flexíveis”, compara Fochesato, de 64 anos e ainda na ativa na Gol. Ele recorda que, mesmo nos anos 1960 as pilotos pioneiras da antiga Vasp eram recebidas com festa pelos passageiros. A primeira piloto da Vasp, a comandante gaúcha Carla, permanece atuante, contratada pela Azul. Essa companhia aérea mantém uma aeronave pintada de cor-de-rosa, com tripulação 100% feminina, em campanha contra o câncer de mama.

http://www.transportabrasil.com.br/wp-content/gallery/azul-linhas-aereas/azul4.jpg

Anônimo disse...

Ana,

estou muito animado na espera do que você vai falar do Voice for Men.

fabio disse...

Voice for Men? tai ! exelente local para conhecer, muito obrigado !!

Anônimo disse...

" Voice for Men? tai ! exelente local para conhecer, muito obrigado !!"

isso significa que vc vai parar de vir aqui? =D oba! conte a estorinha do seu bebê abortado. todos vão chorar de dó de vc. que vc encontre seu caminho.

Ana disse...

19:07, "não tem vergonha de mentir não?" não é uma simples pergunta, é sim ofensivo, ainda mais logo de cara. Por favor, eu dei conversa mas não subestima minha inteligência :/

Eu to olhando o VFM :D mas to preocupada com uma coisa: o tópico é sobre o negócio do sexismo e tal, não é só sobre sites masculinistas. Se eu for falar disso, vai ser um comment imenso. E talvez seja bom lembrar que o blog não é meu e que na medida do possível é bom seguir a pauta. O site é grande, um comment meu seria GIGANTE (mto maior do que os que eu ja fiz), já falei um monte aqui e to desviando o assunto da conversa :x

Não se preocupem, os que querem saber da minha opinião, quando eu tiver opinião formada vou falar, prometo :x So que num lugar/hora apropriado. E me deem tempo pra conhecer o masculinismo do VFM.

18:46, eu não sei qual é sua revolta comigo. E já dei uma palinha do que eu vi no VFM, mas eu ainda to olhando. Te acalma.

Gente vou sossegar e sumir que eu já falei um monte :x

Anônimo disse...

hahahhaah, fábio, vc me mata de rir. aliás, vou nessa porque soltaram os guris no recreio por aqui.

Anônimo disse...

Gente, há uma coisa tão OBVIA aqui que chega a doer.
Homens normais aceitam as mulheres.
Em contra partida, tem "homens" que destinam suas vidinhas medíocres para ridicularizar mulheres. Muitos deles nunca nem ficaram com uma mulher, e não foi por ela não ter dado bola... E sim por serem socialmente INCAPAZES de travar um diálogo inteligente com alguém. Como alguém assim se aceita? Essa pessoa não gosta de mulheres e sente o mais profundo desprezo. Não é tão obvio que pessoas que desprezam nesse nível não aceitam sua própria sexualidade?

Anônimo disse...

Anon 19:33

Aw, que dó de você que eu fiquei agora! Ninguém te compreende, não é mesmo? Óin... quer um Todynho pra acalmar?

Anônimo disse...

19:38 - clap clap clap!!! concordo totalmente! sempre achei isso.

eu detesto esses gurizinhos que acham que têm uma causa. e amo homens. e deve ser triste não saber o que é. pq odeiam mulheres e gays. e aí?

toddynho neles!

lola aronovich disse...

Ana, querida, vc é mto bem vinda pra comentar tudo que quiser! Não precisa ficar quietinha não. Só que minha tolerância pra comentários mascus anônimos depois de um tempo acaba, e aí passo a deletar quase todos, porque são completamente inúteis.
E sim, de fato é subestimar a nossa inteligência dizer que "Você não tem vergonha de mentir?" é apenas uma pergunta inocente, não um insulto... Coisa de passive-agressive mesmo.
Sobre escrever um guest post sobre essa droga chamada A Voice for Men, se vc quiser escrever alguma coisa, pode mandar. Eu acho sinceramente que o ManBoobz diz tudo que precisamos saber sobre sites e blogs mascus dos EUA, e ainda por cima usa humor. Não sei se foi o chefão do VFM ou de algum outro site mascu grande que disse que nunca vai votar pra condenar um acusado de estupro... mesmo que tenha certeza absoluta que o cara é culpado. Mas a "argumentação" e o ativismo desses malucos é todo por aí.

Anônimo disse...

sim,continue apagando o que não lhe e conveniente senhora lola kkkk, mas voce ainda não entendeu que a internet hoje em dia e algo vivo, incontrolavel, revoluncionario de verdade, a senhora com seu segregacionismo manipulativo e uma vergonha para lasse de professores universitarios deste pais, talves seja hora da reitoria da universidade do ceara, e o MEC receberEM algumas "cartas e e-mails" referentes a sua conduta misandrica e preconceituosa, e o blog de odio que a senhora mantem ¬¬ !!!

Luiza disse...

Hahahaha Lola (é tão legal me dirigir diretamente a você!), fico imaginando a reitoria te chamando pra conversar sobre seu "blog de ódio"! Que medo, não? Rs...

Anônimo disse...

lola, minha amiga... vc tem que ter um saco de aço inoxidável pra lidar com essas crianças, viu. vou te falar...

Anônimo disse...

Sobre escrever um guest post sobre essa DROGA chamada A Voice for Men ( voz do homem)
by, lola aronovich !!!

Anônimo disse...

me tira desse bolo. tudo o que sei sobre os mascus, aprendi aqui. mais do que isso, nem sob tortura.

Anônimo disse...

voz do homem, não, voz pelo homem.

Ana disse...

Lola, obrigada pelo espaço :)

Se eu conseguir fazer um texto posso te mandar. Mas é sem previsão de prazo, vai saber quando vou conseguir terminar de ver o site todo.

O primeiro post que estou vendo é, "The failed manhood of white knights". Não terminei, mas pelo o que eu vi no geral, discute como é ruim um homem agir violentamente só pra agradar mulheres. Acho que essa pode ser uma discussão benéfica, sobre a construção da identidade masculina, por exemplo. Sobre como usar a violência sem pensar é sempre nocivo. A imagem que ilustra diz "Real men never hit women - they hit the assholes who do!". E sabe, eu acho que essa mensagem até pode gerar um debate interessante. Nunca tinha pensado nessa questão.
O cara fala, por exemplo, como uma mulher não pode bater num homem e ser vista como vítima. E realmente, mulheres não são sempre as vítimas (vale lembrar: NÃO É ISSO que o feminismo prega! Nada de privilégios para pessoas agressivas! Respeito pros dois sexos! \o/). Acho que isso tange inclusive os homens que são vítimas de abuso e se sentem inseguros de denunciar, porque em geral não se associa a imagem da vítima ao homem. Mas adianto que o autor não chega tão longe, talvez pra não se distanciar de sua questão central.

Só que tem também muita coisa furada, ataque a homens feministas, definição completamente irreal da violência contra mulheres, esse tipo de coisa. O autor derrapa em vários momentos :/

E achei um perfil, do Dr. F, que diz:
“He dislikes feminists so much he is often seen unfurling his incredibly long penis at them and whirling it about like a propeller on an everglade skimmer. They hate him for this and at the same time are secretly very attracted to him. Because of this inner conflict they despise him all the more. He loves that very much indeed.”
Olha que gênio. Falando em ódio à feministas, pênis longo e a atração secreta que a gente sente por ele. #NÃOAJUDA
Caras, se isso era pra ser irônico, me desculpem, eu não saquei. Esse tipo de coisa é muito, muito difícil de engolir :/ Decepciona, sabe.

O que mais me preocupa é que vejo muitos conceitos machistas sendo atribuídos erroneamente ao feminismo. Coisas que a gente até chega a discutir aqui, mas sendo tratadas como se fossem culpa das mulheres e/ou dos feministas.

Claro, vão dizer, e eu CONCORDO, que UM perfil e/ou UM post não definem tooodo o movimento. Por isso estou vendo o site com calma... :)

Anônimo disse...

voz pelos homens.

Anônimo disse...

Ana,

muito orgulho de você. leia o blog lá, leia os livros feministas, o importante é não ficar preso apenas numa única fonte de informação, como parece ser a situação desse blog.

Ana disse...

20:38, suponha que no fim seja tudo bobagem. Ter conhecimento sobre quem discorda do meu ponto é útil, até pra ter argumentos pra rebater.

Quase qualquer questionamento pode render bons frutos. O debate sobre a figura do príncipe do cavalo branco, por exemplo, pode gerar coisas boas. Talvez não tanto com o enfoque proposto naquele texto específico, mas pelo menos abriu minha cabeça pra um ponto de vista que eu não tinha tentado antes. É mais uma coisa sobre os papéis definidos na sociedade que pode ser analisada :) Não, não concordei com aquele autor, mas aí eu posso partir pra próxima fase e formar meu próprio conceito sobre o assunto: Bom, se o 'príncipe' não é bem como ele descreve, então como é? É uma imagem sempre positiva? Sempre negativa? Incentiva ações precipitadas? Porque? Etc, etc, etc.

E eu acho que pode ser bom ler o que esses homens tem pra dizer, sabe pq? Pq não acho que posso teorizar bem sobre o universo masculino se não tiver pelo menos um tiquinho de nada de informação, exatamente como não acho que um cara possa teorizar muito sobre o universo feminino se ele não se dispõe a ouvir o que mulheres tem pra dizer (a gente sabe como é ruim quando esse tipo de gente aparece, né?).

CLARO: só aquele grupo não representa todos os homens, pode ser só um bando de idiotas. Mas a rigor, tem muita mulher idiota dando opinião por aí também, kkkk. Só avaliando pra saber.

E óbvio, não precisa de muita informação pra rebater coisas como "estuprar mulheres é certo, é ser viril". Não, pra isso só precisa de cérebro. Me refiro a outros pontos que possam ser propostos e realmente mereçam atenção.

Enfim, é questionamento de um jeito ou de outro. Ler o que eles escrevem até certo ponto pode ampliar meus horizontes. É a mesma coisa com um cara que venha aqui se informar sobre feminismo... não?

Joyce Lourenço disse...

Em pleno século XXI é inadmissível homens terem uma reação tão retrógrada como essa. Fico muito contente em encontrar mulheres dirigindo ônibus, caminhões, aviões ou qualquer serviço que antes era considerado serviço de homem. Assim como serviços de pedreiro e entre outros. Sabe o que isso é "mimimimimimimimi"

Anônimo disse...

AAi, Ana, leia este comentŕio do Paul Elam, o fudador e editor do site AVFM:

Log in to Reply

Paul Elam in reply to Garethp

What you are describing is not what is meant by White Knight as it is used here. Our description is more of a man who protects and serves women to a degree that is both infantilizing to women and demeaning and/or exploiting of the men. It has no real resemblance to what you are talking about.
Thumb up 1 Thumb down 0
Log in to Reply

Ou seja, o que se está discutindo ali é sobre homens que chegam a recorrer à violência para defender as mulheres e o feminismo. Isto é o que chamam de "cavaleiros brancos".

Ana disse...

21:06, não cheguei nos comments ainda, mas é, foi mais ou menos isso que eu entendi. Foi o que eu mencionei, uso da violência em prol das mulheres. Abre um bom debate.
Particularmente acho que ele podia ter elaborado um conceito mais claro, mas tá ok. Ainda assim ele derrapa às vezes.
Acabei de enxergar a primeira menção ao 'mangina'... medo do que pode ser :s
Mas vamos lá, eu ainda tenho bastante coisa pra ver, ok :) Não adianta, debater tudo em detalhes aqui e agora não vai dar. Vou lá.

Pergunta, voltando ao tópico do post, vocês aí que estão aí querendo ser ouvidos, concordam com o piti do cara ou não? Vamos voltar pro assunto, pq vcs não se pronunciam sobre o caso? :) Aproveitem pra falar sobre igualdade dos sexos, q tal?

Pessoas, opinai \o/ (credo, esse verbo existe? kkk)

Anônimo disse...

Ana,

nota 10. (só lembre que no A Voice for Men ninguém lá disse "estuprar é viril", violência é sempre errado)

E óbvio que nenhum cara que veio aqui concordou com o cara reclamando da piloto mulher.

Porém, com a Lola deletando tudo a discussão é zero.

Maria Valéria disse...

Pra quem me respondeu sobre mulheres taxistas:
Morei 4 anos em SP.hoje moro em campinas,
Aqui já peguei taxista mulher umas 2 vezes, SP 2 e na minha terrinha( araras SP) uma!!!
Entao nao vi muitas vezes mesmo.mas que legal que esta se tornando comum,;))

Gabriela disse...

Como os mascos não conseguem causar tumulto só através do bloguesinho deles (que nenhuma mulher visita), vem atacar em blogs feministas famosos pra ver se conseguem se promover. Ô, PAREM DE QUERER PEGAR CARONA NO SUCESSO DA LOLA. O feminismo é um movimento sério, o masculinismo ou machismo ou sei lá o que djabo é isso, é um SUB movimento chatooooo...

Ana Claudia disse...

Ai, Lola... Só rindo para não chorar. E com essa história eu lembrei de uma vez em que meu marido foi cortar cabelo em uma cidade no interior de Pernabuco, onde estávamos morando. Ele sempre teve menos cabelo no topo da cabeça, exatamente como o pai dele. Mas o senhor que estava cortando o cabelo perguntou se alguma mulher já havia cortado o cabelo dele. Ele respondeu que sim e, o senhor, solenemente anunciou o diagnóstico: a culpa do cabelo mais ralo do meu marido foi o fato de uma mulher, que com certeza estava menstruada, ter cortado o cabelo dele "naqueles" dias. Diante da nossa cara de espanto, ele reafirmou que isso era verdade. Que uma mulher menstruada não deveria nem sair de casa, para evitar que as coisas que fizesse dessem errado.... Ai, ai...

Luci Mendes disse...

"sim,continue apagando o que não lhe e conveniente senhora lola kkkk, mas voce ainda não entendeu que a internet hoje em dia e algo vivo, incontrolavel, revoluncionario de verdade, a senhora com seu segregacionismo manipulativo e uma vergonha para lasse de professores universitarios deste pais, talves seja hora da reitoria da universidade do ceara, e o MEC receberEM algumas "cartas e e-mails" referentes a sua conduta misandrica e preconceituosa, e o blog de odio que a senhora mantem ¬¬ !!!"

Engasguei de rir. É a mais nova técnica dos mascus: vencer o feminismo matando as feministas de rir!

Anônimo, vá em frente, mande e-mails e cartas anônimas pra reitoria. Eles tem que ficar sabendo disso e tomar providências. Onde já se viu a Lola deletar comentários anônimos do blog privado dela? Onde vamos parar?

Luci

Sara disse...

Da até preguiça comentar qqr coisa com esses mascus trolls que tentam infestar o seu blog Lola.
Me desculpe mas pra mim são um bando de vermes que tem tempo sobrando pra ficar parasitando aqui.
Um ser que vem defender as idéias revoltantes de desigualdade que eles pretendem não merecem nem o mínimo de respeito.

Anônimo disse...

Eu gosto dos mascuzões de 12 anos que vêm aqui entre uma partidinha e outra de videogame e quando a mãe não está olhando. Eles provam em tempo integral o quanto a Lola está certa.

Anônimo disse...

"Gente, há uma coisa tão OBVIA aqui que chega a doer.
Homens normais aceitam as mulheres.
Em contra partida, tem "homens" que destinam suas vidinhas medíocres para ridicularizar mulheres. Muitos deles nunca nem ficaram com uma mulher, e não foi por ela não ter dado bola... E sim por serem socialmente INCAPAZES de travar um diálogo inteligente com alguém. Como alguém assim se aceita? Essa pessoa não gosta de mulheres e sente o mais profundo desprezo. Não é tão obvio que pessoas que desprezam nesse nível não aceitam sua própria sexualidade?"

Óbvio PACAS, eu diria. Felizmente as mascuzices que vemos aqui ficam restritas à internet, porque eles são tão covardinhos e amedrontadinhos que jamais teriam coragem de colocar pra fora na vida real as asneiras que falam virtualmente. A eles falta coragem de tudo: de se organizarem, de fazerem uma passeata, de assumirem a própria homossexualidade e principalmente de encarar uma mulher. Por essa razão, se revoltam. São uns coitadinhos mesmo.

LisAnaHD disse...

Para quem questiona as habilidades femininas inclusive em pilotar avião, aqui vão algumas palavras.

"Amelia Mary Earhart (Atchison, Kansas, 24 de Julho de 1897 — desaparecida em 2 de Julho de 1937) foi pioneira na aviação dos Estados Unidos, autora e defensora dos direitos das mulheres. Earhart foi a primeira mulher a receber a "The Distinguished Flying Cross", condecoração dada por ter sido a primeira mulher a voar sozinha sobre o oceano Atlântico. Estabeleceu diversos outros recordes, escreveu livros sobre suas experiências de voo, e foi essencial na formação de organizações para mulheres que desejavam pilotar . . ."
http://pt.wikipedia.org/wiki/Amelia_Earhart