terça-feira, 18 de março de 2014

GUEST POST: NO BBB, SÓ UM ACHA ERRADO BEIJAR QUEM ESTÁ FORA DE SI

Muita gente me pedindo pra escrever sobre o BBB14, mas, além de não acompanhar, estou sem tempo nenhum. Ontem a Carol me mandou um email sobre o caso.

Não gosto de BBB, e não assisto, mas minha mãe sempre deixa a TV ligada. Na noite de ontem, o bate-boca era tão forte, que era impossível ignorar. De repente, ouvi a palavra "abuso". Curiosa, parei pra prestar atenção. E assisti a uma das coisas mais absurdas que já vi na vida.
A história que motivou a briga de ontem é basicamente a seguinte: dois participantes, Angela e Marcelo, tiveram um relacionamento dentro da casa do BBB. 
Nos últimos tempos, andavam brigando muito, e as coisas chegaram ao ponto em que Angela disse que não queria mais Marcelo. Eis que numa festa de dias atrás, Angela bebeu demais e ficou fora de si. Enquanto ela estava bêbada, Marcelo foi mexer com ela. Outro participante, Cássio, diz ter visto Marcelo dando um selinho em Angela. Revoltado com isso, Cássio acabou causando uma enorme briga dentro da casa. Eu não sei dos detalhes. mas, no geral, é isso. 
Na noite de ontem, Pedro Bial coordenou uma atividade que "lavou a roupa suja", em que os participantes podiam fazer perguntas uns aos outros. A coisa toda foi surreal. Pra minha grande surpresa (ou nem tanto), o novo Cristo da casa é ninguém mais ninguém menos que Cássio, o rapaz que disse ter ficado revoltado porque Marcelo beijou uma Angela inconsciente.
Primeiro – Como não assisto BBB, não vi a festa, e não sei se Marcelo de fato chegou a beijar Angela. Então o rapaz pode ser inocente? Pode, sim. Mas mesmo que Marcelo não tenha feito nada, o episódio do BBB ainda é uma das coisas mais escabrosas que já na vi na TV, porque trouxe à tona a mentalidade das pessoas quando expostas a um  caso de abuso. Quero deixar claro desde agora que a questão não é a inocência ou culpa de Marcelo. Hoje estou falando de como as pessoas reagem a uma denúncia, e numa análise maior, de cultura do estupro.
No programa de ontem, Tatiele, outra participante, reclamou de Cássio ter dito que Angela havia sido abusada, porque segundo Tatiele, “ Só é abuso se tocar nas partes íntimas!”. Já Marcelo esbravejou coisas do tipo, “Que que é, hein? É crime agora? Como se fosse crime agora, no Brasil, ficar com alguém que está bêbado. Agora não pode ficar com alguém que bebeu?”
Percebam que a reação dos Brothers à coisa toda foi tão ridiculamente machista, que o suposto selinho chega a ser quase irrelevante. O que me assombra não é se Marcelo deu ou não um selinho em Angela– o que me assombra é que, diante dessa possibilidade, APENAS UMA PESSOA NA CASA INTEIRA VEJA COMO ABUSO BEIJAR ALGUÉM QUE ESTÁ FORA DE SI.
Pra vocês terem noção, quando a coisa toda aconteceu Angela estava tão bêbada, que não lembra de nada. Ela chegou a levar um tombo, e não lembra. Pra ver como ela estava em condições de se defender quando Marcelo chegou perto dela! E tem participante que vem dizer que isso não é abuso, porque ele não pôs a mão no meio das pernas dela! Ah, então tá tudo bem. né?
Poucas coisas me mortificam mais do que uma mulher falando bobagens machistas, e Tatiele conseguiu se superar ontem. Quer dizer que, se eu estiver andando na rua e um cara me agarrar à força e me beijar, não é um abuso? Porque ele não pôs a mão na minha vagina? É sério isso? Se um cara ejacular em cima de mim num ônibus, não é abuso?
Vamos recapitular, gente. O que difere um estupro de sexo? Consentimento. Quando as duas pessoas querem, sexo. Quando uma não está a fim, estupro. 
Agora eu pergunto: onde estava o consentimento de Angela quando Marcelo foi mexer com ela? Enquanto sóbria, ela tinha dito repetidas vezes, clara e veementemente, que não o queria mais. Na festa, estava bêbada demais pra conseguir dizer qualquer coisa. Se você me disser que o suposto selinho foi algo inofensivo, você tem um problema sério. Porque passar por cima do consentimento de alguém é, por si só, uma coisa grave. Não interessa que foi “só um selinho”, onde ele encostou, o raio que o parta: MARCELO SABIA QUE ANGELA NÃO QUERIA NADA COM ELE E FOI MEXER COM ELA ENQUANTO ELA NÃO PODIA SE DEFENDER. 
E só uma pessoa acha isso errado. 
Enquanto a Casa BBB me enoja, eu tenho que dizer, é um belo experimento social. A Globo conseguiu reproduzir uma mini-sociedade brasileira, machista ao extremo, exatamente como as pessoas que estão aqui fora. Eu nunca vi um exemplo tão claro e autoexplicativo de como a cultura do estupro funciona como o episódio de ontem do BBB. Acho que nenhum documentário cobriria o assunto de maneira tão fiel.
Não só não viram nada de errado no que Marcelo fez, como arranjaram mil e uma desculpas pra ele, e brigaram todos com Cássio, porque oh, como ousa ele acusar Marcelo de abuso? Abuso é uma coisa terrível, Marcelo nunca faria isso!
Ah, ainda não falei de Marcelo. Não posso dizer que ele realmente deu um selinho em Angela. Mas noite passada, ele deixou bem claro que se tivesse dado, não via nada de errado nisso. O que dizer de um cara que beijaria uma menina completamente bêbada e fora de si, e acha isso a mesma coisa que ‘ficar com alguém que bebeu’? Mas que menino de ouro, hein!
Marcelo mostrou como é possível cometer um abuso - sendo completamente cego quando se trata de respeitar os limites do outro. Ele é o tipo de pessoa que acontece quando não conversamos sobre consentimento com nossos filhOs em casa. Ele claramente não faz ideia do que seja consentimento e portanto, não vê mal no que fez. 
Percebam como é difícil dar visibilidade a um abuso. As pessoas são extremamente seletivas, têm os parâmetros mais absurdos (“só é abuso se tocar nas partes íntimas!”), hostis a quem reclama (Cássio foi massacrado), se desmancham em empatia sobre o acusado, fabricam todas as desculpas possíveis pra ele (todos saíram em defesa de Marcelo), não veem nada de errado em uma mulher ser beijada enquanto está bêbada, mesmo que seja por alguém que ela não queria quando sóbria.
Isso, gente, chama-se cultura do estupro. 
Pra finalizar, o que mais me aterrorizou no programa inteiro: no final, Angela disse que “foi só um selinho, que é uma coisa muito rápida, então tudo bem” e pediu desculpas a Marcelo “por ter ficado confusa com as coisas que disseram a ela”. Quando perguntada por Marcelo se ela achava que ele era capaz de abuso, ela disse, “ele nunca encostou um dedo em mim”. Arrematou dizendo que, se pudesse voltar no tempo, não teria ficado bêbada.
A mulher ouve que foi beijada por um cara de quem não gosta mais enquanto estava bêbada, e a reação dela é pedir desculpas.
Angela é o que acontece quando não falamos sobre a cultura do estupro. 

156 comentários:

Igor Pedras disse...

Bem, pelo menos podemos dar o crédito de dessa vez ter uma pessoa que acusou o abuso. Evoluindo aos poucos, a passos de tartaruga manca.

Igor Pedras disse...

Esse link não é sobre feminismo, mas é importante para avaliar (um elemento do) movimento reacionário que está muito grande aqui no Brasil:

http://nerderudito.blogspot.com.br/2014/03/a-politica-de-call-of-duty.html

André disse...

O que a moça falou é que ela não via nada de mais num selinho entre duas pessoas que já tinham ficado. Ela até pode ser machista, mas acho exagerado cobrar dela uma fala muito elaborada uma vez que ela estava falando ao vivo.

L disse...

Só não vamos esquecer que o Cássio é um baita machista também. O comentário que ele fez, sobre ter sido processado por tentativa de homicídio ("Ah, tava transando com uma mulher afrodescendente e, como eu sei que ela tava acostumada com pênis de caras negros, fui com tudo mesmo e atravessei ela") é um dos comentários mais misóginos e racistas que eu já ouvi na vida.

Pat Siciliano disse...

Bom dia, Lola e Carol.
Acompanho o blog quase diariamente e é muito raro comentar, mas hoje quero fazê-lo apenas para concordar com absolutamente tudo o que foi colocado aqui e dizer que vou divulgar esse post nas minhas redes sociais, para ilustrar o que é a cultura do estupro, porque as pessoas se RECUSAM a enxergar...
Obrigada pela capacidade de sintetizar claramente sua visão, Carol. Com isso você ajuda a educar toda uma nova geração de seres humanos. E obrigada Lola, pela coragem e generosidade de compartilhar esses lindos guest posts conosco.

Anônimo disse...

Vou repetir o comentário que deixei no outro post:

"Eu estou acompanhando bem de perto esse BBB e é impressionante o machismo dos homens de lá. Nessa situação específica, pelo que as câmeras do ppv mostraram (que não é tudo também) ele não beijou, mas isso só porque a ângela, mesmo podre de bêbada, disse pra ele parar e que não queria ficar com ele dezenas de vezes. Só que porque ela ia falar com ele, ele achava que ela queria alguma coisa (pra variar, um homem dizendo o que uma mulher sente mesmo ela dizendo o contrário), mesmo ela tendo dado vários fora nele, ele falava que eles "tavam junto" "tinham um certo relacionamento" quando ela já tinha cortado todas as esperanças dele. Ele disse que se ela não queria ficar com ele, ele não queria ser mais amigo dela, ou seja, só te quero pra ficar porque de outra forma ele preferia ficar sem falar com ela (?). Na festa em questão, quando ela deitou nas almofadas, ele veio encher o saco de novo e ela repetiu que não queria, com isso ele ficou bravo, se levantou e derramou água na cara dela, lea falou pra ele parar, chamor ele de idiota e ele continuou e jogou (!!) duas almofadas nela de raiva. Depois ele deitou do lado dela e deu um selinho sem ela querer, tanto que quando ela sentiu ela virou o rosto, aí ele voltou a incomodar e ela disse que ele podia ficar ali do lado dela, mas sem fazer nada, que ele podia dormir ali. Era tanto assédio que ela dormiu com a mão na frente da boca, separando o rosto do dele pra ele não beijar ela.

Depois quando o cássio viu e foi tirar ela ele se ofereceu realmente pra dar banho nela (fiquei com tanto medo nessa hora) e o cássio tirou ela e chamou as outras meninas pra dar banho. Um tempo depois o marcelo ficou sabendo que o cássio tinha reclamado de ele e foi tirar satisfação e eles começaram a discutir.
Uma coisa absurda que aconteceu e a edição ignorou completamente é que o marcelo chutou de propósito o plástico da escada, que voou no rosto de outra participante, a clara, e cortou o rosto dela. Foi bem perto do olho, e eu me pergunto o que teria acontecido se tivesse acertado o olho dela. Nada foi dito sobre a agressão e sobre a escada quebrada, sendo que no regulamento do programa está explicíto que quebrar qualquer coisa propositadamente dentro da casa é motivo de expulsão. Depois de tudo isso o marcelo não teve nenhuma punição nem nada, é terrível a maneira como o programa ignorou a gravidade da situação e fingiu que foi só um barraco.
Ainda teve a questão da edição botar um pouco de culpa na ângela, que já é uma "vilã" como disseram aqui.
Ah e depois de tudo, o marcelo foi culpar a ângela por não ter defendido ele quando o bial perguntou, ficou ofendidíssimo, o herói injustiçado, como se ela tivesse obrigação de atestar uma coisa que ela não se lembra.

Aqueles argumentos que sempre vemos nessas situações estavam lá. Desde o "tem certeza que não lembra?" do bial, pros outros participantes dizendo que ela já ficou com ele, que eles tinham uma "história", que ela tinha que ter sido mais enfática com o não dela (sendo que ela foi super enfática), que o marcelo é um cara muito legal pra fazer uma coisa dessas, que chamar o que ele fez de abuso é exagero, e falar do quanto ELE estava sendo emocionalmente afetado pela situação.

Enfim, são muitos episódios nojentos que já aconteceram nesse programa, o pior é o descaso da produção e o público que tinha marcelo e diego (outro escroto) como favoritos. Vamos ver se com essa situação isso vai mudar, tenho minhas dúvidas."


(((Continua)))

Anônimo disse...

(((Continuação)))
Acho que a pior parte foi a pressão pra ângela se posicionar, sendo que ela não se lembra de nada.
Fica clara a ignorância das pessoas com relação a abuso, mas eu achei interessante que na minha timeline no twitter que eu tenho sobre bbb, a maioria das pessoas acompanham o programa por ppv e não só a edição e elas perceberam a escrotisse do marcelo, isso me deixou levemente esperançosa.
Houve uma certa comoção na internet com relação ao cássio, dizendo que ele nãot eria como reclamar de um abuso pois faz "brincadeiras" muito inapropriadas com as mulheres do programa. Ele faz mesmo, mas isso não impede que quando ele aponte um caso de abuso, o abuso perca o seu status de abuso por causa de quem foi a pessoa que denunciou.

Vou aproveitar pra falar um pouquinho sobre cada homem que está agora no bbb, já que todos tem culpa no cartório.

Marcelo: Bom, além do episódio da festa que já foi citado, ele é muito ciumento, mesmo ele e a ângela não tendo nada (só ele que acha o contrário), ele ficou com ciúme dela com outros homens na casa (por motivo nenhum) mais de uma vez, a ponto de ficar emburrado por causa disso. Ele ignora o que a ângela diz porque ele é quem ~sabe~ o que ela sente e claro que ele sabe que ela tá afim dele, então tudo bem ficar insistindo pra ela ceder. A dependência que ele cria quando gosta de uma pessoa é muito patológica, no início do programa ele estava "apaixonado" por outra e agora está tão viciado na ângela que comprou a briga dela de anteriormente com outra participante, chegou a fazer uma cena onde ele rezava pra ela voltar do paredão (claro, que aí também tem estratégia de jogo). O quanto ele ficou bravo quando ela deu os foras nele é assustador também, ele disse que não queria mais ser amigo dela se assim fosse, porque pra que mais ela servirie, né? Esse cara parece que foi no programa arrumar namorada, tá louco, o apelido dele nas redes sociais é psico, de pscicopata, fofo né?

Cássio- tomou uma atitude correta com relação ao marcelo e ângela mas foi só isso também. No início falou duas coisas extremamente racistas em momentos diferentes, faz muitas "brincadeiras" de cunho sexual com as participantes, mesmo elas claramente não gostando. Teve uma festa em que ele apalpou a bunda dessa mesma ângela que ele defende agora, e que ela reclamou depois. Enfim, esse é o tipo de coisa que ele faz com frequência. Quando vanessa estava bêbada em uma festa, ficou incentivando ela a beber mais e ao amigo slim para ficar com ela naquela situação. Também no início do programa usou o irmão gay de escudo para dizer que o casal clara e vanessa eram forçadas e que desrespeitavam a causa gay por se beijarem (?). hoje ele faz questão de >sempre< ir interromper quando elas estão se beijando, alguém duvida que se fosse um homem e uma mulher ele não faria isso? Ele também adora ir em direção as meninas fingindo que vai beijar só pra incomodar.

Anônimo disse...

(((Continuação 2)))
Valter Slim- esse é um dos piores, porque ninguém dentro do programa repara o quão machista ele é. Já disse mais de uma vez que não fica co mulher bêbada porque acha errado, mas tentou ficar com a vanessa quando ela estava bêbada. Fez dois comentários sobre ela que me dão vontade de vomitar, leia se quiser a seguir: ***"me incomoda ver e não poder comer" e "se pegasse, deixava em coma"*** e mesmo ela tendo dito que não quer ficar com ele e com ninguém mais na casa além da namorada clara, continua achando que ela quer, mas não fica com ele por causa da clara. Está sempre mexendo com ela, cantando, mesmo ela dando cortes nele. Acho que boa parte do desrespeito dele se deve a ela estar com uma outra mulher ali dentro, o que "não conta" como um relacionamento. Ele muitas vezes ignora que ela esteja com outra pessoa na casa.

Diego- deixei o pior por último. Ficou com a francielle na casa e fazia questão de humilhar ela seempre que podia, era horrível de ver e pior saber que tinha pessoas que torciam pra eles como casal (torcer por um relacionamento abusivo, oi?). É homofóbico, disse que tem nojo de homens se beijando, é contra adoção por pais gays, acha antinatural um casal homossexual e sai de perto se ver um, mas não é preconceituoso, claro. Extremamente machista, já disse várias coisas que mulheres não podem fazer mas homens podem, disse que mulher é só problema, tinha preocupação zero de satisfazer a menina que ficou na casa sexualmente e não tava nem aí pra ela, ficou claro que ele só queria alguém pra transar. também falou que a clara e a vanessa se beijarem era forçado, mas toma banho pelado na casa. São tantas coisas que não me lembro mais especificamente, mas esse tirou nota 100 no machismo. Sem contar que é um grosso com as pessoas ali.

Anônimo disse...

Sawl

Lola, queridos e queridas comentaristas deste ótimo blog.
Por favor NÃO assistam BBB!
Assisti UMA VEZ quando fui à uma casa de praia em Rio das Ostras com um grupo de amigas e INFELIZMENTE eu era a ÚNICA do grupo de garotas e garotos(nossos namorados na época) que NÃO assistia ao programa!
É tenebroso!
Apelativo, amoral e eles liberam sem nenhuma vergonha declarações e atitudes machistas, homofóbicas e racistas!
Ninguém precisa ver um amontoado de baixarias dessa! Foi um dos piores programas que surgiram na televisão e não há previsão dessa praga alienadora acabar!
Sinceramente me revolta que boa parte da população incluindo pessoas inteligentes, vejam um programa de fofoca e barraco que não traz nada de positivo. As pessoas preferem falar que fulaninho falou besteira, beltraninho quer pegar a ciclaninha, kkk, do que ver e comentar sobre os mensaleiros que tem tido penas abrandadas, como o grande Joaquim Barbosa tem sido reprimido, e como em Brasília não se faz NADA(me refiro aos políticos), como a educação tá largada e a saúde deixa os cidadãos à própria sorte!
Enfim, é isso.
Particularmente NÃO vou opinar sobre a situação que envolveu este rapaz e essa moça porque acredito piamente que este programa é uma "novela de mal gosto" com pseudo-atores contratados em vista que uma ex-bbb já falou que eles gravam scripts.
Nojo do Boninho um dos piores diretores que já surgiu e do Pedro Bial que era um grande jornalista e se vendeu!
Enfim, é isso.

Sawl - Always the rebel

Glória P. disse...

Além do óbvio (é claro que foi abuso, etc.), só um comentário: "Não gosto de BBB, e não assisto, mas minha mãe sempre deixa a TV ligada." - Fim.

Paula disse...

Gente, como vocês são sensacionalistas, o cara só deu um beijo na menina, não foi um estupro. Foi errado? Claro que foi errado, acho, inclusive, que o Marcelo deveria ser punido por isso, mas relacionar isso com estupro já é demais. E só porque as pessoas na casa acreditaram na inocência do Marcelo, existe uma cultura do estupro? Se ele fosse acusado de ter roubado alguma coisa, muita gente acreditaria na inocência dele, então, seguido a lógica jenial de vocês, existe uma cultura do roubo? Nossa, muito sem noção.

Patty Kirsche disse...

Interessante que o Cássio é justamente o que tem histórico de posturas misóginas, pelo que ouvi.

Só citando a misoginia cotidiana. Ouvi que a moça é "cínica" porque supostamente deu bola para o rapaz quando sóbria. Bial teria dito que o rapaz só queria "ajudá-la". Parece que ele cobrou um preço pela ajuda, hein?

Cintia Moura disse...

Não assisto esse programa, mas tenho visto que a repercussão em torno desse episódio foi grande! Por isso agradeço o fato de alguém que também não assiste tenha se dado ao trabalho de se inteirar do assunto e compartilhar conosco sua visão - tão inteligente - sobre o assunto! Saiba que concordo plenamente com você Lola, a cultura do estupro está tão impregnada nas nossas mentes que não conseguimos enxergar uma coisa que é tão obvia: " quando duas pessoas querem SEXO, quando uma não está a fim ESTUPRO." Obrigada!

Alessandra disse...

L, o Cássio não é santo, é machista e fez comentários racistas. Mas o erro dele não justifica (ou torna menos errado) o do Marcelo e nem diminui a atitude que ele tomou: de repudio ao abuso.

Talita disse...

É o que comentei pelo Twitter, pelo que vi foi super vida real:o abuso acontece-> minimizam a situação/ duvidam da culpa do abusador/ sugerem que a vitima queria -> fazem a vitima se sentir culpada->a vitima se desculpa.

E sabe o que é o mais triste disso tudo, de ir deitar em posição fetal esperando a morte chegar? Tem MUITA gente, MUITAS meninas, fazendo maratona de votos pra deixar o cara na competição (ele está no paredão), dizendo que é preciso reparar a INJUSTIÇA que estão fazendo com ele.
Ontem na página principal da Globo.com só dava ele chorando, reclamando, a mãe dele e a mãe da menina defendendo ele...

Esse tipo de caso é o IDEAL pra Globo fazer um serviço pra humanidade e explicar bonitinho, em horário nobre e rede nacional, o que é um abuso. Infelizmente eles preferem deixar pra lá...

Anônimo disse...

" Ela até pode ser machista, mas acho exagerado cobrar dela uma fala muito elaborada uma vez que ela estava falando ao vivo."

Hein?
O fato dela falar ao vivo da o aval pra nao ser minimamente inteligente? Ah, sim, lembrei o porque de nao ver mais TV..

Flávia disse...

Eu assisti o abuso que o participante Marcelo cometeu em uma vítima inconsciente, a Angela, foi angustiante, a situação não foi pior porque outro participante da casa, o Cassio impediu. Na edição de domingo que aconteceu depois do abuso tudo foi arquitetado cuidadosamente pra que o público em geral acreditasse que a Angela manipulou o Cassio e o Marcelo, com todos os recursos que eles poderiam usar, edição colocando em cheque a bebedeira da Angel, omitindo partes que comprometeriam o Marcelo como stalker, Bial sendo irônico com a vítima (que é a vilã do programa e tem rejeição) e perguntando se o Cassio queria abrandar as acusações, Marcelo foi chamado ao confessionário e obviamente deram um discurso pra ele se retratar e limpar a imagem (nunca vi ele ser tão eloquente no programa) e o plus do público machista que sempre coloca a culpa na mulher. Simplesmente fizeram o que não conseguiram no caso Daniel e Monique.

Pra quem não considera abuso um selinho em uma pessoa desacordada, favor ler o código penal, as leis estão mais severas e isso é considerado estupro.

#Fora Marcelo
Eu sei que a grande maioria do pessoal que frequenta o esse blog não assite bbb,mas por favor votem pra tirar o Marcelo, não é mais só uma questão de jogo, vocês quem prezam pelo respeito a outro ser humano, que querem fazer justiça contra um abusador. Além de denunciar pro Ministério Público do RJ e mandar e-mail para os criticando os patrocinadores.

Samantha disse...

Ironicamente, nesse BBB, quando houve um paredão de eliminação de dois homens, Bial fez a seguinte pergunta em seu discurso:

"O que é pior, um homem feminista ou um homem machista?"

Pra mim a pergunta é tão lógica quanto perguntar se é pior tomar sorvete ou tomar uma injeção, mas a mensagem foi clara: feminismo é ruim, é o contrário de machismo. Homens feministas não são legais.

Nunca, na história de um BBB, ficou tão evidente o quanto precisamos do feminismo.

E nunca houve tanta tentativa de desqualificá-lo.

Bruxinha disse...

Tipos...o que é apontado como machista-mor da casa é o único que enxerga o abuso? eita mundo confuso! se bem que BBB é trash total. Teve um outro caso da moça que tava desacordada e parece que um outro participante fez sexo nela (pq com ela que não foi, né?)...muito se especulou sobre estupro e nisso ficou...enfim, não assisto mais porém ainda me choco com as notícias da imprensa a respeito do programa.

Flávia disse...

Acrescentando ao meu comentário anterior, Lola o texto está irretocável, mas gostaria de acrescentar que o Marcelo realmente beijo a Angela desacordada.

Vejo no bbb um discurso machista que encontra respaldo e conivência porque nossa sociedade é assim, é um simulacro de tantas situações que nós temos conhecimento na sociedade . NOJO de tudo isso, o bbb acabou pra mim.

Anônimo disse...

Confusãozinha encenada.Acho que foi ano passado ou retrasado também houve uma denúncia de abuso,um participante foi acusado de abusar de uma das participantes enquanto ela estava bêbada,depois de muito bafafá,morreu o assunto.Esse ano repetiram a dose,uma forma de chamar a atenção já que essa edição pelo que li(não perco meu tempo dando audiência pra esse lixo) é uma das piores já exibidas.
Fazer um post sobre isso,pra que?

Beatriz Correa disse...

O pior mesmo foi esse tal de Cássio (já acusado diversas vezes de misoginia e racismo antes de entrar no programa) ter sido justamente o q ficou indignado com o abuso.
Tá foda viver nesse mundo, viu.

Ana Carolina disse...

Então, rs, do começo (sim, eu assisto BBB, shame on me, eu sei que é uma coisa horrível, é guilty pleasure puro, mas enfim):

Para quem não assiste o programa, Ângela ficou com outro rapaz da casa, Júnior, que posteriormente ficou com Letícia (as duas eram amigas, tornaram-se inimigas por isso, etc, mas não é o ponto). Marcelo era a fim de Letícia, ao ponto de peitar Júnior e quase agredi-lo fisicamente ao perceber seu interesse pela moça (com direito a Júnior perguntando: "mas o que você tem com ela?" e ele respondendo "eu tenho um momento". Pois é). Letícia e Júnior saíram, vida que segue, depois de algum tempo surge um clima entre Ângela e Marcelo e eles ficam. Mas ela começa a achá-lo grudento, não agradar muito e resolve se separar. E dá-lhe o cara não desistindo de marcar em cima apesar de ouvir NÃO, NÃO E NÃO de todas as formas. Com direito à Ângela perguntar se poderiam continuar sendo amigos e ele responder que se ela não fosse ficar com ele, amizade também não queria.

Aí temos os acontecimentos da tal festa. A menina resolve ficar bêbada, fica fora de si e o sujeito resolve "cuidar" dela. Ela autoriza que ele fique perto, mas deixa claro que DESDE QUE SEJA SÓ ISSO. Desde cedo ela avisa que NÃO quer nada - e fala para Cássio que tem medo que ele tente alguma coisa sem ela querer. Aí Marcelo, ao vê-la bêbada,joga água na cara dela para tentar reanimá-la e, quando ela diz que não está gostando, atira uma almofada (!) com força no rosto dela. Aí depois acontece o selinho, Cássio o cobra pelos atos e toda a confusão relatada acontece.

Ou seja, a menina estava bêbada e tinha sido clara que NÃO, NÃO e NÃO. E o cara tem todo um perfil de stalker e de gente que não sabe ouvir não. Ou seja, no que poderia dar? (continua)

Anônimo disse...

cruz credo!Que mundo é esse?
Leila

Ana Carolina disse...

Aí no dia seguinte (domingo) a edição faz toda crer que Marcelo foi injustiçado, que não fez nada e Cássio está criando coisas. Inclusive com a insinuação do apresentador Pedro Bial de que Ângela nem estaria tão bêbada assim. Na segunda-feira, na tal lavanderia, a pior cena de todas: Ângela pedindo perdão a Marcelo por toda a situação (!!!!!!!!!) e dizendo que ele sempre foi respeitoso e jamais abusaria dela (!!!!!). A típica reação que já cansei de ver de mulheres que sofrem abuso: a negação e a culpa.

A emissora tentar limpar a barra do agressor e dizer que tudo foi um mal-entendido? Nojento, mas depois da polícia interferindo no programa por causa do estupro da edição 12, eles vão querer resguardar o lado deles (e que se dane a vítima, né). Mas o pior, ao meu ver, não é isso, mas o retrato claro do que a sociedade vê em um abuso. A culpa é da mulher, o cara é inocente, o cara nem teve culpa, ela provocou (calma que já voltamos nesse ponto). Coitadinho dele que só queria fazer o bem, ele já tinha ficado com ela antes e o que é um selinho, nada a ver, etc etc.

Mas o que me dói na alma (e essa situação é triggering pra caramba pra mim, ontem passei mal com o programa e com a internet) é ver parte da internet e do público culpando a vítima. Que ela arquitetou a situação para se dar bem, que ela provocou Marcelo (como se ela não tivesse deixado claro que NÃO QUERIA NADA), que tudo é uma grande armação dela para se fazer de vítima. Que ela nem estava bêbada, era tudo fingimento para jogar os pobres homens uns contra os outros. Que a mulher é um ser corrupto por natureza pronta a espalhar a corrupção pelos homens.
(continua)

Helen Pinho disse...

lendo o texto, minha última reação:
e a moça é advogada!

--

lendo os comentários:
cássio foi acusado de tentativa de homicídio?! e essa tentativa foi durate uma transa?!

--

moral: ainda bem que não assisto essa merda. para mundo!

Iaiá disse...

Exatamente, L.

http://www.correio24horas.com.br/detalhe/noticia/mpf-apura-denuncia-contra-cassio-do-bbb-e-pede-video-com-conversa-para-globo/?cHash=3caa3a77aa1ef44c1e59e7394033120a

Anônimo disse...

Caraca, isso que L falou sobre o Cassio estragou completamente as poucas esperanças que eu tinha: como que as pessoas tem coragem de falar isso em publico, e mais, na TV! mostra que as discriminações ainda sao a coisa mais normal do mundo!

Agora, ao inves de ter um pouco de esperança nesse Cassio, acho que ele só adotou essa postura toda pra prejudicar o tal do Marcelo, sorte que nao vejo nada disso....

Ana Carolina disse...

E por mais que ela seja "vilã" do programa, que tenha se aproveitado de outras situações para sair de vítima, não é óbvio que nesse caso há uma única vítima e é ELA?

E vê-la no programa ontem, com uma óbvia linguagem corporal de que tudo aquilo é extremamente desconfortável, querendo sumir, sendo confrontada, tendo sua palavra duvidada ("ah, você nem tava bêbada de verdade, né?"), sendo confrontada pelo seu abusador ("se fosse minha amiga mesmo me defenderia"), me fez sentir uma pena, uma vontade de abraçá-la, tirá-la dali e dizer que não precisa passar por nada disso.

A internet a culpa por ter dito que o cara não fez nada - mas quantas vítimas não negam o próprio abuso, não tomam a culpa para si? Ainda mais numa situação de pressão onde todos te dizem que não aconteceu nada demais e que perdoe o pobre do menino. E mais: que você tenha de CONVIVER COM SEU ABUSADOR TODOS OS DIAS. E ELE TE CULPA. E VOCÊ PRATICAMENTE DIZ "me desculpa por ter dito não, por estar fora de mim e você ter se aproveitado disso, tá?". Mas para o público ela é falsa, "tá vendo, ela já perdoou", "nem a vítima diz que foi abuso", etc.

Mas é bem o que o post disse mesmo: um microcosmo da cultura de estupro, de sermos sempre as culpadas num mundo de coitados que não podem ouvir não e nem se controlarem. E as erradas somos nós, sempre.

Ana Carolina disse...

P.S.: Cássio não é flor que se cheire, disse coisas horríveis, tirou casquinha das colegas de confinamento, incentivou outro colega a chegar numa delas bêbada. Porém, teve a coragem de apontar o que estava errado, por mais que a situação tenha tomado uma proporção monstruosa. De defender a colega quando ninguém mais defenderia.

E, claro, está sendo julgado por isso. Que estava errado em interferir. Que o certo, nesse mundo, é ver o abuso no seu nariz e se omitir "pra não criar problemas para você mesmo".

Caroles disse...

É como a L disse, não dá pra defender o Cássio. Mas de fato ao menos ele falou alguma coisa sobre isso...
Eu fiquei aterrorizada. Imagino as pessoas assistindo em casa e dando toda a razão pra quem tava defendendo o Marcelo, as pessoas assistindo e pensando "essa puta, quem mandou beber?" :/ que merda, às vezes eu sinto um pouco que toda essa luta é por nada.

Julia disse...

Sim, Cássio é um babaca machista também mas o Marcelo é visto como príncipe.

O que me deu raiva foi o Marcelo ter insistido pra Ângela dizer q não aconteceu nada sendo q ela já tinha dito que NÃO LEMBRAVA. O Bial tbm insistiu sendo que qq um podia notar q ela estava COMPLETAMENTE BÊBADA.

donadio disse...

Olha, em relação ao BBB, eu penso que só há uma única atitude válida a tomar: não ver e não comentar.

E não acho que se trate de um problema dos indivíduos que são selecionados para estar lá. É a fórmula do programa que é podre, que estimula a desonestidade, a sacanagem, a insensatez pura e simples.

É colocar pessoas numa jaula para serem observadas do jeito que a gente observa animais no zoológico. Não pode dar certo, e ainda vai terminar em crime televisionado. Hunger games, anyone?

Nane disse...

Não devemos fazer sequer um simples carinho ( mesmo com bons sentimentos) em alguém que não esteja em condições de dar consentimento. Porque é tão difícil entender isso hein?

Anônimo disse...

Um misero selinho é abuso?
Se fosse ela beijando o cara n teria nada demais.

Julia disse...

A Ângela pedindo desculpa pro Marcelo foi uma coisa tão triste. Isso porque ele tacou água e uma almofada na cara dela e esperou ela apagar pra ficar se aproveitando. E a casa esta cheia de microfone e câmera. E ela que pediu desculpa e o Cássio é quem está acuado.

Se numa casa vigiada acontece esse tipo de coisa..

André disse...

Anônimo 12:00,

Com todo o tempo do mundo para elaborar e editar um comentário denso e profundo você preferiu fazer um comentário rápido e superficial. O "inteligentíssimo" Bial, com apoio de toda a estrutura do programa, só fala merda. Por que justamente uma das moças (que teve participação secundária na merda toda) tem que ser tão cobrada?

Anônimo disse...

Apenas uma coisa quero deixar registrado o Marcelo deve ser iliminado HOJE! Prefiro Diego que tem uma história de vida de superação e se mostrou verdadeiro nas suas colocações ao longo do programa,tomou posições entre seus erros e acertos é o único na minha opinião que merece levar o prêmio, ele vive intensamente sem medo de de se expressar e não se esconde no jogo para não ser votado!

Janaína disse...

Na minha opinião, achei errado o fato dele ter jogado as almofadas na cara dela, mas abuso ai ja é demais! Ele estava lá dentro qdo ela (Angela) foi atras dele, ja começa por ai. Bebe enche a cara e depois diz que nao se lembra de nada, claro vai lembrar só se achar conveniente, o Marcelo Não fez nada de mais deitou ao lado da sister e ali cochilou com ela. O fato de querer da banho nela, acredito que estava querendo ajudar ( apenas isso ), agora a Angela se faz de sonsa, coitada e vítima. Pelo amor de Deus né! De todas as coisas que acontrceram desde o inicio do progama ela sempre é a vítima. A saída da Letícia por por causa dela, só pq a garota sr destacou mais que ela, sofreu de recalque pq o júnior não a quis! Acho Marcelo inocente dessas acusações, Cássio abusou no linguajar e a Angela é uma vadia, recalcada e "vitima" de td.

Anônimo disse...

Não importa se o Cássio pode ter sido um escroto em atitudes passadas. O que deve importar é que NESTE EPISÓDIO ele foi íntegro e evitou que ocorresse um mal muito maior.
Mas pior de tudo isso, MESMO,foi ver, ontem, três outras MULHERES, Tatiele, Vanessa e Clara INDIGNADAS, se aliando ao abusador e xingando o Cássio por várias horas - eu assisto sim o BBB e vi no ppw, não tenho vergonha de admitir - a ponto de deixarem ele acuado e assustado (não é fácil ficar na posição isolada em que ele ficou).
Inacreditável que três MULHERES defendam a postura do Marcelo e agridam a única pessoa (Cássio) que teve coragem de denunciar e IMPEDIR que um abuso maior ocorresse.
Mostra que muitas mulheres podem até posar de "bem resolvidas", "desencanadas", "indepéndentes", mas o "complexo de Amélia" ainda permeia a consciência feminina brasileira, lamentavelmente.

Julia disse...

O pior é que o Marcelo beijou ela sim, mas a edição não mostrou. Eles escolheram não mostrar. Só passaram imagens do Marcelo deitado do lado dela, bem inocente..
Em nenhum momento o Bial perguntou pra ele: você beijou ela? (se não mostrou a imagem não ia perguntar), ele que admitiu q beijou depois. Mas o Bial perguntou 2 vezes pra Ângela se ela não lembrava de nada mesmo.
Bial nunca ouviu falar em amnesia alcoólica...

André disse...

Ana Carolina,

Muito bom o seu resumo. Mas gostaria de ponderar algumas coisas. Teve uma pressão em cima da Ângela, também por parte do programa, para que ela dissesse que não tinha acontecido nada, mas não me pareceu que ela estivesse tão bêbada a ponto de não se lembrar de nada do que aconteceu. E é bom lembrar que não dá pra saber se eles interpretando um personagem ou não. Tem muita gente falando em estupro de vulnerável, em falta de condições para consentir, etc., mas as imagens são claras, ela não estava tão vulnerável e tinha condições de consentir, o fato é que cristalinamente e conscientemente ela não consentiu, falou não umas 37 vezes. Outra coisa, muitos comentaristas cobram um posicionamento dos demais participantes como se todos eles tivessem acesso ao vídeo e ao áudio do Marcelo e da Ângela. Eles não viram nem ouviram tudo que os telespectadores do BBB viram e ouviram. Para quem estava lá dentro a imagem que viram pode ter sido a de um casal abraçado durante uma DR. É justamente nessa falha de comunicação que a produção aposta para criar intrigas.

Joao disse...

O Cássio fala besteiras, fez piadas racistas e misóginas. Isto não faz dele necessariamente racista e misógino. Essas palavras pressupõem INTOLERÂNCIA. Ele não falta com respeito a ninguém na casa e é sempre achincalhado. Nem a voz ele sobe quando fala com mulher.
Um misógino jamais se revoltaria vendo uma mulher sendo abusada.
Uma pessoa racista jamais teria na casa um melhor amigo negro.
Agora esse lance de mão na bunda, por favor,né? No dia da espuma ,TODOS SE PASSARAM A MÃO. Ng ali estava em condições de não poder se defender. E além disso, as meninas já fizeram o mesmo tipo de brincadeira com ele.
Ele foi o único que se indignou com o que o Marcelo fez e está sendo criticado por isso. Faz uma coisa boa, as pessoas vêm desmerecer por coisas 100x menos graves. Quem bom, se alinhando com os machistas, invalidando a pessoa que teve uma atitude digna. Opa, isso é intolerância,né? Ou não?

Samara Alves disse...

As pessoas que defendem a atitude do Cássio, realmente não conhecem ele. Um cara machista, racista, e que disse a seguinte frase no BBB "Ah, tava transando com uma mulher afrodescendente e, como eu sei que ela tava acostumada com pênis de caras negros, fui com tudo mesmo e atravessei ela." Que moral tem uma pessoa dessa? Me diz!
Mais hipócrita impossível!

Samara Alves disse...

Que moral tem o Cássio pra falar de alguma atitude do Marcelo? Um cara machista, racista e que disse a seguinte frase no BBB "Ah, tava transando com uma mulher afrodescendente e, como eu sei que ela tava acostumada com pênis de caras negros, fui com tudo mesmo e atravessei ela."
Hipocrisia é foda, viu!

Ana Carolina disse...

André

Sou meio cética no "representar um personagem" ali dentro, ainda mais em condições extremas como o estresse do confinamento, o álcool e a pressão da eliminação. Claro que pessoas realçam características pré-existentes, mas pelo contexto inteiro da briga acho difícil alguém chegar a esse grau de dissimulação, de representar o tempo todo.

E não sei nem tenho condições de saber se ela se lembra, se não se lembra, se tava nos momentos de "apagão" (o que acho perfeitamente plausível), mas é terrível o apresentador do programa virar e insinuar que ela nem bebeu tanto assim ou questioná-la se não se lembra mesmo.

Helena Bera disse...

Eu tinha pensado em mil coisas para escrever, mas o final do texto fechou muitas ideias em uma unica frase "Angela é o que acontece quando não falamos sobre a cultura do estupro." Exato!!!!!
A vitíma é a todo momento convencida que "ah, poxa, só um selinho!" quando na verdade o que interessa mesmo é se houve consentimento! na ação que for, sendo ela intimamente sexual ou não o consentimento é palavra de ordem.
O contexto dessa casa, dos participantes e da forma como a direção da rede bobo vem levando o programa por todos esse ano (mas essa edição em especial) refletem a corja misógina, racista, preconceituosa , homofóbica e elistista da vida aqui fora. Bem como a autora do texto falou, cara, melhor q muito documentário q a gente topar por aí.
O típico "bota aí na boca do povão, a gente pensa igual mas tem que ser imparcial, então bota eles pra falar! é coisa deles, do povo".

SANDRA disse...

Parabéns pelo teu texto lúcido! Eu tenho um grupo no facebook e hoje deu muita briga por causa do programa de ontem! Por incrível que pareça um menino do grupo nos agrediu verbalmente por não concordarmos com as atitudes do Marcelo! Cultura machista! Vergonha total!

Anônimo disse...

Nossa...se a mulher n ve abuso em todos os lugares ,é pq tem complexo de amélia?!kkkk
Eu vi a cena e dizer que isso é abuso e estupro é forçar demais a barra.

Julia disse...

"o "complexo de Amélia" ainda permeia a consciência feminina brasileira, lamentavelmente. "

Com certeza, boa definição.
A Janaína que postou as 14:28 poderia inclusive nos explicar melhor como funciona isso. Conta sua experiência pra gente, Janaína!

Anônimo disse...

A Paula demonstrou em duas palavras sua intelectualidade: "lógica jenial"
hehehehehe

Anônimo disse...

O que é uma vadia recalcada? Que níver de comentário.

Anônimo disse...

JUSSARA MENDONSA de tudo que eu li acho sim errado os dois,mais ainda Cássio não pelo fato mas pelo dito e pela as atitudes,e Marcelo estaria mais errado ainda fosse a primeira festa que ele estivesse tentando alguma coisa,todas as festas ele tenta e nunca foi questionado pelos outros dessa maneira.Qdo ela disse na sala que não queria o que ele fez foi sair certo,quem foi atrás de novo ela,abraçando ele e dizendo vamos ser amigos e depois toda a situação.O selinho foi mais uma forma de carinho do que de estrupo ou seja lá o que for.Portanto quando decidir comentar alguma coisa assista,reflita e analisa um todo antes de comentar.

Jaqueline disse...

Oi Lola,
Olha esta notícia de universitário que foi preso por tentativa de estupro em trem. Os comentários são toscos, muita falta de empatia com a vítima. E teve um que comentou que comentou que o aumento de abusos no coletivos é culpa do feminismo rsrs.
http://noticias.terra.com.br/brasil/policia/sp-universitario-e-preso-por-tentativa-de-estupro-em-trem,d13775ae7c3d4410VgnVCM5000009ccceb0aRCRD.html

Anônimo disse...

Janaína, do comentário das 14:28, nota-se que vc é nova por aqui... vá ler alguns outros posts falando sobre abuso e cultura do estupro e depois volte ok? sério mesmo, pro seu bem, moça vc é machista. Mas pode deixar de ser. beijos

Anônimo disse...

O Cássio já errou sim, e muito, mas um erro não justifica o outro.
O Marcelo sempre foi visto como o príncipe da edição, justamente pelas coisas machistas que os outros falavam. No entanto, apesar de ser calmo no dia a dia, já tinha se mostrado violento em uma briga com uma participante, a Aline, na qual ela disse que ele não dançava bem e ele foi pra cima dela e ainda jogou uma latinha cheia nela, que só não acertou por ela ter se esquivado.
Enfim, esse povo todo defendendo o Marcelo só reforça mesmo o que a gente já sabe. Que se o agressor é bonito e de olhos azuis, as coisas se tornam bem mais brandas, né.
Inclusive a Vanessa, uma outra participante, disse que ele não teria porque cometer um abuso, pq ele é bonito.
É isso aí.
Quanto ao selinho, o próprio Marcelo admitiu para a Angela que deu, sim. Mas não foi mostrado na edição, que, mais uma vez, claramente culpou a vítima. Principalmente quando Bial perguntou pra garota se ela estava "realmente" bêbada. Esperar o quê de alguém que batia na Giulia Gam.

Anônimo disse...

Na segunda-feira mostraram na edição antes das almofadas, ele tentou beija-la a força duas vezes e ela conseguiu empurra-lo. Ele ficou bravo e jogou água nela e depois bateu nela usando um travesseiro, com violência.
Quando ela estava desacordada, ele a beijou várias vezes no rosto e na boca. Quando esse Cássio chamou as mulheres para ajudar a Angela, o Marcelo ainda disse com voz maliciosa: deixa que eu dou banho nela.

Fiquei decepcionada por você não ter falado nada sobre a Rede Globo e a culpa que ela tem. Não só pelo ocorrido mas por incentivar a dúvida e a culpa na vítima

Anônimo disse...

To cansada dessas mesmas situações vitimizando a mulher. Claro, culpada ela não é, mas se fosse sábia não teria se colocado em risco. Quando um carro atropela um pedestre a culpa sempre será do carro, agora o que mais se vê é pedestre atravessando rua de modo inadequado. Claro, culpado ele não é, mas se fosse sábio não teria se colocado em risco. Tantas coisas poderiam ser evitadas com um pouco de precaução. Mas falar isso é crime! Isso significa culpar a mulher! Nada a ver. Quem tiver amor à sua vida que se cuide, já estamos à mercê dos marginais, se ainda nos colocarmos em situação vulnerável em situações pessoais estamos lascadas. Eu já sou casada há 12 anos e soube escolher muito bem meu marido, ele q não ouse levantar a voz pra mim, agora quando adolescente fui orientada por familiares a me cuidar, a calcular os riscos, a nao me expor desnecessariamente. Isso não é se vitimizar, ao contrário, é ter uma postura ATIVA, DEFENSIVA. Se as mulheres aprendessem comigo iriam me agradecer. Pseudônimo: Lua. Gostaria de comentários.

Anônimo disse...

O pior de tudo, é a Angela "adevogada" achar qque um selinho "é rapidinho, então não é abuso. "


É abuso sim !!!

O Cássio é estranho, preconceituoso, mas disse "... em mulher b~ebada, não chego perto..."

Dani disse...

Gente, em primeiro lugar, sem essas de não falar sobre BBB pq não é culturalmente relevante... se existe a possibilidade de uma mulher ter sido abusada não me interessa se foi no BBB ou não, é um assunto pra ser debatido sim!!
Em tempo, sobre o ocorrido, o que mais me choca nem é se teve ou não selinho, as atitudes do Marcelo são as de um abusador em potencial, sim, me deculpem. É o tipo de cara que não aceita não de uma mulher, que já deixou bem claro que se não for pra ficarem nem quer a amizade da menina, ou seja, só serve se for pra "pegar", não consegue ver que está diante de um ser humano e não de uma boneca. É TORTURANTE assistir esse cara dando em cima da garota o tempo todo e forçando uma situação com a desculpa de que eles já ficaram, então como ela ousa não querer mais??
Com relação ao Cássio, sim, realmente é um babaca em muitos sentidos, ja disse coisas horríveis, porém todos sabem e o enxergam dessa forma (ainda bem!)... já, o Marcelo, adivinhem, é visto (e vendido pela edição) como o príncipe, o cara apaixonado que não desiste nunca (mesmo escutando 500 nãos por dia... mas deve ser doce da menina né). Me espanta isso ser vendido como bonitinho, me assusta o tanto de meninas querendo um cara desses pra elas... meu deus, esse é o tipo de cara que faz da vida de uma mulher um INFERNO.
E por último, e mais importante, que bosta de produção desse programa, que bosta de apresentador que tenta coagir a vítima ao vivo em rede nacional, nojo sem fim!! Se a menina diz q não lembra de nada, antes de perguntar e EXIGIR que ela se posicionasse deveriam ter mostrado o vídeo do que aconteceu pra ela ver e tirar suas próprias conclusões, falta de respeito é pouco!! A globo lida incrivelmente mal com suspeita de abuso em seus progrmas... em 2012 tb no BBB, Bial disse a tão polèmica frase "ah, o amor é lindo" antes de exibir as cenas do estupro (aquele sim foi estupro mesmo) e que na edição passou como se fosse uma simples ficada entre dois participantes... e ontem antes de dar início ao show horrores falou: "vamos rir um pouco disso tudo". NOJO

Beatriz Correa disse...

"O Cássio fala besteiras, fez piadas racistas e misóginas. Isto não faz dele necessariamente racista e misógino"

Nossa, meus neurônios quase deram tilt agora.

Germano disse...

Boa tarde, li sua matéria e concordo com a maioria das coisas. Acho que para incrementar a questão em pauta e por fim às dúvidas só falta isso:

Código Penal - Decreto Lei nº 2.848 de 07 de Dezembro de 1940
L
Art. 213. Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso: (Redação dada pela Lei nº 12.015, de 2009)
Pena - reclusão, de 6 (seis) a 10 (dez) anos. (Redação dada pela Lei nº 12.015, de 2009)
§ 1o Se da conduta resulta lesão corporal de natureza grave ou se a vítima é menor de 18 (dezoito) ou maior de 14 (catorze) anos: (Incluído pela Lei nº 12.015, de 2009)
Pena - reclusão, de 8 (oito) a 12 (doze) anos. (Incluído pela Lei nº 12.015, de 2009)
§ 2o Se da conduta resulta morte: (Incluído pela Lei nº 12.015, de 2009)
Pena - reclusão, de 12 (doze) a 30 (trinta) anos (Incluído pela Lei nº 12.015, de 2009)
Atentado violento ao pudor (Revogado pela Lei nº 12.015, de 2009)

Resta alguma dúvida?

Anônimo disse...

Tá ok, o Cassio tem que melhorar a forma como ve o mundo mas posso garantir que o que ele fez nesse episódio do marcelo é digno de elogio. Se quando uma pessoa machista faz uma atitude em favor do feminismo e as pessoas simplesmente reclamam por que, afinal, ele é machista, então me desculpem, vcs jamais conseguiram melhorar o mundo assim.
Se pensarmos, "olha, é machista e defendeu ela, então existe esperança." ao invés de "tá falando o que, vc é igual" aí sim existirá a chance de conseguirmos atingir mais pessoas.

Paula disse...

Anônimo (a), das 16:35, você quer pagar de esperto mas não percebe que fui irônica. Vergonha alheia de você. Se discorda de mim, argumente.

L disse...

Alessandra, concordo totalmente contigo, não acho de maneira alguma que as atitudes do Cássio anulam a violência praticada pelo Marcelo. Na verdade, comentei sobre essa questão do Cássio para mostrar que o buraco é BEM mais embaixo do que muita gente pensava - o único participante da casa que pareceu se revoltar com o abuso é um agressor de mulheres! Por isso, fico abismada ao ver pessoas defendendo o Cássio, como se ele fosse muito preocupado com a violência contra as mulheres. Não é.

Anônimo disse...

Realmente vc não assiste e não acompanha...deveria se abster de comentar. Marcelo não fez nada, Cassio queria apenas um motivo para votar nele e Cassio não tem moral nenhuma para acusar ninguem e convenhamos é uma acusação gravissima, se fosse meu filho eu já estaria processando ele. Ps: acompanho e assisto não torço por ninguem , minha candidata saiu no começo e achei outra a altura rsrs mas injustiça não aceito

Anônimo disse...

mais imagens pro post:
pic.twitter.com/NOYg24pe42

Anna Milani disse...

Não assisto essa merda, mas a repercussão foi enorme, então ouvi falar. Seguinte, pra todo mundo que acha que não foi 'nada demais': Uma vez que não se dá consentimento, em qualquer lugar, não interessa se é selinho ou tocar em partes íntimas. É ABUSO.

Pelo visto, esse Cássio é o único de bom senso nessa situação. Eu procurei saber melhor e mulher machista como essa Tatiele aí é duro, viu. Se fosse com ela, eu aposto que ela não iria gostar. E ridículo a Angela pedir desculpas.

A pergunta do Bial matou, hein? Verdade, feminismo é o contrário de machismo. Machismo OPRIME a mulher E homem, feminismo LIBERTA mulher E homem. Igualzinho.

Esse Marcelo é um porco chauvinista nojento. Juntamente com todo homem machista que concorda que isso não foi grave.

Anônimo disse...

Em resumo, Germano: "c* de bebado nao tem dono,!nao e?"

Quando vc tomar uma carraspana, me avisa, para eu chamar uns amigos fortes e "a perigo"... se transar com pessoa bebada nao e estupro, talvez vc se de bem com eles...Kkkkk

Anônimo disse...

Vejam antes de ela estar deitada, ele querendo beija-la a força:

http://www.imagebam.com/image/2e2a63315249278

Anônimo disse...

Vejam a cena que ela coloca a mão na boca para ele não beija-la e mesma assim ele beija a mão dela: http://www.imagebam.com/image/5a27e4315249648

Eric disse...

Parabéns pelo post. Concordo 100%.

Angela é uma retardada mesmo, puta merda, pedir desculpas?

Julia disse...

Olha isso..

http://entretenimento.r7.com/blogs/te-dou-um-dado/bbb14-com-quantos-naos-se-faz-uma-canoa/2014/03/17/

Segundo as pesquisas o Marcelo não vai ser eliminado hoje e estão dizendo que agora ele pode até ganhar o programa.

O Cássio que denunciou o abuso está mais acuado e disse que se o Marcelo ficar ele pode abandonar o programa.

A Ângela pediu DESCULPA ao cara que abusou dela.


Se isso não é prova que a cultura do estupro existe, só desenhando.

Julia disse...

Lua que disse que queria comentários.

Que coisa maravilhosa que você "quando adolescente foi orientada por familiares a me cuidar, a calcular os riscos, a nao me expor desnecessariamente."

Que bela ideia seus familiares tiveram. Nunca ensinaram isso pra nenhuma outra menina na história da humanidade. Parabéns pra eles pela originalidade, viu.

Eles ensinaram também que por ser mulher quando você for abusada vão tentar jogar a culpa em você de qualquer jeito? E comparar abuso com atropelamento?

Espero que sim pra você ficar avisada de antemão.


Anônimo disse...

Gente, discutir bbb? sério que alguém se surpreende e fica horrorizado com machismo, racismo, misoginia que acontece lá? O que alguém espera qnd assisti a esse programa??

Camila disse...

E o pior de tudo é que mesmo depois do psico confessar que deu um selinnho na menina, e que jogou água e almofada na cara dela porque ficou com raiva, continue no programa. AH e a GLOBO resolveu não mostrar ele admitindo que fez tudo isso, e que não era nada d+...

Ana disse...

Oi gente, autora do texto falando (eu sou Ana Carolina, daí o “Carol”). Obrigada a todos pelos comentários.

- Como disse, não acompanho o programa então realmente não sabia que o Cássio era um babaca machista. Caso soubesse, até teria falado disso no texto. Porque, que coisa mais estranha que até um cara como ele veja esse tipo de coisa, e os outros não.

- Também não sabia que como tinha sido o episódio, e que a edição tinha sido tão nojenta. Mas não estou surpresa. Os comentários de @11:05 e da Ana Carolina foram resumos muito pertinentes, obrigada por terem dedicado tempo pra esclarecer a situação. Eu vi manchetes na internet dizendo que Marcelo passou dias chorando depois do ocorrido na festa. Pobrezinho, né gente. Isso devem ter mostrado, a torto e a direito.

- Eu também não tinha visto a frase do Bial. Lamentável. Fica cada vez pior.

@17:23

“Fiquei decepcionada por você não ter falado nada sobre a Rede Globo e a culpa que ela tem. Não só pelo ocorrido mas por incentivar a dúvida e a culpa na vítima”

Anon, eu não tinha visto as cenas do abuso. Deixo isso claro no meu texto. Por isso mesmo não foquei a narrativa na culpa ou inocência do Marcelo – eu não podia falar disso, porque não tinha visto as imagens. Eu me limitei a falar da recepção das pessoas à acusação.
Pela mesma lógica, também não podia falar, por exemplo, da edição do programa e da maneira como a Globo tratou o caso.

A única razão pela qual não fiz uma pesquisa sobre as imagens originais e a edição foi a pressa - escrevi o texto rapidinho, hoje de manhã, antes de ir para o trabalho, pois o programa foi ontem e tínhamos o intuito de publicar o texto hoje. Como não tinha tempo, preferi escrever o texto focando somente nas coisas que eu realmente tinha visto.

De qualquer maneira, muita gente mais gabaritada que eu deixou comentários muito bons aqui sobre a Globo, enriquecendo o debate.

@Helena Bera

“na verdade o que interessa mesmo é se houve consentimento! na ação que for, sendo ela intimamente sexual ou não o consentimento é palavra de ordem.”

(Vamos repetir, pra ver se entra na cabeça das pessoas).

Ana disse...

@Dani

“Gente, em primeiro lugar, sem essas de não falar sobre BBB pq não é culturalmente relevante... se existe a possibilidade de uma mulher ter sido abusada não me interessa se foi no BBB ou não, é um assunto pra ser debatido sim!!”

Concordo plenamente!

O BBB, mesmo sendo um lixo de programa, ofereceu a ilustração perfeita para problemas que temos aqui fora. Descartar isso é perder uma grande oportunidade de crescer. É um assunto relevante, independentemente de onde a stiuação se origina.

@19:45

“Realmente vc não assiste e não acompanha...deveria se abster de comentar.”

Anon, eu discordo. Eu falei única e exclusivamente daquilo que eu assisti. Eu posso não ver o programa SEMPRE, mas eu assisti ontem. Independentemente de eu conhecer os participantes bem, ontem eu vi, por exemplo, a Tatiele dizer que “só é abuso se encostar na periquita dela!”.

Sinceramente achas que eu preciso ouvir mais do que isso pra concluir que ela está completamente equivocada?

Não falei da edição do programa. Não disse que Marcelo tinha ou não tinha beijado a Angela. Não comentei o comportamento machista do Cássio. Tudo pelo mesmo motivo: Não vi, não posso falar. Mas, aquilo que eu assisti, eu analisei.

“Cassio não tem moral nenhuma para acusar ninguem”

O Cássio pode ser a pessoa mais podre do mundo, e ele ainda vai poder acusar alguém de abuso. Porque abuso é errado. Simples assim.

@Helen Pinho

“e a moça é advogada!”

Exatamente...

Ninguém está imune a essas crenças machistas. Agora imaginem quant@s policiais, juíz@s, médic@s, etc etc estão trabalhando aí fora, lidando com vítimas de abuso, e acreditam nesse tipo de idéia.

É claro, existe o profissionalismo. Mas nós estamos carecas de ouvir moças contando que chegaram na delegacia, e ouviram “ah, mas que roupa estavas usando?”. “Ah, mas porque estavas na rua àquela hora?”.

Hell, a própria Marcha das Vadias que é conhecida mundialmente nasceu de um comentário de um profissional que não devia, jamais, insinuar nada desse tipo.

É assim, gente, que o machismo se infiltra nesses mecanismos.

@Janaína

“achei errado o fato dele ter jogado as almofadas na cara dela, mas abuso ai ja é demais!"

... Não, pera.

Achas errado ele ter jogado as almofadas nela, mas tê-la beijado não?

Beijar alguém à força, quando a pessoa não pode consentir, é MENOS DO QUE ATIRAR UMA ALMOFADA?

Gente.

GENTE.

TEM LITERALMENTE UMA PESSOA QUE ACHA QUE ALMOFADAS SÃO MENOS OFENSIVAS QUE CONTATO FÍSICO NÃO AUTORIZADO.

E querem me dizer que cultura do estupro não existe!!!

“a Angela é uma vadia”

Ok, tá explicado. Muito obrigada pela sua contribuição...

@14:32

“Mas pior de tudo isso, MESMO,foi ver, ontem, três outras MULHERES, Tatiele, Vanessa e Clara INDIGNADAS, se aliando ao abusador e xingando o Cássio por várias horas”

Sim, isso foi horrível, horrível, HORRÍVEL. Que vontade de chorar.

“Mostra que muitas mulheres podem até posar de "bem resolvidas", "desencanadas", "indepéndentes", mas o "complexo de Amélia" ainda permeia a consciência feminina brasileira, lamentavelmente.”

Poisé, elas não são as mulheres ~pra frentex~? Com uma mentalidade retrógrada, machista e ignorante dessas, tá difícil.

Ana disse...

Vou fazer mais uma observação, tendo como exemplo prático parte do comentário do anon @19:45:

“e convenhamos é uma acusação gravissima, se fosse meu filho eu já estaria processando ele”

Vocês já repararam como hoje em dia as pessoas entendem que comportamento X é errado, mas quando o comportamento X ocorre à volta delas, elas não conseguem identificar?

Esse anon por exemplo sabe que abuso sexual é uma coisa gravíssima. Mas diante do episódio do BBB, acha que Marcelo não fez nada demais.

Antigamente, ser machista, racista e homofóbico passava batido. Hoje, as coisas mudaram, e os machistas, racistas, homofóbicos da vida são os ~vilões~. Boa parte da população entende que ser preconceituoso é ruim. Tanto que ninguém que ser atrelado à essa imagem: é comum ouvirmos coisas tipo, “homofóbico, eu? Nuuuunca!”/“Olha, eu não sou racista, mas...”/“Machista? MACHISTA? Que absurdo, que horror, machistas são pessoas horríveis, eu não sou machista!”.

Então hoje em dia, ser tachado de preconceituoso é horrível porque alardeamos o tempo todo que ser machista/racista/homofóbico/etc é ruim.

Mas se observarmos, pouquíssimas pessoas entendem, de fato, o que configura um comportamento desses.

E aí nós temos umas mentalidades controversas, como o exemplo de cima. Sabe que abuso é gravíssimo, mas viu um abuso e não reconheceu. É o tipo de pessoa que acha estupro uma coisa horrenda, mas não consegue ver que um beijo num a pessoa fora de si tem relação com estupro (dica: ambos se baseiam no atropelo do consentimento). São pessoas que sabem que abuso é errado, mas não sabem direito o que é consentimento.

Isso é uma coisa que vejo se repetindo por aí cada vez mais e que me preocupa seriamente. Temos um exército de pessoas que se consideram muito lúcidas, muito politizadas, porque sabem claramente, por exemplo, que ‘racismo é ruim’, e que se dizem totalmente contra qualquer opressão... E não conseguem ver quando a opressão ocorre.

É coisa da minha cabeça isso? :/

Ana disse...

@Paula

...Eu só entendi que tinhas sido irônica quando deixaste isso claro no segundo comentário... :/]

Isso é coisa de internet mesmo, às vezes a interpretação das coisas fica prejudicada. Talvez seja bom colocar alguma indicação literal da ironia em certos comentários... Eu sou uma que às vezes põe um [ironia mode off] ou coisas assim em alguns comments, só por via das dúvidas...

@Talita

Assino embaixo de tudo que disseste.

@Julia

“Se isso não é prova que a cultura do estupro existe, só desenhando.”

... Queres buscar os lápis de cor, ou queres que eu busque?

Porque no ritmo que a coisa vai, vamos precisar desenhar horrores.

Lígia T. disse...

céus, que preguiça... JANAÍNA E PAULA:
SE MATEM!!

Maria Valéria disse...

Nao assisto BBB e acredito que quase tudo o que e mostrado ali ja foi meio " ensaiado " ou " encenado " antes de ir pro ar. Duvido muitttooo desse negocio de " ser ao vivo " ou " em tempo real"
.
Ainda que tenha sido ensaiado , uma cena de abuso ir ao ar e no minimo preocupante.que dirá se nao tiver sido ensaiado.Nao sei o que e pior :(

Mas no Brasil você nao pode achar ruim nada que vai ao ar, em nome da " democracia " e da " liberdade de expressão " no estilo : " se nao ta contente, mude de canal"
Entao, nem nas redes sociais nao comento sobre isso, senao meia dúzia de pessoas que assistem e gostam ja compram briga comigo, falam que to " censurando" etc.
A sensação de democracia no Brasil pra mim é falsa...infelizmente ...

Anônimo disse...

Gente, acho q não dá pra colocar todas as pessoas machistas no mesmo saco. Existem aqueles q tem plena consciência do seu machismo, e q mesmo recebendo um milhão de explicações sobre feminismo, abusos e cultura do estupro, insistem que é tudo besteira, q é exagero, neurose, q é coisa da cabeça de feministas, etc. Mas tem aqueles q não tem mesmo noção, para os quais nunca foi falado sobre esse tipo de coisa. Não sei se, de fato é, mas parece ser o caso do Marcelo. Ele não me parece um cara ruim, pelo q acompanho do programa, ele parece ser uma das pessoas menos escrotas da casa. Por exemplo, mesmo ficando com a Angela algumas vezes, ele jamais tentou passar a mão nela. Não me parece coisa de um abusador misógino. Ele tbm não julgou e tratou mal a Letícia, q ficou com 3 homens dentro da casa, conforme todo o resto da casa. Se até nós, mulheres, reproduzimos comportamentos machistas, como a Angela, q não viu nada demais no selinho, como não esperar isso dos homens? O q não significa q sejam necessariamente vilões. Não consigo enxergar maldade na atitude do Marcelo, ele me parece aquele tipo de cara q absorveu esse comportamento de tanto q a sociedade o naturalizou. Se, um tempo atrás, um cara quem eu fiquei ficasse tentando me beijar e dar selinhos, certamente eu acharia exagero se falassem q ele é abusador. Hoje, após tudo q li sobre cultura do estupro, tenho um pensamento diferente. Então, pra pessoas q nunca ouviram falar sobre o assunto, soa exagerado falar em abuso por causa de um selinho. A Tatiele q tbm não me parece uma pessoa ruim, pelo contrário, soltou essa pérola de q o abuso só acontece se passar a mão nas partes íntimas. Mas creio q seja falta de informação. Então, eu acho q não dá pra colocar essas pessoas no mesmo barco daquelas q batem no peito com orgulho dizendo q são machistas e q o machismo é lindo. Elas não parecem mesmo ter noção do q estão falando. Não estou dizendo q são coitadinhos, eles tem sua dose de responsabilidade, mas não acho q sejam vilões, pessoas horríveis, etc. conforme muitos estão dizendo aí. De certa forma, somos todos vítimas dessa lavagem q a sociedade patriarcal nos impõe. O q nos diferencia dos demais é a escolha q fazemos quando tomamos consciência disso. Por isso, a cultura do estupro deve ser cada vez mais debatida. Vai chegar um momento em q negá-la não poderá mais ser considerada falta de informação, mas má-fé, misoginia, falta de caráter. Sintam-se à vontade pra discordar e apontar problemas em meu texto, pois, de certa forma, ainda estou formando minha opinião sobre o assunto.

Letícia Penteado disse...

"O que dizer de um cara que beijaria uma menina completamente bêbada e fora de si, e acha isso a mesma coisa que ‘ficar com alguém que bebeu’? Mas que menino de ouro, hein!" AMÉM.

Thiago Cruz disse...

" E assisti a uma das coisas mais absurdas que já vi na vida."
SABE DE NADA, INOCENTE!

Julia disse...

Uma coisa que pode explicar o comportamento do Cássio é o fato da Ângela ter pedido que ele "ajudasse" o Marcelo a ficar longe dela. Tipo "to a fim de beber hoje, fica de olho qualquer coisa".

Ela pediu isso pra ele. Isso pode explicar o fato dele ter interferido mesmo sendo machista também.

Anônimo disse...

Lua, já que vc pediu comentários aqui vai. Meus pais sempre me ensinaram a me precaver, a me cuidar, a manter a periquita sempre dentro da calça (uma comprida de preferência) e sabe oq foi? Eu aprendi. Várias vezes já troquei de roupa antes de sair, já passei calor porq eu não ia sair de regata e shortinho parecendo uma biscate. Me oferecendo. Pq daí se acontece algo comigo, mea culpa. Quem mandou sair pelada? E sabe oq houve? Eles não ensinaram pro meu irmão que não é não. Q tudo tem limite. Que existe uma coisa chamada consentimento, ou como minha avó dizia: o deixo. E ele me estuprou. Pq pra ele, foi ensinado que ele podia fazer oq quiser. Q ele era o dono do mundo. E pior, foi ensinado que homem que é homem pensa com a cabeça do pau. E aí? Pra vc eu não me cuidei o suficiente? Dentro da minha casa? Do meu quarto? Na minha cama?


Postando anon pq ninguém sabe nem nunca vai saber.

Giselle disse...

Eu acompanho BBB desde o 1º. Programa fútil, blá-blá-blá, não me interessa. Me diverte, sempre me divertiu.
Eu assisti ao vivo a todas essas cenas. E posso dizer: dava NOJO de ver. N-O-J-O.
Todas as cenas que antecederam essa já foram alarmantes o suficiente. Ele tentou agarrar ela à força no sofá, prendendo o braço e tudo. Quando ela disse NÃO, ele falou esmurrar a porta.
Antes do tal estalinho, ele tinha ido lá encher mais o saco dela e ouvir mais uns 20 NÃOS. Até que a menina estava quase inconsciente. Aí ele deitou ao lado dela para ~~~cuidar~~~ dela. Eu estava incomodadíssima com a situação. Da minha cama, estava vendo beijo, SIM, e pensando: "Como ninguém faz nada, meu Deus?"
Até que realmente eu vi que não estava beijando, mas não deixava de ser incômodo. De onde o Cássio estava, dava pra se confundir, sim. Se eu achei que estivesse...
Agora, mesmo se não tivesse, um cara tenta proteger uma mulher inconsciente e sem responder pelos atos e é execrado dessa forma???
Preciso nem comentar sobre a reação extremamente violenta que ele teve depois. E que fique claro: o Cássio só partiu para agressão verbal DEPOIS que o Marcelo perdeu a cabeça.
Nesses últimos dias, eu mal conseguia dormir. Tremia de verdade vendo a reação dessas mulheres machistas lá de dentro.
Enfim, já me estendi demais.
Mas vou terminar dizendo que o Cássio pode ter dado declarações e feito coisas ridículas, não quero inocentá-lo de nada, mas prefiro encontrar dez Cássios pelo meu caminho do que um Marcelo, que se faz de bom moço.
Um beijo!

Anônimo disse...

Interessante a discussão. Li todos os comentários e queria comentar algumas coisinhas.

Primeiro essa diferença entre estupro e abuso. Até a reforma do código penal, em 2009, estupro (juridicamente definido pelo código penal de 1940) era apenas o ato com conjunção carnal, ou seja, era necessário envolver uma vagina e um pênis. Para deixar bem claro - e desculpem os termos a seguir - se um homem forçasse o pênis no ânus de outro homem isso NÃO ERA ESTUPRO. Se um homem enfiasse um cabo de guarda-chuva na vagina de uma mulher isso NÃO ERA ESTUPRO. Esses casos (e muito outros) eram definidos, legalmente, como atentado violento ao pudor. Em 2009, felizmente, o código foi modernizado e as penas, que até então eram aplicadas APENAS a casos de estupro (atentado violento ao pudor era penalizado de forma diferente), passaram a ser aplicadas a uma gama mais genérica de atitudes abusivas (e o atentado violento ao pudor foi revogado, não existe mais). Assim, de acordo com o atual código penal em vigor desde 2009, beijar uma mulher bêbada é abuso e pode ser penalizado nos termos da lei.

Já quando se discute cultura de estupro, não se deve pensar em estupro conforme essa definição legal arcaica e que já foi revogada. Cultura de estupro é exatamente não ver abuso onde ele existe graças a desculpas sem pé nem cabeça do tipo ela estava bêbada.

Pode-se inclusive dizer que o próprio código penal reforçava essa cultura (com sua definição antiquada de estupro) e vai levar um tempo até a sociedade se adaptar. Mas isso virá, sem dúvida.

Quanto à Globo, acho bem óbvio que eles tenham editado o programa para mascarar o crime, pela seguinte razão. Os participantes podem até ser uns boçais e acreditar que não aconteceu nada demais (até porque eles são um retrato da sociedade brasileira). Mas a Globo tem um jurídico que sabe muito bem que o que ocorreu ali é sim um crime.

Agora vamos fazer um paralelo. Imaginem que um participante, no meio da noite, pega uma faca na cozinha e se dirige para o quarto onde um desafeto seu está dormindo. A casa é toda televisionada. Você, rede Globo, faz o que? Espera rolar um assassinato ou tenta de alguma forma impedir o crime? Eu acharia a segunda hipótese mais responsável. Vocês acham mesmo que a globo vai assumir ter filmado um crime, sem praticar qualquer intervenção? Óbvio que não. A Globo vai fazer o possível para você acreditar que não aconteceu nada demais.

Na minha opinião, os patrocinadores dessa porcaria deviam ser pressionados para pararem de associar seu produtos a essa meleca. Só assim esse programa vai ter um fim.

Gabi

Gabi

Ana Carolina disse...

Isso é uma coisa que vejo se repetindo por aí cada vez mais e que me preocupa seriamente. Temos um exército de pessoas que se consideram muito lúcidas, muito politizadas, porque sabem claramente, por exemplo, que ‘racismo é ruim’, e que se dizem totalmente contra qualquer opressão... E não conseguem ver quando a opressão ocorre.

É coisa da minha cabeça isso? :/


Não, xará, não =/

E daria um bom texto isso

Anônimo disse...

Eu tb assisto e exagero foi o ponto alto de tudo...ninguém falou em nenhum momento que essa menina (angela) estava com medo de ser votada pelo cassio (líder) e comprou a vitima (mais uma vez) pois ela lembra de tudo sim e nao estava bebada coisa nenhuma...ela so se aproveitou que o cara (no caso lider da vez) nao votaria nela pois ela seria vitima e foi o que aconteceu...tanto que ela nao abriu a boca...claro vai srr votada? E todos menos Bial e o povoa aqui fora nao acreditamo em nada que ela disse ....nao lembro de nada...a faca me o favor...e conseguiu...nao foi para o paredao....por issso nao defendeu Marcelo. ..e ela sabe que nao teve nada mesmo....o Brasil acorda

André disse...

Isso que o cara fez ocorre direto nas baladas ou nos xavecos da vida. Esses caras são grudentos e insistentes porque isso acaba funcionando, basta ver o que aconteceu no BBB. Nada vai mudar enquanto a recompensa pelo comportamento insistente e abusivo for ganhar a simpatia de todo mundo, ganhar um pedido de desculpas da vítima e, talvez, obter o que ele queria desde o começo. Eu suponho que ninguém esteja querendo que o cara passe 3 anos preso por ter dado um selinho nela. Mas seria bastante didático se ele enfrentasse um processo e perdesse a condição de réu primário.

Bru disse...

"Mostra que muitas mulheres podem até posar de "bem resolvidas", "desencanadas", "indepéndentes", mas o "complexo de Amélia" ainda permeia a consciência feminina brasileira, lamentavelmente."

BAITA Verdade...triste ver isso hoje em dia ainda...

Falaram aqui da frase idiota do Bial...bom, eu lembro de outra, mais ou menos assim:

"Vcs sabem por que, no passado, não havia mulheres nos navios/caravelas, mesmo na cozinha? (já começou mal). Porque se fosse uma mulher ia ser cobiçada (! algo assim não lembro) e se fossem 2 mulheres, iam se engalfinhar"]

NOJO desse Bial

marceladreams disse...

Muito interessante que escreveram sobre isso.

Domingo eu estava no twitter quando vi que o Hugo Gloss (@hugogloss) estava dizendo que nao fazia sentido que fosse abuso ou estupro, que ela tava bebada e que ele nao fez nada demais. Bom, tb nao sabia o que estava acontecendo, eu nao moro no Brasil e nao acompanho de forma alguma o BBB. Fui e mostrei minha indignacao com uma pessoa que tem muitos seguidos podia falar tanta bobagem e pior, ser tao mal informado. A merda toda comecou quando o tal do Hugo retweetou o que eu escrevi, e fiquei por umas 2 horas recebendo um monte de respostas absurdas sobre aquilo.

Ouvi tantos comentarios machista, tanta coisa obvia de cultura de estupro, que confesso, fiquei extremamente feliz que nao moro mais no Brasil.

Meu twitter eh @marcelasilva caso alguem queira ter uma ideia.

Otimo texto, e sempre bom ver que pelo menos uma parte das pessoas desse mundo tem ideia de como eh grave tudo isso.

Anônimo disse...

NÃO GOSTO DO BBB, MAS TAMBÉM TIVE QUE VER A CENA PARA EXPRESSAR MINHA OPINIÃO. A MULHER REALMENTE ESTAVA BÊBADA E ELA DISSE PARA O IDIOTA QUE SE ELE QUISESSE DEITAR DO LADO DELA PODI, MAS OUTRA COISA NÃO. E ELE DEITOU, LEVANTOU PEGOU ÁGUA E ESTAVA MOLHANDO O ROSTO DELA O CÁSSIO FOI LÁ E DISSE PARA ELE NÃO FAZER POIS ELA PODERIA SE AFOGAR E EL CONTINUOU, O CÁSSIO INSISTIU PARA NÃO JOGAR ÁGUA ELA PODRIA SE AFOGAR AÍ O IDIOTA COM RAIVA JOGOU UM TRAVESSEIRO NO ROSTO DELA . O TEMPO TODO ELA PEDIU PARA ELE PARAR. O MARCELO VOLTOU E A MULHER JÁ ESTAVA QUASE DORMINDO, POIS ELE SE DEITOU DO LADO E UMA DAS MULHERES QUE NÃO SEI O NOME FALOU PARA O CÁSSIO QUE O MARCELO ESTAVA COM A ANGELA. e A CONFUSÃO SE INSTALOU. O QUE NÃO ENTENDO É PORQUE A MULHER QUE FALOU PARA O CÁSSIO NÃO APARECEU DEPOIS PARA AFIRMAR QUE O MARCELO ESTAVA SE APROVEITANDO. PARA MUITA GENTE INCLUSIVE OS QUE ESTÃO NAQUELE CIRCO DO BBB ESTUPRO É ESPANCAR, PENETRAR A MULHER, MAS DE ACORDO COM A NOVA LEI NÃO É BEM ASSIM. CONCORDO COM O CÁSSIO ELE ESTAVA SE APROVEITANDO AGARRANDO ELA E SE NÃO EVITASSE SABE LÁ O QUE ELE FARIA. NÃO É PRECISO TOCAR NAS PARTES ÍNTIMAS PARA QUE UMA SE SINTA ENOJADA E ABUSADA. AS QUE ACHAM QUE ESTUPRO TEM QUE SER ALGO ALÉM DUM BEIJO, DUM PALAVRÃO OU DA MÃO BOBA ESTÁ BOM DELAS SE INFORMAREM SOBRE OS DIREITOS DELAS, POIS ASSÉDIO TAMBÉM É CRIME, INJÚRIA É CRIME, CONSTRANGIMENTO É CRIME . OUTRA COISA QUE VI FOI UMA SAFADA DEFENDER ELE E DIZER "VOCÊ NÃO FEZ E SEI QUE NÃO FARIA" . COMO ELA SABE QUE LE NÃO FARIA NADA? ELA O CONHECEU LÁ DENTRO NEM PARENTE PODE-SE GARANTIR QUE NÃO FARIA NAFDA. HIPÓCRITA AQUELA MULHER QUE DEFENDE UM HOMEM QUE ESTAVA SIM SE APROVEITANDO.

Anônimo disse...

Tem tanto mal caráter nesse BBB que só de ver anunciando me dar é raiva. E a mulher ainda pediu perdão ao idiota que quase afogou ela? e jogou travesseiro no rosto dela? Se fosse uma tijolada ela também pediria perdão? Para mim não importa se foi um travesseiro ou um tijolo a intenção foi a mesma agredir, mas ela é imbecil que é como se não fosse nada. Faz vergonha pertencer ao mesmo gênero de mulheres tapadas ou machistas que nem as horrorosas que estão na tv brasileira.

Híndira H disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rafa disse...

Eu não estou acompanhando esse bbb, mas vi esse episódio, começei a ler, o que estava escreveram neste blog, nem cheguei a concluir minha leitura, porque cansa ver as conclusões. Antes de tudo nessa noite a Angela bebeu, ficou bebada,e procurou o Marcelo,isso querendo ou não, deu esperança para ele, isso ninguém fala, porque aparentemente ele gosta dela. Mas ele se passou sim, é um cara chato, fica forçando a barra o tempo todo,fez errado de agredir ela, jogando agua e almofadas. Mas acredito que ele,deveria estar um pouco fora da casinha tambem por ter bebido alcool, mas concerteza pra mim isso não é um abuso, o cara que é um chato e deveria ter mais amor próprio. Essa é minha opnião, espero que não tenha sido machista em algum momento. E que essa merda de bbb pare de passar, não soma em nada na vida das pessoas.

Erres Errantes disse...

O irônico é que somente Cássio e Slim (dois homens) disseram que o que Marcelo fez foi errado, e todas as moças defenderam Marcelo veementemente.

Erres Errantes disse...

Algumas pessoas comentaram que Cássio não é flor que se cheire, pois já fezx vários comentários racistas e teve atitudes machistas. Apois, nesse episódio especificamente, acho que ele só defendeu Angela porque queria queimar bastante Marcelo, pois pretendia indicá-lo ao paredão.
Mas, mesmo assim, o mais espantoso foi ver todas as moças (exceto Angela, que não lembrava de nada) defenderem Marcelo com tanto afinco.

Zrs disse...

Quantos fãs do BBB...

Anônimo disse...

pelo amor de deus! parem com isso! a angela e uma baita sonsa como o diego aposto que ela se lembra de tudo! e o marcelo disse que ela estava ACORDADA quando beijou ela! o cassio não deveria se meter nisso! hoje em dia a sociedade acha bem comum em festas estarem bebadas e ficarem com alguem! parem de ficar criando caso porisso! ate parece que ninguem sabe que tudo isso tem roteiro e e tudo combinado ja! aposto que o boninho deve ter dito "angela agora tu finge que não lembra de nada,cassio vai la e faz a maior confunção" e outra o cassio e machista não sei porque raios tão defendendo ele sendo que teve um episodio que ele foi RACISTA quando contou uma historia! e nessa mesma festa a vanessa tava bebada e o slim veio se esfregar nela,na real eu n tenho certeza se foi nessa ou se foi em outra festa! E AI NINGUEM VAI FALAR NADA SOBRE ISSO TBM? PELO AMOR DE DEUS GENTE!!

Marina disse...

Só pra constar mais uma vez, pq as pessoas SEMPRE esquecem da definição de estupro ---“TÍTULO VI
DOS CRIMES CONTRA A DIGNIDADE SEXUAL

CAPÍTULO I
DOS CRIMES CONTRA A LIBERDADE SEXUAL

Estupro

Art. 213. Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique OUTRO ATO LIBIDINOSO:

Pena - reclusão, de 6 (seis) a 10 (dez) anos." redação dada pela LEI Nº 12.015, DE 7 DE AGOSTO DE 2009.
Vai que uma hora o pessoal memoriza...

Ana disse...

A estupidez já começa pelo apresentador do programa. Pra quem não lembra, ele é um agressor. Na separação da Giulia Gam, em meio a briga pela guarda do filho, ele chegou na casa da sogra chutando o portão e exigindo falar com a Giulia. A mãe desta argumentou que ele voltasse mais tarde, pois ela estava dormindo. Ele não aceitou e forçou novamente o portão aos pontapés e feriu a mão da senhora, que prestou queixa na delegacia inclusive.
Só para lembrar que tipo de pessoa é esse Pedro Bial.


Leio Lola Leio disse...

*** Não acho que esse tipo de programa deva ser ignorado.
Muita gente vê, os alunos de quem é professor também vê, então a gente precisa se apropriar dessas coisas para fomentar um debate crítico. É isso que a imprensa faz todo dia, apropria-se dos fatos para sedimentar a ideologia do dominante. Então, façamos o oposto, uai! Vamos nos apropriar também daquilo que é empurrado goela abaixo da maior parte da sociedade, apontando possibilidades de emancipação dessa ideologia opressora, ao invés de setarmos no trono da superioridade, torcer o nariz e dizer: não sei de nada, não assisto, não opino, enquanto o programa difunde aos 4 ventos a cultura do estupro. ***

Anônimo disse...

"Jenial". Está acabada a argumentação (ridícula).

Letícia Arcanjo disse...

Gente, apenas PAREM de discutir bbb!

Esse programa NUNCA, NUNCA vai acabar enquanto tiver audiência!

A audiência vem caindo ano após ano, então quando uma polêmica dessas acontece a globo adora, porque faz o programa ficar em foco de novo, e quem não tinha costume de assistir assiste pra saber o que ta acontecendo (me parece o caso de várias pessoas que comentaram).

Isso não vai dar em nada. Vão comentar o caso por uma semana até que aconteça a próxima briga e todo mundo esqueça dessa.

BBB é aquele programa em que o Dourado, aquele cara estúpido, machista, racista, homofóbico, que disse que só gay tinha aids, que tinha uma suástica tatuada no peito, ganhou!

Vocês realmente acreditam que da pra usar um programa desse nível como referência pra discutir cultura de estupro?

Desculpem, mas vocês não vão conseguir nada, só colocar o programa em foco e aumentar a audiência dele.

Juliana disse...

Não vejo BBB faz anos, mas o motivo da briga, abuso, me chamou a atenção.
Eu não vou repetir os comentários que explicam o que houve, ou sobre o caráter dos participantes.
O que me incomodou muito neste post,e em outros portais de notícia é a repetição cansativa de "parem de assistir, é só não ver," e coisas do gênero.
Programas como BBB sempre existirão e querendo ou não, esses programas e novelas atingem um determinado público. Podem ser o lixo do lixo da tv, mas isso não dá a eles o direito de aloprarem o que quiserem.
Eles podem existir, mas não significa que coisas como misoginia e violência devam ser tolerados.
A moça foi vítima de todo uma situação abusrda, independente de ser "vilãzinha" da edição, e alguma medida deveria ser tomada pelo programa. É preciso que haja regulamentação, assim como uma cobrança da sociedade.
Agora, me desculpem, solucionar tudo com um simples "não assistam" é de certa forma ser conivente com a situação. Melhor acabar o programa, do que impor mudanças.
O problema acaba junto, mas nem uma reflexão fica.
Muita gente gosta de BBB,e posso estar errada, mas é um pouco elitista menosprezar quem assiste, duvidar de sua capacidade de raciocinar entre outras coisas.
Eu gostaria que de viver em um mundo onde BBBs da vida não existissem, mas esse é meu mundo e não acho que ele estaria certo.
Eu sinto que muita gente acha que o problema não é terem se aproveitado de uma moça bêbada, mas sim de pessoas participarem do programa e outras assistirem. Isso tira muito o foca da questão.
O "parem de assistir seus idiotas" que eu leio tanto por aí é tão semelhante a outros tipos de entretenimento que independente de gostarmos ou não, atingem um público. São programas ruins, eu acho, mas onde há machismo ou misoginia eu quero ir lá e discutir sobre. Pouco me lixo para o BBB, mas o "caso angela" me interessa como feminista e como tal, antes de mais nada, quero justiça sobre o acontecido, não sobre o programa em si que é outro tópico. Se for conversando com pessoas que assistem o programa e levantando questões como abuso e machismo,movendo reflexões, eu não posso me dar ao luxo de encerrar a questão com um "pare de assistir". Isso a gente diz em outro momento XD.

Anônimo disse...

Bom só pra lembrar que você mesma disse que não assiste o BBB e que não viu a festa só tenho algo pra dizer Ângela inda não estava tão bêbada quando Marcelo jÁ estava indo dormir e ela simplesmente foi chama-lo para aproveitar a festa pq podia ser a ultima, como uma pessoa fala fala que não quer mais nada com a outra e depois vendo que Marcelo estava indo dormir o chamou para aproveitar a festa, é a mesma coisa que chamar a pessoa pra ficar junto. Tenha dó a maior culpada de tudo isso é a própria Ângela que não teve coragem de se posicionar com medo do que isso poderia prejudica-la no jogo muito covarde essa Ãngela como sempre no jogo e tenho dito.

Julia disse...

hahahahahahaaaaaaaaaaa


Ângela chama Marcelo pra aproveitar a festa - víbora, culpada, bandida, vadia


Marcelo espera Ângela apagar de bêbada pra ficar beijando (pq sabe que sóbria ela não deixaria) e relando nela - inocente, bom menino, tadinho dele, cara legal.


Então tá, né gente?

Anônimo disse...

Acredito que para comentar sobre o assunto tem que acompanhar o programa.

A Angela fala para o Marcelo ficar ali com ela, deitar com ela.

E em todo momento o Cassio mostra situações de ciumes.

Anônimo disse...

Nunca me dei ao trabalho de comentar absolutamente nada nos posts das outras pessoas.
Opinião cada um tem a sua e tem que se respeitar.

Mas acho um absurdo a qtde de pessoas comentando um fato e não ter nem argumentos para o que está dizendo. Muitos dos comentários que li a pessoa não assiste BBB e está comentando um fato isolado.

A 1ª coisa de todas é: se vc não assiste BBB não critique quem assiste. Provavelmente vc assiste alguma outra coisa, que não vem ao caso, que alguém tbm não gosta. E nem por isso vc é mais culto do que eu. BBB é uma forma de entretenimento. Nada, além disso.

A 2ª coisa: não analisem um fato isolado. A historia entre Angela e Marcelo não se resume a uma festa com bebida e tentativas de beijar uma mulher.
O Marcelo sim é um cara sem amor próprio e que no meu ponto de vista foi o maior erro dele naquela cena. A pessoa mais fraca emocionalmente se apega a alguém. Assisto ao programa desde o começo, com acesso ao PPV. Ou seja, não sou telespectadora de edição da Globo apenas.

Assisti a festa toda. Não concordo com as acusações do Cassio. Foi infeliz e imaturo.
É muita hipocrisia acusarem uma pessoa porque tentou beijar uma garota que já o beijou um monte de vezes, e que ele está visivelmente afim dela de que ele ABUSOU SEXUALMENTE da menina.
Duvido que muitas pessoas que estão criticando a atitude nunca ficaram com alguém na balada que estava bêbado ou até vc mesmo. Isso é abuso? Vc nunca tomou um veto de um ex e tentou beija-lo? Santa hipocrisia. Quanto moralismo. Ela estava bêbada, ele tbm mas ela não estava inconsciente. Além do mais ele não era um estranho. Eles tinham um relacionamento, por mais conturbado que seja.

Gente, acusar uma pessoa de abusar sexualmente ou de estuprar alguém é muito sério. Vc pode simplesmente acabar com a vida daquela pessoa. E foi neste sentido que a Poly defendeu o Marcelo. A Globo minimizou as palavras do Cassio na edição. Mas ele falou muito além disso.
E mais uma vez outra hipocrisia. Queria ver se alguém te acusa de uma gravidade dessas e se vc se mantém calmo.
Neste caso CALUNIA foi mais evidente do que ABUSO.

Anônimo disse...

DESCULPEM A SINCERIDADE... SOU MULHER E O QUE TENHO A DIZER É O SEGUINTE: 1) DIANTE DE TANTAS ATROCIDADES, AINDA TEM GENTE QUE SE PREOCUPA COM UM "SELINHO"?
2) QUEM ENTRA NESSA COISA AÍ, NÃO TEM MORAL NENHUMA; PORTATO, UM ABSURDO ESSA CELEUMA
3)O PROGRAMA É FEITO PRA ISSO: FESTAS, BEBEDEIRAS E PUTARIA
4) NÃO VI E NÃO QUERO VER. MAS QUEM NÃO GARANTE QUE FOI UM GESTO DE CARINHO? ADORARIA ESTAR BÊBADA E UM CARA ME FIZESSE CARINHO. E ESSAS FEMINISTAS, NA MAIORIA, QUEREM MAIS É ISSO... LOUCAS PRA TER UM MACHO E O QUE MAIS FAZEM É FALAR MAL DELES... E DÁ-LE PROZAC

Anônimo disse...

Como a ignorância impera em um país onde a maioria da população consegue ser semi-analfabeta, mesmo tendo sido escolarizada, já que vão à escola a passeio; apenas um esclarecimento: DEFINIÇÃO DE ABUSO: comportamento Inadequado e EXCESSIVO. Aplica-se a qualquer ação onde exista uma pré condição de desnível de poder, seja ele sobre objetos, seres, legislações, crenças ou valores.
Ou seja, sem conotação sexual, o cara foi um abusado e pronto.
Nem vou falar daquela Angela. O Cassio, certo ou errado, foi o único que tentou defender a criatura e não recebeu nem um "valeu"????? Meu Deus, a educação é realmente ponto fraco nesse país ridículo.
E último: "ai, o Cássio não tem moral, o Cássio fez isso, o Cássio fez aquilo...." Esse povo está tão acostumado a julgar no alto de sua superioridade hipócrita, que não consegue dizer: "poxa, legal que ele agiu bem dessa vez!". Não, brasileiro não sabe dar feedback positivo, reconhecer uma atitude certa em alguém é ofensa. Não se diz "parabéns, que bom que dessa vez você acertou". O certo aqui é dizer "ahhhhhhh, mas lembra que você fez isso, isso e aquilo?"! Que país ridículo, com gente ridícula. Então quer dizer que se essas pessoas encontrarem um ex-drogado tentando convencer um usuário a largar o vício, ao invés de darem os parabéns pela atitude legal e correta, vão dizer "ahhhhh, mas quem você pensa que é. Depois de ter usado tanta droga, agora vem pagar de santo?".
To tão cansada e sem esperança no ser humano. As pessoas não se prestam a tentar juntar os neurônios pra tentar pensar sobre as coisas que não Concordam. Colocam suas viseiras antes de ler, falar ou ouvir sobre qualquer coisa que não concordem.

Julia disse...

Anon 21:00. Entenda uma coisa.
Não importa que ela ficou com ele antes. Não importa que elE gosta dela. Com essas suas prerrogativas dá pra justificar um monte de abuso, você percebe?

O que o Marcelo fez foi se aproveitar da vulnerabilidade da Ângela. Ela estava bêbada e desacordada. Ela já tinha dito que não queria DEZENAS de vezes. O que ele fez é errado e é abuso.

"""Além do mais ele não era um estranho. Eles tinham um relacionamento, por mais conturbado que seja."""

A maior parte dos estupros não é cometido por estranhos, mas por conhecidos. Pra você essa é realmente uma justificativa válida?

RHER disse...

Bem, concordo que se aproveitar da insobriedade alheia em benefício próprio e desrespeitando as sólidas decisões do alvo é um ato de mau caratismo, independentemente de ser homem fazendo com mulher ou mulher fazendo com homem (sim, mulheres também são capazes de se aproveitar de homens insóbrios, seja assim ou de outra forma) ou ainda em interações homossexuais. Enfim, nada a ver com gêneros.

Mas convenhamos... se não está claro que o cara fez (como dizem, não dá pra ver claramente o beijo), a acusação é uma calúnia. E se o cara quisesse e não tivesse conseguido? Critique a intenção indigna dele, já o ato que nem cometeu, não. Calúnias intencionadas a prejudicar os outros também são atos mau caratistas, que fique claro.

Outra coisa, mesmo que ele tenha feito, pode acusá-lo de abuso mas não de estupro e machismo. SEM SENSACIONALISMO!!! Isso só tende a piorar cada vez mais a situação no nosso meio social. Não usem apelos sensacionalistas, usem a razão. Com a razão, explicarei o quanto a palavra estupro e a palavra machismo foram mal empregadas.

Estupro requer coito (pesquise!). Abuso é uma palavra mais genérica e serve até quando não há coito. Sendo assim, pode falar de abuso neste caso, estupro não. A mulher do BBB falou que "só é abuso quando pega lá embaixo", o que de fato é uma mentira (qualquer proveito excessivo ou desrespeitoso é abuso, não se restringindo a apalpamento). Sendo assim, ela mentiu... sim, mentiu... intencionalmente ou não, a mulher que defendeu o cara mentiu... mas isso não justifica colocar na boca dela a palavra estupro que ela nem usou. Por favor...!!!

Quanto ao machismo, achar que o homem tem o direito de fazer isso com uma mulher não é machismo, afinal a pessoa pode crer que a mulher tem o mesmo direito e isso vai contra o básico no machismo: superioridade de poder ao homem. Se der o mesmo poder a mulher de fazer isso com homens, não há machismo. Do mesmo jeito que a mulher insóbria estaria na mão do homem safado, o homem insóbrio pode estar na mão duma safada! Machismo é falar como se só homens tivessem tal capacidade. Enquanto não dizem que mulher não, acusar de machismo não passa de mais uma apelação sem a menor razão.

Fiquem em paz. Defender atos mau caratistas é errado mas acusar além da realidade também. Saibam fazer a coisa certa.

Abraço! Não vou abusar e mandar beijo. Rsrsrs...

sofia disse...

Sabe, eu ainda nao tinha a opiniao formada sobre esse caso, era muito confuso, mas agora vejo que voce esta coberta de razao. O cassio em umas horas exagerou sobre o teor do abuso, mas ele nao merecia ser massacrado! o que sa vergonha é que ate mesmo o bial nao leva essas situacoes a serio... so por que o marcelo parece ser o bonzinho, o principe e o mocinho. o bial ate mesmo duvidou que a angela estivesse tao bebada, teve a cara de pau de dizer na cara dela que "sabia"que ela mentia ao dizer que nao lembrava. Quanto a ela, ela deve ter ficado com medo de acusa-lo, ainda mas por que o marcelo esbravejou por ela mesmo pensar que ele poderia ter feito isso. ela tava pressionada, e, que nem a monique ano passado, preferiu nao tomar lados na propria situacao

Ka disse...

Gente, calma lá...
Ok, ele não poderia ter beijado a moça. Concordo 100% com isso.
Mas eles eram namorados e ESTÃO PRESOS na mesma casa. Se fosse fora do BBB talvez ele seguisse em frente e nunca mais procurasse ela. Mas lá dentro não dá pra fazer isso. Eles se vêem o tempo todo e se ele sente alguma coisa por ela, vai querer um beijo mesmo. Não assisto o programa e DETESTO qualquer tipo de machismo. Mas achei exagero. Já vi mulheres dando beijinho em homem bêbado (NO BBB!!!!!) e não deu um décimo da polêmica. Enfim, acredito e apoio os movimentos feministas, mas acho que eles perdem credibilidade é nesse tipo de exagero.

Anônimo disse...

Jenial? Tá "serto"....

Anônimo disse...

O MAIS TERRÍVEL É QUE O MARCELO SE FEZ O TEMPO TODO DEPOIS QUE COMEÇARAM AS ACUSAÇÕES, DIZENDO QUE NADA FEZ E BLABLABLA. SÓ QUE O QUE NINGUÉM DA CASA VIU É QUE QUANDO A ANGELA FOI PROCURÁ-LO NO QUARTO, E EM SEGUIDA CAIU, O MARCELO APARECEU NA SALA E FICOU PEDINDO E INSISTINDO PARA OS DOIS IREM PRO QUARTO FAZER SEXO. ANGELA DIZ QUE NÃO NÃO E NÃO E ELE INSISTE, E AINDA DIZ QUE ELA NÃO TEM CORAGEM E QUE NÃO SABE APROVEITAR OS MOMENTOS[PRATICAMENTE COM ESTAS MESMAS PALAVRAS] E DEPOIS ELA DIZ QUE QUER VOLTAR PRA FESTA E É LÁ QUE O MARCELO COMEÇA A TOCAR ÁGUA NELA E ETC.

Anônimo disse...

A Angel estava acordada na hora do beijo gente! Tanto que falou q ele (Marcelo) poderia dormir ali ao lado dela.

Anônimo disse...

Olha, Lola, é bem dificil comentar esse caso. Parece que houve uma edição bonita da rede globo no que diz respeito a suposta tentativa de abuso por parte do Marcelo. O que deu para eu ver, foi ele beijando o canto da boca da Angela e depois deitado ao lado dela. Quanto a defesa da menina, eu concordei com o Cássio, porém ninguém nesse bbb é santo. Porque Cássio parece ter inciado a briga puramente por interesse de jogos( se livrar de Marcelo e não realmente alertar para uma tentativa abusiva. O mesmo já apresentou comportamentos SUPER machistas. Do tipo: quem lava meus pratos e minhas cuecas são as mulheres da casa)

Laura disse...

Estupro.é QUALQUER ato de conotação sexual NÃO consensual. Analisem o art. 213 do código penal antes de falarem besteira. Inclusive, porque a menina não estava vulnerável, não podia responder por seus atos.

Anônimo disse...

O participante Marcelo parece ser uma promessa aos olhos da mídia, cultuando seu jeito, suas atitudes, parece ser o novo namoradinho do Brasil, a bola da vez! O que mostra no programa é que ele é uma pessoa completamente desequilibrada emocionalmente. Pegajoso, ciumento, agressivo, não aceita NÃO de nenhuma mulher..também foi assim com a outra participante, sendo assim já um caso duplo, no mesmo programa de NÃO aceitação que a mulher não queira ficar com ele, afinal, ele é o máximo! Essa postura da nossa cultura extremamente machista. Na Fan oficial do BBB há tanta indignação por parte das pessoas de outros se posicionarem contra o Marcelo, que é uma coisa impressionante. A maioria feita por mulheres de todas as idades. Está essa dúvida se beijou ou não, mas as pessoas estão querendo criar mesmo um alvoroço em relação a isso, pois NO PROGRAMA DE DOMINGO (TV ABERTA) TUDO ISSO É MOSTRADO..SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER! É fato que Angela está repudiando o Marcelo não é de hoje. Sempre diz NÃO em várias situações e dias diferentes no confinamento. Se é uma estratégia de jogo ou não, realmente não importa! O que importa é ela sempre dizer NÃO com todas as letras! Na festa, ele ficou cercando, perseguindo. só teve um momento que ela foi procurá-lo, mais estava extremamente bêbada e só pediu para ele voltar para festa. Na sala, mais uma vez ele cercou, tentou agarrar, tentou beijar e ela disse NÃO MAIS UMA VEZ! Na área externa, ela pedir para eles serem amigos e não brigarem, para não ficar aquele clima chato. Novamente ele tentou agarrar, tentou beijar e ainda chamou de covarde. Quando enfim ela apagou (dá para analisar perfeitamente) que ela estava extremamente bêbada, fora de seu juízo perfeito, mole, falando arrastado, olhar perdido..e ele irritado por suas tentativas terem sido frustradas, jogou água no seu rosto (duas vezes), jogou a almofada (duas vezes), com força e quando ela estava apagada beijou sim, impregnou sim, MAS ISSO MOSTRA NO PROGRAMA DE DOMINGO)..então aconteceu toda a confusão que todos já sabem, das coisas quebradas, o olho da outra participante, enfim..ele é uma pessoa que precisa de sério tratamento aqui fora! quanto ao comportamento do participante Cássio, ele simplesmente fez o que todos deveriam ter feito e não ser julgado por outras atitudes erradas que fez até agora. Não vamos crucificar uma pessoa, NESTE CASO, pelo erro da outra

Julia disse...

Obrigada pelo homexplicanismo, RHER!

Rejane Cavalcanti disse...

Estamos numa campanha p subir a tag #BialEsclarecaALeiSobreAbusoNoBBB e ao lado, citando a @ da globo. Precisamos de apoio para que a tag possa subir e chamar a atenção. Se puderem, ajudem por favor.

Gabriela Grossi disse...

O texto está PERFEITO. Vc disse tudo que estava entalado na minha boca! Parabéns mesmo, vou compartilhar!!!

dazoropa disse...

Tenho muitas coisas que me impressionaram nesse episódio: 1-) O fato de ninguém alí dentro (excluindo o acusador) saber o que é abuso e achar que um "selinho" não é abuso. 2-) O fato de muitos telespectadores cobrarem moral do acusador, como se um "erro" justificasse o erro do outro.
3-)A enorme quantidade de adolescentes que enxergaram naquele abuso uma prova de amor, cheguei a ler em algumas redes sociais de algumas adolescentes a seguinte frase "ai gente, é porque ele gosta muito dela!" 4-) Os pais da vítima acharem normal, não considerarem um abuso, mesmo tendo assistido as cenas.
5-) a vítima, ser uma advogada criminalista e não ter esclarecido a todos o que era um abuso
6-) a vítima que não se lembra do ocorrido, não fazer uma acariação (ouvir os 2 lados e fazer uma comparação) e dizer que vai esperar sair pra assistir as gravações.

Enfim, aqui fora não tem cameras... ela como advogada sabe bem como agir sem gravações e fazer o correto ACARIAÇÃO. Ok, não precisava ser no FRENTE A FRENTE mas nem a história detalhada de cada um ela pegou separadamente e fez uma comparação?

O que me entristece é : As pessoas não sabem o que é abuso, o prêmio vale mais do que a dignidade para a vítima e para os familiares dela já que ela não tentou em momento algum descobrir realmente a verdade, só quis abafar o caso declarando que : não tenho como saber ( e aqui fora? como ela faz a advogada criminalista sem as gravações dos clientes dela???). O único são alí dentro está sendo condenado, tanto pela casa quanto pelo público e provavelmente será eliminado do programa na próxima semana.
Sim, muitos criticam o BBB como um programa lixo e sem cultura, mas o que me interessa é ver a opinião das pessoas em relação a determinados assuntos, e não é por eles terem sido levantados nesse programa que eles não mereçam serem debatidos, infelizmente vendo a opinião de muitas pessoas percebo que a grande maioria acha que abuso é uma prova de amor, dinheiro vale mais do que dignidade e provavelmente todos irão de criticar quando vc fizer algo certo. Enfim... Eu vou é morar na Europa ;)

Paulinhabp disse...

O fato do Cassio ser um babaca não atenua o comportamento do Marcelo. Essa foi uma das varias desculpas dadas pelos demais participantes. De que se o Cassio tb fazia brincadeiras sem-graça, não podia cobrar nada do Marcelo.

Surreal.

Graciema disse...

Julia...foi o que me saltou aos olhos o homoexplicantismo rsrs...

" Com a razão, explicarei o quanto a palavra estupro e a palavra machismo foram mal empregadas."

"Fiquem em paz. Defender atos mau caratistas é errado mas acusar além da realidade também. Saibam fazer a coisa certa"

Obrigada, Rher, por do alto de sua razão e certeza vir iluminar esse bando de mulheres infantis e sem capacidade intelectual! Me sinto reconfortada agora, inclusive vou voltar ao codigo penal antigo, onde estupro era so coito. Tive me enganando esse tempo todo!

Retomando uma fala anterior (preguiça de procurar) sobre a incapacidade de pessoas bem intencionadas perceberem as coisas quando acontecem ao seu redor, acho que homoexplicantistmo tb é uma delas. Cansei de ver muito cara fazer isso sem realmente perceber o quão arrogante é a postura deles.

Anna disse...

Eu ia ler tds os comets mas desisti (ia acabar querendo responder todas as bobagens q li). Gente querendo dizer que vc está exagerando, q Angela n devia ter bebido, q Cássio não é racista pois veja tem um amigo negro! (maior desculpa de racista da história, clichê total!)

Só vou comentar obg pelo texto, Lola. Imagino q deve ser difícil escrever essas coisas pois o senso comum vai vir reclamar com vc. Fico feliz de n assistir essa porcaria q é BBB e ter os olhos abertos sobre o q é abuso na vida real. Mas enfim, ótimo texto, e como notaram, q ironia q o criminoso racista/misógino foi o único q viu o abuso.. xx

Leio Lola Leio disse...

Bom, depois de alguns participantes do programa fazerem comentários discriminatórios acerca de soropositivos, eles tiveram a visita de uma infectologista que falou a respeito de doenças sexualmente transmissíveis, principalmente sobre o HIV. Achei isso um serviço de utilidade pública.

Rádio primeiraregiao disse...

Em primeiro lugar, parabéns pela postagem...
Trabalho em comunicação já a mais de 30 anos e gosto muito de observar tudo a minha volta. Vejo muitas pessoas falando isso ou aquilo da Globo, não discordo pois cada um tem seu ponto de vista, mas eu vejo que ela consegue transpor para a telinha aquilo que não queremos ver em nossa sociedade, oque fazemos de verdade, o que gostaríamos de esconder dos outros, claro que sempre com uma grande pitada comercial em tudo que faz, pois é assim que vendem seus espaços comerciais, enfim. Desde o início do BBB, nunca tinha lido um comentário tão autêntico, verdadeiro e direto da relação de uma sociedade machista,sim, e de como as pessoas e principalmente as mulheres,gostam ainda de tapar o sol com a peneira. Eu assisti ao episódio citado, fiquei tão abismado e irritado com aquela situação provocada pelo marcelo que meu coração acelerou e fui obrigado a sair da sala, se eu tivesse presenciado tal situação ao vivo não seria tão condescendente quanto o Cassio,eu creio que teria partido direto pra cima deste cafajeste, porque é isso que este cidadão é, o marcelo, que já deu para perceber que se trata de um menininho mimado pela mamãe, é inconsequente , acredita ser Deus no céu e ele na terra. Mais uma vez parabéns lola.

Anônimo disse...

De acordo com a Susan, do blog De cara pra lua, foram 104 nãos, naquela noite.104. O marido dela fez questão de contar, e eles fizeram dois textos a respeito.

Anônimo disse...

De acordo com a Susan, do blog De cara pra lua, Ângela disse 104 nãos naquela noite. 104... O marido da Susan fez questão de contar. Não há argumento favorável ao jovem Marcelo, a não ser o argumento de que ele precisa se tratar urgente!!!

Anônimo disse...

Sem contar nas agressões,ou uma almofada com toda força na cara não é agressão?? Foi isso que Marcelo tbm fez,deveriam ter mostrado isso na edição do programa,ou melhor...expulsado ele por esse fato. Enfim,Ângela com tua sua carinha sonsa e apoio das edições vai acabar ganhando esse BBB.
Mss a questão não é essa...

Anônimo disse...

Faço minhas as palavras de algumas colegas acima: Não assistam o BBB e principalmente: não votem! A globo ganha não sei quantos reais por minuto de ligação e uma colega minha fez as contas e chegamos ao fato de que numa noite de votação a Globo fatura em torno de alguns MILHÕES de reais do cidadão que liga e vota (pra alguém ficar ou sair, não sei ao certo).
Esse ato de votar sem pensar em quanto $$$ está doando pro plimplim é o eterniza esse tipo de programa na televisão sob o fato de dar lucro ao canal. Então pessoas, façam também campanha pro pessoal não votar ;-)

Anônimo disse...

Na verdade os dois estavam fora de si, os dois estavam super bêbados mais a mulher e mais frágil mesmo normal sem estar bêbada muitas não conseguem se defender de um Homem, concordo com o Cássio ele esta certo, mais não nas palavras que ele falou para o Marcelo.

Joane garcia dos santos disse...

Concordo com tudo. O homem brasileiro não conhece a palavra "limites".

Anônimo disse...

Lola foram o Marcelo e o Cássio para o paredão hoje!divulgue,seria simbólico o Marcelo ser eliminado!!!!

Anônimo disse...

A lei brasileira diz que pode ser considerado estupro a invasão do corpo diante da recusa da vítima e continuação pelo agressor, principalmente quando há algum ato de violência para o agressor obter saciar o seu libido.
A verdade só hoje no metrô de SP houve 3prisões, um deles chegou a quebrar o pulso da vitima de tão forte que segurou, não tocou em suas partes intimas, mas quebrou o pulso e isso pela policia foi classificado tentativa de estupro.
Esse BBB14 não ajuda em nada, a boca também faz parte do corpo, e roubo de beijo diante da recusa é sim classificado como estupro. Basta a mulher registrar queixa.Já o encochamento,a mão boba é classificada como infração.

Anônimo disse...

vaamos lembrar que ela chegou a ir atras dele,mesmo bebada ela e safada que fala que nao quer e foi atras
e nao vi maldade alguma no que ele fez,ta sendo julgado por nada,o povo tem que aprender a fazer uma denuncia concreta,esse é o brasil mesmo,julgam akeles que sequer fez algo de errado enquanto uitos ai estão impuni acorda Brasilll vamos se preocupar com pessoas que matam outras por bobeira,com estupradores que pegam crianças e etc...do que alguem que estava rodeado de cameras aonde foi claramente visto que nao houve nada!!!

Feminista confusa disse...

Tô pensando sobre esse assunto desde que aconteceu. Primeiro, eu não vi abuso nenhum e fiquei aqui refletindo o quão mergulhada estou na cultura do estupro que não consegui notá-lo quando ele estava supostamente ali tão claro nas minhas fuças. Poxa, não sou nenhuma alienada, já faz um tempo que descobri o feminismo e luto diariamente contra o machismo alheio e o meu próprio. Como eu não conseguia enxergar isso? E acho que cheguei a uma conclusão.

Eu acompanho o BBB14. Comecei porque conhecia uma das meninas que entrou, Bella, e depois que ela saiu - perdendo infelizmente pro machista do Diego - continuei assistindo por puro ócio e já tinha PPV, etc e tal. Daí eu já tenho opiniões bem formadas sobre Cássio, Ângela e Marcelo. O primeiro odeio, os dois últimos tenho certa simpatia, apesar de serem dois chatos. De modo que obviamente já olhei pra cena viciada por isso.

Tentei a todo custo me livrar do prévio conhecimento de que Marcelo tem provavelmente um distúrbio psicológico que o faz ter um nível de carência afetiva muito além do normal e uma insegurança emocional tão acentuada que, como defesa, ele não NOTA, mais do que não ACEITA, que foi rejeitado. Esse comportamento dele e o machismo que nele se representa em forma de posse (em todo o programa, ele nunca disse ou demonstrou nenhuma atitude que denuncie a crença na inferioridade feminina, nunca destratou nenhuma das mulheres da casa e nem julgou o envolvimento de Letícia com três caras ou questionou a sensualidade de Vanessa) já me incomodavam há algum tempo. A insistência dele no relacionamento com Ângela não me era novidade, de modo que diante dos 104 "nãos" dela, os 208 "vai, por favor, o que é custa?" dele me pareceram absolutamente natural.

Depois, embora diga claramente que "não" e deixe bastante claro que NÃO QUER FICAR COM ELE NO MOMENTO, Ângela é muito política. Ela não quer que Marcelo fique com raiva dela para não ser votada por ele e, por isso, ela insiste em manter uma relação amigável com ele. Só que o um tanto psicopata do Marcelo interpreta isso como uma esperança. Ele acredita que ela gosta dele, mas tem medo de assumir esse sentimento. Ele disse isso, inclusive, na hora que jogaram a farinha colorida na festa indiana. E ele acredita que quando ela para de pensar sobre se deveria ou não ficar com ele, ela acaba ficando porque se sente atraída, lá no fundo. Ela já ficou com ele bêbada antes. Daí, ele não notar nada de anormal nessa aproximação da festa indiana. Ele foi super desagradável a noite inteira e já vem sendo desagradável há algum tempo, mas não vejo uma intenção em se aproveitar de Ângela, diante desse background que expliquei.

(Continua)

Feminista confusa disse...

(Continuação)

Por fim, não vi beijo. Eu não assisti ao vivo e, pra formar uma opinião, procurei todos os vídeos e fotos e relatos possíveis e parece que não houve beijo mesmo. Houve, sim, um selinho quando ela ainda estava acordada e ELA NÃO GOSTOU NEM UM POUCO. Cobriu a boca com a mão e virou a cabeça pro lado. Ele ficou um tanto constrangido, deitou ao lado dela e ficou olhando pro teto. Depois, começou a fazer carinho na cabeça dela e fechou os olhos. Cássio chegou nesse momento e disse que ia tirar Angela dali para as meninas darem banho nela. Marcelo, possessivo, disse: "Eu cuido dela. Deixe ela aqui, eu estou cuidando dela". Não vi ele dizendo que iria levá-la para tomar banho, mas ele pode ter dito e apenas não há vídeo disponível desse momento.

Tatiele ficou preocupada com o que aconteceu e foi conversar com Marcelo, perguntou se ele tinha feito algo com Angela e disse que Cássio havia dito que Marcelo estava se aproveitando dela e cogitaram um abuso. Marcelo ficou revoltado, foi falar com Cássio no quarto, perguntou o que ele tava falando e Cássio disse que tinha visto Marcelo beijando Angela bêbada. Marcelo disse que não tinha feito isso. Cássio disse ironicamente que então ele havia visto errado. Começou a gritaria e Cássio disse: "Então vai lá estuprar a menina" e "Paga uma puta" entre outras coisas mais.

Como disse, odeio o Cássio por motivos de: racismo, machismo e idiotice dentro e fora da casa. Também sei que ele havia passado a noite provocando Marcelo, olhando pra Marcelo e rindo quando Ângela tava conversando com Diego, de quem Marcelo tem ciúmes. Além disso, Marcelo era voto declarado de Cássio, que tinha medo que Marcelo voltasse mais forte do paredão. Cássio arrumou uma briga semelhante com Vanessa para indicá-la, alguns paredões antes. Olhei muito desconfiada para a coisa toda. Nem cogitei o erro do Marcelo até ver o bafafá na internet.

Sendo objetiva agora: Não é não e roubar um selinho pode, sim, ser abuso. Mas no caso em questão, foi abuso? Pensei muito, muito, muito. E não consigo ver abuso porque simplesmente não vejo uma disparidade de poder entre Marcelo e Ângela nessa relação. Ela usa ele o tempo inteiro e ele é super dependente desse relacionamento imaginário que ele criou. Obvio roubar esse selinho foi errado, mas com todo o retrospecto, com ambos estando bêbados e com o que ocorreu entre os dois depois do selinho roubado, não creio que tenha sido na maldade. Ainda que não intencionalmente, é abuso?

Todo esse episódio me fez refletir demais e, por mais que pareça que eu tô com uma opinião já formada, não estou. Tudo que quero é alguém que me esclareça essas interrogações. Não vejo machismo, mas se estou cega, por favor, alguém me ilumine. Quero muito aprender mais. Tô me sentindo super obtusa nessa história toda.

Desculpem o texto imenso. :) Brigada, gente.

Feminista confusa disse...

*Não vejo abuso, e não "machismo" como eu escrevi anteriormente. Machismo eu vejo, sim.

Anônimo disse...

A única coisa que não é conveniente pra você e por isso foi omitido do texto é que os únicos participantes a se posicionarem contra ficar com uma mulher bêbada foram 3 HOMENS:
Cássio, Diego e Walter.

Os três sustentaram a opinião de que o cara que pega uma menina com aquele grau de bebedeira está se aproveitando.

Ou seja, nesse microuniverso "machista e opressor" que você destacou:

1 homem (25%) - AGRESSOR
3 homens (75%) - condenam a prática

1 mulher (25%) - vítima*
3 MULHERES (75%) - não acharam nada demais no que aconteceu

*vítima - mesmo a vítima não se posicionou contra o que aconteceu, nem em tese.

Anônimo disse...

Ele tirou vantagem, se aproveitou.
Mas estupro de vulnerável?
Selinho não pode ser considerado ato libidinoso, pode?

Ana disse...

@22 de março de 2014 15:08

“A única coisa que não é conveniente pra você e por isso foi omitido do texto é que os únicos participantes a se posicionarem contra ficar com uma mulher bêbada foram 3 HOMENS”

Tu não leste meu texto, né? Aqui, o que perdeste:

“Poucas coisas me mortificam mais do que uma mulher falando bobagens machistas, e Tatiele conseguiu se superar ontem.”

“Pra finalizar, o que mais me aterrorizou no programa inteiro: no final, Angela (...)pediu desculpas a Marcelo”

Eu me pergunto porquê, se eu estava tão concentrada em fazer os homens parecem errados e as mulheres certas, eu me dei ao trabalho de citar duas mulheres só pra CRITICAR AS DUAS. Inclusive arrematei o texto falando que a PIOR coisa de tudo foi a atitude da Angela (que por sinal é a vítima!) de pedir desculpas. E apresentei como a ÚNICA pessoa razoável da narrativa toda, um HOMEM, o Cássio.

E tu sinceramente achas que eu ~omiti~ esses teus ~dados super científicos~ por que eles eram ~inconvenientes~ pra mim? Jura?

“nesse microuniverso "machista e opressor" que você destacou”

Porque as aspas? Tu achas que um lugar onde a opressão vem de mulheres não pode ser machista? Eu tenho novidades pra ti: mulheres podem ser muito machistas. Eu ataquei uma mulher machista no texto. Só porque as mulheres da casa não viram o abuso e os homens viram, o ambiente não deixa de ser MACHISTA. Porque mulheres TAMBÉM PERPETUAM O MACHISMO.

Então, anon querido, duas coisas:

1) vÁ APRENDER O QUE É MACHISMO
2) pelo amor de dels aPRENDA A LER AS COISAS ANTES DE TIRAR CONCLUSÕES

Obrigada.

Feminista capitalista disse...

Há muitos dias queria comentar sobre o que ocorreu ,mas estava tão confusa que nem sabia como começar a me expressar.
Há cerca de um mês atrás,na noite da eliminação de Letícia vim aqui pra expressar que este era o bbb mais machista e misógino de todas as 14 edições que assisti, e que a situação representava perfeitamente a cultura de estupro, pois Letícia era assediada desde o começo por homens que enxergavam mulheres não como competidoras ou humanas plenas,mas sim como objetos a disposição e para a diversão deles, ao invés de se indignar com o comportamento dos homens, a população brasileira como era de se esperar,se indignou com Letícia e a acusou de ser ‘sedutora demais’, ‘manipuladora’ que fazia os homens perderem a cabeça e jogou a culpa da situação pra cima dela, procurei referencias no pouco que conheço da blogsfera feminista,mas ninguém parecia atenta pra situação de que Letícia estava sofrendo slutshaming e sendo culpada pelo comportamento de homens nojentos sem merecer.

Agora está tudo escancarado e a cultura de estupro ficou óbvia com o abuso de Ângela, sim HOUVE óbvia intenção de estupro ali e não há como refutar. Só pra constar detesto a Ângela, a acho uma víbora sem escrúpulos que prejudicou muita gente com um terrível coitadismo e uma língua maldita, porém não há como negar que nesse caso especifico a única vitima é ela, o cretino do Pedro Bial tentou insinuar que ela forjou estar bêbada e criou uma situação a favor dela,se livrando do paredão e muita gente comprou esse discurso,mas que mulher ia pedir pra ser abusada???
Ao analisar as imagens é nítido que Ângela estava de fato muito alcoolizada com falas confusas, momentos de euforia misturados com depressão, comportamento choroso de bêbada, ela estava tão pra lá de Bagdá que mal conseguia ficar de pé, isso o próprio Cássio confirmou e o pior de tudo foi vê-la cabisbaixa,calada,mudada, diferente, se sentindo culpada pelo episódio e confusa nos dias que se seguiram,foi NITIDO a ação da cultura de estupro ali e o mais deprimente foi vendo ela pedir desculpas ao seu algoz e ele se sentindo o verdadeiro injustiçado, digno delas.

SIM Marcelo tentou abusar dela, não há como negar isso, pra quem dúvida, o Blog de Cara pra Lua postou os vídeos dela rejeitando as investidas de Marcelo e ele não aceitando, aliás o blog fez o ótimo favor de contar quantos ‘nãos’ Ângela disse a Marcelo na noite daquela festa, sabe quantos foram?
104!
Isso mesmo gente, ela disse não cento e quatro vezes para Marcelo naquela noite e mesmo assim NÃO foi atendida e mesmo assim existe gente cretina o suficiente pra dizer que ela é CULPADA DISSO e que o Marcelo é INOCENTE e está sendo injustiçado, isso me deixa mal, revoltada, é por isso que eu nem conseguia parar pra escrever a respeito. Até mesmo o péssimo e super machista blog Rabiscos de Eva concorda que Marcelo abusou de Ângela,teve um comportamento deplorável e colocou print screen dele tentando beijar uma Ângela quase desmaiada.


NÃO FOI SÓ ‘UM SELINHO’ GENTE, e a Globo maldita sabe disso, tanto que essa semana,pela primeira vez na história CENSURAM o UOL e proibiram durante alguns dias o site de noticiar o programa, até que a liminar caiu, OLHA SÓ; ISSO PRA MIM É A MAIOR PROVA DE QUE A GLOBO TENTOU ENCOBRIR UM CRIME PRA ESCAPAR IMUNE.
E o mais deprimente foi ver Bial perguntando a Cássio se ele queria se retratar,ou mudar seu ponto de vista, que coisa ridícula!!! É revoltante, vivemos em um país onde o certo é o errado e o errado se passa pelo certo.

Pra quem insiste que o estupro é exagero de feminista, quem viu o ppv no dia é muito claro em relatar o que seus olhos presenciaram.
Marcelo passou a festa toda querendo beijar Ângela e forçando a barra total, segurando os braços da menina que teve que desviar o rosto várias vezes.

Feminista capitalista disse...

Depois simplesmente Ângela estava tão bêbada que caiu da escada e depois ficou jogada no chão, pois não estava bem pra se levantar e ir dançar, nisso Marcelo apareceu jogando água na cara dela, ela disse que se ele quisesse poderia deitar do lado dela e fazer companhia a ela, MAS SÓ ISSO, ela fez questão de frisar, que se fosse qualquer coisa a mais,que se ele quisesse algo mais que isso, que fosse embora, ou seja, ela foi EXPLÍCITA na sua rejeição a ele.
O que aconteceu a partir daí? UM CASO DE HORROR.

Ângela estava atordoada, tão atordoada, que nem conseguia falar,ou se levantar, estava quase dormindo de tão bêbada e fora de si, foi aí que Marcelo tentou dar vários selinhos nela,enquanto ela colocava a mão na frente da boca pra se defender, não só isso como Marcelo arregalava os olhos pra ver se alguém os estava enxergando debaixo das almofadas e nojentamente, beijava o rostos, os braços, a cabeça,as mãos de Ângela num claro desrespeito, quando Cássio se tocou do que estava ocorrendo, foi até lá proteger Ângela e tirá-la de lá pra que Vanessa e Clara dessem um banho dela,nisso MARCELO IRRITADINHO se sentindo dono da Ângela DISSE: ‘Deixa que eu dou banho nela’,cheio de malicia, isso emputeceu Cássio de vez.

É óbvio que não teria problema nenhum um amigo cuidar de uma amiga caída de tão bêbada,deveria até ser natural,se vivêssemos num mundo de homens bonzinhos e sem patriarcado, porém reflitam quantas vezes um homem não foi ‘ajudar’ a uma mulher bêbada e essa mulher não acabou sendo estuprada? Sem nem ter idéia do que estava ocorrendo?
INÚMERAS; acho até que acontece toda semana, infelizmente.

O pior de tudo é a hipocrisia em relação ao corpo feminino, se fosse Marcelo bêbado caído no chão sem ter como reagir e RONI estivesse em cima dele, cobrindo-o de beijos, se aproveitando, ENCOXANDO ELE (pois era isso que Marcelo estava fazendo) ninguém acharia natural, todos ficariam horrorizados e achariam um tremendo absurdo,porém como nosso corpo é objeto, TODOS acham super natural,justificável e legal quando um homem faz isso com uma mulher! É como se não tivéssemos autonomia e nenhum direito! Isso me revolta total.

E o caráter misógino de Marcelo pra mim ficou muito evidente desde o primeiro dia quando ele disse que pra ele amizade entre homem e mulher não existe!

Isso deixa óbvio que pra ele o sexo feminino serve apenas pra sexo e interesse romântico, mais nada, é como se não fossemos humanas, e sim bonecas infláveis. Esse caráter se confirmou quando um dia antes da festa ele disse pra Ângela que amigos ele já tinha o suficiente e não queria amizade com mulher, que pra ele era ou não era, ridículo, não é a toa que ele exibiu um comportamento totalmente possessivo e violento em relação a Letícia que sequer era namorada dele e deu vários foras no cara.

Feminista capitalista disse...

O MAIS nojento de tudo é ver que metade da torcida dele é composta de mulheres, mulheres que o defendem com unhas e dentes, sem nem pensar,tem muitas mulheres defendendo o Marcelo e detonando os outros participantes,dizendo que Marcelo é inocente e passando a mão na cabeça dele.
O que fizemos pra merecer uma sociedade tão machista?


Podem me crucificar, mas agora torço pro babaca idiota do Cássio,apesar do racismo nojento dele, ele sempre se mostrou um dos melhores corações na casa, e dos homens,tirando os gays, ele me pareceu desde o começo um dos menos machistas e basicamente o único que enxergava nas mulheres da casa, amigas,aliadas, algo além de um objeto sexual, ele ganhou muitos pontos comigo ao ser o único a se posicionar contra a cultura de estupro e impedir o abuso, MESMO SENDO HOMEM, depois teve que enfrentar um breve isolamento, até as pessoas enxergarem quem é o Marcelo machistinha mimado, garoto toddynho.
Essas mulheres do bbb me deixaram decepcionada,enojada, após a saída de Letícia passei a torcer pra Tatiele, até semana passada quando ela fez o papelão de defender Marcelo incondicionalmente sem nem saber o que se passou,tanto que ela chegou a perguntar pra ele se ele tinha beijado a Ângela ou não, primeiro ele negou, depois de dois dias ele admitiu e a Tati sonsa ainda passa a mão na cabeça desse abusador, despencou no meu conceito ela!

E os ‘intelectuais’ de plantão que detestam o bbb e não acompanham o programa não tem o direito de vir aqui dizer que Cássio é pior que o Marcelo ou tão machista quanto ele, isso é ridículo, se Cássio fosse machista como ele não teria se erguido e batido no peito contra o abuso. POR ISSO HOJE:

#FICACÁSSIO

#FORAMARCELO

Rosanna Andrade disse...

Feminista confusa

Não precisa haver uma desigualdade na relação para caracterizar o abuso. Para isso, basta o atropelo do consentimento (que me parece claro pelos 104 nãos da garota na noite - isso o que eu li, n assisti o programa).

Também não é preciso que haja intenção da parte do abusador. Numa cultura do estupro, os abusos passam como coisas normais, de forma que os próprios homens possam não saber que estão abusando (por exemplo, por acreditar que a mulher está fazendo doce e considerar um não como um talvez). Mas isso não o exime do atropelo do consentimento, de forma que é extremamente necessário mudar a educação das pessoas quanto a isso tudo.

Rosanna Andrade disse...

Feminista confusa

Fiquei pensando sobre a questão das simpatias e antipatias q vc descreveu ter e como isso poderia ter influenciado na percepção do abuso.

Me lembrei de casos de abuso/estupro/agressão que mulheres feministas sofreram por homens ditos feministas de seu próprio coletivo. Homens estes que foram defendidos por pessoas desse mesmo coletivo, que conhecem toda a questão da cultura de estupro.

Acredito que mesmo quando racionalmente conhecemos o mecanismo, é difícil aplicar isso na prática quando ocorre na prática, feito por homens que a gente queira bem ou considere gente boa (ou gente mais ou menos...). Acho que a gente nunca quer acreditar que um homem de bem faria isso na prática, quando ele n eh só hipotético, mas tem nome e rosto. Denunciado por alguém que a gente não gosta então...

Para mim que n assisti o programa é fáci concluir isso, vendo de longe (embora eu assista raramente e já me incomodava com a insistência do marcelo). Veja o que vc pensa a respeito.

Anônimo disse...

Eu tenho DÓ de vc que faz questão de dizer que não assiste BBB e fica buscando justificativas do tipo "estava passando pela sala" ou "fui obrigado a ver pq estava na casa de alguém".
Vc precisa de permissão das pessoas? Q pena!
Isso quer dizer que vc é uma pessoa desqualificada, precisa afirmar que não assiste BBB e que não ouve pagode para se sentir melhor.
Mas há um probleminha, é muito fácil não assistir BBB (ou dizer que não assiste), isso não te faz melhor do que ninguém, entendeu?
Outra coisa, esse povo que tem medo de ser julgado por assistir BBB não percebe que o programa, apesar de ser puro entretenimento, pode gerar debates interessantes sobre relações humanas, exatamente como nesse episódio do Marcelo e da Ângela, que gerou todo este debate aqui no blog.
Vai permitir o meu post ou vai bloquear?

Anônimo disse...

AO ANOM DAS 12:52 (JULIA NÃO TE CONHEÇO MAS APOIO SUAS OPINIÕES QUE VOÇÊ DEU VEJA ISSO)!!!!
AS PALAVRAS DELE SÃO >
vaamos lembrar que ela chegou a ir atras dele,mesmo bebada ela e safada que fala que nao quer e foi atras
e nao vi maldade alguma no que ele fez,ta sendo julgado por nada,o povo tem que aprender a fazer uma denuncia concreta,esse é o brasil mesmo,julgam akeles que sequer fez algo de errado enquanto uitos ai estão impuni acorda Brasilll vamos se preocupar com pessoas que matam outras por bobeira,com estupradores que pegam crianças e etc...do que alguem que estava rodeado de cameras aonde foi claramente visto que nao houve nada!!!

***********************

nA BOA independente que ela foi lá (ja bebada) chamar ele NADA da o direito dele achar que isso foi um convite do tipo olha venha e abuse de mim !!! isso não faz dela safada isso mostra o extremo machismo do Brasil ! eu ja passei por uma coisa desse tipo e sei que NADA JUSTIFICA alguem tirar proveito de uma Situação isso é coisa de gente mál caráter mas infelizmente no Brasil a safada é sempre a mulher ate se ela tiver desmaiada e ser estuprada a culpa vai ser dela fico revoltada com isso ! reveja seus conceitos julgar é sempre mais fácil !!

Anônimo disse...

Continuando

Anonimo diz que não foi nada demais ??? o cara forçar bjo em alguem não é nada demais pra vc mas isso é um total desrespeito enquanto pensarem assim varios continuarão fazendo isso e dizendo que não foi nada demais e tipo ela q provocou tava pedindo me poupe por favor..