sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

ADRILLES, O STALKER DO BBB: PIOR DO QUE IMAGINÁVAMOS

Não sei se vocês notaram, mas não estou em Fortaleza. Eu e o maridão estamos conhecendo Maceió pela primeira vez, e a Samantha está ajudando a moderar os comentários do blog (obrigada, querida!). Por enquanto, tudo bem. Só chego perto do computador uma ou duas vezes por dia, por poucos minutos.
Ontem de manhã recebi um email de alguém que não conhecia o blog. A pessoa chegou aqui através do post sobre Adrilles, um dos participantes do BBB15. Anteontem publiquei o relato de uma jovem que foi stalkeada pelo escritor de Belo Horizonte. Seu relato era levinho se comparado ao que o Extra tinha publicado: anos atrás, Adrilles se apaixonou por uma colega que não lhe correspondeu a atenção. Isso não faz diferença para um stalker, e o rapaz a perseguiu a tal ponto de descobrir que ela traía o noivo. Assim, ele foi capaz de "alertar" o noivo e desfazer o casamento já marcado. 
Alguns dos comentários por aqui foram uma gracinha: disseram que Adrilles fez bem em avisar, que as mulheres denunciando o cabra só estavam querendo aparecer (aham, é por isso que elas insistem em se manter anônimas), e o mais bacana: que o Olavette (é, ainda tem essa falha de caráter) assediava as moças de um modo "divertido e gentil". Qualquer mulher que já passou pelo pesadelo de ser stalkeada pode dizer que não há nada de gentil, divertido ou elogioso em ser perseguida. 
Não posso falar muito da pessoa que me enviou este último email, porque ela não quer ser identificada. Apenas que é uma das envolvidas nessa história do casamento, que não aconteceu como o Extra publicou. Essa pessoa me disse, por email: "Adrilles é, sim, um stalker perigoso e complicado. Mas a bem da verdade não destruiu o casamento de ninguém. A história foi mal contada pelo Extra, mal apurada e nos expôs de forma desagradável". 
Pois é. A história é muito, muito pior que aquela narrada pelo Extra
Doze anos atrás, uma moça -- vamos chamá-la de Ana --, conheceu Adrilles na faculdade. O método de abordagem dele foi o mesmo contado por G. e outras meninas nas redes sociais. Ele era rebuscado, inconveniente, grudento. Ana já estava noiva, mas isso não o impediu de persegui-la. Ele ligava dia e noite para sua casa, ligava para as amigas, queria saber onde ela estava, aparecia sem avisar. 
Adrilles conseguiu um emprego onde Ana trabalhava para ficar perto dela. Ele a seguia até o carro, deixava bilhetes, flores, presentes. Depois de um tempo, Ana só saía da empresa acompanhada por um segurança. Ela chegou a ir a uma delegacia, mas, como Adrilles não havia encostado um só dedo nela, não deixaram que ela prestasse queixa. A sugestão do delegado foi mandar o noivo "dar um pau no cara".
Ela preferiu largar o emprego. O assédio de Adrilles a ela, porém, não cessou. Ao todo, durou dez anos. Dez anos de puro inferno.
No entanto, não foi ele o pivô do fim de noivado da Ana. Foi ela que contou ao noivo que estava apaixonada por outro. Foi um baque, porque foi na véspera do casamento. Tanto o noivo (um cara boa gente) quanto Ana entraram em depressão. Ana afastou-se do amante. Só voltaram a se falar oito meses depois, e desde então, nunca mais se desgrudaram. Casaram, tiveram filhos, vivem bem há dez anos, e ambos são profissionais respeitados em suas áreas. Uma linda história de amor.
Mas nada disso fez com que Adrilles parasse de stalkear Ana. Agora ele queria acabar com o relacionamento dela com o amante. Ligava para amigos em comum do casal dizendo que ele, o amante, só queria usá-la, só "comer e jogar fora". Quando ela e o amante se casaram, tiveram que contratar seguranças, com medo que Adrilles aparecesse. Mal curtiram a festa. Em outra ocasião, Adrilles compareceu a um evento do casal, e ficou espreitando, provocando, até que o marido de Ana tentou falar com ele. Ele perdeu a paciência e por pouco não bateu em Adrilles.
Após muito pensar, Ana decidiu procurar a justiça novamente. Com a ajuda do marido e de um delegado conhecido, desta vez não riram dela e permitiram que ela prestasse queixa. O caso chegou ao Juizado Especial e Adrilles foi obrigado a assinar um termo se comprometendo a manter no mínimo 500 metros de distância de Ana e de parar de ligar para a família dela e amigos. 
Isso funcionou, e Ana nunca mais ouviu falar nele -- até anteontem.
Imaginem o que deve ser ver seu stalker num programa de TV. Imaginem ler a sua história mal contada, deturpada, no Globo e nas redes sociais. Quando Ana leu a matéria no Extra, ela chorou, tremeu, se desesperou: "Será que tudo vai voltar?", perguntou ela.
Toda a minha solidariedade a Ana e sua família. Eu, como autora de um blog feminista, já ouvi inúmeras histórias de perseguição. O incomum é o stalker ser premiado com participação na TV. 
Então, só pra vocês saberem, foi esse cara que a Globo chamou para o BBB. Um cara que durante dez anos aterrorizou uma moça que nunca quis nada com ele. Um típico stalker. Quanto será que a Globo sabia? Por que dar destaque a um homem com comportamento obsessivo e perigoso? 
Não sei como será o comportamento de Adrilles no BBB. Só torço para que ele saia logo. E, principalmente, para que stalking não seja romantizado. Não existe nada de "o amor é lindo!" (famosas palavras proferidas por Pedro Bial quando o país inteiro falava de um estupro no BBB) quando se trata de violência contra a mulher.

UPDATE em 30/1/15: Adrilles deu uma entrevista (não sei se agora ou antes de entrar no BBB) sobre o caso. Sua versão parece uma grande ficção: "Teve uma moça com quem tive um affair e que depois se casou com outro. O marido tinha ciúme de mim”. Adrilles nunca teve um "affair" com "Ana" (não é seu nome verdadeiro), a menos que ele considere perseguir uma mulher que estava com outro um affair. O marido não tinha ciúmes de Adrilles, por quem Ana não sentia nada além de medo e desprezo. O marido, isso sim, temia pela segurança de sua esposa. Afinal, alguém que fica ligando pra sua casa e mandando emails (como está na matéria) durante tantos anos e não aceita um não como resposta pode ser muito perigoso. 
Mas Adrilles descreve a história como "engraçada e meio trágica". Engraçada, só se for pra ele. Pra Ana, é um grande trauma, um pesadelo que durou dez anos. Adrilles mente na cara dura ao dizer que recusou acordo. A própria matéria o desmente, afirmando que ele se comprometeu a não vê-la nunca mais. Este foi justamente o acordo que ele assinou: ele "se comprometeu a não estabelecer qualquer tipo de contato que possa vir a importunar a vítima, tais como email, telefonemas, contatos pessoais e contatos semelhantes".
Na sua versão romantizada, Adrilles é a verdadeira vítima, e seu único crime é "amar demais". Ele disse à reportagem: “Não há termo legal ou impedimento da lei que me impeça de amar alguém que me detesta”. De fato, não há. Ontem saiu uma matéria no R7. A matéria me cita e publica as palavras de Luíza Nagib Eluf: "O stalker não é crime no Brasil. Assim como teve dificuldade para criminar o assédio sexual, estamos tendo muita dificuldade convencer os legisladores desse tipo de crime."
Pois é, está na hora de começar a punir stalkers, em vez de premiá-los com participações em programas de TV que tratam tudo como "Que bafão!". 

197 comentários:

Anônimo disse...

No inicio do namoro com minha atual esposa nós também fomos vitimas de stalkers. Não foi nada nem perto do que essa moça passou, mas foi o suficiente para causar bastante stress.
Foram dois stalkers na verdade, que até hoje eu não sei se eram independentes ou se era um grupo de pessoas tentando nos atingir.

Primeiro começou com ela. Um cara da faculdade mandando mensagens pro celular dela, dizendo que estava apaixonado e nao via a hora de se declarar. Perguntando se eu era o namorado dela, que era para ela "largar esse mané e ficar com ele, que ela nao ia se arrepender". Como ela sempre foi uma pessoa madura e nunca tivemos segredos entre nós, ela me mostrava essas mensagens. Nós ficávamos indignados, mas não havia muito o que fazer. Por sorte, esses ataques pararam quando viram que não estava surtindo nenhum efeito.

Curiosamente, foi um pouco depois que começou a segunda rodada. Uma garota, que pela voz devia ser uma adolescente, começou a ligar lá para minha casa dizendo que queria ficar comigo. No inicio apenas rimos disso e não demos bola. Mas ela começou a insistir, ligava quase todo dia, sempre com a mesma conversa. Uma noite quando nós dois havíamos saído para uma festa, ela ligou para casa e como não me achou, ligou para os meus tios, dizendo que era minha namorada. Até então eu achava que era só uma criança passando trotes para um número de telefone aleatório, mas quando vi que era alguém que me conhecia, e que tinha acesso a informações pessoais minhas e da minha família, comecei a ficar preocupado de verdade. Por sorte mais uma vez, depois de quase 1 ano os ataques pararam, talvez por perceberem que seu objetivo (causar intriga entre mim e minha namorada) não estava sendo atingido.

Depois disso, não tivemos mais problemas, mas assim como a autora deste post, também fiquei preocupado que essas pessoas pudessem tentar criar algum escândalo no dia do nosso casamento, ou algo assim.

Enfim, tudo isso é para dizer a autora do post, que eu consigo entender o sofrimento que você passou, pois mesmo não sendo um caso tão grave quanto o seu, o sofrimento psicológico foi o bastante para ter uma noção do que você e seu namorado/marido sentiram.

Claudio disse...

Os homens tem que entender, ou eles nasceram bonito ou eles tem que ser útil para ter a aprovação de alguma mulher!

Anônimo disse...

nossa mas que noivo machista e retrogrado, só porque tomava chifre, terminou o noivado com a menina?!"
Tisc tisc

Anônimo disse...

Não, querido. Só precisam entender q qd a mulher não quer, não quer e ponto! Não tem q ficar stalkeando. Isso é nojento e assustador.

Anônimo disse...

nossa mas que noivo machista e retrogrado, só porque tomava chifre, terminou o noivado com a menina?!"
Tisc tisc
____
Se uma mulher fosse traída pelo noivo e ela desistisse do casamento ,esse comentário seria o mesmo?kkk

Anônimo disse...

Apesar de ser nauseante, eu não esperava algo diferente da Globo.
Aliás é bem típico deles...
Eu só sinto muito por essa mulher.
Passar por tudo o que passou e ainda ter que suportar ver esse cara sendo chamado de "herói" na tv.

Jane Doe

Anônimo disse...

Há mts meses conheci um sujeito que parecia ser gente boa nesses aplicativos de paquera. Adicionei no whatsapp.
No papo vi que era tudo mentira, pois ele revelou ser maluco além de me assediar sexualmente.
Mandou sem a minha permissão fotos do seu pênis perguntando se já tinha chupado um "pau rosado"! Oi? E perturbou pra que eu enviasse uma minha nua.
Fingi interesse e bloqueei.
No Natal um número do além surgiu no whatsapp querendo falar comigo. Não percebi e perguntei quem era. Falou e mesmo assim não lembrava quem é e da onde conhecia. Então pedi pra enviar uma foto pra refrescar minha memória(a sua de perfil tava com o rosto mt longe e parecia segurar um cabo de vassoura como arma).
Enviou uma do seu pênis com o rosto aparecendo e pedindo pra tirar uma minha pelada! E ainda perguntou se fiquei com vontade de chupar um rosado!!!!! Gente, assim...
Lembrei então quem era e dei um fora. Falei que tava me assediando com aquela foto e que era pra vazar.
O maluco pareceu ficar magoado. Desejou feliz Natal e nunca mais(acho que nunca mais vai me encher, espero).
Ou seja, não satisfeito com o 1º bloqueio, tempos depois surgiu com outro número me perseguindo!

Anônimo disse...

Eu sei que é desesperador e tudo, mas confesso que ri do maníaco do pau rosado.

Anônimo disse...

Incrível como machistas não conseguem perceber a ironia, nem aquela que vem de outro machista rsrsrsrsrsrsrs


nossa mas que noivo machista e retrogrado, só porque tomava chifre, terminou o noivado com a menina?!"
Tisc tisc
____
Se uma mulher fosse traída pelo noivo e ela desistisse do casamento ,esse comentário seria o mesmo?kkk

D Stoffel disse...

Que nojo desse cara por isso que os machistas ficam na friendzone e dps reclamam, caras chatos que acham que as mulheres tem obrigação de gostar deles.
Tem que mandar eles pararem de assistir filme porno, não ficamos felizes e saciadas só de o cara ter um pau, o homem tem que ter muita mais que isso.

D Stoffel disse...


Os homens tem que entender que a pica deles não é a solução do mundo, e tem que ver as mulheres, homens gays, lesbicas etc... como ser humano e pararem de serem babacas.

Val disse...

Lola, ou a pessoa que está moderando os comentários... Não conheço ninguém dessa história, mas não é ruim publicar algo assim como verdade absoluta? Somente receber um e-mail e já afirmar categoricamente todas essas coisas?
A parte do "falha de caráter" também achei estranha. Gosto de ler vários tipos de visões, mas algo que afasta o bom senso de qualquer uma delas é essa coisa de "nós somos os bons e ilibados", "eles são os péssimos". Acho que até enfraquece o diálogo...

Anônimo disse...

É tão lindo como feministas conseguem romantizar uma traição que acaba com um casamento na véspera e deixa duas pessoas em depressão (claro, não há dúvidas que a depressão de uma das partes era mais trágica que outra)... mulheres são tão evoluídas e perfeitas e fofas, até quando fazem uma pessoa sofrer é por um motivo nobre.

Anônimo disse...

Em que parte do texto isso foi romantizado? Descrever fatos é romantizar agora?

Anônimo disse...

"No entanto, não foi ele o pivô do fim de noivado da Ana. Foi ela que contou ao noivo que estava apaixonada por outro. Foi um baque, porque foi na véspera do casamento. Tanto o noivo (um cara boa gente) quanto Ana entraram em depressão. Ana afastou-se do amante. Só voltaram a se falar oito meses depois, e desde então, nunca mais se desgrudaram. Casaram, tiveram filhos, vivem bem há dez anos, e ambos são profissionais respeitados em suas áreas. Uma linda história de amor. (opinião da escritora sobre o casamento dos dois, não a história da traição) "

Samantha disse...

Val,

Para esclarecer, eu estou de fato apenas moderando os comentários. Basicamente eu faço uma faxina uma ou duas vezes por dia nos tópicos, para impedir que os mascus se proliferem por aqui.

Não tenho absolutamente nada a ver com as postagens. Digo isso para o caso de alguém achar que sou eu que estou postando ou definindo pautas: nope.

Em tempo Lola: de nada. Divirta-se e curta o céu, o sal e o Sol de maceió.

pp disse...

Lolinha, assunto nada a ver: esse ano tem bolão do Oscar neh??? Adorei participar ano passado. Esse ano quero participar do pago. Vou assistir o máximo que puder de filmes.

Anônimo disse...

Na citação ali do texto, primeira parte em negrito são fatos (coloquei uma tag mas não foi). Segunda parte em negrito refere-se a última frase, uma opinião que não é sobre a traição.

Anônimo disse...

eu sou mulher e também achei que a traição e o término do noivado às vésperas do casamento foi um pouco romantizado no texto. Imaginem o que esse noivo passou, gente?! Imaginem o que é ser trocado às vésperas do casamento?
Acho desrespeitoso falar que os amantes passaram a viver "uma linda história de amor", como foi escrito.

o pior é que tenho CERTEZA de que se fosse o contrário, se a noiva é que tivesse sido trocada por outra às vésperas do casamento, algumas feministas que batem ponto aqui e que são meio sem noção com certeza criticariam o cara. Seria um babaca, machista, coitada da mulher, etc.


falta coerência e empatia aqui, hein gente.

Latino M. disse...

um stalker nojento sim, Mas dai, como sempre, o feminismo tem que promover uma narrativa onde o comportamento do rapaz eh visto como uma especie de padrao politico masculino de opressao feminina. O pessoal nem sempre é político. Homens se comportando mal para as mulheres em relacionamentos pessoais, a menos que tal comportamento tenha apoio social e institucional nao é necessariamente uma questão de gênero. Nem um gênero tem o monopólio da insensibilidade, grosseria, manipulação, desonestidade, etc (dizer isso eh promover mitologias e esteriotipos antigos, que o feminismo endorsa sempre - e apenas - qdo eh vantajoso para elas).

Anônimo disse...

Transformar o problema dessa menina em um problema de machismo para aumentar a credibilidade de seu lado da narrativa eh uma queixa comicamente mesquinha que poderia sugerir que a lesada não tem problemas reais. Metade das defesas bem sucedidas consiste em saber escolher suas batalhas.

Anônimo disse...

@Anom das 14h53:
A parte que saiu perdendo trata-se de um homem. O sofrimento dele não é importante. E como homem ele tem a obrigação de suportar a dor da separação sem derramar uma lágrima. Até porque depressão pra homem é frescura.

Ah, e como ele é corno, ainda mereceu ser zoado porque ele não satisfez a então noiva e ela foi procurar conforto em outro cara. E tanto achou que está há mais de 10 anos com o ricardão.

Se o cara não gostou disso, ele pode ajudar as feministas a derrubar o sistema machista. =)

Jéssica disse...

Para o pessoal falando da traição. Foi ELA quem escolheu contar, ele não descobriu. Vocês preferiam o que? Que casassem sem se amar? Ou que ela continuasse traindo após o casamento para não magoar o noivo, em nome do casamento? Isso sim que é romantizar. Ah, claro, vocês queriam que ela magicamente não se apaixonasse por mais ninguém, nunca mais.

E para esse paralelos de gênero, a maioria dos caras continuaria traindo no casamento e jamais contaria sobre a traição. E muito menos casariam com a amante, que a maioria considera como um lanchinho fácil.

Sobre o cara do "pessoal nem sempre é politico". Porque as estatisticas de abusos, estupros, espacamentos e mortes cometidos por parceiros em parceiras não valem nada, não é? Todos esses casos devem ser 'únicos e pessoais' mesmo.

Luiza Original disse...

Qual é a desses caras e a tara por rosa?

Anônimo disse...

Quando tive minha primeira namorada me apaixonei completamente, pouco tempo depois ela terminou comigo,não consegui superar, e acreditando na máxima de "lutar por seu amor" comecei a stalkea-la,esperava no ponto de ônibus, ligava, mandava presentes, nunca quis fazer mal,mas esse era meu comportamento, parei depois que ela se casou, depois teve outra moça na faculdade, insisti bastante, ela nunca disse não, só me ignorava.Aos poucos, fui modificando meu comportamento,ao perceber que niguém é obrigado a ficar com ninguem, e que o comportamento stalker é humilhante para quem o pratica, as pessoas têm pena de vc, as vezes nojo, o olhar de desdém das vítimas gera raiva, autodesprezo, enfim, é um comportamento destrutivo.

Anônimo disse...

O problema não é stalker ser ou não caso de machismo, gente. Existe stalker mulher.

O problema é uma pessoa com um histórico desses (e não é um caso só) ser colocada em um programa de televisão.

Isso porque um homem assim é considerado "romântico" (só ver que teve comentário falando sobre amor no outro post), uma mulher assim é considerada louca.

Anônimo disse...

"E para esse paralelos de gênero, a maioria dos caras continuaria traindo no casamento e jamais contaria sobre a traição. E muito menos casariam com a amante, que a maioria considera como um lanchinho fácil."


até porque "continuar traindo no casamento" é uma conduta exclusivamente masculina, né Jéssica.

afff, que preguiça dessa falta de coerência.

Claudia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
D Stoffel disse...

Claro que pro cara a amante é um lanchinho facil.
Bruna surfistinha foi um exemplo era puta e ainda casou com o cara. o lanchinho fácil virou comida de casa.
Não vem generalizar dizendo que mulher não consegue separar sexo de amor é a máxima machista, eu já traí sem dó nem piedade e sem amor pelos caras.

Anônimo disse...

Grande merda que traiu ou não traiu, preguiça desse povo se vangloriando por fazer bosta

P. disse...

Acho que a moça teve uma atitude digna ao contar pro noivo o que fez, já que o que ela fez antes foi indigno (pelo menos pra mim). Ficar julgando o erro que ela tentou consertar pra justificar o stalker, que não tinha nada a ver com a história e que cometeu seus próprios erros, é ridículo.

P. disse...

Alguém já assistiu uma série recente chamada "Stalker", que passa no Universal?

É uma série bacana, dá pra aprender a identificar vários sinais desse comportamento nas pessoas e até como se proteger desse tipo de gente (dentro do possível, já que a série é sobre uma unidade da polícia, então, as vítimas sempre precisam da ajuda deles, ou seja, os casos quase sempre chegam ao extremo).

Recomendo.

M disse...

Impressionante como o machismo desvirtua qualquer discussão. A traição não está em questão.É um assunto que diz respeito ao casal e ao ex noivo. O problema é o tal Adriles ter perseguido a moça, até que ela fosse obrigada a só sair do trabalho com o segurança e, por fim, a recorrer a justiça para ser deixada em paz.

Anônimo disse...

"O problema é o tal Adriles ter perseguido a moça, até que ela fosse obrigada a só sair do trabalho com o segurança e, por fim, a recorrer a justiça para ser deixada em paz."

Mas esse é um problema entre o Adrilles, a moça e a justiça, seguindo sua linha de raciocínio.

Anônimo disse...

O problema é colocar um stalker na casa do BBB, está colocando a integridade das participantes em risco. Eu acredito que a globo olhe os antecedentes criminais antes, como pode colocar um participante desse nível?

Anônimo disse...

Que cara podre... Sério!!
Esse é o verdadeiro "perdedor".
Não consigo imaginar o inferno que deve ser, ser perseguida por um homem que você não quer nem ouvir o nome.
Da nojo.

E essa D Stoffel comenta cada coisa nosense aqui no Blog da Lola que não da pra entender.
Menina, mais filtro nas asneira que vc fala, pelo amor.

Pepper.

Anônimo disse...

Anon. das 17:30, não acredito que ela seja um mascu disfarçado, só acho que ela comenta muita coisa sem noção.

Ela destila um ódio gratuito e fala umas coisas sem coerência que da dó.

Precisa de filtro, sério.

Pepper.

Anônimo disse...

Vc tem certeza mesmo que não sabe o porquê??

Anônimo disse...

"E essa D Stoffel comenta cada coisa nosense aqui no Blog da Lola que não da pra entender.
Menina, mais filtro nas asneira que vc fala, pelo amor. "

Super agreed!

Foda mesmo é se vangloriar por uma falha de caráter.

Anônimo disse...

Um cara me importunava na universidade e eu tonta dava chance a ele dizendo que eu não queria nada com ele e ele prometia não insistir em namoro. Na última vez que o vi foi meio grave, ele deixou de ir a igreja para me acompanhar na feira só pra saber onde eu morava e falou que não ia desistir de mim. Simplesmente disse que se é assim também não saiu daqui, aí ele desistiu e foi a igreja. Fui ser classuda, olha no que deu. Mas faz uns 4 anos que não o vejo. Tomara que tenha se enjoado de mim senão vou armar o maior barraco, com ameaça de chamar a polícia e tudo.

Anônimo disse...

Eu tenho um amigo que está perseguindo mulheres. Desde o divórcio, ele procura 'um novo amor' e fica atormentando mulheres que caiam na bobagem de dar o telefone para ele. Isso me deixa muito frustrada: tento conversar com ele para mostrar que o que ele tá fazendo não é legal (em todos os sentidos) mas ele simplesmente vive uma fantasia e não enxerga. Não acredito que ele vai fazer mal fisicamente a alguém, mas toda essa situação é horrível.

Anônimo disse...

Não é muito difícil entender a diferença entre os dois comportamentos: trair não é crime, então é um problema particular.

Assediar, perseguir, invadir a privacidade do outro, é. Passa a ser um problema de todos.

Anônimo disse...

O que a Globo quer é circo, não importando se vai prejudicar a vida de alguém com isso, de alguma mulher ou do próprio Adrilles.
Não acredito que eles coloquem alguém no programa antes de saber tudo sobre a vida da pessoa e talvez estejam até na expectativa que ele passe a perseguir alguma moça dentro do próprio programa ou que tenha algum relacionamento bem neurótico lá dentro.

Anônimo disse...

Tenho certeza que esse povo que se revolta tanto com uma mulher que se apaixona por outro, termina um relacionamento e consegue ser feliz com outro é o mesmo que acha bonito e normal homem trair esposa, ter mais de uma mulher e o diabo a quatro.
Se fosse o noivo que tivesse feito isso, iam estar defendendo o cara ou então chamando o cara de burro por não ter ficado com as duas...

Julia disse...

Por que estão atacando a D. Stoffel? Só porque ela disse que já traiu?

Kittsu disse...

""O problema é o tal Adriles ter perseguido a moça, até que ela fosse obrigada a só sair do trabalho com o segurança e, por fim, a recorrer a justiça para ser deixada em paz."

Mas esse é um problema entre o Adrilles, a moça e a justiça, seguindo sua linha de raciocínio."

ô doente... Se você não consegue distinguir a gravidade das condutas, melhor ir se tratar.



"Por que estão atacando a D. Stoffel? Só porque ela disse que já traiu?"
Sim. Esqueçam o stalker, charlie, boko haram, a fome no mundo... A MULHER DISSE QUE TRAIU OH CÉUS PIOR QUE UM PSICÓTICO QUE PERSEGUE PESSOAS VOCÊVAIPROINFERNOISSODEVERIASERCRIMEFEMINAZIABORTISTACOMUNISTAMEULIDERESPIRITUALVAITEEXECRAREMPUBLICO234%#$¨$¨¨!@!QSDWEFHUE!

Anônimo disse...

Pra mim, trair é trair, independente de quem seja. Isso é falta de caráter. E ninguém tá falando que a D Stoffel é pior que o Adrilles. Só que trair é errado.

Anônimo disse...

Só voltaram a se falar oito meses depois, e desde então, nunca mais se desgrudaram. Casaram, tiveram filhos, vivem bem há dez anos, e ambos são profissionais respeitados em suas áreas. Uma linda história de amor. > HAHAHAHAHA LINDA HISTORIA DE AMOR, magina o tanto de chifre q a mulher já nao meteu no atual ? hahahahaa

Anônimo disse...

"Sim. Esqueçam o stalker, charlie, boko haram, a fome no mundo... A MULHER DISSE QUE TRAIU OH CÉUS PIOR QUE UM PSICÓTICO QUE PERSEGUE PESSOAS VOCÊVAIPROINFERNOISSODEVERIASERCRIMEFEMINAZIABORTISTACOMUNISTAMEULIDERESPIRITUALVAITEEXECRAREMPUBLICO234%#$¨$¨¨!@!QSDWEFHUE!"

ué, porque a própria D. Stoffel não falou sobre tudo isso ao invés dizer que "traiu sem dó"? cada um comenta a informação dada que lhe aprouver, oras.

Amostras Grátis disse...

Obrigado senhor Jesus pelo controle remoto! ;)

Jesus disse...

de nada, Amostra Grátis.

Deus disse...

Jesus o que você tá fazendo aqui com essas feministas? Você sabe que não apoio essas coisas feias rapaz! Já pro seu quarto.

Anônimo disse...

Hahahaha, que lesado kkkk. Esse diálogo me fez rir um pouquinho.

Anônimo disse...

Vocês que não acompanham BBB pelo twitter e redes sociais, vocês não tem NOÇÃO da força que os caras da Máfia Dourada, Máfia Canarinho, máfia dos machistas e máfia dos bostinhas tem. Aposto meu cu que toda essa gente boa vai apoiar o Adrilles, e pelos nos primeiros paredões, onde os outros ainda não tem torcida muito forte, esse cara vai sair ileso. Aliás, se depender dos votos dessas máfias duvido nada que ele chegue até a final, a menos que faça alguma bosta bem grande dentro da casa.

Anônimo disse...

Problema da D. stoffel não é ter dito que traiu com orgulho, isso aí é só 1% do que ela comenta no blog. Exemplo: no post "Je suis eu", começou falando que conhecia bem o Islã e na sequência postou um monte de mentira/meias verdades, sem nem saber a diferença entre burca e hijab, coisa básica que qualquer que "conhece bem" o Islã deveria saber.

Diabo disse...

Ah, como eu gosto de ler os comentários.. sempre tem hostilidade e agressão gratuita

Anônimo disse...

Diva

Não querendo desprezar este importante post denunciando um stalker no programa(INFELIZMENTE pois acho esse programa um lixo!) mais visto da TV brasileira, mas, tenho uma denúncia importante pra fazer.

Criaram uma comunidade de apoio e apologia ao abuso sexual contra mulheres!!

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2015-01-16/comunidade-no-facebook-incentiva-estupro-e-abuso-sexual-em-transporte-coletivo.html

Este link é do COVARDE misógino chamado Magno Mendes:
https://www.facebook.com/thomas.silva.50159?fref=nf


Este da comunidade nojenta que este LIXO que se acha homem coordena:
https://www.facebook.com/groups/781087845313971/members/?order=default&member_query=magno

Ana Luisa disse...

Foda-se esse "criticam só porque é mulher", traição é uma atitude que tem que ser criticada independente de quem faz

Parem de usar o feminismo como papel higiênico pra suas conveniências

Anônimo disse...

Se é pra relativizar as coisas só pra desvalorizar, pergunta pra alguma menina sequestrada pelo Boko Haram se uma história de stalker é realmente importante... maturidade pra quê, né...

Raven Deschain disse...

Hahahahaha só eu que adorei dels, chessus e o deabo nos comentários? Coisa linda. Sobre Jesus e feminismo: "Jesus voltou e não é filho da virgem. É filho da puta." Segue:
http://www.alinevalek.com.br/blog/2013/07/se-jesus-existisse-hoje/


Agora: genteeeeeee, que zé roela doido! Cadê aquela mina de ontem dizendo que ele é gente finíssima?? Cara legal mesmo. Vou convidar pra um filme e pipoca lá em casa.

Anônimo disse...

Acho que essa moça tem que torcer pra esse Adriles FICAR no BBB o máximo que der, pra ficar trancadinho

Raven Deschain disse...

Ainda: oin people, não peguem no pé da Stoffel. Tanto comentário pior (Jonas, estou com minha mente em você) vcs escolheram justo a guria?

Anônimo disse...

"VOCÊVAIPROINFERNOISSODEVERIASERCRIMEFEMINAZIABORTISTACOMUNISTAMEULIDERESPIRITUALVAITEEXECRAREMPUBLICO"

Claro, porque ter caráter é coisa de religioso, só pode! Se orgulhar de não respeitar outra pessoa (porque respeito não exige amor, sabe) é coisa de feminista!
Vamos zoar muito essas crentes, kkk

Sqn

Anônimo disse...

Tenho certeza que esse povo que se revolta tanto com uma mulher que se apaixona por outro, termina um relacionamento e consegue ser feliz com outro é o mesmo que acha bonito e normal homem trair esposa, ter mais de uma mulher e o diabo a quatro.
Se fosse o noivo que tivesse feito isso, iam estar defendendo o cara ou então chamando o cara de burro por não ter ficado com as duas...



Mais quanta desculpa esfarrapada para a traição da mulher hein?!
Eu achei um absurdo e se fosse o noivo o traidor tb acharia.
Ela n se apaixonou por outro simplesmente,tudo bonitinho,demonstrando o minimo de respeito com o noivo, terminando com ele antes de ficar com outro,chifrou bastante o cara,bem diferente.
Linda história de amor? Duas pessoas sacaneando e traindo a outra,lindo demais...

Já me perseguiram tb,o cara me viu uma vez só e começou a dizer que me amava,me encheu o saco,mas ainda bem que não durou muito.

Anônimo disse...

Impressionante como o machismo desvirtua qualquer discussão. A traição não está em questão.É um assunto que diz respeito ao casal e ao ex noivo. O problema é o tal Adriles ter perseguido a moça, até que ela fosse obrigada a só sair do trabalho com o segurança e, por fim, a recorrer a justiça para ser deixada em paz.

Então pq mencionou a traição,não bastava dizer que foi perseguida por ele?
N dá pra entender,a pessoa expõe a vida toda e depois vem gente reclamar dos outros dando opiniões.
Engraçado que só é machismo e errado,quando criticam a traição das mulheres,criticar a dos homens pode.

Luiza disse...

Se eu acho que é tudo bem trair? Não, não acho. Se eu acho que é tudo bem ter um relacionamento aberto? Sim, eu acho. Vai de cada casal, de cada situação. Hoje eu e o maridão somos monogâmicos, mas já tivemos um relacionamento aberto sem cobranças e frustrações. Acho espantoso que ainda tenha gente cagando regra na relação dos outros... Cada um sabe de si. Se valeu a pena, se vai perdoar, se vai dar o troco... Nós não sabemos nada sobre a vida dessa menina que traiu o noivo e desistiu na véspera do casamento. Fazer o favor de parar de julgar a historia dela, hein... Quanto ao participante do BBB, que medo!! Ainda bem que não assisto essa porcaria. Parece-me que, quanto mais a Globo retrata o pior da humanidade, mais audiência recebe. TV desligada aqui em casa! Como isso pode ser considerado romântico?! Nossa sociedade realmente tem conceitos muito desvirtuados a respeito de amor. Até parece que amor é o mesmo que posse e, se virar uma obsessão que invade a vida da outra pessoa, melhor ainda. Cruz credo! Quero passar longe disso...quero amar mas ainda ter a minha vida, minhas coisas, minha rotina...já pensaram nisso? Só mais duas coisas:

1) Raven, você é demais! Continue comentando.

2) Lola, aproveite Maceió. Eu queria estar fazendo o mesmo rsrsrsrs

Anônimo disse...

Tem um negócio estranho nesse post. A história de que o cara recebeu uma ordem judicial para não chegar a menos de 500 metros da vítima. Isso, até meados de 2013, só existia em caso de violência DOMÉSTICA. Ora, se o cara não era marido, namorado, pai ou irmão da vítima, onde estaria o fundamento jurídico para decretar uma medida que é específica de uma determinada circunstância (VIOLÊNCIA DOMÉSTICA)? Se não era VIOLÊNCIA DOMÉSTICA, se não havia uma relação de dependência econômica, como violar o direito constitucional de ir, vir, ficar e permanecer? Eu estava gostando bastante do blog, estava indignado com as ameaças e perseguições contra a Lola, mas agora fiquei com a pulga atrás da orelha.

Julia disse...

O que o pai da D Stoffel tem a ver com qualque coisa aqui, anon tosco?

Anônimo disse...

Pra ser sincera eu tô curiosa pra ver como esse maluco vai se comportar e como a Globo vai mostrar esse comportamento. Tomara que não romantizem e ele saia como o herói da edição.

Anônimo disse...

"Precisa de filtro, sério."

Tradução: não tô gostando dessa mulher aí que não segue direito os mandamentos da bíblia feminista, censura ela! (não é censura se o filtro vier de uma mulher)

Anônimo disse...

Anônimo das 00:34

Não começa a duvidar muito que logo vão te acusar de não ter empatia.

Julia cabral disse...

Anom especialista advogado das 00:34, o moço pode ter assinado um acordo para não ser processado, por exemplo. Não precisa ter sido "ordem judicial". Eu, que por acaso tb advogo, defendi casos assim muito antes de 2013.
E direito constitucional de ir e vir nunca foi direito de perseguir, nem na epoca do imperio!
E, sim, preguiça danada desse julgamento todo. Que se dane a vida dos outros. Crime é crime e pronto.

Anônimo disse...

'Impressionante como o machismo desvirtua qualquer discussão. A traição não está em questão.É um assunto que diz respeito ao casal e ao ex noivo'...

Não está em questão porque o prejudicado foi um homem.Qualquer um que conheça o pensamento do pessoal aqui sabe que SE O PREJUDICADO FOSSE A MULHER, aí sim vcs iam falar que tem tudo a ver.

Anônimo disse...

Joguei o carro em cima do meu stalker, um sujeito que infernizou a minha vida por quase 12 anos. Ele deu uma sumida e seis meses depois reapareceu. Fiz a mesma coisa e dessa vez quase que matei o cara - admito que minha intenção era essa. Ele não reportou os fatos a polícia e nunca mais tive notícias dele.

Se soubesse que teria dado certo, teria feito isso nos primeiros 15 dias de assédio.

Anônimo disse...

Eu não ataquei a D Stoffel, só acho que ela comenta umas coisas muito fora.
Não estou julgando a questão de ela trair ou não sem dó...
Mas totalmente sem coerência o comentário dela.
E não falo só desse comentário desse post, em outros post ela comenta umas coisas muito nosense.

E não vi ninguém aqui dizendo que ela é pior que o tal Adrilles.
As pessoas muitas vezes não leem só o que lhes convém e daí falam um monte de bobagem.

Pepper.

Anônimo disse...

"As pessoas muitas vezes não leem só o que lhes convém e daí falam um monte de bobagem."

CORREÇÃO

As pessoas muitas vezes leem só o que lhes convém e daí falam um monte de bobagem.

Pepper.

Anônimo disse...

Incrível... machistas e gente com prioridades e valores invertidos vindo reclamar da traição (que a moça resolveu do modo mais digno possível nessas circunstâncas, contando a verdade pro noivo e deixando-o livre)e esquecendo o criminoso, doente e perigoso que transformou a vida dela (e do homem por tabela) num inferno. É como se pra eles, que certmente acham ok um homem trair, mulher que traiu merece ser perseguida, assediada, estuprada, assassinada; porque, na cabeça desses cretinos, mulher que traiu não é mais gente, merece tudo de ruim e tomara que matem essa vadia! Mas se um homem bota chifres, ai, é direito de macho, é biologia, foi só um deslizezinho, a vadia tem obrigação de aceitá-lo de volta, fazer seu jantar e lavar suas cuecas! Depois vocês não entendem porque não conseguem mulher, né? Bom, tomara que morram solteiros e sem conseguir passar seus machismos adiante. O mundo não precisa de mais idiotinhas.

E yep, provavelmente esse tal Adrilles é um mascu. Vai terminar como todos eles: sozinho, acabado, loser, sem mulher e amargurado. Tomara que as participantes desçam o pau nele sem dó nem piedade pra que ele fique beeem pianinho.

Raven Deschain disse...

Ah valeu Luiza. =D

E realmente, oq tem a ver o pai da Stoffel? Eu hein?

Raven Deschain disse...

Ahhhh pera gente... Mas esse lixo já teve um participante que era um doido stalker e abusador e era tudo "amor". Cês não lembram do Tirso com a Manuela? Ele atormentava a menina...

Anônimo disse...

Raven Deschain, eu lembro do ChaTyrso!
O que era a pressão psicológica que ele fazia com a Manuela?
O cara era insuportável, não aceitava não como resposta.. e a edição do BBB usava isso como romantismo, carinho..
Que nojo, sério!!!
Isso é coisa de psicopata.

Pepper.

Carol disse...

Eu penso no horror que uma das mulheres que estará na casa com ele virá a sofrer quando ele encontrar sua próxima vítima. Vale o dinheiro?
Penso também sobre a falta de consciência e iniciativa das pessoas de continuarem assistindo um programa como esse.

Anônimo disse...

Enquanto isso, na Sala de Justiça....

... digo, nos meus lençóis macios...

... marido estava em um dia mais romântico e colocou um playlist apropriado do Spotify pra tocar enquanto fazíamos aquele amorzinho gostoso. A PRIMEIRA MÚSICA:

"Every breath you take
Every move you make
Every bond you break
Every step you take

I'll be watching you

Every single day
Every word you say
Every game you play
Every night you stay

I'll be watching you

Oh can't you see
You belong to me
How my poor heart aches
With every step you take" (Police)

parei tudo o que estava fazendo e falei: amor, vc já prestou atenção nessa música?

ele riu e continuamos os bons trabalhos. Já se acostumou com o fato de ter casado com uma feminista de carteirinha <3

Maysa disse...

Assim que saiu a divulgação dos participantes do programa, antes de saber que esse tal de Adrilles era stalker, já senti que tinha coisa sinistra nele. Sei lá, ele escreve coisas estranhas, parece ser perturbado mesmo.
--------

ps: Lola aquele botão de doação no seu site é referente a quê?

Anônimo disse...

Incrível... machistas e gente com prioridades e valores invertidos vindo reclamar da traição (que a moça resolveu do modo mais digno possível nessas circunstâncas, contando a verdade pro noivo e deixando-o livre)e esquecendo o criminoso, doente e perigoso que transformou a vida dela (e do homem por tabela) num inferno.

Inversão de valores é dizer que essa história foi uma linda história de amor e ainda vir com essa de atitude digna.
Duvido muito que se fosse o homem o traidor tentariam embelezar a sacanagem dele( como ele é altruísta,bonzinho,chifrou a mulher,mas contou a verdade!Grande merda...)
O problema é esse,querem embelezar a sacanagem dela.Como sempre a mulher pode fazer a merda que for que vira santa.
E isso não é justificativa para ela ser perseguida pelo cara,a tática de vocês é essa,quem não finge que mulher é um ser santo, angelical,é porque acha que mulher deve morrer,
Desonestidade,no mínimo.

Anônimo disse...

cade a prova de que isso aí é verdade?
lola que gosta tanto de provas deveria exigir uma antes de sair acusando os outros.

Ana Marcela Pacheco disse...

Não tem prova nenhuma ali. Espero que não seja fake e que não chegue à assessoria do participante do reality, porque se não dá processo fácil.
O mandado de 500m me parece fake, o casal ter contratado segurança também, é inviável contratar seguranças por motivos que não envolvem integridade física urgente ou propriedade. Não houve ameaça de morte evidente.
Eu gosto cada vez menos desse blog. Esse foi o ápice do sensacionalismo. Parece que está fazendo burburinho pra ganhar views e likes. Você nem sabe se foi isso mesmo que ocorreu.
Se esse mandado de 500m existiu, que ótimo que ele respeitou e nunca mais se falou nisso. Só expôs o rapaz que cometeu o delito e não houve nenhum tipo de reincidência. Se quisesse discutir o tema, eu acho que poderia fazer sem citar nomes. Abraços...

Anônimo disse...

Aham, é assim que os abusos são perpetrados. Se um homem já foi abusivo com alguma mulher acho que ela tem todo direito de alertar outras pessoas, prevenir que ele abuse de outra. Ele PERSEGUIU uma mulher e ela não pode citar o nome dele? Proteger a honra do querido stalker? Já tive muito medo de um ex namorado obsessivo, não faço idéia de onde o dito cujo está. Até sofro quando penso que outras mulheres podem se envolver com ele e sofrer o mesmo medo que eu passei.

Anônimo disse...

E pra começar, não foi ela que expôs a história, foi o EGO que começou e contou tudo errado. A moça só está dando sua versão da história. Não arrumem desculpas para seu machismo: ai mimimi, esse blog está caindo no meu conceito, mimimi, proteger a moral do perseguidor….

Anônimo disse...

ai, coitadinho do stalker, q tá sendo exposto uiuiui
todos os stalkers do mundo deveriam ter os nomes expostos para as mulheres ficarem atentas. O nome e a cara de bosta que nem esse merda de adriles tem. Tão com dozinha de cara que persegue mulher? Isso é nojento, doentio! Tinha mesmo que tomar um pau de um dos namorados de alguma moça que stalkeia pra largar de ser otário. Eu hein! Isso é doença! Ficar perseguindo uma pessoa, sendo que ela já deixou claro que não quer porra nenhuma com você! Acorda! Como já disseram aí, vai morrer sozinho, pq nenhuma mulher aguenta essas mentes doentias de stalker cuzão!

Raven Deschain disse...

Ana Marcela, tem uma empresa aqui no Paraná, que presta serviço de segurança pra qualquer evento, inclusive casamentos. Sem burocracia, nem questionamentos. Quer o telefone?

Anônimo disse...

Engraçado, parece que a moça ter traído o companheiro a torna uma vítima justificável de um stalker nojento. Tão igual bolsonaro? Essa merece ser stalkeada.. essa não... eu hein

Anônimo disse...

E a todos os stalkers: saibam que só temos nojo de vocês, nem pena temos, pq vcs tem mais é que se f*der mesmo, seus doentes!

Anônimo disse...

e mt me admira mascuzinho ficar defendendo stalker. Tinham que achar ruim um cara ficar se auto humilhando desse jeito. É nojento, pq a pessoa não tem o mínimo de dignidade para si própria, gosta de ser pisada e se alimenta do desprezo do outro. Dá licença que vou vomitar...

Anônimo disse...

ô, marcela e se vc gosta cada vez menos, fique à vontade, ninguém aqui é obrigado a entrar no blog. Ninguém aqui stalkeia os outros pra forçar a fazer algo. Faz esse favor pra gente, aí, valeu? Não precisamos de ng defendendo/justificando stalker aqui. Vc tá no lugar errado.

Elaine Telles disse...

Minha prima foi vítima de stalker. No comeco, as denúncias não eram levadas a sério pela polícia. Mas ficou tão sério que finalmente a justica decretou que ele ficasse a 500 m de distância e não estabelecesse nenhum tipo de contato. Sim, isso existe e significa que o stalker passou de todos os limites. O Brasil não contempla o stalker na legislacao e por isso o caso precisa chegar a extremismos para que se possa abrir um processo. Infelizmente estamos atrasados e a impunidade para esse crime reina. E com relacao aos defensores, não precisa ser muito inteligente pra saber que se trata da família e amigos. Não convencem ninguém.

Anônimo disse...

o problema é discutirem esses dois eventos como se fossem uma relação de causalidade, e não de coincidência temporal.

a traição da protagonista com seu noivo, e a maneira como ela resolveu a situação (contando) SÃO APENAS CO-INCIDENTES (o que quer dizer, aconteceram ao mesmo tempo que ou dentro do tempo em que) ADRILLES A STALKEAVA. //

ela não foi "punida" por adrilles, nem adrilles foi o anjo da vingança no caso do noivado. ele era MAIS UM PROBLEMA e INFERNO na vida dela (pois DUVIDO que ela tenha navegado a traição e rompimento como se fosse um passeio no parque) ... Imaginem o quanto essa mulher não sofreu?! Além de tudo na vida pessoal, um louco a perseguindo por dez anos.

Dou essa leitura pois, de acordo com a Lola, foi essa a relação entre as coisas: nenhuma. Não foi Adrilles quem contou. Portanto, são duas estórias independentes e não se pode liga-las em relação de causalidade.

Vejo que a 'condenação da traição' está meio que se misturando com 'as decisões de adrilles' e isso é errado! A moça pode ser comentada, condenada, etc. pelo que ela fez com o noivo (e mesmo isso acho questionável, pois isso é apenas entre os dois) ...mas tirar o foco de um maluco, doente, escroto, como o Adrilles foi/agiu só por haver esse elemento... é perder tempo.

lola disse...

Alguns comentarios nesta caixa estao inacreditaveis. Primeiro, a mania em culpar a moça. Ah, ela traiu o noivo, entao mereceu ser perseguida durante 10 anos. Merecia ate a pena de morte, a julgar por alguns! Nao eh ela que esta em julgamento, eh o stalker! Porque trair nao eh crime. Perseguir, nao respeitar limites impostos, é. Alem disso (pros que dizem que ela so quer fama), ela é anonima, nao quer se expor. Porque ja sofreu muito com tudo isso. Foram DEZ ANOS.
E sim, considero sua historia de ter se casado com o amante linda. O que seria lindo pros moralistas de plantao? Ela ter se casado com o noivo, que nao amava?
Mas o mais incrivel foi ter lido que Adrilles é uma pessoa íntegra porque, afinal, respeitou o mandado de seguranca. SERIO? Como um staker pode ser uma pessoa integra? Como pode ter sido chamado pro BBB?

Anônimo disse...

É direito dela não querer ué. Ninguém é obrigado a ficar com quem quer ainda mais um psicopata feito esse.

Anônimo disse...

Ela devia casar com gostando de outro então? E continuar com o amante? Ela foi certa, terminou o compromisso deixando o caranlovre pra arranjar quem gostasse de verdade dele e embarcou em outra. Simples.

Anônimo disse...

A Stoffel eh um grande exemplo disso.

Anônimo disse...

ela devia ter terminado com o noivo antes mesmo de virar noivo.
que lindo, né lolinha, fazer os outros sofrerem porque você foi egoísta demais pra respeitar os próprios sentimentos e o dos outros no tempo certo.

Anônimo disse...

Anon das 11:11 se o noivo tivesse traído mas depois confessado e deixado a moça livre seria, sim, a maneira mais digna de resolver tudo. O problema é que a maioria dos homens cujas traições chegam ao meu conhecimento é canalhice mesmo, eles traem e enrolam. Não deixam a namorada/mulher/noiva e nem a outra livres, quer as duas pra servi-lo e se elas não gostarem dane-se, ele bota chifre, mente e engana mesmo. Entendeu a diferença? E mesmo assim achar que a mulher merece ser perseguida e desacreditada pq uma vez traiu é coisa de idiota, não digo nem de primitivo, porque os neandertais eram mais evoluídos que isso.

Anon das 16:25 linda essa sua fantasia, mas e se a moça só se apaixonou por outro DEPOIS do noivado? Sabe, o mundo não é essa bolhinha ideal que você tem na cabeça, é mais complicado que esse duo princesa-bruxa.

Anônimo disse...

To achando lindo esse monte de gente perfeita q nunca traiu... to voltando até a acreditar no mundo de novo hein! Eu tb acho péssimo fazer isso, mas não posso julgar ng pq tb já fiz e não vou ficar me vangloriando, pq sei q foi um erro e "falha de caráter" e não tem pq me orgulhar disso, pelo contrário, tenho vergonha, mas aprendi com o erro e não faço mais. Mesmo sabendo q só traí pq tinha tentado terminar a relação e ele me ameaçava dizendo que se terminasse me matava (eu tive que me mudar de estado por causa dele), ainda não acho certo e nem que justifica - entendi o erro e falta de caráter em trair. Mas se um cara vier me perseguir e as pessoas acharem isso certo pelo meu erro, vou oferecer um espelho a cada uma, pq pelo visto tá faltando. E antes que venham falar mais merda, perseguir mulheres não é erro, é crime, ok?

Maicon Vieira disse...

Olha, até acho esquisito um fuga do tema como esta. Creio que as pessoa que não gostaram daquele final felizes para sempre deveriam ter dado um tempo para o assunto principal se desenvolver e depois abordar isso. Mas (olha só o perigoso mas) é esquisito as pessoas usarem o argumento "não é crime" para impedir que não falem sobre o caso da traição. Porque, tipo, até onde eu acompanhei o caso do Idelber (acho que é esse o nome do sujeito) ninguém estava falando que ele cometeu um crime, mas isso não impediu ninguém, inclusive a Lola, de julgar a atitude e o caráter dele, não é?

Anônimo disse...

Acho incrível o monte de desculpas esfarrapadas quando o assunto é traição,principalmente se for mulher.
Quem condena é hipócrita porque já traiu,sério? Com base em quê pode afirmar isso?
E é um argumento bem rídiculo,quer dizer,se você critica a pedofila é porque já abusou de crianças,critica o racismo porque é racista?
Eu nunca trai,já que vivemos no século 21 e ninguém é obrigado a ficar com ninguém,se eu não gosto mais termino,não fico de "mimimi a vida é complicada",nem fazendo o outro de idiota e divórcio já existe faz tempo.
Aí vem a outra desculpa,para vocês mulher não tem escolha de terminar porque todos os homens são maníacos que não aceitam levar fora.Se isso fosse verdade,não existiria mais mulher no mundo.
Já terminei e terminaram comigo,não persegui e nem fui perseguida por ninguém.
E pelo visto se a pessoa trair e contar,ela vira santa,super digna,só rindo mesmo kkkkkkk


mas e se a moça só se apaixonou por outro DEPOIS do noivado? Sabe, o mundo não é essa bolhinha ideal que você tem na cabeça, é mais complicado que esse duo princesa-bruxa.

Tá legal... ela se apaixona depois do noivado e aí não pode terminar,ser sincera e o único jeito é chifrar bastante.Tenha dó.
Inversão de valores que falaram aí,é o jeito banal que isso é tratado,a ponto de virar linda história de amor,onde uma pessoa foi magoada e desrespeitada.

Anônimo disse...

Sério que não sabem porque tem gente irritada com a traição?
Parece com uma história que li num blog,a mulher se dizendo muito apaixonada por outra e ao mesmo dizendo que tinha outra que era sua alma gêmea e que vivia uma linda história de amor traindo as duas e várias concordando com essa baboseira.
Sacanear os outros agora é lindo.
Qualquer um pode errar mas se não estivessem floreando essa putaria,não irritaria tanto.
Feminista tem a tendência de ignorar os erros das mulheres,os dos homens metem a lenha.
Hipocrisia demais.

Anônimo disse...

Ai, saco... anon das 22:12 você pode nunca ter traído, mas já fofocou? Já acusou alguém de algo que essa pessoa não fez? Já magoou a pessoa com quem estava de outra maneira que não traindo? Já espalhou um boato maldoso? Imagino que você seja x namoradx perfeitx, né, nunca fez nada errado nem magoou parceirxs... pessoas erram, cac*te. Pessoas falham. O caráter enfraquece às vezes e, quando esse tipo de coisa acontece, só resta assumir e deixar x outrx livre. Essas coisas acontecem desde que o mundo é mundo e não é uma tragédia. É parte da vida, você supera e segue em frente. Você não é perfeitx, então trate de não jogar pedras pq você pode nunca ter traído, mas em alguma outra coisa seu telhado é de vidro. Em algum outro aspecto você já magoou parceirx, já fez alguém se sentir mal, já feriu os sentimentos de alguém.

E quem disse que ela chifrou muito? Pode ter sido uma vez só, um momento de fraqueza, e depois que isso aconteceu ela foi lá, admitiu pro ex-noivo e terminou tudo, deixando-o livre. Engraçado, quando um homem trai tem mil desculpas na manga pra dizer que "não é tão ruim assim", mas quando é uma mulher que trai só falta fazerem um pelotão de fuzilamento... puro machismo. E a história de amor é a dela com o segundo noivo, o primeiro provavelmente foi adulto e maduro, seguiu em frente, viveu sua própria história de amor e se lesse esse linchamento verbal à ex dele ia mandar todo mundo crescer e cuidar da própria vida, que traição não é o fim do mundo.

Anônimo disse...

Mascuzinho reclamão das 22:25 favor ler os comentários acima em que a questão já está muito bem explicada e parar de mimizar nos comentários tentando afogar comentaristas com suas male tears. Já tenho o suficiente pro meu cházinho, pode parar de chorar.

MonaLisa disse...

Anonimo 12:36

Se acontecer de novo diz que é o menor e mais fino que já viu.

rs

Anônimo disse...

Essa história sobre o Adrilles está cheia de equívocos, é falsa. Ele nunca trabalhou como garçom, aliás nunca trabalhou fora de casa, somente pela internet. Ele era amigo do casal e o desentendimento começou por aí. Cuidado com mentiras, vocês serão processados. Vou dar print nestas páginas mentirosas.

MariR disse...

Parou gente! Acusar Adrilles de ser garçom (oi?) é o fim da picada. Vcs não tem coração?
Vão "printar" as mensagens e seremos todos processados.

Anônimo disse...

sério que vcs tão defendendo um stalker? nem se fosse meu filho! ia querer que ele tivesse acompanhamento psiquiátrico e não ficar defendendo perseguição a mulheres. A história pode não ser bem essa, mas vai falar que ele não perseguiu a moça? Várias outras mulheres apareceram falando que o conhecem da Internet, que ele fica mandando textos, perturbando. Como já falaram, é um comportamento padrão. Se vcs são amigos deles, ajudem o cara a se tratar. Isso não faz bem pras mulheres que ele persegue e certamente não faz bem pra ele tb.

Machado de Alencar disse...

O mais hilário de tudo é a galera misturando histórias e "aumentando um ponto" cada vez que um comentário avança sobre outro. Como misturar histórias aqui nos comentários é mato, daqui a pouco tão chamando a moça de Capitu e o stalker de Dilermando.

Anônimo disse...

Que povo burro
Trair não tem problema, contanto que a pessoa traída seja o homem.Se for a mulher não pode mas se for o homem, não reclamem, pq aí é, como é mesmo? 'male tears'.

Anônimo disse...

Stalkers não são apenas pessoas desconhecidas. Eles podem ser aqueles em quem um dia você chegou a confiar. No começo do ano passado eu terminei com meu namorado ao perceber que era aromântica* e não o amava. Ele era uma pessoa boa que não merecia ser deixado para trás, mas uma relação romântica com ele estava fora do que eu podia oferecer e por isso eu quis terminar. Eu só o estava namorando por obrigação e isso não era algo que eu queria para mim e tampouco para ele. E foi aí que a imagem de "pessoa boa" se destruiu completamente.
Não satisfeito com todas as minhas explicações, ele passou a me perseguir. Mensagens de texto, ligações, inbox, anonimato em blogs -- ele tentou chegar em mim de todas as formas possíveis na internet e pelo celular. Pediu para que pessoas totalmente desconhecidas viessem me procurar pedindo para voltar com ele depois que eu o bloqueei em todos os lugares que eu pude.
Ele usou de um blog para falar de mim na internet e ali ameaçava aparecer na minha faculdade para falar comigo, ameaçava esperar na frente da minha casa até eu aparecer. Virei a "louca satânica" no círculo familiar dele, e não era raro eu receber mensagens de amigos e conhecidos dele me xingando e me humilhando.
O inferno durou dois meses. Tive de recorrer aos meus pais que ameaçaram denunciá-lo à polícia, e só assim para ele me deixar em paz.
O medo de ainda encontrá-lo na rua persistiu por mais um tempo e eu tenho dúvidas se isso pode ser considerado um trauma ou não.
2 meses não se comparam em nada aos 10 anos que essa moça e seu companheiro sofreram, mas eu entendo que aquilo por qual ela passou é horrível e deixa marcas e inseguranças em você. E acho que foi essa insegurança o pior do caso todo: "como eu pude deixar algo desse jeito me atingir?", "o que eu fiz de errado? Eu apenas fui sincera", "o que eu tenho de fazer para ele me deixar em paz?".
Stalkers NÃO são românticos. São assustadores e perigosos. Devem ser combatidos e o caso, levado a sério.

*aromânticos: aqueles que não são capazes de sentir atração romântica pelas pessoas, que não fazem questão de romance e não querem se envolver com pessoas de forma romântica. Aromânticos são totalmente capazes de nutrir amizade, amor pela sua família, animais de estimação, profissão, religião, cultura, comunidade, o que for -- menos romance. Também são totalmente capazes de criar relações platônicas e saudáveis com outras pessoas.

Anônimo disse...

É anon de 22:37,já devo ter magoado alguém sim,todo mundo pode errar,não quis tacar pedras,mas o problema como eu disse foi seu argumento furado,de que se critica algo é pq já fez e a banalização de tudo,trair e desrespeitar o outro não é tão errado assim,lindo romance o da autora do post...

Sérgio Carneiro disse...

Eu vejo o BBB como um zoológico humano com enfase na banalização do sexo, pouco divertido e não consigo imaginar como possa ser considerado um "privilegio" uma pessoa participar desse programa de TV. Porém cada pessoa tem seus valores e não existe uma regra de ouro que possamos distinguir quais os valores são melhores que o outros, e na escolha desses - os valores - uns assistem e outros não. Não culpo a Rede Globo ser fútil, afinal ela lança no ar aquilo que dá audiência e, seguindo essa audiência, vem o dinheiro; afinal ela é uma empresa. Eu pessoalmente não assisto o BBB, mas não crítico quem o faz.

Anônimo disse...

Típico homem que segue a linha "se essa mulher não é minha, não vai ser de mais ninguém". Que merda de sociedade que vê isso como romantismo..

Joane Farias Nogueira disse...

Anon ee 15 de Janeiro das 14:53 , me irrita muito quando mulheres falam " eu sou mulher " pra repetir a ideia tosca de um homem. Se ideia estiver errada, vc ser mulher.nao vai valer de nada. Traicao é uma coisa, se disso saiu uma historia de amor, nao sou eu que vou julgar. Respeite a historia alheia.

Anônimo disse...

Anon das 15:48 não fui eu que usei esse argumento. Não sou a única anônima comentando aqui o anon que disse que quem reclama de traição é hipócrita pq já traiu não fui eu. O que eu critiquei foi você querer apedrejar a moça porque ela não agiu de acordo com sua idealização de como agir quando se é comprometidx e se apaixona por outrx. As coisas não são assim colega, pessoas cometem erros, mas a mulher ter traído não é motivo pra exigir um pelotão de fuzilamento moral. E mesmo depois de uma traição pode-se sim viver uma linda história de amor. A traição é ruim, mas não é fim do mundo e não significa que os envolvidos nunca mais vão amar e ser felizes. Sim, existe vida depois da traição! Pra quem traiu e pra quem foi traído. As pessoas se recuperam, superam e seguem em frente. Um conhecido meu flagrou a namorada metendo chifre nele, não é nem soube, ele FLAGROU, terminaram, mas até hoje são amigos e cada um é feliz com seu parceiro, que eles amam muito. Ninguém morre por causa de chifre. Estamos discutindo um stalker aqui, um tipo altamente perigoso, que pode chegar a estuprar e matar, mas você só fala na traição da moça, naquele tom "Ai, ela traiu, então merece tudo de ruim, não importa se ela e o atual estão sofrendo, o que importa é que ela traiu e tem que massacrar mesmo! Se o cara é um stalker perigoso que pode chegar a matar e causa sofrimento às vítimas, dane-se, vamos discutir a traição da moça que é mais importante que a paz e a segurança dela". E pode até não ter sido sua intenção, mas não tem ninguém aqui dizendo que traição é certo, só que ela resolveu a situação da forma mais digna que se pode fazer depois que o mal já está feito, e você fica nesse mesmo papo como se todas aqui estivessem aplaudindo a traição dela e incentivando! Não, não estamos. Mas a questão aqui não é a traição dela (que o ex traído nem deve lembrar mais) e sim o fato de haver um stalker perigoso à solta, pronto pra fazer novas vítimas, ser glorificado em redes nacionais como herói e essa postura perigosa ser colocada como algo romântico, lindo, quando na verdade é doentio e perigoso.

Anônimo disse...

até maria traiu josé quando ficou grávida de outro cara, pense nisso

William Jaber Júnior disse...

"Raven Deschain disse...
Ainda: oin people, não peguem no pé da Stoffel. Tanto comentário pior (Jonas, estou com minha mente em você) vcs escolheram justo a guria?"


UHAUHAUHAUHAUHA ESTAVA PENSANDO O MESMO..

Sobre o post, conheço vários caras assim e são todos uns perdedores...
Usam essas frases rebuscadas e perseguem as mulheres ficando no final com imagem de mané e com fama de retardado. O pior é que acham que estão sendo o máximo.
Dignos de pena.

PS: Quanto a traição, 'romance', etc, ninguém está livre de se apaixonar por outra pessoa e trair, pelo menos ela foi sincera, terminou e seguiu a vida dela. Parem com esse moralismo hipócrita, por favor.

Anônimo disse...

Participando do coro no assunto D. Stoffel: sim ela dá mancada atrás de mancada. Coisas como se referir a mulheres trans como "traveco", utilizar termos pejorativos para homossexuais como ofensa, afirmar que mulher que faz sexo com desconhecidos sofre de falta de amor próprio, etc. Essas foram algumas que me lembrei.

Anônimo disse...

Não acho traição uma coisa correta, mas não condenei a moça perseguida nem achei "merecido" o que ela sofreu.

Apenas falei da D. Stoffel, que se orgulha de ser babaca, porque eu não tenho obrigação de achar isso bonito.

Isis Olivia disse...

Fui contemporânea de faculdade do Adrilles, portanto temos muitos amigos em comum. Ao postar sobre a surpresa em vê-lo participando do BBB recebi 5 mensagens privadas, de mulheres diferentes, contando sobre o mesmo comportamento perseguidor, parece ser um padrão. Inclusive li a seguinte frase: "Ele preso no BBB me faz sentir mais livre e segura, aqui fora". Também recebi uma mensagem de defesa e os amigos dele parecem que estão muito sentidos com tudo isso. Enfim, fama de stalker ele tem sim e com MUITAS pessoas.

Anônimo disse...

Aí, isso só mostra o quanto os "amigos" dele são na verdade "amigos da onça", pois se fossem amigos de verdade não ficariam passando a mão na cabeça do cara e incentivando seus erros, mas sim procurariam ajuda profissional pra ele, veriam que ele está doente, que esse é um comportamento prejudicial não só para as mulheres que ele persegue, mas para ele mesmo. Falsos amigos, hein! Se eu vejo um amigo meu agindo como um babaca doentio, eu vou ser a primeira a dar um toque no cara e a me preocupar com ele. NUNCA vou passar um pano e defender, pois só estaria prejudicando-o ainda mais.

Isis Olivia disse...

Acredito que os amigos dele não saibam da dimensão das coisas que ele faz...

Isis Olivia disse...

Por exemplo: uma grande amiga minha, tbm amiga do Adrilles, disse que ele não é machista. Eu tentei explicar que somente pelo fato dele ser um perseguidor de mulheres - de acordo com os relatos - isso já demonstraria que ele não se importa com o sentimento dessas mulheres, que objetifica. Mas essa pessoa gosta dele e qdo a gente gosta acaba não "querendo" enxergar certos erros... Enfim, medo do que ele possa aprontar na casa. No começo, confesso que achei divertido. Agora, já não mais.

Anônimo disse...

Também temo pelas moças desse programa. Mas ninguém consegue esconder a personalidade por muito tempo. Logo a máscara dele cai e como esse tipo de comportamento - perseguir mulheres - causa repulsa, logo ele sai. Se bem que é até bom ele ficar um pouco preso aí e dar um alívio pras suas vítimas aqui fora, já que esse crime não dá cadeia.. fazer oq.

Daiana de Alcântara disse...

Que gente ignorante. Esquecem o foca da postagem pra julgar a mulher por uma traição. O cara é louco, doente, persegue a mulher e ninguém quer saber. Qual o problema de vcs?

Anônimo disse...

E o que os amigos dele poderiam fazer? O cara tem um comportamento padrão. Não digo que não seja doente, ele deve ser mesmo, mas é também um adulto com certa noção do que faz. Afinal, perseguir as pessoas dá trabalho. Não estamos falando de um retardado, gente.

Elen disse...

O cara é louco, doente, persegue a mulher e ninguém quer saber. Qual o problema de vcs?

O problema é óbvio,não há prova alguma de que isso seja verdade,bem estranho aparecer gente se dizendo vítima dele,quando ele fica "famoso",não denunciaram antes por quê? Deviam ir a uma delegacia e não contar isso na net que não vai dar em nada.
Lola n ia denunciar aquele comediante por caluniar e debochar dela na net? Mas acusar terceiros de um crime sem prova nenhuma tá valendo? Hipocrisia braba.

Quanto a traição,faz parte do texto,qual é o problema falar? Vcs não viram problema algum em esculachar aquele professor por dias,só porque ele era um escroto e tinha mulher que ficava com ele assim mesmo(pobres vítimas).
Banalizaram traição sim,concordo com quem disse isso,o "lindo romance" dela foi as custas do sofrimento do ex noivo.
Alguém ai já levou chifre?Não é essa coisa linda e fácil de superar como estão falando,virar amiguinha de quem te traiu e n teve o mínimo de respeito?Isso deve ser exceção.
Já me traíram,namorava a 2 anos e de repente descubro que o infeliz me traia a meses,um porco nojento,que me enganava para encontrar aquela mulherzinha,depois ia me encontrar,me beijar,como se nada tivesse acontecido e ainda tinha a frieza de dizer que me amava.
Quero que os dois se explodam.

Anônimo disse...

Também acho que a Lola pisou na bola falando "linda história de amor". Ficou até parecendo deboche.

Anônimo disse...

Na boa, se fosse comigo, eu iria preferir mil vezes ser avisada de que o relacionamento não iria pra frente antes do casamento, do que ser traída e humilhada anos a fio dentro de um casamento fracassado.
Agora mulher que trai é vadia e homem que trai é macho alfa. Dá licença.

lola disse...

Tenho PROVAS do relato postado aqui, gente. Confirmo totalmente o que esta escrito. Nao posso expor as provas porque a pessoa pediu, mas estou muito resguardada legalmente acerca da veracidade dessas informacoes. Nao posso atestar o que esta nos comentarios (por exemplo, uma moca dizer que Adrilles foi garcom). Mas o relato eh 100% verdadeiro. Alem do mais, tem muita mulher dizendo que ele eh stalker, contando suas historias. Nao sei que outras provas alguns precisam para acreditar nas vitimas.


E sim, achei a historia da "Ana" e seu amante que virou marido uma linda historia de amor. Nao tem nada de deboche na minha opiniao. Tem gente que preferiria que Ana se casasse com um homem que ela nao amava. Eu nao penso o mesmo.

Anônimo disse...

Tava com saudades dos posts bafônicos da Lola. Adóron.

Joane Farias Nogueira disse...

Nao entenedo qual e de feminista ficar tao chocada c traicao feminina. Sinceramente. Ainda rola aquela coisa de que mulher tem que fazer diferente de homem p q haja algum sentido.
Todo mundo se espantando, esquecendo q todos os seres humanos erram. O que é falha de carater? Mentir? Todo mundo mente, comete erros e faz o outro chorar. Mas aposto ninguem aqui se julga assim. Claro.

Joane Farias Nogueira disse...

Se ela tivesse terminado c o noiv mesmo sem trair essa felicidade ja estaria sendo "as custas" do noivo. Nao e tao dificil separar as coisas, o noivado, a traicao e o novo relacionamento - que deve ser respeitado porque foi uma escolha dela. Nao e menos digno por ter comecado de forma complicada.

E.. disse...

Traição é errado em ambos os casos, não é porque é homem que é correto, nem vice-versa. O foco do texto não foi a traição da moça, mas o cara ter perseguido ela, o erro que ela cometeu não faz com que o erro dele seja menor ou esquecido.
Anos atrás já fui perseguida por um ex namorado, ele era inofensivo, no sentido de não ser violento, porém foram quase 2 anos com ele correndo atrás de mim. Ele fazia questão de chorar na minha frente, entrava nas mesmas atividades extra curriculares que eu, fazia todos os amigos dele virem falar comigo, fez música de término de namoro, sem contar que ele me mandou uma carta falando que era fria, mas que eu tinha sido a melhor coisa da vida dele. Se meu caso foi péssimo, imagina o dessa moça, foram DEZ anos e querendo ou não isso prejudica muito a vida amorosa. Não desejo isso pra ninguém.

p.s Vocês não imaginam a minha felicidade quando ele casou, achei que ele não ia me esquecer nunca.

Anônimo disse...

"Tem gente que preferiria que Ana se casasse com um homem que ela nao amava"

Tem gente que não dá a mínima pra quem ela ama (aposto que o noivo está incluído nesse grupo) mas que prefere que as pessoas tenham dignidade e não enganem outras com as quais se relacionam.

Anônimo disse...

Acho engraçado criticar uzomi por fazer um monte de merda com a gente (e traição é parte da nossa cultura patriarcal) e defender mulher que faz o mesmo

Anônimo disse...

Adriles: a definição de karma :)

Anônimo disse...

Olá, Lola. Eu sou um homem trans, e no fim da minha adolescência - antes de me descobrir como trans - eu fui stalkeado por uma mulher um pouco mais velha que eu. Ela se tornou amiga de minhas irmãs, e até mesmo se ofereceu a dar aulas de violão para uma delas, que em troca dava aulas de química para minha stalker, que fazia cursinho na época. Com isso, minha stalker passava horas dentro da minha própria casa, e minha única forma de me esconder dela era me trancando no meu quarto por horas. Eu ficava horas sem comer, sem beber, sem ir ao banheiro, porque a stalker chegava na minha casa antes de que eu voltasse da faculdade no fim da tarde, e ficava aqui até 9, 10 horas da noite. Além disso ela começou a participar de todas as atividades que eu participava: entrou na companhia de teatro em que eu atuava, começou a frequentar a mesma academia onde eu malhava na época. Teve uma época que eu ficava recebendo mensagens de um número desconhecido, e depois descobri que uma das minhas irmãs tinha passado meu número para a stalker, sem saber que a pessoa me stalkeava. Ela me perseguiu tanto que eu acabei me afastando de todos os locais que eu frequentava, exceto pela faculdade - porque felizmente a pessoa estudava em outro local.
Enfim, essas histórias de stalkers são horríveis, e por eu ter sido uma vítima de uma stalker, eu torço do fundo do meu coração que esse Adrilles seja logo eliminado do Big Brother, e que ele sofra as consequências de perseguir tantas mulheres.

Marina Cunha disse...

Gente, fiquei COMPLETAMENTE chocada! Fui abordada pelo Adrilles duas vezes pessoalmente e também recebi algumas mensagens no facebook. Fico aliviada que ele não cismou comigo por muito tempo...

Anônimo disse...

Acabei de assistir à estréia do BBB. E graças à vc, Lola feminista, criticando e crucificando o Adrilles, tive estômago para ver o programa.parece que pela 1ª vez na história colocaram lá gente que não tem somente bunda, peito, pinto e 02 neurônios. Gente inteligente dessa vez. E ESTOU TORCENDO, MUITO, pelo Adrilles, que faz parte, sim, dessa "nova gente" que resolveram colocar no BBB. Não são lindos, mas tem massa encefálica. Não é só pq vc não gosta do rapaz que vai queimá-lo. Afinal, pouca gente gosta de vc também, dona LOLA FEMINISTA. ADRILLES tem meu voto. Tomara que mande uns "recados" pras feminazis do Brasil aprenderem a respeitar os outros. SE QUEREM RESPEITO, DEVEM, PRIMEIRO, RESPEITAR. Aprenda, dona LOLA FEMINAZI!!!! Adrilles nota 10!!!

Guinevere disse...

Eu tbm não acho legal isso de traição, mas acho que o tema não é sobre isso e man, esse cara é doido... serio!
Ja tive três stalkers na minha vida, mas eu só sentei medo do ultimo, acho que pk antes eu não imaginava o quanto poderia ser perigoso...
o primeiro, até bonito, conheci numa festa que teve na escola... conversei com ele e só, uma semana depois comecei a "encontra-lo" no caminho pra o colégio (eu tinha uns 14 anos)e isso aconteceu por uns dois meses (e eu meio tapada nem de longe imaginava que ele me seguia) até que um dia, precisei comprar absorvente e pedi a diretora pra sair, ao sair encontro ele na porta do colegio... ai ja comecei a achar estranho e no caminho pra o super mercado, ele continuou a me seguir... e tipo, o estranho que ele nunca chegou a falar que queria ficar comigo, só ficava falando que eu linda e que ele se sentia apaixonado e essas coisas todas... mas ne, pensei que era só um boboca, mas então ele começou a me seguir pra tudo que é lugar e aparecia na minha casa, começou a ligar pra mim e ficava respirando no telefone, só parou mais quando eu sai da cidade onde vivia e troquei o celular por outro... mas pra mim ele era totalmente doido... E isso foi tipo 1 ano e eu achei achei um porre, imagina 10 anos cara... o cara é um doente --'

Anônimo disse...

Anon de 00:47, ele é um doente. Não do tipo que rasga dinheiro, mas do tipo com bem pouca empatia pelas pessoas ao seu redor (vamos lembrar que ele não perseguiu só essa moça, há várias reclamações de outras mulheres).

Anônimo disse...

Por favor, há fontes seguras que confirmam tão graves acusações? Acusações que podem ter uma grande repercussão na vida do rapaz?
Ou devemos acreditar piamente no seu relato, cheios de nomes fictícios?
Não sei, mas me parece que é muito fácil hoje destruir a reputação de alguém, sobretudo em nome de bandeiras estúpidas como o "feminismo".
Tudo está sendo devidamente arquivado, espero que vc não esteja sendo leviana e realmente saiba do que está falando...

Anônimo disse...

q grande mudança viram no bbb? com as mulheres continuou na mesma,magras,saradas,corpo perfeito,só vi uma que era normal.

Elen disse...

Essa história parece cada vez mais falsa,tem provas mas não quer mostrar? Então para quê denunciar o cara?
Espera o que com isso?

Anônimo disse...

Como pode pessoas que se dizem e acham corretas tentar denegrir imagem de alguem que nao conhecem? esta historia me parece muito falsa, o rapaz é engraçado, alegre, uma verdadeira simpatia, esta sendo desmontado no proprio programa a mentira dita aqui.este blog é uma farsa.

Anônimo disse...

Que invasão de BBBfãs, credo

Anônimo disse...

Tá que ele é um stalker, e esse tipo de comportamento é nojento, mas qual o problema dele fazer parte de um programa de TV? Agora qualquer coisa considerada "boa" na vida dele é ilegítima porque ele é lelé da cuca? Deixa o cara viver. De preferência bem longe rs

Fê disse...

Não entendi bem se todos os casos vieram à tona só por causa do BBB, mas a Globo certamente pesquisou sobre a vida dele e sabia dos podres.

Aí colocam o cara que faz mal a mulheres (porque chamá-lo de louco só faz parecer que ele é um coitado sem responsabilidade pelos seus atos) confinado numa casa com algumas (que nem devem imaginar o comportamento dele) e dão a chance dele ser famoso.

Não me parece nada certo.

Anônimo disse...

Conheci um rapaz a uns três anos e pouquinho, ele havia se mudado para cidade onde moro para fazer faculdade ,ele conhecia meu tio ,na epoca que me adicionou no skipe conversava com ele como amiga todos os dias, sempre que conectava logo ele me mandava mensagem ele era fofo ,ERA depois de um bom tempo marcamos de nos encontrar acabou que nos envolvemos fiquei com ele , mas não era o que eu imaginava, ele era estranho nâo sei explicar,,nesse dia fomos na casa dele que morava em um apartamento no centro da cidade, decidi ir porque andava carente e ele me convidou para assistir um filme , aceitei, chegando lá me deparei com fotos minhas que divulguei em redes sociais impressas e coladas sobre sua cabeçeira eu ri achei realmente fofo ele gostar de mim , cheguei mais perto para ver quais fotos ele tinha as que estavam em cima e no meio eram fotos que ele claramente tinha tirado do facebook , mas me dei conta que haviam inumeras que foram tiradas o meu dia a dia , fotos minhas caminhando no parcão, fotos com meus cachorros, da saida da academia, da saida da escola, indo buscar meus irmãos e por ai vai , mas a que mais me assustou foi a que ele tirou de uma discussão dentro do carro na foto eu estava chorando e meu ex tentava falar comigo, lembro desse dia, foi quando terminei, e antes mesmo de começar a falar com ele, essa foto estava de centro e riscado em mim haviam varios corações e no meu ex uma arma desenhada a caneta de tinta preta que apontava para a cabeça dele ! Continua ...

Anônimo disse...

Continuando ... Fiquei assustada e tratei de pedir explicações sobre aquilo, disse que era apenas uma brincadeira, falei para ele que nem mesmo o conhecia naquela epoca e ele que estava mechendo sinicamente na geladeira me deu uma olhada e disse que mesmo que eu não o conhecesse ele me conhecia, me viu a primeira vez na universidade que ficava no mesmo campus que a dele, lembrava da minha roupa, disse que logo que me viu sentiu um tesão jamais explicado, fiquei realmente assustada, ele ainda continuou que depois disso uma semana depois eu retornei ao campus para almoçar com a minha mãe que trabalhava lá, ele nos observou durante todo o tempo viu que depois do almoço me deitei em um sofá e cochilei, acordei 15 minutos mais tarde e minha mãe disse que poderia ir a biblioteca buscar u m livro, ele falou que me seguiu sem que tivesse percebido , disse que entrei na biblioteca e me dirigi a uma sessão de livros de ficção ele disse que fez alguns barulhos e que eu olhei diversas vezes para os lados, disse que o fato de eu estar parecendo assustada deixou ele louco, peguei o livro apresemtei para a moça e o levei embora, ele me observou pegando o onibus para retornar até a cidade, continua...

Anônimo disse...

Aff

Anônimo disse...

Continuando ... ele fez tudo aquilo sem eu nem perceber, pensei que aquele conto macabro havia terminado sem conexão de quando e como ele conseguiu meu nome, porque foi ele quem me adicionou no facebook e no skipe, ele explicou isso também,para minha infelicidade. Um mês tinha se passado e eu retornei ao campus com intuito de realizar uma aula de dança afro, ele disse que estava na aula, rebati dizendo que nâo lembrava dele, foi ai que o lado fofo dele mudou , ele jogou na parede o copo de agua que estava na mão e disse que mesmo invisivel eu fui capaz de olhar dentro dos olhos dele e sorrir , que mesmo que eu não lembrasse ele lembra que eu dancei na frente dele e que por um segundo ele sentiu meu perfume, ele disse que eu deveria sentir vergonha de fazer isso, sorrir amigavelmente enchendo ele de esperanças, enchelo de esperanças nunca foi minha intenção, quando em sá conciencia eu iria fazer isso, ele ouviu eu passando o meu facebook e skipe para um dos dançarinos, mas eu não o fiz pensando em paquerar e sim porque eles iam me procurar para apresentações e ensaios, foi nesse momento que ele ouviu o nome do meu tio, fui embora e ele colocou seu "plano" em pratica, continua ...

Anônimo disse...

Moça, cria um blog e conta a história completa lá

Anônimo disse...

fez amizade com meu tio e uma semana depois me adicionou , o nosso contato de seis meses tinha me levado para aquela situação , me peguei com medo e indefesa frente a frente meu stalker que eu não sabia que era tão obsecado por mim... foi um bac muito grande ouvir aquilo o ap parecia cena de filme de terror , disse para ele que precisava ir já estava tarde, ele se aproximou pegou uma mecha do meu cabelo e cheirou, quase morri de medo, ele tinha um olhar parado e me fitava com um ar de psicopata,me mantive firme mas por dentro desabava lentamente , ele sorriu me olhando pegou minha mão e me fez sentar disse que tinha procurado um fillme perfeito para assistirmos, pedi para ir ao banheiro fiquei cerca de vinte minutos chorando encostada ao lado da pia, ele ficarâ com minha bolsa, mesmo se quisesse não poderia pedir ajuda, passado mais alguns minutos ele bateu na porta indagando se estava bem, abri e disse que estava me sentindo mal, menti que havia vomitado e que estava doendo a barriga pedi então para ir embora, ele começou a chorar e se ajoelhou na mknha frente, pedi calma e disse que realmente não me sentia bem, menti que achei tudo fascinante e que voltaria, não vi outra alternativa se não fingir um carinho por ele , acariciei o rosto com a mão tremola e lhe dei um beijo na bochecha ele caiu na minha conversa e me deixou ir, nadescida das escadas no ultimo lance ele me colocou contra a parede precionando o corpo dele em mim, tocou meu rosto e mandou que o beijasse, assim fiz com um nojo jamais sentido, ele me disse antes de sair que tinha deixado um presente dentro da minha bolsa que era para abrir quando chegasse em casa, sai caminhando rapido peguei um taxi e com medo de ser seguida pedi para me deixar perto de outro ponto e pegui outro até em casa, uma atitude um tanto quanto idiota já que aquele doente sabia onde eu morava a julgar pelas fotos tiradas, chegeui em casa e fui para meu quarto tomei um banho e escovei os dentes e a boca com tanta força que machucou, queria tirar o gosto da saliva daquele infeliz, sai do banho as janelas estavam abertas tratei logo de fechalas me vesti e minha mãe me chamou para a janta, mesmo sem apetite desci, não contei o ocorrido com medo de represalhas comi e voltei para meu quarto, pegueimeu comoutador da cadeira e a bolsa caiu, lembrei do tal presente e abri, dentro tinha um envelope com um bilhete, dizia " eu amo N... ♡ mas posso aprender a odeiar, cuidado! "

Anônimo disse...

dentro do envelope tinhaap um pendreive com uum video desse retardado falando isso repetidas vezes em varios lugares e em todas as vezes eu aparecia no final da gravação , todos os videos foram filmados em lugares que eu frequentava em diversos dias e horas diferentes EU REALMENTE ESTAVA SENDO MAIS QUE PERSEGUIDA chorei de medo e chamei minha mãe, expliquei o que aconteceu com todos os detalhes e mostrei o video, ela me reprimiu pela minha atitude de ir ao apartamento, mas a minha reação de desispero fez com que ela tomasse uma atitude, fomos a delegacia, o policial queria me ajudar mas não ouve agressão, mesmo ele tendo me agarrado, ele recomendou que desativase minhas redes sociais e trocasse o numero e foi o que fiz, um ano de zero comunicação com meu stalker eu andava a maior parte do tempo acompanhada ou com meu cães que acabamos mandando para adestrar a fim de se necessario eles virem a me proteger que assim acontecesse, a vida corria tranquilamente e eu já me sentia tranquila com menos medo foi um ano exato sem um dia de diferença , fui correr era seis da tarde de agosto no Sul faz frio nessa epoca, coloquei meu fone, casaco e resolvi correr sem o Thor para não cansalo, cerca de meia hora apos o inicio da corrida comecei a notar um sujeito esquisito ele não corria voava na pista passou seis vezes por mim e passou muito pesto,estava de capus assim como eu e notei só pelo tipo fisico que podia ser meu stalker, passou a setima vez e eu estava apreensiva segui corrrendo achei ser delirio meu dobrei em direção aos banheiros femininos entrei ,fiz o que tinha pra fazer e fui saindo, os banheiros nesse parque ficam de frente um para o outro são varias portas e quando entrei estavam todas abertas quando sai todas fechadas, peguei o celular e liguei pra minha mãe enquanto chamava fui olhando por debaixo de cada porta para ver se estavam realmente todas ocupadas, uma a uma vazias o celular só chamava e comecei a chorar peguei um cabo de aluminiu de uma vassoura que estava ao lado das pias e eetermunada a emcontrar aquele psicopata e grudar o que tinha nas mãoes nele fui chutando uma a uma em uma agonia misturada com raiva e medo chutei todas as portas todas vazias minha mãe enfim me retornou e chorando pedi para ir me buscar, lavei meu rosto e sai do banheiro, quando dobrei na saida me dei de cara com ele , não deu tempo de nada, ele tapou minha boca com a mão e eu o mordi,chutei, bati, e nada de me soltar , ele ria sussurou no meu ouvido " sentiu saudades?" Tentei gritar e ele me insentivava , "isso bate", "vai mais chora isso" um senhor que estava correndo viu e gritou para me soltar, antes dele ir me deu um soco no estomago e sumiu ! Chamamos a policia, levei eles no ap, na faculdade e nada H parecia nunca ter existido, ninguem viu, conheceu ou falou com ele , era uma sombra!
Um ano e meio depois ele me mandou um whats no numero novo que não sei como e com quem conseguiu na mensagem dizia que o amor é uma faca de dois gumes que eu havia o ferido e que deveria pagar! Bloquiei ele e dois outros numeros mandaram mensagem fiz o mesmo e troquei o numero.

Hoje tenho namorado, moro na mesma cidade, pratico bick, natação, musculação, capoeira e defesa pessoal, continuo a mesma pessoa, não tenho mais medo porque se me manter com medo deixo de existir para o mundo e vou me isolar em casa e isso nunca vai acontecer, minha familia sabe da existencia do meu stalker e ele sabe da nossa convivemos com isso , pode ser que hoje ou amanhã, ou daqui a muitos anos ele venha a me procurar, tenho fé que isso não vai acontecer, mas se acontecer estarei preparada!

Eu imagino o que essa moça passou, uma perseguição meche com tudo mais principalmente com a mente. Que esse retardado fique no BBB eque mostre suas garras e depois sim ele saia para sofrer as consequencias perante a sociedade.

Esse foi meu desabafo de alguem que foi perseguida, agredida e assediada e hoje está parcialmente bem ! Um enorme beijo a todos fiquem com Deus

Anônimo disse...

Continuando... continuando...

Anônimo disse...

Esse cara que vc conheceu pode ter sido agressivo e ate stalker, mais o Adrilles nao é. e vendo ele no BBB duvio que alguem continue achando isso.


Aff, chega de dar ibope pra esse povo doente que querem ser Deus, cuidem das suas vidas, devem estar bem desinteressantes pra querer cuidar da vida alheia.

Anônimo disse...

Os Olavetes estão com rabo pegando pegando fogo, né? Vieram, como sempre, em bando pra defender o típico representante da nova extrema direita psicótica: FRUSTRADO E PATÉTICO.

Acho importante lembrar que essa é proposta da edição: esquerda x direita.

E como sempre a direita patética, agressiva e doente mental vai berrar, espernear, bater, matar e a esquerda vai estar toda dividida.

Anônimo disse...

Lola sou sua fã e louca para comprar seu livro, sou uma militante professora e feminista.

a) Detesto BBB, para mim é lixo não assisto, porque não acrescenta nada de positivo, mas agora o circo está formado, os coxinhas, homofóbicos, racistas e machistas vão ganhar um mártir, a direita está cada mais intolerante, destilando seu veneno através dos falsos valores morais.
b) O destino da maioria dos BBBS, é ficar mendigando atenção da mídia porque a maioria não tem talento para nada.
c) O único BBB, que ficou marcado para mim foi o do caso do estupro, foi quando vi que estou certa quando deletei este lixo da minha vida.
d) Claro não posso esquecer a vitória do Jean Willys, neste até que gostei do resultado

Anônimo disse...

So existe essa opção? Que tal terminar assim que descobriu que gostava de outro? Isso vale tanto pra homem quanto pra mulher. Ela foi errada e ponto.

LuHh disse...

Lembrando, ninguém foi estuprada no BBB.

Anônimo disse...

Geralmente eu leio os comentários de posts que me me interesso, pois também tenho interesso na opinião dos outros, na discussão do assunto.

Mas o que tenho visto na maioria das vezes, são pessoas impacientes e polêmicas que escrevem comentários agressivos e muito defensivos, como se houvesse apenas um lado na moeda. Opiniões extremistas sem margem para conversa.

Acho que por ser um texto público, ele deve ser livre de julgamento também. Cada um tem a sua opinião, mas no final essa opinião vai fazer muita diferença? Vai ajudar a mudar algo? Se for para o bem acho super válido e bacana, mas se for para o mal, for para prejudicar alguém, acho que deve ser cuidadoso e pesquisado muito bem, pois uma informação superficial pode manipular diversas opiniões e acabar com vida social de uma pessoa ou algo assim.


Anônimo disse...

Esse cara é um idiota, pior que tá cheio de nego nessas paranóias, eu conheço uns que tão beirando o stalking já...

agora só não entendi o: " Uma linda história de amor."

Afinal de contas ela estava noiva, apaixonada por outro e só contou ao cara na véspera do casamento. Vai ser filha da puta assim lá na casa do chapéu.

Claudio

Anônimo disse...

Não vi uma viva alma defendendo ela se casar com o cara, mesmo traindo, Lola!
A crítica é à traição.

Anônimo disse...

LixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoL

LixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoL ixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixoLixo

Anônimo disse...

A matemática é simples: se o cara é bonito/interessante, ele está batalhando para conquistar. Se é feio, é Stalker. A pessoa passa o contato e isso, atualmente, é uma demonstração de que há interesse em continuar a conversa. Já na 1ª mensagem, era o caso da mulher avisar "Meu filho, tu é feio e, por isso não adianta poesia. Se fosse bonita, bastava cantar um funk". Simples.

Anônimo disse...

É, você tem toda a razão, Eisntein. O mundo se resume a "feio" e "bonito". Os anos de perseguição, importunação e medo são só porque o cabra é feio. E, claro, nunca um cara bonito matou a companheira por não saber ouvir um "não"... Meldels, quanta imbecilidade. Isso aqui não é um blog particular? Não lê apenas quem quer?

Roberta Trevisan disse...

Graças a Deus nunca passei por uma situação dessas. Porém no caso desse cara quando ele for pro paredão é só tirá-lo de lá. Por que ou como ele entrou lá? Sei lá. Quem é psicopata sabe driblar exame psicológico. Se foi o mesmo tipo de exame psicológico para tirar carteira de motorista, é como tirar doce de criança.

Anônimo disse...

Ola, estou um pouco assustada com essa matéria. Também ja fui vitima desse tipo de Stalkers, ja fui chingada por nao aceitar sair com o cara. Mas tem u outro que há 3 anos não se cansa de levar meus "Nãos" . Sim, milhares de nãos ja falei e nao adianta. È muito triste essa situação, nos sentimos muito mal, a pessoa nos coloca em um labirinto.A justiça devia punir esse tipo de atitude , causa sofrimento e dor para as vitimas dos Stalkers.

Anônimo disse...

Já entendi! Tudo bem, isso já foi um caso solucionado.
mas a revolta da blogueira, é porque chamou o Adrilles e não dão a mínima para seu blog!
Maridão? Cuida bem dela, viu ..babaquice, só porque agora, ele está na Rede mais cobiçada do Brasil, está querendo aparecer?
Adrilles 2015 - mudanças e carreira profissional a vista! by

Anônimo disse...

Ah, faça-nos uma gentileza senhorita, cria um blog de receita de coxinha, tenho certeza que você se sairá melhor.
Não sei se sinto mais vergonha de você ou de seu marido, que permite, esse tipo de postagem!
Valha-me Deus...dê criatividade a essa pobre moça

Anônimo disse...

Quando tinha 17 anos uma menina começou a me perseguir, dizia a todos que me amava. Por causa disso todas as pessoas de nossa convivência tentavam me convencer de aceitar o namoro, as perseguições aumentaram a ponto de por causa das ligações a boneca da minha sobrinha tinha o nome dela. Sair de casa e ela estar na porta me esperando.
Um certo dia em uma festa fiquei com uma menina, e o escândalo depois foi tão grande que passei a ser visto como o traidor. O clima ficou pesado e assim resolvi pegar pesado com ela , e minha surpresa foi quando ela aparece com um carinha numa festa de fim de ano, e espalha para todos que eu que fui banana e não peguei ela.
Nesta mesma festa fiquei com uma menina que era apaixonado a muito tempo mas graças ao mal estar causado resolvi sair do grupo e o namoro não engatilhou pois não nos víamos frequentemente. Mas não acabou ai, 5 anos mais tarde, um amigo que estudou comigo no ginásio me liga e conta uma história assustadora, contada por uma colega de trabalho dele, onde citando meu nome ela dizia que o maior amor da vida dela tinha morrido e contava toda uma vida comigo.
É assim que funciona a mente de um/uma stalker, não importando o gênero. Hoje tenho a absoluta certeza que o problema é uma total falta de autoestima do stalker que eleva a pessoa amada à um ponto de necessidade de vida ou morte, pois somente ela é tão fantástica a ponto de salvar a pessoa de sua existência ridícula.

Anônimo disse...

Acho que seria massa postar as informações de fonte primária para provar as informações do relato. Caso contrário, trata-se apenas de acusações vazias. Nesse caso, crime. Caso a história seja verdadeira, tudo bem.

Anônimo disse...

Ela não deveria nem ter amante, se ela tinha um amante que nao aceitasse casar com o cara. Ela marcou o casamento e só foi contar um dia antes? ela nao conheceu o amante um dia antes do casamento... ela foi mau carater, nojenta.

Anônimo disse...

que lixo isso acusaçoes podres , tendenciosas sem o rapaz poder se defender e contar sua versão!! isso é crime difamar a imagem de alguem assim. adrilles é maravilhoso sofreu muito bulying na infancia , tem problema de carencia sim e só isso! nao é nenhum estuprador como esse blog esta induzindo que nojo! aprendam a serem sensiveis e terem mais amor na vida, pois se tem alguem que sofre preconceito ali esse é adrilles por ser feio ok

Anônimo disse...

Bem,não conheço o tald e Adrilles, não sei como é comportamento dele para come essas supostas mulheres que seriam eprseguidas por ele, mas a símples imagem desse indivíduo em fotos já me faz tecer algumas considerações: Esse sujeito é baixinho, estrábico e acima do peso, ou seja, tá longe do arquétipo do que seria um homem atraente, e cara feio tem que atirar pra tudo quanto é lado mesmo, tem que flertar, dar a cara a tapa, sair da zona de conforto, prq ninguém vai cair no colo dele. Logo não vejo mal nos taís poemas, mensagens rebuscadas e por ai vai... o problema no caso seria a insistencia depois de alguma mulher já ter dado a palavra final, mas em alguns casos relatados em reportagem isso nãoo fica muito claro. Vi relatos onde uma garota simplesmente achava o cara perigoso por simplesmente ter mandado um poema para ela depois que que o cidadão a adciounou no Facebook. isso pra mim é paquera, flerte e não perseguição.
Agora, uma coísa é certa, tendo esse sujeito culpa no cartório ou não, é um sujeito tão digno de pena quanto essas supostas ´´stalkeadas´´. O amor tá longe de ser algo ´´democrático´´, e esse tal de Adrilles com essa aparencia repelente provavelmente nunca vai ter o amor de uma mulher atraente, seja lá qual for a conduta dele. Isso por sí só explica um pouco essa conduta dele descrita nessas reportagens.

Anônimo disse...

Gente , é isto que a Globo gosta.
De dar força a todo tipo de delinquente.
Os espectadores adoram assistir gente baixo astral que a Globo " adota ".
Não se pode esperar ninguém nem nada que valha a pena desta emissora .
Basta que a ignoremos.

Rafael disse...

É razoavelmente complicado escrever notícias cujas fontes não vêm à público, porque isto tornaria lícita a divulgação de praticamente qualquer conteúdo sobre vida de terceiros, desde que respaldado por "fontes anônimas".Não aparecem os nomes dos delegados, os documentos, ou onde encontrá-los. Outro ponto é que escolhe-se privilegiar uma versão do fato: apenas se deu voz à suposta vítima; garanto que se ao próprio Adrilles fosse dada uma chance de defesa em lugar de um "linchamento midiático" ouviríamos uma história diferente. Terceiro ponto: caso a história toda fosse verdade, eu não poderia medir a magnitude da solidão que levaria alguém a fazer isto! E lamentaria por ele. Lamentaria que que nunca houvesse encontrado alguém a quem devotar toda a afeição e delicadeza poética e que lhe correspondesse, claro.

Anônimo disse...

Talvez no: "uma linda história de amor"?

Anônimo disse...

Se a ideia estiver errada???? Então romantizar uma traição agora é certo? Entendo os danos e traumas que o stalker causou a menina, mas a traição dela tbm causou traumas e pelo visto até maiores. O próprio texto diz isso quando cita a depressão em DUAS pessoas. O texto é claramente seletivo e tendencioso ao tentar demonizar o stalker e romantizar uma traição. E traição é culturalmente considerado falha de caráter tbm, independente de gênero. Esse "uma linda história de amor" me lembrou aquele "o amor é lindo" proferido por Bial em outra edição. Mesmo sendo situações completamente diferentes. Mas é o que senti.

Anônimo disse...

Quem aqui já foi vítima de um stalker como fui por 1 ano, e olha, foram 4 empregos, números de tel trocados, caminhos vigiados, medo, assédio moral, apreensão pelos filhos, ameaças ao marido e quer saber, a polícia não faz nada! A não ser que seja pego num flagrante e qual será o argumento? Alguém aqui já chamou a polícia e eles vieram imediatamente? Não falem bobagens, que a coisa é muito séria. A pouco tempo passou um seriado na Globo explicando muito bem que um mero e despercebido psicopata pode virar um assassino.

Raphael Sales disse...

Pessoas, alguém teve acesso a essa ordem judicial? Pergunto porque teve gente exaltando o figura como modelo de ética e queria mostrar que não é bem assim.

Anônimo disse...

Não conheço nem ela nem ele e mto menos convivi com q historia.. Então não julgarei! Oq sei eh q tudo tem dois lados!! Se ela se sentiu assim, invadida, dou minhas solidariedade... Mas vendo o pouco do adrilles no programa (sim, assisti algumas vezes e dai?!) da para ver que ele eh meio atrapalhado mesmo.. Mas eh sincero e puro! (Posso estar fazendo um pré julgamento melhor doq eh, mas eh oq eu senti dele) e ela n conheço.. Só por isso não falo....
Talvez para ele tenha sido a forma dele demostrar amor naquele momento.. Achou que precisava daquilo tudo e que estava sendo gentil......
E ela, com todo direito (talvez me sentisse assim tb), não gostou da abordagem, do jeito e como foi! Agora falar que ele eh uma.pessoa ruim? Acho feio julgar alguem assim!
E antes que venha falar que estou defendendo ele, não estou mesmo! Nem inferiorizado oq ela sentiu!
Só aprendi a não julgar, e não pensar coisas ruins sobre a outra pessoa... Isso faz bem pra nós ;)

Anônimo disse...

O FATO DELA TER AMANTE É REPROVAVEL OU NÃO, DEPENDE do ponto de vista de cada um e particular entre o trio, eu, jamais trairia, mesmo porque ela nem casada era, dava pra colocar um ponto final. Porém o fato discutido é sobre um perseguidor, um homem que se acha no direito de ter alguém ou a companhia de alguém forçadamente. A traição é um fato particular dela, o perseguidor nada tem a ver com isso. Esse rapaz em questão mostrou ser um chato perseguidor no programa de televisão, onde ele insistia que uma participante desse atenção a ele, querendo ela ou não ... impunha sua presença, pegou raiva de outro participante que a moça mostrou interesse e tentava a todo custo denegrir a imagem do rapaz. Ele mesmo se diz uma pessoa com psicopatia, mesquinho, egoísta e invejoso. A moça já saiu do programa, porém a todo tempo ele a cita, e coloca pessoas como culpadas dela não ter dado lado a ele, não registra que ela não o quis. Aqui vejo pessoas mais preocupadas com a vida particular da moça, do que a preocupação do que um psicopata pode fazer...

Anônimo disse...

Cuidado, essa moça (Lola) pode estar fazendo isso só pra beneficiar o Cezar... eu não duvido de nada nesse mundo... Vc verificou a veracidade dos fatos Lola? Verificou se esse tal processo existe mesmo? Eu torço pro Cezar sair fora, Adrilles mostrou ser uma pessoa boa, podia ter votado no Fernando ou Amanda e não fez por amizade... não é esse monstro que estão pintando! Pára!

Anônimo disse...

Anônimo de 13:24, vc deve ter visto as partes editadas que a Globo mostrava para manipular a opinião pública, por isso acha "ingênuo" um perseguidor declarado e doentio. Leia este relato, por favor! http://mulher.uol.com.br/comportamento/noticias/redacao/2015/03/04/comportamento-pedajoso-de-adrilles-pode-desequilibrar-tamires.htm e veja esse tb: http://escrevalolaescreva.blogspot.com.br/2015/03/guest-post-tamires-tenta-fugir-do.html

Anônimo disse...

Concordo, também acho um risco acusar uma pessoa assim baseado em um email. Essa divisão entre "nós" e "eles" é sempre muito perigosa.

Anônimo disse...

Esse Adrilles é um doente. Mas a tal da "Ana" foi pintada de santa nesse post. Pra lá… ela traía o noivo.

Há matérias na internet que dizem que foi o próprio Adrilles (mesmo que ele não admita) que enviou um email alertando o noivo depois de perseguir ela e descobrir que ela o traía (o noivo, claro). Por mais doentio que ele seja, se fez isso fez algo correto. Fazer outro de trouxa, enganar, mentir agora é algo nobre? São elementos de uma “linda história de amor”? Isso é piada?

O Adrilles romantiza as história perseguição dele e vocês romantizam a desonestidade dessa moça que é incapaz de terminar um relacionamento antes de engatar outro. “Vou enganar um otário ali que quer se casar comigo antes de me decidir qual dos dois eu quero.” Triste…

Rosane disse...

A me poupe eu ja fui perseguida por um ex,ele ia todos os lugares que eu estava me ligava dia e noite, com duas semanas dei uma queixa contra ele, tomou esporro do delegado e ponto final se o delegado não fizesse nada teria outra alternativa, essa moça ta dando uma de vítima querendo aparecer , 10 anos me ajuda ai, não acredito que ele seja isso que vc disse acredito que ela devia chutar pra tudo quanto é lado porque a postura dela não foi das melhores, não gosto de julgar ninguém mas ja que estão julgando ele fica no 1 a 1.

Anônimo disse...

ME IMPRESSIONA COMO PESSOAS RECALCADAS DISTORCEM AS COISAS.... BLOG DE MERDA.... BLOGUEIRA GORDA RECALCADA DE MERDA.... COMENTÁRIOS DE MERDA.....

Anônimo disse...

Me identifiquei demais com seu relato.
Por volta dos 14 anos (hoje tenho 23) fiz amizade com um cara na internet, na época ele tinha 31, coisa que não me pareceu ser um problema, visto que ele se mostrava um cara divertido, inteligente, atencioso... Um amigo pra todas as horas, e nossos assuntos nunca acabavam. Era o que eu queria, pois nunca tive muitos amigos e sempre fui meio introvertida. Então nossa amizade se desenvolveu e eu passei a confiar nele.
Hoje vejo que por conta das coisas positivas, acabei por ignorar detalhes estranhos, como: nunca colocar foto do rosto no perfil das redes sociais, nunca namorou (e continua assim aos 41 anos), salvava minhas fotos no pc, com o tempo até as que eu publicava no facebook, e eu trouxa, julgava ser apenas uma peculiaridade. Lembro também que ele já chegou a me falar que se envolvia em algumas brigas, pois era impulsivo e que os parentes dele pediam pra mexer em seu pc e ele nunca deixava. (Só o fato de escrever essas coisas me faz ver o quão perigoso ele podia ser, e eu, apesar de achar que sabia dos perigos da internet e meus pais me alertarem sobre, me recusei a considerar que podia haver algo de errado)
Eu fui crescendo e ele passou a dizer que gostava de mim, mas eu sempre deixei claro que éramos apenas amigos, meu sentimento por ele sempre foi carinho e nunca passou disso.
Apesar da insistência por parte dele, nunca nos encontramos, mas vivia perguntando o endereço do meu trabalho e casa, que era "só pra saber" (afinal, era uma troca porque ele me falou o dele, só que nem dei atenção, no mesmo dia nem lembrava mais). Bom, e aí vem mais uma coisa creepy: chegou a dizer algumas vezes que ja procurou no google maps várias empresas do ramo que eu trabalho na minha cidade, e acabou descobrindo! Como? Porque uma vez dei detalhe de como estava a calçada por conta da sujeira característica do local que fica em frente ao estabelecimento.

Bem, as coisas melosas e fixação já tinham passado do limite, e eu sempre querendo mostrar que não gostava dele, que nunca senti atração e que ele estava confundindo as coisas.
Quando a troca de nudes virou moda, ele vivia pedindo, e eu nunca mandei nenhuma. Ele então me peruntou se eu já troquei com outras pessoas, e eu, não vendo mal algum em responder (isso até poderia fazê-lo desencanar de vez), disse que sim. Ele então, começou fazer mais perguntas, e eu fui respondendo. Agora ele sabe que já fiz coisas além de trocar fotos (que aconteceram no ápice da minha depressão), e foi aí que revelou quem realmente é.
Esse cara há três meses vem me mandando uma pancada de mensagens no whatsapp, cheias de frustração, ciúmes doentio e características típicas de psicopatas. Diz que não vê problema nas coisas da "vida real", mas que na internet eu troquei fotos com várias pessoas e "o deixei de fora da festa".
Eu o alertei que não iria mais responde-lo, e ele diz que vai parar, mas sempre volta a fazer inferno.
Já tentei ir cortando o contato aos poucos, mas não está dando certo. Ele começa a falar sozinho, criar histórias fantasiosas de coisas que fiz/ vou fazer e eu acabo respondendo, pra mostrá-lo o quão loucas e absurdas são as coisas que ele diz. Só que depois de procurar tanto sobre o comportamento desse tipo de pessoa, sei que de nada adianta.
Agora ele diz que se eu ainda nao o excluí é porque ainda quero ser sua amiga.
E eu fico sem saber o que fazer, com medo de que a falta do contato pelo whatsapp o faça vir atrás de mim. Coisa que também coloca minha família em risco, pois a empresa é dos meus pais e trabalhamos em família. (Aliás, ele sabe disso também)
Ontem mesmo passei a noite em claro pensando nessa merda toda; E. EU. NÃO. SEI. MAIS. O. QUE. FAZER!