segunda-feira, 26 de setembro de 2016

HOMENS SE CONFUNDEM, MULHERES PAGAM

Uma dúvida da B.:

"Conheço um amigo há menos de seis meses, e nesse tempo nossa amizade foi se aprofundando. Estudamos juntos e temos muito em comum. Gosto muito da companhia dele e o tenho como um bom amigo. Apenas isso. Só isso, sem dúvidas. Até porque ele tem uma namorada, e mesmo que eu quisesse algo com ele, jamais iria investir em caras comprometidos.
O caso é que ele vem demonstrando mais e mais interesse (leia-se segundas intenções) para comigo. Eu achava que era impressão minha até amigas comentarem que estão achando suspeito. Fofocas estão rolando. E agora estou numa situação que não pedi: fiz um amigo e tenho a probabilidade de ficar conhecida entre todos como 'a outra que rouba namorados alheios'.
É serio isso? Não posso ter um amigo homem hétero que ele se confunde e acha que está se apaixonando? Ele tem noção que isso ultrapassa meus sentimentos por ele? Que ele está machucando a namorada? E que me trará uma reputação que não mereço? Porque, sim, não acredito que as pessoas irão culpá-lo se, por exemplo, ele terminar o atual namoro. Afinal, eu 'dei bola', 'deixei brecha'... Eu encantei o homem bem como todas as mulheres de saia curta seduzem estupradores -- é isso? 
Ser amiga leal me torna a criminosa nesse caso? Ser eu mesma e explorar afinidades com alguém me torna culpada? É errado ser simplesmente amiga de um homem comprometido? E por que eu tenho que tomar atitude, e não ele, para corrigir isso? Por que eu me sinto culpada por uma confusão que não foi causada por mim nem por minhas atitudes? Ou tenho que sempre ponderar minhas ações para que nenhum homem entenda o 'sinal errado'?
Enfim. Só estou traçando um paralelo com o mesmo argumento que usam para mulheres 'que vacilam'. É curioso (e agonizante) como atitudes simples, que não trariam tanta carga se tomadas por homens, trazem para uma mulher essa imagem de 'oferecida' (ou nesse caso de 'a outra'). Ser livre e interagir com o mundo, mais uma vez, é algo mais trabalhoso para mulheres... Isso me entristece."

Minha resposta: Concordo contigo, B. É uma droga mesmo. Creio que muitas meninas já passaram por isso de ver amigos héteros se apaixonarem ou darem em cima das amigas. Imagino que isso também aconteça com homens (amigas hétero se apaixonarem por eles), mas tenho certeza que não na mesma frequência.
Eu sou um cara legal! Por que fico
sendo posto no friendzone por
essas vadias?
É só ver como se popularizou esse fenômeno recente da "friendzone" (o termo existia antes da internet? Duvido). Apesar de haver mulheres que gostariam de ter algo a mais com um amigo, e mesmo assim ouvem "Vamos apenas ser amigos, ok?", foi uma horda de rapazes que transformou a friendzone em algo "pior que estupro" (sim, eu já li isso inúmeras vezes). Deixa eu esclarecer: tá cheio de cara jovem que se sente no direito de namorar ou transar com a amiga, e quando ela responde "Não, obrigada, gosto de você só como amigo", ele faz um escândalo, sente-se traído, vai pra internet chorar as pitangas de que ele foi "posto na friendzone", faz um grande drama. 
Já existe toda aquela besteira de que homens e mulheres héteros não podem ser amigos. A enorme maioria das mulheres que eu conheço acha esse mito uma estupidez, mas lamento dizer que muitos homens que conheço acham que é verdade. E aí vem a pressão pra mulher hétero terminar a amizade -- ou pelo menos ter menos contato -- com o amigo hétero, assim que ela começa a namorar com outro (e do cara hétero não ter mais contato com a amiga hétero). 
Palmas pra namorada do seu amigo, que pelo jeito não tem ciúmes.
E agora o problema do seu amigo, que está com segundas intenções contigo. É bom por as cartas na mesa logo e falar pra ele que essas segundas intenções não são correspondidas. Você não tem interesse nele, ponto. 
Penso que, através do diálogo, até dá pra resolver isso com ele. Mas quanto a você ser vista como "dando bola" ou suspeita de querer arruinar o namoro dele, não sei se é possível fazer alguma coisa. Você já está sendo vista dessa forma apenas por ser amiga de um cara hétero comprometido. Você já é "oferecida" apenas por isso (não viu a atriz Marion Cotillard ser culpada pelo fim do casamento de Brad e Angelina? Marion só fez um filme com Brad. Mesmo grávida de seu segundo filho com o namorado, Marion foi apontada como pivô da separação!).  
Afinal, você está inserida na mesma sociedade que culpa a amante pelo cara casado ser infiel (e às vezes culpa a esposa, porque ela não deu o que ele queria em casa, então ele foi procurar lá fora). 
A gente não tem controle sobre como as pessoas nos veem. Numa sociedade que culpa as mulheres por tudo, seremos eternas culpadas. É aquilo: aos homens, a desculpa; às mulheres, a culpa. 
É triste sim, mas creio que o melhor a fazer é não ligar, não deixar, dentro do possível, que esse determinismo que não tem nada de pessoal afete a sua vida pessoal. 
E, ao mesmo tempo, denunciar mais essa atitude machista do mundo em que vivemos.

68 comentários:

Anônimo disse...

Gostei do texto! Lembrei da morte do domingos montagner, muita gente insinuou uma relação entre os dois.

Anônimo disse...

Concordo com o texto, já aconteceu muito isso comigo.

No ensino médio, na minha escola, tínhamos lugares marcados, éramos em 15 alunos somente. Acabou que eu sentava ao lado de um todos os dias e ele era muito legal, dei muitas risadas, fazíamos muitas piadas, mas da minha parte o via somente como amigo.
Um belo dia ele se declara pra mim achando que certamente a nossa afinidade significava pra mim o mesmo que pra ele. E nunca tinha me passado pela cabeça. Achei ok ele gostar de mim, mas nada ok ele se sentir magoado por eu não sentir a mesma coisa.

Depois, mais tarde, fiz um amigo pela internet. Ele era extremamente inteligente e casado e mais velho do que eu, que na época tinha 18 anos. Por muito tempo ele nunca disse nada e assim ficamos por anos, sendo amigos virtuais. Até que um belo dia ele começa a me chamar de linda e fazer elogios impróprios, acabei cortando relações, pois ele era casado e eu não sentia nada daquilo.

Depois, eu um intercambio que fiz pra londres, quando tinha 1 anos, fiquei muito amiga de um português brevemente. Depois, por uma coincidência ímpar do destino, eis que encontro ele aqui no brasil, na minha cidade, uns dois anos depois. Ele tinha conhecido uma brasileira e se mudado pra cá, mas estavam terminados naquele momento. Fiquei muito amiga dele, mesmo, e nunca rolou nada. Depois que eles voltaram, fiquei muito amiga dela também (e hoje sou mais amiga dela do que dele), e um dia saí só com ele pra tomar um café. Eu comentei com ele como as pessoas achavam isso estranho (nossos vários amigos em comum), amizade entre homem e mulher. Ele disse que tbm sentia isso, mas que na europa isso é muito comum, que eles não veem assim, que é muito comum homens e mulheres, mesmo comprometidos, terem amigos do sexo oposto.

Alícia

Rafael Cherem disse...

Deve ser um saco ser mulher, a toda hora ficar policiando as próprias relações.

E Lola antes o cara na Friendzone era chamado de farofa, vinagrete ou outro acompanhamento.

Anônimo disse...

Ola minha amiga... vou dar minha opinião: converse com o rapaz e mostre o quanto as investidas dele te incomodam . Se ele compreender e parar aí , ok. Se não entender , pelo bem da amizade , afaste- se dos dois . Não sei se eu contaria a amiga. Se fosse muito íntima, e fosse alguém que quisesse / pedisse para ser alertada eu avisaria . Eu não tenho muita paciência pra levar situações que enchem meu saco, então eu cortaria de vez. Mas só você pode avaliar o que fazer. E se a amiga for amiga mesmo compreenderá seu gesto.boa sorte . Maria Valéria.

Anônimo disse...

Sabe aquele "vai pra p*rra" que os homens dizem para seus amigos homens, entre amigos mesmo, não de forma "violenta"?

Pois é. Se um dia os homens puderem falar assim com as amigas mulheres, aí sim existe amizade.

Anônimo disse...

"gosto de você só como amigo" = desculpa pra manter o cara na geladeira. FATO. Muitas mulheres admitem isso, não sabem se querem ou não pegar o cara e, na dúvida, deixam "de molho" para alguma ocasião, ou apenas para massagear o próprio ego.

A maioria que responde isso nem ao menos tem sentimento algum de amizade pelo cara. Ultimamente alguns homens também tem usado a tática, o que deixa algumas mulheres indignadas, por estarem provando o próprio veneno.

Que fique claro, não aprovo a atitude vindo de qualquer um dos lados, seja homem ou mulher. Agora, não venham com papinho de "aí, mas eu só queria amizade mesmo!", que não cola!

Hamanndah disse...

Deixa de ser chorão, Anônimo das 16:56 Eu já tive muitas paixões não correspondidas, nem por isso sinto rancor de qualquer um deles, inclusive um deles considero-o muito e já o esqueci há muito tempo. Você não passa de um bebê chorão que não sabe levar não, valeu ?

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
leonardo neves disse...

História ao melhor estilo Nelson Rodrigues. Gostei!

Porém, conversar com o cara e expor sua impressão sobre essa situação seria bem mais fácil do que transformar isso tudo num problemão que talvez só esteja na sua cabeça e na das pessoas super interessadas na vida dos outros (inclusos nós aqui da web) ;)

Anônimo disse...

Eu tenho um amigo que diz mtos equivalentes a vai pra porra pra mim. Ele me chama de mano, se eu choro num filme fala q eu to mto mulherzinha e pra eu parar de frescura, e os outros até se assustam com o jeito como ele me trata como se eu fosse um menino. Meu namorado adora ele, mas n acho que isso é que seja determinante pra dizer q alguém é amigo ou não. tenho ctz q nao há nenhum interesse sexual por parte dele.

Acredito totalmente em amizade entre homem e mulher e não acho que todos os homens confundem as coisas.

Alícia

Anônimo disse...

Gente que tanta mulher interessada em manter homem na tal geladeira existe como o anônimo 16:56 falou? Porque comigo é muito simples : ou deu liga ou não deu . E se não deu não tenho o menor saco pra ficar saindo / deixando ninguém de " segunda opção " . Ou aceita conversar como amigo e para completar gracinha ou nem pra amigo não serve mais , pois corto . Será que só eu sou anormal e todas as outras mulheres umas malvadas que judiam de homens?rsrrsr Maria Valéria

Mila disse...

Nossa, depois do último post fiquei até com medo de comentar (risos).
Acho que o conselho da Lola é válido. Coloca as cartas na mesa e diz que por você, não rola. Se vocês se consideram amigos mesmo, não custa também atentar para que ele respeite você e a namorada.
Todos nós estamos suscetíveis a nos apaixonar pelos amigos, se pensar por esse ângulo é até coerente. Logo, todos nós também corremos o risco de ficar na "friendzone". E, exceto um certo grupo de pessoas, a gente supera e bola pra frente.
Mas no caso dos homens ainda têm outros componentes. Se tiver uma amiga dentro de algum padrão de beleza, existe a pressão social para "comer" a menina (e a ação só se resume nisso, sexo). Pressão social dele ou vinda de amigos. Isso, lógico, quando eles se consideram amigos mesmo. O que mais rola é da gente descobrir quem é amigo e quem não é quando rola o toco.

Julia disse...

Isso foi horrível. Aproveitaram a morte trágica de um homem para atacarem a Camila Pitanga. Li gente falando que se ele nao estivesse traindo a esposa estaria vivo mas vi muito mais gente usando ofensas misóginas contra a Camila.

Leonardo Vieira disse...

Eu so queria entender(não ficou claro no texto)o que a autora quiz dizer com segundas intenções. afinal pode ser que ela esteja interpretando algumas atitudes dele de forma errada.

Bom e muito fácil acabar com o problema pergunte diretamente( diretamente e fala claro não porn sinais ou "dar a entender" ou qualquer outra frescura que vocês mulheres adoram inventar nessa horas para não encarar de frente o problema) se ele disser que si, diga que não esta interessada, e se ele insistir se afaste. pronto e simples, rápido e pratico, sem drama;

SO um breve comentário sobre friendzone, vocês mulheres poderia dar uma ajudazinha nesse quesito, sejam claras nas coisas que vocês falam e fazem e principalmente quando estão emitindo "sinais, e muito comum vocês jogarem toda a culpa em cima dos homens mais vocês também colaboram para que essa babaquice se propague.


Anônimo disse...

Querida, por que você não se afasta desse mala safado que quer trair a namorada e está te perturbando? Parece ser a melhor decisão a ser tomada. Homens egocêntricos e mimados que traem a confiança das pessoas com quem se relacionam, não sabem respeitar o espaço das outras pessoas e acham que têm direito a tudo, realmente não merecem relacionamentos nem amizades e o melhor pras outras pessoas é se afastarem de seres assim.

Anônimo disse...

Ah! Não se esqueça de deixar a atual namorada dele ciente de que ele estava querendo traí-la. Sempre é bom ser solidária com as outras mulheres e quem sabe você não ganha uma amiga? Muito melhor do que manter a companhia de um cafajeste desrespeitoso que está trazendo problemas pra sua vida. Mas mesmo que não consiga uma amiga, é como diz aquele velho ditado: antes só do que mal acompanhada.

extasetotal disse...

fantastico blog.parabens

Anônimo disse...

To sofrendo com isso. Fiz um "Amigo" online a 4 anos, sou bipolar diagnosticada a 3 e diversas vezes confidenciei a ele coisas vergonhosas, como por exemplo: minha tentativa de suicidio e coisas intimas da minha familia. Coisas que se alguem soubesse seria o fim pra mim, confidenciei a ele em momentos de desespero, quando eu ja nao tinha ngm pra contar. A um ano ele coneçou a falar de coisas mais intimas comigo e propos um namoro comigo, diz que me ama e que agora eu era dele. Sinto nojo dele hj pq ele ameaçou vazar nossas conversas se eu nao correspondesse.Na epoca eu disfarcei minha preocupaçao. Isso a uns 6 meses.ele vem todo dia me chamar no whatts e eu respondo com medo daquela ameaça feita a um tempo atras. Ele ta me coagindo e nao sei o que fazer, nao suporto mais ser legal com ele. Alguem, por favor, me ajuda

Anônimo disse...

Qualquer smartphone pode ser facilmente hackeado? Não há qualquer tipo de segurança?

McAfee: Não, não há segurança. E a razão de que não há segurança é que todos os nossos dispositivos móveis foram desenvolvidos, do começo ao fim, para coletar informações sobre nós. Informação é o novo dinheiro.

Todos os smartphones são desenvolvidos para aplicações que sabem onde você está, para quem você está ligando, quanto tempo você usa o smartphone, quem são os seus contatos, aplicações que leem as suas mensagens e os seus emails. Quando você baixa um aplicativo, você precisa selecionar “Sim/Aceito” para aceitar todas essas condições. Mas ninguém realmente lê essas condições, ninguém presta atenção.

Então, porque os smartphones são desenvolvidos exatamente para coletar informações, hackeá-los é algo trivial.

Anônimo disse...


"SO um breve comentário sobre friendzone, vocês mulheres poderia dar uma ajudazinha nesse quesito, sejam claras nas coisas que vocês falam e fazem e principalmente quando estão emitindo "sinais, e muito comum vocês jogarem toda a culpa em cima dos homens mais vocês também colaboram para que essa babaquice se propague."

Como assim Leonardo ? Eu não sei,acho que sou um ser de outro mundo, porque não entendo esse negocio de friendzone que vocês falam .
Já quase não tenho amigo homem pra começar. Os que tenho , em sua maioria , são maridos ou namorados das minhas amigas . Quando conheço um ou outro a mais , com quem pode rolar ( ou não ) algo a mais, tenho isso muito claro : ou deu liga ou não deu . Posso até sair uma ou duas vezes para ver se é o que eu pensei, mas se na segunda vez eu ver que não deu liga não deu mesmo e deixo isso claro pro cara , caso ele me convide de novo . Também não sou ser insensível e dizer no meio do encontro " desculpa ai, tentei mas não rolou química " , né ? Esse tipo de coisa , se surgir outro convite aí digo que não vai rolar - o cara tem que ter sensibilidade pra perceber e entender o meu não e se tocar .
Caso role interesse pra uma amizade , com assuntos em comum , sem ter sexo, posso até prosseguir com a amizade . Mas se o cara começar a fazer gracinha e insistir ou fizer de desentendido já corto e aí nem amizade quero mais, não tenho paciência pra gente insistente nem enchendo meu saco cobrando algo que não quero .
Então não sei de que negocio de friendzone e esse que vocês tanto falam, porque pra mim isso não existe, costumo ter muito claro o ue quero, o que sinto ou deixo de sentir e quem se aproxima de mim acaba sacando .
Mas, enfim, acho que sou um ser do outro mundo entre as mulheres né ?? ..
Maria Valéria

PS : o inverso também acontece viu ? Da mulher se interessar por um amigo ou ser mais a fim dele do que ele dela .ou de querer namorar o amigo e o amigo propor sexo casual,mas não querer namorar sério .e a mulher tem que ter sensibilidade para entender quando é uma coisa , quando é outra , e também ouvir um " não " de vez em quando , e se afastar do cara se achar que não aguenta o tranco de ser só amiga ou só casinho quando está apaixonada . . A impressão que dá é que a mulher aceita muito mais ouvir um ".nao " de um homem do que o inverso ....


Anônimo disse...

Engraçado como você diz que ele está "confundindo as coisas" e "acha que está se apaixonando"... Como é que você tem tanta certeza de que ele NÃO está se apaixonando mesmo? Um sentimento não tem que ser correspondidos para ser real. Não estou dizendo que ele merece receber o mesmo tipo de afeto, não é isso, mas acho que dizer que ele não sabe o que está sentindo está mais para uma mentira conveniente que você está dizendo para si mesma.

Anônimo disse...

"Querida, por que você não se afasta desse mala safado que quer trair a namorada e está te perturbando? Parece ser a melhor decisão a ser tomada. Homens egocêntricos e mimados que traem a confiança das pessoas com quem se relacionam, não sabem respeitar o espaço das outras pessoas e acham que têm direito a tudo, realmente não merecem relacionamentos nem amizades e o melhor pras outras pessoas é se afastarem de seres assim."

Incrível como a partir desse texto minúsculo e unilateral você já conseguiu definir que o cara não é um ser humano decente e deve ser isolado da sociedade forever.

Anônimo disse...

"SO um breve comentário sobre friendzone, vocês mulheres poderia dar uma ajudazinha nesse quesito, sejam claras nas coisas que vocês falam e fazem e principalmente quando estão emitindo "sinais, e muito comum vocês jogarem toda a culpa em cima dos homens mais vocês também colaboram para que essa babaquice se propague.

26 de setembro de 2016 20:47"

Qual ajuda? Pq pra mim quando uma mulher diz que não quer nem um beijo é pq realmente não quer, e quando fala pro amigo de quem tá afim, nao é charme, é pq nao quer o amigo mesmo.

Anônimo disse...

Bipolar 22:06

Primeira coisa: busque ajuda psicológica urgente.
Agora, algumas dicas:
Se vc quer mesmo se livrar do cara vc precisa cortar totalmente o contato com ele e não responder mais nenhuma mensagem. Vc deve bloquear tudo e ignorar as ameaças. Vc pode até ver o que ele diz (desaconselho), mas ele não pode saber o que vc pensa sente ou faz. Não fale mais com ele em hipótese nenhuma. Se for o caso troque número de telefone, chaves de casa.
Caso ele divulgue informações intimas faça um favor consigo mesma, respire fundo, seja forte e assuma que disse ou fez tais e tais coisas mas que hoje se arrepende e quer a segurança da sua família e ficar protegida desse abusador.
Caso vc ache que ele fará algo concreto contra a sua segurança procure uma delegacia da mulher.

Anônimo disse...

"Incrível como a partir desse texto minúsculo e unilateral você já conseguiu definir que o cara não é um ser humano decente e deve ser isolado da sociedade forever."

As pessoas precisam parar de passar pano, aceitar e dar apoio às merdas que os machos fazem, ao comportamento de bosta deles. Por isso que eles continuam livremente com esse comportamento podre e a culpa e as consequências das merdas que eles fazem ficam com as mulheres. Essa realidade só vai mudar quando as consequências das escrotices que os machos fazem forem diretamente pra eles, eles precisam começar a pagar.

Anônimo disse...

"Eu tenho um amigo que diz mtos equivalentes a vai pra porra pra mim. Ele me chama de mano, se eu choro num filme fala q eu to mto mulherzinha e pra eu parar de frescura, e os outros até se assustam com o jeito como ele me trata como se eu fosse um menino".



Exatamente! Isso sempre foi muito normal nas minhas amizades tanto de homens ou de mulheres. E se você joga videogame com amigos homens ou assiste algo com eles, sabe bem como é. Na hora da frustração sai muitos "vai p porra" ou equivalentes de ambos os lados jkkkkk Normal

Anônimo disse...

Sobre como chamavam a "friendzone" antes da internet:

Meu irmão estava cismado de uma menina (e chamo de cisma porque quem ama não faz certas coisas). Bonita, simpática, jovem, um amorzão de pessoa só que ela simplesmente tava em outra. Mas o bicho é insistente então vivia chamando ela pra sair, ela não queria ficar sozinha com ele então chamava as amigas, e o tonto lá pagando conta de barzinho pra todo mundo, ajudava ela no trabalho sem ela pedir, mudou todos os horários pra sempre ter uma desculpa pra dar carona pra ela (que às vezes aceitava, às vezes não), já tava até planejando viagem pra NY com a garota (mas só ele planejando tá, ela não tava nem aí pra hora do Brasil) e aí quando ela apareceu com um namorado noooooooooossa precisavam ver a revolta do rapaz. "Onde já se viu fazer isso comigo, eu que paguei bar, dei chocolate, dei carona, ia dar viagem"...

Minha mãe, do alto dos seus 77 anos, uma pessoa que jamais usou a internet, não sabe absolutamente nada sobre feminismo e menos ainda sobre memes, olhou bem pra cara dele e falou "Moleque, você é um merda, você se faz de amigo quando na verdade seu objetivo é outro. Você é falso e na próxima vez que eu vir a Fulana, vou fazer questão de contar pra ela quem você é". E fez mesmo.

Então é assim que se chamava friendzone antigamente, acho. Pelo nome certo: merda de moleque falso e mal-intencionado.

Anônimo disse...

Olha isso já aconteceu comigo há muitos anos atrás. Tinha um amigo desses amigões mesmo. Andávamos até de mãos dadas, mas isso PRA MIM não tinha nada a ver!Era tipo irmão. Um belo dia uma amiga me fala que ele estava gostando de mim e queria ficar comigo. Na hora achei um absurdo e demorei pra acreditar, porque eu NUNCA tinha nem pensado nisso. Na época eu era apaixonada por um outro cara que só me enrolava. Um dia estava muito triste por causa desse cara e minhas amigas insistiram demaisssss pra ficar com esse meu amigo. Juntou que eu tava chateada com o cara que era apaixonada, com a pressão da amigas, com a vontade de não magoar o amigo, aceitei ficar com ele. Foi a única vez que me arrependi de ter ficado com alguém. Parecia que estava beijando um irmão. Química zero. Só queria ir embora dali. Não sei se ele sentiu o mesmo ou se percebeu que não iria rolar mais nada, mas nunca mais chegou em mim. E pior que a amizade acabou completamente. Não brigamos, não discutimos, mas nada foi igual antes.

Anônimo disse...

Muitas história de inflação de ego. O ego da mulher realmente é maior que o do homem. Disso não podemos negar.
Se tivesse o mesmo tanto de macho contando as mesmas histórias, de garotas que eram afim deles e que eles só queriam amizade, seria "proibido", pois o ego da mulher sempre tem que ser o maior.
O macho estaria "se sentindo" demais, sendo proibido de "se sentir", pois isso é "coisa de mulher".

A mãe dos gato tudo disse...

Já passei por várias situações desse tipo, sei muito bem como é.

Uma das últimas foi que um grande amigo (que eu pelo menos PENSAVA que era amigo, mas não é mais) ficou encarregado de liderar um projeto em um grupo que eu fazia parte.

Eu fiz de tudo pra ajudar esse "amigo" (pelo menos eu achava que era), e tinha gente achando que eu quem estava liderando. A pessoa encarregada de determinar quem eram os líderes insinuou que eu só estava exercendo essa posição por causa de um suposto relacionamento que eu estaria tendo com a pessoa que eu achava que era meu amigo.

Eu estava ajudando meu amigo no projeto desse cara porque eu admirava os dois. Depois disso fiquei tão decepcionada que abandonei tudo.

O cara que eu achei que era meu amigo disse que estava a fim de mim e diante do meu não nunca mais falou comigo, e ainda postou indireta no FB por um bom tempo como se eu fosse obrigada a correspondê-lo. Depois é mulher que não tem profissionalismo, não é racional...

A mãe dos gato tudo disse...

Pessoa com transtorno bipolar 22:06

A melhor coisa que você pode fazer é não ceder a ameaças. Ele quer vazar as conversas? Deixe que vaze, se algum desocupado vier querer saber o que é diga apenas que é forjado, que ele é um coitado que precisa inventar coisas pra chamar a atenção. Não esquente a cabeça. Mas tire print de tudo.

Jamais se mantenha num relacionamento por pressão/ameaça/etc. Se ele continuar te pressionando, faça um B.O. de extorsão. Eu oriento a todas as pessoas coagidas a manter contato com alguém fazer, e sim, analisando o dispositivo é perfeitamente cabível, veja-se:

Art. 158 - Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, e com o intuito de obter para si ou para outrem indevida vantagem econômica, a fazer, tolerar que se faça ou deixar fazer alguma coisa: Pena - reclusão, de quatro a dez anos, e multa.

Mediante violência = não se especifica aqui se é violência física, emocional, psicológica, então no seu caso, PRINCIPALMENTE por você ser bipolar e ele saber, é violência psicológica.

A fazer, tolerar que se faça ou deixar fazer alguma coisa = essa parte fala por si só.

A pena é de reclusão, o que já dá um belo susto nos desavisados achando que pode escravizar emocionalmente/psicologicamente os outros.

Anônimo disse...


"SO um breve comentário sobre friendzone, vocês mulheres poderia dar uma ajudazinha nesse quesito, sejam claras nas coisas que vocês falam e fazem e principalmente quando estão emitindo "sinais, e muito comum vocês jogarem toda a culpa em cima dos homens mais vocês também colaboram para que essa babaquice se propague."


Só um breve comentário sobre friendzone: vocês homens poderiam ser mais sinceros também. Muitos se fingem de amiguinhos das mulheres apenas pelo sexo. Depois que conseguem ou são rejeitados, nem olham na cara das "amigas". Sejam sinceros e não fiquem enganando.

Ah, 9:27, tem muito homem que mantém meninas na friendzone também. Enquanto estão correndo atrás da musa impossível, várias vezes vocês deixam a amiga que vocês nem tem tanto interesse, mas vai que, de lado. É aquela menina que não tem tantos atrativos, é tímida, não está dentro do padrão de vocês, mas serve para ser a amiga que infla o ego ou vira o lanchinho de vez em quando.
Dando migalhas de atenção ou alguma vã esperança para ela em troca egos inflados. Aí a guria, vai, desencana de vocês e vocês se acham injustiçados de terem perdido o estepe.

Muito fácil vir atacar essas megeras sem coração quando vocês fazem o mesmo. Sinceridade para os dois lados em vez dessa guerrinha de gênero que vitima só o pobre ômi. Amizade com intenção de inflar ego - para homens e mulheres, heteros e gays - não é amizade verdadeira. É coisa de gente narcisista que precisa humilhar o outro para se sentir bem.

Anônimo disse...

Mães = rainhas

Anônimo disse...

"O ego da mulher realmente é maior que o do homem. Disso não podemos negar."

Concordo. Os homens são humildes e não gostam de ter o ego inflado. É por isso que a gente não vê entre eles competição de medir o pinto; selfie pra mostrar os músculos na academia; anabolizante pra ficar "monstrão"; competição de quem come mais mulher na vida, blogues na Internet de homem "honrado" que sente inveja de macho alpha pq a vadia preferiu ficar com o bombado; pitboi se gabando por fazer luta e batendo em homens e mulheres mais fracas; fixação com carrão para se mostrar para a mulherada; homem se gabando de ter dinheiro para pagar de fodão na frente dos amigos... essas mulheres são realmente todas egoístas, narcisistas, vaidosas e ególatras, precisam aprender cuzomi como ser humilde.

Anônimo disse...

Chora mais 09:27, que eu tô querendo lavar o cabelo e relaxar com os pés de molho.

Anônimo disse...

Indeed!
Lu

Anônimo disse...

Ah, pq segundo as comentaristas do blog, vc é uma puta que não tem sororidade ( to pegando nojo dessa palavra). Pois se tivesse, não teria deixado o cara se apaixonar, afinal, isso não acontece do dia pro outro. E se vc acabar ficando com ele - vai saber por qual razão- merece morrer no fogo do inferno, pois coitada da namorada dele.

Felizes, mulheradas? De terem traumatizado mais uma?

Anônimo disse...

Sofro com um problema parecido, mas o cara não tem namorada. É o estereótipo do nerd, e essa é uma das nossas afinidades, ficamos conversando sobre joguinhos 90's para Windows. Um cara 7 anos mais velho que eu. Somos amigos há algum tempo, nos conhecemos por causa do mesmo curso na universidade.
No começo desse mês de setembro, ele se confundiu e eu paguei. Ele ficou me stalkeando (na vida real mesmo, aparecendo aqui em casa sem avisar) e eu tenho sérios problemas de lidar com rejeição e em rejeitar os outros tbm. Não quero magoar o cara.
Já voltei de boa pras redes sociais, mas ainda não voltei a falar com ele. Eu sei que eu preciso colocar as cartas na mesa, mas ainda não tive coragem. =/
Lu

Anônimo disse...

Eu falei com a moça bipolar anteriormente e fiquei sinceramente preocupada com ela.

Eu tenho algumas dificuldades psico-emocionais e sempre me tratei, hoje me sinto mais forte pra lidar com qualquer coisa. Identifico-me com sua fragilidade, embora pra mim seja claro que é preciso resistir a esta tendência.

Entretanto, para muitas mulheres nestas condições de fragilidade emocional, é muito fácil virar um alvo para abusos emocionais e sexuais. Nesse caso, a mulher tem uma condição psicologica confusa e é fácil alegar que ela consentiu em abusos quando na verdade ela mesma ainda não tem clareza do que deseja ou quer para sua própria vida. Ou está em estado de sofrimento emocional. Às vezes o cara nem é um abusador clássico, mas o patriarcado gera essa cultura de que o homem é um predador sexual e isso pode influenciar sim muitas atitudes masculinas no sentido de aproveitar uma circunstância sem se importar com o real consentimento da outra pessoa.

Por isso acho importante elaborar nosso ego psicologicamente para ter mais clareza do que se quer, não hesitem em fazer um acompanhamento psicologico, ter algum amigo ou familiar com quem se possa realmente contar... é positivo tornar a vida mais leve através de escolhas mais conscientes do que se é e quer. E é claro, tratar-se quando há um problema...

Meu argumento é no sentido de se medir mais a exposição diante de todos. Numa situação de abuso, claro que não é culpa da vítima; mas é importante que as pessoas tenham autonomia, ferramentas, práticas e conhecimentos para minimizar uma exposição ao risco ou ao menos ter consciência dele. Por isso acho que estes debates aqui neste espaço feminista ajuda as mulheres a tecer e moldar uma consciência de si mesmas.

Em meu caso acho que até me tornei retraída e com pouca confiança pra me relacionar; pra mim isso significa uma defesa e perda de autonomia frente a outra pessoa que se diz sua amiga ou parceiro. Com o tempo acho que estou aprendendo a dosar melhor isso e ser menos defensiva.




Anônimo disse...

Anônima 07:20

Eu já tentei namorar um amigo desse aí da " friendzone " , o único amigo que tive nesse estilo, aliás.

O cara me conhecia desde ano 94 , apaixonado por mim, pedindo em namoro, até ajoelhar bebado pra implorar um " namora comigo " ele tinha feito em um carnaval dos anos 90 .
E eu sempre deixando claro : gosto de você só como amigo .

Passam - se uns anos, perco o contato dele. E acontece ano 2005 , a tonta aqui apaixonada por um que não tava nem aí comigo, que me enrolou um tempão e acabou ficando noivo de outra . Carente, sozinha, amor não correspondido, vendo casais se beijando em bar , dai vem a ideia brilhante :" fulano do ano 94 lá do carnaval sempre me amou, vou dar uma chance pra ele porque quero beijo, quero abraço igual esses casais que to vendo por aí " . Procurei e consegui o contato dele pela internet .
Em menos de uma semana, bingo ( como dizem os americanos ): eu estava namorando com ele, toda iludida, mentindo pra mim mesma que tava apaixonada por ele( e quanto mais vc conta uma mentira pra si mesma mais você acredita ) e até me sentindo " vingada " do homem que eu amava e tava noivo de outra, afinal eu também tava amando !!!olha que vida maravilhosa que não era
Só que calhou desse namorado mostrar os defeitos muito cedo, e quando a gente não tá apaixonada,enche o saco logo e percebe a fria . Começou a mostrar um ciúme excessivo, doentio . Ligava de cinco a dez vezes por dia pra saber onde eu tava e por que não tinha voltado pra casa . Também teve aquela cena clássica de implorar pra eu contar qual tinha sido " minha última transa antes dele " , de tanto insistir conto e adivinha : cena de choro : " por que você transou com outro no ano passado se eu estava ali a sua disposição o tempo todo te esperando "? Oi ?? Se convidou pra morar no meu apartamento , e quando eu disse era muito cedo fez cena de drama, de vítima " achei que sua reposta ia ser sim, que você me amava, coitado de mim, buaaa "
Deu a merda que deu , percebi que o cara era um louco , que eu não tava apaixonada bosta nenhuma e cai fora .
Reação dele : eu sempre te dei tudo, sempre tive do seu lado, mas você me largou porque deve ter outro , vou contar todo mudo a vagabunda que você é "
Eu nem tinha ninguém em vista, só queria dar um tempo de namorar qualquer pessoa , ainda mais aquele louco .
O cara me difamou pela internet . senti raiva de mim, por ter feito a burrada de namorar com ele , sentia nojo de mim mesma , nojo do meu corpo por ter ficado dois meses com um traste desses .
Então meu conselho é o mesmo que o seu : não rola química, não força a barra . Não são todos os caras que serão loucos que nem esse ex, mas namorar amigo por quem vc não sente nada sempre da merda.

Maria Valéria



Sportano disse...

Há uma maneira simples de resolver isso : chega no rapaz e fala diretamente, pergunta pra ele se ele está sentindo algo ou não.

Sobre "ganhar fama". Não tem como fugir muito disso não. Dá até pra rir disso. Quando as pessoas veem um homem e uma mulher andando juntos, falam mesmo. Já passei algumas vezes por isso, quando acabava tendo um contato próximo com algumas moças. Algumas pessoas perguntavam até diretamente seja pra mim ou pra moça se éramos namorados.Normal.

Anônimo disse...

Já aconteceu algumas vezes comigo. Mesmo eu sendo comprometida e deixando isso extremamente claro. Homem pensa que qqr afinidade que vc tem com ele vira interesse sexual. Lamentável.

Anônimo disse...

"Ah, pq segundo as comentaristas do blog, vc é uma puta que não tem sororidade ( to pegando nojo dessa palavra). Pois se tivesse, não teria deixado o cara se apaixonar, afinal, isso não acontece do dia pro outro. E se vc acabar ficando com ele - vai saber por qual razão- merece morrer no fogo do inferno, pois coitada da namorada dele."

Não. De acordo com as comentaristas do blog, você é uma machista escrava do mundo dos relacionamentos monogâmicos que está cerceando seu prazer e seu tesão, afinal não quer ficar com um cara comprometido, mesmo que ele queira. Ficar com esse cara seria uma libertação do sistema patriarcal e uma maneira de libertar a namorada dos relacionamentos monogâmicos.

Claro que isso foi uma ironia. Tem gente que não se conforma que a menina tenha decidido não ceder.

Anônimo disse...

Nossa, quanta bosta. Isso só pode ter vindo de um ser que acabou de levar um tremendo pé na bunda. E dou meus sinceros parabéns para a mulher que fez isso.

Michele disse...

Vou generalizar um pouco. Eu penso assim, nós mulheres somos condicionadas a ser gentis e amáveis com todos, enquanto o homem tem esse comportamento mais em situações especiais.
É aí que começa a confusão: na cabeça de alguns homens só porque ele trata bem a mulher, ele acha que ela está entendendo perfeitamente que ele tá afim, e está correspondendo. Junta isso ao fato de que homens tem menos facilidade de entender sutilezas, como reparar que a menina não olha pra ele de um jeito diferente, se esquiva de algumas situações etc.
Eu vejo alguns homens reclamando que a mulher "cozinha" o cara de propósito e blá,blá,blá mas não é bem por aí. As vezes quando a gente se toca do que tá acontecendo já tem uma certa amizade pelo cara, e junto com a nossa "amabilidade" vem o medo de magoar a pessoa. Eu quando era mais nova tinha muita dificuldade de falar NÃO e ficava dando desculpas pra ver se o cara se mancava sozinho. Dá mais dor de cabeça rss.
Então essa é minha dica pra B. pra contornar essas situações. Seja clara! Não é culpa sua mesmo, mas com homem é assim, tem que falar na lata. O cara insinuou algo em tom de brincadeira? Não de risada. Te chamou pra um programa típico de namorados? Fala que não quer ir e pronto, não inventa que tá ocupada.
Pra mim o cara é machista se fica com raiva da menina por uma coisa que ele criou na cabeça dele, e não exatamente por "se confundir". E cuidado porque a gente tbm pode ter um "machismozinho" escondido lá no fundo, as vezes o cara tbm está apenas sendo legal.
Qnto ao que vão pensar, esquece, sempre vão pensar alguma coisa.

Anônimo disse...

Julia, você tá bem?

Leonardo Vieira disse...

Eu não posso por esse tipo de problema, todas as minhas amigas tem plena consciência de que eu sinto vontade de transar com todas elas.eu tenho a capacidade de dissociar sexo de sentimento, então forneço a todas essa possibilidade de sexo sem compromisso. mais se elas não quiserem continuamos sendo so amigos.

E mesmo que venhamos a transar isso não afeta nossa amizade.

Então estou livre da friendzone, pois aplico esse raciocínio para todas exceto para a minha amiga Jessica por que ela eu amo e não conseguiria aplicar esse pensamento.

Anônimo disse...

Anônimo das 10:58

Não estava me referindo de "competição" entre HxH ou MxM

Você, sendo mulher, se relacionaria com um macho com um ego maior do que o seu?
Não né.
O ego dele tem que ser menor do que o seu.
Via de regra é assim.

Anônimo disse...

Hahahhaa

Seja que nem o Leonardo.
Deixe claro que, quando sua amiga querer sexo, vc está ali pro que der e vier.
Caso não, fique de boa e continua a amizade.

Simples assim.

Anônimo disse...

Só no mundo da imaginação que existe dentro da cabeça de vocês masculinistas...

Anônimo disse...

23:18,
Não me relaciono com machos ególatras pq não sou ególatra. Mas uma pessoa só é ególatra e narcisista pq tem outra(s) dando ibope - e via de regra, o macho gosta mais de se exibir.

Anônimo disse...

Rs é a velha liberdade do patriarcado, aonde tudo fica de boas pra quem nunca fica mal na foto socialmente.
Nesse mundinho que vcs acham que tudo está a serviço de vocês vejam que surpresa: não achamos vcs o último biscoito do pacote rs.
Acho que muitas tb tem a capacidade de dissociar sexo de sentimento, só não perdem tempo contando vantagens.
Até pq quem sai bem na foto geralmente não é mulher e com o tempo a gente vê que não vale tanto a pena assim rs

Anônimo disse...

Eu sou homem e, sinceramente, nunca entendi bem essa choradeira de friendzone.

Sim, é uma merda se apaixonar por quem não te quer. Quem nunca? Eu mesmo já me apaixonei pela então melhor amiga e ela só queria amizade. E como ela não quis, eu só tive uma opção, que é a mesma quando eu tomo fora de qualquer outra mulher: partir para outra. Não tem jeito. É um pouco mais difícil superar a paixão e ainda assim manter a amizade quando se tem contato com ela, mas é perfeitamente possível.

Além disso, a vida do cara não precisa ser centrada em torno de seu falo. Ele não precisa ter de tentar transar com todas as mulheres ao seu redor para provar que é macho. Só moleque que ignorou a educação dada pela mãe que precisa fazer isso.

Anônimo disse...

O anônimo de 18:57 é aquilo que descrevo como homem de verdade. Ser homem é isso . Saber respeitar, saber os limites e saber ouvir não e tocar a vida
Parabéns
Maria Valeria

Anônimo disse...

Para Lola e para a anônima de 27 setembro 06:14

GARGALHEI lendo a história do seu irmão, amiga kkkkkk!!!!!
A maneira como você contou , sei lá...kkkkkk !!!!

Lola : Eu fico uns tempos sumida desse blog porque preciso me cuidar , e às vezes ler ou me envolver em certas polêmicas não tem me feito muito bem , então tiro uns períodos de descanso de ler e comentar aqui . Também adoro você e no seu devido tempo, voltarei mais vezes a comentar aqui . Nunca sei quanto tempo leva ,mas nada como um dia após o outro .

Mas ler esse relato e ver que existem mulheres sabias como sua mãe , amiga anonima , me faz restaurar a fé que tenho na humanidade ....rsrsrs.

É de lavar a alma ler algumas histórias e perceber que não estamos sozinhas ;)

Maria Valéria


Anônimo disse...

Sonha, alice...

Anônimo disse...

Você tá querendo dizer que mulher não sabe respeitar, não sabe os limites e não sabe ouvir não e tocar a vida? Porque você falou que isso é ser homem, e mulheres não são homens...

Anônimo disse...

Não , anônimo 22:54 , não foi isso que eu quis dizer ...

Fiz quase uma ironia ...pois as mulheres em geral já sabem respeitar ,limites, ouvir não e tocar a vida ,muito mais do que os homens ....( basta ler outro dos meus vários posts acima que escrevi isso ) ...
Os homens , em sua maioria , acho que não sabem fazer isso . Pois quando querem posar de " macho " ficam dizendo que são machos porque pegam todas, porque transam com essa e aquela e reclamando de friendzone ...
Enquanto eu cá acho que ser " macho " e o contrario , é ser homem o suficiente pra respeitar limites, saber ouvir não e tocar a vida , ou seja, fazer o que as mulheres já sabem fazer melhor que a maioria deles, e que é o que esse anônimo que elogiei pelo jeito sabe fazer.
Eta mania de ficar na defensiva, não precisa tanto...!

Maria Valéria

Anônimo disse...

Continua no mesmo erro, dizendo que fazer essas coisas é ser "macho", ser homem o suficiente...

Você falar isso não vai influenciá-los a serem assim só pra serem "machos" de acordo com essa deturpação da realidade. Eles não dão a mínima. No fim das contas você sai apenas como extremamente contraditória, pois diz que fazer essas coisas é ser macho, ao mesmo tempo em que reconhece que as mulheres fazem essas coisas e muito melhor do que os homens.

Anônimo disse...

Tá bom, 11:28 .
não entendi muito bem , mas vou refletir sobre o que vc falou .

Bjs
Maria Valeria :)

Anônimo disse...

Respondendo Hammandah

Não tem nada de choradeira aqui querida, apenas aceitar os fatos da vida. Também já levei muitos não, e não guardo ódio nem rancor por ninguém não, apenas aprendi que tem gente que gosta de usar os outros como muleta emocional. Tem gente que precisa de alguém correndo atrás, bajulando e agradando, pra se sentir querida, porque é insegura. Tem gente que gosta de ter um "leque de opções", como já ouvi falar, e tá pouco se lixando pros sentimentos das pessoas que fazem parte do tal leque e tem alguma esperança de serem correspondidas. A Friendzone EXISTE e as pessoas USAM ela em benefício próprio. Triste, mas real.

Depois que a gente aceita esse fato, fica mais fácil encarar possíveis desilusões.

Anônimo disse...

Anonima 22:06, você não fez nada vergonhoso. Quem tem que ter vergonha é ele. Entendo que tentar suicídio nao seja motivo de orgulho mas qualquer pessoa que souber q ele esta usando isso pra te chantagear cai ficar do teu lado.

Julia disse...

To bem sim e vc?

Anônimo disse...

É pior que isso, 11:28. Além de ser uma tentativa vã de influenciar positivamente os homens para que eles saibam respeitar, limites, saibam ouvir nãos e tocar a vida; dizer que essas coisas são "ser macho", "ser homem o suficiente", é uma mentira absurda e bajuladora que piora a situação alimentando o ego masculino e a crença machista fantasiosa que os homens fazem essas coisas e que são assim (respeitosos, dignos, nobres, independentes, etc; etc; etc.) por pré-definição, sem que eles precisem realmente fazer nada dessas coisas para serem considerados dessa maneira, receberem essa reputação e serem respeitados como tal.

Anônimo disse...

11:28 e 18:36

Eu realmente estou refletindo sobre o que vocês colocaram .
Se dizer esse tipo de coisa é reproduzir discurso machista( mesmo sem querer ), é hora de pensar por que fazemos isso .

Eu já reproduzi coisas que eu não sabia que eram machistas : " mal amada " , por ex . E hoje me envergonho das( poucas ) vezes que usei essa expressão- da qual nunca gostei mas que na hora da raiva de uma certa fulana ela escapou . Hoje não a uso mais, aboli do meu vocabulário .
Então, se estou sem querer reproduzindo e perpetuando o machismo de alguma maneira, estou refletindo sobre essas expressões que usei .

Um beijo as duas e valeu pela reflexão .



Maria Valéria

Anônimo disse...

A própria cultura masculina afirma de várias formas que ser "macho", ser "homem de verdade" é precisamente o contrário daquilo que a maior parte das mulheres, contra todas as evidências, querem acreditar insistentemente que os homens são ou desejam que eles sejam. Toda a sociedade masculina demonstra que ser "Macho", "Homem de verdade", com H maiúsculo, é usar violência, violar limites, especialmente os limites das mulheres, não respeitá-las, diminuir e menosprezar as mulheres para se engrandecerem e serem respeitados, não aceitar serem contrariados, e é isso que os homens almejam e admiram, o que eles respeitam, o que eles fazem para terem e manterem poder.

Leonardo Vieira disse...

algumas das mulheres podem me dizer afinal de conta o que vocês querem.

Nos homens temos necessidade de sexo, e vocês também então porque não podemos simplesmente transar( se for da vontade dos dois) e pronto. sexo e bom, e gostoso faz bem para a saúde, relaxa, ajudar a diminuir o estresse. Porque vocês complicam tudo, querendo colocar sentimento no meio.

Anônimo disse...

Não posso falar pelas outras mulheres, mas aposto que algumas vão concordar comigo:

Eu sinceramente quero que você vá a merda, Leonardo Vieira.

Vai se foder, senta seu cu em cima de um toco e gira.