domingo, 22 de novembro de 2009

CASAS INTERESSANTES EM FORTALEZA... E FORA DELA

Eu quero morar em Paraipaba, a 90 km de Fortaleza (você vai ter que ler até o final pra descobrir porquê).

Mais sobre as casas em Fortaleza que pretendo visitar. Mas antes um resuminho dos meus planos.
O ideal, ideal mesmo, se eu tivesse alguma escolha na situação, seria assim: a gente venderia a nossa casa em Joinville agora, mas o comprador nos deixaria ficar (a gente pode pagar aluguel) até o final de janeiro. Eu iria pra Fortaleza pra tomar posse do cargo (se é assim que se chama) mês que vem, olharia umas casas, e voltaria pra Joinville, pra passar natal e reveillon com a família. Iria pra lá de volta em janeiro, compraria uma casa, já faria as reformas, e maridón, mãe, gatos e tralha desembarcariam em Fortaleza no final de janeiro, pra encontrar uma casinha pronta esperando por eles. As aulas começariam no dia 18 de fevereiro, e eu ainda teria umas duas semaninhas pra prepará-las, descansando na nossa nova casa. E daí iria andando pra UFC. Não quero mais nada, eu sei.
Vamos a mais uma casa. Esta eu até gostei. A localização é ótima, a uns quatro quarteirões da UFC. Tem três quartos, 180 m2 de área construída, num terreno de 210 m2. É cara demais pra gente (195 mil), e eles teriam que baixar se quisessem vendê-la pros pobrinhos aqui (pobrinho que paga à vista, mas ainda assim...). Já falei que meu maior sonho de consumo burguês é ter um closet?Não dá pra ter muita ideia de como é a fachada, se há quintal, jardim, ou corredores laterais (que permitam ir à porta dos fundos sem passar por dentro da casa). Olhando assim, minha primeira ideia seria separar a sala em duas. Veem essa divisão entre as salas? Eu fecharia essa separação com uma parede, transformaria o lavabo num banheiro de verdade, com entrada pro outro lado, e essa parte toda (cozinha, despensa, parte da sala, banheiro e área de serviço - foto ao lado) ficaria pra minha e, com entrada independente pelos fundos. A gente ficaria com parte da sala (que tem escada pra cima) e todo o segundo andar. Aproveitaríamos este espaço em cima pra fazer uma cozinha pra gente. O maridão não gostou muito da ideia de cozinha em cima, mas se a gente morasse numa casa duplex seria dessa forma, não? Ele diz: "Claro que você não liga! Não é você que tem que carregar o botijão de gás!".Este é o hall lá de cima, que dá pra três suítes. Não entendi o que é esse troço bege do lado. É uma janela aberta?Agora, se a gente pudesse escolher mesmo mesmo, pô, não tenho nem dúvida:Infelizmente, ela não fica em Fortaleza. Fica a 90 km de distância, numa cidade chamada Paraipaba. Trata-se de um sítio de 4 mil m2, com 170 pés de coqueiro. Por R$ 150 mil. É ridículo de grande. Não vou nem colocar todas as fotos pra vocês, mas dá pra ver mais neste site. (Não é propaganda. É que eu acho um desperdício eu não viver nessa casa).Nem gosto muito de piscina, porque dá muito trabalho pra cuidar e é anti-ecológico. E porque afoga gatinhos desatentos que sempre caem dentro quando tentam caçar passarinhos (é uma atração irresistível: se você tem piscina, e tem gato, cedo ou tarde os dois irão se encontrar). Mas dá uma olhada no espaço (churrasqueira ao fundo).Isso aqui eles chamam de área de serviço. Eu chamaria de, sei lá, décima quinta sala.Tudo isso foi no térreo até agora. Vamos pra cima. Esta é a sala do piso superior.Um dos cinco quartos, pelo que contei.Varandinha básica, com vista pras árvores. Eu quero uma pra viver!E aí, quando você acha que já viu tudo, surge a casa do caseiro. Pára, né? Mas talvez 150 mil ainda esteja um pouco acima das suas posses. Que tal então este, por 60 mil? 60 mil, gente, por um sítio de 3,600 m2. É em Iguape. Esta é a fachada.O "defeito" é que tem piscina também. (Se você prestar bem atenção, dá pra ver o portão de entrada lááá no fundo. Eu nunca mais iria encontrar os meus gatos).Não é por nada não, mas entre um sítio e uma kitinete pelo mesmo preço, eu ficaria com o sítio. Quer dizer, com 60 mil reais dá pra virar uma latifundiária!
Por que não tem um sítio desses a quatro quarteirões da universidade, ó deus? Por quê? Por quê?

19 comentários:

Jux disse...

Nossa, Lolax! Esses preços estão incríveis! Até eu fiquei tentada - e olha que minhas po$$e$, no momento, se resumem a uma bicicleta, livros, um vestido e uma roupa de mergulho!
heauheauehauehauehauehae! Beijaum e ótima sorte nas buscas!

Andrea disse...

Lola, eu gosto de piscinas, ma claro, não tenho gatos. Sabe, eu penso muito em coisas assim, piscina, churrasqueira, jardins. Eu tenho 2 irmãos e eramos meus pais e minha vó. Então, quando criança queria espaço dentro de casa. Hoje, sou eu e meu filho. Não quero mais uma casa grande por dentro nem por fora. Digo pra Dani, "sabe cara, eu seria muito feliz com um cantinho pequeno, mas que tivesse luz e fosse ao ar livre. Uma piscina (ela de novo rs... ia afogar os gatos), uma mesa de madeira igual a da foto, uma churraqueira pra fazer peixe assado pra mim e picanha pra ti. E claro, uma geladeira básica (rs) com muita cerveja e suco de abacaxi.". Mas acabei vindo morar em um apartamento no 4o. andar. Não é ruim, o apartamento é bem legal até e a localização é muito boa. Eu continuaria a morar aqui, mas lá no 15 andar. Piscininha pequenininha (só dá eu rs), churrasqueira e um terraço pequeno mas super gostoso. Já me imagino lá. Beijos Lola e boa sorte. Todas as casas parecem gostosas, segue teu coração.

cronicasurbanas disse...

Lola,
eu compraria o sítio de 60 mil (qual a distância?), um segundo carro e pronto. Vivi 20 e tantos anos da minha vida longe do centro da cidade (infelizmente a cidade já 'chegou' onde meus pais moravam) e às vezes gastava, percorrendo 15km, menos tempo que amigos meus que moravam a 5. A minha mãe dizia que a gente tem que ´morar rápido´, não necessariamente morar perto. Sem contar que era menos combustível, porque a gente enfiava uma quinta marcha e ia embora. Andando e parando como nos engarrafamentos da cidade a gente gasta mais e polui mais. A qualidade de vida que vocês teriam seria inigualável, com certeza, e a gente se acostuma com distâncias.

Quanto à piscina, existem telas de proteção super resistentes, pra aguentar peso de crianças. Vocês poderiam curtir a piscininha nos finais de semana e depois fechar com a tela, hoje em dia elas são bonitinhas e tudo, o jardim continua lindo. Seus gatinhos estariam a salvo.

boa sorte!
abraço,
Mônica

Masegui disse...

Lolinha,

Eu sempre sonhei em morar num sítio ou chácara. Pensei em comprar o da minha sogra, a 12km (8km da saída da cidade). Compraria o sítio por um terço do preço do meu apto e iria arrumando tudo aos poucos com a sobra da grana... desisti de tudo por questões de segurança!

Não dá mais pra viver isolado, a não ser que você tenha grana pra contratar atiradores de elite treinados pela CIA.

Pense nisto.

Amanda disse...

Poxa, eu ia dizer que concordava com o cronicas, mas ai depois o Masegui me fez pensar... Nossa, como sou influenciavel! :) Mas é que cheguei a conclusao de que nao posso viver minha vida toda num apartamento, sabe? Descobri que preciso de espaço e de calor para ser feliz. Faz tres anos que moro num conjugado de 23m² com meu namorado em Paris, mas no momento nao temos escolha. Assim que der a gente zarpa daqui e vai procurar um cantinho como os das suas fotos, mas num lugar que nao seja violento (ou seja, que nao tenha desigualdade social).

Marcos Vinicius Gomes disse...

Lola
Que dasaforo estas fotos hein, rsrsrs...estes são sonhos de consumo de muitos-inclusive eu. Gostaria de morar num 'latifúndio' destes, mesmo que fosse um pouco distante do local de trabalho e fosse um pouco isolado de serviços mais essenciais. E o mais atrativo são os preços, comparados com os preços de regiões como da grande SP!

Gabriela disse...

Nossa, aquela varanda já me conquistava =) árvores sao as melhores coisas do mundo :P é mto bom viver tao perto da natureza assim...

como vai levar teus gatos pra fortaleza? acho tão triste ter que colocar eles numa caixinha e num porao de aviao (sei la onde vao no aviao) mas me da uma pena :/

té =)

Alba Almeida disse...

Olá,Lolíssima

Eu estou deslumbrada, com tanta beleza, Amei. Adorável, ambos.
Você num sabe, acabei de chegar da casa do meu irmão, Sítio N.S. DA Conceição. Fica a 20 km de Recife, na cidade de Abreu e Lima.
Cada vez que vou lá, ele me faz andar ainda mais. De tudo tem e muito,.... coco, caju, acerola, pitanga, manga, banana (de 3 espécie) goiaba, macaxeira, inhame, feijão verde, jerimum, jaca, cajá, e outras ....
Ainda passa por dentro, um braço de mar , que se pesca pra valer (peixe e camarão), tem também caranguejo, sagüi, ainda cria um monte de bicho. Em cada canto ele fez um “cantinho especial”. Na verdade ele é quase auto-suficiente. Era o sonho da aposentadoria. Realizado,... nem se tivesse feito plástica ele estaria tão bem.
Chegando em casa, entro no seu blog e vejo isso tudo. É uma decisão difícil e tentadora.
É isso....
Bom domingo, beijos e muito chocolate querida.

Alba Almeida disse...

Lolíssima continuando...

Esqueci,... sempre que vamos lá, eles tem algo diferente pra oferecer, hoje a minha cunhada serviu "caju ao coco", minha querida, mesmo sabendo que vc não gosta de frutos do mar, parecia lagosta. Delícia!!

Kaká disse...

Aquela coisa bege na casa é o que aqui chamam de combogó de concreto, é para dar passagem de ar sem ser uma janela, é super comum nas casas aqui (tinha um verde numa das outras casas que vc postou).

O Iguape é uma praia boa, sem trânsito deve levar uns 40 min até a UFC Benfica, já Paraibapa ia demorar mais (umas 2 horas).
No Icaraí deve ter alguns sítios menores e é mais perto (Icaraí é uma praia de Caucaia). Minha avó acabou de vender um apartamento lá de 3 quartos, de frente para o mar, por R$35 mil.

Lola, o problema desses sítios é que tem tido muito assalto nas praias. Já tentaram invadir a nossa casa, e assaltaram o nosso vizinho (com violência) na praia da Taíba. Colocaram polícia, mas de vez em quando aparece uma onda de assaltos.

Eu gostei da casa no primeiro post, uma que tinha o muro mais baixo e um jardim, e ficava no Damas. Dá para ir a pé, melhor que dirigir 50min né? (e o trânsito aqui só piora).

Vitor Ferreira disse...

Ai Lola, se eu pudesse escolher, eu comprava o sítio. Se não desse certo, fosse muito longe, estressante pra ir pro trabalho e tal, procurava algo melhor na cidade. Mas é muito utópica essa opção, até porque você tem marido e mãe, que vão precisar também procurar atividades pra si, e a essa distância fica tudo mais difícil. Sem contar na trabalheira que deve ser limpar essa casa. Já pensou o tanto de folha que deve cair por dia no chão? Além da poeira... Pelo menos dá pra tomar água de coco todo dia!

Ju Haghverdian disse...

Por 60 mil???
Até eu quero comprar esse sítio! rs

Bárbara Reis disse...

Nossa, nossa, Lolinha! Eu quero essas casas pra você! huauhhuahuuha... qualquer umas das duas ultimas...

Eu iria te visitar fácil... uhahuhuauha... sempre que possivel... ainda mais que eu estou doente para viajar, e não precisa nem ser longe... só de ir pra praia, qualquer uma, eu já ficaria feliz...

Pensando bem, acho que eu vou comprar essa casa, quando eu crescer... e tiver um emprego decente [que eu não tenha que trabalhar 12hrs em pé]... hahaha...

Saudades de comentar aqui... e de te ler, Lolinha...
Me salva... to trabalhando que nem uma escraviotária... T_T

Beijão!!!

Dri disse...

Lola, tem uma parte mais afastada de Fortaleza que é cheia de sítios..procura casas na lagoa redonda....é um "perto-longe" da parte mais central de Fortaleza, onde fica o bairro Benfica,é próximo do beach park e lá tem uns duplex liiinndos em condomínios fechados. Tem tb Eusébio e Aquiraz, que são municípios bem vizinhos, pertinhos, cheio de sítios.
Agora, com sinceridade, acho o benfica um dos melhores bairros pra se morar aqui, pois é perto da maioria dos cursos da UFC e de alguns da UECE, é tranquilo e perto de tudo,é bem central, de vizinhança antiga e pacata, mas é supervalorizado. Uma casa lá vale bem mais que se fosse localizada em muitos outros bairros.
Se souber de algo, te aviso!!

Beeeeijos

Christina Frenzel disse...

Hahahahaha, querida, nos arredores de Fortaleza, mais para o Norte você encontra cada cidadezinha fofa, com preços inacreditáveis!!!

Beijos e boa sorte na caça ao novo lar!!

Mariana. disse...

como assim, você ainda tá em dúvida se vai ou não comprar o sítio de 60 mil? É simplesmente perfeito! Barato, tranquilo, bonito e tem psicina, que vem muito a calhar no calor de fortaleza. Tela de proteção pra resgardar os gatinhos. Acho que eles vão adorar morar num lugar grande, aliás.

Seria ótimo se fosse pertinho, mas acho que nem é tão longe assim.

Somnia Carvalho disse...

haha... piscina e perigoso para gatinho desatento foi boa! hahaha....

Lola eu tambem acho um despeldicio voce nao morar nessa casa! rs... que vidaoooo

mas nao rola de jeito nenhum ne? muito longe nao e?
ja estou nos padros suecos que 30 km e longe... nao lembro mais...

Anônimo disse...

Lola, o que é isso? Você desistiu?

Aos Interessados em Pleitear a Vaga em aberto por Desistência de Candidato Aprovado para o Departamento de Letras Estrangeiras da UFC

Informamos a V. Sa. que, em reunião de 26 de novembro de 2009, o Colegiado do Departamento de Letras Estrangeiras da UFC resolveu, por unanimidade, adotar as seguintes normas para preencher, com candidato aprovado em concurso análogo em outra universidade federal brasileira, a vaga de Professor Adjunto deixada em aberto pela desistência do candidato aprovado em 1° lugar no Concurso de que trata o Edital 109/2009, no Setor de Estudos Língua Inglesa e suas Literaturas:

1) Pré-requisito para participar da seleção: ter pós-graduação stricto sensu em Letras (mestrado e/ou doutorado) na área de concentração e/ou sobre o objeto de estudo “literatura de língua inglesa”;


2) A seleção será feita por Comissão aprovada pelo Colegiado do Departamento de Letras Estrangeiras ;


3) Como critério de classificação será adotada pontuação com base na Tabela para a Prova de Títulos de que trata o Artigo 16 da Resolução n° 10/CEPE, de 25 de abril de 2009;


4) Como critério de desempate será adotado o julgamento da Proposta de Atuação Acadêmica pela Comissão de Seleção;


5) Para inscrever-se o candidato deverá enviar a seguinte documentação por correio: 1- Comprovação de aprovação em concurso público para outra universidade federal; 2 - Currículo Lattes (com comprovações), 3 - Proposta de Atuação Acadêmica.

Endereço para envio da documentação:

Departamento de Letras Estrangeiras

Centro de Humanidades – Área 1

Av. da Universidade 2683

60.020-180

Fortaleza - Ceará

6) O período de inscrições será de 26 de novembro a 3 de dezembro de 2009 (último prazo para envio da documentação por SEDEX para candidatos não residentes em Fortaleza);


7) A convocação do processo seletivo na comunidade acadêmica será feita pela Coordenadora Pro Tempore da Licenciatura Noturna em Letras: Língua Inglesa e Língua Espanhola, Profa. Dra. Vládia Maria Cabral Borges, e outros membros da Unidade Curricular de Inglês, por meio de envio de correio eletrônico a listas de distribuição de mensagens como a da ANPOLL;


8) A Comissão divulgará os resultados até o dia 9 de dezembro, os quais serão submetidos ao Conselho do Centro de Humanidades em sua reunião de 10 de dezembro.

Atenciosamente,

Vládia Borges

worldstory disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.