quinta-feira, 8 de novembro de 2018

UMA OPOSIÇÃO SÓLIDA PARA SALVAR A DEMOCRACIA

Publico texto de Orlando Silva, deputado federal do PCdoB na Câmara dos Deputados. Parabéns pela reeleição, deputado!

As eleições do penúltimo domingo marcaram o encerramento de um ciclo no país. A vitória eleitoral de forças políticas com visão ultraliberal na economia, ultraconservadora nos costumes e com viés autoritário na política projeta dias difíceis para a Nação e o povo. Mais do que nunca, será fundamental a conformação de uma oposição ampla, coesa, aguerrida e qualificada, seja no parlamento, nos movimentos populares ou na academia.
Às forças democráticas cabe extrair lições da derrota e projetar a resistência. Como sempre apontamos, a vitória teria sido possível desde que se aglutinasse uma frente mais ampla para defender o Brasil, a democracia e os direitos sociais. Não foi possível para a eleição, mas será vital para impedir a ruína do país.
Ao contrário do que projetaram ao fim do 1º turno, as forças do atraso não receberam um cheque em branco da população. O campo democrático foi ampliado por mais de 15 milhões de votos no 2º turno, justamente quando conseguiu se contrapor ao arbítrio e à negação de direitos representada pela candidatura da extrema direita.
Os 47 milhões de votos obtidos –- quase 45% do eleitorado –- foram resultado do revolvimento da consciência democrática nacional, extrapolando partidos e lideranças políticas. Esses eleitores não têm "dono" e não estão à procura de um líder, mas ávidos por ser parte de um projeto de Nação.
É esse o ponto de partida para a luta por um projeto para o país, que em tudo difere do que é representado pelo presidente eleito.
No lugar do autoritarismo, a defesa da mais ampla democracia; contra o arbítrio e o ódio, a defesa do Estado Democrático de Direito e dos direitos civis. Contra a censura e a perseguição, a liberdade de expressão, a autonomia universitária e a liberdade de cátedra. Contra a entrega das riquezas do país e as ameaças aos países sul-americanos, o desenvolvimento nacional soberano e a valorização da paz. Contra a concentração de renda e as desigualdades sociais, emprego, educação, saúde e inclusão social.
As medidas iniciais apontadas pelo governo eleito chocam pelo improviso e superficialidade. Apenas tendem a agravar os conflitos no campo e reduzir mercados do nosso agronegócio. Apenas tendem a ampliar a hipertrofia do setor financeiro, para a agonia da indústria. A elas, a oposição deve se contrapor no Parlamento e na luta popular.
Por fim, no movimento democrático que trabalhamos para forjar não haverá espaço para hegemonismos ou imposições. E as portas estarão sempre abertas. As enormes dificuldades que o Brasil atravessará para garantir a sobrevivência da democracia só poderão ser enfrentadas com unidade verdadeira, busca incessante pelo diálogo e pela amplitude, respeito às diferenças e generosidade das forças políticas.
Pensando assim, sugerimos uma articulação das bancadas do PCdoB, PSB e PDT na Câmara dos Deputados. Um ponto de partida para qualificar uma oposição firme ao futuro governo de Jair Bolsonaro, ao tempo em que defenderemos a democracia e o Parlamento, que deve ter uma agenda que sirva ao Brasil e à superação de tão dramático quadro social, econômico e político que vivemos.

24 comentários:

Anônimo disse...

Este Orlando Silva é aquele que abandonou o cargo de Ministro do Esporte, depois do desgaste político após divulgação da denúncia de que teria participação em um esquema de desvio de dinheiro público do Segundo Tempo, um programa do federal destinado a promover o esporte em comunidades carentes??

Anônimo disse...

Deixem isto para lá, ontem o Senado Federal e o Supremo jogaram a pá de cal sobre o Bananal de vez (Um monte de senador não se reelegeu, iam ficar sem foro privilegiado, dai os marajás do judiciário fizeram sua chantagem)
Não existe politica economia seja de esquerda ou de direita que de jeito em mais um rombo de 6 bilhões em uma economia vinda de 4 anos de profunda recessão com as contas publicas quebradas a um nível nunca visto antes. Não há o que fazer, esqueçam, quem tiver condições vá embora disto e não olhe para trás.

Anônimo disse...

O PCdoB não alcançou o coeficiente eleitoral, vão ter que se fundir ao PT.

Anônimo disse...

Estamos na luta.

Se o coiso for contra a dengue, seremos a favor do mosquito.
Se o coiso for contra o câncer, gritaremos a favor da metástase.
Os companheiros de luta entenderam?
Seremos resistência sem fim.
Sem espaço para os retrógrados respirarem.

A partir de 2 de janeiro de 2019.
Greve dos professores da escolas,
greve dos professores das Universidade Federais,
greve dos petroleiros,
greve dos correios,
greve dos bancários do Banco do Brasil, CEF e talvez até do Banco Central,
greve dos hospitais das universidade federias,
greve na policial federal,
greve na receita federal,
greve, greve e mais greve greve.
Não deixarem ele trabalhar em paz.

Anônimo disse...

Pelo amor de Deus, eu não sei quem é pior: esquerda (PT, PCdoB, PSOL e afins) ou a corja da direita.
Na esquerda temos impostos absurdos, burrice total na economia, controle do mercado, a receita para afundar qualquer país.
No lado Bolsonaro temos gente preocupada com kitgay, maconha, aborto, bons costumes, achando que o mundo tem que ser um quartel do exercito. Fora a misoginia. Conservadorismo é uma facada na mulher.
Resumindo: aqui no Brasil ir votar é como escolher se quer ser executado sendo queimado na fogueira ou esquartejado vivo.

Anônimo disse...

Tenho uma tendência a enxergar o mundo sempre com o copo meio cheio. Talvez um governo de direita ajude a esquerda. Sempre houve machismo, se agora ele ficar evidente, nos fortaleceremos. Idem com racismo e homofobia.
Veja o exemplo dos Estados Unidos: elegeram número recorde de mulheres e foi devolvido aos democratas, em plena era Trump.
Fabi.

Anônimo disse...

Vai ser a famosa oposição do "quanto pior melhor"(E a Lola vai fazer parte dela) Ontem já vimos em ação antes de o governo começar, co o Advogado do PT Toffoli que foi colocado no supremo fazendo fazer sua pressão de chantagens sobre o senado pra aprovar um aumento pornográfico que vai ferrar união, e os estados de vez.

Anônimo disse...

Va peidar na água, troll bolsominion bobalhão.

Anônimo disse...

Como a oposição vai se posicionar diante de medidas de grande apoio popular, como o aumento do combate à corrupção e ao crime organizado? Vão dizer não porque são contra tudo e qualquer coisa defendida pelo novo governo? Nesse caso, podem esquecer 2022.

Anônimo disse...

“Este Orlando Silva é aquele que abandonou o cargo de Ministro do Esporte, depois do desgaste político após divulgação da denúncia…?”

Sim, mas a DENÚNCIA ERA INEPTA.

A FIFA não queria “comunista” na Copa.

Anônimo disse...

Engraçado, as denúncias ineptas contra o Bolsonaro feitas pela Folha de São Paulo sem prova nenhuma são fatos. Agora, qdo o político é de esquerda até condenação em segunda instância não passa de acusação falsa.

Anônimo disse...

A única coisa que me faz me sentir menos mal é saber que o Capetão Bolsonazi não vai conseguir passar as reformas que ele quer porque muitas das reformas são PEC e ele não tem 2/3 do congresso pra passar isto.

Não me levem a mal, ele vai fazer muita merda. Inaugurado nesta segunda, gabinete de transição de Bolsonaro tem apenas homens https://oglobo.globo.com/brasil/inaugurado-nesta-segunda-gabinete-de-transicao-de-bolsonaro-temapenas-homens-23213138

Sabem o ultimo governo que só teve homens? Geisel, outro militar de extrema direita com ascendência alemã.

titia disse...

16:09 isso que você chama de "burrice econômica" se chama visão cepalina de economia: proteção da indústria nacional, estímulo estatal, política externa voltada para o comércio e promoção de nossos produtos e etc. Foi o que os EUA fizeram, é o que todo país desenvolvido faz e arranca os cabelos do cu pra que os outros países não façam. Ou você acha que o neonazista mentiroso q elegeu o Trump foi mandado aqui pra eleger o Bozonazi porque os EUA são bonzinhos e querem nos ajudar? Com o governo neoliberal e entreguista proposto pelo nazipalhaço, as pessoas vão ficar iludidas com os 2 anos de "crescimento" (se é que vai chegar a tanto), e depois vamos ter a maior crise da história que esse país já teve. Quebradeira geral. Lembra de Jânio Quadros e de Collor? É patético como brasileiro burro, infantilizado e pseudomoralista hipócrita tá sempre caindo nessa esparrela de "salvador da pátria, defensor da moral e dos bons costumes" e termina na miséria.

Por outro lado eu realmente vou achar ótimo se esses putos que patrocinaram o caixa2 do Bozo quebrarem. Brasil é o paraíso dos ricos, não cobra imposto de renda sobre lucros distribuídos aos sócios, bancos tem juros anuais na casa das centenas, o imposto sobre herança é de menos de 10%, pega empréstimo de dinheiro público no BNDS, depois dá calote e não vai preso, mas eles nunca estão satisfeitos, até trabalho escravo querem legalizar. Então que vão à falência e fiquem na miséria.

titia disse...

20:48 aumento de combate à corrupção? HAUHAUAHAUHAUAHAUHAUAHAUHAUAHAHAUA!!!!! Você não viu o gabinete do seu mico não, criatura? Só corrupto! Corrupto fichado, corrupto investigado, corrupto condenado, corrupto preso cumprindo regime semi aberto. Só os idiotas ainda acham que vai haver qualquer combate à corrupção nesse desgoverno meia boca dele. Sem contar que ele era do partido mais investigado na Lava Jato, o PP, mudou só pra poder enganar os trouxas, e admitiu ser corrupto, propineiro e sonegador com a própria boca.

E combate ao crime organizado? Bolsonazi acabou de anunciar a criação de um novo ministério inútil só pra acomodar o criminoso de estimação Magno Malta, membro hemérito da máfia dos sanguessugas. PSL vai se aliar ao MDB, o partido do mais ilustre traficante brasileiro, Aecinho do Pó - que, aliás, foi eleito de novo por esse povo que tanto quer o 'fim do crime organizado'. Os acordos do MDB com as facções criminosas de São Paulo já são de conhecimento público, basta dar dois toques no Google. Já é hora de tirar a cabeça da bunda e se preparar pro pior, mai liro frend. Porque é exatamente o que está vindo por aí.

Já estou vendo um monte de bolsominion arrependido por aí e as cagadas do nazipalhaço mal começaram. Quando a mandioca entrar com tudo mesmo quero ver os palhacinhos amestrados chorarem e levarem um "eu avisei" de volta. Empatia aqui agora é altamente seletiva e não me arrependo. Quem mandou trocarem os próprios direitos e seguridades sociais pelo fim de um kit gay que nunca existiu?

https://acoluna.co/coluna-o-ciclo-oportunista-do-brasil-janio-collor-e-bolsonaro/?fbclid=IwAR3ou_QhkTSlgdYkMnhxEMa2Vyrn3-jWA0IFiie0KDxPjZ4Q6J9gglJ-3S8

Tinúviel disse...

Fugindo do tema, mas bem importante: petição contra o aumento de salários do STF.

https://www.change.org/p/aumenton%C3%A3o-contra-o-projeto-de-lei-que-aumenta-os-sal%C3%A1rio-dos-ministros-do-stf?signed=true

Anônimo disse...

O Aecio Neves é do PSDB. conseguiu se eleger deputado federal pelo Estado de Minas Gerais para livrar a cara de muitos processos, problemas graças ao foro privilegiado que não acabará com o futuro desgoverno do coiso. Sempre fomos piada no exterior e agora estamos no nível de quando não é sarcasmo vem o escárnio. Tem um vídeo bem interessante de uma emissora de notícias a fazer deboche e chacota com os brasileiros e o coiso.

Anônimo disse...

Pode mandar o link dessa emisssora anon das 6:54?

Gosto de mandar pros meus amigos eleitores desse anormal, agora já alguns se envergonham do que fizeram.

Anônimo disse...

Fui pesquisar e acabei encontrando o link do vídeo, é de uma emissora holandesa , um programa humorístico, mas ele dá uma resumida boa do que é esse cara que foi eleito e da situação em geral, vale a pena dar uma olhada, aqui o link:


https://www.diariodocentrodomundo.com.br/video-uma-especie-de-trump-tropical-bolsonaro-vira-piada-na-tv-holandesa/


Rindo pra não chorar. Nossa imagem lá fora, que já não era muito boa, agora degringolou de vez.

Cecília Novaes disse...

Habahahah acha que a gente não percebe quem vc é, babaca?

Cecília Novaes disse...

Vc pode ter bom governo de esquerda. Em Portugal é assim, no Uruguai foi assim. Claro, são países beeeeem menores. Só to dizendo que é possível fazer um governo de esquerda decente.

Cecília Novaes disse...

Deus te ouça, que essa idade das trevas não dure muito tempo

Cecília Novaes disse...

O povo uma hora vai ver que esse plano de combate ao crime organizado vaingerar ainda mais mortes

Anônimo disse...

Somos uma nação continental. Tinha que separar em 5, pelo menos. Ou então ser de verdade uma republica federativa, por que só somos no papel.

Anônimo disse...

Bem, se você me chamou de brasileira burra por que acha que acredito em salvador da pátria, saiba que eu não acredito. Votei no Bolsonaro bem a contragosto.
Acho que você vive em outra realidade. O Brasil do PT saiu perdoando dívidas absurdas de países miseráveis. Aliás, emprestaram o dinheiro já sabendo que não pagariam, né. Cadê o protecionismo?
Não sou a favor do que o Bolsonaro prega, por que é um falso liberal. Não sou a favor de vender nada a estrangeiros, mas sim a brasileiros. Nada de chinês ou americano.
Também não concordo em nada com a moral dele. Mas fui OBRIGADA a votar nele, já que Haddad já prometia coisas como congelamento de preço, que qualquer pessoa com mínima noção de economia sabe que dá errado.
O que me fez votar no Bolsonaro foi a esquerda burra e idiota o suficiente para escolher Haddad para o 2° turno. Tínhamos a Marina, o Ciro Gomes e o Amoêdo para ir contra Bolsonaro. Mas não, bota o Haddad né, bota o poste. Perderam e obrigaram muita gente a escolher entre a cruz e a espada. Resumindo: todo mundo perdeu.