segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

POR QUE TEMOS DE FALAR DE BBB?

Imagino que esteja claro que detesto Big Brother Brasil, que não assisto essa droga, não acompanho, não me interessa, e não sei como o programa sobrevive, se eles já tinham jurado que o 15 seria o último.
Nada disso importa. Porque, independente da minha opinião sobre BBB ou minha vontade (nenhuma) de falar sobre o programa, independente do BBB ter sua audiência mais baixa, ainda assim é televisão, e todo mundo está falando de BBB. Então as cobranças pra que eu fale de BBB são imensas.
Este post, portanto, será uma espécie de open thread pra vocês falarem de BBB. Ou pra vocês falarem que também odeiam BBB. Eu não vou passar a acompanhar BBB nem que a vaca tussa. Aceito guest posts de pessoas que vejam esse programinha, mas eu me informei o mínimo possível (que é bem pouco mesmo) pra poder redigir uma introdução.
Parece que amanhã haverá um paredão entre dois participantes, Ana Paula e Laércio. Já tinha ouvido falar nos dois (é inevitável!). 
Laércio é um designer de tatuagens que vive em Curitiba e tem 53 anos. De cara, assim que seu nome foi anunciado, várias internautas afirmaram que ele era "um pedófilo". Numa conversa na casa, ele disse: "Eu gosto de uma novinha. O problema é que pra mim só aparecem novinhas mesmo, tipo 17, 18, 20 anos. [...] Mulher gosta de homem mais velho e homem gosta de mulher mais jovem". 
Fiquei sabendo da existência de Ana Paula, 34 anos, de Belo Horizonte, formada em jornalismo, sustentada pelo pai, quando ela deu essa desastrosa declaração: "Eu era muito feminista. Mas acho que o mundo tem que ser machista. Acho que a mulher pode levar o café da manhã na cama, e o homem fazer seu papel de provedor. A mulher está muito pra frente e os homens estão ficando cada vez mais bobos. Não estou atrás de direitos iguais. De jeito nenhum".
A julgar pelo relato de um jornalista que foi sondado para participar, a opinião machista e retrógrada da "sister" é regra, não exceção. A irmã de Ana Paula a defendeu, como não podia deixar de ser: "Viemos de uma família tradicional e a vontade de se casar e viver inteiramente para o seu lar sempre foi um sonho pra ela". 
A essa altura, imagino que vocês já tenham concluído que a Globo não vê nada de mais num senhor considerar "natural" homens mais velhos, na casa dos 50, saírem com "novinhas", ou numa moça afirmar que "o mundo tem que ser machista". Esses dois seres humanos foram colocados na casa justamente por pensarem assim. 
E os psicólogos e roteiristas e produtores do BBB torciam para que esses dois (e tantos outros) brigassem. E sabiam que a gente iria falar deles.
Pelo que entendi (e corrijam-me à vontade nos comentários), o estopim da discórdia foi Laércio ter urinado no chão do banheiro e se recusado a limpar. Depois, foi Ana Paula ver Laércio olhando para outras participantes durante a festa de sexta.
Mais tarde, ainda no mesmo dia (?), Ana Paula viu Laércio dormindo de cueca e foi acordá-lo, exigindo que ele se vestisse: "Ninguém é obrigada a te ver, um velho nojento fedido de cueca!". Ela diz que, ou ele se veste, ou ela vai pedir para ir embora porque tem um "velho nojento que ninguém suporta pelado no meu quarto". 
Depois, ela chama Laércio de "pedófilo" para os outros participantes, pois, para ela, pedófilo é quem fica com menor de idade (aqui tem vários vídeos, se algum masoquista tiver paciência). 
Laércio agora quer processar Ana Paula por ter atingido sua honra, pois a acusação de pedófilo teria sido "pesada demais": "Eu tenho o maior nojo do mundo [de pedófilos]. Para mim, todo pedófilo merece morrer". 
Porém, ontem o jornal O Globo publicou este trecho numa matéria:

"Lamber" e "beijar todo o corpo" de uma menina de 15 anos enquanto ela está desacordada é estupro, mas não é pedofilia. Pedofilia é sexo com crianças, abaixo da idade de consentimento, que no Brasil é de 14 anos. (Mas leia este guest post para entender como é difícil um relacionamento de uma adolescente com um homem muito mais velho).
Ontem ou hoje foi a vez de um jornalista esportivo (creio que é esta a definição) dar sua opinião sobre a treta no BBB e ser criticado. 
Ano passado eu me envolvi indiretamente com o BBB ao receber vários relatos sobre um dos participantes ser um stalker. Fui acusada de "querer aparecer" (típico) e até de receber dinheiro (essa foi nova) para "queimar" o cara. Ah, eu tenho cópia do boletim de ocorrência e da decisão judicial que determinou que o participante do BBB deveria manter no mínimo 500 metros de distância da vítima que ele perseguiu durante dez longos anos.  
Desta vez não tenho prova nenhuma, nem recebi relato de alguma vítima de Laércio. Então só estou narrando aqui o que aconteceu no programa. Um programa, aliás, que odeio. Que não traz nada de bom. 

177 comentários:

Anônimo disse...

Esse cara é um escroto, mas ele não vai sair e ela vai ficar como louca, ela vai ser vítima do próprio machismo.

Anônimo disse...

De fato tem mulher que adora um coroa mas o que um coroa quer com uma jovem de 15 anos?
uma pessoa que tem idade pra sua filha.

Anônimo disse...

Mulher gosta de coroa pq mulher é ensinada a aceitar qqr bagulho que vier, sempre vi mulheres se descabelando por qualquer tipinho de homem, aceitando as maiores humilhações e isso só pode ter uma explicação a baixo estima.

Anônimo disse...

Minha mãe me perguntou a pouco: Quem você acha que vai sair do BBB? Respondi que não sabia e que me sentia incapaz de fazer tal julgamento. Li o teu texto pra tentar clarear as ideias mas eles (tanto o Laércio quanto a Ana Paula) parecem ter semelhanças muito ingrimes, que um não aceita no outro, mas continuo sem saber o que achar desses dois. Concordo contigo sobre o teor do programa e também concordo em relação ao fato deles terem ido ao paredão juntos pra dar esse bafafá "do que ter o que falar"

só observando o circo pegar fogo disse...

O cara não é pedofilo, e esta acusação dela pode render um processo contra ela.

Gostar de novinhas desde que acima da idade do consentimento não é pedofilia.

Fazer sexo com mulheres/adolescentes acima da idade do consentimento de forma consentida não é estupro e nem pedofilia. pode ser estranho, feio, etc, a diferença de idade pode ser enorme, ele pode ter a idade de ser pai, avo, mas não é crime

Obviamente pode-se criticar o gosto dele, mas o que ele fez em relação a isto não é crime.

Contudo, se ele embebedar mulheres isto é passivel de crime e abuso de incapaz se for provado que a mulher não tinha condições de oferecer consensualidade (infelizmente dificil de provar).

Porém oferecer bebida para menor de idades é crime e nisto ele pode ser processado por este fato.


Inclusive está acontecendo uma banalização da pedofilia justamente pq para um grupo de pessoas qq coisa é pedofilia e isto, na minha opinião, é muito negativo, a banalização é um passo para deixarmos insensiveis, é o mesmo dilema da fabula do menino que gritava 'lobo'.

Fui abusada qdo criança, aquilo foi estupro, pedofilia, que levei muito tempo para me achar, ao ver qq relação com menores de 18 anos (mesmo as consensuais) sendo taxadas de pedofilia é deslegitimar o que aconteceu comigo, espero que sejam mais cuidadosos e direcionem os esforços para os reais culpados

Anônimo disse...

Vish lola, ficou bem nitido que vc fez esse post por obrigaçao.
O que é super compreensível.

Acompanhei essa briga pq uma pagina feminista do facebook tomou partido da Ana Paula.Primeiro que namorar uma menina de 19 anos nao é considerado pedofilia, e segundo que fazer essa acusaçao sem nenhuma prova é gravissimo. Vai dar processo. Ela nao se incomoda com outros homens andando de sunga pela casa, mas um senhor de 53 anos nao pode, é atentado ao pudor. Uma moça que diz que nao quer direitos iguais...o mundo da voltas ne keridinha?

Rafael Cherem disse...

Uma coisa que me chama atenção nesse programa é que os participantes não comentam nada, mas nada mesmo sobre suas preferências politicas e até esportiva. Quanto ao problema ali, a moça pegou pesado,não deve ser sem motivo.

Gigi disse...

"Porque temos que falar de BBB"?
Poxa, pergunta difícil. Ali, se eu pudesse, votaria para que os dois saíssem.

Anônimo disse...

A emissora faz levantamento criminal dos participantes, se ele estivesse sendo acusado de estupro não estaria la, esta noticia e fake, e já parou para pensar que elas bebberam e transaram com ele porque quiseram?Quem bebe e inimputável? Se transar, matar, roubar, batero carro bêbado não pode ser responsabilizado por nada?
Eu estou falando bêbado não inconsciente, o que e bem diferente.
A questão não e culpa mas sim consentimento, e aluguém de 18 anos matar alguém ele responde por isto não interessa se acabou de sair da adolescência, e uma mina de 17/18/19 anos consentir transar com um cara de 30/40/50 e a mesma coisa se ela consentir transar com um de 20,
O que eu percebo no discurso de muitas aqui e o pré conceito com pessoas mais velhas e com mulheres/homens que se relacionam com pessoas mais velhas .

Anônimo disse...

Ela chamou ele de podofilo,ele disse que fez sexo com uma garota de 19 e outra de 17 por livre espontânea vontade delas, onde tem crime ai? Pedofilia e fazer sexo com menores de 14 anos.

Se fosse um moleque piranha de 21 anos será que ela falaria isto também?
Ele deveria e meter um processo nela por calunia e difamação.
E outra ela tava outro dia de calcinha e sutuã na piscina em vez de bikini e quer falar o que para o cara poe ele estar dormindo de samba canção? O outro saradão vive de sunga para baixo e para cima e ele não fala nada porque?

Anônimo disse...


"De fato tem mulher que adora um coroa mas o que um coroa quer com uma jovem de 15 anos?"
O mesmo que uma jovem de 15/16/17 anos quer com um coroa, sexo horas.

Anônimo disse...

"Mulher gosta de coroa pq mulher é ensinada a aceitar qqr bagulho que vier"

Se fosse um moleke piranha de 20 e poucos chapado noiado você falaria a mesma coisa ou e só ´pré conceito com homens mais velhos?

Anônimo disse...

Não tem coisa mais machista e nojenta que homem hétero de meia idade ou velhote como e o caso ai correndo atras de meninas novas.
Homem já é o ó, mas ate que se for novinho bonitinho e não muito machista ainda dá ´para relevar algumas coisas, mas depois que passam dos trinta e cinco por exemplo eu não aguento olhar para eles quanto mais ficar no mesmo ambiente.

Anônimo disse...

Tb percebo esse preconceito com pessoas mais velhas, uma mocinha dizer que gosta de um coroa é ok, o contrário não? Pode isso produção?

Anônimo disse...

Aham falsa simetria né, já que homem velho ainda se acha no direito de escolhar já as mulheres tem que aceitar qqr coisa. E não me venha dizer que o que estou falando é mentira

Anônimo disse...

Um cara que se diz adepto do poliamor com duas meninas de 16 e 17 só pode estar mesmo pagando pra transar, minha opinião.
E não duvido nada que ele seja um estuprador, tem que falar mesmo, mania de não querer sujar a imagem de homem.

Anônimo disse...

" Depois, foi Ana Paula ver Laércio olhando para outras participantes durante a festa de sexta."

A mina ta rebolando quase nua na frente de um homem e quer que ele olha para o outro lado?
Os outros novinhos também estavam olhando e ai? Porque não deu piti com eles também? A verdade e que as pessoas acham e exigem que depois dos 40 as pessoas se tornam assexuadas.

Mila disse...

BBB é um programa de formato falido e antiquado. Ultimamente, sobrevive das polêmicas que produz (estupro, racismo e agora o caso atual). Os participantes são escolhidos para tretar por isso, a produção, que não é boba, sabe que o povo ia falar das polêmicas.
Ana Paula é uma prova viva de como as mulheres perdem ao defender o machismo. Basta pisar fora da linha, pronto, "ela é louca". Adivinha quem está defendendo ela? As feminazis.
É claro que ela ser machista não tira a razão dela reclamar deste homem. O comportamento dele coroa-ninfeta sempre foi aceitável. Sempre foi aceito como natural que a mulher seja mais vulnerável ao homem (economicamente, socialmente, sexualmente). Ao homem cabia ser provedor, mais experiente. Basta ver os chiliques que acontecem em relacionamentos fora desse padrão: mulheres mais velhas que homens ou que ganham mais que eles.
A gente não pode afirmar que o sujeito é pedófilo, como a Lola salientou, o crime de pedofilia ocorre com jovens fora da idade que ele citou.

Anônimo disse...

Mais uma treta do BBB que novidade.

Bom esta tal de Ana Paula, depois de entrar neste tal de BBB porque ela quis, e sabendo como aquilo é, e fazer este comentário machista que ela fez, o que acontecer com ela ali e problema dela.

Quanto ao caso da garota, com coroa este isso precisa ser investigado, se provarem alguma coisa, a ele os rigores da lei.

Anônimo disse...

"Ninguém e obrigado a ver um velho nojento fedido de cueca"
Disse ela>
Mas e isto aqui, porque ela não falou nada?
https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xfl1/v/t1.0-9/12669540_208821832801139_2710167980141980293_n.jpg?oh=93f9cd876774c803bb91372173423a03&oe=57262F72&__gda__=1464050032_a66390d1712d02c925e7e11161a43759

Jonas Klein disse...

Quanto ao BBB esse sem comentários.

Sobre declaração machista da Ana Paula, uma mulher assim comigo não tem a minima chance, eu nunca fiz o papel de provedor de mulher nenhuma e nunca vou fazer também.

Por sinal para mim mulher que arruma homem para banca ela eu já disse o que, uma Prostituta.

Anônimo disse...

15:17 cê tá confundindo alhos com bugalhos.

Uma pessoa que bebe, sabendo que vai dirigir e sabendo, antes de beber, que beber e dirigir é infração gravíssima e crime de trânsito o faz pq quer. Alguns juristas usam como justificativa para a transformação do crime em hediondo pq ao beber a pessoa sabe que suas capacidades serão danificadas e escolher dirigir nesta situação a faz assumir o risco de matar.

Completamente diferente do estupro de vulnerável, onde quem está bêbada é a vítima. Alguém, ao saber que a vítima está com suas capacidades mentais alteradas a ponto de não permitir, especialmente as vítimas que estão desacordadas, e faz sexo com ela mesmo assim está estuprando-a. É simples. Beber não é crime.

Anônimo disse...

Que conveniente. Daniel, que é o atual líder, estava defendendo Laércio nessa situação toda. E olha o que ele falou ontem
http://gente.ig.com.br/tvenovela/2016-02-01/daniel-acusa-ex-bbb-de-ser-conivente-em-caso-de-estupro-e-gera-revolta.html

Lembram do caso do estupro no BBB? Daniel disse ontem que foi culpa da Monique. O mesmo carinha que está defendendo o Laércio agora.

A Ana Paula tem que ficar. Se ela for eliminada pelo Laércio esses caras vão achar que estão certos.

Anônimo disse...

E se os dois estiverem bêbados?

Anônimo disse...

Sinceramente, vamos parar de dar audiência para esse programa ridículo. É justamente o que eles querem: polêmica, pessoas comentando. Isso dá audiência pra esse programa, instiga as pessoas a assistirem. Acho que o melhor a fazer é nem esticar mais isso. Entendo a tua postura Lola sobre o artigo de hoje só não entendo a do pessoal que te pede pra falar sobre isso.

Anônimo disse...

Anonima das 16:02

"Completamente diferente do estupro de vulnerável, onde quem está bêbada é a vítima"

E por ai mesmo, por isso eu acho que a lei deveria ser mudada de novo, colocar na lei que relação sexual com pessoa sob efeito de bebida alcoólica independe-te da quantidade, e estupro de vuneravel e pronto, ai nos vamos ter uma lei realmente objetiva.

Anônimo disse...

"Ela nao se incomoda com outros homens andando de sunga pela casa, mas um senhor de 53 anos nao pode, é atentado ao pudor."

A casa tem uma piscina. É normal homens andarem de sunga na casa. O fato é: Laércio estava de cueca deitado no quarto em que ela dorme DEPOIS festa de ontem que ela ficou fazendo GESTOS OBSCENOS pra ela e a olhando com cara de tarado. Essa é a razão do incômodo dela e não apenas porque ele é um "velho". Apesar de ela ter gritado isso na hora a situação tem um contexto por trás.

Anônimo disse...

CORREÇÃO
*que elE (Laércio) ficou fazendo GESTOS OBSCENOS

Valéria Fernandes disse...

Lola, obrigada por clarificar que o sujeito não pode ser acusado pedófilo somente com os dados até agora. É complicado - e penso sempre no confisco da autonomia dos adolescentes - querer enquadrar adolescentes para além da idade de consentimento como crianças. A maioria dos textos que me chegaram, de outras páginas feministas, trabalham nessa linha da pedofilia, mas, aqui mesmo, houve excelente post sobre a questão.

Enfim, o sujeito é assumidamente estuprador e oferece álcool para menores, outro crime. De resto, não tenho nenhuma vontade de tomar posição nessa bagunça, ainda que fique meio evidente que estão jogando sobre a moça todos aqueles estereótipos de gênero. Ela é a mulher louca e desequilibrada. Por outro lado, o tal Daniel, líder da semana, foi jogado no olho do furacão, já que tornou-se o principal defensor do tal Laércio evidenciando aquele conceito das feministas marxistas dos anos 1970: a classe dos homens tende a se unir. De resto, amanhã saberemos quem fica e quem sai.

Patty Kirsche disse...

Bom, o cara mija no chão e se recusa a limpar, fala abertamente que gosta de se relacionar com adolescente e ainda quer ficar exibindo o corpo de cueca... Só dele ter aparecido de barba azul já foi bem simbólico, né? O predador de mulheres.

Eu soube que essa moça havia falado besteira sobre feminismo, mas parece mais ignorância que qualquer outra coisa. Pelo menos ela reparou que o cara é um predador de mulheres, ainda que não tenha usado o termo juridicamente mais apropriado.

Então seria legal que ele saísse, mas acho difícil. A tendência do povão é sempre defender o cara.

A Globo está interessada em colocar essas mentes retrógradas na casa pra criar identificação com o público. Afinal, quem assiste TV ainda no Brasil? Ainda mais BBB... Eu sei que tem uma galera ativista que acompanha, mas deve ser por masoquismo mesmo.

Anônimo disse...

Bom, tomara que ela tenha aprendido: validadora estúpida querendo pagar de exceção pra mascu vai SEMPRE se foder. Sempre. Talvez aprenda depois dessa.

E eu tô vendo aqui um monte de mascu vir defender um sujeito que drogou e estuprou uma MENINA de 15 anos, e esse velho abusador quer processar a mulher dizendo que ela o "difamou"? Que "maculou a sua honra"? Homem abusador é um troço asqueroso, quer abusar, molestar e estuprar mas dá chilique quando jogam na cara dele que ele é um abusador nojento e se indignam todos se a vítima reage ou recusa o assédio. Se pudesse eu castraria todos com pinças industriais.

15:39 olhar é absolutamente ok. Nojento é ficar olhando fixo, como se a mulher fosse um pedaço de carne na vitrine do açougue com cara de quem quer arrastar a mulher pro mato e estuprar até a morte. E antes que você diga que as mulheres fazem o mesmo, vá a um clube de mulheres e pergunte aos dançarinos se eles se sentem mal com o olhar das clientes.

15:24 um novinho noiado, machista, agressor e galinha também é um traste qualquer cujo lugar é no depósito de lixo nuclear, junto com velhos abusadores, donzelões tarados, encoxadores, cabaços misóginos distribuidores de revenge porn e mascus como você.

Anônimo disse...

Aqui a prova

https://twitter.com/ErikinhaArauj/status/693989572129202176

Anônimo disse...

A Globo manipulou na edição. Passaram como se o Laércio olhou 2 segundos pra Ana Paula e ela começou a dar chilique. Não foi assim que aconteceu.

Aí juntou com a maioria das pessoas lá dentro dizendo que "Laércio é tarado mas a Ana Paula exagerou" e está pronta a crucificação dela como "a histérica".

Anônimo disse...

Ok. Mas os rapazes mais novos tbm andam de cueca e tbm olham as meninas dançarem. E em momento nenhum vi ela reclamando disso. Pra mim ela é uma baita duma preconceituosa que acha que só pq é velho que o cara nao pode ter desejo por mulher nenhuma. O que foi ela batendo no peito fazendo escandalo. Agressao fisica pode?se sou eu pedia expulsao na hora, nao sei como deixaram passar batido

Anônimo disse...

Enquanto uns se preocupam com paredão do BBB outros se preocupam com as primárias nos EUA. A humanidade é fantástica

Anônimo disse...

http://edition.cnn.com/2016/02/01/europe/germany-teen-migrant-rape-false/index.html

"Berlin teen admits fabricating migrant gang-rape story, official says"

(cadê o cara compartilhando notícias de estupros falsos no outro post? será que ele vai compartilhar essa por aí? OPS)

Anônimo disse...

Ela vai sair e tá todo mundo falando mal dela, falando que tem novinha que gosta de velhote mesmo.
Esse Laércio é nojento e merece ser cuspido pra fora, jamais sentiria tesão por um velho desses

Anônimo disse...

Se tiverem tempo, vejam esse video depois: https://www.youtube.com/watch?v=uAVJIrGJ7yg

Eh uma jornalista dizendo que a onda de estupros é porque hoje o mundo està muito feminino, e os homens nao sao masculinos suficientes para protegerem as mulheres.. gente, é tant absurdo que nao sei nem por onde começar...

triste

Anônimo disse...

/\ Por isso tá cheio de lésbicas estuprando umas as outras por aí, culpa do mundo muito feminino!

Anônimo disse...

19:03, é uma menina de 16 anos falando merda num vídeo longo demais..
Ela que fique esperando os homens protegerem as mulheres. Já tá grandinha pra acreditar em conto de fadas.

Anônimo disse...

Texto da Nádia Lapa sobre o assunto

http://www.nadialapa.com/tiago-leifert-bbb-e-a-cultura-do-estupro/

"É nos ombros dela que recai toda a obrigação de se manter “segura”. Puro mito: não há nada que uma mulher possa fazer para se livrar de violências sexuais, pois vivemos numa cultura do estupro. Muitos acham o termo absurdo. Afinal, se abominamos tanto tal crime, como poderíamos alimentar uma cultura que o normalize? Pois o fazemos.

Cultura do estupro é “um complexo de crenças que encoraja a agressão sexual masculina e apóia a violência contra as mulheres. Na cultura do estupro, as mulheres sentem constante terror da violência que vai desde comentários sexuais, ao toque indesejado, culminando com o estupro em si. A cultura do estupro reitera o terrorismo físico e emocional contra as mulheres e apresenta isso como norma“."

Anônimo disse...

PRO PESSOAL QUE ACHA QUE É MENTIRA

http://f5.folha.uol.com.br/televisao/bbb16/2016/02/10000043-nas-redes-sociais-laercio-curte-paginas-de-armas-supremacia-racial-e-a-valentina-do-39masterchef39.shtml

ELE SE ASSUMINDO EFEBÓFILO AÍ

Anônimo disse...

Eu acho que a ana paula exagerou quando brigou com ele, mas não defendo ele de maneira alguma. O cara aparece na câmera todo fodão e chega na casa é todo frouxo. Não que o problema seja ser frouxo, acho que a pessoa tem que mostrar quem ela é de verdade

Anônimo disse...

Se a moça é machista por qual motivo ela acha o comportamento do cara ruim?

Anônimo disse...

Cara pessoas machistas independente de serem escrotas também reclamam sabia? Fala direito, porque faz uma pergunta se pode dizer que por ela ser machista não tem moral pra reclamar? Parece alienígena.

Anônimo disse...

"Se a moça é machista por qual motivo ela acha o comportamento do cara ruim?"

Pois é. Deveria estar achando normal, né? Quem está defendendo ela agora? As feministas.
Os machistas e as machistas querem escurraçar a "maluca que implicou com o pobre omi inocente".

Anônimo disse...

Não tem moral pra reclamar de comportamento machista, ué. Achar que tem o direito de ficar encarando e gostar de mulheres quase trinta anos mais nova não é uma cultura machista? Machismo só é bonitinho quando diz que o homem deve sustentar a mulher?

Anônimo disse...

Não to vendo ninguém defendendo ela, o laércio se queimou com o pessoal e causou mais polêmica

Anônimo disse...

"Machismo só é bonitinho quando diz que o homem deve sustentar a mulher?"

Tem mulher que acha que machismo é ter as contas pagas, as cadeiras puxadas, a porta do carro aberta. Vivem num conto de fadas, as coitadas, esperando um príncipe provedor.
As evangélicas adeptas da submissão pensam assim. Deus vai enviar um varão honesto e trabalhador pra ser o chefe da família e elas serão felizes donas de uma casa com uma cerquinha branca.

Isso se chama lavagem cerebral e burrice.

Anônimo disse...

E vão viver felizes pra sempre. Esqueci de dizer.

Bruna disse...

O que eu gosto do programa, é ver a reação do público com o que acontece lá dentro. É um termômetro de como o país pensa e em situações como esse paredão, onde a Ana ta cotada pra sair, me dão ânsia. país machista!
qd eu vi a declaração dela, achei contraditória, pq até então, tudo q ela havia mostrado era de uma personalidade super feminista. Daquelas q saltam aos olhos, ela dá descaradamente em cima de homem, sem se preocupar em ser taxada. Tanto que achei q ela ganharia fama de puta, já que somos um país conservador. No entanto ela mostrou mais do que uma mulher bem resolvida sexualmente, ela se mostrou alguém sem filtro e qd todas as meninas reclamaram dos olhares tarados dele, só ela teve coragem de ir reclamar. Ela foi a única!
Os coletivos feministas estão apavorados em ver que ela sairá, pois reflete que o brasileiro não entende que uma mulher não gosta de ser "secada" e que o homem tem q saber, que se não tem um sinal da mulher, deve parar de olhar.

Anônimo disse...

Se ela sair saberemos que a maioria é machista mesmo. Aí te pergunto: qual é a novidade?

Tatah disse...

Pergunta: o cara ouviu ela dizendo que era machista? Ela falou isso pra ele ou em alto e bom tom? Só pra entender se isso pode ter interferido na escolha dela como alvo do assédio.

Anônimo disse...

E se o nojentão saísse voce ia vir aqui dizer que a maioria deixou a moça ficar pq ela falo que era machista

Anônimo disse...

Ele não assediou ela, só disse que gosta de meninas novas. Tá certo que o cara é asqueroso, mas ele nunca encostou nela. Ela que é louca e ficou gritando com ele pq ele tava dormindo de cueca

Anônimo disse...

É porque felicidade não é ter uma família estável e sim dar pra todo mundo ter filhos com varios e viver de pensão

Anônimo disse...

Pois é ela assediou os caras na maior e que encher o saco do cara só porque ele e mais velho e olha para as meninas?

Anônimo disse...

Tem que dar moleza pra velho tarado mesmo não. Está cambada não se toca , querendo se compararem com rapazes novos ridículo, a única coisa que mulher tem em homem velho babão e nojo

Anônimo disse...

A Ana Paula não assediou ninguém, ela paquerou o Daniel. O Laércio é tarado sim. Fica olhando pra mulheres com uma cara nojenta sim. Fica fazendo gestos obscenos pra mulheres sim. Não veio querer inverter o jogo não?

Anônimo disse...

Homem machista quer a mulherzinha ali submissa, dona de casa, dependente, comendo na mão dele, mas quando a mulher enche o saco e dá um pé na bunda do cidadão ele fica chateado de ter que pagar pensão. Um provedor chefe de família não deveria pensar assim. Cumpra a sua função e a sustente, ué.

Anônimo disse...

Imaginem se fosse a Dona Geralda que ficasse de olho na mala dos rapazes.. espreitando enquanto ele tomam banho?

Anônimo disse...

Sustentar a sua mulher tudo bem agora sustentar a mulher dos outros jamais. Se ela quer ficar com outro que separe mas não venha exigir pensão, e se não der conta de sustentar o filho deixa ele ficar com o pai em vez de fazer o muleke sofrer so pra poder viver de pensão do filho

Anônimo disse...

E enquanto as mulheres estão vivendo suas vidinhas "perfeitas" de esposas submissas em suas famílias machistas, dentro do lar, os homens ocupam o espaço público, a política, negligenciam temas importantes pras mulheres, controlam a autonomia do nosso corpo através de leis, passam leis que prejudicam mulheres, e as feministas - que são as mulheres que não aceitam esse status quo feito pra beneficiar homens - são obrigadas a responder perguntas como: O que as feministas tem contra as donas de casa?

Me digam o que foi que mulheres conseguiram cumprindo a bíblica missão de esposas, mães e cuidadoras do lar submissas? Eu respondo: Porra Nenhuma.

A mulher que fica esperando que homens defendam nossos interesses tem que levar um chacolhão pra ver se o cérebro pega no tranco.

Anônimo disse...

23:23, e como você quer que a mulher se sustente se ela não tinha emprego remunerado, era dona de casa? Ela que se foda, vá morar debaixo da ponte né?
Essa é a mentalidade do "provedor". A mulher que cai nessa é uma coitada mesmo.

Que mulher vive de pensão de filho? Só se for ex-esposa de jogador de futebol. Tá pensando que você é o Neymar, seu pé rapado? A mulher provavelmente cuidava do filho sozinha vai deixar a criança com o pai só pra ele não ficar com o ego ferido de pagar pensão pra mulher não é mais "dele". Espera sentado. Não queria casar com dona de casa submissa? Arque com as consequências!

Anônimo disse...

" e como você quer que a mulher se sustente se ela não tinha emprego remunerado, era dona de casa? "
Dona de casa é aleijado por acaso? Ela que vá arrumar um emprego e trabalhe que nem o marido dela vinha fazendo. Nunca vi feminista chorando por direitos iguais na hora do divórcio, só chora quando convém agora quando a mulher é favorecida o discursinho de direitos iguais some.

Anônimo disse...

Homem heterossexual branco de meia idade para cima e o ser humano mais odiado e que gera repulsa em mulheres na sociedade atual.

Ezco Musaos disse...

"Que mulher vive de pensão de filho? Só se for ex-esposa de jogador de futebol. Tá pensando que você é o Neymar, seu pé rapado?"

---> Kkkkkk. Essa foi na ferida. O mascuzão poderia ir dormir sem essa hoje.

Ezco Musaos disse...

Quanto ao tema do post, nada a declarar, só a vomitar.

Anônimo disse...

O que ela falando do cara está dormindo de samba canção? Outro dia ela tava nadando só de calcinha e sutiã.

Anônimo disse...

23:55, exatamente. A mulher tem direito a pensão enquanto não arranja emprego. E se ela for mais velha, tiver uma idade considerada mais difícil de conseguir emprego a pensão é vitalícia. Me corrijam se estiver errado.

O homem tem os mesmos direitos se a situação for oposta. Só que saber de machismo quando convém, quando tem que sustentar a ex-esposa acha ruim, né?
Vai chorar na cama que é lugar quente, mascu.

Anônimo disse...

Para mim os 2 estão errados. Ele está errado pela falta de respeito em dormir só de cueca no quarto com duas mulheres, ele deveria vestir pelo menos uma bermuda. Ela está errada pela forma de lidar com isso: xingar o cara de velho nojento e pedófilo. Então quer dizer que se fosse um novinho e bonito podia ficar de só de cueca na frente delas? Ela está totalmente certa em achar ruim e tem toda a razão em chamar a atenção, poderia até xingá-lo, mas xingá-lo de pedófilo só porque ele está de cueca já é absurdo.
A Nicole Bahls só fica com garotos de 15 e 16 anos e ninguém diz que ela é pedófila. Os brasileiros morrem de pena quando uma professora é presa por transar com um aluno menor de idade nos EUA. Então só é imoral for homem velho com mulher nova?
Se é verdade que Laércio embebeda garotas pra transar com elas é outro assunto, aí já estamos falando de CRIME, estupro de incapaz, mas Ana Paula não o julgou por isso, o julgou por gostar de garotas mais jovens (não crianças). Ele diz que teve uma namorada de 19, então ela já é ADULTA, não é nem adolescente. Qualquer hora um homem de 40 ficar com uma mulher 30 vai ser pedofilia aff. A idade para consentimento sensual no Brasil é 14 anos, se acham a lei muito tolerante com a diferença de idade mudem e voltem o *extinto* crime de "sedução de menores", aí será até 18 anos, mas enquanto isso não acontece, ele está certo em quer processá-la por calúnia e difamação. Pedófilo é uma coisa tão asquerosa que nem bandido tolera, ela pegou mais pesado do que devia. Agora, tratar uma mulher de 17 anos como incapaz, uma criança que não sabe o que faz, é patético.

Anônimo disse...

00:55, falou o defensor de tarados.

lili disse...

Olá, Lola, não sei se você chegou a ver esse vídeo sobre uma garota em Colônia que foi arrastada por uma horda desses invasores islâmicos pra ser estuprada numa estação de metrô.

Tem que ter muito sangue frio pra não se compadecer com os gritos da garota... e també não ter vontade de metralhar todos esses canalhas ali na hora >(

https://www.youtube.com/watch?v=KKu6Y7FtgF4




.

lili disse...

E sobre o BBB... Não vejo esse lixo, mas por tudo que pude ler na mídia que saiu essespultimos dias esse cara é estuprador e pedófilo, sim, a gente nao tem que perdoar porque não é só falta de senso de ridículo, ele tem que ir pra cadeia ou pelo menos as vítimas dele serem ouvidas porque já apareceu relatos de estupro de criança de 13 anos imputados a ele. Sem falar que pelo que eu li ele é um daqueles nojentos que tem tara por aquela menina do Masterchef Kids.

Anônimo disse...

01:27 é igual à Ana Paula, xinga mas não sabe porque

Anônimo disse...

O povo aqui é melhor do que as autoridades. Agora vão aparecer promotoras de internet acusando, juízas de internet condenando, policiais de internet prendendo. A lei aqui é diferente, a presunção de inocência não existe e sexo consentido mulheres de 17 anos é pedofilia. Faz me rir.
Se houverem crimes verdadeiros nesse monte de conversa eles aparecerão

donadio disse...

Em resumo, trata-se de um programa horrível, que exibe pessoas horríveis, e nos convida a tomar decisões horriveis a respeito de pessoas horríveis, do tipo "quem é mais horrível" ou "quem é tão horrível que deve sair do programa, e quem é horrível, mas não tão horrível, e pode continuar".

Não tem maneira de mexer com isso aí, não. Tem que fazer campanha para tirar do ar. Campeonato de vulgaridade, para quê?

Anônimo disse...

"Sobre declaração machista da Ana Paula, uma mulher assim comigo não tem a minima chance, eu nunca fiz o papel de provedor de mulher nenhuma e nunca vou fazer também."

Uma mulher assim não tem nenhuma chance com o Jonas?!!!!! Nãããããããããããããão!!!!!!!!!

O que será dessas mulheres agora que descobriram que não tem nenhuma chance com ele?!É o fim para elas!

"Por sinal para mim mulher que arruma homem para banca ela eu já disse o que, uma Prostituta."

Para alguém como você que se diz feminista, isso foi extremamente machista e ofensivo.

Carol disse...

Pelo que eu li aqui, não tem como provar que o cara é pedófilo. Em compensação, a mulher é visivelmente desequilibrada e insuportável, além de ser machista e desrespeitosa. Acho que nem tem muito o que discutir.

Anônimo disse...

Anonima 20:40

A Ana Paula, deve ser o tipo de mulher que e machista só quando convém a ela, pois quando o bixo pega, ela e a primeira a clamar pelos direitos dela.

No sentido contrario dentro do feminismo também tem umas mulher que são assim, muito feministas quando convém, mas quando hora de paga a conta, troca um chuveiro pifado, cadê a feminista?
Ola tudo bem, obrigado ter querer usar esta simples técnica de manipulação de comentários

@vbfri disse...

O cara admite drogar (embebedar, que seja) MENORES DE IDADE para transar com elas.
Se a menor de idade for menor de 14 anos é pedofilia.
Em QUALQUER caso, é ESTUPRO PRESUMIDO.
Ou seja. O cara admite embebedar a mulher PARA transar com ele.
Ou seja. A mulher sóbria NÃO transaria com ele.
Precisa desenhar mais do que isso?

Anônimo disse...

Ele é feio um barbudo nojento que deve sim feder. Nao entendo novinhas gostando daquilo. Eca. Se fosse um carinha novo musculoso e sarado podia sim dormir de cueca. Ninguem quer ver as pelancas dele. So garotas de programa e meninas bêbadas demais pra ter algum senso dariam pra ele. Ainda por cima e nazista estuprador . Um ogro

Anônimo disse...

Acho que a Ana Paula caso saia, vai entrar em depressão profunda ao descobrir que não tem chance com o Jonas.

Anônimo disse...

00:55 mas velho que fica olhando mulheres mais jovens como se quisesse arrastá-las pro mato e estuprar até a morte É nojento. Vocês tarados juram que não, querem manter essa ilusão de que "novinha" gosta de coroa mas é mentira, filho, é mentira. Mulheres novas em geral morrem de nojo de velho se passando como se fosse rapaz e tratando-as como um pedaço de carne na vitrine do açougue. Dá nojo. Nojo. É nojento, só pra ter certeza de que você entendeu. É nojento.

Se Nicole Bahls "namora" meninos de 15, 16 anos e não é presa por isso é, de novo, por causa do MACHISMO. É o machismo que obriga meninos a pagar de comedores garanhões e aceitar qualquer mulher que der oportunidade. É o machismo que faz com que os pais levem meninos de 13, 14 anos à força pra serem estuprados em bordéis e acham que isso é uma coisa maravilhosa, que assim vão impedir que seus filhos "virem viados". Mais uma vez a culpa é do machismo e dos machistas, como você.

Carol, o sujeito drogou uma MENINA de 15 anos pra forçar sexo com ela. Oi? Não tem nada provado contra o caráter dele? E a mulher que se atreveu a reclamar de ser secada da forma detestável que todas as mulheres conhecem e odeiam é a histérica desequilibrada? Vai arrumar um cacto pra sentar e para de encher o blog com comentário de machista defendendo "uspobriszómis" vítimas dessas "histéricas, loucas, exageradas" que se atreveram a contestar o assédio.

06:47 e você paga a conta quando sai com uma mulher? Aliás, você ao menos sai com mulheres? Você troca o chuveiro pifado? Ou só chama sua mãe pra ela resolver? Mascu adora fingir que presta pra alguma coisa mas no final nem as próprias fraldas troca sozinho...

Jonas Klein disse...

Anon 03:47

"O que será dessas mulheres agora que descobriram que não tem nenhuma chance com ele?!É o fim para elas!"

Não sei, não e problema meu.

"Para alguém como você que se diz feminista, isso foi extremamente machista e ofensivo."

Por ordem.

Machista porque? machismo envolve invariavelmente questão de gênero, eu não disse que ela e prostituta por ser mulher, mas sim por causa da conduta dela. Se fosse um homem fazendo o mesmo o chamaria de prostituto também.

"prostituto" Tem no dicionario?

Ofensivo para quem? pode ser para você, mas para um liberal de primeira hora como eu não, se prostituir e um direito individual, e não critico isso, apenas penso que as pessoa devem assumir o que são.

Se você feminista penso que você também deveria entender isso.

Anônimo disse...

Anon 00:55

"A Nicole Bahls só fica com garotos de 15 e 16 anos e ninguém diz que ela é pedófila. Os brasileiros morrem de pena quando uma professora é presa por transar com um aluno menor de idade nos EUA. Então só é imoral for homem velho com mulher nova?"

1 - Pedofilia só existe quando ha relação sexual com uma criança, e quem já completo 14 anos não mais criança.

2 - na verdade não existe questão moral a ser discutida aqui, não vem ao caso se pessoa mais velho e o homem ou mulher, a questão e que se o relacionamento tem uma pessoa menor de idade, se esta havendo negociação de sexo por dinheiro ou algo material o que caracteriza prostituição, e isso não pode envolver menores de idade.

E se a pessoa esta sofrendo algum tipo de abuso sexual, psicológico, físico se não esta havendo isso, a questão da idade e gênero e um detalhe insignificante.

Anônimo disse...

mimimimi os homens pagam conta, omis trocam chuveiro, omis arrumam torneira.

É muita falta de noção o cara querer invalidar todo um movimento porque tem mulher, geralmente, as deusas machistas deles, que acham que é que deveriam pagar a conta. Enquanto isso, todo mundo caladinho sobre os homens que gastam em bebida, balada e mulher horrores de dinheiro mas choram pra não dar pensão pros próprios filhos. Todo mundo caladinho com o índice de mães chefes de família.

Ragnar disse...

Bom, crime de pedofilia propriamente dito não existe no Brasil. A pessoa responde por estupro de vulnerável c/c artigo 240 do ECA, salvo engano. Vale,ainda, dizer que menor de 14 anos não é necessariamente criança. Criança, segundo o ECA, é a pessoa com idade inferior a 12 anos e, já o adolescente, tem idade entre 12 a 18 anos.

É uma absurdo não ter uma legislação específica que trate sobre o crime de pedofilia.

De qualquer modo, acredito que a idade vulnerável, ou seja, 14 anos poderia ser relativizada conforme o caso e não ser tratada de maneira absolusta pela maioria dos juízes. Existem muitas pessoas de 14 anos que apresentam características físicas de 16, 17 e até 18 anos, ainda mais hoje, com a molecada indo cada vez mais cedo a academia, por ex. Meninas novinhas que apresentam corpo de mulheres mais velhas, e que acabam induzindo homens a acreditar que tenham uma idade superior. O cara é tratado como pedófilo, corre sérios riscos na prisão. Muito complicado, dependendo, claro, do caso concreto.

Mas quanto a esse escroto aí do BBB, como disse a LOLA, é impossível de assistir esse lixo, não consigo sequer ler sobre as pessoas da casa. Programinha completamente classe C. Escroto demais, voltado pro povão, para a ignorância intelectual mesmo.

Anônimo disse...

Anônimo das 22:59

Felicidade não é nem ser "Amélia" e nem ter vários filhos e viver de pensão.

Felicidade é ser independente, ter voz na sociedade e não depender de um babaca escroto como vc.

Ragnar disse...

Felicidade é um conceito relativo, subjetivo e individualista. Alguns até dizem que "felicidade" é um conceito inacabado, inalcançável, utópico. Entretanto, a ideia de que "toda mulher" (argumento coletivista) deve ser feliz, segundo as feministas, jamais pode ser considerado felicidade.
Independência, autonomia, auto-escolha, sucesso individual? Isso não é fórmula para a felicidade, até porque não existe nenhuma. O que existe, ao meu ver, seria um equilíbrio de momentos na vida. Por mais que as feministas se julgam no direito de dizer como as mulheres devem ser felizes, essa escolha é individual e, sobretudo, culturalmente relativa.

Minha avó era feliz? Não sei.
Minha filha será feliz? Não sei.
A mulher antiga era feliz? Não sei.
A nova mulher é feliz? Não sei.

Não creio em felicidade como algo que varia conforme o "progresso político". É algo mais profundo, de natureza puramente filosófica ou psicológica mesmo. Por

Anônimo disse...

00:55,

Na verdade, quando professoras são acusadas de manter relações com seus alunos menores de idade caracterizando ilícito, os homens são os primeiros a minimizar o crime. "Pegou a professora, garanhão", sério. Estupros masculinos por mulheres são pouco notificados e divulgados exatamente porque, para a visão do patriarcado, homem não pode ser estuprado/abusado por mulher, homem não deve negar mulher, tem que ser o garanhão.
E engano seu que ninguém fala de mulher mais velha se relacionando com homem mais novo. É o que mais falam. Suzana Vieira vive sendo motivo de chacota por preferir se relacionar com homens mais novos. Difícil ver mulher mais velha com mais novo sem mimimi da sociedade.

Jonas Klein disse...

Rangnar

"De qualquer modo, acredito que a idade vulnerável, ou seja, 14 anos poderia ser relativizada conforme o caso e não ser tratada de maneira absolusta pela maioria dos juízes."

Este ponto eu faço questão de discutir.

Quando se trata de consentimento sexual, não se deve relativizar nada, de modo que relação sexual com menor de 14 anos deve ser tratada como estupro de vuneravel e pronto, e segundo eu me lembro o STj já definiu que isso e assim, e as decisões de outra varas de justiça devem seguir este entendimento.

Helena disse...

Normalmente eu discordo das opiniões do Ragnar, mas ele está certo em seu comentário. Existe definição psicológica de pedofilia, a pessoa pode ser pedófila, isto é, sentir atração sexual por crianças, mas não ser uma criminosa. E existem casos de abusos contra crianças vulgarmente tratados como pedofilia, sem que o sujeito seja diagnosticado como tal.

Os casos que são enquadrados envolvem a exploração sexual de menor, o crime de corrupção de menores (notem que não necessariamente são cometidos por pedófilos); o já citado estupro de vulnerável; pornografia infantil (distribuir, estar em posse de, produzir). Ainda não há nenhum fato provado que substancie uma denúncia, embora o sujeito tenha levantado comportamento suspeito. Aguardemos.

Já a relativização do estupro de vulnerável, segundo a visão de alguns juristas mais progressistas, só tende a agir em desfavor da vítima, ao dar o benefício da dúvida ao suspeito. Entendo que esta tem potencial de ser utilizada para acobertar e inocentar homens que têm relações sexuais com menores exploradas sexualmente, muitas vezes, fato sabido pelo praticante; mas que na letra fria da lei alegar desconhecimento age em desfavor da vítima. Embora não seja a doutrina mais utilizada, ela não é rara em decisões judiciais. Vejo isso como um gargalo nos movimentos contra a redução da maioridade penal, há uma certa omissão dessas pessoas em casos jurídicos onde aparência e comportamento de menores de idade são relativizados enquanto eles são vítimas, mas não enquanto infratores.

Raven Deschain disse...

Ih Lola, as meninas no meu facebook estão loucas. Conheço duas meninas que foram abusadas por ele numa matsuri (eventos japoneses que rolam aqui de vez em quando). Elas tiveram que acionar os seguranças do evento.

Ragnar disse...

Conforme eu disse, deve-se levar em conta o caso concreto. O fato é que uma jovem de 18 anos que, erroneamente, se relaciona com uma menina menor de 14 anos - por acreditar que esta teria uma idade superior - não pode ser tratado como um delinquente, um criminoso, haja visto que muitas meninas, hoje em dia, possuem uma estrutura corporal bastante desenvolvida e, por este motivo, muitos são levados a crer que possuem idade de 16, 17 e até 18, ou até mesmo mais. Contudo, cada caso é um caso e, nesse sentido, é bastante importante diferenciar um indivídio que, maliciosamente, se relaciona ou corrompe menores, principalmente, vulneráveis, de um jovem em alguma balada ou academia, ou parque ou seja o que for.

É preciso, acima de tudo, observar o critério da proporcionalidade sob as circunstâncias fáticas, ora mencionadas. A questão da relativização do estupro de vulnerável deve levar em conta o aspecto psicológico e fisiológico da "vítima". Ora, hoje em dia, uma menina de 13 possui um corpo bastante evoluída, anda mais se praticar esportes, academia , enfim. Muitos casos desse acontecem e os "criminosos" são tidos como estupradores. Será que esse jovem de 18 anos merecia receber uma pena de estupro? Acredito que não. Além de desproporcional, a conduta do agente mediante a circunstância fática não pode ser, em hipótese alguma, comparado a um sexo forçado, premeditado ou até mesmo pago. Essa relação com menor estaria nos limites éticos e, sobretudo, LEGAIS, caso a vulnerabilidade fosse relativizada conforme o caso.

Anônimo disse...

Ragnar, meu caro, estrutura corporal não é desculpa pra livrar cara de estuprador, até porque é relativamente simples descobrir se a pessoa com quem você conversa é uma menina "desenvolvida" ou uma adulta com capacidade de consentir: passar dois minutos conversando com ela. Geralmente um papo sobre trabalho ou faculdade e lá se vai a desculpa do abusador pelo ralo. Relativização de consentimento é exatamente o que homens que abusam de menores alegam pra não serem presos. Lembra o caso de um sujeito de 48 anos que não foi preso porque as meninas de 12 e 13 anos que ele estuprou haviam sido forçadas a se prostituir? O salafrário do juiz alegou que elas "não eram mais inocentes" porque, né, CLAAAAARO que uma menina de 12 anos já tem todo o discernimento necessário pra escolher ser prostituta e transar por dinheiro com homens que poderiam ser seus avôs (sarcasmo total, pra quem não entendeu). Morro e não entendo porque tanto "cidadão de bem" corre pra defender o direito de abusar de meninas de 13 só porque os seios dela já começaram a crescer.

P.S. é claro que eu sei porque. É porque novinha é bem mais fácil de manipular e esses manés se cagam de medo de mulher.

Anônimo disse...

Quer dizer que agora quem fica com pessoas mais novas, mas na idade permitida por lei, é pedófilo? Deve ser censurado, vilipendiado?

Engraçado que quando se trata de coroas ficando com garotos novos ninguem liga.

Ridículo

Quanto ás acusações de embebedar, isso é caso pra policia e o judiciario. Não fofoqueiros de internet

Ragnar disse...

Bom, eu não e nem acho interessante meninas novinhas ou adolescentes. Entretanto, existem muitos jovens de 18, 19 anos que são completamente imbecis e ignorantes. Não fique achando que os brasileiros são inteligentes para ter um papo decente e de nível com a pessoa que encontrar, porque ele não tem, é burro. A maioria é burra, ainda mais um moleque de 18 anos. E, como as meninas estão bem desenvolvidas, principalmente meninas de 12, 13 anos, um moleque desses de 18, 19 acaba deixando-se levar pela estrutura corporal da menina e, queira ou não, muitas gostam de exibir um cara com idade superior, tendo em vista que a maioria dos meninos de 12, 13 anos são verdadeiras crianças, completamente. As meninas evoluem de maneira mais rápida nessa idade e procuram por caras mais velhos. Isso é a realidade. Cê dá um pulo na rua, ou melhor, numa academia, na escola, na praça, no shopping, e você verá que elas pensam assim. Ademais, você viu o que eu disse? Não se pode comprar uma situação de um jovem de 18 anos com um velho tarado que objetiva apenas pagar ou aliciar uma menina. São situações diferentes, circunstâncias que exigem um olhar mais detalhado sobre a questão. Você acha que um moleque idiota pode ser considerado estuprador nos mesmos moldes que o velhote broxa que paga pelo sexo com uma menor, ainda mais criança? Não, são casos diferentes e é, por este motivo, que defendo uma relativização conforme o caso concreto.

Amanda disse...

Ragnar

"Conforme eu disse, deve-se levar em conta o caso concreto. O fato é que uma jovem de 18 anos que, erroneamente, se relaciona com uma menina menor de 14 anos - por acreditar que esta teria uma idade superior"

Cara e muito simples evitar erros neste sentido, se você vai se relacionar com uma pessoa que tem uma aparência física bastante jovem, e só pedir que mostre um documento para comprovar a idade ou falar com os pais, por tanto usar como desculpa o fato da pessoa ter uma aparência de adulta, e algo descabido.

Passar bem

Anônimo disse...

1/3

Povo mistura tudo, pelo amor da deusa....

Pedofilia é a atração, exclusiva ou não, por pessoas de zero à pré-pubescência, devendo haver uma diferença mínima de 5 anos entre ambas. Então uma pessoa de 16 que se sente atraída por pessoas de 11 anos ou menos já pode ser clinicamente indicada como pedófila caso essa atração dure mais de seis meses continuamente.

Lembrando que PRÉ-pubescência = antes da puberdade e das modificações que ocorrem no corpo. Para meninos, o marco é o pré-ejaculatório e para meninas, pré-menstruação.

Passou daí não é pedofilia mais. Clinicamente.

Lembro de um cartaz anti-pedofilia que foi muito bem intencionado mas feito por alguém que claramente não manjava do assunto. Era a cabeça de uma criança em um corpo de mulher, com os dizeres: "se você vê criança assim procure tratamento". Questão é que pedófilos não adultizam crianças, eles gostam é de crianças mesmo, na forma que as crianças têm.

Isso, clinicamente. Existe uma corrente grande inclusive defendendo que pedofilia, como a homossexualidade, não é curável por ser basicamente orientação sexual. Que, como a homossexualidade, não adianta ficar fazendo tratamento no sujeito ou sujeita pra mudar a orientação dele ou dela e sim que é mais uma questão de manejo, de adequação à pessoa na sociedade e, quando for o caso, contenção de impulsos caso eles existam.

Caso eles existam, é bom enfatizar, porque falar que "pedófilo é estuprador" é tão errado quanto dizer que o que causa estupros em mulheres é o fato do estupradores serem heterossexuais. Estupro não é sexo e não é pq o sujeito é hétero ou homossexual que por si só ele vai fazer sexo com qualquer alma viva no mundo; basta pensar um pouco.

A maioria dos pedófilos nunca fala sobre o assunto e mantém o "problema" pra si sem nunca tocar em uma criança, até porque esse povo não tem pra onde correr.

Existem pedófilos exclusivos, aqueles que a afetividade e a sexualidade está exclusivamente apontada para a pré-pubescência e os não exclusivos, que podem se relacionar normalmente com pessoas adultas também.

Molestador é uma pessoa diferente, que pode ou não ser pedófila, ainda que fugindo à definição do termo que é, pasmem, gostar de crianças. Alguém que simplesmente goste MUITO de crianças e viva para elas é, por essência, pedófilo também, só não é no sentido sexual. Pro molestador, o fato de ser criança só adiciona um elemento de vulnerabilidade e não é a essência da atração até pq, uma vez mais, estupro não é sexo.

Na minha profissão tive a oportunidade de conhecer algumas dessas pessoas, tanto de um espectro (o pedófilo closeted, que nunca fez nada a alguém e procura meios de se adequar à sociedade) quanto dos molestadores recebendo acompanhamento e francamente, tem uma série de critérios científicos para determinar uma coisa ou outra mas basta conversar com eles pra saber a diferença.

Na população carcerária americana foram feitos infinitos estudos apontando essas diferenças que inclusive podem ser refletidas até na formação cerebral da pessoa e no controle de suas pulsões, no caso dos molestadores. É bem diferente mesmo, não tem como comparar.

Pra quem gosta de judicializar a coisa, sentir atração por pré-pubescentes ou adolescentes não é crime no Brasil. Aliás, o crime de "pedofilia" sequer existe no nosso ordenamento. O que existe é o estupro de vulnerável, a proibição de divulgação de imagens de crianças e adolescentes em situação sexual factual ou fictícia (assistam ao filme "Mulher Objeto", com Nuno Leal Maia e se perguntem se hoje em dia até o bilheteiro do cinema não seria preso. E ainda falam da Xuxa!), a exploração sexual de menores. Mas pedofilia, não. Até porque a atração não é passível de crime, já que poderia ser basicamente uma crimideia (crime de pensamento).

Isto posto, vamos ao Laercio.

Anônimo disse...

2/3

Se ele embebedou ou drogou menores de idade, adolescentes para minar o consentimento sexual, com essa finalidade, dessas pessoas então tem-se aí o estupro de vulnerável (se fosse com adultas também o seria). Todo mundo que está acusando deve saber que a prescrição corre diferente em se tratando de crimes com vítimas abaixo dos 18, logo, a denúncia e seguimento aos procedimentos criminais se fazem necessárias porque lamento gente, textão de facebook não manda ninguém pra cadeia por si só, ter amigo na polícia também não, falar que conversou com não sei quem também não, chorar pitanga pra coletivo feminista também não. O Direito não socorre a quem dorme, é preciso haver provocação das estruturas estatais para que ele, o Estado, possa agir e isso se dá com procedimentos criminais no caso.

Ele pode sim processar a Ana Paula, não por calúnia, mas por injúria e difamação. Nada a se temer por parte dela, a coisa vai se resolver aí em uns mil reais e umas cestas-básicas, nada que seja tão pavoroso a ponto dela calar a boca por medo. Não precisa.

Outro dia apareceu no Facebook a história de uma garota que foi estuprada por um sujeito, falou disso naquele tempo do #meuamigosecreto, o sujeito mesmo acabou se "dedurando" no perfil da moça e no fim, adivinhem, ele a processou judicialmente. Porque ela nunca fez a denúncia formal e o prazo para isso inclusive já tinha passado. Bem provável que ele ganhe o processo.

É absurdo mas na lógica da lei, não está errado. É melhor entrar no processo como autor do que como réu, logo, é bom que as garotas que o estão denunciando no Facebook comecem a se mexer até para que ele não continue fazendo o que faz depois que sair da casa com outras vítimas. É sim responsabilidade delas por saberem o que passaram agirem no sentido de que outras garotas não vivam isso pois do contrário nada, eu disse NADA pode ser feito na seara legal.

E afinal, o sujeito é pedófilo?

Não tem como saber de olhometria. Se a atração dele por adolescentes se confirmar, não é pedofilia. Legalmente ele também não é pedófilo, eis que o termo sequer existe no ordenamento. Estuprador, pode ser, só não vamos esquecer que, de novo, jogando o jogo da lei, só é criminoso quem o juiz fala que é depois de uma sentença criminal transitada em julgado. Tem também a questão de dar álcool a adolescentes, que é crime a partir do momento em que a lei a respeito passou a vigorar (não antes, a lei penal não retroage salvo para beneficiar o réu). Já tem relato dizendo que ele oferecia drogas a menores em troca de sexo, outro crime, ou seja não faltam elementos para que providências judiciais sejam tomadas - mas não por pedofilia e por esse motivo que não há que se falar em calúnia, só injúria e difamação.

É triste mas enquanto a coisa não sair do textão no Facebook a lei vai estar ao lado dele.

Anônimo disse...

3/3

Por fim, quero deixar aqui meu desapreço à banalização do termo "pedofilia", que é reflexo basicamente da absoluta ignorância das pessoas em relação ao tema, gente mais interessada em gritar e fazer bonitinho para os(as) amigos(as) que resolver um problema sério. Para cada "monstro" de fato existe uma série de outros não-monstros que querem ajuda para funcionarem na sociedade (essa que quer vê-los mortos mesmo que eles nunca tenham feito nada) e não conseguem. Aprendam: um neurótico a menos é um ganho para toda a sociedade. Essa gente aí do "tem que matar, tem que não sei o que" só atrapalha, sinto dizer.

E por fim, o discurso que "isso é doença que só dá em homem" também não é verdadeiro. A diferença é que para pedófilas a coisa é muito mais facilitada e ocultável até porque é esperado das mulheres um profundo apreço por crianças e ninguém vai chamar a polícia porque uma mulher está dando banho em alguém com menos de 12 anos. Existe mulher pedófila sim, não estou falando das professoras que se relacionam com menores de 17 e um metro e noventa de altura nos EUA, estou falando de atração sexual por crianças abaixo de 12. Não faltam provas materiais disso, quem quiser acha.

A "doença que só dá em homem" é um assunto completamente diferente que entra naquilo que se convencionou chamar de cultura do estupro, as permissividades do masculino e os comportamentos predatórios em geral. Isso não é "doença", é da sociedade e da socialização masculina. Na verdade é um desaforo chamar isso de doença. Mas chama-se mil coisas pelo mesmo nome e daí, juntando com a gritaria, dá pra entender de onde a confusão aparece.

Então existe pedofilia, existe estupro de vulnerável, existe exploração sexual infantil, existe cultura do estupro. Só que nada disso é "a mesma coisa" em relação às demais. Tá na hora de quem estiver interessado em contribuir para resolver esses problemas começar a se informar e a separar as coisas. E principalmente, parar com a gritaria, com o histrionismo das redes sociais e começar a ver o problema como de fato ele é - cada um deles.

Obrigada pela atenção e pelo espaço.

Anônimo disse...

"Tá na hora de quem estiver interessado em contribuir para resolver esses problemas começar a se informar e a separar as coisas. E principalmente, parar com a gritaria, com o histrionismo das redes sociais e começar a ver o problema como de fato ele é - cada um deles."

Tapa na cara de no mínimo 50% da esquerda de Facebook. Batendo palmas em pé aqui. É o que sempre falo nesse blog mas ninguém me escuta: tá cheio de irresponsáveis no meio da esquerda querendo pagar de justiceiro social mas disseminando informações falsas por aí. Quando eu falo que algumas pessoas estão se comportando igual os reaças bolsonaretes eu que sou hostilizada, mas se parar pra analisar é bem isso mesmo, povo irresponsável que sai compartilhando as coisas sem verificar as fontes, ou dando opinião sobre o que não procurou estudar antes, querendo se achar muito superior aos difamadores do Jean Wyllis.

donadio disse...

"Pedofilia" não é um termo jurídico, é um termo médico. Não existe "crime de pedofilia". O que existe é estupro de incapaz, que é definido pela legislação brasileira como manter relações sexuais com menor de 14 anos. O que, evidentemente, é uma ficção legal; não tem por que uma pessoa de 13 anos, 11 meses e 30 dias de idade ser considerada muito diferente de uma pessoa com 14 anos e um dia. É uma ficção legal necessária, por que sem ela ou vamos permitir o abuso de crianças, ou impedir adultos de terem relações sexuais.

E pedofilia é atração sexual exclusiva por crianças. A grande maioria dos estupros de incapaz são cometidos por homens que não são pedófilos, que são sexualmente atraídos por mulheres adultas e adolescentes.

E, por falar em idades, o etarismo está descontrolado hoje:

"depois que passam dos trinta e cinco por exemplo eu não aguento olhar para eles quanto mais ficar no mesmo ambiente"

Depois quando a gente fala que é classe-medice de gente de classe média, reclamam. Mas quem diz semelhante absurdo evidentemente não trabalha nem pega ônibus.

Vicky_ disse...

Depois esses mesmos ainda dizem que quando um homem é acusado de um crime[s] a sociedade inteira cai sobre ele, bem, nos comentários daqui, mais que 2/3 defendem o Laercinho e destacam a safadeza das "novinhas"(palavra nojent"inha").

A propósito, Ragnar é o novo troll do pedaço, cumpre o papel do mascu defensor de escrotices masculinas através de falácias da idade da terra.
Meu sincero foda-se a você.

Visitem o facebook do dito cujo (Laercio) e vejam as páginas que ele curte.
Esse bando de anônimo defendendo ele devem ser os mesmos que apoiam que mulheres se defendam de estupros usando armas, irônico.

Vicky_ disse...

Nome: Etarismo
Definição: "Preconceito em relação a certa idade, faixa-etária ou geração".

Para o que é usado: Defender homens que já não são mocinhos, mas também não são idosos.

Tipo, a gente não tem o que inventar, dizemos que um homem de 35 anos, branco, hetero e "não-afeminado" sofre de etarismo por correr atrás de novinhas e receber uns fora ocasionais das mesmas (isso quando ele não recorre ao assédio e estupro).

90% das vezes que li essa palavra na internet era para defender tais casos.
Os outros 10% é que eram verdadeiramente situações para se termer.
Sejam menos.

Anônimo disse...

Comentário bastante lúcido da anonima de 11h44.

Vicky, as páginas que o sujeito curte realmente são bizarras e apontam a possibilidade que ele tenha cometido esses crimes. Mas não é assim que a banda toca. Há indícios que ele possa ser um pedófilo, mas as páginas do fb, judicialmente não provam nada. Como a 11h44 falou, é preciso que as pessoas que disseram ser vítimas dele procurem a polícia e formalizem tudo, para que assim as investigações possam prosseguir e se faça Justiça.

A gente tem que se atentar à essas coisas para não acabar fazendo besteira, mesmo com a melhor das intenções. Se informar, saber como são as regras do jogo. A gente sabe que a sociedade é complacente com esse tipo de gente, não custa nada estar bem embasado para evitar que eles fiquem à solta.

Ragnar disse...


A propósito, Ragnar é o novo troll do pedaço, cumpre o papel do mascu defensor de escrotices masculinas através de falácias da idade da terra.
Meu sincero foda-se a você.

Falácias da idade da terra, rsrsrs...

Não, apenas disse o que acontece no cotidiano, o que é corriqueiro. Tratar um jovem de 18 anos que, erroneamente, acredita que uma moça tenha idade bem superior a 14 anos nos mesmos moldes de um psicopata pervertido que, maliciosamente, alicia uma criança ou até mesmo paga pelo sexo, são situações bem diferentes, no mínimo, desproporcionais. Por isso muitos JURISTAS são a favor da relativização da vulnerabilidade do menor. Não só sou eu, mas muitos PENALISTAS pensam assim. Não tem nada de masculinismo, machismo ou misoginia ou seja lá qual for o termo, é apenas a realidade fática conflitando com o mundo jurídico. Só isso.

Não te ofendi ou mandei você se foder, portanto, não vou me rebaixar a isso.
Passar bem.

Anônimo disse...

O cara e masculinista mesmo:
http://sensacionalista.uol.com.br/2016/02/02/as-9-coisas-mais-bizarras-do-facebook-do-bbb-laercio/?cmpid=fb-uolent

donadio disse...

"Tipo, a gente não tem o que inventar, dizemos que um homem de 35 anos, branco, hetero e "não-afeminado" sofre de etarismo por correr atrás de novinhas e receber uns fora ocasionais das mesmas (isso quando ele não recorre ao assédio e estupro)."

Não, moça. Dizemos que alguém está se comportando de maneira "etarista" quando afirma não poder ficar no mesmo ambiente que um homem (ou mulher) acima de uma certa idade, pelo simples fato de esse homem (ou essa mulher) estar acima de uma determinada idade.

Carol disse...

Anon de 08:14,

Pela sua educação e calma o cacto parece estar enfiado no seu cu faz tempo. Eu realmente não vi/prestei atenção a essa parte, reli o texto e agora acho os dois lixos (não vou deixar de achar uma mulher machista, desrespeitosa e preconceituosa menos lixo por causa de homem). Você não precisa nem pode ser cretina com as pessoas pra ser ouvida.

Carol disse...

Aliás, vendo o pessoal colocar nos comentários mais casos sobre abuso que ele teria cometido e ainda esse link do facebook dele (se for mesmo, não estou ligada em BBB), dá pra ver que ele parece ser um cara extremamente sem caráter e perigoso em vários sentidos, não só machista/misógeno. Mas o que dizer de uma emissora que levou um stalker pro programa no ano passado?

Anônimo disse...

Estão descascando o Laércio na internet.
Espero que a Ana Paula consiga ficar.

Anônimo disse...

Imagina se a gente invertesse o gênero no comentário da moça, algo como "não conseguir ficar no mesmo ambiente que mulheres acima de 35". Seria uma frase típica de um mascu.
Diferente dos chans lixosos, aqui a gente quer que todo mundo seja um ser humano melhor. Não é nada legal ter pensamento parecido com aqueles estrumes, né? Vocês podem fazer melhor que isso convenhamos.

Anônimo disse...

"Em compensação, a mulher é visivelmente desequilibrada e insuportável, além de ser machista e desrespeitosa"

Tirando a declaração machista, acho que um bálsamo ver uma mulher como a Ana Paula na tv. To cansanda dessas que deixam passar tudo, fingem que não viram e vão chorar num canto. A Ana vai lá apontar o dedo na cara, grita, e fala o que ninguém tem coragem.

To começando a gostar dela.

Anônimo disse...

"algo como "não conseguir ficar no mesmo ambiente que mulheres acima de 35"

Amor, vamos parar de distorcer as coisas? Ela não quer ficar num mesmo ambiente que um tarado de 50 anos. Não é de qualquer pessoa de 50 anos.

Tenta outra coisa.

Meus devaneios poeticos disse...

ASSISTO O BBBB, É um laboratório de comportamento humano. Nesse caso Ana Paula é uma mulher imatura e preconceituosa, se Laercio fosse um jovem bonito ela iria aceita-lo normalmente. Acho Ana Paula chata, agressiva e descontrolada ....

Anônimo disse...

A mulher que não aceita algo é sempre chamada de louca, de histérica... Defender relacionamentos desse tipo só passa a mensagem pra esse tipo de homem que ele tem o aval de toda a sociedade para fazer o que quiser com mulheres.
Meu pai sempre teve casos com mulheres de dezoito anos, vinte e poucos, isso com mais de cinquenta anos. E nunca permitiu que namorássmos homens mais velhos. Isso deve significar algo, né?! Que relacionamentos com uma diferença tão grande de idade são abusivos e nenhum um pouco saudáveis para a mulher.

Anônimo disse...

15:33
Migs, a referência é sobre um comentário de uma moça ali em cima que diz não conseguir ficar no mesmo ambiente com homens acima de 35 anos. Acho que foi deletado, já.

Anônimo disse...

Vai fazer poesia e para de postar merda aqui, minha senhora.

Tem que ser "chata e agressiva" mesmo.

Por mais mulheres agressivas!!!

Anônimo disse...

Ah, você quis dizer de um troll, 16h16?

Eu mesma podia postar vários comentários aqui dizendo que pego um monte de meninos de 12 anos só pra tentar desviar a discussão e dizer que mulheres também estupram menininhos. Trouxa é quem acreditar.

Anônimo disse...

Etarismo correndo solto no discurso de muita feminista aqui...

Anônimo disse...

A própria Lola fez um post em um tom plenamente responsável e ciente de que, nesse caso, diante da precariedade das provas, é muito cedo para defender "escrachos" e perseguições.

Mas a galerinha aqui pelo visto curte atropelar uns princípios legais quando é conveniente, como a presunção de inocência. Fora o fato de esbanjarem um etarismo gritante e um completo desconhecimento da lei no que toca aos crimes sexuais e às garantias do processo penal. Tem discurso de feminista aqui cujas cargas de ódio e de reprodução de preconceitos são dignas de um eleitor do Bolsonaro.

Anônimo disse...

16:02,
É verdade que uma mulher da terceira idade como Suzanna Vieira é vítima de chacota quando namora homens mais novos, o namorado é taxado de gigolô que só quer o dinheiro, e a mulher de "velha metida a adolescente sem noção", ela é ridicularizada sim, mas não é incriminada, chamar de pedófilo ou predador sexual é muito pior.
Podem ridiculariza-lo, chamar de "velho nojento", o que for, agora dizer que o cara é pedófilo só porque tem uma namorada de 19 ou 17 anos além de extremamente ofensivo é ignorância, banaliza uma coisa séria como a pedofilia. Aqui, embora ninguém tenha provas de nada, estão dizendo que ele faz coisas como embebedar mulheres para fazer sexo, se for verdade aí sim eu concordo que é estupro, só que a Ana Paula não o julgou baseando no que estão dizendo aqui, ele foi injuriado por coisas banais que o próprio Laércio disse para ela, e neste caso, mesmo que ele seja um criminoso (que Ana Paula não conhece) aqui fora, ela não deixa de ser uma babaca idiota. Os argumentos da Ana Paula não são coerentes com pedofilia.
No mais, eu concordo com tudo que Lola disse no texto.

Anônimo disse...

08:14, disse:
"É o machismo que faz com que os pais levem meninos de 13, 14 anos à força pra serem estuprados em bordéis ... mais uma vez a culpa é do machismo e dos machistas, como você."
Filhinha, em que lugar eu escrevi que sou a favor do sexo precoce? Eu perdi minha virgindade com 18 anos e meus pais "quadrados" nunca conversaram comigo sobre sexo. Você é a prova viva de que as feminazis existem, está fazendo suposições sobre mim, alguém que não conhece e acusando, nem sabe o que está falando.
"Mulheres novas em geral morrem de nojo de velho se passando como se fosse rapaz". E em que lugar eu escrevi que mulheres jovens gostam de homens velhos sua maluca? Ainda tem homem e mulher que diz que as jovens gostam é do dinheiro dos velhos, deve ser isso né?! No entanto, para tudo na vida existe exceção, se a mulher tiver 19 anos e quiser transar com um homem de 70 o é problema dos dois, não é meu, não é de ninguém, só dela e de malucas como você. Se não gosta de homens velhos pode criticar o quanto quiser, você tem todo o direito. Dica que é nojento, agora chamar o cara de pedófilo só mesmo uma feminazi (não feminista) como você.
Tenho 35 e minha namorada 30, mas se ela tivesse 20 isso não era problema de ninguém. Ainda assim, se você está insatisfeita, tente aprovar uma lei contra sedução de menores, só não vale incriminar quem não é criminoso porque isso já constitui um crime.
Como eu já disse, embebedar mulheres e sexo sem consentimento é estupro sim, mas aí é outro assunto.
08:14 deveria ser coerente com o diálogo, mas fica colocando palavras que não foram escritas, por isso não vou mais discutir com você, fique aí sozinha com os seus delírios.

Anônimo disse...

Meu rabo está ótimo, Carol, muito obrigada pela preocupação. Mas acho que você devia ir num proctologista urgente, fofa, porque você tá cagando pelo buraco errado.

19:13 tô morrendo de pena do seu chororô... vou ali me jogar de um pé de coentro porque você me chamou de feminazi... HUAHUAHUAHUAHUA!

Ffalando sério agora caro chorão, você pode não pensar em levar seu filho ao bordel pra ser estuprado nem ter passado por isso, mas se no meio de um debate sobre um assediador com essa postura nojenta, que confessou embebedar meninas pra forçar o sexo e que três mulheres declararam já ter sofrido abusos dele quando menore) sua primeira reação é correr pra defender o assediador então você é tão machista quanto esses caras que levam o filho pra ser estuprado. Entendeu?

Ah, e eu não chamei o cara de pedófilo, mula galopante. Em que lugar eu escrevi que ele era pedófilo? Chamei de nojento assediador, que é o que ele é. Quem está inventando palavras que não foram ditas agora, hein? Quem fica colocando palavras que não foram escritas? Você, é claro, nos seus delírios de machista defensor de velho abusador. É o seguinte colega, se eu quero chamar essas relações de homens velhos com "novinhas' pelo que elas são - abusos e manipulação por parte dos homens - isso não é problema de ninguém. Se você está insatisfeito, tente aprovar uma lei que impeça mulheres de darem suas opiniões e falar a verdade sobre certos tipos de homem - que eles são uns lixos. Agora vai beijar o rabo do assediador nojento, vai. Machista adora esses lixos que tem "coragem" de fazer o que eles mesmos querem mas não fazem.

Anônimo disse...

08:14 disse para mim: "Vocês tarados juram que não, querem manter essa ilusão de que "novinha" gosta de coroa mas é mentira, filho, é mentira".
É louca mesmo. Sempre achei que mulheres jovens na maioria das vezes só ficassem com os mais velhos por interesse financeiro, atores de TV, jogadores como Romário é que não faltam nessa situação, os mais velhos normalmente já têm uma boa estabilidade econômica, bons para mulheres que querem um "provedor" (verdade que não são todas as mulheres, mas agora vem a cara de pau de quem nega a existência dessas). Também existem razões psicológicas, com a "carência de pai" que ela tenta inconsciente suprir com um companheiro mais velho, é o caso de uma amiga minha que tinha 23 e namorava um senhor pobre de 67.
Existem muitos outros casos, cada caso é um caso, as pessoas são muito diferentes e o mundo muito grande para sua cabecinha 08:14, agora quem vive falando em abuso emocional de homens velhos contra mulher jovens e sempre desprezaram o oposto são pessoas como você 08:14, são umas hipócritas mesmo. Adoram falar que homem pode lacrimejar, mas desconsideram a fragilidade emocional dos homens como ser humano durante todo o resto tempo. Um garoto de 15 é muito mais imaturo do que uma mulher da mesma idade.
Você não o chama esses homens de pedófilos, mas já diz que são machistas asquerosos abusadores, praticamente os trata como ESTRUPADORES.
Quanto à defesa que faço aqui feminazi maluca, não poderia ser de outra forma porque existe a presunção de inocência, a própria Lola diz que não tem provas. Boatos são uma coisa, fatos são outras. Estou julgando pelo que vi no BBB pelo Youtube, não pelas inúmeras conversas de internet

Anônimo disse...

19:32 é 08:14. Digo isso só para orientar quem estiver lendo.

Anônimo disse...

Ainda, você pode observar que com o pessoal que está trazendo rumores de abuso REAL, eu não discuti porque vai que é verdade né! Só rebati argumentos e motivações idiotas. Também não faço acusações sem prova, principalmente tão graves como essas, mas se for verdade vamos torcer para que ele seja preso. É hora de aproveitar que ele está de mídia e incentivar as "supostas" vítimas a denunciar para que se investigue. Agora, chamar o cara de abusador, predador sexual, ou PEDÓFILO (como muitos estão fazendo aí) só porque ele está dormindo de cueca ou namora uma mulher de 17/19 anos já é estupidez.

Rad das 23:44 disse...

Vou usar o mesmo nick que usei no outro post.

[1]

Eu olhei o perfil do cara no facebook e me deu nojo. Ele é a mais completa tradução do patriarcado. Ele é separatista, daqueles que participa de páginas "O Sul é o meu país", ele está em páginas anti-feministas e uma das últimas que ele curtiu foi a da Sara Winter, versão brasileira da "feminista" sancta, Camille Paglia. Enfim, ele curte páginas de caça, de facas, armas. É tudo muito patriarcal por lá. Fotos de novinhas. É um tarado. Ana Paula está certa em se preocupar com ele. O motivo pela qual ela não se importa de outros homens pelados (inclusive no quarto havia um negro pelado do lado do Laércio e ela não mandou ele se vestir) é pelo fato deles não assediarem, não fazerem gestos obscenos pra ela, não pegarem menor de idade. Pode não haver provas em relação a pedofilia, mas ele inegavelmente se comporta como tal e até mesmo chega a se declarar "efebófilo". Ana Paula é inocente, ela deveria ter chamado ele de estuprador, assim ninguém diria que não há provas. Ele disse que gosta de transar com mulheres bêbadas. Eu fiquei com raiva quando essa moça disse que era machista. Pensei: poxa, que burrice. Nem que quisesse ela poderia ser machista, afinal é mulher. Mulheres reproduzem machismo pra gradar o opressor, ganhar algumas vantagenzinhas na sociedade androcêntrica, mas estruturalmente não podem ser machistas. Não são as mulheres as privilegiadas pelo machismo. Também parei pra pensar no fato de que eu vivo dizendo que não basta se declarar feminista pra ser feminista, pois feminismo é postura, acho que gente como Beyonce e Valesca estão longe do feminismo, mas quando alguém diz não ser feminista como a Ana Paula eu me irrito, hahaha.

Rad das 23:44 disse...

[2]

Olha, muitos fãs dessa moça (Ana Paula) estão comemorando porque ela disse ser machista, mas está se comportando de maneira "feminista pra caralho" (dizia um comment que li no tw). "Feminista pra caralho"? Pela resistência contra pedofilia/abuso? Gente, pensei que fosse uma causa humanista. Se a humanidade pensa como os mascus (que estão dizendo que ela - Ana Paula - é uma 'esquerdinha" enrustida, que mulher antifeminista no fundo é feminista quando questionam os 'privilégios' dela) e acha que o fato de alguém se revoltar com abuso seja necessariamente feminista, então estamos todas perdidas, a maioria das pessoas (infelizmente) não gostam do feminismo, então quer dizer que a maioria das pessoas são coniventes com abuso? Os outros participantes, a globo e os internautas parecem que sim. :(
Eu não acho que Ana Paula seja uma feminista enrustida, mas tb não acho que seja machista. (Leia-se: reprodutora do machismo). Como já falaram, me pareceu mais ignorância, mesmo. Ela realmente parece ter um estilo de vida liberado. Acho que pelo fato de ela não trabalhar e ser uma socialite que vive nas custas dos pais, fez ela adotar essa opinião de que o mundo tem que ser machista, a mulher pode muito bem ser servil (ela cuida do pai idoso que é a paixão da vida dela) e em troca o homem deve ser o provedor. No fundo no fundo não é diferente de algumas posições feministas. A tal Harumi peercebeu a ignorância dela e tentou consertar: "Ah, mas você não é machista." Claro que não é. Eu mesma não quero igualdade, acho os homens carcamanos demais, não quero ser igual a eles nem assumir o papel deles não. Quero libertação da dominação masculina. As feministas liberais vivem dizendo que as feministas radicais destroem a imagem do feminismo, que graças a ideologia que seguimos das feministas dos anos 70, todas as outras feministas levam fama de odiadoras de homens por nossa causa. Mas convenhamos: o Feminismo Liberal que suja a imagem do feminismo, afinal, o ~feminismo~ é o feminismo radical, é o feminismo sem modificação. Já perdi a conta de mulheres que dizem não ser feministas pelo fato de as feministas protestarem nuas, enfiar crucifixos no ânus e vagina, quebrar imagens, se declararem vadias. A maioria das mulheres consideram o termo ofensivo. O senso comum acha que feminismo é isso. Acha que feminino é BUCEPOWERGANG. Eu agradeço a essas "feministas" que gente como a Ana Paula (mesmo sendo mais feminista que muita feminista assumida que passa a mão na cabeça de abusador) não se declara feminista.
O que eu digo sempre é que as pessoas estão mais maniqueístas do que nunca.
Acho que vocês dão muito valor a quem se diz de esquerda, muito valor a quem se diz feminista, mas se comporta de maneira contraditória. Vide esquerdistas que querem legalizar a prostituição, que são a favor do aborto pq não querem mais gente dependendo do bolsa família, pra parecer politizado, mas em off se comporta como todo opressor elitista. E tem gente de direita (não os extremistas), mas a direita senso-comum, sabe? Que apesar de ter um discurso conservador, possuem atitudes nobres. Tem muita gente feito a Valesca e Beyonce se declarando feminista enquanto há gente como Ana Paula se declarando machista.

Anônimo disse...

Anônimo das 20:01

Chore mais fracassado!!
Estão surgindo mais país e mães que não aceitam que suas filhas adolescentes se elvolvsm com velhos.
Maior maturidade das garotas em relação aos garotos NÃO justifica abusos.
Que vc tenha uma filha pra ter sua misoginia de merda vomitada na sua cara como vc bem merece, seu pseudo homem.
Já que mulheres desde a infância não prestam e homens são maravilhosos coitadinhos vítimas de meninas de 11 anos; vai arrumar um macho pra chamar de seu e não fique falando mais merda, seu MERDA amigo de pedófilo.

Anônimo disse...

20:01 típico comentário gigante mascu e com as velhas acusações machistas pra me desqualificar: 'Ai, sua louca', 'Ai, sua feminazi', 'Ai sua odiadora de homens malvada, acusando um pobre coitado sem provas'! Claro, porque pra mascu secar e olhar pra mulher com cara de quem quer arrastá-la pro mato e estuprar até a morte não é assédio. Porque fazer gestos obscenos pra uma mulher não é assédio. Porque embebedar menores de idade (coisa que ele CONFESSOU fazer) não é abuso nem coisa de estuprador, imagina! É só essa feminazi histérica louca odiadora de homens delirando.

Nem dá mais pra rir, a falta de criatividade desses trolls cansa. E nem preciso mencionar de novo que esse desespero pra defender relações abusivas de velhos com "novinhas" é coisa de quem morre de vontade de fazer o mesmo mas não quer ser chamado de abusador. Além de quê nunc aneguei que existiam mulheres machistas atrás de "provedor" (coisa que não existe, na verdade. Sério. É só se separar e veja se o provedor vai querer pagar pensão pro filho), inclusive no meu primeiro comentário falei que é isso que espera toda validadora: se ferrar na mão de homem. Mas aí você volta a inventar coisas que eu não disse, dizer que eu disse isso e aquilo, se fazer de vítima e tentar me desqualificar com os velhos "louca, histérica, feminazi, odiadora de homens". Bom, deixa eu te dizer uma coisa, filho:

EU NÃO LIGO PRA MERDA DA SUA OPINIÃO, TÁ LIGADO?

Você simplesmente não é tão importante assim. Você não vai me calar com sua vitimização barata, suas ofensas de pré primário e sua hipocrisia em defesa de marmanjo abusador - coisa, aliás, de abusador enrustido - e discursos mascus idiotas já desmentidos mais de mil vezes. Agora te manda que eu não sou sua mãe nem babá de mascu.

Vicky_ disse...

Num disse que iam aparecer um monte de bostejador de Portal de Notícia usar essa porra de etarismo? :)

Enquanto isso, tem mina de 14 anos sendo assediada por um Laercio da vida nesse exato momento, seus porra.

(E pode ser na rua, no shopping ou na internet, vide o nível de perseguição e provocação que esses seres chegam)

Anônimo disse...

Alguém censuraria uma mulher que transou com um homem que bebeu vodka, whisky ou cachaça?

Anônimo disse...

LAÉRCIO SAIU!
LAÉRCIO SAIU!
LAÉRCIO SAIU!

:D

Anônimo disse...

Anônimo das 22:13

O burro aqui é vc.
Além disso covarde, por tentar voltar atrás com seus argumentos toscos.
Ninguém aqui tá falando de casar virgem, transar, nem nada, não tá se discutindo vida sexual de mulheres, e sim assédio e abuso cometido por homens velhos contra garotas.

"Mera buceta" é a senhora tua mãe, seu babaca!
Vc pode ser uma mera piroca murcha, mas pra eu ser uma mera "buceta" só se eu abrisse as pernas pra um viado como vc. Tchau.

Anônimo disse...

Corrigindo, anônimo imbecil e burro metido à sabichão das 22:31

Anônimo disse...

Não concordo com a atitude dela, não pelos argumentos que ela usou, se ele realmente é um pedófilo FORA DO BBB é outra discução que nem a autora quis abordar pela insuficiência de evidências concretas.Não concordo com a atitude dela, não pelos argumentos que ela usou, se ele realmente é um pedófilo FORA DO BBB é outra discussão que nem a autora quis abordar pela insuficiência de evidências concretas.
Ela foi preconceituosa e babaca com Laércio, poderia ter sido com outro. O que Laércio faz fora da casa não temos certeza e não é com a Ana Paula.

Anônimo disse...

O discurso do desgraçado do Bial defendendo o Barba azul, falando em Lolitas, dizendo que ele tem coração bom. Que ódio, viu.

Anônimo disse...

Você parece um robozinho programado, está tão alienada com seus esteríotipos que quer me explicar que mulheres não levam vantagem em procurar um "provedor", sendo que em momento algum eu disse que isso é desvantagem ou vantagem para algum dos 2, nem muito menos entrei no mérito da pensão, só disse que tem mulher que fica com homem mais velho querendo um provedor (e isso EXISTE MESMO) para esclarecer seu delírio sobre eu acreditar que mulheres gostam de homens mais velhos

"Esses mascu defensor dus ômi e do patriarcado só sabe me chamar de feminazi, tô sendo vítima de esteriótipo. É uma bando de velho nojento e pedófilo comedor de criancinha de 20 anos defendendo a propria classe. Mulheres de 19 anos não têm maturidade para transar com velhos, feios e nojentos de 50 anos, eles estupram elas psicologicamente e fisicamente"

Anônimo disse...

Rad falou tudo no seu comentário [1]

Anônimo disse...

Me espanta ver feministas aplaudindo a Ana Paula, e relevando o preconceito que ela mostrou também. Se fosse um cara falando que é "nojento" ver uma "velha" de biquíni (coisa que vemos muito por aí, infelizmente), aí o mundo cairia. Mas, como é um homem, e teve toda essa coisa dele ser um abusador, aí pode ser preconceituosa...

Anônimo disse...

Adoro feminista chamando homem de "viado"... parabéns, vamos muito bem assim, viu

donadio disse...

"LAÉRCIO SAIU!"

Muito bem, agora que isso já foi resolvido, vamos ao que interessa:

A GLOBO FATUROU, E VOCÊ CONTRIBUIU!
A GLOBO FATUROU, E VOCÊ CONTRIBUIU!
A GLOBO FATUROU, E VOCÊ CONTRIBUIU!
A GLOBO FATUROU, E VOCÊ CONTRIBUIU!

Anônimo disse...

Mais um participante de BBB escolhido pra dar polêmica dando polêmica, que não vai dar em nada (mesmo porque a Globo foi esperta e o chutou do programa antes que o assunto ficasse mais podre). Parece que tem coisa que só é super relevante entre feministas, nunca rompe a bolha pro resto do mundo.

Ano que vem vão colocar um nazista ou coisa assim e todo mundo vai se descabelar de novo na internet... :/

Anônimo disse...

É triste demais ver mulheres que se julgam feministas vomitando preconceito assim. Há mulheres que gostam de homens mais velhos. Aceitem. Isso não é anormal. Porém, há um abismo entre garotas de 14, 15 anos (que nem tem estruturas pra um relacionamento sério) com um cara mais velho, e uma mulher já adulta.

Eu me envolvi com um homem mais velho quando era muito nova e, sim, foi abusivo (só que eu não imaginava, justamente pela minha falta de maturidade). E hoje me envolvo também, porque me sinto atraída e me dou melhor com gente mais velha, e são relacionamentos completamente diferentes.

Não saiam condenando todo mundo, isso é retrocesso.

Anônimo disse...

12:01, até pq relacionamento abusivo pode ocorrer quaisquer que sejam as diferenças de idade, embora esta contribua também. Como eu já vi mulheres adultas, algumas mais velhas que seus parceiros, penando nas mãos deles que falavam quem ia querer uma velha?

Anônimo disse...

"E pedofilia é atração sexual exclusiva por crianças"

Não, a pedofilia exclusiva é uma modalidade do espectro. Existe a exclusiva e a não-exclusiva, a útima permitindo que o(a) pedófilo(a) possa se relacionar afetivamente e sexualmente com pessoas acima da pré-pubescência e adultas - essa é a modalidade mais comum, aliás.

Anônimo disse...

Eu gostaria de deixar aqui meus parabéns a todo o ativismo justiceiro das redes sociais. Parabéns, vocês são incríveis! Porque falta a vocês maturidade para encarar um tema com seriedade e estudo, porque vocês chamam 300 coisas diferentes pelo mesmo nome, porque vocês praticam vigilantismo digital sem provas e porque vocês gritam muito, agora todos vocês sabem que pedofilia não existe tipificada na lei penal, que a Globo está apoiando o Laércio com assessoria jurídica, levando ele a programas de televisão juntamente com especialistas de Direito Penal esclarecendo que é incabível a designação de pedófilo para ele e que pasme, não é crime sentir atração sexual por adolescentes. O que vai acontecer agora? A tia vai contar! Ele vai sair de herói na história, vai ganhar um dinheirão processando Deus e o mundo e principalmente, vai ter um batalhão de gente que efetivamente é conhecedora do assunto dizendo aos quatro ventos e comprovando que pedófilo, ele não é. Parabéns gente! Vocês ajudaram muito o Laércio, muito mesmo! Ajudaram inclusive a silenciar as vítimas adolescentes que ele tenha feito, porque quem vai querer denunciar depois de ter a mídia ao lado do seu agressor?

Como isso poderia ter sido feito: tirando toda a acusação de "pedofilia" de lado e deixando só o comportamento dele embebedar adolescentes com a finalidade do sexo. Porque a tal da "pedofilia" só tá servindo como manto de inocência pra ele, já que juridicamente e até mesmo na psicologia não tem aparo.

Parabéns, gritem bastante mesmo e façam de conta que vocês se importam com as crianças e os adolescentes vulneráveis no lugar de só fazerem panelaço para ganharem likes no Facebook e prints em comunidades feministas.

GÊNIOS

Anônimo disse...

OK, da próxima vez ficamos caladinhas e não denunciamos nada assim evitamos dar dinheiro pra Globo e que o estuprador ganhe dinheiro processando todo mundo. Ficaremos quietinhas que é melhor.

Ops, onde fui que vi essa história antes?

Anônimo disse...

Essa RAD que postou é um bom alerta para as feministas mais equilibradas:

O cara curtiu paginas de novinhas, então ela rotula de tarado. Mas o sexo está liberado com menores de 18 anos por lei. Então está equivocada

Critica o cara por curtir páginas de FACA E ARMAS.

MEU DEUS!!! SALVE-SE QUEM PUDER!!! TEM GENTE QUE GOSTA E USA FACA E ARMAS!!! AAAAHHHH ISSO É ANTI FEMINISTA!!!

Sinceramente, quem curte o comentário dela, é tão equivocado quanto ela.

E ela que nem responda aqui, pois não quero diálogo com pessoas que precisam ainda se encontrar

MrDissidiaFan disse...

Anon das 22:33, combater machismo com homofobia não é legal. LGBTs também sofrem opressão.

Anônimo disse...

HAHAHAHA O tal Laércio é um estereótipo ambulente. Adora armas, dá like em páginas de supremacia brancas, adora menininhas, mas claro que nada disso é suficiente nem pra acusar o pobre omi. Temos que ter um vídeo de uma confissão dele gravada em HD dizendo que embebeda mulheres sim para estuprá-as para que possamos criticá-lo. Namorar adolescentes e se declarar efóbilo não são suficientes porque nada disso é crime então temos que aceitar numa boa. hahaha Desculpa, mas isso não vai acontecer.

Anônimo disse...

"E ela que nem responda aqui, pois não quero diálogo com pessoas que precisam ainda se encontrar"

Ui, que diva, hahahaha

Anônimo disse...

"Mulher é sempre chamada de histérica"

Ela FOI histérica quando o chamou de pedófilo na festa
Ela FOI histérica quando brigou com ele por causa de uma cueca

Ela mesma ADMITIU que se expressou mal

Feminismo agora é defender desrespeito?

Anônimo disse...

Curtir páginas de adolescentes (safadas) se mostrando não é nem um pouco coisa de tarado, né?

Ele certamente se imagina batendo um papo com garotas que tem corpo quase de criança em poses sensuais...

Tarado?
JAMAIS, NÉ

Anônimo disse...

Assim, 14:40 foi de fato meio pedestalzinho de cristal, mas ela tá absolutamente certa no que falou: chamar o cara de pedófilo, apontar que ele curte páginas de armas, supremacia branca e tal, por mais que pra gente seja CLARO que é um alerta pra ficar longe do sujeito, não é material nenhum que o leve a condenação. E ficar insistindo que o cara devia ser preso, DE FATO, só dá material pra ele abrir processo contra os outros e reforçar o coro de que "feminista quer prender todo mundo que não gosta". A alternativa NÃO é "ficar quietinha que é melhor". Mas só tomar cuidado pra excluir o termo "pedofilia" do discurso (NÃO, não porque "aiiin, tá querendo proteger o ego do machinho", mas porque o termo não se encaixa a ele, caramba), e mesmo apontando relação entre curtir páginas de armas, nazismo e adolescentes/mulheres nuas e seminuas e um perfil abusador/manipulador, NÃO falar que o cara deve ser preso, ou que TODA pessoa que curte armas etc e tal seja manipuladora, abusadora. E principalmente, focar na parte que ele admite dar bebida pra menores de idade, porque ESSE é um crime que ele falou com todas as letras que fazia, por mais que o advogado vá fazer malabarismos pra ele não ser condenado (e dependendo, contra toda a injustiça da situação, não será).

sandramorena disse...

Vi postado um comentário do Laercio, que ele não se relacionava com uma menina de 17 anos, mas que o lance dele é com uma de 19, que é bissexual, e levava a namorada de 17 anos para ficar lá com eles, mas que ela a de 17 era lésbica... foi meio hilario a Ciça Guimarães cortando o papo.
Agora gostaria mesmo é de ver o video onde ele fala que dá bebida a menores... todo mundo está falando sobre isso,e falando que tem no youtube, mas não achei..

Anônimo disse...

Amorzinho das 6:36, feminista não chama mulher de histérica, tá? Isso é só pra começar.
Segunda coisa, a maneira como a Ana Paula agiu com o Laércio é o que menos importa aqui. Sim, ela gritou, xingou ele de velho e até deu uns empurrões nele mas definitivamente nós não devemos desvirtuar o assunto principal para falar dos "maus modos" da Ana Paula. Pra chamá-la de louca, agressiva e mentirosa já tem um monte.
Ficaremos do lado dela sim porque o que uma mulher menos precisa quando resolve abrir a boca ou gritar é ter alguém apontando como ela é "mal educada". Temos prioridades diferentes.

Anônimo disse...

Vi alguns trechos dessa entrevista que ele deu no Mais Você e tanto a Cissa Guimarães como o André Marques (outro escroto) estavam passando pano pra ele. A Cissa até disse que a mãe dele deveria estar orgulhosa do sujeito. Mas uma coisa me fez rir. Esse cidadão deu uma entrevista pro Uol dizendo que as novinhas não resistem a ele, vivem querendo pegar na barba e no peito dele. É mole?

Anônimo disse...

Certa está a Lola, que nem se interessou pelo assunto. Muito barulho por nada. No fim das contas, esse cara não vai ser preso por nenhum crime, assim como o stalker do ano passado. Todo esse alvoroço serviu só pra tirar um participante de um programa de tv.

Anônimo disse...

Anon de 05:01,

Ver alguém falando que não importa como a moça se expressou porque o que ela falou está certo é ridículo. Isso é defender algo errado porque existe algo mais errado. E, no fim, contribuir pro estereótipo de que toda mulher é histérica. A boa e velha sororidade burra, amorzinho.

E ainda vem tentar ditar qual palavrinha se usa e qual não se usa, haha.

Anônimo disse...

"E, no fim, contribuir pro estereótipo de que toda mulher é histérica. A boa e velha sororidade burra, amorzinho."

Pois eu adorei que a Ana Paula tenha gritado e xingado o seboso. No fim ela conseguiu apoio de gente que importa - gente sensata e feministas - e está no programa até hoje. O que mais acontece com mulher que foi encochada, apalpada, assediada é ela gritar, pedir ajuda e ninguém se mexer. O assediador? Continua plácido e sereno. Engraçado como os homens mantém a serenidade mesmo quando estão errados, né? Deve ser porque sabem que sempre tem gentinha da sua laia pra defendê-los e chamar a mulher de louca.

Agora estou esperando a Ana descascar o defensor de estuprador, Daniel.
Tomara que não demore.

Anônimo disse...

Dá pra entender como a Sra. Café na Cama do Marido se tornou esse ícone feminista, já que quem a endeusa classifica qualquer um que pensa diferente como "da laia do estuprador". Parabéns, estereótipo.

Anônimo disse...

Tem alguns comentários extremamente lúcidos aqui, outros nem tanto. Gostei muito da explicação em 3 partes sobre pedofilia, das ineficiência da justiceiragem e de como tudo isso acabou apoiando o Barba Azul. De vez em quando é legal ler os comentários.

Aliás, nunca tinha pensado nas mulheres pedófilas, pra mim isso era lenda (doença que só dá em homem, como se diz) e hoje, por coincidência, li a primeira matéria na minha vida a respeito

http://noticias.r7.com/sao-paulo/mulheres-pedofilas-entenda-porque-elas-sao-pouco-denunciadas-06072015

Uma em cada 10 é muita coisa.

No mais, notem que o assunto já esfriou. Aparentemente o único crime que ele cometeu de fato foi o de embebedar para transar com as menores mas sem denúncia, sem gente aparecendo para botar um basta nisso não tem muito o que ser feito.

Acho nefasto sentir atração sexual por crianças e mesmo adolescentes, sendo uma pessoa adulta. Só que crime não é. Não existe o crime do sentir nem o crime do pensar, é na ação que se pode fazer algo.

Este caso é um ótimo exemplo de como o ativismo não deve agir. De forma irada, sem bases, sem um mínimo de organização e ajudando quem se combate.

O coletivo, geralmente, cria esse senso de legitimidade pelo número. Problema é quando a coisa não é legítima, no sentido legal, jurídico. Aí pronto, ponto para o patriarcado que nesse caso aí ganhou mais uma pelos sete gols contra de quem estava tentando ajudar na melhor das intenções.

Melhor todo mundo guardar bem essa experiência em si e na próxima, porque é claro que haverá uma nessa sociedade medonha que vivemos, faremos melhor.

Anônimo disse...

Ana Paula não é só ícone feminista, é também a representação das vítimas de estupro, que não podem gritar, então ela bebe na festa e grita muito mesmo e assim ela espanta os demônios do patriarcado

Fernanda disse...

19:05, o Laércio saiu não porque "gente que importa" (pausa para os risos) apoiou a moça, mas porque muita gente repudiou o cara (o que é correto, independente dos erros quanto às acusações, já que embebedar pessoas para conseguir algo é absurdo). Ninguém precisa ser tão extremo ou maniqueísta assim, não é uma luta de bem X mal só porque envolve uma mulher X um homem. Vamos lembrar que a Ana Paula defende esse mesmo sistema de bosta que o Laércio e só se posicionou contra ele por causa de crianças/adolescentes na história.

Anônimo disse...

"Problema é quando a coisa não é legítima, no sentido legal, jurídico."

Pessoa querida, a lei é feita pelos homens. Foram eles que criaram essas regras. Quem disse que não podemos achincalhar um homem muito mais velho só porque ele se envolve com maiores de 14 anos? De 16, 17 anos? Sim, não é crime, mas não fui eu que decidi isso. Por mim seria crime.
Podemos sim falar sobre o assunto e como isso é ABUSIVO mesmo não sendo um ato criminoso. Cada uma... Que gente acomodada.

Ele vai processar? Problema dele. Pergunta se ele ficou com medo de processo quando embebedou duas adolescentes. Feminista cagona não serve pra nada, ok?

Anônimo disse...

Já morreu o negócio do Laercio? Não to vendo mais notícia nem movimentação, que merda heim.... virou outro Adriles, outro caso que não deu em absolutamente nada e esse bem mais documentado que o primeiro inclusive. Também acho que o povo acabou ajudando ele nesse negócio de pedofilia, porra era só olhar um dicionário, na moral.

Anônimo disse...

Pessoa querida, a lei é feita pelos homens. Foram eles que criaram essas regras. Quem disse que não podemos achincalhar um homem muito mais velho só porque ele se envolve com maiores de 14 anos? De 16, 17 anos? Sim, não é crime, mas não fui eu que decidi isso. Por mim seria crime.
Podemos sim falar sobre o assunto e como isso é ABUSIVO mesmo não sendo um ato criminoso. Cada uma... Que gente acomodada.

Ele vai processar? Problema dele. Pergunta se ele ficou com medo de processo quando embebedou duas adolescentes. Feminista cagona não serve pra nada, ok?


-----------------------------

Desculpa entrar atravessada na conversa mas minha opinião também é q esse parça aí foi ajudado, é tipo você acusar alguém de roubo. Fulano roubou, roubou, roubou. Aí vem alguém que sabe o que é roubo e fala não, não roubou não, roubo é isso aqui ó. Pronto, calou a boca de todo mundo.

É errado tiozão de 150 anos querer as novinhas? Não sei, já quis tanta coisa bizonha na vida, ainda bem que ninguém lê pensamentos kkkkkkkkkkkkkkkk imagina. É errado embebedar pra trepar com essas mesmas novinhas? Não só é errado como é crime e aí tanto faz a idade, pra lei. Agora, que aconteceu um cala-boca geral em todo mundo, tá aí ó, provadíssimo, porque isso de pedofilia é um monstrão mesmo e se o cara não é pedófilo, não é pedófilo. E aí qual o argumento que sobra? Entende? Por isso que o assunto morreu.

Agora se o povo tivesse caindo matando na cena que ele faz em Ctba, isso de se envolver com menor de idade nessas condições aí (oferecendo droga e bebida, isso entra como exploração sexual gente, é crime hediondo e todo mundo comeu essa bola), a conversa teria sido muito mas moooooooooooooooito diferente sim.

Então, minha opinião, se é pra fazer o barulho, que façam o barulho certo na ideia certa. Isso funciona.

Anônimo disse...

Todo mundo dizendo que a Ana Paula errou chamando o nojento de pedófilo dizendo que o ele fez não é pedofilia. Não é mesmo, mas ela estava num bate boca. As pessoas parece que esquecem disso. Era um bate boca!!!!! E ela estava bêbada. Tem que ser especialista em direto pra bater boca? Se ele quiser processá-la problema dele.

Quanto ao Adrilles ele não saiu impune. A pessoa que o processou por perseguição conseguiu uma liminar dizendo que ele não podia se aproximar. Acho que isso é justiça, não? Ninguém vai preso por ser stalker. No fim ele não ganhou o programa, o que seria um absurdo para alguém do perfil dele.


Quanto aos crimes que o Laércio teria cometido, espero que as vítimas o processem sim e ele pague. Quem sabe com a divulgação elas não terão mais apoio para incriminá-lo.
Então no fim o saldo pode ser bem positivo.

Anônimo disse...

Acho que ela teve a melhor das intenções. Mas ela está na casa, nem sabe do que rola aqui, e pra ela foi pessoal, porque se desentendeu com o cara.

Pior é ver esse monte de mulher aqui fora, sem nem beber, botando os pés pelas mãos e não reconhecendo que erraram. Porque não vale tudo pra condenar ozomi. Não é certo nem dá certo (como estamos vendo).

Como disseram, que fique de aprendizado pras que estiverem dispostas.

Anônimo disse...

"gentinha da sua laia"

Chama logo de anticristo, não se contenha

Anônimo disse...

"No fim ele não ganhou o programa, o que seria um absurdo para alguém do perfil dele"

Dado Dolabella bate em mulher e ganhou A Fazenda. Teve também um homofóbico que ganhou o BBB anos atrás.

Gente, é só um programa. Não premia por mérito ou justiça. É o prêmio da idiotice mesmo. O mundo não vai acabar sempre que alguém escroto ganha um reality.

Anônimo disse...

Lola, eu sei que você não gosta de falar de BBB, mas gostaria muito que você comentasse o caso de slut-shaming dentro do BBB 16. Não vi esse assunto ser discutido e questionado por ninguém. Pelo contrario, a pessoa que faz o slut-shaming é uma das favoritas do público.
Essa pessoa é uma professora aposentada(se chama Geralda) e vem fazendo comentários pavorosos sobre outra mulher de 19 anos (Maria Claudia).
Já a chamou de "assanhada", "oferecida", "cadelinha" e disse frases bem maldosas, como por exemplo: "Quando não chora, abre as pernas".
E o mais assustador nisso tudo, foi ver mulheres que são feministas, torcendo por ela e ignorando toda essa degradação e machismo.
Vale ressaltar que esse tratamento em relação a essa participante , vem sendo repetido nas redes sociais e dentro do programa (com outra participante repetindo os mesmos insultos).
Acho que esse tipo de assunto deveria ser discutido. Já que esse tal BBB é um programa tão popular.

lola aronovich disse...

Anon das 3:54, é, realmente, eu não gosto nadinha de BBB. Mas sei que é um programa que segue sendo popular. Eu não posso escrever sobre ele porque não vejo o programa e não tenho a menor vontade de ver, mas, se vc (ou qualquer outra pessoa que assista) quiser, pode me enviar um guest post que eu publico. Pode ser sobre slut shaming, claro. Manda pro meu email: lolaescreva@gmail.com
Obrigada!