segunda-feira, 20 de junho de 2016

"DESCONFIE DE ADULTOS CORRENDO ATRÁS DE ADOLESCENTES"

Alguns comentários muito bons no post da mãe preocupada com a filha de 16 anos que está trocando mensagens com um cara de 32:

"Vou contar uma história que tem muito a ver com esse texto.
No ano passado, meu namorado trabalhou como professor em uma escola de inglês. Um dia, apareceu um homem nessa escola com um buquê de flores para uma das alunas do meu namorado, uma menina de 14 anos. Esse homem tinha por volta dos 30 anos e se apresentou como namorado e garota. 
Meu namorado achou estranha essa situação e começou a investigar. Ele descobriu que, antes de chegar na escola, o homem ligou para lá perguntando os horários da menina, e o dono da escola simplesmente forneceu essa informação sem questionamentos. A própria aluna contou que conheceu o cara no Tinder e que ele era professor universitário. Meu namorado quis ligar para a mãe da aluna para avisar da situação e foi impedido pelo dono da escola porque 'isso não era problema deles'. 
Meu namorado continuou incomodado com a situação e acabou conversando com a mãe da aluna uns dias depois. Ela não sabia sobre o 'relacionamento' da filha, ficou super preocupada e o agradeceu por ter avisado. Um tempo depois, ela entrou em contato com o meu namorado para contar que a ESPOSA do cara (sim, ele era casado e tinha dois filhos) descobriu tudo e estava ameaçando a menina por whatsapp. A garota foi proibida de ver o cara, mas duvido que ela quisesse mais alguma coisa com ele depois desse circo.
Imagem do ótimo Menina Má.com
(Hard Candy)
Aí fica a lição: desconfie (e muito) de homens adultos correndo atrás de adolescentes. Não veio sentido algum no interesse de um cara de mais de 30 anos numa menina de 15. Os dois estão em fases muito diferentes da vida, não têm compatibilidade. Para mim, esses tipos só correm atrás das mais jovens porque querem alguém mais inexperiente para manipular e tirar vantagem. " (Bizzys)

"Eita eita, o velho argumento do muito madura pra sua idade. Essa é uma das frases perfeitas que abusadores dizem para as adolescentes e mulheres jovens com o intuito de fazê-las pensar que são especiais. 
Meninas são socializadas a amadurecer mais cedo. Vamos dar exemplos:
1. Na infância, a guria já é treinada com os afazeres de casa e as tarefas de mãe; meninos jogam bola na rua ou videogame nessa idade;
2. Adolescência: Você já é uma mocinha! Pode começar a usar maquiagem, saia, salto alto e largue dessas coisas de menino. Já é comum as meninas partilharem com as mães as responsabilidades do lar. Os meninos? Videogame e Counter Strike, já pode sair sozinho. É um moleque ainda.
Isso se reflete em relacionamentos. É perfeitamente aceitável uma adolescente se envolver com um cara mais velho. Se um rapaz vai fazer isso com outro propósito que não seja sexual, é ruim. Na idade adulta, aos 20 e poucos as mulheres já sofrem pressão para casar e ter uma família porque o relógio biológico está apitando. O homem sofre essa pressão bem mais tarde, é aceitável ser um solteirão vida boa com 40 anos.
E assim é por toda a vida. As mulheres são condicionadas a amadurecer mais cedo. Homens, com raras exceções, têm o aval da sociedade para serem muleques, crianças mimadas pelas mamães, não assumirem responsabilidades perante suas famílias." (Mila)

"Tem um cara que eu conheço, mais de 30, que sempre tem relacionamentos à distância com meninas de menos de 18. Me incomoda e muito. Ele sempre vem desabafar de como elas são imaturas, que as mães são controladoras... Que ele fica falando para elas que precisam se libertar da família, conquistar a independência, uns papos que eu realmente considero perigosos, para elas. Fico falando para ele que elas são novas, que não há nada de errado no comportamento delas e que ELE deveria se afastar. No fim que ele já não me fala nada.
A minha conclusão do caso dele é: ele é um 'fracassado' de mais de 30, que mora com os pais e não trabalha nem estuda. Nenhuma guria com mais de 30 se interessa por ele, imaturo e sem perspectivas de porra nenhuma. Só uma menina inocente, que só convive com meninos de menos de 18, que moram com os pais e não trabalham para achar ele interessante. Ele não é uma pessoa má, mas manipula as meninas sim, ainda que não me pareça intencional. 
Mas está nessa porque elas não vão ficar questionando ele, só vão achar fofo ele ser tão delicado, compreensivo e inteligente. Uma mulher mais velha não iria aceitar isso.
Para mim, um babaca. Moça, dê apoio à sua filha, um cara com mais de 30, seja qual for o motivo, não tem que ficar cercado meninas novas não." (Anônima)

"Eu conheci meu ex-marido aos 18 anos, ele tinha 35. Adulta e começando a faculdade. Casamos quando eu estava com 21 anos e por 14 anos vivi um relacionamento abusivo onde ele se tornou o centro da minha vida enquanto eu não dava um passo sozinha, e achava que isso era amor. Apenas após os 30 anos comecei a perceber o que acontecia e como nossa relação não possuía nada de igualitária, ele me manipulava em todos os aspectos para ser e viver como ele queria. Só aos 35 anos consegui me libertar desse relacionamento. Então, dizer que o relacionamento tal resultou em casamento não significa final feliz, como muitos pensam. 
Dito isso não estou afirmando que a diferença de idade gere abuso necessariamente, mas que alguém com mais de 30 anos tem muito mais condições de manipular uma adolescente apaixonada que uma pessoa de idade próxima. Todo cuidado é pouco nesse sentido." (Ilka)

56 comentários:

Anônimo disse...

Me foge a compreensão esse interesse de homens adultos por adolescentes, só mesmo sendo muito imbecil, se eu pudesse jamais falaria com um adolescente, tenho paciência zero com eles.

Rodrigo Almeida disse...

Se o cara é um "fracassado" no olhar dessas mulheres mais velhas e o rejeitam por isso, então acho compreensivo a procura por mulheres mais jovens.

Vitor disse...

Engraçado que nem falam de mulheres dando em cima de adolescentes, aí não tem abuso nenhum.

Anônimo disse...

Há pouco tempo tava num relacionamento que foi abusivo por n motivos, mas especialmente por este.
Não sou adolescente há anos, mas por aparentar ser super nova, o cara chegou em mim achando que eu tivesse no máximo uns 20 sendo que ele tem 40 e poucos.
Eu não sabia a sua idade pq ele tb aparenta ser novo, achava que tivesse uns 30, ou seja, que fosse da mesma faixa etária que eu.
Só que ele se aproximou de mim sabendo que é bem mais velho que a "adolescente" aqui. Mas mesmo assim a diferença de idade entre a gente é de 14, 15 anos e ele continuou a ficar no meu pé.
No início achei legal o interesse dele por mim, mas depois de saber mais da vida dele, fiquei me perguntando o que tinha visto de tão interessante em mim já que ele viajou o mundo todo, mestrado, doutorado em outros países e estava no pós-doutorado, enquanto que eu estava ainda na graduação e tinha viajado apenas pra 2 países vizinhos.
Mesmo eu sendo adulta, jovem adulta, nossas vidas estão em épocas diferentes.
Porém achei que era exagero, preconceito da minha cabeça até perceber que ele queria me manipular fazendo o que queria comigo.
Óbvio que não deu certo pq eu, talvez já pela idade, por não ser adolescente, notei suas reais intenções e não deixei barato. Ele não gostou de ser confrontado e como resposta mentiu, me fez de louca na frente dos outros, humilhou e agrediu.
Continuo vendo ele por aí de olho e paquerando meninas novinhas, todas praticamente da mesma idade que eu.
Ps1: ele já foi casado com uma moça da mesma faixa etária que a dele. Qd me conheceu, estava se separando dela.
Ps2: Eu e todas as outras garotas novas que ele deu em cima, somos negras. A ex-esposa da mesma idade que ele, é branca.

Anônimo disse...

Homens em geral é que AMAM valorizar pré-adolescentes e adolescentes ficando com mulheres mais velhas. A maioria de vocês aplaude, considera uma tremenda prova de masculinidade. É só ler comentários de notícias onde se fala que uma professora abusou de um aluno, por exemplo. É cara chamando o menino de sortudo, fazendo gracejos com a situação, minimizando o problema... em vez de reclamar em blog feminista, acho que você poderia tentar mudar a mentalidade de alguns homens que estão próximos de você. Isso, claro, se você realmente se incomodar com o abuso infantil, e não tiver feito este comentário unicamente com o objetivo de desviar o foco do post.

Anônimo disse...

"Engraçado que nem falam de mulheres dando em cima de adolescentes, aí não tem abuso nenhum." É que nem falar de unicórnio. Não existe isso.

E mesmo que mulher adulta se sinta atraída por adolescentes dificilmente ela vai assumir isso porque sabe que é ridículo. Todo mundo vai chamá-la de ridícula. Porque é verdade.

Mas isso não acontece com homens. Por algum motivo muito estranho as pessoas acham normal meninas adolescentes namorando e até mesmo casando com homens adultos. E ainda existe justificativa pra isso como: ela já menstrua, ou "meninas amadurecem mais cedo".

Anônimo disse...

Rodrigo Almeida, obrigada por dar mais um exemplo de justificativa pra homens adultos irem atrás de adolescentes - já que nenhum mulher da idade dele aceita namorar o idiota ele que vá atrás de menininha ingênua pra manipulá-las. As meninas que se danem, claro.

Chamar menores de mulher já demonstra conivência com esse comportamento.
Elas são meninas. Adolescentes. Mulher pra mim é só adulta.
Mas é claro que pra (muito) homem isso é relativo.

Anônimo disse...

a) Acredito que em primeiro lugar devemos acabar com este mito que mulher amadurece cedo esta lenda é usada contra nós.

b) A grande verdade é que somos uma sociedade hipócrita que fazemos campanha contra uma novela que mostrou um beijo gay mas eu vi pessoas torcendo que o personagem do ator Rodrigo Lombardi ficasse com sua enteada menor de idade em Verdades secretas ignorando o fato do personagem ser um psicopata.

c) Lola não vejo romantismo nestas relações na maioria das vezes as meninas acabam sendo manipuladas

d) Sinceramente tb acho errado mulheres maduras com adolescentes é ruim para o amadurecimento deles

Anônimo disse...

Na maioria das vezes é a adolescente que procura o véio. Eu mesmo tenho 45 anos e sempre tem uma de 15-20 anos me dando mole, seja via face, tinder ou vida real. Só não pego pq me dou respeito, prefiro catar uma coroa de 30+

titia disse...

Rodrigo o sujeito não é um fracassado por ser pobre ou precisar morar com os pais. É um fracassado por ser o vagabundo que não faz nada da vida, não estuda, não trabalha, não procura emprego nem tem planos porque ELE QUER FICAR ASSIM. Porque ele quer ser o encosto que vai vida afora montado em alguém que tá ralando. Babacas com síndrome de Peter Pan não tem que procurar menininha porra nenhuma, tem é que tomar vergonha na cara e virar gente. Se ele sente falta duma trepadinha de vez em quando que junte a mesada e vá pagar uma prostituta ao invés de abusar de meninas.

Anônimo disse...

E no caso de mulheres mais velhas que preferem os rapazes novinhos e ainda são vítimas de preconceitos machistas?

Anônimo disse...

Rodrigo Almeida: compreensivo seria o fracassado procurar ser independente antes de ir procurar qualquer relacionamento. O fracassado tem que resolver a própria vida antes de querer compartilhar a vida com alguém. E isso na minha opinião vale para as mulheres também.

Anônimo disse...

E as garotas mais jovens que preferem homens mais velhos? Vai fazer o que? Prende-las, amarra-las, proibi-las?

Anônimo disse...

Teve uma caso de uma professora de 24 anos que engravidou de um aluno de 13 anos e parece que foi presa. É justo também.

Raven Deschain disse...

Compreenaivo o caramba. O cara que aprenda a lidar com a própria losersice e não desconte isso em meninas.

Anônimo disse...

Rodrigo Almeida, vejo que a tendência é que as mulheres jovens também os vejam como fracassados. Mulher nenhuma quer um idiota. Exceto se ela ser uma idiota bobinha, mas as espertas vão ficar longe desse tipo.

Anônimo disse...

Eu, a leitora assídua e mãe da menina de 16 anos em questão. Já disse no post origem da ajuda significativa que a Lola e leitorxs me deram.
Gostaria de responder ao Rodrigo 13:29, que na verdade explica sim porque um babaca desse procura uma menina. Explica as razões, mas não passa a ser certo por causa disso.
Ao Vitor 13:32, esse é um blog feminista. O abuso existe independente do gênero dx abusadxr e dx abusadx mas, convenhamos, isso é um traço presente com intensidade infinitamente maior no universo masculino.
Leiam de olhos abertos.
Sempre funciona comigo.

Anônimo disse...

Seeeeeempre tem que vir alguém com falsa simetria, é impressionante.
O contingente de mulheres mais velhas saindo com moleques de 14 anos é muuuuito baixa se comparada a situação inversa. E sim também acho bizarro esses casos.
O que vejo mais são mulheres de uns 50 saindo com rapazes de 20 a 25 ai não vejo como abuso ou coisa semelhate. PAREM COM FALSA SIMETRIA, isso não diminui o fato de que tem muuuito mais homem de 30 ou mais atrás de meninas de 14.
Mas em ambas as situações acho que não tem muito futuro quando a diferença de idade é muito grande. Um relacionamento entre pessoas seguras, e com “ferramentas” emocionais iguais é mais propenso a ser mais justo e saudável.

Sandra

Adriana Stringari disse...

Queria eu poder contar um história de ver ou ouvir falar. Mas eu fui a garota de 16 com o cara de 30. Quando eu tinha 16 acha descolado ter um namorado mais velho.
Ledo engano! Foram 11 anos de um relacionamento abusivo com marcas profundas que às vezes ainda sangram!
Sim, mães e pais! Protejam suas filhas!

Mili disse...

Meninas, sério, não deixem esses homens 10, 15, 20 anos mais velhos se aproximarem não, sobretudo quando vocês ainda são adolescentes. Quando eu era adolescente, assim como a maior parte das minhas amigas, eu era insegura, não gostava de mim, me achava feia, gorda e incompreendida. Hoje olhando as fotos da adolescência, vejo que eu não era nada gorda (eu só não era uma modelo magérrima, mas eu tinha 1,60 e pesava 52kg. Como é que eu ia ser gorda com essas medidas???), o que eu era é insegura. E esses homens mais velhos são como abutres, são cretinos (mesmo os que parecem legais), pois vão atrás de meninas inseguras, cheias de dúvidas sobre si. Não caiam nessa, meninas! Algumas das coisas que esses velhos (e aqui to colocando os caras de 25/30 anos pra cima que pegam meninas) cretinos falam

- "nossa, mas você é muito madura para sua idade" (Não acreditem nisso, meninas! Se esses homens mais velhos quisessem mesmo namorar uma mulher madura, segura de si, inteligente, eles não iriam procurar essa maturidade numa adolescente cheia de inseguranças e de dúvidas sobre si e sobre o mundo.
- "você é muito mais inteligente que as meninas da sua idade". (Novamente, papo de pedófilo/tarado. Quando eles falam isso, querem, na verdade, instigar você contra as suas colegas, contra as meninas da sua idade, contra as suas amigas que talvez lhe dissesem: 'não, amiga, não fica com esse cara pq ele é um babaca, o velho é fria!". É um modo de começar a isolar você das suas amigas e famílias.

Anônimo disse...

Post OFF
"O homem, por consequência, desempenha papel mais importante na reprodução, na qual a mulher é mera incubadora de sua semente… o sêmen masculino cozinha e forma o sangue menstrual em novo ser humano… Aristóteles". Fico sinceramente chocada com o grau de desonestidade intelectual e BIOLÓGICA que os homens são capazes de fazer. Para mim, todo o patriarcalismo,machismo e a base da violência contra a mulher tem um relação profunda com a inveja masculina em relação a mulher. Porque biologicamente, o homem que é dispensável e inútil, um mero reprodutor que se morresse depois do ato, não iria fazer diferença nenhuma.

Anônimo disse...

Tem garotas que amam homens mais velhos e não vão obedecer as feministas porque elas tem todo o direito de se envolverem com quem elas quiserem independente da idade, do ódio e dos preconceitos das feministas.

Anônimo disse...

"o homem que é dispensável e inútil, um mero reprodutor que se morresse depois do ato, não iria fazer diferença nenhuma."

Reitero 100 vezes

Anônimo disse...

Até os 30 e poucos anos e comia muita, mas muita adolescente mesmo. Hoje, com 35, parei, por que casei (com uma moça de 27).

Obviamente, eram apenas maiores de 14, o que não constitui crime nenhum, portanto é babaquice esse texto e querer rotular de criminoso.

Sou algum monstro por causa disso ? AFFF

Anônimo disse...

Ah vão procurar o que fazer seus misóginos, se uma mulher namora um cara 1 ano mais novo ela é julgada e criticadas. Enquanto isso homem corre atrás de meninas que tem idade para serem netas deles e querem ser elogiados por isso.

Anônimo disse...

Chega de se importar com esses mascus babacas. Tem mascu que com 35/40 anos na cara chama mulheres de apenas 30 anos de ''balzaca'' de forma totalmente pejorativa.

Anônimo disse...

Eu já vi gente criticando mulheres que namoram caras 2 anos mais novos que elas, sim apenas 2 anos.

Anônimo disse...

Raven! Vc voltou? Estava com saudade dos seus comentários!

Anônimo disse...

Pois eu tenho 17 e namoro um carinha de 33, e não troco ele por nenhum destes molekes da minha idade não, e digo mais, menino novo e muito mais babaca e machista.

Anônimo disse...

17:48, o Aristóteles vivia numa época em que não se sabia como a reprodução funcionava direito mas tem gente que até hoje em dia acha que é assim. E ainda falam que você saiu do saco do pai ignorando o óvulo, útero, gestação. A misoginia não ficou mais original desde a época do Aristóteles.

Anônimo disse...

20:15 q fanfic deplorável essa a tua, hein mascu

22:18 mais um mascu se fingindo de mulher, vcs não são nada originais

Marcia disse...

Numa sociedade tão violenta como a nossa, onde abuso em relacionamentos é uma prática comum, não endosso relacionamento entre adolescentes e adultos em hipótese alguma.

Sim, também acho deplorável uma mulher de 40 num relacionamento com um adolescente. Mas não dá para tampar o sol com a peneira, o contrário, homens de 40 com adolescentes, é muito mais frequente.

Outra coisa que me preocupa é o relacionamento entre professores e alunos. Podem me chamar de moralista, mas nunca vi uma única relação em que isso não foi extremamente traumático para as alunas envolvidas, mesmo quando elas já estavam na pós-graduação (talvez por isso mesmo?) e tinha mais de 23. A posição de poder dispare (não bastasse a de gênero) entre parceiros é uma merda...

Mas não, não saio 'proibindo' relacionamentos entre pessoas, só penso que nenhuma subjetividade se forma no 'vácuo' e sem contestação no debate público, vai ter muita gente achando que normal mesmo é 'sofrer' por amor...

Anônimo disse...

Mas 23:01, pior que esses 2 casos acontecem sim e muito.

O que acho muito injusto é que um homem só é considerado ''mais velho'' quando tem idade para ser pai da mulher. Enquanto uma mulher para ser considerada mais velha, basta ser apenas 6 meses mais velha que o homem.

Sem falar que esse papo de ''mulher amadurece mais cedo'' é usado totalmente contra as mulheres a partir de uma certa idade, justamente para discriminar as mulheres ainda bem jovens de 28/30 anos.

Anônimo disse...

Eu tenho 1.60 e 50 kgs e sou considerada é ''anoréxica'' (mesmo estando longe disso) aqui no sertão da Bahia, inclusive pelos mais machistas. A maioria prefere os tipos ''panicat e mulher-fruta'' com bundão, coxão e peitão e não ''modelo magérrima'' sem bundão, coxão e peitão pra pegar e apertar. As feministas costumam fingir que não sabem da preferência dos machistas por esses tipos popozudas e similares.

Anônimo disse...

Se você "comia" ou "come" adolescentes já sendo adulto, você não é um monstro. O pobre do monstro está destinado a fazer monstruosidades, não tem responsabilidade alguma dos seus atos.
Anônima das 08:45: O que isso tem a ver com o texto? Pergunta séria, não quero ofender.

Dan

Anônimo disse...

E o que você acha de um cara com 1,57, magrelo e que aparenta ter uns 14 anos.


risos


Anônimo disse...

Não gosto de julgar as pessoas pela idade (tbm não por classe social, etc) e acho preconceito. Mas que existem certos abusos enrustidos nesta equação ''homem mais velho x mulher mais jovem'' (ainda tão romantizada pelos mais conservadores), existem sim. Principalmente no homem machista que vê a mulher apenas como encubadora e troféu para exibir.

Anônimo disse...

Muitas feministas costumam muito se prender a padrões únicos para atacar e considerarem os grandes ''inimigos'' mortais das causas delas, assim como costumam ignorar várias vertentes de machismo e ainda agem com ironias quando são questionadas.

Anônimo disse...

Homens mais velhos são mais intimidadores, mas abusos podem ocorrer por várias formas de domínio e poder, seja através de poder financeiro, poder político e social, poder sobre a auto-estima de uma pessoa e que já tem uma personalidade mais vulnerável por conta do pouco apoio da família e amigos. Isso pode vir de qualquer pessoa e de qualquer idade.

Anônimo disse...

Anônimo das 08:54, sou feminista e não acho que 'tá tudo certo' com o padrão panicat de corpo não, aliás, vamos falar a verdade? Corpo ter padrão já é, por si só, sintoma de opressão extrema. Poxa vida, devemos ser feliz com o corpo que temos, é simples...

Sei que é um pé no ovário ser julgada por seu corpo, seja ele como for. Mas queridona, tem algo no seu texto que me preocupou: você ainda está esperando aceitação masculina para o corpo que tem?

Só te digo uma coisa: É uma cilada, seja lá qual for a forma do seu corpo, esperar por essa aceitação.

Já parou para pensar se realmente vai ser bom para você ter o 'tipo' de aceitação que uma mulher com corpo panicat tem? É isso mesmo que você quer, ser considera um pedaço de carne para ser 'comida', 'saboreada', 'exibida como objeto de conquista'?

Seja lá quem você for, você vale mais do que uma coisa, uma propriedade, um desejo, especialmente o de outras pessoas. E o seu desejo? Já pensou nele? Espero realmente que você encontre apoio para resistir e sinto muito mesmo que o feminismo a sua disposição não tenha lhe oferecido empatia.

Não tá certo ser menosprezada por ser magra, não tá certo você ser pressionada para virar 'objeto de desejo alheio', isso tudo não dá mesmo para controlar.

Mas eu te convido a pensar, mais uma vez: você realmente quer a atenção das mulheres panicat? Por quê? Isso te faria feliz? Se algo que o feminismo sempre pode oferecer é a capacidade de pensar por nós mesmas. É pouco, mas serviu, literalmente, para salvar minha vida.

Marcia.

Mila disse...

Estamos apontando que uma das formas as quais se iniciam relacionamentos abusivos é quando uma das partes demonstra mais poder, seja financeiro, intelectual ou emocional que a outra. É muito mais fácil um homem formado e estável financeiramente tentar impressionar adolescentes de 18 anos que recebem mesada dos pais. E também mais aceito socialmente que mulheres procurem por provedores em tenra idade, é aceitável que o homem banque a esposa em troca de beleza e juventude da mulher troféu ao seu lado. Já disse aqui que eles fazem isso muito mais para impressionar outros homens e reafirmar a virilidade quando trocam uma de 40 por duas de 20.

14:08, o caso relatado por você é um dos vários onde machismo e racismo se combinam e andam de mãos dados e, lamentavelmente, pouco tratado fora do feminismo negro que é a hiperssexualização das mulheres negras, as quais os homens brancos e até negros enxergam com ótica sexista e racista.

Anônimo disse...

10:01 explique que vertentes de machismo as "feministas" (essa massa gigantesca sem diferenciação) não atacam?

Anônimo disse...

Pra mim homem velho e uma coisa nojenta.

Anônimo disse...

"Ai mas elas q vão atras dos velhos"
E vc tem como obrigação não se envolver pois vc é o mais velho e é vc e não a adolescente que vai se complicar ao ser taxado e até condenado por abuso de menor ou pedofilia, dependendo da idade da menina. E mesmo tendo esses casos, vemos sim uma grabde parcela de velhos dando emcima de meninas novas como se não fosse nada demais. Quando eu tinha doze, um velho de setenta deu emcima de mim. Eu chamei ele de velho babao e minha mãe ainda o ameaçou. Ele nunca mais chegou perto de mim, graças a Zeus.
Ele pode até ter ido atras de outras crianças, mas comigo aprendeu a lição. Cabe a vcs terem um mínimo de noção ao não se meterem com gente menos da metade da idade de vcs, pois legalmente quem pode se dar mal são vcs.

Anônimo disse...

Tenho 26, estou apaixonada por uma menina de 20, e às vezes me pergunto se não estou errada.

Anônimo disse...

A falsa simetria aqui é pra rir né?
"Ain, mas as quarentonas também correm atrás de adolescente"

Eu NUNCA vi mulher mais velha cantando moleque de 11, 12 anos. Assim como NUNCA vi garotos dessa idade reclamarem disso. Nem meus amigos que são gays, que em tese seriam os primeiros a reclamar do assédio feminino, se dizem ameaçados por isso. Em compensação, qualquer mulher tem uma história pra contar, me arrisco a dizer que a maioria sofreu um assédio ou coisa pior de um homem mais velho quando mal começou a menstruar.
Aliás, mulher mais velha que namora garoto novo é profundamente execrada socialmente. Susana Vieira e Marília Gabriela estão aí de prova e isso porque se envolvem com caras bem mais velhos que adolescentes né, tipo 30+. Mas como tá dito no ´post o homem com 30, 40 anos é um eterno moleque.

Anônimo disse...

(Viviane)
Márcia, sobre professores e alunos, você não está sozinha. Eu trabalho em escola e também acho péssima esse tipo de relação, seja qual for a idade dos envolvidos.
Vamos pensar um pouco: professor é uma profissão mal remunerada e socialmente desvalorizada, especialmente para homens, os quais têm (por força do machismo) de serem os provedores do lar. Daí, qual a forma que o cara vê de se sentir valorizado e respeitado? Se relacionando com uma aluna a quem ele pode manipular e exercer a "síndrome de pequeno poder", até ameaçando de reprovação caso ela não ceda. E, se ela ou outro funcionário denunciar, o corpo docente vem em peso defender o colega: "ah, mas ela é maior de idade", "é fora da escola, ninguém tem nada a ver com isso", "essas meninas de hoje são muito espertas".
Triste, mas real e cotidiano...

Raven Deschain disse...

Ooooi anon! >D

Anônimo disse...

Raven minha diva gatônica tá de volta! Aleluia, irmã. É para louvar de pé.

"(Viviane)"
Márcia, sobre professores e alunos, você não está sozinha. Eu trabalho em escola e também acho péssima esse tipo de relação, seja qual for a idade dos envolvidos..."

Ai, Viviane isso me parte o coração... Ver esses caras fazer da vida das adolescentes um inferno, assim tão cedo é desesperador.

Acho que a sua análise tá certíssima, é isso mesmo que acontece. Mas veja só como o machismo é moldável a questão de classe, vi o mesmo acontecer mais de um vez com colegas na pós-graduação e seus orientadores, todos muito bem remunerados, mas 'achando' super normal 'catar' a orientanda... A pressão, o machismo da condenação, a associação pronta: 'virou maria lates, só vai subir na carreira por que deu para o cara', é de dar repulsa...

Marcia.

Barão de Canabrava disse...

Bora deixar as cartilhas de educação sexual pra depois dos 21, então?

Anônimo disse...

Gente não tem como comparar uma mulher mais velha com um homem mais velho, a mulher não é criada pra ser pedofila. Como ela ia causar dano a um cara de 17 18? Abaixo disso eu acho nojento mas vamos lembrar de quem mexe com menina de 11. 14 anos na rua, de quem É a maior vitima de abuso sexual na infancia e adolescencia, de quem é objetificada. Qual a ultima vez que vcs viram uma mulher de 40 anos mexendo e asediando um menino de 14?

Anônimo disse...

Meninas, fujam a todo custo desses homens mais velhos. Eles são abutres atrás de suas presas.

Se vocês gostam de pessoas maduras, namorem com mulheres lésbicas, essas sim são muito mais compreensivas e não manipuladoras. Já viram as estatísticas que dizem o número de homens que abusam ou agridem suas parceiras e lá comparação com o número de lésbicas que abusam ou agridem suas parceiras? Pesquisem isso, os homens agridem muito muito mais. Vejam as estatísticas e depois argumentamos.

Anônimo disse...

Tem, ou tinha, um comentário lá muito melhor que esses. Falando que a mãe zelosa provavelmente esqueceu que um dia foi "novinha" também e que no momento em que se começa a proibir coisas, a julgar coisas, é aí que ocorre tanto o afastamento a adolescente dos pais quanto a criatividade dessa adolescente passa a aflorar.

Não existe manual pra se educar filho porque cada um é um e as regras costumam ir todas pro saco. Mas existe a observação do que funciona ou não. E é sabido que quanto mais você julga alguém, menos esse alguém vai sentir confiança para se abrir com você. Quer que um adolecente faça algo? É só proibir e oprimir. Quem não proibe e oprime ganha a simpatia imediata e aí tem-se uma aliança formada.

A propósito, com 16 anos a minha família já dependia do meu dinheiro para compor a renda de casa. Não sei de onde se tirou que com essa idade alguém é criança e não responsável por si e pelo peso das próprias escolhas. O resultado, a meu ver, é uma geração de adultos cheios de cultura mas totalmente incapacitados para a vida.

Anônimo disse...

"Meninas, fujam a todo custo desses homens mais velhos. Eles são abutres atrás de suas presas.

Se vocês gostam de pessoas maduras, namorem com mulheres lésbicas, essas sim são muito mais compreensivas e não manipuladoras. Já viram as estatísticas que dizem o número de homens que abusam ou agridem suas parceiras e lá comparação com o número de lésbicas que abusam ou agridem suas parceiras? Pesquisem isso, os homens agridem muito muito mais. Vejam as estatísticas e depois argumentamos."

É sério isso ou você tá trolando? Do que adianta isso se a mulher não sentir atração por outra mulher?

Anônimo disse...

Não estou trolando.
Conheço mulheres que a vida toda só gostavam de homens e aguentavam de tudo, até o dia que se relacionaram com uma lésbica. O resultado foi que elas nunca mais quiseram homens, pois viram qual é o melhor.

Raquel disse...

Toda mulher já foi jovem e adolescente, sabemos que o assédio é imenso, assustador e cruel. Porque nessa idade não temos se quer maturidade para entender o que está acontecendo. Sempre que leio relatos assim, muitas lembranças constrangedoras voltam a minha cabeça. Infelizmente sempre que olho para meninas adolescentes, sinto uma dor só de imaginar a violÊncia que passam vez ou outra, sem ter consciÊncia e sem entender.

www.familiabenedito.com.br