sexta-feira, 16 de abril de 2010

ATÉ EU QUE NÃO TENHO TWITTER ME IDENTIFICO

Bom, acho que esse cartum espirituoso se refere a tod@s nós viciad@s em internet... Fique com minha tradução fracote (eu realmente sou a pior tradutora do planeta; fico mais convencida disso cada vez que preciso traduzir alguma coisa pros meus alunos de Inglês Técnico):

Rapaz: Onde você esteve? Nada de email. Você não me mandou mensagem de texto. Nenhuma pista no seu blog. Não atualizou seu Facebook. É como se você tivesse sumido da face da Terra!
Moça: Você não checou o Twitter?
Rapaz: Opa, perdão... "Lá em cima. Vou ao banheiro. Volto em cinco minutos".

17 comentários:

cronicasurbanas disse...

hahaha, é por aí mesmo! Só faltou ele dizer que ela estava com o celular desligado (é incrível como as pessoas esperam que vc esteja com ele sempre a postos, e que pare o que quer que esteja fazendo para atender!). Eu tenho toda essa parafernália aí, mas uso tudo 'para fins pacíficos', não vivo neurada não (mas trabalho conectada boa parte do dia, então...).

Também passo aperto às vezes com traduções, o piloto automático entende a mensagem no original e pronto. Eu só mexeria numa coisinha: acho que 'sumido da face da Terra' soa mais natural do que 'caído'. :-)

abraço
Mônica

Lord Anderson disse...

Lola.

Fiquei sem poder acessar net ontem e me senti assim mesmo, meio perdido.

Confesso que sou um quase total viciado na vida virtual.

Alias, vou twittar esse post. ^^

Danielle Luz disse...

Essa cena que parece brincadeira está cada vez mais real!!!!! No meu trabalho, se a gente não comunicar por email, é somo se não tivesse comunicado de jeito nenhum. Quem não tem email ou está ligado às redes sociais, não é ninguém hoje!!!!

Mei disse...

A expressão "redes sociais" fazem meus dentes rangerem!!!!

Eu não tenho Orkut e nem Twitter (tive por um mês e deletei porque achava inútil) e fico tão triste quando chego num lugar e tem um monte de gente com a cara enfiada no celular "tuitando". Eu conheço gente que faz isso o dia inteeeeeeiroooo...O_O.

Acho que não interessa ao mundo se comi pão com geléia ou se soltei um pum, eh? haha.

E esa coisa de ter um milhão de seguidores? É só uma questão de popularidade...ninguém lê nada!

Ai, tou uma chata hoje, Lolinha.

aiaiai disse...

kkkkkkkkkkkkk, vou tuitar isso já!!!! e vou colocar no facebook também kkkkkk

aiaiai disse...

off topic: vc viu serra elogiando o maluf! Eu achei fofo!

kkk

http://bit.ly/c4OnWk

Carla Mazaro disse...

Off topic total, mas abri o link e achei um texto sensato e religioso sobre fidelidade!!
Isso é um artigo raro
http://bolnamoro.uol.com.br/diva/artigos/suelideoliveira/feliz-fidelidade-amorosa-para-voce.html

O Jornal Tresler e a Espiral do Silêncio disse...

Quando li do GoogleReader, bem pequeno e sem entender muito, pensei que a mulher estaria brava com o homem. Ele estaria deixando ela muito só.
Quando fui ler é que vi que os dois estão juntos nesse casamento com a internet.

Bom, acredito no "copo meio cheio": acho que a internet esta aproximando as pessoas.

Abraços !

Prity disse...

http://carpinejar.blogspot.com/2010/04/fardo-dos-dentes.html?showComment=1271434203928_AIe9_BGM9K7fjLMDQnYGl9CzG6iRJiIjzKtPihf0fofd7Fhlbvi0dOXnVcxbjBG0zsZgJaOwWIPjfPikYIwZ137KDnn1KAcd3OSDZV8qW7IDQmSlj-wfQhUu2V4QIwbPCpbXRIiKk3TZ2r7gwGVbDAD621YCcKxVwnn3xa6Nqrgc-SCjgNB4DFsgW8GgmS_cEXiVe33WC0bVnLM_3SqqEzfrhv4Pvr-c5_AB_tinTHncxFFP8WaMrfk#c8918544707875297324

Mulheres Inteligentes Escolhas insensatas disse...

Eu admito meu vicío em todas essas ferramentas virtuais. Se fico sem comunicação internética, me sinto sem um pedaço de mim!

A vida real ta cada vez mais virtual

Luna disse...

Se estou sem internet, eu não tenho comunicação, fato.

Não temos telefone fixo e pra eu ver os meus amigos, precisaria pegar ônibus sempre, porque moro muito longe deles agora. Então nos vemos de vez em quando, o resto é pela internet.

Quando eu mudei de casa, eu estava de férias, sem internet e sem telefone. Quase enlouqueci, estava praticamente isolada do mundo. Minha única fonte era TV! =/

Sim, eu me identifico muito com essa tirinha!

Lord Anderson disse...

Prity, desculpe mas esse link ficou muito gigante.

Se me permite a sugestão ,use ferramentas que encurtam links e url como o Migre:

http://migre.me/

RICARDO AGUIEIRAS disse...

Pior é quando nos chamam de "amigo" no mundo virtual. Já conseguiram banalizar até isso, a amizade, que deveria ser algo supremo. Sou como dizia Aristóteles: "Amigos têm que comer o sal juntos".
Na sociedade imagética e midiática, deixamos de ser humanos e somos apenas imagens. E pior, lutamos ferrenhamente por essa imagem. E ainda somos obrigados a ouvir toda a privacidade alheia, mesmo sem querer: nos ônibus;no metrô, nas ruas e em qualquer lugar público com as pessoas gritando "naturalmente" o que deveria ser pessoal, nos seus celulares; ficamos sabendo da vida de todos e de todas e suas mazelas ou parcas alegrias que, sinceramente, não me interessam. Acabou o olho-no-olho, o tom de voz e aconchego de abraços, se quiser contente-se com o msn...
Ricardo
aguieiras2002@yahoo.com.br
http://dividindoatubaina.wordpress.com/

Flora disse...

tbm tuitei esse post hehehehe
adoro seu blog, sempre leio mas nunca comento

bjocas de floripa

J. disse...

É realmente impressionante a dependência que adquirimos da internet. No twitter, as pessoas escrevem ABSOLUTAMENTE TUDO. O que, muitas vezes, termina por ser irritante, porque não é todo mundo que tem interesse na vida sexual ou na cor das fezes do sujeito. É impressionante como perde-se a individualidade, e cada um torna-se tão mais individualista. Cada um sabe de todo mundo, demais. É exaustivo, às vezes...

J. disse...

Ah! Tava com saudade daqui...

olhodopombo disse...

Não sinto falta , porque sempre gostei da marginalia.Viver a margem desta sociedade, é a melhor coisa que existe atualmente....