segunda-feira, 10 de abril de 2017

EMILLY É FORÇADA A CONVIVER COM MARCOS DO BBB17. VOCÊ NÃO

Muita gente está me pedindo pra falar sobre BBB17, em especial sobre o casal Emilly e Marcos. 
O problema, eu digo, é que não vejo BBB faz muitos anos, e não quero ver (aceito guest posts, se alguém quiser me mandar). 
Eu vi um ou outro trecho de vídeo que o pessoal tem me enviado e a situação é realmente tensa: 
pelo jeito, Marcos enfia o dedo na cara de Emilly quase que diariamente. Gaslighting, ou seja, chamá-la de louca e histérica, é o que ele faz ao acordar. Tem também puxôes e beliscões. Numa cena, a moça mostrou um hematoma. E o pior: tem gente que não percebe que isso é um relacionamento abusivo por excelência. Chamam de amor. Não é paixão. É violência. 
Infelizmente, não há nada de pedagógico num BBB. Não é que o público vai assistir e entender que aquilo é um relacionamento abusivo. 
O BBB é o contrário do didático. E costuma ser a coroação dos piores. Como lembrou Luana Piovani, falando de outro programa que premia agressores, "Dado Dolabella enfiou a mão na minha cara, eu fui para o mundo inteiro contar e seis meses depois ele ganhou 2 milhões por voto popular".
No BBB já teve estuprador, teve apresentador dizendo "o amor é lindo" quando tava todo mundo falando de estupro, teve pedófilo, teve stalker compulsivo, teve brucutu misógino com tatuagem nazista, entre mil e outras aberrações. É certeza absoluta que, em todos esses casos, Boninho e sua equipe não foram surpreendidos ao descobrirem repentinamente essas facetas negativas dos "brothers". Nada disso. Não foi assim: ah, Marcelo Dourado é um cara legal, pena que ele é fascistoide. Ele foi contratado por ser fascistoide
Não é assim: Marcos é um médico bonitão, que droga que ele é abusivo. Ele foi contratado por ser abusivo. Por isso soa um tanto estranho ver espectadoras questionando como a Globo permite um tipo violento como o Marcos na Casa. Gente, a Globo sabia que ele era violento. Ele foi chamado por ser violento
Desculpem, pessoas que gostam, mas o BBB é um lixo de programa. 
Não é entretenimento, a menos que você considere entretenimento parar pra ver um acidente de trânsito ou gritar "Pula! Pula! Pula" pra um suicida que tá ameaçando se jogar de cima de um prédio. É escapismo óbvio, mas tem tanta coisa melhor (tipo musicais) pra fazer a gente escapar da dura realidade de um país quebrado com todos os nossos direitos indo pro ralo. 
Se havia alguma novidade em ver um bando de gente presa numa casa e sendo filmada por dezenas de câmeras, essa novidade certamente se esvaiu depois de 17 edições (lá pela segunda ou terceira). E o pior é insistir na atração mesmo sabendo que você está sendo manipulado. 
Agora que o estrago já tá feito, agora que você deu audiência (pela 17a vez!) pro programa, tem mesmo é que fazer tuitaço exigindo #MarcosExpulso ou votar para que ele não ganhe. Se a Globo não é didática, não ensina nada, você tem que ensinar. Tem que falar nas redes sociais que esse "amor" é abusivo. 
Mas, da próxima vez, no BBB18, desligue a TV.  Deixe o Boninho falando sozinho. Não é que o machismo vai desaparecer, mas pelo menos você não vai precisar conviver com um cara repulsivo como o Marcos.

UPDATE: Graças a todo o barulho, a polícia foi à casa ouvir os participantes. À noite, a produção confirmou indícios de agressão e Marcos foi expulso do programa. As finalistas são Vivian, Ieda e Emilly. Três mulheres.

91 comentários:

Rafael Cherem disse...

E o abusador ficou no último paredão! Esse país é de desanimar...

Ontem comentava com minha esposa quando assistiamos os xiliques desse demente, que caso tenhamos uma filha no futuro ela terá de aprender a se defender fisicamente desse tipo de palhaço.

Agora me pergunto, cadê o pai dessa moça? Será que casos de abusos como esse aconteceria se o sujeito temesse pela reação do pai da moça?Vejam bem, não estou dizendo que ela não sabe se defender, mas a linguagem que esse macaco entende talvez seja mais enfática, de homem pra homem.

Cão do Mato disse...

Emilly não é forçada a nada. Ela pode pedir para sair.

Anônimo disse...

Tem mulher que só busca esse tipo de homem para relacionamento, mulheres de dedo podre. Já leram o livro mulheres que amam demais? É o velho ditado: cada um tem o que acha que merece. Sinceramente, se um homem me tratasse daquela maneira, seria ponto final no relacionamento. Pessoas doentes atraem relacionamentos doentes e isso é o poder de escolha. Quem pega em brasa é pra se queimar. O cara totalmente descontrolado, grosso, manipulador...

Anônimo disse...

Concordo plenamente com o comentário acima.Ah não gente,peloamorrrr, tem mulheres que precisam amadurecer,crescer de verdade e assumir o controle da própria vida.Muitas coisas nós podemos e devemos evitar.Ou vamos deixar o controle remoto nas mãos dos homens desse naipe.Século XXI,pô.Como diz minha mãe "tá na hora de acordar pra vida".Síndrome de coitadinha,princesinha,carentizinha não rola mais não!

Anônimo disse...

big BOSTA brasil

porém o mais engraçado é q coxinha adora falar mal desses tipos de programa, mas quando coisas como essa acontecem, eles são os primeiros a defender

direita política, incoerentes até a medula

Anônimo disse...

a) Não assisto ao programa não gosto depois do caso de estupro peguei nojo mas vi o vídeo fiquei assustada com este rapaz.

b) Sinceramente não julguem a menina porque somos ensinadas que machismo e proteção que um homem quando na verdade está nos oprimindo muitas pessoas no convivio da mulher tentar passar para a mulher que ela está sendo protegida

Anônimo disse...

Eu também não assisto BBB, então deixa eu perguntar: ele já chegou às vias de fato (bateu nela)? Porque se sim, é caso de expulsão pelas regras do programa é o MPE do Rio de Janeiro deveria entrar com uma denuncia com base na Lei Maria da Penha. Agora se ele só ameaça e enfia o dedo na cara da moça, a emissora não pode expulsar por isso. Afinal todo mundo que entra no programa sabe que vai passar por esse tipo de situação e pode pedir pra sair quando quiser, é tipo BDSM com consentimento de pessoa adulta e capaz pode tudo, desde que não infrinja a lei.

Anônimo disse...

Ela é tão " forçada" que deu pra ele de novo a noite passada.

Anônimo disse...

Ele é 20 anos mais velho que ela, eu acho isto nojento e também torna a relação muito desigual. Sinceramente eu acho homem velho se relacionando com meninas um nojo.

Anônimo disse...

Ela agrediu ele com um chute uma vez em uma brincadeira.

Anônimo disse...

Bonitão Lola? Onde? O cara é um velho com topete ridículo e que malha para pagar de garotão. Não tem coisa mais ridícula que homem velho que não aceita a idade e fica querendo parecer garoto pra correr atrás de meninas novas, aff nojento.

Anônimo disse...

O "meu corpo minhas regras" não vale pra ela também? Gostei dá analogia com o BDSM pra quem não quer é uma​ agressão, mas se a pessoa adulta concorda com tudo, o que vocês tem a ver com a vida dela?

Julia disse...

Cão Sarnento, a Emilly não vai pedir pra sair. O Marcos que tem que sair, direito pra cadeia, seu imbecil.

Julia disse...

"Ela agrediu ele com um chute uma vez em uma brincadeira."

Coitadinho dele....

Tinha que ter chutado a sério.

Julia disse...

É sério que tem gente que tá chamando isso de BDSM? Isso não é BDSM, imbecis.
Ela não está concordando com tudo. Ela está se submetendo a ele graças a manipulação e violência dele. Além de que ela gosta dele.

Toda vez que vermos uma mulher sofrendo violência de algum de vcs nós vamos nos meter. Lidem com isso.

Anônimo disse...

Ue. Mulher pode agredir então?

Anônimo disse...

a) Lola gostaria de sugerir um post sobre o caso da Raquel Sherazzade e o Silvio Santos

Anônimo disse...

http://plugcitarios.com/2015/02/09/pesquisa-revela-o-perfil-dos-brasileiros-que-assistem-reality-shows/

O link acima refere-se a uma pesquisa que revela o perfil de quem assiste reality shows. 61% É MULHER. Mais uma vez a mulher contribuindo sobremaneira na propagação de porcarias!!

Anônimo disse...

não assisto mais a esse lixo

formato falido

Anônimo disse...

E acabam sendo vítimas das mesmas porcarias que propagam

Anônimo disse...

Quando se trata de política, a Lola é de esquerda primeiro e feminista depois. Tô desejando que o segundo turno de 2018 dê Lula e Marina Silva pra ver ela pedir voto pra um homem.

titia disse...

O pior é que eu não tenho a menor dúvida que se ela o mandasse tomar no rabo e sentasse um tapa nesse lixo cada vez que ele botasse o dedo na cara dela, ela seria a vilã e seria expulsa sem nem entrar pro paredão...

"Emilly pode pedir para sair. Se ela não o faz por estar de olho no prêmio, então está se prostituindo..." Nossa, mascu do mato, quer dizer que mulher que quer dinheiro é prostituta (e olhe que nem estou contando a desumanização das prostitutas)? Mulher não pode querer dinheiro, tem que agir sempre por amor e abnegação e se uma mulher fizer qualquer coisa por dinheiro tem mais é que ser punida e se ferrar na mão de um homem pra aprender que mulher não tem que querer dinheiro? Vá se foder seu bosta.

Anônimo disse...

O cara se comporta assim por que no fundo ele e todos nós sabemos que há um monte de mulher que gosta de homens com este perfil. Não sejam hipócritas e não venham dizer que isso não existe!!

Anônimo disse...

PEsse é da série "precisamos falar sobre BBB (de novo)(de novo)(de novo)(de novo)(de novo)(de novo)".

Só discordo de uma coisa: não acho que sejam 'tipos bizarros'. Pelo contrário, acho que são amostras bem normais da nossa população. Justamente por isso é que os 'bizarros' ganham...

Anônimo disse...

Tb fiquei pensando: se esse é o comportamento do cara lá dentro, desliguem as câmeras e aguardem alguns meses...

Eu só assisti umas cenas no twitter e fiquei pensando 'caraca, isso é didático'. A cena em que ele não deixa ela falar repetindo 'Emilly, Emilly, Emilly', ao mesmo tempo que faz carinho no cabelo dela. E não deixa ela sair, segura pelo braço, deita ela no chão. Depois chora, fazendo chantagem emocional, dizendo 'AMADURECE, te amo, não quero te perder'.

Pensei: taí porque nós mulheres demoramos tanto pra entender que estamos num relacionamento abusivo e mais ainda pra sair dele.

Anônimo disse...

Mas ela deu pra ele ontem de novo, bem gostoso.

Ela não deve estar achabdo tão ruim assim.

titia disse...

Obrigada por comprovar que você É um bosta, mascu do mato. Nem precisava, mas obrigada por fazer isso assim mesmo.

Anônimo disse...

Pra essa galera que fica falando que ela agrediu ele, que ela é louca, desequilibrada. O vídeo é o seguinte: ele encurrala ela no canto da parede, coloca o dedo na cara dela e depois na boca, silenciando ela. Encara ela até encostar testa com testa...

É evidente quem que tem poder sobre quem ali. Ou vocês acham que seria fisicamente capaz de subjugar ele da mesma forma?

E nem vamos falamos na desigualdade financeira e de idade.... Já dizia o vô do Spiderman: grandes poderes vêm com grandes responsabilidades.

titia disse...

Por que não estou surpresa com sua resposta tão original e obviamente não machista? Ah, claro, porque você é um mascu. Mais uma vez obrigada por comprovar.

P.S. ao invés de ficar tentando chamar atenção no blog da Lola você podia tomar umas aulinhas de português, mascu do mato. Vai curar sua carência e seu fogo no rabo.

Anônimo disse...

Cão do Mato, você podia aproveitar a passagem voluntária e constante pelo blog e se esforçar pra aprender um pouquinho... ainda que vc não seja capaz de exercer a empatia, poderia ao menos aprender a teoria, pesquisar sobre relacionamentos abusivos (o Google está logo aí... a um clique do seu mouse), pra compreender intelectualmente quais são os mecanismos, saber os porques de as mulheres ficarem nesses relacionamentos, transarem com seus abusadores (como você insiste em frisar). O youtube também tem muitos TED´s (bem didáticos) sobre o tema. Tenho certeza que você tem essa capacidade intelectual ! Go ahead!

Anônimo disse...

Anônimo Anônimo disse...

Cão do Mato, você podia aproveitar a passagem voluntária e constante pelo blog e se esforçar pra aprender um pouquinho... ainda que vc não seja capaz de exercer a empatia, poderia ao menos aprender a teoria, pesquisar sobre relacionamentos abusivos (o Google está logo aí... a um clique do seu mouse), pra compreender intelectualmente quais são os mecanismos, saber os porques de as mulheres ficarem nesses relacionamentos, transarem com seus abusadores (como você insiste em frisar). O youtube também tem muitos TED´s (bem didáticos) sobre o tema. Tenho certeza que você tem essa capacidade intelectual ! Go ahead!

10 de abril de 2017 16:43


É mais ou menos assim:

A Emilly entrou no programa forçadamente? Ela foi algemada e obrigada a entrar num lixo de programa que o que mais faz é idiotizar as pessoas?? Ela está mantida em cárcere privado no programa? A mulher é igual a uma mosquinha indo em direção àquelas armadilhas elétricas iluminadas-sabem que vão se chamuscar-mas é tão linda a luzinha...

André disse...

Excelente post, mas acho que tem que contextualizar um pouco a queixa da Luana Piovani. Ela sempre falou muita merda antiprogressista por isso é co-responsável por esse público escroto que premia o Dado Dolabella. A queixa dela é correta, só não dá para engolir tal indignação partindo dela porque é muita hipocrisia.

natalia disse...

Bem antes de deixar de assistir à rede golpista, eu já não assistia BBB. Nunca me interessou. Não que eu não me interesse pela vida alheia. Me interesso pela vida de alguns atores que gosto e é só. Parece que gente boa no BBB, só Jean Willys.

Anônimo disse...

Gente, precisamos lutar pelo fim dos abusos e violência, quando vejo respostas como essas da titia e da Julia percebo como ainda estamos longe desse ideal:

"Coitadinho dele....

Tinha que ter chutado a sério."

"O pior é que eu não tenho a menor dúvida que se ela o mandasse tomar no rabo e sentasse um tapa nesse lixo cada vez que ele botasse o dedo na cara dela, ela seria a vilã e seria expulsa sem nem entrar pro paredão..."

É evidente que se algum participante do BBB "sentasse o tapa" em alguém seria expulso e com razão, da mesma maneira que se uma mulher bater no companheiro também será uma agressora. Uma agressão nunca justifica outra.

E vejam bem, eu não estou defendendo o cara, não venham me acusar de ser mascu ou qualquer outra coisa do tipo. O meu ponto é que NINGUÉM tem o direito de ser violento ou agredir o companheiro, quando abrimos uma exceção estamos sendo coniventes.

Anônimo disse...

Dois imundos, transando pro país todo ver. A putaria tá forte.

lola aronovich disse...

Cão do Mato, a partir de agora, todos os seus comentários serão apagados. Incrível como vc trolla este blog há ANOS e não aprende nada. E hoje não deve ter tomado seu remedinho, porque está mais bravo do que de costume. Adeus.

Anônimo disse...

Mas essa garota também é muito otária de aceitar esse macho se impor sobre ela. Deve ter tido uma criação péssima com um pai horrível que a fez se tornar tão submissa e sem amor próprio, sem respeito por si mesma. Não precisaria nem ser uma Ana Paula - a favorita da edição passada - pra não aceitar uma situação dessas, duvido que a Munique - vencedora do BBB16 - por exemplo, se sujeitasse a essa situação tão humilhante, vergonhosa, abusiva, destrutiva. Por falar em Ana Paula, ela foi expulsa da edição passada por dar um tapinha de nada super fraco em um outrO participante quando tava bêbada em uma festa, mas esse cara aí vive agredindo essa menina e não aconteceu ainda nada com ele? Por que será, né?

André disse...

17:24,

Não confunda agressão com autodefesa.

Anônimo disse...

Demorou, Lola. Finalmente esse troço mascu lixo cão sarnento do mato (ou seria das profundezas do inferno?) vai ter um pouquinho do que merece. Já tava achando que não ia acontecer nunca. Só espero que sua decisão seja definitiva e se cumpra realmente. Acredito que a maior parte das pessoas que comentam aqui ou que apenas leem os comentários agradece e aplaude a sua tomada de atitude, principalmente eu.

Anônimo disse...

Valeu mesmo, Lola!

Tomara que essa sua atitude se repita com mais frequência e mais comentários masculinistas sejam terminantemente excluídos.

Você não é obrigada a aceitar esses bostas imundos sujando seu blog.

H.P. disse...

Olá,

Sobre as atitudes do Marcos, ninguém parecer discordar que são abusivas. Porém, o que dizer da Emily? Nem todas as mulheres são vitimas e reduzi-las todas a "coitadas" não ajuda na luta das feministas. A Emily não depende financeiramente do Marcos, não tem filhos ou nenhum outro vínculo com ele. Apesar da idade, não pode ser considerada uma pessoa ingênua (vide tudo o que falou/fez no programa). Ela poderia (e deveria) ter dado um basta nisso há muito tempo, isso sim seria uma atitude digna. Se não fez, dentre vários motivos, o principal é porque simplesmente não quis. Pode ser que ela goste mesmo dele, que ache que pode muda-lo, mas acho também que ela percebeu o ganho secundário da situação, ser vista como "abusada", "coitada", "amor mal correspondido", tudo isso gera empatia do público e ela vai continuando no programa (e será a vencedora, com certeza). Não tratem ela como uma pessoa incapaz e vitima dos outros, ela está sendo protagonista, a seu modo, e do modo que ela escolheu para si no programa.

Anônimo disse...

(Viviane)
1) Aqui de boas esperando o cão do mato se pronunciar sobre o indiciamento do cantor Victor Chaves;

2) Rafael Cherem, e as várias mulheres que não têm pai, marido nem irmão para defendê-las, fazem o quê?

titia disse...

17:24 me expressei mal. Quando falei em tapa não pensei numa bofetada pra deixar a cara do infeliz vermelha, mas de um tapinha de nada no dedo dele, tipo quando se espanta uma mosca. Um empurrão naquele dedo nojento que o canalha aponta pra ela, por mais que não doesse nada, faria com que a moça fosse a vilã porque nessa sociedade machista que nós temos homem agredir mulher é normal, é "amor demais", mas mulher se defender de homem abusado é praticamente crime. Jura que você é outro desses que acha que mulher repelir abusador é crime?

E coitado do mascu do mato, não pode mais nem culpar a vítima sem levar a resposta que merece, gente, que dó!

Anônimo disse...

A SOLUÇÃO É O ANARCOCAPITALISMO. VIVA A LIBERDADE.

Anônimo disse...

(Viviane)
Bom, anon de 15h09, afora eu considerar "feminista de direita" uma contradição em termos, nenhuma feminista sensata votaria/faria campanha para uma mulher que não defende pautas feministas. Até Lula, com todos os defeitos inerentes ao gênero+idade, é capaz de defender essas pautas mais do que Marina (mesmo porque ela não resiste a três tuítes do Malafaia).

Anônimo disse...

Texto de Bianca Muller Rubini:

Violência não é entretenimento.

As últimas semanas no Brasil vem remexendo no cerne de questões que infelizmente atingem o cotidiano de toda mulher: abusos.

Vimos um galã da Globo pela primeira vez na história tomar uma punição pública e apoiada pela emissora por conta de assédio sexual.

Mas com essas punições, vem a relativização. Alguns atores saíram em defesa de Zé Mayer. "Ele não merece isso" "já pediu desculpa, o que mais vocês querem?" e "esse tipo de assunto deve ser tratado internamente".

O cantor Victor, acusado de bater na mulher grávida, primeiro negou, depois a chamou de louca e por fim, após imagens do elevador comprovarem, disse que bateu por amor à filha.

Amor não é violência.

Mas ontem algo tomou uma proporção assustadora. No BBB (não quero saber se você detesta BBB, senta e escuta) um determinado casal no programa está em uma relação abusiva.

Os sinais já eram dados desde o começo. Ele não deixava ela beber "pq mulher que bebe é feia" e comentários do tipo "você tem que me ajudar a não desistir de você". Crises de ciúmes crônicas (apesar de ele supostamente estar interessado em outra mocinha da casa).

Mas isso era apenas o princípio. Ele começou a constantemente levantar a voz (e o dedo) para mulheres casa, em especial Emily, sua namorada vinte anos mais nova.

Ontem o negócio desandou de vez. Durante uma discussão boba, Emily entrou na casa. Ele a encurralou na parede e começou a gritar, enquanto a intimidava.

https://twitter.com/problematiza/status/851264509209485312

A cena não parou por aí. O horror se seguiu pelo jardim, onde ele a colocou no chão, a imobilizou e depois começou a chorar, pois ELA estava fazendo isso com ele (discurso típico de manipuladores)

(Detalhe que ele enquanto chora, bate a cabeça dela no chão)

https://twitter.com/lzzoliveira/status/851042516375916544

Existem outros vídeos, mas confesso que não tenho estômago.

A sensação que deu ontem é que se não fosse televisionado, algo mais violento teria acontecido.

A emissora se pronunciou, mas tirou o corpo fora. Perguntaram para Emily, jogando sobre ela a responsabilidade de decidir o que aconteceria com Marcos.

Ela recuou. Ele ficou no paredão com emblemáticos 77%.

Segue seu rumo à vitória deste BBB.

isso diz mais que um reality show. Fala sobre como as pessoas ainda romantizam o abuso, naturalizam o ciúme e teimam em culpar a vítima.

Emily não está sozinha. Luana Piovani viu Dado Dolabella ganhar 2 milhões após ela ter apanhado dele.

Violência não é entretenimento.

O ciclo do relacionamento abusivo é difícil de quebrar. Envolve dependência emocional (e muitas vezes financeira) das vítimas.

Nunca é só a violência. Existe também a perversa ilusão de que ele vai mudar. Existem os momentos bons, existe ele se "arrependendo", existem pessoas ao redor achando normal, existe o medo de ficar sozinha, existe o "ninguém além de mim iria aturar você". Existem filhos. Existe uma mulher sem autoestima.

Por isso o #mexeucomumamexeucomtodas é bem maior que os estúdios do Projac. É no dia a dia.

Por isso não podemos calar diante dos Goleiros Brunos, dos Josés Mayers, dos fulanos do BBB, dos nossos amigos que fazem isso ou se um dia acontecer em nossas vidas.

Chega de romantizar relacionamentos doentios.
Chega de julgar as vítimas.
Chega de ver mulheres morrendo nas mãos de quem as trata como propriedades.
Somos nós por nós mesmas.

Não nos calarão.

Anônimo disse...

dado dolabella ganhou por fraude, foi o "pião" mais protegido daquela edição (a primeira) pela record, não tinha ng mais insuportável q ele

fraude absoluta

Anônimo disse...

Lola, mulher, cadê a política de tolerância zero pros comentários dos mascus?

Os lixos ainda continuam vindo aqui bostejar e a imundície da diarreia mental deles vai ficando...

Anônimo disse...

eu sou misógino pq sofri bullying na escola por ser magrelo, quatro olhos e negro. a maioria das pessoas q riam de mim eram mulheres por isso odeio fêmeas. não tenho culpa de odiar vcs, sou apenas uma vítima da sociedade.

parem de me chamar de mascus pois eu sou a VÍTIMA e vcs só estão me deixando pior me humlhando. eu choro todos os dias pensando em toda opressão que sofro todos os dias por ser beta, negro e pobre.

vai ter mascu atacando feministas sim!!

Rodolfo Abrantes disse...

Me digam minhas queridas feminista qual é a definição exata de vocês para um relacionamento abusivo????

Anônimo disse...

Rodolfo

Seguem alguns vídeos ilustrativos.

https://www.youtube.com/watch?v=V1yW5IsnSjo

https://www.youtube.com/watch?v=I-3ocjJTPHg

https://www.youtube.com/watch?v=xoWx3-4-I_8

https://www.youtube.com/watch?v=yvhCKw6V7n8

https://www.youtube.com/watch?v=khO5V-uZvC4

https://www.youtube.com/watch?v=A5Adq-jVQ1s

Caso você faça parte dos homens que bradam: E os homens? Não são vítimas? Resp: São sim. Menos frequentemente, mas são. Há vários relatos na internet de homens vítimas tb.

Anônimo disse...

20:41 fanfic muito ruim, nota 1

Náy disse...

Amei o post Lola!Também não assisto BBB há muitos anos e concordo com tudo o que vc disse. A Globo seleciona esses doentes para o programa justamente para o circo pegar fogo. E dá certo, pois com tantas polêmicas, até quem não assiste fica sabendo o que está rolando.

Náy disse...

Eu também.

Anônimo disse...

O primeiro caso de agressão em que a agredida discorda que o foi.

Anônimo disse...

"...transar com mulher mesmo com consentimento..."

Imbecil, se não for com o consentimento dela não é transa, é estupro.

Se você tem por hábito agir da forma como marcos age, aprenda: o seu comportamento é abusivo.

Rodolfo Abrantes disse...

Acredito que ele se descontrolou mas não aí já se taxado de espancandor de mulher já é demais.

Ciúmes é algo que ocorre nos relacionamentos inerente a nossa vontade, ele realmente pode ter extrapolado, mas ela também é controladora.

Enfim ele saiu para felicidade das feminista de plantão.

Anônimo disse...

"não for com o consentimento dela não é transa, é estupro."
Isso me pareceu tão obvio que achei que nem precisava cita, mas parece que para toda feminista não existe consentimento em sexo entre homem e mulher.

"Se você tem por hábito agir da forma como marcos age, aprenda: o seu comportamento é abusivo."

Quem decide ela a envolvida, ou o tribunal feminista anti homem? Porque parece que ela não concorda com vocês.

Elvis disse...

Eu também não assisto BBB há muito tempo. Mas vi um vídeo desse Marcos e fiquei horrorizado. Eu não consigo processar como alguém olha aquilo e não vê um abuso explícito.

Ainda bem que saiu da casa e virou caso de polícia.

Anônimo disse...

Ela não acusou ele de agressão nenhuma, ela continua defendendo ele. A saída dele foi contra a vontade dela. Se a mulher nunca puder decidir se está sendo agredida ou não, nunca puder decidir o que ela quer, estaremos tratando-a como uma eterna criança incapaz de saber o que é melhor pra si.

Psy disse...

Lola sua vagabunda filha da puta
vai me pagar mais que 5k
vai me pagar sua vida
sua hora esta chegando
nada vai me impedir de cortar sua cabeça
cada dia sinto mais odio d vc ,vou deixar ele fluir
matar vc vai ser a melhor coisa
que irei fazer na vida

titia disse...

Marmelinho, para de pagar mico. Todo mundo aqui sabe que você morre de medo da Lola. Todo mundo aqui sabe que você é um covarde, que quando a polícia bateu na sua porta você enfiou o rabo entre as pernas, chorou e se agarrou na saia da sua mãe. Todo mundo aqui sabe que você não tem coragem nem de assinar o que escreve. Todo mundo sabe que, qualquer que seja a sua ideia de jerico mais recente, você vai fracassar retumbantemente e todo vão rir de você. Poupe-se de mais um vexame em rede nacional e vá aprender a escovar os dentes - essa sim a melhor coisa que você vai fazer na vida. Pra você e pra coitada da sua mãe.

Anônimo disse...

Não vejo esse programa mas tomara que esse sujeito pague pelo que fez.
Não precisa desligar a tv para não ver o bbb não, a globo não é o único canal de tv que existe, então deixe de alienação.
Minha mãe e minha tia são machistas e viciadas no bbb, não tem jeito rsrsrsrs. É rir pra não chorar.

Anônimo disse...

A mais absoluta verdade.
Infelizmente eu acredito q o machismo só vai diminuir fortemente qnd as mulheres pararem de propagá-lo, pois são as mães muitas vezes q semeiam isso nos filhos e filhas.
Algumas se dizem feministas ou muito modernas mas o filhinho nunca é chamado pra lavar ou louça ou pegar numa vassoura.

Anônimo disse...

Não batam palma pra maluco dançar... deixa ele derramar toda frustração da vida de bosta dele aí.
A Lola toma as providências por todas essas ameaças e um dia ele cai, pq ódio cega e torna burro.

André disse...

Podia rolar um update com a expulsão e essa capa:
https://scontent.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/17883933_827423404063277_7200932709011651993_n.jpg?oh=c177d3f5e5da845232b716e2cc075dda&oe=5996DCE9

Anônimo disse...

Quem estava num relacionamento abusivo era o Marcos. Essa Emily não passa de uma manipuladora. Estressou o cara até o limite da paciência pra ele surtar mesmo. Assim eliminou o mais forte concorrente dentro da casa...

Anônimo disse...

11:46 eis um legítimo defensor de mascu escroto, o q tb te faz um mascu escroto

Anônimo disse...

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/acusada-de-chantagear-assessor-do-deputado-marco-feliciano-jornalista-vira-re.ghtml

gente

Anônimo disse...

Só mulheres fracas se sujeitam a relacionamentos abusivos. O mundo é para os fortes.

Ana disse...

Ah, sim. O Marcos é um homem bom, mas a mulher o provocou e o fez ser agressivo. Seu mascu de merda, ele foi agressivo porque quis. Porque ele é violento.É o mesmo argumento pra justificar estupro. Até quando vamos ouvir esse tipo de ideia covarde que justifica o comportamento agressivo/abusivo dos homens?

Anônimo disse...

Então imagina a situação oposta: o Marcos infernizando a vida da Emily até ela surtar e dar-lhe um tapa na cara, apontar o dedo no nariz dele. Você iria ficar do lado de quem?

Anônimo disse...

17:23 só no mundo da imaginação mesmo, pq na realidade é exatamente o oposto, o papel de abusador sempre fica a cargo dos (h)omens

Anônimo disse...

A situação oposta é a mesma né? Eles têm a mesma força, a mesma idade... Aceite isso: ele é agressivo e bateu nela porque quis. NÃO tem justificativa.

Anônimo disse...

"Não sei o que é pior: ele ser abusivo ou ela continuar com ele"

Já que tu não sabe eu te digo: é ele ser abusivo. Espero ter ajudado.

Anônimo disse...

Sempre negam q demonizam homens mas sempre se refutam kkkkk mulher n precisa de força física, existe violência psicológica ou acham mesmo q só homem é desequilibrado? E quando a mulher quer agredir simplesmente pega algum objeto pra ajudar.
Os dois são desequilibrados! Vcs n viram o programa. Ela infernizou ele direto , manipulava ele, ele n aguentou e surtou, e nem vem com mimimi q estou defendendo o cara, to falando a real.
Se ambos fossem equilibrados isso n tinha acontecido, é a reação do oprimido. Mas sei da hipocrisia de vcs, isso só vale pra mulher, mulher só agride se for agredida primeiro, homem agride de graça.

Anônimo disse...

Dá pra ver que a Emily não tem o menor apreço e respeito por si mesma porque quem tem, não aceita certas coisas de boa. E independe da idade, tem a ver com o temperamento da pessoa.

Aí fica aquela situação: as pessoas fora de casa fazendo comoção e ela, a verdadeira mulher de malandro, chorando pelo macho expulso e colocando pulseirinha preta de luto.

Desculpem a franqueza mas mulher assim cansa família, cansa amigos, cansa todo mundo que tenta ajudar e não raro, quando pegam no pé pra valer, ela vai dar escondido pro camarada.

Diz ela: ele nunca me machucaria, sendo que JÁ machucou.

Diz ela: ele nunca me ameaçaria, sendo que JÁ ameaçou.

Isso de "comigo vai ser diferente" tem nome, é orgulho e muita mulher já morreu por pensar que com ela não aconteceria e que ele jamais faria tais atos, mesmo fazendo reiteradamente.

Mulher é ensinada que 1. relacionamento fracassado é o que termina, 2. o fracasso é sempre culpa da mulher e 3. que a sua abnegação e amor vão resolver tudo, 3. que mulher nasceu pra assumir o problema dos outros como seus, deixando os seus de lado e a si mesma também

Isso é absolutamente doentio, uma ilusão de controle e poder que só favorece o iludido mas é romantizado em verso e prosa, em músicas, em livros, em filmes, em séries, novelas.

É triste mas o que vai acontecer com essa menina é o seguinte:

- ela vai se encontrar com ele escondido
- eles vão se assumir
- vai todo mundo se afastar dela
- quando ela estiver isolada e afastada as agressões vão começar a pesar (porque ela não bota o limite e o agressor sempre testa o terreno antes de partir pra próxima etapa)
- família não vai querer saber mais porque cansa, você ajuda e a pessoa volta, você ajuda de novo e ela volta de novo
- quando o isolamento for completo ela vai começar a apanhar
- nas primeiras vezes a família vai se comover, depois não
- ele vai pedir desculpas, falar que nunca mais vai acontecer e ficar bonzinho um tempo (o período da lua-de-mel)
- e depois as agressões recomeçam

E no meio-tempo ainda pode rolar uma gravidez, porque é assim que mulher acha que se coloca juízo na cabeça de homem (mentira) e é assim que homem acha que prende mulher (verdade).

Esse Marcos tem uma ação de danos morais contra si, vinda de umA funcionáriA, foi expulso da residência médica por ROUBAR TOALHAS, não é cirurgião plástico habilitado a atuar e não tem medo de câmera.

Duvido demais que essa história vai acabar junto com o BBB.

Anônimo disse...

Engraçado esse pessoal falando "olha o tamanho do Marcos e olha o tamanho dela"...Ué, mas não são vocês mesmas as primeiras a dizerem que a violência não é só física? Que até levantar a voz (contra uma mulher, é claro...) também é violência? Um tapa na cara de um homem também é violência. Pode não deixar marcas, mas a humilhação é a mesma que uma mulher sente ao ser agredida. Xingamentos, palavras depreciativa, humilhações (inclusive com referências à masculinidade) são muito comuns por parte das mulheres. Aliás, pesquisas mostram que, no âmbito doméstico, as agressões das mulheres são muito mais comuns do que as dos homens, mas quando se fala nisso, aí vem de novo o "argumento": ""ain, mas quando a mulher bate não machuca..."

Anônimo disse...

Vai lá. Continua defendo a "fragilidade" dos homens que são desastabilizados pelas as mulheres, coitados. É a mulher que faz com que eles se tornem maus, violentos... Elas provocam né? Seu burro, o opressor é o Marcos. Ele tem mais força, mais idade, maior capacidade de defesa.E outra: ele teve escolha. Poderia ter se afastado dela, já que ela o infernizava. Mas ele preferiu agredir, torturar, ameaçar. Se vc continuar achando que ele é vítima, vão se fuder vcs dois.

Anônimo disse...

Ah, que dó de macho que sofre violência dosméstica. De onde vc tirou essa pesquisa, querido? Foi de algum Chan? Porque no mundo real, grande parte das mulheres são mortas por seus companheiros, conhecidos. Muitas são agredidas por se não querer se relacionar com o cara. Acontece muito em balada, carnaval. Já viu mulher agredir homem porque levou um fora na balada? E o contrário? Já viu? Estudar faz bem.

Maria Caladora disse...

Eu também não estou assistindo a essa edição do big brother,pois já cansei de ser enganada pela globo pelas manipulações e interferências cada vez piores e mais evidentes nas edições desde 2008,no entanto,não tem como ficar blindada desse programa,pois basta acessar a alguns sites de notícias e entrar no twitter pra ficar pro dentro do que está se passando,já é o segundo ano que não assisto e mesmo assim fico sabendo mais ou menos o que se passa e quem são as pessoas lá dentro graças a internet.

Quanto a esse Marcos,bastou assistir alguns trechos do programa na primeira semana pra ver que ele é um misógino de marca maior,incrível como não me engano.
Isso ele deixou claro logo no começo do programa,primeiro com suas avaliações escrotas a respeito da aparência física das mulheres da casa como se ele fosse algum Deus grego,coisa que ele está longe de ser,segundo pelo comentário totalmente abusivo que ele fez a respeito de algumas participantes,a qual segundo ele,iria ver nas páginas das revistas de nudez,como se toda mulher entrasse no programa com esse objetivo e como se todo o corpo feminino tivesse que estar nu e objetificado em alguma publicação para bel prazer de um punheteiro maldito, terceiro pela insistência dele em beijar Emily numa das primeiras festas,puxando ela pelo braço e tentando forçar a situação,causando inclusive reclamação de assédio por parte da moça,quarto pelo aparente despeito dele no fato de algumas moças jovens de vinte e poucos anos da casa em quererem se relacionar com rapazes da faixa etária delas de vinte e poucos anos também,ao contrário dele que já tem quase quarenta e a partir disso ele fez aquelas considerações tipicamente machistas sobre como mulheres amadurecem bem mais rápido que os rapazes de sua idade e por isso deveriam estar com homens mais velhos; aquela típica desculpa de homem mais velho querendo se engraçar pra cima de moça nova; acho que no fundo ele tinha um pouquinho de razão,visto que as moças de vinte e tantos anos da casa eram todas mais equilibradas e amadurecidas do que ele.

Anônimo disse...

"Ah, que dó de macho que sofre violência dosméstica. De onde vc tirou essa pesquisa, querido? Foi de algum Chan?"

Então...Sabe o Google? Joga lá, que você acha...

"E outra: ele teve escolha. Poderia ter se afastado dela, já que ela o infernizava. Mas ele preferiu agredir, torturar, ameaçar."

Então...Partindo desse princípio, uma mulher numa relação abusiva também pode se afastar...

Maria Caladora disse...


Agora,a rede globo não me convence de seu bom-mocismo,a emissora golpista é podre nesse aspecto,pois logo vi que precisaria alguma entidade pública intervir no caso para que a emissora reconhecesse a agressão e parasse de querer lucrar as custas da desgraça das mulheres, pois essa não foi a primeira vez que Marcos agrediu Emily, pelo contrário,não fosse uma delegada exigir satisfações da Globo,este agressor seria premiado pela população brasileira e sairia de lá como o grande vencedor quinta feira.;isso porque no domingo anterior ele não apenas tinha encurralado e apontado o dedo na cara de Emily,como também adotou essa postura agressiva pra cima de Ieda e Marinalva,apontando o dedo na cara delas e falando cara a cara em uma postura claramente intimidadora e com o intuito de ameaçar.
A,própria Marinalva, que não possui uma perna,admitiu na Ana Maria Braga que sentiu-se ameaçada com o comportamento dele.
E o que a tv globo fez? Nada! O maluco se quer teve sua atenção chamada,tudo isso se passou como 'normal',foi naturalizado pela emissora um homem esbarrando propositalmente em mulheres e enfiando um dedo no rosto delas.
Por isso insisto,que não fosse a delegada intervir e salvar a edição,a Tv das organizações Globo teria deixado a violência contra a mulher passar em branco.


:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

André 17:04, que comentário bosta hein?
Quer dizer que a própria agredida não tem o direito de se indignar com algo que se passou com ela?



E o patriarcado está mais vivo que nunca né?
Incrível como tem gente nos comentários querendo responsabilizar Emily de alguma maneira pela agressão, pior de tudo é lembrar que nas redes sociais pelo menos metade das pessoas que defendiam esse homem eram mulheres.

Ana disse...

Que tristeza que dá ler comentários de pessoas defendendo Marcos, dizendo que ele é a grande vítima, e a Emily a opressora. Como se não bastasse Marcos ser mais velho, ter mais força física, ser violento, ameaçando inclusive outras mulheres na casa, ele ainda tem a seu favor uma sociedade que o apoia. Uma sociedade que demoniza a mulher, que romantiza a violência doméstica e que justifica - e até exalta- o comportamento abusivo dos homens.

Sinceramente, isso aqui tá igual a caixa de comentários da Uol. E não adianta argumentar com esses mascus, não. Lola, vc poderia nos poupar desses comentários que dizem que Marcos é a vítima, que homens são as grandes vítimas da violência doméstica. Eles não querem discutir. Querem derramar aqui seu ódio pelas mulheres e sua alegria por mais uma ter sido agredida.

Unknown disse...

Falsa simetria, a gente vê por aqui. Vamos usar o termo mais amado pelos machistas punitivistas: quem dos dois, potencialmente, pode causar mais dano? Quem dos dois mais intimidou outras pessoas da casa? Mas o que vale mesmo é punir a mulher, sempre, em qualquer relacionamento.

Leka disse...

"Aliás, pesquisas mostram que, no âmbito doméstico, as agressões das mulheres são muito mais comuns do que as dos homens, mas quando se fala nisso, aí vem de novo o "argumento": ""ain, mas quando a mulher bate não machuca...""

-------
Do Instituto de Pesquisa As Vozes me Disseram um monte de merda! XD

Anônimo disse...

Cuido de uma pessoa que é viciada em Big Brother, paga o pay per view inclusive, então mesmo não querendo a verdade é que eu sei tudo de big brother também.

O que o Marcos fez é abjeto e isso não se discute. Só que a gente não pode deixar de lado que, levando-se em consideração que agressão não é só tapa, a Emily se comportou de maneira bastante abusiva com ele durante sua permanência na casa. Ela levou a paciência não só do Marcos mas de todo mundo ali no limite e como ele era o mais próximo, acabava virando alvo das sandices da garota. Uma hora ele cansou e começou a engrossar mas ela também não é uma pessoa de muito limite para as coisas, o dia inteiro buzinando na orelha, eu não aguentaria 4 minutos de Emily na minha vida sinceramente.

A Vivian é uma pessoa muito melhor, muito mais madura e na dela só que isso não aparece na TV aberta, é só quem tá pagando que vê. Ela merecia muito esse prêmio. Mas a sociedade gosta de premiar coisa que não presta, infelizmente. Estão "premiando" o médico com mil defesas e vão premiar a Emily porque desde o comecinho o foco do Mr. Edição foi nela. E o prêmio que ela vai dar a si mesma é ficar com o benzinho em um relacionamento de baixa qualidade mas francamente? Quem assistiu ao programa sabe que eles se merecem por completo.

Anônimo disse...

Comum. Aliás, se mulheres não forem machistas, "nenhum homem vai te querer".

Pequenino disse...

Primeiro a escolha é toda dela. Não é meu corpo, minha regra? Ela escolheu com quem ficar na casa! E se ele fosse tão ruim assim, porque ela corria atrás dele? Por que os agressores tem mais oportunidades com as mulheres? Por que quando ele a agrediu ela foi correndo transar com ele? Por que caras educados, de caráter são desprezados? Ele é alto, loiro, tem olhos claros, é forte. Isso é tudo? Sim! Meu corpo, minhas regras! Mas até as regras precisam de critérios, se regras são feitas de maneira displicente, depois até a reclamação perde sentido.

Anónimo disse...

É antigo mas vou falar....PQP vai ser mentiroso assim na PQP meu se vc estivesse assistindo de vdd saberia que a Emily é uma egolatra, manipuladora,briguenta, e o Doc era um cara que sempre segurou a onda, sempre brincalhao durante 2 fucking meses,até essa anta briguenta da emily brigar com o mamãO que jah nao aguentava ela (como O RESTO DA CASA) ele nunca chegou a agredir ela, encurralou sim a Emily quando estava bebado por causa da festa pq essa louca conseguiu ficar provocando a briga desde o começo dela, assistam o video inteiro pra FALAR. E ele NUNCA bateu nela entao nao sei pq tanto alarde, ele chegou no limite do limite de encurralar ela e ficar daquele jeito, mas tanto eh que se arrependeu e ficou chorando aquele choro de bêbado fora da casa....flws,to sem vontade nenhuma de ficar explicando o óbvio,abraços

titia disse...

"Ela provocou" é, literalmente, a mais velha desculpa de macho abusador pra própria babaquice. Podem esquecer que aqui isso não cola, seus fudidos.