domingo, 28 de dezembro de 2014

VIAJANDO COM MILHAS, DEVO ESTAR FAZENDO ERRADO

Pessoas queridas, último domingo do ano. Venho aqui pedir ajuda para um problema bem classe média sofre que nem chega a ser um problema, mas, se vocês tiverem sugestões, agradeço.
(Porque eu aprendo muito com vocês. Lembro quando tive como sonho de consumo comprar lençóis de seda, e vocês me falaram que dá pra escorregar da cama com eles. Desisti de correr esse risco de vida). 
Lolinha largada em Jeri, final de 2012
Antes de começar as lamentações, as boas novas. Em meados de janeiro iremos a Maceió, pela primeira vez. Estamos muito entusiasmados (Alagoas, Piauí e Sergipe são os três estados do Nordeste que ainda não conheço), e aceitamos convites para nos levar para passear em Maragogi (muito longe?), Praia do Francês, Barra de São Miguel e Gunga. "Levar para passear", em linguajar lolístico, é me jogar num mar ou rio sem ondas e me deixar passar horas lá. Podem conversar comigo se quiserem. Ficaremos uma semana em Maceió.
Onde já se viu, viajar pra Buenos Aires
só pelos sorvetes?
No comecinho de fevereiro, iremos a Buenos Aires. Claro que não é nossa primeira vez por essas bandas (afinal, eu nasci lá), mas acho que será a primeira vez em onze anos que estaremos lá juntinhos, o maridão e eu (a última vez, se não me engano, foi em 2004, quando fomos a Moscou no inverno -- não façam isso, crianças). Estive na Argentina no final de 2009 para uma conferência, e o maridão não sei bem quando, para um torneio de xadrez. Estamos com saudades. Vou me esbaldar de carne (desculpem, veganos) e sorvete de chocolate (desculpem, diabéticos e apologistas de dietas). 
Conseguimos comprar no Black Friday o que nos parece ser um bom pacote: sete dias num hotel quatro estrelas, com passagens aéreas de Fortaleza a Buenos Aires (não voo direto), por R$ 3.500. Bem melhor que os quase 15 mil reais que gastamos em 2011 (se bem que conhecemos doze cidades em quatro países na ocasião). 
Bom, aqui entram as minhas dúvidas: como usar as milhas aéreas que temos? Essas milhas realmente valem pra alguma coisa ou é mera ilusão? Já ouvi falar de gente que foi capaz de fazer toda uma viagem só com as milhas, mas com a gente não funciona assim. Não mesmo.
Explico: o maridão e eu viajamos bastante. Ele, jogando xadrez. 
Silvinho, campeão cearense
Eu, dando palestras e participando de debates. De 2011 pra cá já foram muitas viagens, mas só comecei a me preocupar com milhas a partir de 2012. De todo modo, são três anos de viagens com milhas marcadas. Certo, elas estão espalhadas por quatro companhias (Tam, Gol, Azul, Avianca). E outra: a gente só pode viajar de férias na alta temporada (ou dezembro ou janeiro ou início de fevereiro ou parte de julho), quando as tarifas estão lá em cima, porque nós dois somos professores. Não tem como fugir disso.
Assim, tínhamos, eu e o maridão, o seguinte saldo de milhas, somadas: 16 mil pela Azul, 14 mil pela Gol, 9 mil pela Avianca, e 10 mil pontos pela Tam. Na realidade, nem sei direito a diferença entre milhas e pontos. A Folha tentou ajudar, mas... Devemos ter mais algumas vencidas, que talvez possam ser recuperadas (pagando). E nem vimos o que temos no nosso cartão de crédito. Há um ano, deixamos de pagar tudo com cartão de débito porque a gerente nos convenceu que era melhor pagar com cartão de crédito, já que o valor poderia ser transformado em milhas. 
Maceió: onde espero estar em janeiro
Uma das prioridades da viagem agora em janeiro era que pudéssemos pagar as passagens com as milhas que tínhamos. Não deu nem pro cheiro. Pra começar, as passagens aéreas entre Fortaleza e Maceió, ida e volta, para duas pessoas em janeiro ficam aproximadamente por R$ 1.050, as mais baratas. 
Aqui também
A melhor "promoção" que vimos foi, na ida, gastar 12 mil milhas e mais R$ 272 pela Azul para as duas passagens, e, na volta, 10 mil milhas e mais R$ 302 pela Gol. E foi isso que fizemos. Somando: gastamos 22 mil das nossas milhas e R$ 574 pelas passagens. Como ainda tivemos que fazer uma transferência de milhas por R$ 68, calcule aí: R$ 640. Usando 22 mil milhas, "economizamos" R$ 400. 
Acho pouco, vocês não? Três anos viajando direto, e sempre ouço falar de gente que usa as milhas pra tirar férias, e tudo que consigo é economizar 400 reais? É isso mesmo ou estamos fazendo tudo errado?
Pergunto porque queremos viajar um tiquinho em julho, pra comemorar nossos 25 anos juntos, que serão em agosto. Ainda não sabemos pra onde ir. Será que não dá pra aproveitar melhor essas milhas?
Compartilhem suas experiências e deem sugestões, por favorzinho. 

36 comentários:

Anônimo disse...

Vc tem bem pouquinho milha. Tem que juntar a partir de 80 mil pra começar a servir pra alguma coisa. Hoje em dia estão exigindo milhas demais pra qualquer coisa. E cartão de crédito? O seu não dá direito a milhas?

Anônimo disse...

Lola. é um pouquinho complicado mesmo, mas os descontos nunca são assim tão grandes, e as milhas expiram mesmo. O período de alta temporada é cruel para usar as milhas e quando a tarifa é promocional não aceitam as milhas em determinadas companhias aéreas. Mas já consegui zerar trechos com as milhas, mas não viajo tanto quanto vc. Pela quantidade de viagens do casal era para terem zerado pelo menos um trecho. BJs querida!!!!

Anônimo disse...

OFF:
Uma moça está sendo vítima de exposição sexual na internet nesse exato momento desde ontem.
Há mais de 10 vídeos dela rolando, fotos, perfis falsos e uma notícia falsa de que havia se sucidado.
E quem começou tudo?
O namorado que não aceitou o fim do relacionamento.

Anônimo disse...

Oiiiii! Sou sua leitora assídua, apesar de nunca comentar, mas quando vi a palavrinha mágica Maceió resolvi enviar algumas dicas; pois acabei de voltar deste paraíso!
- Não deixe de ir à Maragogi! É imperdível conhecer as piscinas naturais! Mas não vá e volte no mesmo dia! São cerca de 4h de carro (ida e volta), e para conhecer as piscinas naturais deve-se atentar para a tábua das marés; geralmente o melhor horário é de manhã cedo, por volta das 7h, portanto fica complicado ir e voltar no mesmo dia!

- Vale a pena alugar um carro! Pela liberdade de decidir os seus passeios! Cvc é furada; tem hora pra ir embora da praia! Ninguém merece!

- Em Maragogi, recomendo a Pousada dos Jangadeiros! Atendimento excelente e acomodações novas.

-Ainda em Maragogi, não deixar de conhecer a Praia de Antunes! Ela é deserta e o mar é inacreditavelmente azul! É de tirar o fôlego!

- Em Maceió, recomendo o Hotel Meridiano! É um hotel 5 estrelas com preço possível! Fica perto de tudo e tem vista pro mar! (Praia de Pajuçara, é extremamente suja! Não entre! )

- Praia do Gunga e Barra de São Miguel são protegidas por costa de corais, portanto quase não tem ondas! São maravilhosas! O Mirante do Gunga é imperdível!!!

- A Praia do Francês é a mais famosa, e a mais cheia; com isso, é a mais cara!

- Praia da Sereia e Paripueira, são menos badaladas mas muito boas! Os petiscos das barracas são bem em conta!

Bom, é isso! Acho que essas são as dicas principais! Se não, vou escrever sem parar aqui...
Aproveite esse paraíso que é Maceió!

Thaís.

Anônimo disse...

Lola,
Já viajei bastante com milhas, já consegui ida e volta Brasilia-Recife por 12.000 milhas, por exemplo. Mas é preciso fazer a compra da passagem com antecedência, e infelizmente, em alta temporada sobe muito o calor, acho que essa é a maior dificuldade para você.
Tente acompanhar pelo menos mensalmente o seu saldo de milhas no cartão, e verifique se ele expira (quase todos têm data para expirar) e perto da data transfira para uma companhia (alguns cartões cobram taxa para a transferência de milhas).
Boa sorte!

Anônimo disse...

Vai pra Coréia do Norte Dolores, vc vai amar.

Anônimo disse...

Já pensou em conhecer o Oeste da Síria Lola? O estado islâmico vai receber muito bem uma ateia como vc, fala que a Dilma mandou vc la , pra trocar umas idéias.

Anônimo disse...

Lola, as viagens em janeiro exigem mais milhas mesmo. Agora em dezembro consegui vir do Rio para Fortaleza por 15mil milhas na gol e foi a que pedia menos milhas (em setembro fui para o Rio por 4mil milhas na TAM).
As vezes aparecem promoções de passagem pela metade das milhas, geralmente é sempre baixa temporada mas vale a pena assinar as newsletters que sempre avisam.
O cartão de crédito dá pontos para os programas de milhagem, mas assim que você transfere as milhas tem data de validade.
Já fui para Europa com milhas (40mil milhas numa promoção da TAP).

Raven Deschain disse...

Não sei nada sobre milhas, Lola. Mas acho (só acho) que vc não precisa pedir desculpas pelo que vc come.

Anônimo disse...

Precisa sim raven. Comer carne é o pior de todos os crimes para algumas pessoas.

BETO disse...

Lola, boa noite. Eu compro tudo no cartão de crédito e depois transformo os bônus do cartão de crédito em milhas, geralmente da TAM. Em julho de 2014 fomos para Natal (RN) eu e minha cara metade. Troquei a ida e a volta por milhas e só precisamos pagar a hospedagem. Isso é possível se comprar (trocar) as passagens com antecedência. Faça um cadastro na TAM para receber a mala direta do email e quando tiver uma promoção aproveite. Vale a pena. Ah, já ia me esquecendo. já fui para o Chile há 3 anos com passagens tb trocadas por milhas.

Karina disse...

Só a ida de São Paulo para Aracaju está custando 25 mil milhas. Ida e volta 50 mil, mais as taxas.

Anônimo disse...

Nossa, Raven. Achei o pedido de desculpas da Lola claramente irônico. Tão irônico que até me senti ofendida, já que não sou especista e portanto não acho que os animais estejam aqui na terra para serem meus escravos e para que eu possa me esbaldar de comê-los.

Achei tão irônico que seria melhor se a Lola nem tivesse escrito. Mas quem sou eu pra pautar o blog alheio, não é mesmo? Deixe a Lola pedir desculpas (ironicamente ou não) quando e para quem ela quiser, blog dela, regras dela!

Boas férias Lolinha, merece!

Mariana disse...

Lola, também não entendo muito de milhas, só sei que quanto mais você usa seu cartão de créditos mais milhas você tem. porém não tem sido um bom negócio usar tanto crédito assim né...

enfim. acho que podíamos recomeçar um ciclo de debates sobre ética na alimentação aqui no blog, já que você tocou no assunto. pedir ou exigir desculpas pelo que se come não é o caminho, mas a conscientização via informação de qualidade pode abrir a mente de algumas pessoas (abriu a minha, sou vegetariana há um ano e, embora sempre tenha tido dó dos bichos, achava uma medida irrelevante. ainda sim, mudei minha postura).

Anônimo disse...

Tá fazendo errado e certo ao mesmo tempo. Já consegui seis passagens ida e volta para a Europa com milhas, cada duas idas e voltas sai entre 160 e 200 MIL milhas (40 a 50 mil milhas cada). Demoro um ano ou um ano e meio para juntar esse tanto. Só viajo em agosto ou setembro (alta). Isso porque pago cerca de 10 mil por mês de cartão de crédito, total da fatura. Se você não gasta tanto no cartão você não terá tantas milhas mas pode aplicar o que não gasta no cartão em alguma aplicação rentável. Se você junta pouco todo mês pode ser que quando vc consiga um número expressivo de milhas, na hora de trocar os pontos pelas passagens elas estejam em parte prescritas.

Anônimo disse...

Lola, boas férias, queridona!
Alta temporada é ruim mesmo.
Uma sugestão: concentre as milhas numa única companhia, se puder.
bj grande.

Raven Deschain disse...

Não foi irônico. Ela realmente quis dizer isso. Vc ficar ofendida é claramente um sinal de como todos devem viver de acordo com a cartilha de vcs e dane-se quem não quer ou não consegue ou não pode ser veg(etari)ano.

Ir pra Argentina e não comer picanha?

Liege Costa disse...

Oi Lola, tudo bem?

Eu estou planejando uma viagem surpresa para os meus pais e estou muito em dúvida sobre o destino. Não conheço o nordeste e queria saber qual a melhor capital nordestina para fazer uma vigem de 5 dias e encontrar praias sem ondas e quentes por perto: Natal, Recife, Maceió? Obrigada

Anônimo disse...

Olha, no que tange as milhas vc nunca vai fazer um bom negocio se tem que viajar na alta temporada. Quanto a Alagoas, nao conheco maragogi, mas posso recomendar Sao Miguel dos Milagres para viagem de casal. Ha uma imensa faixa praticamente deserta, pousadas de poucos quartos a beira da praia, sem criancas. Da pra esquecer do mundo, do calendario e ainda rola uns mergulhos como viemos ao mundo. APM

Anônimo disse...

Liege, vai para Natal ou Maceió. Não irá se arrepender.

Marta Martins disse...

Poxa lolinha... vc tá usando suas milhas errado querida! Eu com 22 mil milhas vou pra buenos aires e só gasto 45 reais de taxa (eu tava me planejando pra fazer essa viagem e pesquisei os preços, acabou não rolando). Assim, tem que comprar com uns 3 meses de antecedência... qualquer trecho nacional sai por 20 mil ida e volta. Se vc vai viajar em fevereiro, recomendo fazer isso agora. Ai vc passa suas milhas do cartão pra companhia aerea em que tem mais milhas e com 40 mil vai vc e seu marido.
Mas gastar 22mil milhas e SÓ economizar 400 reais é mal negocio.
Todo ano eu faço Belém - Sp por 20 mil milhas ida e volta, e esse ano eu fiz Belém - Curitiba ida e volta por 20 mil também (sendo que o voo q peguei pra voltar ainda foi voo direto, com uma escala e sem conexão). A companhia aerea que normalmente resgato é a tam. Espero ter ajudado

Patty Kirsche disse...

Você se esqueceu de se desculpar com quem tem intolerância a lactose. Hunf.

Carol NLG disse...

Lolinha, seu grande problema é o fato das milhas estarem tão espalhadas. Eu sei que no seu caso deve ser difícil, mas tenta concentrar as viagens numa companhia só. Não adianta ter quase 50.000 milhas se estão em 4 companhias diferentes e não dá pra somar.

Eu uso só o cartão de crédito. Mas uso como se fosse débito, ou seja, pago sempre a fatura completa e não divido. Justamente por conta das milhas. Meu raciocínio é: já vou gastar o dinheiro mesmo, pelo menos recebo as milhas (no meu cartão, eu troco direto pela passagme, sem ter que transferir pra companhia aérea. D
a uma média de 0.006 centavos de dólar por milha pra gastar).

Não acho que não seja negócio. Você pegou 22.000 pontos sem valor financeiro e transformou em 400 reais. Ou seja, 0.018 centavos de real por milha. É dinheiro. Eu sempre recomendo também ver se o hotel não aceita plano de fidelidade de companhia aérea. Muitos aceitam e você ganha mais pontos. Ou paga a hospedagem com pontos.

Firewest disse...

Lolinha, quando voltar de viagem, vc viu isto? http://www.brasil247.com/pt/247/economia/165005/Governo-muda-regras-de-benef%C3%ADcios-sociais.htm

Anônimo disse...

A dica é comprar com antecedência e ficar de olho nas promoções. Esse site é ótimo, avisa sempre que tem promoções: http://www.melhoresdestinos.com.br/

Anônimo disse...

off: incrível como até nos comentários de um post sobre viagens as pessoas conseguem ser tão ofensivas e mal educadas.

off off agora; eu gostaria de saber como funciona o sistema de milhagens com catão de crédito. Eu tenho que solicitar o serviço ou é uma benesse que a minha administradora oferece se quiser?

Lola, felicidades na viagem e não se esqueça que o RS tá pertinho se tiver como vocês darem uma fugida.

Anônimo disse...

Mas para a Lola não,querido anônimo!Lola,estou contigo!

Joana Tabata disse...

Lola, não entendo nadinha de milhas mas achei muito gostoso esse post sobre viagens e planos com o maridão. Aproveitem bastante :*

Anônimo disse...

Ela ficar ofendida é direito dela, Raven, seja pelo motivo que for. Parar de cagação regra aqui ninguém quer, né.

Anônimo disse...

Falando em vegans.

A Déborah do "Aquela Deboráh" encerrou o blog, alguem que acompanha sabe pq?

eu tenho um palplite, ela comeu carne e viu o quanto é gostoso.


@anonimotrolador

Anônimo disse...

Lola; è esta a Dilma 2015 que você fez campanha na Net?
"ilma termina o primeiro governo como um Robin Hood às avessas: tira dinheiro dos trabalhadores, mas não implementa a taxação de fortunas dos poderosos.

DO PRESIDENTE DA FORÇA SINDICAL, MIGUEL TORRES, sobre o anúncio do corte de R$ 18 bilhões em benefícios trabalhistas feito ontem."

Anônimo disse...

Oiê!

Diferença entre milhas e pontos é apenas convenção, no caso a Tam usa pontos e a Gol, Milhas.

Posso falar sobre a Tam:

Validade dos pontos: 02 anos a contar da data da viagem, não há meio de reativar pontos antigos. creia-me, rsrs.

Um trecho interno, com mais de 07 dias de antecedência são 10 mil pontos. Vc já tem uma ida ou uma volta, pagando SEMPRE a tx de embarque a parte.

Vc pode comprar uma viagem da Tam com pontos até com 03 messes de antecedência, eventualmente com menos de 10 mil pontos. A desvantagem que, comprando com muita antecedência, existe a chance de querer remarcar. A remarcação é paga com diferença de tarifa em pontos e multa. (Se não houver os pontos necessários no cartão, já era).

Vc pode emitir para terceiros. Trechos emitidos com pontos não pontuam novamente.

Os pontos são intransferíveis. Caso pague uma passagem para alguém, quem pontua é o titular da passagem, caso possua o "Cartão Fidelidade TAM".

O que mais? Pode transferir seus pontos do cartão de crédito para o seu Cartão Fidelidade (caso não tenha seu número, alguma pessoa de uma loja Tam ou do call center consegue pra vc).

Tem algo sobre as categorias de cartão, mas acho que é isso que mais te interessa.

Beijinhos, sorrisos e estrelinhas, Lola... Tiê

Mariana disse...

Oi lola,
Sou de Maceió mas não sei se estarei aqui em janeiro quando você vier =\ de qualquer forma esses locais que você falou que vai visitar são realmente os melhores e mais bonitos! Só que são todos fora da cidade. Todos razoavelmente perto tirando Maragogi que fica a mais ou menos duas horas de carro, e as piscinas naturais de lá tem que ser visitadas bem cedinho, a hora varia por causa da maré então você realmente deve dormir lá pra fazer o passeio no outro dia mas é bem fácil arrumar alguém que organize esse passeio por lá tem todo dia se não me engano (e vale muuuuito a pena!!) . Enfim, tem muita coisa legal pra fazer em Maceió ;)

Pedro Marques disse...

Lola, sou alagoano e moro em Maceió. Qualquer pergunta sobre a cidade pode mandar. Apesar de não comentar muito, leio o blog todos os dias.

Nanda disse...

Lola, sou de Maceió e me voluntario para te levar pra passear onde você quiser! de verdade! vou te mandar um email para marcar nem que seja um sorvete de chocolate (os daqui também são incríveis)!

Karen disse...

Milhas é bom utilizar quando o trecho nacional está no máximo 10 mil milhas por pessoa + taxas de embarque, não desembolsando outros valores acima destes como vi que tu fez. Pontos de cartão de crédito só transfira para suas contas de milhas após juntar mais de 10 mil também, pois perdem muito rápido a validade.