quarta-feira, 25 de julho de 2018

MULHERES NEGRAS EM LUTA

Hoje, 25 de julho, é Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha, um dia de luta, com manifestações em várias cidades. Em SP, na Praça Roosevelt, às 17h, haverá um ato organizado pela Marcha das Mulheres Negras. 
A palavra de ordem é: "Por todas nós e pelo bem viver: exigimos o fim da negligência e violência do Estado".
Existe o que os movimentos negros chamam de genocídio da juventude negra. Muitos jovens são assassinados no Brasil, e a maioria desses jovens é negra. Os riscos de uma jovem negra ser morta no Brasil é duas vezes maior que entre jovens brancas. Este é um dado alarmante do Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência 2017, divulgado em janeiro.
O Atlas da Violência de 2018, divulgado mês passado, mostra que houve um aumento de 15,4% no número de homicídios de mulheres negras nos últimos dez anos (entre 2006 e 2016). Entre as mulheres não negras (o que inclui brancas, amarelas e indígenas), também houve um crescimento da violência, mas menor -- 8%.
Talvez 50% desses homicídios sejam feminicídios (a quinta maior no mundo!). Ou seja, a mulher foi morta por ser mulher, pelo companheiro ou ex-companheiro. Por homens que ela conhecia, convivia, e, até um certo momento, confiava. Só no Piauí, calcula-se que só em 2017 57% das mortes das mulheres foram feminicídios.
Muitas vezes não é possível saber a motivação dos homicídios, mas alguns pesquisadores divide os feminicídios em três categorias: feminicídio reprodutivo, feminicídio doméstico (o que até pouco tempo era erroneamente apelidado de crimes passionais), e feminicídio sexual (estupro seguido de morte). O feminicídio reprodutivo inclui as mortes causadas por aborto clandestino.
Todos os tipos de violência contra a mulher incorrem mais sobre as mulheres negras, que por sofrerem, além do sexismo, também o racismo, e por geralmente estarem em posição de maior vulnerabilidade social, estão mais expostas à violência (inclusive à violência do Estado, ao serem mortas nas mãos das polícias ou de açougueiros, quando fazem aborto clandestino). Por isso, é tão necessário que os feminismos de maneira geral prestem mais atenção às reivindicações das feministas negras.

12 comentários:

Daní Montper disse...

Oi, Lola!! Olha eu aqui!!
Excelente texto, como sempre!
A luta pelo fim do racismo, patriarcado e machismo é longa e árdua, mas não desistiremos.

Abs

Anônimo disse...

Que coincidência! Hoje é meu aniversário e sou negra kkkk

Anônimo disse...

Ótimo post, bem didático. Toda força e apoio às mulheres negras!

Anônimo disse...

¿E o PCdoB, hein? E o picareta do PT, hein?
O PCdoB sempre foi um partido que topa qualquer coisa. Hiper picareta. Truculento. Vigarista e embusteiro, desde que sua ideologia impere. Os meios justificam a finalidade.
Seja isso dentro das faculdades (no Movimento Estudantil); seja na UNE. Seja em Brasília. Seja no Maranhão.
E nos longos últimos anos foi o hiper satélite do PT, e, por outro lado, do Petismo! Corrupção? Não estão nem aí pra a moral, ou mesmo a ética. Desde que consigam o fim almejado. Maquiavel.
Além disso, não há câncer pior que a ideologia da religião cujo nome é Petismo (onde o PCdoB bebe a hóstia todo santo dia). Veja:

Os Inteligentinhos do Petismo:


Os MIDIOTAS do Petismo:

Hoje li na internet, a história de um chinês que nasceu com uma “mutação” nos olhos, cujo nome é NONG YOUHUI.

Ele enxerga no escuro e os olhos brilham. Um fenômeno!

Para confirmar as afirmações do garoto, os médicos fizeram um teste de leitura no escuro, o que Nong Youhui tirou de letra.

Deveria trabalhar para o Moro à noite, próximo a Sede do PT, onde durante a escuridão da madrugada e o silêncio da população adormecida, os RATOS agem com maior rigor e com desfaçatez. rsss.

Bom…, Vejamos o PT (os puxa-sacos DIURNOS):

Durante o dia, vá a casa de seus amigos professores da Universidade. Das HUMANAS. Leitores de DCM (“Diário do Centro do Mundo”, rssss). Encontre com Kiko Nogueira, jornalista nota 10. Encontre no restaurante seus colegas artistas, músicos moderninhos cancioneiros, amigas atrizezinhas de teatro… Marque uma janta… Com os INTELECTUAIZINHOS…

Nesse jantar, você, com grande chance estará diante de in-te-li-gen-tinhos!!

Tente falar bem da Lava-jato ou do impeachment e verá as consequências. Tire as provas, e verá o resultado!

Anônimo disse...

As mulheres negras e pobres enfrentam tríade de preconceitos.

Anônimo disse...

Muitos jovens são assassinados no Brasil, e a maioria desses jovens é homem. Os riscos de um jovem homem ser morto no Brasil é vinte vezes maior que entre jovens mulheres. Este é um dado alarmante do Índice de Vulnerabilidade Juvenil à Violência 2017, divulgado em janeiro.

Se negras são oprimidas com base nessas estatisticas, os homens tb são, e bem mais...

Kasturba disse...

A diferença é que homens não são mortos pelo simples fato de serem homens. Homens são mortos por outros homens, por vários outros motivos.
Mulheres são mortas por homens, por serem mulheres. Principalmente as negras.
A mortalidade de homens (jovens ou velhos, ricos ou pobres, negros ou brancos), é um assunto serio e deve ser discutido. Mas esse é um espaço feminista, e como tal, está destinado à discussões voltadas para MULHERES.
Por que é tão difícil para algumas pessoas entenderem isso?

Anônimo disse...

Mas esse é um espaço feminista, e como tal, está destinado à discussões voltadas entre negras e brancas, não entre homens e mulheres.
Por que é tão difícil para algumas pessoas entenderem isso?

Deivison Da Costa disse...

@kasturba
1) tá errado as mulheres não são mortas por serem mulheres por que se isso fosse verdade 80% dos homicídios são contra os homens se as mulheres morrem por serem mulheres então por que 80% são de homens???

2) a vários motivos para um homem matar uma mulher, mas isso não quer dizer que ele matou ela por ser mulher sua anta

3)( homens não são mortos pelo simples fato de serem homens )

R: errado kasturba os homens morrem principalmente por serem homens sim por que todos os dias homens e meninos são chamados de monstros, estupradores em potencial, etc mesmo os homens inocentes são vítimas de falsas acusações de estupro e depois sofrem grandes torturas ou até morrem

4) aí eu te pergunto será que os homens não são mortos por serem homens???
quantas denúncias falsas as mulheres andâo fazendo contra os homens inocentes???

5) se os homens são mortos por outros homens é porque os homens inocentes são acusados de tantas coisas ruins que os outros homens acaba acreditando na versão da mulher mentirosa e por isso são os que mais sofrem
por serem homens sem mais...

Anônimo disse...

Macho é muito forçado, mentiroso e dissimulado. Fingem não entender a diferença substancial entre mulher ser assassinada por homem e homem ser assassinado por outro homem... e os escrotos ainda tem a cara de pau de querer negar a realidade que é: mulheres (negras e pobres alarmantemente em maior quantidade do que as outras) são mortas na grande maioria das vezes por homens - geralmente companheiros e ex-companheiros delas ou policiais - enquanto que homens são mortos na grande maioria das vezes por outros homens - na maior parte dos casos devido à violência urbana.

Anônimo disse...

Homem não pode ver um espaço pra mulher que já quer invadir.

Bando de machista folgado mimado que se acham os donos do mundo, o centro do universo.

Os metidos a saber de tudo sem saber de nada na verdade, tentam dominar tudo na base da forçação e ficam falando qualquer idiotice sem propriedade, sem fundamento e sem o menor sentido como se eles e essas baboseiras erradas e mentirosas que eles repetem mais do que papagaios fossem minimamente relevantes ou despertassem algum interesse.

É muita presunção, cinismo, falta de noção, falta de senso...

Anônimo disse...

A mulher portadora de deficiência também é invisível perante o estado,a sociedade e o Feminismo.